You are on page 1of 3

25-06-2012

www.conclusao.pt

Medidas de Dispersão
Caso fizessemos uma reflexão sobre as medidas de tendência central, observaríamos que elas não são suficientes, para caracterizar, totalmente, uma sequência numérica. Assim, foram introduzidas as medidas de dispersão, com intuito de verificar como se comportam essas medidas de tendência central em relação à dispersão. As principais medidas de dispersão absolutas são: A Variância e o Desvio Padrão.

Estatística Medidas de Dispersão

25-06-2012

www.conclusao.pt

Formadora : Ana Colaço

2

Variância
É uma média aritmética calculada a partir dos quadrados dos desvios obtidos entre os elementos da série e sua média. Notação: Quando a sequência de dados representa uma População a variância será denotada por σ2(x), e quando se tratar de uma amostra será denotada por s2(x).

Variância - Dados não-agrupados Se a sequência representa uma população, a variância será calculada através da seguinte fórmula: σ2 = Σ ( xi – x )2 n

Variância - Dados agrupados sem intervalo de classes Se a sequência representa uma população, a variância será calculada através da seguinte fórmula: σ2 = Σ ( xi – x )2 fi Σ fi

25-06-2012

www.conclusao.pt

Formadora : Ana Colaço

3

25-06-2012

www.conclusao.pt

Formadora : Ana Colaço

4

Desvio Padrão
Variância - Dados agrupados com intervalo de classes Se a sequência representa uma população, a variância será calculada através da seguinte fórmula: σ2 = Σ ( xi – x )2 fi Σ fi Observação: Neste caso o xi é o ponto médio da classe i. É a raiz quadrada positiva da variância. Notação: Quando a sequência de dados representa uma População o desvio padrão será denotada por σ(x), e quando se tratar de uma amostra será denotado por s(x). Assim, independente de como se apresentarem os dados (agrupados ou não) a fórmula do desvio padrão será:

σ=

σ2

25-06-2012

www.conclusao.pt

Formadora : Ana Colaço

5

25-06-2012

www.conclusao.pt

Formadora : Ana Colaço

6

1

2σ. Ana Colaço 11 25-06-2012 www. quando tivermos o intervalo [ x . Assim como. x + 3σ] irá conter aproximadamente 99% dos valores da série.25-06-2012 Interpretação do desvio padrão – O desvio padrão é sem dúvida a mais importante das medidas de dispersão.conclusao.conclusao. 13 a 16 de outubro de 2003 www.conclusao. Ana Colaço 9 25-06-2012 www.gov. E o intervalo [ x . Ana Colaço 10 Cálculo Desvio Padrão com Frequências 25-06-2012 www. x + σ] contém aproximadamente 68% dos valores da série.conclusao. podemos afirmar que o intervalo [ x .pt Profª.pt Profª. Como podemos ver no gráfico a seguir 25-06-2012 Agência Nacional de Vigilância Sanitária V Encontro do Instituto Adolfo Lutz São Paulo. É fundamental que o interessado consiga relacionar o valor obtido do desvio padrão com os dados da série.conclusao.br 8 Desvio Padrão (cálculos passo a passo) 25-06-2012 www.conclusao.pt Formadora : Ana Colaço www. x + 2σ] irá conter aproximadamente 95% dos valores da série.pt Profª. Quando uma curva de frequência representativa da série é perfeitamente simétrica como a curva a seguir.3σ. Ana Colaço 12 2 .anvisa.pt Profª.σ.pt Formadora : Ana Colaço 7 25-06-2012 www.

Calcule a variância e desvio padrão das séries abaixo: a) b) c) d) e) 2. www. 12 FIM 2. 7. 9. 9.Calcule a variância e o desvio padrão das idades dos alunos de uma classe: Idades 17 18 19 20 21 fi 3 18 17 8 4 Σ = 50 25-06-2012 www. 7. 12. 10.pt Formadora : Ana Colaço 14 Exercícios: Medidas de dispersão 3. 10. 5. 7 4. 6.25-06-2012 www. 2.conclusao. 7.conclusao.Calcule a variância e o desvio padrão da tabela ao lado. 8. 5. 5. 4.pt Exercícios: Medidas de dispersão 1. 10. 6. 8. 5.pt Formadora : Ana Colaço 15 3 . 11 2. 12. 7. 6. 7 4. 5.conclusao. 8. 10.O salário de 40 funcionários de um escritório está distribuído segundo o quadro ao lado. 3. 3 7. 9. 6. Calcule a variância e o desvio padrão. 5. Acidentes 0 1 2 3 4 fi 30 5 3 1 1 Σ = 40 12 15 8 3 1 1 Σ = 40 25-06-2012 i 1 2 3 4 5 6 Salários (Euros € ) 400 ⌐ 500 500 ⌐ 600 600 ⌐ 700 700 ⌐ 800 800 ⌐ 900 900 ⌐ 1000 fi 4. 4.