1 9 . 0 6 .

0 6
LISBOA PORTUGAL E CLASSIFICADOS
céu nublado com abertas

TEMPO HOJE
Períodos de céu muito nublado, apresentando-se pouco nublado no Baixo Alentejo e no Algarve. Vento fraco, soprando moderado de noroeste no litoral oeste durante a tarde. Subida da temperatura máxima, em especial nas regiões do interior. Neblina ou nevoeiro matinal.

Modernização da linha de Cascais custa 150 milhões
Arranca ainda este ano uma grande operação de modernização da linha de Cascais que tem entre os seus objectivos a redução do ruído de circulação e dos solavancos dos comboios. Com fim previsto apenas para 2012, poderá implicar transbordos dos passageiros para autocarros na sua fase final. P55
PEDRO CUNHA

18-26º
Por to 16 -24º Coimbra 17-26º Faro 19 -25º Funchal 19 -23º Ponta Delgada 18 -21º

O ÓBITO 1

Pescador desportivo electrocutado no Alentejo
Um pescador desportivo de 27 anos morreu ontem electrocutado enquanto pescava numa pequena albufeira em Ferreira do Alentejo, distrito de Beja, depois de, ao que se julga, ter tocado com o fio da cana de pesca num cabo de alta tensão. O capitão Manuel Jorge, da GNR, adiantou à agência Lusa que o acidente ocorreu cerca das 11h30 numa charca na Herdade do Voo, situada nas proximidades da estrada que vai dar à povoação de Odivelas. “O jovem estava a pescar com mais dois amigos quando, de repente, se avistou um enorme clarão”, explicou o militar, baseando-se nos relatos dos acompanhantes da vítima. A vítima era natural da freguesia de Peroguarda, concelho de Ferreira do Alentejo.

O ÓBITO 2

Homem colhido por comboio em Santos
Um homem morreu ontem ao ser colhido por um comboio na estação de Santos, em Lisboa, disse à Lusa fonte da PSP. O incidente aconteceu às 19h40, desconhecendo-se mais detalhes sobre a vítima. “Aparentemente, tratou-se de um suicídio”, adiantou a fonte policial.

Reduzir o ruído e os solavancos provocado pelos comboios é um dos objectivos da intervenção

O RECEIO

Monte Abraão quer linha de alta tensão enterrada
A Junta de Freguesia do Monte Abraão, em Queluz, quer que o secretário de Estado do Ambiente reconsidere a passagem naquela zona de uma linha de muito alta tensão, que, a ter lugar, deverá, no entender dos autarcas, ser enterrada. Numa moção aprovada recentemente, a junta de freguesia diz existir, “segundo a Organização Mundial de Saúde e estudos recentes na Universidade de Oxford, “uma maior incidência de doenças — nomeadamente cancerígenas, como a leucemia — em populações que vivam perto de cabos de alta tensão”. Esse facto, aliado “à emissão de ruído de baixa frequência” por parte da infra-estrutura eléctrica, “o qual pode causar problemas de saúde às pessoas que habitam nas proximidades, e também à “desvalorização do património imobiliário de centenas de famílias” que ali moram, leva a junta a manifestar-se totalmente contra a passagem da linha aérea na zona.

Câmara de Santa Comba Dão avança com anteprojecto do Museu do Estado Novo
Recente doação à câmara local de um terço dos bens de Salazar deu novo impulso à iniciativa
MARISA MIRANDA

A Câmara de Santa Comba Dão vai apresentar ao Ministério da Cultura um anteprojecto de um museu do Estado Novo, a criar na terra onde nasceu António de Oliveira Salazar. Em fase de elaboração, o anteprojecto prevê uma casa-museu, um centro de estudos dedicado a este período da história portuguesa e um auditório na chamada Quinta Salazar, situada na freguesia do Vimieiro, bem como um restaurante e um parque infantil. O investimento no Museu do Estado Novo deverá

oscilar entre três e cinco milhões de euros. Um dos herdeiros do ditador, Rui Salazar, doou recentemente um terço dos bens de Oliveira Salazar à autarquia, o que deu um novo impulso ao projecto do museu. Esta doação inclui um terço das casas onde Salazar nasceu e de uma antiga escola. Entre o espólio entregue à câmara está ainda diversa documentação, livros, jornais, revistas, mapas, material filatélico, numismático, medalhas e objectos pessoais do antigo ditador. Em compensação, o município assegurará a Rui Salazar um lugar remunerado na sociedade que vai gerir o futuro museu. Essa remuneração será de 24 mil euros anuais, a pagar em duodécimos de dois mil euros e actualizáveis anualmente. A Câ-

mara de Santa Comba Dão será detentora da maioria do capital social daquela sociedade. Para entrar na posse dos restantes dois terços dos bens do ditador falta agora à autarquia chegar a acordo com o outro herdeiro, com quem, segundo o presidente da câmara, João Lourenço (PSD), “as negociações têm sido complicadas”. O autarca assegura que, por enquanto, não quer fechar a via do diálogo, mas deverá avançar já no dia 26 de Junho, na Assembleia Municipal, com uma proposta de declaração de utilidade pública e, posteriormente, se assim for necessário, com uma expropriação. A ideia de criar um Museu do Estado Novo já tem vários anos, mas sofreu atrasos devido à luta judicial entre os herdeiros, dois sobrinhos-netos de Oliveira

Salazar, e à relutância de um deles em ceder o espólio ao município. Segundo o presidente da câmara, “nos últimos seis meses, foram dados passos de gigante neste processo”, mas o início da construção do museu ainda não tem data marcada. O autarca de Santa Comba Dão considera esta infra-estrutura museológica fundamental, “até para retirar a carga política negativa” associada ao nome de Salazar. “Queremos que este museu seja um museu não só de Santa Comba Dão, mas de todo o país. Em Espanha, na terra onde nasceu Franco, tudo está ligado ao franquismo. Esconder a cabeça debaixo da areia não nos leva a lado nenhum. Devemos assumir a nossa história, até para se evitarem erros no futuro”, observa João Lourenço. ■

54 LOCAL
PÚBLICO • SEGUNDA-FEIRA, 19 JUN 2006

Tribuna do leitor
Este espaço é dedicado à exposição de queixas ou opiniões dos leitores em matérias de âmbito local. As cartas devem ser assinadas e remetidas para: Jornal PÚBLICO, Caderno Local, Rua Viriato 13, 1069-315 Lisboa, ou ainda por fax (210111005) ou e-mail (local.lisboa@publico.pt). Por razões de espaço e clareza, as cartas poderão ser resumidas pela redacção.

HOJE
LISBOA 17h Cine-Clubes e Cinefilia: Entre a Cultura de Elites e a Cultura de Massas. Conferência integrada no seminário Cultura de Massas em Portugal no Século XX, com Paulo Jorge Granja (Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra). Na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova (Sala T5, Torre B). 21h Sequeira Costa. Recital de piano na Sala Principal do Teatro Municipal São Luiz (R. António Maria Cardoso, 38). Obras de Fryderych Chopin. Bilhetes entre 8 e 18 euros. 21h45 O Alcoólico e o Político. Uma peça de teatro de Paulo Castro, com produção da Útero. Em cena até dia 21 no Espaço Land (R. Nova do Carvalho, 77, ao Cais do Sodré). 22h ForUjazz. A segunda edição do festival arranca com um dos mais brilhantes clarinetistas do free jazz a nível mundial: o mestre da improvisação Louis Sclavis. O músico francês apresenta-se com o violoncelista Vincent Courtois. No Teatro Variedades, no Parque Mayer. 22h Jam Session. Jazz com o Trio de Paulo Lopes. No Catacumbas Jazz Bar (Trav. Água da Flor, 43). CENTRO/SUL 9h Vacinação Anti-rábica de Cães. Arranca, junto ao Mercado do Seixal, a campanha promovida pelo município, que percorrerá até 28 de Julho as seis freguesias do concelho. Nos dias 21 e 5 e 12 de Julho decorrerá no Canil Municipal, em Arrentela, a Campanha de Identificação Electrónica. 10h-20h30 Fernando Lopes-Graça 1906-2006. Exposição comemorativa do nascimento de um dos grandes nomes da música nacional. Está patente até 8 de Julho, de segunda a sábado, na Galeria de Exposições Augusto Cabrita, no Seixal. 10h-24h À Mão e à Máquina. Exposição de fotografia e instalação de Adriana Freire. Uma centena de imagens sobre a indumentária exposta na grande diversidade de estendais que se encontram nas janelas e varandas dos lares portugueses. Para ver até 14 de Julho, de segunda a sábado, na Cooperativa de Comunicação e Cultura, em Torres Vedras (Rua da Cruz, 9). 18h30 Ibn caffi e Tavira. Conferência organizada pelo Campo Arqueológico de Tavira. No Clube de Tavira. 21h30 Lisboetas. O documentário de Sérge Tréfaut é exibido hoje e terça-feira no Fórum Luísa Todi, em Setúbal. 21h30 E a Família, Tudo Bem? Ciclo de cinema promovido pelo município de Azambuja, que se prolonga até dia 26, com sessões às segundas-feiras, no Auditório Municipal Páteo Valverde. Hoje é exibido o filme Kolya (1996), do realizador Jan Sverak. Informações para Agenda@publico.pt

InfelizCIDADES
RUI GAUDÊNCIO

O possível encerramento de escola Joaquim Moreira Rato em Paço de Arcos
No passado dia 23 de Maio, numa reunião com o presidente do agrupamento das escolas de Paço de Arcos e com a chefe de divisão de educação da Câmara Municipal de Oeiras, a Associação de Pais da Escola Joaquim Moreira Rato foi informada de que a escola seria encerrada e integrada na escola dr. Joaquim de Barros. Esta atitude, se fosse concretizada, contrariaria os seguintes factos indesmentíveis: A escola é muito procurada, certamente devido ao elevado sucesso escolar; A associação de pais organizou e dirige o Atelier de Tempos Livres (ATL) que funciona das sete e meia às nove para receber os alunos, das doze às treze para servir os almoços e das quinze e trinta às dezanove trinta para as mais diversas actividades; É a única das quatro escolas do primeiro ciclo, situadas em Paço de Arcos, com este horário. Até a propaganda oficial estava de acordo com isto. A revista Oeiras Actual, publicada em Setembro de 2004, afirmava o seguinte: “De entre os projectos para o ano de 2005, destaque para as obras de criação de recreio coberto, rampa de ligação entre os edifícios para pessoas com mobilidade condicionada da EB1 nº 2 de Paço de Arcos”. O programa eleitoral da lista Isaltino Oeiras Mais à Frente dizia o seguinte: “Atendendo às características da nossa população e às condições de acesso à informação e ao conhecimento, não encontramos razões objectivas para que não sejam de Oeiras as melhores escolas do país (...) Nas escolas tuteladas pelo município a intervenção da câmara será imediata (…) O primeiro passo será aumentar a capacidade de oferta com a construção de novas salas (...)” Na reunião pública da Câmara de Oeiras, realizada em 24 de Maio, a vereadora com o pelouro da Educação disse que a autarquia estava de acordo com a decisão da Direcção Regional da Educação de Lisboa (DREL) de encerrar a escola. Na reunião da Assembleia Municipal, efectuada em 1 de Junho, o presidente da mesa “esqueceu-se” de que o público tinha direito à palavra. Depois de ultrapassada esta

dificuldade, os pais dos alunos colocaram várias questões ao presidente da câmara, tendo este afirmado que a autarquia não havia tomado a decisão de apoiar o encerramento da escola. Afinal quem fala verdade? O presidente ou a vereadora? O ofício enviado pela DREL à associação de pais esclarece a questão quando se diz o seguinte: “A proposta de suspensão foi realizada em colaboração com a autarquia”. Em nossa opinião, encerrar a escola é um exemplo vergonhoso da colaboração entre o PS e o presidente da Câmara de Oeiras. Entretanto, quando algumas crianças pediram ao presidente da câmara para assinar o abaixo-assinado contra o encerramento da escola, este saiu-se com a seguinte frase salazarista: “Vocês estão a ser manipulados por comunistas”. No dia 7 de Junho a associação de pais foi recebida na DREL pelo coordenador da rede escolar que, apenas, informou que a decisão do governo estava tomada e que aguarda um parecer positivo da câmara para encerrar a escola. Não respondeu às perguntas feitas pela associação. Também não explicou porque foi esta a escola escolhida para fechar. Ou seja: não há documentos que justifiquem os critérios pedagógicos para o encerramento. Acena-se com o ginásio para os meninos praticarem educação física mas não se diz que está fechado sempre que chove. Esqueceu-se de dizer que já arderam dois automóveis do presidente do agrupamento. Porque será que os alunos da escola Joaquim Moreira Rato terão horários diferentes dos alunos da escola dr. Joaquim de Barros? Porque é que não querem que os alunos das duas escolas se encontrem nos intervalos? No próximo dia 26 de Junho a Assembleia Municipal de Oeiras reúne-se, na biblioteca municipal, a partir das 15 horas. O Bloco de Esquerda propôs que fosse agendado, para discussão, o seguinte tema: Possível encerramento de escola Joaquim Moreira Rato. Infelizmente todos os outros partidos votaram contra este agendamento. O Bloco de Esquerda dará as suas opiniões e os cidadãos usarão da palavra no fim da reunião. Para já deixamos a seguinte pergunta ao presidente da câmara: Qual é o valor do metro quadrado do terreno da escola? E afirmamos que o Bloco de Esquerda não dá cobertura a um negócio em que as crianças sirvam de moeda de troca para servir a especulação imobiliária. Estamos certos que a comunidade educativa dará a resposta adequada.
MIGUEL PINTO Membro da Coordenadora Concelhia de Oeiras do Bloco de Esquerda

Uma vergonha para os CTT na Rua Tomás Ribeiro
Quem passa pela Rua Tomás Ribeiro, na zona de Picoas, em Lisboa, não pode deixar de se surpreender, pelo menos, com o desinteresse com que os Correios de Portugal tratam a sua própria imagem. Bem visíveis, no edifício que até há meses albergou a estação de correios do bairro, lá estão as cores e o nome da veneranda instituição que durante séculos nos levou, em exclusivo, as boas e as más notícias a casa. Sendo certo que os CTT já ali não desenvolvem qualquer espécie de actividade, poder-se-ia imaginar que a marca da empresa foi deixada no local apenas para aproveitar um suporte publicitário provavelmente gratuito, enquanto não é dado um novo destino ao amplo imóvel de dois pisos. Observando mais de perto, porém, percebe-se que se a ideia foi essa, o resultado não podia ser pior. Com efeito, que benefício pode retirar para a sua imagem uma empresa, cada vez mais virada para o mercado, que aposta num suporte promocional que transborda desleixo e abandono e só pode inspirar nojo? Basta olhar do passeio para se ver o estado em que se encontra o edifício e, em particular, o acesso privativo, antigamente vedado por um portão vermelho, que levava os camiões dos correios à garagem existente nas traseiras do prédio. O portão foi arrancado e sobram algumas das suas peças no empedrado perpendicular à Tomás Ribeiro. Logo à entrada percebe-se que o lugar foi transformado em casa de banho a céu aberto e lugar de despejos vários. Algumas janelas foram arrancadas e partidas e a entrada para o interior da antiga estação de correios está agora acessível a quem esteja interessado. Lá ao fundo, já numa zona coberta à porta da garagem, amontoam-se os caixotes de papelão, os colchões, os sacos com restos de comer, as roupas trazidas dos contentores do lixo, os escrementos, o demazelo. Será a esta a imagem a que os correios pretendem associar a sua marca? JOSÉ ANTÓNIO CEREJO

Vox populi

Preocupa-se com as salmonelas nas galinhas portuguesas?

Diogo Jesus Estudante, 21 anos
“Não. Porque a partir do momento em que existe uma crise com qualquer animal passa a haver um maior controlo pelas autoridades.”

Barbara Marques Estudante, 17 anos
“Sim. Porque é mesmo para se preocupar. A alimentação é muito importante.”

João Silva Formador, 25 anos
“Não. Nem penso nisto. Não é uma coisa que me preocupe muito.”

Alexandro Marques Estudante, 23 anos
“Não é uma coisa que me interesse. Não vejo nenhuma importância neste assunto.”

LOCAL 55
PÚBLICO • SEGUNDA-FEIRA, 19 JUN 2006

Arguido é um exadministrador que acusou os seus pares de gerirem a instituição em proveito próprio e que tem um relatório oficial a seu favor
JOSÉ ANTÓNIO CEREJO

Unesco quer património Julgamento envolve gerido por estrutura a Fundação D. Pedro IV própria em Sintra
LUIS RAMOS

A gestão da Fundação D. Pedro IV, entidade privada a quem o Estado ofereceu 1400 fogos sociais nos bairros lisboetas das Amendoeiras e dos Lóios em 2005, vai estar no centro de um julgamento que amanhã se inicia no 5ª Juízo Criminal de Lisboa. Em causa está a denúncia apresentada em 1996 ao então ministro da Solidariedade e Segurança Social, Ferro Rodrigues, por um dos administradores da instituição, Pedro Seixas Antão, que acusou o seu presidente, Vasco Canto Moniz, e outros dirigentes de gerirem a fundação em seu proveito pessoal e de a desviarem dos fins para que foi criada. Face a esta acusação, a fundação e o seu presidente accionaram, em 1999, um processo judicial por difamação e denúncia caluniosa contra o antigo administrador e exigiram-lhe uma indemnização de 75 mil euros. A queixa por difamação e denúncia caluniosa foi logo a seguir mandada arquivar pelo Ministério Público – que considerou não haver indícios da prática de tais crimes e realçou o facto de as denúncias do arguido terem dado origem a um inquérito, então ainda em curso, solicitado pelo ministro Ferro Rodrigues à InspecçãoGeral da Segurança Social. Inconformados com o arquivamento, os queixosos requereram então a instrução do processo. O juiz de instrução, porém, considerou igualmente que não havia motivos para julgar Seixas Antão. A fundação e Canto Moniz ainda tentaram um último recurso para a o Tribunal da Relação, mas o acórdão final manteve a decisão instrutória em Fevereiro de 2002. Por decidir ficou o pedido de indemnização cível, que começa amanhã a ser julgado. A fundação e o seu presidente, representados pelo advogado Ricardo Sá Fernandes, têm juntado numerosa documentação ao processo – nomeadamente

“Ausência de uma moldura institucional clara e de uma estrutura coerente de gestão faz com que uma boa e efectiva gestão seja muito difícil”
A Unesco recomendou a criação de uma estrutura independente para a gestão da paisagem cultural de Sintra, classificada como Património da Humanidade, no mais recente relatório elaborado por aquela organização das Nações Unidas. O relatório da última visita de uma missão da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura a Sintra, realizada entre 22 e 25 de Março, a que a Lusa teve acesso, conclui que “uma entidade específica (Task Force para Sintra Património da Humanidade) deve ser fundada e financiada” com o objectivo de elaborar um plano de gestão abrangente. “A `Task Force´ de Sintra Património da Humanidade necessita de ser independente das várias partes e interesses que operam na paisagem cultural Património da Humanidade de Sintra, mas deve trabalhar de perto e em cooperação com estes”, recomenda o documento. A Unesco propõe que o grupo de trabalho seja criado até ao fim de 2006 e financiado maioritariamente pelo Estado. A gestão daquela paisagem cultural Património da Humanidade está actualmente divida por várias entidades, sobretudo a Câmara Municipal e a empresa pública Parques de Sintra, Monte da Lua (detida maioritariamente pelo Ministério do Ambiente). “A ausência de uma moldura institucional clara e de uma estrutura coerente de gestão faz com que uma boa e efectiva gestão seja muito difícil”, aponta o documento. O relatório sublinha tam-

bém que o Plano Director Municipal (PDM) de Sintra, em vigor desde 1999 e até 2009, “não tem directamente em consideração” a classificação de Sintra como Património da Humanidade. O documento critica igualmente o plano de gestão da área classificada, elaborado pela Câmara Municipal em 2005, para vigorar até 2009, afirmando que não estabelece uma hierarquia de prioridades, calendarização ou orçamentos para iniciativas. A Unesco recomenda a sincronização entre o PDM e o plano de gestão assim que um novo PDM entre em vigor. Lutar contra “urbanização massiva” é o mais difícil O relatório considera que “a luta contra a urbanização massiva é certamente a mais difícil questão que os responsáveis pelo Património Mundial de Sintra terão de resolver nos próximos anos”. O documento sublinha a necessidade de restaurar o challet da Condessa de Edla e o interior do Palácio de Monserrate e critica a ausência de um serviço de aconselhamento aos proprietários privados de parques e edifícios de grande valor. O controlo de plantas invasoras, nomeadamente as acácias, e a conservação e restauro de muros são outras recomendações da Unesco. “As estradas de acesso aos parques e palácios são estreitas e serpenteantes com pouco espaço para estacionamento nas entradas dos parques”, refere o relatório. A Unesco recomenda que seja prestada especial atenção à criação de parques de estacionamento atractivos com pequenos autocarros shutlle que previnam engarrafamentos no futuro. São também criticados os pavilhões pré-fabricados existentes em alguns parques, nomeadamente no da Pena, cuja demolição foi anunciada pela Parques de Sintra, Monte da Lua no passsado dia sete. O relatório elogia o estado de conservação do Palácio da

Acusações ao presidente da fundação estão no centro do processo
um parecer de Diogo Freitas do Amaral, segundo o qual a actividade da fundação não se desviou dos seus fins de solidariedade social –, e nos últimos dois anos tentaram, em vão, chegar a acordo com Pedro Seixas Antão para desistirem do processo. A posição do arguido foi entretanto reforçada com a anexação aos autos do relatório final do inquérito ordenado por Ferro Rodrigues, cujas conclusões, entregues no Verão de 2000 ao inspector-geral da Segurança Social, o então juiz José Manuel Simões de Almeida, confirmavam no essencial as suas denúncias e propunham mesmo a extinção da Fundação D. Pedro IV e a destituição dos seus corpos gerentes. Foi, aliás, no âmbito deste processo que, no final de 2003, o sucessor de Simões de Almeida, o também juiz Mário Lisboa veio a informar o tribunal, a pedido deste, que o relatório final daquele inquérito foi encontrado no arquivo da inspecção-geral sem ter sido submetido à apreciação ministerial e sem que se conhecessem as circunstâncias e a data em que tinha sido enviado para o arquivo sem qualquer despacho superior. Mário Lisboa remeteu então ao 5º Juízo Criminal uma cópia do relatório em causa, que Simões de Almeida prometera várias vezes mas nunca tinha mandado, e juntou-lhe o relatório de um outro inquérito efectuado em 2001 à mesma fundação. Contrariamente ao anterior, este último, feito em pouco mais de um mês, foi homologado em 2003 pela tutela, então assegurada por José Manuel Simões de Almeida – entretanto nomeado secretário de Estado pelo ministro Paulo Pedroso –, e concluía que, no essencial, tudo estava bem na Fundação D. Pedro IV. Arrolados como testemunhas pelas duas partes encontram-se numerosos dirigentes e ex-dirigentes da Fundação D. Pedro IV, que hoje deverão começar a ser ouvidos em audiência de julgamento. ■

Vila e da Pena, do Convento dos Capuchos, da Quinta da Regaleira e as obras exteriores em Monserrate. A reabertura do eléctrico que liga Sintra à Praia das Maças também recebe nota positiva. O relatório considera que não há qualquer motivo para propor a inscrição da paisagem cultural de Sintra na lista de locais em risco de perder a classificação de Património da Humanidade. Em 2004 a Unesco chegou a admitir a hipótese de colocar Sintra nessa lista, o que foi afastado em Julho desse ano numa reunião na China, em que a organização exigiu a apresentação de um relatório sobre todas as acções de gestão do património previstas, o chamado plano de gestão. O documento foi entregue em Fevereiro de 2005 pelo presidente da Câmara, Fernando Seara (PSD), na sede da Unesco, em Paris, e ratificado depois pelo Comité do Património Mundial da Unesco. “Após uma período muito difícil, alguns indicadores mostram uma tendência positiva”, afirma o relatório agora elaborado, que sublinha o facto de o novo Conselho de Administração da empresa pública Parques de Sintra, Monte da Lua ter mostrado “uma clara vontade” de recuperar a sua situação financeira e aplicar um plano de trabalho coerente. A Unesco sublinha que uma “equipa muito dinâmica” está actualmente a realizar programas educativos e que foi iniciado um estudo global estratégico sobre a urbanização do território. O nível de conhecimento sobre a paisagem natural e cultural melhorou com inventários do Parque Natural de Sintra-Cascais, uma base de dados sobre as espécies existentes nos parques e jardins e os arquivos históricos da Quinta da Regaleira, afirma o documento. Contactada pela agência Lusa, a Câmara Municipal de Sintra não quis comentar o relatório da Unesco. ■

VENHA ÀS FESTAS. DIVIRTA-SE! # CONSULTE O PROGRAMA COMPLETO DAS FESTAS DE LISBOA EM WWW.EGEAC.PT

# FORUJAZZ NO PARQUE MAYER # TEATRO VARIEDADES, 22H #
LOUIS SCLAVIS VINCENT COURTOIS DUO
(FRANÇA)

HOJE SEGUNDA-FEIRA

ALEXANDER VON SCHLIPPENBACH’S MONK’S CASINO
(ALEMANHA)

AMANHÃ TERÇA-FEIRA

QUARTA-FEIRA DIA 21
PETER BROTZMANN MARINO PLIAKAS MICHAEL WERTMUELLER
(ALEMANHA/SUIÇA)

PATROCINADORES

MEDIA PARTNER APOIOS

#+ CONCERTOS NO HOT CLUBE # IMI KOLLEKTIEF #DIAS 20 E 21 JUNHO, 23.30H #

A FESTA CONTINUA NO MAXIME LAURENT PHILIPPE, DIA 24 # 24H

Embaixada de França

silva!designers

EGEAC APRESENTA

PATROCINADOR PRINCIPAL

56 LOCAL
PÚBLICO • SEGUNDA-FEIRA, 19 JUN 2006

FERNANDO MORGADO

O que é a sinalização electrónica?
Desde que os sinais que regulam o trânsito dos comboios deixaram de ser manuais, houve três gerações de sistemas de sinalização: electromecânica, eléctrica e electrónica. A linha de Cascais está na primeira geração e deverá queimar uma etapa ao passar para um sistema electrónico que usa já as novas tecnologias de informação.

O que são as subestações?
Para abastecer de energia eléctrica toda a linha, há três locais que recebem a rede de alta tensão da EDP e a transformam em 1500 volts para fornecer a catenária que alimenta os comboios. Com tecnologia mais moderna bastarão duas subestações para assegurar o fornecimento de energia eléctrica a esta linha.

P&R

O actual terminal provisório da estação do Cais de Sodré só deverá ser substituído por instalações definitivas em 2008 O que é a barra soldada longa?
Em vez de várias tiras de carris que são unidos uns aos outros e aparafusados a travessas de madeira, a futura linha terá duas barras de aço compostas por carris que são soldados uns aos outros eliminando os espaços entre eles. Só o uso da barra soldada longa resolve em 70 por cento os problemas ambientais de uma linha devido à diminuição do ruído.

Refer vai modernizar linha de Cascais
Investimento previsto deverá rondar os 150 milhões de euros. As obras iniciam-se este ano e deverão estar concluídas em 2012
CARLOS CIPRIANO

Há passageiros da linha de Cascais que se queixam de quase não conseguirem ler o jornal porque a composição abana tanto que os olhos têm dificuldade em fixar as letras. A culpa não é tanto das carruagens, mas sim do mau estado da via que não é renovada desde 1975. Por isso – e apesar da segurança estar sempre assegurada graças à conservação da linha – a Refer, empresa pública responsável pela rede ferroviária nacional, vai avançar com um plano de modernização desta linha suburbana que visa mudar praticamente tudo: sinalização, balastro, carris e catenárias. A primeira fase, no valor de 33 milhões de euros, deverá começar já este ano e prolonga-se até 2008. Trata-se de instalar um novo sistema de sinalização electrónica que permite obviar os pesados custos de manutenção da sinalização actual, que tem quase meio século e para a qual, muitas vezes, é necessário recorrer a ferroviários reformados quando se trata de resolver algumas avarias. A linha passará a ser controlada por um CTC (Contro-

lo de Tráfego Centralizado) a partir de Braço de Prata, onde será feita a gestão de todo o tráfego ferroviário da Grande Lisboa. Esta medida permite aumentar a fiabilidade dos comboios e traduz-se em ganhos de produtividade para a Refer, que passará a afectar menos pessoal ao funcionamento da linha de Cascais. Os próprios comboios serão dotados de Convel (Controlo de Velocidade), um sistema já em utilização em grande parte da rede ferroviária nacional, que dá indicações ao maquinista sobre a condução e faz mesmo parar a composição se este não obedecer aos sinais. Por outro lado, os passageiros terão informação a bordo sobre eventuais ocorrências, colmatando assim uma queixa recorrente dos clientes da CP naquela linha sobre a ausência de notícias em caso de incidente. Até 2008 a Refer tenciona construir duas novas subestações no Cais do Sodré e no Estoril porque as três actuais

– no Cais do Sodré, Belém e Estoril – estão praticamente obsoletas. Também aqui a empresa recorre frequentemente a pessoas que já se reformarem para solucionar alguns problemas, sendo igualmente grande o custo do fabrico de algumas peças sobressalentes que é agora necessário fabricar à medida. Plataforma e catenária numa segunda fase De 2008 a 2012 está prevista a segunda fase, que consiste em atacar a via e mudar a catenária. Como a última renovação data de 1975, vai ser necessário sanear a plataforma, isto é, levantar os carris e o balastro, retirar a terra que está por baixo e substituir tudo por um novo leito e uma nova superestrutura. Particularmente importante vai ser aplicação de carril de barra longa soldada que acaba de vez com o danguedangue da composição quando as rodas passam pelos intervalos entre os carris,

Quadriplicações avançam nas linhas de Sintra e Cintura
Com as candidaturas ao Quadro Comunitário de Apoio já praticamente prontas, a Refer prepara-se também para prosseguir com a quadriplicação da linha de Sintra entre Queluz e o Cacem, construindo nesta última uma nova estação. Entre Chelas e Braço de Prata, e também no horizonte temporal de 2011, deverá ser quadriplicado este último troço da linha ferroviária de Cintura. A estação de Cais do Sodré, que está há vários anos em obras também só estará concluída em 2008. Os trabalhos em curso estão a ser liderados pelo Metro de Lisboa, na sequência de uma protocolo entre aquela empresa, a Refer e a Carris. C.C.

substituindo-o por um deslizar constante uma vez que o comboio rodará sobre tiras de aço ininterruptas. Um dos objectivos importantes deste investimento tem a ver com os ganhos ambientais que esta modernização pode provocar. A redução do ruído está à cabeça, uma vez que se trata de um corredor ferroviário em meio urbano. Mas os engenheiros da casa chamam a atenção para o facto de a colocação de barreiras acústicas só dever ser feita em último caso pois, além de encarcerarem o comboio num estreito corredor onde os passageiros não podem ver a paisagem, reflectem e ampliam o ruído entre estas e os prédios. Deste modo, o eco do trânsito automóvel paralelo à via férrea e às habitações sai amplificado, acabando as pessoas, muitas vezes, por se sujeitarem a mais decibéis. A Refer tem um grupo de trabalho que está a elaborar o mapa de ruído ao longo dos 25 quilómetros da linha de Cascais. Os engenheiros da empresa têm vindo a desenvolver a aplicação da manta do balastro como eliminador de ruído, mas dizem que uma parte do barulho causado depende das composições da CP e que as desta linha não são propriamente muito silenciosas. Por exemplo, os suburbanos de dois pisos que circulam na linha da Azambuja são bem mais suaves do que as unidades quádruplas eléctricas da linha de Sintra ou as automotoras de Cascais. Com um custo que poderá

ultrapassar os 150 milhões de euros – cujo financiamento deverá ser assegurado por fundos comunitários no âmbito do actual QCA – as obras da linha de Cascais irão, naturalmente, provocar algumas perturbações à circulação, sobretudo na segunda fase. Mas, ao contrário da linha do Norte, que tem muito tráfego nocturno, nesta vai ser possível trabalhar pelo menos uma cinco horas seguidas entre a 1h00 e as 6h00 da manhã. Ainda assim, é possível que alguns troços tenham de encerrar temporariamente passando o serviço a ser assegurado por transbordo em autocarro. Discretamente, um dos trabalhos que mais tempo demora nas obras de modernização, já foi executado. Tratase do reforço ou substituição das pontes que, neste caso, já está concluído. As pontes de Oeiras, Caxias e Cruz Quebrada viram as suas fundações e pilares reforçados e os respectivos tabuleiros (alguns da Casa Eiffel já tinha sido construídos no séc. XIX) substituídos por outros. Outra intervenção que tem vindo a ser feita paulatinamente é a supressão de passagens de nível. A última foi a da Parede e neste momento já só resta um atravessamento rodoviário sobre o caminhode-ferro em S. João de Estoril, que tem também os dias contados. Há, contudo, três passagens pedonais – Santos, Algés e S. Pedro – que deverão ser fechadas e substituídas por passagens superiores. ■

O que é um CTC?
É um posto regulador a partir do qual todo o tráfego é comandado à distância. Os novos “agulheiros” já não mexem em manivelas nem em pesados mecanismos para fazer o caminho aos comboios. Estão sentados em frente a computadores que lhes mostram, em tempo real, o percurso das composições com as quais podem interagir. A linha de Cascais será comandada a partir de Braço de Prata.

O que é uma manta de balastro?
Os carris assentam sobre uma camada de pedras designada balastro, que por sua vez assenta sobre um leito que é a plataforma da via. Uma forma de diminuir o ruído é depositar o balastro sobre um tapete de borracha super resistente que absorve a trepidação provocada pela passagem dos comboios. C.C.

LOCAL 57
PÚBLICO • SEGUNDA-FEIRA, 19 JUN 2006

Novo edifício da câmara Porto de Mós quer reduzir arranca em Ourém para campo militar de São Jorge ficar pronto em 2008
Empreitada de 4,5 milhões de euros concentrará em 2008 serviços actualmente dispersos por oito locais
MANUEL FERNANDES VICENTE

O futuro edifício da Câmara de Ourém, com as obras em curso há duas semanas, vai substituir no futuro os oito espaços por onde actualmente os serviços camarários estão dispersos pela cidade e poupará à autarquia mais de cinco mil euros por mês – que é o valor que actualmente paga pelas rendas dos edifícios alugados. O novo imóvel municipal incluirá um parque de estacionamento, na cave, para 340 veículos, e permitirá concentrar nos outros pisos a totalidade dos serviços camarários, devendo a obra ficar concluída em Maio de 2008. A empreitada, apoiada pelo Governo em 765 mil euros, terá um custo de cerca de 4,5 milhões de

euros, aos quais se deverá adicionar mais uma verba de 500 mil euros para aquisição de mobiliário. Após a transferência dos serviços, o actual edifício principal dos paços do concelho será convertido em biblioteca e arquivo histórico. “As obras para a nova edificação têm um valor estratégico para Ourém, implicam com a organização urbana da cidade e procuram melhorar a qualidade de vida dos cidadãos, que actualmente se têm de dirigir a locais diferentes para serem servidos. Por outro lado, haverá menos custos para a autarquia e serão libertados espaços para outros fins”, observa o presidente da câmara David Catarino. O autarca sublinha que, dada a eliminação temporária dos lugares de estacionamento no espaço onde vão decorrer as obras para o novo imóvel, mesmo ao lado dos actuais paços do concelho, entrou já em funcionamento um pequeno autocarro que percorre toda a área urbana de Ourém. “O

objectivo é que as pessoas deixem os automóveis nas zonas mais periféricas e se desloquem nesse transporte público até ao centro cívico, mas a verdade é que o autocarro, até agora tem tido baixa utilização. Vamos ver de futuro”, diz David Catarino (PSD). Em relação à crítica apontada por responsáveis do PS local de que haveria falhas graves no projecto por falta de um estudo geotécnico capaz de dar garantias sobre a consolidação e estabilidade das terrenos onde vão ser feitas as escavações para o parqueamento no subsolo, o autarca desdramatiza a situação. “Foi necessário rever o projecto do futuro edifício, mas posso afirmar que o estudo geotécnico já começou e vai avançar à medida que forem feitas as perfurações no subsolo. As terras não apresentam problemas, mas os estudos vão ter em conta qualquer preocupação que possa existir e garantir toda a segurança”, conclui o presidente oureense. ■

Moradores da zona onde decorreu a batalha de Aljubarrota estão descontentes com restrições à construção na área protegida pelo Ippar

A Câmara de Porto de Mós pretende reduzir em cerca de 30 por cento a área actualmente afecta à zona especial de protecção e salvaguarda do Campo Militar de São Jorge, onde decorreu em 1385 a batalha de Aljubarrota. A área protegida abrange 95 por cento da povoação de São Jorge, o que tem originado o descontentamento da população local que vê muitos constrangimentos no seu dia-a-dia devido ao estatuto de protecção baseado no elevado interesse histórico da batalha. “A câmara aplaude a obra que está a ser desenvolvida pela Fundação Batalha de Aljubarrota e a população de São Jorge deve acarinhar as iniciativas que visam valorizar a batalha de Aljubarrota e o enorme valor histórico que possuiu. Mas pensamos que a zona especial de protecção que lhe está afecta tem uma

área realmente exagerada”, disse o presidente da Câmara de Porto de Mós, João Salgueiro. “Como consequência, os filhos dos moradores estão impossibilitados de continuar a viver em São Jorge, pois as limitações à construção de novas habitações são totais. Nesse sentido deve haver alguma abertura por parte do Instituto Português do Património Arquitectónico (Ippar) em relação a estes constrangimentos, já que não é possível aí construir nada”, acrescentou. As conversações entre autarcas e responsáveis do Ippar e da fundação já se iniciaram visando o aumento da área onde é possível construir. Porém, o facto de a povoação de São Jorge integrar também o Parque Natural das Serras de Aire e Candeeiros criou um desajustamento entre o previsto pelo Plano Director Municipal (PDM) de Porto de Mós e o Plano de Ordenamento do parque. Acontece ainda que enquanto a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro considera que o PDM deve prevalecer, a sua homóloga de Lisboa e Vale do Tejo tem opinião contrária.

Prevaleceu a posição da CCDR do Centro e agora a autarquia pretende elaborar um plano de pormenor com a intenção de a zona de protecção ficar limitada a 70 por cento da actual área, libertando espaço para a construção e actividades industriais. O objectivo de reduzir a área do campo militar, que se estende ao longo de uma faixa de cerca de dois quilómetros e onde têm sido efectuados diversos trabalhos de prospecção do subsolo, deverá encontrar alguns entraves por parte dos responsáveis do Ippar, já que a determinação de proteger a área data de há apenas quatro anos. A criação de uma zona de construção condicionada é uma possibilidade que pode ser avançada no desenvolvimento do diálogo entre a câmara, o Ippar e a Fundação Batalha de Aljubarrota. A constituição de um centro de interpretação da batalha, cuja primeira pedra foi lançada em Julho do ano passado, permitirá, por outro lado, uma forte valorização turística e cultural do local e tem merecido o apoio dos moradores. ■ M.F.V.

HERMINIA DUARTE DA SILVA MORGADO
Faleceu
Sua família participa o seu falecimento e que o funeral se realiza hoje pelas 15h15 da Igreja da Ressurreição em Cascais, para o Cemitério da Guia.
Loja Magno Cascais Servilusa – Número verde grátis 800 204 222 Serviço Funerário Permanente 24 horas

† †

MARIA JOANA DE BOURBON E MELLO OSÓRIO DE MENEZES PITTA DE CARVALHO (GRACIOSA)
Confortada com todos os Sacramentos da Santa Madre Igreja

Missa de 30º dia
Sua família, participa que hoje, dia 19 pelas 20.00 horas na Igreja Paroquial Nsa. Sra da Assunção em Cascais será rezada Missa pelo seu eterno descanso.
P.N A.M.

Loja Magno Cascais Servilusa – Número verde grátis 800 204 222 Serviço Funerário Permanente 24 horas

58 LOCAL C L A S S I F I C A D O S

AUTOMÓVEIS
VENDE-SE

CLASSIFICADOS
COSTA CAPARICA - T1 mobilado e equipado. Junto transportes. 400 Euros. 96 279 65 09. ESTRELA -Condomínio 6 ass. s/ móveis, garagem, piscina, sauna. 4.000 Euros. ELEITOS, AMI 1177. 213592015 EXPO - Loja, 60m2 open space, wc, arrecadação, garagem. 925 Euros. ELEITOS, AMI 1177. 213592015 GEMINI - 4 ass. c/ e s/ móveis, garagem, desde 750 Euros. ELEITOS, AMI 1177. 213592015 PÇ PAIVA COUCEIRO3 ass. s/ móveis, sala, 2 quartos+ qto vestir, 600 Euros. ELEITOS, AMI 1177. 213592015 PRAÇA ESPANHA- 3 ass. mobiladas, cozinha equipada. 650 Euros. ELEITOS, AMI 1177. 213592015 REBOLEIRA - Estúdio s/ móveis, kitchenete equipada, perto estação. 325 Euros. ELEITOS, AMI 1177. 213592015 PENHA FRANÇA - 2 ass. 60m2, garagem, arrecadação. 155.000 Euros, ELEITOS AMI 1177, (21) 359 20 15

PÚBLICO • SEGUNDA-FEIRA, 19 JUNHO 2006

TEL. 21 011 10 10 / 20 - FAX 21 011 10 30
DE SEGUNDA A SEXTA DAS 09H00 ÀS 18H00
Rua Viriato, nº 13 - 1069-315 LISBOA Email: pequenosa@publico.pt

EMPREGO
OFERECE-SE

08/21.00H CLINICA CHINESA - Terapia Oriental, Shiatsu, Tui-na, Anti-Stress. Não convivio.Tm. 968764288

BENFICA BRASILEIRA ALTA Sexy,meiga,lindissima,co mpleta.Priv. Hoteis 24 H 964179664

JOVEM SENHORA Dificuldades económicas convive cavalheiros. 961409869 MASSAGEM CHINESA... Inesquecivel... Deliciosa... Jovens... Lindas... Sensuais... Classe. Tm. 964854298 MASSAGENS VÁRIAS Californiana, Ayurvedica depilação masculina apos laboral. 964819278 REBECA PROFISSIONAL Orientais intercorporal http://pwp.netcabo.pt/fisiotai 965380761 SENHORA 42 ANOS Corpo sensual, massagem completa. Apart. privado. Tm.916880435 VIDA A DOIS - Quer casar e ser feliz? Peça a lista de senhoras(es) distintas(os). Resp. Ap. 21508 - 1134-Lx. ou envie SMS c/nome e morada completos (sigilo). Tm. 964164218 VITÓRIA MASSAGISTA Clássica intercorporal http:// pwp.netcabo.pt/ fisiotai 962008024

DIVERSOS
clínica DATOR
(MADRID)

OPEL ASTRA G CARAVAN 1.4 - 16V AC/ AL/ JLLeve 75.000 Km 10/2001. 1 Dono. 8.750 Euros. Almada. 938710066.

PRÉDIO NO CHIADO, Const. 1999, para Escritórios, Habitação ou Hotel.117estac.,Ami 1074, Telf:213210277/40

IMOBILIÁRIO
ALUGA-SE
ALUGO FÉRIAS LAGOS TORRALTINHA apartamento novo 500m praias D. Ana e Porto Mós, sala 36m2, 2 quartos, 2 wc, varanda/vista mar. Tm. 964507392 ARMAZÉNS para arrendamento com e sem Escritório Carnaxide Av. do Forte e Queluz de Baixo, com áreas desde 120m2, até 360m2, prontos a ocupar, bons acessos, excelente Localização, estacionamento, Segurança 24 horas. Tel. 214348927 Tm. 966628357 Bº AZUL - Escritório 40 m2, 2 salas, wc. 600 Euros. ELEITOS, AMI 1177. 213592015 C. OURIQUE- 2 e 3 ass. c/ e s/ móveis, garagem, desde 650 Euros. ELEITOS, AMI 1177. 213592015 CARNAXIDE AV. DO FORTE e Queluz de Baixo escritórios para arrendamento, com e sem Armazém - Prontos a ocupar - com áreas desde 120m2, até 360m2, excelentes acabamentos, estacionamento, Segurança 24 horas. Tel. 214348927 Tm. 966628357

BABYSITTER com experiencia comprovada e disponibilidade p/deslocações Tempo inteiro e regime interno. Tel. 213511700

A...AMIGA CHINESA 20A- Bonita... massagem!!!Prazer total. Tm916771198

CASCAIS LINDA... CORPINHO PLAYBOY!!! Bumbum... Dou-te tudinho... peito 44... Completa. Deslocações. Tm. 961477605

Tratamento Voluntário da Gravidez

0034 915712700

CLÍNICA EL BOSQUE
Tratamento voluntário da gravidez.

TAMBÉM FIM-DE-SEMANA 0034 917 663 396 MADRID, ESPANHA 91 414 33 21 EM PORTUGAL

CLÍNICA DOS ARCOS
Tratamento Voluntário da Gravidez ☎ 00-34-924 27 28 92 ☎ 00-34-924 33 01 01

BADAJOZ (ESPANHA)

Em Portugal

934 726 208

IMOBILIÁRIO
VENDE-SE
À PENHA FRANÇA Lugar de parqueamento junto à Portugália 15.750 Euros, ELEITOS AMI 1177, (21) 359 20 15 AV. ROMA - 3 ass. duplex 100 m2, cozinha equipada. 275.000 Euros, ELEITOS AMI 1177, (21) 359 20 15 C. OURIQUE - 4 ass., 110 m2, 2 wc, garagem. 325.000 Euros, ELEITOS AMI 1177, (21) 359 20 15 MIRAFLORES - 8 ass. 330m2, remodeladas, terraços, garagem box. 750.000 Euros, ELEITOS AMI 1177, (21) 359 20 15 RATO - 3 ass. 65 m2, remodeladas, perto metro. 225.000 Euros, ELEITOS AMI 1177, (21) 359 20 15

POSTO DE RECEPÇÃO DE ANÚNCIOS

DIVERSOS

RODRIGO FONSECA 4 ass. 110m2, totalmente remodeladas. 325.000 Euros, ELEITOS AMI 1177, (21) 359 20 15

NATASHA - RUSSA FISIATRA prof. técnica Orientais Terapia moscular. Oleo quente. Tm. 962578763

A DELICIOSA BALZAQUIANA. Eleg corpo sensual mass. Comp.aparar.Priv+ hoteis 917051884 A EMPRESÁRIA Linda,sofisticada provocante,convida-o para uma reunião escaldante. 91-4636231 ATRAENTE SENHORA - Elegante, muito meiga e sensual. Recebe discretamente cav. de nível. Deslocações. Tm. 961671529

CENTRO DE MASSAGENS Massoterapia intercorporal.http://pwp.netcabo.pt /fisiotai. 212401728 GODESS... ABSOLUTLY DIVINE ....Professional.. massage.Luxus & discrection.Realize a dream ! 917151710 JOVEM LICENCIADA extremamente meiga bonita discreta e delicada. Tm. 963025042

TABACARIA
RECEPÇÃO DE ANÚNCIOS
de segunda a sexta-feira das 9 às 18h das 9 às 19 h R. João de Barros, 265 Tel. 22.6151077

FEBUS
AV. ALMIRANTE REIS, 67 TELEFONE 21 354 85 22 LISBOA

MENSAGENS

TELHEIRAS Zona residencial, 4 ass. 90 m2, garagem. 225.000 Euros, ELEITOS AMI 1177, (21) 359 20 15

00/00H A TELHEIRAS Senhora nível, ar juvenil, elegante. Massagem (Marquesa e aparelhos ) e/ou convivio. Particular. Tm. 938412040

C L A S S I F I C A D O S LOCAL 59
PÚBLICO • SEGUNDA-FEIRA, 19 JUNHO 2006

IMOBILIÁRIO
QUARTEIRA
Aluga-se para Férias
T1, 300 metros da praia, bem equipado, aluga-se Julho e Agosto. Tlm. 918 113 973

DIVERSOS
ANTIGUIDADES
Pratas - Jóias antigas
COMPRAMOS - AVALIAMOS Móveis, quadros, porcelanas chinesas e europeias, imagens. Tudo o que seja antigo e valioso. Avaliador de entidades oficiais.
A. Trindade - Rua do Alecrim, 81 - Lisboa • Tel. 213 424 660 - 933 420 000

CABANAS DE TAVIRA
Aluga-se para Férias
T1, bem equipado, ar condicionado, aluga-se 1.ª quinzena de Julho, Agosto e Setembro. Tlm. 917 584 215

TENHA VISTAS LARGAS!
AINDA VAI A TEMPO DE UM EXCELENTE INVESTIMENTO!

QUINTINHA Marco de Canaveses
(a 1 km do rio Tâmega, em local aprazível c/ água de nascente) Área total 5000 m2; Composta por: 1.º art. casa restaurada, em terreno de 900 m2, pronta a habitar. 2.º art. - Casa para restaurar com terreno de 1100 m2. 3.º art. - Terreno para construção de 3000 m2. Estes artigos vendem-se em conjunto ou separadamente.

PÚBLICO
ÚLTIMOS APARTAMENTOS T1, T2, T3 E T4 EM PRÉDIO DE INVULGAR QUALIDADE E SEGURANÇA. NO EDIFÍCIO ALBERGA LUZ, ENCONTRA A MELHOR RELAÇÃO PREÇO/QUALIDADE DE LISBOA.
STAND DE VENDAS: LG. LUZIA MARIA MARTINS, 2 - LARANJEIRAS TEL. 91 987 32 00 OU 21 351 16 60

ESTE VERÃO... PARA o seu FILHO

Anúncios Classificados
16.ª Vara Cível de Lisboa
16.ª Vara - 2.ª Secção

CAMPOS de FÉRIAS
Tel. 214 719 480
2.º Juízo Cível do Porto
2.º Juízo - 3.ª Secção

(possível, desde 17 € / mês)

Tlm.: 965696900

www.upaje.pt
4.º Juízo Cível do Porto
4.º Juízo - 2.ª Secção

2.º Juízo Cível do Porto
2.º Juízo - 1.ª Secção

Em

S. MARCOS

ANÚNCIO
Processo: 410/1996. Execução Ordinária. Exequente: CAIXA GERAL DE DEPÓSITOS, S.A. Executado: MANUEL ARLINDO OLIVEIRA FERREIRA. Correm éditos de 20 dias para citação dos credores desconhecidos que gozem de garantia real sobre o bem, penhorado ao executado, abaixo indicado, para reclamarem o pagamento dos respectivos créditos pelo produto de tal bem, no prazo de 15 dias, findo o dos éditos, que se começará a contar da segunda e última publicação do presente anúncio. Bem penhorado: TIPO DE BEM: Imóvel. DESCRIÇÃO: Fracção autónoma designada pela letra “L”, correspondente ao 3.º andar, direito, frente, do prédio urbano em regime de propriedade horizontal, sito em Vila Nova de Gaia, Rua Rei Ramiro n.º 636, freguesia de Santa Marinha, inscrito na matriz predial sob o art.º n.º 7031, descrito na 1.ª Conservatória do Registo Predial de Vila Nova de Gaia, sob o n.º 63228, do Livro B-164, a fls. 133/vr. PENHORADO EM 08.11.1995. PENHORADO AO EXECUTADO: MANUEL ARLINDO OLIVEIRA FERREIRA, estado civil: casado. Documentos de identificação: NIF: 110622022, endereço: Rua Rei Ramiro, 636, 3.º Dt.º Fr., Santa Marinha. 05.06.2006 A Juíza de Direito Dra. Gabriela de Fátima Marques O Oficial de Justiça João Carlos Reis
PÚBLICO, 2006.06.19

ANÚNCIO
Processo: 1794/2001. Execução Ordinária. Exequente: FINICRÉDITO - SFAC, S.A. Executados: JOSÉ CARLOS ALA DA SILVA e outro(s). Nos autos acima identificados, correm éditos de 30 dias, contados da data da segunda e última publicação do anúncio, citando o Executado: JOSÉ CARLOS ALA DA SILVA, domicílio: Rua Artur de Sousa, Lote 22, 1.º Dt.º, Mem Martins, 2710 Sintra, com última residência conhecida na morada indicada, para, no prazo de 20 dias, decorrido que seja o dos éditos, pagar à exequente, deduzir oposição à execução ou nomear bens à penhora, sob pena de se considerar devolvido à exequente o direito de nomeação de bens à penhora. Em substância, o pedido consiste no pagamento da quantia exequenda de 6865,31 €, tudo como melhor consta do duplicado da petição inicial que se encontra nesta Secretaria, à disposição do citando. Fica notificado de que: nos termos do art.º 32.º do CPC é obrigatória a constituição de advogado nas causas da competência de tribunais com alçada, em que seja admissível recurso ordinário, nas causas em que seja admissível recurso, independentemente do valor, nos recursos e nas causas propostas nos tribunais superiores. Nos termos art.º 60.º do CPC as partes têm de fazer-se representar por advogado nas execuções de valor superior à alçada da Relação e nas de valor inferior a esta quantia, mas excedente à alçada dos tribunais judiciais da 1.ª Instância, quando sejam opostos embargos ou tiver lugar qualquer outro procedimento que siga os termos do processo declarativo. 05.06.2006 O Juiz de Direito Dr. Paulo Faria O Oficial de Justiça António Nunes PÚBLICO, 2006.06.19

ANÚNCIO
Processo: 24788/03.8TJPRT. Execução Ordinária. Exequente: CREDIFIN - BANCO DE CRÉDITO AO CONSUMO, S.A. Executado: MANUEL JOÃO FERREIRA. Nos autos acima identificados, correm éditos de 30 dias, contados da data da segunda e última publicação do anúncio, citando o executado: MANUEL JOÃO FERREIRA, com domicílio na Rua das Amendoeiras 4 r/c esq.º, S. Sebastião, 2910-391 Setúbal, com última residência conhecida na morada indicada, para, no prazo de 20 dias, decorrido que seja o dos éditos, pagar à exequente, deduzir oposição à execução ou nomear bens à penhora, sob pena de se considerar devolvido à exequente o direito de nomeação de bens à penhora. Em substância, o pedido consiste no pagamento da quantia exequenda de 6148,98 €, tudo como melhor consta do duplicado da petição inicial que se encontra nesta Secretaria, à disposição do citando. Fica advertido de que: nos termos do art.º 32.º do CPC é obrigatória a constituição de advogado nas causas da competência de tribunais com alçada, em que seja admissível recurso ordinário, nas causas em que seja admissível recurso, independentemente do valor, nos recursos e nas causas propostas nos tribunais superiores. Nos termos art.º 60.º do CPC as partes têm de fazer-se representar por advogado nas execuções de valor superior à alçada da Relação e nas de valor inferior a esta quantia, mas excedente à alçada dos tribunais judiciais de 1.ª Instância, quando sejam opostos embargos ou tiver lugar qualquer outro procedimento que siga os termos do processo declarativo. 25.05.2006 A Juíza de Direito Dra. Virgínia Martins A Oficial de Justiça Teresa Calejo PÚBLICO, 2006.06.19

ANÚNCIO
Processo: 714/06.1TJPRT. Acção de Processo Sumário. Autora: FINICRÉDITO - INSTITUIÇÃO FINANCEIRA DE CRÉDITO, S.A. Ré: LIMPOTORRES - SOCIEDADE DE LIMPEZA E HIGIENE, LDA. e outro(s). Nos autos acima identificados, correm éditos de 30 dias, contados da data da segunda e última publicação do anúncio, citando a Ré: LIMPOTORRES - SOCIEDADE DE LIMPEZA E HIGIENE, LDA., NIF: 503374415, domicílio: Pátio Alfama, Armazém 5, São Pedro, 2560 Torres Vedras, com última residência conhecida na morada indicada, para, no prazo de 20 dias, decorrido que seja o dos éditos, contestar, querendo, a acção, com a cominação de que a falta de contestação importa a confissão dos factos articulados pela autora e que em substância o pedido consiste: - a) ver resolvido o contrato de locação financeira relativo ao veículo matrícula 90-26-VO, com efeitos a partir de 21 de Junho de 2005; b) a restituir o referido veículo e respectivos documentos à autora; c) a pagar a quantia de 3530,55 € referentes às rendas vencidas e não pagas e respectivos juros; d) pagar à autora a quantia de 3099,34 € correspondente à indemnização prevista no ponto 3 da al. b) da cláusula 13.ª das condições gerais do contrato em questão; e) pagar à autora a quantia de 3484,40 € referente à utilização do cartão BP Routez Plus e respectivos juros; f) seja ordenado o cancelamento de registo de locação financeira, tudo como melhor consta do duplicado da petição inicial que se encontra nesta Secretaria, à disposição da citanda. Fica advertida de que é obrigatória a constituição de mandatário judicial. 07.06.2006 O Juiz de Direito Dr. Paulo Duarte de Mesquita Teixeira A Oficial de Justiça Ana Ribeiro PÚBLICO, 2006.06.19

POSTOS DE RECEPÇÃO DE ANÚNCIOS

PALIARCO
LIVRARIA - PAPELARIA TÉCNICA - ARTES PLÁSTICAS
Urb. S. Marcos - Rua Cidade Rio de Janeiro, 9-A (junto à Escola Preparatória) - Tel./Fax 21 426 56 55 2735-659 Cacém

www.predipasso.com

VEÍCULOS
NA AMORA
POSTO DE RECEPÇÃO DE ANÚNCIOS
Eduardo & Graça, Lda. MODERNA

TEL. 210 111 010 / 20
até às 12 horas, para anunciar no dia seguinte

Classificados

PÚBLICO

Tribunal Judicial de Ourém
1.º Juízo

ANÚNCIO
Processo: 211/04.0TBVNO-A. Habilitação de Herdeiros. Requerente: BANCO COMERCIAL PORTUGUÊS, S.A. Requeridos: Sucessores de JOAQUIM DA FONSECA GAMEIRO e outro(s). Nos autos acima identificados, correm éditos de 30 dias, contados da data da segunda e última publicação do anúncio, citando os herdeiros ou sucessores incertos de JOAQUIM DA FONSECA GAMEIRO, com última residência conhecida em Penha Garcia, Idanha-a-Nova, para no prazo dos éditos virem à causa principal de Confirmação de Sentença Estrangeira, em que são partes: Requerente: BANCO COMERCIAL PORTUGUÊS, S.A, endereço: Praça D. João I, 28, 4000 Porto. Requerido: JOAQUIM DA FONSECA GAMEIRO e outro, requerer a sua habilitação como sucessores do falecido, sob pena de, não o fazendo, o processo prosseguir com o Ministério Público, tudo como melhor consta do duplicado da petição inicial que se encontra nesta Secretaria, à disposição do citando. 30.05.2006 A Juíza de Direito Dra. João Mendes Ferreira A Oficial de Justiça Maria do Céu Castanheira PÚBLICO, 2006.06.19

LIVRARIA/TABACARIA EDISA

RECEPÇÃO DE ANÚNCIOS

Av. Marcos Portugal n.º 1 Av. Marcos Portugal, n.º 1 Tel./Fax 212 212 147 Tel./Fax 222 66 57 Tel./Fax 21 222 66 57

de segunda a sexta

das àsàs 19 h 9das 9 18 h
R. João de Barros, 265

EM ODIVELAS PAPELARIA D. DINIS R. Alexandre Herculano, 39 A Tel./Fax 219 311 555 Tel./Fax 931 15 55

Modelo precisa de rapazes esculturais para acompanhar em jantares de negócios.
Envia LENA para o 3550

Tel. 22 6151077

A ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE FAMILIARES E AMIGOS DE DOENTES DE ALZHEIMER
Oferece os seguintes serviços:

Oferece os seguintes serviços: Informação sobre a doença • Uma linha telefónica de apoio • Grupos de convívio para familiares • Orientação na área de assistência social – Informação sobre a doença – Grupos de convívio para familiares Se precisa de nós, não hesite, contacte-nos – Uma linha telefónica de apoio – Orientação na área de assistência social
Telefone 21 361 04 60/8 - Fax 21 361 04 69 - E-mail: alzheimer@netcabo.pt Av. Ceuta Norte, Lote 1, Loja 1 e 2 - Quinta do Loureiro, 1350-410 Lisboa
Delegação do Norte: R. Barão do Corvo, 181, 4430-039 Vila Nova de Gaia • Tel. 226 066 863 • E-mail: apfadaporto@mail.pt Delegação do Centro: Centro de Saúde de S. Martinho do Bispo - Quinta dos Vales - 3040-316 COIMBRA Centro de Saúde de Pombal - 3100 POMBAL • Tel. 236 200 970 Delegação da Ilha da Madeira: Av. Colégio Militar - Complexo Habitacional da Nazaré, cave do Bloco 21 - Sala E - 9135 FUNCHAL - Tel./Fax 291 772 021

Se precisa de nós, não hesite, contacte-nos

Telefone 21 361 04 60/8 - Fax 21 361 04 69 Av. Ceuta Norte, Lote 1, Loja 1 e 2 – Quinta do Loureiro, 1350-410 Lisboa

60 LOCAL C L A S S I F I C A D O S
PÚBLICO • SEGUNDA-FEIRA, 19 JUNHO 2006

INFORMATIVOS

CONCURSO DE SECTORES ESPECIAIS
SECÇÃO I: ENTIDADE ADJUDICANTE I.1) DESIGNAÇÃO, ENDEREÇOS E PONTOS DE CONTACTO
Designação oficial Pontos de contacto CP – Caminhos de Ferro Portugueses, EP Direcção de Aprovisionamentos e Compras Atenção de “ Comissão para o Concurso de Prestação de Serviços de Limpeza em Veículos Ferroviários e Instalações para as Zonas Norte, Grande Lisboa e Sul” Endereço postal Calçada do Duque, 20 Localidade Lisboa Telefone +351 21 102 39 80 Código postal 1249-109 LISBOA País Portugal Fax +351 21 102 33 46 Endereço internet (URL) http://www.cp.pt

Lote 03 - serviços de limpeza das instalações e veículos ferroviários afectos às Linhas Urbanas de Cascais e Sado e aos serviços de Alfa Pendular, Intercidades, Regionais e Transporte de Mercadorias na Zona Sul. Serviços de limpeza para as instalações do Complexo Ferroviário de Santa Apolónia e dos veículos ferroviários do serviço Alfa Pendular com partida de Santa Apolónia (Anexo I ao Caderno de Encargos). II.3) DURAÇÃO DO CONTRATO OU PRAZO PARA A SUA EXECUÇÃO Período em meses: 24 ou dias: (a contar da data de adjudicação) Ou: Início / / (dd/mm/aaaa) / / (dd/mm/aaaa) e/ou termo SECÇÃO III: INFORMAÇÃO DE CARÁCTER JURÍDICO, ECONÓMICO, FINANCEIRO E TÉCNICO III.1) CONDIÇÕES RELATIVAS AO CONTRATO III.1.1) Cauções e garantias exigidas (se aplicável) As cauções e garantias a prestar pelo Adjudicatário são as definidas no Programa de Concurso. III.1.2) Principais modalidades de financiamento e pagamento e/ou referência às disposições que as regulam As condições de pagamento são definidas no Caderno de Encargos. III.1.3) Forma jurídica que deve assumir o agrupamento de operadores económicos adjudicatário (se aplicável) Poderão concorrer Empresas ou grupos de Empresas de acordo com o definido no Programa de Concurso. III.2) CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO III.2.1) Situação pessoal dos operadores económicos, nomeadamente requisitos em matéria de inscrição nos registos profissionais ou comerciais Informação e formalidades necessárias para verificar o cumprimento dos requisitos: Não aplicável III.2.2) Capacidade económica e financeira Informação e formalidades necessárias para verificar o cumprimento dos requisitos (se aplicável): Serão seleccionados os candidatos que preencham as condições de carácter económico e financeiro, definidas de seguida, para os 3 (três) últimos exercícios (2003 a 2005). - A média do Volume de Negócios dos últimos 3 (três) exercícios, deverá ser igual ou superior a 5.000.000,00 ¤ (cinco milhões de euros) em cada ano de exercício, tendo este critério uma ponderação de 20% (vinte por cento); - O valor médio do rácio de Autonomia Financeira relativo aos últimos 3 (três) anos de exercício deverá ser igual ou superior a 20% (vinte por cento). A ponderação para este critério é de 10% (dez por cento); - A Liquidez Geral deverá ser igual ou superior a 1,0 (um) para os últimos 3 (três) exercícios. A ponderação atribuída a este critério é de 10% (dez por cento); - O valor médio do Retorno dos Capitais Próprios relativo aos últimos 3 (três) exercícios deverá ser igual ou superior a 3% (três por cento). A ponderação atribuída a este critério é de 5% (cinco por cento); - O valor médio da Rentabilidade das Vendas relativo aos últimos 3 (três) exercícios deverá ser igual ou superior a 1,0% (um por cento). A ponderação atribuída a este critério é de 5% (cinco por cento). III.2.3) Capacidade técnica Informação e formalidades necessárias para verificar o cumprimento dos requisitos (se aplicável): Serão seleccionados os candidatos que preencham as condições de carácter técnico, definidas de seguida, para os 3 (três) últimos exercícios (2003 a 2005). - O candidato deverá ter um número de empregados efectivos superior a 300 (trezentos) relativamente ao último ano de actividade (ano 2005); - O candidato deverá ter nos últimos 3 (três) (2003 a 2005) anos experiência comprovada em prestação de serviços de natureza semelhante à que é objecto do presente concurso, nomeadamente o cumprimento de 5 (cinco) contratos na sua totalidade; A ponderação dos critérios de capacidade técnica é de 50% (cinquenta por cento) sendo estes eliminatórios. São considerados admitidos os candidatos que cumpram os critérios de capacidade técnica e cuja ponderação total dos critérios (capacidade financeira e técnica) seja igual ou superior a 80% (oitenta por cento). III.3) CONDIÇÕES ESPECÍFICAS DOS CONTRATOS DE SERVIÇOS III.3.1) A execução dos serviços está reservada a uma profissão específica sim não Em caso afirmativo, referência às disposições legislativas, regulamentares ou administrativas pertinentes: III.3.2) As pessoas colectivas devem indicar os nomes e habilitações profissionais do pessoal responsável pela execução do serviço sim não SECÇÃO IV: PROCESSO IV.1) TIPO DE PROCESSO IV.1.1) Tipo de Processo Concurso público Concurso limitado Por negociação Já foram seleccionados candidatos sim não Em caso afirmativo, indicar nomes e moradas dos operadores já seleccionados na secção VI.3) Informação complementar IV.2) CRITÉRIOS DE ADJUDICAÇÃO IV.2.1) Critérios de adjudicação (assinalar as casas pertinentes) Preço mais baixo Ou Proposta economicamente mais vantajosa, tendo em conta os critérios enunciados a seguir (os critérios de adjudicação deverão ser apresentados com a respectiva ponderação ou por ordem de importância sempre que a ponderação não seja possível por razões justificáveis) os critérios enunciados no caderno de encargos, no convite à apresentação de propostas ou para participar na negociação

IV.3.5) Língua ou línguas que podem ser utilizadas nas propostas ou nos pedidos de participação ES DA DE EL EN FR IT NL PT FI SV Outra – país terceiro ________________ IV.3.6) Período mínimo durante o qual o concorrente é obrigado a manter a sua proposta (concursos públicos) Até / / (dd/mm/aaaa) ou dias: 150 (a contar da data limite para recepção das propostas) ou Período em meses: SECÇÃO VI: informações complementares VI.1) Trata-se de um contrato de carácter Periódico (se aplicável) sim não Em caso afirmativo, calendário previsional para a publicação de anúncios ulteriores: __________________________________________________ VI.2) CONTRATO RELACIONADO COM UM PROJECTO E/OU PROGRAMA FINANCIADO POR FUNDOS COMUNITÁRIOS sim não VI.4) PROCESSOS DE RECURSO VI.4.1) Organismo encarregado dos processos de recurso
Designação Oficial CP – Caminhos de Ferro Portugueses, EP - Conselho de Gerência Endereço Calçada do Duque, 20 Código postal 1249-109 LISBOA País Portugal Fax +351 21 102 33 46 Endereço internet (URL) http://www.cp.pt

Mais informações podem ser obtidas no seguinte endereço: Se distinto, ver anexo A.I Ver “pontos de contacto” O caderno de encargos e documentos complementares (incluindo documentos relativos a um Sistema de Aquisição Dinâmico) podem ser obtidos no seguinte endereço: Se distinto, ver anexo A.II Ver “pontos de contacto” As propostas ou pedidos de participação devem ser enviados para o seguinte endereço: Se distinto, ver anexo A.III Ver “pontos de contacto” I.2) PRINCIPAIS ACTIVIDADES DA ENTIDADE ADJUDICANTE

Localidade Lisboa Telefone +351 21 102 39 80 Correio electrónico

Produção, transporte e distribuição de gás e combustível para aquecimento Electricidade Prospecção e extracção de gás e de petróleo Prospecção e extracção de carvão e outros combustíveis sólidos

Água Serviços postais Serviços ferroviários Serviços urbanos de caminhode-ferro, eléctricos, tróleis ou autocarros Actividades portuárias Actividades aeroportuárias

Órgão responsável pelos processos de mediação (se aplicável)
Designação Oficial CP – Caminhos de Ferro Portugueses, EP - Direcção de Aprovisionamentos e Compras Endereço Calçada do Duque, 20 Localidade Lisboa Telefone +351 21 102 39 80 Correio electrónico Código postal 1249-109 LISBOA País Portugal Fax +351 21 102 33 46 Endereço internet (URL) http://www.cp.pt

SECÇÃO II: OBJECTO DO CONTRATO II.1) DESCRIÇÃO II.1.1) Designação dada ao contrato pela entidade adjudicante Prestação de Serviços de limpeza em Veículos Ferroviários e Instalações para Zonas Norte, Grande Lisboa e Sul. II.1.2) Tipo de contrato e local da realização das obras, da entrega dos fornecimentos ou da prestação de serviços (Escolher apenas uma categoria – obras, fornecimentos ou serviços – que corresponda mais ao objecto específico do contrato ou aquisição em questão) a) Obras Execução Concepção e execução Realização, por qualquer meio, de uma obra que responda às necessidades especificadas pela entidade adjudicante b) Fornecimentos Compra Locação Financeira Aluguer locação - venda Combinação dos anteriores c) Serviços Categoria de serviço: nº 14 (Para serviços da categoria 1-27, ver anexo XVIIA e anexo XVIIB da Directiva 2004/17/CE) II.1.3) O anúncio implica Um contrato público A instauração de um Sistema de Aquisição Dinâmico (SAD) A celebração de um acordo-quadro II.1.5) Breve descrição do contrato ou das aquisições A prestação de serviços de limpeza interior e exterior, bem como a realização de actividades complementares, em veículos ferroviários da CP para os serviços Alfa Pendular, Intercidades, Internacional, Inter-regional, Regional, Urbanos do Porto e Lisboa, Comboios Turísticos e Transporte de Carga nas zonas Norte, Grande Lisboa e Sul, que garantam a qualidade e os níveis de serviço definidos pela entidade adjudicante. A prestação de serviços de limpeza em instalações administrativas,de apoio à actividade comercial da empresa - áreas de trabalho privadas e áreas de acesso público - plataformas de embarque e desembarque de passageiros e instalações técnicas, nas zonas Norte, Grande Lisboa e Sul. Consideram-se actividades complementares, entre outras, os abastecimentos de água às composições com instalações sanitárias, a descarga de efluentes e lavagem de reservatórios de WC's, o abastecimento de consumíveis de WC´s e reposição de encostos de cabeça e auscultadores, as desinfestações/ desparasitações e a manutenção preventiva e correctiva de equipamentos de suporte à actividade, que sejam propriedade da CP, disponibilizados para a realização do serviço II.1.6) Classificação CPV (Vocabulário Comum para os Contratos Públicos)
Vocabulário principal Objecto principal Objectos complementares Vocabulário complementar (se aplicável) • • • • • • • • • • • • • • • -

VI.4.2) Interposição de recursos (preencher a rubrica VI.4.2 ou, se necessário, rubrica VI.4.3) Informação precisa sobre os prazos para a interposição de recursos: No momento da decisão, devendo a respectiva fundamentação ser apresentada no prazo de 5 (cinco) dias úteis VI.4.3) Serviço junto do qual se pode obter mais informação sobre a apresentação de recursos Ver Órgão responsável pelos processos de mediação.
Designação Oficial CP – Caminhos de Ferro Portugueses, EP - Direcção de Aprovisionamentos e Compras Endereço Calçada do Duque, 20 Localidade Lisboa Telefone +351 21 102 39 80 Correio electrónico Código postal 1249-109 LISBOA País Portugal Fax +351 21 102 33 46 Endereço internet (URL) http://www.cp.pt

VI.5) DATA DE ENVIO DO PRESENTE ANÚNCIO: 09/06/2006 (dd/mm/aaaa) ANEXO B - INFORMAÇÕES RELATIVAS AOS LOTES Lote N.º 1 1) Descrição sucinta Prestação de serviços de limpeza em Veículos Ferroviários e Instalações para a Zona Norte. 2) Classificação CPV (Vocabulário comum para os contratos públicos)
Vocabulário principal Objecto principal Objectos complementares

74•70•00•00-6 74•74•20•00-2 74•75•00•00-1 74•72•10•00-9 74•74•00•00-8

Vocabulário complementar (se aplicável) • • • • • • • • • • • • • • • -

3) Quantidade ou Extensão A limpeza de veículos ferroviários e instalações será efectuada em localidades da Zona Norte, concretamente a norte de Aveiro (inclusivé), ou em outros locais situados na zona geográfica âmbito do concurso, onde a entidade adjudicante determine a necessidade de prestação de serviços decorrentes de alterações na oferta ou outros factores operacionais. Se conhecido, custo estimado, sem IVA (indicar apenas valores):_________________ divisa____________ ou valor entre____________ e ____________ divisa___________ ANEXO B - INFORMAÇÕES RELATIVAS AOS LOTES Lote N.º 2 1) Descrição sucinta Prestação de serviços de limpeza em Veículos Ferroviários e Instalações para a Zona da Grande Lisboa. 2) Classificação CPV (Vocabulário comum para os contratos públicos)
Vocabulário principal Objecto principal Objectos complementares

74•70•00•00-6 74•74•20•00-2 74•75•00•00-1 74•72•10•00-9 74•74•00•00-8

Vocabulário complementar (se aplicável) • • • • • • • • • • • • • • • -

74•70•00•00-6 74•74•20•00-2 74•75•00•00-1 74•72•10•00-9 74•74•00•00-8

3) Quantidade ou Extensão A limpeza de veículos ferroviários e instalações será efectuada em localidades da Zona da Grande Lisboa nos locais relativos às linhas urbanas de Sintra e Azambuja ou em outros locais situados na zona geográfica âmbito do concurso, onde a entidade adjudicante determine a necessidade de prestação de serviços decorrentes de alterações na oferta ou outros factores operacionais. Se conhecido, custo estimado, sem IVA (indicar apenas valores):________________ divisa____________ ou valor entre____________ e ____________ divisa___________ ANEXO B - INFORMAÇÕES RELATIVAS AOS LOTES Lote N.º 3 1) Descrição sucinta Prestação de serviços de limpeza em Veículos Ferroviários afectos às Linhas Urbanas de Cascais e Sado e Instalações para a Zona Sul. 2) Classificação CPV (Vocabulário comum para os contratos públicos)
Vocabulário principal Objecto principal Objectos complementares

II.1.7) O contrato está abrangido pelo Acordo sobre Contratos Públicos (ACP) sim não II.1.8) Divisão em lotes sim não (para fornecer informações sobre lotes, utilizar o número de exemplares do anexo B correspondente ao número de lotes) Em caso afirmativo, devem ser enviadas propostas para (assinalar apenas uma casa): apenas um lote um ou mais lotes todos os lotes II.1.9) São aceites variantes sim não II.2) QUANTIDADE OU EXTENSÃO DO CONTRATO II.2.1) Quantidade ou extensão total (incluindo todos os lotes e opções, se aplicável) Lote 01 - serviços de limpeza das instalações e veículos ferroviários na Zona Norte, considerando-se esta a área geográfica situada a norte de Aveiro, afectos aos serviços de Alfa Pendular, Intercidades, Internacional - Vigo, Regional, Inter-regional, Urbanos do Porto e Transporte de Mercadorias (Anexo I ao Caderno de Encargos); Lote 02 - serviços de limpeza das instalações e veículos ferroviários afectos às Linhas Urbanas de Sintra e Azambuja na zona da Grande Lisboa e do Complexo Ferroviário de Campolide (Anexo I ao Caderno de Encargos);

Critérios 1. Preço 2. Meios Humanos e Condições de execução do trabalho 3. Controlo da realização do serviço e gestão do contrato 4. Meios técnicos utilizados
IV.2.2) Proceder-se-á a leilão electrónico sim não

Ponderação 60% 20% 15% 5%

IV.3) INFORMAÇÕES DE CARÁCTER ADMINISTRATIVO IV.3.3) Condições para a obtenção do caderno de encargos e documentos complementares (excepto para um SAD) Prazo para recepção de pedidos de documentos ou para aceder aos documentos Data: 21/07/2006 (dd/mm/aaaa) Hora:________ Documentos a título oneroso sim não Em caso afirmativo, indicar preço (indicar apenas valores): __________ Divisa: ________________ Condições e modo de pagamento:____________________________________________________________ IV.3.4) Prazos de recepção das propostas e pedidos de participação Data: 27/07/2006 (dd/mm/aaaa) Hora:________

74•70•00•00-6 74•74•20•00-2 74•75•00•00-1 74•72•10•00-9 74•74•00•00-8

Vocabulário complementar (se aplicável) • • • • • • • • • • • • • • • -

3) Quantidade ou Extensão A limpeza de veículos ferroviários e instalações será efectuada em localidades da Zona Sul, em St.ª Apolónia e nos locais relativos à linha urbana de Cascais, ou em outros locais situados na zona geográfica âmbito do concurso, onde a entidade adjudicante determine a necessidade de prestação de serviços decorrentes de alterações na oferta ou outros factores operacionais. Se conhecido, custo estimado, sem IVA (indicar apenas valores):_____________ divisa____________ ou valor entre____________ e ____________ divisa___________ O Conselho de Gerência

C L A S S I F I C A D O S LOCA L 61
PÚBLICO • SEGUNDA-FEIRA, 19 JUNHO 2006

◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆

✷◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆✷
COMPRAMOS – VENDEMOS
ANTIGAS E MODERNAS

DIVERSOS

EMPREGO
EMPREGADOS/AS
Damos-lhe trabalho fácil, p/ ser executado em sua casa. Pode ser em part/full time. Bom trabalho. Com ganhos acima dos 3.000 €. Peça informações grátis todo o País.
E.P.M. - Apartado 1699, 1016-001 Lisboa Ou envie SMS com nome e morada completos para:

◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆

JÓIAS • OURO • PRATAS
MOEDAS • NOTAS - RELÓGIOS DE BOLSO
Relógios de pulso antigos ou modernos de boas marcas

☎ 969 443 981

ANTIGUIDADES • IMAGENS • PORCELANAS • MÓVEIS • PINTURAS
Rua de S. Nicolau, 113 loja – TELEFS. 21 346 99 50 – Fax 21 343 00 65 – 1100-182 Lisboa Metro Baixa Chiado. Saída pela Rua do Crucifixo

TEL. 210 111 010 / 20
até às 12 horas, para anunciar no dia seguinte

Classificados

PÚBLICO

✷◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆◆✷

LISBOA
C. C. Colombo - Piso 0

ALMADA
Almada Forum - Loja 1.85A NorteShopping - Piso 0

PORTO

LIGA DOS AMIGOS DOS HOSPITAIS LAR DE IDOSOS E ACAMADOS
Aceita inscrições através do telefone 213 242 900

MUNICÍPIO DE COIMBRA ANÚNCIO CONCURSO PÚBLICO N.º 5/2006
Encontra-se aberto concurso público com as seguintes características: 1 - Entidade promotora: Município de Coimbra - Praça Oito de Maio, 3000-300 Coimbra, telefone 239857500; fax 239820114; correio electrónico: geral@cm-coimbra.pt. 2 - Objecto: Prestação de serviços de seguro de acidentes em serviço. 3 - Documentação: a) O programa de concurso e o caderno de encargos podem ser adquiridos no Município de Coimbra, Divisão Administrativa e de Atendimento, Praça Oito de Maio, 3000-300 Coimbra, até à data-limite para a entrega das propostas, ou, ainda, no sítio www.cm-coimbra.pt. b) O custo dos documentos em papel é de € 4,20 acrescido de IVA, podendo ser adquiridos pessoalmente ou solicitados por via postal mediante o pagamento prévio daquela importância, acrescida dos custos dos portes, através de cheque ou vale postal emitido à ordem do Tesoureiro da Câmara Municipal de Coimbra. c) Os documentos poderão ainda ser copiados gratuitamente a partir do sítio acima indicado. 4 - Entrega das propostas: As propostas deverão ser entregues na Divisão Administrativa e de Atendimento da Câmara Municipal de Coimbra, até às 16h30m do 15.º dia útil a contar da publicação do anúncio de abertura no Diário da República. 5 - Acto público do concurso: As propostas serão abertas em acto público, que decorrerá no dia útil imediato à data-limite para a entrega das propostas, pelas 15 horas, na Divisão de Património e Aprovisionamento do Município de Coimbra, na mesma morada, podendo nele intervir os concorrentes ou os seus representantes devidamente credenciados nos termos do n.º 10.2. do programa de concurso. 6 - O anúncio de abertura foi enviado para publicação no Diário da República no dia 14/06/2006. Coimbra, 14 de Junho de 2006 O Presidente da Câmara Municipal Carlos Encarnação
PÚBLICO, 2006.06.19

6 2 LO C A L R OT E I R O

CINEMA
LISBOA
f Cinemateca Portuguesa
R. Barata Salgueiro, 39 Lisboa. T. 213596200

PÚBLICO• SEGUNDA-FEIRA, 19 JUN 2006

ForUjazz no Parque Mayer
LISBOA Parque Mayer. Trav. do Salitre. Hoje às 22h. Entrada Livre.

No âmbito das festas de Lisboa 2006, o Teatro Variedades, no Parque Mayer, é palco do Festival ForUjazz em articulação com o Hot Club de Lisboa. Hoje com Louis Sclavis e Vincent Courtois Duo (França).

Julia Sala Félix Ribeiro - 15h30 Quando Paris Delira Sala Félix Ribeiro - 19h Kristin Lavransdatter Sala Félix Ribeiro - 21h30 Sortilégio do Amor Sala Luís de Pina - 22h Ovos Sala Luís de Pina - 19h30 f Fonte Nova
Est. Benfica, 503. T. 217145088

17h30, 20h30, 21h05, 23h50, 00h20 Missão: Impossível 3 M12. 12h50, 15h50, 18h30, 21h15, 23h55 X-Men 3 - O Confronto Final M12. 13h05, 15h30, 18h20, 21h30, 00h05 The Omen - O Génio do Mal M16. 13h15, 15h55, 18h25, 21h40, 00h25 f Lusomundo Olivaishopping
R. Cidade de Bolama. T. 707 CINEMA

O Código Da Vinci M12. Sala 1 - 14h30, 18h, 21h30 The Omen - O Génio do Mal M16. Sala 2 - 14h, 16h45, 19h15, 21h45 Ritmo e Sedução Sala 3 - 14h15, 17h, 19h30, 22h f King
Av. Fr. Miguel Contreiras, 52A. T. 218480808

O Código Da Vinci M12. 13h, 17h, 21h, 24h No Limiar da Verdade M12. 12h40, 15h30, 18h10, 21h20, 00h10 X-Men 3 - O Confronto Final M12. 21h30, 23h50 O Rafeiro M6. 13h10, 15h20, 17h30, 19h30 (V.Port.) The Omen - O Génio do Mal M16. 12h50, 15h40, 18h20, 21h10, 23h40 f Lusomundo Vasco da Gama
Parque das Nações. T. 707 CINEMA

21h40, 24h Missão: Impossível 3 M12. Sala 11 - 13h, 15h50, 18h50, 21h30, 00h10 Indian, o Grande Desafio M12. Sala 12 - 21h40, 00h30 O Rafeiro M6. Sala 12 - 14h20, 16h40, 19h (V.Port.) No Limiar da Verdade M12. Sala 13 - 16h, 18h45, 21h30 Falhados... Por Um Fio M12. Sala 14 - 15h30, 18h15, 21h15 Murderball - Espírito de Combate M12. Sala 15 - 16h, 18h45, 21h30 O Novo Mundo M12. Sala 16 - 15h30, 18h15, 21h15 f Monumental

21h45, 00h20 O Novo Mundo M12. Sala 5 - 13h, 16h, 19h, 22h10 f UCI Cinemas
El Corte Inglés, Av. Ant. Aug. Aguiar, 31. T. 707232221

Av. Praia da Vitória. T. 213142223

Maria Madalena M12. Sala 1 - 14h15, 16h45, 19h15, 21h45, 00h15 Natureza Morta M12. Sala 2 - 19h Loucuras de Um Génio M12. Sala 2 - 14h, 16h30, 21h30, 24h Inconscientes M12. Sala 3 - 14h30, 17h, 19h30, 22h, 00h30 f Londres
Av. Roma, 7A. T. 707220220

O Código Da Vinci M12. Sala 1 - 14h30, 17h30, 21h30 Um Toque de Canela M12. Sala 2 - 14h15, 16h45, 19h15, 21h45 f Lusomundo Amoreiras
Av. Eng. Duarte Pacheco. T. 707 CINEMA

Modigliani M12. 13h, 15h50, 18h30, 21h10, 23h50 A Lula e a Baleia M16. 14h, 16h25, 18h10, 20h10, 22h10, 00h25 O Código Da Vinci M12. 14h15, 17h30, 20h50, 23h50 Escolha Mortal M16. 22h, 00h20 X-Men 3 - O Confronto Final M12. 13h15, 15h30, 17h50, 21h30, 24h Astérix e os Vikings M4. 13h, 15h, 17h, 19h10 Hard Candy M16. 13h30, 16h10, 18h50, 21h50, 00h15 Ritmo e Sedução 13h30, 16h, 18h40, 21h30, 00h10 f Lusomundo Colombo
Av. Lusíada. T. 707 CINEMA

O Código Da Vinci M12. 12h40, 15h30, 16h, 19h15, 21h35, 23h35 Falhados... Por Um Fio M12. 12h55, 15h20, 17h20, 19h20, 21h40, 00h05 Missão: Impossível 3 M12. 12h50, 15h40, 18h20, 21h15, 23h55 X-Men 3 - O Confronto Final M12. 13h40, 16h20, 18h50, 21h30, 00h10 Ela é... Ele M6. 13h35, 15h55, 18h15, 21h, 23h40 O Rafeiro M6. 21h20, 23h50 Astérix e os Vikings M4. 11h, 13h25, 15h25, 17h25, 19h25 Ritmo e Sedução 13h10, 15h50, 18h30, 21h45, 00h15 The Omen - O Génio do Mal M16. 13h, 15h45, 18h40, 21h25, 00h20 Com a Casa às Costas M6. 13h20, 15h35, 18h, 21h10, 23h30 f Millenium Alvaláxia
Estádio José Alvalade, Campo Grande. T. 217549000

A Lula e a Baleia M16. Sala 4 - Cine Teatro - Sala William Lawsons - 13h40, 15h40, 17h40, 19h40, 21h40, 00h30 O Código Da Vinci M12. Sala 1 - 13h05, 16h, 19h, 22h A Comédia do Poder M12. Sala 2 - 14h, 16h30, 19h10, 21h30, 00h20 Inconscientes M12. Sala 3 - 13h50, 16h20, 18h50, 21h30, 24h f Monumental Saldanha Residence
Av. Fontes Pereira de Melo. T. 213142223

O Código Da Vinci M12. Sala 5 - 15h, 18h, 21h, 24h Com a Casa às Costas M6. Sala 6 13h45, 15h45, 17h45, 20h, 22h, 00h30 Stoned, Anos Loucos M16. Sala 7 - 19h, 00h10 Escolha Mortal M16. Sala 7 - 14h, 16h30, 21h30 The Omen - O Génio do Mal M16. Sala 8 - 14h10, 16h40, 19h10, 21h40, 00h20 f Nimas
Av. 5 Outubro, 42B. T. 213574362

Infiltrado M12. Sala 1 - 21h30, 00h10 O Rafeiro M6. Sala 1 - 14h15, 16h25, 19h O Código Da Vinci M12. Sala 2 - 15h30, 18h30, 22h O Novo Mundo M12. Sala 3 - 21h50, 00h30 Astérix e os Vikings M4. Sala 3 14h10, 16h10, 18h10, 20h The Omen - O Génio do Mal M16. Sala 4 - 14h10, 16h50, 19h20, 21h55, 00h20 Hard Candy M16. Sala 5 - 14h20, 16h50, 19h30, 22h10, 00h30 Ritmo e Sedução Sala 6 - 14h10, 16h45, 19h10, 21h45, 00h10 Os Amigos de Dean M12. Sala 7 14h30, 17h, 19h20, 21h40, 00h10 Crianças Invisíveis M12. Sala 8 - 14h, 16h40, 19h15, 21h50, 00h30 Com a Casa às Costas M6. Sala 9 - 14h, 16h05, 18h10, 20h15, 21h50, 00h20 Missão: Impossível 3 M12. Sala 10 - 14h, 19h, 21h40 Escolha Mortal M16. Sala 10 - 16h30, 00h15 Estranhos em Casa M16. Sala 11 - 14h30, 16h50, 19h10, 21h55, 00h05 O Código Da Vinci M12. Sala 12 - 14h15, 17h30, 21h15, 00h15 X-Men 3 - O Confronto Final M12. Sala 13 - 14h20, 16h40, 19h10, 21h50, 00h25 O Tempo que Resta M12. Sala 14 - 14h30, 16h30, 18h20, 20h20, 22h30, 00h20

EURO 2004 - Amor e Futebol M12. 12h55, 15h15, 17h30, 21h50, 00h15 Astérix e os Vikings M4. 13h30, 16h, 18h30 (V.Port.) Ritmo e Sedução 13h, 15h30, 18h, 21h20, 23h50 The Omen - O Génio do Mal M16. 13h30, 15h50, 18h20, 21h, 23h30 Com a Casa às Costas M6. 12h45, 15h10, 17h40, 21h30, 00h10

FILMES
EM ESTREIA
A Lula e a Baleia De Noah Baumbach. Com Jeff Daniels, Laura Linney, Jesse Eisenberg. EUA. 2005. 81m. ComDra. M16. Bernard Berkman, académico e escritor, e a sua mulher insatisfeita, Joan, aspirante a escritora, desistiram do seu casamento. Os seus dois filhos, Walt, de 16 anos, e Frank, de 12, são assim obrigados a entrar na idade adulta. Lusomundo Amoreiras, Monumental. Com a Casa às Costas De Barry Sonnenfeld. Com Robin Williams, Cheryl Hines, JoJo. EUA/ALE. 2006. 98m. Com. M6. Bob, a mulher, Jamie, e os filhos, de 12 e 15 anos, precisam de passar férias juntos. Por isso decidem ir até ao Havai. Mas Bob muda de planos e, sem os avisar, troca a viagem a um paraíso tropical por uma atribulada aventura, numa carrinha, no Colorado. Castello Lopes - Rio Sul Shopping, Castello Lopes-Cascais Villa, Castello Lopes-Guia, Castello LopesLoureshopping, Castello LopesSantarém, Cinema City Beloura, Lusomundo Almada Fórum, Lusomundo CascaiShopping, Lusomundo Colombo, Lusomundo Fórum Montijo, Lusomundo Odivelas Parque, Lusomundo Oeiras Parque, Lusomundo Vasco da Gama, Lusomundo Vilamouracine, Millenium Alvaláxia, Monumental Saldanha Residence, SBC-International Cinemas, UCI Cinemas. Estranhos em Casa De Adam Rapp. Com Ed Harris, Zooey Deschanel, Will Ferrell. EUA. 2005. 98m. Dra. M16. Reese Holden é uma actriz de teatro a quem um dia oferecem cem mil dólares pela publicação das cartas de amor que o seu lendário e arisco pai, o romancista Don Holden, escrevera à sua mãe já falecida, Mary, uma aclamada escritora. Reese parte então para a sua terra natal, onde vai reencontrar o seu pai a viver com dois jovens inquilinos. Millenium Alvaláxia, UCI Cinemas. Ritmo e Sedução De Liz Friedlander. Com Antonio Banderas, Rob Brown, Yaya DaCosta. EUA. 2006. 108m. Dra, Mus. Pierre Dulaine, um professor de dança de Manhattan, disponibiliza o seu tempo para ensinar danças de salão a um grupo de estudantes de uma escola de Nova Iorque

BARREIRO
f Casa da Cultura Adubos de Portugal
Rua da CUF. T. 212070004

Uma Família dos Diabos M12. Sala 1 - 21h15 f Feira Nova Barreiro
Hipermercado Feira Nova. T. 212060020

O Código Da Vinci M12. Sala 1 - 14h, 16h30, 19h, 21h30 Falhados... Por Um Fio M12. Sala 2 - 14h15, 16h45, 19h15, 21h45 X-Men 3 - O Confronto Final M12. Sala 3 - 14h15, 16h45, 19h15, 21h45 Missão: Impossível 3 M12. Sala 4 - 21h30 Wassup Rockers - Desafios da Rua M12. Sala 4 - 19h O Rafeiro M6. Sala 4 - 14h, 16h30

que estão de castigo. Castello Lopes - Rio Sul Shopping, Castello Lopes-Guia, Castello Lopes-Loureshopping, Castello Lopes-Mem Martins, Castello Lopes-Portimão, Cinema City Beloura, Fonte Nova, Lusomundo Almada Fórum, Lusomundo Amoreiras, Lusomundo CascaiShopping, Lusomundo Colombo, Lusomundo Fórum Montijo, Lusomundo Odivelas Parque, Lusomundo Oeiras Parque, Lusomundo Vasco da Gama, Millenium Alvaláxia, SBCInternational Cinemas, Twin Towers, UCI Cinemas. Um Toque de Canela De Tassos Boulmetis. Com Georges Corraface, Ieroklis Michaelidis, Renia Louizidou. GRE/Turquia. 2003. 108m. ComDra. M12. Fanis, um conceituado professor de Astrofísica, recebe uma carta do seu avô, que foi o seu mentor, um homem muito especial com uma peculiar filosofia culinária. Ao saber da doença do avô, Fanis decide partir de imediato, numa viagem que o fará reencontrar também o seu passado. Londres.

EM CARTAZ

CASCAIS
f Castello LopesCascais Villa
Cascais Villa, Av. Marginal. T. 707220220

Ela é... Ele M6. 13h25, 15h45, 18h10, 21h25, 00h10 O Rafeiro M6. 13h, 15h20, 17h55 (V.Port.), 21h, 23h45 EURO 2004 - Amor e Futebol M12. 21h10, 23h40 Astérix e os Vikings M4. 12h55, 15h25, 17h20, 19h15 Ritmo e Sedução 13h10, 15h35, 18h05, 21h20, 00h15 Com a Casa às Costas M6. 13h20, 15h40, 18h15, 21h35, 24h O Código Da Vinci M12. 12h45, 13h30, 16h30,

Hard Candy M16. Sala 1 - 14h, 16h30, 19h, 22h, 00h20 Ritmo e Sedução Sala 2 - 13h30, 16h20, 19h, 21h40, 00h20 O Código Da Vinci M12. Sala 3 - 13h30, 17h, 21h30, 00h30 Com a Casa às Costas M6. Sala 4 - 14h, 16h20, 18h40, 21h30, 00h10 Estranhos em Casa M16. Sala 5 - 14h10, 16h30, 18h50, 22h, 24h O Último Destino 3 M16. Sala 6 - 21h50, 00h20 Astérix e os Vikings M4. Sala 6 - 13h40, 16h10, 18h30 The Omen - O Génio do Mal M16. Sala 7 - 13h40, 16h20, 19h, 22h, 00h30 X-Men 3 - O Confronto Final M12. Sala 8 - 14h, 16h20, 18h40, 21h50, 00h10 Freedomland - A Cor do Crime M16. Sala 9 - 00h20 Ela é... Ele M6. Sala 9 - 14h, 17h, 19h30, 21h50 Os Amigos de Dean M12. Sala 10 - 14h10, 16h40, 19h10,

Lisboetas M12. Sala 1 - 14h30, 17h, 19h, 22h f Quarteto
R. Flores de Lima, 16. T. 217971378

ALMADA
f Academia Almadense
R. Capitão Leitão, 64. T. 212729750

O Código Da Vinci M12. Sala 1 - 14h, 17h30, 21h20 Hard Candy M16. Sala 2 13h10, 15h50, 18h20, 22h X-Men 3 - O Confronto Final M12. Sala 3 - 13h05, 15h40, 18h10, 21h50 The Omen - O Génio do Mal M16. Sala 4 - 13h, 15h30, 18h, 21h40 Com a Casa às Costas M6. Sala 5 13h15, 16h, 18h30, 21h30 f Lusomundo CascaiShopping
CascaiShopping-EN 9, Alcabideche. T. 707 CINEMA

Modigliani M12. Sala 1 - 14h30, 16h45, 21h45 Indian, o Grande Desafio M12. Sala 1 - 19h O Código Da Vinci M12. Sala 2 - 14h30, 19h, 21h45 Pele M12. Sala 2 - 17h15 A Condessa Russa M12. Sala 3 - 14h30, 17h, 19h15, 22h Bambi 2 - O Grande Príncipe da Floresta M4. Sala 4 - 14h30 O Novo Mundo M12. Sala 4 - 17h, 19h15, 22h f Twin Towers
Galerias Twin Towers, R. de Campolide, 351. T. 217249232

X-Men 3 - O Confronto Final M12. Sala 1 - 15h30, 21h30 f Lusomundo Almada Fórum
Estr. Caminho Municipal, 1011 - Vale de Mourelos. T. 707 CINEMA

O Código Da Vinci M12. Sala 1 - 13h, 16h10, 19h20, 22h30 The Omen - O Génio do Mal M16. Sala 2 - 14h30, 17h, 19h20, 22h, 00h10 Ritmo e Sedução Sala 3 - 13h10, 15h45, 18h20, 21h40, 00h15 X-Men 3 - O Confronto Final M12. Sala 4 - 13h20, 15h50, 18h30,

Stoned, Anos Loucos M16. 13h40, 16h20, 19h, 21h40, 00h05 O Código Da Vinci M12. 13h10, 15h20, 16h40, 19h, 21h30, 23h30 O Último Destino 3 M16. 21h40, 23h50 Freedomland - A Cor do Crime M16. 12h55, 15h55, 18h45, 21h25, 23h55 Missão: Impossível 3 M12. 12h40, 15h30, 18h20, 21h20, 00h10 No Limiar da Verdade M12. 13h15, 15h45, 18h15, 21h10, 23h45 X-Men 3 - O Confronto Final M12. 12h55, 16h, 18h35, 21h10, 23h40 Ela é... Ele M6. 13h05, 16h05, 18h50, 21h55, 00h20 O Rafeiro M6. 13h20, 15h40, 17h55 (V.Port.), 21h, 23h20

O Código Da Vinci M12. 12h40, 15h50, 19h, 21h, 22h, 24h X-Men 3 - O Confronto Final M12. 21h10, 23h30 O Rafeiro M6. 13h10, 16h30, 18h50 (V.Port.) Astérix e os Vikings M4. 13h, 15h10, 17h10, 19h Hard Candy M16. 13h50, 16h20, 18h40, 21h20, 23h40 Ritmo e Sedução 13h30, 16h10, 18h30, 21h30, 00h10 The Omen - O Génio do Mal M16. 13h20, 16h, 18h20, 21h20, 23h45 Com a Casa às Costas M6. 13h40, 16h, 18h50, 21h40, 23h50

Missão: Impossível 3 De J.J. Abrams. Com Tom Cruise, Ving Rhames, Philip Seymour Hoffman. EUA. 2006. 126m. Acç, Ave. M12. Tom Cruise regressa como o Agente Especial Ethan Hunt, que vai enfrentar a mais difícil missão e o maior vilão de sempre: Owen Davian, um vendedor internacional de armas sem escrúpulos nem consciência. Castello Lopes-Guia, Castello Lopes-Mem Martins, Cinema City Beloura, Feira Nova Barreiro, Lusomundo Almada Fórum, Lusomundo Colombo, Lusomundo Fórum Montijo, Lusomundo Odivelas Parque, Lusomundo Vasco da Gama, Millenium Alvaláxia, UCI Cinemas. O Código Da Vinci De Ron Howard. Com Tom Hanks, Audrey Tautou, Ian McKellen. EUA. 2006. 155m. Dra, Thr. M12. Adaptação do best-seller de Dan Brown, totalmente envolto em mistério - só será visto pela primeira vez no Festival de Cannes, na véspera da estreia mundial -, O Código da Vinci já começou a incendiar multidões. A grande polémica deve-se ao tema do livro: a Igreja terá escondido até hoje que Jesus e Maria Madalena casaram e tiveram um filho. AtlântidaCine, Castello Lopes - Rio Sul

Shopping, Castello Lopes - Rio Sul Shopping, Castello LopesCascais Villa, Castello LopesGuia, Castello Lopes-Guia, Castello Lopes-Jumbo Setúbal, Castello Lopes-Jumbo Setúbal, Castello Lopes-Loureshopping, Castello Lopes-Loureshopping, Castello Lopes-Lourinhã, Castello Lopes-Mem Martins, Castello Lopes-Portimão, Castello Lopes-Portimão, Castello Lopes-Santarém, Castello Lopes-Torres Novas, Centro Cultural do Cartaxo, Cinema City Beloura, Cinema City Beloura, Cinema Palmeiras, Delta, Feira Nova Barreiro, Fitares Shopping, Fonte Nova, Londres, Lusomundo Almada Fórum, Lusomundo Amoreiras, Lusomundo CascaiShopping, Lusomundo Colombo, Lusomundo Dolce Vita Miraflores, Lusomundo Fórum Montijo, Lusomundo Odivelas Parque, Lusomundo Oeiras Parque, Lusomundo Olivaishopping, Lusomundo Vasco da Gama, Millenium Alvaláxia, Monumental, Monumental Saldanha Residence, Pombalcine, Quarteto, SBC-International Cinemas, SBC-International Cinemas, Twin Towers, UCI Cinemas, UCI Cinemas. X-Men 3 – O Confronto Final De Brett Ratner. Com Patrick Stewart, Hugh Jackman, Ian McKellen, Halle Berry. EUA. 2006. 104m. Acç, Ave. M12. Neste terceiro filme da série XMen, é descoberta uma “cura“ para os mutantes. Pela primeira vez, estes têm a oportunidade de escolher entre manter-se como são ou desistirem dos seus poderes, tornando-se humanos. Mas os líderes não concordam com esta cura, o que leva a um confronto. Academia Almadense, Auditório Municipal de Pombal, Castello Lopes - Rio Sul Shopping, Castello Lopes-Cascais Villa, Castello Lopes-Guia, Castello Lopes-Jumbo Setúbal, Castello Lopes-Loureshopping, Castello Lopes-Mem Martins, Castello Lopes-Portimão, Castello Lopes-Portimão, Castello Lopes-Santarém, Cinema City Beloura, Feira Nova Barreiro, Floresta Center, LagoShopping, Lusomundo Almada Fórum, Lusomundo Amoreiras, Lusomundo CascaiShopping, Lusomundo Colombo, Lusomundo Dolce Vita Miraflores, Lusomundo Odivelas Parque, Lusomundo Oeiras Parque, Lusomundo Olivaishopping, Lusomundo Vasco da Gama, Millenium Alvaláxia, SBC-International Cinemas, SBC-International Cinemas, Twin Towers, UCI Cinemas.

AS ESTRELAS DO PÚBLICO
Jorge Mourinha A Lula e a Baleia Stoned – Anos Loucos Crianças Invisíveis Escolha Mortal Inconscientes Loucuras de Um Génio Murderball O Código Da Vinci Os Amigos de Dean Um Toque de Canela
{ @@@ @@ @@ @@@ @@

Luís M. Oliveira
@@@ @ @@

Mário J. Torres

Vasco Câmara


@ @@

— — —
@@

CALDAS DA RAINHA
f Delta
C.C.R. Montras - R. Almirante Cândido Reis. T. 262880209


@ @@ @ @


@@@ @@ @@@

— — — —
@@ @@

— —
@@ @


@

O Código Da Vinci M12. Delta 1 - 15h15, 21h30 Terror nas

— —

A evitar @ Dispensável @ @ A ver @ @ @ A não perder @ @ @ @ Imprescindível @ @ @ @ @ Obra-prima

R OT E I R O LO C A L 6 3

AGENDA
Montanhas M18. Delta 2 - 15h15, 17h30, 21h45

PÚBLICO• SEGUNDA-FEIRA, 19

Sequeira Costa no S. Luiz
Sequeira Costa apresenta, ao piano, um recital Chopin, no S. Luiz.
LISBOA Teatro Municipal S. Luiz. R. António Maria Cardoso, 38.Tel.: 213257650. Hoje às 19h. Bilhetes entre os 12 e 15 euros.

CARCAVELOS
f Atlântida-Cine
R. Dr. Manuel Arriaga. T. 214565653

O Código Da Vinci M12. Sala 1 - 15h30, 21h30 Indian, o Grande Desafio M12. Sala 2 - 15h45, 21h45

MEM MARTINS
f Castello LopesMem Martins
C. C. Feira Nova, Mem Martins. T. 707220220

13h20, 15h10, 17h, 18h50 The Omen - O Génio do Mal M16. Sala 4 - 13h30, 15h50, 18h10, 21h40, 24h Ritmo e Sedução Sala 5 - 13h10, 15h30, 18h20, 21h50, 00h15 Com a Casa às Costas M6. Sala 6 13h50, 16h, 18h30, 21h30, 23h40 Ela é... Ele M6. Sala 7 - 21h, 23h50 O Rafeiro M6. Sala 7 - 13h40, 15h40, 18h40

15h40, 18h15, 21h20, 23h40 The Omen - O Génio do Mal M16. 12h55, 16h, 18h30, 21h, 23h30 Com a Casa às Costas M6. 13h20, 15h50, 18h40, 21h40, 23h50

4 - 13h40, 15h40, 18h30, 21h30 The Omen - O Génio do Mal M16. Sala 5 - 13h10, 16h, 18h50, 21h40 Com a Casa às Costas M6. Sala 6 - 13h30, 16h20, 19h10, 21h50

O Novo Mundo M12. Sala 2 - 22h

Moreira. Até 21/6. Todos os dias 21h45. M/16. f Teatro Azul
Rua Gonçalves Crespo, 26 . T. 808201613 - Lisboa

Nuno Moreira. Até 30/6. Todos os dias 18h às 02h. f Fortaleza de Sagres
. T. 282620140 - Sagres

213935159 - Lisboa

PRAIA DA LUZ
f Cine-Estúdio Praia da Luz
Praia da Luz. T. 282789202

Firewall M12. Sala 1 - 22h

MIRAFLORES
f Lusomundo Dolce Vita Miraflores
C. C. Dolce Vita - Av. das Túlipas. T. 707 CINEMA

SETÚBAL
f Auditório Charlot
Av. Dr. António Manuel Gamito, 11. T. 265522446

Um Poder Chamado Palavra. Com Nuno Miguel Henriques. Até 30/6. Seg. 21h45. Inf: 968972501. f Teatro Bocage
Rua Manuel Soares Guedes, 13 A. T. 214788120 - Lisboa

As Origens do Promontório Sacro. Até 30/11. Todos os dias 9h30 às 17h30. Faro 2005. f Fundação Arpad Szenes Vieira da Silva
Pç. Amoreiras, 56. T. 213880039 - Lisboa

Casa do Futuro . Até 31/12. Seg. a sex. 10h às 18h. Sáb. 14h às 18h. Exposição permanente. Cinco Séculos de Comunicações em Portugal. A partir de 2/5. Seg. a sex. 10h às 18h. Sáb. 14h às 18h. Exposição permanente. f Museu Nacional de História Natural
R. Escola Politécnica, 58. T. 213921800 - Lisboa

ALBUFEIRA
f Castello LopesGuia
Algarve Shopping. T. 707220220

MONTIJO
f Lusomundo Fórum Montijo
Fórum Montijo. T. 707 CINEMA

O Código Da Vinci M12. Sala 1 - 14h15, 17h15, 21h20 X-Men 3 - O Confronto Final M12. Sala 2 - 13h30, 16h30, 18h45, 21h30 Missão: Impossível 3 M12. Sala 3 - 21h40 Astérix e os Vikings M4. Sala 3 - 13h10, 15h10, 17h10, 19h10 The Omen - O Génio do Mal M16. Sala 4 - 13h45, 16h15, 18h25, 21h50 Ultravioleta M12. Sala 5 - 13h20, 16h25, 18h15, 21h45 Ritmo e Sedução Sala 6 - 13h25, 16h, 18h30, 21h55

O Código Da Vinci M12. 13h40, 17h, 21h, 00h10 Missão: Impossível 3 M12. 21h20, 00h05 O Rafeiro M6. 13h15, 15h40, 18h10, 21h45, 23h50 Astérix e os Vikings M4. 13h30, 15h20, 17h30, 19h30 Ritmo e Sedução 13h20, 15h50, 18h30, 21h30, 24h The Omen - O Génio do Mal M16. 13h, 15h30, 18h, 21h40, 21h40, 00h15 Com a Casa às Costas M6. 13h10, 16h, 18h20, 21h10, 23h30

O Código Da Vinci M12. 15h, 18h30, 22h No Limiar da Verdade M12. 15h30, 18h40, 21h30 X-Men 3 - O Confronto Final M12. 15h20, 18h20, 21h20 O Rafeiro M6. 15h10, 18h10, 21h10

Os Produtores M12. Sala 1 - 21h30 f Castello LopesJumbo Setúbal
C. C. Pão de Açucar-Jumbo. T. 707220220

POMBAL
f Auditório Municipal de Pombal
Lgo. Biblioteca Municipal. T. 236209644

O Código Da Vinci M12. Sala 1 - 14h, 17h30, 21h10 Ultravioleta M12. Sala 2 - 14h, 16h30, 18h40, 21h45 X-Men 3 - O Confronto Final M12. Sala 3 - 14h, 16h20, 18h40, 21h45 O Último Destino 3 M16. Sala 4 - 21h30 O Rafeiro M6. Sala 4 - 14h, 16h15, 18h30 f Fórum Luísa Todi
Av. Luísa Todi, 61-65 . T. 265525908

X-Men 3 - O Confronto Final M12. Sala 1 - 15h30, 21h30 f Pombalcine
Pombal Shopping, R. Santa Luzia. T. 236218801

ODIVELAS
f Lusomundo Odivelas Parque
C. C. Odivelasparque. T. 707 CINEMA

Lisboetas M12. Sala 1 - 21h30

O Código Da Vinci M12. Sala 1 - 16h, 21h30

SINTRA
f Cinema City Beloura
Beloura Shopping, Est. Nac. nº 9 Quinta da Beloura. T. 219247643

Com a Casa às Costas M6. Cinemax - 14h05, 16h15, 18h20, 20h15, 22h10, 00h10 O Código Da Vinci M12. Sala 1 - 15h30, 18h30, 21h30, 00h30 Ritmo e Sedução Sala 2 - 13h30, 15h50, 18h10, 21h35, 23h55 X-Men 3 - O Confronto Final M12. Sala 3 13h50, 15h55, 18h, 20h05, 22h20, 00h25 Missão: Impossível 3 M12. Sala 4 - 21h40, 00h05 Astérix e os Vikings M4. Sala 4 - 13h55, 15h45, 17h35, 19h50 Infiltrado M12. Sala 5 - 23h30 O Rafeiro M6. Sala 5 - 13h40, 16h05, 18h40, 21h20 O Código Da Vinci M12. Sala 6 - 16h50, 21h, 24h A Idade do Gelo 2: Descongelados M6. Sala 6 - 14h50 The Omen - O Génio do Mal M16. Sala 7 - 14h15, 16h25, 18h50, 21h50, 00h15

O Código Da Vinci M12. 13h45, 17h, 21h, 00h10 Missão: Impossível 3 M12. 13h45, 17h, 21h, 00h10 X-Men 3 - O Confronto Final M12. 13h10, 15h30, 18h15, 21h10, 23h45 O Rafeiro M6. 13h15, 15h35, 18h10, 21h30, 23h55 Astérix e os Vikings M4. 13h, 15h20, 18h30 Ritmo e Sedução 12h45, 15h10, 18h20, 21h15, 00h05 The Omen - O Génio do Mal M16. 13h05, 15h45, 18h25, 21h25, 24h Com a Casa às Costas M6. 12h50, 15h25, 18h05, 21h20, 23h40

TAPADA DAS MERCÊS
f Floresta Center
Mercês - C. C. Floresta Center. T. 219160419

ÉVORA
f Lusomundo Alfas
R. Eborim, 18/20 - C.C. Eborim. T. 707 CINEMA

O Código Da Vinci M12. Sala 1 - 15h, 18h30, 22h O Código Da Vinci M12. Sala 2 - 14h, 17h30, 21h30 O Rafeiro M6. Sala 3 - 14h10, 16h30, 19h10, 21h20 Missão: Impossível 3 M12. Sala 4 - 13h, 15h40, 18h40, 21h40 Ela é... Ele M6. Sala 5 - 21h35 Astérix e os Vikings M4. Sala 5 - 13h10, 15h35, 17h35, 20h The Omen - O Génio do Mal M16. Sala 6 - 13h05, 15h50, 18h35, 21h35 Ritmo e Sedução Sala 7 - 13h20, 16h05, 18h40, 21h45 Com a Casa às Costas M6. Sala 8 - 13h30, 16h15, 18h50, 21h25 X-Men 3 - O Confronto Final M12. Sala 9 - 13h40, 16h, 18h45, 21h50

Lendas de Sua Majestade - O Rei. Com Guilherme Barroso, Helder Chaínho, Luís Tostas, Nuno Osório. Até 18/6. Dom. 11h, 15h, 17h. Seg. a sex. (para escolas, mediante marcação). M/3. f Teatro da Luz
Lg. Luz - Carnide. T. 217103010 - Lisboa

Quartos Imaginários. De Nikias Skapinakis. Até 23/7. Seg. a sáb. 11h às 19h. Dom. 10h às 18h. f Galeria 111
Campo Grande, 113 / R. Dr. João Soares, 5 - B. T. 217977418 - Lisboa

Tomé em Grande. Enc. Eduardo Alves. Seg. a sex. 10h30. Sáb. 15h. Dos 4 aos 12 anos. Inf./reservas: 217103010/213420136.

Outra(s)Obras. Até 29/7. Seg. a sáb. 10h às 19h. Pintura e obra gráfica. Lisboarte. f Galeria 24B
R. Dr José da Cunha, 24-B. T. 214544450 - Oeiras

Arquipélago dos Bijagós, um Património a Preservar. Até 30/6. Seg. a sex. 10h às 13h/14h às 17h. Sáb. 15h às 18h. Matéria Segunda_ Matière Deuxième. De Gyan Panchal. Até 30/6. Seg. a sex. 10h às 13h/14h às 17h. Sáb. 15h às 18h. Sala do Veado. f Prova de Artista
R. Tomás Ribeiro, 115, Loja 1. T. 213199551 - Lisboa

ARTE

Radiaciones. De Manuel Saro. Até 1/7. Seg. a sex. 12h às 19h30. Sáb. 11h às 19h30. f Galeria Arte Periférica
Pç. Império, Centro Cultural de Belém - Lojas 1, 3, 5 e 6. T. 213617100 - Lisboa

Água. De Patricia Tavera. Até 20/6. Seg. a sex. 10h30 às 20h. Sáb. 15h às 20h. f Sé de Lisboa
Largo da Sé. T. 218876628 - Lisboa

f Antigo Edifício dos Bombeiros
Largo 5 de Outubro - Cascais

PORTIMÃO
f Castello LopesPortimão
C. C. Modelo-Qt. Malata. T. 707220220

Cascais com Futuro - Projectos e Obra Pública. A partir de 3/2. Seg. a qui, dom. e feriados 11h às 19h. Sex. e sáb. 11h às 23h. f Aquário Vasco da Gama
R. Direita do Dafundo, 1. T. 214196337 - Dafundo

Every Day Lifestyle, Everyday Still Life. De Paula Sousa Cardoso. Até 27/6. Todos os dias 10h às 20h. Pintura. Lisboarte. f Galeria de Arte de São Bento
R. Machadinho, 1. T. 213974325 - Lisboa

1700 Anos do Martírio de S. Vicente. A partir de 22/2. Todos os dias. 1700 anos do Martírio de S. Vicente. f Sopro Projecto de Arte Contemporânea
R. Fontaínhas, 40. T. 213618756 - Lisboa

X-Men 3 - O Confronto Final M12. Sala 1 15h30, 18h30, 21h40 Firewall M12. Sala 2 - 15h15, 18h15, 21h30

O Último Destino 3 M16. 15h45, 18h45, 21h45 No Limiar da Verdade M12. 15h30, 18h30, 21h30

FARO
f SBCInternational Cinemas
C. C. Fórum Algarve. T. 289887212

TORRES VEDRAS
f Teatro-Cine de Torres Vedras
Av. Tenente Valadim, 19. T.

Tsotsi M12. Sala 1 - 21h30

OEIRAS
f Cinema Palmeiras
C. C. Palmeiras. T.

RINCHOA
f Fitares Shopping
Rinchoa - Estr. Marquês de Pombal. T. 219172901

O Código Da Vinci M12. Sala 1 - 15h30, 18h30, 21h45 Algures em África M12. Sala 2 - 18h15 No Limiar da Verdade M12. Sala 2 - 15h15, 21h30 f Lusomundo Oeiras Parque
C. C. Oeirashopping. T. 707 CINEMA

Scary Movie 4 - Que Susto de Filme! M12. Sala 1 - 16h30, 19h, 21h30 O Código Da Vinci M12. Sala 2 - 16h45, 19h15, 21h45

LOURES
f Castello LopesLoureshopping
Loureshopping. T. 707220220

SANTARÉM
f Castello LopesSantarém
R. Pedro Santarém, 29. T. 707220220

O Código Da Vinci M12. Sala 1 - 14h, 17h30, 21h10, 00h10 X-Men 3 - O Confronto Final M12. Sala 2 - 13h, 15h20, 18h, 21h20, 23h30 O Código Da Vinci M12. Sala 3 - 22h Astérix e os Vikings M4. Sala 3 -

O Código Da Vinci M12. 13h, 17h, 20h30, 00h10 X-Men 3 - O Confronto Final M12. 12h45, 15h30, 18h10, 21h10, 24h Ela é... Ele M6. 13h10, 16h10, 18h50, 21h50, 00h20 Astérix e os Vikings M4. 13h30, 15h20, 17h40 Ritmo e Sedução 13h15,

Ela é... Ele M6. Sala 1 - 21h10 O Rafeiro M6. Sala 1 - 13h50, 15h50, 18h40 X-Men 3 - O Confronto Final M12. Sala 2 13h20, 16h10, 19h, 21h50 O Código Da Vinci M12. Sala 3 - 14h, 17h20, 21h20 Ultravioleta M12. Sala

The Omen - O Génio do Mal M16. Sala 1 - 13h55, 16h15, 18h45, 21h20 X-Men 3 - O Confronto Final M12. Sala 2 - 14h10, 17h, 19h30, 22h10 Astérix e os Vikings M4. Sala 3 - 13h45, 15h45, 17h55, 19h55, 22h O Código Da Vinci M12. Sala 4 - 14h40, 17h50, 21h Ritmo e Sedução Sala 5 - 14h25, 16h50, 19h10, 21h30 Com a Casa às Costas M6. Sala 6 - 14h50, 17h10, 19h30, 21h50 Ela é... Ele M6. Sala 7 - 14h25, 16h55, 19h20, 21h45 O Rafeiro M6. Sala 8 - 13h, 15h20, 17h40, 20h Hard Candy M16. Sala 8 - 22h20 O Código Da Vinci M12. Sala 9 - 21h40 Lassie M6. Sala 9 - 14h20, 16h40 X-Men 3 - O Confronto Final M12. Sala 9 - 19h

O Código Da Vinci M12. Sala 1 - 14h30, 17h30, 21h30 O Matador M12. Sala 2 - 13h45, 16h15, 18h45, 21h20 X-Men 3 - O Confronto Final M12. Sala 3 - 13h40, 16h10, 18h50, 21h25 Uma História de Violência M16. Sala 4 - 22h O Rafeiro M6. Sala 4 - 14h05, 16h30, 19h The Omen - O Génio do Mal M16. Sala 5 - 14h10, 16h40, 19h10, 21h40 Ritmo e Sedução Sala 6 - 14h, 16h35, 19h05, 21h50

A Vida Nos Rios de Portugal. Até 9/7. Todos os dias 10h às 18h. f Carlos Carvalho Arte Contemporânea
R. Joly Braga Santos Lt F R/C. T. 217261831 - Lisboa

Riso Amarelo. De José Lemos. Até 31/7. Seg. a sex. 14h30 às 19h. Pintura. Lisboarte. f Galeria ÉvoraArte
R. Manuel do Olival, 22. T. 266701898 - Évora

Um Meio para um Quarto. De Sérgio Azevedo. Até 30/6. Seg. 15h às 19h30. Ter. a sáb. 10h às 14h/15h às 19h30. Pintura. Lisboarte.

Miguelangelo Veiga. Até 14/7. Seg. a sex. 10h às 19h30. Sáb. 12h às 19h30. Espaço ZOOM. Surrounding MattaClark. De Gabriela Albergaria, José Bechara, Daniel Blaufuks, entre outros. Até 14/7. Seg. a sex. 10h às 19h30. Sáb. 12h às 19h30. Susana Anágua. Até 14/7. Seg. a sex. 10h às 19h30. Sáb. 12h às 19h30. Espaço 20M3. f Casa Fernando Pessoa
R. Coelho da Rocha, 16-18. T. 213968190 - Lisboa

Pedro Chorão. Até 30/6. Seg. a sex. 15h às 19h. Sáb. 17h às 19h. Pintura. f Galeria Galveias
R. Misericórdia, 83. T. 213422232 - Lisboa

MÚSICA
f Centro Cultural de Belém
Pç. Império. T. 213612444 - Lisboa

Obra Gráfica Internacional. Até 28/7. Seg. a sex. 10h30 às 13h/ 14h30 às 19h. Sáb. 10h30 às 13h. Lisboarte. f Galeria Ratton Cerâmicas
R. Academia das Ciências, 2 - C. T. 213460948 - Lisboa

João Crisóstomo e Quarteto de São Roque. Com João Crisóstomo (piano). Dia 19/6 às 19h. No Pequeno Auditório. Dissonâncias Geniais - Homenagem a Três Autores Centenários. f Fnac (Cascaishopping)
E.N. 9. T. 214699000 - Alcabideche

VILAMOURA
f Lusomundo Vilamouracine
Lg. das Estrelas . T. 707 CINEMA

Diálogos com a Terra. De Graça Morais. Até 30/7. Seg. a sex. 10h às 13h/15h às 19h30. f Galeria São Francisco
R. Ivens, 40. T. 213463460 - Lisboa

Marcos Rodrigues. Dia 19/6 às 21h30. f Leiria
- Leiria

Com a Casa às Costas M6. 15h30, 18h30, 21h30, 24h

Corpo Abstracto. De Miguel Ribeiro. Até 30/6. Seg. a sex. 10h às 18h. Qui. 13h às 20h. f Culturgest
R. Arco do Cego, Ed. CGD. T. 217905155 - Lisboa

Colectiva de Pintura. Até 28/7. Seg. a sex. 10h30 às 13h/14h30 às 19h. Sáb. 10h30 às 13h. Pintura. Lisboarte. f Galeria Trema
R. Mirante, 12. T. 218130523 - Lisboa

TEATRO
Lg. Luz, 11 - Lisboa

f Centro Cultural Franciscano Quase Amores. Enc. André Paes Leme. Com César Mourão, Márcia Leal, Patrícia Paes Leme. A partir de 17/2. Sáb, dom. e seg. 21h30. f Espaço Land
Rua Nova do Carvalho, 77 - 2º. T. 213466048 - Lisboa

LAGOS
f LagoShopping
R. Cândido dos Reis. T. 282762940

Kees Goudzwaard. Até 27/8. Seg. a sex. 11h às 19h (última admissão 18h30). Sáb, dom. e feriados 14h às 20h (última admissão 19h30). ROMA Publications. Até 27/8. Seg. a sex. 11h às 19h (última admissão às 18h30). Sáb, dom. e feriados 14h às 20h (última admissão às 19h30). f Espaço Juventude@Lisboa no Bairro Alto
R. da Atalaia 159. T. 213474187 - Lisboa

José Eduardo Martins. Com José Eduardo Martins (piano). Dia 19/6 às 21h30. No Auditório da Escola Superior de Tecnologia e Gestão. 24º Festival Música em Leiria. Informações: 244829550. f Parque Mayer
Travessa do Salitre - Parque Mayer - Lisboa

Paisagens. De Maurizio Lanzillotta. Até 1/7. Seg. a sex. 15h às 19h30. Sáb. 11h às 19h. Pintura. Lisboarte. f Lisboa 20 Arte Contemporânea
R. Tenente Ferreira Durão 18-B. T. 213830834 - Lisboa

Louis Sclavis e Vincent Courtois Duo. Dia 19/6 às 22h. No Teatro Variedades. Festival ForUjazz - Lisboa em Festa 2006. f Teatro Municipal de S. Luiz
R. Antº Maria Cardoso, 38-58. T. 213257650 - Lisboa

1 Momento: 9 Frases e 1 Volume. De Miguel Ângelo Rocha. Até 28/7. Seg. a sáb. 12h às 20h. f Museu das Comunicações
R. Instituto Industrial, 16. T.

X-Men 3 - O Confronto Final M12. Sala 1 - 16h, 21h45

O Alcoólico e o Político. Enc. Paulo Castro. Com Paulo Castro, Miguel

Light Against Time. De

Sequeira Costa. Com Sequeira Costa (piano). Dia 19/6 às 21h. Na Sala Principal.

6 4 LO C A L U T I L I DA D E S
PÚBLICO• SEGUNDA-FEIRA, 19 JUN 2006

TELEFONES
NÚMERO NACIONAL DE SOCORRO
URGÊNCIAS I. Antivenenos Centro SOS Cruz Vermelha SOS crianças BOMBEIROS Vol. Ajuda 213474166 Vol. Amadora 214932002 Vol. Barreiro 212079686 Vol. Beato/Olivais218681095 Vol. Cabo Ruivo 218533632 Vol. C. Ourique 213882691 Vol. Cruz Malta 218476393 Vol. de Cascais 214838080 Vol. Oeiras 214430069 Vol. Queluz 214350008 Vol. Sintra 219230122 Sapad. Lisboa 213422222 Vol. Lisboa 213460475 Abrantes 241322122 Beja 284322121 Caldas Rainha 262322122 Castelo Branco 272322455 Covilhã 275322122 Estremoz 268322122 Évora 266322122 Vol. Faro 289823630 Figueira da Foz 233322122 Funchal 291329115 Fundão 275772700 Lagos 282770790

112
217950143 213544545 217783003 217931617

Vol. Leiria 244881120 Lisbonenses 213547017 Marinha Grande 244502222 Pombal 236322300 Portimão 282322122 Portalegre 245321120 Rio Maior 243996122 Santarém 243326193 Sap. Setúbal 265522122 Setúbal 265523223 Sines 269633063 Silves 282442411 Tomar 249311101 Torres Vedras 261322122 Tavira 281322122 V. Franca Xira 263276333 POLÍCIAS GNR Covilhã GNR Estremoz GNR Évora GNR Faro GNR Fig. Foz GNR Leiria GNR Lagos GNR Pombal GNR Portimão GNR Santarém GNR Setúbal GNR T. Vedras GNR V. Fr. Xira Brig. Trânsito Polícia Marítima Brigada Fiscal Pol. Judiciária Pol. Municipal 275331744 268322804 266702178 289803445 233427333 244824300 282762809 236212011 282417217 243333168 265522018 261314002 263273335 213922300 213626007 218112100 213533131 217268022

PSP Almada PSP Algés PSP Barreiro PSP Cascais PSP Estoril PSP Lisboa PSP Oeiras PSP Sintra PSP Telheiras TRANSPORTES Aeroporto TAP (Aeroporto) CP Transtejo RN R. Táxis Lisboa Autocoope Teletáxis HOSPITAIS Civis Lisboa Militar Principal Santa Maria Cruz Vermelha S. Franc. Xavier

212749223 214112073 212076543 214862229 214681396 213466141 214410935 219230761 217595604 218413500 218415000 218884025 218864153 213545863 218155061 217932756 218111100 218860131 213970181 217975171 217783003 213017351

OUTROS Inform. Meteorológica 12150 Horas 12151 Águas Lisboa 213221111 Roturas /rua 800201600 GDP–Fugas gás 218685309 Lotarias, totobola... 12158 Deco 213160401 L. Recta–M.Just. 218475000 Notícias desportivas 12157

FA R M Á C I A S
SERVIÇO PERMANENTE

ALTO DE S. JOÃO – Oriente – Rua Lopes, 120 AREEIRO – Ideal – Av. Almirante Gago Coutinho, 49/A BAIXA – Unifa – Rua da Vitória 21-23 BOA HORA/AJUDA - Boa-Hora - Rua dos Quartéis, 25-27 CAMPO DE OURIQUE - Porfírio - Rua Francisco Metrass, 59 B LUMIAR - São Tomé - Est. Desvio, lote 12 C CHILE - Alves da Graça - Rua Morais Soares, 91/D CONDE REDONDO - Salus - Rua Luciano Cordeiro, 73 ENCARNAÇÃO - Ascenso - P. Norte, 11 A FR.FEIRA POPULAR - Alcântara - Av. da República, 74/A SÃO DOMINGOS DE BENFICA - Sousa - Estrada de Benfica, 429-431 S.SEBASTIÃO/FR. À IGREJA - São Sebastião - Largo S.Sebastião da Pedreira, 1-3 ALGÉS – Miramar – Rua Ernesto da Silva, 83 MIRAFLORES - Raposo - Av. das Túlipas, 14/A (encerra às 21h) CARNAXIDE – Central – Av. Portugal, 16/B LINDA-A-VELHA – Lealdade – Rua Marcelino Mesquita, loja 1, lote 11 PONTINHA - Cruz Correia - Est. S. Eloi, 41 A ODIVELAS – Codivel – Pr. João de Lemos, 1 AMADORA/VENTEIRA – Melo – Praça D. João I, 9-B AMADORA/BRANDOA - Tavares de Matos e Neca - Rua Irene Lisboa, lote 308 AMADORA/DAMAIA - Damaia - Largo Alexandre Gusmão, 9/A VALE DO FORNO – do Vale – Rua Principal, Vale do Forno (até às 20h) URB. COLINA DO CRUZEIRO – Nova Odivelas – Praça Cidade de Odivelas, lt. 16, zona 2, loja A (encerra às 20h) PÓVOA ST. ADRIÃO – Serra – Lg. Major Rosa Bastos, 22 (encerra às 22h) PINHEIRO DE LOURES – Pinheirense – Rua dos Combatentes do Ultramar, 41 S.ANT. DOS CAVALEIROS – Rocha Santos – Rua P. Nunes, lote 25, loja A (enc.às 22h) MOSCAVIDE – Varela – Av. de Moscavide, 44 SACAVÉM - Lourenço - Rua Almirante Reis, 29/31 (encerra às 22h) PORTELA – Pedro – Rotunda Nuno Rodrigues dos Santos, 1/C (encerra às 22h)
REFORÇO DAS 19H ÀS 22H

Marquês de Pombal, 45 A AMADORA/S.DAMIÃO – S. Damião – Av. Dr. Armando Romão, 3 A e B LOURES – Sálvia – Rua da República, 29
OUTRAS LOCALIDADES

ALCÂNTARA – Nogueira – Rua de Alcântara, 5/A e B ALVALADE/AV. DO BRASIL – Marbel – Av. Roma, 131/A CHELAS-FRENTE IGREJA – Santo António – Av. Paulo VI, loja 3, lote 14 BENFICA/Bº PEDRALVAS – Gouveia – R. Aug. Costa (Costinha) Lote 4, loja Dtº CHELAS/COL.VALSASSINA - Santos Silva - Zona 2, Lote 226-bloco III, Lj 22 EMBAIXADA DE ESPANHA – Nacional – Rua do Salitre, 7 ESTRELA/INFANTE SANTO – Alb – Rua de Santana à Lapa, 156 CALÇADA DO COMBRO – Modelar – Lg. Dr. Ant. de Sousa Macedo, 7 REGO – G. Silva – Rua Francisco Tomás da Costa,. 3/A ESTAÇÃO ROMA/TRANSVERSAL AV. FREI MIGUEL CONTREIRAS – S. João de Deus – Rua Pedro Ivo, 1 A/B PERTO DA SÉ – Nac.– R S.João Praça, 26 SALDANHA – Cardeira – Av. D. D´Ávila, 32/C HOSPITAL DO DESTERRO – Magalhães – Av. Alm. Reis, 4/D OLIVAL BASTO – Nova – Rua Açores, 11/A AMADORA/BURACA – Gaspar Pote – Est. Do Zambujal, 76/A AMADORA/MINA - Dias e Brito - Av.

ALVERCA/BREJO - Estevão ALBUFEIRA – Alves de Sousa ALGUEIRÃO/MEM MARTINS – Mem Martins ALMADA – Magalhães Hos./Almeida Araújo/ João Castro Rodrigues AMORA/CRUZ DE PAU/FOGUETEIRO – Nobre Guerreiro ALCÁCER DO SAL – Alcacerense ALENQUER/CARREGADO – Moderna (até às 00h) ALHANDRA – Botto e Sousa (até às 00h) BAIXA DA BANHEIRA – Portugal BARREIRO – Piçarra BEJA – Central CACÉM - Central CARCAVELOS – Vilar CACÉM - Garcia CASCAIS – Cordeiro CHARNECA DA CAPARICA – Nita COSTA DA CAPARICA – Chai CORROIOS – Abreu Cardoso ELVAS – Lux FARO – Almeida LAGOS – Neves LOURES/VALE DE FIGUEIRA – Pedro Santos (encerra às 00h) MIRA SINTRA - Caldeira MONTE ABRAÃO/MASSAMÁ – Neves MOITA – Silva Rocha MONTEMOR-O-NOVO – Central MONTIJO – Giraldes lda OEIRAS – Alcântara Guerreiro PAÇO D´ARCOS – Trindade Brás PAREDE – Macau PORTIMÃO – Carvalho PORTALEGRE – Romba PRIOR VELHO – do Prior Velho (até às 00h) PÓVOA S. IRIA - Higiénica QUELUZ – Zeller QUINTA DO CONDE – Rodrigues Pata RINCHOA – Dumas Brousse SETÚBAL – Rodrigues Ferreira/Lisboa – apoio: Brasil SEIXAL – Lusitana SINTRA – Misericórdia SOBREDA DA CAPARICA – Palmeirim TAVIRA – Sousa TORRES VEDRAS – Torreense VENDAS NOVAS – Nova VILA FRANCA XIRA – César VILA FRANCA/VIALONGA – Arlete Costa
Até às 22h

ALENQUER – Nobre Rito ARRAIOLOS – Misericórdia DAFUNDO – Silva Branco (até às 21h) ESTORIL – Marques dos Santos ESTREMOZ – Costa de Estremoz GRÂNDOLA – Costa de Grândola LOULÉ – Martins LOURES/TOJAL - Tojal LOURES/CATUJAL - Flores LOURES/QTA DO CASTELO – Ribeiro Soares LOURES/TERCENA - Tercena OEIRAS/CAXIAS - Nova (até às 21h) ODIVELAS/RAMADA – Aniceto Ferronha ODIVELAS/ARROJA - Torres OLHÃO – Brito PALMELA – Palmela (até às 23h) PORTO SALVO – Varela Baião QUEIJAS – Central REGUENGOS DE MONSARAZ – Martins SANTIAGO DO CACÉM – Jerónimo S. BRÁS DE ALPORTEL – Dias Neves VILA VIÇOSA – Duarte