You are on page 1of 46

BANDAMENTOS CROMOSSÔMICOS (BANDAMENTOS C, G, R) E SUAS FUNÇÕES EM GRUPOS ANIMAIS E HUMANOS.

Fabilene Paim

TÓPICOS ABORDADOS
1. CROMATINA 2. CROMOSSOMOS

3. BANDAMENTO CROMOSSÔMICO
4. BANDAMENTO C 5. BANDAMENTO G 6. BANDAMENTO R

2

O cromossomo é constituído por uma molécula muito longa de DNA associadas a proteínas.

Fonte: http: //vendandoodna2010.blogspot.com.br

3

CARACTERÍSTICAS DA CROMATINA
O termo cromatina designa, com exceção dos nucléolos, toda a porção
do núcleo que se cora e é visível ao microscópio de luz.

Sua organização é dinâmica, pois se altera de acordo com a fase do
ciclo celular e com seu grau de atividade. (Junqueira e Carneiro, 2005)

4
Fonte: http://www.biomania.com.br/bio/conteudo.asp?cod=1265

fomosplanejados.mhhe.com.htm Fonte: http://www.com/biosci/esp/2001_gbio/folder_stru cture/ge/m4/s1/index. (Junqueira e Carneiro.br/capitulos/assuntos/as sunto.CARACTERÍSTICAS DA CROMATINA É constituída por DNA + proteínas (histonas e não-histônicas) + RNA ( 3%).asp?codcapitulo=22&codassunto=101&numero=8 5 . 2005) Fonte: http://www.

Forma a cromatina ativa. (Lewin. 2009) 6 .ESTADOS FUNCIONAIS DA CROMATINA • Eucromatina – menos corada e mais homogênea. que é menos condensada.

que nunca são transcritas. –Heterocromatina constitutiva: formada por sequências gênicas altamente repetitivas. nível maior de compactação. ausência de atividade gênica e replicação tardiamente.ESTADOS FUNCIONAIS DA CROMATINA • Heterocromatina – coloração mais intensa. (Lewin. 2009) 7 . Permanece condensada durante todo o ciclo celular e concentra-se em blocos (cromocentro).

php . • Exemplo: Cromatina Sexual ou Corpúsculo de Barr.com. se apresenta condensada em alguns indivíduos e descondensada em outros.sobiologia.br/conteudos/Genetica/herancaesexo2. 2009) 8 Fonte: http://www. (Lewin.ESTADOS FUNCIONAIS DA CROMATINA –Heterocromatina facultativa: é a parte da heterocromatina que. em um mesmo organismo.

ORGANIZAÇÃO MOLECULAR DA CROMATINA Do DNA ao CROMOSSOMO 9 Fonte: http://genetica.edu.html .ufcspa.br/cromatina.

com.br/introducao-a-divisao-celular-cromossomos-e-producao-de-gametas-veja/ 10 .MORFOLOGIA DO CROMOSSOMO Fonte: http://www.essaseoutras.

Um Cromossomo é mantido no fuso mitótico pela ligação dos microtúbulos ao cinetócoro. (Lewin.portalsaofrancisco.com.br/alfa/citogenetica/citogenetica-5. Regiões centromérica são ricas em sequência de DNA satélite. 2009) Fonte: 11 http://www.php .MORFOLOGIA DO CROMOSSOMO Centrômero ou Constrição Primária As cromátides irmãs são mantidas unidas pelas coesinas.

constituem bons marcadores citológicos. 2005) Cromossomos que mostram constrição secundária. acompanhada ou não de satélites.br/alfa/citogenetica/citogenetica-5.com. (Kasahara.MORFOLOGIA DO CROMOSSOMO Região Organizadora de Nucléolo está presente na constrição secundária de alguns cromossomos. 2009) 12 Fonte: http://www.portalsaofrancisco.php . Constrição Secundária (Junqueira e Carneiro.

repetida inúmeras vezes (tandem). Telômero Sequências teloméricas foram bastante conservadas durante a evolução.br/brontossauros/2009/10/telomeros/ 13 .MORFOLOGIA DO CROMOSSOMO É requerido para a estabilidade do cromossomo.com. Cada telômero consiste em uma sequência curta. 2009) Fonte: http://scienceblogs. (Lewin.

br/ensino-medio/velha-pergunta-sempre-atual-por-que-envelhecemos-530019. (Lewin. 2009) Fonte: http://revistaescola.abril.MORFOLOGIA DO CROMOSSOMO Telômero Suas principais funções: proteger a extremidade do cromossomo e permitir que o telômero seja estendido. São essenciais à sobrevivência.com.shtml 14 .

REPRESENTAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO Conjunto de características constantes dos cromossomos da espécie. (Guerra.blogspot.fabiologicamente. quanto ao número. As espécies possuem números cromossômicos diferentes.CARIÓTIPO: CONCEITO.com. tamanho e morfologia. 1988) Fonte: http://www.br/ 15 .

Nomes Científico e vulgar Ascaris megalocefala (lombriga de cavalo) Drosophila melanogaster (mosca-das-frutas) Nº de cromossomos (2n) 2 8 Rattus rattus (rato) Homo sapiens (homem) 42 46 Gorilla gorilla (gorila) Capra hircus (cabra) 48 60 Equus caballus (cavalo) Columba livia (pomba) 66 80 Fonte: (Adaptado Junqueira e Carneiro. 2005) 16 .Tabela 1: Número de cromossomos nas células diplóides de algumas espécies animais.

(Masabanda et al. Esses aspectos podem ser relacionados a doenças. 2004) Além disso. (Pieczarka e Nagamachi. a detecção de rearranjos cromossômicos fornece importantes dados que podem ser utilizados em análises filogenéticas.CARIÓTIPO: CONCEITO.. 2004) 17 . REPRESENTAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO Um cariótipo traz muitas informações sobre características genéticas de um animal ou linhagem celular. infertilidade ou gênese de tumores.

CARIÓTIPO: CONCEITO. 1988) 18 . REPRESENTAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO Classificação Quanto ao tamanho Quanto a posição do centrômero Onde: r = razão entre braços ic = índice centromérico l = braço longo c = braço curto Grande Médio Pequeno (Guerra.

essaseoutras. REPRESENTAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO Fonte: http://www.CARIÓTIPO: CONCEITO.com.br/introducao-a-divisao-celular-cromossomos-e-producao-de-gametas-veja/ 19 .

(Junqueira e Carneiro. (Kasahara. chromosome banding.métodos de bandamentos cromossômicos. do inglês. 2009) Tratamentos cromossômicos envolvendo desidratação.CROMOSSOMOS APRESENTAM PADRÃO DE BANDAMENTO Inicio da década de 1970 . 2005) 20 . desnaturação ou digestão enzimática seguida da incorporação de corante DNA-específico. envelhecimento.

html 21 .blogspot.br/2011/07/inducao-da-ovulacao-em-mulheres-com.com.CROMOSSOMOS APRESENTAM PADRÃO DE BANDAMENTO Fonte:http://larissaitavo.

html 22 .com/doc/Ul-qsHLo/preview.4shared.CROMOSSOMOS APRESENTAM PADRÃO DE BANDAMENTO Fonte: http://dc233.

como deleções. permitindo detectar pequenas variações estruturais. inversões. etc. 2009) 23 . translocações. • Localizar a região do cromossomo diretamente afetada. • Identificar alterações cromossômicas. • Compreensão da evolução cariotípica entre as espécies. (Kasahara.IMPORTÂNCIA DO BANDAMENTO CROMOSSÔMICO • Pareamento cromossômico (cada par cromossômico apresenta um padrão distinto e bem característico de bandas).

PRINCIPAIS BANDAMENTOS CROMOSSÔMICOS • Banda C • Banda G • Banda R • Banda Q 24 .

1995) 25 . auxiliar no pareamento cromossômico e identificação de polimorfismo.BANDAMENTO C A técnica de bandamento C produz marcações na heterocromatina constitutiva. (Verma e Babu. Utilizada para investigar rearranjos cromossômicos.

1995) Fonte: (Macgregor et al. aparece na região distal do braço longo.BANDAMENTO C As Bandas C são localizadas. 1988) 26 . em geral. exceto o cromossomo Y .. (Verma e Babu. Em humanos. nas regiões centroméricas.

interticiais.BANDAMENTO C Também podem aparecer em regiões pericentroméricas. teloméricas. (Kasahara. 2009) Banda C no primata Mico humeralifera com 2n = 44. em braços de autossomos ou cromossomos sexuais. 2009) 27 . Os pares 2 e X da fêmea mostram heteromorfismo de banda C. Fonte: (Kasahara. em regiões que flanqueiam as RONS ou em sítios coincidentes a elas.

Variação na quantidade de heterocromatina no par 8 (c). Heteromorfismo de banda C no par 11 (a) e par 8 (b). (Kasahara. 2009) Banda C no anfíbio anuro Eupemphix nattereri com 2n = 22. 2009) 28 .BANDAMENTO C Podem variar quando se observa os homólogos de um mesmo par. Fonte: (Kasahara.

(Kasahara. (a) Banda C adicional nos braços longos. 2009) C 29 .BANDAMENTO C As variações das bandas nos cromossomos observadas. Fonte: (Kasahara. (b) e (c) Banda C centromérica acentuada. 2009) podem ser A B Bandas C no lagarto Tropidurus torquatus com 2n = 12 M + 24 m.

BANDAMENTO C TÉCNICA • Incubação das preparações cromossômicas em HCL. • Tratamento salino com hidróxido de bário. 1972) 30 . (Summer. • Incubação em solução salina 2XSSC a 60 ºC. • Coloração com Giemsa.

BANDAMENTO G Metodologia mais empregada no reconhecimento dos pares cromossômicos. Há vários tipos de tratamentos que produz o bandamento G. Faixas transversais com diferentes tonalidades de coloração – região mais coradas e mais brilhantes apresentam maior conteúdo de bases AT. A grande vantagem é que o material é observado microscopia de luz comum. 31 .

1995) 32 .BANDAMENTO G (Verma e Babu.

os padrões de bandas G são bem definidos e. 2009) B Bandas G em Hoplias malabaricus (a) e Tropidurus hispidus (b).BANDAMENTO G Entre os vertebrados. bastante úteis para identificação A cromossômica. (Kasahara. 2009) 33 . Fonte: (Kasahara.

Síndrome de Klinefelter (47.BANDAMENTO G Aplicações – variações cariótipicas associadas a síndromes genéticas. Síndrome de Turner (monossomia do cromossomo X). • Outras alterações cromossômicas raras. Síndrome Cri-du-chat (deleção 5p). Síndrome de Edwards (trissomia do cromossomo 18). • • • • • Síndrome de Patau (trissomia do cromossomo 13).XXY). • Síndrome de Down (trissomia do cromossomo 21). 34 .

com.html 35 .blogspot.br/2011/07/inducao-da-ovulacao-em-mulheres-com.BANDAMENTO G Síndrome de Down Fonte: http://larissaitavo.

ghente.BANDAMENTO G Síndrome de Edwards Fonte: http://www.htm 36 .org/ciencia/genetica/trissomia18.

org/ciencia/genetica/turner.ghente.htm 37 .BANDAMENTO G Síndrome de Turner Fonte: http://www.

ghente.org/ciencia/genetica/klinefelter.BANDAMENTO G Síndrome de Klinefelter Fonte: http://www.htm 38 .

html 39 .br/cri_du_chat.BANDAMENTO G Síndrome de Cri du chat Fonte: http://www.chromoscitogenetica.com.

BANDAMENTO G TÉCNICA • Tratamento com enzima tripsina • Coloração com Giemsa (Seabright. 1971) 40 .

Kasahara. 1988. Identificar deleções ou translocações. Regiões ricas em bases GC. 2009) 41 . (Macgregor et al.BANDAMENTO R Diferenciação longitudinal em regiões mais coradas pelo Giemsa alternadas com regiões menos coradas ou sem nenhuma coloração.. Padrão inverso ao bandamento G e Q.

BANDAMENTO R (Verma e Babu. 1995) 42 .

2009) 43 .BANDAMENTO R Banda R no quiróptero Artibeus lituratus com 2n = 30 (fêmea) (Kasahara.

BANDAMENTO R TÉCNICA • Tratamento com Tampão Sorensen’s sob alta temperatura (85 º C). • Coloração com Giemsa (Verna e Babu. 1995) 44 .

2003) Bandas G Bandas R negativas Bandas Q positivas DNA rico em A+T Bandas R Bandas G negativas Bandas Q negativas DNA rico em G+C Cromômeros paquitênicos Condensação precoce Replicação tardia Poucos genes Sequências repetitivas longas Pouca recombinação Regiões intercromoméricas Condensação tardia Replicação precoce Muitos genes Sequências repetitivas curtas Emparelhamento meiótico e recombinação Insensibilidade a nucleases Baixo nível de quebras cromossômicas Hipersensibilidade a nucleases Alto nível de quebras cromossômicas (Kasahara. 2009) 45 .Tabela 2: Características das bandas eucromáticas em cromossomos de mamíferos (baseada em Summer.

OBRIGADA! .