You are on page 1of 8

1 - (UEM - 05) "Durante a primeira metade do século XIX, a classe burguesa desenvolveu, especialmente na Inglaterra, a chamada Economia Política Clássica

. Essa escola, baseada nas idéias do Liberalismo Econômico, teve como ponto de partida a obra de Adam Smith. Em seus estudos, os economistas burgueses explicaram e muitas vezes justificaram o funcionamento do sistema capitalista, que   experimentava espetacular desenvolvimento na Europa ocidental e nos Estados Unidos. Mas, na mesma época, com o aparecimento do proletariado e dos problemas sociais gerados pelo capitalismo industrial, desenvolveram-se também as escolas do Socialismo Utópico e do Socialismo Científico, que realizaram a crítica à ordem capitalista e à Economia Política Clássica." (CAMPOS, Raymundo Carlos Bandeira. Estudo de História: moderna e contemporânea. São Paulo: Atual, 1988, p.182). A respeito das questões mencionadas na citação acima, assinale a(s) alternativa(s) correta(s). 01) Os chamados socialistas utópicos se caracterizavam por defenderem reformas na sociedade que mais se assemelhavam a sonhos. Suas propostas eram idealistas e não levavam em conta as resistências da sociedade capitalista às mudanças, contando principalmente com a boa vontade dos indivíduos. 02) O Movimento Cartista, que surgiu na Inglaterra nos fins da década de 1830, é resultado dos esforços da burguesia para evitar que o movimento operário descambasse para a barbárie e ameaçasse a existência da propriedade privada. 04) O Socialismo Científico caracteriza-se por uma teoria que acreditava na racionalidade científica da burguesia para a realização da socialização pacífica dos meios de produção. 08) Os fundadores do chamado Socialismo Científico foram os alemães Karl Marx e Friedrich Engels, que publicaram, em 1848, o Manifesto do Partido Comunista, criticando os socialistas utópicos e a Economia Política Clássica. 16) A chamada Economia Política Clássica tem em Adam Smith, autor de A Riqueza das Nações (1776), e em David Ricardo, autor de Princípios de Economia Política (1817), dois de seus principais teóricos. Ambos defendiam a liberdade de comércio como sendo a forma mais adequada de promover o desenvolvimento da riqueza. A soma das afirmativs corretas é: a) 03; b) 07; c) 25; d) 22; e) 14. 2 – (UFLA - MG - 04) Enumere a 2ª coluna (pensadores) de acordo com a 1ª (doutrinas) e, a seguir, indique a alternativa que apresenta a seqüência CORRETA. 1 - Liberalismo econômico ( ) Mikhail Bakunin 2 - Socialismo ( ) Adam Smith 3 - Anarquismo ( ) Friedrich Engels 4 - Fisiocracia ( ) François Quesnay a) 1 - 2 - 3 - 4 b) 1 - 3 - 2 - 4 c) 3 - 2 - 1 - 4 d) 3 - 1 - 2 - 4 e) 2 - 3 - 1 - 4 3 - (UFMG - 06) Em 1891, o Papa Leão XIII editou um documento . a encíclica Rerum Novarum . que deixou marcas profundas na Igreja Católica. A importância desse documento transcende os muros da Igreja, haja vista que ele redefiniu o pensamento católico e o modo como essa Instituição se relacionava com as sociedades em que atuava. Considerando-se a influência da Rerum Novarum, é CORRETO afirmar que essa encíclica a) significou uma condenação vigorosa da guerra e do colonialismo, pela manifestação do pacifismo e do humanismo inerentes aos valores cristãos. b) deu origem ao pensamento social católico, a partir do impacto da expansão do capitalismo e do crescimento do ideário socialista. c) transformou a Igreja em aliada do movimento fascista, abrindo caminho para a Concordata entre o Papa e o Estado italiano. d) representou uma tomada de posição do Vaticano contra a religião muçulmana, que crescia em ritmo acelerado e ameaçava a posição hegemônica do catolicismo.

c) exercício da justiça pelo executivo. e) a defesa de uma economia baseada exclusivamente na lei da oferta e da procura no primeiro e apenas a acumulação de ouro e prata no segundo.96) Responda a questão de acordo com o código abaixo. e) garantissem a preservação da propriedade e possibilitassem a convivência harmoniosa entre as classes sociais. tornando necessário ao homem agir em função dos seus semelhantes. 9 – (FINP . para o liberalismo clássico o homem era um animal social apenas na medida em que coexistia em grande número. sozinho. b) a crença no racionalismo. . b) manutenção da ordem. EXCETO: a) intervenção na economia privada.90) Todas as alternativas apresentam idéias básicas do Socialismo Científico. EXCETO: a) a classe operária é a força revolucionária que deve tomar o poder político. Por isso. d) se todas as afirmativas estiverem corretas. d) o mercado aberto a toda concorrência no primeiro e a restrição à entrada de produtos estrangeiros no segundo. c) a evolução histórica é determinada pelo avanço da luta de classes. ao qual atribuíam a responsabilidade pelas marcadas desigualdades sociais existentes. d) a sociedade de cada época é determinada pelas condições econômicas.4 . b) a ditadura do proletariado é a fase de transição para se alcançar o comunismo.(UFMG . c) o uso obrigatório do trabalho escravo no primeiro em oposição ao trabalho livre característico do segundo. 7 . d) a idéia de que a sociedade seria formada por uma teia de relações.SP . 5 . criando. viver quase três décadas numa ilha deserta. b) abolissem a propriedade particular e construíssem uma nova sociedade sem desigualdade de riqueza. que deveria assegurar. c) se apenas as afirmativas I e III estiverem corretas. 6 . 8 . o pensamento liberal pressupõe: a) a crença no progresso. após um naufrágio. d) freassem o desenvolvimento industrial.98) Segundo o historiador Eric Hobsbawn. de forma a por fim às desigualdades sociais.76) Na Carta Rerum Novarum.(Fuvest) A diferença fundamental entre o mercantilismo e o liberalismo econômico é: a) a ênfase na produção de subsistência no primeiro e a exploração da matérias-primas no segundo. c) promovessem uma nova distribuição da propriedade. através da intervenção governamental na atividade econômica. na livre iniciativa e no progresso. c) a crença de que o bem estar social seria assegurado pelo respeito aos costumes tradicionalmente aceitos e estabelecidos.(PUC . propondo reformas que: a) fizessem vigorar o Liberalismo Econômico. a felicidade e o conforto ao maior número de possível de pessoas. Em consonância com esse perfil. d) intensificação das relações exteriores. Leão XIII definiu a posição da Igreja com relação aos problemas do Liberalismo e do Socialismo e conclamou todos a se unirem para realizar uma ordem social justa. daí decorrendo a necessidade de manter a menor interferência governamental possível na atividade econômica. e) o homem é solidário com seus semelhantes. e) preocupação com a defesa nacional. b) se apenas as afirmativas II e III estiverem corretas. socializando-se porém os bens móveis e o crédito. abrindo mão de quaisquer privilégios. e) a idéia de que só um governo centralizado e forte poderia assegurar a liberdade econômica e a obtenção dos objetivos individuais. b) a regulamentação e proteção estatal da economia no primeiro e a defesa da liberdade total da iniciativa privada no segundo.MG) É característica do Estado Liberal. as condições de sua sobrevivência. a) se apenas as afirmativas I e II estiverem corretas. considera que o símbolo literário do “homem” dessa corrente de pensamento foi Robinson Crusóe.(PUC . que conseguiu. e) se todas as afirmativas estiverem erradas.(Cesgranrio .

Enquanto houver harmonia de interesses em uma coletividade. ao analisar as causas da formação da sociedade capitalista e as contradições destas. caracterizou-se por: a) pretender a conquista do poder imediatamente e através da luta armada. através da instituição do mercado e a garantia da propriedade privada. 12 . (Enrico Malatesta) A respeito da doutrina professada por Enrico Malatesta. pode-se afirmar que: I . são levados a pagar baixos salários por causa das regras do capital. b) positivismo. pregavam a eliminação do Estado e da propriedade privada.(UFMG . e) fascismo. 13 . c) pretender a criação de comunidades-modelo. em que os homens. a base da cooperação nas quais não haveria a instituição do lucro..02) "O governo e. ao contrário.Antes do capitalismo. enquanto os socialistas científicos. através de barganhas entre a cúpula sindical e os representantes dos patrões.(FGV . O que havia eram simples divergências pessoais entre os autores. c) os socialistas utópicos formulavam o projeto ideal de uma sociedade futura. SP: Record. 340. enquanto ninguém quiser ou puder explorar os outros. e) a supremacia da natureza entendida como a produtividade exclusiva da terra relegando a um segundo plano a manufatura e o trabalho de processamento.73) O movimento de Owenismo (Robert Owen). 14 . no entanto. 11 . persistia uma diferença que se prendia ao fato de que os socialistas utópicos nunca pensaram em sociedade futuras. c) a integração do processo produtivo fabril ao desenvolvimento científico.. p.A exploração do capitalismo sobre o trabalho é oculta por causa da mais valia.A diferença entre o socialismo utópico e o científico é que: a) o primeiro tinha uma preocupação estritamente científica enquanto o segundo caracterizava-se pelo seu caráter meramente especulativo. acreditamos que ela é sua parasita. b) a formação de comunidades auto-suficientes. daí a abdicação de qualquer movimento de rebelião ou greve.Sobre as teorias de Karl Marx que influenciaram o movimento operário europeu no final do século XIX.(Mack . não haverá marca de autoridade. 10 . d) evolucionismo. (História das sociedades modernas às sociedades atuais. d) tanto socialistas utópicos como científicos denunciavam os males do capitalismo. II . sim. b) não havia diferenças entre eles. através de sua paralisação por uma greve universal e de duração indeterminada. c) anarquismo.(FCL . unicamente.. e) sustentar que havia o capitalismo em virtude de os homens terem sido condenados à miséria terrena.SP . é correto afirmar que: . em geral.04) Para nós. o Estado representam a origem dos males da sociedade Afirmando serem o industrialismo e o capitalismo produtos do Estado.93) Um princípio básico do socialismo utópico é: a) a crença em um sistema filosófico-religioso baseado na razão. através da livre cooperação teriam suas necessidades satisfeitas. a autoridade não é necessária à organização social. o trabalhador era explorado pelo senhor dono da terra. b) pretender destruir o sistema capitalista. que rejeita a idéia da revelação divina e de qualquer autoridade da Igreja.Os patrões não são. no chamado socialismo utópico do século XIX. d) pretender chegar ao socialismo. exploradores de mão-de-obra e. d) a plena liberdade econômica. formularam a possibilidade de sua destruição. na medida em que esse possibilitava maior rendimento e produtividade. que impede sua evolução e utiliza seu poder em proveito próprio de uma certa classe que explora e oprime as outras. Defenderam a formação de um conjunto de pequenas comunidades cooperativas sem visar o lucro".. III . consequentemente.)O texto sintetiza idéias filiadas ao a) socialismo científico. trabalhando especificamente para ele alguns dias da semana. sendo o mundo celestial socialista.

ao longo do processo histórico de desenvolvimento do Socialismo e de sua transição para a sociedade anarquista. b) a IV Internacional. sem leis codificadas. não estabelecia distinção entre ciência física e ciência social e identificava a teoria moral. foi criada para promover as articulações internacionais do proletariado e defender a social-democracia. 16 .Publicação e divulgação de idéias como as de Adam Smith. fundando.01) Em 1864.Crença nas leis naturais da economia. Em 1872. III . c) a II Internacional definiu-se como anarquista e pregou a defesa da violência como única forma de alcançar uma sociedade sem Estado e sem desigualdades.a) ambicionava construir uma ciência da natureza humana. que se contrapunham à criação de um Estado socialista e à ditadura do proletariado de Karl Marx. a Igreja e a burguesia financeira e industrial seriam extintas lentamente. b) fisiocracia. O capital e o trabalho deveriam viver em colaboração um com o outro. Sobre as Internacionais é correto afirmar que: a) a I Internacional foi a matriz do movimento operário. chegaram a formular um conceito unitário de socialismo democrático. e) as Internacionais foram formadas por operários que. . mais tarde. com a demonstração e a elaboração de leis. d) se as afirmativas II e IV estiverem corretas. 1 . porque os ricos não seriam tão ricos e os pobres não seriam tão pobres. d) socialismo econômico. assim.(CEFET PR . o próprio Socialismo daria lugar ao Comunismo. num congresso em Haia. encontramos: I . b) afirmava que. Seus primeiros encontros foram marcados pelos conflitos teóricos entre Karl Marx e Mikhail Bakunin. c) absolutismo econômico. e) liberalismo econômico. em Londres.00) Alguns movimentos ideológicos marcaram o século XIX e o início do século XX. na qual os proletários tomarão o poder em substituição 2 . e) se as afirmativas I e III estiverem corretas.(PAS .(UDESC) Entre os argumentos que justificam a defesa das doutrinas liberais surgidas no final do século XVIII e início do século XIX. fundada na América Latina. II .01) Adam Smith (1723-1790) surgiu entre os economistas do Iluminismo. Sobre eles. obedecendo aos princípios da caridade cristã. foi fundada a Associação Internacional dos Trabalhadores. Suas propostas. 17 . d) acreditava que o Estado. religiosa e política existente como o principal obstáculo à realização das leis da harmonia. sem tribunais ou forças armadas. IV . Assinale: a) se as afirmativas I e II estiverem corretas.UFLA .Socialismo ao capitalismo. a economia como ciência.(Mack . c) considera que o Estado e a propriedade privada são a fonte de todos os males sociais e devem ser substituídos por uma sociedade de homens livremente associados. com as teses de Karl Marx ainda misturadas a ideologias anarquistas. com o crescimento da produção e da riqueza. razão as exploração e das diferenças sociais. nas quais considerava o trabalho e não a terra como fonte de toda riqueza. sem a necessidade de lutas sociais.desejo de atingir o comunismo pela superação das classes sociais. os trabalhadores estabeleceriam a ditadura do proletariado e. após a revolução. Bakunin e seus seguidores foram expulsos da Internacional. através de discussões políticas. 18 . 15 . preocupandose em sistematizar a análise econômica. d) a III Internacional favoreceu os anarquistas.Críticas dos socialistas ao progresso industrial. a economia moderna. sem polícia. e) preconiza uma sociedade na qual não haveria luta de classes. c) se as afirmativas III e IV estiverem corretas.Liberalismo ( ) Defende uma sociedade sem classes. sociedade na qual não existiriam as classes sociais e o Estado. relacione as colunas e identifique a alternativa que apresenta a seqüência correta. b) se as afirmativas II e III estiverem corretas. ficaram conhecidas como: a) mercantilismo.

b) fim do Estado como necessário ao avanço do bem-estar e da extinção das desigualdades sociais. empresariais. Estado. justiça social e de defesa da dignidade da classe trabalhadora. destaca-se: a) a proposta dos anarquistas de privilegiar a organização sindical como forma de luta. a Europa experimentou relativa estabilidade. As únicas guerras que ocorreram nesse continente estavam ligadas aos processos de unificação italiana e alemã. c) tragédia de Chicago (EUA). assim.3. desenvolvendo um forte mercado interno e uma política externa imperialista em relação ao continente americano. definida pela Encíclica Rerum Novarum (1891). a) 1 . c) condenação da existência da propriedade privada. religião oficial e diferenças sociais. ou “Dia do Trabalho”. d) defesa da luta de classes como forma de se extinguir a exploração do homem pelo homem. partidos políticos. por estar na origem da miséria econômica das classes trabalhadoras. etnia e cultura.1. a) a idéia de expansão das nações européias como meio de tornar os países sul-americanos e africanos mais modernos.RJ) A difusão e o fortalecimento da Revolução Industrial na Europa.(UGF . quando uma geral pela fornada de 8 horas foi violentamente reprimida. em 1871. preservadas as raízes culturais comuns entre os súditos.(UFU – 03) Os Estados Unidos tornaram-se uma nação economicamente poderosa na segunda metade do século XIX.2 . e) 3 .00) A data de 1º de maio tornou-se mundialmente consagrada ao Dia Internacional da Solidariedade aos Trabalhadores. 21 .Anarquismo ( ) Defende uma sociedade sem a existência de propriedade privada. na Alemanha.(UFMG) No período compreendido entre o Congresso de Viena e a Primeira Guerra Mundial. b) 2 . 20 .1 . em 1866.3 . 23 . b) a idéia de que cada nação deveria ser um Estado independente e de que a nacionalidade estava associada à identidade de língua. c) a tentativa dos anarquistas de tomar o Estado pelo sistema corporativista.3. d) eclosão da “Comuna de Paris”.1.(PUC) Nas divergências entre anarquistas e socialistas sobre o movimento operário europeu. devido a qual fato histórico? a) rebelião dos escravos no Haiti em 1791. b) publicação do “Manifesto Comunista” por Marx e Engels em 1848. acarretou o surgimento de diversas doutrinas sociais que criticavam as conseqüências sociais da consolidação do capitalismo na Europa. 22 . e) validade das revoluções sociais para a libertação política e econômica das nações oprimidas por governos despóticos.3 . que propunha o(a): a) valor da religião como instrumento de reforma. e) a posição dos anarquistas contrária à organização dos trabalhadores em partido político. d) 1 . d) a crença dos socialistas na via parlamentar como forma exclusiva de se chegar ao poder. na passagem do século XIX ao século XX. ao longo do século XIX. c) 2 . destacamos a Doutrina Social elaborada pela Igreja Católica. e) implantação da “Ditadura do Proletariado” na URSS.(EFOA . em 1917. ( ) Defende uma sociedade em que o Estado não deve limitar ou determinar as ações pessoais. Assinale a alternativa que retrata corretamente este contexto. c) o estabelecimento de novas nações que tinham como princípio definidor dos seus limites as atividades agromercantis por elas desenvolvidas.2 . religião. comerciais e industriais. b) a idéia dos socialistas de que a greve geral seria o fim último dos trabalhadores.: .3 . Dentre essas doutrinas. 19 . d) o princípio de que nações deviam ser criadas a partir da identidade racial sendo.2. Assinale a alternativa que melhor identifica o nacionalismo que inspirou esses conflitos.

além da grande atração motivada pela corrida do ouro na Califórnia. comprando ou anexando territórios e ampliando sua extensão geográfica. 24 . respectivamente.(UFU . 08) A Guerra de Secessão. era favorável ao fim da escravidão. pela criação de reservas mantidas pelo Estado e pela abolição da escravidão logo após a vitória do Norte na Guerra de Secessão. d) 22 e) 15 26 .(FUNREI . sintetizada na afirmação “ A América para os americanos” e criada pelo grupo político Democrata. incorporando-as ao mercado internacional. incorporando-os ao mercado de trabalho e de consumo. que estabelecia o direito dos Estados Unidos de intervirem nos assuntos internos dos outros países. Enquanto o Norte.03) Os Estados Unidos tornaram-se uma nação economicamente poderosa na segunda metade do século XIX. D) A política externa norte-americana no século XIX foi sustentada pelo Destino Manifesto.05) “A Guerra Civil foi uma „guerra total‟ porque o Norte só poderia conseguir atingir seus fins de restaurar a União se derrotasse o Sul por completo [.04) 20 – Sobre a história dos Estados Unidos da América. se deu entre a) os colonos americanos e os ingleses. que resultou na derrota das populações nativas e na ocupação das terras indígenas pelos colonos.. sintetizada na afirmação “ A América para os americanos” e criada pelo grupo político Democrata. Nicarágua e a região do Canal do Panamá.” (Robert A. O Homestead Act incentivou essa marcha. A sedimentação dessa forma de pensamento deu o substrato ideológico que legitimou a invasão norte-americana ao Iraque . 25 . procurava defender os princípios de igualdade de direito à propriedade e à liberdade da Constituição. neste contexto. interiorizando a ocupação. b) 13. respectivamente. ocorrida entre 1860 e 1865. dando dimensões continentais ao novo país. a expansão territorial atingiu a costa do Pacífico. a) A Doutrina Monroe. procurava defender os princípios de igualdade de direito à propriedade e à liberdade da Constituição. Divine e outros. Assinale a alternativa que retrata corretamente este contexto. assinale a(s) alternativa(s) correta(s). O Homestead Act incentivou essa marcha. conhecida como a Guerra Civil norte-americana. d) os mexicanos e os norte-americanos. neste contexto. Nevada e Arizona. lutava pela manutenção dessa relação de trabalho. resguardando a soberania do indivíduo perante o Estado. A soma das afirmativas correta é: a) 03. b) o Sul capitalista e o Norte escravista..]. c) o Norte capitalista e o Sul escravista. Pelo tratado firmado em 1848. Uma guerra total é o teste entre sociedades. B) A situação dos índios e afro-americanos. Califórnia. com a distribuição gratuita de terras aos estrangeiros. foi divulgada a Doutrina Monroe. A partir da costa do Atlântico. foi motivada exclusivamente pela questão da liberdade dos escravos. com a distribuição gratuita de terras aos estrangeiros.. possibilitando a supremacia dos Estados Unidos como potência mundial. além da grande atração motivada pela corrida do ouro na Califórnia. pela criação de reservas mantidas pelo Estado e pela abolição da escravidão logo após a vitória do Norte na Guerra de Secessão. mais industrializado. foi sanada. os Estados Unidos iniciaram a Marcha para o Oeste. 01) Em 1823. resguardando a soberania do indivíduo perante o Estado. b) A situação dos índios e afro-americanos. economias e sistemas políticos.(UEM . c) 07. incorporando-os ao mercado de trabalho e de consumo. 04) A expansão territorial norte-americana levou a um enfrentamento com as tribos indígenas. C) A expansão territorial em direção ao Oeste permitiu a anexação de enormes faixas de terras. foram anexados aos EUA Texas. ao longo do século XIX. o Sul.A) A Doutrina Monroe.. interiorizando a ocupação. América: passado e presente) A Guerra de Secessão estadunidense. 02) A partir do início do século XIX. foi sanada. agrícola. Utah. Novo México. 16) Uma significativa parte do atual território dos EUA foi conquistada como decorrência da Guerra contra o México. tais como: o México. desenvolvendo um forte mercado interno e uma política externa imperialista em relação ao continente americano. c) A expansão territorial em direção ao Oeste permitiu a anexação de enormes faixas de terras. responsável pelo desenvolvimento de áreas atrasadas no continente. Cuba. .

b) Doutrina Monroe. IV. forçando uma reinterpretação da Constituição Americana. d) Direito Divino. e) Teoria da Predestinação. b) a ocupação de todos os territórios onde os americanos nativos eram hostis ao homem branco. c) Doutrina Truman. a) A compra da Louisiana. . . (Constituição dos Estados Confederados da América.) Em todos esses territórios. e) a anexação dos estados do Texas. em fase de industrialização. exterminadores de índios. motivaram e favoreceram a Marcha para o Oeste que foi: a) a corrida do ouro na Califórnia e a ocupação da Flórida recém adquirida da Espanha.(Unifenas . em 1776. c) a colonização de terras do lado ocidental dos Apalaches e da margem leste do rio Mississipi. Ela povoou o Oeste e o Meio-Oeste americanos.Carlos figueiredo Ed. Utah. 30 . e a Declaração da Independência. Ao contar a Marcha para o Oeste. d) A ocupação de áreas além do rio São Lourenço. e a compra da Flórida.(EFOA . mas o sangue dos nossos ancestrais. d) da luta pelos direitos civis.03) “Os Estados Confederados podem adquirir novos território. as flores perfumadas são nossas irmãs.d) A política externa norte-americana no século XIX foi sustentada pelo Destino Manifesto. 28 . . . em 1803.04) Em 1854.1861) O texto acima reflete um dos pontos centrais de discórdia que geraram a Guerra Civil Americana. particularmente dos negros. em 1819. para efetivar a posse da Louisiana. Assinale a alternativa que menciona corretamente dois fatores da Marcha para Oeste. depois de uma guerra.)”.) Cada pedaço desta terra é sagrada para nós.(USS . 29 . 27 . b) da Grande Depressão. esses filmes mostraram também a formação de uma mentalidade tipicamente americana. ) Somos parte da terra e ela é parte de nós. Leia este trecho de sua resposta transmitida ao presidente por carta.) A água brilhante que se escoa nos ribeiros e nos rios não é apenas água. e os habitantes dos vários Estados Confederados e Territórios terão o direito de levar para esse território quaisquer escravos legalmente possuídos por eles em quaisquer Estados ou Territórios dos Estados Confederados (. Leitura . Cuba. . o que redundava na independência dos Estados Unidos. possibilitando a supremacia dos Estados Unidos como potência mundial. a necessidade dos estados do Norte. Arizona e Novo México. . como a escassez de terras na faixa atlântica. . por imigrantes dispostos a desbravar o interior do continente. conquistados junto ao México em 1848. a partir da Doutrina Monroe. . intensificando a pobreza e o desemprego nas grandes cidades americanas. (. incorporando-as ao mercado internacional. c) da oposição dos interesses dos Estados do Sul e do Norte em torno da questão da escravidão e da expansão para o Oeste. entre 1846 e 1848. e) da luta entre os colonos e a Metrópole inglesa. Art. seção 3 . de conseguir matérias-primas e a construção de ferrovias. tal como ora existe nos Estados Confederados. passou a intervir na América Latina. acelerando a ocupação rumo ao Pacífico. será reconhecida e protegida pelo Congresso e pelo governo territorial. a instituição da escravidão negra. grileiros e pistoleiros) foi retratada em uma série de filmes do gênero western. Esta guerra civil foi o resultado: a) da ação imperialista americana que. b) A guerra contra o México. (.(MACK . (. Nicarágua e a região do Canal do Panamá. responsável pelo desenvolvimento de áreas atrasadas no continente. o governo dos Estados Unidos quis comprar as terras do chefe indígena Seatle. c) A corrida do ouro para a Califórnia (1840 -1849) e a Doutrina Monroe (1823). Uma série de fatores.” (Fonte: 100 Discursos Históricos . . mais conhecidos no Brasil como faroeste ou bangue-bangue.01) A Marcha para Oeste é um dos fenômenos mais conhecidos da História dos Estados Unidos. “(. gerou um contingente de produtores agrícolas e pecuários cujos interesses os ligaram mais à economia do Norte com os seus canais e ferrovias do que à idéia de ocupar o interior com fazendas escravistas. Assinale a alternativa que a representa: a) Destino Manifesto. .03) A saga de pioneiros e desbravadores (e também bandidos.2002) A justificativa ideológica utilizada pelos norte-americanos para conquistar as terras do oeste era a do povo escolhido por Deus para essa “missão”. tais como: o México. .

C 22 = E 23 .A 29 . 1 . e) As ferrovias transcontinentais e a teoria do Destino Manifesto.B 8 .C 27 .E 9 .D 3 .C 24 .A 18 .C 11 .d) O Homestead Act (1862) e o protetorado sobre Cuba (1891).C 12 .D 26 .B 4 .B 13 .A 7 .C 14 .C 19 .E 5 .B 6 .C 2 .C 30 .E 17 .E .C 15 .A 21 .C 28 .A 16 .C 10 .C 25 .B 20 .