Estudo do Patrimônio Cultural de Campo Bom - Inventariando o legado arquitetônico TEMA: Este estudo aborda a arquitetura e o patrimônio cultural

do município de Campo Bom, situado na região metropolitana de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. JUSTIFICATIVA: A imagem da cidade passa por um momento de profundas transformações, devido ao crescente desenvolvimento econômico e a expansão urbana. Mostra-se importante o estudo e conhecimento da evolução arquitetônica, como forma de valorizar o legado destes diferentes períodos históricos, culturais e econômicos do município – abordando os significados que podem representar na atualidade. OBJETIVO: Traçar uma linha evolutiva da arquitetura no município de Campo Bom (RS), abordando a partir dos anos iniciais da colonização alemã (1825), quando tinha características marcadamente vernaculares, até meados da década de 1970, já então caracterizada pela “vitória” do movimento moderno. Como resultado, não se pretende uma mera listagem, mas o material necessário para formalizar interpretações cabíveis, valorizando os espaços urbanos e o próprio patrimônio cultural como documento portador da história e identidade local. Com o conhecimento das modificações operadas através dos tempos, torna-se possível entender a conformação atual da cidade, bem como reconhecer sua significação. METODOLOGIA: - Pesquisa na bibliografia existente a respeito da arquitetura e da história regional, e estudo do Inventário do Patrimônio Cultural de 1996, realizado pela Prefeitura Municipal; - Entrevista com a equipe multidisciplinar envolvida neste primeiro inventário oficial, visando estabelecer os métodos utilizados naquela pesquisa; - Reconhecimento in loco dos bens históricos inventariados em 1996, verificando demolições e atualizando as características necessárias em fichas de inventário no padrão do IPHAE, simplificadas; - Estudo da evolução urbana do município, através de pesquisa histórica em bibliografia e entrevistas orais; estabelecendo os principais eixos de crescimento da cidade; - Levantamento in loco dos remanescentes arquitetônicos existentes nestes eixos, visando complementar a lista do inventário com a adição de outros bens de interesse cultural; - Organização cronológica e pesquisa dos bens adicionados; - Criação de um arquivo digital de fotografias históricas das obras levantadas; -Categorização dos bens analisados e seleção por importância; -Criação de “listagem” cronológica, exemplificando a evolução arquitetônica do município. -Utilização dos dados obtidos para interpretações diversas a respeito da imagem, identidade e qualidade do espaço urbano do município. RESULTADOS PARCIAIS: Foi estabelecida a listagem de edificações representativas da evolução arquitetônica no município, após o estudo e atualização completa inventário de 1996, e da complementação deste inventário através de visitas e das pesquisas bibliográficas. CONSIDERAÇÕES FINAIS: A busca por informações a respeito dos bens selecionados é o foco atual da pesquisa. O material recolhido também está sendo utilizado para estudos analíticos. PALAVRAS CHAVE: Inventário, Patrimônio Cultural, Patrimônio Histórico, Campo Bom, Arquitetura, História, Imigração

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful