You are on page 1of 7

Revista Téchne

Page 1 of 7

Alto desempenho
Bom comportamento termoacústico e elevada resistência ao vento abrem espaço aos caixilhos de PVC. A instalação, porém, é muito mais técnica e requer cuidados

Desde que chegaram da Europa nos anos 1980 as esquadrias de PVC vêm evoluindo, tanto do ponto de vista técnico quanto de conquista de mercado. Embora ainda se restrinja a menos de 2% das construções nacionais, com concentração principalmente nas regiões Sul e Sudeste do País, hoje já há uma produção desse tipo de janela voltada às necessidades e às normas brasileiras em diversas tipologias e medidas que podem ser padronizadas ou fornecidas sob encomenda. Segundo dados do Instituto do PVC, nos últimos anos esse segmento tem crescido no Brasil a taxas anuais de 10% a 12%.
Padronizadas ou fornecidas por "Há uma evolução da dispersão da produção. encomenda, as esquadrias de PVC são Inicialmente somente grandes empresas produzidas com perfis termossoldados, detinham as condições para atuar nesse que garantem uma peça monobloco e mercado e, agora, encontramos médias e até pequenas empresas envolvidas com a produção mais estanque de perfis e montagem de janelas", diz o engenheiro Fúlvio Berçot, pesquisador do IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo).

Associar esse movimento ascendente ao incremento da construção civil em busca de soluções mais eficientes e racionalizadas é inevitável, já que a janela de PVC aparece como alternativa industrializada - chega ao canteiro pronta para ser montada -, enquanto que as esquadrias metálicas e de madeira são mais flexíveis. Comisso, acelera-se a instalação e diminui-se o desperdício. Ao mesmo tempo, segundo Francisco de Assis Esmeraldo, presidente do Instituto do PVC, o baixo peso desse material, 1,4 g/cm3, facilita seu manuseio e a logística na obra. No entanto, de acordo com Vera Fernandes Hachich, gerente técnica de programas da

http://www.revistatechne.com.br/engenharia-civil/111/imprime22897.asp

26/02/2009

Na Europa. essas janelas também apresentam bom desempenho com relação à transmissão de calor. pode-se atingir um coeficiente global de transmissão de calor de 3.revistatechne. "Em aplicações como hospitais ou hotéis.8 mm de espessura.asp 26/02/2009 . aliás. As cidades estão cada vez mais ruidosas e as fachadas precisam impedir que esse barulho atinja o morador". resultante do processo de fabricação. Em composição com um vidro simples de 2. mas é preciso pouco valorizado levar em conta que as exigências estão aumentando. por exemplo. comenta Vera Hachich. como De uso intenso em escritórios de alto uma solda ou um prego. o índice de absorção sonora das esquadrias de PVC pode atingir 25 dB. segundo dados do IPT. as esquadrias de PVC diferença em relação ao desempenho acústico e começam a ganhar espaço nas térmico da esquadria". 41% do mercado de esquadrias é tomado pelo PVC.Revista Téchne Page 2 of 7 qualidade da Tesis. http://www.Com o uso de vidros planos duplos incolores de 6 mm. explica a engenheira. muito do aumento do uso desse tipo de caixilho no Brasil se deve a características como a elevada estanqueidade. o índice de absorção com o sistema de caixilharia chega a 46 dB. Já quando utilizado com vidros duplos de 2. sem emendas. "O fato de não ter material externo que atue como um gradiente térmico. "Como a absorção acústica geralmente está associada ao isolamento térmico.5 mm. proporcionando "Isso pode parecer necessário apenas para isolamento acústico. faz uma grande padrão.3 W/m² ºC. o principal motivo que fez com que o produto conquistasse tanto espaço nos países frios do Hemisfério Norte". Esse foi.em locais sem sombreamento. no qual os perfis são termossoldados em fábrica. algo aplicações mais sofisticadas. No Brasil.br/engenharia-civil/111/imprime22897.com. residências. dando origem a uma esquadria monobloco. onde a dependência de condicionamento de ar é grande. à frente da madeira e do alumínio. acrescenta. a estanqueidade ao ar pode trazer ganhos no consumo de energia". comenta. separados por um vão de 50 mm.

entre outros) Dependendo do tipo da folha móvel ainda podem ser realizados outros testes http://www. Dependendo do uso do ambiente. braços.asp 26/02/2009 . pode ser necessária muita (caso das regiões de clima quente) ou pouca ventilação (em locais de clima frio ou com uso de ar-condicionado) 2) Estanqueidade à água 3) Resistência às cargas de vento: verificase a deformação dos perfis principais submetidos às cargas de vento que geralmente variam de 0 a aproximadamente 180 kgf/m² 4) Permeabilidade ao ar 5) Operações de abertura e fechamento: geralmente são aplicados dez mil ciclos de abertura e fechamento para verificar a durabilidade do sistema de operação das folhas móveis (rodízios.Revista Téchne Page 3 of 7 Critérios de avaliação As normas técnicas brasileiras verificam o desempenho de janelas quanto à: 1) Permeabilidade ao ar: verifica-se o quanto de ar passa pela janela fechada.revistatechne.br/engenharia-civil/111/imprime22897. articulações.com.

passa por muitos mais itens. conforme a NBR 10821. as diferentes pressões de vento nas diversas regiões do País.asp 26/02/2009 . Os caixilhos precisam resistir à exposição às intempéries e aos esforços gerados com o uso.com.revistatechne. além do conforto termoacústico. uma janela não deve apresentar problemas de funcionamento ou estanqueidade. que chega a ser quatro vezes maior no Sul. entretanto. maior será a carga de vento incidente sobre essa janela. "Outras características como o bom comportamento diante da maresia e o fato de não propagar chama devem ser levadas em conta" comenta Esmeraldo. Também devem se manter íntegros em temperaturas que vão de -10ºC até 76ºC.Revista Téchne Page 4 of 7 para verificar: Resistência à flexão Resistência ao esforço horizontal ou vertical com um dos cantos imobilizados Resistência ao esforço horizontal ou vertical com dois dos cantos imobilizados Resistência ao esforço torçor Resistência ao arrancamento das articulações Resistência do sistema de travamento da folha Fonte: Fúlvio Berçot. nas operações de manuseio do caixilho. sobrado. a mesma norma técnica fornece para quatro classes de edifícios. Para isso. IPT Durabilidade A correta especificação de um sistema de caixilharia. nem sofrer deformações quando submetida a cargas de vento. definidas por suas alturas e usos.br/engenharia-civil/111/imprime22897. bem como indicação do tipo de construção (térrea. indicando a região geográfica a que se destina a janela. Daí a recomendação da NBR 10821 de existir um selona embalagem do produto. edifícios de até cinco pavimentos e acima de cinco pavimentos) e seu desempenho básico nessas situações. por exemplo. Além disso. Por causa da carga de vento. quanto mais alta for a posição em relação ao solo. Além disso. http://www. uma mesma planta pode demandar estruturas diferentes de caixilharia em Manaus e Foz do Iguaçu.

também deve acompanhar esses requisitos de elevada vida útil. assim como em qualquer janela produzida também com outros materiais. fixação direta nos vãos acabados. como o Qualihab da CDHU/SP (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Governo do Estado de São Paulo). anteriormente aos caixilhos. A escolha de guarnições e componentes de manobra. ainda. gratuitamente. pesquisador do IPT. Uma instalação correta também é fundamental. Segundo Fúlvio Berçot.Revista Téchne Page 5 of 7 "Por conta dessas necessidades diferentes a indústria oferece normalmente pelo menos dois sistemas. o especificador conta com Programas Setoriais da Qualidade vinculados ao Ministério das Cidades (PBQP-Habitat. deve-se prever o emprego de cordão de selante à base de silicone estrutural na interface com http://www. diz Vera Hachich. Como aliado.com. "Em casos extremos e de instalação parafusada ao vão. o ponto mais crítico em alguns projetos em PVC é a ausência de estanqueidade à água e a excessiva permeabilidade ao ar. Programa Brasileiro da Qualidade e Produtividade do Habitat) e aos governos estaduais. uma vez que a presença de folgas ou frestas entre o caixilho e a parede compromete sobremaneira o desempenho. com contramarcos instalados por meio de grapas ou parafusos. por seus websites.revistatechne. com parafusos e buchas e. As esquadrias de PVC podem ser instaladas por meio de ancoragem direta na alvenaria com a utilização de grapas. que realizam ensaios por amostragem e divulgam os dados. Mesmo assim. um com perfis mais robustos e outro com perfis mais leves". além de braços e articulações.asp 26/02/2009 . é importante que se atente para a adequação do produto às normas técnicas. comando e travamento.br/engenharia-civil/111/imprime22897.

resistentes ao clima tropical. da inexistência das mesmas".ABCI e Editora PINI.cidades. obrigatoriamente. conclui. mas já foram resolvidos. também é importante para garantia da vida útil da esquadria. que segundo o Instituto do PVC tem duração mínima de 20 anos. "Isso mostra que adaptar essas esquadrias para o mercado A esquadria pode ser ancorada na brasileiro não significa.Tecnologia. 2000. abrasão e riscos por esponjas e produtos de limpeza. Especificação. chegando a mais de 40 anos em grande parte das aplicações. alvenaria com o uso de grapas ou reduzir a qualidade". comparação com a Europa.br/engenharia-civil/111/imprime22897. que os tornava frágeis e quebradiços. com o desenvolvimento de novas formulações de PVC. Projetos (manual).asp 26/02/2009 .as esquadrias de PVC dispensam pintura periódica. o nosso clima requer uma formulação de PVC mais sofisticada. como a degradação dos perfis por raios ultravioleta. A adoção de manutenção adequada. Braskem. comenta Fúlvio Berçot. foram registrados nas primeiras aplicações desse sistema no Brasil.Revista Téchne Page 6 of 7 alvenarias.Mas não se recomenda empregar silicone de cura acética nessa interface". basta limpeza com água e sabão neutro . os problemas mais relacionados com o produto são manchas por produtos químicos.br/pbqp-h/ relacao_PSQs. com o emprego de aditivos e estabilizantes específicos para isso". "Em fixada diretamente nos vãos acabados. Téchne 50 Esquadrias de PVC . Entretanto.Nesse sentido. aqui temos menores com parafusos e buchas exigências estruturais e o sistema de caixilharia pode ser mais leve. diz Vera Hachich.htm http://www. em função da ausência de cultura ou inobservância das instruções do fabricante ou ainda. Janela aberta.com. Em bora exija manutenção simples . abrasão por areia e argamassa advindas da falta de cuidados na instalação e problemas relacionados com exposição a solventes. conforme Berçot."a maior parte das patologias ligadas ao PVC advém da manutenção inadequada do produto.revistatechne. alerta o pesquisador do IPT. Outros problemas. LEIA MAIS Manual técnico de caixilhos/janelas. Programa Setorial da Qualidade: www.gov. de acordo com as especificações do fabricante.

Revista Téchne Page 7 of 7 http://www.asp 26/02/2009 .com.revistatechne.br/engenharia-civil/111/imprime22897.