You are on page 1of 255

Ernesto Bono

O DESAPARECIMENTO DE NOSSOS FILHOS

Porto Alegre - 2011

FICHA CATALOGRÁFICA Dados Internacionais de Catalogação na Publicação – CIP Bibliotecária Responsável: Dinorá Nuyt – CRB 10/1074 B712d Bono, Ernesto. O desaparecimento de nossos filhos. / Ernesto Bono. – Porto Alegre, 2011. 132 p 14,8 cm x 21 cm.

1. Pseudociência. Ilusão científica. 2. Liberdade de pensamento. 3. Demônios. Espíritos maus. Conhecimento mítico, cientifico, intuitivo. I. Título. CDU 001.98 342.727 291.216 165.19

TODOS DIREITOS RESERVADOS – é proibida a reprodução, salvo pequenos trechos, mencionando-se a fonte. A violação dos direitos autorais (Lei nº 9.610/98) é crime (art.184 do Código Penal). Depósito legal no escritório de Direitos Autorais da Biblioteca Nacional, sob o número de registro 535.005, livro1017, folha144

Eventual Correspondência para o Autor: Ebono.ez@terra.com.br www.blogdoernestobono.blogspot.com 2

OBRAS DO AUTOR

• • • •

• • • • •

É A CIÊNCIA UMA NOVA RELIGIÃO? (Ou Os Perigos do Dogma Científico - 197l - Editora Civilização Brasileira S/A - RIO - (esgotado) Reescrito para nova Edição NÓS A LOUCURA E A ANTIPSIQUIATRIA - Editora Pallas S/A – Rio – EDITORA AFRONTAMENTO, Porto, Portugal - 1975 e 1976, respectivamente, (esgotados) CRISTO, ESSE DESCONHECIDO - 3ª Edição - Editora Record S/A 1979 - RIO (esgotado) – Editora Renascença 2000 – Quarta Edição – Porto Alegre SENHOR DO YOGA E DA MENTE - Editora Record S/A - 1981 (esgotado) ECOLOGIA E POLÍTICA À LUZ DO TAO - Editora Record S/A - 1982 - RIO - (esgotado) ANTIPSIQUIATRIA E SEXO - (A Grande Revelação) - Editora Record S/A - 1983 - RIO - (esgotado) OS MANIPULADORES DA FALSA FATALIDADE - Fundação Educacional e Editorial Universalista FEEU - 1994 - Cx. Postal 2931 - P. Alegre CEP 90.001-970 – Esgotado A GRANDE CONSPIRAÇÃO UNIVERSAL, - Bonopel Edições - 1994 Porto Alegre (edição restrita e esgotada) - ZENDA EDITORA LTDA 1995 - São Paulo (esgotado) – ZENDA EDITORIAL - 1999 terceira edição São Paulo O APOCALIPSE DESMASCARADO (Nem Anjos nem Demônios, Apenas ETs) – Editora Renascença – 1997 (edição restrita de 500 volumes) – Editora Renascença – 1999 – Segunda Edição – Porto Alegre AIDS, UMA HISTÓRIA MAL CONTADA (Quem Perde e quem Ganha ou ASIDS, Uma História Mal Contada) – Editora Rigel 1999 Porto Alegre –. UMA REVOLUÇÃO QUÂNTICA – CONSCIÊNCIA OU MATÉRIA? – Clube de Autores – 2010 - São Paulo SABEDORIA E FILOSOFIA DE JESUS – Clube de Autores – 2010 – São Paulo CIÊNCIA, UMA NOVA RELIGIÃO - versão nova, ampliada e corrigida, desdobrada em quatro volumes, conforme abaixo A CIÊNCIA NOS ENGANA - (Ciência, a Nova Religião, Primeiro Tomo) – Clube de Autores – 2010 – São Paulo CIÊNCIA, MAGIA LOGIFICADA – (Ciência, a Nova Religião, segundo tomo) – Clube de Autores – 2010 – São Paulo

3

• •

• • • • •

UMA CRÍTICA CONTRA O MÉTODO OU A ANTIDIALÉTICA – (Ciência, a Nova Religião, Terceiro Tomo) – Clube de Autores – 2010 – São Paulo AS BASES INCONSISTENTES DA MEDICINA CIENTÍFICA – (Ciência, a Nova Religião, Quarto Tomo) – Clube de Autores – 2010 – São Paulo PARAR ESTE FALSO MUNDO - desdobrado abaixo em quatro volumes (livros nº 1, 2, 3, 4) O LADRÃO E SALTEADOR DA MENTE HUMANA - primeira parte do inédito Parar Este Falso Mundo – (livro 1) – Clube de Autores – 2011 – São Paulo TRANSMUTAR ESTE FALSO MUNDO - segunda parte do inédito Parar Este Falso Mundo – (livro 2) – Clube de Autores – 2011 – São Paulo O FOGO FÍSICO E O FOGO ESPIRITUAL - terceira parte do inédito Parar Este Falso Mundo – (livro 3) – Clube de Autores – 2011 – São Paulo A FARSA DOS MEIOS DO CONHECIMENTO - quarta parte do inédito Parar Este Falso Mundo – (livro 4) – Clube de Autores – 2011 – São Paulo PRISÃO DO TEMPO – Clube de Autores – 2011 – São Paulo MANIPULADORES DA FALSA FATALIDADE – Clube de Autores – 2011 – Segunda Edição – São Paulo • O DESAPARECIMENTO DE NOSSOS FILHOS - Clube de Autores – 2011 – Segunda Edição – São Paulo (Tradução) PERCEPÇÃO INTERPESSOAL - Dr. Ronald D. Laing, Phillipson, Cooper - Editora Eldorado - 1974 - RIO (Tradução) KUNDALINI, A ENERGIA EVOLUTIVA DO HOMEM Gopi Krishna - 1980 - Editora Record S/A - RIO

OBRAS PRONTAS E INÉDITAS
• PARAR ESTE FALSO MUNDO - desdobrado acima em quatro volumes (livros nº 1, 2, 3, 4) • CIÊNCIA, UMA NOVA RELIGIÃO - versão nova, ampliada e corrigida, desdobrada em quatro volumes, conforme acima • UM INSTANTE DE TERNURA - Poesias • TRÊS JÓIAS DO BUDISMO • JESUS SEM CRUZ

4

• • • • • • •

JESUS CRISTO, MESSIAS OU FILHO DO HOMEM? OS HERDEIROS DO FILHO DO HOMEM BÍBLIA SEM VÉUS QUANDO O PERCEBER NOS ENGANA VIVENDO COM O ZENBUDISMO O TAOÍSMO E SUA FILOSOFIA O BUDISMO, SUA SABEDORIA E FILOSOFIA.

5

SUMÁRIO • Introdução para as duas Apresentações Um Escritor Revolucionário. Percepção e Conhecimento Geral Sobre OVNIS e seus Tripulantes Um Conhecimento Correto para uma Nova Era.B. e que Jamais Será A Infame Nova Ordem Mundial Uma Antiga Carta do Amigo General Moacir Uchoa Entrevista Efetuada por Daniel Rebisso e Publicada na Revista Realismo Fantástico. sua Forma de |Ser e de Escrever Introdução Metodologia Resultado e Discussão Conclusão Artigo de Luiz Carlos Maciel Antídoto ao Cientificismo Preâmbulo Nelson entrevistando E. Três Perguntas Básicas sobre a Ufologia Moderna Os Desastres da Terra e da Humanidade – Denúncias Terríveis O que acontece com os homens e seus espíritos ETs Nefastos. Espíritos Errantes e Espíritos Obsessores Mulheres Grávidas e Trocas de Corpo Paranormais e Médiuns 6 Primeira Apresentação • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • . Reflexões Mas antes vejam o que me aconteceu também Sobre Ciência e Conhecimento Científico Sobre o Pensamento.

• • • • • • Um Abuso de Crianças e Adolescentes em Sacrifícios Humanos em Geral Críticas e Contra Críticas Uma Brutal Agressão Não te Provo Nada porque o ego faz a Prova Entrevista de Ernesto Bono efetuada pelo Instituto Humánitas da Unisinos do R. Seres de Luz Mortos que Assassinam Mortos Tudo é Magia.Sul Informações sobre os ETs são Sonegadas pelos Governos Um Amigo Especial Uma Simples Tragédia..G. Condicionamentos e Manipulação A Chave do Coração As Mentiras “dos Asthar Sheran” A Bomba Estourou na Minha Mão A Nossa Realidade De Onde Certos Extraterrestres Provêm O Símbolo Primordial que Abre e Fecha Portas As Medusas e os Icebergs da Vida 7 Segunda Apresentação • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • .. Será? Lamentável Desfecho Outra Suposição Mais Complicações Buscas Incansáveis Um Quase Encontro Mais Surpresas A Vida Continua e as Surpresas Também Aclarando ou Confundindo? Amor e Poder Um Pouco de Ficção Sempre em Andamento Reflexões ao Redor de Tumbas Seres Humanos..

• • • • Outro Contato Outra Triste Aventura Filhos e Filhas não Morram! Epílogo – Poema e Ensinos do Grande Osho 8 .

E aqui. porque. científicas etc. os quais geralmente se nos apresentam como espíritos de luz. anti-igrejas (ortodoxia cristã). eu apenas deixo subentender o que poderia ter acontecido com alguém de minha família.INTRODUÇÃO PARA AS DUAS APRESENTAÇÕES Para quem tomou conhecimento de minha obra já editada em Porto Alegre e pela FEEU “Manipuladores da Falsa Fatalidade”. Ernesto Bono 9 . Em suma. volto a abordar o tema.. filosóficas. é bom enfatizar que o livro reproduz algumas entrevistas que me foram feitas por pessoas inteligentes. Antes de tudo. e que quiseram saber detalhes sobre minha vida. a não ser um Jorge Amado e Paulo Coelho. devido às agressões que se levantaram contra mim na Internet. Talvez interesse a alguns. devido à minha própria profissão de médico). de como vivo e escrevo. relacionados com aquilo que me sucedeu e aconteceu principalmente para alguém muito querido que lamentavelmente já se foi. cuja segunda edição (2011) foi lançada pelo Clube de Autores de São Paulo. da parte de alguém. quero alertar que este livro pode ser considerado uma continuação do livro “Manipuladores”. se quiserem. espíritos protetores e tudo o mais. no entanto. arcanjos. e inclusive saber a respeito de minhas “revoluções” culturais. antipsiquiátrico. religiosas. isto sim. De certa maneira. no Brasil nunca se viu um escritor viver graças ao que escreve. Tanto no livro “A Grande Conspiração Universal” como no tomo “Manipuladores da Falsa Fatalidade”. e também o porquê do meu posicionamento anticientífico. esta obra é quase um mini diário de minha própria vida. tudo isso já foi abordado em outras obras de minha autoria. devido a certos detalhes que deixei de fora. ou então. Jurei para mim mesmo que não voltaria a escrever outra obra sobre ufologia. que se ausentou. O livro faz revelações sobre o comportamento de alguns ETs nefastos. De onde brotou tanta novidade. se vivo à custa do que escrevo – (obviamente que não. sobrevivo. De onde elas saíram. de alguém que simplesmente morreu. eles quiseram saber como a ufologia havia entrado na minha vida. anjos. E mais. no nosso meio e inclusive no mais além.

PRIMEIRA APRESENTAÇÃO 10 .

do Curso de Mestrado em Psicologia Social e da Personalidade. bem como algumas e opiniões a respeito do ato de expressar-se pela escrita. p. conhecido nos meios espirituais e alternativos. originalmente nascido na Itália.UM ESCRITOR REVOLUCIONÁRIO: SUA FORMA DE SER E DE ESCREVER O presente artigo apresenta alguns aspectos pertinentes à produção literária de um escritor revolucionário e controvertido: Ernesto Bono. pois. Sim. 1985. como principalmente seu modo de pensar e agir. 11 . mas naturalizado brasileiro. “a palavra é uma arma de poder. Aqui relatarei então seu estilo. pudemos conhecer não só seu modo de escrever e traduzir em palavras seus anseios e intuições. métodos e formas de escrever. Atendendo aos objetivos deste trabalho. diz Lane. além de crítico da ciência. Com esse intuito.38). alvo de críticas.” (Lane. tendo em vista sua obra sobremaneira respeitável. dos modelos tradicionais do conhecimento. método e dissabores relacionados à paixão de sua vida: escrever sobre os seus ideais e vivências. mas é também por meio dela que contestamos tal grupo e alcançamos transformações. Ernesto Bono tem incansavelmente procurado. e estudioso das filosofias e religiões orientais. Médico psicoterapeuta e introdutor no Brasil de uma Antipsiquiatria própria (1970). Atendendo a uma solicitação da disciplina de “Socialização e Linguagem”. através de seus livros provocar questionamentos e reflexões a um público (brasileiro) nem sempre aberto à mudanças. apresentarei os resultados de uma entrevista realizada com um escritor. mas também de profundas reflexões. aqui serão apresentados apenas os aspectos pertinentes ao seu estilo literário. INTRODUÇÃO É através da palavra que se transmite a ideologia do grupo social. Num encontro de quase duas horas. Esta entrevista objetiva seu modo de produção textual.

Segundo Vygotsky. por ser. Ernesto Bono expressa em suas obras sua própria maneira de ser: contestador. sendo-lhe solicitado inicialmente apenas que transmitisse como manifestava seu modo de escrever. Foram-lhe solicitados maiores detalhes a respeito de sua maneira de produzir. Verifiquei que sua forma de escrever lhe é muito peculiar e está diretamente relacionada com sua maneira de ser. “a linguagem reproduz uma visão de mundo”. Atualmente possui seis obras editadas (1986) e duas traduções. a psiquiatria e as religiões.. relatando brevemente o conteúdo das mesmas e os percalços que tem encontrado para editar suas obras inéditas. Esse Desconhecido. já que a compreensão de seu estilo e seu modo de produção ficou facilitado. O diálogo da entrevista transcorreu de forma aberta. Editora Civilização Brasileira. transcrita. Editora Record. 1978. irônico. METODOLOGIA A entrevista foi realizada na casa do autor. erudito. e mais treze obras inéditas à espera de um editor. p. O entrevistado foi escolhido por ter produzido diversas obras. 1970. “Nós a Loucura e a Antipsiquiatria”. isso nos ficou muito claro ao conhecer o autor de livros revolucionários para a ciência. de certo modo. reconhecido nacionalmente – principalmente nos meios espirituais e alternativos – e ser de fácil acesso à entrevistadora. esgotado. o que torna interessante a sua identificação. (1973. 1974 e Editora 12 .. decidi identificá-lo aqui. Apesar de não ser um escritor muito conhecido nos meios literários e acadêmicos. Seu livro mais vendido foi Cristo. 58). a fim de que alcançasse mais especificamente o intuito da entrevista: conhecer como era seu modo de escrever e quais ensinos eu poderia extrair daí para o meu próprio percurso como escritora. místico e idealista. Foi gravada em fita cassete e após. Editora Pallas. durante aproximadamente duas horas. justamente por suas idéias antagônicas ao academicismo e à ciência materialista. As demais obras editadas dele são: “É a Ciência uma Nova Religião? (ou Os Perigos do Dogma Científico). O entrevistado enfatizou seu estilo literário e o descreveu em suas quinze obras. irreverente.

Em cada livro. e publicou seis artigos no “Correio do Povo” de Porto Alegre. reflexões. Só que estes possuem muitas partes em forma de crônicas. intimista. de Ronald Laing. Editora Eldorado. Sempre se preocupa de produzir textos envolventes. expositiva e erudita. esgotado. Começou a redigir ainda bem jovem. crítica. A maioria de suas obras são consideradas ensaios. Filosofias Orientais. Cristianismo revisado.B. criativos. RESULTADOS E DISCUSSÃO O nosso entrevistado. Antes de entrar na medicina. Ufologia etc. religiosa e. Seu talento como escritor nasceu aos poucos e diz que neste aspecto foi naturalmente autodidata. Desenvolveu vários cursos e grupos de estudos sobre Antipsiquiatria. de Porto Alegre. colóquio e por vezes diálogos platônicos. exprime-se com muito orgulho a respeito de seus livros.Afrontamento. questionamentos. com beleza e movimento. possui um estilo literário variado. tentando levar mais luz ao conhecimento humano sobre a vida. Senhor do Yoga e da Mente. Portugal. 1981. Editora Record 1980. na década 1950-1960. se aplicou muito ao estudo da ciência e cultura geral. reportagens expositivas. Editora Record. evitando causar enfado no leitor. ficção. O cansa muito e por isso ele não sentaria meses e meses em frente de uma máquina de escrever – hoje computador – para registrar bobagens. Ecologia e Política à Luz do Tao. Trabalhou no Hospital Psiquiátrico São Pedro. Escreve numa linguagem psicológica. Parapsicologia. (psicoterapeuta. Formouse em Medicina. por vezes. médico geral e medicina do trabalho). esgotado. esgotado. Magia. filosófica. 1975. poesia. Editora Record e Percepção Interpessoal. Ernesto Bono chegou ao Brasil com 12 anos de idade. Antipsiquiatria e Sexo (ou A Grande Revelação). esgotados. Editora Record. Afirma que escrever um livro é muito desgastante. Aposentou-se recentemente de suas atividades hospitalares. em seus livros. e notas-se que realmente gosta do que faz. Tradutor do livro Kundalini de Gopi Krishna. – (Depois desses editou mais 15 livros). E. pretende sempre transmitir sabedoria. por vinte e dois anos e continuou trabalhando em consultório particular. Quando passou a freqüentar a 13 . meditações. como psiquiatria.

Essa é. uma forte motivação que o leva a escrever. ou também conforme poderia ter sido a visão dos mestres antigos. acaba reescrevendo tais assuntos. nem como vai terminar. a Psicanálise e a Ciência vigente. Conta que “as palavras vão saindo aos borbotões. Buda. E. Parece-me que esta atitude crítica perpetuou-se e constitui hoje a sua marca registrada. além de se aplicar às disciplinas básicas do curso. preocupa-se em não fazer críticas gratuitas.B. Plotino etc. Esclarece inclusive que seu modo de se exprimir não tem nada a ver com psicografia espírita. e que ele chama de “vacas sagradas”. Chuangtsé. Cristo.Faculdade de Medicina. pois. faze alguma coisa por 14 . Krishna. Bono critica tudo o que faz parte do mundo convencional. mentiras e tolices desse tema consagrado”. ou senão recolocar teses muito antigas trazidas pelas mensagens dos sábios de outros tempos e milenares. tipo Laotsé. para tentar colocar em seu lugar verdades novas. mas temas sempre relevantes para a humanidade. Geralmente parte do aprofundamento de leituras variadas. sua forma de escrever reproduz esta intenção. o que lhe deu subsídios para contestar a Medicina. a Psiquiatria. fixando-se num tema importante: e aí lhe saltam aos olhos as “falhas. com canalizações. A partir desse novo enfoque. com a “loucura médica bem comportada”. conforme a visão que teve. Bodhidarma. Trabalhou muitos anos numa instituição psiquiátrica. Movido por esta sede transformação. por que não dizer. uma “vozinha interior” que o leva a desenvolver determinado tema. lidando diariamente com a loucura humana e. “Não qualquer tema. O que nos parece inspiração. Diz que também costuma aproveitar de sua experiência pessoal. numa enxurrada de frases e revelações”. pesquisou muito também sobre os fundamentos da medicina oficial. ele não sabe exatamente o que vai dar. incorporações ou coisa parecida. tenta substituir dados conhecidos e consagrados. No entanto. Quando se permite. Platão. simplesmente chama de “vozinha interior” ou impulso. Segundo o que o entrevistado diz. Nagarjuna. tudo começa com um impulso interno. “E como se a Sabedoria Universal tomasse conta de mim e exigisse: “Me resgata. buscando recolocar a “Verdade” em seu devido lugar. E tentou provar para si mesmo o quanto eram falsas certas teses básicas da medicina moderna.” Quando começa a escrever. as faz com toda a fundamentação necessária.

“O título tem que agradar ao ‘marketing’ e ser bem vendável. Diz ele: “Hoje se compra mais pelo título e capa que pelo conteúdo!” Refere que quando alguém resolve utilizar um título que não agrada. de repente. talvez por causa do título.B. sua produção tem sido intensa. Diz que jamais sacrifica o seu viver cotidiano para escrever. E isso aconteceu exatamente com o seu último livro editado: Antipsiquiatria e Sexo” (A Grande Revelação). surge a obra que ele reputa maravilhosa. mas que infelizmente. mesmo sem os favorecimentos e reconhecimentos de uma editora. Escreve pelo menos um livro por ano. começa a lapidação. não se preocupava com a estrutura do livro.” E então. gosta de mostrá-la aos amigos para coletar as informações. apesar de intensa. Logo após ter redigido o livro bruto. Após concluída a obra. não antes!” Uma das dificuldades deste autor. E quando volta. que não era atraente para o público. e também diz que hoje conhece bem as “mandingas literárias”. Ao terminar a obra.mim. O 15 . isso se refletia negativamente nas vendas. depois dou os retoques literários e faço os acréscimos que cabem. é irregular.B. Às vezes escreve várias horas por dia e em outras ocasiões senta-se e redige só meio parágrafo. simplesmente ia escrevendo. O livro está pronto. pois tem que pensar na expectativa do mercado do livro. O interessante é que nosso autor. as opiniões e as críticas que eles possam fazer. ainda falta a montagem. que ele considerou uma obra prima e uma verdadeira revolução em psiquiatria e psicanálise. corrige o que fizeram contra mim. retoma o assunto no ponto em que parou. Só passo o livro a limpo após umas três ou quatro buriladas. Nos últimos anos. de modo injusto não tem sido editado. isto no meio e isto no fim. passou em branca nuvens. Refere que é comum interromper seu trabalho literário diário para a arrumar a casa ou fazer compras. redige obras há mais de vinte e cinco anos (1991). É exatamente assim. E. até então. ocorre na hora de dar o título definitivo à obra. a “vozinha” então lhe diz: “Isto vai no começo. Não se satisfaz tão facilmente. Como diz. Sente uma grande necessidade de escrever. e isso o deixa livre para produzir em seu ritmo próprio. emenda algumas coisas que estão por aí!” A produção de E. sem a pressão das editoras. Por isso que nos últimos anos tem escrito livremente. “Corrijo inicialmente os erros gramaticais.

e como revolucionário que é. tem que suportar o peso do ostracismo avassalador e do injusto descaso. o escritor deve ser. a partir das palavras do entrevistado. pelo insólito. Daí ser E. corriqueiro. ou senão. ou seja através da contracultura. que seu modo de escrever está diretamente relacionado com sua maneira de ser e pensar.” É assaltado por uma insatisfação natural que lhe permite lutar contra os dogmas religiosos. e. Ao que me 16 . por causa disso. livre.impulso secreto que o leva a redigir é: “uma curiosidade natural por tudo o que não é acadêmico. Seja através da ciência. É por meio da constante reflexão e da meditação que podemos ultrapassar a ideologia vigente e contestá-la com justiça. por tudo o que não é cotidiano.B. Por sua irreverência e criticismo. além de E. contra a intolerância. que talvez sejam universais. um verdadeiro livre pensador que busca expressar suas idéias através do papel. seu organismo como um todo. CONCLUSÃO Pude constatar. infelizmente. Pessoalmente. não é apenas o intelecto. a sua motivação e até mesmo a sua paixão por temas que reputa importantes para entender a vida. totalmente contrários ao formalismo. contra a injustiça e a maldade. compatível com seus posicionamentos anti-acadêmicos. O que de mais proveitoso tiramos em sua exposição é a sua garra. Escreve geralmente movido por uma intuição ou inspiração que diz estar ligada a uma Sabedoria Universal inerente. contra as leis e normas científicas. Este autor não possui uma metodologia estruturada ou uma técnica para transmitir suas idéias ao papel. daí surgir esse impulso forte que o leva a protestar por meio da escrito e do papel.B. ter um compromisso incondicional com seu próprio íntimo. acima de tudo. Isso. mas sim seu ser. Seu estilo variado e seus temas ecléticos revelam uma total ausência de comprometimentos com os meios científicos ou com qualquer outra instituição. de certa forma. não pode ser ensinado numa universidade. portanto. com seus valores e seus ideais. ele tem sido ameaçador demais para alguns grupos. Sua fonte de produção. acredito ser este forte interesse e esta dedicação aquilo que move a ação humana e seu intento. o que é.

Seu intento maior é provocar questionamentos e abalar as verdades consagradas. E tudo isso através do que? Da palavra.parece. sem qualquer dúvida. Bono não pretende aniquilar as ideologias dominantes. setembro de 1991 Gisele Monza da Silveira 17 . e inclusive incentiva a que cada um busque a sua. “removeremos montanhas”! Porto Alegre. ou quem sabe substituí-las pelas suas. se soubermos usá-lo com argúcia e sabedoria. É esse o poderoso instrumento que possuímos e. tidas como absolutas e definitivas.

Era o que se chama de corte epistemológico. ilusório do conhecimento científico. ou seja. isto é. no Pasquim-Sul número 13. que foi publicado pela Editora Civilização Brasileira. o endeusamento da Ciência tem conseqüências desastrosas que poderiam ser evitadas se houvesse um pouco mais de bom sendo em relação ao assunto. parecia que estávamos prestes a assistir a um grande despertar espiritual nos países do Ocidente. em verdade. Havia – ou 18 . talvez. mas não obtiveram resposta no mundo universitário. o conhecimento científico em si. Na ocasião. mesmo. pois. porque ousava por em questão a própria Ciência. como uma espécie de Introdução para a nova versão do meu antigo livro Ciência. indefinido. Aproveito. ANTÍDOTO AO CIENTIFICISMO Há uns quinze anos atrás. A universidade não podia tomar conhecimento dele. de matizes diversos. (não o sendo). Suas idéias tiveram boa penetração em círculos da cultura alternativa. Foi encarado. anunciei pelas páginas do semanário Pasquim o aparecimento de uma obra que considerei extraordinária. mais ou menos (1971). é impreciso. inclusive a ciência. o que o limitava a um gênero determinado. Era extraordinária. este artigo foi escrito por Luiz Carlos Maciel. provisório. Na época (1970-1971). como um livro de contracultura. incerto. a oportunidade para incluí-lo também neste meu “Resumo”. pois se encaixa como uma luva. Ernesto Bono evidenciava o caráter limitado e. escrevi sobre o autor e o livro.ARTIGO DE LUIZ CARLOS MACIEL Amigos. Em nosso mundo. o silêncio sobre o livro permitiu que se silenciasse também sobre as suas denúncias.. na cultura oficial. É a Ciência uma Nova Religião? de Ernesto Bono. Sentia-se ou se sentiu ameaçada. ou um fim para a arrogância científica. Tudo neste mundo. que pretende não ser. Naturalmente.. a Nova Religião. relativo etc. Em outras palavras: acabou sendo objeto de um preconceito pernóstico. em primeiro lugar. em todo o Brasil.

Passados todos estes anos. nenhum grande despertar espiritual nos países do Ocidente. ingenuamente. Através de tal processo. CIÊNCIA. como um dogma religioso. em nossos círculos culturais mais respeitáveis. Apenas isso mesmo: uma complicação. Estamos inclusive num momento em que o progresso tecnológico e a prosperidade material consolidaram sua posição como valores supremos de nossa civilização. simplesmente. não houve. sem que nenhuma ameaça alternativa ou libertária coloque em questão a sua supremacia. nossas escolas e universidades geram a estupidez em escala social. 19 . uma distorção. Seus argumentos são diretos. mas formulados. Bono não se debate em cogitações vazias. não fazem sentido para ele que. uma elaboração superior. em todos os seus confusos desdobramentos. confere-se o nome de instrução ou educação. e não um refinamento. As chamadas “verdades” científicas são aceitas pela maioria das pessoas. inútil e doentia. Os complexos emaranhados verbais que caracterizam o pensamento ocidental. certeiros: nascem da Intuição Pura.parecia haver – um interesse crescente por valores de uma natureza superior. Os interesses espirituais estão em segundo plano. sem mediações inúteis ou distorcentes. um requinte. É neste momento que Ernesto Bono informa ter acabado uma nova versão de seu livro. Tudo estava sendo posto em questão. Os argumentos são fundamentalmente os mesmos da antiga versão. porém. com mais clareza e eficiência. o fanatismo egolátrico e os valores da vida vulgar. a mediação intelectual é um desvio (da mente). (E as respostas são praticamente imbatíveis). como todas as complicações. Trata-se de um fenômeno generalizado de crendice ou superstição Essas pretensas “verdades” supersticiosas são inculcadas nos jovens. os despreza. versão ampliada. corrigida. A NOVA RELIGIÃO. graças à inocência deles e falta de defesa e a tal processo monstruoso de deformação intelectual e espiritual. Para Bono. Nossa cultura passava por uma revisão radical e a perspectiva de uma nova cultura parecia aberta. melhorada e rebatizada com o título mais sintético. O que marca o trabalho intelectual desse autor é o seu desconcertante bom senso. como se pretende. agora. Não há dúvidas de que foi uma preciosa oportunidade histórica para a libertação das cadeias internas e para o crescimento individual. É uma complicação mental que ele denuncia. Pelo contrário: mais uma vez prevaleceram e predominaram a obsessão egocêntrica.

Um trabalho de regeneração talvez ainda seja possível. E ele só pode começar com a administração de antídotos poderosos como este CIÊNCIA. A NOVA RELIGIÃO. Luiz Carlos Maciel 20 .A verdade é que já fomos longe demais. Os males causados pela concepção cientificista do mundo parecem irremediáveis. Mas talvez nem tudo esteja perdido.

Gostaria que esse querido amigo. evitando assim desvirtuar de fato a Verdadeira Natureza. aproximando-me mais do Budismo que do o Orientalismo em geral e espiritualismo Ocidental. secundária e superposta. por meio da qual vou discorrer sobre meu trabalho e obra. Devido à 21 . só nas aparências. residente em São Paulo. porque eu tinha ousado criticar a Lei da Carma. mas sim a uma espécie de sinopse. como pensador (ou “anti-lucubrador”). Por causa dessa Lei e por causa da própria Lei Geração Condicionada. mestre e irmão soubesse que eu não me tornei um infiel ou um herege por ter escrito tal obra. em 1988). Pelo espírito de tal entrevista. de bom alvitre incluir no começo deste livro uma entrevista que um amigo meu. roubando-me uma filha. professor e mestre – e que me ajudou para que quatro dos meus livros fossem publicados pela renomada editora Record. Nelson Agostinho. Por outro lado. assim como se levantou uma Lei – a Lei da Geração Condicionada – a qual segura e rege as intromissões e recriações do Demiurgo e do ego-pensamento humano. depois que a fatalidade me atingiu em cheio. a Autonatureza. para o raciocínio pretensamente perceptor.. Neste preâmbulo. sacramentada na Índia. Por conseguinte. um querido amigo. então. qualquer um verá como eu era e como fiquei. e leu tal obra. por causa disso. ficou em segundo plano ou escondida. o que vou reproduzir a seguir. Alguns chegaram a dizer que. e também pelo espiritismo e espiritualismo ocidental.. como palestrante e como escritor. lhe sou imensamente grato – quando tomou conhecimento de meu livro Manipuladores da Falsa Fatalidade (primeira edição pela FEEU Porto Alegre). E cedeu lugar a uma falsa natureza distorcida e recriada pelo Demiurgo e pelo ego humano. quando isso não é verdade. mesmo que o criador de tal Lei não tenha sido Deus ou o Absoluto ou Brahmán. e graças a isso. me fez três anos atrás (isto é. sim. no extremo Oriente.. A Lei do Carma continua prevalecendo. Pareceu-me. falo de tudo aquilo que já fiz até hoje. Assim eu ouso me exprimir. eu piorei. como escritor.PREÂMBULO Embora a palavra preâmbulo possa significar também prefácio. simplesmente se ressentiu ou se escandalizou.. não corresponderá exatamente a um prefácio do livro.

tratada em 22 . assim como teve que se levantar a Lei da Geração Condicionada. causal etc. Ou senão inventam uma fatalidade descabida e a aplicam em certos seres humanos. Os roubados e esvaziados geralmente são os jovens que. para proveito próprio. corpo astral. Há um ego-carma que se segura e se castiga a si mesmo quando ele passa das medidas. Em face do pensamento errôneo. neste livro. “foi acidentada”. escrito depois da transferência ou do falecimento de minha filha. sim. reflexões. que. criticismos. também são os que mais desaparecem. sem o querer. e suas maneiras de mal agir e pior pensar. há isto. e que prevalece toda vez que um ego ladrão e salteador se introduz na Mente do Homem e passa a atuar de modo intencional. aprofundamentos e meditações. incluo o falecimento de minha filha A. aliás. Quantos figurões do além.lógica-razão. perispírito. Ou senão consigam retornar ao meio terrestre. Mas.B.) desses jovens raptados são mandados para mundos astrais especiais. Não há uma Entidade Superior (Deus) castigando o ego por meio do Carma. graças à essa torpe manobra. Amigos. sem precisar reencarnar. do mesmo modo também se levantou a Lei do Carma. manipulam para pior as respostas cármicas dos indivíduos. um ego-carma que tem que colher as conseqüências de tudo o que ele (pensa e faz ou) planta ao longo das diversas vidas impostas pela ignorância e pelo ego-desvario. também denuncio aquilo que vem acontecendo à humanidade em geral. numa gigantesca e dolorosa conspiração universal. especialmente aos mais jovens. para não precisar reencarnar. que lá ficam até que se dê o retorno. além de restringir-me às minhas habituais explanações. Nos Manipuladores da Falsa Fatalidade. Ciência moderna só tem aumentado as distorções e as aparências que caracterizam tal falsa natureza. e aí vou até as últimas conseqüências. Neste esboço de denúncia. É bom que se saiba que a Lei do Carma vinga toda vez que o falso ente-ego se sobrepõe ao verdadeiro SER ou querido “EU”. eu inclusive ousei dizer que no além havia canalhas trevosos que. roubando-lhes Vitalidade e até mesmo o corpo (“cascão”) para que. tirarem proveito e se reforçarem. mental. Os corpos sutis (alma. roubam o corpo alheio. Não há uma Lei Divina ou cármica que dirige e castiga a mente-ego no homem. o esvaziam e penetram no mesmo como se fossem proprietários daquilo que roubaram. por assim dizer. tendo sido ela incluída.

difícil de suportar. antes que continue me espraiando pelas 200 e tantas páginas do presente trabalho.. mas ouso crer que “meus” livros seriam um orgulho para qualquer outro país. meus livros viessem a ser publicados em outros países. um pouco extensa. E há quase 40 anos. Nelson Agostinho é um rapaz que leu boa parte de meus livros editados e inclusive três obras das vinte e tanto inéditas. também..outros livros já publicados. mas sempre menor que qualquer outro livro que já escrevi. Meu entrevistador. pretendia verter esta entrevista ao inglês. Desculpem se o digo. parecendo um insano. Peço desculpas se a contragosto. Como fora do Brasil e Portugal. N. para ver se alguém. pensou em ajudar-me de outro modo. com o descaso que me propiciaram. Ele não me informou no que deu. Todavia. Ele ficou sobremaneira impressionado e entusiasmado com o trabalho. urge pois que tais “manipuladores sutis” sejam entendidos em profundidade. Por conseguinte. é claro. não é exatamente aquilo que se costuma dizer. Sabendo da pouca repercussão de minhas obras vinham tendo junto ao público leitor. ou senão venham. N. lá fora. e. que sejam desarmados de alguma maneira. atiraram-me a um doloroso ostracismo. Já veremos o que isso significa. em momentos. publicado ou inédito. resolveu fazer um resumo de tudo o que fiz. me alongo demais em minhas respostas. é bom que alguém mais me entenda como de fato sempre fui e continuo sendo. recorrendo inclusive ao auxílio de escritores e editores estrangeiros. Neste resumo. se assim é. também vou apelar para toda a minha argúcia e capacidade para demonstrar e deixar bem evidente que a MORTE de todos. se possível. Saliento inclusive que todos nós. querem que eu próprio sinta vergonha (descabida). Mas desmanchar Himalaia de mentiras não é tarefa fácil. quem sabe. por escrever e pensar como escrevo. côo alguns poderão (mal) pensar. criava um pouco de interesse pelo meu trabalho. Portanto. inapelavelmente somos vítimas de entidades malignas do além – não necessariamente de pretensos desencarnados obsessores – e que “manipulam a falsa fatalidade”. na esperança de que. não incluindo esta. dificilmente alguém fala e lê o português. Nenhum 23 .A. “malgrado roube a presença de entes queridos que no nosso meio viviam”. “alguns daqui”. Optou por uma entrevista. “desvitalizados” .A.

Espero que ao incluir esta entrevista no começo do livro. uma coisa dentro de mim começou a “fervilhar”. o restante da obra em nada ficará prejudicado. Passei a saber de coisas. Talvez fosse uma espécie de “minne” sanguínea. como diriam os partidários do esoterismo e arianismo hiperbóreo. o doloroso acidente que envolveu minha filha. desde pequeno. sua experiência transcendente? O que foi que levou você a ela? Como é que as coisas se encaminharam? E. Bem.B: Bem. faz parte da Vida! Afinal. então. Essa “minne” (ou essa lembrança e saudade visceral) me tornava inconforme. Até forneço dois exemplos práticos do que vem a ser o ATO PURO – e que não resulta em Carma nem na Lei da Geração Condicionada – ato não intencional ou livre (ou magia).. Talvez esse seja o meu caso. em termos de espaço e tempo. do Desconhecido.. digamos como 24 .criador. cuja difusão em tempo de juventude era proibida. mas o descaso. Sou um ser humano como todos. na época em que N. ainda não havia acontecido. “eu” como pessoa humana não tenho grandes coisas a salientar..): Nelson: O que é que você acha falar das suas origens e situar claramente.. graças a mim mesmo. nem consegue consolar-se com a eterna expectativa.. pois contrariavam o dogma vigente. NELSON ENTREVISTANDO ALGUÉM (E. de modo espontâneo. às vezes.. Uma ressalva. Coisas. o que é muito importante. fui-me apercebendo de diversos fatos do Insólito.. ou graças a qualquer coisa mais que havia em “mim”. Nunca pretendi ser diferente dos demais ou ser alguém muito especial.. mas acredito que. no que diz respeito às muitas noções e conhecimentos vigentes. nenhum artista sobrevive a isso.A..B. Bem ao contrário. não é o refrão que diz: “Santo de casa não faz milagres!?”. Dessa maneira. me entrevistou. e que quase me “esmagou”..

consegui vir para o Brasil. crises. Eterno Retorno. Por exemplo. vivi num país que passou o diabo. Mas mesmo assim. Em março de 1947. Naquela noite. nunca me conformei com os ditames da vida cotidiana. alguns aviões franceses. sofreu ataques aéreos um atrás do outro. não possuía um fundamento lógico maior. O curioso. contudo. foi quase madrasta!. de raiva e vingança. lei da retribuição (Carma). guerras e revoluções. Até os meus doze anos. mas perdeu o direito à herança por ter-se ausentado da Itália de 1919 a 1934. doenças. vírus. Ao contrário. sempre amei e amo a minha terra natal. De certo modo. Conheci a fome. resolveram bombardear minha cidade. contudo. situada no norte da Itália. Quando “eu” nasci. como imigrante. Meu pai era de família razoavelmente rica.. o que foi que me aconteceu? Ora. nasci na Itália em 1934 e me criei durante os anos da Segunda Guerra Mundial (1939-1945). tive 25 . um pouco depois da Segunda Guerra Mundial. minha família era muito pobre. durante quase cinco anos ininterruptos. Passei todo o período do segundo conflito mundial numa cidade chamada Torino (ou Turim). é que todas essas adversidades não me transformaram num neurótico de guerra. E neste bendito país.. tudo isso que em “mim” se levantava era totalmente instintivo. ou seja. o da minha imaginação. não foi lá muito gentil nem camarada. como diz a medicina. medo e dissabores sem conta. desde as primeiras 24 horas em que Mussolini declarou guerra à França e Inglaterra sofreu as conseqüências do primeiro bombardeio aéreo. E as primeiras bombas caíram duas ou três quadras de onde eu morava. católicos e protestantes. percebo que nada foi imaginado. Ao contrário. sem dar notícias. e pior aproveitado. onde se localiza a grande fábrica FIAT.o “Retorno ao Lar Perdido”. graças à mediação de parentes que por aqui moravam. ou por deficiências metabólicas. Hoje. Em suma. Naquele tempo cheguei inclusive a desconfiar de que as doenças pudessem ser simplesmente provocadas por germes. vidas sucessivas. Coisas como a não veracidade dos paraísos e infernos. E esta. Torino. a não ser. LANCIA etc. aparentemente. E esta cidade. mal dirigido. digo “eu” – e por que não? – fortaleceram meu caráter. Horrores esses que comecei a testemunhar com quase sete anos de idade. politicamente. intuitivo e. talvez. no meu caso.

Continuava. pelo menos. esotérico. metapsíquica. Desde pequeno. contudo. agora pressentindo que afinal “eu não era tão louco assim”. pois. espiritualistas. Digamos. para mim. era muito difícil ser rosacruz. tive. O discurso racional em “mim”. Saber. Em minha adolescência ou dos 12 aos 18 anos não tive oportunidade de freqüentar escolas. Trabalhei praticamente dos dez aos vinte anos. Trabalhei na Western Telegraph Company de Porto Alegre. para a parapsicologia. no Brasil e em plena adolescência. Havia outros mais que também pensavam como eu. ladinamente. me levava a duvidar de minha sanidade mental. não dava para ser ou virar coisa alguma. Tal fase de “minha” vida esteve desligada de acontecimentos maiores.. Cheguei a este maravilhoso Brasil praticamente analfabeto. depois tive que interromper por causa dos bombardeios freqüentes. me insinuava coisas tipo: “Estás enlouquecendo! Ninguém pensa como tu!” Essas estúpidas insinuações se levantaram muito fortes entre os anos de 1947 a 1950. o Orientalismo. inspirações e vivências íntimas. Portanto. E se alguém o fosse. esse foi um tempo muito duro. comecei a me instruir por conta própria. que labutar pelo pão de cada dia. comecei a entender que eu não estava sozinho em “minha” maneira de pensar (ou Sentir. Lia tudo o que de bom (e de ruim) que me caia nas mãos. vários livros começaram então a me aparecer. espírita. precisei lutar pela minha sobrevivência. é verdade. teosóficas. psicotrônica. Depois disso. Nesse período de minha vida. sem freqüentar escolas ainda. deu-se uma abertura fantástica. Ele. sem poder freqüentar escolas. ou senão para o espiritualismo. nem sempre de grande qualidade e revelação. raros o consideravam um indivíduo sério. menos mal. Meu pai faleceu na Itália em 1943 quando recém eu tinha feito nove anos de idade. para um criticismo sadio. umbandista. eu também me voltei para o Insólito.que trabalhar. 26 . desde cedo ou com treze anos de idade. Naquela época. porém. E por meio desses tomos. psicobioenergética etc. para a magia. Por motivos diversos. mágicas. teosófico. Tal como havia acontecido com muitos homens. fui-me enriquecendo de instruções e informações esotéricas. Na Itália estudei até a terça série elementar ou primária. De fato. de alguma maneira.. Minha mãe era viúva e genitora de sete filhos. por causa dos empregos com horários variados. Intuir). a ter visões. Comecei então a criar coragem.

agora “eu” também era senhor da visão acadêmica das coisas. Entrementes. E. Foi como se se tivesse desencadeado em “mim” grandes tempestades que castigavam minha cabeça e acabaram com meu sossego. de dados transcendentais orientalistas. De algum modo. Dos 20 aos 25 anos de idade. No fundo.espíritas. Desta feita. Mesmo que o enfoque acadêmico e científico-materialista me fosse imposto à força. E assim fui-me desdobrando. fui-me apercebendo que o lado científico das coisas não era tão veraz assim. meu drama íntimo aumentou ainda mais. as coisas mudaram radicalmente. Mas em “mim” algo fazia força para que tal visão espiritual não fosse suplantada e rejeitada. assessorados por mil 27 . até completar o segundo ciclo escolar. Até essa fase. apenas. “as provas materiais externas não gritavam tanto”. gerou-se dentro de mim um profundo conflito intelectual. os pretensos fatos da vida me eram apresentados conforme o9 enfoque científico. não sei e também pouco importa. fui travando conhecimento com toda aquela espiritualidade que na ocasião era permitida e se conhecia.. não poucas vezes (no secundário ou ginásio e científico). não o sentia tão perigoso. e por causa também da pretensa infalibilidade e certeza da ciência. Em todos aqueles anos de preparo prévio para a faculdade. Devido a esse inevitável confronto. ingressei finalmente na Faculdade Federal de Medicina do Estado do Rio Grande do Sul. no fundo. comecei a freqüentar escolas noturnas. Na ocasião. se fundamentava melhor e que tinha mais sentido que as verdades científicas.. ainda confuso e mal acabado.. Após a prestação de dois exames de vestibular. portanto.. pois. Daí em diante. é claro. “eu” já sabia que o lado espiritual da Vida. esse litígio em “mim a favor de “Algo Maior”. Sempre trabalhando durante o dia. mal assimilados. me conflitei com a visão científica das coisas. ao longo de sete anos.. Sim.. não fazia sentido algum. Em suma. pressentia-o superficial. umbandistas (ou espiritismo afro-brasileiro). Por que ou por quem. porém. aqui em Porto Alegre. meu lado espiritual estava sendo trabalhado. até que comecei a estudar na Faculdade de Medicina. ponto de vista esse que tentava se sobressair a todo custo. malgrado as “provas”. “eu” também possuía o lado espiritual das coisas. Mesmo exercendo profissões diversas e comuns.

e tinha um bom conhecimento dos fatos paranormais que lá aconteciam. radiografias. Assim que minha mãe já havia efetuado cinco consultas com gastrenterologista. dizendo: “Mãe. muito provavelmente falecerá em menos de seis meses. na minha “louca intuição ou sexto sentido”. parapsicológicos ou metapsíquicos eram tão verdadeiros e válidos quanto verdadeiras pretendiam ser as comprovações científicas que a Faculdade me apresentava cotidianamente.artimanhas e supostas provas. Um enfoque contrário ao da Ciência. filho dela. em noções rudimentares de magia e orientalismo. “Eu”. No começo do curso de medicina tentei me defender como pude. e tudo o mais. não conseguia mais comer e tinha um forte mau hálito. “eu” sabia que a Ciência não podia ser a senhora da verdade absoluta e tampouco senhora da melhor verdade. “eu” sabia que os fatos mágicos. com exames. “sobejamente manipulados e provados”. disseram-lhe categoricamente e cinco vezes: “Minha senhora. além de curas fantásticas e extraordinárias como a que se deu com minha própria mãe. tu tens um câncer gástrico! Mas se submeter logo a uma cirurgia gástrica e corretiva. delírio. Por exemplo. espíritas. no espiritismo. confirmando-se infelizmente que ela tinha um carcinoma gástrico. “eu” freqüentava ambientes diferentes. Nesse começo acadêmico. charlatanismo. Em face de uma verdade científica nada se podia objetar. respaldando-me no espiritualismo amplo. Antes e depois de entrar para a Faculdade. Só muito mais tarde é que vim a compreender que tais eventos. imaturidade etc. A versão médico-científica da vida que a escola de medicina me oferecia era tão definitiva e radical que não admitia qualquer dúvida e crítica. Agora. poderá ter uma sobrevida de quatro a cinco anos. na parapsicologia. não passavam também de fatos aparentes. para os donos do saber. a senhor não tem câncer algum! Isso não existe! É apenas uma confusão e uma mentira que a ciência. mais de um médico especialista fez o diagnóstico fatal para minha mãe. se a senhora se recusar a efetuar essa cirurgia. digamos de estudos espíritas e parapsicológicos. clamei para ela. infelizmente. quatro anos antes de entrar no curso de medicina. mentiras. sem nada conhecer ainda sobre a medicina clássica. mal 28 . primarismo. não passava de fantasia. E efetivamente ela sentia dores. Com exames repetidos de modo igual. Entrementes.

Ela conseguiu viver mais 24 anos. Nelson: Isso que contaste foi simplesmente fantástico. com muitas dores. psicoterapia.. Na ocasião do diagnóstico fatal. Longe do modo de pensar e de atuar da medicina e de alguns médicos. passes magnéticos de cura.. matando a tua própria mãe!” E como estava dizendo. e até logo!”. solteiros ou casados. se continuasse dando ouvidos a determinado familiar que se dizia “espiritualista” – terrível crime. no caso) – e que insistia em achar que ela não tinha nada. ela conseguiu retornar à quase normalidade. se chamava “wu-wei”. incluindo eu. “Eu” estava presente nessa consulta. com esposas ou esposos. Uma irmã me atirou na cara: “Começas bem a tua futura atividade médica. chãs passes. remédios vegetais. Ainda bem que minha genitora acreditou na “voz maluca” que por meu intermédio se exteriorizava. pior interpreta e trata de modo inadequado!” Claro que na época não me exprimi assim. A natureza dela não agredida soube reverter a situação. fazendo. em língua chinesa e taoista. fugindo da influência médica sobreviveu mais 24 anos. Todos os meus seis irmãos restantes. quando em verdade. Mais tarde fiquei sabendo que esse não-fazer. mas apenas de modo aproximado. contornando a crise. Mas aconteceu mesmo? E. ervas. o problema é meu! Passe bem. na época. a boa espiritualidade. conseguiram suscitar o milagre da sobrevivência por mais 24 anos. ela tinha 60 anos. mas foi um grande feito alcançado pelo nãofazer médico e pelo não-fazer clássico. a vida é minha e eu faço dela o que bem entender! E se só tenho seis meses de sobrevida. Não foi uma coisa fantástica. na quinta consulta. só vindo a falecer aos 84 anos de idade. Mas com ervas. doutor. Só sei dizer que depois dessa decisão. e para minha surpresa.. a “gastrite” dela se agudizou. E isso que mais de um médico lhe haviam prognosticado uma sobrevivência de 6 meses. 29 . homeopatias.. (“eu”. e ela passou por maus bocados. O que falava em “mim” era algo mais forte que “eu”.B: Juro-te que sim. minha mãe e outros indivíduos mais. porque fantástica somente é a Realização ou a Iluminação do Homem. ou não-fazer. doutrinação etc. minha mãe declarou (juro que nada induzi): “Olhe. o médico especialista disse então à minha mãe que. dietas etc. Foi uma fase muito delicada.configura. ao certo ela não sobreviveria além do sexto mês. excomungaram-me.

Nada murmurava. sempre que fosse necessário. Embarcamos o rapaz problema num taxi. ninguém se prontificou. mais o desmaiado. Um impulso íntimo me mandou que eu colocasse dois dedos na fronte dele. em cima da raiz do nariz. sem dar importância. Ou simplesmente completei o curso científico. Melhor. Só que na hora de entrar no taxi para levá-lo a tal hospital. quando me deparei com um jovem de 20 anos duro. o que estranhei muito. o dedo indicador e o médio. As poucas pessoas que passavam olhavam e seguiam em frente. Ou seja. Na noite de 10 de dezembro de 1960. Junto com ele havia outro jovem um pouco mais velho (22 anos) que me pediu ajuda para levar o rapaz num Pronto Socorro. no bairro Bom Fim Nesse ínterim o que estava na frente se revelou amigo e conhecido do desmaiado.Nelson. no semi escuro do carro. Olhando-o. Estava imóvel como um cadáver. Aos poucos se formou um grupo de umas quatro pessoas e todas. Assim que eu sequer havia entrado ainda na Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. não se agitava. Comecei a pressentir algo diferente naquela cabeça e naquele corpo.30 horas da noite e resolvi ir ao centro da cidade. Pedimos para o motorista que fosse para o Pronto Socorro. Portanto. Esta se desenrolou no dia ou a noite em que completei meu segundo ciclo de estudos oficiais. Não gemia. Ficamos só eu e o tal rapaz amigo que desconhecia. eu inclusive resolvemos levar o rapaz para o Pronto Socorro. eu pensei comigo. resolvi encarar o rosto do jovem doente. e fizesse uma vibraçãozinha nessa zona da 30 . encostado na parede e que depois aparentemente desmaiou. Eu fiquei no banco de trás e o outro suposto estranho no banco da frente.Temia que estivesse morto. eu saí do Colégio Estadual Julio de Castilho feliz da vida por ter completado o meu estudo secundário e que os americanos chamam de “high school”. abrindo um parêntese. pareceu-me que sequer estivesse respirando. O taxi estava andando. Eram as 21. Estava extremamente nervoso e ansiado. porque cada um tinha os seus próprios afazeres. que se fazia necessário para poder entrar numa Faculdade de Medicina. deixa que te conte mais uma história da minha condição humana. enquanto isso. Vinha caminhando pela avenida central Salgado Filho de Porto Alegre. pelo menos ele poderá informar os dados necessários do amigo no hospital e depois ficar junto com ele. Era bem apessoado e um rapaz bonito. para ver um filme qualquer em determinado cinema.

uma irmã e alguns outros mais. Nunca ninguém me havia ensinado a agir assim. eu pensava que a família talvez conhecesse aquelas crises e fizesse algo acertado mais do que os médicos do hospital. E quanto mais nos aproximávamos da casa do perturbado. se atirar. o pai. Pegaram o possesso pelas mãos e pelas pernas e o carregaram para dentro de caso. Ele continuou se agitando. não sei porque. O corpo do rapaz se contorcia todo. a mãe. Por fim chegamos à residência do rapaz. parecia que ia quebrar a coluna ou algum osso. faltando um quilômetro para chegar ao Pronto Socorro. O amigo insistiu que o levássemos logo para o hospital.glândula hipófise ou terceiro olho. o até então desmaiado. blasfemando. Naturalmente. O amigo desceu e chamou os familiares. Mas curiosamente. num morro do bairro da Glória. ameaçando. Da casa do perturbado. tirei logo a minha mão da fronte do dito cujo. onde o rapaz morava. gritando. amaldiçoando. só que sua agitação e murmúrios foram crescendo cada vez mais. me recusei. Talvez os familiares tivessem algum ressentimento contra ele. ele tinha impulsos estranhos que o atiravam contra as paredes com toda a força para que se arrebentasse. agradeceu e o mandou embora. “eu vou matar este desgraçado. possuído. quebrar os vidros. Uma voz se manifestava por meio dele gritando. ele ficou no pátio e não quis entrar na casa. Tudo começou lentamente. pois. Disse-me que sim e que inclusive conhecia a família. o nosso jovem possesso continuou se agitando. esse filho da puta!” Isso e outras coisas mais deram a entender perfeitamente 31 . esbravejando. O jovem da frente aproveitou a parada e foi para o banco de trás para segurar o amigo que se agitava cada vez mais. quase um minuto vibrando a mão. Comigo mesmo. saíram correndo familiares. De repente o rapaz começou se agitar e a murmurar coisas desconexas. E perguntei se ele conhecia onde o rapaz morava. Dentro da casa. mais o rapaz se agitava e gritava. agora preocupado. O motorista se assustou e parou o carro. amaldiçoando. se contorcendo. querendo abrir a porta. E então pedimos ao motorista que se desviasse do caminho do Pronto Socorro e seguisse para determinada rua. incorporado pagou o taxista. O motorista. sem que nem o amigo nem o motorista do taxi vissem alguma coisa. Temeu que. Aí eu. O amigo do obsedado. quando a agitação começou. arrebentasse o carro. se contorcendo. Fiquei. exigiu que nós dois no banco de trás segurássemos o suposto possesso pelo demônio. De vez em quando.

30 da noite e foi terminar depois da meia noite. E com essas atitudes enérgicas. velas coloridas etc. E logo a seguir. Ou seja. aliás muito grave. pretos velhos etc. e também possuída. O rapaz que antes tinha sido possuído. porque o rapaz. e. passou a esbravejar ainda mais. além de se agitar e contorcer. quando viu a irmã se agitando e gritando. depois teria acabado fatalmente num hospital psiquiátrico e aqui teria dado começo à sua esquizofrenia quase precoce 32 . o mau espírito. batendo no corpo dela com as tais espadas de são Jorge. sai daqui pois não serves para nada!” Quando os familiares viram que um pretenso espírita (eu) não conseguia dominar a situação. Um pouco antes que a situação se agravasse. com água benta do balde. eles saíram correndo e foram pedir ajuda a pessoas de um centro de Umbanda (espiritismo afro-brasileiro) das proximidades. enfiando pela boca e pelo nariz dela galhos de arruda. Aconteceu então que o rapaz de repente se acalmou. mas uma irmã menor de 14 anos. passou a gritar e a se agitar da mesma maneira que o rapaz vinha fazendo. me deparei com um quadro como esse. ou seja lá o que for. E incorporados com espíritos de índios. Por meio do possuído. e que estava presente. se meteu rir feito um estúpido. igual aos espíritas. quando em verdade tinha sido apenas – apenas esse. galhos de arruda. ainda bem. Por volta da meia noite finalmente tudo se acalmou. começaram energicamente a fazer o ritual deles. até quase sufocar a menina. uma voz estranha me ameaçou e declarou em alta voz: “Estúpido. eu sequer ainda havia entrado na faculdade de Medicina e muito menos era um médico e psiquiatra. três deles vieram fardados de branco. folhas duras próprias da planta “espada de São Jorge”. se tivesse ido para o Pronto Socorro. o exu ou o obsessor se transferiu direto para a irmãzinha. ordenando que o exu ou mau espírito se retirasse. se retirou. De minha parte.que ele estava incorporado por um espírito perverso ou por vários entes espirituais malévolos. Essa atitude de sua parte me pareceu ofensiva e cruel. eu tentei dar passes na cabeça e ao longo do corpo. no entanto. Tudo havia começado por volta das 21. trazendo um balde cheio de água para banho de descarga. Ao contrário. que a psiquiatria teria batizado de esquizofrenia ou surto de psicose aguda com agitação psicomotora. para ver se se acalmava. Tiveram que desobsedá-la à força.

e em consequência acabou perdendo os sentidos. Ser pederasta era uma vergonha. e depois caiu no chão. com seus desvios e pendores atravessados. entrando num desespero agudo. E então. excessos de barulho mental e incriminações ou complexos de culpa qualquer jovem acabava tendo suas incorporações. entre 12 a 18 anos que sofriam de surtos psicóticos agudos e agitações psicomotoras era uma coisa assombrosa.A seguir. 33 . porquanto quem com ela era rotulado. agitações. Os hospitais psiquiátricos e os psiquiatras davam um jeito para que não se curasse mais. mas é algo mais. hipócritas e vigaristas. então se autoagrediu. Se imaginem um relacionamento homossexual em 1960. acabava não tendo mais cura. falsamente puritanos. por causa de certos profissionais em medicina. possessões. e rompido os laços de amizades e intimidade. e que este havia brigado com ele. A liberação das estórias e imagens sexuais. por meio de seu coração e cabeça (ou emoções negativas) se condenava eternamente. Frase burra e infame. como não era difícil e cheio de conflitos íntimos. para os adolescentes de hoje amenizou sobremaneira a situação. Foi assim que eu o encontrei no começo da história. e que a invenção do pecado mortal e pecado sexual são invenções de biblicistas canalhas. por invigilância religiosa. incorporando espíritos de mau caráter. pois esse era um mal químico-neuronal irremediável (mentira e burrice total)! A causa da esquizofrenia precoce ou juvenil sempre foram as confusões mal pensadas ao redor do sexo. sentimentos de culpa. Ou seja. E aí. Os psiquiatras oficiais rotulavam isso com a frase de “esquizofrenia precoce ou juvenil”. onde. eles hoje constatam mais facilmente que praticar o sexo não é só uma questão de fazê-lo tipo papai-mamãe. via cinema e televisão. ficando imóvel junto à parede. a quantidade de jovens (eles e elas). confusões mentais etc. eu ficando sozinho com o rapaz – o amigo dele já havia se retirado há muito tempo – ele me confessou era apaixonado pelo amigo. no ato de se masturbar. quis agredir o amigo e não pôde. Provavelmente alguns familiares descobriram esse relacionamento e exigiram a interrupção imediata do caso amoroso diferente. Quem se surpreendesse ou desconfiasse que era homossexual. antes do advento da televisão e da facilidade de freqüentar cinemas. uma afronta familiar. Essa ruptura amoroso-afetiva lhe havia sido comunicada em plena Avenida Salgado Filho. Aliás. desesperos. E a coisa resultou no que resultou.

E. acabei entrando num verdadeiro beco sem saída. comecei a ter minhas primeiras experiências psiquiátricas ou antipsiquiátricas. e agora como estudante de medicina. biofísica. e isso após quase dois anos de revisão. e me propus efetuar uma revisão radical nas matérias básicas do currículo médico (isto é. eu achava que o que havia aprendido na teoria não podia corresponder à última das verdades e tampouco podia desencadear uma conduta realmente curativa e modificadora.B: Certo. para melhor. E o que foi que fiz? No quarto ano do curso de medicina. nem o aspecto materialenergético da medicina. estava aplicando um criticismo sadio e extremado contra os pilares essenciais da medicina. microbiologia. acabei caindo num oceano infinito de mentiras e acomodações. no entanto. 34 .Com essa ocorrência inesperada que acabei de narrar. Nesse impasse e terrível dilema. tive que me conformar por completo com aquela visão limitadora. foi a visão espiritualista das coisas. patologia geral. pobre ser humano sofrido. E isso aconteceu quando entrei em contato com os doentes nos hospitais. Muitos anos depois. A favor de tal “espiritualidade” e também em busca do REAL. Mas chegou um momento em que não deu mais para agüentar. E. tanto revisei. uma revisão na embriologia. Por causa dessa. Isso constituía uma espécie de treino e amadurecimento do aluno. tanto busquei. parasitologia etc. histologia. tipo “koan” do Zenbudismo. em busca da VERDADE. Mas voltemos ao que estavas dizendo antes do parêntese. na anatomia. bioquímica.. Nelson: simplesmente notável esse teu parêntese. simplesmente desisti de fazer ou completar a quarta série de medicina. farmácia. Em minha revisão crítica. nem o suposto aspecto espiritual se sustentavam mais. sofrendo. citologia... sufocante e dolorosa que a Medicina clássica me apresentava. anatomia patológica.. O que me impeliu a questionar as verdades científicas. tanto cavouquei que. tudo aquilo que já havia aprendido e ainda estava aprendendo de modo teórico na faculdade. passando a aplicar em cima dele. acredito “eu”. Foi aqui que saltou fora minha primeira e grave crise existencial. e acho que essa revisão auto-imposta não era só vaidade minha! Sem o saber. Senti pena pelo ser humano. todo estudante entra em contato direto com o paciente. que “eu” julgava conformar-se melhor com o espiritualismo vigente.

centelha. A “porca lógica-razão”. “eu” já não sabia quem era. em minha revisão. a Verdade se encontrava no meio termo. o esoterismo. com aquela aberração energético-material – células e bioquimismo celular. Superpondo-se a essa Verdade ou Vivência. A Verdade não estava nem em “A” nem em “B”. lutando contra uma farsa chamada materialismo. Compreendi que o ser vivo não era nem corpo anatômico-fisiológico. e não o pensador EB! Vês? Todo Homem é exatamente isso!. Agora Via e Sentia a Vida harmonicamente feita ondas. embora na ocasião não conhecesse nem Zenbudismo nem Budismo. essa foi a impressão – “Isso és Tu. de cima para baixo e vice-versa.. Sucedeu-me algo igual ao que provavelmente acontece com os grandes Mestres. surpreendi com clareza um farsante chamado Ernesto Bono.. que a medicina apresentava. e que a teosofia. somente – que certos homens puramente racionais haviam montado. a fundo. Depois de tal fulguração. “eu” propendia para a espiritualidade dualista – deu-se em “mim”. nítida e claramente.. Senti inclusive uma voz que dizia: – ou pelo menos. de repente. subindo e descendo. E a síntese hegeliana que aí poderia caber era outra mentira do intelecto. o grande filósofo espanhol. feita uma máscara intrometida (ou ego-persona). nem era uma alma ou entidade espiritual emprestada e à parte. necessariamente. Lucidez e Sensibilidade.Resolvi então que não voltaria a estudar mais. sem que houvesse certo “alguém” vendo. nunca se manifestando do mesmo modo.. Quando isso “me” aconteceu. Ignorando os dois extremos. Pretendias lutar contra o 35 . como Buda sempre ensinou. era só Inteligência. porque já não podia continuar compactuando com aquela falta de visão. o espiritismo e as correntes cristãs preconizam por aí. uma espécie fulguração. “ondas” mudando e nunca se repetindo idênticas. E quando tudo estava aparentemente perdido e “eu” derrotado – pois no começo. pesquisando. Hoje sei que isso foi um quase “Satori” (ou Iluminação). como dizia Unamuno. Agora “EU” era só Vida. Agora o ego em “mim” havia se sumido. que o “beco sem saída” traduzia exatamente meu capcioso intelectualismo dualista. agora certa não era a tese “A” nem a antítese “B”. estava virando pó em meu íntimo. luta essa que favorecia outra farsa chamada espiritualismo dualista (ou confusão). de explosão interior que me abalou por completo. então. Vi. já sem “meu ser” EB.

B: Foi o momento mais sensacional da minha vida. naquele Instante. totalmente original. vi-me forçado a usar a memória outra vez. pois ficou ressoando e inaugurou em “mim” outra maneira de ser. vazio que me deslocava por sobre de outro vazio. Depois fui tomado por uma sensação de leveza. antepondo-lhe o demônio ou o pretenso anjo do espiritualismo. depois. “EU” era um Oceano. Só que agora me sentia solto. Nelson: Foi esse um momento único e passageiro ou conseguiu persistir feito tempo? E. quando chegasse a minha vez de agir. livre. “EU” era um vazio cheio de sentimentos. leve. E visto que nada podia fazer contra eles. inteligência e sensações plenas. és este TODO-EU. com empáfia e um orgulho descabido. modifiquei-me por completo e passei a me pautar por essa Vivência. e que em verdade era anormal. duas marionetes manipuladas por esse teu egozinho (Ernesto) que te caracteriza. Compreende AGORA que ambos não passam de dois títeres. Parecia estar flutuando no ar. EB não era mais EB. pacífico. lucidez. pelo menos – só mentiam e proferiam sandices. para.. Sabia com clareza que alguns professores à minha frente – cuidado só alguns. de bem-estar. AGORA. ou como a Vida me permitisse. e o mundo não era mais o mundo geográficoastronômico. ou o pretenso chão. Depois daquela Vivência. De repente. no mínimo decorar aquele monte de descrições e depois vomitá-las na hora do exame. de acordo com aquela Vivência que tive e que continuaria tendo outras vezes mais.. cheio de surpresas e belezas insuspeitas. As velhas influências da espiritualidade dualista já nada mais me diziam. um pouquinho só. foi único até certo ponto. Não via mais o mundo dentro dos velhos moldes e esquemas. Mudei radicalmente. e para voltar a sentir o chão sob os meus pés. percebi que as lágrimas rolavam de alegria. Sabia e Sentia tudo de antemão e não precisava conhecer mais nada. um Fluxo de belezas. De qualquer modo. e que TU não és. Porque TU (ou “EU”) és esta outra parte. Levei um bom tempo para caminhar como antes fazia. AGORA.” Ao voltar à pretensa normalidade. sempre fluindo. tudo desmoronou! Naquele dia.demônio do materialismo. 36 . eu agiria como bem me aprouvesse. para completar o currículo. Tanto é verdade que acabei voltando ao curso de medicina.

se me traduziu como sendo um tremendo empecilho. Geralmente esses indivíduos estudam muito e só depois é que passam a ter certo interesse pelo espiritualismo em geral. e que você também demonstra ter ao longo de seus livros. Deus Vivo). O conteúdo desse espiritualismo dualista. sem a carga da cultura acumulada que vem com a 37 . por causa do sua progressão nas escolas. Esse “Satori” ou seja lá o que for.. posteriormente. um ladrão e salteador e deturpador das Verdades Maiores. Naquele momento. E. E. Hoje sei que não se pode tirar qualquer conclusão definitiva. todos esses seres foram verdadeiros luminares da história e do mundo. só depois de ter tido todos esses vislumbres. Nelson: É interessante notar que você seguiu um caminho diferente daquele que se costuma associar às pessoas com farta erudição. “escreveu certo com linhas tortas”. infelizmente.do espaço. começou com um espiritualismo capenga. mas sempre no sentido de me propiciar um reforço e de me imprimir uma força estranha e benéfica.O fruto daquela experiência não acabou aí. Como bem sabes. já não era mais um auxiliar da vida. mas comparada com outras experiências que tive e tenho tido. Sentidas e Sabidas. Você ao contrário. no “meu” caso. Laotsé. se repetiu em outras ocasiões. aquilo até que foi banal! Foi só depois disso que “eu”. e por culpa de suas complacências. Quero crer que o Senhor da Vida (“EU SOU”. Ele. mas conduziu-me a conclusões erradas. E nada tinha a ver com a verdadeira Espiritualidade Não-Dual da Vivência Perfeita. é que fui encontrar confirmações iguais nos ensinos de Krishna. percebi que os seres humanos são o que são por culpa do ego-pensamento neles mesmos. mas sim um intrometido e acrescentador de faz-de-conta. de Buda. para “mim”. interessante. Primeiro virou autodidata e depois se tornou acadêmico.. para depois se transferir para a aquisição da erudição escolar e acadêmica.B: “Meu” interesse pela espiritualidade era uma atitude certa. Cristo etc. tal vivência foi poderosíssima. e que romperam com as barreiras do tempo. Exemplo disso é o famoso Aldous Huxley. Foi aí que eu descobrir a potência negativa do “cogito”. como você mesmo diz. da memória e imaginação. Nelson: O que importa é que você conseguiu assimilar tal espiritualismo.

Ainda mais que ela era totalmente espírita cardecista. sem se sentir como um ente especial. se não me intrometesse e se deixasse tudo 38 . trabalhando. Graças àquela Vivência anterior de que falei. se sentires que podes agir de modo diferente. e que como os outros. sempre soube que não se podia impor nada daquilo que havia Vivenciado. só sei dizer que essa “espiritualidade capenga” da primeira fase de “minha vida” incrementou a inconformidade que me assaltava. Não te exaltes nem te auto-promovas. a impressão e convicção de que ainda eu era EB havia inclusive decaído muito.B: Acomodando-me! Minha companheira se deu conta de “minha” modificação e não gostou. em seus aspectos básicos. apenas. que podes ajudar. E. não a cantava. era como se fizesse parte de um grande coro. naturalmente. Tal falso holismo. talvez. a meu entender. Nelson: O que representou essa modificação da tua vida. o que faz sentido. “eu” tinha que viver como cidadão comum. Por conseguinte. passei a constatar. cura.B: Escolhido por “mim” ou não. abria a boca. não te orgulhes da tua suposta Iluminação! – acrescento “suposta” para não me auto-intitular Iluminado. no caso. você ao trabalhar.B: Como um instrumento. no que diz respeito ao relacionamento com as pessoas. está servindo como. Desde o começo. não o sendo. sem sê-lo. depois jamais teria me proposto fazer a revisão da ciência oficial e da medicina. age. transforma! Mas tudo deve ser feito como se o não estivesse fazendo. Eu nada expliquei a ela porque não ia entender. com os teus colegas de trabalho? Como você se acomodou ao “CHOQUE” dessa nova visão? E. Portanto. só nas aparências.. E.. movia os lábios.. E mais. Nem te julgues diferente. que. Não tivesse sido esse espiritualismo.. me parece importante. Não te coloques nas alturas!” Nelson: Isso que você disse a respeito de trabalhar. “Meu” desempenho. Só és diferente em teu Coração e não por aquilo que poderias ostentar externamente. cantava a mesma canção. digamos. sê como os demais. Mas na verdade. é um casamento maldito que só dificulta o processo do Despertar. algo em “mim” me sugeria: “Olha.formação acadêmica. ajuda. Depois de tal Vivência. quando fatores e circunstâncias te trouxerem seres que precisem de ti. modifica. Na verdade. Quando a Vida permitir e favorecer. revisão que praticamente abriu o caminho para a eclosão de uma Verdade Maior.

E eles deveriam saber disso. e o mundo material. Saber. E posto que me formei em medicina. E se se permitir em me acompanhar. sempre que de “mim” se aproxima alguém que quer ouvir coisas diferentes. Muito amiúde os indivíduos têm se curado. O que torna a cura possível é o perfeito entrosamento empático médico-paciente.B: Vai além da influência meramente psicológica. individual. Nelson: E o efeito aí é puramente psicológico.. não existe o remédio material ou a matéria salvadora e terapêutica. que é um modo de agir totalmente “meu”.. até mesmo como um placebo. “eu” então busco contar a ele tudo o que se pode contar. de leucemias. porém. como os pretensos tipos de câncer. mesmo assim. porque. de outro ritual qualquer. Na medida do possível. No final. Isto é. sabendo de antemão que essa missa não cura ninguém. Nisso tudo.. que tem dúvidas sadias. que tem anelos sinceros. Ele só age como uma presença catalisadora. Quando sinto que o paciente está verdadeiramente necessitado. surpreendendo até meu novo Ser. digamos. há apenas um Fazer. poderosíssimos.fluir. a AIDS etc. Sei bem que o comprimido em si não cura coisa alguma. um certo tempero. levo-o até o ponto aonde eu fui. E.) 39 . pelo não corriqueiro. no fundo. sem que ele se aperceba disso. A propósito de doentes. lá. recitar missa. em termos absolutos. por conta própria. como também na existe. vão achar que se curaram só porque ingeriram determinados comprimidos. não cotidiano. no fundo. evito atuar como um médico absolutamente acadêmico. o Especial ambos brotariam por si mesmos. era não mais compactuar com aquela velha imagem do ego-Ernesto-persona aqui. a doença material em si. (= SER e que são ESPÍRITO em tudo e por tudo. acrescentando. porque nunca impingi a eles “minhas” realizações e vivências. Tanto é verdade que nunca me conflitei com meus colegas de medicina. em que o médico está aberto para dar (Vitalidade) e o paciente está apto para receber. Por outro lado. recito outra missa. atuo então de modo diferente. o Insólito. porém. ou já que aprendi a arte de. e que mesmo assim não deixo transparecer.. AGORA. reversível ou irreversível. e tudo o que a ele convenha. Sentir. A questão. “eu” sempre faço exatamente o que eles querem. pratico outro ritual. Compreender e comungar. “eu recito a missa como o paciente quer. e é humilde e aberto para coisas novas e diferentes.

para o médium escrever. que acompanha esse comportamento. essa é uma explicação racional que os espíritas cardecistas oferecem. Assim que. os meus colegas também praticam uma medicina só mágica. quando acredita estar ingerindo alguma coisa. O agir natural da maioria é que ajuda e não o conhecimento extremamente técnico-científico. ponho em prática uma medicina mágica. E quanto mais insistem nessa pretensão. Só há uma convergência de causas e condições não materiais. Em segundo plano. Em verdade o pensamento vale pouca coisa. a assim mal chamada psicografia é fruto do despertar da “Kundalini” ou do Espírito Santo – e que é uma Vitalidade importantíssima que todo homem a tem 40 . Aliás. você me contou certa vez que você é levado a escrever. Muito amiúde. não tendo o placebo propriedades inerentes e terapêuticas para tal. É por meio da assim chamada presença do comprimido material – em verdade só SENTIR. mais atrapalha do que ajuda. um residente do além toma conta da mente e do braço do médium. nem placebo. digamos mágico. FAZER e INTUIR – que “eu” pratico minha magia. vamos dizer.Efeito psicológico quer dizer que a mente material (ou o cérebro). Em última instância. tanto que. E tampouco há um cérebro que se auto-ilude. e muito menos um remédio eficaz.B: Tenho certeza que não. levando-o a escrever automática e inconscientemente. quando me é permitido. mais estragos eles fazem e mais prejudiciais se tornam. quando alguém se me apresenta. sempre coloca um aconselhamento sábio. finalmente. Foi só depois daquela vivência de que falei em páginas precedentes é que pude constatar que a psicografia. e que no fundo. pensando. já sei. convence pouco e está saturada de falhas. e que permite a que o paciente se beneficie de algum modo. Isso não teria nada a ver com “canalização”. mais ou menos. praticando ele também o ato transmutador da cura. Há permutações puramente espirituais. não era tão simples assim como os espíritas alegam Ademais. mas eles acham e juram que ela é só lógica. nem sempre é preciso que haja um desencarnado por perto. Nelson: A respeito dos teus livros. de certo modo. com escrita mediúnica ou psicografia? E. se convence de que o placebo irá curá-lo. Isso de dizer que um espírito desencarnado. que tipo de problema ele tem. por isso falei do entrosamento médico-paciente. o que me leva a bem atuar é a Intuição apuradíssima.

sim. haja algo ou alguém mim que me impele de modo mais ordenado. É como se dissesse: Precisas escrever algo assim. 41 . que sabe. tudo dessa Consciência Primordial. gerou até mesmo coisas de pouco valor. há sim espíritos e ETs do além que influenciam – e muito menos esquematizações e determinações prévias. E o que me moveu a escrever foi minha própria inconformidade e uma profunda piedade pelo sofrimento humano. dessa ConsciênciaEU ou Mente Pura tudo aflora e tudo a essa Consciência-EU retorna... já havia escrito muita coisa. Ao certo rasgarei porque não são boas para uma publicação. mas vai muito além daquilo que eles explicam ou é dito a respeito.. A suposta voz então retruca: “Vai FAZENDO que o FAZER se fará por si mesmo!” E dito feito. Antes. Quando me impus a revisar e criticar as bases da medicina e ciência. porém. como dizem os budistas mahayanas. finalmente. o impulso que me empurra. sobre isto ou sobre aquilo!” No começo nunca sei o que vou fazer. talvez. mas não com a fluência e criatividade que agora tenho. este sofrimento. se me traduz como se estivesse trabalhando com uma equipe de seres ultra sábios superlúcidos. No meu caso.. faz aflorar o gênio. e. E tal rebeldia plasmou-se “ao Deus dará”. Hoje. suscitando psicografias. agita as águas do Lago Mental ou da Consciência-Depósito (Inconsciente verdadeiro ou “Alayavigñana”. Comigo deve ter-se dado um quase despertar da “Kundalini”. Nelson: A tua garra em escrever veio junto com o que chamaste “Satori” E. a criação científica e artística . Mas hoje sei que não é. não me sentia ainda um escritor. de repente. e que me orientam e me dirigem sem ter nada a ver com espíritos desencarnados. É um fato verdadeiro.adormecida em seu íntimo. o estilo e até mesmo o espírito de pessoas que aparentemente desencarnaram ou se sumiram (em verdade se transferiram). a arte. Amigo. “eu” também pensava que a psicografia era exatamente aquilo que os espíritas alegam. Digamos duas mil e tantas páginas de puro revisionismo científico e críticas contra a medicina que não sei o que fazer com elas. também era e é meu. e tampouco qualquer “chips” e programação anômala. em seu vórtice interior (chakra muladhara) e que a ciência médica insiste em ignorar e desconhecer – Vitalidade que. acho que não houve qualquer ente desencarnado que me influenciou – no caso dos médiuns de incorporação. ao subir.B: Creio que sim. Antes do “meu abalo vital”.

Essa capacidade de entender o quase indecifrável e adaptar ao nosso tempo qualquer trecho antigo e consagrado é exatamente aquilo que caracteriza essa pretensa influência alheia em “mim”. onde mais se sugere e se contraria do que se declara ou se afirma. tipo aforismo. São exposições enigmáticas. escrito a partir da filosofia de Nagarjuna (grande Mestre e Filósofo budista do II século d. Entrementes. Agora. De qualquer modo.B: Todas as dificuldades do mundo. Só depois de tanto insistir é que a decifração dos aforismos de Nagarjuna me saiu quase espontânea. E não foi só decifrar. Como apóio. tampouco alguém toma conta de mim e da minha mão. levei mais de vinte anos para montar “Parar este Falso Mundo” de tão difícil que foi. É ela a que me permite escrever sobre qualquer tema filosófico e religioso antigos. não tinha a mínima idéia do que ia escrever. “eu” estava decifrando trecho por trecho e. finalmente. praticamente ininteligíveis e até mesmo intragáveis para o gosto do raciocínio ocidental. problema já não era só aclarar aqueles “sutras” (ou versículos) incompreensíveis. ou o que estava escrevendo. aquele. Mas “eu” sabia que neles se escondia uma sabedoria fantástica. também de difícil entendimento.E por favor. como se estivesse vivendo naquele tempo. Meu último livro: “Parar Este Falso Mundo”. . não confundas meu modo de escrever com escrita mediúnica.).C. que são quase indecifráveis. Tanto é verdade que escrevo quando quero e paro de escrever também quando quero. quando o comecei. Só tinha em mãos aqueles aforismos do mestre budista. porque não ouço vozes. e quantos impedimentos subjetivos se intrometeram. consegui armar mais um livro. além desses extratos sobre Nagarjuna. impedindo que seguisse escrevendo e acabasse com a obra. no momento. Nelson: Em teu trabalho sobre Nagarjuna se te apresentou alguma dificuldade em aclarar aquele raciocínio dele extremamente complexo? E.. Tanto é verdade que levei mais de 20 anos para arrematar e conseguir finalmente exprimir em meus próprios termos aquilo que era uma linguagem de 1850 anos atrás. e assim por diante. como inclusive interpretar . à minha revelia. Minha 42 . Os Sutra budistas e de Negarjuna não são raciocínios. Aliás. o impulso sugeria-me: “Agora pega este trecho e o desdobra e desenvolve. “eu” só possuía alguns ensinos budistas esparso.” De repente.

como também consegui dar um começo. a manipulação dos versículos foi vergonhosa e impressionante. sendo tão reverenciado e tão idolatrado. III.C. pode manter-se notável e contundente só em certas passagens? Malgrado todas as contradições que a mensagem total apresenta. não somente consegui aclarar tópico por tópico. II. Para montar um livro. me enriqueci com uma visão abrangente.fiz um estudo e um aprofundamento de todas as doutrinas religiosas e místico-filosóficas do mundo e. sobrevivendo até os dias de hoje.preocupação maior era fazer o quê com as passagens decifradas! Meu dilema era colocar “isto” e mais “isto” numa sequência certa. graças a isso. tendo passado por tantas vicissitudes e tendo sido manipulada por mais de 500 anos. Engatar um tema com o outro. Não sei se sabes. seguidamente me perguntava: “Mas como é que Jesus Cristo. mas sim ter uma visão global. misturadas com mentiras 43 . No Evangelho atribuído a João ou Quarto Evangelho. O mesmo me aconteceu quando montei os livros sobre a mensagem de Jesus. embora fossem primariamente contraditórios. Nelson: Como foi que você chegou a se aperceber de que as palavras de Jesus haviam sido manipuladas? Você fez alguma pesquisa? E. nem meio nem fim. vindo a constituir a Primeira Carta Evangélica de João que ele nunca escreveu. Parte das palavras de Jesus desse Quarto Evangelho foram deturpadas e transferidas adiante. bem melhor do que qualquer teólogo e exegeta de Antigo e Novo Testamentos. meio e fim àquilo que. como é que a Boa Nova de Cristo sobreviveu? O motivo era que os Evangelhos. De certo modo. não tinha nem começo. É uma pouca vergonha surpreender o que os antigos escribas judeu-cristãos do I. fizeram com as palavras de Jesus. Quando chegou a ocasião de apreciar os Evangelhos e meditar em cima. a partir dos Evangelhos – única fonte de informação de que dispomos – é em si tão contraditório? E como a mensagem dele. para que o livro não fique caótico. mesmo assim. e que é o mais rico em exposições doutrinárias. não basta só decifrar trechos. havia neles grandes verdades.B: Antes de mergulhar no Cristianismo propriamente dito. mas os Quatro Evangelhos oficiais são uma verdadeira colcha de retalhos. Juntaram os ensinos do Mestre ao léu ou como lhes convinha. IV e V séculos d. Dar continuidade. aparentemente. misturando com passagens esdrúxulas de autoria deles mesmos e montaram uma história que acabou sendo muito conveniente a ele e à organização que eles estavam criando e montando: a Santa Madre.

e que julguei verazes e importantes. digamos. e isso poderá aparecer num livro à parte. agora de modo correto. Muito provavelmente. Paulo etc. reconstruir passagens inteiras dos Evangelhos. o Cristo. eu responderia que. o pretenso evangelista. essa tal de primeira carta encerra apenas partes expurgadas do Quarto Evangelho. Como se não bastasse. E a Primeira Carta Evangélica de João aos condiscípulos nunca foi uma carta. e o Jesus particular e mais veraz que “eu” havia salvado da salada russa chamada Novo Testamento. finalmente. exclusivamente para mim e para meus filhos. Desse modo. Seu autor anônimo. simplesmente coloquei no lugar certo o Jesus que era Jesus mesmo. montei uma espécie de evangelho particular. A parte expurgada acabou virando a tal “Primeira Carta”. como aquela “tu és Pedro e sobre esta pedra construirás a minha igreja”. O Jesus oficial do Novo Testamento canonizado. João escreveu aos demais apóstolos e cristãos de seu tempo. A parte evangélica que expurguei e que atribui a manipulações de escribas cristãos chamei de “O Anticristo”. Assim aconteceu porque os escribas desonestos não quiseram que o 44 . pois. portanto. como costumam fazer os intelectuais com relação ao Novo Testamento e à Bíblia. Por exemplo. não pratiquei uma exegese. pois. Graças a esse impulso. então. isto se algum diabo existisse. havia dois Jesus. Se um dia eles me perguntassem quem tinha sido Jesus e o que havia ensinado. Tiago.Só depois disso. porém. mas sim fui movido por uma necessidade estranha de devolver a Cristo o que era de Cristo e ao diabo-organizado o que era do diabo. começou a fazer algum sentido para mim. Com meu remanejamento posterior. fui encontrar trechos inteiros proferidos por Jesus na boca e escritos de terceiros. Diante disso. nem a Primeira Carta de João nem o próprio Quarto Evangelho foram escritos por João. primeiramente forcei-me em fazer uma seleção de versículos. Só fazendo essa “pesca de coisas boas” é que me dei conta de tais manipulações graves. Nunca me passou pela cabeça de fundar outra seita cristã só por causa daquilo que estava fazendo. Ao lê-la você juraria que é algo que.editoriais muito maiores. muitas partes das Epístolas de Paulo não foram escritas por ele. A partir disso. conforme essa seleção que havia feito. como os de João. assim acredito. Em verdade. após a morte de Jesus. (talvez o grego ou helenista Estevão) fez um trabalho único que acabou sendo desmembrado. contudo.

” Nelson: Mas isso aproxima o teu cristianismo do budismo!?. e inclusive na mensagem de Cristo. Jesus chamou o ego de “pecado”. não é digno de mim!” Só que esse “mim” significa “EU SOU” OU O Absoluto em Cristo e no Homem Verdadeiro. . ou se se pratica a boa religião e a meditação? Que recompensa é essa que aguarda o espírito do homem? 45 . Qual a importância dessa tua denúncia. não entrareis no Reino de Deus.isto é. dizendo: “Em verdade vos digo que se não vos fizerdes simples como os meninos. E recomendava que seus discípulos praticassem a Justiça. Apenas nos dava a entender que “se prevalecer um ego “eu” em ti. Três jóias do bom funcionamento mental. E o curioso é que Cristo não condenava diretamente o ego das pessoas. Em outra ocasião. se na boca de Jesus tivessem permanecido.. após o desencarne. E.leitor soubesse que quem verdadeiramente havia proferido tais dizeres havia sido o Cristo e não João. isto se se for bonzinho em vida. foi colocar de volta e inserir essa “Primeira Carta no próprio Quarto Evangelho. ladrão e salteador. O que “eu” fiz. Dizia Ele: “Se a vossa Justiça não exceder a dos escribas e fariseus. Nirvana. e que.” Outra: “Todo aquele que amar seu pai e sua mãe mais do que a mim. Tentaram anular o impacto que tais palavras haveriam de causar. verdadeiramente. Curioso. estarás em pecado”. se livrassem desse ego-adversário. reconstruí os magníficos discursos que Jesus proferiu..B: Cristo queria que seus seguidores e discípulos se igualassem a Ele.B: Até certo ponto sim. E não são poucas as passagens em que Jesus se identifica por completo com os outros grandes Mestres! Nelson: Tirando de cima todo o folclore que se criou nessa identidade de mensagens.. o que significa para você coisas como o Reino de Deus. como se esses fossem lugares para onde se vai. finalmente. que a doutrina posterior da Igreja encobriu totalmente.. JUSTIÇA na boca do Mestre significava apenas Reta Sabedoria. no Quarto Evangelhos tais discursos se apresentavam truncados e confusos. Reto Entendimento e Reta Percepção. E. inocentes como as crianças – não entrareis no Reino de Deus. Nelson: A denúncia que fazes contra o ego é uma característica comum em todos os teus livros. Isto é. sem a inclusão dessa primeira carta. Jesus condenou o ego. Graças a isso.. Tao etc.

“EU SOU”. Onde não vinga o pensamento infernal ou o discurso interior. por sua vez. lá. E este “EU-REAL” (ou SER). violento. se poderia dizer que cabem todas as coisas. um “durante” e um “depois”. Em suma. Em última instância. da decadência e da morte. Não se pode dizer que seja Eterno. ladrão. UM esse que é Todos. Retorno. A Consciência-EU reconquista então sua condição Primeva e Absoluta. Reino de Deus ou até mesmo Nirvana. Essa é uma condição onde não vinga um “antes”. a extinção de todos aqueles acréscimos desnecessários que fazem do ser humano um ser sofrido. Há sim um espaço que não é espaço físico. tempo esse recriado pelo ego. se confunde com o Estado Absoluto. nem que seja Instantâneo. pois. São apenas isto: a superação das limitações que o pensamento racional inventa. por sua vez. Nirvana é a mesma coisa que Satori. Satori é a mesma coisa que “Nirvikalpasamadhi”. suas certezas e incertezas. onde não prevalece o separatismo. um AGORA a respeito do qual não se pode dizer e nada se deve pensar. este. um ser mesquinho. ou talvez mesmo não caiba absolutamente nada. Digamos. Todos esses que são Não-Dualidade.E. mas o que significam todos esses sinônimos? Apenas isto: Transmutação da Consciência humanizada em Consciência Absoluta. com suas especulações. Tao etc. vingando o Satori. tipo Reino de Deus. da falsa vida. carente. Brahmán é o mesmo que TAO. suas comparações. Há. Alá. É a reconquista de uma Condição Absoluta que pertence a todos ou pertence a UM só. já não haverá mais ego. mas apenas AQUI. Satori. É um Estado em que não prevalece o tempo contínuo (pelo menos. suas dúvidas. a eliminação da dor. Paraíso. nem prevalecerão as forjações e as reconstruções dele próprio. Jardim de Alá. maldoso. onde. é a mesma coisa que Brahmán. transmutação da mente-ego comum em Mente Pura. o assim mal chamado tempo físico). 46 . a dualidade das coisas. voraz. Hiperbórea etc. fazendo força com o pensamento enganador. homicida etc. a multiplicidade. Terra Prometida. só sei dizer que todas elas dizem a mesma coisa. ganancioso. nem se levantarão as enjambrações egotistas e egóicas que tanto caracterizam o vir-a-ser do homem comum. e muito menos que seja o próprio nada.B: Por ter mergulhado fundo em todas as religiões do mundo. e também em face ao que Vivenciei. tipo pessoa pensante aqui e coisa pensada. Éden.

construção do edifício científico? Nelson: Exato. a Ciência Moderna. isso que chamas de egopensamento é que denuncias como sendo o grande vilão da tragicomédia humana contribui para construir o edifício da ciência e da medicina. ninguém jamais levou em consideração as trapaças da mente degradada e personificada do homem. Nossos 47 . com seu equacionamento matemático do resultado alcançado e com a prova definitiva. Galileu. Este método corroborava ou até mesmo provava aquilo que se havia suspeitado. da Física relativista. graças principalmente ao método experimental que todos eles haviam adotado.Em resumo. pois.B: Antes de discorrer sobre a Medicina. da Biologia. Ele era apenas uma faceta moderna da milenar “Lei da Geração Condicionada. Só que nenhum deles desconfiou de que o próprio Método Experimental estava forjando tudo. Todos esses sempre acreditaram piamente que se abandonassem o enfoque medieval e tradicional das coisas. não levariam o homem a se enganar de novo. já que a Medicina Moderna e Oficial e herdeira do pensamento científico e de sua calamitosa conduta. a inventar estórias insensatas e a mentir. Nomes como Copérnico. no campo da Astronomia e da Física. com sua pretensa observação impessoal do fenômeno. com sua hipótese.B: .. O que é que você tem a dizer sobre o ego. enquanto vilão na. diziam eles. se enganaram profundamente. se havia suposto. Kepler.. iriam abrir novas fronteiras para o conhecimento. Sabes muito bem que a Ciência Moderna surgiu graças a seus precursores eméritos. portanto. nisso tudo. além dos que trabalharam no campo da Química. Estariam dando também um empurrão gigantesco à nova ciência. E esta Mente ou Consciência e Deus se confundem e o Homem Livre (ou Deus Vivo) também. Descartes. desta feita. Nelson: Acho que agora poderíamos entrar no campo da Ciência em si e da Medicina. AQUI é um Vazio-Pleno não extensível. Mente Pura. Sim. que é onde a tua denúncia tem uma veemência maior. Eles. a extrojetar fantasmagorias e a concretizá-las. E. Inventou-se. Até que ponto. com sua experimentação laboratorial. bom seria se começássemos pela Ciência. quântico-ondulatória. esquematizado. Física eletromagnética escalar etc. contudo e infelizmente. da Física moderna. ou Consciência Pura. Newton... aparentemente tão impecáveis e portentosos? E. Todas essas famigeradas ferramentas.

Muito menos se levou em consideração o que vinha a ser essa capacidade de pensar logicamente e de atuar em consequência. Claro que há bons cientistas que escapam desta última colocação. sim. como o próprio e pretenso cérebro fisiológico virou. Afinal. frente a frente. Em primeiro lugar e em verdade. Reto Perceber e Compreender não tem nada a ver com o mero cogitar cartesiano. Em segundo lugar. Convém não esquecer que a mente em si é um pretenso analisador subjetivo que. perceber? Sou mesmo um pretenso cérebro desconhecido. pode o pensamento pensar a Verdade e depois percebê-la tal e qual. e muito menos testemunha alguma coisa diante dele. conscientizar. e que consegue provar ou não provar o que penso e digo? Deverá a AÇÃO em “mim” depender forçosamente das determinações do ego-pensamento? Ou quem sabe se a Ação não eclode de outro modo. “eu” (ego) sou uma mente ladina que se esconde atrás de um falso cérebro orgânico-material e objetivado. Em terceiro lugar.sentidos ou meios do conhecimento mal observam todos esses fenômenos ditos científicos. eu posso efetuar experiências. Intuir e bem Entender nunca é só pensar racionalmente. sempre e exatamente como mandava o pensamento e as normas científicas. Sim. ou se autoconhece e se Transmuta em Vida e Saber Puro. e que são sempre engendrados e depois reconhecidos e por último corroborados. por ser ele verdadeiro e confiável? Ou o pensamento só forja mentiras e aparências. Só utilizaram o ladrão e salteador (ou o pensamento). que só revela farrapos de verdades? Tudo o que pode ser transformado em objeto de análise. já que o Reto Perceber ou o Ver Correto também é Reto Entender. por isso mesmo. isso é sempre uma mentira dependente e não revela verdade alguma. que ato é esse que em “mim” se exterioriza e se manifesta de modo intencional. Mas antes de tudo. Discernir. quem sou eu? O que é isso que em mim pensa? Quem é esse (ego) que em “mim” diz conhecer. porque a Mente Verdadeira sempre escapa de qualquer especulação e tradução científica da vida. se só penso e conscientizo. como acontece com certos Sábios de Verdade. antes mesmo que o raciocínio se intrometa e. Que se saiba. sem saber que 48 . acaba sendo muito mais eficaz? Os cientistas nunca mergulharam profundamente em suas mentes e nunca se depararam com o pensamento em si. ou se ego-desconhece por completo e lucubra à-toa como acontece com a maioria dos cientistas.

sempre atenta. Ninguém jamais penetrou nessa famigerada alma personificada – cuidado em não confundir essa com “EU SOU”.. e aceitaram a premissa de que ele era uma ótima ferramenta. Deus Vivo ou o Espírito no Homem – e que Buda negou e o próprio Cristo. elaborando mais teses. ninguém entendendo a fundo seu próprio Sentir. e que eles supunham existir. Por exemplo. E isso foi uma farsa ardilosa que o ego-pensamento montou. que eles só e sempre desejavam que fossem assim. simplesmente utilizaram a mente. impulso esse que “eu” chamo de ego-adversário. todos se meteram a pensar em sentir. atuar corretamente. a Ciência nunca aprisionou esse impulso velhaco que se centraliza feito egopensamento e que se apossa do corpo. Galileu. E principalmente. Um logro que se aceitou porque ninguém sabia “de que modo se pensava”. e aí todos se puseram a (mal) pensar. sem conhecer a fundo as potencialidades do ATO. Simplesmente se aceitou de modo gratuito que o homem estava imbuído de uma fagulha divina emprestada que lhe permitia conhecer. E os pesquisadores científicos creram que isso bastava para decifrar “as coisas”. sentir e. opiniões essas que só avassalam o mundo. entender. não permitia o engano.estavam sendo enganados e manobrados. adoidados. AGORA. ou com pensar ao redor do SENTIR. quem foi que disse ao homem comum que ele está absolutamente separado do meio? 49 . a mal sentir ou a mal ver. e não o contrário. que nunca falhava e que não podia enganar e mentir. preexistente. pensar ou mal sentir esse que é só tempo. em consequência. Sem um mínimo de autoconhecimento. Deus Vivo. Descartes. não passava de um preconceito herdado das velhas filosofias e da religião cristã. Bacon etc. mais antíteses ou “que coisa pensar”. Newton. em momentos denunciava também. “EU SOU”). pensante e racional. Todos confundiram Sentir Aqui e Agora (ou Intemporalidade) com pensar em Sentir. Assim que. Alguns dentre eles achavam que por trás dessa ferramenta havia uma “alma divina” que. sem o menor vislumbre do que vem a ser o Sentir em Si e respectivo Perceber (ou ConsciênciaEU. inventando inclusive aparelhos para ampliar incrementar esse mal versentir. que eles traduziram como cérebro trabalhando (ou até mesmo como o Tertium Organon). Copérnico. Mas a tal alma divina. Kepler.

acontece também no outro. decomposto. só que em nível atômico e subatômico. mais do que o INTUIR. Se tiver uma barra magnética. no caso). desnecessários à VIDA NÃO-DUAL. de um lado. e se obsequiou ao pólo “B” (pretenso objeto material) uma passividade própria de algo que pode ser analisado. o outro é o pretenso objeto (mesma barra ou Vida Indivisa). esmiuçado. AMAR etc. ATUAR.Que bandagem foi essa de nos impingir uma “realidade pensante” (o homem. o objeto acabaria revelando ao ego mesquinho e personificado ou pólo “A” todos os segredos que ele encerasse. Tudo o que o pólo “A” pensar. Tudo o que desdobra num pólo. destruído (análise) e depois reconstruído (síntese). poderá ser o REAL. A própria física quântico-ondulatória descobriu isso. e uma realidade que se estende ou objetiva. isso se reproduzirá também no pólo “B”. como um todo. COMPREENDER. os quais são acréscimos pensantespensados. ENTENDER. O meio (“res extensa”) que o homem (“res cogitans”) tenta decifrar é igual a ele. do outro? Quem foi que disse que essa capciosa dualidade cartesiana é absolutamente sempre veraz e válida? Quem foi que disse que o pensar no HOMEM é verdadeiramente o “ORGANON” da inteligência e da reta percepção ou conscientização. decifrado. e tudo o que acontecer com o pólo “A” superposto. Foi mais fácil aceitar as superficialidades dualistas de Descartes e Newton. Quem foi que disse que esse enfoque e conseqüentes atitudes desastradas são absolutamente válidas? 50 . digamos. e a partir daí simplesmente se atribuiu ao pólo “A” (falso homem-ego cerebral e lógico-racional) capacidades fantásticas. Mas o homem de todos os tempos nunca admitiu tal possibilidade. e vice-versa. acontecerá com o pólo “B” também sobreposto. SABER. O mesmo sucede com a pessoa pensante (pólo “A”) e com o meio pensado ou com a coisa pensada (pólo “B”). SENTIR. O homem mal pensante é um dos pólos de uma mesma barra. e não com interesses escusos e distorcentes? E quem foi que disse que este mal pensar de homens desavisados – pensamento esse que “EU” julgo criminoso – pode e deve ser a testemunha fiel e pode ter tanto valor assim. E como se isso não bastasse. ela em si. “Organon” esse que traduziria o que está à sua frente com honestidade.

e em objeto visto ou pensado. e o próprio Cristo. mas é um péssimo Amo ou Senhor! Não deixai que se torne Senhor!”. Mas por sobre a Mesma. Essas forças estão sempre prontas a estruturar. Ou também. tipo pessoa ego-pensante de um lado. e que sempre prevalecem em todos os demais homens. de um lado. descobriu a Lei da Geração Condicionada. graças a uma Vivência profunda. e Jesus com a frase “Reino de Deus”. a reconstruir. sem no entanto conseguir afetar o Grande Céu. Ou também em termos sânscritos descobriu o “Pratityasamutpada”. mas das mentiras superpostas clamo contra e aos quatro ventos. Ou Isto sendo em pensamento. do outro. bom criado. então que “Isto sendo. Ele batizou com o termo extremado de Nirvana. aquilo se objetiva. do outro. se para tal se executar o ato intencional. ou o Intangível que nenhum ego-pensamento consegue macular. o REAL em Manifestação (ou “EU SOU O QUE SOU”) e até mesmo surpreendeu-se em sua condição Imanifesta (“EU SOU”). bem ao contrário do que se costuma fazer com as nem sempre verdadeiras descobertas científicas. Buda. “manipulados” pela ignorânciaego-pensamento redundavam então em fantasmagorias sobrepostas. Sabei. aquilo aparece. em suposto olho fisiológico. percebeu também que pairavam “nuvens negras”. E a respeito do querido “EU” em si. alertaram: “Cuidado com o pensamento no homem! Se totalmente solto. E o que vem a ser isso? Bem. a mentir. Essas nuvens ou acréscimos. a caducidades. O ego-pensamento é um ótimo servo. do outro. surpreendeu o Absoluto. e na não menos pretensa fonte sonora. Sidarta Gautama ou Buda. e mundo ou coisa pensada. a enganar. Vivenciava-A de momento a momento. não há pior inimigo do que ele. e que Manifesta. a discursar. aquilo aparece”. Isto não 51 . vendo de um lado. não disse nada porque é impossível verbalizar algo dessa Maravilha Total. Compreendeu então que estas “nuvens” equivaliam a “intromissões”. Ele não disse palavra. a “forças antagônicas”. 2500 anos atrás. se sobrepõe. além de surpreender tal Maravilha. como aconteceu com os cientistas desavisados. o grande Mestre e Luz da Ásia. a forjar coisas aparentes.Não poucos Mestres do Oriente. mergulhando fundo em sua própria Mente-Coração. em pretensa orelha escutando. Aparentemente. Buda chamou a tais forças antagônicas e também caducas – e que traduzindo correspondem perfeitamente aos pensamentos estruturantes e pensamentos discursivos – de “Sanskharas”. Buda surpreendeu tudo isso e resumiu sua Vivência deste modo figurado: “Da Verdade Absoluta não há o que dizer. aquilo é.

que do Absoluto se Manifesta. recriar-se-á em “mim” um falso ente e um falso objeto. Nesse Saber-Sentir pode estar incluído o suposto ente corporificado e pode estar também incluído o suposto meio (ou “ISTO”). com face única (ou Não-Dualidade). de um lado e na condição de objeto pensado. finalmente.sendo pensado. e que inclusive se faz ou se torna agente – por que o ego em “mim” se faz passar por agente ou ator e. Aqui e Agora. O homem é enganado duas vezes. por causa do mal pensar. se prevalecer a Realização e a Sabedoria. Esse pensamento ladrão e salteador se objetiva. quem foi que disse que para SER é preciso pensar? Ao se SABER-SENTIR-INTUIR-ATUAR-AMAR já se é! Por que o “ego” em “Mim” tem que achar que “ele-eu”. do outro. não se sobrepõe. logo sou”. o Homem primordialmente é Saber-Sentir-IntuirAtuar-Amar E Isto pode até mesmo fazer-se ou tornar-se Homem! Este Homem. com “H” maiúsculo. ou senão as “trevas exteriores” se prevalecer a ignorância-ego-pensamento. aquilo não aparece. essas duas naturezas poderiam ser vistas como duas vidas. ladrão e salteador. intelectual e dualisticamente. sobre a qual apareceriam dois tipos de vida: A Verdadeira. a VERDADEIRA. E se assim é. fulano de tal. teríamos uma só moeda. sempre “Me” rouba naquilo que deveria se desdobrar corretamente (Ação).. se não há um ego-agente verdadeiro que age – e sim mais provavelmente há AÇÃO (ou Vida). precisa ter um corpo para se mover? Ora. em Ilusão. quando (mal pensando) pretende conhecer só de modo racional. consegue remontar como lhe convém. Segundo. em aparência. Primeiro pelo seu “avidya” ou ignorância-ego-pensamento. se densifica.. Se prevalecer um “penso. O mundo ou o lado objetivo – que poderia ser o Nirvana ou o Reino de Deus – quando enfocado por essa ignorância-ego-pensamento se transformas em “trevas exteriores”. o que no lado externo aí percebe é só a mentira ou faz-de-conta. Mas fora isso. Cometendo erros e abusando do pensamento. e mais uma FALSA ou ressonância caduca temporal. e por si mesmo!? 52 . na condição de persona-ego-pensante. em logro ou simplesmente em MAYA. não se objetiva. não fica acrescentado! Diante dessa revelação. já que ele é o próprio tempo. decai e se torna homem escravo ou homem com “h” minúsculo. que o pensamento.

em síntese. Mas a Vida no “cientista-ego” não precisa da intenção-decisão para mover-se.. não se sobrepõe. ou senão. pensador. objeto presente. não é assim? E. está provocando a convergência de causas e condições. porque também nada se faz a respeito. é o que preconiza a Lei da Geração Condicionada ou “Pratityasamutpada”. Nelson: Uma das nossas maiores dificuldades é compreender em profundidade que aquilo que está fora do alcance dos meus assim chamados sentidos só pode ser imaginação pura. decisões e execuções de atos intencionais. (que tu. porque quando não se intromete a ignorância-ego-pensamento com suas intenções. ele está se recriando e recria também situações. não participa. e com ele os portentos da Vida. denominada como Reino de Deus.. aqui está a prova!”. e o discurso acrescenta: “Toma. Isto não sendo pensado. Aqui e Agora. em pensamento. não se torna objetivo. preconcebida. Se estivéssemos livres de ego e da tal falsa vontade. se superpõe. o enunciado da Lei da Geração Condicionada assim se resume? “Isto sendo. não tendo absolutamente nada de REAL por trás 53 .B: Exatamente!. A intenção-decisão no cientista (e que é só ignorância-ego-pensamento) é a que vai mover o braço dele. Mas a intenção se apossa do braço. ego. agindo. se num suposto confronto. Isso. ente pensante. intencionando. tal confronto só pode ser pensado ou imaginado. neste gesto já estaria se manifestando o ATO MÁGICO. conseguiste elaborar!). se para tal se atuar propositadamente. se torna objetivo. se consubstanciarão e se materializarão se o “ego” no cientista fizer alguma coisa para tal. Só que o cientista não se apercebe de que nesse seu agir propositado e discurso posterior se consubstancia ou se materializa toda uma farsa prévia. Nelson: Em outras palavras. Como já disse. como Nirvana etc. primeiro pensada pela cabeça dele e depois extrojetada e materializado pelo cumprimento do ato intencional. o SENTIR. aquilo não aparece. para supostamente provar. a ação maculada só se desdobra se houver intenção e decisão naquilo que se chama pensar. prevalece uma Geração Livre ou Incondicionada.O ego-agente que acha que age é só pensamento! Quando um cientista começa a pensar. Ou seja. aquilo aparece. E tais situações só se exteriorizarão. quando o “braço” fizesse o mínimo movimento.

isto é. que nada subsiste dois momentos sempre do mesmo modo. só há um detalhe a salientar. ou o pólo “A” nunca separado do pólo “B” – parecem durar. sem que haja um “Nelson” sentindo – Sentir que o pensamento safado e ladrão deturpa – nesse momento então não haverá mais nada que persista. As coisas transformam-se numa prisão sempre que o homem mal pensante se convence de que a prisão existe e de que o corpo. sempre do mesmo modo.B: Antes de tudo. seres condicionados e pensantes. para as conveniências do próprio ego. Como você esclareceria que tudo o que se reconhece. 54 . como se não durasse. Como provar que o sujeito e o objeto são somente uma superposição? Se não se provar. os objetos assumem uma configuração permanente. Aparentemente nós nos situamos num mundo em que as coisas – nunca separadas da mente. Todavia. Quando sugiro o Momento Absoluto. No momento em que o homem voltar a fazer prevalecer o ATO PURO. estou-me referindo a um (não)-tempo e que não tem como ser medido. como deixar isso evidente de por si? E. não são dotados de essência própria (anímica ou atômica). também existe. de existência própria e. não personificado. surgem e desaparecem. isso é sempre uma configuração. no momento em que tu libertares o verdadeiro Sentir. Esse NãoTempo simplesmente não dura ou talvez dure eternamente. e manifesta a mesma conduta (ou magia) em relação a essas pretensas coisas iguais. no momento em que ele eliminar de sua cabeça desatenta o discurso. Essa “duração” das coisas é um engodo que a nossa cabeça egóica e pretensiosa forjou. se enxerga. Nesse momento nada mais te segurará. É condição “sine qua non” da Vida Verdadeira. sim. tempo esse que. Para nós. em verdade. foi sacramentado pela Ciência. E principalmente na medida em que o homem age a favor (e até mesmo contra) dessa prisão.Ou ainda. Portanto. e não da vida reconstruída pelo pensamento. é bom saber que as pessoas e os objetos não são REAIS. numa total interdependência entre eles. não tem nada a ver com esse outro tempo supostamente cronometrável por meio de relógios ou por meio dos supostos movimentos dos astros. confundido com o Espírito-EU. Mas elas persistem na medida em que o homem sustenta o seu discurso interior. tal e qual. nada existe que possa permanecer sempre da mesma maneira e com a mesma forma. te prenderá. e assim por diante. e se pensa a respeito. surgem e desaparecem.

assim agindo. sempre começo a exagerar com o meu mal pensar e por isso acabo me sentindo pior e depois. que teve começo. uma “coisa material”.Suponhamos que na Verdadeira Vida ou Autonatureza prevaleça uma doença. Em síntese. ela deixará de ser tão nefasta.. de modo proposital. sempre mal pensando. e a atuar em consequência. Faz-se presente então o dado patológico pretensamente concreto. que é apenas um mal pensar e mal agir. Esse círculo vicioso resultará outra vez em mal sentir.B: Claro. E. sempre mal pensando. O sentir normal e até mesmo o bom Sentir não se fazem presentes ao reconhecimento pensante. e aí ela perderia seu poder maligno. e que agora apenas dura. com uma eficácia corretiva cada vez menor. meu e do médico. com começo. Não somente acabo tendo a fantasmagórica “coisa”.B: Ela é um revestimento. Primordial (ou “ISTO”). faço coisas indevidas. como inclusive sustento sua permanência. ela terá que me afetar de modo descontínuo. ela deixaria de ser um processo aparente. Entretanto. a doença pretensamente diferente de “mim” (doente). “eu” (ego) me identifico e acabarei junto. ou de momento a momento. só o mal sentir ou desvirtuado. E por que isso? Porque. sempre que me enxergo ou me reconheço como homem comum.. letal. Nelson: E essa “coisa” de que você fala não é um dado patológico externo. uma mera projeção? E. penso em cima e concluo: “Eu (ego) acho que tenho tal coisa!” Em seguida. um processo contínuo. um continuar doloroso e um provável futuro fim. atuo intencionalmente para ver que “coisa” tenho. um 55 . Em função desse “ter” pensado. com o qual fim. em “mim” acontece o seguinte: Começo a sentir-me mal. me atinge como se ela tivesse tido também um começo. não é assim? E. uma recriação egóica que substituirá a Coisa em Si. certo? E se não o é. Mas este mal sentir só surge em mim exatamente porque antes penso mal ou contra “mim”. Nelson: Não sendo. meio e fim. Sentindo-me mal. Se ela me atingir. o que ela é. através do pensamento enganador e graças a um atuar errôneo. e esse “ter doenças” agora se transforma em aparecer ou em presença de algo ruim. e isso me levará a mal pensar ainda mais. ainda concluo que tenho tal doença. pois. acabo ilusoriamente tendo “a coisa”. para traduzir “que coisa tenho”. É um acréscimo.

para depois fazer alguma coisa que ajude o enfermo. Mas como não tem certeza. no mínimo acabarás sentindo-te mal. maligno. pensa e conclui que tu tens (hipoteticamente) tal coisa. Essa atitude também distorcerá o Verdadeiro Objeto Primordial (“ISTO”). graças à execução do ato intencional – ato este igual ao método experimental da ciência. sempre pensando. E isso por que? Porque. No caso das pretensas doenças acontece o mesmo. procuras auxílio de terceiros. basta ele pensar para que a (falsa) doença se origine. não é bem isso que acontece. tal “doença”. o 56 . mas não as doenças. O médico busca descobrir o que “tu tens” e tenta eliminar de ti esse o que “tu tens”. Em assim sendo. tentando alcançar aquela “coisa pensada”. E no caso. frente ao Fluxo Vital. que entende ou compreende. Tal como acontece com o sonhador e seus sonhos. não existiriam. Por pensar tolices. o pensamento humano é um freio perverso. Ele ouvindo tua narrativa. Repetindo então: Pensaste ou não besteiras contra ti ou contra terceiros. porém. meio e fim. nada tem começo. então. e que Sabe e Sente. que se materializa. porque nada dura. O doente sim existe. pois o pensar forçosamente suscita mal sentir. Pensando possuir alguma coisa. quando ela não é nem uma coisa nem outra. exteriorizarás e materializarás aquela “coisa”. Diante do médico. sustentarás essa pretensa agressão externa (doença). como se ela fosse remediável ou irremediável.revestimento extrojetado que se consubstancia.. Se tu começares a pensar e a abusar da atividade pensante. O doente é um fato que atua. chamado doença “x” ou “y”. é apenas um terrível fantasma. Essa coisa pensada e refeita também se mantém ou persiste por causa do discurso interior. acabas sentindo-te mal. O bom médico deveria sentir mais ou menos o que o paciente sente. Essas doenças são teorias ou pensamentos que se objetivam. Sentindo-te mal. E assim agindo. agirás em consequência. quando é impossível se ter seja lá o que for. incurável ou curável. com começo. para piorar a situação. colocas em palavras o que tu sentes. em verdade por ele pensado. Infelizmente. sem prejudicá-lo. as doenças. discursarás em cima desse teu mal sentir e. meio e fim. não é verdade que surja um processo patológico. Porém. nada persiste. como já disse. Portanto. Basta te sentires mal para que o “teu” “Isto”-(corpo) sofra distorções.

médico desencadeia o seu agir e o teu, que correspondem a efetuar exames de laboratório. Estes exames de laboratório, na verdade, não provarão coisa alguma, porque quando desencadeia a ação, graças ao pensar, na verdade estás praticando magia. O ato não apenas serve para “provar” algo. Aliás, ele não prova nada. O ato materializa pensamentos, hipóteses. Ou seja, esses pretensos exames de laboratório simplesmente consubstanciam ou materializam uma suspeita, porque esses exames são apenas um modo de pensar e agir. Se essa suspeita materializada for equacionada pelo pensamento do médico como algo solucionável, digamos, “tens uma disenteria, toma lá este remédio que a diarréia desaparecerá.” A mágica indutora do médico e a tua complacência, portanto, acabarão com a disenteria. Desgraçadamente, com outros exames na mão, o médico poderá dizer que tens uma “AIDS”, ou digamos que tens um câncer no intestino, reconhecível (em verdade pensado), e que ele não pode fazer nada. E então, só porque ele te transferiu essa informação deletéria, a conduta dele mais a tua complacência ou passividade, contribuirão para que tu morras. A não ser que te desfaças de toda essa magia e fujas da influência negativa de alguns médicos. E transcendas, principalmente, teu próprio pensamento que poderá insistir em manter toda essa pantomima dolorosa. Nelson: Pelo que já li em todos os teus trabalhos, sei perfeitamente bem que nunca foste um idealista puro. Mas se alguém fosse ler teus livros, sem aviso prévio, concluiria tranquilamente que não passas de mais um idealista balofo... Não estou certo em trazer a tona este dilema e possível mal entendido de terceiros? E.B: Acho ótimo que tenhas colocado essa questão em pauta, porque efetivamente, o idealismo balofo e o realismo enganador (ou materialismo) vivem num eterno conflito, para ver quem tem a razão. Ainda bem que não caíste no engodo do idealismo pensado, tipo Berkeley e outros, os quais achavam que tudo era só mente, refutando por completo o pretenso realismo objetivo ou material. O correto, porém, é que não prevaleça nem mente pensante nem matéria pensada. E o mais certo ainda, é refutar uma pretensa matéria eterna, que teria existido sempre, e que se organizou ao acaso, nem aceitar um cérebro-mente que de tal matéria teria saltado fora como um epifenômeno. E isso graças a uma complicação material em si, e graças 57

à pretensa evolução e aperfeiçoamento das espécie, evolução enganadora essa que em verdade nunca se deu. É bom perceber também que “as nuvens negras” do puro intelecto em ti estejam se diluindo Acredito que agora estás me entendendo melhor. Asa palavras, contudo, seguidamente nos traem, como, aliás, aconteceu comigo quando, vinte anos atrás, escrevi a primeira versão do livro É a Ciência uma Nova Religião? (ou Os Perigos do Dogma Científico). Naquele então, “eu” não dominava muito bem as palavras, “essas fantasmagóricas rainhas que criam e matam a outros fantasmas, e não poucas pessoas confundiram minha exposição verbal, transcrita no livro com as idéias de Berkeley e Hegel, quando, com todo o respeito lhes cabe, nada tenho a ver com eles... Por outro lado, estás absolutamente certo em dizer que a música que “ouves” é criada por ti mesmo e não por um Mozart, digamos... Só que não é bem criada, mas sim recriada. O Gênio da Vida, individualizando-se como Mozart, aprisionou um “ISTO”-(música) e o transformou em “ISTO”-(música)-SENTIR-FAZER-MOZART, (ou seja, uma corrente ou cadeia). “Tu”, Nelson-Vida, captaste tal “ISTO” e o transformaste em “ISTO-SENTIR-OUVIR-REFAZER-música-Nelson, (outra cadeia). Quando as duas cadeias convergem resultam num Fato, e tu ouves a tua música de Mozart. Não fosse o Sentir-Ouvir-Fazer em “ti”, (e isso não é uma cadeia convergente, mas sim Autonatureza Não-Dual), “ISTO”(música)-SENTIR-FAZER-MOZART passaria despercebido. Isso seria como se não existisse. Mozart é Real quando deixa de ser ego e torna-se Fazer, Compor, Criar, Expandir “ISTO”-(música); e tu também és Real quando, quase anulando o ego, deixas prevalecer a Atenção e o Sentir e passas a comungar o que também chamo de “Isto-música-MozartSentir-Nelson”... (Viste como as palavras, em momentos, só enrolam, só confundem! E “eu”, no caso pareço o pai da enrolação e da confusão, sem querer sê-lo)... E dos jogos racionais da matemática pura, então, nem se fala!... De fato, “ISTO”-(Caminhos) sempre levam ao Infinito. Mas o caminho que tu percorres e que reconheces, sem qualquer dúvida, foi refeito por ti, reconstruído por ti, Nelson-ego. E TAC “caminho refeito” só vai levar-te àquele lugar onde determinaste ir, e que já conhecias previamente. 58

Como vês, meu caro amigo, isso que te sugiro é muito mais que idealismo monista. Se, a modo de dizer, tudo é só “ISTO”, então de fato não há diferença alguma entre, digamos ISTO-(arroz) e ISTO-(tomate), porque o que aí conta é só o “ISTO” em renovação, com as suas “dez mil coisas inerentes. Isto-(tomate), contudo poderá prejudicar o SENTIR-(Nelson), na medida em que o Nelson pensante atribuir ao tomate os venenos e os tóxicos que nele parecem caber, ou não. E assim será sempre que o Nelson pensante fizer alguma coisa proposital para evitar ou para suplantar tal pressuposto tóxico e veneno. Amigo, pergunto-te: quando é que SENTIR-(Homem Primordial) não é afetado pelo ISTO-(Veneno? Quando ‘ISTO’ for só e absolutamente “ISTO” e SENTIR for Consciência-EU, sem escorregar para o poço ego-pensar. ISTO-SENTIR ou a Manifestação em Si se mantém como NãoDualidade Absoluta... E não há egos mal pensantes que consigam conspurcá-la. Quando isso é tentado, a Verdadeira Consciência-EU parece sumir. E num falso tempo só passam a prevalecer as fezes do ego mal pensar, com sua ardilosa lógica-razão ou senão com seu primitivo caos e confusão, próprio de um analfabetismo também sustentado e sempre pensado. Perguntaste-me também se se deve ou não se deve comer carne, ou ainda, se é conveniente. Cristo, por exemplo, respondeu que “Isso era uma questão de consciência própria!”... Só que tal resposta do |Mestre acabou na boca de Paulo, numa de suas pretensas cartas. Por favor, acompanha-me em meu elucubrar aparentemente descabido. Admite, por força de expressão, um ABSOLUTO. Admite também que esse ABSOLUO, sem se saber como nem por que resolve manifestar-Se de modo Não-Dual. Digamos que o Absoluto-SOL resolva, então, emitir raios-ISTO. No caso, então, Sol-e-Raios é exatamente “SENTIR-ISTO” ou “ISTO-SENTIR”. (Sol = Sentir, Raios = Isto). O pretenso raio, se for tomado como algo secundário, como algo recriado, será uma coisa diferente, uma coisa à parte. Só que nada tem que ser tomado desse modo. O SOL em Si é só um SENTIRSABER-INTUIR-ATUAR-AMAR. Ou no Absoluto não cabem todos os VERBOS possíveis, imagináveis e até inimagináveis. 59

Entrementes, assim como o SOL se Manifesta de dentro para fora, na condição de Raio, e aí Sente-e-Sabe. O raio, mal pensando no caso, também quer sobressair-se e manifestar-se por conta própria, pretendendo para tal conhecer QUEM É O SOL. Só que agora tal pretensão de (mal) conhecer se dá de fora para dentro. Em sua ignorância Primeva, Isto-Raio desconhece que ele também é SENTIRSIL, e que nada há para conhecer de modo dual, (pessoa aqui e mundo lá). Mas em pensamento Isto-raio se convence de que ele é alguém à parte (ou um ego), e que está separado do SENTIR-SOL... No nível primordialmente Manifesto, não destorcido, não refeito, haveria somente um ISTO-SENTIR Não-Dual. Isto seria o Objeto Real e Absoluto, ou todos em UM. E SENTIR seria o Sujeito Real e Absoluto, ou UM em todos. No nível superposto e distorcido, contudo, dar-se-ia uma bifurcação, uma separação onde prevaleceriam ISTO-(objetos pensados e SENTIR-(egos personas pensantes). Em outros termos, uma falsa multiplicidade constituída de egos pensantes e de mundos, sistemas solares, galáxias, universos etc., pensados. A contraparte, que tanto o demiurgo como o ego recriam, é escondida como dado acrescentado pelo ego-pensamento, graças a seus ladinos mecanismos perceptuais defasados e distorcentes. O ego em “nós” sempre nos obriga a que consideremos o mundo ou o universo como algo separado, diferente e durando. O Absoluto ou o Real é indecifrável, impossível de (re)conhecer, mas é possível de se vivenciar. O Real Manifesto, contudo, pode ser Isto-Objeto Real e Sentir-Sujeito-Real. Este Sujeito (ou HOMEM), além de SENTIR, é também SABER-INTUIR-ATUARAMAR, como o próprio Absoluto. Só que em tal Indivíduo ou Sujeito “algo reverbera, ressoa” e, por puro descuido, de tal “ressonância” salta fora o (mal) pensar também. ISTO-Objeto – (não levando em conta as pretensas atividades dos níveis celulares, cristalinos, moleculares e atômicos, as quais são invencionices da cabeça pensante observadora ou ego-persona) – em seu nível dito material, é só ISTO. Ou quando muito é Terra-Água-Fogo-ArÉter. Subindo de reino, do pretenso material ao ISTO-vegetal, este último já vai identificando-se com o Sentir. O pretenso vegetal já é um ISTO-SENTIR-ATUAR. 60

Em seu nível animal, ISTO é Sentir-Atuar-Entender (ou pressentir instintivamente, que é uma forma rudimentar de pensar). Em seu nível humano (ou no meu próximo, como inclusive em “mim”), ISTO já é Atuar-Saber-Sentir-Intuir-Amar, e para desgraça nossa (minha e de todos), também é mal pensar. Então, quanto mais “ISTO” – ou o meu Objeto-Ser – Sentir, Intuir e pensar, menos deveria ser trucidado, morto e depois comido. Um objeto-ser assim não deveria pois servir de alimento. Mas como aparentemente quem mata as plantas e os animais não sou eu (o ego), e sim são os outros (ou egos), “eu”, em verdade, não estou ingerindo o Atuar-Saber-Sentir-Intuir-Amar dos seres vivos, mas apenas um ISTO transformado em carne. De qualquer modo, transformar, propositadamente, o IstoSentir-Saber-Intuir-Atuar-Amar (ou os seres vivos) em ISTO-sanguecarne-proteínas etc. já é uma patifaria. Cuidado, estou falando contra o ato intencional que se organiza e busca tirar proveito vital ou senão pecuniário. Qualquer carne, contudo, também poderia equivaler a um Isto(proteína), Isto-(veneno), Isto-(ácido sulfúrico), Isto-(soda cáustica), Isto-(matéria em decomposição), Isto-(podridão) etc. Tal carne então pode te matar ou pode te alimentar, conforme o que pensares em relação a ela, ou conforme o que fizeres. A pior desonestidade do ego foi a de ter suscitado a impressão e convicção de multiplicidade e separatismo absolutos na mente de todos. E essa desonestidade inclusive está escrita em alguns versículos iniciais da Bíblia, o livro sagrado do Ocidente, imposto à força. Assim que, por meu intermédio (ego) e por meio dos “outros” (egos), o príncipe deste mundo, o grande farsante, enjambra tudo o que bem entender. Pois é, Nelson, não sei até quando vou insistir em utilizar palavras para explicar o que é praticamente impossível de se explicar. Até parece que com elas mais confundo e complico do que esclareço, assim dá para pensar, o que não é bom. Sim, por que as palavras, como já disse o grande Sábio budista Nagarjuna, do século II d.C. “...são fantasmagóricas rainhas que criam e matam a outros fantasmas”... Nelson: Tudo bem, Bono. Bem, mas que eu saiba, amigo, já tens seis livros editado e outros inéditos, totalmente prontos, afora os que não conheço. Poderias discorrer de modo resumido sobre o conteúdo dessas seis obras antigas e editadas? 61

o tempo e o plasma. em sua eterna novidade. a caro custo. Tomas de Aquino.. Descartes. As conquistas teóricas da ciência não têm a aplicação universal que costumam lhe obsequiar. só engendraram e superpuseram suas próprias recriações. Ou seja. Esta obra deixa bem evidente a superficialidade de qualquer tese. a matéria. É uma espécie de síntese de todo aquele criticismo que apliquei contra a Ciência e Medicina. editado pelo Clube de Autores em 2011 Baseado nos aforismos de Nagarjuna. Portanto. o espaço.C. porquanto nunca nada foi criado. O ritual da ciência é o método experimental de laboratório. sábio budista do 2º século d. Denuncio também os velhos e superados mecanismos do conhecimento. criticando-os naquilo que eles possuem de relativo e falso. de fato. não passa de outra religião. Desenvolve uma análise aguda dos postulados e axiomas científicos. quando ainda era estudante universitário.E. No lugar disso. Portanto. Bacon. antítese e síntese hegeliana. a energia. Hegel etc. e seu latim é a aplicação da matemática na explicação do fenômeno capcioso. com a eliminação dos começos e fins da vida. não cabem as assim chamadas descobertas científicas. praticando magia branca e negra. Kant. ou os Eloin e Jeová bíblicos. De qualquer modo. É m ensaio que se desdobra em diálogos instigantes. lamento dizê-lo. Estes. Desendeusa os cinco pilares básicos da ciência. não escondendo nada. mas só editado em 1970-1971. entram as forjações e acomodações pensadas pelos cientistas. absurdos determinismos e intrasingências. a Vida ou a Autonatureza só se Manifesta de Momento a Momento. Alerta também que a natureza não foi feita nem pelo acaso – tese científica – nem foi criada por um deus-persona. por causa de seus dogmas. 2º) Parar Este Falso Mundo – 1988. Este livro foi originalmente escrito em 1965. nunca descobrir coisa alguma. preconizados por Aristóteles.B.. radicalismos. A ciência. Editora Civilização Brasileira S/A Rio 1970 – Esgotado. 62 . começarei pelos livros já editados 1º) É a Ciência uma Nova Religião? (ou os Perigos do Dogma Científico). O grande problema é sempre resumir. não há o que descobrir. e denuncia-os como aparentes. No lugar das descobertas científicas.

feliz ou infelizmente. o respeito que a eles todos lhes cabe. o tempo e o espaço-tempo einsteniano. baseada no Aqui e Agora. Inclusive é negada validez ao espaço. O ego-tempo-pensamento engana sempre a Pureza e Inocência Mental de qualquer Homem (“EU SOU”). à energia e ao plasma. se enfocados e avaliados em profundidade. O desenrolar dramática da crucificação. mantendo. envolvendo a justiça dos romanos. porém. revelam-se vazios e intemporais. envenenado etc. Sem qualquer dúvida. Apenas mostro por “A” mais “B” que durante todo este tempo a Ciência Moderna. Stephen Hawking e outros mais. à matéria. o espaço. e alerta que a duração físico-temporal é uma ilusão. invenção que não pode ser levada em conta. 3º) Prisão do Tempo – 1985 Editado Clube de Autores junho 2011 Esta obra iguala o pensamento ao próprio tempo. como. 4º) Cristo Sem Cruz – 1986. o movimento físico ou o deslocamento se revela impossível e a estática ou o ficar parado também. Sugere uma nova plataforma para a existência. Sem levantar ou contrapor novas teses. Se criticar os deuses básicos da ciência. permitiu que Jesus ficasse mundialmente famoso. decapitado. O tempo é meramente um fruto do eterno lucubrar. Einstein. sempre esteve praticando magia e nada mais. mas sim foi lapidado ou morto a pedradas. ele suscita a impressão e convicção de dureza e duração das coisas. nem por isso anularei a Vida. (bem mais que a pretensa matéria) são engodos bastante capciosos que o ego utiliza para subsistir e persistir sempre. onde nada disso existe de por si. 63 . aliás. o meio e o fim das coisas é uma invenção do pensamento. Todas as coisas e seres. conforme manda castigar a TORÁ ou a Lei dos Judeus. o próprio Buda ensinava. Por meio de tais engodos. O começo. a meu entender. Este último modo de morrer. Só que a morte na cruz foi a que ficou registrada nos Evangelhos e na história. é tão infame e doloroso como ter sido morto na cruz.Nesta denúncia. Inédito Esta obra sugere e chega até mesmo a quase provar – provar em termos definitivos e absolutos nunca foi minha intenção – que Jesus possivelmente não morreu na cruz. tento invalidar as teorias de Newton. ao tempo. até certo ponto.

gerando de si Mesmo (“EU SOU”) o Filho do Homem. Graças a todos esses e graças também a certos ensinos da Sabedoria egípcia. Com a derrota e morte do pai. por ser primogênito e herdeiro. Parece que José nunca existiu. mensagem ou doutrina que realmente Liberta o homem. era o delfim e. o jovem Jesus teve que fugir para Tiro e Sidon. Cristo sem Cruz traz a tona.C. por força das circunstâncias. atualmente suspeita-se que existiram dois Jesus. Este Judas de Gamala era herdeiro direto do trono de Davi. Messias ou Filho do Homem? – 1992 Inédito Para surpresa de muitos. E Jesus primogênito de Judas. (visando o PODER. também herdeiro do trono de Davi.Este livro. essênio e zelota ao mesmo tempo. livro que também tem seus méritos particulares e enfoques diferentes. e também graças aos ensinos de Filón. e principalmente graças à Alquimia Auto-Realizou-se ou Iluminou-se. ficou mais de vinte anos. porque Herodes Antipas o queria matar. onde fez o que todos sabem. num mesmo homem. onde fez a sua entrada triunfal. Aqui então surgiu o 64 . Jesus.. desta feita e de modo definitivo. Esta compilação da Verdadeira Doutrina de Jesus é mais completa que a que apresento em Cristo. 5º) Jesus. oriental. filho de Judas de Gamala – e não de José de Belém ou de Nazaré. e graças também aos terapeutas (essênios mais ecléticos e menos racistas) se modificou por completo. portanto. o grande filósofo judeu-helenista. Quando ainda bem jovem. ou o Rébis (Deus Vivo). dirigiu-se para Jerusalém. Neste último país. como dizem os alquimistas. Esse Desconhecido. Aí sob a influência do judaísmo liberal de Alexandria. sem se aperceber). Judas de Gamala. e a cidade de Nazaré no tempo de Jesus ainda não existia. Só que esta não passa de uma suposição bem pobre. Jesus teria sido ungido Messias pelo espírito de Elias. foi inventado. E depois partiu para o Egito. ou por um “alien” de Jeová. Não chegou a ser ungido de messias pelo sacerdote do Templo. lutava na Galiléia contra Herodes Antipas. com mais de vinte anos de idade. boa parte da mensagem de Jesus que se havia perdido. que no monte Tabor se fez passar por Elias. sabedoria órfica. dirigindo-se depois para o Templo. para conquistar o poder e expulsar os romanos. influenciado por seu pai. O primeiro teria sido um Jesus. Só veio a ser construída no VIII século d. E enquanto seu pai.

o Filho do Homem..C. E esses escritos. 6º) A Morte de Jesus – 1988 inédito.. e não mais o messias. Como todos sabem. João. passando a entender a LEI e os PROFETAS como nenhum outro religioso judeu havia feito até então. um pouco depois da morte de seu irmão. o maior. e não lhe perdoaram a apostasia. Jesus pode estudar a fundo os verdadeiros ensinos de Moisés e Profetas. não podereis entrar no Reino de Deus!” Antes de retornar para Israel. visando o poder ou o reino de Israel. Por isso. o menor. por ordem de Tibério Alexandre. Jesus escreveu as melhores partes daquilo que hoje chamamos o “Apocalipse” (ou Revelação). o Evangelista. portanto. como haviam feito na primeira fase da vida do Mestre. mas nem todos. mas da Palestina de então) foram enviados para João o Batista.segundo Jesus. proclamaria: “Se (em entendimento) não superardes os escribas e fariseus.Conforme Josefo. Tentaram envolvê-lo com a lei civil dos romanos. Os sacerdotes e religiosos da Judéia deixaram de apoiar Jesus. Ou seja. Devido a tudo isso e mais devido ao fato de Jesus ter-se desligado da herança do Reino 65 . inúmeras foram as violações e ousadias que o Jesus da segunda fase (agora chamado Filho do Homem e não mais Messias) cometeu contra a Lei religiosa dos Judeus. historiador judeu antigo. Este irmão e discípulo de Jesus morreu lapidado em Jerusalém no ano 62-63 d. sem o conseguir. Longos trechos das Cartas de Paulo e Tiago também foram escritos por Jesus. Jesus o Profeta do Amor e não Messias.C. Pedro e Tiago. não teria escrito as melhores partes do “Apocalipse”. alegando que Jesus queria ser rei. eles eram bastante fanáticos para castigar ultrajes e heresias. no exílio. Ou seja. E sequer escreveu o “Quarto Evangelho” e a “Primeira Carta de João aos condiscípulos”. Em seu longo exílio. o Profeta do Amor e Sábio pacifista. como tal.. mais tarde. E tentaram fazer com que a justiça romana o condenasse. Essas então foram consideradas heresias terríveis. Talvez só Hillel o superasse. não da Ásia. para o seu provável primo e precursor Na Judéia. Por conseguinte. com seu retorno. João nunca esteve em Roma e muito menos exilado na ilha de Patmos. o procurador de Roma. morreram crucificados em Jerusalém em 47-48 d. Tiago. negar o PODER que a herança de Davi representava. supostamente redigidos para as sete assembléias “Chaburah” (ou igrejas..

com o corpo e o rosto voltados para o Templo. nunca foi escrito por João.C.de David. Em meu trabalho anterior ou nos livros acima citados. o Evangelista. V e VI d. e que atualmente se conhece. religioso cristão do fim do primeiro ou começo do segundo século d. e sim talvez por um João. o maior e Pedro foram crucificados em Jerusalém em 47-48 d. eram irmãos carnais de Jesus. III.1987 inédito Neste tomo estão registrados os trechos que sobraram das Cartas ou Epístolas de Paulo.C. II. 66 . disponível Praticamente todos os exegetas (estudiosos) do Novo Testamento sabem e admitem que o livro chamado Apocalipse (Revelação). (Ser morto a pedradas e ser dependurado num madeiro. Depois de morto. 7º) Os Herdeiros do Filho do Homem . e Pedro. para enquadrá-lo na dupla maldição da Lei. e muito menos. todos esses exegetas ignoram que a verdadeira REVELAÇÂO foi originalmente escrito por Jesus. trechos que de fato ele escreveu.C. IV. por ordem de Tibério Alexandre. em verdade.Alegre. Contudo. o qual nunca esteve em Roma. que corresponde a tudo aquilo que os escribas cristãos antigos expurgaram dos evangelhos originais (ou protoevangelhos). antes esteve em Antioquia. Como já foi dito. como Tiago. Neste livro também se encontra incluído uma espécie de QUINTO EVANGELHO. 8º) Apocalipse Desmascarado – 1992 Editora Renascença. João e Tiago aquilo que sempre pertenceu ao Filho do Homem. e também dos intentos patrióticos dos zelotas – pois o pai dele Judas tinha sido zelotas e seus irmãos também o eram – a mando de Anãs e outros. quando esteve no exílio no Egito. procurador de Roma. alguns dentre eles. e retiramos das pretensas cartas de Paulo. Tiago. foi dependurado num madeiro. Jesus foi provavelmente assassinado a pedradas em Getsêmane ou no Jardim das Oliveiras. devolvemos a Jesus o que o próprio Jesus havia escrito ou proferido. P. conhecidos e desconhecidos nos séculos I. primeiro bispo de Jerusalém. Aqui também temos uma nova visão dos assim chamados apóstolos de Jesus que. o maior. o presbítero.

FEEU. segundo nossos estudos recentes. falaremos de respostas cármicas. Antigamente. batalhas e revoluções eram suscitadas não somente por causa dos interesses mesquinhos de humanos nefastos. roubam dos jovens sacrificados o corpo. ignorantemente. suspeita-se que as melhores partes do Apocalipse. que é energia solar coagulada. “foi acidentada à força. mas também pela necessidade que certas entidades do além têm de vampirizar o sangue humano e animal. mutilando-a ou matando-a. possivelmente. Estes. Tais guerras. o senhor dos exércitos. e isso saciava a fome dessas entidades malévolas. pelo menos. os Golem. humanos. que são sacrificados vergonhosamente em acidentes fatais e mortes descabidas. Clube de Autores . É deste que os Moloch. sem o querer. a ETs. 1994 – Segunda Edição. na venda e uso de drogas.Os exegetas ainda acham que fora esse presbítero compilador. E que. de fatalidade. depois. atualmente certos reptilianos concentram suas possibilidades criminosas nos acidentes de trânsito. por assim dizer. e que afetam sobremaneira a nossa juventude. o sangue da gente jovem escorria em abundância. houve. acabando ela por se incluir. na violência e nos crimes descabidos.2011 Nas quatro partes deste livro. 9º) Os Manipuladores da Falsa Fatalidade . Nós. de destino mau. etc. em seu exílio. denuncio aquilo que vem acontecendo à humanidade em geral. que ocorrem em abundância. desses derramamentos de sangue coletivo e gratuito. sem afirmar de modo inegável. retiram a vitalidade e o poder de que precisam para subjugar todo ser vivo que está abaixo deles.. E na falta dessas guerras. ou também a vitalidade ou o sangue. Jeová-Molokron. Demiurgos. malévolos ou entidades trevosas do além. e que. ele não seria um e sim três Apocalipses. do diabo. ou já nas terras do Egito. Ademais e como já se disse. Nesta denúncia incluo a morte de minha filha A. portanto. de Vontade de Deus. numa gigantesca e dolorosa conspiração Universal. especialmente aos mais jovens. exatamente as menos escatológicas – (ou preconizadoras do juízo final e do Fim do mundo) – foram escritas precisamente pelo Jesus da segunda fase. 67 . três autores para esse mesmo livro. nos campos de batalha a céu aberto. devidas.B.

. ainda não a conseguiram. aparentemente. lucidez arguta para. “eu” mostro que o Budismo já nos alertava de que todos os males do homem eram devidos ao uso excessivo do pensamento ou lógica-razão. antes de durante a WW2 queriam implantar. mas que eu chamo de A ANTI-HUMANA RAÇA. mancomunados com ETs perversos. homem está na hora de acordar! Tornai-vos Percepção-Conscientização Viva. Uma simples monstruosidade abjeta. com o beneplácito das Grandes Potências. estão tentando tomar conta das nações do mundo. Estes trabalhos inacabados são: 1) Psicologia Budista e Evangelho de Buda”. É milhões de vezes pior. ao abuso da noção de “eu” 68 . Homem. Os títulos que apresento também poderão sofrer modificações. há muito mais verdades dolorosas e arrepiantes do que se possa imaginar. e poderes constituídos. Por meio de um apanhado dos principais ensinos de Buda e das escolas budistas posteriores. o que ainda falta muito. quem sabe. fazer alguma coisa contra os manipuladores da falsa fatalidade. do Poder roubado. a todo custo. portanto. Há pouco acabou de ser morto alguém que conhecia boa parte dessas verdades e tentou difundir alertas.dos falsos santos e anjos. 10º) A Grande Conspiração Universal – 1993-1994. mas não arrematado. os Golem. Precisariam assumir a forma de livros. de burilação. Todos estes. Moloch. 4ª edição. totalmente contrário ao Amor Cósmico vêm tentando assumir a primazia na Terra e. livros disponíveis. Há já milhares de anos ETs trevosos ou também os senhores do tempo. A luta entre Deuses (ETs benevolentes) e Titãs (ou os demiurgos. homens aparentes sim. quase estão conseguindo se intento. Os títulos que vem a seguir fazem parte de um material escrito.. os Jeová-Molokron ou ETs trevosos). com outras vestimentas e aspectos. citada na antiga religião grega ou na mitologia greco-romana continua até os dias de hoje. necessitando. E que nada tem a ver com a nova ordem que arianos fanatizados. quando nada é bem assim. tais ETs aliaram-se a uns poucos seres da superfície terrestre. Modernamente falando. Possivelmente a presença atual dos OVNIs está ligada a isso. Há bom tempo também. Atrás da história dos OVNIs e da repressão dos governos em geral. para escravizar o homem e implantar a Nova Ordem deles.

. você é uma biblioteca! Bem. como alguns humanos. Felipe Machado Carrion. Só recentemente passei a conhecer coisas não muito dignas a respeito deles. como pôde ela se manter em teu modo de conhecer ou de Saber-Sentir-Intuir. mas em seus trabalhos inéditos. e que foi uma espécie de Mestre de ufologia para mim. denunciando o perigo ou a agressividade dos ETs. ou pelos objetos voadores não identificados (OVNIs) recua para a década de 1950 a 1960. O que ela tem a ver com a Busca do Real. Carrion. Malgrado o livro. 2) ofereço outra visão do livro “Dhammapada” – 3) O Espírito do Taoísmo – 4) Zenbudismo. quando eu e meus amigos já saíamos em campo a pesquisar os tais UFOs. você inclui um futuro e eventual livro de ufologia. até 1985 “eu” me mantive otimista e entusiasmado pela ufologia. acompanhados pelo corajoso e honesto Prof. você não é um escritor. já me alertava que não me entusiasse muitos com os ETs porque nem todos eram coisa boa. a ficção científica que à Verdade. na década de 50 já haviam feito. No começo de minha pesquisa e estudos. e logo morreu. Depois as coisas mudaram. cheira-me mais a logro. e também eram decorrentes da falta de autoconhecimento e da insuplantável impressão de espaço-tempo. e que depois se tornou um ufólogo de renome. como costumas dizer? E. Físico.B: Em verdade meu interesse pelos discos voadores. busca da Verdade? Sendo tão contraditória. A princípio os OVNIs me cativavam pelo seu aspecto inusitado. Nelson: Bono. como é que você pode interessar-se também por um tema que em nada se assemelha com tudo o que você diz e escreve? A ufologia. um dia pudesse viajar num deles e fazer contato direto com seus tripulantes. Ciência do Real – 6) Três Jóias do Budismo – 7) A interpretação do Mito – 8) Os OVNIs ou a Superação do Modelo Científico de Universo. E mais. Curioso ele escreveu seu último livro. e também por representarem uma prova remota de Vida em outros planetas. Não tinha sequer 20 anos de idade. um Novo modo de Viver e Entender a Vida – 5) Budismo. Constituíam-se também numa eventual possibilidade de que. quem sabe. Meu interesse pelos OVNIs sempre fez parte do meu estudo ligado ao insólito ou desconhecido. Pergunto. 69 . O Prof.(ego) e “meu”. os OVNIs para mim representavam surpresas e maravilhas.

pois. tranquilamente pensou consigo mesmo: ‘Se tivesse conhecido isso. aparentemente materiais. certamente. gostaria de contar uma estória zen e que os zenbudistas chamam de “mondo”. tirou as sandálias e. os OVNIs também escondem coisas ruins. todas as potencialidades negativas do pensamento. É por isso que eles são tão combatidos e refutados. a ponto de deixarem infinitos sinais e evidências. Depois de mais de 35 anos de pesquisas e estudos. Não havia pontes por sobre desse rio em parte alguma.Com o passar dos anos e aprofundando-me melhor. se aproximavam bastante. do REAL. da astronomia. e suas águas eram revoltas. A conduta dos ETs e de seus veículos sempre violou e desmentiu todas as leis da física. da sensorialidade contaminada e do ato propositado ou intencional. o que pretendes com o teu trabalho. negando-as. atravessou o rio. te-lo-ía matado!”. caminhava à beira de um rio caudaloso. Os dois andaram até que o discípulo. além de ressaltar também o puro negativismo do conhecimento intelectual. astronáutica. São sempre apontados como fantasia de gente que não anda muito bem da cabeça. caminhando por sobre as águas. um Mestre que acompanhado por um discípulo bem simplório... sem mais nem menos. Posteriormente. biologia e psicologia. Hoje sei que além do maravilhoso. E se não eram “ISTO”. mas com esse ensino. da química. “Havia. Eles se apresentavam como coisas objetivas. ao vê-lo chegar do outro lado. fui me dando conta de que eles eram exatamente aquele tipo de objetividade (ou “ISTO”) de que adiante falei. mas só não casavam bem com as leis e normais científicas. 70 . de modo bem acessível. chegando são e salvo à outra margem. não sei se te apercebeste.B: Antes de responder. comecei a encontrar nos OVNIs um exemplo prático de tudo aquilo que eu próprio denunciava a respeito do falso materialismo objetivado e do falso subjetivismo humano. pelo menos afronta e violenta as pretensas verdades definitivas da ciência. de maneira sintética e irônica. Amigo Nelson. Nelson: Acho que seria interessante que você colocasse. O Mestre ficou observando seu companheiro atentamente e. propósitos tenebrosos e metas nefastas. o Mestre denuncia. posso te garantir que se grande parte dos UFOs não coincide com as grandes verdades do ABSOLUTO. qual a tua visão de vida? Qual a importância disso para o cidadão comum? E.

como teria sido possível que a Vida prejudicasse a Si mesma. não maculada pela lógicarazão. Compilei-o e o 71 .. teriam criado causas e condições para que o discípulo afundasse de fato no rio (por todos reconhecível!). Evidentemente. eram Vida. O rapaz sem se propor nada. mestre do Taoísmo e que viveu no III século a. os senhores cientistas desconhecem. E já que descrevi um exemplo de sabedoria zen. e aí ele teria se afogado com toda certeza. o Mestre observando bem sereno. e jamais os levaram em consideração. com uma transparência mental igual a um cristal de qualidade. no mínimo teria gesticulado. teria dito: “Se eu tivesse conhecido isso. As pernas do discípulo eram “Não-Pernas”. seus alertas pretensamente salvadores. pára! Volte!..” Tanto o discípulo atravessando o rio como o mestre observando eram só Momentaneidade Existencial. sem pensar. provavelmente.C. se o Mestre. Este conto foi escrito por Liehtsé.. A água do rio. seus condicionamentos mentais. senão vai-se afogar!”.Todos esses alertas. Ou melhor. o discípulo caminhando sobre as mesmas. ou simplesmente de uma maneira não lógica foi acontecendo. Perguntarias. impelido pelo pensamento lógico – e que estava me dizendo que meu discípulo iria se afogar – eu teria tentado impedir que ele continuasse caminhando sobre as águas. Era Vida. já que o eventual pensamento do Mestre. ao ver o discípulo. “mas como o discípulo conseguiu atravessar?” Bem. porque se manteve sereno. eram tão-somente Vida Autêntica. Tudo livro do enganador espaço-tempo físico ou mero pensamento. num faz-de-conta. eu teria gritado. nesse Momento não havia nem rio nem rapaz atravessando. teria feito coisas. ou a Vida matasse a própria Vida? Assim que... O discípulo nesse Momento não era discípulo. ignorantes. seu sacudir de mão etc. sem ser ele próprio (ou ego) atravessou espontaneamente o rio.. atravessando o rio e caminhando por sobre as águas revoltas tivesse gritado: “Fulano. com toda certeza o rapaz ter-se-ia afogado. E com isso. para nós. E se tudo era só Vida. enquanto isso estava acontecendo. numa situação como aquela. o Mestre sorriu e... deixa-me contar mais um da sabedoria taoísta. de modo torpe como os homens comuns costumam conhecer. ele foi levitando de uma margem a outra. depois. mas apenas um Todo que se renovava de momento a momento.

pensaram que era um torpe e retardado. “Entre os ‘hóspedes’ da família Fan se encontravam Hosheng e Tsepo. seu poder era maior que o dos três Ministros principais do Reino Quando a simpatia e benevolência de Tsehua desciam sobre um indivíduo. enfiando-o num cesto e colocando-o no ombro. Vestiam-se com túnicas brancas e conduziam carruagens especiais. Empurravam-no e maltratavam-no e não faziam a 72 . Os eruditos que se reuniam em sua casa rivalizavam com os da corte. tal indivíduo logo se via expulso do reino. se saiu muito bem. imediatamente o governo honrava tal pessoa. como nenhum outro. encostando-se na parede norte de sua choupana. dirigiu-se à casa de Tsehua. O camponês Shangch’iu K’ai que. e começaram logo a debochar dele. resolveram então acampar por aí. estes últimos estavam caminhando pelo campo e pararam próximo à cabana de um humilde camponês chamado Shangch’iu K’ai. ao tentar estabelecer a sua influência pessoal. de como ele conseguia favorecer ou arruinar um homem. Depois que Hosheng e Tsepo partiram. O conto chama-se “Shangch’iu K’ai. com um ar de orgulho. pois. Era amicíssimo do Reino de Chin e. mantendo o queixo erguido. o pobre camponês preparou um farnel. chegando a ponto de se ferirem. um Homem Simples e Honesto.transcrevi em meu livro “Ecologia e Política à Luz do TAO. tentando separá-los. em carne própria experimentou o que era o frio e a fome. Tsehua nunca interferiu. com inteligência e força. Certo dia. Quando entre eles viram o camponês. Quando brigavam. admirado em todo o reino. (Este é um exemplo de um Demiurgo corruptor). “Hosheng e Tsepo começaram a falar do grande poder de Tsehua. mas quando falava mal de alguém. pequeno e com um rosto cor de cera. Em seu séquito existiam até guerreiros famosos que se desafiavam entre si. E assim todos eles iam se entretendo. A fama de Tsehua cresceu tanto que seu modo de ser transformou-se em exemplo para todo o país. ainda que tivesse recusado um cargo de confiança no governo. rico. Tsehua era. Editado pela Editora Record Rio. pobre e fazer de um pobre. Todos os que faziam parte do séquito de Tsehua provinham das mais renomadas famílias. porém. Caminhavam com um passo característico e lento. de como a sua vontade conseguia tornar um homem rico. ouviu a conversa dos dois amigos.” “O chefe da família Fan tinha um filho que se chamava Tsehua e que. indivíduo velho e esfarrapado.

Tsehua. pois. “Caminhou Shangch’iu placidamente por entre as chamas e voltou são e salvo.Todo aquele que conseguir pular desta torre. Shangch’iu K’ai. chegaram a um rio.Nas águas existe uma pérola preciosa. Mais tarde. de brincadeira. ordenou que Shangch’iu K’ai fosse admitido entre aqueles privilegiados que comem carne e se veste com sedas. se incendiou determinada propriedade e desta vez o próprio Tsehua disse ao seu novo súdito: -. tudo o que trouxeres será teu. sem ter sido tocado pelo fogo e brasas. começaram a suspeitar que algo incomum existia nesse rude trabalhador dos campos. mas desistiram. sabendo disso. “Os cortesãos pensaram que havia sido por pura sobre e acaso que o camponês flutuara sem ferir-se. Mesmo assim. Shangch’iu K’ai não manifestou o menor sinal de ofensa e contrariedade. porém. “Alguns. Quando os seguidores de Tsehua cansaram de aplicar-lhe brincadeiras de mau gosto e empurrões. onde havia um barranco profundo e disseram-lhe: -. voou como um pássaro. com isso. e mergulhando fundo nas águas. E ao assim fazer. subiram com ele a uma das mais altas torres do palácio e começaram a falar alto. e sequer enegreceu por causa do calor e da fumaça. Não queres mergulhar e buscá-la para o teu senhor? “Shangch’iu K’ai mais uma vez acreditou na palavra deles. 73 . para por fim pousar no chão. obviamente. com toda a sua inocência e crendo no que eles diziam. se ofereceram para experimentar. caminhando. para que o pobre camponês ouvisse bem: -. Saíram daí e. saltou de fato.Se conseguires passar pelo fogo e resgatar algum objeto de valor. sem ferir-se. o senhor Tsehua recompensará com 100 peças de prata. flutuando livremente. Depois desse fato concreto. logo voltou trazendo em suas mãos uma bonita pérola. Não se surpreenderam.mínima questão de agradá-lo.

segundo o taoísmo é ATO PURO ou “Wu-wei”). Agora que me lembro e penso de como escapei de ser queimado ou de como me salvei de morrer afogado. (Aqui. por isso te maltratamos e debochamos! Após estas desculpas. Foi por isso que resolvi vir até aqui. com a lembrança do perigo que tudo isso representou. os cortesãos da família de Fan começaram a crer que aquele camponês humilde era um homem de Deus. Mestre. Minha mente se encheu de espanto e suspeitas (ou de pensamentos ou raciocínios fúteis). contudo. desciam de suas carruagens e se inclinavam diante deles.Não sabíamos que eras um Homem de Deus” Por isso abusamos de ti” Nunca desconfiamos que eras Divino e Mestre. Nunca tinha consciência do meu próprio corpo. o amigo ainda nos considera cegos e surdos? Por favor. e todos lhe pediram desculpas pela rude maneira como o haviam tratado. como me atreverei aproximar-me do fogo ou da água?. Quando Hosheng e Tsepo pararam perto de minha casa. explica-nos a sua doutrina? -. tremo por dentro e me excita à toa. Sempre julguei que tudo o que dizíeis era verdade. Mesmo assim. fiquei sabendo que todos vós estáveis debochando de mim. ouvi-os falar do poder da família Fan. dizendo como podia ela favorecer um homem ou arruiná-lo. nenhum membro mais da família Fan atreveu-se a abusar dos mendigos. 74 . dizendo: -. Somente temia de não ter fé suficiente para levar a cabo tudo o que me ordenásseis. de como conseguia tornar um homem rico. e como transformavam um pobre em homem rico. Shangch’iu Kai acreditou nos raciocínios fúteis do ego e deixou-se subjugar pelo Demiurgo usurpador. portanto e aparentemente.“Após isso.. Agora. deslocando-me de tão grande distância. e tenho que estar constantemente em alerta. Ao contrário. “(Mas continua Liehtsé): Desse momento em diante. existe um ponto a respeito do qual quisera conversar. não tinha qualquer dúvida e acreditei-os. sinceramente. mesmo que não o conhecesse ou na China não fosse conhecido). dos médicos e veterinários que encontrassem nos caminhos.. pobre. Quando eles falaram sobre isso. nem do que era bom ou mau para mim... ou de que maneira voei. A integridade e sinceridade mental me preenchiam por completo e nada do que fosse material podia preocupar e subjugar meu espírito. Depois disso.Não tenho nenhuma doutrina secreta – respondeu Shangch’iu K’ai – Minha mente nunca conheceu e conhece o que fez e faz (e isso.

no SABER-INTUIR e no ATUAR.. o Homem poderia abraçar o Cosmo. pode atravessar rochas e ir através de todo o Universo. E. Isso seria pedir demais! Claro que a Iluminação é o destino final de todos os seres. quando era maltratado.. muito mais poderá aquele que se mantiver íntegro e for sincero. E. Bem agora fala-me da importância do teu trabalho para o cidadão comum. da memória-raciocínio-imaginação e respectivo reconhecer. sem encontrar qualquer obstáculo? Isso que não falo de atravessar o fogo e mergulhar na água.. se previamente não maquinasse tanto com a cabeça. já que não passam de obstáculos menores! Todo aquele que de fato não conhecer o que é o fogo. do conhecimento enganador (conhecimento indireto e indiretíssimo). esse tem a mente ou o Espírito (“P’o”) íntegro.B: O que eu considero importantíssimo transmitir é a beleza que existe no SENTIR. Quando o ATO eficaz prevalece – como no caso do pobre camponês de Liehtsé – o Homem volta à condição de Vida Pura. e Confúcio emocionado disse: “ – Não sabeis vós que o homem absolutamente puro de mente e sincero de coração pode subjugar a matéria. como Vida Pura também era o discípulo do “mondo” ou da estória que em páginas anteriores narrei. Essa “conspiração regida pelo príncipe deste mundo (Demiurgo) e por entidades nefastas do além quer que o homem pense a 75 . Sem tanto especular.. apenas. apesar de haver por aí uma “conspiração cósmica milenar” que procura ocultar isso. um Krishna. contou-a a Confúcio.“Quando Tsai Wu soube da história. pode entortá-la. sem discursar por dentro e transformar tudo em arrazoados. principalmente. Importante também seria denunciar quão perigoso é abusar do pensamento fútil. como se fossem algo separado dele. Se Shangch’iu K’ai pode sobrepor-se aos impedimentos da matéria. Ele poderia atuar com eficácia completa. nem precisam ser comentados. Fundamental para o Homem não é tornar-se um Buda. Lembra-te disso. como um bloco não talhado. Sentindo-as. um Cristo. jovem!” Nelson: Ótimos exemplos. Laotsé.. Importante também é surpreender o farsante que se esconde atrás do pensamento e que chamo ego ou “eu” fulano de tal O homem pode conhecer diretamente as coisas. o que é a água e o que são as rochas.

Capaz. convém parar. do raciocínio. ele poderia reconquistar a liberdade. convencendo os incautos. não vale tanto. a Transcendência Divina e a espontaneidade no Poder. em definitivo. somente. da lógica. e o que é pior. como o próprio pensamento. Nenhum corpo encontraria em seu caminho. Nada disso. sim! Tranqüiliza-te. Aparentemente residimos num mundo onde o pensamento reina absoluto. vingam e se concretizam. ache que a Vida é somente aquilo que ele mal conhece e reconhece através dos seus condicionados. intimamente. o qual. onde as brincadeiras do pensamento são o que são e valem o que valem. sem apossar-te de nada! Como já foi dito. 76 . Portanto. são as terapias e as condutas desastradas as que colaboram para que determinado mal persista e acabe destruindo o homem. a felicidade. Se ele fizesse uma higiene mental e se começasse a desconfiar das coisas que ele sempre endeusou. para que haja cura ou melhora em quadros de doenças. na condição de faca material para poder furar. aparentemente “em seu organismo” apresente algum mal que acredite persistir. Mas passado esse momento. Não estou aconselhando que se pare de pensar. a Vida não pode prejudicar a Vida. suspender esse fluxo atormentador. Inteligente. cortar. Mas o ego sim prejudica a Vida.Vida e não que a Viva. pois! Pacifica-te! Torna-te transparente como um cristal! Reflete como um espelho! Recebe as coisas como elas vêm. Mesmo que. Quer que ele. do pensamento mágico etc. Se em momentos é preciso fazer uso do pensamento. Ninguém precisa ficar alimentando o mal com o seu pensamento angustiante e caótico ou com condutas inadequadas. Isso é possível. aliás. Mas o Homem é muito mais. no pretenso lado externo ou “trevas exteriores”. pensando. porque ela não conseguiria persistir um momento sequer. que se os use. já que não haveria corpo material que persistisse para ser furado. é preciso que o indivíduo retorne à sua condição de ser Sensível. Na Vida nada dura para que “algo material” nos possa destruir! Nada existe na Vida que possa permanecer e causar a nossa destruição absoluta! Se conseguíssemos fazer aflorar nosso Centro Primordial. Muito amiúde. e nos prejudica também. mutilar. “EU SOU”. digamos. nem mesmo uma faca penetraria em nosso corpo.

uma substancialidade. raciocina. Espírito (Deus Vivo) inexista – que o viver humano se tornou tão sofrido.O erro todo. com esta maldita mania de acharmos que somos egos duráveis. tão desagradável. há milhares! Porém. e estas dez mil são só o UM Verdadeiro – Um diamante não é só e sempre diamante. atribuímos ao meio em que vivemos uma duração e dureza. pois. 77 . Na vida condicionada e refeita pelo Demiurgo e pelo egopensamento do homem (ou “Trevas Exteriores”. como ensinam os taoístas chineses – “O Ser Verdadeiro contém as dez mil coisas. tão decepcionante. “Muitos são os chamados. disfarçados de religiosos e salvadores como determinado bispo. cheio de altos e baixos. e que possuímos um corpo com forma persistente. quem inventou a matéria densa onde não existe. não se pode esperar grandes curas de um curador ou de um terapeuta que. é muito mais que um diamante persistente. Aquilo que nosso próximo manifesta é exatamente aquilo que certos médicos mal pensam e deduzem. A Física Quântico Ondulatória sabe disso. A VIDA é igual a um caleidoscópio e. um materialismo. desse falso animismo – cuidado. nós. mas poucos os que sabem ouvir. Infelizmente. há também muitos falsos mestres! Inclusive há bilhões de robôs. poderá descobrir que ele é exatamente uma das dez mil coisas. infere. Foi o egopensamento em “nós” quem inventou persistências ou continuidades. decadências e mortes aparentes. de doenças. só porque pensa. sim. corpo enfeitado por determinadas posses persistentes. Vivemos numa época em que os alertas se repetem com maior freqüência. portanto. quando a Vida é um suceder constante de novidades. Maya) nada tem essência própria. está na nossa estúpida maneira de pensar. quem forjou uma (falsa) vida durável. depois acredita decifrar com correção aquilo que um paciente ou o seu próximo apresenta. não que a Consciência-EU. Atualmente não há somente um Mestre falando. um animismo que não cabem em parte alguma. desse modo. e o próprio paciente também. E é por causa dessa falsa continuidade. Só que nem este último dura. age intencionalmente ou põe em prática o método experimental da ciência. nem anímica nem atômico-material. os que Sabem e Sentem de fato!” E como. na nossa maneira desatenta de discursar por dentro. quem olhar o diamante em profundidade. de surdos que não querem ouvir e que são tristemente manipulados pelos nefastos (ETs).

Perto dele. João quem curará o paciente José. poderia haver um terapeuta que o Sentisse tal e qual. Não será o Dr. Médico bom é aquele que sendo médico. E é esse próximo quem deveria se autocurar. fazendo coisas corretas. em geral. digamos ofuscada por nuvens negras. Vida essa que representa o paciente José.Certas doenças são apenas violências que alguns praticam contra si mesmo ou contra a própria Vida. se autocorrigir. com amor e respeito. e o ajudasse. 78 . pouco se importa de sê-lo. exatamente como se não as fizesse. automedicar. Apenas será uma Vida um pouco mais lúcida a que procurará ajudar outra Vida.

teve que superar contratempos. E chorava quanto tinha que evacuar porque o cocô era 79 . como aliás passou O assunto que estou narrando não teria nenhuma importância não fossem alguns “quê” posteriores. Mas que tudo isso ia passar. Não ganhava o suficiente. porém. sem ser ou ter sangue nobre.REFLEXÕES Terminada a entrevista do Nelson. e este acabou vindo. O mau atendimento num hospital público foi terrível. muito desagradáveis. Vivia muito bem com ela e com a segunda filha Juliana. alguns colegas de medicina me assustaram. nem Subjetividade Parapsicológica nem Objetividade Científica”. Cinco ou seis dias depois o pobre do meu filho começou a apresentar uma grande tumoração no pescoço. da Editora Record S/A e de minha autoria Mas antes vejam o que me aconteceu também: Antes dessas reflexões. Nasceu totalmente azulada. mas um amigo pediatra tranquilizou-me. deixem que eu lhe conte uma pequena história verdadeira ou uma quase tragédia familiar. Já de saída nasceu atravessado ou nasceu de bunda. Pensei que era uma coisa grave. quase a estrangula e morre. e que foram publicados no livro Antipsiquiatria e Sexo (A Grande Revelação). Ansiava por um filho homem.B. Conhecimento Científico e Parapsicológico” e “Óvnis. o cordão umbilical se atravessou no pescoço. Foi uma dificuldade enorme para devolverlhe os batimentos cardíacos e a respiração normais. Completados os dois meses. Por isso que tudo se atravessou para pior. quase estrangulara a criança. enrolando-se. Longe ainda estava eu de suspeitar o que iria acontecer com minha filha A. dizendo que esse tumor havia sido ocasionado pelo cordão umbilical e que. Na última hora eu não consegui um hospital melhor. meu filho começou a apresentar prisão de ventre. ou também nasceu cianosada. A criança quase nasce asfixiada porque além de ter que nascer numa posição invertida. agora vou apresentar pensamentos e opiniões que extrai dos ensaios “Óvnis.

discreto com um pouquinho de azeite de oliva diluído na água morna . Os senhores doutores haviam tomado essa decisão. cambiável. da alça sigmóide. e que venha a coletar as fezes por esse outro ânus artificial. sem comer nem beber. foi terrível. E nada feito. Tentei fazer um enema pequeno. o sigmóide. tentaram enemas.muito grande para o pequenino anus dele. com a finalidade de criar um anus artificial para a eliminação das fezes. Fizeram outras radiografias e concluíram que havia se dado uma obstrução intestinal por uma inexplicável paralisia do cólon descendente. abaixo do corte. pois não havia outra coisa a fazer. meu filho certamente morreria. Na colostomia dá-se a abertura cirúrgica de uma alça intestinal chamada cólon descendente. Ou seja. No domingo continuou. o anus original seriam anulados em sua função. enfiaram o dedo médio no ânus da criança para ver se podia alcançar o fecaloma. Só sei que meu filho emagreceu e empalideceu brutalmente. No sábado a coisa piorou. 80 . Na parte externa é acrescentado um dispositivo para que se possa inserir uma bolsa especial. do reto e constataram a presença de um fecaloma ou de um grande cocô parado e obstruindo o intestino. já tinham passado cinco dias sem a criança evacuar e ela chorava por causa das cólicas ou dor de barriga. involuntária. E para começo de conversa. O cirurgião junta a parte não paralisada do cólon cortado com um corte cirúrgico feito na parede abdominal interna e externa. a fim de que se desse a evacuação restante. Não me lembro se instalaram algum soro fisiológico ou algum soro glicosado. Essa historia toda começou numa sexta feira de noite. uma colostomia. sem ter que extirpá-los. Como até o sábado não havia acontecido coisa alguma. porque acharam que havia se dado uma paralisia intestinal no cólon descendente.. cirurgiões e gastrenterologistas decidiram efetuar. tentei mais uma vez com um pouquinho de glicerina. e nada. Chegou uma ocasião em que a situação se agravou. na segunda feira seguinte e sem falta. O resto do colón descendente. a conduta dos médicos. E nada feito. Em desespero de causa levei a criança para hospital. o reto. E a criança não comia e não bebia desde a quarta ou quinta feira daquela semana. em parte. mantiveram-na em jejum total. Se não se efetuasse a colostomia. E no hospital. é claro. para amassá-lo e desmanchá-lo. os especialistas. Tentaram purgantes leves . Fizeram uma radiografia do cólon descendente.

E a criança estava se depauperando a olhos vistos. onde a criança estava pálida e esfomeada. a uva era bem gostosa. A criança tinha que ficar em jejum até a segunda feira. Ela havia ficado com a criança no hospital na sexta e no sábado de noite. só para criar casos ou encher lingüiças. magra sim. Até o domingo. quietinha e triste e parecia implorar alguma coisa. deram-lhe de comer. Sucede. A criança se transformou como que por milagre. ranzinza. seus inconsequentes! Eu e minha mulher tentamos negar. os lábios vermelhos. eu comia o miolo com semente e tudo. dia da cirurgia. mas irradiando um bem estar. e espremia a casca suculenta na boca da criança.Quando a criança completasse os sete anos de idade eles iriam tentar outra cirurgia corretiva. Eu estava desesperado com a decisão médico-cirúrgica. A seguir entrou uma enfermeira padrão. obedecendo um estranho e abençoado impulso. 81 . Eu trabalhava e tinha plantão a fazer. Ela saiu do quarto contrariada e foi fazer o seu relatório ou para um médico ou no prontuário (papeleta). esticando o cólon descendente sadio. Menos mal que meus familiares ainda não haviam se intrometido. O rosto voltou a ficar rosado. Parecia que estava sendo vampirizada e preparada para morrer. Naquela manhã de domingo bem cedo fui para o hospital e no caminho comprei um quilo de uva rosada. eu e minha esposa não tínhamos tomado qualquer decisão. deram-lhe de beber? Mas isso é proibido. e minha esposa também estava. mas não havia o quê fazer. Meu filho absorvia aquele suco da casca da uva avidamente e com prazer. uma uva bem gostosa que existe aqui no Sul. comecei a espremer a casca da uva na boca do nenê. Ou seja. mas não adiantou. Levei tal uva ao hospital para que minha esposa a comesse e se refizesse um pouco da angustiante preocupação e estresse. que notou a transformação de meu filho. Minha esposa comeu e eu comi também. Mas os médicos e as enfermeiras padrão haviam proibido qualquer líquido e alimentação. sem me preocupar com a estúpida proibição do meus colegas. religando-o ao antigo anus que havia sido desativado. tentando assim restaurar a função antiga e normal. Simplesmente não sabia se meu ato tinha sido uma loucura ou uma bênção. E imediatamente perguntou: O que vocês fizeram com o Leonardo. Fiz isso umas vinte ou trinta vezes. aposentado. porém que eu. Só que eu fiquei comendo a uva perto do berço. E eu fui dando até achar que tinha que parar. Ela me olhava. boa para se comer mas não para fazer vinho. E efetivamente.

Chegando em casa. porque já havia trabalhado em hospitais. cadê a polícia? Antes de conseguir sair do hospital. Depois disso. E a criança adorava isso 82 . isso que purgantes já haviam sido administrados sem efeito algum. foi como se fosse um golpe. numa Santa Casa. É totalmente louco e inconsequente! E agora minha gente. o suco da casca da uva rosada serviu de purgante ou laxativo. Graças a deus minha esposa concordou plenamente. Só de vez em quando. nos obrigaram a assinar um (boçaloide) termo de responsabilidade e mais alguns ofícios não sei de que. descobri o motivo do acidente ou do aparecimento do fecaloma. Além do mais. Foi aquele zum-zum infernal. coisa que nunca suspeitei. Se tiver que morrer. ou senão instalar uma vida de inferno para o pobre do menino e para nós também. vem “Il finale travolgente” (ou o dramático final). que morra em casa. às vezes. e sabia bem que.Aí me deu outro vislumbre. à enfermeira padrão que havia visto a criança e havia nos detestado. Não quero saber de cirurgia. duas horas depois. a medicina mais mata do que cura. meu filho nunca mais sofreu da prisão de ventre. Imaginem que sem eu saber. E assim foi feito. vamos tirar esta criança daqui! Vamos levá-la para casa. Eles diziam: o doutor Bono e sua esposa enlouqueceram!? Eles não vêem o que vão fazer? Certamente a criança morrerá em casa!. Ora. Porque tanto eu como minha esposa modificamos a alimentação para não permitir o endurecimento das fezes. tudo isso também poderá matar a criança. Daí os senhores doutores diagnosticarem na criança uma paralisia do cólon descendente. de bolsinha abdominal para recolher as fezes. meu filho simplesmente conseguiu expulsar o respeitável fecaloma que ia implicar numa cirurgia chata e feia. depois. O comentário que rolava no hospital era: Bem se vê que o doutor Bono trabalha no hospital São Pedro. eu costumava molhar o bico do nenê num liquido licoroso de vitamina C em gotas. sem gritar nem chorar. Depois disso. de qualquer maneira. Vamos levá-la para casa. E eu disse para minha esposa: Mulher. Isso não é medicina! Isso não é justo! Cadê a justiça. Comunicamos nossa decisão ao médico de plantão. se levantou aquele alvoroço.

A natureza de tal conhecimento é igual a uma cebola. estava bem sadio. rechonchudo e bonito. e aí mais uma vez a farsa sobreposta se reforça. A jovem criada que ficava cuidando das crianças. Isto é. de complicações e pensamentos caducos. São extrojetadas pelo próprio conhecedor mal pensante e se situam por sobre do “ISTO”. Trágica ironia. se fosse o caso. Mas preferi não fazer isso e ficar na minha. Sucede que tanto eu quanto minha esposa trabalhávamos fora. salvei meu filho da fatal colostomia. que recuam até o infinito. Sobre Ciência e Conhecimento Científico -. o corpo. -. Com isso ela se acalmava e dormia. e continua vivendo bem até hoje. porque o envolvimento familiar e hospitalar dela havia sido muito grande. Em seu centro. não consegui salvar minha filha AB. E aí me deu vontade de voltar para o Hospital e mostrar a eles o filho do mostro (eu). Consegui salvar minha mãe aumentando em 24 anos a sua sobrevida. 83 . exagerou na dose.A Ciência materialista mata o “EU” para favorecer o “meu”. tenta matar o “meu” (isto é. porém. Logo a seguir descobri que a vitamina C é boa e inócua. essas camadas nada encerram de válido ou útil. mas em excesso funciona como diurético. A falsa espiritualidade.. Desta feita. Meus colegas de medicina do hospital não sabiam disso. Quando meu filho completou cinco meses. salvei um desconhecido impedindo que virasse um louco crônico. o mundo) para endeusar um falso espírito ou ego “eu”. E com isso endurecem as fazes. e com isso a mentira da farsa sobreposta se reforça. como a cebola. faz urinar em demasia. ela encharcava o bico com vitamina C em gotas. de sua parte. São camadas e mais camadas de aparências inúteis.porque era doce e um pouquinho ácido. toda vez que Leonardo chorava e não queria dormir.Certos conhecedores científicos e outros iguais a eles não passam de meros engendradores de fantasias lógicas. os bandidaços de outras latitudes ganharam deste pobre mortal.

só rouba. tudo o que nele se apresenta são tão-somente formas de pensamentos. longe está da Realidade ou Cosmo Verdadeiro. Esse Saber-Sentir-Intuir-Atuar equivale ao próprio Homem Primeiro. -. em verdade. -.O Discurso interior não orienta nem indica algo real.Sentir integralmente é reto conhecimento silencioso.Nós forjamos nossa Física. nossa Química. exatamente por causa do seu “abnegado lucubrar”. (“tu”). nossa Matemática. -. quando livre desses quatro passos limitadores e castradores – da observação intelectual. porquanto.Talvez pensar em excesso não tenha sido um grande passo a favor do aperfeiçoamento humano. por sua vez. é fácil perceber que no Homem a possibilidade Saber.A Verdadeira Ciência. e é só depois que o pensamento se levanta feito tempo. e exigimos que a Vida Cósmica faça parte de nosso domínio. Sobre o pensamento. vai oprimir o homem incutindo-lhe modelos mentais ou representações que fatalmente o condicionarão a pensar muito e a pensar erroneamente. Pensar e discorrer a respeito de seja lá o que for equivale a engendrar um falso sujeito (“eu”) e um falso objeto. mais a hipótese. Sentir e Intuir se dão Aqui e Agora. nossa Biologia. E dentro desse casulo de forjações imaginárias nós nos aprisionamos. -. a matematização da prova e forjação da Lei geral – antes de tudo é Verdade e Entendimento. método que. Depois alguém quer que tudo se acomode a esses modelos e representações. restringindo-se ao feitio do nosso casulo de preconceitos.Sem querer impor nada. nosso modelo de Universo. Percepção e Conhecimento Geral -. Este último. -.Fazer para provar é exatamente o método experimental da ciência. Quero crer que não há ser na face da Terra que sofra tanto como o homem. acasalada com a Inteligência ou mesmo 84 . a reprodução do fenômeno.-. A Ação Pura (”wu-wei”).

biólogos. físicos. -. -. contenha esta ou não OVNIs. já não se pode chegar à Realidade Viva. em que prevalece o Sentir Puro? E por que há tanto torpor e cansaço na constatação do adulto em que só prevalece o mal pensar? -. já não se pode chegar às vias dos fatos.com o Instinto. infelizmente. que também é Consciência de Ser e Estar ou Consciência-EU. E os que resistem a tal realidade são exatamente os governos e certos radicais manipuladores do conhecimento científico. provirá tudo aquilo que jamais foi pensado. daí a assombrosa importância dos OVNIs e de sua conturbadora presença. Com o famoso conhecimento lógico-racional-científico ou até mágico-popular não se vai à parte alguma. ultimamente. -. do Desconhecido pode provir tudo. é eficácia absoluta (ou é Magia Banca).Da maneira como as coisas se nos tem apresentado. E. Sobre os OVNIs e seus Tripulantes -. psiquiatras.Em face de um Sentir íntegro. Tal modo de (re)conhecer. no verdadeiro sentido da palavra. talvez voltasse a prevalecer aquele Saber-Sentir-Intuir original. (certos astrônomos. -. imaginado e memorizado. ao certo.Da Verdadeira Vida ou do Insólito.Os discos voadores não se importam nem um pouco com as nossas noções de matéria física e com as nossas pretensas descobertas 85 . isso hoje seria até absurdo questionar. psicólogos e cientistas de araque). químicos. Mas não necessariamente consciência de ser alguém à parte ou separado do resto. bioquímicos.Se não se pensasse tanto.É ela que cria.O fenômeno UFO seja real. não passa de um raciocínio limitador. não faz sentido falar de faculdades extra-sensoriais. Por que se manifesta tanta alegria na vida de uma criança.

é portador de incríveis vícios mentais e está restrito a essa “Porca Loca”. e não somente uma insignificante grande bola a girar no espaço. que se pode quantificar ou medir. conforme ensinou Descartes. E QUE JAMAIS SERÁ A INFAME NOVA ORDEM MUNDIAL Para a cultura ocidental existiriam duas realidades. Esta “realidade” teria sido criada por Deus.físico-químicas a respeito. não se pode mais dizer que sejam só extraterrestres. nos primórdios dos tempos. Não obstante esse prisma mental deturpador em cada um de nós. perceber e fazer ciência. E esta realidade que se estende é exatamente a “RES EXTENSA” de Descartes. 86 . -. -. Haveria. que se expande. pois. UM CONHECIMENTO CORRETO PARA UMA NOVA ERA. o filósofo e cientista francês. realidade que também se densifica (matéria). a presença dos OVNIs é uma ruptura total em nossa maneira de conhecer.Todo homem verá os OVNIs de acordo com os condicionamentos ou modelos culturais que prevalecerem em sua mente. o felizardo contatado e posterior conhecedor da inusitada experiência. mas porque o seu pretenso observador pensante.O que chamamos “nosso mundo” poderia ser algo bem diferente. não porque o fenômeno observado seja uma mistura de fisicalidade. como dizia muito a propósito. uma primeira realidade que se estende. E é por isso que com relação aos objetos voadores não identificados. de psiquismo e magia. o grande filósofo espanhol. Poderia ser o próprio Insólito do qual inclusive os OVNIs podem provir. bilhões de anos atrás. Unamuno. no caso.Que os OVNIs sejam físicos ou mentais é difícil distinguir. nem se importam com nossas noções de atomística e energia intra atômica. de validade pretensamente universal. Aqui as probabilidades parecem misturar-se. ou senão teria sido engendrada pelo ACASO. conforme as teses das leis científicas. o mundo ou o universo. -.

tanto o mundo como o cérebro pretensamente pensante.. e que o pensamento humano ou o cogito é só uma série de reações físico-químicas que ocorrem na massa cerebral. em Manifestação ou não. do meio. Os orientais sugerem que há.. Autonatureza. o homem erudito e comum também. não são bem assim. gerada por um Deus-Persona. que se impressiona. uma criação no tempo e no espaço. Até o deus Brahma do Hinduísmo não seria necessariamente um criador diferente das criaturas. Satori etc. tanto faz.. um aperfeiçoamento da matéria.. no caso). Por meio dessa dialética. e todas as demais preciosas mentiras científicas. e que só serviria para fundamentar a multiplicidade externa e interna. sim. e a multiplicidade interna (psiquismo) dos homens. Os materialistas científicos alegam e até mesmo “provam” que tal inexiste. E tal “RES COGITANS” transformaria tais estímulos e impressões em conscientizações. apreensão que se ocorreria graças à função de pressupostos órgãos sensoriais. que sabe. corresponderia ao próprio homem. Essa alma também teria sido criada e obsequiada previamente por Deus. teria então a capacidade de captar as impressões e os estímulos que de fora viriam. Tal segunda realidade cartesiana ou “RES COGITANS” (pensante. ficaria fundamentada a multiplicidade externa e material. portanto. Os Mestres orientais nunca aceitaram essa dualidade ladina e superposta.. nem tão complicadas. acabaram se fundamentando. “EU SOU”. nunca houve. Nirvana. um ABSOLUTO.. dotado de uma alma inteligente e racional. Graças então a estas duas pretensas REALIDADES que se confrontam. que percebe e que reconhece. que conhece. um tanto e quanto pessoal. Para muitas escolas orientais de pensamento. ou no tornar-se cônscio de algo lá fora. um Brahmán.. Esse homem é uma realidade que raciocina. felizmente. mas sim apenas as manifestaria em 87 .Ademais dessa tal “res Extensa”. A realidade pensante. e muito menos por um deus-acaso científico. (Bota safadeza nisso!). existiria uma segunda realidade pensante.. Purusha.. material e animicamente. propriamente dito. que viriam do mundo. Isvara. seria apenas uma evolução. em percepções biológicas corretas.. anímica ou cerebral. Em verdade as coisas. um TAO. que se convence. desse passe de mágica. A realidade pensante.

Os cinco pilares da ciência materialista. Na Verdadeira Vida há ATUAR. A natureza externa dita material. Quando o homem se mantém íntegro. da astronomia etc. bobeia. sacrificando seu SentirSaber-Intuir (“Prajña”) quer conhecer o Pai de modo inadequado. não foi feita nem pelo acaso – tese científica – nem foi criada por um deus-persona ou pelos Eloin e Jeová bíblicos. mas não há agentes primeiramente divinos e depois humanos. Ora.. Já veremos o que é isso. separado) – vira “Maya” ou vira um “ISTO” revestido com mil véus enganadores.. meios e fins da vida – mas 88 . fica escravo de “Avidya” ou da ignorância-ego-pensamento. e também o conhecimento indiretíssimo (próprio da microbiologia. (ilusão. Esses Mestres também dizem que essa Manifestação só pode ser Apreendida. não dará lugar à multiplicidade enlouquecedora.. Portanto. por sua vez.). separatista. a Autonatureza ou o Reino do Pai cederá lugar às Trevas Exteriores ou Maya (ou a uma falsa natureza). Querer conhecê-la é igual a fazer prevalecer o conhecimento indireto. seu SaberSentir-Intuir ou sua Inteligência Primordial. com uma Mente Pura ou não dividida. que se traduz como ignorância-ego-pensante e interferente. E a meta de seu desejo – (que é conhecer o Pai ou conhecer a Autonatureza como algo diferente. engano). ou seja. o tempo e o plasma universal são meras aparências (ou Maya). Mas quando o Homem cochila. A “res cogitans” de Descartes infelizmente é o próprio “Avidya” e a “res Extensa” que tal cogito encara é exatamente “Maya” ou o mundo científico. muito tempo atrás.seus primórdios ou “Yugas” (Idades). seu Perceber (u “Jñana” ou “Prajña” dos orientais. a matéria. que traduzido quer dizer ilusão ou aparência. a energia. “Eu e o Pai somos UM! (ou somos Não-Dualidade). Comungar com a Autonatureza é Conhecimento Direto. se descuida. dizia Cristo. quando o Homem Primordial.. O Deus Vishnu as conservaria e o Deus Shiva as transformaria ou as destruiria. sim. tanto universal como psíquica. ou livre da ilusão e das aparências. cede lugar ao “AVIDYA”. o espaço. Vivenciada ou Realizada pelo Homem Íntegro e não por um ser fragmentado ou mal pensante. Ou melhor. no caso) se manterá íntegro. Externamente. que a ignorância-ego-pensamento (ou Avidya) acrescenta e superpõe. com a eliminação dos agentes e com a superação dos começos. algo à parte.

EM PENSAMENTO. O ABSOLUTO em Si ou o REAL é indecifrável. AQUILO SE COLOCA NA FRENTE DO EGO MAL PENSANTE. AQUILO SE OBJETIVA. porque. Aqui e Agora e em constante renovação – as assim chamadas descobertas científicas e médicas perdem todo o seu significado maior. porque não houve criação material e nada acabou se escondendo para depois o cientista descobrir. limita-se primordialmente a uma comunhão. AQUILO NÃO APARECE. A Autonatureza é a própria GERAÇÃO INCONDICIONADA Manifesta pelo Absoluto. são engendramentos pensantes-pensados. à condição de “ISTO”-(Objeto Real) e “SENTIR”-(Sujeito Real ou Homem Primevo). arquitetado e depois escondido para que o homem (mal) pensante acabasse descobrindo algo. harmônica. próprios da magia branca ou negra. O que a ciência diz descobrir. NÃO SE SUPERPÕE. é impossível de (re)conhecer. nem casual. AQUILO APARECE. Se não há nem agente divino. Isso é o que faz o Homem Primevo ou não decaído. O REAL em Manifestação. ambos uma NãoDualidade. tudo é fruto do pensamento. de se pensar. com este homem meramente pensante surge a Geração Condicionada. AQUILO SE SUPERPÕE AO “ISTO REAL”. então nada foi criado previamente. Nesta geração condicionada acrescentada e superposta. ISTO NÃO SENDO PENSADO. em verdade são somente acréscimos humanos. E nesta condição decaída. QUANDO NÃO SE PENSA. SE PARA TAL ESTE LADRÃO E SALTEADOR EXECUTAR O ATO INTENCIONAL. nada foi enjambrado. engendramentos esses que são regidos pela Lei da Geração Condicionada. uma não-multiplicidade perfeita. 89 . Nessa Autonatureza se incluí o Homem Primevo. fruto de o seu péssimo pensar e atuar intencional. por descuido começa a mal pensar e aí vira homem-egopensamento.pondo no lugar disso uma Manifestação Primeva e Divina. NÃO SE AGE PROPOSITADAMENTE. são distorções. de se REALIZAR. nem humano. que pode decair. NÃO SE OBJETIVA. espontânea e totalmente livre de qualquer LEI. PORQUANTO. mas é possível de se VIVENCIAR . de sua parte. A Lei da Geração Condicionada tem como enunciado o seguinte: ISTO SENDO. Quem rege a orquestra da geração condicionada é o Demiurgo (falso deus) e o ego bandido no homem decaído.

e muito menos que é o próprio nada. Intemporal. Em suma. ESPÍRITO-EU)! O Homem Verdadeiro é um Vazio-Pleno atuante. inteligência. quando bem visto ou bem percebido. em termos relativos. as teosofias. Livres do ego (falso ente. Não há um tempo físico que continua. apesar de que todas elas. sensações e presença lúcida. O HOMEM ou o Ser Vivo não é nem um corpo anátomofisiológico. (ou ESPÍRITO-EU. malgrado as velocidades. Não há um espaço físico que se estende e que aparece. superpõe-se a dualidade (ou multiplicidade): homem-egopensante (res cogitans). a modo de dizer. Lucidez. (tempo) do SABER-SENTIR-INTUIR-ATUAR-AMAR. de um lado. O Espírito é como o vento. como a medicina científica costuma alegar e provar. nós somos VIDA. que pode ser tanto externa como interna. E por puro descuido. Este último Vazio-Pleno (ou Reino de Deus) é exatamente o próprio mundo ou Terra. superpõe-se a multiplicidade enlouquecedora. de tal “ressonância existencial” salta fora então o mal pensar ou o “cogito”. mormente numa Auto-Realização. Com a intromissão do pensamento caduco ou atraso temporal. e mundo pensado (res extensa). Todavia. O pensamento é só atraso. Descartes também pensou a favor da alma. dizia Cristo). como o próprio Absoluto o é.. nem que seja eterno. também é SABER-INTUIR-ATUAR-AMAR. cheia de surpresas e belezas infinitas. Inteligência. os choques e as inércias possam aparecer. possam ter alguma razão. o espiritismo e as correntes religiosas judaico-cristãs e islâmicas costumam apregoar. mas há apenas um AQUI ou um Ponto-Instante. totalmente isolada. Só há um AGORA a respeito do qual nada se pode dizer. tudo o que aparece e se reconhece é só e sempre “Maya-Avidya” (Aparência-Ignorância). além de SENTIR. tampouco há movimento ou deslocamentos físicos. nem é uma alma ou uma entidade à parte. o ocultismo. Só que em tal Homem (Pulsátil) “algo reverbera.O Sujeito Real (ou o Homem. cheio de sentimentos. ressonância caduca.. algo ressoa”. EXISTIR ou 90 . intruso). que se apóia e se desloca sobre outro Vazio-Pleno (ou Autonatureza). que aparece ou se gasta. do outro. nem que seja só instantâneo. como o esoterismo. Não havendo nem espaço nem tempo físicos. só que era uma alma ego-pensada. Sentimentos e Sensibilidade (ou somos “EU SOU O QUE SOU”.

Aqui e Agora. Mente Pura. poder-se-ia dizer que em tal AQUI cabem todas as coisas. Resumindo. Tal Manifestação nada teria a ver com uma hipotética criação divina ou mesmo criação casual. No nível de uma Manifestação Primordial. tal Não-Tempo ou Autonatureza não tem nada a ver com esse outro tempo supostamente cronometrável por meio de relógios. continuar sempre da mesma maneira e sempre com a mesma matéria e forma. que pode até mesmo fazer-se ou tornar-se Homem. totalmente livre de superposições. É Consciência Pura. do conhecimento indireto e indiretíssimo. livre de “Avidya” (ignorância) ou UM em Todos. visando o PODER. máquinas. ou talvez não caiba absolutamente nada. equivaleria ao Objeto Real e Absoluto. Quando sugiro o Momento Absoluto. não refeita. E esta Mente ou Consciência-EU e o SER ou Deus-Pai-Mãe se confundem. Esse Não-Tempo simplesmente não dura ou talvez dure eternamente. AQUI e AGORA é só Vazio-Pleno não extensível e não durável. ou Todos em UM. inseridos numa “Maya-Natureza”. haveria somente um ‘ISTOSENTIR’. como se não durasse. É condição “sine qua non” da Vida-Verdade – e não da vida refeita. “ISTO”. E se o tempo físico é só um acréscimo mental. uma sobreposição. livre de “Maya-Avidya” Fazendo força com o pensamento enganador. nada existe objetivamente que possa persistir. permanecer. reconstruída pelo pensamento (“Maya”) – que nada subsista dois momentos sempre do mesmo modo. Sem o prevalecimento do ATUAR impessoal. Essa duração das coisas é uma armadilha que a nossa mente egóica e pretensiosa forjou. livre dos véus de Maya. ou por meio dos supostos movimentos dos astros. não distorcida. O Homem Livre (ou o Deus Vivo entre os mortais) e a Consciência-EU também se confundem. É Vivência livre do reconhecimento. Não-Dual. num espaço-tempo receptáculo. Aqui e Agora. para as conveniências do próprio ego-pensamento. somos SABER-SENTIR-INTUIRATUAR-AMAR (= SER). 91 . então. estou-me referindo a um Não-Tempo que não tem como ser medido. geralmente roubados e interferentes. E “SENTIR” corresponderia ao Sujeito Real e Absoluto.EXISTÊNCIA é outra coisa. Portanto. livre do tempo (ou livre de PODERES espúrios.

recria-se em “MIM” (ou Espírito-EU) um falso ente pensante (“res cogitans”) e um falso objeto pensado (“res extensa”). se materializarão se o “ego” no cientista fizer alguma coisa para tal. e principalmente do PODER roubado que os adversários exercem. a AÇÃO seria muito mais eficaz que o mal pensar? Quem foi que disse que para se SER É PRECISO PENSAR (“Penso. num pretenso meio externo. e mais Aqui). e este reverte à AÇÃO – por que o ego em “MIM” se faz passar por ator ou se intitula agente? Não será para ROUBAR PODER de Aquilo (“EU”. conforme ensina a Lei da Geração Condicionada. um ator verdadeiro (ego) que se move. por isso mesmo. No SENTIR-ATUAR Primordial pode estar incluído o suposto ente corporificado e também o suposto meio material (ou “ISTO”). antes mesmo que o pensamento se intrometa e. Se prevalecer um “Penso. Mente Pura) tem que achar que “ele-eu”. ou está provocando a convergência de causas e condições. ele está se recriando (ego) e recria também situações. Deverá a AÇÃO EM mim (Consciência-EU) depender forçosamente das determinações do pensamento? Ou quem sabe se o ATUAR. simplesmente eclode de outro modo. ou se ele atuar intencionalmente no tempo. há ATUAR (ou Vida) – o qual inclusive se faz ou se torna agente. precisa possuir um corpo para se mover. reconstruído por mim (ego).depois (tempo) não haverá ego que pareça agir ou que pareça ser um agente. O Homem. logo sou”.. com “H” maiúsculo. fulano de tal. Aqui e Agora. E tais situações. para agir? Ora. como ensinam os taoístas. infelizmente. “ISTO”-(Caminhos) sempre leva ao Infinito (Aqui e mais Aqui.. SER) que deveria ATUAR correta e livremente? O agente que age é só pensamento.. é mente ego-personificada que se agita! Quando um cientista começa a pensar (res cogitans). livre do tempo. e sim. que age. senão não seria decaído ou extraviado. escravo do tempo e do espaço. logo sou”)? Ao se SABER-SENTIR-INTUIR-ATUAR-AMAR já se é! Por que o ego em “MIM” (Consciência-EU. só se consubstanciarão. Mas o caminho que como ego percorro e reconheço. roubando o ATO PURO ou o “wu-wei”. E 92 .. se não há agente. Este homem decaído inclusive busca alcançar poderes. sem qualquer dúvida é refeito por mim (ego). decai e torna-se homem com “h” minúsculo.

poderá prejudicar o “SENTIR”(Homem). porque também nada é feito para tal. quando é que SENTIR-(Homem Primordial) não é afetado pelo ISTO-(veneno)? Quando “ISTO” for só e absolutamente “ISTO” em renovação. contudo. E assim acontecerá sempre que o homem-ego-pensante fizer alguma coisa cheio de intenções para evitar ou para suplantar tal pressuposto tóxico ou veneno. Mesmo assim. Isto não sendo pensado. E a propósito. digamos ISTO-(arroz) e ISTO-(cogumelo). e o “SENTIR” for só Homem ou ConsciênciaEU. Se a modo de dizer. contudo. mentira sempre será. roubando e distorcendo a AÇÃO IMPESSOAL. se para tal o homem-ego atuar intencionalmente. aquilo não aparece.tal “caminho refeito” só me levará àquele lugar onde. na medida em que o ego-homem-pensante atribuir ao cogumelo aparente os venenos ou as toxinas que nele pareçam caber. talvez tenha exclamado o que segue): “Da Verdade Absoluta. valendo-se da Lei da Geração Condicionada (ou Pratityasamutpada). (ó objeto danado). clamo aos quatro ventos contra as mentiras que o pensamento-raciocínio superpõe!” E o pensamento-raciocínio consegue sobrepor mentiras. porque o que aí conta é só o “ISTO” básico. A Lei da Geração Condicionada ou Dependente (Pratityasamutpada) assim se anuncia: “Isto sendo. como diz o Taoísmo. Aqui e Agora. pensando (tempo). pensando. “ISTO”-(cogumelo). do Nirvana (ou do Reino de Deus) não se pode dizer palavra. do “Querido Eu”. ISTO-SENTIR ou a Manifestação Primordial. ego que te vejo. ou o Objeto Primordial e em Renovação. Inclusive distorce a Lei do Carma. (Buda. não se objetiva. não se superpõe.. em determinado dia. se superpõe. se concretiza. Ou seja. porque o que for proferido. E esse é um conhecimento indireto. tudo é só “ISTO”. propriamente dita. em pensamento. se objetiva. ou não. tem que manter-se como Não-Dualidade Absoluta. determinei ir. então efetivamente não há diferença alguma entre. tem também este outro anunciado: “Sou eu.. consegue sobrepor mentiras e aparências objetivadas (ou Maya). não ser nem só UM nem só muitos. aquilo aparece. e que eu (ego) já conhecia previamente. e 93 . com as suas “dez mil coisas inerentes”. e nunca descambar para o ego-pensar que é uma falsa condição epístemo-psicológica ou temporal.” A Lei da Geração Dependente.

sempre atenta.. e que. Cristo inclusive. não passava de um preconceito herdado das velhas filosofias e religiões preexistentes. Sem o mínimo autoconhecimento.Que tremenda farsa. e numa evolução das espécies que nunca se deu. não há pior inimigo do que ele. Descartes etc) supunham existir. sem conhecer a fundo as fantásticas possibilidades do Ato Impessoal e Intemporal – Ato que se tocado pela intencionalidade. “EU SOU”). O Espírito-EU nada tem a ver com tal alma-persona ou ego-personagem. todo pensamento. ainda inventaram os tais de peptídeos milagrosos. o logro. também cientistas. solto. toda lógica-razão se explicassem. infelizmente. tirano tornar-se-á! Esta é a causa de todos os males que afetam a humanidade!. aperfeiçoadas por puro acaso..vendo-te. rechaçaram tal alma e alegaram que o cérebro material e seu fisiologismo ou funcionamento não precisavam de tal ente divino preexistente. Mas. Bastavam as reações físico-químico-elétricas do cérebro. que os primeiros cientistas (Newton. Consciência-EU “Prajña”. separada. bons para nada. não permitia o engano. valha-meu Deus! 94 . um servo perfeito. a tal alma divina e racional. sem o menor vislumbre do que vem a ser o SABER-SENTIR EM SI e respectivo PERCEBER (Conhecimento Direto. O egopensamento no homem é um ótimo criado.. distinta. que. Deus Vivo. e aceitaram a premissa de que ele (cérebro-alma) era uma ótima ferramenta. que eles traduziram como cérebro trabalhando. para que todo raciocínio. que nunca falhava e que não podia enganar e mentir. é cruel e homicida! E se como senhor conseguir suplantar o “Querido EU”.. Os grandes precur4sores da ciência simplesmente utilizaram a mente. Não poucos Mestres do Oriente e do Ocidente. E como se não bastasse. alertaram: “Cuidado com o pensamento intrometido no homem! Se totalmente livre. Acharam eles que atrás dessa ferramenta havia uma “alma divina”. mas solto é um péssimo senhor. Posteriormente vieram outros tolos mais. pelo desejo humano vira portentosa vara a consubstanciar magias brancas e negras – o homem passou a pensar freneticamente de modo mágico ou racional. Estas duas Leis obsequiaram e sacramentaram todas as descobertas da ciência moderna. sem medir consequências. para me apropriar de ti. e a agir adoidado. me vejo (como se fosses tu) e vendo-me te faço.

que se estende (“res extensa”). que o corpo-homem é algo durável e diferente do meio? Bandidagem foi essa. Entender. Saber.Que ego mal pensante é esse que incutiu no Homem que ele está absolutamente separado do meio? Ou seja. são zeros absolutos. Sentir. Atuar e Amar? E desde quando o totalmente dependente ego-pensamento tem mais valor que o absolutamente livre e Sábio “EU SOU”? A falsa natureza (“res extensa”) que o homem “ou “res cogitans” tenta decifrar. no caso). material. sempre mal pensa ou conhece de modo indireto e indiretíssimo. a da ciência e de certas religiões de nos impingirem uma realidade pensante (“res cogitans” ou o homem. do outro? Quem foi que disse que essa capciosa dualidade cartesiana (homem separado de uma multiplicidade objetivo-material aparente) é absolutamente válida e sempre veraz? Por que a interdependência entre sujeito e o objeto dos orientais nunca foi levada em consideração? Como foi possível que alguns pródigos lucubradores não se apercebessem de que sujeito e objeto. da reta Compreensão e reta Percepção? Que Organon é esse que traduziria a objetividade à sua frente.. Quem foi que disse que este mal pensar de homens desavisados e confusos – pensamento esse que “EU” julgo criminoso – pode ser a testemunha fiel e pode ter tanto valor assim. e indiretíssimo (como o da microscopia e astronomia). E o homem decaído ou escravizado. A natureza reconstruída (Maya) é um dos pólos de uma mesma barra magnética. também é a própria Mente Primeva e Indivisa. ou mais valor do que o Intuir. de um lado. presente no Homem Lúcido. tomados separadamente. o outro pólo é o próprio ego-pensamento (avidya). Essa barra ou Autonatureza. é igual ao próprio ego humano. Compreender. e que tampouco possuem essência própria (material ou anímica)? Quem foi que disse que o mero pensar no Homem é verdadeiramente o “ORGANON” da Inteligência. não são absolutamente nada.. 95 . e não com trapaças e interesses distorcedores?. Realizado e totalmente livre! O Homem com “H” maiúsculo sempre Conhece de modo Direto. por meio de um conhecimento indireto. contudo. com honestidade. e uma realidade objetiva. infelizmente.

separado do egopersona. em impedimentos. e que no fundo não existe. (Último lembrete): ATUAR-SABER-INTUIR-AMARSENTIR-ISTO é EXISTIR OU É EXISTÊNCIA PURA! O ego-pensamento em cada um de nós só reconhece ou só pode reconhecer o que se coloca diante dele. o que ele diz chamar objeto. O pensamento quando envolve o SENTIR. isso não EXISTE. primordialmente falando. O SENTIR é sempre momentâneo ou intemporal. por meio do discurso. é estruturante ou engendrador e é discursivo ou sustentador. para o ego-reconhecedor resultam então em falsa segurança. o conhecimento indireto pretendem ser constantes ou constância. Só o discurso interior. como também o próprio Homem (ou Sentir) o é. o prolonga. não é o SENTIR PURO em nós o que se prolonga. Por isso ele é o próprio REAL! Pensar ao redor do SENTIR ou em cima do SENTIR é só TEMPOPENSAMENTO! Nenhum objeto. E o que de fato EXISTE só pode ser Sabido-e-Sentido. em limitações e dor.Por conseguinte.. pois. isso simplesmente NÃO EXISTE. Todas as coisas em si (ISTO). . e inclusive SUSTENTA tal engano. O que só aparece e se reconhece. se estende. até o limite em que elas possam afetar o Homem são só SENTIR ou SENSAÇÃO PURA. ditas objetivas. persistentes. nunca reconhecido e possuído. o estende e o deforma. o Conhecimento Direto tem que voltar a prevalecer em todo Homem. nenhum falso dado reconstruído (ou pensado) – e muito menos o próprio SENTIR-ISTO Primevo ou o REAL – são constantes. Só reconhece o que dura. duradouros. Estas falsas durações e dureza da coisa e dor ser. Tudo aquilo que não muda ou que parece permanecer igual. A aparente duração ou persistência da objetividade. dura. Sim.. como a exclamação de uma criança. 96 . SÃO EXISTIR ou EXISTÊNCIA PURA. onde o ego reina absoluto. Sim. isso não tem eficácia alguma. pois o pensamento. E tudo o que é ineficaz ou não suscita transformação. mas sim é o PENSAR que sempre envolve o SENTIR. malgrado se faça presente ou apareça em nosso viver cotidiano. da coisa ou da matéria nunca corresponde a uma extensão indevida ou a um prolongamento capcioso do SENTIR. o reconhecimento em nós.

não são absolutamente nada. e que coloco acima de qualquer dogma. E este me autorizou que prosseguisse falando. mas não a justifico. UMA ANTIGA CARTA DO AMIGO GENERAL MOACIR UCHOA Muito Prezado amigo Ernesto Bono Muitas felicidades para o prezado amigo e sua querida família neste 89. Todo ego-pensamento só se considerará pessoa se na frente dele houver um objeto ou um ser reconhecível. É que sou um “campeão” na desorganização. Sob as divinas armas de Cristo e Senhor. que só tenho arrumação e lógica inexorável naquilo que penso.. (Todo e qualquer objeto reconhecível da natureza refeita. jamais cometi falta igual àquela em que me encontro em relação ao prezado amigo.. Mestre e Sábio Budista do século II d. Eu a explico.). tomados isoladamente. (Isso alertou Nagarjuna. científicas.C. Basta dizer então que. juntei Marx com Jesus Cristo. minhas convicções religiosas e universalistas. na ordem inexorável das minhas convicções filosóficas. todas bem arrumadas. num relatório que apresentei a um grupo de estudo. ISSO NÃO SERÁ NADA EM SI MESMO. este reconhecedor e dado reconhecido. Nos meus atuais 82 anos de idade. AO SE APRESENTAR DEPENDER DE ALGO MAIS. Todavia. exatamente porque implicam uma relação enganadora. sempre depende do ego-conhecedor.. Em minha exposição. ISSO SIMPLESMENTE INEXISTE. malgrado apareça. E em consequência. Costumo dizer “pretensiosamente”. Isto é. de suas elucubrações e de suas explicações enganadoras.. muito desarrumado. Sou um faltoso!. presentes também estavam dois generais. em outras palavras são interdependência pura!). para ser ou aparecer.TUDO O QUE AO SE OBJETIVAR. não sou nada metódico e sou muito. (Acho que eu estava sendo 97 . seguidos de 1h e 30m para o debate. na Escola Superior de Guerra (ESG).. AO APARECERER. Sou super anticomunista e ferrenho antimarxista. em 1960. sendo que um era o próprio comandante da Escola. Dos 35 minutos que tinha para expor..

. Mas. social e político. Aí o amigo encontrará um poema de mais de 700 versos intitulado “Busca”. Um é de poesias. ou dessa sua magistral obra e que o amigo me presenteou em 18/4/l983. feita em 18/4//1983.. ao passo que as religiões em geral são opiniões e crendices que só se ajustam à mediocridade humana. e com um atraso de anos e anos. na balbúrdia dos meus muitos e muitos livros que possuo. acrescentando ainda dois livros meu que estou enviando-lhe . e também pelo oferecimento de um livro seu. Este além de religioso é científico. em que falo firmemente dos assuntos do tema central do seu livro.. (“Cristo para a Humanidade de Hoje). paradoxalmente em dia e espero que compreenda e aceite o fato naquele (outro) nível (atemporal) que poucos aceitam. Sim li seu “É a Ciência uma Nova Religião” ou “Os Perigos dos Dogmas Científicos” com uma dedicatória tão expressiva. bem explicável. e também se levantaram e aplaudiram de pé!. já aceito pela editora e que será lançado na segunda quinzena de fevereiro de 1989. Meu caro Dr. Tudo é. só hoje comecei a ler vorazmente o seu trabalho e fui dar-me conta da minha falta para com o amigo. os quais vão ser logo postados. em mente racional.. Bono pretendo me reabilitar com as desculpas e explicações desta missiva. Meu Caro Ernesto Bono: Antes tarde do nunca. Seu livro joga perfeitamente com tudo o que penso sobre tais assuntos. Fui aplaudido de pé e fiquei feito uma “vedete”.inspirado por um Instrutor Invisível).. mas que é verdadeiro. emocionado. Até os generais sentiram-se incômodos em ficarem sentados. Fico. pois. Passaram-se mais de 5 anos. Falei 2 horas e 5 minutos. Finalmente acabou o debate. E então quero que o inteligente e “o espiritualmente realizado” amigo Ernesto Bono compreenda. pois. o tempo sendo tudo.. pois estão calcados em raciocínios. e para todos os efeitos despertam grandes pretensões (de infalibilidade). 98 . nada é perante certos valores superiores que o ser humano transmite. relacionandose também com outro livro meu escrito sobre o Cristo. Estes 5 anos se foram e estamos no momento presente (e só agora lhe envio) este meu clamoroso agradecimento pela sua dedicatória. na verdade. e chego a dizer que os dogmas científicos (“é a ciência uma religião?”) são mais perigosos que as religiões. como o amigo já sabe. escrita pela mente e muito mais pelo coração.

E ultimamente. e que o amigo lerá. persistência e profundidade. depois de. Felicito-o pelas palavras de sua obra. (este já do final do século dezenove). apesar da carinhosa solicitude de minha esposa. e tantos outros do princípio do século XX. e que eu próprio. se tivesse podido. Estou me estendendo em demasia. estudando os discos voadores. que. (Digo eu. o suficiente para eu ser queimado vivo.a estudar. contatos imediatos do terceiro. dez vezes sucessivas. gostaria de ter escrito. coisas como essas (confusões) podem acontecer e aconteceram.. Paul Gibier. ocorridos até com a troca de diálogos. venho estudando desde os meus 20 anos de idade. mas desejo ainda terminar dizendo que venho estudando a Teosofia há mais de 60 anos e com mais de 15 anos prévios de pesquisa científicas na área das materializações espirituais efetuadas o com ectoplasma dos médiuns e a inteligência e vontade de seres vindos de outros espaços. Ainda pediria licença à bela inteligência e ampla cultura do amigo para aconselhar-lhe – se isso couber. De qualquer modo. mas com amor. se não estou já muito atrasado. Cesare Lombroso. não obstante minha formação matemática. livro que talvez o amigo já conheça. E do século passado ter estudado também os grandes cientistas da espiritualidade como William Krocks. professor catedrático que fui (engenheiro civil) de Mecânica Racional de AMAN (Academia Militar de Agulhas Negras). Charles Richet. desde os 17 anos haver estudado o Espiritismo de Kardec. isto se as cinzas da primeira queima puderem ser necessariamente outra vez queimadas. John Crawford. há bem mais de 20 anos venho. quarto e quinto grau. em termos e veemências. estamos ainda numa época de Inquisição. ou senão ainda impressões espirituais que ficaram registrados em moldes de cera.. Camille Flammarion. As idéias de todos esses também estão no meu referido poema “Busca”. Em resumo então: Tenho muitos livros e sou cosmicamente desorganizado e. Oliver Lodge. dado o meu avanço em idade .Entrementes. agradeço. não superficialmente e com leituras esporádicas. 99 . fatos esses que se encontram registrados em meu livro “Mergulhos no Hiperespaço. tendo testemunhado fatos verdadeiramente extraordinários. infelizmente não o li nem recebi tal livro). a TEOSOFIA. Ernesto Bozzano.

radicado no Rio Grande do Sul. Pesquisador ítalo-brasileiro. Nesta entrevista concedida ao também famoso ufólogo Daniel Rebisso. Ainda acrescento que o seu livro “É a Ciência uma Nova Religião?” ou “Os Perigos do Dogma Científico supera a essência das Divinas Mensagens da Fraternidade Branca. Essas correspondem às maiores e melhores mensagens de conhecimento científico. naturalizado. que até nós chegam. acrescento agora alguns ensaios ou artigos interessantes sobre Ufologia que escrevi e que já publiquei nas páginas da Internet ou no meu blog Faz-se necessário republicar esses ensaios e entrevista por causa da segunda parte do livro. ENTREVISTA EFETUADA POR DANIEL REBISSO E PUBLICADA NO REALISMO FANTÁSTICO – CURITIBA Ernesto Bono. transmitida inicialmente ao nosso mundo pela senhora Helena Petrovna Blavatsky. o ufólogo Ernesto Bono é um dos pioneiros na abordagem filosófica do fenômeno OVNI. e que também estão aí pela mediação dos Mestres Morya e Kut Humi. Bono fala de suas últimas 100 . Senhor das alturas. General Moacir Uchoa. filosófico. meus agradecimentos. faz incríveis revelações em entrevista concedida à revista Realismo Fantástico. Porque ela. Sempre do seu amigo admirador Brasília 8 de janeiro de 1989. de Shambala ou Terra Oca.Repito. ou senão graças também a uma Sabedoria que vem do Himalaia. Meus parabéns honrosos. agora está influenciando a nossa civilização ocidental graças a Mestres Excelsos de Sabedoria Eterna. deixe que a TEOSOFIA. o influencie. religioso-espiritual que o mundo tem recebido do “Altíssimo!”. que conversam com o Cristo Jesus. Nota: Para encerrar esta primeira parte do livro. em particular. minhas desculpas pela demora da resposta. minha profunda admiração e amizade. autor de A Grande Conspiração Universal.

Os 23 anos de vivência hospitalar psiquiátrica. não esgota nem atinge todas as vertentes do pensamento de Ernesto Bono. destacando-se por uma respeitada postura crítica. Por outro lado. médico e escritor de renome. desejo uma boa leitura. também desejamos manifestar o nosso agradecimento ao pesquisador e amigo Rafael Curi – Presidente do Núcleo de Pesquisa Ufológica. está. dedicou-se também a uma crítica das teorias do conhecimento.descobertas sobre a grande conspiração dos extraterrestres que estariam dominando planeta. como diria Charles Fort. foram motivo de estudo e ampla reflexão desse pensador “maldito”. Comenta ainda Daniel Rebisso Giese na tal entrevista que me fez em determinado Congresso de Ufologia efetuado em Curitiba em junho de 1991.. todos eles crentes na possibilidade de encontrar uma via. e que conseguisse traduzir com felicidade os enfoques da Ufologia. sem dúvida. Daniel Rebisso Giese 101 . Os discos voadores. Italiano de origem. Amigos. (e tendo inclusive se interessado pela Ufologia). o levaram a romper definitivamente com a Psiquiatria Oficial. budistas e da Sabedoria Oriental. naturalmente. buscando outros fundamentos nos milenares propósitos taoístas. A presente entrevista. tendo-se especializado em medicina do trabalho. As questões básicas deste diálogo giram em torno de suas concepções sobre sua notável obra “A Grande Conspiração Universal”.. realizada durante o IX Congresso Brasileiro de Ufologia Científica. clínica e psiquiatria. em Curitiba. Dentro desse restrito círculo de analistas. sendo um dos intelectuais mais expressivos da cultura brasileira. e o conhecimento esclarecedor nela implícito. um meio capaz de trazer à tona os obscuros desígnios da realidade OVNI. somado asa denúncias de outros médicos. sobre a Ciência. por sua vez. entrevista publicada pela revista Realismo Fantástico: Alguns pesquisadores contribuíram de forma radical para a criação de uma epistemologia diferente. Ernesto Bono fixou suas raízes no Rio Grande do Sul. A produção literária de Bono é sem qualquer dúvida vasta e diversificada. Ernesto Bono. Bono não se limitou apenas a uma revisão médico-científica. de 30 de maio a 02 de junho de 1991. Curitiba/Paraná – pela oportunidade desta entrevista. o homem e Deus. Pesquisadores esses.

o que a realidade ufológica freqüentemente impõe aos homens? EB – Eu suspeito que a presença dos UFOs. teríamos que raciocinar em cima do que se enxerga e se percebe. O homem confrontar-se-ia então com um mundo que estaria à sua frente. observamos que a sua principal preocupação em relação aos OVNIs tem-se voltado para as questões filosóficas ou. Tal gnosiologia ou epistemologia é ótima para que os donos do poder alcancem seus fins. desde então. para o aspecto epistemológico e que envolve o conhecimento das coisas. entre outras coisas. como poderíamos dizer. ela infelizmente é um modo de conscientizar ou perceber totalmente errôneo e que vem prevalecendo há milhares de anos. perceber e entender a Vida e o mundo. Sem qualquer dúvida é prático e cômodo ao Status Quo. Para eles. que o homem é um ser à parte. sem qualquer dúvida – e para nós também. Esse dualismo ou multiplicidade perceptual acredita. esquemas instituídos no Ocidente pela filosofia e epistemologia de Aristóteles e fortalecida por Tomás de Aquino. RF – Como conferencista e escritor. bem percebido. por exemplo. a qual pode ser encarada por outra realidade que pensa. também filósofo e precursor da Ciência Moderna estabeleceram a primazia da dualidade perceptual. condicionados pelas idéias deles – existe uma realidade material que se estende e que dura. Foi por volta dos meus 14 anos que comecei a interessar-me profundamente pelo tema e. o homem abandone seus velhos esquemas de mal conhecer. pensar e perceber. decifrado. Ou melhor. visa modificar nosso modo de sentir. nunca mais abandonei essa temática fantástica ou essa manifestação do insólito. Tanto esses velhos filósofos como René Descartes. Os orientais há milênios deram-se conta das mentiras do pensamento comum e da 102 . criado por alguém – Deus bíblico ou Acaso científico –. dotado de sentidos e capaz de sentir. separado. mundo que precisa ser bem enfocado. Malgrado a impecabilidade dessa postura.Realismo Fantástico — Primeira curiosidade: como a Ufologia entrou em sua vida? Ernesto Bono — Muitos anos antes de me tornar médico e psiquiatra. mas não passa de uma safadeza e desonestidade da lógica-razão em nós. de algum modo. A seu entender. no caso. o corpo-ego-homem. Eles estariam aí para que. e é ótima principalmente para subjugar e dominar os inocentes e desavisados.

Não existe um ego. se Sabe e se Intui. intercâmbio constante entre o Ser e a Coisa e que em verdade não são dois. ladrão. os quais não são tão 103 . mas mais mal conhece do que sabe de fato.lógica-razão. Longe porém está de usufruir daquele Saber-Sentir Puro. No conhecimento indireto se pretende que haja um ego-pensante aqui. descobri que as humanas possibilidades de conhecer são somente duas: ou prevalece a Direta ou Sentir (do Sábio Autêntico). mas que em verdade é só e totalmente pensada. O que o egopensamento alcança é exatamente o fruto pensado ou aquilo que se propôs fazer. pensa em compreender. interpenetração. Esse é o motivo profundo de os sábios orientais nunca se terem permitido criar uma ciência moderna. que compreende. pelo menos boa parte. que intuí. ou daquilo que está à sua frente. porque lhes convinha. mas não se rumina a respeito (raciocínio) ou não se discorre propositadamente sobre o percebido. perceber. Ciência e todos os demais filósofos do Ocidente estabeleceram. que não precisa ser só e sempre material. lá e que independeria dele. ou de alcançar aquele Isto Primordial. senão todos os UFOs. salteador e mentiroso para tal. Em tal Saber-e-Sentir há uma interfusão. pensa em agir. Embora os UFOs nada tenham a ver com a Sabedoria Oriental. RF – Seria então necessário ver ou interpretar o fenômeno OVNI por outro ângulo que não o científico? EB – Aprofundando-me no tema. a ocultar ou a acrescentar lorotas e enganos perceptuais. Tal Mente Pura (ou SENTIR Primevo) comunga com a Objetividade Primordial – ou com o "ISTO" ou também com o Cosmo Verdadeiro. que atua etc. do cientista confuso e conformado). do ignorante. Explico-me melhor: Conhecimento Direto é quando a Mente em SI – ou a Mente num Homem livre do mal pensar – não se separa do dado. tudo raciocina e nada compreende. ou prevalece a Indireta ou pensar (do homem comum. com seu modo de mal conhecer e de atuar pior. só pensa em agir. O ego-pensamento em todos nós sempre acha que sente. quando em verdade só pensar em sentir. mas sim são uma não-dualidade perfeita… No Conhecimento Direto se Sente. se Comunga. a objetividade. por exemplo. talvez estejam tentando romper com nosso esquema enganador de mal conhecer. sem conseguir atuar e contento. livremente e alcançar fins verdadeiros. isto é. mais mal lucubra do que intui. e que se meta a distorcer tudo. que sabe. sobre o que se conscientiza. que se confronta com determinada coisa. A presença anômala e escorregadia dos UFOs quiçá esteja sugerindo que conhecer corretamente não é exatamente aquilo que Aristóteles.

que certos OVNIs. por sua vez. onde os UFOs parecem caber. falso objeto. esconde o Real e em seu lugar engendra substitutos enganadores tipo falso mundo. mãe de todas as aparências e contradições bipolares e polivalentes! A lógica-razão sempre polariza o que nós acreditamos conhecer por meio dela. E toda conclusão que de tal experiência o ego quiser retirar sempre será aparências. Só que as experiências que a testemunha-ego tiver sempre serão precárias. ou senão oculta a Verdade-Isto. nem é algo que o pensamento comum possa decifrar. Será preciso tanto? EB – E por que não poderia ser assim? Aristóteles. confusas. enganadoras. em aparelhos e que qualquer reconhecimento humano ou mal conhecer discursivo pode captar.transcendentes assim nem tão metafísicos. Kant. Os discos voadores autênticos são um ISTO Primordial que só o Saber-e-Sentir no Homem vivencia ou senão surpreende e com eles comunga. Na verdadeira VIDA. Digamos. E quem pode nos garantir que o mundo ou a objetividade tem que ser exatamente como eles disseram? E além de ser assim. RF – Mas esse tipo de apreensão ufológica nos parece quase um estado de Iluminação Interior. num duro e mole etc. estabeleceu para resultar em PODER. do viver cotidiano. quem pode nos garantir que uma objetividade tipo UFO tem que se acomodar às leis e dogmas que a ciência inventou. Hegel e a ciência moderna inventaram estórias a respeito da objetividade. enganos ou mentiras. não é nada acrescentado nem dependente. Descartes. ou seja sempre resulta num certo e errado. não é nem material nem anímico. indescritível para a lógica pura. porém. –. O REAL em si. é um todo em que homem-e-meio são algo 104 . num longo e curto. como uma concessão deles mesmos. em cujo seio os OVNIs também pode caber. falso universo. Há momentos. ou ainda distorce o Sentir Primevo e Puro. e com eles outros Cosmos – e não só o modelo de universo científico – não existe "um homem aqui" e "um mundo lá". num longe e perto. num alto e baixo. mas descritível para os sentidos e emoções. Ou um UFO tem que se comportar conforme a previsibilidade dos preconceitos humanos? RF – Mas e o conhecimento indireto de que o amigo fala seria só um fornecedor de aparências e ilusões? EB – Ele é o pai da própria ilusão e tem como base a própria lógica-razão. traumatizantes ou até mesmo sofridas. O que nessa Vida talvez prevaleça é exatamente uma não-dualidade Vivenciável. do Cosmo. fugazes. transformam-se em objetos vulgares.

o centro de tudo. o grande enganador e distorcedor de verdades simples e imediatas. Aí. Bastaria a esse homem comungar com seu meio. A presença UFO não oferece um "o quê" ou um "como" pensar. RF – A idéia é interessante. RF – Acreditas que todos os UFOs ou melhor. de onde tudo surge. sem que nada nem ninguém perca aquela condição primordial de Consciência-EU. Isto-Sentir e Sentir-Isto. dos ETs nefastos. em termos aparentemente objetivos e materiais. Raios-e-Sol. seus irmãos mais velhos.completo. ou senão ao seu correto entendimento? EB – Para se aplicar o Conhecimento Direto não existe nem como nem porquê. reconquistando aquela unidade ou aquela nãodualidade sensorial e que sempre é uma união afetiva e inteligente. Boa parte dos ETs devem ser positivamente neutros ou benevolentes. mas boa parte sim. RF – E dos demais extraterrestres. e quem sabe estejam inseridos nesse modo de conhecer direto ou não-dualista. acabarão se confundindo e se abraçando no seio de um mesmo PAI-MÃE. Sol-e-Raios. sempre que se levantam os "como" e os "por quê?" em seguida passa a prevalecer o conhecimento indireto. em que tanto os homens de boa vontade como os homens cósmicos. E é exatamente contra esta boa parte que o Governo Invisível humano e os ETs nefastos do além estão lutando. mas como se aplicaria esse Conhecimento Direto à pesquisa ufológica. mas nada se cria. os ufonautas seriam capazes de tal gesto? EB – É claro que todos não. onde tudo converge e também desde onde tudo diverge. às vezes podem ser. o que poderias no dizer? 105 . apenas sugere que o teu modo de conhecer é precário ou está errado e que tens que te modificar. Estes talvez estejam tentando atrair alguns homens inteligentes para levá-los de volta às suas origens. Parece que eles vivem a nos dizer: Pára de pensar tanto e tão mal e começa a Sentir-e-Saber de outro modo! Esse teu outro modo de Sentir-e-Saber pode perfeitamente transformar-se num caminho que te conduzirá até nós". como certos UFOs. é sempre um desafio para um ufólogo honesto e livre de escolas. não haveria nenhuma necessidade de o homem na condição calhorda de ego-pensante separarse desse meio e depois tentar conhecê-lo para dele tirar ou não proveito e implantar o PODER institucionalizado. Sua realidade. O fato é que. portanto. quando presentes se fazem. De algum modo. E aí voltaremos a ser aquela nãodualidade.

a moral gananciosa e mesquinha do materialismo niilista.EB – Que são velhos aliados de humanos também nefastos daqui mesmo. Projeto Bluebook. Só os ETs safados é que seriam. o conhecimento tipo comum ou tipo científico. mas acha que ninguém é criminoso. Projeto Grudge. a falsa religiosidade. ambos podem ser apenas simples paranóides. Sociedade Jason etc. Projeto Yellowbook. M. atrás de um Truman ou de um Eisenhower. que tem atormentado o mundo inteiro. Sign. constituindo inclusive e com toda felicidade organizações ocultas e prejudiciais aos homens e aos ETs. Como diz William Moore. sim. ou seja. encabeçado por uma CIA.W. Põe a nu as manobras de um Governo Invisível que efetivamente existe. MJ-12. amor e sentimentos. 2 e 3 etc. que os contra-ataca. TC. visando o Poder Máximo… O que mais me deixou pasmo foi saber que desde 1947. etc). já existiam assessores presidenciais humanos. Billderburger. São máquinas trituradoras e destruidoras sem o emocionalcardíaco. John Lear é muito mais prudente e comedido. O que me deixou abismado foi ver como esses humanos em absoluto nada honestos – alguns dos quais representam exatamente a 106 . mas ao Governo Invisível. pode até correr risco de vida. projeto Grudge. Sociedade Jason. O que te levou a crer na validade dessas denúncias? EB – Exatamente os pormenores das denúncias que ambos fizeram. Ambos não têm qualquer emoção. como nunca ninguém o fez. CFR. no além e no próprio mundo.Cooper prova que a maior culpa cabe não aos ETs. Suspeito que William Moore é muito mais do que eles. fascistas. Esses ETs bandidos ou até mesmo neutros negativos visam o PODER. Alternativas l. Milton William Cooper estaria se expondo demais. Nem ele mesmo se dá conta da incrível e espantosa gravidade de suas denúncias. farsantes ou quem sabe agentes da CIA disfarçados. como também o Governo Invisível visa este PODER ou a hegemonia mundial. Para não ter amor à verdade e ao próximo sofrido. e que é exatamente a alma humana. Mostra o crime. como o MJ-12 (ou melhor. Tanto a esses ETs velhacos como aos seus compadres terrestres do Governo Invisível interessa e convém que prevaleça o famoso conhecimento indireto e indiretíssimo. digamos bem intencionados. Eles são os famosos emissários da morte! RF – Em seu livro A Grande Conspiração há um capítulo inteiro dedicado às revelações de John Lehar e Milton William Cooper a respeito do Majestic-12 e do governo secreto do mundo. manipulando o governo norte-americano e soviético.

Ou seja. desde o Insólito. é completamente falsa. Eles não podiam deixar transparecer que sociedades secretas ou eles próprios. o Governo Invisível. estou me baseando em dados históricos. após a Segunda Guerra Mundial. RF – Independentemente de Cooper e Lear. e com o qual eles não contavam. e que eu julgo extremamente prejudiciais para o gênero humano. mas abrange tudo. numa tentativa desesperada de alertar os homens ou de ajeitar o que ainda podia ser ajeitado. Por conseguinte.anti-raça humana – se levantaram em bloco. já lidavam com ETs nefastos há milhares de anos. RF – Mas então o que tens a dizer da falsa alegação de que os governos mundiais manteriam o fenômeno UFO em sigilo a fim de manter a ordem social e perpetuar o bem estar de todos? EB — Essa tese de manter a ordem social. Ao assim me exprimir. tentando de todas as maneiras possíveis ocultar e bloquear toda e qualquer difusão de verdades ufológicas que não conviessem aos interesses deles. Tenho me apercebido dos interesses em 107 . tentando esconder e sufocar uma coisa que havia resolvido intervir desde fora. ocultista e paranormal da humanidade. mas foram induzidos a firmar pelo Governo Invisível. foram enganados tanto pelos ETs nefastos como por certos humanos safados daqui mesmo. e que manda em todas essas grandes potências aparentes. espiritual. as aparições em massa de OVNIs neutros e quem sabe benevolentes. Também não podiam deixar transparecer que sempre houve uma Grande Conspiração Universal. RF – Acreditas realmente que seres extraterrestres tenham firmado algum pacto ultra-secreto com as grandes Potências da Terra? EB – Não que assinaram. religiosos. malgrado as histerias que o programa radiofônico de Orson Welles em 1938 causou. não aliados de certos humanos safados e não ligados à Conspiração Universal. espirituais e ocultistas. Os poderosos que Milton William Cooper denuncia. principalmente o pretenso lado religioso. Esta última talvez atinja seu ápice neste fim. foram os que se levantaram após o segundo conflito mundial (ou derrota mundial). A Grande Conspiração não abrange somente a área política e econômica. de século ou no novo. e que. de onde tiraste a tua convicção do pacto entre ETs e humanos safados? EB – Conhecendo bastante bem um plano geral que está em andamento há milhares de anos. filosóficos. ou após a Segunda Grande Derrota Mundial – pois não foi o homem quem ganhou tal guerra – outros tipos de UFOs e ETs haviam irrompido no mundo.

mas que ele entreabriu a porta. Tais ETs nos tempos que correm. Ninguém mais os segura. A partir da manipulação disso tudo. E para tal.jogo e que são da ordem econômica. fica no meio. sociológica etc. Não poucos humanos gananciosos são aliados dos demiurgos há já muito tempo. pode-se conhecer o que o Governo Invisível pretende e sempre pretendeu: a hegemonia mundial absoluta. as portas iriam se escancarar. com Agatha. favorecendo as patifarias de certos notórios ETs vampiros. e que depois se revelaram insidiosos. de certas larvas. mas essas não tem nada a ver com isso. sempre estiveram aí. de certas "máquinas" ávidas de sangue. religiosa. entreabriu. supostamente causados por determinados extraterrestres. se instalassem no nosso meio. Só que os poderosos dos governos não suspeitavam – e quem sabe sequer os líderes do governo invisível suspeitavam – que com essa abertura de leve. Forças ocultas nefastas do além e do aquém movem o mundo há centenas. nada melhor do que os alienígenas aliados deles! Sempre confundimos esse Governo Invisível ou clandestino com uma Fraternidade Branca com uma Shamballa. velhos aliados do Governo Invisível ou clandestino. aliás. infelizmente. e sempre leva a pior. em troca de favores e avanços técnicos. como as desaparições misteriosas de seres humanos. mágica. As velhas bruxarias e os diabos teológicos levavam a culpa. filosófica. ambicionando o Poder. senão há milhares de anos. O que faz pensar então que tais coisas já vinham acontecendo há muito tempo. EB – Que o acordo propriamente dito tenha a culpa do que vem acontecendo na Ufologia. Moloch. como inclusive lhes foi concedida certa liberdade para fazer as experiências que lhes conviessem. com sua franca 108 . Molokron. mutilações inexplicáveis de animais. Entrementes. Esses mesmos ETs. só que de modo mais brando e bem disfarçado. a Golem. infelizmente. em momentos senhores e em outros servos daqueles. militar. a ETs tenebrosos. 2 e 3. política. duvido. como nas duas últimas guerras mundiais. ocultista. o que o Governo Invisível está fazendo com suas Alternativas l. abduções de mulheres e homens por OVNIs e que depois são devolvidos totalmente perturbados. estão exagerando na medida. Muitos estudiosos do assunto sabem que esses acordos não somente permitiram que alguns ETs. científica. O homem comum. RF – Mas esse acordo secreto justificaria toda uma série de fatos aterradores. E essas forças tanto pertencem aos falsos deuses. É a velha luta entre Deuses inseridos na Lei e Demiurgos fora da Lei. como pertencem a humanos.

com o contrabando de armas sofisticadas. não se sabe porque e sempre foram vistos como seres criados pela imaginação humana. com propensões místicas. com desgovernos provocados no terceiro mundo. com misérias agudas. ou seja: os benevolentes. portanto. clones. mas um tipo cinzento.. Quem te garante que sejam elas mesmas as que estão fazendo tudo isso? EB – As palavras reticulianos. RF – Duas raças supostamente extraterrestres. com inflações totalmente camufladas. nórdicos) foram inventadas pelos homens. etc. robôs. e os nefastos que precisam nos vampirizar e sugar tudo o que fortaleça e garanta a sobrevivência deles… Temo que estes últimos sejam a maioria… O relatório Matrix aponta os reticulianos. Adamski. e até mesmo procionianos (ou tipo humano. Suspeita-se também que as potências mundiais do primeiro mundo foram levadas a fazer acordos com reticulianos e rigelianos. ETs mal descritos. com fome generalizada como as da África. com corrupções generalizadas. por conseguinte com os nazistas que fugiram após a WW2). por certos estudiosos de Ufologia. andróides. com futuras leis marciais etc. reforçando sobremaneira a tese das experiências terríveis que tais alienígenas estariam levando a 109 . sem cair no maniqueísmo do bem e do mal. levando em consideração os diversos relatos e raptos acontecidos. rigelianos. Não sei quantas raças de ETs nefastos existem. os rigelianos e os procionianos como sendo os extraterrestres que mais nos visitam e atuam no nosso meio. é o que geralmente prevalece quando se trata de descrever horrores e circunstâncias desagradáveis na Ufologia. Suspeito que dentre as centenas de tipos de ETs já vistos – (vistos pelo conhecimento indireto e enganador do homem e. os reticulianos e os rigelianos (além dos reptilianos) estariam atrás dessas operações e acordos secretos. reptilianos. mas estes bem menos. Os procionianos ou os tipo venusino de George Adamski sempre foram rechaçados pelos governos em geral. no caso. ou senão tipo rigeliano. quem sabe!). tolerantes e que talvez tentem nos ajudar (os procionianos. era o pai dessa imaginação. ou quem sabe. alienígenas que nos enganam por causa de nossa precariedade perceptual) – possível seria formar três grupos. as vítimas geralmente ou descrevem extraterrestres tipo reticuliano. e. com recessões. e que o homem chamou de reticuliano. isso meu amigo é muito pior. Os neutros e que às vezes se confundem com máquinas.difusão das drogas. É claro que atrás desse rechaço forçado e imposto estava o próprio Governo Invisível… Por outro lado. (É que esses tais se confundem com os alemães.

sentimentos. hormônios. lá vai. quarto e quinto grau que já aconteceram com ETs. de egrégoras etc. guias. Eles. em troca. Talvez alguns do Governo Invisível atuassem assim e tirassem proveito disso. Assim que os pactos ou acordos entre ETs nefastos. Um grupo de ETs benevolentes ou da Luz. certos religiosos de mau caráter. emoções dos seres vivos já são bem antigos. EB – Vou contar uma piada que parece verdade ou uma verdade que parece uma piada. e seu 1/3 de estrelas (ou ETs nefastos. RF – Esses reticulianos e rigelianos teriam eles entrado no cenário terrestres somente após a Segunda Guerra Mundial? Ou melhor dito. E estes. paciência! De fato. digamos. líderes de falanges. necessitando de sangue. sempre estiveram fazendo sacrifícios. RF – Por que razão esse acordo entre ETs cinzentos e grandes Potências. geralmente sanguinários.cabo com homens e animais. Só que estes dificilmente se faziam presentes na superfície do globo. tranqüilamente sempre efetuaram o comércio do troca-troca… Ou seja. viviam invisíveis ou semi-invisíveis em planos imediatos ao plano-Terra. escolhidos ou ritualistas. pois não é possível memorizar todos os contatos de terceiro. Quero crer que eram aliados de ETs nefastos. certas coisas precisam ser ditas! Como antes sugeri. certos membros ativos do que hoje mal se suspeita existir como governo invisível já eram aliados de certos extraterrestres. e obedecendo ordens do Centro da Vida. após a Segunda Guerra Mundial. milhares de anos atrás houve um terrível confronto de ETs no céu. órgãos. certos bruxos. indiretamente estás me obrigando a tocar num assento delicado. sempre praticavam rituais a favor de tais ETs e que eram vistos como pretensos santos. vieram dispostos a eliminar (ou a expulsar) dos céus e da superfície da Terra o Demiurgo usurpador. confronto que se refletiu na superfície terrestre. deuses. Conforme ensina a tradição milenar e o próprio Apocalipse. seguidores 110 . Por outro lado. asseclas. no mundo inteiro. digamos milhares de anos atrás. capitaneados por alguém. somente depois de 1947? EB – Ai amigo. muito antes de 1947. Eles sugam tudo. humores. não se tem notícias de encontros com procionianos (ou tipo venusino) e que para o contatado tenha resultado em violências e traumas… Posso estar enganado. direcionadas por um pretenso governo invisível só foi posto em prática mais intensamente nos últimos anos. Bem. A modo de dizer. obsequiavam favores e poderes para os seus eleitos. de modo catastrófico.

em que Abel é atraído para fora por Caim e depois é traído e morto. aliados destes. Tiveram que parar de guerrear contra as hordas do Demiurgo. digamos os reticulianos do além. não puderam voltar às suas origens. UFOLOGIA . Em verdade sempre foi e é um farsante. Este Demiurgo usurpador. porque quem estava sendo prejudicado. Para evitar o pior. como os tempos haviam chegado. como de hábito era o homem da superfície terrestre. muito antes fez-se passar pelo deus único. foram enganados pelo Demiurgo. resolveram reaparecer na superfície. bloqueados. Com esse aparecimento repentino de ETs positivos do muito além. eram inimigos milenares de todos esses outros ETs provavelmente positivos e inclusive inimigos da própria humanidade. "esses ETs benevolentes tombaram na superfície terrestre". de algum modo. A problemática ufológica estaria inserida numa grande conspiração universal? 111 . E. esse mesmo líder e seus ETs de boa vontade. um Titã inimigo dos homens. tomando o lugar do Absoluto. do Deus Pai-Mãe. Esses mesmos que se esconderam em algum lugar da terra. Filhos da Luz. criador do céu e da terra.ou até mesmo outros demiurgos mais). Há acordos entre ETs e autoridades terrestres? 2. simplesmente resolveram voltar. pois estes. mais. que se situavam muito além do escudo isolador que o Demiurgo havia levantado ao redor da Terra. Juntamente com o retorno à superfície desses. E tal como conta o Gênesis. que por eles todos sempre foi considerada um pasto aprazível. em pontos especiais e se esconderam por um tempo ou Era. Até que ponto os governos da terra escondem os segredos da ufologia? 3.TRÊS UFOLOGIA MODERNA PERGUNTAS BÁSICAS DA 1. também voltaram a aparecer outros ETs cósmicos. do Ser Primevo. o Governo Invisível ou clandestino se apavorou. por amor ao homem. Determinados extraterrestres não derrotados. e que todos deviam obedecer e temer. mas que por força das circunstâncias se ocultaram em mundos subterrâneos e plataformas submarinas. e os aqui escondidos.

somente. Um dos mais polêmicos destes questionamentos é o possível acordo entre os ETs e as autoridades terrestres do primeiro mundo. e tampouco a resposta pode ser tão rápida. Ou seja. que se perdeu. com maioria absoluta dos votos. também começaram a aparecer indivíduos estranhos. que são “os cabeça” em tal ufologia oficial. quando Adolf Hitler assumiu por eleição o poder na Alemanha. e para meu desagrado e surpresa. eles são totalmente irregulares e inconstitucionais para qualquer país dito democrático. A Terceira Versão é a que saiu ou foi publicada na Revista UFO número 74. juntamente com certos tipos de ETs. só se conseguia por um email. tudo mente e tudo deforma). Na época e naquele país. estranhos objetos. Aqui então vai a segunda versão que é igual à primeira. muitos são os questionamentos e dúvidas que tem se levantado e que envolvem a problemática ufológica. e digo sim. peculiares. Já 112 . Otan). "Atualmente. e também começaram a surgir aparelhos esquisitos. digamos. foram arquitetados em segredo por autoridades de determinados governos. digamos os greys ou alfa-cinzentos. porque alguns. Estas últimas eram complementadas por revelações que tipos incomuns e provindos não se sabe bem de onde forneciam. russo. Respondê-los não é tão simples quanto parece. praticamente igual à segunda. ou senão em troca de algo mais. saiu completamente distorcida e deformada. Outro dado que fundamentaria o fato de os UFOs terem se tornado segredo teria ocorrido em 1933. ou senão tudo distorce. em avanços tecnológicos. também conhecidos como reticulianos. E se tais acordos foram realmente realizados. inglês ou o norte-americano. é claro. rigelianos e principalmente REPTILIANOS. Quem melhor tira proveito dos reptilianos atualmente é o governo invisível (ONU. É por isso que esses acordos precisam ser mantidos em segredo pelos governos humanos interessados. Depois disso fiquei ressentido com a Ufologia dita oficial. há e houve. pois são necessários argumentos plausíveis e uma reflexão sistemática sobre o assunto. minha resposta é totalmente intuitiva ou até mesmo instintiva. além de enigmáticas presenças individuais físicas ou psíquicas. mas nem tanto.Segunda Versão das Três Perguntas Básicas da Ufologia (A primeira versão. estão com a alma vendida ao diabo (ou à anti-humana raça que tudo proíbe. Nisso.

Os fortes Governos atuais escondem e esconderão as verdades ufológicas até o limite máximo que puderem.em 1935. outros tipos de ETs e realizar acordos secretos com eles já na década de 1930-40. os aparentes vencedores da Segunda Guerra Mundial jamais quiseram admitir que uma Alemanha da época ou em plena Segunda Guerra Mundial teria alcançado um grande avanço na construção de discos voadores tipo Vrill. Alguém tente me explicar os verdadeiros motivos do assassinato de Karl Brugger. as evidências e provas a respeito desses fatos que aconteceram no domínio do Terceiro Reich não são poucas. ou quem com a com ajuda alienígena. na Alemanha. Haenebu III. alguns governos do mundo ocidental (USA. logo após o término do conflito. ou através de uma literatura chamada revisionista e tida como maldita. autor do livro Crônicas de Akakor. de Córdoba). 113 . Em face da aproximação de certos nacionais socialistas com hipotéticos extraterrestres de Aldebaran. ou até mesmo com seres interdimensionais da Hiperbórea. situações. VII. esses aparelhos bizarros começaram a assumir o aspecto de objetos voadores circulares. ou até mesmo no planalto brasileiro (nos restos da antiga Civilização de Akakor). apenas estranhou que o governo norte-americano empenhasse tantos aviões de guerra na vigilância da área do Alasca. como diria a Astronomia. Tais discos voadores talvez tenham também se escondido num local secreto do território argentino (Serra de Mendonza. Alguém sabe que algumas pequenas tribos brasileiras foram dizimadas só porque os índios que as constituíam falavam alemão ou senão possuíam algum revólver ou metralhadora alemãs. Os aliados tampouco se conformaram com o fato de que todos esses discos. digamos. pois eles estão comprometidos com os acordos secretos que tiveram que fazer. a aceitar a presença de outros alienígenas estranhos. isso por iniciativa própria. Pólo Norte. simplesmente sumiram. logo após o pretenso fim desse conflito. heresia das heresias. Além disso. Haenebu II. Tudo leva a crer que os discos voadores dessa época foram aparentemente construídos pelo gênio alemão ou senão inspirados por seres de outras latitudes. eles provinham de outras estrelas e galáxias. em seus avistamentos da época. desapareceram ou foram se esconder no Pólo Norte. Haenebu I. Andrômeda etc. Atualmente. URSS) viram-se obrigados. dimensões e até mesmo. Só que ele jamais falou em UFO alemão. como Aldebaran. vamos dizer. Podemos nos informar através da Internet (há diversos livros e reportagens a respeito). conforme relata e indiretamente sugere o coronel e ufólogo Wendelle Stevens.

gráficos de discos. construtor das bombas voadoras alemãs e dos primeiros foguetes espaciais americanos. modelos. ou senão na Tchecoslováquia ou também na Noruega conquistada pelos alemães. jamais se depararam com restos de discos voadores nazistas. desde 1935 ou um pouco mais tarde. entre 1943 e 1945. sempre que não sejam as desculpas forjadas pela polícia. V1 e V2. Tais pressupostos ufos nazistas ou germânicos podem também ter ido parar nos Andes (en la Ciudad de los Césares). desenhos. 114 . Hoje todo bom historiador sabe que mais de 120 extraordinários submarinos alemães. É só saber procurar.proibido no Brasil. submarinos e discos voadores desmontados. que ainda vingava antes do término do conflito. conhecia nada a respeito dos discos voadores ou dos Haenebus germânicos. conhecessem como se construíam as convencionais bombas voadoras. ingleses e russos. Esses submarinos do tipo U-23. Que me explique a morte do bispo do Acre que. em suas conquistas das bases secretas dos germânicos. Nesse ponto. situadas no próprio território alemão. cujas entradas bem disfarçadas se encontram nos pólos. estudos. Tais submarinos podiam carregar muita gente – muito mais que cem pessoas –. Nem o tão louvado Werner Von Braun. só permitiu que americanos. além de transportar outros aparelhos. refugiando-se numa eventual Terra Oca e unindo-se aos sobreviventes ou remanescentes de outras antigas e secretas civilizações terrestres. plantas. Tal debandada de submarinos moderníssimos com eventuais discos desmontados fundamenta o fato de que os vencedores. um pouco antes de aparentemente terminar a Segunda Guerra Mundial simplesmente desapareceram do mapa. Outra heresia. o serviço de inteligência alemão. etc. transportando material bélico e de primeira importância da Alemanha para o Japão e vice-versa. atualmente escondidas nesses mundos. e sem querer entrou na história. levou alguns segredos de Akakor para o Vaticano. que ainda hoje seriam os habitantes da Terra Oca. a pedido de alguém. pretensamente derrotados em 1945. os alemães. no Pólo Sul. pretensamente vencedores. Tudo o que estou escrevendo consta na Internet. os mais avançados e modernos possíveis da época. malgrado tenham se encontrado com milhares de maquetas. como a própria Agência Espacial Norte-Americana (NASA) e demais autoridades mundiais sabem. já construíam discos voadores inspirados por seres estranhos. serviram inclusive como cargueiros.

Por causa de sua sinceridade e por causa declarações como essa e outras mais. pelo destróier Browson. o almirante Bird acabou seu dias num respeitável hospício (casa de saúde) norte-americano. União Soviética. pelo rompe-gelo Burton Island. de Santiago do Chile. em seu próprio território.. heresia. então esta última é a mais terrível verdade que os governos dos Estados Unidos. Em 1947. (parece que havia também ingleses.Os alemães foram derrotados sim. nos céus e nos mares da Terra. veículos armados e quatro mil e setecentos homens especiais. discos voadores de ETs nefastos. França. devido aos estranhos veículos voadores. Yanksey. (Heresia. por um submarino Sennet. ingleses. pelo destróier Henderson. desconsolado. quem sabe. que horror!) E como a Segunda Guerra Mundial pode não ter terminado. russos etc. por uma nave-mãe ou porta hidroaviões Pine Island. por outro porta hidroaviões Curituk. No entanto. ou senão até mesmo derrubando caças ou aviões de guerra norte-americanos. por um petroleiro Canisteeo. por um cargueiro. e outros mais). foram derrotados e tiveram que sair de lá. com uma frota constituída por treze navios de guerra. muitos homens e veículos. aviões especiais. mas é de se crer que continuaram e continuam lutando de um modo completamente diferente. aliados de um Governo Invisível. e certos alemães ainda estejam lutando nos ares e nos mares com seus discos voadores. – Todos eles invadiram a Antártida. num território que os germânicos em 1938 haviam demarcado e que chamaram Nova Suábia. americanos. após uma semana de tentativas e lutas.. aviões ou discos que por lá apareciam e circulavam nos céus da Antártida e do Pólo Norte. Israel tinham e tem que resguardar ou esconder a todo custo! Afinal. como tem acontecido. Inglaterra. selecionados e preparados para tal missão foi para o Pólo Sul. depois de perderem quase todos os aviões. A frota era constituída pelo navio capitania Mount Olympus. declarou ao jornal El Mercuryo. pelo portaaviões Mar de Filipinas e pelo cargueiro Merrick. O almirante Bird. o almirantes Richard Evelyn Bird e o contraalmirante George Dufek. derrubando. 115 . pelo petroleiro Cacapon. australianos. eles eram vencedores daquele conflito. correndo. bem na zona alvo e tentaram ir até o ponto onde os alemães presumivelmente haviam se escondido. material e literalmente falando. que a terceira guerra mundial poderia começar e se concretizar a partir dos pólos. por um navio guarda-costas e rompe-gelo North Wind.

cujos cadáveres ainda estão muito bem guardados. coube aos sprays. no Irak e Iran. O Governo norte-americano abafou com todo rigor a queda do UFO em Socorro. com a exploração da Antártida. em 1958. e também das bases secretas dos Anunakis. Há um caso na casuística ufológica mundial. mas por causas dos discos voadores. A culpa. igual aos que os ETs fundadores e habitantes de Akakor (Brasil) apresentavam. em Rooswell. como um mero boneco. com seis dedos nas mãos e nos pés. pôde-se suspeitar com fortes evidências que o famoso disco alienígena caído (por vingança) em Rooswell.O honrado e respeitável general Mac Arthur. caiu também outro disco voador em 6 ou 7 de junho de 1947 em Socorro. pela mídia enganadora. por exemplo.. Santilli. e que todo o mundo foi obrigado a considerar. do qual saltou fora o pretenso cadáver do ET de Santilli. coroado pela explosão de três bombas atômicas americanas lançadas sobre a hipotética entrada da Terra Oca. onde não se usava sprays. mas sim apresentou uma ET quase ser humana. e governador do Japão rendido e derrotado. com seis dedos. tinha seis dedos nas mãos e nos pés. sem dar-se conta. Depois todos os demais governos do mundo inteiro. logo após. depois de ser destituído do cargo pelo presidente Truman também declarou publicamente que a Terceira Guerra Mundial poderia começar não por causa dos russos. desmentiram as possibilidades de autenticidade do filme. E a propósito. foi um embuste total. em verdade foi derrubado. em sua revista Cuarta Dimension. norte-americano. conhecido como O Caso Torper e relatado por Fábio Zerpa. no Novo México. não apresentou o alienígena de Rooswell que era um tipo alfa cinzento. em 2/7/1947. como um ET falso. na mesma época 1947-1951. Pois sim Atualmente.. portanto um mês antes. uma falsa revelação. de 116 . coisa que voltaria a fazer. E antes desse. Repito. (ver Revista UFO número 40 de Outubro de 1995). projetado em todas as TVs do mundo. e resultaram no buraco da camada de ozônio. num ponto do globo totalmente desabitado. e que na época ainda eram bastante desconhecidos. conforme relataram Tatunca Nara e Karl Brugger em seu livro “Crônicas de Akakor”. iguais aos habitantes de mundos subterrâneos da zona do antigo Império de Akakor. Bombas previamente redirecionadas pelos estranhos inimigos e que explodiram depois no céu. o primeiro e pretenso ET de Santilli. quando nenhuma dessas negações eram verdadeiras ou tinham fundamento. poucos sabem que o Ano Geofísico Internacional de 1951 e1952. conforme a ciência. e o americano em primeiro lugar.

Isso porque. no hemisfério Norte e que foi atingir o hemisfério Sul. salvo o buraco na camada de ozônio. (E esta Alemanha antiga incluía a Nova Suábia da Antártida em sua cartografia. (de ETs de Akakor?) e dos próprios alemães tal UFO era tripulado por ETs greys ou cinzentos. mas sempre desmentido disco de Rooswell teria sido abatido por um ou mais discos voadores terrestres. chamado Neu Schwabenland. E por incrível que pareça. Conta um fazendeiro da região. como de fato estes últimos parecem ser. Torper. porque as autoridades militares da base aérea de Rooswell não sabiam nada do que havia acontecido a mais de 100 quilômetros de distância de Rooswell ou nas proximidades de Socorro. algumas perguntas continuam sem resposta. que antes de cair tal UFO houve uma tempestade de relâmpagos ou raios secos no local. mesmo que só algo ou alguns desse país ainda estejam guerreando e de modo secreto? (A meu entender. Não eram inimigos dos homens nem maltrataram a Sra. grosso modo. e foi imediatamente abafada. e muito depois também. mas sim. é de se crer que segundo o ponto de vista dos habitantes da Terra Oca ou hiperbóreos. e isso foi eliminado. ou 117 . saber a razão dos antigos aliados não terem concedido um tratado de paz à Alemanha atual e. a Nova Suábia foi profundamente investigada no Ano Geofísico Internacional. inimigos da Humanidade. a contatada A queda do disco voador de Rooswell veio a público sim. abusando das palavras e exagerando.Buenos Aires. Hoje se persegue quem sabe disso). hoje unificada e totalmente submissa aos seus vencedores. em que tal revista fala de ETs atualmente escondidos no Brasil Central. completamente humanos e que apresentavam seis dedos nos pés e nas mãos. É claro que não é a Alemanha do Mercado Comum Europeu ou da Europa atual a que continua em guerra. Mas isso não obteve resultados expressivos algum. por exemplo. esse algo secreto tinha um território próprio no Pólo Sul. uma pequena extensão desse país. algo estranho e secreto. ainda continuarem tratando esse país como se estivesse em guerra. Depois da derrota do almirante BIRD. mas por descuido e por acaso. como. O quase histórico. atribuído ao gás liberado pelos sprays. Por que a República Federal Alemã. conquistado por uma expedição científica alemã em 1938. No que se refere ao término da Segunda Guerra Mundial. dos ETs de Aldebaran. tem horror à palavra Deutschland ou Grande Alemanha. isto é pura especulação). e que talvez tenha conseguido sobreviver ao término do segundo conflito mundial.

numa transmissão rádio-teatral em 1938. É neste ponto que eu encontro uma razão mais forte. O pânico provocado daí em diante. supostamente provindos de outros mundos. Patagônia etc. principalmente junto a tribos indígenas norte-americanas. como vinham fazendo ao longo dos séculos.Antártida. e por tal transmissão se transformou num motivo capital para não permitir que o povo em geral conhecesse os segredos dos UFOs. e não somente artística. tal Governo Invisível exigiu que alguns figurões do Governo norte-americanos hospedassem tais seres não humanos e agora materializados em seus próprios territórios. Terra do Fogo. para ver até que ponto as pessoas estavam prontas para receber a visita de ETs e com eles conviver. quando fosse o caso ou em algum momento. seus iguais.. O resultado foi negativo. E quem sabe até mesmo à revelia do presidente Franklin Delano Roosevelt. de outras dimensões. O objetivo era que. ao que tudo indica. santos e demônios. ETs reptilianos.Wells. Acredito que por meio da transmissão dessa novela rádio-teatral. e isso já em 1938. quase que totalmente desabitadas. os reptilianos e greys fizessem frente aos avanços tecnológicos e ufológicos dos alemães e também à misteriosa ciência daqueles seres nórdicos que estavam apoiando o gênio alemão. embora alguns entendidos acreditem que este presidente (1932-1945) sabia das coisas. quando vieram para o nosso meio acabaram sendo escondidos e hospedados em bases subterrâneas secretas dos desertos dos Estados Unidos. de um gênio tipo Orson Wells apresentar de uma maneira magnífica e até excessivamente realista a Guerra dos Mundos de H. E já nas décadas de 1930 e 1940. É preciso saber buscar. Amigos. onde certos bandidos não conseguem aplicar a sua censura. e isso tudo à revelia do senado e congresso norte-americano. ou seja certos ETs de outras latitudes. catastrófico. com eles se aliaram para a fabricação de discos voadores. cinzentos e não terrestres esses que agora já não podiam mais se disfarçar de anjos. Tais ETs de outras dimensões tipo alfa-cinzentos e reptilianos. certos figurões dos Estados Unidos e do Governo Invisível testaram o povo norteamericano. pois não poucas pessoas se mataram ou simplesmente morreram de susto.G. Quando certos seres de outras latitudes. muito provavelmente elementos do Governo Invisível invocaram seus aliados. quem sabe. tudo o que estou dizendo consta nas páginas da Internet. malgrado suas pretensões de ingenuidade e inocência. com seus respectivos 118 . dimensões e situações resolveram se aproximar dos alemães e.

tripulantes horrorosos. e que sempre mandou no mundo inteiro. que fizessem um tratado ou acordo secreto com tais ETs. além de obsequiar vantagens e permitir a ETs nem tão bonzinhos que caçassem. o presidente Harry Salomon Truman ordenou a criação imediata do grupo de estudo e supervisão Majestic-12 ou MJ-12. Além dos Estados Unidos. Estes acabaram sendo vistos como uma alucinação. não se têm notícias de que algo tão inconveniente e pavoroso. raptassem ou abduzissem seres humanos e animais. ironicamente chamado serviço de inteligência. União Soviética. como as abduções. alguns dos países supracitados viram-se também obrigados a construir bases. transparente e claramente conhecida. Aztec e outros mais. 1945. além de espionar todas as comunicações e interceptar todos os meios de comunicação. O Governo Invisível. quem sabe depois de 1945. para fins escusos. os extra-dimensionais (hiperbóreos) e extraterrestres (Aldebaran). E logo após o segundo conflito mundial. como aconteceu. Grudge e Blue Book. numa base aérea de seu próprio país. que inicialmente surgiu com o objetivo exclusivo de investigar os UFOs e depois se transformou numa poderosa agência de espionagem. Eisenhower. já que ele pessoalmente havia se confrontado com os cinzentos. e iriam se revelar horrendas. por causa dos acidentes de OVNIs em Spitzberger. surgiu também a National Security Agency (NSA) que. por causa de seus eventuais aliados. em Socorro. pois assim os descreve H. e do Projeto Sign. além de na década de 30 obrigar os Estados Unidos a esconder e hospedar determinados seres. Tudo isso foi criado para impedir que a verdade ufológica se tornasse evidente. Lamentavelmente só muito mais tarde as atividades anômalas de tais hóspedes ou ETs vieram à tona. Roswell. 1947-1948. esses acordos secretos quase vieram à tona. admitindo como verdadeira ou até mesmo válida a aliança dos alemães com ETs. Wells. como alegava hipocritamente o presidente Dwight D. Por outro lado. G. (não tenho certeza nenhuma disso). Além dela. 119 . Madalena. os raptos. Na época. Atrás de tais verdades havia muitas lebres. ou seja. a que fizessem o mesmo. também induziu seus fiéis vassalos da Inglaterra. é o mais rico e poderoso serviço de espionagem do mundo. as terríveis experiências laboratoriais tenham acontecido com os habitantes da Alemanha. Foi criada também a Agência Central de Informações (CIA). França etc. futuros hóspedes. do Canadá.

reptilianos trabalhavam de outro modo. avanços tecnológicos para certos homens. quando esse político e estadista ganhou as eleições por maioria absoluta e foi nomeado chanceler e depois presidente daquele país. que existe de fato. não compactuava com tal Governo Invisível. sediados em Nova York em 1933 declararam guerra econômico-mundial à Alemanha. Assim que. Por favor. possivelmente tal Governo Invisível sempre foi e é um inimigo feroz de todos aqueles seres que tentassem vir de outras latitudes. nem sempre louvada. ou daqueles que não se enquadrassem dentro do establishment. já em 1933. dirigido por privilegiados do Primeiro Mundo. mas que em verdade são mais negras que o breu da noite escura.É claro que a hospedagem desses ETs. E quem sabe seja por isso que certos Governos da Terra se vêem obrigados a esconder as verdades ufológicas. só certos. Mas tal troca também resultou em liberdade de ação e de alimentação para alguns outros ETs nefastos. tampouco eram amigos do mandatário da Alemanha e de seu povo. E assim como tal Governo Invisível nunca foi aliado de ETs benevolentes. o tal monstro.. certos americanos. enquanto os alemães e os misteriosos seres de Aldebaran ou da Hiperbórea trabalhavam em seus discos voadores tipo Vrill. e muito menos de um Hitler hoje visto como monstro. o afloramento de um terrível e antigo conflito cósmico. Esta seria a segunda e terrível possibilidade: ter que esconder custe o que custar. Andrômeda etc. nunca foi aliado nem dos eventuais habitantes da Terra Oca ou Hiperbórea.. com seu fantástico modelo econômico que abalou o mundo da época. Pelo jeito. nem dos hipotéticos seres de Aldebaran. quem sabe para pior. juntamente com o Governo Invisível e os ETs alfa-cinzentos. por uma Organização das Nações Unidas (ONU). mas sim também entre homens e ETs. bonzinhos ou maus. como por exemplo. de entes estranhos e bons respeitadores das Leis e da condição humana. cabeças do Governo Invisível. entre ETs e homens… Por sua vez. sejam quais forem. De qualquer modo. convém salientar que. entre ETs contra ETs. Ao contrário. neutros. ou senão por uma ex-Sociedade das Nações. se deu em virtude de uma troca de favores. Essa guerra terrível e vergonhosamente sanguinária não foi somente uma guerra entre homens. Haenebu. pura cogitação… Em setembro de 1939 foi deflagrada a Segunda Guerra Mundial. e isso é história que ninguém apaga. 120 . por sociedades secretas e fraternidades pretensamente brancas. tudo isso é só cogitação. o tal Governo Invisível.

extra-situacionais. seres humanos comuns. podemos dizer que está inserida sim numa Grande Conspiração Universal. há isto sim. dando-se a seguir o tal de Big Bang. um Cosmos verdadeiro que. No modelo de Universo científico a existência de UFOs não cabe. bom para nada. O defeito ou a precariedade perceptual dos homens foi introduzido pelo deus abjeto (Demiurgo) sob a forma de um psicologismo distorcedor. Estes Seres Vivos podem perfeitamente se transmutar em máquina de todo tipo. Altíssimo. mas que nada tem a ver com o Deus Vivo e Autêntico.Quanto à problemática ufológica. não há um Universo científico criado por um falso deus ou criado pelo acaso científico. heróis. o mundo e o Universo foram criados milhões ou bilhões de anos atrás por um pressuposto deus-persona barbudo. asteróides destruidores. como parece já foi constatado na área 51. E assim. Ademais. centros de vida. seres de outras dimensões. o Absoluto. galáxias. devido à orquestração que seres nefastos da Grande Conspiração há muito tempo impuseram aos homens. e sua Manifestação perfeita. Por conseguinte. Em seu lugar. E senão isso. planos vitais. sistemas solares. com tripulantes aparentes e outras coisas mais. deuses. nebulosas. dos quais centros de vida podem perfeitamente provir os discos voadores. que é o egopensamento. semideuses. principalmente se feitos de matéria bruta ou máquinas pesadas e retrógradas do tipo Star Trek e forjadas pelos homens. todos nós acreditamos que a vida. os discos voadores em si não são sempre e necessariamente máquinas. além de um Demiurgo ou falso deus – deus usurpador que a maioria adora como o Altíssimo. planetas e satélites. ao invés de buracos negros. Este falso começo de Universo. daí eu falar em extra-situacionais. mundo e Vida em verdade nunca aconteceu. De sua parte. e que envolve extraterrestres. fluxos. que se parece com o Demiurgo. mas os norteamericanos não quiseram entender. Às vezes são entidades vivas. Mas a falha está em nós e não nela. sendo apenas um monstro – e finalmente envolve o próprio Inefável. Nem o pretensamente divino (Demiurgo) nem o torpemente casual e materialista da Ciência. Esta se traduz como uma subjugação e manipulação muito antiga da Humanidade em geral. A Ciência forjou um universo no qual os UFOs simplesmente não podem existir. que chegam até nós sob o aspecto de pontos luminosos mal interpretados. como elas parecem ser 121 . tudo teria sido criado pelo deus acaso da Ciência. a nossos olhos parece defeituosa. Esta Manifestação Perfeita do Deus Vivo. o Deus Vivo. apresenta situações existenciais.

tampouco é um delírio. lamento dizê-lo. são uma ilusão. os três antigos compadres. Daí também. Aqui vai outro escândalo: já em 1943 os Haenebus e Andrômedas teriam conseguido chegar na Lua. energia. são uma aparência conveniente. para quem os conhece bem e em profundidade. mal pensando. a Ufologia é um escândalo para a Ciência. construídos pelos alemães. é apenas uma sugestão. com a qual jamais me vanglorio. são um embuste. é um vácuo aparente. têm essas peculiaridades. dá-me a razão. (por causa do qual segredo ou alternativa muita gente já morreu). Os discos voadores são exatamente assim. Talvez os únicos UFOs que não se apresentam tão etéreos ou abstratos assim sejam exatamente os eventuais Haenebus. norte-americanos. tem que ser arrancado e negado custe o que custar. outra vez. a caro custo. Na verdadeira vida nada dura ou nada é sempre o mesmo egoser. Eles violam todas as Leis e pretensões e da Ciência. e pela Física Eletro Magnética Escalar. com corpo biológico e tudo mais. De sua parte. O que existe ou aparece é uma falsa objetividade envolta por infinitos véus de Maya (aparências). conforme denuncia e aponta a Alternativa 3. por meio das quais se faria ou se montaria discos ou aparelhos voadores e seus respectivos tripulantes. Vrills etc.. mesmo que doa até os limites máximos do suportável. ou pelo menos teriam chegado naquilo que. E aqui. ou volta a ser exatamente o que era antes: Vazio-Pleno. plasma. lá longe. em Marte e em Vênus. Em verdade.gigantescas naves voadoras. pois os ETs nefastos e aliados desse Governo também se valem dos discos ou de naves similares. Os discos voadores têm exatamente essa natureza. é um vaziopleno ou uma essência espiritual. mas a pretensa matéria. Ele está além das aparências: ou seja. Esta não é nenhuma imposição. espaço e tempo do Universo e mundo científicos são um perfeito faz-de-conta. Conforme tenho exposto e denunciado em todos os meus livros. 122 . a Ufologia é como um espinho encravado que. um vazio-pleno surpreendido pela Física Quântica Ondulatória. Em verdade. ou seja. acreditamos ser tais planetas e satélite. tudo pulsa e muda a todo momento. Andrômedas. E para um Governo Invisível. O que há. Não há pasta material ou matéria bruta e organizada. permanecendo sempre igual. hoje já é possível desconfiar que nunca houve o começo de coisa nenhuma. vazio esse que vira um corpo denso. a maneira de ser e de atuar dos discos voadores. no momento seguinte se transformam num ser vivo arredondado ou num ponto luminoso.

não energéticos. primeiramente e depois científicas. Portanto. concomitante ao tempo. materializa e faz magia. chegarem oficialmente na Lua em 1969. Nada é sempre a mesma coisa. Disso o próprio Einstein e Stephen Hawking suspeitavam e suspeitam. não espaciais. Nada é só material ou é só espiritual. matéria ou plasma. colocações fazem parte do escondeesconde da Grande Conspiração. mas os UFOs. também se renova a todo o momento. Nunca houve criação no espaço e no tempo. que se torna denso e parece materializar-se. há apenas um Surgir da Vida em estado quase perfeito. mas há um vazio-pleno. e que foram caçar aqueles hipotéticos precursores terrestres. aliás. como tudo. imprevisíveis. graças ao Deus vivo. graças a uma energia. autênticos vêm exatamente desse outro Cosmos-Novidade. não plasmáticos. apenas engendra. é bom que se saiba que não há tempo. a modo de dizer. com tripulantes humanos e tudo o mais. 123 . Todas essas sugestões. tudo é sempre outra coisa. com suas manias teológicas. indecifráveis para nosso intelecto e impossíveis de se aprisionar com garras. Amigos me suportem no que digo. Nada persiste. tudo se renova. por isso nada pode ser descoberto. forja. De mais a mais. outro ser. Não há matéria nem energia. Em lugar disso. mãos do corpo ou armas especiais. Esses hipotéticos começos de tudo foram idealizados pelo homem primitivo. extrojeta. não temporais. E isso bem antes dos americanos. São o que são. Não há espaço e sim apenas um Aqui ou um espaço peculiar que se estende e não se estende e que.soviéticos e ETs nefastos malignos já teriam mandado naves para a Lua em 1958. recria. e não de planetas ou orbes do Universo científico. praticamente não capturáveis. Mas há somente uma Manifestação Primeva que se dá sempre Aqui e Agora. Por isso são tão surpreendentes. Até a própria Ciência nada descobre. nunca houve um começo da raça humana a partir do macaco ou algo parecido. que são extensões desse mesmo corpo ou faz-de-conta. e sim apenas um Agora ou Momentos em constante renovação. Os discos voadores são exatamente não materiais. Tudo é Consciência ou Espírito. Tudo é o que é. nunca houve uma torpe evolução das espécies com a sobrevivência do mais forte. ao EU SOU e tal Manifestação é uma eterna novidade. Daí também e inclusive o empenho da NASA em querer destruir e silenciar os hipotéticos inimigos situados até fora da Terra ou situados na Lua e em Marte.

por aqui estiveram certos Filhos da Luz ou ETs positivos e benevolentes que quiseram libertar os primordiais filhos e filhas da Terra de sua triste sorte. dinheiro. ou quem sabe centena de milhares de anos. meios de comunicação. E mesmo assim. e é constituído por aqueles que chamo de uns poucos – bem poucos – e que constituem a anti-raça humana. todas essas informações plausíveis se encontram na Internet e nos foram escondidas por desonestos tutores e mentores humanos e pelos cabeças do Governo Invisível. não filosófica das coisas e que chamamos mundo. os Estados Unidos. depois se tornaram em deuses e estes. homens com caráter. por sua vez. ao receberem a semente divina. Com tal permutação para melhor. Todavia. grãos. a morte. De fato. transformaram-se em heróis. esses ETs ou Filhos da Luz. não religiosa. esses tais são uma minoria. primatas. Uma geração que não mais continuasse sendo pasto para uma besta selvagem. numa tentativa de que elas. Esse Governo manda inclusive na atual maior potência do mundo. os quais são também senhores de praticamente o mundo inteiro. a água e o ar que a Vida nos obsequia gratuitamente. Esse tipo de evolução e ascensão. que há muito tempo. muitos homens se transformaram em homens íntegros. criaram para si mesmos um arremedo de sexo e copularam com as filhas da Terra. violando sua própria natureza superior. aos homens primitivos os ETs positivos quiseram transmitir e transferir. gerassem uma descendência diferente. lutando contra os demônios externos e internos. não quer que o homem comum descubra suas outras origens e seu destino verdadeiro. E esse lamentável destino da humanidade infelizmente ainda persiste. por sua vez mergulharam no Absoluto ou no Deus vivo. ou querem sugar-lhe toda vitalidade. o que é a objetividade não científica. diamantes. energia. com espírito e tudo mais. Há milhares de anos. tal descendência surgiu. 124 .Amigos. já que a raça humana só servia de pasto ou alimento para um Demiurgo infame e seus diabólicos servos e aliados. E para tal. Os asseclas de Demiurgo só queriam e ainda hoje querem alimentar-se com a raça humana. com espírito. os ETs de boa índole tentaram e tentam transmitir aos homens de boa vontade. ouro. grandes indústrias e comércios. propiciadora de transformação. Estes. matéria-prima. São donos de todos os bancos. esses heróis antigos transformaram-se em semideuses. remédios. E agora querem mercantilizar inclusive. De meros filhos da terra. Tudo o que foi sugerido e denunciado. Não quer que o homem conheça o que é a vida.

nem sempre verazes. podes crer. manipulando alguns bobos e iludidos. Peguei todas essas partes soltas. à sua maneira. metido a falso realista. mas alguns trechos importantes foram escritas por dois outros autores que vou manter no anonimato e que quiseram ajudar a humanidade. o texto que lerás a seguir é meu sim. livre de um cientificismo balofo. numa desesperada e derradeira tentativa de destruir o planeta Terra. alienígenas inescrupulosos com suas máquinas da destruição.OS DESASTRES DA TERRA E DA HUMANIDADE – DENÚNCIAS TERRÍVEIS Amigo. os mentores da grande conspiração têm medo de perder o Poder Absoluto. os tutores. nunca deixaram que tudo isso viesse à luz. para melhor. é que se aproxima com mais felicidade do enigma que chamamos disco voador. em médiuns. É por isso que a problemática ufológica está infelizmente inserida na Grande Conspiração Universal. certos governos com seus serviços secretos podres. Se tal acontecer. não mais poderão dirigir ou comandar essa desafinadíssima orquestra constituída por uma Humanidade sofrida e injustiçada.000 anos passados. corrigi. E esta não quer que o aspecto positivo da Ufologia venha à luz. invertendo o escudo plasmático e os cristais energéticos que envolvem o Sol e os Planetas. invadiram o Sistema Solar a 40. as remontei. científico-histórico-espiritual. Ernesto Bono Diz Numa Perseu: O Demiurgo ou o Jeová-Molokron e seus alienígenas espectrais. que sempre tiveram em mãos. ficam transmitindo suas mensagens. e livre de um misticismo burróide.humanos pestilentos e de mau caráter. exploda. sem qualquer dúvida é o conhecimento mais revolucionário e inconforme que surgiu nos tempos atuais. com canalização e tudo o mais. com medo de que o mundo. Só uma alta Sabedoria. as reescrevi. Ao contrário. a Ufologia deve ser entendida adequadamente. Ou pior que isso. 125 . mal organizado por ela. UFOLOGIA . que só servem para subjugar e confundir ainda mais o próximo. as remanejei. e transformando-os em pretensos canalizados. e principalmente para desvirtuar essa coisa enigmática e escorregadia chamada Ufologia que. Porém. ampliei e comentei. inspirados.

por isso Molokron tomou um desses sóis. Nos tempos que correm. que pereceram quando elas foram sugadas. sugando populações inteiras de muitas nações. só que passou mais distante. Há 14. A lua atual. cataclismos de toda ordem. nas quais vivia muita gente. Quando isso suceder. desintegradas e absorvidas pelo maldito orbe anômalo. o Sistema Solar era binário.000 anos tal orbe do horror se aproximou muito da terra. como é o núcleo de um planeta morto que tem ainda a força de sua pérola central. chega sempre devagar e silencioso como um ladrão na noite. em relação à trajetória da Terra. foram sugadas para o Sol negro e ali o desgraçado Demiurgo as desintegrou. Tal planeta que já foi um Sol. que se iniciava no Caribe indo até a África. A tenebrosa sombra da morte passará pela primeira vez e voltará a passar. Teria que mover-se horizontalmente. sete mil anos atrás resistiu à sugação do Sol negro. Quase 80 por cento dessas pessoas. O danado inverteu a função desse orbe e o transformou em uma antítese perigosa e punitiva.Sete mil anos atrás. surgirá de repente num abrir e fechar de olhos e será um salve-se quem puder. esse perigoso astro invertido tornará a passar próximo da Terra. e mesmo assim causou dilúvios. num planeta do terror. mais próximo do que naquele tempo. duas delas maiores que a Lua atual. furacões. ativação de vulcões nos três continentes Americanos e distúrbios generalizados em todo o planeta. que era uma faixa de terras e montanhas.Naquele tempo. também fez alguma passagem pelo nosso planeta. tinha dois sóis. Nesse tempo o planeta Terra tinha 3 luas. Naquela tempo afundou o continente de Karmu (ou Atlântida). como se fosse um cometa e isso o torna super perigoso. como os demais.666 anos e se move em uma órbita elíptica. vivas ou mortas. causando a morte de 700 milhões de pessoas. da mesma maneira que atualmente está se aproximando. Esse astro maligno. porém se move em sentido vertical. aquele que energeticamente era menos poderoso. Como dizem certas escrituras. A órbita desse monstro é o Arcano 18 do Tarot. com a ajuda vibracional desse sol ou planeta terrível. ou na eclíptica. maremotos. invertido pelo Demiurgo ou Molokron-Jeová é mais escuro e tenebroso que o próprio Demiurgo-Molokron. Ele é tétrico como uma mortalha que cobre o que já está morto. originando a enganadora Era Adâmica. não restará nenhuma forma de vida orgânica para sobreviver neste velho 126 . Na época desse cataclismo sucederam terremotos. A órbita desse sol sem luz ou planeta Marduck é de 6. contudo. super-ultra-fechada. isto é. o inimigo oculto do Jeová-Molokron.

mundo porque tal orbe sugará tudo para alimentar o seu Senhor, o Demiurgo e o Jeová-Molokron. Os dois são somente um, mas também são dois ou mais. Isto sucederá nestes próximos anos, entre 2002-2012. Num fatal dia 16 de novembro, às 4 horas da tarde, ele fará sua primeira sugação, e a humanidade despreparada e descrente será sugada por esse planeta vampiro sem ter sequer uma chance de sobreviver diante deste monstro sideral. Lamentavelmente a humanidade da Terra quase nada entende das leis que regem a vida no Cosmos. Ela acha que tem livre-arbítrio, ou seja, que pode tomar água, fumar, contar piadas, torcer por um time de futebol e assim por diante. No entanto, é preciso que ocorra uma depuração nos sentimentos dela e uma melhora em sua possibilidade de entender. Explosões vibratórias positivas têm que ocorrer nas mentescérebros, almas e corações dos homens, por todos os meios possíveis e imagináveis, porque atualmente seus corpos estão sendo envenenados pelas bebidas de qualquer tipo, pela comida, pelos cigarros e pelos assim ditos remédios. As mentes de todos estão cheias de fezes e vômitos podres liberados pelo Demiurgo e Jeová-Molokron, graças às religiões e ciência que eles implantaram na Terra. A hiena perfeita defecou em toda humanidade, tanto ele como seu auxiliar o MolokronJeová. Esse Demiurgo conseguiu e consegue transformar muitos religiosos e cientistas em hienas iguais a ele. De certo modo, se pode dizer que o Demiurgo é o Jeová-Molokron do cristianismo-judaismo, é também e de certo modo é o Brahma-Vishnu-Shiva, dos indianos, é o Alá dos islâmicos, foi o Zeus-Jupiter dos gregos-romanos. Seja qual for o nome que se queira dar ao Demiurgo, ele é sempre o intruso e falso Deus-pessoa. Esse “Ele” espectral nunca foi o verdadeiro pai dos homens ou o “o Pai nosso de Jesus Cristo”, e jamais será. Esse terrível “Ele”, com ou sem máscaras (isto é com nomes de outros deuses), é homossexual por excelência, como aliás todos os alienígenas nefastos ou espectrais o são. Por isso atualmente não poucos pregam e ensinam que os homossexuais são homens superiores, transcendentes, e que todo o planeta deve ser habitado por criaturas invertidas iguais a eles. Nunca ninguém esclareceu que a Grande Sabedoria Cósmica criou apenas dois sexos: macho e fêmea, o quais podem voltar a ser UM, como o Primordial Andrógino era. Ou seja, voltar a serem Filhos do Céu ou da Luz. O terceiro e quarto sexo são apenas ilusões depravadas da mente desse Demiurgo-Molokron imbecil, que tudo quer sugar e tudo quer destruir, mormente se Divino e Verdadeiro. 127

O que acontece com os homens e seus espíritos
Os homens da superfície têm uma vida atribulada. Nascem e morrem quase como moscas. Mas é ao desencarnar que a coisa complica. Sim, pois, conforme informa o Apocalipse lamentavelmente distorcido, o Dragão lá citado ou o Demiurgo, ao aparentemente derrotar Abel-Lucibel-Miguel tornou-se senhor do Céu (astral) e da Terra. E na terra manda há muito tempo. Nesse confronto metafórico, não foi Miguel quem venceu, mas sim o Dragão-Demiurgo. Leiam atentamente o livro e verão. Por exemplo, A pretensa luz do túnel que as almas desencarnadas encontram no astral ou mais além, na verdade é algo do próprio escudo prismático colocado pelo Demiurgo – é uma luz irreal, enganadora e de perdição. A verdadeira Luz do Espírito, esse falso Deus maldito A ocultou. Desde muito ele forçou o homem a esquecer a Verdadeira Luz do Espírito e da Verdade. Todos os espíritos, almas ou consciências do “Eu Sou”, que estão na Terra, ignoram a origem dessa Luz Verdadeira. E quando no Além com Ela ou com esse portento se deparam, se assustam e preferem enveredar por túneis constituídos de falsa luz suave e aparentemente acolhedora. Nem vivo nem morto, o homem comum não sabe de onde veio, quem de fato É, onde em verdade Agora está , e para onde vai. Todavia, qualquer homem ou mulher que se permitisse aprender com os verdadeiros Filhos da Luz – certos Mestres Sábios e abnegados, certos raros Alienígenas verdadeiramente positivos e nunca canalizáveis – acabariam se transformando e entenderiam que eles são iguais aos Filhos da Luz. Quando o homem desencarna, sua alma-ego penetra no prisma do escudo prismático – forjado pelo Demiurgo Jeová-Molokron – o qual se lhe apresenta primeiramente como um túnel de luz agradável e a seguir como uma câmara própria onde ficará preso. E em aí passando, volta a ter consciência de muitas encarnações anteriores, mas esquece totalmente sua última. Ou seja, tudo o que na sua mente ficou registrado na última encarnação é esquecido. Isto é, tais registros, a modo de dizer, são transferidos ou são sugados pelas paredes do túnel de luz que lhe diz respeito. Com isso e a modo de dizer, ele vai entrando na “Lâmpada de Aladim” e se aprisiona num compartimento do prisma que lhe cabe. Ele então não se lembra mais onde esteve, nem quem foi, nem se rebela e 128

tenta fazer uma comunicação com os que (parentes, etc.) que ficaram atrás ou no plano Terra, porque lamentavelmente se esquece de tudo e de todos que fizeram parte de sua última encarnação. Já no outro extremo do túnel, para ele tudo se apresenta diferente, se sente alheio a tudo, e não consegue entender como e onde usou seu corpo denso da última vez. Como alguns já sabem, os valores e os padrões de encarnações anteriores nunca são semelhantes ao da última. Por isso, depois de seu último desencarne, a mente espiritual, tocada pela vibração invertida do escudo prismático ou plasmático, ou senão bombardeada pelos cristais astrais também invertidos, negativados, ela se torna apática. Já não tem mais a memória de tudo o que passou. Essa alma-ego, totalmente indefesa, torna-se uma presa fácil para ser sugada pelo Demiurgo. E então, aquele ente que poderia ser imortal e livre torna-se escravo total do bilhões de vezes ser maldito, sem ter consciência disso. Em seu aspecto primordial, toda a entidade espiritual ou fagulha divina (EU-Espírito-Alna) que vem do Deus Pai-Mãe tem poderes extraordinários, que poderiam ser armas poderosas para combater o Demiurgo e seus alienígenas espectrais. Porém o espírito, quando encarna para viver o nível cotidiano de qualquer sistema, fica bloqueado e inconsciente. Se pelo menos à humanidade sobrassem algumas chaves que os ETs espectrais ocultaram – e não irmãos do além, anjos – fariam verdadeiros prodígios, tanto para o bem como para o mal. Não foi por pouco que Jesus (ou Issa), em sua passagem pela Terra assim exclamou: “Malditos os doutores da lei, que ocultar as chaves da ciência e não permitem que as criaturas se aperfeiçoem e entrem no Reino de Deus, e tampouco eles entraram.”. Mesmo assim, se o Espírito de alguns vibrasse harmonicamente conseguiriam melhorar seu entendimento. Sim porque é preciso ter algum bom conhecimento para firmar-se em algo firme e fundamental. Valer-se só do pensamento positivo não adianta nada ou ajudará muito pouco. É sempre melhor que o pensamento negativo. O homem deve parar de pensar tanto e tem que passar a Sentir, Saber e Intuir mais para que acabe tendo uma confiança inabalável e absoluta nas autênticas Realidades Cósmicas. Só assim os homens ficarão fortes para enfrentar os alienígenas espectrais do além e do aquém ou Terra. . Os filhos da Divina Mãe e do Pai Secreto – Homens – em seus vórtices e Espírito Santo (ou também “chakras” e “Kundalini”) têm poderes absolutos. Conscientes disso e reativando isso, poderiam fazer 129

levitar ou voar qualquer objeto. Poderiam ligar a luz ou desligá-la numa casa ou em qualquer outra área, graças uma decisão e anelo mental. Da mesma maneira, poderiam fechar portas e abri-las, fazer funcionar computadores alterando sua programação. Poderiam produzir outros tantos fenômenos à vontade, apenas graças ao poder do espírito soberano. Mas para tal, o espírito terá que romper o bloqueio da camada plasmática feito pelo maldito Demiurgo e seus seguidores. Porém poucas pessoas na Terra atualmente têm poder para romper esse bloqueio. Isso porque na maioria das vezes as pessoas ditas paranormais e que conseguem manifestar grandes forças espirituais são perseguidas ou pelos alienígenas espectrais, à mando do Demiurgo, ou pelos asseclas dos tenebrosos senhores do poder da Terra, isto é, Cia. SNA, Mossad, Isis, Intelligence Service e demais serviços secretos pestilentos. Alguns cientistas colonizadores e descarados desses serviços secretos, escravizam sensitivos, médiuns e paranormais ou qualquer pessoa que tenha boa força espiritual, e os utilizam como cobaias. Certos psicólogos se metem a fazem máquinas imprestáveis para medir e analisar a potencialidade energética dessas criaturas mencionadas. Alguns cientistas, imbecis e prepotentes, falam que são capazes de tornar o espírito visível para estudá-lo ou para dele tirar fotos. Todavia, isso é completa e humanamente impossível. Não importa qual seja o equipamento que a eletrônica computadorizada possa criar, o que esses néscios medem são as sombras fantasmagóricas que o escudo plasmático produz. Este, atuando, altera a aura humana, e nunca consegue medir ou fotografar o Espírito Real. E os doutores neurofisiologistas, que mal pensando acreditam conhecer tudo, se alguma vez se deparassem frente-a-frente com o Espírito Soberano, fugiriam enlouquecidos e suas máquinas se desintegrariam, porque eles não são nada diante dos poderes do Espírito. Estes poderes reais são impossíveis de serem medidos ou fotografados por máquinas ou pessoas negativas. O que quase anulou ou tornou negativo o poder do Espírito nesta Terra, foram certas falsas religiões, foi o materialismo científico, foi a agressividade, a violência e os desesperos que as criaturas sofreram por milhares de anos atormentadas pelo Molokron, para que se dobrassem às suas ordens e se esquecessem de quem eram e porque vieram a Existir. O maldito Demiurgo ou o falso Deus foi quem impôs à humanidade essa dura escravidão, levando-a a que em muitos povos, em suas culturas e tradição, se gerassem muitos absurdos e extremismos fanatizantes, os quais são venerados até os dias de hoje. Tudo isso 130

constitui um montão de anomalias e loucuras que entristecem os Deuses quando olham para a situação terrestre. A pior de toda é a violência que os homens praticam contra si mesmo, contra o próximo, e contra os animais , vegetais e minerais da Terra Terríveis também são a mentira generalizada e os roubos indiscriminados que os grandes praticam contra os necessitados. Se alguém quer Sentir seu Espírito ou Eu maior, tem primeiro que entender o que é o Amor do Deus Mãe-Pai. Segundo tem que ter um verdadeiro guia espiritual, que pode ser um Filho da Luz ou um Deus sideral. O poder não é dado a qualquer pessoa, mas só aos que o merecem e se purificaram ao extremo. Mas se, não obstante isso, depois atraiçoarem a Lei do Amor, escravizando seus semelhantes como fizeram alguns Filhos da Luz em épocas longínquas, eles se transformarão também em Demiurgos ou em legítimas antíteses existenciais, a espalharem necessidades sem fim, dor, terror e morte.

ETs nefastos, espíritos errantes, espíritos obsessores
Às vezes, acontece também que alguns espíritos desencarnados se recusam entrar no túnel enganador, e por isso mesmo não chegam ao compartimento do escudo plasmático que lhes cabe (lâmpada de Aladim). Por causa disso, começam a flutuar de lá para cá, para muitos lugares do além e se tornam espíritos errantes. Acham que ainda estão encarnados porque podem ver e ouvir os de lá e os de cá, mas não conseguem se comunicar nem pelo som nem pela palavra. Deste lado, ninguém os pressente nem os ouve. Poderiam se comunicar telepaticamente, mas não sabem fazer uso da comunicação telepática. E portanto, se desesperam. Tentam conseguir um corpo, mas não conseguem. Tampouco conseguem fazer reviver seu corpo morto (cadáver), porque acham que ainda vivem. Se desesperam ainda mais e aí tentam se apossar do corpo de alguém. O residente de tal corpo, contudo resiste e não lhes permite a intromissão. Pode começar então uma guerra astral. Se o obsedado ou a vítima da agressão não tem religiosidade e em absoluto tem poder espiritual, perde o corpo para o espírito errante. A vítima, no caso, vai ficando quieta, com os olhos parados. Se aliena total e não quer saber mais de nada. Fica numa catatonia perfeita. Esquizofrenia catatônica é o rótulo que lhes põem os psiquiatras desinformados, quando as pessoas se encontram nessa situação. Eles não entendem o que se passa, não olham para além do 131

impedem a entrada de certos Espíritos de Luz no interior do escudo plasmático.corpo denso. o Demiurgo maldito que assim o quer. do Jeová-Molocron ou seja qual for o nome. Mais inteligentes e perspicazes. Mulheres grávidas e trocas de corpo Algumas mulheres grávidas. Por conseguinte. Não levam em conta o corpo sutil (ou duplo etérico. religioso e espiritual. a não ser que “o Kalki. todas essas situações são causadas por aqueles que chamamos espectrais ou também ETs nefastos. Não poucas vezes. astral. se tornam fracas. um humano inteligente. na qual o verdadeiro dono fará de tudo para expulsar o invasor. onde está a resposta e a realidade de tudo. Entrementes se o alien ou também o espírito entrante têm mais força ainda. Todas essas confusões e maldades só poderiam sair de uma personalidade espiritual enferma ou de uma consciência depravada. o 132 . periespiritual) e o corpo causal. logo após passarem pelo parto. e assim este espírito expulso procurará outro corpo e tentará fazer o mesmo que fizeram com ele. . Quando o ego-alma ou espírito original tenta voltar àquilo que era seu corpo denso. espectral ou também um espírito errante) começa uma nova guerra astral. enfraquecendo assim seus habitantes para que sejam vampirizados e sugados. os espíritas e os espiritualistas chamam isso de encosto obsessivo. para nos ajudar. Porém quando um desses espíritos errantes encontra alguém forte. cansadas. se retira pois jamais poderá tomar conta daquele corpo. e sua orda selvagem” venham a fazer uma limpeza. Aqui o corpo possuído ou obsedado começa a manifestar agitação violenta. dois espíritos poderão conviver por certo tempo num mesmo corpo. escudo que constituiu o além e o aquém. Somente os perversos ficam então na superfície do planeta para criarem toda sorte de ilusão e confusão. os falsos religiosos biblicistas de posse do demônio e os psiquiatras e médicos mal informados e ignorantes chamam isso de surto psicótico ou esquizofrenia múltipla. porá definitivamente para fora o dono do corpo. Aí dentro dele o corpo ficará com dois espíritos lutando. e que está sendo usado pelo entrante (ET nefasto. Estes. cumprindo as ordens do Demiurgo. Em casos especiais. A vítima psicológica e obsedada pretende matar e quebrar tudo o que encontra pela frente. depressivas e apáticas. o senhor da Justiça. Por isso o plano Terra parece realmente não ter mais solução. É o falso Deus.

o que sobra deste pobre ser. A medicina não encontra explicação e inventa teorias lógico-racionais. que nada esclarecem r só complicam. consegue fazer com este último ceda seu corpo denso ou físico para alguém mais. Os espectrais imediatamente trocam o espírito desse corpo e que se encontra em tal estado. Estas coisas acontecem com certas mães porque a alma-ego ou também o espírito do nenê que em tal corpinho está reencarnando foi utilizado em centenas de experiências genéticas nefastas. Bem mais adiante. a mando do Demiurgo ou também Jeová-Molokron é obrigado a entrar em outro corpo em formação.Falemos agora dos casos de troca de corpo: são inúmeros os casos de trocas de corpos no planeta. Dizem que um lama tibetano. com seu corpo denso em péssimas condições. praticadas por alienígenas do além. essas trocas de corpo ocorrem de modo violento. Quando sai do estado de coma ou ressuscita. fazendo entrar outro alienígena espectral que está a serviço deles. efeitos que o tornam um legítimo vampiro. já no ventre materno ele suga a energia da própria mãe para transferi-la ao Demiurgo. Certos ETs desgraçados do além pegam ou o corpo denso ou o corpo sutil e os fazem cruzar com alienígenas para ver se conseguem forjar um cruzamento satisfatório de alien-humano. --. convencendo-se de que a troca é altamente proveitosa e favorável. E como sua vitalidade espiritual com tanta barbaridade praticada ficou invertida. conseguiu fazer com que determinado alguém cedesse seu corpo europeu.corpo delas vai definhando até morrer. principalmente aos espiritualmente desprotegidos. este espírito entrante já havia sido o conde Rochester a também escrever livros por meio de uma médium. E por meio de promessas altamente gratificantes. até que se transferiu para outro mais. E isso os obstetras e psicólogos chamam de psicose pós-partum. Em assim sendo. Sucedem principalmente com pessoas que entram em estado de “coma’. altamente espiritualizada (ou simplesmente não). Não têm a mínima disposição nem força para criarem seus bebês. guarda em sua memória etérica os efeitos da agressividade que foi padecendo no aquém e no além. E em assim acontecendo. em troca de vantagens espirituais. Determinada entidade do além. Em outras ocasiões. graças a outro corpo denso. ou senão em tentativas de transmutação orgânica. este lama tibetano continuou sua missão – escrever livros denunciatórios e instrutivos. às vezes entra em acordo com um humano terrestre. a 133 . em muitas outras ocasiões. Lobsang Rampa no caso. aquele que vai reaparecer no plano terrestre. por causa das torturas aplicadas pelos chineses comunistas. Viveu mais certo tempo em tal corpo. Todavia.

Muitas vezes eles não se apercebem que são espectrais.Com isso. falam disso abertamente. Quando aparentemente recupera a consciência anterior. não tem mais memória do que se passou. E o que eles vem fazer no nosso meio nunca é algo bom e construtivo . Geralmente são o séquito espectral do Demiurgo bandido ou do Jeová-Molokron. Trabalham principalmente com os psicógrafos. em encarnações recentes. Geralmente executa a missão que o Demiurgo lhe ordenou. Outros. determinados médiuns e sensitivos conseguem conhecer os segredos da “Lâmpada de Aladim” ou os registros dessa camada. Não consegue lembrar de sua origem. de seus familiares e muitas vezes não conhece sequer seu nome. Causam medo e desarmonia nas criaturas em geral e se disfarçam de Santos e Profetas bem intencionados. Poucos médiuns. E ainda se intitulam mensageiros de Deus. O retorno da memória antiga sempre tarda algum tempo. de castigos cármicos coletivos. Os espectrais nefastos normalmente têm uma propensão para o fanatismo religioso em seus piores aspectos. lembra principalmente a programação que recebeu e inicia a execução de seus trabalhos. contudo. Os espíritos ou entrantes que penetram num corpo em estado de coma. São os que ficam falando de castigos. fim de mundo. são puros e inocentes. Têm chaves psíquicas que ajudam abrir “os cofres das paredes” dos túneis da camada plasmática para onde se transferiram ou onde ficaram retidos os registros da memória de um ser humano qualquer em sua última encarnação.pessoa-ego ressuscitada. Paranormais e médiuns Lamentável é dizê-lo. os alienígenas espectrais trabalham com os médiuns encarnados. Porque é na camada plasmática ou em tal túnel que fica o registro das experiências ou vivências de todos os que já viveram neste nosso velho mundo. convulsionando a energia do que ficou registrado. portanto. Não é difícil dar-se conta quem são os alienígenas entrantes espectrais. Desde o astral ou mais além. a qual via médium abre caminho como se fosse comunicação mediúnica. pelo menos um ano. pragas do Apocalipse. Tudo acontece como se fosse real. como se as mensagens estivessem sendo 134 . salvadores da humanidade. mas certos médiuns que habitualmente psicografam são espíritos espectrais que já vem programados para isso. seja para espionar ou seja para eliminar alguém que está atacando o falso deus com todos os seus entrantes. são ETs nefastos ou são espíritos espectrais.

são chamados médiuns de efeitos físicos. os alienígenas espectrais sempre estão atentos e preparados para impedir qualquer eventual comunicação que possa denunciá-los no momento da comunicação ou do evento paranormal. que fazem maravilhas criando obras de arte como quadros e esculturas e até músicas. Só não deixam transparecer que tal mensagem foi montada a partir da leitura de determinados registros.transmitidas por desencarnados. O mesmo acontece com os paranormais. que juntos com os espectrais retiram o que necessitam da camada plasmática. E mais ainda. criar matéria ectoplasmática ou desmaterializar alguma coisa sólida. Porém essa proezas paranormais também podem ser feitas por alguma pessoa encarnada que tenha sido programada para enganar pessoas ou multidões através disso. aparentemente é de grande importância para essa pessoa presente. espirituais. Os espectrais junto com o maldito Demiurgo são os maiores desrespeitadores dos direitos cósmicos. de onde não pode sair. ao entrar no pretenso túnel de luz. Até conseguem materializar qualquer coisas que esteja desmaterializada. Todas essa artimanhas servem para confundir as pessoas que ficam convictas de que se comunicaram com seus queridos do além. Por isso que nas sessões espíritas alteram qualquer mensagem genuína e transcendental e deixam apenas informações mentirosas que as pessoas presentes gostam de ouvir. podem falar de assuntos que são desconhecidos ou que ainda não aconteceram. tirando delas energia vital através da camada plasmática para essa operações. De qualquer maneira. as entidades espectrais iludem as sofridas criaturas daqui mesmo que caem gratuitamente em suas armadilhas. Por outro lado. transmitir a mensagem do familiar de alguém que está na sessão. e que a transmite ao médium espírita e este a passa adiante para alguém que fica felicíssimo. E desse modo. Ou senão. e esta os 135 . não dá para descartar por completo que eventuais comunicações mediúnicas com queridos familiares no além não ocorram de fato. todo ser terrestre que desencarna. Os médiuns que sem estarem preparados fazem esses trabalhos acabam enfraquecidos porque absorvem energia negativa. Mas como foi dito antes. Torna-se inconsciente das vivências e experiências de sua última encarnação e dificilmente poderá vir a dar mensagens aos encarnados. Não o deixam e a vigilância é rigorosíssima. vai para seu lugar no escudo plasmático do além (“lâmpada de Aladim”) . prejudicando milhões de criaturas que se encontram em um diâmetro de 11 quilômetros. e que. por parte do espectral. universais.

ou mistificadores. Homens e mulheres inocentes imaginam-se pecadores. passando algum tempo invertem as polaridades. Aí então a absorção da vitalidade negativa se torna irreversível e eles acabam virando vampiros.000 anos são o infame Demiurgo e seus espectrais. É sobre isso que agora vamos discorrer. Aquilo que chamam o poder da mente nada mais é que a força do espírito encarnado. com seus sintomas imediatos. Qualquer pessoa pode observar as curas espirituais que quando acontecem. porque os espectrais perceberam que se aproxima o fim de tudo isso e estão utilizando todas as maneiras possíveis e imagináveis para sugar energias vitais. Mas. mas a verdade é outra: certos espíritos encarnados ainda possuem a luz primordial. Assim todas as pessoas são inocentes. Sucede que a vibração dos espectros incide no médium curador e no enfermo. O falso deus persona que começou toda essa maldição invertendo a verdade ordenou aos espectrais que criassem toda 136 . e o Molokron-Jeová e os espectros se dizem bons e generosos. fazem uso de chaves psíquico-espirituais que os espectrais forneceram e não o poder positivo do Espírito e da Mente Pura. Na verdade ninguém é culpado ou pecador. por isso não se submetem ao jogo do Demiurgo Nefasto e são perseguidos por ele. Existem. nem sempre as pessoas alcançam a cura e esses fracassos são atribuídos ao carma negativo da criatura. . na maior quantidade possível. absorvendo a parte vital verdadeira e deixando no lugar da mesma energias negativas. gerando novas enfermidades. que recebe a cura. Certos paranormais ou médiuns que fazem curas espirituais. contagiando o organismo. logo a seguir surgem outros problemas e outras doenças perigosas. os verdadeiros pecadores responsáveis por tudo de mal. mais do que já estão. que os originou. foram programados para fazerem exatamente isso por certo tempo.transformará em vampiros espectrais. e se negam a serem contaminados. para depois melhor vampirizá-las. vibrando de forma intermitente. Essa situação ocorreu a partir do mês de fevereiro de l 997. sejam eles autênticos. até que acabem contaminando-se e se degradem completamente. com sua programação harmônica e condizente emanada de um Poder Real e Superior. que a princípio tendem a ser vitais e regeneradoras. porém. sofrendo toda espécie de infortúnio. que vivem existe neste velho mundo nos últimos 40. Além do que. algumas mentes poderosas enriquecidas pelas “chaves” que alguns espectrais forneceram. por estarem num planeta como a Terra. que contaminam o organismo que foi curado.

em um sol de uma longínqua galáxia. porque não haverá compensação nenhuma por esse sacrifício ou por essa dedicação. porque as pessoas têm de morrer em acidentes terríveis? Porque tem tantos mortos vivos. ali se encontravam. saí do corpo e ao final de uma longa viagem estava nos confins deste sistema solar. se a ti devo minha existência. Passado isso. Há muito tempo. em um mundo tenebroso. através desse processo.. se o planeta de onde venho é criação tua. porque os animais se comem uns aos outros? Porque te divertes conservando uns comendo os outros. se és cósmico. conhecedor de meus direitos siderais. que tentassem transformar mentiras em leis. recordando minhas vivências me perguntei porque neste velho mundo não temos o direito de u m descanso tranqüilo? Porque não encontramos no astral da Terra. a dor e o sofrimento? Porque os aleijados físicos e os enfermos mentais. as 137 . que sabia. porque as pessoas desequilibradas e desnorteadas. quero que me respondas: porque tanta violência. que se escondia de mim. há pouco tempo me buscaram para avisar-me que era chegada a hora de revelar tudo a todos os povos. que se detenham imediatamente no trabalho de curar através da mediunidade. muito além desse mundo. que se dirigiram a mim dizendo que ele era o criador do mundo em que eu vivia. se és o juiz do certo e do errado.espécie de confusão. em busca de sábios siderais. perguntei: “Se tu és um criador com poder. Creiam neste amigo que já foi vítima inocente dos espectrais e do maldito Demiurgo Jeová Molokron. parem com isso enquanto é tempo. entoando selvagens sinfonias de amor? Porque não encontramos animais convivendo com a s pessoas em harmonia? Porque se sofre tanto neste mundo? Perguntando-me essas coisas. flores e pássaros cantantes. porque permitiste a miséria. por isso. e pareceu-me que ele gostava de esconder-se ou ocultar-se e eu. porque a guerra. seriam mais fáceis de sugar. em uma noite tranqüila. porque o único que terão de pagamento por esse trabalho virá em forma de desgraça e sofrimento. a favor dos doentes. que os buscam. amor e salvação. campos verdejantes. Estava rodeado de espectrais. diante de um ser de baixa vibração. o derramamento de sangue. sendo um espírito que sei quem sou e tenho toda a força e vitalidade do cosmo. Os verdadeiros sensitivos ou paranormais que tenham alguma luz. Eles me transmitiram isso que estou escrevendo e que há muito eu já sabia e aguardava o momento da revelação. o ódio. a fome. deixei meu corpo no sofá da sala de minha residência e fui ao mais além.

tuas excelências e majestade! Porque tantas falsidades. porque não disseste quem são e os direitos que tem? Porque cobres teu rosto? Porque nunca te mostras para que todos te vejam como realmente tu és? Talvez sempre te mostrastes de maneira enganosa. com atitudes empafiadas? Porque sempre os nefastos e malignos se sentam em tronos de ouro e dormem em lençóis de cetim? Quem lhe deu o direito de ter de tudo e mais que os outros? E quem lhes deu o direito de perdoar ou condenar seus semelhantes? Porque as pessoas se ajoelham beijando-lhes as mãos e os pés? Penso que são seus representantes. porque mente e engana tanto? Porque deixas teus filhos andarem de joelhos. porque os campos de concentração. outros morrem de fome. os homicidas e assassinos. porque os seres não têm consciência de quem são. porque criaste o dinheiro? Porque permitiste tantas aberrações? Tenho o direito pela Lei Cósmica de saber! Aqueles que dissestes que eram seus filhos. as prisões. sobre milhões de pessoas. plantações e humanos desesperados? Criatura nefasta e sofisticada. caminham sobre tapeçarias aveludadas. as magias negras e as religiões e as mentiras que tanto aviltam a vida? Porque deixastes as criaturas que criastes se arrastassem no chão como vermes? Porque lhes cortastes os membros. se todas se contradizem umas com as outras. os hospícios públicos e os manicômios? Porque as armas? As chuvas inundando tudo? Porque a seca matando animais. os deixastes meditar e pensar? Porque eu refleti e pensei. provocando guerras fratricidas? E essa ciência oficial que se diz dona da verdade. porque nunca ninguém teve a coragem de enfrentar-te. roubos e corrupções. por isso vim perguntar-te sobre coisas sérias e interrogar-te! Porque lhes tirastes. por que milhares de religiões e seitas. porque alguns de dizem especiais e privilegiados. a depravação. donde vêm e para onde vão? Porque não lhes contaste a verdade. que são obrigados a pedir perdão por pecados que imaginam ter cometido? Porque esses usurpadores se vestem com roupas especiais. os vermes que se engasgam com tudo isso? Porque enquanto uns comem e têm toda a fartura. quem és? Porque te ocultas. o egoísmo. e padecem a humilhação da mendicância. a podridão. ou será que tens alguma coisa para envergonhar-te? 138 . ou mutilastes o entendimento. de que te envergonhas. os grandes ladrões dos oligopólios. a exploração DO HOMEM PELO HOMEM. outorgando o direito de mando e autoridade. apregoassem o materialismo. ou roubam para não morrer de fome? Porque os ladrões. Reponde afinal. porque deixaste que os meliantes materialistas.enfermidades.

nem conseguiam suplicar e estavam mortas de cansaço. Porque fizestes tanto mal e não te apiedastes. não tenho dúvidas. E posso voltar ao meu lar verdadeiro quando eu quiser. para que transmitam teus recados e digam para a humanidade que deve temer-te e respeitar-te como o deus da vingança. avarento. ou ocultar-me. não enganei ninguém. nem aos meus semelhantes! Quando a humanidade necessitou de mim. na realidade? Porque te ocultas? Mostra-me teu rosto e dizeime: que verdade representas? Assim talvez eu te entenda e possa perdoar-te! Sou o amor e o perdão. também vi muitos sofrerem por amar. que quisestes escravizar. és a própria vergonha. não violentei os animais. a decadência. esta é uma blasfêmia! Nada fiz na terra para envergonhar-me. sempre a atendi. com que intenção te pusestes acima de teus filhos? Quem és. se essas vivências são apenas tormentos? Se os filhos que escravizastes estavam contigo em paz e harmonia. o infinito de vergonhas! Porque utilizas outros mais tenebrosos. que vivem provocadas pelos espetros a teu mando? Para que tantas reencarnações.Creio que te entendo. pouquíssimas vezes? E só concedias algo. Chamas isso de justiça divina? isso é amor? Agir assim é ser um deus? Quem te autorizou a proceder essa maneira? Quem te deu a vida. quando as criaturas não tinham mais palavras. nem corrigistes teus erros? Porque deixastes tuas criações implorando em vão? Porque não impedistes a mão homicida? Porque só concedias algum benefício a alguém. Eu sou quem sou e tu quisestes aprisionar-me e não conseguiste. não mutilei meus filhos. não pensou que te tornarias um traidor maldito. Assim eu te dou a responda: sou um espírito soberbo. Não blasfemei! A prisão mundo ou a escuridão exterior. um ser cósmico. Molokron. nunca precisei fugir. 139 . Porque fizestes a humanidade crer por milhares de anos que só se chega adeus pela submissão e do sofrimento? Porque não alimentastes homens e mulheres com amor? Porque enaltecestes a dor. a velhice e os estertores da morte? Porque induzistes a todos a cultuar a morte em vez da vida? Querias com isso utilizar a reencarnação para que as criaturas se tornassem violentas pelas experiências astrais horrorosas. nem mentir. Não matei por matar. por isso não necessito perdoar-te. as enfermidades. ou muitas vidas. amei a todos e sofri muito por isso. estou no coração das pessoas! Agora me dizes que blasfemo e que razão tenho para criticar-te ou denunciar-te. que sempre foi o cosmos infinito. que também é generoso”? És vingativo. ou iguais a ti.

Deixo-te com teus pensamentos e indagações. é grandiosidade. olhando todos de frente. para que desse a esse velho mundo as verdades que sempre ocultastes. serás julgado pela justiça cósmica universal. desorientados e sofridos. ladrão e assassino. para que te conheçam e vejam quem és e como és. O mesmo sucede com o narcotráfico. Fazes tudo isso falso deus e eles te aceitam como um deus verdadeiro. que agradeço ter me dado a consciência e me escolhido entre milhões e ter me preparado e instruído. Desgraçado. feitiçarias. Mas. agora tal como quisestes julgar. satanismos. perdendo o espírito. que se agiganta cada vez mais. espiritismos. seitas. Olha-os e 140 . depravando a humanidade. Roubaste todo o poder deste mundo e tiveste a chance de fazer dele um paraíso. traidor. Criastes religiões. O deus Mãe-Pai que amo e conheço é perfeito. a qual é só amor. não temo enfrentar-te e nem te reconheço como um deus! Não és luz e nunca foste o pai celestial. magias negras. mas quem foi o primeiro e verdadeiro pecador? Foste tu. Todas as religiões da Terra. que os justos nos mostraram. olha tua obra: só existem seres revoltados. onde os espíritos podiam manifestar-se sem sofrer e livres. porque juntos formam a unidade que é o verdadeiro deus. sejam quais forem são dirigidas pelos espectrais por tua ordem. andam juntos com as religiões e as seitas. pérfido. um falso deus? As pessoas que te desconhecem e são humanas. egoísta. cristianismos e outros que não vale a pena mencionar. te apresento a elas. homossexualismo e prostituição. que sempre quisestes ocultar. covarde. harmonia e amor. ocultismos. Eu as levarei e chegarei como um gigante. escolas esotéricas. confusos. Uma grande quantidade de humanos são exatamente iguais a ti. usurpador. verdade. me dá toda a paz e só a Eles reconheço como Mãe-Pai. Mas eu jamais te aceitei como um deus e nem acreditei em ti. capaz de qualquer patifaria. mesquinho. e os espectrais ajudam a fomentar e a manter essa degradação. que bela criação a tua! Fazem 40. As mãos infinitas de meu Deus estarão sempre estendidas para proteger-me e nelas confio a certeza de minha missão cumprida. experiências horríveis e escravizastes a todos com encantos e mentiras! Obrigastes a eles se sentirem pecadores. mentiroso e farsante. fizestes com eles. a verdade e a vida primordial.inescrupuloso. que negastes o caminho.000 anos que torturas e desmoralizas os terrestres. é luz. maçonarias. Por isso. mentiroso. a alma. e é a esse Deus. Sempre farás com que todos cumpram teus baixos desejos e se desgracem em tudo.

Por que cometestes esses crimes contra o Deus Mãe-Pai. um usurpador e um ladrão. Nada de tão sofrido e imperfeito. te recordas. Por que não os ensinastes a utilizar a energia sexual. eu não faria. desaparecendo milhares de espíritos na involução dos inframundos. Para que se tornassem antíteses iguais a ti. só olham o vil metal. lamentavelmente estão dirigidos. Ó besta selvagem. Isso eu direi ao mundo inteiro. Crêem apenas naquilo que lhes oferecestes e para o qual. como vendestes alguém que não era seu filho e que mentiste que era. que tantos danos causou e causa a este mundo e a outros mais. não? e posso dizer-te que jamais atraiçoei um amigo e nunca venderia um filho meu. pereceram em espantoso sofrimento. na lei? Por que os deixastes cair e perecer nos charcos da depravação? Mas eu sei. se sabias que os transplantes aprisionam os espíritos por milhares e milhares de anos. que iriam aumentar a orda de espectrais a teu serviço. O miserável aspecto quantitativo dos demônios prevaleceu e está prevalecendo outra vez. o dinheiro. ó Molokron Jeová ou falso deus. por causa dele. Olha-me e sente a energia de meu espírito que está frente a ti e entenderás que toda a loucura que fizestes neste mundo. O mesmo dinheiro que vendeu Issa. Terás que pagar pelo carma dos transplantes e das experiências genéticas. por que não sou igual a ti. porque teu carma é gigantesco e a lei de causa e efeito te jogará nos infernos atômicos da natureza! Por que enganastes a todos com essas mentiras fazendo com que todos cometessem o mesmo erro que outras civilizações cometeram e. para sugar-lhes as energias e vampirizá-las até o fim. prepara-te. eu criaria. Maldito. 141 . causando ódio e involução entre o pretenso doador e receptor? Ès um criminoso egoísta e não és nenhum deus.entenderás em que tipo de deus eles acreditaram. Quem fala de ti assim e contra ti é o velho Prometeu-Jasão. mas sim apenas um homicida desgraçado. mil vezes maldito! Ordenaste aos espectrais que ensinassem os homens a ter orgasmo externo para criar filhos ou mais criaturas antíteses. o poder e a corrupção. mundos que foram destruídos pelos espectrais. para que suas almas morressem nos abismos siderais. teu filho inconforme.

e você verá que esses SEMPRE tomaram parte em cerimônias de sacrifício humano e SEMPRE beberam sangue. e outros. estes rituais e redes de abuso são para traumatizar pessoas. e a palavra "draconiano" certamente sintetiza a imagem dos Illuminati. Desse modo. Eu.davidicke. Para sustentar a sua forma humana. Os reptilianos se alimentam do nosso sangue e da nossa dor e agonia. Um dos habitat deste grupo reptiliano parece ser o sistema estelar conhecido como Draco (dragão). A história do Drácula.html) Por mais estarrecedor que isso possa parecer. Simplesmente horroroso. " Do que eu entendi através de informações de pessoas que já trabalharam para “pessoas” assim (ex-insiders). eles acabarão manifestando os códigos reptilianos deles mesmos. tal vem acontecendo. mas é muito mais do que isso somente. simboliza o “vampirismo reptiliano”.UFOLOGIA O ABUSO DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES EM SACRIFÍCIOS HUMANOS EM GERAL Este é um curto artigo escrito por David Icke.com/icke/temp/reptconn. não importa onde você esteja. linha que se estende até os tempos atuais. Está acontecendo dentro de sua comunidade agora. Siga as linhagens genéticas dos Illuminati-reptilianos do mundo antigo. ultimamente. o sangue (Vitalidade) de bebês. de crianças pequenas e adolescentes é o mais efetivo para isso. como também é o sangue dos arianos ou de pessoas loiras e de olhos azuis. de uma maneira abominável . especialmente as crianças e os jovens. então. Se não ingerirem sangue. essas entidades precisam beber sangue humano (mamífero). Em parte. Os sacrifícios para os "deuses" nos contos antigos eram literalmente sacrifícios feitos para os reptilianos e suas linhagens genéticas híbridas. temos revelado isto durante anos. todos nós acabaríamos vendo o aspecto que eles realmente tem. De certo modo. muito interessado e descrever os reptilianos e em denunciá-los. isso vem sendo difundido veladamente no mundo inteiro. artigo que aparece no site dele: http://www. além de usufruírem a vitalidade que o sangue contém a fim de poderem manter seus códigos genéticos em sua expressão "humana". o bebedor de sangue. Conseqüentemente essas são as pessoas predominantemente 142 .

todas essas aparentemente desconexas "conspirações" são parte de UMA conspiração projetada para introduzir UMA agenda: O controle reptiliano do Planeta Terra e de toda a sua população. e que estão aqui para ajudar a humanidade a se livrar de certa escravidão mental e emocional. David Icke UFOLOGIA . Ele próprio justifica a sua conduta. eu também gostaria de enfatizar que eu estou apresentando certos GRUPOS reptilianos por trás dos Illuminati. pai e filho. Mas. Antes de terminar aqui. De fato. inclusive teríamos uma parte do cérebro chamado de complexo-R. depois que escrevi o ensaio e que (de maneira antecipada) acabaste de ler. Com amor. O sacrifício e o vampirismo acontecem juntos. eu o enviei para o amigo Gevaerd para que eventualmente fosse publicação na revista UFO dele.CRÍTICAS E CONTRA-CRÍTICAS Amigos. e que seria o nosso cérebro réptil.raptadas e usadas em sacrifício. ou seja as Três Perguntas Básicas da Ufologia. No fim. (certos da anti-humana raça). Eu confio que este breve resumo o ajudará a ver a relevância de todos os artigos e informações que eu escrevi e que você achará em meus livros e neste site. que é excessiva neste planeta. É por isso que pessoas como George Bush. os quais. podem mudar de forma e tomar parte em sacrifícios humanos. ao que parece. Gevaerd o publicou num email circular dirigido para todos os seus amigos e colaboradores de ufologia. chegando até mesmo a recomendar o 143 . Henry Kissinger. há muitos cuja origem é reptiliana. também as pessoas de cabelo vermelho são utilizadas. todos nós temos um corpo e nele pode haver muitos genes próprios dos reptilianos. e antes de o artigo vir à luz na Revista. Por incrível que pareça. Parece haver também uma ênfase muito significativa entre os Illuminati-reptilianos e os seus aliados. e uma corrente de outros "grandes nomes" ou os Illuminati do mundo moderno são apresentados em meus livros e neste site como reptilianos. bebendo inclusive o sangue. com pedofilia. Para minha surpresa. mas não a corrente genética reptiliana em geral e que é muito grande.

br ou ebono. Ele trata dos chamados pactos que os extraterrestres teriam com governos da Terra. Estes. de uma maneira bastante desrespeitosa. Gevaerd Rolando então a mensagem inédita no email circular. Em primeiro lugar. não poderia deixar de dar minha opinião sobre esse texto. determinado cidadão. Eu também acho esse assunto fascinante. de 1944 a 45. bastante nebulosos. Mas preciso que se separe estórias de fatos concretos. como fã de carteirinha da UFO.A. "Caríssimo Gevaerd. mas nunca passaram disso.ez@gmail. e quanto as "hipóteses" que ele coloca no final do texto sobre o Universo. chamado R. escreveu o que abaixo consta.artigo escrito e a se admirar com o teor.A. a mesma coisa se dando em relação aos vídeos. pelo óbvio perigo de ser considerado pró nazista. então. A meu ver. Eis o texto do senhor R.ez@terra. mas que não mostram de fato evidências sólidas de que realmente existiram. mas desta vez é exceção! Estou postando abaixo um texto inédito do Ernesto Bono. são os dizeres de Gevaerd: Caros co-listeiros: Não costumo fazer isso. se quisermos de fato esclarecer a população sobre o que desconfiamos esteja acontecendo desde sempre neste planeta não podemos abrir mão da CIÊNCIA. como aliás fiz. dizendo que ia ser publicado tal e qual. de modo agressivo. considero uma temeridade publicá-lo na revista. Dificilmente leremos um "tratado" sobre o assunto com tamanha envergadura noutro lugar. tanto é que estou escrevendo uma história de ficção científica a respeito. e de você próprio. o endereço é: ebono.A. Há algumas páginas na internet que tratam dos supostos nazi-ufos.A. provocando-me certo mal estar e uma necessidade imperiosa de responder. Os muitos boatos e histórias sobre os projetos secretos nazistas da Segunda Guerra tornam os acontecimentos daqueles anos.com Abraços. algumas até bem interessantes. É usando o método científico que comprovamos que fotos são truncadas e outras não o são.com. que será publicado na próxima UFO. O depoimento de profissionais altamente capacitados como 144 . e com uma sutilidade e graça de rinoceronte. O senhor Bono chega a chamar Hitler de estadista! O nome do engenheiro alemão de foguetes é Werner Von Braun. escrito em 13 de agosto de 2000.. Mas. Os que quiserem escrever para o Bono. sua estrutura e origens são tão assustadoras e destituídas de comprovação e lógica que nem dá para comentar! Sabemos que os CIENTISTAS ortodoxos não acreditam em UFOs. As alegações de que já nos anos quarenta os alemães com seus incríveis discos voadores estiveram na Lua e Marte são absurdas.

e mais uma vez temos espaço na "poderosa" Rede Globo. Esse indivíduo até afirma que "não sei quantos navios foram enviados a Antártida". Acho que UFO deve se ater. Estamos lutando muito para ter uma Ufologia séria. quero deixar absolutamente claro que falo POR MIM. isso sim. não em fantasias. há poucos meses a Isto é ajudou a desbancar o charlatão Urandir. apenas a de reforçar que devemos seguir apoiados em fatos. somadas aí visitas a páginas da internet e mais alguns livros. e de você mesmo. ou até com os eventos do Caso Varginha. jamais foi minha intenção. Pode ser que uma porta nessa revista tenha se aberto. De antemão peço desculpas se algo por mim aqui escrito o aborreceu.os pilotos e controladores envolvidos com. como já era hábito. e "não sei quantos foram destruídos"! — (Eu. e temos que fazer de tudo para que a mesma continue assim. Como já bem afirmou o grande Claudeir em diversas reuniões do Infa das quais participei. não posso dizer que me agrada a publicação desse texto o qual. Os maiores votos de sucesso. não falei de navios destruídos. as reuniões do Claudeir e conversas nas listas. Mais de noite nosso amigo Cury deve dar uma entrevista ao Jô. como já afirmei no começo desta mensagem. mas sim de aviões derrubados e veículos especiais atingidos) — Quem é esse senhor Bono? Tudo bem. E não consegui encontrar qualquer fato no texto do senhor Bono. Aliás. tem semelhanças com as descabidas afirmações que algumas pessoas insanas que se dizem contatadas fazem.Bono. Mas acredito ter embasamento suficiente para afirmar que a publicação desse texto não pode fazer qualquer bem a UFO. e tenho certeza que vai se ater a aspecto científico da matéria. estar auxiliando da melhor forma que posso a publicação do EBE-ET Newsletter. apesar de. o que aconteceu em maio de 1986. como o Dossiê Cometa e sobre a Área 51. não pelo grupo do ilustríssimo Beck. e um 145 . até mostrou algumas conhecidas personalidades que já tiveram contatos com óvnis. até a Veja abriu espaço. a matérias como as das últimas edições. Tenho plena convicção que sei muito pouco sobre os óvnis. e devo quase tudo a Ufo. Gevaerd. a Ufologia (com maiúscula). ao contrário. quero aqui deixar bem claro que estas são minhas opiniões. sei que não sou ufólogo. Por favor. como fã de UFO. como co-editor. que Ufologia é tudo mentira. Por isso. se sua matéria foi publicada carregada de ceticismo ela não afirmou. por exemplo. na Noite Oficial dos Ufos. é que nos dá o embasamento de afirmarmos que ETs tem visitado nosso planeta. E. é feita de fatos. guardadas as devidas proporções.

também colocando meus dizeres no email circular: Minha Resposta ao Sr. de certo modo tive de agredir a empáfia do senhor R. depois de ter sido agraciado com tais colocações. amigo Gevaerd. O problema é que tudo o que o artigo diz sobre os segredos da ufologia é a mais pura verdade.. mas nunca vi alguém tão precário e ignorante em matéria de história. ciência. dirigem e pesteiam a imprensa livre do mundo moderno. ruminando como rumina.A. O prezado senhor Renato Azevedo não conhece absolutamente nada de nada.A? Desculpem. Apenas contei a mais pura verdade no que diz respeito à Ufologia antiga e atual. política. e sim porque talvez não sejam poucos os asnos que se levantarão para criticar o que escrevi e para confundir o que lá foi exposto. O meu crítico boçal e analfabeto que se informe melhor a respeito desse Governo Invisível e 146 . meu artigo poderá ser considerado pró nazista pelos eternos fanáticos. E até exagerei. ele foi bem além.grande abraço a você. editor da Revista UFO. eu EB. ofendendo-me ao mesmo tempo.. que os Governos em geral escondem a mando do Governo Invisível. ufologia. Geva. Lamento se o ofendi. Em nenhum momento me permiti tal ou pretendi fazer isso em meu artigo. Portanto. R. tivesse feito somente uma crítica até mesmo desfavorável eu teria ficado quieto. De modo acidental. como se o dito fosse uma apologia a Hitler ou algo tipo propaganda nazista.A. R.." Se o Sr. e até mesmo desculpado pela não-ortodoxia dos temas inusitados que ele abordou. mas não necessariamente. até se constituir num perigo para a revista. se for publicado poderá. Igual a ele houve um dois ou três mais que se meteram a atiçar quem não precisava ser atiçado. no que diz respeito à história secreta da humanidade e principalmente no que diz respeito à história secreta da Segunda Guerra Mundial. e toda a equipe desta extraordinária revista. e sim respeitado. Mas não. Isto eu escrevi a ele. feitos um câncer. estou de acordo em achar que meu artigo. o que não é do meu feitio. E não porque a revista não deva ou não possa ser autêntica e verdadeira no que diz e comunica. Não consigo entender como pessoas assim tão precárias possam ter voz ativa nas decisões daquilo que a Revista Ufo vai ou não vai a publicar. sabedoria etc. R. As Três Perguntas Básicas da Ufologia. não se permitindo a mínima reflexão. Mas também como poderia.A. eleitos e racistas que abundam por este mundo afora e que. Até certo ponto. diz-me quem é esse senhor R. para que o confronto fosse amenizado. "Antes de tudo.

dos discos voadores. um borra bostas. e inclusive ufólogo da velha e nova escola que teve como mestre Felipe Machado Carrion e como amigo e colega José Victor Soares. conferencista. cientista até as últimas conseqüências. é um figurão muito bem pago por esse Governo Invisível? De qualquer maneira. 147 . um delirante e inventor de estorietas engraçadas.. poderia alegar que os projetos secretos dos alemães (e não nazistas) do período 1943-1945 eram ou foram totalmente nebulosos. psiquiatria. Em verdade. epistemologia. eleito democraticamente tanto como chanceler ou primeiro ministro e depois como presidente da Alemanha. O Sr. história. Só uma ignorância tamanho de um bonde. e extremado a ponto de ousar criticar as falaciosas provas científicas. Prezado agressor. também se enganou chamando-o de Wherner. de filosofia. medicina. contudo. com uma certa propensão para favorecer o nazismo. orientalismo etc. assim sem mais nem menos. Peço desculpas por ter trocado o nome de Werner von Braun por Herrmann von Braun.etc. pois pronunciar o nome do dito cujo causa brotoejas no senhor R. Escritor. gnosiologia.etc. quero que você saiba que eu também no começo de minha carreira ufológica e científica era tão burro quanto você. esse não botaria dinheiro fora. religiões comparadas. Profundo conhecedor de psicologia. Tão burro quanto você. para o senhor R. teologia espiritualismo em geral. 10 dos quais publicados por editoras tipo Civilização Brasileira. Escrevi mais de 30 livros. R. psiquiatria. Quem é esse senhor Bono? Bem. e varicela em alguns mais – foi de fato um Estadista. com qualquer um.a respeito da Grande Conspiração Universal que é exatamente aquela que esbocei sucintamente em tal artigo e em meus livros. notoriamente conhecidos. o transformaram num monstro – ele foi de fato foi um estadista incomparável. independentemente com o que tenho acontecido com tal "zé-bigode". Editora Record etc. eu também acreditava no aspecto objetivo e material das coisas. E que.. pelo menos de 1933 a 1939. apresentador de rádio. paranormalidade. ciência. depois da eclosão da Segunda Guerra Mundial – WW2 essa que. R não sabe que o Zé-Bigode – sim. Ou será que o senhor R. pois acreditava piamente no modelo de universo científico e nas verdades científicas. Bono é apenas um semi-erudito. O Sr. que estuda e entende ufologia há mais de cinqüenta anos. menos por ele. por tê-la perdido. eu sou apenas um médico.

deve ter acreditado na brutal mentira científica de que tal buraco havia sido provocado pela liberação de gases e spray do hemisfério norte. eu também acreditei na sinceridade e honestidade dos pretensos vencedores da Segunda Guerra Mundial. eu também acreditava que os UFOs vinham de outros planetas ou de outros sistemas solares. por meio dele. eu jamais suspeitei que o buraco na camada de ozônio pudesse ter sido ocasionado "acidentalmente" pelos americanos com a explosão de três bombas de hidrogênio. Mas não fui tão burro quanto você que. Tão burro quanto você. Tão Burro quanto você. Tão burro quanto você. meu amigo? Tão burro quanto você eu também desconhecia que em 1956.Tão burro quanto você. Tão ignorante ou burro quanto você. os americanos queriam apenas destruir o eventual mundo subterrâneo onde os inimigos mortais haviam se refugiado há tanto tempo. mandar naves para a Lua com a finalidade de combater os tais hipotéticos alemães lá instalados. bem antes dos americanos supostamente ir à Lua em 1969. Tão burro quanto você. para Marte e para Vênus. eu também acreditava na sinceridade dos governos oficiais em relação à temática ufológica. americanos. soviéticos e alfa-cinzentos criaram o programa ou o comportamento Alternativa 3 para. Tão burro quanto você. Só não se sabe o que foi que aconteceu. mais alguns alemães e japoneses. o que é isso. desde o começo dessa história do buraco na camada de ozônio. Explosão ou fato esse estranhamente detectado pelos sismógrafos da África do Sul. Depois de diversas tentativas. graças aos seus Discos ou Haenebus VII e Andrômedas tinham partido para a Lua. 148 . E os sinais de inteligência e Vida que existem na Lua e em Marte. eu também desconhecia completamente que entre 1943 e 1945. ou eventuais alemães disfarçados de pingüins. eu desconhecia totalmente de que em 1947 uma gigantesca frota norte-americana com 4700 homens dirigiu-se para a Antártida para combater os pingüins. alguma vez foi honesto com o seu adversário derrotado? Ai dos vencidos disse alguém um dia!. mas o vencedor. eu também acreditava na impecabilidade da versão científica das coisas. certos estranhos ETs (eventuais habitantes de Aldebaran?).

Você diz bem meu caro R. caro R. Mas eu não me permitiria criticar alguém de uma maneira tão cruel e sarcástica como você fez. Pára de ruminar mentalmente. absolutamente nada. quem és tu para me comentar ou comentar meu trabalho? Informa-te melhor. então cientificistas ou cientificóides. são acessíveis a qualquer um. é claro. pelo menos. qualquer burro se assusta com o que não entende. Pois é. os UFOs ou OVNIs são exatamente os únicos que não se acomodam às pretensões e magias da ciência moderna. e agradeci a Deus o ter-me dado conta disso. com aquilo que nunca se informou a respeito. dez dos quais. Mas por ser tão burro quanto você havia me enganado redondamente. mas não possuía outra explicação. sem escândalos e sem escrúpulos como os seus.. mesmo que o tal que escreveu esse artigo fosse um louco ou um desvairado. como é que tais gases do spray foram provocar um buraco no hemisfério Sul e não no Norte ou no Ártico? Tão burro quanto você. E como os discos voadores violentam tudo o que há de mais sagrado no mundo científico. "eu não sou ufólogo. E a propósito. dando um de falso 149 .Desde o começo eu não acreditei nisso. eles têm que ser exatamente aquilo que a ciência diz. nunca me permiti imitar um Omar Kahyan. sua estrutura e origens. Acaso leste alguns dos meus trabalhos de revisão e crítica científica? Por acaso tomaste conhecimento de um único livro dos 30 ou 40 que já escrevi. meu irmão de espécie humana. eu também sempre achei que somente a ciência poderia dar uma explicação coerente e satisfatória para a problemática ufológica. como eu também não sou. já que são tão assustadoras e destituídas de comprovação e lógica que nem dá para comentar". sem que ela saiba exatamente o que diz. entrevistado pelo JO. Sim meu caro crítico. Dentre este infinito mundo insólito que nos circunda. tens razão "e nem comentar ou criticar as hipóteses que esse senhor Bono coloca no final de seu texto sobre o Universo. Em meus 75 anos de vida. pára de coletar as opiniões alheias tão ruins como as tuas e começa a pensar ou refletir melhor. principalmente as leis físicas e químicas dela. e que." Eu diria que você não é nada. com o que escapa do seu alcance de ruminação cotidiana. meu caro amigo. como por exemplo o É a Ciência uma Nova Religião? Acaso conheces o trabalho de críticos e inovadores da ciência moderna? Ora. E se cientificistas como você se permitem admitir que os UFOs existem. iguais a você forçosamente teriam que negar que os discos voadores existem.

pois o Sr. via email outros leitores mais também me agrediram com poucas palavras. criatura egocêntrica. Sim. ele deve sim ser publicado. O informativo é bom. citando no início da mensagem o nome dele e a reprodução da sandice. me agraciar com as suas bondosas insinuações. que não publiques o artigo. Isso sim é Ufologia e não a lógica-razão pura.nt) escreveu-me o que vem abaixo e que tomo a oportunidade de reproduzir. o leitor amigo. portanto ninguém sabe tudo! Este camarada também se referiu a um texto meu com ironia e o fez de forma indireta." Amigos. em sua entrevista só mentiu de cabo a rabo. por favor. estou escrevendo 150 . Carlos Airton (caas@ceara. e como diz aquele ditado "que pior do que aqueles que não sabem. nem há governo pretensamente bem comportado que consiga agüentar o peso das evidências tão gritantes. R. nem há ciência. entretanto entendi o recado e lhe respondi em primeira pessoa.A. Por exemplo.. o que é totalmente justo e cabível.sábio. porque afinal nem todos precisam ou precisavam concordar comigo.A. eu pulo por cima de tua eventual decisão e te peço. segue anexo uma cópia de um texto escrito pelo R. ou uma burrice metida a racional. se a tua decisão depender de um R. Um abraço Ernesto Bono. e editor de um jornal eletrônico que eles publicam. nem filosofia. e simplesmente os ignorei. nota 10 — Parabéns pela reação e inteligente resposta dada ao R. já havia sido imprudente em outras ocasiões. ele naturalmente não me respondeu. pois o conhecimento é dinâmico e inclusive infinito. Ele pensa que sabe. porque certos eleitos e os R. antes do senhor R. Isso só atesta a burrice total. E no meu artigo só há fatos insólitos que escapam da asnice de qualquer ruminador banal. a ufologia é feita de fatos insólitos que não se enquadram no cotidiano. da vida poderão se incomodar e poderão te incomodar. e mesmo assim sempre tão inexplicáveis e ilógicas. Aproveito a ocasião para lhe parabenizar pelo seu texto. Olha Gevaerd. mas não deram ares de serem grandes entendidos no assunto. Carlos Airton "Prezado Ernesto Bono. porque não?? (E a propósito. E os fatos ufológicos são tão gritantes e escandalosos que não há religião. Certas pessoas acreditam que só porque lêem meia dúzia de livros já sabem de tudo. Diz o texto do amigo Carlos: Nota de Apoio do Sr. são aqueles que pensam que sabe…" O dito cujo é membro da EBE-ET. e idiota.

A Revista UFO precisa de textos como o seu. Um abraço Carlos Airton. existem inúmeras evidências que atestam que o espírito do nazismo ainda vive. e gosto muito de seus enfoques e colocações relativos à Ufologia. para evitar mais desgastes). pois também sou leitor da revista e quero ver o assunto publicado. Eu também venho coletando muito material sobre o outro lado do nazismo. Pois é exatamente nessas circunstâncias que. Nova Ordem.ao Gevaerd.A. Mesmo que tardiamente. É claro. quero manifestar minha indignação e dizer que acho um despropósito alguém querer lhe criticar gratuitamente sem ter o mínimo conhecimento de seus trabalhos e de sua prestimosa obra a favor da Ufologia. Antes de mais nada. somente agora tomei conhecimento das mensagens ligadas ao seu artigo As Três Perguntas Básicas e que o senhor trocou com um cidadão chamado R.A. não posso negar que aprecio suas colocações e suas heresias e não me parece bom alvitre que um cidadão qualquer só porque conhece quatro linhas sobre temática tão extensa e 151 . sem contar seus trabalhos em outras áreas mais. ou senão tampouco libere preciosidades para aqueles que são totalmente bitolados em seu modo de ver e de pensar. feito um Cristo. parabéns pela sua Homepage!—— Sou apreciador do seu trabalho. mas não precisava dar ares de impecabilidade ou de manifestar ostensivamente o deus empáfia dentro de sua própria barriga. audacioso. o colega Esdras tem um trabalho interessante sobre este tema Nazi/UFO. Sei bem que este tinha todo o direito de manifestar seus pareceres. —Pois é. Ao acessar o seu site." Nota de Apoio do Sr. amigo. e ele tem fundamento sim. É interessante notar quanta coisa deixou de ser vista durante todos estes anos por meros preconceitos e MEDO institucionalizado. Conheço seu trabalho. E em termos bélicos podemos comparar as ocorrências da Iugoslávia na década de 90 à lamentável maneira que os alemães usavam contra os judeus em seus experimentos. "anti-humana raça". Ernesto Bono. pode-se afirmar: "nunca jogue pérolas aos porcos". Lauro Caríssimo Dr. Algo similar devem ser as ocorrências que se desdobram na base de Dulce e também na Área 51. farei esta solicitação em PVT.. Se você tiver interesse. assuntos dos quais eu também me exalto e me ligo muito. pedindo que faça isso. tomei conhecimento das injúrias e diatribes despropositados que aquele cidadão dirigiu contra o senhor.

Parabéns por tudo o que o amigo tem feito e também pela sua Homepage que aliás está muito boa. Afinal quem sou eu para estar brigando com alguém que sequer sei quem é? Jamais fiz isso na minha vida. e muito menos publicamente. O que saiu na UFO 74 não está ruim. e se alguns me conhecem. o senhor R. verdadeiras revoluções e modificações. mas poucos os leram. reconheço. humilhações e patadas por parte certos críticos e entendidos. A propósito. – (Digo eu. escreveu uma réplica. nada podem fazer por mim. outros mais também me agrediram.EB lamentavelmente. não devem lhe abater. apenas informou liberalmente e de um modo não tão heterodoxo. Por favor. mas em verdade. informações e revelações — se meta a criticá-lo sem saber exatamente como o senhor pode conhecer tanto sobre aquilo que quis comunicar. quase ninguém conhece nada a respeito do que digo. via email. Um abraço Lauro Em resposta à minha brutal agressão. o que foi que fizeram com seu artigo original. em seu artigo. cansei de bancar o bonzinho e humilde. o provedor Terra simplesmente a fez desaparecer). o descaso. prossiga em seu louvável trabalho de esclarecimento. Dr. É como se eu fosse o pior dos malditos… Dez livros importantíssimos rolam por aí. mas é difícil saber como ou por quê mexerem nele. mas foram agressões comedidas ou despretensiosas. PS. que a empáfia desse alguém bateu os limites do tolerável. Mas as agressão dele continuaram Amigos. o senhor nunca pretendeu impor coisa alguma. É totalmente distorcido e diferente àquilo que o amigo escreveu. por parte das editoras que bem poderia se interessar. Devido às "Três Perguntas Básicas da Ufologia". o desprezo. Ademais. Bono. É só comparar a sua primeira e segunda versão. 152 . porém. porque com certeza há muitos leitores e ouvintes que lhe conhecem e que sabem apreciar e reconhecer o valor de seu trabalho.tão contraditória como a ufologia — e seu estudo e pesquisas nessa área já abrangem os 50 anos de investigações. Um grande abraço e um feliz novo milênio. de alguns que efetivamente conheciam pouca coisa a respeito da boa ufologia. com aquela ou com a terceira versão que saiu na revista. desculpem. acho que críticas descabidas como a do senhor R. São quase cinqüenta anos que escrevo e em troca só tenho recebido o ostracismo injusto. que horror!. Sucede.

A. nunca fui dono da verdade nem ninguém o pode ser. como estava dizendo. aliás. o babaca. da vida ainda não conseguiu fechar de todo com seus "forbidden". mas a sua montanha de empáfia e vaidade sem qualquer dúvida ganhou a parada. não dá mais para agüentar! E já que a Internet ainda é uma porta aberta para o mundo dos buscadores sinceros.São quase 50 anos que venho sendo o relegado às moscas pelas editoras. senhor R. Ai amigos. e saúda por mim a sua prestimosa aliada. e que de ciência não conhecem absolutamente nada. aquele “respeitável senhor” mandou circular o que vem a seguir. Meu Deus posso estar completamente enganado no que vou dizer. Perdão. totalmente distorcido. se justifica. é uma canalhada total. Não dá mais para agüentar o fanatismo. Meu artigo As Três Perguntas Básicas da Ufologia acabou sendo publicado da maneira como você queria. Pois bem. o fato de vir a ser editado. e não porque não saiba escrever ou não escreva assuntos interessantes e comerciáveis. Não dá mais para agüentar a intolerância e a prepotência de alguns pouquíssimos que constituem a anti-humana raça. quem sabe — Meu parabéns R. Z. Z. Basta. ou até mesmo loucas e infundadas como você diz. isso que eu pedi que não o publicassem. Não dá mais para agüentas o fanatismo de certos falsos filósofos e religiosos. Ela é totalmente livre e escorregadia e não há ninguém que a consiga aprisionar e decifrar. Ele lembrou-se dos dizeres de nossa Constituição: É livre a manifestação do 153 . também havia recomendado que não fosse. Menos mal que o prestimoso oficial da polícia foi mais comedido que a pessoa que teria tentado me denunciar. deturpado e irreconhecível. como você. perdão. porta que um Wisenthal & Cia. Daqui por diante vou lutar com as palavras para ver se ainda salvo algo de minha própria dignidade. por ter tentado me denunciar à Polícia Federal pelo terrível crime que cometi de exprimir idéias totalmente livres. Antigamente ainda se podia tentar editar um trabalho por conta e depois colocá-lo em livraria. uma canalhada completa. E editar por conta própria e depois tentar colocar e vender o teu trabalho é uma canalhada pior. E no que diz respeito à Ufologia. Hoje a distribuição e a colocação do livro virou uma máfia total. e que. Perdão. não vou mais bancar o humilde. a estultice e os crimes dos materialistas e cientificistas. Poucos sabem disso. mil perdões de antemão para A. o passivo..

da empáfia e da frieza de uma máquina trituradora. Meu opositor. O senhor Ernesto Bono. Mas a maioria das vezes em todas as minhas agressões – sem qualquer dúvida exageradas – eu também me inclui. disse que não sou nada. em virtude do tom absolutamente fantasioso em que o senhor Ernesto Bono faz suas bombásticas "revelações". me retruca pela terceira vez: dizendo: A Réplica do Sr. burróide. já que segundo o senhor Ernesto Bono. com suas palavras. ele até poderia achar. Quem é ele por achar que meu tom é absolutamente fantasioso. Ofendi-me e ofendi-o. destemperada e absolutamente gratuita foi essa absurda agressão de que fui alvo. R. — É Livre a expressão da atividade intelectual. independentemente de censura ou licença. por outro lado. afirmou que minha ignorância é do tamanho de um bonde. jamais agredi ou insultei quem quer que fosse com esse texto. A. que certamente vieram de fontes excepcionais. no seu direito e com justiça.. Eu usei a violência verbal da emoção e da paixão. agressor. fixada em Lei. eu não conheço nada. e que minha crítica foi cruel e bombástica. mas não tinha por que ofender com uma elegância tão eqüina. sendo vedado o anonimato de quem manifesta publicamente tal pensamento. Era só uma questão de discordar e de intimamente 154 . ignorante. científica e de comunicação. Esse ataque gratuito teve o efeito único de me dar absoluta tranqüilidade no sentido de que minha crítica foi apresentada de maneira correta. na resposta que me enviou chamou-me de boçal. boçal. valeu-se da hipocrisia. o Senhor R. Assim que. "Gostaria de comentar a crítica que escrevi sobre o texto do senhor Ernesto Bono. burro. — Ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política. — (Digo eu. pessoa precária. de uma maneira que até mesmo me surpreendeu. amigo burróide. de um rinoceronte ou elefante.pensamento. e para isso considero necessário repetir minhas palavras. analfabeto. (Ver o texto do senhor R. artística. salvo se as invocar para eximir-se de obrigação legal a todos imposta e recusar-se a cumprir prestação alternativa. EBono) — insinuou que fico ruminando. Tem a sutileza de um trator. jamais fui desrespeitoso. — (Digo eu. por eu estar fazendo bombásticas revelações? Aliás. não ofende. antes transcrito)": "Como todos os amigos e colegas podem ver. no caso. Cruel. o Sr. se verdadeiras. apesar de ser uma crítica até dura. R. e portanto não deveria incomodar tanto. apenas tritura.

por exemplo. Reafirmo que apenas por meio do método científico podemos chegar aos fatos concretos de que a Ufologia é feita. quando a verdade sobre nossos visitantes finalmente aparecer. considero o assunto encerrado aqui. do meu conhecimento. será muito mais surpreendente e estarrecedora do que podemos imaginar. Mas atribuir às maiores potências de hoje uma tal capacidade de encobri fatos que desmentem tão completamente a História das últimas cinco ou seis décadas. Claudeir Covo. ufófilo e entusiasta da Ufologia que sou. Dessa maneira. De fatos e não de fantasias é construída a Ufologia. pois o segredos ocultos por mais de cinqüenta anos começam a aparecer. Cury e mais um monte de gente boa começar a aparecer.mandar-me à merda e pronto. buscando manter sua supremacia indefinidamente. Wallacy. e na edição seguinte tive a grata satisfação de ver minha mensagem comentando e agradecendo pela matéria estampada na seção de cartas. as fotos e relatórios da Operação Prato. evidenciando talvez o começo do fim da política de acobertamento. — Tenho plena convicção que os "poderosos" do mundo. como a própria Revista UFO exibiu na mais recente edição com a matéria sobre o Dossiê Cometa. como ninguém pode se arrolar o direito de dono da verdade. A revista Veja tocou no assunto de forma séria numa edição há pouco tempo. manipulam e mentem desde sempre. e os resultados desse esforço de pesquisadores extraordinários como Gevaerd. Tenho certeza que. seria imputar aos "poderosos" do mundo poderes quase divinos. Estados Unidos à frente. juntamente com os mistérios de milhares de anos atrás. Sim. Sabe ele da minha vida. pois depois de haver criticado as picuinhas no meio ufológico não serei eu entrar em uma briga para prejudicar a Ufologia por um motivo absolutamente 155 . e ao mesmo tempo insinuar uma tal ignorância de nossa parte que nesse caso perceberíamos uma realidade que é pura fantasia. Ubirajara Rodrigues. Beck. e o trabalho como co-editor do EBE-ET Newsletter tem sido gratificante. Sei que muitos enigmas persistem desde o passado próximo de algumas décadas. O que contraria até mesmo as constatações dos mais competentes ufólogos de hoje. fatos concretos como as fotos de Baraúna. e os casos do vôo 169 de 1982 e da Noite Oficial dos UFOs de maio de 1986. Pacaccini. Tichetti. Não tenho qualquer pretensão de ser o dono da verdade. de minhas vivências e de onde tiro minhas revelações que tanto mal estar lhe causam?).

tripla. EB. . tritura!). EB. Gevaerd comunicou-me que se viu forçado a fazer as alterações. Fabiana. E. Fabiana Silvestre. agradeço a atenção. quádrupla nacionalidade. apenas esmaga. da própria secretária do Gevaerd recebi de volta o artigo.(Não digo eu. que o amigo RA é sutil como um trator! Nessa sua sutileza ele quase não ofende. E garanto que não sou parte do famigerado hehehehe "governo invisível".B. depois veremos o que se faz. além de nos informar o nome completo dos almirantes Bird e Hoover. que constam na UFO 74. Entretanto. quem sabe tentou defender o Sr. foi "gentilmente" levado por alguém à Polícia Federal com a desculpa de que eu. Sim. e por que será. O inspetor teria dito a ela: Vamos deixar que o artigo saia na Revista. amigos. mas antes do artigo ser publicado na Revista Ufo número 74. Estamos finalizando o texto do senhor para publicação em UFO. claro que sem descer ao nível do senhor Ernesto Bono. que dominam este país. Esperamos sua resposta o mais rápido possível. a secretária dele. que. -. foi preciso fazer algumas alterações no mesmo e por isso o enviamos para análise. podem ficar tranqüilos… R. após a resposta indubitavelmente agressiva que fiz ao Sr. Solicitamos também que o senhor esclareça alguns trechos assinalados com a cor amarela. estava fazendo propaganda pan-germânica e pró nazista? Dizem que o inspetor o leu e discordou da prestimosa pessoa que. antes de ser publicado pela Revista UFO número 74. naturalmente efetuei outras pequenas correções e modificações. Menos mal o notável cidadão brasileiro não fez absolutamente nada. Por sua vez. Afinal. Não existe tal liberdade neste país? Vamos voltar aos tempos da Inquisição só porque se sugere coisas que nem sempre se enquadram no Establishment vigente dos poderosos? Ora. --. Um grande abraço. mas ao mesmo tempo não poderia deixar de responder à agressão de que fui alvo. o artigo As Três Perguntas Básicas da Ufologia.Peço portanto perdão a todos os que tiveram a paciência de ler esta longa mensagem. com dupla. no qual.. minha gente. por meio dele. não ofende.A. R. não suspeitando sequer o que iria acontecer com a versão final do mesmo. esperando continuar um diálogo produtivo para o bem de nossa pré ciência. PS. R. a Carta Magna não nos garante uma liberdade de expressão. bolas! Bem.fútil. e se for o caso. redatora 156 . escreveu: Caro Ernesto Bono. e me despeço. e do modo em que saiu no email circular. Não se deixou dominar por "certos estrangeiros" ou brasileiros disfarçados.A " Digo eu.

e que a NASA esconde isso. Fora dizer que a Terra é oca. (Digo Eu. bem ruim. Lamentável!!!!! E falar que DESCARTES estava errado. Mas. Ele escreveu entre outras obras o livro a Grande Conspiração Universal. Atualmente. achei que palestra dele como ficção científica daria um roteiro para filmes tipo C. foi ótimo. DE NOVO!!!!!!!!! Minha resposta: (Digo eu): nada do que foi dito na palestra involuntária da Convenção Holística era bobagem. o título desta palestra é. eu acho que também posso falar que a palestra dele não passou de total BESTEIROL.Quando ele falou que é BESTEIRA dizer que viemos do homosapiens. No dia 31 de março deste ano ele proferiu uma palestra na Assembléia Legislativa do RS num encontro Holístico aonde ele falou da teoria da Terra Oca.. nos tempos das revoluções da Física quântica ondulatória. Senhores: Não querendo ser chato nem querendo desfazer de um ufólogo com 50 anos de pesquisas. Ora já foi provado que era uma falsificação. que foi investigado por cientistas de todas as partes do mundo. de Akakor e outros temas.. mais o seu 157 .. Ele até sabe o que de fato aconteceu com o Sargento que sumiu na Antártica a alguns meses atrás.. da anulação do espaço e do tempo ou da realidade físico-espacial. tempo do aparecimento dos universos de cordas.. que há entradas para a Terra oca no pólo norte e no pólo sul.. o PIOR de tudo. ver tal palestra na Internet e que afinal de contas não e tão ruim assim). dizendo que ele ACREDITA na autópsia do Santilli. é que acabou com a palestra..PELO AMOR DE TODOS OS DEUSES. Ufologia Enigmas de Nosso Espaço. creio que vocês conhecem ou já ouviram falar do ufólogo Ernesto Bono.UMA BRUTAL AGRESSÃO Em 06/06/2008 alguém escreveu: Olá amigos. isto é. da insubstancialidade e intemporalidade de tudo (dizem os da quântica que espaço e tempo científico.. PELO AMOR DE TODOS OS DEUSES!!!!!!!!!! Será que ninguém pode ir lá aos pólos e tirar uma foto???? Tal senhor sabe até sabe de onde vieram os tripulantes das supostas naves que caíram em Rooswell.

Amigos. Bem disse o Cristo em seu tempo: "Não atires pérolas aos porcos! "NÃO TE PROVO NADA PORQUE BEM OU MAL O EGO FAZ A PROVA Caro SER HUMANO. e que lamentavelmente se tornou esmagador ou uma terrível e forte ditadura. além de ATUAR e AMAR. não é preciso destruir nada. quando em verdade pode ser vista como uma aula de alta sabedoria. ou não foi feito para pensar e mais pensar. defasagem (ou 158 . Naturalmente ele já respondeu dizendo que não ia ler a minha ladainha --. você precisa tomar ciência da Verdadeira Sabedoria de todos os tempos e não somente o conhecimento científico que começou a aparecer e prevalecer 400 anos atrás. E essas reverberações são atraso. Vou elaborar outro tópico sobre as tão endeusadas PROVAS. nos átomos. apenas tornar tudo arte.bobagem cósmica é continuar dando validade ao modelo de universo científico. acontecido aqui em Porto Alegre em Março de 2008. se quiserem. e em suas vibrações reverbera. e não como ensinou Einstein. matéria. ecoa. É claro que a criação de que a Bíblia fala é muito pior. Esse maravilhoso quinteto pulsa ou vibra. o SER PRIMEVO. tópico que escrevi como uma última tentativa para diminuir um pouco a empáfia de alguém que me criticou e me humilhou com suas colocações a respeito de uma palestra sintética e meio atravessada de 20 minutos sobre ufologia. como poucos tem tido a oportunidade de ouvir ou ler.conteúdo. nas células – (tudo surgido por puro acaso e pelo acaso dirigido) – ou dar validez à estúpida e ridícula evolução darwiniana das espécies e sua luta pela sobrevivência. Senhor contestador.o dito cujo é tão grosseiro que sem ler já batiza a coisa de ladainha. O homem veio a Existência graças a EU SOU. energia. plasma não são nada) .O homem não foi feito para ter diarréia mentais lógico-racionais. tudo relativo de fato. como o próprio HOMEM. Este. nas moléculas. besteira é acreditar na criação casual da vida. no congresso de Holística. é Mente ou Consciência que está aí para SENTIR-SABER-INTUIR. É preciso higienizar a mente ou cabeça. seria bom que soubesses que toda prova é uma safadeza do ego pensamento em cada um de nós.

e regida somente por duas leis: a Lei da Interdependência e a Lei da Geração Condicionada. E como a defasagem pensante-pensada. sem a pessoa-ego. já fora do Aqui e Agora. é bom que se saiba que. feito um lógico-racional convicto.. além de transformarem-se também em tempo. a não ser pelas Leis da Espontaneidade. se É. da geração de Maya. própria do Absoluto em Manifestação.Tudo o que a pessoaego pensa. feito um materialista. se Ama. Só que a pretensa ego-pessoa pensante.. um faz-de-conta altamente convincente e objetivo ou há uma Geração Condicionada. isso se projeta adiante feito um dado. 159 . é absolutamente nada. ou tudo é VERDADE ABSOLUTA. E isso se concretiza sempre que se atuar em conseqüência e de modo proposital. A pessoa pensante. Todavia. Aqui e Agora sempre vinga uma Geração Incondicionada. não sendo regida por qualquer Lei. se Intui. também é nada. principalmente recriador do espaço e do tempo dito físico e do seu enganador conteúdo energético-material. O sujeito (mal) pensante e o objeto pensado são sempre um mesmo dado superposto. a Física Quântica redescobriu. só que paradoxalmente. feito um cientificista. Esse atraso-tempo permuta-se em pensamento-tempo. se Sabe. filhas prediletas do pensamento. E a propósito de provas. além de pensar. espaço. se Atua. e finalmente em FALSAS PROVAS. arma teatrinhos e depois prova o que quer. sem se dar conta de que ela pode ser criminosa. deslocamentos físicos e enganadores.tempo). ou tudo é superposição do pensamento vulgar e meramente recriador. pode-se dizer. totalmente livre.Toda essa dependência e interdependência. a reconstruir mentiras. então. sem o objeto pensado. E este objeto pensado. E a propósito de “prova”. fantasmagorias superpostas. também argumenta. um objeto pensado. se Sente. ela louva muito a intenção. que de modo totalmente superposto há também uma aparência (Maya). as ressonâncias caducas disso tudo viram pensamentos sagazes e enganadores. livre de tempo. Amor e Liberdade. Esta é a geração das aparências superpostas. AQUI E AGORA. As pretensas provas ou falsas provas e todas as demais leis científicas e dogmas dependem destas duas leis. e que não precisa de PROVAS. se intromete. com seus acréscimos e distorções.

é só segundo momento em diante. Nem mesmo a explosão atômica. a Lei milenar da Interdependência alerta: "Sou eu que te vejo. te faço. a liberar uma monstruosa energia assassina está baseada na fórmula de Einstein: E = mC2.E a propósito. e vendo-te. -. Os físicos-quânticos mais materialistas propendem para “o tudo é matéria”. e vendo-te. só é Presença Vital. 160 . macromoléculas. ou tem outra origem. te concretizo. E vendo-te. ó objetos e provas enganadoras. tudo é matéria. ainda não sabe se nessa interdependência. Então se deveria dizer: “Sou eu. mas não crê em nada. e que estrago fez. eu no papel de objeto. e vendo-vos em pensamento ou em imaginação. a maldita bomba infelizmente estourou assim mesmo. te sacramento. por causa do pensamento humano e também por causa dos criminosos atos executados pelos cientistas e políticos daquele tempo. Estes últimos são todos filhos do pensamento. O “penso logo sou” de Descartes é só pensamento. disfarçado de objeto ou coisa provada. me vejo. e não porque penso. te faço". ó prova. inteligência. poder criativo. mas nunca partículas subatômicas átomos. É só acréscimo desvirtuador. por que. me vejo. meu crítico cientificista. me vejo. Só não sabe que nada do que Einstein disse. Sem que o átomo exista. ó prova pensada e falsa deusa. Toda Manifestação de Vida. sensibilidade. ou tudo é consciência. atuo intencional ou propositadamente para te concretizar. se ajoelha diante das fórmulas e provas de Einstein". ficou provado em termos definitivos. te faço. sou eu ego que te vejo. Aqui e Agora “EU” Sou porque Sinto. logo. ó prova safada. sentimento. Primeva e Verdadeira. Ou melhor. moléculas. cristais e células. ó inútil prova pensada. eu no papel de prova. te endeuso. porque logo. o "tal sabe tudo. O meu opositor. e vendo-me (feito prova). tu e eu (ego) somos um só. e vendo-me. para de ti me apossar ou para te rechaçar.Ou também. ISSO A FÍSICA QUÃNTICA descobriu. só é Vazio-pleno. só que anda num dilema. ego intruso – e Não SER – que vos vejo. porque tu és eu mesmo.

mas geralmente destruidores e poluidores. com a sabedoria e vivência do adulto. existe ainda a Lei da Geração Condicionada --. A segunda parte da lei é: “Isto não sendo pensado. pensado e recriado pelos biólogos-neurologista – Manifesta-se como Saber-Sentir-IntuirAtuar-Amar. esta sabedoria milenar não é ensinada nas escolas e nas faculdades. às vezes úteis. como a ciência costuma fazer em seus laboratórios de experimentação. porque a respeito do que eu (ego) não pensei. só armou teatrinhos convenientes. atuar intencionalmente”. aquilo se concretiza. toda prova é uma brutal safadeza do ego-pensamento em cada um de nós. há UMA GERAÇÃO INCONDICIONADA OU VIDA VERDADEIRA. O quinteto acima só se cumpre Aqui e Agora. não se objetiva. para esmiuçá-la.Além da Lei da Interdependência. não atuo intencionalmente. Precisa Simplificar-se e voltar a ser criança amadurecida. fazer uma higiene mental. e urgentemente. Assim que a Lei da Geração condicionada. se materializa. Há muito mais magnificência e verdade em simplesmente olhar uma flor e com ela identificar-se do que arrancá-la. é absolutamente válido e autêntico. aquilo aparece. amigo Carlos. A ciência nunca provou nada. livre de tempo e espaço pensados. ego. Portanto. Por conseguinte. O homem precisa. é uma merda dourada nas mãos dos lógicos-racionais prepotentes e estúpidos.sim. aquilo não aparece. em pensamento. pois. nada faço. QUE DE NENHUMA LEI DEPENDE E QUE O SER SUPREMO MANIFESTA. não se concretiza”. filha da ignorânciaego-pensamento alerta: “Isto sendo. aquilo se objetiva. O homem não foi feito para ter diarréias mentais tipo lógicarazão. porque. são freios ligados que obstaculizam as rodas do bom viver. Pensar e provar são meras ressonâncias retrógradas. não se coloca diante de mim. o Homem veio a Existir. se para tal eu. Pois é. 161 . Ou seja. O pensar em si não faz parte da Mente Pura. Não é atraso existencial. A Verdadeira Mente em atividade – não confundir essa Intemporalidade com um cérebro bem posterior. a provar balelas. veio para Saber-SentirIntuir-Atuar-Amar. separadamente. Saudações. destruí-la e tentar arrancar dela os últimos segredos que nunca existiram como fez ciência moderna. eu ego. . como disse.

Bono escreve muito bem. deve ter buscado nos seus arquivos mais profundos.De alguém para alguém mais. Ora. digamos de outras "vidas". SIC.. SIC. se o amigo consegue tirar do "fundo do baú" e trazer a tona conhecimentos como esses. rebuscadamente. Isso se o amigo já não fez esse mergulho. O amigo não pode ter utilizado o cérebro para redigir a profundidade desse seu texto. Mas um simples mortal como eu. Ele que acusa os outros de ter diarréia mental (a diarréia em si se cura facilmente. para Bono até o vídeo do Santilli e real?!?!?!? SIC. mais uma vez. Contudo. para colorares isso no papel. e com qual a finalidade. suas colocações neste e-mail são um verdadeiro show. Algumas estão aqui travestidas de seres humanos. amigos e amigas e não são. ao contrario de loucura patológica dele). acho que consigo entender melhor o exposto. mas eu só queria dele algo especial: PROVAS!!!!! Cadê as PROVAS?????? Escrever por escrever. ou então... centralizando-me um pouco mais. neste momento. Pois é. Sei que pode muito bem obter essas respostas. Se assim foi. essa minha ironia foi horrível)! Meu Deus. Do Senhor da Verdade para alguém mais Mais uma vez (C) obrigado pela paciência. mas sim. baboseiras atrás de baboseiras. só joga merda no ventilador e quem quiser apare ou acredite! 162 . e que só utiliza o cérebro vulgar. e sentindocompreendendo em profundidade. deves estar atento com pessoas que te rodeiam. mas. o amigo mergulhou no verdadeiro SER. E eu é que tenho diarréia mental. PROVE os buracos nos Pólos!!!! PROVE a existência de Akakor!!!! PROVE que Bush destruiu seres (SIC. ALERTA: muito cuidado. torna-se muito difícil compreender e aceitar o que o amigo escreve. qualquer louco escreve. tenta então buscar a resposta do por que estás na Terra. Olá Caro Amigo Bono. Esse Sr. também conseguirás outras respostas mais. Ele não prova NADA do que diz.

163 . Naturalizado brasileiro. também. É. eu sou um indivíduo que praticamente vivenciou toda a Segunda Guerra Mundial. Já que você é amigo dele. Portanto. peça a ele mandar alguma PROVA daquilo que ele está falando. E ele avisa: “esse constante despistamento e radicalismo continuam e ninguém se iluda que a verdade um dia se tornará pública”. Em 1967 introduziu a visão antipsiquiátrica no Brasil. A entrevista que segue foi concedida por e-mail à IHU On-Line. ele explica que os ETs existem e os governos sonegam essa informação do grande público. É um estudioso das filosofias e religiões do Oriente e do Ocidente.Volto a falar. conferencista. obvio que ela só vai piorar para assuntos tratados por esse Sr Bono.. Nasci na Itália e morei em Turim. como ele não tem prova de NADA. Pode ser até que a minha diarréia mental melhore. Nela. depois reclamam que a ufologia é ridicularizada. ela vai SEMPRE ser tratada como coisa de maluco.Como o senhor se interessou pelo estudo da vida inteligente em outros planetas? Ernesto Bono. palestrante e comunicador. é graduado em Medicina pela UFRGS. Confira. Trabalhou por 23 anos no Hospital Psiquiátrico São Pedro.Ora. Afinal. Ernesto Bono nasceu na Itália e mora em Porto Alegre desde março de 1947. É ufólogo há quase 50 anos. ENTREVISTA DE ERNESTO BONO EFETUADA PELO INSTITUTO HUMANITAS DA UNISINOS DO RIO GRANDE DO SUL Tema: Informações sobre os ETs são sonegadas pelos Governos. tem que se acabar com diarréia!. com um enfoque do tema totalmente próprio. escritor. CLARO que é. a cidade da Fiat e de outras grandes indústrias mais. tendo pessoas como esse Sr Bono. em Porto Alegre. IHU On-Line.. Mas. com diversos argumentos. quando se lê/escuta algo tipo diarréia. bem como exegeta do Novo e Antigo Testamento.

se comportaram. Os exageros. as mentiras e as infâmias que os vencedores inventaram contra os perdedores. inglês etc. Graças ao chefe russo e seus imediatos. com um incrível desastre ecológico da floresta. Tudo começou com o dependurar do cadáver de Mussolini na Piazza Loreto. . ao sudoeste de Kursk. Nova Iorque. e japonesas. Até 1946. 164 . o astuto. tomei conhecimento do que estava acontecendo na Itália e do que havia acontecido em toda a Europa por causa da Segunda Guerra Mundial. Ou seja. em Milão. o que deve ter sido um horror. o mundo nunca havia tomado conhecimento do desastre de Tunguska. em fim de junho de 1943. Pois bem. via cinema e rádio. alemãs. o povo soviético não tomou conhecimento das bombas alemãs e nem se atemorizou. russos. A seguir. iugoslavos etc e todos estes contra os italianos. o horror e o desespero dos campos de concentração. 142 países) contra alemães e estes contra todos esses. com seus quase 300. Em Tungunska nunca foi encontrada uma cratera de asteróide tombado. o monstro soviético em 1945 já havia invadido o território alemão. quase sem civis por perto. Hitler se horrorizou com a bomba e em princípio se recusou usá-las outra vez. E depois em março de 1945. dos seis (1940) até os onze anos (1945). contra ingleses ou americanos. . Acrescenta-se a tudo isso. soube manobrar muito bem essa história. Além disso e mais tarde. Por causa dessas duas terríveis experiências. Mas. falsificando as datas. japonês contra americano. que começou em abril de 1945. e vice-versa. eu e minha família ficamos sujeitos aos monstruosos bombardeios dos aliados. Em verdade. fui obrigado a presenciar uma guerra civil na Itália e em Turim. que teria acontecido em 1908 ou 1927. americanos e ingleses (em suma. região desabitada da Sibéria. comprados pelos antigos inimigos. onde certos italianos. Lá havia somente militares. Russos. Os "gloriosos" cogumelos atômicos de Hiroshima e Nagasaki. gregos. em Tungunska. já que eles também estavam construindo a bomba A. italianas. Tínhamos italianos contra ingleses. Com isso a tentativa de paralisar a União Soviética falhou. e nessa primeira tentativa morreu todo um regimento soviético.000 mortos. A fome. Alemão contra francês e vice-versa. foi lançada uma segunda bomba.uma cidade estratégica. como verdadeiras feras. Stalin. as ruínas das cidades inglesas. Afinal. (Nota: Isto que Hitler usou a sua bomba atômica duas vezes na Rússia. o medo. a miséria. e temeu a reação dos americanos. parece que faltou-lhe um meio de transporte adequado para atingir os EUA.

Mas fora todas essas barbaridades que me deixaram horrorizado com o mundo e com os assim ditos vencedores. Hoje os ETs proviriam das Plêiades. todas estas revelações estão na Internet). mas há muito tempo sempre estiveram aqui presentes. E com 13 a 14 anos comecei a olhar para o céu. . em 1947 vim para o Brasil. os portais se abriram. mas cabe muito bem. Aliás. a terra bendita. havia outros tipos de vida melhores do que a nossa. (Amigos. próximos à 165 . e eles então começaram a aparecer mais. Em verdade os ETs e seus aparelhos podem ser extraterrestres. e sim de muitos outros aliens mais. estão espalhados pelo mundo inteiro.e sabendo que os japoneses antes do desastre final estavam implorando o cessar fogo e a submissão . Portanto. Com 13-15 anos eu já estava atento e a par dos mesmos. e mais tarde me naturalizei.. os americanos sem qualquer escrúpulo . da constelação Ursa Maior etc. Daniel Frey ou com planetas tipo Marte. Em meu íntimo se levantou então a esperança de que em outros mundos do nosso Sistema Solar havia outra inteligência mais benévola. Fiquei com asco da política imunda. E já em 1947-1948 começaram a aparecer as primeiras informações sobre discos voadores em jornais e revistas.O que abrangeria o conceito "ultra terrestres"? Ernesto Bono – Ora. porque as bombas deles ainda não estavam prontas. Podem provir de bolsões ou mundos intra montes. em busca de outro tipo de vida. Depois da Segunda Guerra Mundial. Ganímede (satélite de Saturno). supostamente habitados. falsa paz e principalmente da enganadora paz eterna que ia se instalar. malévolos e benevolentes. Tomei nojo de guerras. Lua etc.Em agosto de 1945. só apareciam discretamente e para alguns. Vênus. de Orion. começaram a aparecer logo após a Segunda Guerra Mundial.mesmo assim jogaram duas bombas alemãs das quais se haviam se apropriado sobre os japoneses. porque atualmente já não se pode mais falar só de extraterrestres. com seus famosos contatados tipo Adamski.. de Alfa-Centauro (não o planeta). sinceramente eu não conhecia o conceito "ultraterrestres". intraterrestres. todos eles muito além do Sistema Solar. montanhas. as coisas no céu e na terra se modificaram por completo. da derrota mundial que só hoje começamos a conhecer. Discos Voadores e extraterrestres eram palavras válidas para a década 50-60. para escândalo dos grandes Governos. os discos voadores. IHU On-Line.

e estes ETs levaram os alemães a construir os seus primeiros discos voadores ou Haenebus. cedendo lugar para outro Cosmo constituído de Situações Existenciais que se estendem e que lembram ilhas e arquipélagos cósmicas. amigos e benevolentes. rigeliano. francês etc. Estes. a impressão e convicção de universo científico está pouco a pouco sendo suplantada. para abrigar determinados ETs (alfa cinzento. tipo americano. ou senão do Triângulo das Bermudas ou equivalente. E aqui começaram então a se assentar extra-situacionais diferentes dos de Aldebaran. quarta dimensões etc.superfície. como os verdes. próprias das geometrias atuais.A tese capital do livro é denunciar que foram feitos acordos secretos entre os Governos oficiais estabelecidos. por certos americanos. dimensão. são aliados do Governo invisível. começaram a ser vistos. milenarmente falando. Nem Ptolomeu nem Copérnico-Galileu tinham então razão.a construir bases subterrâneas em seus territórios. . Há também os aliens interdimensionais. como os almarans. Depois. inglês. Hiperbórea. Os aliens e seus veículos inclusive podem ser extrasituacionais Nota: Por incrível que pareça. segunda. contudo. IHU On-Line. colaboradores e aliados dos povos que os acolheram. com os extraterrestres malévolos ou os bandidos da Federação. E assim como Hitler e alguns germânicos possivelmente fizeram alianças e contatos com aliens de Aldebaran . Inicialmente esses outros ETs se revelaram amigos. soviético-russo. reticuliano. Podem ser inclusive submarinos. reptiliano etc).Qual é seu principal argumento do livro A Grande Conspiração Universal? Quais as principais críticas recebidas por parte de cientistas? Ernesto Bono. E mais. A transmissão radio-teatral da 166 . sexta etc. no mundo sempre existiu um poderosíssimo Governo invisível. quinta. principalmente nas grandes potências. Estes pactos jamais vão permitir que as pessoas comuns tomem conhecimento em profundidade do por que da presença dos OVNIs. da quarta. principalmente no Brasil. terceira. Só que aqui o conceito dimensão nada tem a ver com primeiro. como uma calamidade e como os piores inimigos da espécie humana. Este há muito tempo manda em todos os países do mundo. como vampiros. da mesma maneira o Governo invisível obrigou a alguns cabeças dos governos americano e russos -altos figurões .

Depois disso. não deve. nem sei se depois do que está sendo exposto aqui ainda vão me convidar.W. Lamentável é dizê-lo. Ainda mais que eu defendo a inegável realidade dos UFOs. Tomo principalmente cuidado com a eventual reação dos que não gostam dessas coisas. Estudiosos americanos que estudaram a temática da conspiração e tentaram denunciá-la morreram ou foram mortos. em 1938. Foi uma catástrofe. contra outro aparelho dos alfa-cinzentos. Os dois se arrebentaram. mas o seu resultando não podia ter sido pior. A autópsia de uma ET que alguns anos atrás as TVs do mundo apresentaram era feita numa alienígena feminina com seis dedos de mundos subterrâneos daqui mesmo. ainda ouso denunciar os tabus de muitas verdades sagradas 167 . Schneider etc . sem que este o soubesse.Wells e da parte Orson Welles. Paul Benewitz. em especial. (Alguns dizem que a queda do Ufo de Socorro foi 30 dias antes. alojado na base americana. por encomenda de alguns tipinhos do Governo.Como será sua participação no Curso Vida Extraterrestre II? Ernesto Bono. com 4 tripulantes quase humanos com seis dedos. olhos e boca notórios. e o outro caiu no dia 12 em Roswell. os governos inventarem os termos “não pode. visou por o povo americano em prova. Com quase toda a certeza. acabam detestando a ufologia e os ufólogos. Visitem a base de Dulce.Cooper. pagos e dirigidos pelos governos. com aquele rosto.Não tenho a mínima idéia do que vou dizer. a Área 51 etc.G. é proibido por questão de segurança nacional". entre eles John Lear e M. o futuro gênio do cinema. Um caiu no dia 10 de junho de 1947 em Socorro. de seus tripulantes. EUA.Guerra dos Mundos de H. com ETs tipo Alfa-Cinzento. na região de Rooswel. Existem milhões e milhões de provas todas elas escondidas pelos poderosos dos governos comuns e invisível. tentando proibir e impedir que a verdade – as duas origens – sobre os OVNIS viesse à tona. A partir daqui o Governo americano desencadeou uma arguta e poderosíssima vigilância a respeito da temática UFO. Não bastasse isso. mas os cientistas em geral. A autopsia feita em Rooswel apresentava um alien tipo alfa-cinzento. E esse constante despistamento e radicalismo continuam e ninguém se iluda que a verdade um dia se tornará pública. não é? IHU On-Line. houve um enfrentamento entre um disco de nossos mundos subterrâneos. Convém. A transmissão foi excelente.

É até bom Cristianismo. É a Ciência do Real. Ernesto Bono . É epistemologia (ou está nos devolvendo a arte de bem conhecer). se possível em termos matemáticos e 5) a prova final irretorquível. as confiscam ou dão nelas um sumiço. infelizmente não persistem. Ela vai muito além das cinco etapas do método que a ciência estabeleceu e que são: 1)a observação despreconcebida do fenômeno ou da ocorrência. Ou seja. sou considerado conspiracionista. pois o grande Mestre nos alertou dizendo: “Na casa de meu Pai há muitas moradas ou situações divinamente verdadeiras. É a Autêntica paranormalidade.. (hoje desprezada). é Magia branca. nunca me convidaram. Aqui o Galileu não estava falando de planetas científicos). ou é magia negra. o bom ufólogo. 1) A Grande Conspiração Universal. obedecendo principalmente os interesses dos EUA. porque em princípio os relatos que ela faz buscam ser verdadeiros.da ciência e da astronomia.A boa ufologia. IHU On-Line. a ufologia é uma ciência ou pseudociência? Ernesto Bono .Eu diria que a Boa Ufologia é mais do que simples ciência acadêmica. alegando que o homem ainda não pode conhecer esse quebra-cabeça chamado UFO. estórias e teatrinhos. própria de congressos. IHU On-Line. é religião cósmica. 2) O Apocalipse Desmascarado e 3) Os Manipuladores da Falsa Fatalidade. E a propósito do tal CURSO. 2) a hipótese. E mesmo que na área ufológica existam pessoas que inventam mentiras. Eles se desculpam . é ciência sim.. e não essa ufologia folclórica que anda por aí. pestilenta quando os malévolos e perversos se apresentam e se intrometem. pois já sabe da existência de ETs perversos e outros benevolentes.Devido ao teor de denúncia de meus livros. quando presentes estão o aliens de luz. porque imediatamente os governos oficiais as destroem. com ou sem provas. ---. 4) a descrição matemática do fenômeno.Algum outro aspecto que deseje acrescentar e que não foi perguntado?. 3) a experimentação laboratorial.Afinal. logo se apercebe disso. A Ufologia em si é filosofia do mais alto gabarito. como bom cientista que também é. eu seria um daqueles inventam conspirações 168 . Estas provas ufológicas. como a antiga Alquimia dizia.

com seu globalismo velhaco. nem tudo está perdido. no entanto. futebol e carnaval. porque infelizmente. saibam quem eles são. Conheçam o que são ou o que foram certos programas tipo Majestic-12. são uma eterna surpresa e até mesmo podem ser um paiol aceso. eu não inventei absolutamente nada. Saibam da velhaca censura que prevalece na grande Imprensa. O grande Salvador Freixedo era o que mais denunciava isso e. Amigos. Recomendo que se informem sobre os famosos Illuminati. sem assustar nem se desesperar. devido a essa falsa Nova Era. viu-se obrigado a silenciar e a sumir. Saibam da fantástica espionagem que o Echelon do Governo Invisível vem praticando em cima dos bons cidadãos do mundo inteiro. e o que querem fazer com o mundo. convém que fiquem precavidos. Minas Gerais. 169 .estapafúrdias e as denunciam como se verdadeiras fossem. Conheçam certas manobras de certos indivíduos do Governo e que impediram que os ETs de Varginha. globalismo e o escambau. E por fim. Não estou dormindo nem me iludindo com novelas. e os chupa-cabras do sul do Brasil acabassem sendo vistos e conhecidos pelos brasileiros em geral. Todavia. P-40 ou outro nome que a eles foi dado. Ainda há esperanças porque os homens em si. os grandes e os bons em especial. já fomos invadidos e quase subjugados. Apenas conheço bem os fatos. falsa religiosidade. como agem.

SEGUNDA APRESENTAÇÃO 170 .

não morram!” Vamos dizer que A. e ainda acontece. eles e elas.B. Antes de falar dessa linda moça (AB). nas trevas exteriores. como foi denunciado num filme da década de 80 e que passou despercebido.B. e fantasias que bem poderiam ter sido fatos. (minha filha) e que tem acontecido também a tantos outros jovens. Quando chegou a minha vez. Irene Granchi. o conheci no Rio de Janeiro de um modo bem estranho. agradou. não me leves muito a sério. Em termos de casuísticas foi uma das mais belas palestras que efetuei. Nela falarei daquilo que aconteceu com A. Utilizei material próprio que consegui de alguém ligado a fontes fidedignas. “Os Ladrões de Almas”. vou falar antecipadamente de um determinado Alex que. Mas acredito que aquilo que eu disse. não o sendo. foi arrebatada de nosso meio (ou mundo). quando a notável professora de ufologia. É de se crer que esses “manipuladores” armam e dirigem o desenlace ou a morte. Amigo. Os fatos apresentados diziam respeito a aviões. os faz-de-conta cotidianos assumem uma força incomum. e que deve ter sido imposta. não por Deus. chamada morte ou desenlace. Deixa-me apenas contar fatos que se confundem com a fantasia. Por favor. até certo ponto tomou parte desses eventos que vou narrar. bom rapaz. como tentei explicar no meu livro já publicado (Os Manipuladores da Falsa Fatalidade).UM AMIGO ESPECIAL Amigo leitor. Acho que foi em 1984-1985. aviação e FAB (Força Aérea Brasileira). a Sra. desgraçadamente. como tu bem sabes. subi ao palco e apresentei o que tinha que apresentar. agora vou contar uma história da maneira mais impessoal possível para que pareça ficção ou mera estória. além de diversos casos pesquisados e registrados pelo amigo e colega José Victor Soares. 171 . Este Alex. mas pelos manipuladores da falsa fatalidade. O auditório não estava muito cheio. Daí o subtítulo deste trabalho intitular-se “Filhos e Filhas. me convidou para que participasse de uma palestra ufológica que diversos ufólogos – eu inclusive – iam apresentar num domingo de tarde. Principalmente essa coisa horrorosa e acrescentada. na cidade do Rio de Janeiro.

começou a me falar de ocorrências ufológicas. Enquanto o estranho amigo não parava de falar. se aproximaram mais para ouvir também o que o Alex falava. Só ficou o Alex.Terminada minha apresentação e discurso. declarou que eu era um dos melhores ufólogos do Brasil. Prestei bem atenção e fui-me cativando cada vez mais. Só me perguntava. e dentre os exageros afetivos. senão do mundo. Obviamente. Só que nada lhe negava a forma e o aspecto humano. De repente. eu e um amigo meu (Luiz Carlos Maciel). não retruquei e fiquei com tal elogio sem acreditar nele. Os amigos que estavam perto de mim. eu sempre fui um devorador de assuntos ufológicos. e Alex continuou expondo os seus casos. sentou-se perto de mim. algumas vezes era interrompido por perguntas pertinentes. eu desconfiei ou pressenti que o dito cujo era um ET disfarçado. mas nunca tinha ouvido falar de casos tão sensacionais. para não atrapalhar o palestrante do palco. amigos. Ficamos acho que umas duas horas no saguão. 172 . Sabia que era apenas uma gentileza da parte dele. E naquela época conhecia milhares de ocorrências. Não pressentia qualquer falsidade naquilo que ele dizia. Era uma sucessão de narrativas cada qual mais autêntica e mais extraordinária. vindo do corredor de entrada. Nesse meio tempo. nunca antes conhecido no país. Julgava-me um bom conhecedor de ovniologia. Meu ego tampouco inchou por causa de suas palavras. mas ele havia-me ganho por boa margem. baixinho. parte das pessoas que constituía o pequeno grupo se retirou. Agradeci e sentei na poltrona ao lado para ouvir o discurso do outro expositor. A seguir. de onde ele havia tirado tanta informação? Acreditem. E o rapaz não parava de contar os mais incríveis assuntos. acontecidos aqui no Brasil e que o tal do Alex contava com toda a naturalidade. feito um verdadeiro mestre de ufologia. Eu conhecia o tema. Resolvi pedir ao Alex e a todos que saíssemos do auditório e fôssemos para o saguão. um jovem de aproximadamente 24 ou 25 anos. Estes me cumprimentaram. porque talvez estivéssemos atrapalhando o expositor que me sucedeu na conferência ufológica Fomos para o salão de entrada. Cumprimentoume. que eu efetuava e os demais também. desci do palco e fui sentar-me na platéia onde presentes estavam alguns amigos meus do Rio. Achei gostosa a piada.

sem pretensões. Melhor dito. Em outro determinado momento em que meu amigo. Suas mãos também ficaram esverdeadas e escamosas. um ver não tão tenso nem atento. enfocando não sei o que. Vendo. Os dedos não eram os mesmos. mas agora o olhava com um ver frouxo. continuei olhando para ele. O nariz se apresentou achatado e a boca deformada. A conversa do meu estranho amigo continuou sempre dentro dos inúmeros casos que ele conhecia. Esse ver não era proposital. desenfocado. um ver de contemplação. Até estranhei o fato de o outro também ter visto o que tinha visto. A seguir.Enquanto falava. Um suma. mas com a íris na vertical. E mesmo assim Alex continuou falando. Mas a cabeça e as mãos não. e comecei a piscar várias vezes. como um réptil gigante. sumiu-se. ouvindo-o inclusive. com olhos esbugalhados. sem me propor nem raciocinar. Mas o reptiliano que no filme aparece era praticamente idêntico àquele Alex que eu vi por um instante. ainda com uma expressão totalmente humana. O resto do corpo continuou igual a um ser humano. de repente resolvi mudar o meu enfoque visual. Nesse entrementes. tentando limpar os olhos. sacudi a cabeça. o estranho amigo. digamos. Era uma cabeça sem cabelos. de repente mudou e cedeu lugar a um rosto e pescoço verdes. ela. meu amigo que estava ao lado e comigo cutucou-me e me declarou baixinho: “Viste como ele virou lagarto?” Concordei com ele apenas com a cabeça. o Ernesto. Era apenas um Ver. Olhando para o rosto dele. com a pupila não mais redonda. tudo voltou à pretensa normalidade A suposta visão (ou alucinação?) de um lagarto havia sumido. o pretenso vedor. e rosto. Ou seja. para ficar apenas um Ver Impessoal e completo. com pele escamosa esverdeada de lagarto. sem saber exatamente quem aí estava vendo. ou senão feito uma serpente. olhou para o lado. levei um grande susto. E aí foi que aconteceu a coisa. deformados segundo meu entendimento. me deu um sorrisinho irônico. o Alex aproveitou a ocasião para dizer 173 . Só sei que Alex. (ou será que os estava inventando?). Não reparei nas orelhas. ou com um ver relaxado. sem nenhuma perquirição por trás. Acho que era um ver próprio de criança. sem esforço. Na ocasião Hollywood ainda não tinham feito o filme “Inimigo meu”. não era maquinado pela minha cabeça. Num momento em que Alex não reparou. Foi uma visão terrorífica que durou alguns segundos.

e que apareceu por um chamado telepático evidente. Não deu a mínima importância para nós. como vais. mas não consegui. não julgue. Ficou imóvel e depois parou então com seu gesto telepático. ou os dois humanos. Eu tentei vê-los. Nós não somos os feios e perversos que vocês humanos acham que somos. enrugando a fronte. e disse para o meu amigo: Lá vão mais dois iguais a mim. até o David Icke. Alex simplesmente se concentrou. Naturalmente esses são odiados pela rainha dos reptilianos. e assim por diante. eu e meu amigo Maciel. Íamos pedir para que ele fosse lá dentro e trouxesse o tal amigo. quase de modo espalhafatoso e disse: “Alex. Só dizia coisas banais e não parava de falar.. Caminhou ao encontro do Alex. perversos e bandidos como ela.baixinho. A versão moderna dos filmes V Visitors também fala deles. não caiu a máscara. 174 . O que pude entender é que ela era mineira e morava numa cidadezinha do interior de Minas Gerais. Dentre nós há muita gente boa e bonita. Com o seu espalhafato ela não deixou. A seguir. e que era professora do primário ou do ginásio. elegantes e bonitos. Já estavam descendo a escada. e o cumprimentou em alta voz. mas também não consegui reinfocá-la de outro modo. simplória. Começou a tagarelar feito uma comadre doida. Meu amigo os viu e disse que eram dois rapazes comuns. Conversa vai e conversa vem. como as que habitam o interior de Minas Gerais. Era outra ET disfarçada. Só que na tal mulher. aquele que mais entende de reptilianos. ou seja. digamos. não foi? Cuidado. Alex acrescentou: No salão ainda ficou alguém ouvindo o que está sendo dito. No caso.” Curioso. Alex alegou que no salão de conferência havia outros iguais a eles. Tanto eu como meu amigo manifestamos interesse em ver esse alguém. que estavam falando com o Alex. Alex sacudia a cabeça concordando com ela. Ele nos respondeu que não era preciso. E a coisa ficou por isso mesmo. concorda com isso e diz que dentre esses aliens reptilianos há alguns que são uma espécie boa.. tipo esportivo. só a mim: “Viste a minha face original. e os chamam de “Quinta coluna”. amigo? Há quanto tempo que a gente não se vê!” Como se de fato fizesse muito tempo que os dois não se viam. Deixou passar um minuto e a seguir a porta do salão de conferências se abriu e desde dentro saiu uma mulher nada especial. e colocou dois dedos acima do nariz. Eu e meu amigo apenas ficamos olhando.

Alex, mais tarde, confessou-me que essa prolixidade era uma das características de aliens disfarçados de gente. Eles, tentando ser iguais aos homens, exageram em tudo e por tudo, e em momentos, a coisa fica chata e ridícula. Exageram no falar, no comer, no atuar, com eles tudo aumenta, tudo fica meio distorcido. No nosso meio, é uma necessidade deles ficarem iguais aos humanos, e também é uma necessidade de se disfarçarem muito bem. Depois desse primeiro encontro, não desfiz o contato com o Alex. Ele até me forneceu o telefone de sua morada no Rio. Mais adiante, e em determinada ocasião, vieram-me às mãos, graças ao José Victor Soares, digamos, uma 30 cópias de cartas que uma senhora de Porto Alegre havia recebido de um eventual amigo ET. Ela tinha deixado um recado na revista Planeta, correio dos leitores, onde dizia estar disposta a oferecer ajuda a qualquer ET benevolente que quisesse ser ajudado por um ser humano. Mas, não é que a dita cuja senhora, e que posteriormente virou minha amiga, recebeu a resposta de alguém que deixava transparecer que era um ET. Só que este dito cujo, no começo foi um tanto áspero com ela e respondeu que os bons aliens não precisavam de qualquer ajuda humana. A tal senhora evidentemente replicou, e assim os dois começaram a trocar cartas e informações. Nas cartas por ela recebidas havia muitos assuntos bons e que deixavam transparecer que isso não era conversa de humano. Em tais cartas, porém, não havia qualquer segredo de estado de vital importância. O suposto alien, amigo da senhora, se fazia passar por militar brasileiro do Norte do Brasil. Esse dito cujo amiúde alertava a senhora amiga que não fizesse amizade ou aproximações com os Almarans nem os recebesse em sua casa, porque eram ETs perigosos, raptores de seres humanos, e moravam nas profundezas do Triângulo das Bermudas. Eram loiros bem apessoados. Alguém me informou esses Almarans eram antigos venusianos, inimigos de outros venusianos mais, talvez benevolentes. Os dois grupos antagônicos, na superfície do planeta Vênus, desencadearam uma terrível guerra atômica, que destruiu tudo e envenenou toda a vida do planeta, por causa da radioatividade. Os sobreviventes dos dois grupos, com naves espaciais diferentes, se mudaram para o planeta Terra. Os venusianos, digamos benevolentes, ficaram na superfície do planeta, Hiperbórea, e os venusianos malévolos se refugiaram nas profundezas marítimas do 175

Triângulo das Bermudas, e isso na época da destruição definitiva da Atlântida. E são estes almarans malévolos os que provocam os acidentes de navios e aviões, provocando destruições, desaparecimentos, raptos e tudo o mais. Juntamente com alguns habitantes das Plêiades, os venusianos que ficaram na superfície terrestre originaram a raça ariana terrestre, ou aos povos loiros do Norte terrestre, e da Índia também. Eu li o teor das cartas para minha filha Adriana; o engraçado é que ela, ainda em vida manifestou desejo de se encontrar com os almarans, mas por brincadeira, acho eu. Em determinada ocasião, eu telefonei para o Alex, falando a respeito das cartas e dos Almarans. Ele ficou excitadíssimo quando citei os almarans e pediu que eu viajasse rapidamente para o Rio para que contasse mais a respeito dos ditos cujos, os quais almarans, depois, ele defendeu muito bem, dando a entender que além de ETs eram mágicos, sacerdotes. Por conseguinte viajei para o Rio, bem antes do acidente da Adriana e contei tudo para ele e Alex, por sua vez, falou-me mais um pouco sobre os almarans. Não me entusiasmei muito com suas narrativas e fiquei na superfície do assunto. Estando no Rio, aproveitou a ocasião para me mostrar certos aliens fantasiados de gente e andando pelas praias do Rio, e principalmente mostrou-me quão exóticos eles são ao imitarem a natureza humana, principalmente ao comer em restaurante. Falou-me da Pedra da Gávea, de certas passagens submarinas que conduzem ao interior da Pedra. Contou-me de aliens que estariam lá escondidos e assim por diante. Lamentavelmente não me lembro mais das minúcias do Alex.

UMA SIMPLES TRAGÉDIA... SERÁ?
Mas voltando ao que me havia proposto, houve então certa jovem de 21 anos, loira e muito bonita, e que aparentemente se acidentou ou foi acidentada. Digamos foi atropelada. No mesmo instante em que recebia a pancada fatal do veículo (micro-ônibus) – ou pelo menos isso é o que se apresentou para alguns – ETs invisíveis e nefastos, e que haviam montado propositadamente tal desastre aparente – com seus deslocamentos e velocidades físicas 176

totalmente impossíveis – raptaram o corpo sadio de tal criatura, com ego-alma e tudo o mais. Rapidamente e no local, sem que ninguém visse nada, deixaram uma cópia perfeita de carne, ou um clone que acabou morrendo no hospital, e foi enterrado pelos pais. Mas antes disso, o corpo ou a cópia (clone) da jovem acidentada foi levado a um hospital da rede pública, semi-inconsciente e sangrando bastante. Tendo baixado no hospital de Pronto Socorro, setor de acidentados graves, os médicos fizeram em tal corpo mil e um exames e radiografias, mas não constataram nada de grave, salvo três costelas quebradas, e um ferimento profundo no tórax, que havia lacerado os músculos, a pleura e o pulmão direito. Por conseguinte, afora os pequenos ferimentos espalhados, os hematomas, as contusões por todo o corpo,e o famoso estupor mental, com boa perda de sangue por causa do ferimento, a tal jovem (ou o clone que dela sobrou) não apresentava nada de grave. Já no hospital e estando meio inconsciente, os doutores perguntaram-lhe qual era seu nome. A jovem conseguiu responder: ISABELLA, quando o nome dela era Adriana... Essa foi uma coincidência estranha, porque dois meses antes, nesse mesmo hospital ou H.P.S. foi atendida outra moça, no mesmo local, também acidentada no trânsito, devido ao desgoverno de uma moto, com a mesma idade. Esta jovem morreu no segundo dia, depois de sua internação. Eu conhecia esta ISABELLA e eu era amigo do pai desta outra jovem. As duas tinham, pois, 21 anos de idade. Mas minha filha não conhecia essa Isabella, e nada sabia de sua existência e de seu falecimento repentino no H.P.S. dois meses antes... Bem, mas voltando à história que eu estava contando, após o pretenso acidente, o corpo ou o clone da jovem de 21 anos conseguiu sobreviver ainda por mais sete dias. Na tarde do primeiro dia de internação, já transferida para a Ala de Observação do Hospital, e não para a UTI – pois, aparentemente, com ela nada de grave havia acontecido – o corpo ou o clone da jovem se debatia na cama, como querendo falar, mas sem poder se comunicar com os pais e parentes. Parecia entender as perguntas que lhe faziam, pois mexia com a cabeça, sugerindo um sim ou um não. Eu o pai da jovem, em minha dor e desespero, ou quem sabe em meu desvario ou loucura – diria um psiquiatra – tive a nítida impressão 177

de que o espírito da filha, separado do corpo, me rogava e implorava, gritando, que eu a tirasse do hospital. Tive a nítida impressão de ouvir: “Pai, pelo amor de Deus, faz alguma coisa!... Tu és médico, tira-me daqui!...” Em pensamento e espírito a ela eu respondi: “Filha, por favor, dá-me um ou dois dias de prazo e te levarei para casa! Tenho medo dessa tua ferida no tórax. Teu pulmão foi afetado levemente, e levando-te para casa, tu poderás piorar!...” Mais tarde, as únicas e últimas palavras que minha filha pôde pronunciar foram à tia dela, quando esta encostou o rosto na sobrinha, sussurando-lhe coisas no ouvido. A.B. então disse-lhe: “TIREM-ME DAQUI1 TIREM-ME DAQUI!...” Antes disso, porém, escancarou os olhos e encarou bem a tia, mas com um olhar que não era o dela, e depois disse aquilo... A tia dela não me comunicou esse fato. Se tivesse me informado, talvez eu tivesse logo retirado ela do hospital, sei lá se era possível... Ao anoitecer eu não pude ficar, mesmo sendo médico. Mas minha esposa pôde ficar no hospital municipal, junto ao leito da filha (corpo ou clone?), porque era funcionária pública municipal. A.B. continuou se debatendo, mas mais espaçadamente, sem nada pronunciar. Naquele anoitecer, antes de me retirar do hospital, sem médico por perto, avaliei os sinais vitais.da filha. Eu havia trazido a minha maletinha. Aparentemente A.B. estava bem. Não havia rigidez abdominal, aumento ou queda da pressão arterial, A respiração e os batimentos cardíacos estavam normais. Não apresentava febre nem vômitos, não sangrava mais.

LAMENTÁVEL DESFECHO
Como disse, a mãe dela ficou ao lado da cama. Pela madrugada, ela cochilou junto ao leito. De repente acordou aos sobressaltos e deparou-se com o corpo (ou clone?) da filha nos últimos estertores da morte. Bem depois, eu suspeitei que a troca do corpo pelo clone ocorreu dentro do próprio hospital, e nessa madrugada fatal, quando a mãe cochilou. 178

Estudei ufologia e sabia que ETs nefastos podem fazer isso com facilidade e com uma rapidez incrível. Eles têm tudo pronto para substituir alguém. Desmaterializam e materializam com facilidade, como acontece nas abduções ou contatos de quarto grau. Na ala de observação onde o corpo de A.B. estava só havia uma enfermeira no plantão noturno, para atender e vigiar mais de 30 pacientes. De que modo ela iria dar-se conta de uma eventual troca de corpo?... Aliás, eu desconfio que isso é feito muito frequentemente nos hospitais públicos e principalmente com gente jovem. A falta de religiosidade e espiritualidade desses hospitais públicos é a que propicia tal ocorrência plausível. A egrégora presente de qualquer religião sempre ajuda. Em prantos, a mãe da jovem pediu então socorro à enfermeira e aos médicos. Estes últimos, ao invés de ajudar prontamente, só pioraram a situação. Tal corpo ou clone teve uma parada cardíaca. Um médico de plantão aplicou ao tórax um choque elétrico, como as regras mandam, e o coração voltou a bater caoticamente. A seguir efetuaram Rx e constataram na jovem (ou no clone) uma ruptura hepática, talvez provocada pelo eletro choque. Imediatamente submeteram A.B. a uma cirurgia corretiva do fígado, já que nada ou quase nada do mesmo havia sobrado. Ele havia virado uma massa disforme. E aqui está o impossível da história, ou uma ficção dentro de outra ficção. O fígado de minha filha, se tivesse sido esmagado por causa do atropelamento ou por causa da pancada do veículo, teria sangrado imediatamente e de modo abundante, e teria liberado também fluxo bilhar ou venenos irritantes para dentro da cavidade abdominal. Logo a seguir, isso teria provocado uma peritonite, um estado de coma, rigidez abdominal, dores lancinantes, vômitos biliosos e sanguinolentos, febre, cianose, alterações agudas dos sinais vitais, disfunção renal, respiratória etc. Nada disso, porém, se constatou nas primeiras 16 horas de internação hospitalar. Só dezesseis horas depois ou de repente é que ela ou o clone dela passou a apresentar tais sintomas e sinais hepáticos agudos. 179

Só após o enterro. furiosa e esbravejando. Eu não passava de senhor um neurótico. tal “boneco” (ou corpo?) sobreviveu ainda seis dias em outro hospital. eu me apercebi de que durante todo o tempo. cintilografias etc. loucura. eu tive outra visão – um psiquiatra. delírio. clamando: “Pai. O eletrochoque no coração e a cirurgia corretiva do fígado foram um desastre. na pele. eu entendo a linguagem psiquiátrica – e vi a filha viva na minha frente. neutralizado pelos colegas super sábios. evidentemente fui excluído. Tudo se movia ou era movido para que tal corpo ou clone fosse apagado e enterrado de vez. Mesmo assim. também aconteceram coisas que não podiam ter acontecido. Eu. ela ou o clone dela apresentou tal sinal invertido. Na ocasião das hospitalizações ainda não tinha desconfiado da troca do corpo dela por um clone. contudo. não acredite nisso!. Uma cicatriz que se apresentava no lado esquerdo. sim.. mas ficou com “O” negativo. Na noite do velório. Ela era “O” positivo como o pai e a mãe. passa a aparecer no lado direito. davam sinais favoráveis de recuperação da jovem. irradiava espiritualidade e força para que aquele corpo combalido se recuperasse de alguma maneira. No caso dela. No começo da segunda hospitalização. pai. Certos jovenzinhos fazendo cursos de aperfeiçoamento pós formatura em medicina são de uma insensibilidade completa e são uma merda legítima. do hospital escola. chamaria isso de alucinação. Mentalmente. inclusive alguns exames tipo tomografias. quando era ou tinha que ser “O” positivo. acontece o mesmo. Nada pude fazer para ajudar alguém. Ela me dizia. mas no final.Os corpos clonados que certos ETs deixam no lugar dos seres vivos – cuidado que há também ETs de Luz ou benevolentes e não somente trevosos – geralmente apresentam sinais corporais invertidos.. tudo resultou em nada. Com nevos ou sinais de nascença. contudo. que palhaçada é essa. pois. só aconteceu uma inversão no tipo sanguíneo. Neste outro hospital. Quando precisou transfundir sangue.... 180 . no caixão!? Por favor. eu tinha estado lidando com um boneco. médico por profissão.. com um clone e não com o corpo de minha filha. eu não sou essa coisa que está aí.

ou foi levada para aquilo que nós. também se recusou assistir o enterro ou emparedamento. chorando. A. fiquei sabendo que ela havia sido posta a dormir em estado cataléptico profundo. a filha morta ou quem sabe SIMPLESMENTE TRANSFERIDA pedia-me ajuda ou socorro aos gritos. Ambos disseram que aquilo que estava sendo enterrado não era a verdadeira Adriana. coisa... ego-alma e tudo o mais.B. os normais. Perto de mim. porém. Foi um choque muito forte. que os ETs nefastos fazem comumente. Se os sete dias de hospitalização e enterro foram um purgatório. digamos. esperneava. pude ver como ela. é que eu me apercebi da possível troca de corpo e do enterro de um clone. Não sei por que exprimiram essa impressão contrária. eu sentia a filha desesperada. OUTRA SUPOSIÇÃO Só no segundo dia. creio eu. Antes disso. Das minhas visões ou “alucinações” nada havia contado a eles. gritando e clamando por socorro. se rebelava e gritava por socorro. Só que o sono profundo da jovem não durava. Mais tarde. fui a um centro espírita. O noivo dela não quis assistir o final do enterro ou o enfiar do caixão na parede do cemitério. Depois da pantomima do enterro. Sua irmã mais jovem. aliás. Juliana. Tinha a impressão de enlouquecer e também comecei a temer por uma morte súbita. após o enterro. havia sido transferida de plano vital à força. E em lá chegando 181 . MAIS COMPLICAÇÕES Um mês depois da minha tragédia. e ela acordava. Até no estado de submissão cataléptica.A seguir eu tive uma crise de choro forte e um abalo nervoso. tentava derrubar o caixão. ela se desdobrava e vinha em corpo astral. o qual misturava espiritismo com a umbanda brasileira. o que se apresentou depois foi um inferno muito pior. Acharam que tinha tido uma exagerada crise de nervos. dirigindo-se para o catafalco. a falar comigo e a clamar por auxílio. chamamos de “o mais além”.. com corpo original.

povo esse que eu nunca tinha ouvido falar. Sim. Eram ETs mais benevolentes que conseguiram resgatá-la e a entregaram aos Almarans. Ele ia tentar interceder junto aos almarans para que. pois. eu simplesmente me retirei. a própria AB iria fazer um contato telefônico comigo. Apenas eu tinha ido para lá na esperança de que alguém do mais além. Inclusive afirmou que ela estava morta ou tinha falecido. de algum modo. porém. no mínimo por certo tempo. e que jurou para um amigo meu – o qual providenciou 182 . Quatro meses depois. abduzida. de preferência bom caráter. e o Rodrigo. e pedi ajuda. entrou inclusive uma respeitável batuqueira ou mãe-de-santo. Contei a ele minhas impressões e dúvidas. uma médium incorporou e começou a esbravejar contra alguém. Inicialmente. aparentemente coisa muito ruim. Não me denunciaram nominalmente. o noivo da falecida. junto aos pais. A seguir teriam interferido os Ummitas. e que na ocasião da minha presença se revelaram aliens das trevas e não entidades espirituais. boas e lúcidas. Até deu o nome dos raptores “Povo de Íbis”. me contasse alguma coisa a respeito de minha filha.com a minha outra filha Juliana. Alex relutou em querer me ajudar. Depois. acabou confirmando que efetivamente AB havia sido raptada. frustrado e desapontado. sem fazer alardes nem escândalo. e que em verdade era um ET benevolente. mas depois me dei conta que eu era o criminoso e culpado disso. Tal amigo ET do Rio prometeu inclusive que antes do retorno ou do reaparecimento. por ETs nefastos. porque esse tal alguém estava destruindo a fé no espiritualismo em geral. E aí os meses foram passando e sem nada acontecer. Nesse meio tempo. ela mesma aparecesse. eu procurei Alex. ou senão mandaria uma carta para os pais. ou os tais das famosas comunicações intelectuais da Europa. Apenas disseram que presentes estavam alguns inimigos da fé. Nada feito. o pretenso contatado do Rio de Janeiro. Isso que freqüentei sessões espíritas por mais de 20 anos. a jovem retornasse à Terra. disfarçado de homem. A princípio não entendi o porquê daquela agitação mediúnica. Mas por quê? Alex deu-me a entender que ela estava viva e estava bem. dos pretensos “espíritos de luz”. eu estava duvidando da benignidade do mais além. pois nada havia feito de mal. Ou senão. (transferida). Achei nojento aquele clamor. Naturalmente.

De qualquer modo.”. sendo universitária e boa leitora não cometeria. residindo agora na Suíça. o qual nos garantiu que havia falado com ETs de alto gabarito. eu. estarei sempre com vocês te amo os dois. que era espírita. com ele. não sofram. Visitei-o e recebeu a mim e a Minha filha Juliana no seu apartamento junto à praia de Niteroi. em minha agonia. O modo de escrever não era bem o estilo de AB. breve. os ETs benevolentes (almarans) já estavam com ela (a abduzida). como. fora incumbida pelos orixás. mas só num faz-de-conta. Obviamente. mãe e pai. resolvi fazer contato por telefone com um renomado professor de Niterói (S.. Espero breve contato com vocês. Iansã. e que eles.L. . a mãe da jovem. Estou me juntando com um Almaran. sem remetente. BUSCAS INCANSÁVEIS Na minha eterna busca. também aí nada aconteceu e tudo ficou restrito ao diz-que-diz. com minha ex-esposa. que ela. por exemplo. exus – sei lá! – de trazer de volta a nossa jovem abduzida ou falecida. Eu. iria fazer um contato por carta ou por telefone. e sem assinatura. provinda de Zurique. minha irmã mais jovem (por que AB não a chamou de Juliana?) deve aproveitar mais a vida. ou quase exatamente um ano depois do rapto aparente ou falecimento.). presente estava uma médium renomada 183 . um “Astarsheran”. Alguns meses mais tarde. Após alguns meses. Visitarei o Brasil no Rio de Janeiro. com tal carta se escancararam. se as portas da esperança estavam semiabertas. recebi uma carta da Suíça. Beijos do meu novo nome e do Almaran. tento avisar. ele praticamente me adotou. datilografada.. Mãe. ufólogo e havia feito notórias regressões hipnóticas a serviço da Ufologia. é claro. não acreditem na macumbeira. soube do pedido da mãe de ficar no meu lugar. O teor da carta dizia assim: “Pai e Mãe cheguei bem graças ao pedido do contactado do grande Astral. Ao nos receber.tal contato – que ela. inclusive havia erros de português. voltamos a falar com o Alex.

e nunca anulação. mais exatamente em Minas Gerais. nós dois iríamos num determinado local isolado onde se localizava uma base secreta de aliens. e que não havia mais nada que fazer. que não eram satélites com seus deslocamentos uniformes. de repente incorporou alguém e. contrariando o professor SL disse-me claramente: Amigo. Ademais. Alex alegou que minha filha já se encontrava no Brasil. você está com toda a razão. mas me deu a impressão que ele ia tentar fazer um contato com AB. Não é que. Que ninguém burla a justiça divina. não foi muito claro. 184 . e em menos de três anos. Ela de fato não desencarnou. Outra vez fiquei encantado A médium inclusive indicou um lugar no Sul do Brasil – o cânion Fortaleza.Contei ao professor minha tragédia e eventual não-morte e sim rapto de AB. mas nada encontrei em tal local nem nada apareceu durante a noite de especial. Eu viajei e me encontrei com ele. com minha filha de Rodrigo eu fui para tal local. Tais luzes em ziguezague poderiam ser inclusive Óvnis. Fiquei quieto e ouvi as admoestações ou reprimendas do professor. escandalizou-se sobremaneira. foi raptada por aliens. e depois. AB. Estava sujeita ao carma e não iria ser qualquer ET que alteraria o carma e a inevitável transferência para o mais além. porém. Antes disso Alex me convidou para passar dois dias no Rio. Creia no que estou dizendo.. ela voltará. própria dos niilistas e materialistas. e dormi sob o céu estrelado! O cânion Fortaleza era belíssimo. E que os espíritos do além não teriam deixado. Mas ficou por isso mesmo. Ao ouvir-me. E alegou que tal abdução não poderia ter acontecido. perto de Caçapava do Sul – onde talvez eu a encontrasse numa das casas daquela zona desabitada. Apenas vi luzinhas se mexendo no céu. Disse-me que no dia seguinte. UM QUASE ENCONTRO Passaram mais seis ou sete meses e nada aconteceu.. iria para o Sul do Brasil no fim de 1990. no Rio mesmo. suspeitando de que ele tinha razão. Curiosamente. a médium que estava presente no apartamento. Pelo telefone.

desmentiu essa possibilidade. O Alex deu a entender que conhecia muito bem esses locais desabitados. O Alex me disse que tivesse paciência porque a tal base estava próxima. só que o Alex não tinha falado claramente a respeito. E aí pegamos um ônibus que passava pela Barra da Tijuca e daí a condução desviava e seguia para Jacarepaguá. na manhã seguinte.Só sei que. O que aconteceu depois. Para chegar a tal elevação. mas sim muitas pedras grandes. Caminhamos até chegarmos ao alto de um morro isolado. Descemos do ônibus e começamos a caminhar a pé longo trecho. Algumas até pareciam trabalhadas ou esculpidas. Do lado direito havia um morro não muito alto. agora sem qualquer casa. Sem qualquer dúvida. havia uma descida de duzentos metros que acabava na praia. Curiosamente tive a impressão que AB estava me esperando em alguma parte. Tivemos que subir morros não muito altos. Continuamos caminhando como se estivéssemos num topo plano de um morro. Fomos andando. era um belo panorama. tínhamos que descer para a praia. com casas e não malocas. sem árvores altas. mas supostamente estava em Jacarepaguá. caminhar quatrocentos metros de praia e depois tentar subir o morro. Não sei que praia deserta era aquela. com algum matagal. Eram-lhe familiares. por sinal bem distante. Apontou para algumas pedras bem grandes e um tanto e quanto esquisitas. Nunca tinha ouvido falar a respeito da mesma. Algumas dessas rochas tinham traços esquisitos que não chegavam a ser desenhos. Perto havia outras elevações também isoladas. Era completamente desabitado e de alguma maneira se ligava à elevação em que nós dois nos encontrávamos. Não perguntei ao Alex e também não era preciso. porém. com mato não muito alto. até que se chegou num local da elevação. fui para Copacabana para me encontrar com ele. Inicialmente não havia ninguém Desde o ponto em que nós estávamos. Eu não sabia onde me encontrava. Tudo era deserto. de uns 150 a 200 metros de altura. Começou-se por ruas calçadas e depois se acabou em ruas de chão batido. e que se se descesse dava para uma longa e grande praia deserta. E disse-me que muitas dessas pedras ou rochas eram sinalizações para os habitantes por ali escondidos. 185 . . ou algo parecido.

antes de descer para a praia. vem eu estou aqui!” Só que eu não vi a silueta de minha filha nem vi alguém na entrada da caverna. porém. assim de repente. sem apresentar nada de excepcional. Apenas existia uma pedra colossal que estava dependurada na parede do morro por meio de alguma saliência. quando de repente a parede fechada do morro deu lugar a uma boca bem grande e escura de uma caverna. Eu e o Alex vimos a parede do morro nessa condição. mal vestidos. E disse-me: “Eles estão lá naquela caverna e a Adriana também”. Só não perguntei quais eles estavam lá. e que antes era uma parede coberta por uma grande pedra. Chamei atenção ao Alex. que se encontrava a 50-70 metros de altura da praia. Sucedeu. Estava tudo fechado. Ele. tive a impressão que AB me chamava. olhando para esquerda. Propomo-nos descer até a praia. pai! E depois começou a chorar. dependura. saiu a toda velocidade. Teria sido fácil subir o pequeno morro e entrarmos na caverna. e não sei de onde eles saíram. De minha parte. e depois subir o morro para entrar na caverna aberta. digamos. então. Nessas alturas. Ao longo do caminho de volta. superar a distância que terminava na elevação. eu e o Alex. não tinha qualquer importância. A distância deles em relação a nós era de mais de quinhentos metros ou quase um quilômetro. não somente nos assaltariam como inclusive nos matariam. não sei como. dizendo: “Pai. que. O Alex se assustou e disse que eram bandidos e que. E teria dado muito bem para ver alguém na boca da caverna. vimos cinco ou seis homens. sem parar. vencendo os altos e baixos dos morros e eu atrás dele esbaforido e chateado. dependurada no espaço. 186 .Olhei para a fachada do morro diante de mim. Não passaram sequer cinco minutos. Assustado e preocupado. Eles nos viram. mas não dei qualquer importância. eu tive a impressão que AB gritava para mim: Pai. era parede pura. A pedra deslocada continuava lá. Achei estranha aquela grande pedra dependurada. exigiu que fôssemos embora correndo para salvar a pele. A enorme pedra que estava dependurada havia-se deslocado. Não havia cavernas ou entradas. e ele me disse que era exatamente isso que ele queria que eu visse. tipo pescador que vinham correndo em nossa direção. não sei como e sem fazer barulho. sem qualquer luz. deixando ver agora uma grande entrada escura.

(Eram as 11. Estupefato eu perguntei: De onde Fala: .. Outra vez senti a amargura do destino. eu Acabei chorando. Meu nome é Almaran.Aqui quem fala é um amigo. vergonhosamente atacaram o Iraque de Saddhan Hussein. Sou amigo e companheiro de sua filha. e que finalmente não ia acontecer.45 da manhã e a guerra começou às 22 horas da noite).” Eu nada sabia de que havia alguma guerra ou que um grave conflito iria começar. e isso por causa da guerra. da filha. 187 . conforme prometido. Aparentemente o Alex também ficou chateado. não podia crer que o Alex tinha me enganado. Por minha vez. MAIS SURPRESAS Mas como estava dizendo em páginas precedentes. recebi um telefonema anônimo de Minas Gerais. Apenas quero avisá-lo que não poderemos comparecer ao encontro combinado. inimigos dos outros ETs que estavam enfiados dentro do morro. depois das tais promessas verbais e por escrito. com tantos empenhos e esforços da parte dele. e pegar uma condução para a Barra da Tijuca e Copacabana. num brasileiro castiço. O misterioso interlocutor do telefonema apenas disse: “– Alô. as tropas do Bush pai. Alex me explicou que os tais homens eram ETs nefastos. fiquei ansiosamente esperando o contato telefônico.De Minas – Respondeu a voz de um jovem de no máximo 20 anos. Não tivemos alternativa. presidente do EUA.. Podem se imaginar como fiquei chateado e triste. Ela está muito bem. em janeiro de 1991.. Mas para minha surpresa. Estamos em Minas. a fim de ver se os danados estavam próximos. Como não podia deixar de ser. Nada vimos.Olhamos para trás. Na volta de ônibus. e que estava escondida tapada por uma grande pedra dependura. estou falando com EB? – Eu disse que sim: E ele acrescentou: . senão voltar para o bairro em que tínhamos chegado (Jacarepaguá?). E naquela noite. Só paramos de correr quando voltamos a enxergar as primeiras casas.. Vigiavam tal elevação com sua eventual base. E desligou.

é que o rapaz. fora o texto. da Suécia de volta para a Suíça e daqui para os Bálcãs. Em Montes Claros. Aparentemente não conseguiu matar um otário como eu. mas o fato é que toda essa estória só ficou no diz-que-diz. para o Iraque.45 horas da manhã. eu posso ter sido enganado. da Alemanha para a Suécia. não me lembro quem. passei a desconfiar de que inclusive a carta que havia recebido da Suíça era falsa. havia telefonado para ele. salvo as de Portugal. envelope. 188 . nada contra. Não é mais aquele que possuía antes. Só que. E a guerra asquerosa Iraque-EUA efetivamente estourou de noite. naquele mesmo dia. A VIDA CONTINUA E AS SURPRESAS TAMBÉM Nesse meio tempo. também contou que ela (a desaparecida) costumava viajar da Suíça para a Alemanha. e que logo a seguir telefonaria para mim também. Depois dessa ocorrência. selos etc.) era verdadeiramente suíça e tinha sido escrita inclusive com uma máquina européia. sempre agoniado. e isso sem nunca contatar-se comigo. Encontrei-me também com outro rapaz que o Alex apresentou como sendo alguém ligado aos Almarans Tempo depois. Mudou inclusive de nome. o Alex ainda me contou que AB. a missiva (papel. O curioso de tal telefonema. Não soube por quem. O rapaz de Minas não sabia o que estava fazendo. mas o que Alex ia ganhar com isso. Bem.No mês de fevereiro de 1991. digamos. Pensou apenas em ajudar alguém.. esse mesmo rapaz de Montes Claros. às 11. conforme prometido por causa da GUERRA. desde a Suíça. a pedido do Alex. coisas que as máquinas de escrever européias não possuem. Sim. confessou em carta escrita que havia sido ele a dar o tal telefonema de Minas. Alguém mais. E nesta cidade teve realmente um congresso. pois nas palavras datilografadas faltavam o til e o acento circunflexo. eu fui convidado para fazer uma palestra ufológica em Montes Claros em Minas Gerais. declara que “não podia comparecer ao encontro. AB teria casado com um suposto almaran (nome dado a um povo de ETs) e estaria grávida. Passagens e estadia tudo pago. Eu voltei a me encontrar com o Alex. e que havia se tornado meu amigo..

Na Sexta Feira Santa ela viajou. Num tom lamentoso de choro e quase desespero. A vizinha fez-me ouvir o registro da voz lamuriosa dessa jovem que em princípio eu não reconheci. uma semana antes da Páscoa de 1991. nenhuma espiritualidade capenga ou parapsicologia consegue explicar como sendo o fruto de meras forças paranormais emanadas pela cabeça do pai. A voz foi liberada por uma pessoa de corpo denso. eu me dei conta de que a voz ao telefone era exatamente a voz de AB (desaparecida ou morta). minha filha está viva. PELO AMOR DE DEUS. E está presa em algum lugar. nem o nome de alguém. Inclusive antes de o telefonema definir-se na gravação como uma lamúria ou uma 189 . bem mais tarde. Não é uma voz de espírito desencarnado. não ficando ninguém em casa. E este último. ou senão como sendo a voz de um espírito malévolo que deu um estúpido recado paranormal.” Esse ser que assim se exprimiu achou que.. principalmente depois do contato do famoso telefonema. Trágica circunstância ou ironia fatal. não estava em casa. abduzida ou até mesmo desencarnada em definitivo. Eu gravei esse lamento numa fita cassete de antigamente. alguém poderia estar em casa. a voz dizia: “ALÔ. como habitualmente se diz. com voz própria e estando viva. tal pedido ou exclamação correspondia exatamente à voz e à entonação da filha desaparecida.. queria contatar-se comigo. A tal voz em verdade não citou nem seu próprio nome.Não obstante todas essas trapalhadas. mesmo tendo sido a secretária eletrônica a atender o chamado. sei bem. Em minhas desconfianças (ou delírios?) continuo achando que de algum modo. se escondendo e sem querer atender. valendo-se do telefone. Mas para meu espanto. porque a dona do aparelho ou a vizinha. O telefonema efetivamente é conciso e com uma voz direta. E isso acontece. O que gravou a chamada telefônica foi uma secretária eletrônica. porque não podia. ATENDE ESSE TELEFONE!. Falei a respeito dessa gravação para minha filha Juliana e ela imediatamente desceu para também ouvir a voz. alguém desconhecido telefonou para minha vizinha do quarto andar – que era a senhora que recebia todos os telefonemas ligados ao meu problema com AB desaparecida – alguém esse que aparentemente. E em seguida emocionada reconheceu a voz da Adriana.

essa mesma pessoa do “Não atende!”. Naturalmente tal mulher. Ernesto Bono. Este socorro infelizmente não pode ser concretizado por falta de pontos de referência e maneiras de localizar em que lugar se encontra o corpo adormecido ou em catalepsia de AB.. talvez registrada logo depois. E deixou o recado dela para confundir e fazer com que o lamento passasse despercebido. no dia seguinte..” E numa gravação seguinte. mas eu não capto a mensagem espiritual. 190 . ela tomou conhecimento das duas pessoas por meio da Adriana.. em sua telefonada para a minha vizinha. dona Laura. Mas quem era essa fulana do “Não atende!”. e se aproxima em busca de socorro. o Dr. de modo muito lacônico e também sem identificar-se declara ao telefone para que ficasse gravado: “Alô dona Laura (minha vizinha). eu suspeitei que a tal senhora que ia telefonar desde Minas Gerais.” A safada havia se dado conta de que a dolorosa queixa e lamúria de AB havia ficado registrada numa secretária eletrônica. simplesmente não telefonou. eu queria que a senhora desse um recado ao seu vizinho. eu telefonarei para ele daqui de Minas Gerais. Sim. Talvez ela tente dizer onde está. Essa enigmática senhora posterior ao telefonema da Adriana. Estou convencido de que a contraparte espiritual de AB é a que se desprende do corpo onde ele estiver. só pronunciou meu nome e o nome da vizinha.queixa. pois. e que também era a do “Não atende!”. porque o ego-intelecto em mim acha que isso é besteira ou imaginação. finalmente era a mesma fulana que se apresentou no saguão do Rio – congresso de ufologia – falando com Alex.. eu sinto AB por perto. há alguém junto à jovem em agonia que pergunta: “Não atende?. E dissesse a ele que amanhã. Mais adiante. chorando e pedindo ajuda. De tempo em tempo. entre dez e onze horas. e que assim se exprimiu antes de minha filha querer falar comigo.

protesta. onde gozaria “as delícias do paraíso”. talvez em catalepsia profunda. pois. a partir do qual conseguiram forjar outro clone. talvez. os ETs inseriram dispositivos minúsculos (chips). O cordão umbilical ou os fios sutis ectoplásmicos. lhe tenham dito que se ela permitisse que eles usassem o corpo ou o cascão – em suma. Sabe-se que todo clone ou boneco de carne que os ETs safados forjam dura só dois ou três dias. Inclusive devem ter retirado sangue. transformando-o em corpo vivo. foi transferido de plano existencial. o corpo externo e raptado – ela. e. 191 . eu simplesmente fui enganado todo o tempo – quem sabe tenham tentado fazer um acordo com ela e. graças a fios ectoplásmicos sutis – (e que constituem uma espécie de cordão umbilical) . como alma-ego que era e é seria transferida para o “sétimo céu”. ligados ao pequeno dispositivo inserido no cérebro do corpo real. às custas do corpo vampirizado e adormecido. com corpo-ego-alma. ou outra cópia perfeita daquele mesmo corpo original que estava (e está) dormindo. e foi posta a dormir. ETs negativos tiveram então que submetê-la outra vez a um sono profundo. como já haviam feito logo após o primeiro rapto (ou na avenida movimentada ou no hospital). Para quem não sabe. num acidente faz-de-conta.transferem ao clone a vitalidade que ele não tem. Até voltar a reencarnar. Certos ETs safados e nada bonzinhos – porque conforme se viu em trechos precedentes. No cérebro daquele corpo verdadeiro da jovem dormida. AB evidentemente não deve ter aceitado em ceder o próprio corpo para que um ET intruso qualquer o viesse a utilizar. a ponte do corpo vivo adormecido e do clone sem morador. o clone consegue viver muito mais. à força. esperneia e grita por socorro. Se tal é plausível. Só que o sono profundo aí não dura. A jovem AB ou aquele ser íntegro. coisa que certos ETs fazem comumente.ACLARANDO OU CONFUNDINDO? Agora é bom que eu repita o que antes só foi esboçado. e que interligado ao pretenso clone recém formado. e a tal jovem (ou ser) acorda. constituem. Mas por meio da inserção de dispositivos no cérebro (chips). é bom desconfiar de que há ETs malignos – e desrespeitadores das Leis Cósmicas – que costumam fazer isso.

a adormecida é acordada para ser recondicionada. Essa conecção. Uma “persona” especial que vai visar o PODER e que vai exercê-lo. enfiam um ENTRANTE ou uma ENTRANTE deles mesmos. dormido. ou talvez um pouco mais desperta. alimentado pelo corpo original parasitado (chips) e em estado de transe. acabem subjugando a humanidade. ou até mesmo do zumbi. De tempo em tempo. pelo jeito. Croácia. Mas o corpo abduzido foi posto em estado de catalepsia. persistirá enquanto o corpo vivo e original durar dormindo. E aí ao invés de dormir. e que a dona original (ou alma-ego) do corpo adormecido. na Suécia.. Iraque etc. E tudo isso. Ou senão. por fim. então. ou mesmo acordado. Desse modo. Com essa intromissão de certos ETs. na Terra. com essa conecção e parasitando o corpo vivo adormecido – (até que morra em definitivo|) – logo a seguir. estava num alto plano astral.. alimentada e para que apanhe sol. O entrante garante inteligência. de certo modo. que minha filha quase fugiu e conseguiu dar a telefonada. que penetrou em tal clone já vitalizado. foi recapturada e levada de volta para onde estava. a um zumbi. Ou melhor. conforme o carma próprio. Depois. 192 . conectando-o com o corpo de carne. então tudo é bem pior que as obsessões e possessões denunciadas pelos católicos e pelos espíritas. tal corpo-clone volta a viver no nosso meio. vai se inserir nos postos de mando e vai manipulá-los ou vai eliminar todos aqueles que se levantam contra os desígnios e decisões deles. a um ET safado e semi-espiritual. Repetindo. com outro nome. Alemanha. E outro (ou outros) clone foi feito para que. Se por causa de certos ETs isso está acontecendo.. principalmente.. que disse que uma cópia de minha filha estava agora morando na Suíça. ponto final. e parece que sim.Em suma. os ETs safados utilizam o clone e enfiam dentro um ET sutil e estranho qualquer. primeiramente um clone ficou no acidente e foi enterrado. desse abrigo a um ENTRANTE. talvez tomem conta dos “postos de mando” do mundo e. se algo não acontecer antes. principalmente. parecer-se-á a uma morta-viva. foi confirmado pelo próprio Alex. hipnotizada e usufruindo ou gozando um maravilhoso faz-de-conta. na Suíça. faz o que faz. evidentemente. Deve ter sido nessa condição. Por meio deste último. vontade e mobilidade àquilo ou àquele boneco que não poderia mover-se.

Por isso numa tentativa remota e sem poder identificar-se ou dizer seu nome – isso seria violar as normas dos senhores da morte ou dos manipuladores da falsa fatalidade – exclamou o que exclamou para ver se alguém (hipoteticamente) escondido na casa se comovia. O dito cujo. coisa que obviamente não fez. para disfarçar esse registro e tentou me enganar. conhecia bem o número do telefone dessa vizinha. disfarçada de gente humana. e permitiram que. e que. me iria telefonar desde Minas Gerais. no entanto. porém. e deu aquele recado de que ela no dia seguinte. Talvez tal mulher deu-se conta do gemido e suspiro da raptada e que haviam ficado gravados. e inclusive lhe enviei uma cópia da fita cassete onde aparecia a voz de AB. pelo amor de Deus. Disse que estava se empenhando com todas as suas possibilidades 193 . ficou registrado na fita magnética de uma secretária eletrônica. parecen bolsas otra vez. porque eu ainda tenho fitas magnéticas com a voz da AB gravada. Digo eu. A filha que – em profunda dor e desespero exclamou: “Alô. atende esse telefone!”. por favor. juro que a voz é da própria AB) – Infelizmente. não me condenem e me levem a sério no que puderem.” Algum tempo depois. os abdutores ou até mesmo os raptores de AB. A nossa eventual abduzida vinha acompanhada por uma ETmulher. por dizer. não sei por qual motivo. Posteriormente. Tanto eu quanto minha filha Juliana reconhecemos a voz de AB. quem sabe desde Minas Gerais – duvidou de que a vizinha não estivesse em casa. imediatamente respondeu-me por telefone. Escojan el lado que quieran. de fato não havia ninguém em casa. quando ainda na vida cotidiana deste mundo. que certamente a vigiava e que tinha que levá-la de volta de onde saíra. é a mais pura verdade! Só que um tanto e quanto mal delineada. AB. – (Amigos. entre os tantos que a ela haviam prometido. O que acabei de narrar parece ficção científica. Amigos. da bem boa. entre 10 e 11 horas da manhã. em desespero de causa. eu mandei desaforada ao Alex. y que mirandolas al revés. ela saísse à luz do dia e desse esse único telefonema. cansado com tanta expectativa boba. Muito triste e magoado alegou que não era culpa dele se AB não havia voltado ainda. Não é por nada que um refrão castelhano costuma dizer: “Hay cosas que parecen bolsas. acordaram-na provavelmente do sono profundo em que se encontrava. E.A única coisa plausível e palpável em toda essa história foi o tal telefonema da minha filha abduzida. estonteada.

então. mas não de espiritualidade. AMOR E PODER Agora vou dar um giro de 180 graus no que estava dizendo. formando uma federação. o qual teria provocado o desenlace. Nem que tivesse que morrer. simplesmente faleceu por causa de um tumor maligno.. eles ou são criações artificiais deste último – portanto mais autômatos que autônomos – ou simplesmente não sabem o que é Sentir-Saber-Intuir. malgrado tenham alcançado um alto grau intelectual. 194 . E de fato.” Sim. alfa-cinzentos etc – não compreendem a maior parte das emoções humanas.para que certos ETs cumprissem o que haviam prometido. E por não saberem exatamente o que são essas pretensas abstrações humanas. São quase iguais aos computadores que parecem se mover.. seus asseclas etc. que foi aparecer em seus rins. alguns meses depois. rigelianos. havia inclusive sofrido atentados ou acidentes quase mortais. de um modo muito estranho. Visando subjugar o próximo pelo PODER. Não se sabe se morreu ou o que foi que aconteceu. ou são verdadeiras máquinas. Ou também o que são as emoções. atuar e se determinar seu favor.. pobres seres humanos: O outro tal ET de Minas Gerais. Os demiurgos e seus sequazes viraram intelectualismo puro. essa é a mais pura verdade! Todos aqueles extraterrestres ou até mesmo extra-situacionais (ETs) que ficaram submissos ao demiurgo.Mas será sua morte foi devida ao tumor? Perguntei-me. ou assim suposto. o que não acontece conosco. Por isso que conseguem até suscitar magia negra contra os homens. e até mesmo não sabem o que são as nem sempre louváveis paixões humanas. inclusive nos vampirizam nessas nossas possibilidades tão naturais e até mesmo espontâneas. E a propósito disse alguém: “Certos ETs – reptilianos. Estava com medo de sua própria vida e temia morrer brevemente. os demiurgos (falsas deuses ou um deus usurpador) e certos ETs nefastos.. reticulianos. Por causa disso ou de algo mais. se supostos ETs não defendem ETs. iria se empenhar até as últimas conseqüências. simplesmente desapareceu do mapa.

a qual. fortalecem o PODER que os nefastos do além e do aquém sustentam. Com isso. dentro da LEI (ou os ETs justos. mas não podem. finalmente. que estão sincera e profundamente emocionados.. sensações. era usufruir de nossos sentimentos. Por isso esses farsantes têm raiva de nossa felicidade (ou ”ANANDA”).introduziram entre os homens o intelecto frio e a razão cortante. liberadas em troca de que aconteçam algumas curas e milagres. alguns deuses há que ficam no meio do Caminho da Vida. onde as lágrimas. emoções. a maioria jamais alcançará a condição de Consciência-SER. no meio do Caminho do Tao). alegrias e dores. as emoções. às vezes. a Jesus Cristo. puros e silenciosos. eles conseguem juntar milhares de seres humanos carentes.. e são capazes até de suscitar as tais “aparições marianas” (ou equivalentes).. De qualquer modo. para fazerem prevalecer apenas o intelecto e a razão pura. Todo esse amor.. totalmente escravizados a tais ETs sacrificam o que de melhor possuem em seus Espíritos: o ATO PURO. que os humanos só usufruem. (no meio do Caminho de Brahma. o SABER-SENTIR-INTUIR Primevos. Mas nesse vai-e-vem. com todas aquelas riquezas (e até mesmo misérias. seres que tentam desesperadamente fazer eclodir a fé. Nessas congregações. involuem por puro Amor) e depois voltam a subir (isto é. sempre descem à Terra (ou melhor. Nessas. ou senão é o SERCONSCIÊNCIA-FELICIDADE. as preces. Os Filhos da Luz. Nem todo nefasto – como certos reptilianos – gosta de ser só máquina ou um computador que anda. E tal fina flor é exatamente o SAT-CHIT-ANANDA dos orientais. são sugados por um exército de vampiros insensíveis ou por certos ETs safados e demiurgos do além. de sua parte. próprias do homem). sensibilidade. os humanos liberam a fina flor de sua existência – representada pela devoção e pelo AMOR – a Deus. E ficando. que a justiça humana. Evoluem de fato e dentro da LEI). esperança e eternas expectativas. os sentimentos ou a Inteligência verdadeira. as esperanças e as eternas expectativas abundam. à Virgem Maria. benevolentes). O que certos ETs mais gostariam. Infelizmente certos homens. é sentimento e emoção. a teologia e a ciência incrementaram ao extremo. o AMOR etc. tentam dominar (ou o PODER proibido) 195 .

Esta mesma GAIA representa também o primeiro dos sete vórtices ou “chakras” do Pai-Mãe ou do Absoluto. como o próprio Jesus alertou. 196 . Os Deuses (Filhos da Luz) são Amor. Os heróis ou gigantes (Nefelim) são Amor e Poder. digamos manifestos por GAIA ou pela deusa Terra... seres. Este sexto chakra frontal “OM” é puro amor. como também roubam todas essas maravilhas abstratas. auxiliando na Manifestação.. por sua vez. Os deuses que descem (um ELE ou uma ELA Primevos) não somente tocam ou tem que tocar os “sete chakras” do Pai Celestial.. e são até mesmo o melhor da ciência. ou seu sexto “chakra OM” (frontal) Manifesta os Filhos da Luz ou os Deuses. ou certos Gigantes Primordiais. mas não conhecem o BOM SENTIR nem os sentimentos e as emoções. da magia branca. racionalmente inteligentes e também são magos negros. estas maravilhas são o fundamento das artes das boas religiões.. em usurpadores e farsantes. são sagazes. da boa literatura. Daí eles terem de sugar o sangue do próximo (que é de onde as emoções e o SER afloram). gerar os Heróis. música. da poesia. Estes. Outrossim. é só AMOR! Mas esses outros usurpadores e intrusos (que estacionam no “quinto céu”. ao violarem a LEI e ao se fazerem passar pelo deus uno. O ABSOLUTO (PaiMãe).aqueles outros seres que já existem abaixo deles. este Poder ou é Justiça ou vira prepotência ou violência.. e que irão subir. como também podem. e por que não dizer em Injustiça e Maldade! Todos eles usurpadores são extremamente intelectuais. PODER (cosmicamente proibido)... ou no “terceiro chakra”. que os humanos tão amiúde manifestam. No caso. (onde tais “chakras” ou vórtices se situam). tornam-se PREPOTÊNCIA. decaem e se transmutam em demiurgos. Os Filhos da Terra são Amor. o solar.. originarão os homens já não mais de índole animal. é pura Consciência-Ser-Felicidade (ou Sat-Chit-Ananda). em falsos deuses. Poder e Tempo. mas aqui eles transformam o Poder em Justiça. São máquinas perfeitas que esmagam e trituram o próximo. pois. Sim. cruzando-se com as filhas da Terra.. depois. POTÊNCIA. sem esquecermos dos humanos TOCADOS pelos próprios Deuses. “chakra” esse que os orientais chamam de “Muladhara”. O Pai é amor. o Pai-Mãe Celestial. alguns dos quais. perdem totalmente essa primordial Consciência-Ser-Felicidade ou AMOR e tornam-se Maquinação Mental (razão-intelecto).

O Poder resulta em tempo e se exerce no tempo. é totalmente intemporal.. fazendo simples ficção. E eles são só tempo-pensamento (Poder). Foi originalmente escrito por Ray Bradbury. como os nefastos daqui mesmo e do além fazem. é um dos que mais se aproxima dos ensinos dos grandes Mestres. A VONTADE DO PODER. ou entre a ignorância e a Sabedoria (trevas e luz). Incluo esses dizeres em meu trabalho porque Bradbury. pois. nunca equivaleu a subjugar. de Jack Clayton. portanto. Portanto e grosso modo. eles são senhores do tempo. O ATUAR-SENTIR-INTUIR-SABER-AMAR (livre do ego. O Amor. (e isso é Justiça ou Poder Correto). contudo. O litígio.. Se o tivesse deixado como estava. E é ao longo do tempo que eles vão tentar exercer o maldito poder. o que vem a seguir foi retirado do filme “Templo da Tentação”.. O AMOR em Si sempre escapa. não se dá entre o bem e o mal. e também porque suas 197 . o grande mestre americano da ficção científica. transformandoo em cárceres. onde aprisionam os homens. Eu tive que refazer ou remontar este trecho de sua obra porque fazia parte dos diálogos de um filme. Os demiurgos e seus ETs pestilentos estão totalmente escravizados ao tempo-pensamento. quer sempre suplantar o AMOR e dominá-Lo... Para mim. A vontade do poder de Nietzsche transforma o homem em Super-Homem ou em Deuses. Bradbury sempre foi muito mais do que simples ficcionista. UM POUCO DE FICÇÃO O texto que vem a seguir é pura ficção.. certos Santos e pouquíssimos homens manifestam para se superarem a si mesmos e a se libertarem dos limites e trevas impostos por nefastos. mas não do “EU”) é o Reto Poder que o Homem tem para fazer frente a ETs safados. Esse poder maligno (ou maldade). mas com incríveis verdades subentendidas ou escondidas. acabaria não fazendo qualquer sentido àquele que me lesse. outra vez. de que Nietzsche fala. mas corresponde àquela Vontade que o Herói. O texto do filme foi elaborado pelo próprio Ray Bradbury e meu trabalho é só uma aproximação daquilo que ele originalmente escreveu. a dominar e a escravizar (ou explorar) o próximo (poder da máquina). mas a briga se dá entre um poder e outro.

todo jovem. aqueles dois guris. as ondas de Rock e Nova Era. da mitologia Greco-romana. se faz presente em tal cidade.). o Sombra (ou nosso ET) exclama: “ – Aqueles dois garotos. Queria protegê-los de eventuais contratempos e dos perigos de uma futura tempestade purificado. são o meu problema!. (ou em determinados Outonos da Vida).Quando é que vem a tempestade? E o velhinho. Will e Jim. em verdade. dando uma de desvairado. que aparece de repente e se intromete numa cidadezinha norte-americana. as panelinhas. é a encarnação do deus Hefaísto ou Vulcano. (Digo eu: todo adolescente. principalmente os jovens. ainda não moldaram ou acomodaram a cabeça dos jovens. tentando arrastar e carregar consigo o que pode.palavras. Todo adolescente é. é naturalmente uma força contrária. E então em determinado momento. e que. coincidem com alguns alertas e denúncias que antes já fiz. as igrejas. ETs. de tempo em tempo.. entre 12 a 18 anos. se apresentou também um velhinho simpático. ele ou ela. ou senão simplesmente desvirtuar o que não deve. vendendo pára-raios. na antiguidade clássica. perguntando-lhe: -. imobilizá-lo e depois o submete a um interrogatório. baseado no PODER). os tóxicos etc. protegia os humanos. apenas cuida para que eles não interfiram em nosso trabalho!. Servo meu.. um freio para os nefastos daqui mesmo e para os nefastos do além. dos ataques do Sombra. e que de certo modo. Ele os vendi praticamente a troco d nada. disfarçado de dono de um Parque de Diversões. Sabendo que a fúria da tempestade ou Hefaísto estava na cidade. se a vitalidade de seus vórtices ou “chakras” não fosse apagada ou anulada. chamado Tom Furi (ou a Fúria da Tempestade). o Sombra (ET) consegue raptá-lo. que muito amiúde se intrometem. Se as escolas. ardilosamente.. Na cidadezinha norte-americana em questão. e inclusive poderia continuar sendo um empecilho para muitos mal intencionados. em momentos. as sociedades políticas ou esportivas. os nefastos de todas as latitudes – tipo Sombra – encarregar-se-ão disso. (ou logro.. O personagem “Sombra” de que Bradbury fala pode ser visto como um ET nefasto. Queria apenas proteger os habitantes do lugar. responde: 198 . Tom Furi.

a deusa. danação.Me diga. que Helena de Tróia! -. mais bonita que Cleópatra. Você me dirá quando começa a tempestade? Exclama Tom Furi. de energia telúrica protetora. 199 . morte e destruição!. Tom Furi diz que os relâmpagos vão rodar o mundo e fazer os homens pular e fugir! -.E se eu mostrá-la a você.. ah. o Sombra (ET) comenta com a sombra da morte (ou Vênus): -. a tempestade quando virá? -.-.A tempestade vem e Tom Furi não sabe quando! Um pouco depois. e lá descobrem segredos tenebrosos.. carregando-se.De onde vem o relâmpago? Para onde o raio vai quando morre? Que língua o vento fala? Quem sabe? O Sombra (ET) apela então para um subterfúgio. sim. já viram demais! Vá pegá-los! Traga-os de volta par cá! Os dois meninos tinham ido ao circo a bisbilhotar o que não deviam. irritado: -. (Isso é o que tu fazes. aqueles garotos.. (ou os nossos esconderijos). quando! Exclama Tom Furi: -. Vênus ou morte essa que é exatamente a minha melhor aliada? Posteriormente. E o velhinho exclama entre gemidos: -. quem sabe. maldito!). Uma bruma mortal começa então a perseguir os garotos. Fogem então do circo e passam pelo cemitério. quando é que vai ser a tempestade?Eu preciso saber! Os relâmpagos (os teus relâmpagos) revelam nossos cantos escuros. seu idiota!.Você vai-me dizer quando virá a tempestade. o nome é que me escolheu! S Sombra (ET) retruca. Vênus também se tornará aquela companheira de Hefaísto que sempre o trairá).Will e Jim. vislumbrando a sua bem-amada: -. e sua esposa.Imbecil! A tempestade vai fazer você pular e você vai-me dizer quando a tempestade virá! E o Sombra (ET) suscita uma descarga energética (magia) que faz Tom Furi ou Vulcano gemer de dor..Mais bonita.Ah.. Quem sou eu? Eu sou Tom Furi! Eu escolhi o nome? Não.. a sua esposa Vênus? (Ou se eu mostrar a você aquele amor profano que vira morte. pois sabia que Tom Furi ou Hefaísto gostava de Vênus. a chuva lava a nossa poeira (ou elimina as nossas distorções e acréscimos)! Me diga. -.Trevas.

e a agonia dos dois meninos acaba. vem para casa e em silêncio! O pessoal do desfile carrega inclusive dois caixões. de repente salta um raio que incide no pára-raios da casa de Jim. ta! A bruma ou neblina da morte entra pela casa de Will. Will comenta para o amigo: -. eles estão atrás de nós! O pai retruca: -.Não sei se sua mãe concorda. Os dois despertam nos próprios quartos e respectivas casas. -. Mas se você (pai) é uma pessoa boa. ou senão de ETs benevolentes e humanos subjugados).Pai. telefona para o pai e comenta: -. mas eu acho que você é bom! -. representam eles mesmos quando ficarem adultos. seu vizinho. Um páraraios comum. Na residência do amigo há um pára-raios especial. mas acaba desviando-se do mesmo. o velhinho Tom Furi.bruma que também tem que passar pelo cemitério. A cena é logo cortada e acaba não mostrando nada claro. A neblina se desvia do cemitério e segue em frente por outro lado. Exclama Will. O circo do Sombra (ET) ou o pessoal do parque desfila pela pequena cidade ao som de uma marcha fúnebre. toma cuidado. pai? -. (ou seja. você não acha. nos seguiriam e acabariam matando nossos pais. (Ou seja.Eles procuram por nós. Will chama a atenção do amigo e comenta com ele que os caixões são grandes. não forjado por Hefaísto (ou Tom Furi) tenta defender a casa. em cabeças iguais e ao mesmo tempo. fornecido por Tom Furi. cuidado!. Se eles nos vissem. O ET exibe ao público de cegos e desavisados o seu cortejo de criaturas hipnotizadas. tempo e morte. Mesmo assim a bruma penetra e o quarto de Jim se enche de aranhas.Olha pai. Diante do estranho fenômeno ameaçador.. subjugadas e escravizadas. ao próprio pai. mas não consegue. Will foge do próprio quarto e se refugia na casa de Jim.diz Will – tem alguma coisa acontecendo! Olha. é um desfile de deuses derrotados e seres humanos. símbolo de poder. então.Eu acredito em demônios. eles não podem te machucar! Eu acho que sou bom. inclusive. quando se 200 . como se só tivessem tido um pesadelo comum. Will.Ouça filho. Como se fosse uma proteção do céu. já dentro de casa: -..

Às vezes um homem aprende mais nos sonhos dos outros do que nos seus! Mais diante Will diz a seu pai: -.Ah sim. O senhor.. qua havia-se escondido embaixo. teu avô e que já morreu. se for. -. num subsolo. nós nos escondemos. pastor desta cidade. Mais adiante. o pai de Will! O Sombra exige que o senhor diga onde Will e Jim estão. “Outubro de 1891. eu presumo. Desde que o Parque de Outubro chegou. A mão começa a gotejar sangue que cai no rosto de Will.Acreditas? Mas nós não somos adultos! -. A mãe de Jim. O pai de Will declara para o Sombra (ET): -. que é pai de Will. como se fosse um rei coroado. aqui temos tido mais alegria (“Ananda”). Passou todo o tempo vivendo a vida de outros homens. Era para poder nos achar e nos matar! Então.Mas eu acredito. ou também o deus Hefaísto entronizado. -. O Sombra ou o ET acrescenta: -. você é o bibliotecário da cidade. como se fosse o Deus Júpiter (Zeus).E a tem há muitos anos.E é por isso mesmo que eu acredito! -. (mãe ou a eterna esperança).acrescenta o pai de Will: -. porque se gritássemos.Ouçam isto. o Sombra (ET) que dirigia o desfile fúnebre se encontra com um senhor e pergunta-lhe se havia visto dois garotos. Nesse meio tempo. Tom Furi é mostrado sentado numa cadeira. Mas uma pobre empregada que mancava 201 . irá encontrar-se com o marido.Eu tenho a honra de ser bibliotecário! O ET retruca: -.diz o pai de Will. nestes dias ensolarados. cujos rostos estavam desenhados em sua mão. é convidada a visitar o parque e lhe dizem que. Parece estranho falar dessas coisas. -. ele fecha a mão como se esmagasse algo. quem acreditaria em nós!? -. Will pôde ouvir o que os dois estavam falando. Por uma grade de ferro rente ao chão e que escondia os garotos. cujo marido a abandonara quando ele era nenê. sonhando sonhos de outros homens! Que pena! -.Este é o diário de meu pai..tornarem mortos-vivos e acabarem sendo também exibidos em tal desfile.Foi por isso que fizeram o desfile. disfarça.

Sim. naqueles outonos em que eles ainda eram jovens. Acrescenta o pai de Will: 202 .Will. desde que Deus criou o mundo.Os maus falharão e os bons triunfarão. Os moradores antigos dizem que eles configuram o parque do mal. concedendo a elas seus maiores desejos. Todos esses viajantes do parque juraram que voltariam em outro outono.Então terei que achá-los. e muito bem! – retruca o Sombra. ser temido e saber o que os adultos fazem atrás das portas trancadas. A curaram. somos os famintos! Seus tormentos nos atraem como os cães da noite! E nós vos alimentamos de ilusões. mas ela enlouqueceu. Paz na terra aos homens de boa vontade! -. vocês deram muitas voltas lá no carrossel de meu parque? -.O que você acha de ser o rei do parque. Esses seres do parque parece que destroem as pessoas. ele está aqui nesta biblioteca e não pode ser destruído! -. querendo ser curada.Esse natal foi há mais de mil anos.foi a uma cartomante do Parque. bem alto! Deus não está morto nem está dormindo! – retruca o Sombra ou o ET. e que têm vindo aqui há vários outonos. -. sim... (Sombra): -. meu filho! Exclama o pai de Will ao Sombra que se aproxima dele: -. Jim! Eu sou o pai que tu estavas esperando.Bem-aventurados os mansos porque eles possuirão a terra! -. -. Will e Jim se escondem.Will e Jim trouxeram-no na sola dos sapatos? Pergunta o Sombra ou ET.Venham e toquem os sinos. quando as crianças estão dormindo! Apareça para mim. -. meu amigo! – ironiza o Sombra. Antes disso.Eu os conheço! São os demônios do outono! De onde vocês vêm? Do pó! Para onde vocês vão? Para os túmulos! -. querendo se proteger do mau. Jim. Jim!? Que tal ser grande? Não ser mais olhado por baixo! Não ser mais mandado embora para brincar! Ser de confiança. Jim? O dono de todas as coisas! O que você acha de ser adulto. como é!. A visita do Parque sempre termina com uma tempestade muito estranha!” Dá-se então outro confronto entre o pai de Will e o Sombra (ET) dentro da biblioteca. E este tem sido o trabalho do diabo.Engana-se. Diz o pai de Will. -.

Podes dar ao pai de Will o gostinho da morte. Nós sempre queremos mais!. funerais. eu sou a Luz! 203 .Ele viveu na bondade! -. Diz o Sombra ou ET: -. vidas tristes. -... e parece dizer. não o escute! – grita Will desde o seu esconderijo.Pai.diz o ET ou o Sombra... como você...exclama o filho tocando uma luz. para que ele a possa reconhecer quando você vier de novo. então você nos entende um pouco! -.Ah. -. o apogeu de um homem! As mulheres loucas por você! Trinta e três. você pode aprender a nadar para salvar seu filho. velho. bem devagar. maus casamentos. devagar! -. gemendo na calada da noite. me diz onde os garotos se esconderam e eu o tornarei jovem de novo! Eu poderia voltar seus anos para trás.Vocês são conhecidos aqui! O avô de Will vos conhecia.. E ouvimos os homens velhos.Will e Jim. o amor carnal: -.. e já está morto! E o Sombra exclama: -.Está na hora de silenciar estes dois diabos! Está na hora de silenciar estes tagarelas! Cale a boca deles até minha segunda ordem! -.Homem velho – diz a morte – ouça seu coração bater. sem sentir nada! -.Vocês penetram nos pesadelos de outras pessoas! -. nome perfeito para um parque! Um parque de sombras e morte! O Sombra ou o ET consegue encontrá-los e os captura. implorando para serem homens há quilômetros de distância!. até os trinta! E aí um ano passou.. -. -.E molhamos nosso pão com imenso prazer!. -. seu pai? O pregador. aquele fracassado! -.. -. e você sobe as escadas de um fôlego só. camas solitárias! Essa é a nossa comida! Nós sugamos essa miséria toda e a achamos doce!.. amores perdidos.-. você tem trinta e um.E essa não é a voz alegre da grama verde? Doce e jovem criança! O inocente ruído de sua voz!. Sentimos o cheiro de garotos..Sim. onde estão? Jim. Meu velho. Trinta e dois. porque seu coração é velho! Ouça.Pai..Quietos. atrás de uma prateleira de livros. você agora tem 52 anos.Quem. em todas as partes do mundo! Seus livros não me atingem. seus diabinhos! Calai seus tagarelas! – diz a morte. enquanto o Sombra arrasta o dois – Pai. Sim. seu velho! Sim. já que não o salvou quando era pequeno! Trinta e cinco. E então diz à morte ou a Vênus.

Seu filho Will também está preso no túnel. querendo silenciar o coração e com um brilhante no dedo que lateja cada vez mais fraco. ao esgotamento e à morte. Feito isso. ouça os sons! Seu fracasso como pai e como homem! Não salvou o Will quando pequeno estava quase se afogando! Seu filho o odeia! Ele é meu! E o jovem Jim. porque nunca flui livremente e sim sempre é manipulado.Cada um que caiu na minha rede está preso a um espelho especial. escuridão e sombra! Will. mesmo que bom. os demais espelhos começam a romper-se também em mil pedaços e o pai de Will. segurando o Jim e colocando-o no carrossel do tempo: 204 . lançando-o adiante. mergulha em seu próprio desespero! O pai de Will rompe então o espelho de seu próprio desespero e salva o filho das águas do passado!. passando a mão no peito do velho. atravessa a porta que conduz a outras dimensões-situações. se reencontra com seu próprio filho.Vá para casa. o teu amigo vai voltar atrás. está preso ao espelho da auto-piedade e do arrependimento inútil. Entra no túnel dos espelhos. o espelho da auto-piedade. e os raios caem do céu para a terra. não é? Vai virar um nenezinho. como o espelho da luxúria. se recupera e passa pelo cemitério. A voz do ET ou o Sombra então diz: -. o espelho da prepotência etc. Pega um pára-raios especial que usava como cetro e. o outro lado da deusa Vênus. a deusa daquele amor carnal que. o espelho da vaidade. sombra e escuridão. anula a deusa morte. conduz ao envelhecimento. devagar! – insiste a morte. Exclama o Sombra (ET). graças ao auxílio de uma tempestade telúrica que se levanta. malgrado ter sido torturado e quase morto. dentro do labirinto que como tal logo desaparece. carregando-se provavelmente de energia telúrica. Jim. Passa também pela mãe de Jim e diz: -.-. A essência de seu espelho é o desespero! Veja as sombras.Nós vamos nos divertir muito.Devagar. o espelho da ganância. senhora! O homem que a senhora está esperando não é seu marido! É um farsante! O pai de Will chega ao parque. Aqui e Agora. o anão ou o andróide que eu criei! A tempestade então se arma. da dolorosa memória representada pelo espelho. O deus Vulcano ou Hefaísto ou Tom Furi também se liberta. Você. também! Mergulha meu caro. ou melhor. meu velho. Diz o Sombra ou ET aos dois meninos que carrega: -. O pai de Will. um brinquedinho para osso amiguinho.

Will imita o pai e depois olha para Jim. daí ele tanto querer precaver-se no começo de nossa história do fatal temporal. eles não são “Sat-Chit-Ananda” e eles têm horror de “Ananda” ou da Felicidade que o homem em momentos manifesta e que poderia usufruir mais seguido. Mas o garoto. como eles gostam de lágrimas! Filho.Vamos sair daqui! O ET nefasto ou o Sombra é destruído pela própria energia telúrica da mãe-terra ou Gaia e pelos raios de Vulcano.-. morto! Vendo isso.. as lágrimas! É disso que eles gostam! Deus!.” SEMPRE EM ANDAMENTO Neste nosso Brasil. para ressuscitá-lo e reativá-lo em outra ocasião oportuna.Pai. graças à sua própria criatura. por favor. -. não morra! -. Assim o senhor do mal se perpetua. Ua! Vamos! A NOSSA FELICIDADE FÁ-LOS MORRER! (Os ETs nefastos). brinca! Vamos. num soberbo ser pensante que nada Sabe nem nada Sente! O pai de Will arranca Jim das mãos do Sombra (ET). em eternas crises econômicas.. não é assim que vais salvar o Jim! Vamos pular! Pule e grite comigo! (Vamos. cai no chão ou na Terra. Sente-eSabe!) Vamos! Olhe para mim! EU SOU a grande garça azul! Ua. um andróide aparece e carrega o cadáver de seu senhor. o Sombra. não. faz alguma coisa livre de intenções! Vamos.Jim. (Filhos.diz o pai. Will exclama: -. num mortovivo. Antes que o tufão carregue tudo. Jim está bem! Will e Jim se abraçam contentes. não vá. pára com isso!. rei do parque! Meu filho! Meu parceiro para sempre! E quase consegue instalá-lo num cavalinho do carrossel do tempo. ao ser arrancado abruptamente da roda do tempo.Jim. exclamando: -.Pára. se não fosse enganado e subjugado a toda hora e tão facilmente!). – Ah. Exclama o pai de Will: -. certo alguém 205 . vergonhosos mini salários e depressões que vampirizam todo um povo. olha. não me deixe! Jim. que o faria crescer e o transformaria num adulto. O Sombra faz o andróide (ET) e o andróide ressuscita e reativa o Sombra.

como foi o caso de Cristo. corpos estes que vão se decompondo. a modo de dizer. quando aparentemente abandona este plano de vida. Em assim sendo. a culpa não é minha. na tumba vazia. aproveito o ensejo deste outro tópico para transformá-lo. e muito menos escreve. Com a grande maioria.. Ou mais simplesmente: “O que sabe não fala e o que fala não sabe”. pouco a pouco. Não aceito a continuidade ou a permanência de nada.” Leitor amigo. finalmente? Vejamos: REFLEXÕES AO REDOR DE TUMBAS Certo dia. Amigo. nem viva nem morta. se minhas “fantasias” parecerem mais reais que simples ficção.. faz de conta que este outro trecho que vem a seguir é imaginação minha. pediu-me que escrevesse mais fantasias e ficções do que denúncias e temas filosóficos. eu escrevi a um amigo meu de MG (ou a um ET benevolente. porquanto a Verdade nem sempre se acomoda com o que se escreve e se fala todos os dias. apenas. é o próprio refrão popular que diz: “Deus escreve bem com linhas tortas..B. de acordo com o espírito da editora dele. Aliás. O Sábio de Verdade e da Verdade. a pedido da mãe de A. Não sou de visitar defuntos enterrados. Com não poucos seres humanos deveria acontecer a mesma coisa. e em outros Aqui e Agora mais. Recomendou-me também que não me preocupasse tanto com a Verdade.. no lugar do corpo morto.. disfarçado de gente).. Meu único compromisso. fui ao cemitério visitar o túmulo daquela moça que comigo conviveu por certo tempo.. muito oportunamente a sabedoria taoísta também alerta: “Aquele que fala não SABE nem SENTE e o que SENTE-e-SABE não fala.visando ele também ter fama imediata e bons lucros. desaparece. para ceder lugar ao corpo de “Vrâja” e RESSURGIR EM OUTRO Aqui e Agora. Não acredito em corpos semi permanentes de seres vivos e seres desencarnados. em “fantasia e ficção”.. Quando se trata de um Sábio que ressurge.Aliás. o que vou escrever. seu corpo simplesmente se some. Obedecendo então o pedido desse “homem de visão”. mas da Verdade. 206 . só fica uma espada. tinha que ser com a fantasia. Todavia.

crimes. essa grande mentira persistente e objetivada pelos familiares pensante e pelos demais (mundo). quem sabe. só 60% dos mortos daquela parte do campo fúnebre que pude abranger era constituída por pessoas com mais de 60 anos de idade. são um roubo. eu suspeitei então que isso poderia significar que em todas as partes do mundo. ou de cada laje relacionada a seres falecidos. no mínimo. dei-me conta de que de cada 10 enterrados. sempre persiste até se decompor. aparentemente eu fui visitar um cadáver. doenças. por causa dos condicionamentos mentais. Ou seja. acredito que saibas. velhice e morte é uma coisa – o que já é uma grande patifaria. SER que se ausentou de modo permanente. Amigo. aliás. devem falecer entre 30 a 40 por cento de jovens e crianças que não deveriam morrer e que. O cadáver. brutalizados por desastres. está muito bem sugerido no filme-ficção “Ladrões de Almas”. eram de gente jovem. amigo. pois. um corpo que já deveria ter desaparecido. impedem que o clamor dos mortos e dos vivos chegue ao PAI-MÃE e resulte em força ou Poder para truncar um pouco a morte ou senão invertê-la em alguns casos. por meio de mentiras religiosas e científico-materialistas. como aquele SER VERDADEIRO que o movia e o vitalizava. isso é outra coisa. Por isso. Agora que morram jovenzinho(a)s. isso não acontece nem pode. porque como tu bem sabes. mesmo assim. encerrada em micro-dispositivos (“lâmpadas de Aladim”?).contudo. senhores das sombras. Ou seja. E como nos atemoriza e atormenta por causa de seu aspecto desagradável e por causa do fedor!.. diagnósticos fatais e terapias inadequadas. Que os homens morram por decadência. como ladrões de almas que são. mas certos ETs nefastos. Isso sugere então que os nefastos daqui mesmo e os de qualquer outro plano existencial continuam levando a cabo suas tarefas assassinas e trituradoras. “miniaturizam” e arquivam as “almas dos desencarnados. alguns ETs existem que conseguem viver mais de 2. Ou senão. quando não podia.000 anos. de adolescentes e crianças. Todavia. Mas 207 .. Boa parte dos falecidos é. até mesmo não poderiam morrer. Extrapolando. ou é algo muito pior. ao visitar o cemitério. 3 ou 4. uma coisa me deixou muito pensativo (ou reflexivo).. Tais mortes. Os safados manipuladores da falsa fatalidade simplesmente assustam e condicionam “os vivos” que aqui ficam. como.. um assalto.

deveria ter criado vergonha por não ter interferido ou nada ter feito. a modo de dizer. os desencarnados bem intencionados o que fizeram também? Nada. e no ataque ao Iraque por parte dos EUA. tardiamente escandalizados. Ninguém segura os pestilentos do mundo e senhores da ONU. sabes quantos morreram na Segunda Guerra Mundial? Bem mais de cem milhões de pessoas. da Iugoslávia. Será que não puderam interferir ou simplesmente ficaram acompanhando de longe. absolutamente nada. do Camboja. pagando pretensos carmas. e nefastos do além. e na revolução em Ruanda. Aparentemente. segundo avaliações de agências de informação do Irã. mas sim foram também mortas por outros perversos daqui mesmo. como meio de atuação espiritual.onde estão os Aladim do além e do aquém para esfregarem tais “lâmpadas” e libertarem essas almas-ego sofridas? Amigo. fazendo alusões grosseiras. ou também nas guerras e revoluções fratricida da África. celebrados em campos de batalha! Grosso modo. para ver como tudo ficava. tipo EUA-UE-Israel. ou entre EUA e Iraque. do Iraque. começaram a aparecer no nosso meio só depois de 1945? E nas guerras da Coréia. o que é que os ETs positivos fizeram outra vez? Nada. o que certos ETs bons fizeram? (Os maus sim praticaram o seu vampirismo). Enquanto isso os negativos sempre interferindo e sempre piorando a situação. italianos). do Vietnam. do Afeganistão. o que fizeram? Nada. Que foi que aconteceu com a Europa depois que ela perdeu suas características tradicionais e foi falsamente unida pelos pestilentos? É por isso que a pestilenta Nova Ordem e a Grande Conspiração Universal estão de vento em popa. Nunca os OUTROS ou os adversários foram tão poderosos e velhacos. Ou não foi bem assim que aconteceu? O espiritismo. E nessa estúpida guerra entre Irã e Iraque. tudo ficou na pior. e salvar o salvável.. Simplesmente deixaram que os humanos morressem. Quantos ETs das trevas não se locupletaram com todos esses terríveis banquetes da morte. certos ETs de Luz.. uns poucos poderosíssimos da anti-humana raça. provocada pela Cia. da Líbia atual etc. Não foram só assassinadas pelos vencedores hipócritas ou também pelos que perderam a guerra (alemães. os ETs positivos não moveram um dedo para evitar o pior. Ou quem sabe. Na guerra Irã x Iraque morreu mais de um milhão de pessoas. japoneses. mais de 200 mil pessoas civis foram 208 . E os ETs justos e bonzinhos. As entidades espirituais do além.

contudo. o Portal dos Universos. não segura o braço assassino dos eternos inimigos!. sentimentos. são apresentados como heróis vencedores. frustrações etc. E com luz e amor escrevo estas linhas que deixarão transparecer uma profundidade que comova o seu Coração. Graças a isso. e isso que Sadham Hussein e os iraquianos eram os maus e os pretensos agressores. por que não dizer. Não esqueçamos o milhão de pessoas mortas em Ruanda. E dou a você todo o meu sentimento e razão para 209 . aos desejos. como todos os Corações o são. Agora se você quer um ‘Irmão de Luz’. mágoas. Neste exato momento sou apenas um SER HUMANO (com corpo físico e tudo o mais).. Não tenho nenhum poder acima do que você tem ou qualquer outro Ser Humano (ou Consciência) neste planeta chamado Terra possa ter. que me torna igual a você e a todos os ‘Seres humanos”. SERES HUMANOS. sofrimentos.. como um ‘um irmão de Luz’. como humaníssimos e defensores da liberdade.bombardeadas. Só me apresento como teu amigo e. Os americanos e aliados. a maioria civis. até quando isso vai continuar? E por que os ETs de Luz não interferem? Ou interferem de outro modo? Qual? Por que só os perversos destruidores hão de conseguir sempre o que querem? Por que algo ou alguém. que ainda tenham Essência neste planeta chamado Terra. limitações. SERES DE LUZ Verdade ou não. Eu te pergunto. um amigo.. aqui você me tem. “Desde que conheci você fiquei a par de todo o sofrimento que estava lhe envolvendo e um grande sentimento luminoso de irmandade se apossou de mim. sei bem o quanto você sofre. Sou um ser vivificado por uma Essência Cósmica (ou Conscência-Mente). estou sujeito às necessidades. Tenho amor e luz para manifestar (e não meramente para consolar). “Amigo.. de 2003 a 2011 foram mortas quase dois milhões de pessoas. e sim apenas quero lhe mostrar o que aconteceu realmente. Eu nunca quis mostrar a você uma fantasia qualquer ou outra realidade. Sei bem que seu coração ainda sangra. agora. meu amigo ET assim teria respondido: “Isto de eu ser um suposto ET não tem para mim a mínima importância. meu caro amigo. Na vergonhosa guerra Iraque x EUA. pelo menos.

quando falo de ‘SERES HUMANOS’. Equilíbrio Vibracional. esse terrível episódio que aconteceu a você. estão nos postos de mando dos Governos. Compreendo plenamente a agonia que você sente quando extraterrestres bons aparentemente não fazem nada em relação à situação atual do mundo. Lamentavelmente. Só que nessas aparências todas há um detalhe muito importante. E só através deles ou sobre eles que os ‘Nefastos’ podem agir neste mundo de agonia..que não aceite essa situação. Esses já são verdadeiros ‘CADÁVERES’. pois já estão mortos. (Mas será?). e muito menos pelos da anti-humana raça ou nefastos daqui mesmo. E esta é a chave que estou querendo lhe passar. Sim. que são arrancadas abruptamente deste planeta da agonia chamado Terra. além de fazerem parte do povão. não estou imitando Cristo. e isso no mais profundo significado da palavra. estou-me referindo aos Seres de Luz. “No mundo há então apenas 10% de ‘SERES VIVOS’ (ou melhor. 90% dos seres já estão mortos. com suas guerras. ou senão são os poderosos do mundo atual. Vida.. que quando forem para o túmulo não terão que morrer. isso é eterno (ou intemporal). E tudo o que é criação ou Manifestação. não Morram!”). aí também há criação. como alguns seres existem neste planeta. primeiro. de pseudos seres que se originaram a partir do tempo. Enfim. Força Cósmica. E são estes ETs os que alimentam os aparentemente vivos (ou mortos) para o abate. E são exatamente esses ‘cadáveres’ que fazem parte do esquema dos ‘NEFASTOS’. Apenas tornar-se-ão alimento para vermes. nem pelos ‘cadáveres que andam’. já que não passam disso. porém. a maioria das pessoas do mundo atual já está ‘MORTA’. A maioria é constituída apenas de ‘máscaras’ ou personas que andam. que são VIDA. eu diria que em todo o planeta Terra. nisso tudo também existe Eternidade. Luz. o resto pode até ser visto como uma experiência genética fracassada. E com o que digo. Apenas 10% podem ser visto como seres humanos. Amor. Apreciei muito suas observações a respeito da morte ou a respeito do falecimento de pessoas jovens. “Todavia. “Sem exagerar. (Não dizia Jesus: ‘Deixai que os mortos enterrem seus mortos!?). ou estão na ‘alta sociedade’. injustiças e mortes. como ‘SERES VIVOS’.. como você diz. (Daí o título deste meu trabalho “Filhos e Filhas. 210 .. E são exatamente estes cadáveres que. “Tudo o que é eterno (ou intemporal) é ‘VIVO’! E essa VIDA que não pode ser afetada nem pelo tempo.

“Aquele SER que você visitou no cemitério era e É um ‘SER VIVO’ que esteve neste planeta só de passagem. ter morrido? A morte como você bem sabe não faz parte da Vida. a vida ou um Ser Viúvo.. Como VIDA que ela é. das injustiças e da morte possam atingir a Vida. escravos do tempo. isso não importa. feita uma semente. O que você viu no cemitério foi apenas uma manifestação transmutada para o pior de um SER VIVO.. É sim uma mensagem humana de um ‘SER VIVO’. saturado de sentimentos e de amor. “Querido amigo. Tente você entender que ela está viva (já que é eterna ou intemporal. O mais importante é você saber que esta mensagem saltou fora do mais profundo de meu SER. É claro sim que AB está viva em outro plano vital ou em algum lugar do Cosmo. a Luz. Um abraço. que você chamou sua filha. sinceramente...“Só 10% dos seres encerram essência cósmica.. ou também são eternos.. como pode a bondade. E eu. Só que Aqui e Agora ela também é árvore e fruto. podes crer. se as palavras que coloquei no papel agradam a você ou não. da escuridão. entendendo-me. só ela poderá se manifestar a você se isso tiver que acontecer. acho que para um ser humano. “Isto que estou dizendo para você não são simples consolações. e também se tornarem verdadeiramente Vivos? “Meu amigo. o Amor. não importa se em outro plano existencial. Saiba você que tudo é SER-UNO-AMOR! E se assim é. mas ainda tem conhecimento perfeito para que você. fantasias. vivo como você e que já não tem mais poderes para mudar as coisas. para os quais a palavra morte não cabe. livres das influências negativas do tempo. o amor. não acredite que outras pessoas poderão colocar você em contato com ela. outro ‘Ser Vivo’. já que é Vida). eu pergunto a você. AB continua bem VIVA. meu amigo. além de semente. conhecer isso se constitui na maior das realizações e alegria! “Amigo. nisso ambos estamos de acordo. Ela.” 211 .. em outro nível vibracional. modifique as coisas por sua própria iniciativa e dentro do amor universal.. própria de um SER VIVO. Pode você. em seu Coração. De seu amigo e irmão. mas sim possibilidades totalmente fatuais. ou que nefastos do aquém e do além. acreditar que simples cadáveres. a Eternidade (ou Intemporalidade). e que nada tem a ver com o tempo. se transferiu para a sua (“minha”) Grande Consciência-SER.

Sua essência continua comigo. por que me deixo angustiar tanto com o desaparecimento de minha filha. Cristo também já dizia: “Deixa que os mortos enterrem seus mortos! Tu vem e segue-me!”. acompanha a VIDA que EU SOU!. extraviada. E não há coisa mais terrível do que constatar como certos mortos (ou falsos vivos). Quando é que um falecimento. suposto ET de MG nos seguintes termos: Obrigado por teres te permitido responder minha primeira e quase desaforada carta que te enviei tempo atrás. no final e fatalmente. Ou seja. em meu coração.. sim. vamos deixar de lado essa história de ETs de araque.. perdida. eu devo ser um perfeito santo de pau oco. e ela era e É extremamente viva. os adormecidos enterrem seus defuntos. mas um pouco impertinente. Uma frase como essa autentica a historicidade de Cristo. transferiu-se para outro plano vital. se eles.MORTOS QUE ASSASSINAM MORTOS Mais uma vez eu retruquei ao meu amigo. porém. O fato.. executam atos que resultam no desencarne de outros mortos ou no falecimento do próximo. acabarão sofrendo também e morrendo ou desencarnando do mesmo modo ou pior. Afinal. como os homens extraviados ou mortos sofrem ao desencarnar! E como é que podem aparecer outros safados mais só para suscitar sofrimentos assim. Totalmente desaforada ela não era. E santo Deus. mas a sua encantadora presença objetivada ausentou-se. violentos e prepotentes. pensando (mal pensando.. é que a maioria está morta. é claro) não me conheço de outro modo. Como citaste. ou até mesmo como um Irmão de Luz (em afeto e entendimento). Isso mesmo. No mínimo. deixa que os extraviados. Tu que és VIVO.. um desencarne se dá com exaltação. Só que sobre isso já venho escrevendo e falando há muito tempo. Por causa disso sofre e faz sofrer. apenas em termos de objetividade? Nada VIVO pode se anular.. passou a existir. Prefiro-te como amigo verdadeiro. Se ele nunca existiu. graças a esses dizeres. e tratemo-nos apenas como SERES HUMANOS. alegria e alivio? 212 . E se sei em profundidade que tudo é SER-UNO-AMOR. Tudo o que sugeriste em tua última carta é belo e verdadeiro.

em momentos. ato vagabundo e contaminado. a palavra não era palavra e sim VERBO ou MANTRA. Amigo. tais desenlaces em si eram melhores que o prolongar-se da doença ou da degeneração corporal do enfermo. às vezes. sem qualquer vínculo com o que está morto. como médico. o homem 213 . das doenças enganadoras e da morte. quando eu me desespero por causa de minha filha. “A ti te digo.. E não que eu ficava indiferente ou insensível à dor alheia. em termos de entendimento e palavras não consegui alcançar foi a influência DAQUELA FRASE MILAGROSA que Cristo teria proferido no cemitério.A suprema felicidade da Auto-Realização. Em verdade. fazia 25 anos que eu. O doloroso da condição humana é exatamente a tragédia da decadência. mas sim era ATO PURO!. Cristo. se é que o ressuscitou. vinha assistindo o falecimento dos outros. quando ressuscitou Lázaro. meditada e absorvida não uma. Acho que essa frase atribuída a Cristo não é verdadeira.. de seu sofrimento e desenlace e pretenso enterro. Lázaro. E nesse caso. cuja constância ou continuidade é uma farsa total ou uma mentira do pensamento.”. Levanta-te! E aquele que estava morto se levantou. sem grandes temores e crises. deve ter DITO ALGO ESPECIAL e deve TER FEITO ALGO ESPECIAL. e o ATO não era ato intencional. mas mil vezes.. é porque nesses momentos me retornam as imagens mortas de sua hospitalização. Cada frase teria que ser lida. A esses ATO e VERBO.. sem qualquer cerimônia fúnebre e sem nenhum lamento. mas porque.. aproveito a oportunidade para enviar-te o MELHOR das quatro primeiras partes de determinado trabalho meu. Tínhamos que simplesmente ser queimados ou atirados ao mar. depois que ficasse confirmado o desenlace de alguém e sua completa transferência para outro plano vital. Sem qualquer dúvida. Isso não foi exatamente o que o pretenso quarto evangelista registrou em seu Quarto Evangelho. Todos os homens tinham de morrer de modo instantâneo. da Iluminação (ou “Ananda”) resulta na morte do ego (ou resulta na sua transformação) e. E depois. do envelhecimento. a Mente em “mim” (EU) gostaria de se reintegrar. inclusive resulta no desaparecimento do corpo denso. Curioso. A única coisa que.. e depois repetida e exclamada contra a MORTE! Todos os argumentos que aí utilizo só servem para “provar” que a morte ou a anulação existencial finalmente não existe. no ATO de ressuscitar Lázaro.

profundamente e de coração. doar o sangue. Um abraço. Sim. evidentemente)? A Verdade. principalmente meus próprios familiares. ou o Polvo Negro. eu e você chegamos à base. o Deus Vivo. a energia.comum. quero agradecer a você pelo esboço que você me enviou.. como você. ficar de joelhos. por meio de alguém atento. você está certo. condicionamentos. que não passam de ilusão. engrenagens. sofrer. começaram a me olhar como se eu fosse uma ameaça para as suas vidas. voltasse a se manifestar de modo totalmente eficaz e pacífico. em respostas cármicas. TUDO É MAGIA. enfim aparências recriadas (como se o REAL precisasse ser recriado para EXISTIR outra vez). geometria. Afinal. quem sabe. CONDICIONAMENTOS E MANIPULAÇÃO O suposto amigo ET de Minas voltou a se manifestar: “Em primeiro lugar. o que são o meu e o seu nome? “Desde o dia que ativei em mim este conhecimento. manipulação. a própria alma para que o nosso chamado deus (egocêntrico) passe a existir e obsequie certa estabilidade à nossa existência cotidiana. ou destas formas-e-nomes acrescentados.. tudo é magia. como você diz. “Realmente. denuncia a existência da teia de tal inconsciente. o Real. as pessoas que me rodeiam.. será que conseguiremos nos libertar? Será que somos só o alimento. em ódios gratuitos. extremamente enganadora. Isso é fruto do chamado inconsciente (comum). ou as trevas exteriores. 214 . o sangue que faz parte da ceia de Deus (ou do Demiurgo.. o Ser-Uno-Amor não sabe nem nunca saberá desta falsa e ilusória existência humana. É esse que detesta a Grande Consciência (“EU”) sempre que Ela. esta visão primordial e básica. é obrigatório sangrar. onde se reconhece a falsidade e a ilusão de nossa própria existência material-corporal. onde as palavras diretas que ali estava registradas fundiram-se com sentimentos e verdades que há muito tempo guardo em meu próprio Ser. “Nessas forjações mágicas ou vida fantasmagórica. ao limite dos limites. Tentam inclusive transformar-me em conflitos. Se somos as grades de nossa própria prisão.

para juntos. fazendo-se passar por pessoas bondosas..Ser-Uno-Amor. o SER VIVO. transmuta-se em presença e se abrirá como uma fonte para a eternidade. antes mesmo que certas engrenagens inventassem um corpo denso ou uma forma-nome para aquela você chamou de A.. não precisa mais procurar Aquela que sempre esteve e está em seu Coração. e nunca poderiam alcançar o inatingível. falsas mãos (e que na verdade são verdadeiras garras perigosas). O homem só tem que se calar. se agigante o nosso clamor. que o nosso coração seja o portal do amor. eles tentaram atingir você ou então a forma-nome (corpo denso) de A. o Deus Vivo.B. estive refletindo. “Em todos os momentos. “Quero comunicar a você que estou sempre ao seu lado. “Quero também alertar você para que tenha o máximo de cuidado. só comprometidas em lhe ajudar a reencontrar-se com a ilusória formanome de A. ou seja. Deus está presente – Não se deve procurar Deus com uma Mente Coração cheia de intenções e propósitos.. Que o homem-tempo se transforme num sulco da Eternidade. como irmão de luz. Sejamos apenas uma janela aberta para Deus. A CHAVE DO CORAÇÃO Por enquanto é necessário que eu. “Deixemos. continue neste meu jogo de ping-pong. isto escrevo ao meu amigo de MG. Nada há para imaginar a respeito de Deus. Aqui e Agora. “Do seu amigo de e da Verdade ..“Talvez por causa de suas denúncias. Mas eles são filhos de suas próprias limitações. amigo. a fim de que. Por conseguinte.B. meu caro amigo. A. “Como você já está a par disso. em algum momento. o Ser-Uno-Amor acolha nosso brado amoroso como uma “fonte de verdade”. pois. supostamente um ET Sabes. porque eles (os ETs trevosos) continuam e continuarão a oferecer-lhe falsas ajudas. estive meditando profundamente no caso daquele que parecia ter sido teu companheiro 215 . ou melhor. – e para que Deus se Manifeste só temos que calar a mente em seu barulho interior.B. Só assim o tempo-pensamento. escritor.B.

Vê bem. fazem com os que são violentamente arrancados de um mundo. pedindo socorro. com a minha confissão cheia de apreensões. e que gritava e chorava. tranqüilizou um coração aflito. como corpo. Tentou também silenciar alguém (AB) que lá do outro lado. de um futuro e breve retorno do ser querido. da Mente Pura. Com a panacéia que Alex me apresentou. no mais além. mas é apenas um dos tantos e habituais nefastos que andam pelo nosso mundo. os vermes do cemitério que me desmintam!. do Grande EU do Coração. como forma exteriorizada e densificada fazes ao longo de tua vida. sendo um dos chefões deles. tentou arrancar-me da trilha certa.. Com a descrição do acidente.. homens. ou seja. apenas acabamos servindo de PASTO ou de ALIMENTO a hienas esfomeadas de outras latitudes. não se silenciava. todo corpo exteriorizado. a mando de seus cabeças. principalmente com alguns corpos exteriorizados que nos caracterizam: viram pasto! A MONSTRUOSIDADE TODA AÍ É EXATAMENTE A MORTE ACRESCENTADA! Esse acréscimo torna tal triste fim viável. tudo aquilo que se acredita diferente da Consciência-EU. o que tu. “Manipulando a falsa fatalidade”. nós. o que efetivamente os falsos anjos e falsos demônios fazem com os nossos queridos desencarnados. outro pretenso ET). Conclui que ele é sim um nefasto de primeira. de reivindicar e querer resgatar alguém. Ou seja. e sexo quando podes. Alex apenas se deu conta de que eu havia descoberto o que os safados de outras latitudes. teu suposto companheiro (ET ou Alex). ou acaba virando alimento para terceiros.. e que eu envolvi com meus problemas e minhas tragédias. apenas tentou despistar. de entidades que têm outras dimensões por morada e que por lá se escondem. também! Se tudo o que suspeito é mentira. ele. isso acaba ou se alimentando às custas de terceiros. Isto é. cujo único crime era exatamente SentirSaber que a morte era e é uma terrível trapaça. Toda forma externa.(ou o Alex. para uma dime3nsão 216 . amigo. senão comer e beber. Acontece a mesma coisa com o desenlace do homem pensante. que não os da superfície terrestre... tentou me desarmar em minhas possibilidades de protestar. no qual mal estavam começando a engatinhar. em nossos vários corpos. E fez-me crer que ela havia sido transferida para um contexto. Teu pretenso companheiro (Alex) fez-me crer que AB tinha sido resgatada das mãos de ETs nefastos. sendo um dos representantes deles aqui no nosso meio. Com o desencarne ou com a morte.

essa sempre está em meu Coração. e que de algum modo se salvaram de se transformar em pasto. como para aqueles idiotas que aqui ficaram esperando que isso acontecesse. executando tarefas e missões a favor dos nefastos do além! Quantos desses não retornam vampiros ou outros bichos mais! Parece que AB. Amigo meu. útil e complacente aos nefastos que manipulam os desencarnes humanos. e parece estar persistindo também uma AB-alma-ego. e não decaída à condição restrita de AB-EGO. Acontece e acontece comumente. mesmo que tivéssemos enterrado o clone dela – e não o corpo denso – ela. totalmente descaracterizados e automatizados. em sua condição limitada e restrita de egoalma-corpo não quis aceitar essa manipulação safada. dentro de um tempo curto. parece haver também um EB-corpo-ego exteriorizado. e se. AB-Consciência-EU nem encarnou como filha nem desencarnou como vítima de um atropelamento. E que. sendo ELE já o próprio PAI. mal pensando. Era uma remota e plausível verdade que se transformou numa dolorosa farsa e numa expectativa profundamente angustiante. aquele filho de mentirinha. além de uma Consciência-EU. não pensa não que tal retorno é totalmente impossível. ou o abelhudo do pai dela sabia demais. que se considera algo diferente e algo à parte (separado). A tramóia que Alex montou não foi só mentira pura. desde que aquele que “morreu” e que aparentemente vai voltar por um tempo seja totalmente passivo. E talvez sequer tenha sido “abduzida” A Consciência-EU. com os seus além e aquém. algo isolado que tem que reencontrar o próprio PAI. gemendo e chorando. Por outro lado. Aqui e Agora? E se o Filho é também o próprio PAI. Ela sou “EU” e “EU” sou Ela! Mas. SEI que o SOL e o RAIO (Pai-e-Filho) SÃO TUDO! Mas a quem se pode culpar se o RAIO resolve ser diferente do SOL-PAI. tanto para aquela que quem sabe voltaria um dia e não voltou. e que não quer virar comida para aliens do além. AB-ESPÍRITO-EU. E então o retorno simplesmente não foi efetuado porque acabou não convindo aos monstrinhos pseudos espirituais. voltaram a atuar e a viver no nosso meio.onde só havia seres tolerantes e benevolentes. Quantos falecidos. se considera algo à parte. voltaria ao nosso convício. 217 . manifesta ou não como AB.

Ou a Consciência-EU-EB e a Consciência-EU-AB se fundem e se Amam. Agora. esses dois egos loucos. têm que se sumir. não tem importância. nem quero tê-la. Bem. tal como os precaríssimos pensadores materialistas alegam. deixando de ser EB e AB. ou dados que aquele teu suposto amigo transferiu para ti. é estúpida e foi escrita por um louco! Depois de lê-la. Se tens algum dado absolutamente honesto e concreto.. haverá filhos encarnando e desencarnando. informame a respeito. Amigo. não me comentes mais nada a respeito de tudo isso que te disse ou que inventei. mas fora essas bobagens todas. sem ter nada concreto ou substancial por trás de tudo isso. e se possível. acabar. continuemos amigos. com a dor dos outros. Apenas acho que passei pela tortura de toda uma expectativa. desaparecer. Agora não quero mais saber disso. peço-te encarecidamente que a rasgues. 218 . ou então os enlouquecidos EB-ego e AB-ego têm que acabar com toda essa farsa. Ou ainda. então. enquanto essa LUZ não volta a prevalecer. e aí. E nessa ronda (ou “Samsara”) ou nessas trevas exteriores também prevalecerão os ETs safados – bancando anjos e arcanjos – que se alimentam com o mal alheio. Isso é o que o Verdadeiro Cristo ensinou. com as nossas emoções. E se isso não puderes fazer. evidentemente. pois. O melhor de tudo é que me dês a Chave do Coração para que eu deixe de ser ego em definitivo. as trevas exteriores vingarão absolutas. se tudo o que conheces forem invenções tuas. Tal aberração objetivada ou demiúrgica prevalecerá até que o Filho Pródigo se aperceber que Ele e o Pai são UM e que ele nunca abandonou a casa do Pai.feito um ego. por favor. em vidas sucessivas. que também é a sua casa. e que acaba sendo um falso deus (ou Demiurgo). fruto e meta de suas ansiedades e buscas. e até mesmo com o falso corpo denso dos outros. Mas. Não tentes me consolar ou me aclarar sobre isto ou aquilo. anularem-se. com nossas lágrimas. se quiseres. Um grande abraço. deixa para lá. e voltando a reencarnar. E por favor. forçosamente terá que recriar um falso PAI. com corpo e tudo o mais. chave essa que também abre a porta para que “EU SOU” possa mergulhar nas muitas moradas do Pai ou em outros Cosmos (Universos) mais.. invertê-la. Não tenho qualquer certeza do que digo. esta carta.

. você se libertou. Isso. Ou seja. “Amigo. ou quem sabe. sim. pois agora sou um ser humano! Graças a essa fraqueza. De modo inconsequente. não pretendo escrever muito. Usou o meu ponto fraco que é aquele que todos têm a respeito de um pretenso Ashtar Sheran – coisa que até hoje nem sei quem realmente é ou o quê é. não se esqueça de que eu também sou afetado pelas fraquezas e vacilações. aproveitando-se de minha inexperiência. e que já não o tens mais em muita estima. como de você. acabou deixando apenas evidente a verdadeira identidade dele. ficarei em silêncio. Gostaria apenas que você RECEBESSE e SENTISSE meu Coração. o nefasto já havia me influenciado tanto que conseguiu armar toda uma montagem psicológica. ele apenas acabou ajudando você a ser mais verdadeiro.. Nem busco a sua aprovação. Essa é exatamente a última arma que eles possuem: manipular “a morte” do homem! “Realmente. no restaurante de Montes Claros.. contudo. como você diz. sim. um nefasto de primeira. e supostamente ET respondeu o que segue: “Caro amigo. pois não quero provar e mostrar nada a você. pois agora sou humano. você realmente não compreendeu que efetivamente tal “pessoa” me influenciou e me usou com a intenção de tirar proveito próprio.AS MENTIRAS “DOS ASTHAR SHERAN” O amigo de MG. alertava Cristo) – e levou-me a falar o que ele quisesse que eu falasse.. pois não vivo através de seus olhos e de sua razão. adiantou alguma coisa toda essa farsa e maldade dele? Tentando lhe prejudicar. tanto de mim. naquele primeiro dias que eu e você nos encontramos. em suas armadilhas mais sagazes e fortes. de preferência. Esse safado que tu chamas de meu comparsa serviu-se de minha mente inocente – (os Filhos da Luz são menos sagazes que os filhos das trevas. eu apenas caí em uma das tantas armadilhas dele. malgrado também tenha sido fraco e tenha sido influenciado pelo Alex. a VER o mal de perto e a descobrir os ilusionistas do mundo. Hoje você está livre da armadilha que alguém 219 . Ele era e é. um dos chefões deles! “Pergunto. No resto. “Amigo.

Obrigado por você permitir a recepção desta mensagem. “a bomba estourou na minha mão”. “E saiba você mais que eu não acredito nessa falsidade que espalharam por aí e que chamaram de Ufologia científica. que estabelece e governa as RELAÇÕES VERDADEIRAMENTE HUMANAS! “E digo mais. não atuei assim. sua escravidão mental talvez continuasse para o resto de sua vida. nada nem ninguém deveriam ser culpados disso ou daquilo. o Amor e a Verdade. deveria ter-me conformado com o acontecido. contudo. Para tal. rezando e esquecendo. Eu sim é que deveria ter dado uma de humano comum. As coisas só são conquistadas e compreendidas por nós mesmos.” A BOMBA ESTOUROU NA MINHA MÃO Volto a me comunicar com o amigo de MG e que seria um suposto ET. quer você aceite ou não. Não fosse por isso. visitar túmulos em dias de finados e depois. meu Coração está além das afirmações e negações. chorando de vez em quando... meu caro amigo. não é influenciado mais pelos enganos da dualidade. que o querido amigo me tenha compreendido). e sempre o estimarei fraternalmente e com o Coração. através do sentimento sincero.. Um abraço de seu amigo. meu irmão. Enfim.. então. portanto. Felizmente ou infelizmente. “O CORAÇÃO É O VERDADEIRO PORTAL DOS UNIVERSOS!. graças à simples e pura linguagem do Coração. todas as coisas comungam conosco.. realmente não importa. Nem espero nada de seres de outros mundos ou ETs. através da verdadeira expressão do REAL. Amigo. No fundo não estou aborrecido com ninguém e muito menos com “aquele Alex” que 220 . objetiva.. Ou seja. tchau. Meu Coração reside onde moram a Sinceridade.. Acho que quem armou toda essa confusão fui eu mesmo.lhe montou. não te aborreças com minhas histórias. nem aches que certos ETs positivos inexistem e que todos simplesmente me enganaram. considero-lhe meu amigo. (Desejo. um Ser Humano como poucos. Se você compreende isto ou não de modo fundamental.. De algum modo.

devolvendo-nos a Natureza dAquele outro que talvez já sejamos. deveria aparecer um ET de Luz. então. Mas até agora nada aconteceu. como determinado escritor “Best-seller” diz que a ele apareceu . piores do que ele. nem possa fazer tudo quanto ostentava fazer. e que ela logo deveria ser extirpada do nosso meio. Acho então que não fui enganado. Tomara que prevaleça a primeira alternativa. bem porcos. mas e eu.e que. Essa não é obsessão. e devolvida para os quintos dos infernos! Amigo meu. (Cristo e nunca Paulo) já disse (e até mesmo escreveu) que a morte era o último inimigo a ser vencido. Ele também pode ser um mero instrumento inconsciente de outros mais. Os fatos não coincidiram com o que ele pensou ou pensava. não parece. o quê sou? O que importa! De momento o que se nos apresenta é a figura humana. quer ela saia de meu próprio Coração. Que fazer para alterar tudo isso? Só Deus Vivo é que poderia provocar alguma modificação! Mas alguma coisa chamada ego. De qualquer maneira. O Alex talvez só não conheça tanto quanto diz saber. com todas as suas limitações e dores. atrás dos quais eu esperava ver algo bem tangível. Mas qual natureza? O nome e a espécie aí não importam. É um pressentimento. um Mestre-Santo de verdade – não um panaca qualquer. Eu acho até que a morte é o inimigo mais imediato. não deixa. Matar 221 .manipulou a nós dois. Eu (ego) só fui enganado por aqueles que eu queria que me enganassem. ainda acho que um dia vou voltar a me deparar com aquela que tanto busco. Apenas me deparei com “remotos acenos”. Em verdade. externamente falando. Todavia.. olha só como os estrumes da Vida (gente cruel e violenta) matam por nada! A morte é uma invenção de ETs safados e de demiurgos semi-imortais.. isto se algum engano houve. Em seu íntimo sempre achou que ia me fazer um bem. Em face disso. não foste usado nem me enganaste. Se ele recitou uma farsa. um ET verdadeiramente benevolente. em mim e em ti. por um toque mágico conseguisse modificar nosso cascão externo (corpo denso). E acontecerá ainda? Depois de quatro anos. que sei eu! Tu. e nunca de Deus Pai-Mãe. quer eu tenha que reinventá-la com o meu próprio pensamento mórbido. provavelmente. és mesmo um ET. Teve que me acontecer o que me aconteceu para eu compreender em profundidade que a MORTE É UM ESTUPRO CÓSMICO. o problema é dele.

de algum modo! Tu és muito jovem para ficar com escrúpulos. Todo esquema dos ETs (safados) funciona como se fosse equações geométricas ultra avançadas. “É nesse esquema que todo o povo do planeta Terra está preso.. – Esta última explicação fornecida nada tem a ver com o código genético que provavelmente nem existe. E se ela fosse verdadeira em si. inúmeras vezes ou inutilmente. formadas por ângulos em projeção. guiado pela Luz da tua honestidade e sentimentos. malgrado alguns momentos de bobeira. meu amigo de MG. supostamente ET.. Tudo está bem.. malgrado a ciência. nascer. a subjugação humana por parte de certos ETs dá-se de outro modo. E nada tem a ver com código genético – A dualidade ou a multiplicidade é a base de tudo o que vem a ser mundo 222 . A NOSSA REALIDADE Após longo tempo.. de onde saltam fora freqüências ou vibrações variadas. o que em nós só aparece é o ontem-hoje-amanhã ou a Memória-RaciocínioImaginação). não acredito nisso. – Repetir-se sempre é uma característica que foi implantada no sujeito-homem. não aconteceria sem mais nem menos! Isto é. crescer. eu.é a coisa mais fácil do mundo. OU seja.. E este aprisionamento se processa através do código genético – pessoalmente. ou que eles manipulem tal código como bem entendem. o desenlace não poderia se concretizar tão facilmente como sobejamente acontece! Não me encares como um “sofrenildo”! Tem paciência comigo! Tenho que superar-me a mim mesmo.. respondeu-me o que segue: “Hoje somos o passado de extraterrestres do futuro”. A meu ver. eu inclusive. – Isso também é conhecido como Samsara ou vidas sucessivas e não apenas como reencarnação. ainda mais nos dias que correm. fora o Aqui e Agora. decair e morrer. ou também: ‘Hoje somos ETs do passado que se transmutam em alienígenas do futuro! (Ou melhor. as quais constituem os famosos ‘Níveis ou Círculos do Poder”. Um abraço de um chato cósmico!. amadurecer. Segue em frente. autor do livro. nem acho que os ETs conheçam tal código genético que a ciência humana inventou. por causa de falhas involuntárias.

e que na ocasião do EAC gravei bem. sem ego-pensante não há mundo pensado e sem o mundo pensado. ELA era a minha metade primordial. Por outra coincidência. quando tive um contato com o meu ‘Ponto Primordial’ ou com a minha fonte de origem e que também correspondia ao começo da leitura de ‘Minha Existência’. Naturalmente. Tal pessoa tinha os mesmos traços físicos. que vislumbrara em minha primeira experiência extra-sensorial. Aqui e Agora – E é por causa do pretenso físico ou denso que se estende. Por coincidência. que a realidade objetiva – ou o mundo cotidiano – Digo eu. disfarçados de humanos e que. Todo homem está preso nessa fantasia chamada ‘Criação”. Só que tal ELA-Mulher era ainda uma criança. ela era filha de um ET. Ou seja.. que lamentavelmente afeta os seres separados – ou o Homem e a Mulher. dá-se uma Manifestação. “Três anos depois. em níveis micro e macro cósmicos. ela era sim. Era como se tivesse um halo vermelho ao seu redor. e que em verdade nunca se deu. e nesse esquema de 223 . no lugar dela. ‘geometricamente falando’. – Ou seja descobriu o ELE-ELA. não há ego-pensante. que é aquela androginia primeva dos deuses de que eu falei antes. por incrível que pareça. vamos dizer com uma mulher.. desses tantos que estão entre nós. ou ELA-Mulher. não se importava de assumir sua identidade alienígena. o mesmo rosto. o contato com o começo da ‘Série Existencial que me Caracteriza’ deu-se graças a um Estado Alterado de Consciência (EAC). – E nessa condição primordial a paz e o silêncio prevaleciam entre dois indivíduos completos. Aí não havia competição. – aquelas coincidências estranhas de que Jung fala – aqui na Terra. “Por motivos que ainda desconheço. – Digo eu. não havia a concorrência humana. ou seja lá o que for. que identifiquei como sendo a minha contraparte feminina.ou objetividade. fui encontrar aquela mesma pessoa. e por isso pude identificá-la com felicidade. onde duas forças. quando lhe convinha. “Ao VER (Sentir) e ao participar de tal (EAC) apercebi-me de que ‘eu’ era simplesmente a presença de uma UNIDADE. tive outra experiência. e de fato. lá pelas tantas eu fui envolvido em todo esse esquema extraterrestre. ou completando 21 anos. e tinha apenas 8 anos de idade. ‘a positiva e a negativa1’ ou ‘o Homem e a Mulher’ convergem e se encontram. que agora tentarei descrever para ti. “Tudo começou aos 18 anos de idade. Tal ET manifestava uma freqüência vibracional VERMELHA. amigo meu.

também chamada PRISÃO HEREDITÁRIA EVOLUTIVA. “De repente. . contudo. programação. como inclusive pelas leituras cármicas que ele fazia a meu respeito. coisa própria de seres humanos. comecei a transferir-lhe AMOR e a transmitir-lhe sentimentos.Poderia confundir-se com um bruxo. próprio de certos ETs) comecei a flagrar-me onde estava exatamente e em qual prisão havia me metido. desde que a encontrei. com o padrão vibratório vermelho.manifestações geométricas – ou enjambrações espaço-temporais dos ETs – podia-se dizer que ele era um gênio. parecia um verdadeiro imperialista – uma majestade perfeita como certos ETs gostam de aparecer. (eu. a aranha é o símbolo do Controle do Poder. acabei ficando prisioneiro dos esquemas dele. mesmo que tivesse tido como pai um homem que depois virou ET. antes de cair na armadilha do ET. Por isso carecia de qualquer sentimento ou simplesmente não manifestava nenhum. Era um ser frio e radical. Por isso. pai da menina. E. ao mesmo tempo ia descobrindo todos os segredos dos equacionamentos que ele utilizava contra mim. Depois de três anos. por falta de aviso e atenção. Ele era algo programado que se alimentava de nossos descuidos e fraquezas. Esse enfeite o denunciava. enquanto tentava me libertar. muito maior que aquilo que a cabeça dele deixava manifestar. O curioso é que na casa dele havia um enfeite que ele mesmo havia enjambrado e que se apresentava como uma aranha de cristal. Essa era a minha maneira humana e natural de ser. Aquela menina era a minha alma gêmea. Comecei a dar-me conta quem era realmente a pessoa (ou o ET) que me aprisionava. predominantemente vermelha). libertei-me daquele ET ou vibração. Foi graças a filha dele que consegui me libertar dessa “fração vermelha” ou de uma pessoa aparentemente sem sentimentos. mas em verdade era um ET disfarçado. por meio de programações. as teias da armadilha dele começaram a enfraquecer. Mas eu sentia que ele fazia parte de uma equação geométrica intrusa e em crescimento. pois. para subjugar-me ou manter-me ligado a ele. (Ou seja. ele ia fortalecendo a equação que o caracterizava. dando inclusive cabida a um ontem-amanhã. O tempo foi passando e.ou fiquei incluído em suas programações – tanto pela atração que sentia por sua filha – e que finalmente era a minha própria metade ou alma gêmea. influência temporal. como também através da paranormalidade que tal ET humano costumava ostentar. humano pensante e preso a um falso hoje de 24 horas. 224 . Com tudo isso.

atitude essa que também equivalia à sua própria prisão. conheces bem. uma menor de idade. Esta freqüência azul é tãosomente outra polaridade ou angulação de um mesmo esquema ufológico para subjugar os seres humanos. ele percebeu que eu estava tentando me libertar de alguém ou de uma freqüência vermelha. meu caro amigo. Tal ET do padrão vibratório 225 . “Como se fosse uma brincadeira. ou na mente-persona-ego dela em formação e em amadurecimento) as programações dele e as posteriores influências e condutas. desavisados. pouco tempo depois. até que um dia as teias que a seguravam e também me aprisionavam cederam ou caíram. (Estes ETs safados não têm sensações e sentimentos: só visam o poder e se comprazem em nos fazer sofrer. e que em verdade era um controle extra-terreno. o ET (ou mesmo o pai da menina) foi incapaz de VER ou Perceber que eu transferia sentimentos libertadores.romper com esse esquema ou equação equivalia romper com a ligadura do Poder que enlaçava o pai (ou ET) e a filha (ou humano virando ET). que eu próprio me libertei e também a arranquei do pretenso controle paterno. pois. pois não conhecem a piedade que também é amor!). uma criatura humana passiva. e ele me ajudou. ou era uma simples subjugação baseada no PODER. o pai dela passou a odiar-me e queria inclusive matar-me ou anular-me. depareime com outra pessoa. só os sentimentos continuaram ligando a filha ao pai. Como geneticamente ela era ligada ao pai. daí ele odiar-me mortalmente.“Dentro de sua própria maneira de ser. . só visando o PODER. a menina trazia registrado em seu código genético (digo eu. “Após ter libertado a garota. e isso provocaria uma abertura nessa prisão e que no mundo era uma programação (mental). continuei transferindo AMOR a ela. com outro ET disfarçado de gente. Depois disso. Foi assim. em nos massacrar e em nos matar. mas agora era um representante dos da vibração AZUL. tu. Mas tal ET (pai) detestava sentimentos e estes interferiam em seus intentos de um Poder cada vez maior. e que em verdade são apenas um faz-de-conta). Tendo ela nascido na família daquele homem e posteriormente ET. “E esse tal ET regido por uma freqüência AZUL. O ET perdera a aliada. e fazia parte de um mesmo esquema ou programação – (esquemas e programações se fazem numa mente que vai se transmutando em tempo ou na memória-imaginação e não em genes bioquímicos e pretensamente imutáveis. Não obstante as poucas esperanças que as circunstâncias me mostravam. e ter libertado a mim mesmo. Já no primeiro dia em que nós cruzamos.

mas agora assentada numa equação bem mais avançada. pois um dia o ouvi emitindo um ruído. Tinha a quase certeza de que esse era o momento em que eu tinha que assumir o meu posto. talvez seja somente um autômato ou alguém tipo um grande computador safado que anda escondido por aí. ficasse completo. o meu esquema e o dos ETs acabariam se arrematando.. Quando você despertar deste transe. usufrui de outro estado alterado de consciência (EAC). você encontrará um ‘frequenciador’ que garantirá a você uma comunhão entre nós. tal ET disfarçado de gente ou tal homem que abrigava um ENTRANTE-ET disse que eu fazia parte do grupo dele. (ou Instrumento do Poder). ou humano disfarçado. Em suma.. “Um ano antes de conhecer esse outro ET de freqüência AZUL. Sou uma equação muito mais complexa e elaborada do que a que você atualmente manifesta como ET do presente ou como homem comum. ou aparentemente longe de nós. Já de saída. – (Possivelmente este A. mais ou menos assim: 226 . mas que efetivamente encerrava algo de especial. Todavia. sem entender bem o tipo de contato ou comunicação que havia tido. no além. disfarçado de homem. Uma união entre a sua condição de ET do tempo presente e ET do tempo futuro’. ao acordar da experiência que tive. Era apenas um CRISTAL. lançou sobre mim sua ‘leitura’ – (ou lançou sobre mim sua influência mental. – Quando ele falou assim. Sim. psicológica emocional. No dia seguinte. o AZUL. curioso o Alex também me falou de Asthar Sheran). mas já programado) puxando-me para si. recebi em mão aquilo que meu ET futuro havia chamado de ‘frequenciador’... Digo eu. para o controle que certos ETs manifestavam. de modo fortuito. e quando ainda me encontrava sob a influência do esquema ufológico-vibratório vermelho. ou seja. graças ao qual tive um contato com minha própria identidade extraterrestre supostamente futura. Asthar Sheran. descobriu em mim a programação que os ETs do passado e pretensamente do futuro haviam me estabelecido) – leitura que dentro do esquema ufológico e extraterrestre funciona de fato. presente e futuro) ia se encaixando como se fosse uma engrenagem e. em seus aspectos básicos. Foi ela mesma quem se manifestou e me disse: ‘Eu sou você mesmo. A impressão que eu tinha é que tudo (passado.S. quando você voltar para a sua assim dita realidade normal ou estado comum de consciência (ECC). humanos.AZUL. e que nós éramos frações do 1º Comandantes da Frota Estelar. quando bateram as 10 horas da manhã. comecei a cismar sobre o acontecido. foi como se sentisse todo o meu futuro (ainda não concretizado.

para Minas Gerais. meu caro amigo.‘BIZZZZZZ’. certo dia. Começou. vieste para cá. Foi quando tu. flagrei-me do que de fato são esses acontecimentos diferentes que impressionam o homem. Somente aí me dei conta de que ele havia-me usado para iludir e prejudicar um ser que sofria. por exemplo. apercebi-me do que de fato acontecia atrás de toda essa encenação ufológica. com seu poder e encantamentos. a mostrar-me ‘como aquele poder’ de que ele falava. no ‘comando geral da frota estelar’. Esse encontro e descoberta fortaleceu minha crença em tudo aquilo que estava acontecendo comigo ou naquela parte de minha vida que estava se desenrolando. relacionar-se com pessoas importante de qualquer Governo etc. ser que ele também havia aprisionado em seus esquemas. graças a uma vibração ou freqüência toda especial. eu iria sentar-me junto a ele. como. agora sei que tu também te libertaste do tal ET de freqüência AZUL e 227 . E tudo isso. onde eu resido e efetuaste determinada palestra. e esse ser eras tu. fazer viagens sem gastar um tostão. Compreendi também outros esquemas mais que sempre acabam envolvendo o homem. ‘BIZZZZZ’. havia algum poder secreto naquele cristal. o nosso amigo comum o ET da freqüência AZUL se descuidou e eu acabei descobrindo nele a sua verdadeira face. não importa qual a direção este última tenha dado ara a sua vida. hospedar-se gratuitamente em hotéis de luxo. da assim pretendida paranormalidade que alguns ostentavam. contando-te tudo o que passei. “Após o ET de freqüência AZUL (ou humano disfarçado) também ter-me dito o que me disse. Só não entendia como ele conseguia todas essas facilidades materiais. era um motivo forte e tentador para eu continuar ligado a ele. e que ele chamava de ‘seu exército’. Disse-me também que se assumisse meu posto de ET do padrão vibracional AZUL. algo muito afastado no tempo e no espaço. Sem qualquer dúvida. meu caro Bono! “A partir desse da. Confessou-me até que se relacionava com um grupo de pessoas especiais. Facilmente eu sentia como ele me transmitia algo que vinha de muito longe. ficar fazendo previsões quanto ao futuro. penetrar em centros de estudos especiais. ele pôde inclusive provar-me como exercia o seu PODER na Terra. “Todavia. manifestações paranormais. que estava desesperado. para a razão humana e sua lógica. fora as manifestações paranormais. pois. efetuar outra vez leituras cármicas a meu respeito. “Depois de te escrever esta carta.

o cristal que iria garantir minha futura fração extraterrestre. coisa que garantiria o futuro deles. Em minhas mãos se encontrava uma das chaves que desencadearia as influências do PODER extraterrestre. pois uma das vibrações ou freqüência fundamentais estava centralizada em mim. em definitivo à minha identidade futura. E sabe o que fiz. queriam que eu assumisse o posto que no tempo presente e no futuro me cabia. mas agora totalmente aberto e livre. caro amigo? Ao não assumir a minha engrenagem passada. incorporando-me quem sabe... caro amigo? Simplesmente rompi com todas as programações temporais possíveis. e um verdadeiro sentimento de liberdade me invadiu por completo!.. Agora voltei a agir em consonância com os sentimentos que estão dentro de mim. perdi toda minha identidade extraterrestre. E sabe o que tal atitude representou para mim. após abdicar de todas essas possibilidades e PODER. caro amigo. que tudo manipulam. e entreguei tal cristal para um ‘ser humano’ que. onde a EXPRESSÃO DO PODER DELES iria se consubstanciar. Peguei. na minha frente havia chorado de dar pena por sentir-se infeliz e angustiado. destruindo todo um futuro. mas sim apenas a palavra IRMÃO. e que era aquela freqüência ou vibração AZUL. “Hoje. 228 . Pude sentir as coisas com o coração. em minha própria personificação humana (ego). materializar e iria imperar absoluta!.que te havia feito mil promessas. Agora eu posso clamar: SOU UM SER HUMANO!. passadas e futuras. meu caro amigo.. já residindo aqui em Belo Horizonte. ou ao não assumir o meu posto e identidade extraterrestre. E tu. Aqui e Agora. realmente. e que se transmuta como um ET do futuro. então. garantiu-me que era exatamente assim o modo como eles agiam e interferiam. abri uma brecha no ‘sistema e esquema ufológico deles’. Não faz mal se talvez ainda não me tenhas compreendido a fundo. experienciei outro estado de Ser. és exatamente esse meu IRMÃO CÓSMICO! “Três meses atrás. roubando-nos a paz do momento presente.. presentes. onde as palavras PODER ou SUBJUGAÇÃO não mais me movem. O próprio ET do padrão vibratório AZUL. “Certos ETs.. fiquei desligado de todas as minhas raízes de almaran. determinado dia. para executar uma nova missão do PODER. que talvez me levasse a um contato futuro.

“Graças aos sentimentos e ao amor, deu-se em mim, ex-ET, uma transformação: a máquina que visava o PODER, frio e brutal, tornou-se SER!... Aqueles que são da Verdade prevalecerão. Esses serão livres e não mais ficarão ligados a vibrações psicotrônicas, a comprimentos de onda, a freqüências alienígenas, não mais serão meros instrumentos do PODER, que tudo esmaga e subjuga. “Hoje não possuo mais qualquer poder, nem paranormal nem ultra normal. Nem mesmo um grão de areia de poder possuo mais. (Acrescento: Disse Jesus: ‘Se tiverdes um grão de mostarda de fé direis a este monte sai daqui e atira-te no e ele se atirará!...’ A fé humana não é poder; é apenas a espontaneidade e a liberdade do próprio Pai-Mãe celestial, e que se manifesta por meio do homem, se ele deixar. Para que a fé no homem se manifeste como criação e transformação, o homem só tem que silenciar seu ego-pensamento, tem que aquietar-se mentalmente, tem que serenar-se em seu Espírito, libertar-se de qualquer noção e preocupação, para que a vida volte a manifestar-se com amor e equilíbrio total, sempre nova e milagrosamente, como costuma fazer quando os freios do poder ou do ego-pensamento não interferem)... Agora, amigo querido, posso sentir o AMOR como ele realmente é. Agora posso sentir de novo os verdadeiros sentimentos humanos! Os sentimentos e as emoções são agora a base na qual me apoio, para que o AMOR ecloda através de mim! “Meu caro amigo, senti que precisava contar-te todas estas coisas e acontecimentos de minha vida. Não guardes rancor de certos seres que tentaram te prejudicar, iludir, ou tentaram fazer-te mal. Tais pessoas ou ETs disfarçados fazem parte de um esquema gigantesco do PODER que visa prejudicar o próximo, esquema muito maior do que elas suspeitam ou venham a descobrir. Tais pessoas (ou ETs disfarçados) são apenas instrumentos dessa força anômala e intrometida que quer virar PODER. Mas para tal, eles tem que matar o AMOR e os SENTIMENTOS, e isso é o que eles estão quase conseguindo na Terra. Espero que os homens ainda saibam reagir a tempo!. “Amigo estimado, a maioria das pessoas deste planeta Terra (principalmente os que fazem de seu ego-pensamento e posses a coisa mais importante da existência) estão presos a esquemas ufológicos. São instrumentos de um ‘PODER MAIOR’ (usurpador, interferente e intrometido). Este PODER não conhece as palavras Coração, Sentimentos, Sensibilidade. Por isso te recomendo, não procure mais essas armadilhas! Este é apenas um conselho de amigo. 229

Se um dia tu precisares de um AMIGO, de um ser humano que ama a Terra e tudo o que nela há, que ama o momento presente, que está livre de qualquer ambição de poder, que já não manifesta qualquer paranormalidade para subjugar terceiros, que evita prometer o que acaba não cumprindo, um amigo que tem sentimentos, amor e calor humano, que tem um coração que responde aos corações dos outros, lembra-te de mim e conta sempre comigo! Estou muito feliz por ter-me compreendido e também por teres notado que, apesar de tudo, sempre fui teu amigo. Tua amizade sempre me foi muito importante. Desde o primeiro dia em que te conheci, senti que me oferecias AMOR e não PODER. Também senti que tu eras e és um SER autêntico e estas livre de esquemas e programações. Teu coração está aceso e está unido ao AMOR! Só aqueles que têm esta ‘chama viva’ é que podem falar a ‘linguagem do coração’, que é aquele sentimento silencioso que tudo abrange. Só estes são os verdadeiros Irmãos Cósmicos, Olímpicos, os Irmãos da Luz ou os ETs benevolentes, deuses etc.

DE ONDE CERTOS EXTRATERRESTRES PROVÊM
Tendo recebido tal carta, assim eu respondi ao meu amigo de MG, supostamente um ET, tentando de alguma maneira ampliar ainda mais o tema ou a confissão que ele me fez: Querido amigo, tua última carta me impressionou sobremaneira e me deixou entrevar muitas outras verdades e revelações que tu não chegaste a esboçar totalmente. Foram extremamente comovedoras as tuas efusões de humanismo amoroso, e teus sentimentos por tudo o que Sente, Sabe e Sofre! Falaste de um ‘PODER MAIOR’, mesquinho, cruel, distorcedor e interferente que está tentando apossar-se de nossas vidas e destinos. Em contrapartida, também falaste do AMOR e dos bons sentimentos. Curioso, amigo, em meus mergulhos, acredito ter surpreendido o problema básica do Cosmo e da Vida. Sem nada impor, sugiro outra vez que o ABSOLUTO ou o PaiMãe Primevo é Ser, Consciência e Felicidade. (ou é ‘Sat-Chit-Ananda’, como sugeria Shankaracharya, o sábio hindu). EU-ELE ou o Pai Manifesta-se por puro Amor. 230

A Vitalidade Primordial ou a Energia que do Pai-Mãe-EU surge é AMOR ou ATO PURO. Estes dois são também Sensações perfeitas, Sentimentos, Inteligência, Intuição. Por puro Amor Deus-Pai-Mãe manifesta-se, e graças a essa surgem os assim ditos Ovos Cósmicos. Só que eu vou me restringir somente à Manifestação que resultaria em um ou em dois ovos. Um “Ovo Cósmico” encerra, digamos a entidade ELE-ELA Primeva, e por que não dizer ELA-ELE.. Ou melhor, encerra aquilo que tu mesmo, com 18 anos, vislumbraste num estado alterado de consciência (EAC). O Absoluto e sua Manifestação androgênica (Adão-Eva) são AMOR INTEMPORAL. Os Deuses-Deusas, os filhos diretos ou a Manifestação são também só AMOR e AÇÃO, (e por isso têm que ATUAR) por AMOR. De sua parte, os Heróis que surgem do cruzamento das filhas da Terra com os Deuses já são Amor e são tempo. O mesmo acontece com os filhos da Terra (ou filhos da Gaia, a Deusa), ou acontece com os homens, quando tocados pelos deuses. Portanto, os homens tocados são AMOR e tempo, também.. Estes TOCADOS ou fecundados também viram heróis. O Herói luta pelo que é justo, pela Justiça em Si, pelo que é certo, ou senão luta até as últimas conseqüências para voltar a ser um Deus, para reintegrar-se no AMOR e não ser transmutado em PODER. O poder do Herói é só Justiça, retidão e lealdade. Alguns soldados da Segunda Guerra Mundial manifestavam essas três magníficas possibilidades. Repetindo, então, o Absoluto e os deuses andróginos manifestos, ou até mesmo os Deuses já separados (Ele e Ela e não mais ELE-ELA), separados sim, mas ainda ETs de Luz – neste caso quando o “Ovo Primordial” se rompe libera ELE-ELA. O Amor Cósmico (ou Eros) separa esta Dupla-Una. Dando-se a separação, sucede então que, impelidos pelo Amor, ou ELE desce e ELA fica junto à FONTE, aguardando o retorno DELE, o Bem Amado. Ou ELA desce e ELE fica junto à FONTE (ou Centro), aguardando o retorno DELA, a Bem Amada – e como dizia, então, estes ETs de Luz são intemporalidade ou AMOR puro; e estão livres do tempo e dos malefícios do PODER. Os Heróis e os filhos da Terra (tocados) são AMOR também, pois, algo do ‘Aqui e Agora’ ainda se esconde neles mesmos. Todavia e infelizmente, eles são também tempo, ou melhor, são amor-espaçotempo. Os filhos e filhas da Gaia ou da Terra, além de serem 231

sentimentos (AMOR), são também o falso hoje de 24 horas, (eventual Poder). Dito de outro modo, os filhos da Terra são o ontem (ou o já inexistente – memória). São o “barulho interior” do falso hoje (pensamentos ou raciocínios), e são o amanhã (a imaginação ou o nãonascido, ainda). E mais, as caducidades do ontem (memórias), ao invés de se anularem totalmente, como acontece com uma fagulha que cai e se apaga, às vezes conseguem se permutar no amanhã ou numa potência virtual... A memória (ontem) pode muito bem transmutar-se em imaginação (ou num amanhã, num espaço) ou também numa situação virtual. Ou ainda em algo em potencial, feito uma represa que pode bloquear um imenso volume de água potencialmente poderosa. De sua parte, o amanhã ou o pretenso futuro físico-material no Agora não existe. Portanto, em verdade, não poderá existir amanhã. O futuro é só imaginação, é somente uma invenção do discurso interior ou do pensamento. Não se leve, pois, em consideração o futuro, considerando-o um tempo pretensamente físico, um amanhã astronômico. Sem ego-pensamento ruminando intimamente, não há nem ontem (memória), não há nem amanhã (imaginação) e muito menos há um pretenso hoje de 24 horas, que é raciocínio. Na Intemporalidade ou Agora se Sabe, se Sente e se Intui, nunca se pensa. De seu lado, essas três autênticas faculdades mentais pulsam e ressoam. As ressonâncias do Saber-Sentir-Intuir ou Entender, Bem Conhecer resultam no próprio pensamento que é defasagem, e que nela inclui a memória, o raciocínio e a imaginação. Este trio constitui o próprio tempo acrescentado, que nunca é físico. Sem o discurso interior não há como classificar o tempo de físico ou de psicológico. E mais, se por pura desatenção se abre uma brecha na Intemporalidade do Aqui e Agora, tal brecha poderá muito bem transformar esse AQUI e AGORA num falso hoje contínuo de 24 horas. De sua parte, esse pretenso hoje de 24 horas se igualará a uma represa, que sempre conterá uma potência latente, a qual, se liberada for, virará PODER. E este Poder avassalador só e sempre é exercido num enganador hoje de 24 horas ou no tempo. Certos ETs, senhores do tempo, e inclusive não poucos homens extraviados – (90% da humanidade assim se encontra, conforme tu 232

mesmo disseste, amigo) – não estão centrados no AQUI e AGORA, não fazem parte do banquete do AMOR (‘Ágape’), e que só e sempre se manifesta Aqui e Agora. Os senhores do tempo ou a maioria dos ETs nefastos são o próprio ontem, são aquela caducidade que não se anula. E também, por um descuido complacente do homem mal pensante – inconsciente de seu próprio Agora – esse mesmo ontem se transmuta no amanhã, se transforma em potência ou num mundo virtual. O homem ignorante e desavisado, por ser também Aqui e Agora, serve de ponte para que seu próprio ontem e inclusive o de certos alienígenas se permutem no nosso falso hoje de 24 horas. Daí porque, amigo, disseste que no falso hoje ‘nós somos o passado de extraterrestres do futuro’. E somos mesmo! Por sobre do Aqui e Agora (ou até mesmo fora do Aqui e Agora), intrometer-se-á tal potência virtual que tudo tentará corromper e desvirtuar, e finalmente a transmutará em PODER, sempre mal exercido no tempo. E essa transformação se fará sempre à custa do AMOR, do ATO PURO, do SENTIR, do SABER, INTUIR (Homem-Ser) e do próprio ‘Isto’ Primordial ou objeto verdadeiro. No ontem ou na memória, nós, homens pensantes – e os ETs nefastos também, pois eles são pensamento puro – ruminamos e remoemos nossas experiências e vivências passadas e incompletas, e que para nós resultam em frustração. Não poucos extraterrestres seriam, portanto, máscaras que andam, seriam ‘personas virtuais’, seriam ‘a legião’, seriam seres ou imagens especulares de nossa própria memória-imaginação. Essas imagens semi-vivas do espelho mental defasado se extrojetam e se colocam diante de nós de modo concreto. Por conseguinte e repetindo, graças ao passado-memória, algo da mente do homem se projeta como imaginação ou como futuro. E aí, tanto os homens mal pensantes – (principalmente os entes falecidos que são quase só pensamento) – como os ETs do passado-futuro enjambram situações virtuais, forjam máquinas, artefatos, óvnis, seres, eventos etc. em estado potencial. As águas virtuais da imaginação, como potência que são, ficam represadas pelo REAL que se Manifesta Aqui e Agora. E este REAL sempre é Sensação, Sentimentos, Ação, Inteligência e Amor. Todavia, todos eles são também INOCÊNCIA, sem defesa, e todos eles, por um 233

conflitos que reforçam o PODER. nós também somos o ontem. finalmente. É. Poder virtual ou potencial. em falsas potencialidades do amanhã. fora o Aqui e Agora. Só os demiurgos ou certos ETs safados é que pretendem ser todopoderosos e o conseguem por causa do eterno conflito entre os sentimentos e o pensamento. Só que os sentimentos-AMOR são Vida e o PODER é morte. pois. o qual.cochilo. espontaneidade. como já disse. A verdadeira Manifestação milagrosa Deus-Pai-Mãe baseia-se nisso. Deus Vivo não é nem nunca foi TODOPODEROSO. própria do segundo momento em diante (atraso). O ESPÍRITO-EU ou a MENTE-EU é totalmente livre e espontânea. aparências passadas e futuras ou fantasmas virtuais se concretizam. dádiva. que certos ETs interferem no nosso meio desse modo. já que. é apenas um reflexo caduco do AGORA. exteriorizando um modo de agir diferente. precisaria se defender da ignorância ou ego-pensamento? – tais potencialidades virtuais do amanha conseguirão então se superpor ao Aqui e Agora. deturpam. AMOR ABSOLUTO. é algo que já está morto – ou é memória – ou é algo que ainda não nasceu – imaginação. comunhão. isto sim. somos o falso hoje de 24 horas e o amanhã. e que se reintroduzem no nosso falso hoje de 24 horas. interferem. Quando tal sobreposição prevalece efetivamente. entrega. portanto. destroem. por causa de um descuido nosso. e com isso podem até mesmo destruir nosso mundo. Por isso que nessa adulteração toda poderão se nos apresentar óvnis virtuais que conseguem se ‘materializam’ parcial ou totalmente. Por causa da natural vulnerabilidade do AMOR – e o Amor. Quero crer. nem como espaço nem como tempo astronômico. Este algo represado – imaginações – depois transmuta-se em Poder por sobre do Aqui e Agora ou ao seu redor. alteram. por descuido podem virar ignorância-ego-pensamento. mas que por uma astúcia toda especial (ego). O futuro é apenas um ontem destinado a se extinguir. para aqueles que Aqui e Agora não poderiam morrer. O futuro físico não existe. principalmente o homem vivo. Intemporal. transmutando sua potência acumulada em Poder. como eles. introduzem a morte. 234 . com seus tripulantes e tudo o mais. paz. no caso. se transmuta em imaginação. liberdade. que abalará as ocorrências de nosso viver cotidiano e principalmente as pseudos verdades científicas.

que dentro de si abrigava um exército de ETs (‘Legião’) ou um único. Mas o tiro saiu pela culatra. Esses ETs não podem suportar o imprevisível do Aqui e Agora e muito menos o Paradoxo. somos uma mesma sobreposição. e nisso não pode dar-se falha alguma. sexto etc. Os ETs nefastos vêm de mundos antípodas que lembram as imagens do espelho. O antigo ego e seu primeiro mundo cedem lugar a outros egos e outros mundos. O futuro ou o mundo virtual deles é altamente organizado em termos lógicos-racionais. tu podes então te transferir a um terceiro estado alterado de consciência. Aqui e Agora. tal ET era mais ontem-amanhã do que Amor..Tal pessoa quase te transforma também num ET da linha vermelha. no teu caso. Vêm do que é virtual ou do que se encontra em estado potencial. – (Nesse caso o ABSOLUTO ou o Grande Espírito-EU abrangeria praticamente os 360º . Pelo que entendi. viram Poder e também transmitem Poder a certos safados daqui mesmo para que escravizem e massacrem os “pobres de espírito”. disseste que aos 18 anos de idade tiveste um estado alterado de consciência (EAC) e aí descobriste que eras simplesmente a Manifestação da Unidade que encerrava um ELE (tu-EU) e uma ELA (outro tu-EU). Num estado alterado de consciência – estados alterados esses que são infinitos – eu. também somos uma coisa só. 235 .Os extraterrestres de Luz vêm ou surgem do AQUI e AGORA e são Deuses legítimos. Num estado comum de consciência (ECC). não importa a multiplicidade enlouquecedora que este mundo ou universo possa apresentar. Se quiseres. tal ET quis sacrificar teu Aqui e Agora e transformar-te num veículo terrestre e manifesto do PODER VERMELHO. e mais outro mundo que me envolve. a um quarto estado. até infinitos estados de consciência. O Amor que transferiste para filha ou para a tua ELA rompeu o vínculo e. como mostrou o filme “Millenium”. o ego-corpo denso e o mundo que te envolve são uma coisa só. o AMOR prevaleceu sobre o PODER. Estes ETs nefastos. Ou seja. com um segundo corpo. vibração ou angulação essa que faz parte do PODER MAIOR – ou angulações diferentes ou variando entre 0º a 180º. penetrando no falso hoje de 24 horas. a um quinto. O primeiro ego e seu mundo desaparecem de fato.. aparentemente. Depois caíste sob a influência de um humano aparente. Ele era uma marionete perfeita de um tipo de PODER VERMELHO. Amigo.

é também aí (mundo comum) que os ETs introduzem os seus fantasmas do ontem-hoje-amanhã. como. Para mim essa foi a pior traição que pseudo entidades do PODER podiam ter desencadeado contra mim. E. Agora. E considerei essa sobreposição fatal. como se esse mundo-consciência-ego fosse o único e o mais importante. eu me importei. e é aí que os atos propositados. Só que este mortal não sabe se de fato é mortal. e tentam se intrometer no nosso hoje ou estado comum de consciência. ou melhor falando. Vocês dois (tu e o ET azul) acabaram ficando com pena de um pobre mortal que aparentemente havia perdido a própria filha. mas sim neste mesmo estado comum de consciência. esse desvio. que é o mundo da consciência comum. Infelizmente é exatamente aí ou no mundo da consciência comum que as nossas sensações contaminadas e sentimentos ocorrem. como se não bastasse. sempre foste humano com o teu ECC e.Quero crer que os ETs nefastos apenas saem desses estados alterados de consciência. ainda vieram alguns a iludir-me com promessas que nunca se cumpriram. suporta as minhas impertinências finais. ou saem da memóriaraciocínio-imaginação (mal pensar). Tentam dominar o mundo pensado por nós (egos. e depois viraste humano com estados alterados de consciência? 236 . Quando minaste a teia de aranha do ET da linha vermelha. Por conseguinte. ele quis te matar. aliás. ‘EU’ Sinto-e-Sei que um retorno é possível. eles costumam fazer. do falso ‘ficar cônscio de’. Todavia. que também acabou utilizando-te para seus próprios fins. mas não porque não poderiam ter-se cumprido e sim não quiseram cumpri-las. E aí apareceu um salvador. te anular. ou inicialmente eras um ET com ECC. esse acréscimo anulador (ou morte) tão injusto e massacrante como nada podia se lhe assemelhar. do ontem-amanhã. outro personagem do poder (um ET da linha azul). amigo. não num estado alterado. extra-situacionais) são tão aparentemente reais quanto o são as assim chamadas verdades e descobertas científicas. ocasionalmente vivenciaste outros EAC. e tampouco se importa de só sê-lo ou de não sê-lo. ou até mesmo saem do ontem-eamanhã em potencial. Por favor. tu. que são virtuais. Esses tipos de Óvnis e respectivos tripulantes (extraterrestres. intencionais também se cumprem. Afinal. sim e muito. com o sofrimento e com o desaparecimento de AB. e que é a nossa vida cotidiana.

Não é por mero acaso que estou cursando a Psicologia. são conglomerados de programações).. “Através de um esforço supremo e uma vontade fora do comum. consegui perceber (mais claramente) determinadas ‘armadilhas’ (ou teias de aranha). Esta primeira é a que o meu amigo... sensações e sentimentos manifestas o ‘conteúdo’ destes símbolos. “Aliás... só mais duas cartas. criando suas próprias prisões físicas e psicológicas. ou melhor por meio de suas ações. com suas emoções e amor?. 237 .. sic. e qual o meu papel em face dessa situação. mas estes. hoje estou freqüentando o curso de psicologia. ao longo do desenrolar do tempo. Responda-me. três dessas visões vieram acompanhadas de fenômenos ou ocorrências que se desenrolaram neste nosso nível de consciência ou na nossa realidade física. principalmente a desativar alguns dos seus ‘governantes’ ou poderosos. autor do livro. em verdade. Graças a visões que por entre os meus ‘sonhos’ me foram revelados.. ao longo de suas existências. O SÍMBOLO PRIMORDIAL QUE ABRE E FECHA PORTAS Para finalizar este meu jogo de ping-pong. depois viraste máquina e. pude receber informações a respeito de ‘Nefastos’ que.Foste uma máquina temporal (homem físico) desde o começo e sempre foste um escravo do Poder? Ou primeiramente vieste como homem comum. também conhecida como ‘armadilha do inconsciente’ – (e que digo eu. em minha opinião é um curso que me ajudará a penetrar no esquema dos ’Nefastos’. com emoções e tudo o mais. finalmente. supostamente ET. me escreveu e que dizia: “.. A ‘Teia Simbólica”. Caro amigo. aquele iceberg intrometido e inserido no grande oceano da consciência real) – governa por meio de símbolos (ou arquétipos. voltaste outra vez à condição dos deuses. Os seres humanos. a reconhecer os intentos deles e. Um abraço. também é aquela ilhota espúria. efetivamente estão atuando muito próximo de mim. nas quais os seres humanos ficam presos e desse modo persistem. se puderes.

(Ou melhor. e a brecha que separa o ‘ficar cônscio de’ das pessoas comuns. Deus-demônio. além de ser a ‘porta’ de entrada para a nossa prisão cotidiana. “Por algum motivo. e que seria uma singularidade encarando uma pretensa multiplicidade. o destino da maioria das pessoas que nele havia-se envolvido foi a morte física. esta dualidade constituída de luzes-trevas. lugar à Grande Consciência de Ser. criador de dualidades e multiplicidades. “Quando. de algum modo o homem mentalmente volta a se aproximar da ‘Fonte Original’. também pode ser a saída! – a respeito do qual já falei a você na última carta que lhe enviei. E esse (EU)-Ele acaba anulando a existência egocêntrica e o conteúdo da personalidade. o primeiro símbolo que manifesta a identidade mais profunda. quando. Ou seja.“Todos os seres desavisados (homens) estão presos dentro desta ‘leitura simbólica’. É o ponto ou a fissura entre o ‘consciente’ das pessoas e o vasto ‘inconsciente’ impessoal. a essência do verdadeiro começo do homem. Vida-morte. sujeito-objeto. livre desses icebergs bipolares). então. “Todos. Isso é como se se abrisse uma porta. Consciência-Deus – é mais forte e mais profundo. na qual todos estão inseridos. e a infinita e grande consciência. “Nessa pretensa realidade criada (ou recriada). tal falso perceber cede. nos quais este fenômeno havia-se dado. E reativar símbolos é o ato aprisionador predominante dos seres humanos. ficar consciente esse que inclui o sujeito e o objeto. Em tal missiva. “Isso acontece porque o ‘conteúdo’ ou a essência do símbolo primordial’ – Consciência-EU. consciente-inconsciente. Este Símbolo Primordial representa também a porta de entrada no processo do tempo (que é prisão). por este ou aquele motivo se atinge o ‘Símbolo Primordial”. desaparece. aos 18 anos tive aquele encontro com o ponto original ou com o ‘Símbolo Primordial’ – e este. 238 . situa-se a prisão. eu chamava a esse ‘símbolo primordial’ de minha ‘Fonte de Origem’. a porta que fecha ou separa ‘o consciente do inconsciente’ se abre! – (Ou melhor. e essa Grande Consciência também é o Símbolo Primordial). Ponto Primordial). podem ter acesso ao chamado ‘Símbolo Primordial’ (ou Fonte de origem. – Em quase todos os casos que pesquisei. o impedimento ou a programação que sustenta tenazmente o ‘ficar cônscio de’. porém.

Temos que calar o barulho interior e que corresponde àquilo que é conhecido por cada um. “Com toda certeza. “Quanto à minha saúde. hoje sei que o único dom que possuo realmente é o de desativar certos ‘Nefastos’.” 239 . é um trabalho que exige muito ‘cuidado’ e paciência. Essa desativação. Jeová-Molokron e nada possui!). amigo. que no Grande Oceano Primordial ou Deus-Pai se permite sonhar tais nefastos. Acho que isso depende exclusivamente de você..“No meu caso a morte não prevaleceu porque algo ou alguém ‘quebrou o esquema. parece que consegui ‘ fugir das normas estabelecidas’. graças ao seu próprio esforço. está fora de todos nós. são instrumentos usados e manipulados por um Poder Maior. você já tenha amenizado o sofrimento e a agonia que acompanhava sua alma. Nos mecanismos do próprio esquema ou nas ‘programações’ velhacas acrescentadas à natureza do homem há um processo automático regulado pelo símbolo Vida-morte. de coração. movido por uma atitude ou um modo de agir que não estava ‘escrito no pretenso livro do destino’. (que é exatamente aquele que tudo pretende ter. e acho que já deu para você notar que a minha busca do ‘Amor’ e dos mistérios que encobrem as nossas existências como seres humanos está cada vez mais intensa e apaixonante. uma nova vida pode recomeçar. anulou a programação fatal’. (ou não estava escrito na programação acrescentada por ETs velhacos). Estes não possuem poder próprio. que não pertence a ninguém. o ponto de escape. Só você pode ultrapassar esta fronteira.. Eles representam apenas peças de um grande esquema. Ou também podem ‘ser acordados. por serem meros instrumentos de uma ‘grande engrenagem inconsciente acrescentada’. e depois descobrir que em cada momento. “O silêncio não está dentro de cada um. como está? Tudo bem? Espero que. contudo. E é este símbolo ou esta programação acrescentada a que sustenta a falsa vida cotidiana.’ Ou melhor ainda. eles podem ser desativados. o Demiurgo e seu Golem. Fui buscar a saída.. ou senão resulta inclusive numa falsa morte. Ou seja. respeitando-O em sua maneira de Ser e de se Manifestar. e temos que fazer prevalecer o Grande Desconhecido.. No meu caso. de uma grande engrenagem. obviamente precisa também de muito amor para não violentar nada. podem ser apagados daquela Medusa intrometida. está tudo bem. não são autônomos como certos homens podem ser. Por este motivo. “E você.

acho que estás te referindo ao Oceano da Grande Consciência Primeva. supostamente ET. e se se o substituísse pela Consciência Plena do SER. onde a enganadora dualidade cartesiana não prevalece. tantos os neurônios. ou me engano? Amigo. Este modo de “ficar cônscio de”. E quando falas em consciente. Por outro lado. como os genes são pura aparência e mentiras. As verdadeiras forças da mente personificada (ego) e do pensamento vulgar são muito fortes e ladinas para serem dominadas ou subjugadas por meio de artimanhas laboratoriais e psicológicas. Caro amigo. o qual de repente silenciou e se sumiu. Se em cada um de nós se eliminasse esse relativíssimo “ficar cônscio de”. o falso consciente e o falso inconsciente da psicologia vulgar. psicologia que restringe tudo a atividades físicoquímicas dos neurônios e a pretensos códigos genéticos. a luz reconhecível e o ego-enxergar reconhecedor etc.AS MEDUSAS E OS ICEBERGS DA VIDA Em minha última carta. o sujeito pensante e a coisa pensada. nervos. meus parabéns por ter sido aprovado no vestibular de psicologia.. confunde com um inconsciente cerebral. inventado por Freud.. e uma coisa pensada ou reconhecida. no qual sempre parece prevalecer uma pessoa-ego que pensa e que reconhece. que inclui a falsa vida e a falsa morte. Isso que não estou levando em consideração o fantástico poder da MENTE PURA. é exatamente a porta de entrada (e também de saída da prisão espaço-temporal acrescentada. cérebro. se caças ETs nefastos ou se pretendes desativá-los. qualquer homem escaparia das programações ou símbolos acrescentados pelos ETs nefastos. de um lado. Só não entendo bem de que modo pretendes desativar determinados andróides safados que andam por aí. e que tu chamas SÍMBOLO PRIMORDIAL ou minha FONTE DE ORIGEM. ignorantemente. 240 . do outro. Em suma a dualidade cartesiana ou a multiplicidade científica. e que a Psicologia acadêmica. vamos agora aclarar certos pontos: quando falas em Inconsciente ou em Desconhecido. com essa psicologia acadêmica e capenga. isso sugeriria que tu também és um ET. Para um perceber mais profundo. em verdade te referes ao nosso habitual “ficar cônscio de”. eu respondi àquele meu amigo.

este Oceano pode gerar ‘ilhotas’. AS MEDUSAS-Demiurgo. Este Ser. Mas este OCEANO. esses símbolos. Homens-EU) que não se perdem. obrigam a que o Homem-Iceberg Primordial decaia e se transforme em homem comum e comece também 241 . (Água e gelo na essência não diferem). também pode comportar o tempo e o espaço refeitos. Estes tentáculos são sequazes ou ETs secundários do futuro. Aqui tudo surge e desaparece. EXISTÊNCIA PERFEITA. onde o PODER prevalece e parecerá ser exercido. e volta a ressurgir de momento em momento. completamente dependentes da Medusa-Demiurgo primária Todos estes ETs-demiurgos e ETs-tentáculos – os primeiros autônomos e os segundos autômatos ou peças de engrenagens – conseguem inserir ou incluir nos “Icebergs” Primordiais e inocentes símbolos danados ou programações estranhas aos Arquétipos que esses mesmos “Icebergs já possuíam. livres e espontâneos num OCEANO PATERNO também livre. transformam-se em “MEDUSAS” malignas que só cabem num tempo e num espaço (trevas exteriores) refeito ou remontado e não no OCEANO PRIMEVO. Consciência e Felicidade pode ser inclusive traduzido como AMOR. Primordialmente falando. Tais Individualidades ou Homens Incontaminados também são SerConsciência-Felicidade. sonham. Os “Icebergs” puros ou os Homens Primordiais encerram Arquétipos ou Símbolos Primordiais que obsequiam imortalidade O Símbolo Primordial chamado PAI-MÃE é imortal. grosso modo. Dentro de seu próprio seio. também doa imortalidade a este último. como se disse. ‘icebergs’ ou infinitas Individualidades Puras (Homens com caráter. tudo se move e se renova sem sair do lugar. núcleos de programações etc. transferido ao Filho. harmonia pacífica e feliz. como antes vimos. A VERDADE PRIMORDIAL ou Deus-Pai-Mãe é um Grande Oceano de Consciência. e que se transmutam em ETs nefastos do futuro em estado potencial. apesar dos pesares. e nesse sonhar em item tentáculos. Tudo é sempre novidade.Vejamos agora como estas programações ou pretensos símbolos são acrescentados. e que são idênticas ao próprio Oceano do qual se originam. espontâneo e imortal. AÇÃO PURA. De repente. e este mesmo Símbolo. então. os homens se comportam como Indivíduos Imortais. Alguns desses “Icebergs”. INTELIGÊNCIA. ou senão também como SENTIMENTOS. Esse Grande Oceano é essencialmente Ser-Consciência-Felicidade. que também são os ETs nefastos do ontem.

é claro.. eles. A morte inclusive. mais os condicionamentos epístemo-psicológicos que o próprio homem posteriormente acrescenta. ele fica sujeito a todas as limitações e precariedades que os ETs querem que oi homem da Terra padeça. já me havia esquecido por completo desse amigo de MG. e que também corresponde à Não-Dualidade. Incluídos os símbolos espúrios. assim eu espero.. havia sido arquivado.. veja você meu caro amigo. 242 . podem perfeitamente nos dominar pelo acréscimo sutil dessas programações inseridas em nossas mentes e que nos levam a viver feitos seres totalmente vulneráveis e mortais. e que nunca mais se comunicou comigo. por causa de nosso próprio descuido.a (mal) pensar e passe a ambicionar o PODER aceitando essas programações. OUTRO CONTATO Bem antes do que agora vou narrar. para que não se repetisse o que me havia acontecido com o Alex. E o homem fica então sujeito ao conhecido e à toda multiplicidade que esse conhecido encerra. que é o AMOR-SENTIMENTOS-INTELIGÊNCIA-AÇÃO-PURAEXISTÊNCIA. Um abraço. e eu respondi. de MG. Isso não aconteceria se fôssemos SER-UNO-AMOR. Tais ETs não precisam disso. voltassem a me mentir e a me enganar Alguns anos depois. por desaviso. a não ser agora. E então. quanto mais o homem ambicionar o Poder e sacrificar o seu maravilhoso antídoto. e que nunca veio a ser publicado. Em suas cartas ele havia alertado que tivesse cuidado com outros eventuais ETs e que poderiam querer falar comigo – hipotéticos ET ou até mesmo farsantes – e que não mais me relacionasse com eles. E isso será tanto pior. Só tempo depois resolvi aproveitar nossa correspondência e inseri-la nas páginas deste um livro que o amigo tem em mãos. nãomultiplicidade ou ao Desconhecido. Sendo que tudo o que ele havia me escrito... hipotético ET. Ele parara de me escrever e eu também para ele. as programações caretas. Ou seja. A morte é o pior acréscimo. já havia recebido as cartas do amigo acima.. que a atitude de enfiar ‘chips’ na cabeça dos abduzidos por parte de certos ETs é bastante grosseira. pelo Clube de autores.

não resisti e eu telefonei a ele. Na carta disse-me que numa determinada noite – não sabe se sonhou ou se desdobrou astralinamente – viajou pelo espaço universal e acabou entrando num gigantesco disco voador. Depois o apresentaram ao comandante daquele Ufo gigantesco. bem acomodado. Não pedia para que eu cresse. Fiquei lisonjeado com o que ele escreveu e com a citação do meu livro. porque valia a pena. Naturalmente eu acreditei e não acreditei no que ele disse. em pleno espaço cósmico e dentro de sua nave. E recomendou a viva voz que. A carta mexeu com minha vaidade e principalmente com meu egozinho safado. Dentre outras coisas. Isso em 1995. projetou a capa de um livro que tal rapaz até então desconhecia.Assim que em 1995. e depois. Este cavaleiro bem apessoado e educado o introduziu em sua cabina de comando. em 1984-1985 – os livros Os Manipuladores da Falsa Fatalidade e A Grande Conspiração Universal já haviam sido publicados – recebi uma bela carta estranha de alguém – um jovem chileno ou panamenho. artefatos e coisas que valha. muito tempo depois de nosso relacionamento. Em sua carta o jovem colocou seu nome – que vou manter no anonimato – endereço e telefone. com um português acastelhanado. E que lá dentro alguém de bela aparência e bem humano o levou a que visitasse as partes mais importantes do grande navio voador. nunca soube bem – na qual o autor contava que recentemente havia acabado de ler o livro a Grande Conspiração Universal. próprio de um 243 . inchando-o para valer. Teve muitas dificuldades para adquirir o livro. puxa um comandante de disco voador. e que tinha achado a obra simplesmente extraordinária e maravilhosa. o qual me atendeu prontamente. Sua carta pareceu-me uma isca bem lançada. recomendar meu livro para alguém da Terra. nem solicitava uma resposta para a sua missiva. Mas o que fazer. suas instalações. Pensei cá comigo. espirituais e pelo Universo científico. provando que ele continua dentro de mim. Esse tomo era a minha obra A Grande Conspiração Universal. Ou seja. ao voltar para a Terra. O rapaz chileno só me escreveu isso. em sua carta alegou inclusive que ele costumava desdobrar-se em corpo astral e que fazia viagens pelos mundos astrais. num aparelho tipo monitor de computador. adquirisse a obra e a lesse. conversou diversas coisas com este rapaz chileno. Evidentemente. numa espécie de nave mãe alienígena. Precisava saber mais. Morava em Porto Alegre. Era muita honra para mim.

Em Porto Alegre. Mas para ele não fiz muitas confidências sobre AB porque talvez não lhe interessassem. Contei a ele algumas poucas coisas sobre a Adriana. benevolentes e civilizados. falou-me de suas experiências ufológicas que eram diversas e bem variadas. algo se sacudiu dentro de mim. Mostrou-me diversas fotografias. e que já eram públicas. contato e comandante. Conversa vai. Mas voltando ao remetente da estranha e bela carta. Seus contos não superaram as primeiras narrativas do Alex num congresso de ufologia do Rio de Janeiro. Disse que viria e veio mesmo. veio para minha casa e aí aproveitamos para conversar diversos assuntos de ufologia. Mostrou-me até um retrato desenhado do dito cujo. essa pode ter sido apenas uma bobeira de minha parte. um possível comandante estelar. Quando vi tal desenho. com grandes poderes paranormais e que habitualmente escrevia livros. Seu rosto tinha algo a ver com o meu. onde apareciam discos voadores esvoaçando no céu. quando eu era bem jovem. publicados em 1994 e 1995. mantém um curso de aprendizagens ufológicas relacionadas a essas gigantescas naves voadoras. mas mesmo assim eram intrigantes e curiosas. 244 . também se desdobra astralinamente e faz viagens pelo cosmo e para dentro de naves gigantescas e pacíficas. Reconheci-me como tendo sido tal indivíduo em vidas passadas remotíssimas. Solicitei se podia fazer-me uma visita em minha residência. o jovem amigo da carta contou-me que em São Paulo ele conhecia um verdadeiro alienígena. o alien ou comandante. Depois fiquei sabendo que o irmão desse jovem chileno. ele no dia seguinte ao meu telefonema.estrangeiro. Este irmão dele tem-se apresentado até em Congressos de Ufologia pelo Brasil. Havia escrito muitos livros e tinha um grande círculo de relações. vistos desde dentro de avião de passageiros terrestre e voando próximos à aeronave. para conversarmos mais a respeito de sua viagem. conversa vem. com certa repercussão. Claro. pois algo já havia sido contado naqueles dois livros de que antes falei. Mas o rapaz da carta dizia que essa era a verdadeira imagem do seu amigo de São Paulo. Todos queriam seus favores e ouvir suas revelações e ensinos. próprias de aliens de outros do universo. Não pareciam naves metálicas e sim grandes objetos luminosos e ectoplasmáticos. Só que não aquela que apresentava em público. Em minha casa.

245 . E achei até curioso ele dar-se o trabalho de telefonar-me diretamente. por sua iniciativa. Fiquei por isso mesmo.Outros mais inclusive chegaram me dizer que aquele era o rosto de Asthar Sheran. A pessoa da telefonada. escritor da carta. OUTRA TRISTE AVENTURA Após receber o amigo chileno. – Continuava alimentando remotas esperanças em relação a AB. Alex e o amigo de Minas. Não quis me fornecer o nome do dito cujo. A seguir começou a falar. nunca tinha pensado que o livro pudesse ser tão cativante e sensacional. quando pudesse iria tentar fazer um contato telefônico com ele. Ele me disse que sim e que. minha filha. escritor do livro A Grande Conspiração Universal. e isso num dia comum e às 11 horas da manhã. a não ser com amigos especiais. E aí. Estranhei de como ele tinha ficado sabendo dessas coisas. Pedi para esse rapaz se eu poderia fazer um direto contato com esse estranho indivíduo. Agradeci a boa vontade de ter-me visitado e agradeci também a carta e seu conteúdo mais os elogios. Eu. o qual me prometeu que. Para um começo de conversa. se eu não havia falado com ninguém. e nós despedimos. Respondi que sim. quando pudesse. Antes começou dizendo que eu estava absolutamente certo de que minha filha tinha sido abduzida e que não tinha morrido necessariamente num acidente. ele retrucou num bom português que estava admirado de que eu tivesse conseguido escrever um livro como esse. Imediatamente pensei que podia ser a estranha personagem de São Paulo. Só depois fiquei imaginando quanto não teria gasto com uma ligação como essa de São Paulo a Porto Alegre. no dia seguinte. recebi às 11 da manhã recebi um telefonema direto de São Paulo. ia falar com o tal “comandante-alien” de São Paulo. perguntou-me se eu era EB. nem o telefone e muito menos o endereço. sinceramente. identificou inicialmente como sendo amigo e conhecido do rapaz chileno de Porto Alegre. quase sem interrupção por mais de meia hora.

eram muitos detalhes e minúcias para uma pessoa só. para me encontrar no centro da cidade. comuníssimo até. do Rio ou Brasil em geral. por ironia pegou uma estrada errada que se afastava do aeroporto de Guarulhos e da cidade de São Paulo. Em minha inocência. a companhia aérea. o pretenso enterro. São Paulo. Esse senhor que eu não conhecia. Nem eu mesmo me lembrava mais de certas coisas. Estranhei que ele estivesse me esperando. Minhas próprias desconfianças. de meus contatos com gente diferente. a hospitalização. Ele me forneceu o número de seu telefone para que. deixou-me simplesmente abismado.Supostamente dotado de uma extraordinária telepatia. bastante longe do centro da cidade. suposto ET. Eu ainda tinha que me hospedar num hotel para depois me encontrar com ele. porque senti nele outro eventual salvador de AB. E a seguir. ele inclusive acrescentou que AB continuava viva e que estava presa no Brasil Central e que havia grandes possibilidades de resgatá-la. a hora etc. dúvidas. Depois de 246 . conseguiu fazer uma leitura perfeita dos registros de minha mentememória. Santo Deus. das vozes e lamentos que eu ouvia. de minha outra filha. Disse-lhe que sim. O avião desceu no aeroporto internacional de Guarulhos. mas ele me reconheceu. Falava rápido num bom português e foi tamanha a enxurrada de relatos e informações que em nenhum momento duvidei da fantástica capacidade dele. Para me cutucar e me entusiasmar. em Cumbica. Estava com um carrão um pouco antigo e ofereceu-me uma carona para ir até o centro de São Paulo. telefonasse imediatamente para ele. Ele tinha a aparência de cidadão comum. Talvez já me tivesse visto por meio de uma fotografia minha publicada em algum jornal ou revista de São Paulo. Conversando e conversando. não sei como. quando chegasse no aeroporto. a desconfiança do noivo dela. não desconfiei de nada. especial. – E isso me fez lembrar os alertas do amigo de Minas Gerais. Marquei o dia da viagem para São Paulo. Ao chegar à sala de recepção do aeroporto de Guarulhos não é que havia um senhor com seus 40-45 anos que me fez um sinal e perguntou-me se eu não era Ernesto Bono. e da facilidade com que certos ETs liam a mente alheia – O comunicador paulistano colocou em palavras tudo o que havia acontecido com minha filha. eu lhe disse que viajaria para São Paulo imediatamente. Eu simplesmente não o conhecia. porque nunca tinha escrito nada com tantos detalhes que só eu podia conhecer. Longe estava de parecer um ET ou um comandante alienígena disfarçado.

Daquele belo continente sagrado e que era a Atlântida. Lemúria. e todos ficaram contentes em revê-lo e falavam efusivamente. impressionou-me sobremaneira. dos planetas habitados. Ou seja. Por fim. quase humano e com poderes paranormais. Aí ele se encontrou com uma porção de amigos. idoso e chorando e implorando aos deuses que não permitissem a destruição daquela terra onde vivia. executivos.andar sessenta quilômetros é que se deu conta. capaz 247 . Suméria. pois. chegamos numa zona central de São Paulo e num hotel que ele havia escolhido para mim. e ele também. Falou-me também do Sistema Solar. como ele dizia. Mais adiante ele me confessou que esse era o seu pequeno exército em São Paulo. de preferência escolheu comida vegetariana. Não era um hotel de luxo. porque ela estava viva me aguardava. sendo que ele. Nesse ínterim quis saber como eu havia escrito livro. Podem imaginar a alegria que isso me causou. provocava vidências de vidas passadas. e aí ele disse-me que nesse mesmo hotel estava hospedada uma senhora. bancários. Após tanto andar de carro. Depois certamente para me impressionar começou a falar do passado histórico da Terra. Mais tarde voltamos para o hotel. Uma em especial. Fomos a um restaurante que tinha bufê livre e vendia a comida a peso. sobre minha vida. antigo Egito. sobre história. suscitou em mim visões de épocas distantes. de Civilizações e galáxias distantes. ajoelhado. Parou com isso e acrescentou que depois teríamos que falar da tentativa de resgatar Adriana. Hiperbórea. estando acordado. gente madura como ele. inclusive a elevação de onde eu estava. Eu me servi. Pois. Aí deu volta. Investigou meu conhecimento sobre ufologia. Vi ondas gigantescas vindas do horizonte marítimo. chorando e implorando piedade. como se fosse um jornal aberto. alegando que era econômico e bem de acordo com as minhas possibilidades. pegamos um metrô e fomos almoçar. – Kitaro ou Kitara era um Elementar Superior. mas não da história acadêmica e sim daquela primi-história que só poucos conhecem. uma auxiliar ou uma kítara. uma aliada dele. e depois alcançando a praia e por fim cobrindo tudo. minha família. sobre a filha morta ou até mesmo abduzida. Estranhei porque finalmente era ele que conseguia ler minha mente. Para me convencer mais um pouco das suas estrondosas possibilidades. Atlântida. Vi-me no alto de um monte. Um velho solitário. E ficava perto da Praça Quinze. comerciante.

A senhora se chamava Inês. estavam livres das conseqüências cármicas de seus atos. Na ocasião eu morava sozinho. Geralmente atuavam como servos de Deuses ou de Filhos da Luz Especiais que se encontrassem na Terra. Alan a instruiu a meu respeito. Guatama. nem que tivesse que acabar no inferno. pretenso comandante.de praticar alta magia. Ele autor. foi o que me prometeu. malgrado algo intimamente me alertasse contra o que essa dona ia fazer. porque ela era uma boa criatura. mas minha filha Juliana achou que eu estava sendo enganado. se hospedar na minha residência e me ajudar na purificação cotidiana. disse-me que para eu poder participar do resgate de minha filha. não podia comer carne ou alimentos carnívoros. eram excelentes aliados dos Filhos da Luz – Alan ou o amigo paulistano. e para eu poder entrar dentro de uma nave que se dirigisse para o local em que ela estava. e ela se hospedou em meu apartamento. Ela não opôs nenhuma resistência. não podia beber álcool. Alan viria para Porto Alegre para completar a missão. . mais ou menos inteligente. sobre o que tinha que fazer comigo ou como proceder. A mulher que estava no hotel. 248 . a auxiliar ou a kítara teria que viajar comigo para Porto Alegre. e isso durante 60 dias. E inclusive no Brasil como auxiliar do Alan (pseudônimo). não podia matar animais domésticos etc. Não podia praticar sexo. que faria qualquer coisa. e se apresentou como morando no interior do Estado de São Paulo. Depois disso se tentaria viajar e ir ao encontro dos eventuais raptores de AB. usar drogas. concordou plenamente e prometeu fazer tudo o que fosse necessário. figuradamente falando. Depois disso. eu tinha que me purificar em profundidade. Eu estava tão enlevado e envolvido que não resisti a nada. e qual a finalidade de minha pretensa purificação ao longo de 50 dias. Só que eu havia jurado que pelo amor que eu tinha por AB. aparecia com outros pseudônimos tipo Ananken. Os dois filhos que de tempo em tempo também moravam lá não gostaram de tal presença. mas nunca atuavam perversamente. de meia idade. E descobri que ela havia sido secretária do Alan em muitas ocasiões anteriores. e que era simpática. mas também não se opuseram por completo. Eram somente 50 a 60 dias. Meu filho menor não disse nada. Numa Perseu. ela o havia ajudado a escrever quase 15 livros que ele redigiu para ela. Viajamos para Porto Alegre. não tanto quanto o seu senhor. Travei então conhecimento com a tal senhora.

até ela dizer que eu estava pronto. De minha parte. eu tinha que fazer um banho com água e ervas fervidas. ao todo seis ou sete. Alan. Modernamente falando teria sido Julio Verne e inclusive o Lobsang Rampa. não só se valia de sua individualidade original. ela foi boa amiga e fez comigo as “limpezas” que tinham que ser feitas. Esse Mayrin que nunca morria. Pai-Mãe de Alan). Aquilo que a umbanda chama de banhos de descarga E fui fazendo isso. por minha conta. o que ela tinha que fazer comigo. só que este Louisius. Eu teria sido irmão dele. depois que atuou como Prometeu. daí porque no mesmo século XIX ele apareceu como o espírito do Rochester e como Julio Verne. e sim o tal “espírito” era uma presença física palpável e que pouca gente conheceu. a Inês por sua vez havia sido médium para incorporar o espírito do conde de Rochester. em verdade não era um suposto espírito desencarnado. Isso ele me provou. digamos às 19 horas e se prolongavam quase por duas horas. um personagem cósmico e Filho da Luz. de imposição das mãos na cabeça. voltando a aparecer no nosso meio. 249 . simplesmente não morria. Utiliza corpos cedidos por terceiros enganados.“Em vidas passadas”. O rosto da Inês atual com a qual convivi era e é idêntico ao da Wera Krijanowski. Como escritor. Mayrin ou Alan. como manda o figurino. de preces numa língua que só ela entendia. tinha sido feito. No final. evocando Hur-Mah (ou Deus. sendo uma Kítara antiga também não morria e simplesmente voltou a aparecer.. Ela se valia de mantras (palavras sagradas. ente espiritual. como também utilizava as personalidades de seus chakras. cantadas). religiosamente. Reaparecendo sempre encarnando diversos personagens. Ou seja. antes de tudo teria sido e continuava sendo Mayrin. todos os dias. durante 50 dias. a Inês havia sido a Wera Krijanowski que incorporando espiritualmente o Rochester psicografou quase 50 livro no século XIX-XX.. A Inês atual. E isso ela me confessou Só que o tal de Rochester e que parece ter vivido dois séculos antes na Inglaterra. ser excepcional (e não sei por que mentiroso). Mas voltando ao tema da Inês hospedada na minha casa. Louisius. Hermes Trimegisto. por exemplo. de “mudras” (de imagens sagradas). Os trabalhos começavam. na Rússia antes da revolução. teria sido diversos personagens históricos como. Confiava e acreditava piamente no Alan. ver o livro O Chancheler de Ferro publicado pela FEB. se apagou e sumiu. Ou seja. Se quiserem conhecê-la. mantive todas as abstenções recomendadas. Mayrin reaparece sempre como um entrante. de passes magnéticos e algo mais que me esqueci.

E assim terminou mais uma triste estória ou mentira. não poucos ETs tidos como benevolentes são assim. eu não podia efetuar a tal viagem num disco. Não sei por que me fez uma patifaria como essa. Todos os grandes Mestres ou Filhos da Luz que passaram pela Terra tinham seus kítaros fiéis e auxiliares perfeitos. O eventual resgate de A. Depois nunca mais soube do dito cujo. Os que superam esta fase difícil da juventude. para ir a algum local do Brasil Central e resgatar minha filha. como tantos. tornam-se “yuppies” que.Estava feito um monge casto e puro. me deu a punhalada que faltava. são aqueles respeitáveis cidadãos competitivos. ou simplesmente largou o notório cascão que utilizava e se transferiu para outra dimensão. quem sabe. simplesmente são anulados para a Vida Verdadeira. como todos sabem.. NÃO MORRAM! Sou pai de família. Lamento dizê-lo. e ando muito preocupado com meus próprios filhos. Mesmo estando pronto – estupidamente isso foi o que eu achei – ele disse-me que por motivos superiores. ficaria para mais tarde. com ele. a utilizar outro cascão. passando. e fazendo de seu 250 . Aliás. sempre lutando por uma condição existencial mais vantajosa. Viciam-se com drogas terríveis e mortais ou condicionam-se às futilidades e mesquinhezas de uma sociedade corrompida. mas agiu como um canalha e mentiroso. só fiquei sabendo muito mais tarde que ele também havia morrido de repente. emporcalhando o mundo. Esperei pelo aparecimento do Alan. Meus cuidados prendem-se ao fato de que atualmente estão morrendo e desaparecendo muitos jovens (tanto eles quanto elas)! Se não morrem ou desaparecem. que foi aparecer só 20 dias depois. gananciosos. Alegou que os raptores de AB previamente ficaram sabendo do eventual resgate e que se alguém tentasse fazer isso iriam matar AB.B. E aí o fantástico dito cujo. mas se abstinha de mostrar poderes mágicos. Ela era uma kítara que só obedecia ordens e acreditava fielmente no seu mestre. com corpo e tudo. mas me preocupo principalmente com os filhos do próximo. como vinha fazendo ao longo dos séculos. FILHOS E FILHAS..

O corpo original vivo ou já cadáver. inertes. Por outro lado. Poucos. os jovens eram facilmente arregimentados por qualquer rei. salvo raras exceções. confrontos que eram deflagrados em campos de batalha a céu aberto. não somente esvoaçavam as aves de rapina. como também flutuavam vampiros invisíveis de todos os tipos. e morriam aos milhares em guerras estupidamente patrióticas. eles utilizavam como um boneco. decepados. eviscerados. traficantes e bandidos. mas esse foi banido do mapa pelos eternos bandidos senhores do poder. Não poucas entidades do além. morando em casas miseráveis e. barão ou tirano. boa para explorar. deslizavam as feras da carniças. degraus para subir na escada do sucessos e da fama social. quando não se transformam em agentes da lei caolha. por sua vez – ou viram logo pai de muitos filhos. menos favorecida. Sugam o tutano do próximo até as últimas conseqüências. de seus iguais. quando deixavam.. É claro que a situação geral não é tão ruim assim. 251 . ou também em intermediários de sabe lá Deus oi quê etc. porque ainda subsiste a classe dos trabalhadores que tenta ser mais ou menos equilibrada. ela não consegue ser melhor porque o Capital. uma cópia boa para enterrar ou simplesmente um clone. A única solução seria um nacional socialismo sadio.próximo. antigamente. Era triste e lamentável ver a assombrosa quantidade de belos corpos jovens. posteriormente. retiravam do local cadáveres bem apessoados e bem conservados. a sugarem os restos de vitalidade que pairavam no ar. exploradores do próximo. E que labuta infernal era depois enterrar em vala comum todos aqueles cadáveres. E são exatamente essas as imagens que as TVs de todo o mundo espalham aos quatro ventos. príncipe. porém. triturados pela monstruosa máquina da guerra de todos os tempos. como um retrato da sociedade moderna. junto a corpos indefesos ou inertes. por conseguinte viram mão de obra barata.. duque. em mercenários. moribundos e feridos. os grandes patrões são impiedosos e gananciosos. O Estado comunistóide ou similar é bem pior. como um cascão vazio bom para dar cabida a um entrante ou a um ET safado. se apercebiam de que ao largo daqueles campos cheios de mortos. ETs nefastos inclusive. contudo. Os jovens da classe baixa. conde. mortos. deixando no lugar. desmembrados. pau para toda obra – ou viram mau caráter. em pseudos salvadores de almas ou pastores de igrejinhas.

O cadáver ou o cascão recondicionado e reavivado. corrompidos e mal intencionados lhes matam o “EU”.Graças a isso. Tal como acontecia ontem. que vira peça de engrenagem. depois. Onde está a virtude e a beleza dela? Parem de virar PASTO para vampiros desconhecidos e inclusive comida para certos alienígenas bandidos (ETs)! Vocês não são máquinas. Hoje os campos de batalha a céu aberto cederam lugar aos acidentes de trânsito. aos assassinatos descabidos e incessantes. do mal que todos vocês estão fazendo contra vocês mesmos. que não discernem e que. em computadores ambulantes. finalmente à anulação do ego. ao assassinato do Caráter e. Por favor. como de fato sói acontecer em nossas “trevas exteriores”. meus iguais. de humanos safados e ladrões desalmados! Vejam como “eles” impuseram a calça jean. quando alguns homens. Esses tolos em geral assimilam muito bem “o que pensar” ou a falsa erudição alheia. que não avaliam. para transformarem-nos em estátuas que andam. aos suicídios de gente que sequer começou a viver. meus filhos. principalmente – à anulação do “EU”. vocês não são CASCÕES! Vocês não nasceram para virar peça de engrenagens.. às guerras de quadrilhas. em duelos e em guerras estúpidas morriam por nada. e em marionetes que não pensam. mas por muitos outros venenos mais. bem mais velhos. já na flor da idade. lhes corrompem o caráter e lhes anulam até mesmo essa calamidade pública chamada ego. aos envenenamentos por drogas. em que certos jovens. Parem de ser tubos de ensaios de experiências alheias.. sempre repetem as tolices e bobagens de terceiros. com seu respectivo entrante intruso. hoje esses mesmos jovens se deixam matar ainda mais. alguns malévolos do além e mais sutis evitavam a necessidade de ter que reencarnar. à intoxicação geral de jovens desavisados – intoxicação não só por drogas. do mercado de consumo. mas raramente sabem “como pensar” e quando “parar de pensar. mas se apercebam. em confrontos mortais. ia desempenhar um papel qualquer. parem um pouco e reflitam! Se apercebam de todo o mal que fazem contra vocês. para o bem deles mesmos. ou até mesmo um papel muito importante neste nosso mundo podre e corrompido. quando usam a cabeça. principalmente. em preciosas engrenagens da grande máquina mundial do “big brother”. Contribuía assim para que o mundo se tornasse cada vez pior. para virar formas vazias e 252 .

jovens amigos. Se flagrem. chamada morte acrescentada. e que parece ser tão fácil ser liberada num ato criminoso que monstros sem alma executam!. por favor. por Deus. mas também se defendam como puderem. pelo amor de Deus. tenham cuidado! Vivam e deixem viver! Amem e respeitem. 253 . façam (de e) com vocês sempre o que bem entendam. atendam este telefone!” Portanto. amem e deixem viver tudo o que está dentro da Lei da Harmonia! Filhos e filhas. por favor. não morram! Deus Vivo no Coração de vocês é Vida e não conhece essa coisa horrendo. se apercebam! Filhos e filhas. Não aconteça com vocês o que aconteceu com alguém que mesmo que seqüestrada. tanto os deste mundo. clamem que o clamor abala e retrai os velhacos e sacode ou comove os verdadeiros. vivam. não se deixem matar! Filhos e Filhas..marionetes! Vocês são a expressão máxima da VIDA! Por isso eu clamo. quando se fizer necessário! Não é possível que os bandidos de todos os tempos. como os do além.. conseguiu proferir um lamento comovedor e profundo: “Alô.

e uma desta. Qual a necessidade de tantas flores no mundo? Apenas as rosas bastariam! Mas a Existência é farta – milhões e milhões de flores. capitanear um sistema solar? Parece que não há necessidades. bem num centro. Que a Existência não admite pobreza! Só o ser humano acredita em pobreza e a aceita..EPÍLOGO . você é aceito pela lua. nas árvores. você não existe separado da Natureza. através dos pinheiros.. Está dançando em toda parte – no oceano. milhões e milhões de pássaros bilhões de animais – tudo em abundância. DELEITE-SE NELE! Você é aceito pelo sol... Está cantando em toda parte – no vento passando. Qual a necessidade de milhões de sistemas solares Qual a necessidade de cada galáxia ter milhões de estrelas. Todos somos um só. e por isso sofre. nos pássaros. Nasceu para viver na mesma abundância das flores. Vive na inconsciência... você é aceito pelas árvores 254 . É filho do Infinito. encoberto pela própria escuridão. completamente ignorante a respeito de sua Origina Divina. que a riqueza é a sua própria essência. exceto que a abundância é a própria natureza da Existência. mas se comporta como mendigo. A Natureza não é casta e falsamente puritana. Amigo. das plantas e dos pássaros...POEMA E ENSINOS DO GRANDE MESTRE OSHO Simplesmente olhe para a Existência e sua abundância. Uma única energia! Você é aceito por todo esse Universo. Ela é fértil.

como um perfume. ladrões e vampiros. reticulianos. pelos poucos que constituem “a anti-humana raça”. e no aquém. personificados no além pelos ETs nefastos (ou rigelianos. O QUE MAIS VOCÊ QUER? Assim como tudo na Natureza. para ensinar sabedoria e amor! Digo Eu (EB): Amigos. sabem por que da pobreza e miséria na sociedade humana? Por causa dos eternos mentirosos.Você é aceito pelo oceano. você é um ser ABSOLUTAMENTE SAGRADO! Você nasceu para as grandes alturas. Voe sem medo... você é aceito pela terra. Apenas passou pela terra. porque você é o próprio INFINITO! OSHO ou Rajneesh. no século passado. mestre indiano que nunca nasceu e nunca morreu envenenado. reptilianos e alfa-cinzentos). a descendência deles! 255 ..