ESCOLA MUNICIPAL DE ENSINO FUNDAMENTAL MÉDIO BURITI AVALIAÇÃO DE RECUPERAÇÃO LINGUA PORTUGUESA 1º ano do Ensino Médio Turma E Buritis

, 21 de dezembro de 2010. Aluno (a): LUCAS DA SILVA CUNHA ESCANCARADA: ASSIM É A SUA CASA Para muitos pais e mães que passaram a infância na pré-história eletrônica, ver o filho de seis anos manusear mouse e teclado com a desenvoltura de quem nasceu para isso – e nasceu mesmo – é de encher o coração de orgulho. Um pequeno empurrão, que nem precisa vir de casa (um colega esperto ou um primo um pouco mais velho fazem o mesmo efeito), e em dois tempos o pequeno gênio domina o vocabulário da rede, baixa música e vídeo, descobre sites, joga on-line, troca mensagens com os amigos. É bom que assim seja? É espetacular. O acesso ao conhecimento e ao infinito mundo de conexões propiciado pela internet é talvez o mais transformador fenômeno do mundo contemporâneo. Nunca é demais exaltar as maravilhas que essa janela virtual para o mundo propicia. Nesta reportagem, porém, vamos falar do lado escuro da força da rede, realidade que nenhum adulto responsável por uma criança conectada pode se permitir ignorar. A internet é um espaço aberto e ingovernável, no qual circula todo tipo de boas e más intenções. Nele, qualquer ser humano que saiba ler está sujeito a encontrar o que quer, o que não quer e o que nem sabe que não quer. Se adultos escorregam na rede, risco muito maior correm as crianças, inexperientes e influenciáveis – situação que demanda dos pais supervisão constante e preocupação permanente, visto que controle total e absoluto eles nunca vão ter. "A gente cresceu ouvindo os pais dizer para não abrir a porta para estranhos, não aceitar carona de desconhecidos, não falar com qualquer um na rua. Pois na internet a criança abre a porta para o mundo. Muitos pais ainda acham que ela está segura dentro do quarto, “brincando no computador", espanta-se a gerente da área de segurança da Microsoft no Brasil, Marinês Gomes. Qualquer especialista que se consulte vai dizer que todo pai e toda mãe de filho pequeno têm a obrigação de se informar e acompanhar suas atividades virtuais. "Ninguém pode dar orientação sobre o que não conhece", diz a psicóloga Ceres Alves de Araújo, de São Paulo. Ceres recomenda que, quando os filhos começam a acessar a internet, os pais estejam do lado, indicando os melhores caminhos, cortando excessos e alertando para os riscos. Tudo isso, evidentemente, com boa dose de sabedoria parental – desde muito antes de a web nascer, a forma de apresentar um conteúdo proibido pode acabar atiçando a curiosidade sobre ele. Não é só para orientar que os adultos responsáveis têm de saber mexer no computador. É para fiscalizar também, vigiar mesmo, clara e abertamente, com a maior naturalidade, sem autoritarismo e sem medo de exercer a obrigação da autoridade. "O pai e a mãe não podem se sentir constrangidos de estar ao lado do filho, cumprindo seu dever de protegê-lo. Se isso começar cedo, vai ser natural, e o filho se sentirá à vontade para chamá-los quando vir algo estranho na internet", afirma a advogada Patrícia Peck, especialista em direito digital. (...) Prevenir riscos é tarefa mais fácil para pais que falam o idioma dos downloads, dos games, do MSN, do Orkut e do YouTube. Fundamental mesmo, porém, é prestar atenção. (...) "Estabelecer horário é a primeira medida que um pai deve adotar quando o filho começa a acessar a rede", prega o psiquiatra Içami Tiba. "Computador é diversão. E diversão a gente larga quando é hora de fazer refeições em família e de ir para a cama." (...) Na casa da advogada carioca Adriana Wanderley, 49 anos, ela é "a chefe" do computador, que divide com os filhos gêmeos, Ana Letícia e Victor, 10. "Eu tinha planos de colocar outro micro no quarto deles, mas desisti porque é mais fácil controlar o uso no escritório", diz. "Eles só entram na internet com minha autorização e não permito o uso de fone de ouvido. Toda conversa pela web é por caixa de som." Adriana também contratou um técnico para instalar bloqueios de acesso e tentar evitar o inevitável quando viu Victor e um colega "procurando sites de mulher pelada". O menino, até onde se sabe, ocupa seu tempo de internet com jogos on-line e baixando músicas, ao passo que sua irmã prefere bater papo com as amigas pelo MSN. "No Brasil é cada vez maior o número de usuárias meninas, que buscam principalmente os softwares de comunicação", diz Alexandre Magalhães, coordenador de análise do Ibope, que faz constantes pesquisas sobre o uso da internet e utiliza os dados da americana NetRatings para estudos comparativos. Deles se depreende que cada vez mais crianças brasileiras entre 2 e 11 anos acessam a web e que elas já passam mais tempo conectadas do que americanos da mesma idade –

(D)utilizar o computador para fins somente educativos é. exceto em: (A)aprender sobre downloads. confirma o que os pais vêem todo dia em casa: 67% preferem a internet à televisão. 5 – Das informações explicitadas no texto. 3 – De acordo com o texto. (C) a orientação aos filhos não é a única razão para os pais lidarem com o computador. (E) aumento do número de crianças entre 2 e 11 anos acessando a web.”. no período “Não é só para orientar que os adultos responsáveis têm de saber mexer no computador. medidas de fiscalização quanto ao uso da internet a serem aplicadas pelos pais. (B)vantagens e desvantagens do computador quando manuseado por pais e filhos. intitulem-se guardiães. assim como foram os quadrinhos. as atividades realizadas pelos filhos na internet. (C)internet. (B)cortar excessos. com o acesso de usuários do sexo feminino. Da lista abaixo qual não se inclui entre os perigos citados no texto: tornou-se mais um modismo. principalmente. sugere-se trocar a denominação: em lugar de vigias. de certa forma. Aos pais que se sentem incomodados com o papel. (E) os pais precisam utilizar o computador para a diversão e não só para orientar os filhos. exageradamente. por crianças. é menos prejudicial que a tevê. a(s): (A)internet como formadora de boas ou más intenções na relação pais e filhos. (D) crianças brasileiras usam a internet da mesma forma que as americanas. logo os pais precisam . deve ser redobrada e “exigem vigilância”. 18 jul 07) 1 .A idéia central do texto é o. (D) ficar ao lado do filho. (E) atitude autoritária dos pais em fiscalizar. Outra pesquisa. mas a realidade não permite que tolerância se confunda com indiferença. (A)substituição dos horários de estudo.De acordo com o texto. segundo a reportagem. o videogame e a tevê ao longo de gerações passadas. Os portais para o mundo virtual. (B) a aprendizagem dos mecanismos de operação de um computador é uma forma dos pais obterem respeito. (C)perigo do mundo virtual e a obrigação dos pais de controlar a circulação dos filhos na internet. que escancaram a sua casa. (B)a atenção. (C)perda do controle sobre o objeto pesquisado na internet. 4 – As opções abaixo constituem. (C)alertar para os riscos. por longos períodos. Aliás. (D) falta de tempo dos pais para acompanharem os filhos em atividades virtuais.embora aí entrem variáveis como conexão mais lenta e a conhecida disposição nacional para jogar conversa fora. (D) aprendizado do vocabulário da internet. com crianças paulistanas e cariocas de 8 a 12 anos. (E)estabelecer horários. toda geração vê males rondando os filhos. lembram-se dos tempos em que se falava mal da influência da televisão? Dos videogames? Até das histórias em quadrinhos? Pois é. um desperdício de tempo. No caso da internet. (B)acesso às boas e más intenções dos outros internautas. honestos aliados do lado bom da força. na internet. quando bem manipulada. o princípio é o mesmo. exigem vigilância. da Millward Brown. o autor quer dizer que: (A) mexer no computador possibilita aos pais o exercício da autoridade com sabedoria. (Revista Veja. a reportagem conclui que a(s): (A) internet 2 . também do grupo Ibope. a criança corre alguns perigos na internet.

(B) mal. onde. por que. A sequência que preenche corretamente e na ordem correspondente as lacunas acima é (A) mais. 1 “Ondas do mar de Vigo.Substitua os asteriscos por “ONDE” ou “A ONDE”: 01 – ** essas medidas do governo vão nos levar? 02 – Não entendo ** ele estava com a cabeça.Substitua os asteriscos por “MAS” ou “MAIS”: 01 . mau.intensificar o papel de guardiães dos filhos.Vá de uma vez. (B) porque. mal. 04 . 11 – Leia dois trechos de duas cantigas diferentes e responda. er deu-lhi bom sém.senão. (B) senão. senão. se não senão. A sequência que preenche corretamente e na ordem correspondente as lacunas acima é (A) senão.O sitiante sofre de um ** que não tem cura.Substitua os asteriscos por “PORQUE” ou “PORQUÊ” ou “POR QUE” ou “POR QUÊ”: 01 – ** você está tão aborrecida? 02 – Não vais à aula ** ? 03 – Quero saber o ** de sua decisão. (D)mas. mau. 03 – Dê ** você está falando? 04 – ** nos leva? A sequência que preenche corretamente e na ordem correspondente as lacunas acima é (A) aonde. (D)por quê. (E) senão.Substitua os asteriscos por “SENÃO” ou “SE NÃO”: 01 . 8 . porquê. mais. 02 . mais. mas. mal. se não. onde. onde. mas. se não. aonde. mal. onde.A população pede ** escolas. e desi nom lhi fez pouco de bem quando nom quis que lh’outra foss’igual. mau. ** você vai se atrasar. porque. se não.Estava de tão ** humor que não falou comigo. mais.Não ganhei o prêmio. mal. (C) mais. (D)se não. mais. aonde. senão. mas. mas. 9 . porque. ** entrou no consultório. se não. 03 . mais. se verra cedo!” 2 “Ca mia senhor quizo Deus fazer tal quando a fez. mal. (C) se não.O presidente nada assinará ** houver consenso.** chover. 04 . senão . por que.Substitua os asteriscos por “MAL” ou “MAU”: 01 . mais. porquê. (C) aonde. 02 . que a fez sabedor de todo bem e de mui gram valor. por quê. por isso. porquê. senão. 02 . por quê. onde. mal. (E) mas. 03 . (E) onde. porque. (D)aonde. porque. mau. 10 . . mal. mal. os pais devem fiscalizá-la. (E) internet. iremos passear. se viste meu amigo? E ai Deus. se não. A sequência que preenche corretamente e na ordem correspondente as lacunas acima é (A) mau. (C) por que. porquê. onde. e com dot’est[o] é mui comunal ali u deve. onde. 03 . A sequência que preenche corretamente e na ordem correspondente as lacunas acima é (A) por que. (D)mau. mal. 6 . se não. assim como a televisão e videogames. (C) mal. (B) onde.Está com um ** incurável. mais. (B) mais. 7 . (E) mal. é um mal que ronda as famílias e. mal.Tranquilizou. senão. (E) por que. mal . por que. mais. mas.Estes alunos estão ** bem preparados que aqueles. aonde. aonde. 04 – O espetáculo foi cancelado ** não havia teatro disponível. 04 . onde. aonde. mais. onde. aonde. ** dei o melhor de mim.Nada mais havia a fazer ** conformar-se com a situação. senão. porquê.Este país está cada dia ** violento. mais. por quê.

José de Anchieta enquadram-se entre (A)As poesias palacianas. (E)Gil Vicente. (D) História do Brasil de Frei Vicente do Salvador. (E)Aos vícios de Gregório de Matos. (D) O trecho 1 é de uma cantiga de amigo e o 2 de uma cantiga de escárnio. Trata-se da obra (A)Auto da Barca do Inferno de Gil Vicente. (B)Poesias Completas de Gregório de Matos (C)Prosopopéia de Bento Teixeira. 18 – É uma característica muito marcante do Barroco na literatura (A)Desequilíbrio entre a razão e a emoção. (B) Os dois trechos são de uma cantiga de amigo. Antônio Vieira. José de Anchieta. (B)As cantigas de amigo. (B)Os Lusíadas de Luís Vaz de Camões. (B)Antropocentrismo.(A) O trecho 1 é de uma cantiga de amor e o 2 de uma cantiga de amigo. escritas em versos decassílabos heróicos e com estrofes em oitava-rima. (D) Equilíbrio. 17 – As obras do Pe. (D) Sermões de Pe. 12 – Trata-se de uma característica do Humanismo (A) Fortalecimento das cantigas de amor. 15 – As manifestações literárias no período do Quinhentismo brasileiro dividem-se em (A)literatura de cordel e poesia palaciana. Antônio Vieira. (D) Luís Vaz de Camões. (C)Obediência a regras. (C)A Carta de Pero Vaz de Caminha. (C)Gregório de Matos. (D) História do Brasil de Frei Vicente do Salvador. (B)Os Lusíadas de Luís Vaz de Camões. 19 – Costuma-se dar como marco inicial do Barroco brasileiro a publicação da obra (A)A Carta de Pero Vaz de Caminha. (E)Aos vícios de Gregório de Matos. (E)Teatros de Pe. (B)Pe. (E) O trecho 1 é de uma cantiga de amigo e o 2 de uma cantiga de amor. 14 – Considerado (a) marco inicial da literatura brasileira. 16 – Suas obras foram importantes no período do Quinhentismo brasileiro. (C) Os dois trechos são de uma cantiga de amor. (B)cantigas e literatura informativa. (C)As cantigas de amor. (E)Racionalismo. 20 – Gregório de Matos fora o autor de maior expressão do Barroco brasileiro . (D) As literaturas catequéticas. (E)literatura informativa e literatura catequética. (C)A Carta de Pero Vaz de Caminha. (E) As literaturas de cordel. (B)Antropocentrismo. (D) Imitação dos clássicos (E)Ideal de perfeição formal. (C)Teocentrismo. 13 – Considerado (a) um (a) das maiores obra escritas em língua portuguesa. José de Anchieta. (C)historiografia e literatura informativa. Trata-se de (A)Pe. Trata-se da obra (A)Auto da Barca do Inferno de Gil Vicente. (D) teatro e literatura catequética.

LÍNGUA PORTUGUESA PROVA DE RECUPERAÇÃO 1º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL GABARITO 01 – [C] 02 – [C] 03 – [D] 04 – [A] 05 – [E] 06 – [B] 07 – [D] 08 – [C] 09 – [A] 10 – [A] 11 – [E] 12 – [B] 13 – [B] 14 – [C] 15 – [E] 16 – [A] 17 – [D] 18 – [A] 19 – [C] 20 – [B] . (C)Poesias sacras. (B)Poesias satíricas. (E)Literaturas de informação. (D) Teatro catequético.que fora apelidado de “O Boca do Inferno” devido suas (A) Poesias amorosas.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful