LICENCIATURA PLENA EM PEDAGOGIA CURSO LIVRE ESTÁGIO SUPERVISIONADO: SUPERVISÃO E ADMINISTRAÇÃO ESCOLAR

RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I

NOME DA ESCOLA: José Cavalcante Romano MUNICÍPIO: Capistrano - CE NOME DO(A) DIRETOR(A): Maria Eunice Brito da Silva NOME DO(A) ESTAGIÁRIO(A): Maria da Costa Cavalcante Xavier

Itapiúna – CE
1

mas primeiro precisa digitá-las na ordem que deixei ai para vcs. ABRAÇOS. Peço por gentileza rever as entrevistas. elas estão fora de ordem. Vc poderá depois anexas tb nos anexos . 2 . mas meu note estava com problema. QUANTO AO RESTO ESTÁ TUD O OK.OBS: Me desculpe por não ter revisado antes teu trabalho.

Augusto Cury Maria da Costa Cavalcante Xavier ESTÁGIO SUPERVISIONADO: SUPERVISÃO E ADMINISTRAÇÃO ESCOLAR Prof: Catarina Inês de Almeida Relatório do Estágio desenvolvido na disciplina Estágio Supervisionado I: Supervisão e administração Escolar apresentado ao curso de pedagogia da Faculdade Kurios em parceria com o Instituto Iducentro com requisito parcial para a conclusão. 3 . pois Deus nunca desiste de lhe mostrar o caminho da felicidade.Nunca desista de ser feliz.

Ambiente físico (análise do estagiário sobre as condições físicas gerais da escola: diretoria). -----------------------------------------------------------------------------------------.12 7. Comentário sobre a atuação do diretor(a) e coordenador(a) ---------------------------. Comentário sobre o projeto politico pedagógico da escola -----------------------------.18 4 . Considerações finais --------------------------------------------------------------------------.Itapiúna – CE Agosto de 2012 SUMÁRIO Introdução ----------------------------------------------------------------------------------------.14 9. Grupo gestor e suas funções -----------------------------------------------------------------. Histórico da Escola ---------------------------------------------------------------------------.07 3.13 8. Anexos -----------------------------------------------------------------------------------------.06 2. Comunidade onde a escola está inserida --------------------------------------------------.08 4. Comentário sobre a relação: escola / comunidade – escola / família.05 1.11 6.09 5. ----------------.

5 . Enfatizando a importância estrutural da pedagogia. Esse trabalho é uma reelaboração da tese de conhecimento partindo do contexto da educação valorizando e contribuindo para a autoestima.INTRODUÇÃO Vale ressaltar a importância de ser “profissional da educação e de ser educador”. pratica essa que precisa ser considerada como uma construção de autoconhecimento pelo o professor e pelo o aluno. cultivando os seus valores.

Diretora: Maria Eunice Brito da Silva Coordenadora: Marciana Leonardo da Silva 6 . criaram uma pequena escola. conhecido atualmente Mazagão II. constando hoje com 8 salas. da comunidade. Por volta do ano de 1988. resolveu fazer reforma construindo mais duas salas de aula. já não eram mais suficientes. devido uma necessidade das famílias de educarem seus filhos. um diretório / secretaria. dispensa. obedecendo às mas educacionais. comportando alunos da região em sua nucleação. consequentemente o corpo docente crescia ficando assim formado por quatro professores. igreja e centro comunitário. dois banheiros. houve uma reformulação nas escolas. Onde o terreno foi doado pelo Sr. como a comunidade caminhou a passos rápidos. Lúcia de Fátima Reis Castro e Maria de Fátima Gonçalves dos Reis. e esta sobre o comando do Núcleo Gestor. Atualmente funciona em três modalidades de ensino. os habitantes do sítio Mazagão capela. José Cavalcante Romano. Em 1998. No entanto. As famílias por razões financeiras da comunidade e do processo de educação se dava em locais inadequados particulares. uma cantina. No ano seguinte. Surgiu assim a necessidade de unidade escolar. o prefeito José Mendes Sousa Sobrinho. biblioteca. juntamente com a secretária de educação Lílian Nascimento Araújo Mendes.HISTÓRICO DA ESCOLA A educação da região do Mazagão surgiu por volta do ano de 1960. Ensino Fundamental I e II. O prédio era composto por duas salas. de forma que as salas. Criava-se assim o sistema de nucleação. almoxarifado e duas cisternas. por esta razão se fez necessário uma nova ampliação da escola. quatro banheiros. onde nossa cola da região funcionando apenas com a educação infantil e centralizando o ensino fundamental apenas na escola José Cavalcante ano. tendo que ser utilizado novamente a Capela e o Centro Comunitário. na mesma administração. Reuniram-se com o prefeito Francisco Renan Cavalcante. a cerca de 5. capaz de oferecer melhores condições de ensino. A escola continua num bom funcionamento. No decorrer do tempo o número de alunos foi aumentado. Iniciou-se o seu funcionamento com um turno e duas professoras . cisterna e uma pequena secretaria.5 km do município de Capistrano. Educação Infantil. tanto na questão social quanto na formação humana. com uma auxiliar (Lúcia Dias Lima) e uma merendeira (Maria Salete Pereira Távora). e Ensino Médio. localizado na zona rural.

pode-se dizer que o mesmo atrapalha o desenvolvimento e porque não dizer a continuidade da formação que cada educando recebe. na zona rural do município de Capistrano. necessitando de um incentivo social e efetivo. O grande Mazagão tem cerca de 15km2 de área geográfica numa população de mais de 3000 habitantes. podemos perceber que há na região uma grande pobreza fruto de uma Cultura de comodismo ou mesmo de uma existência assistencial da administração municipal. o que nos períodos chuvosos além das estradas esburacadas traz um grande problema à escola. 7 . De maneira geral. Mas há também as boas coisas.COMUNIDADE ONDE A ESCOLA ESTÁ INSERIDA A Escola Municipal de Ensino Fundamental José Cavalcante Romano está situada na localidade de Mazagão II. pois impede a vinda dos alunos o que se refere ao êxito existente tão comum nas pequenas cidades. A realidade económica baseia-se na agricultura e nos pequenos serviços domésticos apesar da existência de planos de assistência do governo federal como Programa Fome Zero. A região é banhada peio rio pesqueiro. a simplicidade das comunidades e o acolhimento daqueles que dela faz parte é um dos maiores incentivos para execução de um projeto de ensino e aprendizagem comprometido com a solidariedade e a cidadania. região do maciço de Baturité-Ceará. podemos dizer que a região é rica de recursos humanos. contudo sobre investimentos.

É este o nosso referencial. na LDB e nas experiências locais. baseado nos PCNs. ainda necessita de mais aprofundamento. E que esta cidadania faça surgir uma relação consigo mesmo.COMENTÁRIO SOBRE O PROJETO POLITICO PEDAGÓGICO DA ESCOLA O PPP foi projeto a alguns anos por uma equipe ao município e não foi renovado. possam se dar às mãos e construir uma parceria de reflexão e de ação cidadã. 8 . dos professores. o Regimento foi apresentado às outras escolas e se pode dizer que foi bem acolhido. O núcleo gestor iniciou um novo texto. Portanto. No PPP estão incluídas partes do regimento. Daí. podemos dizer que há o desejo deste debate. porém o mesmo está caduco e. O atual núcleo gestor quis acelerar este processo de reforma. este Projeto Político Pedagógico quer cada um daqueles que contribuíram na sua construção possam ser protagonistas de um mundo Educado para a Vida. esquecido. com o mundo e com o transcendente consciente. portanto. comprometida e solidária. p Regimento Escolar está sendo reformulado. como a organização dos estudantes. professores. Está redigido. Entretanto. É assim que reafirmamos a partilha de dons para com as comunidades com as quais trabalhamos. comunidades. Não houve mais debate explícito. Para os três projetos já existem propostas de estrutura e de conteúdo. são houve questionamentos. Mesmo assim. e mesmo já debatido. como um todo. através de um grémio estudantil e de um conselho de classe. a família. através da Congregação de Professores. Havia no Município num regimento mais antigo. a organização. Portanto. é esta a nossa meta. Da mesma fornia que o PPP. por que não dizer. cada ato e atitude. com o outro. desenvolvendo a aprendizagem para uma Autoestima e preparando para o pleno Exercício da Cidadania. aproveitando de todas as reuniões possíveis: pais. a necessidade que se faz de que os educadores. É necessário dizer ainda que a escola pretende apresentar novidades. donde todas as onze escolas se baseavam. os educandos e a comunidade. funcionários e alunos. pois cada um se deve ver como parte de um todo e que. traz uma consequência.

GRUPO GESTOR E SUAS FUNÇÕES. procuramos despertar no aluno o interesse para participar das atividades realizadas em sala e na própria escola. A escola recebe de toda região no total de 577 alunos matriculados nos turnos: manhã e tarde deixando assim transparecer para a comunidade que o relacionamento entre alunos professores e funcionários são bons e com isso comprometem ao rendimento escolar e através destas dinâmicas. Tudo isso acontece porque o quadro de professores estão quase todos com o nível superior e comprometidos em prol do sucesso da educação e do bem estar social da comunidade: Professores da Escola: Mônica Lima dos Reis Maria de Sousa Lima da Silva Maria Stela André Saraiva Maria Lourenço Pereira Maria Andrade Araújo Antônia Camila Pereira de Freitas Raimunda da Silva Martins Maria de Nazaré Oliveira dos Santos Irineuda Pereira Távora Lucia de Fatima dos Reis Castro Luisa Maria Miranda Freitas Aurinete Maia Martins José Pinheiro Romano Antônio da Cunha Távora Venâncio Felipe dos Reis Alexandre Lima Sousa Suzelice de Aquino da Silva Carlos André Távora Santiago Antonilda Ezequiel de Holanda José Andrade Gonçalves Costa Francisca Rosalva Silveira da Cunha Ana Jéssica Lima Duarte Bruno Miranda Freitas Silvânia da Costa Fernandes Maria Tarciana Pereira da Silva 9 .

Infantil: Francisco Edilson Pinheiro Coord. Infantil: Francisca Rosalva Silveira da Cunha Secretária Escolar: Andréa Lima Oliveira Auxiliar Administrativo: João Crisóstomo Freitas Cavalcante 10 . Pedagógica: Marciana Leonardo da Silva Coord. Ed. Ed.Marta Sampaio de Oliveira Paulo Januário de Castro Célia Moreira de Souza Antonia Francileyde da Cunha Martins Francilourdes Pinheiro da Silva Diretora: Maria Eunice Brito da Silva Cord.

11 .COMENTÁRIO SOBRE A ATUAÇÃO DO(A) DIRETOR(A) E COORDENADOR(A). O núcleo gestor encontra com um papel de fundamental importância pois há sempre um cuidado de humanização ao desenvolver esse papel de crescimento construindo uma educação de qualidade para um bom funcionamento da escola.

pode-se diagnosticar que o referido encontra-se em perfeito estado de conservação possui 08 salas de aula e uma diretoria uma sala de multimeios. LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA. BANHEIROS. BIBLIOTECA. uma cozinha. SECRETÁRIA. SALAS DE AULA). uma sala de professores. uma sala de informática que ainda falta ser ampliada. onde na mesma funciona a sala de leitura. Na parte física da escola.AMBIENTE FÍSICO(ANALISE DO ESTAGIÁRIO SOBRE AS CONDIÇÕES FÍSICAS GERAIS DA ESCOLA: DIRETORIA. há também duas cisternas com água que abastece o colégio. pois quando há eventos sentimos que o local é pequeno. 2 em perfeito estado e 2 precisando urgente de uma reforma. PÁTIO. e um mini pátio pois ainda se torna pequeno para compor todos os alunos nas suas necessidades de espaços. um almoxarifado muito pequeno. 12 . um mini auditório. uma dispensa para os alimentos e 4 banheiros.

torna-se necessário o conhecimento. A inserção de novos recursos tecnológicos. ao mesmo.COMENTÁRIO SOBRE A RELAÇÃO: ESCOLA/COMUNIDADE- ESCOLA/FAMÍLIA. contribuiu para um distanciamento cada vez maior do aluno consciente a educação. A escola e comunidade têm um bom desenvolvimento. no meio educacional. sofrem com ausência da família no processo de a acompanhamento de seus filhos. até que caminha juntos para chegarmos a esta visão mais ampla. principalmente internet. 13 . do meio em que esta inserido para que possamos assim poder traçar novas metodologias e utilização de recursos pedagógicos que possa dinamizar escola e comunidade . os professores se sentem importante para resolver tudo sozinhos.já “escola e família”.

esta pesquisa será. Sabemos que hoje tudo ainda não funciona do jeito que é para ser mais com as inovações e as tecnologias tudo pode mudar a aprendizagem desde que haja interesse por parte do aluno e do professor.CONSIDERAÇÕES FINAIS. Como no universo. nenhuma ação fica impune. pois podemos observar como funciona o desenvolvimento pedagógico da escola no procedimento desse estágio as informações foram suficientes e eficaz para conhecermos de perto a escola José Cavalcante Romano. cidadã e pesquisadora. sem dúvida esse trabalho nos incentivou a descobrir novos caminhos. novas fontes de entendimento. 14 . Verificamos que esse trabalho foi de fundamental importância. o ponto de partida para minha atuação como estudante.

São profissionais competentes que exercem sua função com dedicação.ENTREVISTA COM A DIRETORA 1 -O que você gostaria que mudasse no seu ambiente de trabalho.Quem faz a democracia escolar.Qual o projeto que a escola esta realizando para que haja parceria com a comunidade 4. priorizando a aprendizagem dos nossos alunos. 3 .Quais os maiores desafios encontrados dentro da escola.Temos o PAIC e família na escola.A estrutura física da escola e alunos indisciplinados sem o compromisso dos pais. e poder receber nossos alunos no contra turno tanto para reforço escolar. 2. 3. COORDENADOR 1 – Qual a função do coordenador na escola? 2 – Qual a importância do projeto político pedagógico da escola? E como ele foi construído? 3 – Qual a finalidade de ter criado o projeto político pedagógico na escola? 15 . 5 . 4 . 1.Qual a visão que você tem diante dos formadores de opiniões da escola José Cavalcante Romano. 5. quanto atividades extras. 2.Todo o corpo docente e responsável pela democracia escolar.A estrutura física da escola onde tivéssemos espaços para realizarmos os projetos que desejamos.

o a acompanhamento individual do aluno. 5 – Ainda há um pouco de preconceito mais já tem melhorado muito e a tendência é melhorar mais. pois a escola em se e um órgão que desempenha um papel educacional e humano. 4– De maneira conjunta. valores intelectuais e morais entre cada pessoa. 3 – Para propor uma comum-união entre os funcionários destacando suas funções. onde há uma relação de respeito entre ambos. onde engloba uma grande variedade de funções. você acha que ele está preparado para a formação da criança? 16 .4 – Como é a relação entre professor e aluno? 5 – Qual a sua visão em relação a inclusão? 1– De trabalhar aparte pedagógica de modo geral. PAIS: 1 – A comunidade está satisfeita com o trabalho da escola? 2 – Se você pudesse mudar o sistema educacional o que você faria? 3 – Como você acompanha o processo de aprendizagem do seu filho? 4 – Você participa das reuniões quando é convidado pela escola? Porquê? 5 – Verificando o corpo docente da escola. estando em firme contato com os professores. 2 – Tem uma função de tamanha importância. nos trabalhos docentes. procurando auxiliar o andamento de aprendizagem do aluno. flexionando em cada sala. projetos demostrando o valor de cada espaço social. auxiliando. e contribuindo-o.

5 – Sim. pois a maioria dos pais participam dos eventos que a escola oferece acompanham o desenvolvimento educacional dos filhos. tecida tanto pelo professor como pelo aluno.1 – Sim. porque através das reuniões acompanhamos o processo de ensino aprendizagem dos nossos alunos. se existisse esse relacionamento com certeza o sistema educacional mudava. pois conhecendo todos e partindo do conceito de ser profissional da educação cujo o trabalho é ensinar. pois a educação só caminha se for com parceria com a família. a educação deve servir principalmente para humanizar o homem e para resgatar essa essência. 17 . conhecendo os professores acompanhando os trabalhos realizados e incentivando. 2 – Seria mais responsáveis com as minhas atitudes de pai. 3 – Frequentando a escola onde ele estuda. 4 – Sim. é também uma prática que precisa ser considerada como uma construção.

ANEXOS 18 .

19 .