Acção

1. Completa o quadro com a divisão da acção do conto.

Divisão da acção

Segmentos do texto
"Era uma vez… dentro das suas

Introdução

faixas".

"Agarrara o punhal, e com ele
apertado fortemente…E cravou
o punhal no coração."

Assunto

2. Morte do Rei Rainha Tio Morte do Tio Aia Morte da Aia . Faz o levantamento dessas acções e preenche o esquema. A morte do rei condiciona as acções das outras personagens.

do acto da aia. Tomada de consciência. Invasão da câmara pela rainha. Caracterização do tio bastardo. Crença na religião dos seus senhores. Morte do rei. Atitude da rainha face ao feito da aia. . Descrição da magnificência do tesouro real. O caminhar doloroso da aia para a câmara dos tesouros. assim como a do principezinho. Fragilidade do príncipe vs tranquilidade do escravo. para que a serva fosse recompensada pelo seu acto. Organiza as sequências narrativas correspondentes ao desenvolvimento da acção: Pressentimento da aia de que algo terrível iria acontecer. Rapto do “príncipe”. Medo que reinava no palácio. Aparecimento da personagem principal. Atitude impulsiva da aia na troca das crianças. Aclamação da multidão. Preocupação da aia com o futuro do príncipe. Descrição comparativa do príncipe e do escravo. pela rainha. Morte da aia com um punhal. Escolha da recompensa pela aia. gritando. Comunicação da morte do tio e da sua horda.3. Reacção da rainha à morte do seu rei.

Indica-o.4. Indica o processo de organização das sequências narrativas presentes do conto e justifica devidamente a tua resposta. Este conto é uma narrativa fechada porque apresenta um desenlace irreversível. ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ 5. ___________________________________________________________ ___________________________________________________________ ___________________________________________________________ ___________________________________________________________ ___________________________________________________________ ___________________________________________________________ ___________________________________________________________ .

"Formoso e alereino" quista e fama" gre" . Rei Segmentos textuais Características Retrato Físico/ Psicológico Caracterização directa / indirecta "Moço e valente" "Senhor de um "Sonho de con.Personagens 1. Completa a grelha de caracterização da personagem.

Principezinho Escravozinho Diferenças Semelhanças .2. Preenche o quadro comparativo das personagens.

Aia Segmentos textuais "bela e robusta escrava" "leal" "ela tinha a paixão. pelo rei morto" "Pertencia. acrescenta o adjectivo correspondente. uma dúvida" "Então calada. muito pálida" "muda e hirta" "Serva sublimemente leal!" "mãe dolorosa" "serva admirável" "face de mármore perdesse a rigidez" "andar de morta" "a ama não se movia" "seus olhos brilhantes e secos" Retrato Físico Psicológico Caracterização Directa Indirecta . a religião dos seus senhores" "feliz na servidão" "Nenhum pranto correra mais sentidamente do que o seu. a uma raça que acredita que a vida na terra continua no céu" "com uma ternura maior o apertava então nos seus braços" "tremia pelo seu principezinho" "Num relance tudo compreendeu" "A ama ficara imóvel no silêncio" "sem uma vacilação. porém. muito lenta. O quadro seguinte apresenta os segmentos textuais das caracterizações das personagens: Aia. Caso seja caracterização indirecta.3. Rainha e Tio. Assinala com um X o tipo de retrato e de caracterização.

e lhe chamou irmão do seu coração" "a rainha tomou a mão da serva" Retrato Físico Psicológico Caracterização Directa Indirecta .Rainha Segmentos textuais "solitária e triste" "chorosa" "desventurosa" "chorar sobre ele a sua fraqueza de viúva" "desgrenhada" "gritando pelo seu filho" "caiu sobre as lajes num choro despedaçado" "mãe caiu sobre o berço com um suspiro" "rainha deslumbrada com lágrimas entre risos" "mãe ditosa" "abraçou apaixonadamente a mãe dolorosa. e a beijou.

homem de rapina" "errava no cimo das serras.Tio Segmentos textuais "irmão bastardo do rei" "inimigo o mais temeroso" "homem depravado e bravio" "consumido de cobiças grosseiras" "vivia num castelo nos montes com uma horda de rebeldes à maneira de um lobo" "desejando só a realeza por causa dos seus tesouros" "tio cruel de face mais escura que a noite e coração mais escuro que a face" "faminto do trono" "bastardo. deixando um sulco de matança e ruínas" "homem enorme de face flamejante" "arrancou a criança" "mãos ferozes que tinham esganado" Retrato Físico Psicológico Caracterização Directa Indirecta .

quanto ao relevo e à composição. ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ b) Explicita o facto de as personagens do conto não serem identificadas por um nome. ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ . a) Classifica as personagens. Responde às questões.4. justificando a tua resposta.

Presença Focalização Justificação Justificação Narrador em 3ª pessoa Narrador que apenas se refere ao que observa ou escuta Exemplificação Exemplificação .Narrador Classifica o narrador. preenchendo o esquema.

Retira do texto todas as referências que indiquem o passar do tempo. Momentos do dia - - - - .O Tempo 1. ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ 2. Identifica os momentos do dia e os principais acontecimentos correspondentes.

___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ 2. Espaço exterior Alto Baixo - - - - - Personagens: Espaço Interior - - - - Personagens . Indica as informações fornecidas por este segmento textual. Completa os quadros. após o levantamento das referências relativas ao espaço e às personagens que lhes associas. “(…)num reino abundante em cidades e searas(…)”.O Espaço 1.

Caracteriza o espaço social presente no texto. ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ . ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ 5. Analisa as relações existentes entre as personagens e os espaços. ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ 6. Relaciona a importância do local “à beira do grande rio” com a personagem que lhe está subjacente.- - Personagens: 3. Apresenta a primeira e a última referência espaciais e analisa o tipo de descrição nelas presentes. ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ 4.

16. 8. serenamente no seu berço. 13. 5. O amor da aia é o sentimento que desencadeia toda a história. Ambos nasceram à noite. O escravo também era louro e dormia no seu berço de verga. não nos dá qualquer tipo de informação acerca da história. 17. O principezinho e o escravozinho são apresentados e caracterizados comparativamente. 2. . 12. O menino de cabelo louro e fino dormia. 9. O irmão bastardo do rei apoiou a família real. 11. 7. 4. desenvolvimento e conclusão. Aquele que narra a história conhece-a totalmente. O sonho de conquista e de fama pôs em perigo o reino. com o seu guizo de ouro na mão. invariavelmente. A acção localiza-se num “reino abundante em cidades e searas”. O narrador é predominantemente homodiegético. 14. O homem de rapina estava faminto do trono. O título. O espaço onde as personagens vivem condiciona a sua maneira de agir. A intemporalidade do conto é-nos dada pelo “incipit”. 21. A estrutura do conto é constituída por introdução. 15. 10. há referências que indicam a atitude final da aia. 3. A frase “Serva sublimemente leal!” evidencia a qualidade-base da personagem aia. 19. O tio é-nos apresentado como um homem generoso. mas em anos diferentes. A rainha sentia-se segura no seu palácio. 6. 1. O dia é o momento de avanço na acção.Ficha de consolidação de conhecimentos A Aia Assinala com V ou F as afirmações abaixo transcritas. Ao longo da obra. 20. 18. As sequências narrativas organizam-se de uma forma alternada.

Todas as personagens têm nome próprio. 25. O rei. Os modos de expressão literária presentes no texto são a descrição e a narração. A morte do rei condiciona o desenrolar da acção. 23. 26. um reduzido número de personagens e referências temporais restritas.22. Este conto considera-se. 29. Quanto à composição. todas as personagens são planas. 24. uma narrativa curta. com uma acção simples. a rainha e o principezinho são personagens modeladas. A aia suicidou-se por não suportar a amargura da rainha. A acção passa-se na Índia. 27. geralmente. 30. . 28. à excepção da aia. O conto é. quanto à delimitação da acção. uma narrativa aberta.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful