You are on page 1of 5

ROTEIRO DE ESTUDO

Curso: Série: Disciplina: Professor EAD: Tema: Objetivos do Tema Serviço Social 3º Psicologia Social Helenrose A da S Pedroso Coelho Indivíduo, cultura, sociedade e pesquisa Período Letivo: 1º bimestre 2013-1

A abordagem do ser humano como ser social, como ele se constrói a partir do seu nascimento. • O conceito de cultura como sendo o conjunto de crenças, valores, símbolos, idioma, tecnologia, normas e sanções de um determinado grupo a importância da discussão do tema no contexto atual, diante da globalização, onde várias etnias tentam sobreviver. • A neutralidade do pesquisador, a forma de conceber e realizar a pesquisa, a relativização da verdade.
RESUMO DO TEMA

Neste capítulo nós veremos o conceito de cultura e compreenderemos a sua importância para o profissional do Serviço Social. A cultura é responsável pelo conjunto de traços que indicam como devemos agir, pensar, nos vestir e quais valores, costumes devemos preservar e transmitir. Assim, veremos a influência da cultura entre os membros da sociedade. Estudaremos noções de subculturas e de grupos sociais, para compreender a influência destes na dinâmica social. Trabalharemos com os conceitos de status e de posição social para avaliar como se dá a estratificação social. Além disso, aprofundaremos o tema sobre a questão dos papéis sociais que são

desempenhados pelos indivíduos dentro dos grupos sociais. Outro processo fundamental a ser estudado é a socialização - que começa em casa com a família e posteriormente é realizada por meio da escola, outras instituições, grupos de status e de referência. Além disso, estudaremos como se faz uma pesquisa na área social. Isso é importante porque os trabalhos nessa área devem ser feitos de modo específico, com metodologias e técnicas exclusivas dessa área.

Por dentro do tema

pois a Psicologia Social é uma disciplina autônoma. os padrões decorrentes da vida social que determinam a ação e que são observáveis pela recorrência do relacionamento entre as pessoas. o indivíduo tem os seguintes papéis: filho. vamos adquirindo papéis sociais. Segundo Lane (1988). procura articular as regularidades com a ação. ou seja. adquirimos comportamentos de acordo com a necessidade social.Na maioria das vezes em que falamos em Psicologia Social nos reportamos à ideia da junção entre a Psicologia e a Sociologia. Por outro lado. estatizante e ideológica. ou seja. ou seja. quando criança. tem como objetivo conhecer o indivíduo dentro do conjunto de suas relações sociais. existem diferenças quanto à problemática teórica dos problemas de investigação e dos paradigmas. Tanto a Sociologia como a Psicologia partem de perspectivas teóricas distintas. percebendo como a estrutura condiciona a ação e como esta produz aquela. Ao longo da vida. não é somente isso. A Psicologia Social vem romper com a oposição entre o indivíduo e a sociedade. construindo. Se o homem não for visto como produto e produtor. assim. enquanto objeto que seria excludente. na realidade. o objeto de estudo da Psicologia Social são os indivíduos no contexto social. procura analisar as relações entre indivíduos. pois é através dela que aprendemos e transmitimos a informação e o conhecimento da sociedade. A psicologia evidencia a interação entre determinantes biológicos e culturais das condutas e elucida as funções psicológicas do homem enquanto ser que se adapta ao meio. se a Psicologia apenas descrever o que é observado ou enfocar o indivíduo como causa e efeito de sua individualidade. mas. ela terá uma ação conservadora. conforme vivemos em sociedade. Assim. não só de sua história pessoal. A Psicologia Social. grupos e representações sociais. observando a cultura a que pertencem. a sociologia procura realçar as regularidades que existem na sociedade. distintos objetos científicos. Por exemplo. porém. mas da história de sua sociedade. . Dessa forma. categorias. a Psicologia estará apenas reproduzindo as condições necessárias para impedir a emergência das contradições e a transformação social.

vamos adquirindo muitos outros papéis. É óbvio que as diferenças individuais de personalidade imprimem diferenças no desempenho dos papéis.irmão. Os papéis sociais são formas de funcionamento do indivíduo em relação ao meio. As organizações e os grupos sociais podem ser investigados por meio dos papéis que contêm. a natureza. mas a estrutura geral do papel é a mesma. De outro modo. sobrinho. amigo. O vínculo do indivíduo com os objetos surge do desempenho de determinados papéis. os animais. integradas. porque desempenhamos vários papéis ao . colega. que são desempenhados por sujeitos que podem ser trocados. Conhecendo a cultura e todos os seus aspectos faz com que percebamos que aprendemos comportamentos e hábitos previamente existentes em nossa cultura e que passam a ser impostos a nós. pelo menos. O desempenho de papéis se relaciona às características de personalidade de. as outras pessoas e o mundo interno de cada um. A questão do papel social é extremamente relevante para a existência de uma equilibrada convivência em sociedade. No meio estão incluídos os objetos. depois vai para a escola e adquire outros: aluno. duas maneiras distintas. neto. O conjunto de direitos e deveres que caracteriza uma posição modifica de uma cultura para outra e de situação para situação. Quanto mais o tempo passa e vivemos em sociedade. também vão influenciar na escolha do papel a ser desempenhado. além de fazer com que a pessoa desempenhe seu papel de forma própria e única. As posições que os indivíduos ocupam na sociedade possuem uma delimitação bem definida porque existem diferenças de direitos e deveres entre elas que são aceitas por toda a sociedade. Levando em conta que personalidade é o conjunto de características do indivíduo que. Essas diferenças fazem parte da cultura específica de cada grupo social e não necessariamente estão explicitadas em documentos oficiais. a tecnologia. estabelecem a forma pela qual ele reage costumeiramente ao meio. pode-se entender que essas características. podemos dizer que os papéis existem independente dos sujeitos.

e é proveniente dele e. podendo. Podemos concluir que o comportamento humano se dá em um ambiente social. ser implacável na obediência do seu trabalho ou possuir uma atitude mais branda com o amigo? Você acha que Joaquim deve manter uma neutralidade? A situação de papel social aparece neste texto? De que forma?Os alunos podem aprofundar o tema . amiga são desempenhados concomitantemente. PERGUNTA DESAFIADORA REFERENTE AO TEMA DA AULA Sugestões para o professor: Em grupo de 4 pessoas. Além disso. como Joaquim deve proceder neste caso. dessa forma. leia o texto abaixo e faça uma análise da situação: Joaquim é um renomado delegado de polícia da cidade em que nasceu e é onde vive a sua vida inteira. Joaquim se encontra num dilema. possui um amigo que gosta muito. cujo nome é André. entender como a interação social acontece. a pesquisa na área social tem suas particularidades em relação às pesquisas que são realizadas em outras áreas e por isso possui uma metodologia e técnicas específicas dessa área. Por exemplo: os papéis de mãe. quando encontrá-lo. ao mesmo tempo. o determina. já que o mesmo fugiu da cidade. ao mesmo tempo. esposa. que Joaquim se identificava com o “mocinho”. mas por outro lado. mas na juventude. profissional. por isso podemos visualizar a importância de não dissociar o homem do seu meio e das suas relações interpessoais. Na sua opinião. Durante a infância.mesmo tempo no meio em que vivemos. Desde a infância. sabe que terá que prender André. se identificava com o “bandido” dos jogos. irmã. não sabe como irá encarar o amigo. A contribuição da Psicologia no campo social é bastante ampla. isto não era uma questão importante. André desde suas brincadeiras de infância. André se tornou um grande contrabandista da cidade. pois possibilita o conhecimento dos mecanismos de funcionamento dos indivíduos no meio social.

.da identidade. o desenvolvimento da personalidade. a influência da cultura na formação do indivíduo.