CONTABILIDADE – AULA 01

CONTABILIDADE – é uma ciência que permite manter um controle permanente do patrimônio da empresa. PATRIMÔNIO – é o conjunto de bens pertencentes a uma empresa ou pessoa, direitos (valores a receber) e obrigações (compromissos assumidos, dívidas a serem pagas). PRINCÍPIOS DA CONTABILIDADE  1) Entidade => Pessoa Física ≠ Pessoa Jurídica. EX: O Sr. Alcides, sócio da empresa Comércio de Alimentos Ltda mora no mesmo edifício onde está locada a sede da empresa. No andar térreo está instalada a empresa e no andar superior, a residência do Sr. Alcides. Existe um único contrato de locação e o valor mensal é de R$1.200,00. Pelo princípio da Entidade parte deve ser da pessoa física e parte da pessoa jurídica.  2) Continuidade => Com exceções, a empresa nasce sem prazo preestabelecido para encerramento. EX: A empresa resolve contrair um empréstimo bancário de longo prazo, para aquisição de um veículo, que será utilizado para entrega de alimentos aos seus clientes. Por este princípio o empréstimo será realizado, pois existe a expectativa de geração de resultados futuros que serão capazes de honrar as parcelas do financiamento.  3) Oportunidade => Registro das variações patrimoniais no momento em que ocorrem. EX: A empresa ao registrar operações ocorridas em maio, percebe que falta o comprovante de pgto de energia elétrica. Por este princípio lançamos o valor pelo mês de abril e quando de posse do documento ajustamos.  4) Registro pelo Valor Original => patrimônio registrado pelo valor original. EX: Uma empresa adquire um terreno em 2008 no valor de R$50.000,00. O terreno valoriza-se pela construção de um Shopping Center próximo ao local passando a ter um valor de R$90.000,00. Por este princípio não podemos ajustar o valor deste bem que faz parte do patrimônio da empresa.  5) Atualização Monetária => Não mais aplicável. Lei 9.249/95 /art.4º - Fica revogada a correção monetária das demonstrações financeiras de que tratam a Lei nº7.799, de 10 de julho de 1989, e o atr 1º da Lei 8.200, de 28 de junho de 1991.  6) Competência => Registro de todas as despesas e receitas será feito de acordo com o fato gerador no período de competência. EX: Emissão de nota fiscal de venda em 15/04/2010 e recebimento em 15/05/2010. Por este princípio lançaremos a receita no mês de abril (competência).  7) Prudência => Diante de duas opções possíveis para alteração do patrimônio será escolhida a opção que diminui o patrimônio. EX: Um empregado aciona a justiça trabalhista pedindo R$150.000,00 ref. a verbas que afirma, não foram recebidas. O contador procura o advogado que diz que existe 50% de chances de o ex-funcionário ganhar. Sendo assim ele provisiona o valor como contingência trabalhista (exigibilidade) FUNÇÕES DA CONTABILIDADE  Registrar – todos os fatos em valor monetário;  Organizar – Um sistema de controle adequado à empresa;  Demonstrar – expor periodicamente a situação econômica, patrimonial e financeira;  Analisar – finalidade de apuração de resultados obtidos pela empresa;  Acompanhar – prevendo quantias a pagar, a receber, alertando para eventuais problemas.

USUÁRIOS DA CONTABILIDADE  INTERNOS – relacionadas com a empresa.  Bancos – Analisar concessão de financiamentos.FINALIDADES DA CONTABILIDADE  Controle – através de relatórios contábeis – ação em conformidade com planos traçados. .  Governo – Tributação e planejamento macroeconômico.  Clientes – medir integridade – pedidos atendidos nas suas especificações e no tempo acordado.  Fornecedores – conhecer para continuar ou não transações comerciais.  EXTERNOS – pessoas ou organismos sem facilidade de acesso direto às informações.  Diretoria – Execução de planejamentos organizacionais.  Gerentes – tomada de decisões.  Planejamento – Planos orçamentários – processo de decisão – curso de ação.  Funcionários – Pleitear melhorias.  Concorrentes – conhecer para atuar no mercado.