You are on page 1of 5

Experimento 1042.

024B2

ALUNOS:Luiz Fernando Menezes de Santana , Natanael Barbosa da Silva,
Joao Paulo Santos

DATA:06/11/2012

INTRODUÇÃO Historia :

Blaise Pascal (1623-1662) foi um físico, filósofo e matemático francês de curta existência. Como físico, em um de seus estudos, esclareceu o princípio barométrico, a prensa hidráulica e a transmissibilidade das pressões.O princípio físico que se emprega aos elevadores hidráulicos de postos de combustíveis e aos freios hidráulicos foi descoberto por Pascal. Blaise Pascal contribuiu decisivamente para a criação de dois novos ramos da matemática: a Geometria Projetiva e a Teoria das probabilidades. Em Física, estudou a mecânica dos fluidos, e esclareceu os conceitos de pressão e vácuo ampliando o trabalho de Evangelista Torricelli. É ainda o autor da primeira máquina de calcular mecânica, a Pascaline, e de estudos sobre o método científico.

OBJETIVOS Geral: › › Reconhecer o funcionamento de uma bomba de embolo. Reconhecer o funcionamento de uma bomba hidráulica de embolo aspirante-premente.

Especifico: › Identificar e justificar o emprego das válvulas numa bomba hidráulica de embolo.

FUNDAMENTOS TEÓRICOS

O que é um fluído? Entende-se por fluído a todo corpo que possa fluir (escoar, tomar forma do recipiente que contém, que corre ou se expande à maneira dos líquidos e gases). O fluído hidráulico Usamos a água como fluído hidráulico. OBS: A perfeita igualdade entre a pressão exercida sobre um fluido e transmissão integral da mesma, só pode ser obtida em fluidos incompressíveis,

pois somente assim sua massa específica não variaria com o aumento de pressão. Principio de Pascal O acréscimo de pressão produzido num líquido em equilíbrio transmite-se integralmente a todos os pontos do líquido. Pressão Hidráulica Baseado no princípio de Pascal , sabemos que os acréscimos de pressão sofridos por um corpo de um líquido são transmitidos integralmente a todos os pontos do líquido e das paredes do recipiente onde este está contido. Assim como a pressão é transmitida uniformemente para todo o fluido temos que: p1 = F1/A1 e p2 = F2/A2 assim, F1/A1 = F2/A2 Portanto as intensidades das forças aplicadas são diretamente proporcionais às áreas dos êmbolos. Por exemplo, se a área A2 for dez vezes maior que a área A1, a força F2 terá intensidade dez vezes maior que F1. Bomba de êmbolo É a máquina que serve para elevar água ou a recalcá-la sob pressão e fazê-la circular em canalizações. Há Bombas de êmbolo e bombas especiais. As bombas de êmbolo são aquelas que constam de um corpo de bomba onde se move em movimento alternativo um êmbolo (ou pistão). Elas possuem uma ou mais válvulas que permitem a passagem da água num certo sentido e impedem -na no sentido contrário. A bomba premente, na qual o êmbolo empurra o líquido do corpo da bomba para um tubo lateral; a bomba aspirante, na qual o líquido sobe no corpo da bomba quando o êmbolo sobe, por efeito da pressão atmosférica. Bomba hidráulica aspirante-premente a bomba hidráulica aspirante-premente possui um tubo de aspiração, por onde o fluído, inicialmente aspirado para dentro da bomba, ao ser comprimido durante o movimento de descida do pistão, sai pelo tudo de ascensão, geralmente para uma altura acima do nível em que a bomba se encontra. As bombas existentes nas prensas hidráulicas são aspirantes-prementes.

MATERIAIS E MÉTODOS Material necessário

01 tripé com: › Sapatas niveladoras; haste metálica 500 mm; fixador m5

01 painel posicionador com: › Válvula de 3 vias; Embolo maior; Embolo menor; Manípulo

01 conjunto de válvula 01 manômetro com fundo de escala 2 kgf/cm² 01 copo de becker 01 pano para limpeza Método Colocamos 200 ml de água no copo de becker e mergulhamos a mangueira maior no seu interior, a mangueira menor ficou levemente para fora do líquido. Precisamos entender o funcionamento da bomba hidráulica aspirantepremente, para isso, realizamos o experimento três vezes. Este consistia em subir e descer o pistão menor, com movimentos lentos, e observar o que acontece.

RESULTADOS

Comprovação experimental de tudo que foi mostrado teoricamente

Conclusão Principio de Pascal (Aplicação) Uma aplicação simples deste princípio é a prensa hidráulica. A prensa é um dispositivo com dois vasos comunicantes, que possui dois êmbolos de diferentes áreas sobre a superfície do líquido.

A prensa é um mecanismo eficaz de aumento da força aplicada. Para isso basta construir um dispositivo com área maior do que a área na qual se vai aplicar a força. Fazendo isso podemos levantar o carro. O mesmo vale para o sistema de freio hidráulico de um carro.

REFERÊNCIAS

 ALONSO, Marcelo;FINN,Edward J. Física:um curso universitário. São Paulo: Edgard Blucher,1972.

 Halliday, Resnick;Fundamentos da Fisica: 8ª edição, volume 1; 2009

 http://fisica.uems.br/lab1/roteiros/exp9_stokes.pdf Acesso: 14/05/2012as 20:30.

 Livro de Atividades Experimentais: A Ciência Além das Formulas. Cidene. Volume 2. Rev. 01

 http://pt.wikipedia.org/wiki/M%C3%B3dulo_de_Young Acesso: 03/10/2012 as 02:40