You are on page 1of 8

CORO DA D

I Vésperas
-Nossa Senhora de Fátima
DIOCESE DE SANTO A

Vésperas

Nossa Senhora de Fátima
(Coro)







A.D. MMXII
MARO
Vésperas
Nossa Senhora de Fátima-

CORO DA DIOCESE DE SANTO AMARO
2


Ritos iniciais


P. Vinde, ó Deus, em meu auxílio.
R. Senhor, socorrei-me sem demora.
Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *
Como era no princípio, agora e sempre. Amém


Hino


M.: Abadia da Ressurreição , Ponta Grossa – PR
T.: Lit. das Horas


A- que –le_a quem a – do - ram o céu, a ter - ra,o mar,

·
o que go - ver – na_o mun - do na Vir - gem vem mo - rar.




2. A Lua, o Sol e os Astros
o servem, sem cessar.
Mas Ele vem no seio
da Virgem se ocultar.

3. Feliz, ó Mãe, que abrigas
o Autor da salvação,
na Arca do teu seio,
que vive entre nós.

4. A Vós, Trindade Santa,
louvor, honra e poder
ao celebrarmos hoje
a Mãe do Redentor.





.
CORO DA DIOCESE DE SANTO AMARO
3


Primeiro Salmo


M. Abadia da Ressurreição , Ponta Grossa - PR
T. Lit. das Horas

Ant. 1 Ben –di -ta és tu * Vir - gem Ma-ri-a trou-xes -te em teu ven-tre
·
o que fez o u – ni –ver – so

Oitavo tom


Salmo 112(113)


1
Louvai, louvai, ó servos do Senhor, *
louvai, louvai o nome do Senhor!

2
Bendito seja o nome do Senhor, *
agora e por toda a eternidade!

3
Do nascer do sol até o seu ocaso, *
louvado seja o nome do Senhor!

4
O Senhor está acima das nações, *
sua glória vai além dos altos céus.
=
5
Quem pode comparar-se ao nosso Deus, †
ao Senhor, que no alto céu tem o seu trono *
6
e se inclina para olhar o céu e a terra?

7
Levanta da poeira o indigente *
e do lixo ele retira o pobrezinho,

8
para fazê-lo assentar-se com os nobres, *
assentar-se com os nobres do seu povo.

9
Faz a estéril, mãe feliz em sua casa, *
vivendo rodeada de seus filhos.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *
Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Ant. 1 Bendita és tu, Virgem Maria *
trouxeste em teu ventre o que fez o universo!
CORO DA DIOCESE DE SANTO AMARO
4


Segundo Salmo


T. Lit. das Horas
·
Ant. 2: Vós destes a vida a Quem vos cri - ou * e Virgem sereis para sempre, ó Maria.


Sexto tom



Salmo 147(147 B)


12
Glorifica o Senhor, Jerusalém! *
Ó Sião, canta louvores ao teu Deus!

13
Pois reforçou com segurança as tuas portas, *
e os teus filhos em teu seio abençoou;

14
a paz em teus limites garantiu *
e te dá como alimento a flor do trigo.

15
Ele envia suas ordens para a terra, *
e a palavra que ele diz corre veloz;

16
ele faz cair a neve como lã *
e espalha a geada como cinza.

17
Como de pão lança as migalhas do granizo, *
a seu frio as águas ficam congeladas.

18
Ele envia sua palavra e as derrete, *
sopra o vento e de novo as águas correm.

19
Anuncia a Jacó sua palavra, *
seus preceitos e suas leis a Israel.

20
Nenhum povo recebeu tanto carinho, *
a nenhum outro revelou os seus preceitos.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *
Como era no princípio, agora e sempre. Amém.


Ant. 2 Vós destes a vida a Quem vos criou,
e Virgem sereis para sempre, ó Maria.

CORO DA DIOCESE DE SANTO AMARO
5


Cântico do Novo Testamento

T. Lit. das Horas
·
Ant. 3 Sois bendita por Deus entre todas as mulheres, Maria *
pois de vós recebemos o Fruto da Vida.

Oitavo tom

Ef 1,3-10
O plano divino da salvação


3
Bendito e louvado seja Deus, *
o Pai de Jesus Cristo, Senhor nosso,
– que do alto céu nos abençoou em Jesus Cristo *
com bênção espiritual de toda sorte!

4
Foi em Cristo que Deus Pai nos escolheu, *
já bem antes de o mundo ser criado,
– para que fôssemos, perante a sua face, *
sem mácula e santos pelo amor.
=
5
Por livre decisão de sua vontade, †
predestinou-nos, através de Jesus Cristo, *
a sermos nele os seus filhos adotivos,

6
para o louvor e para a glória de sua graça, *
que em seu Filho bem-amado nos doou.

7
É nele que nós temos redenção, *
dos pecados remissão pelo seu sangue.
= Sua graça transbordante e inesgotável †
8
Deus derrama sobre nós com abundância, *
de saber e inteligência nos dotando.

9
E assim, ele nos deu a conhecer *
o mistério de seu plano e sua vontade,
– que propusera em seu querer benevolente, *
10
na plenitude dos tempos realizar:
– o desígnio de, em Cristo, reunir *
todas as coisas: as da terra e as do céu.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *
Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Ant. 3 Sois bendita por Deus entre todas as mulheres, Maria,
pois de vós recebemos o Fruto da Vida.
CORO DA DIOCESE DE SANTO AMARO
6



Leitura breve (Gl 4,4-5)


Quando se completou o tempo previsto, Deus enviou o seu Filho, nascido de uma mulher, nascido
sujeito à Lei, a fim de resgatar os que eram sujeitos à Lei e para que todos recebêssemos a filiação
adotiva.



Responsório breve

M. Antiphonale Romanum (adaptado)
T. Lit. das Horas





R. Maria, alegra-te, ó cheia de graça; * O Senhor é contigo.

CORO DA DIOCESE DE SANTO AMARO
7


Cântico evangélico

M. Antiphonale Romanum
T. Lit. das Horas
·
Ant. To - ta pul - chra es, Ma–ri - a, et má - cu - la o –ri –gi –na -lis non est in te.

Primeiro Tom

Lc 1,46-55

46
MAGNÍFICAT
1
* ánima mea Dóminum,


47
et exsultávit spíritus meus*
in Deo salutari meo,

48
quia respéxit humilitátem ancíllæ suæ.*
Ecce enim ex hoc beátam me dicent omnes generatiónes,

49
quia fecit mihi magna, qui potens est, *
et sanctum nomen eius,

50
et misericórdia eius in progénies et progénies *
timéntibus eum.

51
Fecit poténtiam in bráchio suo,*
dispérsit superbos mente cordis sui;

52
depósuit poténtes de sede*
et exaltávit húmiles;

53
esuriéntes implévit bonis*
et dívites dimísit inánes.

54
Suscépit Israel puerum suum,*
recordátus misericórdiæ suæ,

55
sicut locutus est ad patres nostros,*
Abraham et semini eius in sæcula.
– Gloria Patri, et Filio, et Spiritui Sancto.
Sicut erat in principio, et nunc, et semper. Amen.


Ant. Tota pulchra es, Maria, et macula originalis non est in te.


1
Por ser um versículo muito curto, canta-se no Magnificat somente a melodia da entoação (fa-sol-la), e não a da mediante.
CORO DA DIOCESE DE SANTO AMARO
8


Preces


Proclamemos a grandeza de Deus Pai todo-poderoso! Ele quis que Maria, Mãe de seu Filho, fosse
celebrada por todas as gerações. Peçamos humildemente:


R. Cheia de graça, intercedei por nós!

• Deus, autor de tantas maravilhas, que fizestes a Imaculada Virgem Maria participar em
corpo e alma da glória celeste de Cristo, conduzi para a mesma glória os corações dos
vossos filhos e filhas. R.

• Vós, que nos destes Maria por Mãe, concedei, por sua intercessão, saúde aos doentes,
consolo aos tristes, perdão aos pecadores. R.

• Vós, que fizestes de Maria a cheia de graça, concedei a todos a abundância da vossa graça.
R.

• Fazei, Senhor, que a vossa Igreja seja, na caridade, um só coração e uma só alma, e que
todos os fiéis perseverem unânimes na oração com Maria, Mãe de Jesus. R.

(intenções livres)

• Vós, que coroastes Maria como rainha do céu, fazei que nossos irmãos e irmãs falecidos se
alegrem eternamente no vosso reino, na companhia dos santos. R.

Pai nosso...


Concedei, Senhor, aos vossos servos a perfeita saúde da alma e do corpo e, por intercessão da
Virgem Santa Maria, livrai-nos das tristezas do tempo presente e dai-nos as alegrias eternas. Por
Nosso Senhor.


Ritos finais


P. O Senhor esteja convosco.
R. Ele está no meio de nós.
P. Abençoe-vos Deus todo-poderoso, Pai, Filho e Espírito Santo.
R. Amém
P. Ide em paz e o Senhor vos acompanhe.
R. Graças a Deus.