CONVERSOR SOMADOR DE SINAIS XS-110

Série: D

Manual do usuário CONVERSOR SOMADOR DE SINAIS MAN-DE-XS-110

Rev.: 1.00-10

Introdução Obrigado por ter escolhido nosso CONVERSOR SOMADOR DE SINAIS XS-110. Sobre este Manual 1 . O usuário é responsável pela configuração e seleção de valores dos parâmetros do instrumento. sem a permissão por escrito da DLG. O fabricante alerta para os riscos de ocorrências com danos tanto a pessoas quanto a bens.As especificações contidas neste manual estão limitadas aos modelos padrão e não abrangem produtos especiais. Nenhuma parte deste manual pode ser reproduzida.O conteúdo deste manual está sujeito à alterações sem aviso prévio. 5 . 3 . visando garantir a qualidade das informações.Todo o cuidado foi tomado na preparação deste manual. de qualquer forma. 4 .Todos os direitos reservados. leia este manual completo e atentamente para entender como operar o XS-110 antes de colocá-lo em funcionamento. . CUIDADO! O instrumento descrito por este manual técnico é um equipamento para aplicação em área técnica especializada. resultantes do uso incorreto do instrumento. fabricados sob encomenda. 2 .Este manual deve ser entregue ao usuário final do XS-110. Para garantir o uso correto e eficiente do XS-110.

................................................................................................................................................. 17  .............................................................................................................................................................................................................................................Índice APRESENTAÇÃO .................................................................................................. 13  EXEMPLOS DE CONFIGURAÇÃO ................................................................................................... 16  GARANTIA ........................................................................................................... 10  AJUSTES ............................................................................................................................................................................................................................................. 14  Configuração para 10 Sensores PNP ......... 13  Ajuste do tempo da rampa de descida ............ 7  DIMENSÕES ..... 6  ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS...................................................................................................................................................................................................................................................................... 8  FUNCIONAMENTO ....................................... 15  RECOMENDAÇÕES .............. 12  Teclas ....................................................................................................................................................................................................... 12  CONFIGURAÇÕES ................................................................................................................... 12  Leds ............................................ 14  INSTALAÇÃO MECÂNICA ...................... 9  INSTALAÇÃO .......................................................... 5  APLICAÇÕES TÍPICAS ..................... 13  Ajuste do tempo da rampa de subida ... 13  Para sensor NPN ................................................. 13  Para sensor PNP .................................................................................... 14  Configuração para 8 Sensores NPN ..............................................................

Há também proteção contra curto circuito da alimentação dos sensores. sinal padronizado. às quais podem ser conectados sensores com saída em coletor aberto. 1. com valor proporcional ao número de sensores ativos. contato seco.XS-110 Conversor/Somador de Sinais Apresentação O XS-110 fornece em sua saída. Manual do usuário XS-110 Rev. Entre as possíveis aplicações. destaca-se a medição e controle de nível de materiais diversos em função do tipo de sensor utilizado. simplificando os projetos de aplicações. Possui até 10 entradas digitais isoladas opticamente da saída. Fornece tensão de alimentação para sensores. nível de tensão assim como SC-100 e o SC-500 e outros. O XS-110 é construído em caixa plástica para montagem em trilhos DIN 35 mm.00-10 Página 5 de 20 Todos os direitos reservados à DLG Automacao Industrial . ao dispensar fontes externas auxiliares de alimentação contínua. conectados às suas entradas digitais.

• Medição de nível em silos de armazenagem de grãos e cereais. destaca-se a medição e controle de nível de materiais diversos em função do tipo de sensor utilizado.XS-110 Conversor/Somador de Sinais Aplicações Típicas Entre as possíveis aplicações. tintas e vernizes.1. Página 6 de 20 Manual do usuário XS-110 Rev. largamente empregados em moendas de cana em plantas sucro-alcooleiras. celulose e papel. trabalhando em conjunto com o SC-100 ou SC500 possibilita uma gama de aplicações na detecção de nível em aplicações tais como: • Medição de nível de cana em alimentadores tipo Chute Donnelly.00-10 Todos os direitos reservados à DLG Automacao Industrial . • Medição de nível em silos de alimentação de produtos químicos sólidos em indústrias de processo de alimentação. etc. rações.

XS-110 Conversor/Somador de Sinais Especificações Técnicas Tipo Entrada digital Saída Span Erro Fonte Alimentação Sensores Consumo Isolação Temp.20mA 1 a 10 entradas digitais ativadas < 0.1500 RMS min. Condições em Teste NPN. para fixação em trilhos DIN 35mm Bornes parafusáveis IP-30 75 x 100 x 110 mm (Altura x Largura x Profundidade).800Ω. 0~10Vdc . 0 ºC – max.5% da faixa 14Vdc / 300mA 17 VA Galvânica entre entradas e saída .PNP ou contato seco/ 2 mA(NPN) e 7 mA(PNP) 0/4~20mA . 50 ºC 85 a 264 Vac. 0. Em caixa plástica ABS Em interior de painéis.3 kg Manual do usuário XS-110 Rev. 100 a 350 Vdc. operação Alimentação Construção Fixação Conexão Grau de Proteção Dimensões Peso Aprox.00-10 Página 7 de 20 Todos os direitos reservados à DLG Automacao Industrial . 1.

Dimensões (em mm) Página 8 de 20 Manual do usuário XS-110 Rev.1.XS-110 Conversor/Somador de Sinais Dimensões Trilho DIN 35mm Trava para trilho Figura 1 .00-10 Todos os direitos reservados à DLG Automacao Industrial .

75 10 10 mA 4.0 14.0 13.7 4. demonstra o funcionamento com 6 entradas.5 3. pois caso houver carga na fonte de alimentação dos sensores e não for feito o jumper.0 8.5 8.7 12.33 5 6.0 18. devido a sua nova tecnologia de fonte chaveada.66 5.0 10.2 16.0 8. a seguir.0 V 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 O XS-110 possui proteção contra curto-circuito da saída de alimentação.0 14.33 1.Saída em mA e V do XS-110 em função da entrada atuada Quantidade de Entradas Disponíveis Entrada Atuada Nenhuma 1ª 2ª 3ª 4ª 5ª 6ª 7ª 8ª 9ª 10ª 4 mA 4. A Figura 2.33 6. Este recurso promove a proteção do equipamento e dos sensores ligados à ele.0 8.0 9.00 0 1 2 3 4 5 6 Nível Entrada Atuada Entrada Atuada Figura 2 .0 16. Manual do usuário XS-110 Rev.3 12.: Quando for utilizada a saída analógica em tensão (bornes 19 e 18).33 10 mA 4.00-10 Página 9 de 20 Todos os direitos reservados à DLG Automacao Industrial . 8 ou 10 entradas) e qual deve ser o valor da saída em mA em função da entrada atuada.66 8. caso aconteça um curto-circuito entre os pinos de alimentação dos sensores. Para a utilização de mais sensores a saída ficará menos discretizada.0 6.0 20. deve ser feito um jumper entre os bornes 17 e 18.7 17. a tensão de saída sofrerá queda.66 0.0 12. 6.75 5 6.0 8 V 0 1.7 9.XS-110 Conversor/Somador de Sinais Funcionamento O nível de corrente na saída (0/4~20 mA ou 0~10 Vdc) é proporcional à entrada atuada.25 7.0 V 0 2. a fonte é imediatamente desligada e somente volta a funcionar quando não houver mais o curto-circuito.0 17.5 10 mA 4.3 6.Saída 0/4~20mA e 0~10V para um XS-110 de seis entradas A tabela a seguir mostra o número de entradas do XS-110 disponível (com 4. ou seja.4 12.0 0 1 2 3 4 5 6 Nível 10. OBS.4 20.00 3.0 20.3 20. 1.0 5.6 15. Saída Tensão (V) Saída Corrente (mA) 20.0 16.3 14.6 7.2 8.66 3.0 12.25 2.5 5 7. .0 6 V 0 1.8 18.8 10.0 6.

1.XS-110 Conversor/Somador de Sinais Instalação O XS-110 deve ser instalado em locais livres de água.00-10 Todos os direitos reservados à DLG Automacao Industrial . utilizando tubulação metálica exclusiva. ou cabo par trançado. seguir as regras de utilização desse tipo de cabo. Figura 3 . Deve-se providenciar a instalação de fusível de proteção. vapores e poeira em excesso. O diagrama da figura 4 mostra a aplicação mais comum do XS-110 que é a medição de nível utilizando seis sensores capacitivos SC-100 ou SC-500. devendo nesse último caso.Frontal e Conexões Conector 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Função Alimentação A Alimentação B Não Conectado Não Conectado Out 14Vdc / 300mA (Alimentação Sensores) GND (Alimentação Sensores) Entrada do sensor 1 Entrada do sensor 2 Entrada do sensor 3 Entrada do sensor 4 Conector 11 12 13 14 15 16 17 18 19 Função Entrada do sensor 5 Entrada do sensor 6 Entrada do sensor 7 Entrada do sensor 8 Entrada do sensor 9 Entrada do sensor 10 Saída mA Saída V GNDA (Saída Analógica) Página 10 de 20 Manual do usuário XS-110 Rev. As conexões devem ser efetuadas com condutores blindados para os sinais de entrada. A figura 3 ilustra seu painel de ajustes e conexões. sendo irrelevante a sua posição de montagem.

Ligação da saída analógica em tensão Manual do usuário XS-110 Rev.00-10 Página 11 de 20 Todos os direitos reservados à DLG Automacao Industrial .XS-110 Conversor/Somador de Sinais S1 S2 S3 S4 S5 S6 S7 S8 S9 S10 + - 01 02 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 Bornes do XS-110 0.5A ALIMENTAÇÃO XS-110 85~264 Vac / 100~350 Vdc ALIMENTAÇÃO SENSORES 14Vdc / 300mA ENTRADAS SENSORES Figura 4 .5A 0. 1.Ligação da saída analógica em corrente Figura 6 .Ligação com 10 Sensores Capacitivos SC-100 ou SC-500 em NPN 17 18 19 Bornes do XS-110 + Saída em Corrente 0/4 ~ 20mA 17 18 19 + Saída em Tensão 0 ~ 10V - Bornes do XS-110 Figura 5 .

OBS.XS-110 Conversor/Somador de Sinais Ajustes Teclas SET Utilizada para configurar o tipo de sensor conectado na entrada (NPN ou PNP). caso o led pare de piscar significa que o programa interno parou de funcionar e conseqüentemente o equipamento não estará mais respondendo como deveria. NPN ou PNP. UP e DOWN Ajusta o valor da saída. bornes 07 (In 1) ao 16 (In 10). colocando assim o valor da saída em um nível desejado. A descrição de como configurar as entradas está a seguir. Vermelho Este led indica o tipo de sensor. isto serve para indicar que o programa interno do controlador está funcionando corretamente. já o tempo em que o led fica apagado indica o tempo de descida (conforme tempos mínimos e máximos descritos na seção “Configurações” abaixo). Leds Verde Este é um led que permanece constantemente pulsando. para decrementar o valor.: Para se ajustar o valor da saída.1.00-10 Todos os direitos reservados à DLG Automacao Industrial . quando apagado indica que o tipo de sensor que deve ser colocado na entra é PNP. que está colocado na entrada. Quando aceso indica que o tipo de sensor que deve ser colocado na entra é NPN. deve-se retirar os cabos que estiverem conectados aos bornes de entrada dos sensores. o tempo que o led fica aceso indica o tempo de subida. pra incrementar o valor. Página 12 de 20 Manual do usuário XS-110 Rev. Quando está no modo de ajuste do tempo da rampa de subida/descida. Caso a saída não esteja exatamente com o valor desejado basta pressionar as teclas UP. ou DOWN. conforme descrito acima.

OBS. Ajuste do tempo da rampa de subida Para se ajustar o tempo da rampa de subida. depois acionar a entrada de número 9 fazendo um jumper nos bornes 06 e 15 (caso esteja configurado para Sensor NPN) ou nos bornes 05 e 15 (caso esteja configurado para Sensor PNP). Com as teclas UP e DOWN. Ajuste do tempo da rampa de descida Para se ajustar o tempo da rampa de descida. depois acionar a entrada de número 10 fazendo um jumper nos bornes 06 e 16 (caso esteja configurado para Sensor NPN) ou nos bornes 05 e 16 (caso esteja configurado para Sensor PNP). ajustar o tempo desejado observando o LED Verde (led aceso). Manual do usuário XS-110 Rev. conforme procedimento acima.: Para configuração de 9 ou 10 sensores.1 segundos e máximo de 20 segundos). vide seção “Exemplos de Configuração”. conforme procedimento acima. OBS. o led vermelho ficará piscando. 1. pressionar a tecla SET por 5 segundos até o led verde piscar rapidamente.00-10 Página 13 de 20 Todos os direitos reservados à DLG Automacao Industrial . que é equivalente ao tempo (mínimo de 0. deve-se primeiro configurar o número de sensores a ser utilizado (configurar um número menor que 9).: Se nenhuma das opções acima for selecionada. deve-se primeiro configurar o número de sensores a ser utilizado (configurar um número menor que 9). ajustar o tempo desejado observando o LED Verde (led apagado). Para sensor PNP Faça um jumper do POSITIVO (borne 5) da fonte de alimentação dos sensores para a última entrada de sensor desejada da seqüência. que é equivalente ao tempo (mínimo de 0.XS-110 Conversor/Somador de Sinais Configurações Para sensor NPN Faça um jumper do NEGATIVO (borne 6) da fonte de alimentação dos sensores para a última entrada de sensor desejada da seqüência.1 segundos e máximo de 10 segundos). Com as teclas UP e DOWN. pressionar a tecla SET por 5 segundos até o led verde piscar rapidamente.

00-10 Todos os direitos reservados à DLG Automacao Industrial . 2º.1. observando o tempo em que o led verde permanece apagado. Configurar um número de sensores menor que 9 (por exemplo 6. com as teclas UP e DOWN aumentar ou diminuir o tempo da rampa de descida. Ajustar tempo da rampa de subida: fechar com jumper os bornes 06 (GND) e 15 (In 9). indicando que a XS-110 foi configurada com sucesso para 6. com as teclas UP e DOWN aumentar ou diminuir o tempo da rampa de subida. 3º. Página 14 de 20 Manual do usuário XS-110 Rev. é necessário configurar o equipamento novamente. observando o tempo em que o led verde permanece apagado. OBS. conforme os passos descritos acima. indicando que a XS-110 foi configurada com sucesso para 8 sensores. Ajustar o tempo da rampa de subida: fechar com jumper os bornes 05 (Out 14V) e 15 (In 9).: Quando a XS-110 estiver configurada para 9 ou 10 Sensores e for preciso alterar o tempo da rampa de subida/decida. Configuração para 10 Sensores PNP 1º.XS-110 Conversor/Somador de Sinais Exemplos de Configuração Configuração para 8 Sensores NPN 1º. Ajustar o tempo da rampa de decida: fechar com jumper os bornes 05 (Out 14V) e 16 (In 10). 13 (In 7) ou 14 (In 8). pressionar a tecla SET por 5 segundos até o led verde piscar rapidamente. com as teclas UP e DOWN aumentar ou diminuir o tempo da rampa de subida. 2º. 4º. observando o tempo em que o led verde permanece aceso. pressionar a tecla SET por 5 segundos até o led verde piscar rapidamente. 3º. com as teclas UP e DOWN aumentar ou diminuir o tempo da rampa de decida. pressionar a tecla SET por 5 segundos até o led verde piscar rapidamente. observando o tempo em que o led verde permanece aceso. 7 ou 8 sensores. 7 ou 8 sensores): fechar com jumper os bornes 05 (Out 14V) e 12 (In 6). Ajustar tempo da rampa de decida: fechar com jumper os bornes 06 (GND) e 16 (In 10). Configurar o número de sensores: fechar com jumper os bornes 05 (Out 14V) e 16 (In 10) . Configurar o número de sensores: fechar com jumper os bornes 06 (GND) e 14 (In 8). indicando que a XS-110 foi configurada com sucesso para 10 sensores.

1. Para isso utilize uma chave de fenda. puxe a para cima de forma a fazer o pino de trava do conversor ir para baixo. Empurre. que se localiza na parte de baixo no conversor. o conversor para traz até que este encoste no trilho DIN. Neste ponto o conversor está pronto para ser utilizado. então. Solte o pino de trava e certifique-se que o modulo está devidamente preso e não há possibilidade de se soltar. para que este se encaixe ao trilho.XS-110 Conversor/Somador de Sinais Instalação Mecânica Coloque o conversor no trilho a partir do lado de cima do conector para trilho DIN. Após a chave de fenda ser colocada no encaixe. Colocação do conversor no trilho Traseira do conversor com encaixe para trilho Puxe a trava. Manual do usuário XS-110 Rev.00-10 Página 15 de 20 Todos os direitos reservados à DLG Automacao Industrial .

pois é o formato ideal e não danificará orifício de conexão da XS-110. Nos bornes de conexão é imprescindível a utilização de chave de fenda do tipo “borne” ou 1/8 com diâmetro máximo de 3mm.5 ~ 1.00-10 Todos os direitos reservados à DLG Automacao Industrial .XS-110 Conversor/Somador de Sinais Recomendações É recomendado ao usuário que somente utilize ferramentas apropriadas pra a instalação e manutenção do seu XS-110. Figura 1 Chave não recomendada Figura 2 Chave recomendada É recomendado a crimpagem de todos os fios que serão conectados a XS-110 com terminal tipo agulha pré-isolado ou terminal tipo Ilhós para cabos de 0.5mm2. Terminal Agulha Terminal Ilhós Página 16 de 20 Manual do usuário XS-110 Rev.1.

bem como resultantes de caso fortuito ou por força maior. garantia de 1 (um ) ano.A DLG garante o pleno funcionamento dos equipamentos descritos neste manual bem como todas as operações existentes.00-10 Página 17 de 20 Todos os direitos reservados à DLG Automacao Industrial .Para os eventuais reparos. 1. O endereço da DLG se encontra ao final deste manual. Manual do usuário XS-110 Rev. 6 . Brasil.Despesas e riscos de transporte correrão por conta do proprietário. pelo uso indevido dos mesmos. exposição a condições impróprias para o uso ou violações no produto. identificados pela nota fiscal de compra. defeitos causados por choques mecânicos. a mão de obra e componentes aplicados em reparos de defeitos ocorridos em uso normal.XS-110 Conversor/Somador de Sinais Garantia O termo de garantia do fabricante assegura ao proprietário de seus equipamentos. serão gratuitos. 2 . para o endereço de nossa fábrica em Sertãozinho. enviar o equipamento.Dentro do período de garantia. juntamente com as notas fiscais de remessa para conserto. 5 .A garantia será automaticamente suspensa caso sejam introduzidas modificações nos equipamentos por pessoal não autorizado pela DLG. 4 .O período de garantia inicia na data de emissão da Nota Fiscal. nos seguintes termos: 1 . 7 . SP. 3 .A DLG exime–se de quaisquer ônus referentes a reparos ou substituições não autorizadas em virtude de falhas provocadas por agentes externos aos equipamentos.

1.00-10 Todos os direitos reservados à DLG Automacao Industrial .XS-110 Conversor/Somador de Sinais Anotações Página 18 de 20 Manual do usuário XS-110 Rev.

00-10 Página 19 de 20 Todos os direitos reservados à DLG Automacao Industrial . 1.XS-110 Conversor/Somador de Sinais Manual do usuário XS-110 Rev.

DLG Automação Industrial Ltda. Leonardo Antônio Vanzella www.com. Rua José Batista Soares.dlg.00-10 Eng. . 53 Distrito industrial – 14176-119 Sertãozinho – São Paulo – Brasil Fone: +55-16-3513-7400 Rev: 1.br A DLG reserva-se no direito de alterar o conteúdo deste manual sem prévio aviso. a fim de mantê-lo atualizando com eventuais desenvolvimentos do produto.