NCoaching

ASSUNTO: NCoaching – 4º Programa DATA: 20 de Janeiro de 2013

NCOACHING – 4ª PROGRAMA 27 DE JANEIRO 2013 Entrevistado: CARLOS MARQUES
“NCOACHING” é o nome do único programa de rádio em Portugal dedicado em exclusivo ao Coaching que se pratica em Portugal, Brasil e Palop. O programa é emitido aos domingos entre as 11:00 e as 12:00, na rádio NFM Rede Nacional. O programa é produzido pela Oceano Azul, Speakers Agency.

Jorge Freitas é o apresentador do NCoaching. É Jornalista e treinador em Portugal e Brasil, na área da comunicação, autor do livro recentemente editado em Portugal “7 Segundos, a arte de falar em público”. Em cada programa Jorge Freitas entrevista um especialista em Coaching (portugueses, brasileiros e Palop) a par de outros registos de profissionais que praticam o coaching em diversas áreas através de testemunhos na primeira pessoa.

Ana Santiago, oradora e consultora, apresenta nos cinco minutos finais de todos os programas, a rubrica “Agenda Coaching” com o apoio da APCoaching – Associação Portuguesa de Coaching.

www.facebook.com/ncoaching

Parceiros institucionais do programa NCoaching:

OCEANOAZUL – Speakers Agency Porto - Portugal Tel. +351 914 916 101

Página 1 reservas@ocenaoazul.eu

ASSUNTO: NCoaching – 4º Programa DATA: 20 de Janeiro de 2013

PROGRAMA EMITIDO NO DIA 27 DE JANEIRO DE 2013 Entrevistado: Carlos Marques

Biografia: Coach Profissional certificado, Palestrante nas áreas da criatividade, marketing pessoal e empresarial, e comunicação. Fundador do Toastmaster Algarve, Faro, Director da empresa de formação Big Idea.

(Transcrição parcial da Entrevista com Carlos Marques)

Jorge Freitas - Por que é que sentiu necessidade de se certificar como Coach Profissional? Carlos Marques - Antes da certificação do coaching eu tinha algum contacto através de amigos que já tinham alguma certificação e nessa altura despertou-me o interesse para eu próprio obtê-la e mais tarde percebi que havia uma estreita ligação entre o que eu já fazia e o coaching. Então achei que o coaching poderia ajudar através das suas ferramentas a potenciar e alavancar o meu próprio trabalho. Toda a gente pode comprar um livro e saber sobre coaching mas a certificação conduz-nos a um caminho tecnicamente muito mais vertical e profundo que nos permite maior segurança para desempenhar algumas funções que eu associo à minha actividade. J.F. Como é que defini o seu trabalho? C.M. - Eu sou um facilitador na área da criatividade! A criatividade aplicada nomeadamente na área empresarial tem tido um grande desenvolvimento ao longo dos últimos anos, tal como no coaching, para trabalhar junto das equipas, das lideranças, na geração de ideias e resolução criativa de problemas. O facilitador vai à empresa e aplica ou propõe uma série de ferramentas que permitem potenciar as ideias daquelas pessoas, ajudar na resolução criativa de problemas das empresas. Eu não chego a uma empresa para dar ideias, porque não conheço a empresa e não tenho essa formação, o que eu faço é trabalhar as pessoas em determinado nível para elas próprias chegarem às soluções. J. F. – Não é um grande desafio estar com um grupo de pessoas pertencente a empresas tão diferentes? C.M. Sim são grande desafios e todas elas têm características diferentes. Eu nunca introduzo uma ideia, o que eu faço é através de determinadas ferramentas e dinâmicas de grupo, procurar tirar o máximo que aquelas pessoas podem dar para elas próprias. Fazendo o cruzamento desses tópicos, vamos tendo 10, 20 ideias que depois são avaliadas. J.F. - Assiste a todo esse processo ou retira-se em que momento?

OCEANOAZUL – Speakers Agency Porto - Portugal Tel. +351 914 916 101

Página 2 reservas@ocenaoazul.eu

ASSUNTO: NCoaching – 4º Programa DATA: 20 de Janeiro de 2013

C.M. - Eu assisto até ao momento em que as ideias surgem e depois saiu no processo de implementação das ideias na empresa. J.F. - O que dizem os seus clientes? C.M. –“Nós ficamos com a sensação que avançamos meses, porque levaríamos muito tempo para chegar a essas ideias” esta é a frase mais escutada por mim. Todas as pessoas têm a capacidade de gerar ideias e normalmente são surpreendidas com isso! Afinal consigo ser mais idiota do que pensava (risos).. afinal consigo ser mais pensante do que julgava…! Dizem! J.F. - O que é a criatividade? C.M. - Há muita gente que julga que a criatividade é alguém a isolar-se a pintar ou a compor… A criatividade não tem nada a ver com a arte, a arte é uma expressão da criatividade. A criatividade é um potencial humano em cada um de nós, é a capacidade de fazer algo diferente, de gerar ideias. J.F. Acha que as pessoas hoje já sabem o que é o coaching? C.M. - Se nós quisermos que as pessoas saibam exactamente o que é o coaching, convém explicar, porque o mercado está inundado de muita informação, o mercado tem muita coisa, e reparo que existe muita confusão em relação ao coaching e até mesmo alguma desconfiança em relação a alguns processos, eu normalmente explico o que é! J.F. - Demora muito tempo a explicar aos outros o que é o coaching? C.M. - A minha experiencia diz-me que nem sempre é fácil de perceber mas também não é difícil explicar. O coaching não é nada totalmente inovador mas sim a exploração e aplicação de técnicas que são ancestrais e que tem a ver com o desenvolvimento pessoal e potencial que todos nós temos de procurar soluções para os nossos próprios desafios nesse sentido é fácil de explicar! J.F. – Convença-me a escutá-lo sobre marketing pessoal! C.M. – Sempre que alguém um dia pensou apresentar-se perante os outros de acordo com os seus valores e seus princípios de acordo com uma imagem de essa pessoa deve ter, isso é marketing. Eu acredito que nós devemos ter ou definir o sentido para a nossa própria vida, nós não devemos simplesmente guiar a nossa vida ao sabor daquilo que nos acontece mas sim de acordo com uma estratégia que devemos definir! O que somos? como somos? onde queremos chegar? e de que forma? E aqui começa o marketing, se eu não definir os meus valores é difícil conseguir alcançar os meus objectivos porque não existe uma estratégia. O marketing pessoal passa um pouco por isso, é eu definir aquilo que sou e a forma como eu depois vou realizar isso perante os outros, perante a sociedade. Tudo isto passa muito pela comunicação, da forma como eu comunico, como eu me apresento, e então todas as ferramentas que eu possa utilizar são importantes, a forma como eu comunico, por exemplo no facebook, o tipo de comunicações que eu uso, se alguém estiver a procura de trabalho em determinada área, desenvolver um bom marketing pessoal é importante, porque essa pessoa deve ter uma presença que esteja alinhada com aquilo que quer fazer e de acordo com os seus valores. Não estou a falar de fingimentos, de pentear-se bem, vestir-se bem e dizer umas coisas interessantes no facebook para parecer aquilo que não é …. Porque o marketing pessoal tem a ver com o alinhamento com os valores de cada um de nós! O processo começa portanto pela definição dos valores e o coaching nesta área fornece-nos ferramentas muito importantes. J.F. – O cliente quando o procura normalmente já está sensibilizado e percebe já um pouco de marketing pessoal?

OCEANOAZUL – Speakers Agency Porto - Portugal Tel. +351 914 916 101

Página 3 reservas@ocenaoazul.eu

ASSUNTO: NCoaching – 4º Programa DATA: 20 de Janeiro de 2013

C.M. - De um modo geral sim! Acontece o mesmo com a criatividade! O que me dá mais trabalho neste processo é eu conseguir entender exactamente quem é aquela pessoa? pois eu tenho o cuidado de trabalhar o marketing da pessoa de acordo com o alinhamento com os seus próprios valores e seus objectivos. J.F. - Mas nesse processo não está o Carlos a tentar moldar essa pessoa com os seus valores e juízos? C.M.- Não…É entender no sentido de perceber até que ponto essa pessoa depois está alinhada ou não! Se alguém simular uma imagem que realmente não é, eu posso estar a trabalhar sobre uma base errada e que mais cedo ou mais tarde pode cai por terra. O meu entendimento tem que existir. J.F. - As capacidades de comunicação do ser humano de se relacionar com o outro é ou não fundamental em todo este processo? C.M. - E fundamental! O meu verdadeiro interesse na comunicação surgiu quando eu era miúdo, eu era muito tímido, tinha muito medo em falar em público, e depois percebi que vencer isso era muito importante para a nossa segurança, desenvolvimento e auto-estima! Mais tarde na área da publicidade onde eu também estive envolvido também percebi que não basta ter um bom produto, pois eu tenho que saber comunicar esse produto. Tudo é comunicação até quando não estamos a dizer nada! J..F. – O Carlos está envolvido numa associação mundial ligada à comunicação que se chama Toastmaster! O que é o Toastmaster? C.M. – Existe em 116 países, tem cerca de 170 mil membros, existem mais de 12.500 clubes em todo o mundo. Eu sou um dos fundadores do clube do algarve. O Toastmasters tem como missão criar um ambiente amigável, positivo, onde as pessoas podem desenvolver as capacidades de liderança e de comunicação em público. Em cada sessão três pessoas apresentam discursos sobre qualquer tema. Há um programa educativo que devemos seguir, desde a projecção da voz, gestos… como inspirar a audiência, ou apresentações através de powerpoint, existem também exercícios de improviso, a capacidade de nós nos expormos e falarmos de algo que nós não conhecemos e depois temos a avaliação também! Aprende-se fazendo porque não há professores, pois todos nós avaliamos e apresentamos também! J.F. – No final das suas palestras o que é que no final tem de ser despertado nas pessoas? C.M. – Eu não ensino ninguém a ser criativo… a mensagem que eu procuro é que a criatividade tem a ver com atitude, todos nós temos de facto um potencial criativo dentro de nós! Se o manifestamos ou não tem a ver com a nossa atitude! Há aquela famosa frase “Pensar fora da caixa” eu prefiro dizer “ampliar a caixa” eu não acredito que alguém consiga sair completamente fora da caixa porque estamos sempre limitados! Podemos é ampliar a dimensão da caixa! O que eu sei é que uma mudança de atitude pode fazer uma grande diferença no processo de geração de ideias!
Mais informação por favor contactar: Luis Baptista Soares, Marketing & Business Consulting (luis.soares@oceanoazul.eu) www.oceanoazul.eu

OCEANOAZUL – Speakers Agency Porto - Portugal Tel. +351 914 916 101

Página 4 reservas@ocenaoazul.eu

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful