QUESTÕES DE RACÍCINIO LÓGICO DA CESPE

ASSUNTO: ANÁLISE COMBINATÓRIA, PERMUTAÇÃO, ARRANJOS, PROBABILIDADE , PROPOSIÇÕES 1 - Q277677 ( Prova: CESPE - 2012 - ANATEL - Técnico Administrativo / Raciocínio-Lógico / Análise
Combinatória; )

Considerando-se que, em um aparelho de telefonia móvel do tipo smartphone, o acesso a diversas funcionalidades seja autorizado por senhas compostas de 4 dígitos escolhidos entre os algarismos de 0 a 9, é correto afirmar que há mais de 12.000 possibilidades de senhas distintas para acessar as funcionalidades desse smartphoone.

( ) Certo

( ) Errado

Solução: Senhas distintas é diferente de Dígitos distintos. 10 * 10 * 10 * 10 = 10.000 também são senhas distintas, porém com possibilidade de repetirem-se os dígitos. Como a questão não nos informa sobre a repetição dos algarismos, temos 2 formulas que podem ser utilizadas devido à importância da ordem dos numerias da senha: SEM repetição: A = n!/(n-p)! = 10!/(10-4)! = 5040;

COM repetição: AR = np = 104 = 10000;

1 - Q280074 ( Prova: CESPE - 2012 - ANAC - Técnico Administrativo / Raciocínio-Lógico / Análise
Combinatória; )

Uma aeronave possui capacidade para transportar 138 passageiros arranjados em 23 fileiras com seis assentos cada, conforme ilustrado na figura acima. Com base nessas informações e na figura, julgue os itens a seguir. No caso de determinada empresa solicitar a compra de 18 passagens com a única condição de que os assentos correspondentes estejam todos em três fileiras contíguas, haverá 21 maneiras distintas de se atender a essa solicitação.

( ) Certo

( ) Errado

Solução: Correto. O 1ª comentário está perfeito, é isso mesmo, vou colocar de uma maneira mais fácil de entender: Observe as fileiras 1-2-3-4-5-6-7-8-9-10-11-12-13-14-15-16-17-18-19-20-21-22-23 A primeira maneira de vender as passagens seria 1-2-3-4-5-6-7-8-9-10-11-12-13-14-15-16-17-18-19-20-21-22-23 (seis passagens em cada fileira dá um total de 18) 2ª maneira 1-2-3-4-5-6-7-8-9-10-11-12-13-14-15-16-17-18-19-20-21-22-23 3ª maneira 1-2-3-4-5-6-7-8-9-10-11-12-13-14-15-16-17-18-19-20-21-22-23 4ª

1-2-3-4-5-6-7-8-9-10-11-12-13-14-15-16-17-18-19-20-21-22-23 E assim até o final das fileiras(deslocando de uma a uma)chegaremos com 21 maneiras diferentes de vender as passagens.

1 - Q277669 ( Prova: CESPE - 2012 - ANATEL - Técnico Administrativo / Raciocínio-Lógico / Lógica de
Argumentação; )

Com base nas proposições acima, julgue os itens subsecutivos. A negação da proposição “Ocorre falha técnica na chamada ou a operadora interrompe a chamada de forma proposital” é corretamente expressa por “Não ocorre falha técnica na chamada nem a operadora interrompe a chamada de forma proposital”.

( ) Certo

( ) Errado

) Com base nas proposições acima.Solução: Correto. julgue os itens subsecutivos.Técnico Administrativo / Raciocínio-Lógico / Lógica de Argumentação. 1 . E na segunda frase é só tomar cuidado porque "nem" é o mesmo que "e não".ANATEL . A negação de P ou Q é ~P e ~Q.2012 . .Q277670 ( Prova: CESPE .

uma vez que o antecedente foi considerado verdadeiro pelo julgamento da premissa 1 ser considerada verdadeira.. então necessariamente a conclusão deve ser verdadeira. .não postarei no comentário Partimos agora para P3 V(da P1)--->V. Segue o comentário correto da questão.  ( ) Certo ( ) Errado Solução: Correto. Partimos agora para P2 F(valor contrário do conseguente de P3) v V(da conclusão das premissas) --> V(da afirmação de P4).. que por ser longa. para que P3 não seja falsa. a operadora interrompeu a chamada de forma proposital Partimos agora para resolução da P4: P4=V. a descrição de P1 segue elaborada na pergunta da questão. todas as argumentações é possível inferir que é verdadeira. Resumindo temos: F v V --> V V-->V=V logo. ocorre interrupção na chamada de meu cliente Partimos agora para P1 P1=V.Em face das proposições apresentadas. é correto afirmar que o argumento do defensor é um argumento válido.vejamos: comecemos a resolve-la pela conclusão: Conclusão= V.

 ( ) Certo ( ) Errado Solução: Resolvi pelo PFC. pois são maneiras distintas. Na fileira 5 há 3 assentos no lado direito e 3 do lado esquerdo. que se encontra vazia.Q280073 ( Prova: CESPE .ANAC . a atendente poderá alocá-los nos assentos de 12 maneiras diferentes. . visto que a ordem é importante. julgue os itens a seguir.1 . ) Uma aeronave possui capacidade para transportar 138 passageiros arranjados em 23 fileiras com seis assentos cada. Princípio Fundamental de Contagem. Se três amigos desejarem viajar em assentos contíguos — de um mesmo lado do corredor — na fileira 5. Com base nessas informações e na figura. Logo no lado direito teremo 3 x 2 x 1 = 6 maneiras.Técnico Administrativo / Raciocínio-Lógico / Análise Combinatória. conforme ilustrado na figura acima.2012 . ficando os 3 passageiros contíguo(juntos) Dessa forma o total de maneiras são 12. ficando os 3 passageiros contíguo(juntos) Do lado esquerdo mais 6 maneiras ( 3 x 2 x 1 ).

A negação de "ser quatro vezes superior" não é "ser quatro vezes inferior".2012 .Q277671 ( Prova: CESPE . ) Com base nas proposições acima. .  ( ) Certo ( ) Errado Solução: Correto. mas sim "NÃO ser quatro vezes superior". A negação de P1 é corretamente expressa por “A quantidade de interrupções nas chamadas realizadas de aparelhos cadastrados em planos tarifados por ligações é quatro vezes inferior à quantidade de interrupções nas chamadas realizadas de aparelhos cadastrados em planos tarifados por minutos”. julgue os itens subsecutivos.ANATEL .1 .Técnico Administrativo / Raciocínio-Lógico / Proposições.

” Representada por: (¬P v Q) Onde: . ) Supondo que. envie um SMS gratuito com a palavra SAIR para 1111”.1 .Técnico Administrativo / Raciocínio-Lógico / Proposições. A proposição P é logicamente equivalente à proposição “Queira receber mensagem publicitária desta prestadora ou envie um SMS gratuito com a palavra SAIR para 1111.ANATEL . as empresas operadoras de telefonia móvel tenham enviado a seguinte mensagem a seus clientes: “Caso não queira receber mensagem publicitária desta prestadora. por determinação da ANATEL. “Caso não queira receber mensagem publicitária desta prestadora. julgue os próximos itens.”  ( ) Certo ( ) Errado Solução: Correta. envie um SMS gratuito com a palavra SAIR para 1111” Representada por: (P → Q) Onde: P: Caso não queira receber mensagem publicitária desta prestadora Q: envie um SMS gratuito com a palavra SAIR para 1111. A questão diz: A proposição P é logicamente equivalente à proposição: “Queira receber mensagem publicitária desta prestadora ou envie um SMS gratuito com a palavra SAIR para 1111. considerando que a mensagem corresponda à proposição P.2012 .Q277672 ( Prova: CESPE .

Q277673 ( Prova: CESPE .ANATEL . ) Supondo que. CONCLUSÃO: (P → Q) É EQUIVALENTE A (¬P v Q). conforme dados da questão. é correto inferir que o cliente que não envia SMS gratuito com a palavra SAIR para 1111 quer receber mensagem publicitária de sua prestadora.¬P: Queira receber mensagem publicitária desta prestadora (ATENÇÃO: Para negar o "P" retira-se o NÃO) Q: envie um SMS gratuito com a palavra SAIR para 1111. julgue os próximos itens. 1 .Técnico Administrativo / Raciocínio-Lógico / Proposições. por determinação da ANATEL. Q = envie um SMS gratuito com a palavra SAIR para 1111. Considerando que a proposição composta seja VERDADEIRA. então. temos: P → Q . Representando em símbolos.2012 . as empresas operadoras de telefonia móvel tenham enviado a seguinte mensagem a seus clientes: “Caso não queira receber mensagem publicitária desta prestadora. envie um SMS gratuito com a palavra SAIR para 1111”. temos: P = Caso não queira receber mensagem publicitária desta prestadora. OU SEJA. considerando que a mensagem corresponda à proposição P. AMBAS POSSUEM OS MESMOS VALORES LÓGICOS NA TABELA-VERDADE.  ( ) Certo ( ) Errado Solução: Correta. Considerando-se que a proposição P seja verdadeira.

) Determinada companhia aérea possui uma frota com cinco aviões: dois deles têm capacidade para 138 passageiros.Técnico Administrativo / Raciocínio-Lógico / Análise Combinatória. .ANAC .2012 . outros dois. Julgue os itens de 111 a 114 a respeito dessa frota. para 264 passageiros. Representando em símbolos.Q280066 ( Prova: CESPE .O enunciado diz: ¬Q = O cliente que não envia SMS gratuito com a palavra SAIR para 1111 ¬P = quer receber mensagem publicitária de sua prestadora. para 180 passageiros e um. temos: ¬Q → ¬P BELEZA. É O QUE ACONTECE COM A CONDICIONAL X CONTRAPOSITIVA. 1 . VAMOS A SOLUÇÃO: PV → QV = V (CONDICIONAL) ¬QF → ¬PF = V (CONTRAPOSITIVA) RESUMINDO: DIZEMOS QUE DUAS PROPOSIÇÕES SÃO EQUIVALENTES SE ELAS POSSUEM A MESMA TABELA-VERDADE.

este comissário servirá para os 6 passageiros restantes. . 3 comissários para 4 passageiros.los. em relação aos 180 passageiros de outra aeronave. teremos 6 * 44 formas de distribuí . é correto afirmar que pelo menos 64 comissários de bordo estarão nas aeronaves nesse instante. 4*3 + 1 = 12 + 1 = 13 comissários. É claro que ela iria fazer uma proporção quanto um comissário poderia atender um grupo de passageiros. em uma aeronave composta de 138 passageiros.  ( ) Certo ( ) Errado Solução: Perceba que 138 passageiros podem ser distribuídos das seguintes formas: 3 de 44 e resta 6 passageiros.44/3). uma vez que 9 ( 3 * 3 comissários) mais um comissário ( para cada 14 passageiros será necessário pelo menos 1 comissário . Lembrando que um comissário atenderá os 4 passageiros restantes da distribuição. teremos a seguinte distribuição: 4 * 44 + 4. Agora. E por fim. na aeronave composta de 264 passageiros. todas as aeronaves estiverem lotadas e voando. cada grupo de 44 passageiros. CORRETA!! Sim. se em determinado instante. Então. visto que pelo menos 3 comissários atenderam 44 passageiros. Assim. RESULTADO: 10*2 aeronaves + 13 * 2 aeronaves + 18 = 20 + 26 + 18 = 64 comissários. o que faltou foi o raciocinio que nenhuma companhia aérea iria colocar pelo menos. Assim. ou melhor. em cada aeronave.Considere que a companhia determine que pelo menos três comissários de bordo deverão atender. Logo. são 6*3 = 18 comissários. teremos pelo menos 10 comissários. conforme os cálculos. Nesse caso. pelos menos 64 comissários. por exemplo.

Q289544 ( Prova: CESPE . mas um mau negócio para o mundo.     Solução: A. P embora Q .1 . mas um mau negócio para o mundo” é equivalente a  a) Crescer além de certo porte não é um ótimo negócio para empresários ou não é um mau negócio para o mundo. ) A negação da proposição “Crescer além de certo porte é um ótimo negócio para empresários.TRE-MS . P mas Q . nem um mau negócio para o mundo.Programação de Sistemas / RaciocínioLógico / Proposições.Técnico Judiciário . e) Crescer além de certo porte não é um ótimo negócio para empresários. b) Não crescer além de certo porte é um ótimo negócio para empresários.2013 . nem um mau negócio para o mundo. c) Não crescer além de certo porte não é um ótimo negócio para empresários. A preposição separada pela palavra "MAS" representa uma conjunção As conjunções podem ser representadas da seguinte forma: P^Q: P e Q . tanto P como Q . d) Não crescer além de certo porte não é um ótimo negócio para empresários. mas um mau negócio para o mundo.

O dificil da questão é saber qual o conectivo da preposição. .como já sabemos que o conectivo é a conjunção (^) é só negá-la: Obs: Negação da conjunção (^) : P ^ Q fica ~P v ~Q P:Crescer além de certo porte é um ótimo negócio para empresários ~P: Crescer além de certo porte não é um ótimo negócio para empresários Q :um mau negócio para o mundo ~Q :não é um mau negócio para o mundo MAS = ^ NEGAÇÃO FICA : OU ( V ) Portanto alternativa correta : "A" Crescer além de certo porte não é um ótimo negócio para empresários ou não é um mau negócio para o mundo.

e três por cada um dos partidos PC. Para compor a mesa diretora. ) A Assembleia Legislativa de determinado estado é composta de 24 deputados. Considerando que escolha seja feita de maneira aleatória. o número de maneiras distintas que a mesa diretora poderá ser composta é igual a   a) b)  c)  d)  e) Solução: E.Análise de Sistemas / Raciocínio-Lógico / Combinação simples e com repetição.Q289483 ( Prova: CESPE . PD e PE.TRE-MS . sete pelo partido PB. dois do partido PA. dois do partido e três dos demais partidos. entre os deputados eleitos.Analista Judiciário . serão escolhidos.2013 . eleitos da seguinte forma: oito pelo partido PA.1 . .

Q289484 ( Prova: CESPE .2013 . ) .Análise de Sistemas / Raciocínio-Lógico / Proposições.1 .Analista Judiciário .TRE-MS .

Q e R. a última coluna da tabela-verdade correspondente à proposição lógica (R Y (Q w P)) será  a)  b) . Nesse caso.verdade correspondentes às proposições P. são apresentadas as colunas iniciais da tabela.Na tabela acima.

. c)  d)  e) Solução: C.

V. ) Com base nessas informações. F. V. V 1 .Conhecimentos Básicos .2012 . V.Para a tabela verdade apresentada. V. julgue o próximo item.Auditor de Controle Externo .Todos os Cargos / Raciocínio-Lógico / Probabilidade. V.TCE-ES .Q286788 ( Prova: CESPE . . o resultado lógico da coluna R -> (Q v P) será: V .

Então.1 para EM. => 0.3 x 100) para EG.1 .3 para EGS. Pa(EG)=0.6 para EG.1 x 100) para EM. Então. 40 relatórios A= 20 relatórios B=20 relatórios Pa( EM )= 0.6 x 100) para EG.A probabilidade de se escolher. ou seja. Pa (EGS)= 0. 60% de 20 relatórios = 12 relatórios serão EG. Então. Pb( EG)= 0. 20% de 20 relatórios = 4 relatórios serão EGS.2 Pb(EM)=0. 10% (0. 2. separados nos grupos A e B. Então. 30% (0.3 x 100) para EGS. 60% (0.5 . ou seja. => 0. Pb (EGS)= 0. cada um com 20 relatórios. Para o grupo B as probabilidades de classificação são: => 0. => 0. 3. 30% de 20 relatórios = 6 relatórios serão EG.3 . ou seja. 30% (0. São 40 relatórios.6 . . três relatórios. Então.2 x 100) para EGS. ou seja.5 para EM. 20% (0.5 x 100) para EM. => 0.  ( ) Certo ( ) Errado Solução: Correto.3 1. Então.2 para EGS. aleatoriamente.3 para EG. todos classificados como EGS. ou seja. Para o grupo A as probabilidades de classificação são: => 0. sendo dois do grupo A e um do grupo B. ou seja. é expressa por (4/20) × (3/19) × (6/20). 50% de 20 relatórios = 10 relatórios serão EM. 10% de 20 relatórios = 2 relatórios serão EM. 50% (0. 30% de 20 relatórios = 6 relatórios serão EGS.

Combinação simples e com repetição.2012 .Conhecimentos Básicos . Probabilidade de se escolher. A quantidade de maneiras distintas de os desembargadores ocuparem suas mesas no salão do tribunal é igual a 3 × [3!]. pois são 4 relatórios EGS e 20 relatórios no total. Com base nessas informações e na figura acima. julgue os itens de 44 a 46.Q292115 ( Prova: CESPE .TJ-AC . todos classificados com EGS: => Grupo A: Primeiro relatório = 4 / 20. ) Considere que um tribunal de justiça compõe-se de 6 desembargadores do sexo masculino e 3 do sexo feminino e que a figura acima representa a disposição das mesas dos 9 desembargadores no salão do tribunal. pois são 6 relatórios EGS e 20 relatórios no total. teremos: 4 / 20 x 3 / 19 x 6 / 20. após a ocorrência do evento "Primeiro relatório". 5. Permutação. três relatórios. sendo dois do grupo A e um do grupo B. Arranjo. 1 . pois restaram 3 relatórios EGS e 19 relatórios no total.4. aleatoriamente.Cargos 1 e 2 / Raciocínio-Lógico / Análise Combinatória.Analista Judiciário . => Grupo B: 6 / 20. Juntando os eventos.  ( ) Certo ( ) Errado . Segundo relatório= 3 / 19.

julgue os itens de 44 a 46. Se as mesas das 3 desembargadoras ficarem sempre uma ao lado da outra. Com base nessas informações e na figura acima. ) Considere que um tribunal de justiça compõe-se de 6 desembargadores do sexo masculino e 3 do sexo feminino e que a figura acima representa a disposição das mesas dos 9 desembargadores no salão do tribunal.Q292116 ( Prova: CESPE .320 1 .Analista Judiciário . a quantidade de maneiras distintas de todos os desembargadores ocuparem suas mesas no salão do tribunal é igual a 42 × [6!]. então.TJ-AC .Solução: Errado. .Conhecimentos Básicos .Cargos 1 e 2 / Raciocínio-Lógico / Análise Combinatória. a realidade é caso de permutação circular: PC(n) = (n-1)! PC(9) = (9-1)! = 8! = 40.2012 .

 ( ) Certo ( ) Errado Solução: Correto. descobrimos a permutação somente. Nesse caso ficará assim: P = n! --> P = 3! ==> 3. ficará assim: [M1 M2 M3] H1 H2 H3 H4 H5 H6 Cada cor será uma contagem.2. 2° Passo e o mais importante! Veja que M1 M2 M3 é DIFERENTE de M2 M3 M1! Ou seja temos também que permutar as ordem em que as Mulheres vão ficar. .. então ficará assim: PC= (n-1)! = PC=(7-1)! ---> 6! Ainda não acabou.1 = 6 Ainda não acaba. x Sétima posição. --> Formula PC= (n-1)! 1° passo: M1 M2 M3 H1 H2 H3 H4 H5 H6 Aqui devemos contar em blocos.. pois permutamos somente as Mulheres na primeira posição e na verdade elas permutam em 7 posições (vejam as cores no passo 1) 3° Passo e a conclusão Permutação da 01 posição X Segunda posição X Terceira posição .

2 .Aqui M1 também estará do lado esquerdo de M2 e ao lado direito de H6 e assim por diante H3 H4 H5 H6 M1 M2 M3 H1 H2 . 4 . 5 . 3 .Aqui M1 também estará do lado esquerdo de M2 e ao lado direito de H6 e assim por diante As operações que serão realizadas são: 1) Permutação das 3 desembargadores entre si: P3 = 3 .Assim ficará = 6*7 em que 6 é o total de permutaçãoes e 7 é a quantidade de vezes que eles irão permutar mudando de ordem. 1 = 6 2) (7 .Aqui M1 também estará do lado esquerdo de M2 e ao lado direito de H6 e assim por diante H1 H2 H3 H4 H5 H6 M1 M2 M3 . 7*6 = 42 Concluindo: 42 x 6! (Passo 01) Concordo com quem afirma que é uma permutação circular. pois mesmo considerando as 3 desembargadoras como um único bloco.Aqui M1 também estará do lado esquerdo de M2 e ao lado direito de H6 e assim por diante H2 H3 H4 H5 H6 M1 M2 M3 H1 . teremos que desconsiderar a repetição de 7 sequências ( : 7).Aqui M1 estará do lado esquerdo de M2 e ao lado direito de H6 e assim por diante H6 M1 M2 M3 H1 H2 H3 H4 H5 . 6! É preciso considerar a 3 mulheres como um bloco só. 1)/ 7 = 6 . 4 . 3 . 2 . A representação é assim: P7 * P3 = (7 * 6 * 5!) * 6 = 42 * [6 * 5!] = 42 * [6!] . 1 = 6! Portanto a conta seria = 6 .Aqui M1 também estará do lado esquerdo de M2 e ao lado direito de H6 e assim por diante H4 H5 H6 M1 M2 M3 H1 H2 H3 . 6 . só que dentro do bloco as três permutam-se entre si. que são idênticas pela distribuição se dar em um círculo: M1 M2 M3 H1 H2 H3 H4 H5 H6 . 5 . 2 . Permutam-se então os 6 homens + o bloco.Aqui M1 também estará do lado esquerdo de M2 e ao lado direito de H6 e assim por diante H5 H6 M1 M2 M3 H1 H2 H3 H4 .

TCE-ES . Q. Alguns desses símbolos são apresentados na tabela abaixo. R e S. de forma que um julgamento exclui o outro. ) Proposições são sentenças que podem ser julgadas como verdadeiras . como P. A proposição original é a seguinte: {(PvQ)→[R^(~S)]} v {(P^S)↔(Q^R)} .V .julgue proposição  ( ) Certo ( ) Errado Solução: Errado. novas proposições podem ser construídas usando-se símbolos especiais.Auditor de Controle Externo .2012 .Todos os Cargos / Raciocínio-Lógico / Proposição. e são simbolizadas por letras maiúsculas. Considerando as definições acima e a proposição os itens a seguir. A partir de proposições conhecidas.F .ou falsas .Q286789 ( Prova: CESPE .1 . A negação da referida proposição é a .Conhecimentos Básicos .

de forma que um julgamento exclui o outro. Essa proposição é logicamente equivalente à .Todos os Cargos / Raciocínio-Lógico / Proposições. como P. são elas: A→B. Sendo assim. se substituirmos o condicional e o bicondicional pelas respectivas equivalências. Considerando as definições acima e a proposição os itens a seguir.Conhecimentos Básicos .ou falsas .julgue proposição .V . Q. R e S. é equivalente a: ~(A v B). é equivalente a: ~AvB A↔B. a proposição ficaria assim: {~(PvQ)v[R^(~S)]} v {~[(P^S) v (Q^R)]} Agora. negando a proposição acima.2012 . A partir de proposições conhecidas. Alguns desses símbolos são apresentados na tabela abaixo. a mesma ficaria desta forma: {(PvQ)^[~RvS]} ^ {(P^S) v (Q^R)} 1 .Q286790 ( Prova: CESPE . novas proposições podem ser construídas usando-se símbolos especiais.F .TCE-ES . ) Proposições são sentenças que podem ser julgadas como verdadeiras .Auditor de Controle Externo .Sabe-se que o símbolo condicional ‘→’ e o bicondicional ‘↔’ possuem regras de equivalência. e são simbolizadas por letras maiúsculas. onde v é uma disjunção exclusiva.

. Quando dois condicionais equivalem? Quando nós invertemos e negamos a ordem das proposições. Assim. seja também equivalente: Ou seja. R^(~S) passa a ser (~R)VS. nas duas. (PVQ) passa a ser (~P)^(~Q). 4. {(PVQ)->[R^(~S)]} tem de ser equivalente a {[(~R)VS]->(~P)^(~Q)}. 1. Notem que. para negálo nós negamos cada parcela e trocamos o conectivo por uma DISJUNÇÃO. o que é necessário para que as duas proposições sejam equivalentes? É necessário que o primeiro grupo. Como ele é uma DISJUNÇÃO. há dois grandes grupos ligados por uma DISJUNÇÃO: {(PVQ)->[R^(~S)]} V [(P^S)<->(Q^R)] {[(~R)^S]->((~P)V(~Q)} V [(P^S)<->(Q^R)] 2. Da mesma forma. o segundo grupo é o mesmo: [(P^S)<->(Q^R)] = [(P^S)<->(Q^R)] 3. para negá-lo nós negamos cada parcelas e trocamos o conectivo por uma CONJUNÇÃO. ( ) Certo ( ) Errado Solução: Correta. Sendo assim. Em {[(~R)VS] >(~P)^(~Q)} também. Assim. Como ele é uma CONJUNÇÃO. Em {(PVQ) ->[R^(~S)]} nós temos um CONDICIONAL. (PVQ) trocou de lugar e foi negado. P -> Q equivale a ~Q -> ~P R^(~S) trocou de lugar e foi negado. por terem o mesmo conectivo e o mesmo final. Nos dois casos. nas duas proposições.

2012 .V . de forma que um julgamento exclui o outro.TCE-ES . novas proposições podem ser construídas usando-se símbolos especiais. Resultado: {(~R)VS -> (~P)^(~Q)} é simplesmente a aplicação da regra pela qual. Q.Conhecimentos Básicos .F .5. como P.Todos os Cargos / Raciocínio-Lógico / Proposições. R e S. nós negamos as parcelas e invertemos sua ordem. .ou falsas .Q286791 ( Prova: CESPE . 1 . ) Proposições são sentenças que podem ser julgadas como verdadeiras . e são simbolizadas por letras maiúsculas. Considerando as definições acima e a proposição os itens a seguir. S) proposições verdadeiras (V).julgue Se P e S forem V e Q e R forem F.Auditor de Controle Externo . . para encontrar a equivalência lógica de um condicional. As duas proposições são perfeitamente equivalentes. Alguns desses símbolos são apresentados na tabela abaixo.  ( ) Certo ( ) Errado Solução: correto. então o valor lógico da proposição em questão será F. (P. A partir de proposições conhecidas.

simbolicamente. ) Na auditoria de uma empresa. Q e R sejam proposições adequadamente escolhidas. e somente se.Todos os Cargos / Raciocínio-Lógico / Proposições. Considerando que a conclusão do auditor corresponde a uma proposição verdadeira.Conhecimentos Básicos . pois o comando estabeleceu todos os valores.2012 . o gerente financeiro e o presidente da empresa estiveram envolvidos nesse desvio”.TCE-ES . Não precisa nem da tabelaverdade! Substituindo: {(V ou F) -> [(F e F)]} ou [(V e V) <-> (F e F)] {(V) -> [F]} ou [(V) <->(F)] F ou F Conclusão: F 1 .Q286792 ( Prova: CESPE . Considere que a proposição-conclusão do auditor possa ser escrita. a negação da proposição-conclusão do auditor estará corretamente escrita na forma  ( ) Certo ( ) Errado Solução: Correto. julgue os itens seguintes.(Q.Auditor de Controle Externo . na forma em que P. o auditor concluiu que: “Ocorreu desvio de recursos se. Nesse caso. R) proposições falsas (F) Obs: Agora fica fácil. A negação da bicondicional é: A ↔ B = (A ^ ~B) v (~A^B) .

) Na auditoria de uma empresa. P↔Q^R Negação P^~(Q^R) v ~P^(Q^R) Outra forma de escrevê-la seria: (P^~Qv~R) v (~P^Q^R) 1 . o auditor concluiu que: “Ocorreu desvio de recursos se.Assim. Ocorreu desvio de recursos(P) se.Todos os Cargos / Raciocínio-Lógico / Proposições. o gerente financeiro(Q) e o presidente da empresa(R) estiveram envolvidos nesse desvio”. P <-> (Q^R) QUestão proposta: (Q^~R) -> ~P = Como esta negando o P. então na condicional o P (consequente) é falso. . estamos diante de uma sentença verdadeira.Q286793 ( Prova: CESPE . e somente se.2012 .  ( ) Certo ( ) Errado Solução: Correto. A proposição “Se o gerente financeiro esteve envolvido no desvio mas o presidente não. então não ocorreu desvio de recursos” é verdadeira. e somente se.Auditor de Controle Externo . Considerando que a conclusão do auditor corresponde a uma proposição verdadeira. basta negarmos a proposição dada.TCE-ES .Conhecimentos Básicos . o gerente financeiro e o presidente da empresa estiveram envolvidos nesse desvio”. vejamos. julgue os itens seguintes.

Considerando que a conclusão do auditor corresponde a uma proposição verdadeira. A proposição “Não ocorreu desvio se. tanto faz.  ( ) Certo ( ) Errado Solução: Errado.TCE-ES . e somente se. e somente se. julgue os itens seguintes. o gerente financeiro e o presidente da empresa estiveram envolvidos nesse desvio”. teremos que negar INDIVIDUALMENTE as proposições para obtermos: F ↔ F Negação da p1: “Não ocorreu desvio" (¬p1 = F) Negação da p2: "o gerente financeiro OU o presidente não estiveram envolvidos” (¬p2 = F) Portanto A': “Não ocorreu desvio se. utilizando a bicondicional. o auditor concluiu que: “Ocorreu desvio de recursos se.Q286794 ( Prova: CESPE . ERRADA .Conhecimentos Básicos . podemos valorá-la como: V ↔ V (poderia ser F ↔ F. para a premissa ser verdadeira. o gerente financeiro e o presidente estiveram envolvidos nesse desvio (p2 = V)” como essa premissa foi considerada VERDADEIRA. a primeira proposição tem que ter a mesma valoração da segunda proposição (V ↔ V ou F ↔ F) A: "Ocorreu desvio de recursos (p1 = V) se.Auditor de Controle Externo .Pessoal. acredito que o erro dessa questão é algo que passou muito desapercebido por todos Em uma bicondicional. ) Na auditoria de uma empresa.1 .Todos os Cargos / Raciocínio-Lógico / Proposições. e somente se. e somente se nem o gerente financeiro nem o presidente estiveram envolvidos” é verdadeira. o gerente financeiro OU o presidente não estiveram envolvidos” . a premissa também será VERDADEIRA) Portanto para obtermos uma outra premissa VERDADEIRA a partir dessas proposições.2012 .

 ( ) Certo ( ) Errado Solução: Errado. se a conclusão fosse: "Se houve prejuízo aos cofres púlbicos. tornando a premissa errada.Todos os Cargos / Raciocínio-Lógico / Proposições. então o erro não é aceitável. relativos a argumento lógico válido. julgue os itens subsequentes.A questão utilizou o "nem" (e + não). ) Com base nessas premissas. O argumento constituído das premissas acima e da conclusão “Se o erro não é aceitável." Pois "prejuízo aos cofres públicos" está contido no conjunto de "erros não aceitáveis". e não o contrário .Q286795 ( Prova: CESPE . então houve prejuízo aos cofres públicos” é um argumento lógico válido. portanto o conectivo "e" não foi negado.Complementando o comentário acima.2012 .TCE-ES . seria uma argumento válido.Auditor de Controle Externo .Conhecimentos Básicos . 1 . ERRADO .

Conhecimentos Básicos .2012 .Todos os Cargos / Raciocínio-Lógico / Lógica de Argumentação.Auditor de Controle Externo . ) .1 . Proposições.TCE-ES .Q286797 ( Prova: CESPE .

Já o inverso não é verdadeiro. "Se uma auditoria cometeu erro e o erro é aceitável. O argumento constituído das premissas acima e da conclusão “Se uma auditoria cometeu erro e não houve prejuízo aos cofres públicos.  ( ) Certo ( ) Errado Solução: Correto. se o erro não causar prejuízo aos cofres públicos. ) . relativos a argumento lógico válido. 1 .Analista Judiciário .Conhecimentos Básicos .2012 .Q292117 ( Prova: CESPE . ainda assim ele pode ser um erro não aceitável. então não houve prejuízo aos cofres públicos" "prejuízo aos cofres públicos" está contido no conjunto de "erros não aceitáveis".TJ-AC .Com base nessas premissas.Cargos 1 e 2 / Raciocínio-Lógico / Análise Combinatória. então o erro é aceitável” é um argumento lógico válido. julgue os itens subsequentes. ele não causará prejuízo aos cofres públicos. portanto se o erro é aceitável.

a quantidade de maneiras distintas de todos os desembargadores ocuparem suas mesas é igual a 3 × [8!]. Caso a mesa em frente da secretaria seja sempre ocupada por uma desembargadora. julgue os itens de 44 a 46. 40. você terá esse valor. P(8)8!= 40. ou seja.Considere que um tribunal de justiça compõe-se de 6 desembargadores do sexo masculino e 3 do sexo feminino e que a figura acima representa a disposição das mesas dos 9 desembargadores no salão do tribunal. uma das 3 desembargadoras.  ( ) Certo ( ) Errado Solução: Cerreto. Com base nessas informações e na figura acima. deve multiplicar por 3 o valor.960 3x(8!) = 120.320 Porém.320.320 x 3 = 120. então. sendo que um já está fixo. 40. Nesse caso voê terá uma permutação com 8 lugares a serem ocupados.960 . apenas para uma desembargadora e no caso são 3.

PROPOSIÇÕES 1 .Analista Judiciário .TJ-AC .Q292118 ( Prova: CESPE . A expressão  é uma tautologia. ( ) Errado ( ) Certo Solução: Errado.Conhecimentos Básicos . julgue os próximos itens.2012 .Cargos 1 e 2 / Raciocínio-Lógico / Lógica Proposicional. Primeiramente vamos lembrar da tabela verdade: .ASSUNTO: LÓGICA PROPOSICIONAL . ) Considerando que as proposições lógicas sejam representadas por letras maiúsculas. relativos a lógica proposicional e de argumentação.

Nessa questão. dependendo do valor de Q ela é verdadeira ou falsa. percebam que *(P→Q) v P+ é uma tautologia. Ai pra confirmar. pegue as preposições. ou seja. declare tudo V. substitua na expressão em que se pede e se a resposta der verdadeiro. sempre será verdadeira. Só a título de curiosidade. Resolvendo: Percebemos que *(P→Q) v P+ → Q não é uma tautologia pois. quando perguntar se é tautologia.O enunciado pergunta se *(P→Q) v P+ → Q é uma tautologia. ex: P: V Q: V [(V-->V) ou V ] --> V V ou V --> V V --> V V é uma tautologia (quaisquer que sejam os valores lógicos das proposições. vc testa tudo falso P: F Q: F . sempre conterá apenas V no resultado MAS.como regra. será uma tautologia.

ou se Tiver V ou F misturadas na tabela verdade.Q292119 ( Prova: CESPE . As proposições “Luiz joga basquete porque Luiz é alto” e “Luiz não é alto porque Luiz não joga basquete” são logicamente equivalentes. esse método de substituição funciona legal!!! 1 .[(F-->F) ou F ] --> F [V ou F] --> F V --> F F deu falso e por isso ela pode ser uma Contradição (todas resposta falsas). vc já matou a questão quando testou q havia F concluindo assim não ser uma tautologia por ter algum resultado F sem fazer tabela verdade. na sua prova.TJ-AC .  ( ) Certo ( ) Errado Luiz joga basquete representando por P Luiz é alto representado por Q Luiz não joga basquete representado por ~P Luiz não é alto representado por ~Q . ) Considerando que as proposições lógicas sejam representadas por letras maiúsculas.Cargos 1 e 2 / Raciocínio-Lógico / Proposições. será uma Contingência. julgue os próximos itens. Até daria pelo tamanho. por ser pequena. relativos a lógica proposicional e de argumentação.Conhecimentos Básicos . mais se for uma grande.2012 . Neste caso.Analista Judiciário .

Analista Judiciário .Logo temos: P-->Q é equivalente a ~Q-->~P. Sendo assim. julgue os próximos itens.  ( ) Certo ( ) Errado Solução: Errado.TJ-AC .2012 .Conhecimentos Básicos . em que as proposições P e Q são convenientemente escolhidas. Interesse observar que "-->" é representado por "porque" que se equipara a "então". São equivalentes pois as tabelas verdade só iguais: P-> Q ~Q->~P V V F V F V V V 1 . é perfeitamente possível a representação por "-->". A sentença “A justiça e a lei nem sempre andam pelos mesmos caminhos” pode ser representada simbolicamente por . . relativos a lógica proposicional e de argumentação.Cargos 1 e 2 / Raciocínio-Lógico / Proposição. ) Considerando que as proposições lógicas sejam representadas por letras maiúsculas.Q292120 ( Prova: CESPE .

então não será proposição.igeo. ) .ufrj. 1 .com.Eu vou passar (http://www.Q292121 ( Prova: CESPE . mas se tiver escrito somente “A sopa de cebola”.Importante: Sentenças que não possuem verbo não podem ser consideradas declarativas.Ponto dos Concursos ensinam que.Rede de Ensino LFG e Guilherme Neves .Conhecimentos Básicos . Logo.Cargos 1 e 2 / Raciocínio-Lógico / Proposições.br/curso/Ponto%20dos%20Concursos/Ponto%20dos%20Concurs os%20-%202012/Racioc%EDnio%20L%F3gico/Auditor/Aula%2001%20%20Parte%2001. Professor Guilherme Neves .ebah. trata-se de um proposição simples. Por exemplo. pois falta o verbo. Isso porque segundo os professores: Joselias .com. neste tipo de sentença o sujeito oracional é composto. 3.pdf). pois apresentam um único verbo.br/content/ABAAABE_EAG/logica-ap-2).ebah. Professores Sérgio Carvalho & Weber Campos . Professor Joselias da Rede de Ensino LFG (http://www.br/content/ABAAABIgQAB/apostila-completaraciocinio-logico) .QUESTÃO ERRADA A proposição “A justiça e a lei nem sempre andam pelos mesmos caminhos” é representada por (p) e não (p^q).TJ-AC .Analista Judiciário . consequentemente também não são proposições. “A sopa é de cebola” é uma proposição. formando uma proposição simples e não composta. Segue as fontes para quem queira consultar: 1.Ponto dos Concursos (http://igeoserver.2012 . 2.

 ( ) Certo ( ) Errado Solução: Correto. a coluna abaixo representa a última coluna dessa tabela-verdade. julgue os próximos itens.Considerando que as proposições lógicas sejam representadas por letras maiúsculas. Considere que a tabela abaixo representa as primeiras colunas da tabela-verdade da proposição Logo. . relativos a lógica proposicional e de argumentação.

d) Não crescer além de certo porte não é um ótimo negócio para empresários. mas um mau negócio para o mundo. ) A negação da proposição “Crescer além de certo porte é um ótimo negócio para empresários. nem um mau negócio para o mundo. mas um mau negócio para o mundo” é equivalente a  a) Crescer além de certo porte não é um ótimo negócio para empresários ou não é um mau negócio para o mundo.    . b) Não crescer além de certo porte é um ótimo negócio para empresários. c) Não crescer além de certo porte não é um ótimo negócio para empresários.TRE-MS .2013 .Programação de Sistemas / RaciocínioLógico / Proposições.1 . mas um mau negócio para o mundo.Q289544 ( Prova: CESPE .Técnico Judiciário .

 e) Crescer além de certo porte não é um ótimo negócio para empresários. tanto P como Q . nem um mau negócio para o mundo. Solução: A.como já sabemos que o conectivo é a conjunção (^) é só negá-la: Obs: Negação da conjunção (^) : P ^ Q fica ~P v ~Q P:Crescer além de certo porte é um ótimo negócio para empresários ~P: Crescer além de certo porte não é um ótimo negócio para empresários Q :um mau negócio para o mundo ~Q :não é um mau negócio para o mundo MAS = ^ NEGAÇÃO FICA : OU ( V ) . embora Q P mas Q . A preposição separada pela palavra "MAS" representa uma conjunção As conjunções podem ser representadas da seguinte forma: P^Q: PeQ. P O dificil da questão é saber qual o conectivo da preposição.

Se uma companhia tem grande porte e numerosas ramificações. d) Se o governo protege uma companhia na iminência de uma crise séria. Se o governo protege uma companhia durante uma crise séria.2013 . recursos públicos são usados em benefício de um ente privado. juntamente com as premissas acima.  a) Se uma companhia tem grande porte e numerosas ramificações. então recursos públicos são usados em benefício de um entre privado.Técnico Judiciário . ) As proposições a seguir são as premissas de um argumento. então a sociedade arcará com um custo intolerável.Portanto alternativa correta : "A" Crescer além de certo porte não é um ótimo negócio para empresários ou não é um mau negócio para o mundo. o governo protegê-las-á na iminência ou durante de uma crise séria. então recursos públicos são usados em benefício de um ente privado. b) Se a falência de uma companhia tem um custo intolerável para a sociedade. constituem um argumento válido. então recursos públicos são usados em benefício de um ente privado.Q289545 ( Prova: CESPE .TRE-MS .    . sua falência teria um custo intolerável para a sociedade. Se a falência de uma companhia tem um custo intolerável para a sociedade. Assinale a opção correspondente à conclusão que. 1 .Programação de Sistemas / RaciocínioLógico / Lógica de Argumentação. c) Se uma companhia entrar em falência.

Para determinar uma conclusão.Q289481 ( Prova: CESPE .TRE-MS . pega-se o primeiro argumento das premissas e junta-o com o último argumento que é decorrente daquele. Para ter acesso ilimitado invista nessa ideia! Torne-se um Colaborador Contribuinte agora mesmo! 1 . da mesma forma. por    a) b) c) . simbolicamente. então recursos públicos são usados em benefício de um ente privado.Análise de Sistemas / Raciocínio-Lógico / Proposições. Q e R são proposições simples e convenientemente escolhidas. GABARITOS: Somente os colaboradores contribuintes podem visualizar os gabaritos. o caráter do homem é forjado pelas dificuldades que ele passa. Solução: A. essa sentença pode ser representada. Se P. ) Considere a seguinte sentença: O vinho é produzido pelo pisar das uvas e o azeite é obtido pelo prensar das azeitonas.2013 . e) Se ocorre uma crise séria em uma companhia.Analista Judiciário .

representa-la por (P^Q)-->.Q289482 ( Prova: CESPE . Como na questão temos "da mesma forma". ) Considere a seguinte sentença: A beleza e o vigor são companheiras da mocidade.ou seja. simbolicamente. não há dúvida que a alternativa correta é a "A".Uma confusão que poderia haver mas que não consta no rol das opções seria confundir "da mesma forma" com o conectivo --->. Pessoal. a expressão: "Se João esquia. Por exemplo. uma bicondicional é um termo usado em lógica proposicional que significa "se e somente se" .TRE-MS . e a nobreza e a sabedoria são irmãs dos dias de maturidade. Maria nada" é uma implicação. sendo representada então por (P^Q)<-->R. indicando que uma condição deve ser satisfeita necessariamente para que a outra seja verdadeira.. ou vice versa. 1 . por      a) b) c) d) e) Solução: D.  d) e) Solução: A.este conectivo expressa uma implicação.ENTÃO". Se P. ou condicional é a indicação do tipo "SE.ou seja.Análise de Sistemas / Raciocínio-Lógico / Proposições.Analista Judiciário . logo podemos deduzir que a proposição P^Q implica em R.2013 .. Q e R são proposições simples e convenientemente escolhidas. A implica em B como B implica em A. essa sentença pode ser representada. Logo. .

) Considere uma prova de concurso público composta por questões com cinco opções. teremos duas proposições simples. ASSUNTO: PROBABILIDADES 1 .Técnico Judiciário . Importante lembrar!!! Proposição é uma declaração/afirmação que admite um atributo (V ou F). temos duas orações. Simbolicamente representada por: OBS: No período. Notem que para cada oração destacada há apenas um verbo.2013 .A beleza e o vigor são companheiras da mocidade.Q289546 ( Prova: CESPE . e (^) 2ª . em que somente uma é correta. que ligadas ao conectivo (^) formam uma proposição composta: 1ª .ALTERNATIVA "D" Entendo da seguinte forma. a probabilidade de ele acertar exatamente duas questões entre três questões fixas será    a) 1/25 b) 4/125 c) 12/125 . para reconhecermos quantas proposição simples há dentro desse período.a nobreza e a sabedoria são irmãs dos dias de maturidade. no período correspondente. logo. não importa se o sujeito é simples ou composto. que são representadas por duas proposições simples.Programação de Sistemas / RaciocínioLógico / Probabilidade. basta separarmos as orações por meio dos verbos.TRE-MS . Caso um candidato faça marcações ao acaso.

o candidato pode acertar Q1 e Q2 (1). B. JUROS SIMPLES E COMPOSTO . C. D.  d) 1/5 e) 2/3 Solução: c. E = 1/5 Q2 . MATRICIAIS . PORCENTAGEM. Q1 e Q3 (2). Primeiro calcula-se a probabilidade de ele acertar duas de três questões com 5 alternativas cada: Q1 . B.A. ASSUNTO: PROBLEMAS ALGÉBRICOS E ARITIMÉTICOS. D. ou seja. E = 4/5 Como os eventos devem acontecer ao mesmo tempo então multiplicam-se as probabilidades: 1/5 x 1/5 x 4/5 = 4/125 Depois calcula-se quantas formas possíveis do evento ocorrer. E = 1/5 Q3 . C. D. C. B.A. ou Q2 e Q3 (3ª possibilidade).A. Então multiplica-se a probabbilidade pela possibilidade de formas dela ocorrer: 4/125 x 3 = 12/125.

a companhia permita que o pagamento seja feito três meses após a compra. o valor pago pelas passagens foi superior a R$ 41. então em 1.  ( ) Certo ( ) Errado ATENÇÃO: Esta questão foi anulada pela banca que organizou o concurso.000 x (1 + 0. t =3 M= 40.000 x 1. ) Determinada companhia aérea possui uma frota com cinco aviões: dois deles têm capacidade para 138 passageiros.01.00. i= 1% = 0.") Solução: Nulo.ANAC .00.Técnico Administrativo / Raciocínio-Lógico / Juros Simples e Compostos. para 264 passageiros.030301 M= 41. Juros compostos: M=C x (1+i)t Temos: C= 40.000.º de junho.000. Julgue os itens de 111 a 114 a respeito dessa frota.1 .212. no valor de R$ 40.º de março uma empresa comprou diversas passagens.2012 . se no dia 1. Nesse caso. Considere que. outros dois.04 . para 180 passageiros e um.01)3 M= 40.Q280067 ( Prova: CESPE . na compra passagens em grandes quantidades.630. à taxa de juros compostos de 1% ao mês.

b) superior a 6.00.800 e inferior a 7. de cada pérola pequena e de cada pérola grande são R$ 50.1 . Solução: Correto. d) superior a 8.00. Para cada peroloa grande há 2 separadores de ouro. para aumentar o valor do colar. com os separadores e as pérolas. foram utilizados 30 separadores de ouro. c) superior a 7.Analista Judiciário . as pérolas foram arranjadas de maneira que. será repetido o seguinte padrão: uma pérola grande. seguida de duas pequenas.TRE-MS . R$ 100. e) inferior a 5.00 e R$ 150. foi adicionado um pequeno separador de ouro entre uma pérola grande e uma pequena.2013 .Q289480 ( Prova: CESPE . é      a) superior a 5.portanto se há 30 separadores há 15 perolas grande e para cada perola grande temos 2 pequenas tendo um total de 30 perolas pequenas pequenas então temos: 30 separadores = 30 x 50 15 perolas grande = 15 x 150 = 1500 = 2250 30 perolas pequenas = 30 x 100 = 3000 TOTAL ----------6. ) Em um colar.Análise de Sistemas / Raciocínio-Lógico / Problemas Algébricos e Aritméticos. Os preços de cada separador de ouro. Além disso.800 e inferior a 8. respectivamente. quando o colar estiver fechado. no colar. em reais.800 e inferior a 6.800.800.800.750 . então o seu custo total.00.800. Considerando que. com pérolas de dois tamanhos diferentes.800.

1 - Q286798 ( Prova: CESPE - 2012 - TCE-ES - Auditor de Controle Externo - Conhecimentos Básicos - Todos os
Cargos / Raciocínio-Lógico / Problemas Algébricos e Aritméticos; )

De acordo com informações do Censo, a população de determinado município aumentou, entre os anos 2000 e 2010, de 25 mil para 31 mil habitantes. Em 2010, havia, nesse município, 8 mil domicílios residenciais, dos quais 80% dispunham de energia elétrica. Com base nas informações acima apresentadas, julgue os itens que se seguem. Considerando-se que a taxa de crescimento populacional desse município seja linear, é possível estimar que, até o final de 2012, haverá 32.200 habitantes no município.

( ) Certo

( ) Errado

Solução:

Correto.

Em 10 anos tivemos um aumento populacional de 6 mil habitantes, totalizando 31 mil habitantes. Como é linear, em 2 anos teremos mais 1200 habitantes, sendo assim será de 32200 habitantes. Regra de três: 10------6000 2--------X X=1200

1 - Q286799 ( Prova: CESPE - 2012 - TCE-ES - Auditor de Controle Externo - Conhecimentos Básicos - Todos os
Cargos / Raciocínio-Lógico / Porcentagem; )

De acordo com informações do Censo, a população de determinado município aumentou, entre os anos 2000 e 2010, de 25 mil para 31 mil habitantes. Em 2010, havia, nesse município, 8 mil domicílios residenciais, dos quais 80% dispunham de energia elétrica. Com base nas informações acima apresentadas, julgue os itens que se seguem. Se o crescimento populacional do município, no período considerado, foi linear, então esse crescimento foi de 4% ao ano.

( ) Certo

( ) Errado

Solução: Correto. Em 10 anos a população teve aumento de 6 mil pessoas. Vejamos quanto cresceu por ano pela regra de 3:

10 anos -------6 mil 1 ano -----------x mil x=6 ----mil = 0,6 x 1000= 600 pessoas 10

Para calcular o percentual anual:

25.000 -------100% 600 ----------x% x= 2,4%

1 - Q289480 ( Prova: CESPE - 2013 - TRE-MS - Analista Judiciário - Análise de Sistemas / Raciocínio-Lógico /
Problemas Algébricos e Aritméticos; )

Em um colar, com pérolas de dois tamanhos diferentes, as pérolas foram arranjadas de maneira que, quando o colar estiver fechado, será repetido o seguinte padrão: uma pérola grande, seguida de duas pequenas. Além disso, para aumentar o valor do colar, foi adicionado um pequeno separador de ouro entre uma pérola grande e uma pequena. Os preços de cada separador de ouro, de cada pérola pequena e de cada pérola grande são R$ 50,00, R$ 100,00 e R$ 150,00, respectivamente. Considerando que, no colar, foram utilizados 30 separadores de ouro, então o seu custo total, em reais, com os separadores e as pérolas, é
    

a) superior a 5.800 e inferior a 6.800. b) superior a 6.800 e inferior a 7.800. c) superior a 7.800 e inferior a 8.800. d) superior a 8.800. e) inferior a 5.800,00.

Solução: A.
Para cada 2 separadores, tem-se 1 pérola grande e 2 pérolas pequenas.

Logo para 30 separadores (50,00), tem-se 15 pérolas grandes (150,00) e 30 pérolas pequenas (100,00), portanto: Custo total do colar = 30 . 50,00 + 30 . 100,00 + 15 . 150,00 Custo total do colar = 1.500,00 + 3.000,00 + 2.250,00

br/pesquisar?ad=&an=&ar=&at=&bt=Filtrar&cd=&cg= &di=4&ds=&dt=&es=&in=&mc=&md=&nc=&ni=&nr=&og=2&page=8&pp=&pv=&rc=&ri=&rs=& sc=&ss=&te=&tg= 38 • Q286800 1 . Portanto vai ser o que as colegas acima falaram: 2p.800 < 6.750.800 o(O)oo(O)oo(O)oo(O)oo(O)oo(O)oo(O)oo(O)oo(O)oo(O)oo(O)oo(O)oo(O)oo(O)oo(O)o G= pérola grande s= separador p. 2s e 1G http://www.questoesdeconcursos.750 < 6.00 5.Pérola pequena G-s-p-p-s-G-s-p-p-s-G-s-p-p-s-G-s-p-p-s-G-s-p-p-s-G O grupo sublinhado de amarelo representa a repetição que se terá no colar. ) .2012 .Q280065 ( Prova: CESPE .Custo total do colar = 6.ANAC .Técnico Administrativo / Raciocínio-Lógico / Porcentagem.com.

138 cada = 138 * 2 = 276 2 aviões .  ( ) Certo ( ) Errado Solução: Correto. frota 2 aviões . Julgue os itens de 111 a 114 a respeito dessa frota. para 180 passageiros e um. corresponde a 108 assentos para portadores de necessidade especial. para 264 passageiros. então 108 assentos estarão disponíveis para esses passageiros. outros dois. Se 12% dos assentos disponíveis na frota forem reservados para passageiros portadores de necessidades especiais. .180 cada = 180* 2 = 360 1 avião 264 total: 900 12% de 900.Determinada companhia aérea possui uma frota com cinco aviões: dois deles têm capacidade para 138 passageiros.

se essa sequência está em progressão aritmética. x20. se x0 = 350 e x2 = 380. a1= a0+a2 / 2 ..Técnico Administrativo / Raciocínio-Lógico / Progressão aritimetica-geometrica.. x1. an =a1+(n-1)r a0=350. e assim sucessivamente. para 180 passageiros e um. . em que x0 = quantidade de passagens vendidas em 1990..2012 .1 . a2=380 ... então temos que a razão será: r = (380 . ) Determinada companhia aérea possui uma frota com cinco aviões: dois deles têm capacidade para 138 passageiros. para 264 passageiros. como de 1990 a 2005 são 16: a16=350+(16-1)15 Obs: o a0 é o a1 da formula (1º termo) a16=350+225 = 575 Precisamos achar a razão da P. (essa razão é fixa e é acrescentada a cada novo termo) 1.Q280068 ( Prova: CESPE . a1=365 (média do anterior com o posterior) então a r=15 ou a1-a0 = 365-350 = 15 então..350) / 2 → r = 15 .ANAC .A. x1 = quantidade de passagens vendidas em 1991. Julgue os itens de 111 a 114 a respeito dessa frota. Nesse caso. outros dois.  ( ) Certo ( ) Errado Solução: Correto.. então em 2005 a companhia vendeu mais de 560 passagens. Se xo = 350 e x2 = 380. Considere a sequência x0.

em reais — das passagens.00.Q280069 ( Prova: CESPE .700 .2012 . A agência poderá obter um valor de receita superior a R$ 630.2.ANAC . de acordo com a expressão: N(p) = 2.3p. se Considerando que a receita — R(p) — da agência com a venda de passagens aéreas seja julgue os itens seguintes. ) Uma agência de turismo verificou que a quantidade — N(p) — de passagens aéreas vendidas varia em função do preço — p.Técnico Administrativo / Raciocínio-Lógico / Problemas Algébricos e Aritméticos. temos que adicionar essa razão 15 vezes: x15 = 350 + 15.000. 15 → x15 = 575 Logo temos que a companhia vendeu mais de 560 passagens em 2005 (575 passagens) 1 . De 1990 (xo) até 2005 (x15). Eu fiz assim .  ( ) Certo ( ) Errado Solução: Errado.

3P A sacação é enteder que quanto menor for o valor de P mais passagem serão vendidas. de acordo com a expressão: N(p) = 2.2012 .00 1 .700 passagens aéreas. se Considerando que a receita — R(p) — da agência com a venda de passagens aéreas seja julgue os itens seguintes.900) R= 300 x 1800 R= 540.700 . em reais — das passagens. ) Uma agência de turismo verificou que a quantidade — N(p) — de passagens aéreas vendidas varia em função do preço — p.R= Receita P= Preço N(P)= Número de passagens vendidas .3p.Q280070 ( Prova: CESPE .3(300)) R= 300 x (2700 .00.Formula dada N(P)= 2700 . inversamente proporcional 300<=P<=900 R= P x N(P) R= 300 x (2700 .  ( ) Certo ( ) Errado Solução: .000.ANAC .Técnico Administrativo / Raciocínio-Lógico / Problemas Algébricos e Aritméticos. Ao preço de R$ 350. ou seja. a agência venderá mais de 1.

Devemos aplicar a fórmula da quantidade com o valor total de passagens: N(p) = 1800 = 2700 .ANAC . forem são vendidas 1. ) Uma agência de turismo verificou que a quantidade — N(p) — de passagens aéreas vendidas varia em função do preço — p. em reais — das passagens.1800 = 3xp p= 300 .700 . basta calcularmos N(p) quando p=350. Assim.  ( ) Certo ( ) Errado Solução: Nula.00.000.800 passagens. a determinado preço.3p.2012 . de acordo com a expressão: N(p) = 2. N(350) = 2700-3. Se.3xp 2700 .Técnico Administrativo / Raciocínio-Lógico / Problemas Algébricos e Aritméticos.Sendo p o preço da passagem e N(p) a quantidade.350 = 2700-1050 = 1650. 1 .Q280071 ( Prova: CESPE . se Considerando que a receita — R(p) — da agência com a venda de passagens aéreas seja julgue os itens seguintes. então a receita da agência terá sido superior a R$ 516.

calculamos a receita da agência: R(300) = 300 x ( 2700 .00 > R$516.000.2012 . que representa a quantidade de passagens vendidas.Q280072 ( Prova: CESPE . de acordo com a expressão: N(p) = 2. em reais — das passagens.000.00 ( CERTO ) 1 .ANAC .3p.3x300) R(300) = 540. as receitas serão sempre inferiores a R$ 540.00.Técnico Administrativo / Raciocínio-Lógico / Problemas Algébricos e Aritméticos.700 .  ( ) Certo ( ) Errado Solução : Para p=600 -> N(600)= 900 . se Considerando que a receita — R(p) — da agência com a venda de passagens aéreas seja julgue os itens seguintes.000. ) Uma agência de turismo verificou que a quantidade — N(p) — de passagens aéreas vendidas varia em função do preço — p. Para passagens com preços acima de R$ 600.Agora com o valor p.00.

000. Ex corresponde ao conjunto de indivíduos do conjunto E que são clientes de pelo menos x operadoras de telefonia móvel e Nx.Q277674 ( Prova: CESPE . 2. tem-se que  ( ) Certo ( ) Errado Solução: Correto.2012 . a partir de um conjunto E de pessoas. à quantidade de elementos de Ex. O enunciado correto é: "Para cada x do conjunto {0.R(p)= p x N(p) Para p=600 -> R(600)= 540. 3 ou 4. 3.ANATEL . 2. julgue os itens que se seguem.Indíviduos do conjunto E que são clientes de pelo menos x operadoras . 2. ) Para cada x = 0. 1.00 1 . 4}. 1. Considerando essas informações.00 as receitas serão sempre inferiores a 540. 4}.000 Portanto qualquer valor acima de 600. tem-se que N4 ≥ Nx" Ex .Técnico Administrativo / Raciocínio-Lógico / Conjuntos numéricos complexos. Para cada do conjunto {0. 3. 1.

também é cliente de pelo menos 1 (Ex: Vivo) 4. claro. à quantidade de elementos de Ex. Logo com 1 ≤ x ≤ 4. está contido no conjunto de quem é cliente de pelo menos 3 (Ex: Vivo. Considerando essas informações.A quantidade de elementos de Ex 1. claro. portanto N4 ≤ N3 ≤ N2 ≤ N1. a partir de um conjunto E de pessoas. temos que E4 é o tem menos elementos. julgue os itens que se seguem. 1.Nx .ANATEL . Quem é cliente de pelo menos 2 (Ex: Vivo. claro).Q277675 ( Prova: CESPE .2012 . TIM e OI).Técnico Administrativo / Raciocínio-Lógico / Conjuntos numéricos complexos. Quem é cliente de pelo menos 4 (Ex: Vivo. Ex corresponde ao conjunto de indivíduos do conjunto E que são clientes de pelo menos x operadoras de telefonia móvel e Nx. está contido no conjunto de quem é cliente de pelo menos 2 (Ex: Vivo.. Quem é cliente de pelo menos 3 (Ex: Vivo. ) Para cada x = 0. .. 1 . claro) e está contido no conjunto de quem é cliente de pelo menos 1 (Ex: Vivo) 2. Quem é cliente de pelo menos 1 (Ex: Vivo) não é cliente das demais. claro) e também é cliente de pelo menos 1 (Ex: Vivo) 3. também é cliente de pelo menos 2 (Ex: Vivo. TIM). 3 ou 4. TIM). 2. claro.

Ou seja.N1 resulta no que? Resulta em retirar do CONJUNTO TOTAL o conjunto de TODOS OS CLIENTES. pra selecionar pelo menos um cliente será preciso selecionar o número dos "não clientes" (N0 . Voltando ao exemplo. Se nós selecionarmos aleatoriamente 5 do CONJUNTO TOTAL (que é o que a questão quer).Técnico Administrativo / Raciocínio-Lógico / Conjuntos numéricos complexos. Mas não é isso que a questão quer. Então quem sobra? Quem não é cliente. nós corremos o risco de selecionar exatamente 5 "não clientes". se nós selecionarmos 6. Por isso.Q277676 ( Prova: CESPE . não importa de quantas. Gabarito: correto. N0 . ou seja.N1) MAIS UM. A questão quer que nós selecionemos um número que COM CERTEZA incluirá PELO MENOS um cliente. Suponhamos que sejam 5 "não clientes". é igual a  ( ) Certo ( ) Errado Solução: Correto. N0 é o conjunto de todo mundo que é cliente de pelo menos "0" operadoras. 1 . N1 é o conjunto de todo mundo que é cliente de pelo menos uma. entre elas. Do N1 só não participa quem não é cliente de nenhuma operadora. selecionaremos 5 "não clientes". N0 é o conjunto de TODOS os elementos. N0 .A menor quantidade possível de pessoas que devem ser selecionadas no conjunto E. ) . Ou seja. pelo menos uma seja cliente de alguma operadora de telefonia móvel.N1 + 1. todo mundo que é cliente. mas com certeza o sexto será cliente. Se tivermos muito azar. nós COM CERTEZA selecionaremos pelo menos um cliente.2012 . seja cliente de operadora ou não.ANATEL . de forma que se tenha certeza de que.

Imaginemos x =2. ok? A grande sacada da questão deve ser a seguinte: quando você aumenta o valor de ‘x’. Essa interpretação vale para todos os valores de ‘x’. Ey será um ( ) Certo ( ) Errado Solução: Correto. me perdi.  então. ou seja. 3 ou 4.. 4} e subconjunto de Ex. Entendendo a questão. a partir de um conjunto E de pessoas. 2. você dimunui o número de clientes. julgue os itens que se seguem. 2. Ex corresponde ao conjunto de indivíduos do conjunto E que são clientes de pelo menos x operadoras de telefonia móvel e Nx. Vejam essa figura: . 2. N(1) será a quantidade de elementos de E(1).. Se x e y forem elementos do conjunto {0. 1.Para cada x = 0. Além disso. E(1) vai ser o conjunto de ‘clientes de pelo menos 1 operadoras de telefonia móvel’. Isso quer dizer que: 1. Considerando essas informações. quantos clientes terá E(1). à quantidade de elementos de Ex. 3. você terá SEMPRE um conjunto dentro do outro!!! Vixe PH. 1.

A figura e a análise explicam exatamente isso. 3. ou seja. ok? Dentro desse conjunto U.html . Sendo y maior ou igual a x. 01. bem como E(2). teremos E(1). em uma cidade. ok? Passando por essa análise. o E(0) é a parte branca do conjunto U. Pergunto então: quem tem 2 operadoras não tem PELO MENOS uma??? Assim.com. 2. então. vejamos as questões. que é o conjunto de clientes com PELO MENOS 2 operadoras. 1. bairro ou prédio. 4} e x <= y. Ey estará ‘dentro’ de Ex.O conjunto U é o conjunto de todos os indivíduos. clientes com PELO MENOS 1 operadora. Se x e y forem elementos do conjunto {0.blogspot. FONTE: http://beijonopapaienamamae.br/2013/01/uma-questaodiferente-sobre-conjuntos. Por fim. portanto subconjunto! Item correto. um cliente qualquer que tem 4 operadoras deve pertencer OBRIGATORIAMENTE aos conjuntos E(1) até E(4). Ey será um subconjunto de Ex.

br/pesquisar?ad=&an=&ar=&at=&bt=Filtrar&cd=&cg= &di=4&ds=&dt=&es=&in=&mc=&md=&nc=&ni=&nr=&og=2&page=18&pp=&pv=&rc=&ri=&rs= &sc=&ss=&te= 86 • Q277678 .http://www.br/pesquisar?ad=&an=&ar=&at=&bt=Filtrar&cd=&cg= &di=4&ds=&dt=&es=&in=&mc=&md=&nc=&ni=&nr=&og=2&page=14&pp=&pv=&rc=&ri=&rs= &sc=&ss=&te= 68 • Q280074 http://www.questoesdeconcursos.com.com.questoesdeconcursos.