You are on page 1of 15

Universidade do Estado do Pará Centro de Ciências Sociais e Educação Curso de Licenciatura em Ciências Naturais

Alinne Suellen Nonato Lopes Amanda Mayara Carvalho Duarte Dhenison Carlos Guimarães

EDUCAÇÃO ALIMENTAR E REVITALIZAÇÃO DA HORTA ESCOLAR NA COMUNIDADE DO LARANJAL

Barcarena-Pa 2011

NÚMEROS DE VAGAS: Serão ofertadas 44 vagas. sendo que envolverá também outros integrantes da comunidade escolar. TÍTULO DO PROJETO EDUCAÇÃO ALIMENTAR E REVITALIZAÇÃO DA HORTA ESCOLAR NA COMUNIDADE DO LARANJAL .PÚBLICO-ALVO O projeto será desenvolvido com alunos da 3ª e 4ª série do ensino fundamental.

merendeiras e integrantes da comunidade . A fim de habilitar os sujeitos envolvidos .alunos da 3º e 4ª série do ensino fundamental. que se localiza em uma região periférica do município de Barcarena no Estado do Pará. . além de professores.para que conservem a horta escolar.RESUMO O projeto objetiva incentivar hábitos alimentares saudáveis na comunidade do Laranjal e revitalizar a horta da escola “Zita Contente Magno Cunha”.

JUSTIFICATIVA Uma dieta equilibrada e saudável é resultado da utilização de alimentos que são fonte de nutrientes. podem ser evitadas com uma alimentação apropriada. verduras e legumes. Vale ressaltar que várias doenças. já que as exigências são maiores. como as hortaliças. incorporando hábito de plantio. Sendo assim. bem como o resgate dos valores socioculturais e educacionais por meio desta atividade. o que torna bastante acessível a pequenos agricultores e familiares. Perante essas exposições. . não auxiliam com eficácia no processo de nutrição. vários tipos de câncer e outras doenças. rica em frutas. Em nossa região. desnutrição. É importante fazer uma ingestão diária de nutrientes para uma alimentação equilibrada. cuja forma de uso vai além da função utilitária da ação. uma parcela considerável da população não tem o hábito de abranger as hortaliças em suas dietas alimentares e tampouco de cultivá-las. que atenda as necessidades do nosso organismo. pois o corpo humano não tem habilidade de reter vitaminas e sais minerais pro muito tempo. Trata-se de uma circulação de ação participativa. o consumo das hortaliças pode ser uma opção ao uso de vitaminas sintéticas que. tais como: obesidade. além serem mais caras. que são facilmente cultivadas com baixo custo de implantação e manutenção. cuidado com as plantas e conversação da produtividade da horta. passa a existir o interesse em realizar o projeto “Educação Alimentar e Revitalização da Horta Escolar na comunidade do Laranjal”. introduzi as hortaliças nas duas principais refeições deve ser estimulado especialmente na fase de desenvolvimento e crescimento saudáveis das crianças. Conhecendo a precisão de se inserir vitaminas em tais regimes.

cebolinha. alface. através da sensibilização do consumo de hortaliças de boa qualidade e sem agrotóxicos. para que a própria possa prosseguir com o projeto.  Apresentar as diferentes hortaliças. repolho. bem como alertar quanto a importância de inserir alimentos saudáveis na alimentação diária.  Valorizar e incentivar novos hábitos alimentares saudáveis. como: couve.OBJETIVOS Objetivo geral: Realizar um treinamento com a comunidade do Laranjal sobre como fazer a manutenção da horta da escola.  Informar a comunidade por procedimentos necessários para a manutenção. abóbora e pimentão. que podem ser utilizadas junto com os alimentos ressaltando suas propriedades nutricionais e benefícios a saúde. . Objetivos específicos:  Oportunizar aos participantes o cultivo de plantas utilizadas na sua alimentação. tempo de plantio e colheita.

Fe. merendeiras e os integrantes da comunidade. alface e cebolinha). resultando numa horta comunitária. abóbora.  Propagar a ideia para que toda a comunidade participe. I e K) necesários para uma dieta equilibrada e saudável.  Complementar a merenda escolar com no mínimo quatro variedades de hortaliças (couve.  Habilitar os alunos.RESULTADOS A SEREM ALCANÇADOS:  Estabelecer um processo de troca de conhecimentos. . assim como sais minerais: Ca. B1 e A. K. para que a mesma não volte ao estado de abandono por falta de pessoas que saibam lhe dar com o cultivo. para que façam a manutenção da horta. E.  Informar dos valores nutricionais das plantas citadas anteriormente (vitaminas: C. professores.

A proposta de utilizar a horta escolar como meio transformador do processo ensino/aprendizagem inclui a política da transversalidade do conhecimento e da cidadania na comunidade do Laranjal. fotossíntese. temas como nutrientes do solo. Em contrapartida a horta irá estimular a participação dos pais no cotidiano escolar e consequentemente estreitar o elo comunidade/escola e resgatar os valores sócio-culturais. A sugestão de se trabalhar o projeto com a revitalização da horta escolar na comunidade do Laranjal tem como um dos objetivos a educação alimentar e a capacitação dos participantes para manutenção da horta. além de agregar o habito do plantio e o consumo dessas hortaliças. em “Projeto Horta” p. Além de complementar a merenda escolar e a alimentação de algumas famílias. o Projeto Horta pode ser um verdadeiro laboratório ao ar livre para as aulas de Química. Biologia e Matemática. tendo em vista a utilização das hortaliças cultivadas na merenda escolar. na prática. Os alunos aprendem. na qual o projeto será desenvolvido. a vida dos insetos e medidas de áreas (Paty Fonte.2). aprendem. desenvolvimento de plantas. convivem e trabalham unidas. temperatura. Física. segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS).REFERENCIAL TEÓRICO: A escola é um dos melhores espaços para a promoção de saúde. luminosidade. . devido ser um local onde as pessoas passam grande parte do seu tempo.

esta é uma comunidade bastante carente que se localiza na periferia do município de Barcarena/Pa.METODOLOGIA A SER EMPREGADA No referido projeto. a fim de facilitar a compreensão e aprendizagem dos participantes de como fazer a manutenção da horta escolar. 20 integrantes da comunidade: que podem ser os próprios pais dos alunos. Como a escola já possui uma estrutura montada e um espaço destinado para a implantação da horta. A metodologia que utilizaremos será a teórico-prática. 02 professores. a) Primeiro dia  (MANHÃ): Apresentação da justificativa e dos objetivos do projeto para os participantes acerca do tema: “Educação alimentar e revitalização da horta escolar da comunidade do Laranjal”. sua importância e como mantê-la. . utilizando Datashow para esclarecer por meio de imagens: o que é horta escolar. preferencialmente. iremos trabalhar na revitalização desse espaço. da área de ciências. 02 merendeiras: 01 do turno da manhã e 01 do turno da tarde. para o que serve. E posteriormente desenvolveremos a parte prática. pretende-se trabalhar com a escola “Zita Cunha” e a comunidade do Laranjal. E depois aplicaremos um questionário como forma de sondagem de seus conhecimentos sobre nutrição e manutenção da horta. Em um primeiro momento abordaremos a parte teórica. Sendo que o público-alvo estará disposto da seguinte forma:     20 alunos: 10 alunos da 3ª série e 10 alunos da 4ª série. Em seguida promoveremos a interação dos participantes do projeto com uma dinâmica. além de oferecer uma capacitação quanto à manutenção da horta escolar e fazer abordagens referentes à educação alimentar e sua importância para uma boa nutrição.

 (TARDE): arar a terra e demarcar os canteiros. docentes. (TARDE): adubação feita por compostos orgânicos. (TARDE): Envolveremos os participantes em uma discursão apara tirarmos as dúvidas a cerca da importância de conservamos a horta na escola e a importância de utilizarmos as hortaliças cultivadas nas refeições diárias dos alunos. d) Quarto dia  (MANHÃ): apresentaremos aos participantes do projeto as sementes que serão plantadas. b) Segundo dia  (MANHÃ): Envolveremos os discentes. abordaremos sobre os cuidados com a horta. Começaremos o processo de revitalização da área.  (TARDE): semeadura. E depois. com o cercamento e a limpeza do espaço. merendeiras e membros da comunidade em uma atividade lúdica que desencadeie a questão do cultivo das hortaliças. época de plantio. c) Terceiro dia   (MANHÃ): montagem dos canteiros. além dos seus benefícios nutricionais. Em seguida abriremos espaço para possíveis perguntas e contribuições sobre como realizar a manutenção da horta. colheita e controle de pragas. . para voltarmos a aproveitar o local como horta.

 (TARDE): encerramento cultural com apresentação de dança dos alunos da APAE de Barcarena juntamente com a comunidade do Laranjal.e) Quinto dia  (MANHÃ): organizaremos um momento de socialização da aprendizagem sobre as vantagens oferecidas pelas hortaliças e os tipos de complicações a saúde elas podem combater. Durante a realização do projeto destinaremos 20 minutos diários para o lanche. .

Agronomica Ceres. – São Paulo: Ed. Pedagogia do Oprimido./mar. Porto Alegre. Jorge Luiz.2007. 1985. 17° ed. Revista do Professor. Álvaro A. Rio de Janeiro. PIMENTEL. 1997. FORTUNA. 29-34 jan. Olericultura no trópico úmido: hortaliças na Amazônia/ Álvaro Algusto Moussallem Pantoja Pimentel. Pantoja. . P. Horta para Aprender: espaço na Escola para práticas de educação ambiental e de cidadania. Paulo. Paz e Terra.REFERENCIA BIBLIOGRÁFICA FREIRE. M.

30 0.00 25.65 6.00 1.ORÇAMENTO DE RECURSOS MATERIAIS MATERIAL DE QUANT.00 26.00 1.00 25. metro.50 20.00 6.20 6.60 .00 3.00 3.00 R$ 439.00 7.50 2. (Unidade.00 6. Rolo. UNITÁRIO Dúzia) Papel A4 TNT Cartolinas Adubo orgânico Luvas de látex Cola Caneta porosa colorida Sementes Açúcar Terçados Enxada Bolacha Suco de caju 01 20 10 04 48 01 02 18 03 02 01 01 10 Resma Metros Unidades Sacas Unidades Litro Caixas Pacotes Quilos Unidades Unidade caixa garrafas 13.00 8.00 27.00 18.00 1. VALOR VALOR TOTAL CONSUMO/DESCRIÇÃO caixa.50 40.80 TOTAL: 13.00 80. Litro.00 8.00 175.60 20.

MATERIAIS PERMANENTE NECESSÁRIO PARA REALIZAÇÃO DO PROJETO Retroprojetor ( ) Micro System ( ) Vídeo cassete ( ) Televisor ( ) OUTROS (x) Especificar: Data-show .

GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE DO ESTADO DO PARÁ PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO CAMPUS AVANÇADO 2011 Alinne Suellen Nonato Lopes Amanda Mayara Carvalho Duarte Dhenison Carlos Guimarães Alex Ogaranhya Otobo EDUCAÇÃO ALIMENTAR E REVITALIZAÇÃO DA HORTA ESCOLAR NA COMUNIDADE DO LARANJAL Barcarena-Pa 2011 .