You are on page 1of 21

Xamanismo A Grande Viagem

Em meio a natureza, e com sua permissão arranje sete pedras (Um xamã não se considera superior, ou inferior a nada, nem mesmo as pedras, portanto só pegue as pedras se lhe for permitido) do tamanho de sua mão, mais ou menos. Deite-se (é melhor que seja em meio à natureza, mas esta parte pode ser feita em casa, ou no seu local de poder) e cubra-se com um cobertor ou lençol; coloque duas pedras abaixo dos pés (as pedras, todas, devem prender o cobertor), estas ajudam a ter habilidade para caminhar nos mundos interiores; coloque duas nas mãos (ao lado delas, e sempre acima do cobertor), para ter habilidade de tocarem a essência espiritual; coloque duas acima dos ombros, estas fornecem habilidade para ouvir-ver-sentir e expressar as visões percebidas; coloque uma acima da cabeça, esta fortalece e representa a intenção da viajar. Cubra a cabeça com um cobertor, chapéu, vende-se, etc, para ficar bem escuro. Ouça as batidas do tambor (na falta deste, conecte-se com a sua pulsação e com o ritmo da própria Terra). Decida ou intua, qual dos oito caminhos deseja seguir: LESTE: A abertura, encorajar sua direção e objetivo de vida, avaliar novos começos e projetos, avivar suas esperanças; SUL: Realização, encontrar seu poder, realizar seus propósitos, buscando seu autoconhecimento, desenvolvendo seu potencial; OESTE: Interiorização, assimilar e compreender as experiências, reforçar sua responsabilidade, encontrar a cura; NORTE: Sabedoria, aceitação, silencio, buscar o apoio e a orientação dos ancestrais, contatar a sabedoria inata; NORDESTE: Inspiração, buscar novas fontes de inspiração na Natureza , arte, música , livros , meditação; SUDESTE: Força do Guerreiro, agir como guardião e defensor da liberdade, buscar confiança, auto-afirmação, seus talentos; SUDOESTE: Intuição, através do equilíbrio ser receptivo para novas percepções , estar atento aos sinais buscando conhecimento;

NOROESTE: Purificação, reprocessar-se para finalizar um ciclo e começar outro, buscar a verdade em tudo; Pedir a presença de seu animal de poder e de seu mestre-xamã interior. Procure uma das entradas para o outro mundo (fendas em rochas, ocos de árvore, cavernas, símbolos, espirais anti-horário para descer, horário para subir). Ao entrar no mundo interior, a cognição deve mudar, abandone todos os seus conceitos e julgamentos, pois lá as coisas nunca são o que se imagina. Você poderá encontrar animais, humanos, divindades, elementais, etc. Uns poderão "falar" (comunicar-se de alguma forma) com você, outros te ignorarão. O importante é prestar atenção a tudo! A escuridão e a imobilidade embaixo do cobertor, preso pelas pedras, as batidas do tambor ou do pulsar da Terra, e a sua intenção facilitam o desprendimento do seu espírito a se deslocar para mundos interiores e planos diferentes. Quando o tambor mudar o ritmo, ou quando lhe for intuído, volte e anote tudo! Inclusive símbolos, formas, etc. Tudo poderá ser usado, para o seu objetivo, sua intenção da viagem!

A Respiração do Jaguar e da Águia
Este exercício chama-se a respiração do Jaguar e da Águia.É um dos mais simples e poderosos exercícios que conheço. Através da respiração entra-se em contato com duas poderosas energias a da Terra e a do céu. Dizem os xamãs humanos e não-humanos que se um xamã consegue harmonizar estes dois poderes dentro de si, já é um grande passo em direção ao supremo bailar cósmico. Esteja descalço e em contato com a terra, pedra, grama ou qualquer piso natural. Prefira estar em um lugar ao céu aberto, à noite ou de dia, sob sol, estrelas ou chuva. Minha experiência mostrou que é bom ter uma ou mais árvores por perto, mas isso não é imprescindível. Dobre muito levemente os joelhos, sem tensão, inspire profunda lenta e longamente pelo nariz, expanda o abdômen e depois o peito enquanto inspira visualize um grande Jaguar se aproximando olhando-o nos olhos, ao mesmo tempo visualize a energia da Terra, de luz vermelha (escolha um tom de vermelho que exista na natureza, o de uma flor, por exemplo) subir pela planta dos teus pés até o cume da tua cabeça (se você não tem experiência com visualizações, sentirá um pouco de dificuldade, mas só no início), segure neste momento a respiração, sem tencionar a garganta, permita que neste breve espaço de tempo, a energia da Terra-Jaguar preencha seu ser, corpo, mente, espírito,etc. Solte pelo nariz a respiração, tão lentamente quanto foi a inspiração. Ao mesmo tempo em que se expira, visualize uma grande Águia, planar descendentemente sobre tua cabeça, e visualize-a, a Águia, trazendo a energia do céu, Sol, estrelas, etc. em suas imensas asas, ao mesmo tempo que, ainda durante a expiração, esta energia de cor azul escuro, a cor do céu logo após o por do sol, penetra no topo de sua cabeça e desça até a planta dos pés, novamente e da mesma maneira, segure a respiração por algums momentos, enquanto permite à energia do céu tomar conta do seu ser e se misturar com a da Terra, visualize também, a Águia e o Jaguar se olhando, pacificamente. As energias da Terra-Jaguar e da Águia-Céu, devem mesclar-se dentro de você!!! Faça tudo de novo, agora começando a inspirar a energia do céu (Águia), e ao expirar

por esse motivo eles preferem viver em locais distantes. Lembre-se sempre de agradecer à natureza. Este é um ritual muito profundo. ou procure gramados. a energia do sol se estende para todo corpo. mude-se.Olhe para o Sol com os olhos fechados. mas cada um sabe de suas possibilidades. Imagine que você é um girassol. Faça isto três vezes.Trague o ar mais uma vez e exale vagarosamente. praias. . observando a diferença na audição. usando a mente simplesmente para dirigir a energia do sol para o local desejado.Inale profundamente pela boca e puxe o calor da luz do sol para o estômago. campos de futebol. Resolva seus problemas.Sustente o ar no estômago pelo tempo máximo que puder. tapar os ouvidos e permanecer assim por alguns minutos. e somente ampliam aquilo que as pessoas trazem em . onde podem escolher um local equilibrado e harmonioso para viver.permitindo que entre a energia da terra (Jaguar). Sempre conserve seu rosto de frente para o sol quando estiver respirando. até criar um vazio mental e o silêncio interior. os raios inundam o corpo completamente. inspirando e expirando lentamente pelos ouvidos de maneira profunda. ou qualquer coisa que o valha. Como encontrar seu Local de Poder Os xamãs sabem que existem certos locais que emitem uma quantidade tremenda de energia. Realizando este exercício. Colocar o indicador no ouvido para trazer a atenção para ele. terrenos vazios. trocando várias vezes. muito bom para ser realizado quando nos encontramos cansados e sem forças. Sugerimos que façam as três respirações. e vá desta maneira. o ideal é uma vez por dia. etc. prestando atenção apenas nos ouvidos. Absorvendo a Energia do Sol Este é um exercício Tolteca altamente energético. Depois afaste-as. Inclusive é possível enviar deliberadamente os raios curativos do sol para qualquer área do corpo você deseja. mas que precisa de constância. É muito mais difícil escreve-lo. Que a Natureza lhe seja pura. Deste modo. prédio. Eles sabem que esses locais funcionam como uma antena amplificadora. Como criar o Silêncio Interior Procure esfregar as mãos. Encostar a língua no céu da boca. . . A luz do sol carrega a respiração de poder. Não reclame que não tem um espaço natural perto de sua casa. ao Jaguar e a Águia pela força que estão lhe dando. do que faze-lo. respirando pelo nariz e imaginando a energia do sol fluindo e circulando com sua luz energética ao longo da sua coluna. Assim tenha certeza de tomar grandes goles de ar e de que os pulmões estejam completamente cheios. .

direcione a respiração para este local (sempre um de cada vez. Virar a cabeça para a esquerda. 07 . escolha um lugar amplo ao ar livre 01 .Peça para que você seja conduzido até um local de poder.Confie no impulso que venha a sentir ou alguma visão que apareça indicando o local de poder. ou locais. explore-o e peça a Mãe Terra para usar esse local. aonde ele cria tensões? Ao identificar o local.Tome consciência do seu corpo espiritual e sinta-o. que provavelmente será negativa. pois caso o contrário. inspirando a energia da imagem e vivência. Permita o calor da luz afrouxar a tensão e abrir o nó. e a sua respiração como uma suave e curativa massagen que desfaz o nó. sinta-a como uma cachoeira de águas puras e frias. volte a atenção à respiração.Caminhe até esse local. Observe agora aonde. Traga a plenitude de sua respiração para o centro do seu medo. mas apenas um xamã que tenha iniciação e um animal de poder forte. Um xamã pode fazer isso em outros. Sinta a energia luminosa desfazer o medo. Se a mente retornar ao monólogo. sumindo. em seu corpo.Sente-se e peça uma confirmação de que o local é esse mesmo.Ao final do exercício agradeça o local por energizá-lo e incentivar sua criatividade. Concentre-se em sua respiração. faço isso até sentir que sua mente parou de monologar e a sua consciência esta voltada para sua respiração. Repetir este exercício quantas vezes for necessário para esvaziar a energia negativa da vivência.apenas respire calmamente e "veja" como a respiração esta dissolvendo o "nó" e o medo. não faça força . 06 . Inspire agora uma energia luminosa. Qualquer imagem ou percepção que venha à sua mente serve para você voltar novamente a atentar para o seu respirar. . caso haja mais de um lugar tenso). 09 . 03 . Em primeiro lugar. Virar a cabeça para direita expirando fortemente. a energia da pessoa ficará estagnada nele! Exercício enviado por André Panizzi “Gavião Real” (Membro Fundador do Clã Lobos do Cerrado) Como transformar a energia do medo. Mas como é que podemos encontrar esse local de poder? Não é muito diferente de como identificar o nosso corpo espiritual. auxiliando a expressar-se com novas idéias e sentimentos.Quando tiver a certeza do local. 08 . Sinta o nó da tensão se desfazendo aos poucos. observe o inspirar e o expirar. expelindo a imagem e a sua energia negativa através do sopro. há a sensação de medo.Sinta o corpo espiritual da terra à sua volta. Como se libertar de vivências negativas já passadas Trazer a imagem do que se passou para a sua tela mental. vinda da natureza e expire esta luz através do local do medo. Perceba o medo como um músculo retorcido. com o maior número de detalhes possível. 05 .seu íntimo. 04 . a limpar o medo do seu corpo. 02 . deixe a respiração fluir e fluir.Sente-se no chão e relaxe fechando seus olhos.

para que ele volte a ser harmonioso.Solicite mentalmente a mudança desejada. 06 .Relaxe e feche os olhos. 01 . Este exercício deve ser rápido. 10 .Tome consciência da Mãe Terra abaixo de seus pés.Após livrar-se das energias negativas.Sinta a energia da Mãe Terra fluindo por seu corpo. tendo como ponto de partida a base da sua coluna. 05 .Respire bem fundo. 13 . . 11 .Afirme em voz alta: Eu sou luz! Eu sou coragem! Eu sou livre! Eu sou um com o ritmo da natureza.Use a cauda para retirar toda energia negativa do seu corpo. agradeça a Mãe Terra pela sua energia.Direcione energia para essas partes. 02 .Sinta a cauda transformar-se numa raiz. 03 . 01 .Procure por algo na natureza que tenha essa qualidade*.Ilumine as partes que estão escuras com muita energia espiritual. 05 . 09 . 04 . 08 .Explore seu corpo físico da cabeça aos pés.Estabeleça uma conexão. É preferível que esse exercício seja realizado ao ar livre.Após colorir seu corpo espiritual. Controlando seu Campo Energético Esse exercício visa estarmos consciente do que ocorre com o nosso corpo espiritual.Explore seu corpo espiritual de cima a baixo. auxiliando-nos a ter o controle sobre nosso campo de energia. 07 . 04 .Faça um diagnóstico de como se encontra seu estado de espírito.Relaxe e feche os olhos. agradeça ao espírito da imagem da natureza. 12 .Reconheça em que estado você se encontra.Deixe seu corpo espiritual formar uma cauda que irá se conectar com a Mãe Terra. Corrigindo seu Corpo Espiritual Esse exercício é indicado para ser realizado após confrontos emocionais e reuniões.Comece a colorir o seu corpo espiritual com a cor da imagem da natureza identificada. preenchendo-a.Observe muito bem o seu corpo espiritual e molde-o com pequenas pancadas.Sinta o seu corpo espiritual.Observe qualquer parte onde a falta de energia. Com a prática conseguiremos controlar o nosso corpo espiritual e direcionar essa energia para o nosso benefício. 09 . 06 . 10 . tornando-o mais sólido e presente. 03 . Agradeça à Mãe Natureza. 02 . voltando ao seu estado natural. e sinta aos poucos. 08 .Identifique a qualidade que necessita no momento. ou situações que nós sentimos uma perda demasiada de energia. 11 . 07 .Tome consciência do seu corpo físico. solicite a Mãe Terra que lhe dê um pouco da sua energia. 14 .

Os xamãs costumam encontrar seu animal de poder.Sinta um animal entrando nessa paisagem. o segredo maior do xamã é saber escutar e ver os sinais. isso é comum no início. 05 .Faça o caminho de volta até a abertura pela qual você entrou.Sem tirar os pés do solo. através da dança ou uma visão. essa respiração equilibra de maneira gradual nossa energia interna.* Caso precise de visão evoque a visão da águia.Deixe uma paisagem aparecer na sua frente.A inalação e a exalação deverá ser inaudível.Baixe a cabeça suavemente até encostar o queixo no peito. 06 . e sim eles que nos escolhem e estabelecem uma ligação conosco. Com a prática você irá sentir a diferença. ou seja.Sente-se com a coluna encurvada e encoste os peitos nos joelhos.Toque um tambor.Exercício só para mulheres Esta respiração deveria ser realizada sem roupa nenhuma. 1 . 09 .Escute as respostas. 08 . não somos nós que escolhemos o nosso animal.Sente-se. Realize este exercício regularmente.: Não preocupe-se se não conseguir manter contato na primeira vez. 03 . abrace as panturrilhas entrelaçando os dedos firmemente. se precisa de paz imagine um por do sol. 2 . Equilíbrio da Energia Interna Esta respiração reflete as forças duais da criação e da destruição. . 5 . feche os olhos e relaxe. mas como manter contato com o meu animal? O que se segue agora é uma jornada xamânica verdadeiramente simples. Mantenha-se um instante assim. 04 . e por fim agradeça-o pelas informações e comunicação. 01 . Vocês devem estar perguntando.Imagine um buraco na terra ou uma caverna. 3 .Solte as mãos e estique as pernas.Empurre a coluna para trás sem soltar os braços. Procure manter contato uma próxima vez. se necessitar sabedoria peça ao urso. Obs. a luz e a escuridão. com calma e deliberação. o ser e o não ser.Quando o animal aparecer. ou coloque uma fita com a batida do tambor. 07 . Encontrando seu Animal de Poder Como escolhemos o nosso Animal de Poder? Primeiramente.Inicie a jornada entrando no buraco ou caverna. não se preocupe em pensar que está inventando as respostas. peça-o para que lhe diga as suas qualidades. 02 . Evitando a dissipação da Energia Interna .Faça uma inalação rápida e superficial durante pelo menos 10 minutos. Quando estiver escutando o animal. 6 . 4 . nua: .

Partes deste despertar foram feitas de diversas maneiras. Fazendo que o ar circular dessa forma. fumamos um cachimbo. a fim de nos concentrarmos e unir-mos com seu corpo. Esta não é uma tentativa para nos tornarmos. Sentiremos a Mãe Terra e esta nos conhecera. Começam a brilhar cada vez mais. penetrando em cada lugar.Segure o ar por um momento nos pulmões e estomago. e expandem. purificando estas correntes e as passagens para o caminho da sua energia. Você não tem de estar como em um transe para movimentá-la.Sinta o ar indo até a parte de atrás da cabeça e atravessando-a até um ponto entre as sobrancelhas. Quanto mais você permitir que ela flua. O corpo chega a reunir e utilizar maiores quantidades como se estivesse. Antes do exercício ter início. a fim de redirecionar padrões e correntes que possam nos distrair. sentada ou pode ser realizada deitada na cama ou no chão. Esta corrente movimenta-se de acordo com o seu desejo. .Use o olhar para guiar o ar para baixo e para a frente do corpo. É só querer que a fonte do fluxo vital surja e esta virá. . . . desenhamos no chão. a qualquer hora. .Pode ser realizada em pé. trazendo luz e expansão. os caminhos de energia e locais de vortíces são muitos pequenos e escuros.Sustente o ar por um momento. aos ancestrais através de seus corações. Nossas mentes unir-se-ão. assim como as energias crescem em volume. até um ponto entre o omoplatas. por si só. Então. Exercício da Serpente de Fogo da Terra Este exercício nos ajudara a buscar e harmonizar com as forças do universo. . Na loja. queimamos ervas. no carro. despertando e misturando-se com sua própria serpente fogosa da vida. as coisas em você ficarão mais iluminadas e expandidas. Para isso. você organiza a teia da sua localização.Mantenha os olhos meio abertos para se concentrar no topo do nariz.. passando pelos rins. através da teia que será criada. eles se iluminam. ela se movimentará pelo seu corpo. cheio de vida. literalmente. fazendo de conta que toma fôlego pela vagina. fazendo o ar circular para cima.Sinta o ar subindo pela coluna. não tem nenhuma ligação com qualquer tradição. pelo mundo afora. Este exercício. limpando o que é velho. Ela une você.Inalar profundamente. nós iremos solicitar a energia vital da corrente do coração da nossa Mãe Terra. Criamos uma corrente. temos que preparar o terreno aonde ele será realizado. entre tantas outras técnicas de preparação do terreno. Ela não possui nenhuma. para despertarmos e nos reconstruirmos a partir de sua essência. .Exale pelo nariz e mentalmente guie o ar para baixo na frente do corpo. Quando aprendemos esta união. um vórtice para concentrar e ampliar os . no escritório. Com a mente e o coração. um com eles. Depois que a Mãe Terra a despertar e você sentir esse fluxo de vida que se movimenta através de você. Esta maneira não prende você a qualquer cultura. para a parte de trás e sobre a cabeça. mas de nos unirmos e partilharmos por um tempo. . que há dentro de nós. é criado uma proteção impenetrável que impede a influências dos agitadores externos no campo de energia do corpo. O terreno sempre deve ser preparado para uma cerimônia. e veremos o universo que para nós era até então desconhecido e passaremos a compreender seus movimentos. nele. você também evita que sua energia vital se disperse para o exterior. primeiro até um ponto debaixo do umbigo e então para a vagina onde o ciclo começou. a partir dos seus pés. Em pouco tempo ela torna-se um hábito. lentamente. permanentemente. a fonte da vida. pode acontecer em qualquer lugar. use sempre a que você sentir mais familiariedade. devolvendo-o aos orgãos sexuais.

quando estiver lá dentro de frente para o sul. Relaxe completamente a língua. enquanto ela se levanta e se enrosca debaixo de você. Invocamos esta imagem pois as pessoas deste planeta há muito utilizam símbolos de serpentes e de fogo para mostrar as energias vivas das coisas. 6. até ter certeza absoluta em relação ao ponto que lhe é mais harmonioso e natural. posicione seus pés nas cabeças da serpente e comece uma dança. atualmente. e relaxe a garganta. a harmonia traduz-se em eficiência nas ações que movimentam as teias. que lá estavam sendo armazenados. 4. através e entre as teias. 2. E. 5. na qual você levanta um pé de cada vez. Acredita-se que o criador é um círculo. Deixe que todos os ritmos o acompanhem. Ao preparar o terreno. É como beber de uma fonte e utilizarmos um pouco deste poder e compreensão. e peça a elas que lhes ajudem a fazer que a espiral se movimente naquela direção em sentido horário para cima. girando. girando. pediremos que suas energias vivas se condensem a partir do nosso coração e que tomem forma de uma serpente vermelha de duas cabeças. Portanto. Estamos na verdade. 9. Chame a serpente para acompanhá-lo de volta.Procure algumas pedras. e peça sua ajuda. Coloque as duas cabeças onde seus pés estarão. é bom pedir as espirais que nos ajudem a equilibrar este local. sentirá a mudança a cada passo. Esta é a batida do seu coração. Faça esses movimentos com a respiração consciente e profunda.Entre no círculo.Siga esta batida. e forma uma espiral. ou peça para alguém tamborilar para você. como se estivesse puxando algo que estivesse debaixo dos seus pés. Mantenha cada pé em sua respectiva cabeça de serpente e permaneça voltado para o sul. 8. volta para si. dizendo ao seu corpo: Acorde! Acorde! Desperte! Isto é porque o fogo penetra por seus pés com a chegada da serpente. com fôlego de fogo. . nenhuma imagem. Você descobrirá a direção da sua natureza. isto é o que faremos. Acendendo seu fogo. desligando e ligando fibras. Peque as pedras amarelas e as arrumem ao redor da borda do círculo de cinzas. Busque a batida do seu coração.Feche os olhos. Continue muito lentamente. Na verdade. Como podemos ver. a qual chamamos de Serpente de Fogo da Terra. um pouco acima do chão. Nossa Mãe Terra é um ser vivo com vida. de uma serpente de duas cabeças.Para preparar o terreno será necessário que se faça um círculo com cinzas de uma fogueira. que desce pelo seu corpo para as profundezas da Mãe Terra. como cada direção toca você. Enquanto estiver girando. Jogando suas chamas antes de si. dentro do seu círculo. O círculo concentra as energia a partir de sua área externa e interna.Coloque-se de pé dentro do círculo e feche os olhos. saia do círculo e faça um desenho. 3. A fim de que o encanto esteja presente. Permanecendo no círculo. Criando movimentos de natureza específica. enrolada. afim de que haja duas correntes. Então vamos ao exercício em si: 1. 7. E sinta sua canção. cujo centro está em toda parte. poderíamos invocar qualquer imagem que nos conviesse. ou até mesmo. Disponha outra camada de pedras amarelas sobre estas. sendo metade da cor vermelha e as outras da amarela. morte e destino próprios. Não se mova para fora do círculo.Enquanto estiver fazendo essa disposição. girando. gire em sentido horário.ritmos desejados.Agora coloque as pedras amarelas na direção leste. estas são muito harmônicas dentro das nossas teias.Agora. que você dança e respira. Já existem muitos padrões que foram construídos sobre estes símbolos e a harmonia é atraída por eles. na mesma direção. e peça que as energias desta camada se movimente para baixo no mesmo sentido. dirigindo a teia. Seria interessante que você coloca-se uma fita de tambor para tocar assim que começar a dança.

Por fim. como. só deixando passar aquilo que queiramos que façam parte da nossa vida. Este escudo será como um espelho que refletirá o que nós somos e o que é a nossa vontade para os outros em nível subconsciente. Realizando esse exercício constantemente. Ela respira. estaremos protegidos e não nos deixaremos contaminar pela ansiedade e nem pela depressão alheia. O Exercício do Tatu serve para nos proteger da maldade alheia. Exercício para realizar uma Fusão com o Sol . todas as coisas que nos fazem felizes. Sinta. Dancem juntos. em ambas as direções. imaginaremos tudo aquilo que queremos possuir. assinalar aquilo que só desejamos experimentar dentro de certos limites. sua respiração é como se fosse a sua.Perceba que este rio de energia que correu através de você. Devemos incluir também dentro dele. de volta pelo mesmo caminho. de fato significativo e que todos emaranhados na mesma Teia Cósmica. no qual todos se beneficiaram. experimentar. Ouça. Embeba-se no coração do Pai Sol. dê algumas passadas grandes no compasso da sua respiração e da batida da Mãe Terra. transformando-se numa bola resistente que não pode ser penetrada pelos seus inimigos. fazendo-o enrolar em torno de si mesmo. que cada ser é. Conheçamse um ao outro. Olhe. ensinando-nos a tomar certas precauções necessárias para defender o nosso espaço vital. de tal maneira que as correntes vindas de todos nós.Sinta-a subindo em direção a sua barriga. Partilhem suas canções. 13. Ela queima as máscaras. é uma parte substancial do Grande Espírito. Seu coração bate como o seu. a visita de um amigo. do Pai Sol e da Mãe Terra atravessando seu corpo e seguindo em rumo a Terra. Ela faz com que a visão das pessoas seja como a dos espíritos. Feito esse círculo.Sinta-se trilhando o caminho de volta ao seu corpo e a Mãe Terra. Imagine um círculo imaginário a sua volta que será o seu escudo protetor. 11. alimentando-se entre si. Podemos ainda do lado de fora. Houve uma troca de energia dentro do seu corpo. radiante e brilhante. as críticas de colegas e pedidos de ajuda ou dinheiro. 10. tente manter todas as energias ativas e dirija o resto da sua atenção para a solas de seus pés. ter ou proteger. Que vai despertando cada célula. Exercício do Tatu O Tatu sempre anda com sua armadura protegendo-o. Dentro deste círculo. sinta as energias vivas da Galáxia. e do lado de dentro tudo aquilo que desejamos. Ela lhe aponta as infinitas ilhas que estão além. Observe. 14. nos demarcamos nosso espaço. como um pássaro que abre as asas ao sol. inundando os corações do Pai Sol e da Galáxia. Veja que eles inundaram o seu corpo e a Terra de energia pura e. voe nas alturas em direção à luz. começaram a fluir. Vá com ela.incendiando tudo que ficou para trás. então partiram.Ouça O som da canção da serpente. 12. Sua carapaça é uma arma protetora que faz parte do seu corpo. preenchendo todos os espaços escondidos. E nquanto ela se movimenta nesta espiral até o seu coração. como uma estrela. todos as coisas e pessoas indesejáveis. e tudo se expande. E só aceitaremos a intrusão de coisas e de pessoas que nos são benéficas. desta maneira . por exemplo. continuamente. Respire lentamente e abra os olhos. exclamando: "Desperte! Venha dançar comigo!". em espiral. deixando do lado de fora.

passa pelas pernas e vai subindo até chegar ao baixo ventre. Em cada parte deste exercício você deve sentir e visualizar a energia saindo da área chave. Importante sentir mesmo a energia se espalhando a partir do fígado para todo o corpo. é bom chegar de 20 a 30 minutos antes para praticar o exercício com tranqüilidade.Chamamos essa prática de fusão ao Sol. os dentes. Depois de expandir traga a energia de volta a glândula de onde ela foi irradiada. enfim todo o corpo. A energia da Terra vai para a vesícula e o mesmo processo se repete. depois de sentir a energia entrando na glândula e se polarizando com a energia da mesma espalhe essa energia por todo o corpo. voltado para o lugar onde o sol nasce. e após impregnar está glândula. Volte-se para as quatro direções saudando os poderes de cada quadrante de acordo com sua tradição pessoal. como dedos. nuca. . nariz e pênis. o sol é de um poder intenso e a toda prova. Assim esta prática lhe dá uma aura solar. isto é. Para gerar essa sintonia você deve se dirigir a uma lugar onde possa ver o sol nascer. Expanda um pouco além da parte física sentindo que atua na aura também. espalha-se por todo o corpo. sinta que a energia da Terra se funde a energia de seus testículos e visualize a energia assim polarizada se espalhando. a energia do fígado se espalha por todo o corpo. sempre expandindo o baixo ventre ao inspirar e contraindo ao expirar sinta-se harmonizado a Terra. a energia se espalhando a partir da pineal para todo o corpo. a partir dessa área (acima dos rins) a energia se espalha por todo o corpo. um ponto entre as sobrancelhas. Se estiver fazendo o exercício na praia enterre mesmo os pés até a canela. De preferência deve estar descalço. Respirando profundamente. Chegar um pouco antes do sol nascer. Procure em jornais e em alguns almanaques a hora do sol nascente. Deve sentir todo o corpo. indo até a ponta dos dedos dos pés e das mãos. Respirando sempre profundamente. Lembre-se que se pegássemos todo o arsenal nuclear terrestre e lançássemos ao sol apenas haveria mais um pulsar da coroa solar. a glândula em questão. se espalhando por todo o corpo até suas extremidades e depois voltando ao ponto de onde começou a irradiação. se puder estar nu. e o mesmo processo se repete. Somos parte do sol. os glóbulos oculares. a glândula na qual a energia da Terra adquire nova polaridade. Fique de pé. a língua. A energia da Terra continua subindo e agora impregna seu fígado. costas. sentir o cérebro. todo ele mesmo. A energia continua subindo e vai até o pâncreas. sempre usando a circulação sangüínea como veículo. se espalha por todo o corpo. sinta essas raízes irem as profundezas da Terra e captarem a energia telúrica mais profunda. Agora a energia sobe até a pineal. melhor ainda. O mesmo ocorre. nada maior do que acontece todo dia. Sinta o mesmo processo. mesclando-se a energia da mesma. usando a circulação como veículo por todo o seu corpo. Agora a energia da Terra vai até o Timo. Sinta então que do interior da Terra vem uma onda de energia quente que entra pela sola de seus pés. Sinta seus pés afundarem na Terra como raízes. ao alto da cabeça. extremidades do corpo. Sinta então a energia do pâncreas se espalhando pelo seu corpo. Do Timo a energia telúrica vai até as tireóides. Vai para as glândulas supra-renais e o mesmo processo se repete. couro cabeludo.

nesse momento a pineal. impregnada da energia da hipófise. Mentalize que você é uma parte do sol e que com este ritual você reafirma sua condição de filho do sol e da Terra e sua união com esses poderes. plena. Esta é a primeira fase do ritual. enquanto o homem cria a partir do centro do peito. as glândulas. Respirando profundamente sinta a luz solar ativando as mesmas glândulas que você já sensibilizou e potencializou com a energia telúrica. com o poder telúrico. isso vai te ajudar com intuição e clarividência. obviamente. indo até todas as extremidades do corpo. Principalmente com o olho esquerdo beba o raio de luz e traga para dentro do seu corpo. Saúde novamente os quatro cantos do mundo. para as extremidades. na vesícula e nas supra-renais deve-se trabalhar a energia no útero. com a ponta do cone na hipófise e a parte circular do cone indo ao infinito. depois de trabalhar a energia no fígado. Abra os braços e respire fundo. Feito isso sinta que mesmo quando encerrar o rito o elo nunca será rompido. multicolorido. Sinta que uma bolha de luz solar se forma ali. Quando o primeiro raio do sol surgir respire profundamente e sinta que o "bebe" com a respiração. Ps. pois você é o sol e o sol é você. é importante que você esteja atento para o primeiro raio do sol. Sempre inspirando e expirando profundamente leve a energia por todo o corpo. potencializar suas células. que reforçará a energia solar em si. Agora aguarde o sol nascer. no centro do crânio. Segundo. Você se uniu de novo a Mãe Terra e ativou as guardiãs de seu corpo. a mulher deve sentir a energia nos ovários. Respirando profundamente vá ampliando a bolha solar até que ela o envolva totalmente. um pouco além delas e depois volte ao centro irradiador. Quando a energia voltar a hipófise visualize que a mesma sai pelo alto da cabeça como um cone brilhante. Volte para sua casa. Respire sempre abdominalmente e leve a luz do sol para o centro do seu peito. brilhante. No momento de criar a bolha de energia. como próprio sol que está agora acima do horizonte. Depois dessa primeira vez pode repetir este rito sempre que quiser. Sinta a energia telúrica se espalhando por todo o corpo.Aqui você pode também sentir que um olho brilhante se abre no centro de sua testa. no centro do cérebro. Agradeça as forças que lhe apoiaram neste rito. O tom alaranjado do sol nascente deve impregnar seu corpo.: Quando trabalhando a primeira energia. Agora a energia vai para a hipófise. Sinta-se dentro de uma bolha de luz solar. coração. a mulher cria a partir do útero. sinta que você é a expressão do Sol na Terra que sua respiração te une ao prana que o sol ativa e que sua plenitude não pode ser abalada por qualquer outra força desse ou de outros mundos. você e o sol agora são um só. .

18 . 10 . Os olhos agem como um dispositivo apontando e sinalizando a região de nosso cérebro que nós empregamos para cada tipo de atividade mental diferente.Quando sentir que a jornada está no fim. Podemos confirmar isso. serão úteis em futuras jornadas.Quando chegar ao fim. poderemos com a prática relaxar o nosso corpo por completo em alguns segundos.Inspire profundamente. poderá vir na forma de um animal. 08 .Aos poucos exale todo ar de seus pulmões.Repita esse processo por três vezes. existem vários caminhos para que possamos aprender a relaxar. uma pessoa ou uma luz. deixe a amizade de vocês se forticar para depois realizar alguma pergunta. 13 . 02 . prendendo sua respiração ao máximo.Aos poucos você sentirá leve.Procure um lugar sossegado. Aprendendo a relaxar. Por exemplo. um caderno para que você possa anotar todos os fatos que ocorreram na jornada.Comece a sentir o seu corpo. 20 . com o corpo estendido. agradeça ao seu guia. Exercitando a Segunda Atenção A segunda prática da atenção é um exercício de movimento de olho que parece recalibrar nossas cadeias neurais. pedindo a uma pessoa destra que some vinte e sete . Lembre-se que ele não é o único. Existem várias técnicas de relaxamento. e comece a sua jornada. e poderá ir aonde você quiser.Sinta novamente o seu corpo. 11 . Essas anotações.Sinta confiança nesse guia. começando pelos pés e vá subindo.A sua mente está livre desse puxão. 06 . 05 . 17 . 21 .Esqueça o seu corpo.Inspire e respire profundamente por quatro vezes antes de abrir os olhos.Sinta uma presença que o guiará na sua jornada. 03 . 14 . necessitamos aprender a relaxar. 16 .Deite-se de costas. onde não possa ser interrompido.Não faça resistência a esse puxão. 15 . 01 . faça a que se sentir melhor. Imagine que seus olhos na face de um relógio.: É interessante ter sempre ao seu lado nessas jornadas.Siga-o inicialmente sem realizar nenhuma pergunta. A seguir realizaremos um exercício simples e eficaz. pessoas destras olham para as dez quando executando operações matemáticas e para as duas quando recordam suas canções favoritas. 07 . 04 . 19 . 09 . onde sua energia se renovará.Exercícios Xamânicos Para realizar-mos as Jornadas Xamânicas.Sinta o seu corpo entrando na terra. 12 .Sinta o seu corpo sendo puxado para baixo.Essa presença. faça todo caminho de volta. Obs.Procure alguma abertura na terra ou suba o alto de uma colina.

Continue a expandir se corpo espiritual até chegar a mais ou menos a 30 centímetros do seu corpo original. Quando estiver praticado bastante procure exercitar esse exercício com uma planta ou pedra. Eles os descrevem como ondas que circulam todo corpo humano como um sinal do eu superior (Wanagi) que existe em cada ser humano. com as pálpebras fechadas. Observe qual mão é mais sensível. Respire profundamente. Suas mãos devem estar tocando com suavidade o seu tórax. como se tivesse sendo preenchido com ar. Imagine que você pode sentir as linhas luminosas que conectam suas pontas de um dedo a outro.Relaxe e feche os olhos.Agora experimente a expansão. Separe suas mãos. e as balance vigorosamente de lado a lado por trinta segundos. Fazendo isso você estará exercitando sua Segunda Atenção e facilitará nossa caminhada em diversas dimensões da realidade.Explore rapidamente o limite do seu corpo. identificou esse corpo que não pode ser visto a olho nu. na intenção de cada um possa visualizar e sentir o seu corpo espiritual. Gradualmente separe suas palmas e mantenha as pontas do dedo unidas. médiuns e sensitivos. Elas sentem frio? Estão mornas? Você sente uma sensação de eletricidade levemente entre suas palmas? Separe suas mãos lentamente e mantenha atenção nas pontas dos seus dedos. praticaremos a visualização xamânica. Agora gire seus olhos em um grande círculo. Observe qual direção apontam os seus olhos. Reúna suas mãos novamente em posição de prece. Veremos que os olhos de qualquer pessoa sempre apontam toda vez na mesma direção.mais dezenove. mas também por místicos. então observe em qual direção ela vira seus olhos. Feche seus olhos e os mova (sem mover sua cabeça) de cima para baixo. Explorando seu Corpo Espiritual Segundo os xamãs. . Quem foi que não viu quadros e retratos de santos e avatares com halos de luz circundando seu corpo. A ciência através da fotografia Kirlian. relaxando-as. clareando a nossa tela perceptiva. todos nós possuímos um corpo espiritual. Pratique algumas vezes até que você sentir seus meridianos separadamente na distância de 18 centímetros de uma mão para outra. Estas são extensões dos meridianos da acupuntura. Esse corpo espiritual tem sido descrito e visto há séculos não só pelos xamãs.Sinta a sensação de passar por debaixo de um galho ou de uma porta com seu corpo expandido. Procure observar a energia que emana das pontas dos dedos. Repita mais uma vez e gire seus olhos em círculos pequenos. de realidade ordinária. 06 . 02 . e vice-versa. 05 . Pedindo que recordem o cheiro de pão assado. 04 . Você os sente formigando? Veja até que distância você pode separar seus dedos e ainda sentir o formigamento ou a sensação de eletricidade. Reúna suas mãos em posição de prece. começando pelos dedos dos pés e suba pelo corpo todo. Estas são as coordenadas da primeira atenção.Lentamente procure expandir o limite do seu corpo. Nesse exercício que iremos fazer. três vezes no sentido horário e depois três vezes no sentido anti-horário. 03 . Esteja seguro que não há espaço entre os dedos de cada mão. ou uma canção. 01 . Estejam atento a reação de suas mãos. A segunda prática da atenção envolve girar os olhos com as pálpebras fechadas.

que uma pessoa vem em nossa direção. que influiu no na velocidade do nosso corpo espiritual.Dê um passo para trás e visualize o seu corpo espiritual. Com a prática nós iremos sentir cada vez mais esse campo energético. 05 . que se não fosse pelo nosso corpo espiritual. 07 . Obs.Aos poucos.Imagine um campo de energia atravessando seu corpo até o limite de 30 centímetro. 04 . 06 .Imagine que o seu corpo físico torna-se transparente como um vidro.07 .Depois da resposta volte a dimensão original. Vamos então ao método xamânico para ficarmos invisível. 02 . porém escolhamos esse por ser mais simples e eficaz. e não pelo seu corpo e jeito de andar. 03 . os Chakras são chamados de Pukios. Não podemos deixar de falar.Identifique a qualidade da energia que vibra nesse corpo. e invisível para outras.Estabeleça para quem você quer ficar invisível.Encolha seu corpo espiritual até à sua dimensão original. seriamos um corpo sem vida. pelos xamãs. 05 . 04 . e não fomos reconhecidos. 08 .Quando quiser ser novamente percebido. Se você quiser pode acabar o exercício por aqui (eu aconselho que faça os exercícios por partes). 03 . sensações ou palavras.Relaxe e feche os olhos. A técnica é bem simples: . 01 .Perceba que as pessoas olham para você e não o vêem. 06 . 02 . mais conheceremos nosso corpo espiritual.Relaxe e feche os olhos. porém. Já deve ter ocorrido conosco pelo menos uma vez na vida. 01 . como se fossemos um estranho para eles. Ocorreu que a nossa torcida teve uma vibração tão intensa. procure identificar a cor ou as cores que circunda-o.Se tiver dúvidas quanto ao que está vendo. inverta o exercício Limpando os Chakras Existe uma prática de limpeza dos Chakras que podemos fazer durante o nosso banho matinal. imagens. ou Olhos de Luz. tais como o dos hindus e dos monges tibetanos.Você pode ficar visível para uma só pessoa. e nós torcemos que não sejamos reconhecido. nós continuaremos com a explicação da visualização do nosso corpo espiritual. Aconselhamos a praticá-lo sempre Ficando Invisível Esse exercício é um método xamânico para ficarmos invisível.A resposta virá através de pensamentos. A pessoa passa ao nosso lado. procure uma orientação espiritual. Existem outros métodos para ficarmos invisível. Nas Montanhas Andinas Peruanas.: Quanto mais praticarmos. Os xamãs acreditam que as pessoas são reconhecidas pela velocidade de vibração do seu corpo espiritual em particular.

Quando achar que já disse tudo o que há para dizer e que esta totalmente preparado para abandonar a dor. cargas e objetos que possam distraí-lo. Sentado numa posição confortável. ao fazer isso. Isso deve ser feito com total reverência ao Povo Pedra. Pegue a pedra. Libere seu corpo de pesos. tanto física como emocional. Uma vez conseguida a calma. deixe que natural e . Talvez você verifique que. e vá subindo por cada um deles. porque produzirá uma troca química no seu interior capaz de nos levar a uma freqüência vibratória mais elevada. como uma raiva ou uma dor de um relacionamento rompido. Segure-a entre as mãos e comece a contar a ela em voz alta ou silenciosamente. as Kuyas. está adquirindo uma nova visão do problema e da importância que ele tem na sua vida. mas também enterrando na terra.a) durante o banho colocamos nossa mão esquerda na base da nossa coluna e a direita a 10 centímetros do 1º Chakra. peça a Mãe Terra que lhe guie e proteja. d) repita em cada um dos outros Chakras. Livrando-se da Energia Pesada Esse método serve para entregar a Mãe Terra uma energia pesada. b) imagine que uma espiral passa por um túnel de uma mão para outra no sentido horário. Explique claramente toda a situação que o levou até aquele momento. que nos está ajudando desta maneira. invoque a divindade que mora dentro de nós para que assista e ilumine este momento. Meditação do Arco-Íris Busque um lugar tranqüilo. preferencialmente na natureza aonde possam ficar com os pés descalços e ter um lugar para sentar-se durante uns 30 a 40 minutos sem ser interrompido. c) depois de 1 minuto. o medo ou o que estiver sentindo. e) depois retorne ao 1º Chakra e sinta uma energia fluindo. deve ser realizado com a clara intenção de se livrar da energia pesada para que ela possa ser refinada pela Terra. Como for que você faça. A respiração profunda e calma será a chave de toda esta experiência. tudo a respeito das energias pesadas que você quer se livrar. É necessária uma pedra que tenha sido encontrado na natureza. traga a pedra até sua boca e assopre toda a energia pesada em cima dela. feche os olhos e busque através de uma tranqüila respiração a chave da paz interior. retirem os objetos eletrônicos e em especial retirem seus problemas e conflitos. Repita o processo até sentir que a energia deixou o seu Ser. Sinta a energia saindo de você e indo até a pedra. inspire profundamente. lembrando que a mão esquerda deve permanecer sempre na base da coluna e não esquecendo de enxaguar as mãos após a limpeza de cada um dos Chakras. lave-o novamente. Procure relaxar o corpo e a mente. Isto pode ser feito jogando-a no mar ou num rio. O próximo passo é devolver a pedra a Terra para que a energia que ela absorveu possa ser decomposta e transformada em energia refinada. A pedra tem o poder de absorver a energia que você está liberando. permita que tudo seja natural e flua. caso sinta um entupido. agora você esta pronto para entregar-se a oportunidade de crescer interiormente. enxaque suas mãos eliminando toda energia pesada que estava no seu Chakra.

sinta que milhares de gotas se desprendem do céu e caem através de seu cabelo. 04 . Exercício cedido gentilmente por Mallku. sinta novamente sua respiração. Podemos aumentar de tamanho ou diminuir. além de poder engordar.Decida que mudanças quer fazer e modele seu corpo realizando as mudanças. Nesse exercício.Utilize sua visão xamânica. Pai Sol. Traduzido livremente por Jaguar Dourado.Vire e volte para o seu corpo. 05 . Antes de finalizar coloque sua costa em contato com a terra. sinta o movimento do sangue percorrendo suas veias numa peregrinação até as suas mãos e no momento em que isto ocorra. “Wagner Frota”. 06 . 01 -Relaxe e feche bem seus olhos. está em sua mão e agora ela se instala em seu centro vital. deixe que este momento se converta em eterno para que o Sol que habita seu interior se sinta vivo e seja capaz de conectar-se com o grande Sol que começa aparecer em cima de você. 02 . sinta-se inundado e protegido por este grande tubo de luz e quando todo seu corpo ficar saturado por esta luz até alcançar cada uma de suas células. o qual se transforma lentamente num Círculo Íris e que desce ao meu redor até chegar a base do primeiro centro energético (chacra) em meu interior”. calma e profunda. 03 . repita o mesmo processo. “vejo em meu coração que sobre minha cabeça se há formado um belo ArcoÍris.Veja e sinta seu corpo a sua frente. . A partir deste instante sem tempo. Pachamama. depois leve a mão direita até a altura do coração transportando Wiracocha. retornando a cada célula e a cada parte do seu corpo. 07 . Permita que este contato seja possível e que seu Sol interior seja ativado pelo grande Sol celestial. agora vire suavemente seu corpo e beije a Terra. para que desperte para sempre seu Sol interior que é capaz de iluminar a noite mais escura.Quando quiser voltar ao normal. neste momento sinta que seu umbigo está se entrelaçando com o umbigo de Pachamama porque através deles fluirá a vida eterna e o caminho sagrado de todas as eras. roçando seu rosto e percorrendo seu corpo. nós procuramos parecer de diferente formas para as outras pessoas. Agora este Íris alcançou a parte superior do seu Ser e deixará a Paz com um aroma de Luz inundando tudo ao seu redor e ao seu alcance. “James Arévalo Merejildo”. retirado do livro Eternamente Machu Picchu.Sinta as mudanças. leve a mão esquerda até a altura do seu plexo solar consciente que a Mãe Terra. Neste momento de plenitude. ficar forte ou outra aparência que queira.progressivamente um halo de luz desça desde o céu ao seu redor. permita que seu dorso seja as planícies e suas pernas ligeiramente dobradas sejam as montanhas e formem os vales profundos onde moram os espíritos dos ancestrais de todos os tempos. saia do seu corpo e vire-se de frente para ele. entregando-se a força da terra. um Lobo do Cerrado Mudança de Forma A mudança de forma é muito parecida como tornar-se invisível. cada um destes centros de irradiação magnética ficará impregnado com as cores deste poderoso Íris até elevar sua freqüência e estabelecer o contato com sua essência deixando que o amor seja a expressão pura e imutável deste momento. este Círculo Íris irá subir em um movimento circular tocando cada centro energético ao largo da sua coluna vertebral.

e tudo que fazemos retorna a nós. 05 .Agradeça às águas e abra lentamente os olhos.: Existem alguma variações desse exercício. pela Sauna Sagrada. imaginando o vapor que exala das pedras purificando o nosso Ser. então quando o sol se por totalmente.Para a União com as Forças da Natureza Nesse exercício é fundamental que o xamã. tente manter todas as energias ativas e dirija o resto da sua atenção para a solas de seus pés. culpa. até ficar enorme. Crescemos aprendendo que se damos algo a alguém esse alguém tem que nos dar de volta. Se quisermos. um valor. Purificando seu Corpo Espiritual Esse exercício é indicado para quando nos sentirmos desgastados e cansado após o trabalho. e crescendo. tão importantes para compreendermos as transformações que se passam dentro de nós em vários momentos da vida. Respire lentamente e abra os olhos. amorosos. veja-a crescendo lentamente. conflitos familiares. angústia e etc. ele fundirá sua sombra (energia) com toda a natureza.Tome um banho nela e beba um pouco d'água. suba em um monte (é preferível. e são como ancoras feita de nossa energia que se prendem ao passado e nos falta no momento .Imagine uma cachoeira ou uma lagoa.Explore seu corpo espiritual de cima a baixo. 07 . Isso gera muitos apegos. imagine ser sua energia crescendo. onde aprendemos pelos adultos que tudo que se dá tem um preço. mas não podemos esperar que volte do mesmo lugar para onde doamos. ao por do sol. raiva. visando restabelecer o equilíbrio necessário ao nosso corpo espiritual. 06 . 03 . medo.Sinta o seu corpo espiritual. Isso consome de nossos corpos energéticos uma demanda imensa de energia. porem muito poderoso.Procure identificar a cor do seu corpo espiritual no momento. damos algo e queremos algo equivalente em troca do que demos. o que doamos pode voltar a nós de lugares inesperados. ansiedade. Por fim.Defina seus limites e sinta sua forma.Relaxe e feche os olhos. 02 . identifique-se com sua sombra. Queimando seus Apegos Passamos parte da nossa infância em um jogo de trocas. Nossa sociedade ocidental a muito tempo se afastou dos ritos de passagem e rituais. Obs. e isto trará a força da natureza para o xamã. 01 . 08 . É um exercício simples. mais cedo ou mais tarde. dê algumas passadas grandes no compasso da sua respiração e da batida da Mãe Terra. 04 . substituímos as imagens mencionadas. para este exercício que se esteja em meio a natureza) e enquanto o sol se põe. A Vida é um grande circulo. Na verdade recebemos de volta tudo o que doamos. e nos viciamos a viver assim. nós podemos substituir a imagem da lagoa por uma chuva. visando purificar e limpar o seu corpo espiritual. julgamento. de amizade. Isso gera apegos infindáveis durante nossa vida. veja a sua sombra (do xamã) crescer.

tentando senti-las sem se apegar a elas. O Fogo é Tatewary entre os Huicholes (O Espirito do Fogo. a Cura e a Sabedoria. Eles praticam um ritual onde trabalham com os apegos. com isso perdemos uma energia que nos é cara para vida no presente.. pois quando ele chega já é presente. colocando gravetos e pensando em coisas pequenas do dia a dia que te incomodam. Fogo ou vela. expire essas coisas. Ritual com o Fogo “Tatewary” Antes de começar o ritual é importante você procurar estar com seus opostos equilibrados. simbolizando a união de seus opostos. Assim como o Fogo transmuta a matéria ele também pode fazer isso com o Espirito. Quando for acender Tatewary. é no momento presente é que temos que disponibiliza-la. profundamente. faça isso com uma oferenda de Tabaco. olhe para os gravetos como se fossem as coisas que o incomodam. é bom que ele seja aceso na hora do por do sol. trabalha-se com sua historia pessoal. não podemos desperdiça-la no passado ou no futuro. hora em que as energias opostas se encontram e os Niericas (portais para o mundo espiritual) são abertos. Comece acendendo Tatewary com gravetos. chegue durante o dia antes que o sol se ponha. quando for acender o Fogo coloque um copo com Água perto dele para lembra-lo de honrar seus dois aspectos opostos internos.. É bom que se prepare para ficar a noite toda. respiração. que é onde vivemos. exemplos de vida que servem como aprendizado. peça para que seu espirito o acompanhe e o proteja a noite toda. Para os Huicholes o único momento que existe é o presente. Quando a chama de Tatewary começar a subir respire fundo.presente. quando for fazer um retiro. depois respingue um pouco D’água como os dedos em Tatewary. não se esqueça da Água. Então toda nossa energia tem que estar direcionada para o presente. então escolha um local onde você se sinta bem. Os Huicholes do México preservaram essa cultura de ritos. e a Água elemento Feminino. eles só o vêem como uma historia para contar sobre fatos ocorridos. Através da Sua Luz podemos nos Curar e Curar nossos Irmãos. eles tem suas raízes ancestrais influenciadas pelos Aztecas. lembre-se que você vai passar a noite e não se esqueça de agradecer a lenha ofertada com uma oferenda de Tabaco. pegue o que você pode carregar e volte ao sítio onde você escolheu. Ele é a Luz que habita em nós. Coloque suas coisas lá e saia em busca de lenha. imagine que sua Luz está penetrando seu ser. e volte para pegar mais. Zapotecas. nesse momento de buscar a lenha tem início o ritual. o futuro não existe. Continue respirando fundo. Acenda a salvia e purifique-se com sua fumaça. O ideal é fazer em meio a Natureza. Vá acendendo Tatewary. observando como Tatewary transforma a . nosso Fogo Interior. Masculino e Feminino e vice versa. o Fogo é o elemento Masculino. e Toltecas. Água. o passado não pode ser modificado. lenha ou um barbante e salvia. o primeiro Mara Akami “Xamã”). Tatewary é filho de Taupa (O Avô Sol). você vai procurar a lenha como se estivesse procurando coisas do seu passado que o incomodem. depois peça permissão e agradeça aos seres que vivem ali por permitir que você passe a noite no território deles. deposite a lenha.

Uma bolota de nós vai se formar no meio do barbante. Mova as palmas de suas mãos de forma circular como se estivesse limpando uma janela perceba e sinta a membrana interior d seu Campo de Energia Luminosa. Lembre-se você está na Natureza e ela é sagrada. acenda Tatewary e equilibre seus opostos internos. Veja se ela tem uma textura rugosa? Se for elástica. e a lenha por um barbante de uns 30cm ou o tamanho que você achar suficiente. apenas sinta. Acenda a salvia e purifique-se com sua fumaça (você também pode usar incenso se não encontrar salvia). respire a Luz. Afasteas gradualmente até que elas fiquem trinta centímetros da sua cintura. expire os apegos. e de um nó cego de maneira que o nó fique no meio do barbante. lembre-se dos apegos que te incomodam no seu dia a dia. tome cuidado com o Fogo. Tatewary vai falar com você através dos seus sons. quando sentir que já prendeu o bastante por aquele dia queime o barbante no Fogo. Sentindo o Campo de Energia Permanecendo parado e silencioso. respirando a Luz e expirando apegos. faça um circulo de pedras ao redor e certifique-se de que ele não tem como se espalhar. feche seus olhos e exercite a segunda atenção. expire seus apegos. pausadamente meditando sobre o que você se lembrou. apague-o com Água. Depois pegue o barbante. sempre respirando Luz expirando apegos. e quando o nó for se fechando expire os apegos sinta-os se prendendo nele. A meditação ZEN nos coloca atento a nossa respiração.lenha (seus apegos). se cede a pressão ou é firme? Sente frio? Procure empurrar e . a medida em que o nó for se fechando imagine que seu apego está se prendendo nele. Sempre respire a Luz. cada graveto daquele é uma apego seu que vem a sua memória naquele momento. pela manhã se ele ainda estiver aceso. Aos poucos vá pegando gravetos maiores. Pegue o copo d’água e coloque ao lado da Vela. sinta-os sem julga-los. fazendo um paralelo entre a lenha e apegos maiores. expire os apegos. Segue-se fazendo isso aumentando o tamanho da lenha até que você sinta que já queimou o bastante por aquela noite. Lentamente mova suas mãos com as palmas para o lado de fora do corpo. respingue Água como os dedos em Tatewary simbolizando a união entre seus opostos. Tome cuidado para não se queimar. Sacuda suas mãos vigorosamente por uns segundos e ponha-nas juntas na posição de prece. imagens e sua Luz. Ritual com a Vela Bom aqui o ritual é mais simples e pode ser feito diariamente em casa. respire Luz. você pode usar uma pinça ou uma tesoura para segurar o barbante enquanto queima. Concentre-se na respiração. Faça isso pausadamente observando. respirando fundo e vendo Tatewary transformar seus apegos. deixe tudo como você encontrou. respire fundo e sinta a Luz penetrando seu ser. substitui-se o Fogo pela Vela. ouça como é o som que ele faz ao crepitar. mantendo a nossa mente racional ocupada enquanto exploramos outros domínios conscientemente alertas. desmanche o circulo e espalhe as pedras pelo local.

grilo. relacionam a projeção consciente praticada pelos xamãs Astecas. Técnica Asteca para Projeção Astral Chapultepec é uma Palavra Asteca derivada de duas raizes: 1. Quando estiver pronto. não são para você. ao som do canto do grilo. os seus guardiões com suas espadas em riste. Se tem algumas falha. colocando nele toda nossa atenção. após a saída concentre-se em ir ao "Templo de Chapultepec". Reparar que quanto mais adormece o físico. quanto mais ela trabalha. independente de provocado ou não. por onde podemos perder energia ou por onde pode ser atingida por energias ou emoções pertencentes aos outros. O segredo esta em se concentrar nesse som agudo tão parecido ao cantar de um. concentrar-se nesse som interno. mais se intensifica o som. Quanto mais se intensifica o som. mais a ressonância aumenta. um som natural que nos acompanha desde que nascemos e nem lembramos que existe. Esse bichinho que na antiguidade era capturado e vendido a preço de ouro para os sacerdotes da época.Chapul = grilo 2. (a prática acima favorece).Tepec = cerro ( morro ou pequena montanha) Um grande segredo e uma grande prática se escondem atrás de um som tão simples e monótono como o canto de um grilo. é o som do trabalho da glândula pineal. não é nada externo. esses lugares nos mostra onde nossa membrana luminosa é débil. retorne suas mãos a posição de prece e respire lentamente para balancear sua energia. . Vários documentos secretos antigos e pinturas como a de um quadro que esta no museu de antropologia da cidade do México. pode-se intensificar esse efeito ainda mais colocando os olhos fechados na posição focando o chakra frontal ( meio vesgo). Com o corpo deitado. formando um circulo que nos leva rapidamente ao estado de projeção consciente. Se quiser ir mais longe. o Campo de Energia Luminosa está estreitamente ao redor de nosso corpo. mais a pineal "trabalha". Pratique este exercício até ter condições claras de sentir a textura hasta e perceber toda sua extensão. mas em poucos dias em contato com a natureza se expande até chegar a distância de um metro ao redor do nosso corpo (se alcança esticando os braços). deixando claro que esta intimamente relacionado ao desprendimento). O canto do grilo é a voz sutil da glândula pineal (chakra coronário). é exatamente aquele som interno que se ouve quando ficamos em um lugar totalmente silencioso.veja até onde ele se expande? No meio urbano. como um buraco. mas para todo aquele que representa o mal. Essa é uma pratica poderosíssima. não se assuste ao encontrar em seus portões. parece uma cápsula de sede. que não tarda a mostrar seus resultados (o silvo agudo produzido pela pineal é sentido por muitos que já tiveram projeção consciente no momento do desprendimento. aumentandolhe a ressonância através da vontade. Procure ver a cor de seu Corpo de Energia Luminosa. aquele silvo meio "carregado" que vem de dentro de nossa cabeça. barriga para cima.

alongando tanto quanto possível. tentando ver a aura das árvores.Macete: Para auxiliar a prática. quando estiver concentrado no som do Grilo. eu te abraço. provoca coisas do "arco da velha". que não vem naturalmente para todos nós e sim como um dom para alguns. Diga mais ou menos o seguinte: . Oh chefe altaneiro! Toma esta fraqueza de minhas costas! (encoste a coluna na árvore). para nos aliviar do stress diário em que vivemos. .. sem problema algum. Ereto entre o Pai Céu que está acima e a Mãe Terra que esta abaixo! Deixa-me estar protegido da tormenta e abençoado em cada membro! Hô! Ofereça tabaco ou cristais. Quanto mais viçosas (bonitas. cuidado com essa pratica. vagarosamente vá desenfocando os olhos. assim que tal percepção e facilidade para visualizar auras for alcançada. Pratique este exercício com vários objetos. Para simplificar podemos usar vasos de plantas dentro de nossa casa. e lá encontre a maior e mais bela árvore. Árvore forte! Chefe de muitas árvores. A visão Etérica é a Visão das auras. apesar de ser um exercício simples. Obs. cheias de vida) estiverem as plantas no vaso.Oh. Vá até a natureza. Toma esta fraqueza de meus braços! (abrace-a) Dê-me força em seu lugar. em homenagem e reconhecimento à árvore. Veja o exercício logo abaixo: A técnica é muito simples. e acompanhando o som da pineal. Dê-me força em seu lugar. Um Encantamento para obter Força Este exercício e para quando nos sentirmos sem forças de prosseguir na nossa jornada. melhores serão os resultados. Visão Etérica Este exercício nos ajuda a desenvolver a faculdade da visão Etérica. apenas olhe em direção ao objeto. Exercício enviado por André Panizzi "Gavião-Real" (Xamã.. é grande utilidade para todos nós. membro-fundador do Clã Lobos do Cerrado). com respeito e com altivez se aproxime. peça permissão para a árvore e a toque. Deixame sentir como tu és forte e resistente!(toque todo o corpo na árvore) Deixa-me ser altivo como tu és. num esforço para discernir a extensão e as cores variáveis das auras ao redor dos diferentes objetos tente algumas vezes ver a aura das outras pessoas e procure estudar o significado de cada cor se isto for de seu interesse. faça mentalmente o mantra " IN" dessa forma: iiiiiiiiiiiiiinnnnnnnnnnnnnn. depois você verá uma aura colorida ao redor do objeto vivo.. indo-se para o campo ou um parque arborizado. mas não exatamente para ele. é muito "forte" e além da projeção. Consegue-se isto.

Related Interests