You are on page 1of 7

_________________________________________________________________________________________________

_________________________________________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________________________________________

1.

Cite três tipos de materiais magneticamente duros e cinco aplicações desses materiais no domínio da eletroeletrônica.

Os materiais magneticamente duros podem ser divididos basicamente em três famílias a saber: Alnicos, Ferrites e Terras-Raras. Existe um extenso rol de aplicações destes materiais, donde podemos citar:      Alto-falantes Motores elétricos CC de baixa potência Ressonância Magnética Portas de segurança de bancos Disco Rígido

Figura 1: Exemplos de aplicações para Materiais magneticamente duros.
_________________________________________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________________________________________

Período 2012.2

A técnica mais utilizada para esta solidificação rápida é conhecida como melt spinning (Figura 1) e consiste em uma roda resfriada internamente por água ou algum fluido refrigerante que à medida que gira. Durante muito tempo estes materiais foram conhecidos como vidros metálicos. é despejado sobre esta alguma liga metálica fundida. gerando normalmente como produto fitas metálicas amorfas (Figura 2).2 . facilitando assim a orientação dos seus domínios magnéticos. caracterizando o produto como uma liga não cristalina (amorfa). Figura 2: Melt Spinning Figura 3: Fita de liga metálica com base em ferro._________________________________________________________________________________________________ 2. que se solidifica rapidamente conforme o processo de solidificação rápida. Apresentam fácil magnetização uma vez que seus átomos se encontram ordenados de maneira aleatória. Período 2012. Em que consiste a obtenção de materiais magnéticos pelo processo de solidificação rápida? Qual a principal característica da estrutura atômica desses materiais? O processo de solidificação rápida (do inglês rapid quenching) consiste no rápido esfriamento de uma liga metálica a ponto de não haver um rearranjo dos átomos deste (não há cristalização).

enquanto o GNO apresenta boas propriedades em qualquer direção considerada. No Brasil estes aços são amplamente utilizados em motores e transformadores. Estes aços podem ser divididos em GO (Grãos-Orientados) e GNO (Grãos Não orientados). A grande contribuição das ligas cristalinas nas aplicações no domínio da eletroeletrônica é o núcleo. Estes aços também possuem alta permeabilidade magnética que reduzem as perdas por histerese. Máquinas CA. o aço elétrico GO possui as propriedades magnéticas otimizadas na direção de sua laminação. Quais as principais propriedades eletromagnéticas que tornam os aços elétricos mais eficientes? No processo de fabricação dos aços elétricos normalmente se insere silício e baixas concentrações (<4%) que lhe confere resistividade elétrica. Transformadores de alta frequência e dimensões reduzidas. Período 2012._________________________________________________________________________________________________ 3. _________________________________________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________________________________________ 4. Dentre as aplicações que utilizam um núcleo composto por estas ligas podemos citar:      Transformadores de corrente de alta classe de exatidão. Cite cinco aplicações de ligas nanocristalinas no domínio da eletroeletrônica.2 . Amplificadores magnéticos. Indutores (tipo commom mode chokes). muito importante para a redução das correntes de Foucault (parasitas).

Adicionalmente._________________________________________________________________________________________________ Figura 4: Algumas aplicações que utilizam núcleo composto de ligas nanocristalinas _________________________________________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________________________________________ 5. publicados em periódicos. Dentre os principais métodos empregados para caracterização de ligas amorfas e nanocristalinas podemos citar:  Espectroscopia Mössbauer: o Equipamento: espectrômetro de Mössbauer. que tratem especificamente da determinação das perdas em ligas amorfas e ligas nanocristalinas. Não se esqueça de listar os nomes dos autores e apresentar as informações complementares relativas a cada um dos trabalhos. Quais os principais métodos utilizados para a caracterização de ligas amorfas e de ligas nanocristalinas? Basta citar três exemplos. pesquise e apresente cinco títulos de trabalhos. Período 2012. sem esquecer-se de citar os tipos de equipamentos empregados nesses ensaios experimentais.2 .

2 ._________________________________________________________________________________________________ Figura 5: espectrômetro de Mössbauer  Difração de raios-X: o Equipamento: Sistema de difração de raios-x Figura 6: Sistema de difração de raios-x  Microscopia Eletrônica de Alta Resolução: o Equipamento: Microscópio eletrônico de transmissão Período 2012.

2007). BIELA. FERRARA.. (THOTTUVELIL.2 . et al. XING. WILSON e OWEN. (CHENG. 2003). (BERTOTTI. 2012). ZHANG._________________________________________________________________________________________________ Figura 7: Microscópio eletrônico de transmissão Dentre algumas publicações sobre determinação das perdas em ligas amorfas e nanocristalinas podemos citar (MUHLETHALER. 1980).. 1993). et al. (WANG.. et al. 1981) e (MA e GRAHAM. (LI. (KRAUSE. 2010). 1984). Período 2012.. et al.

Beijing. 1144-1146 . 5. n. W. Zhang. n. 20. R. [7] R. Graham. [4] X.” Magnetics.” IEEE Transactions on Magnetics. Zhang. May 2003. 6. [3] H. 953-963. 2. Set 1980. “Experimental Study of Testing Models for Low Noise Amorphous Alloy Core Power Transformers. A. D. “Unusual High-Frequency Behavior of Some Amorphous Metallic-Alloy Tape-Wound Magnetic Cores. pp. Ma e C. C. China. Ecklebe. Weihs._________________________________________________________________________________________________ Bibliografia [1] J. 4. pp. 73. Ferrara. vol. Kolar e A. vol. vol. Cheng. Krause. Fev 2012. pp. 570-578. n. 2686-2691 . Biela. Q. n. 6. vol. F. IEEE Transactions on. 2010 25-27 June . vol. Lee. vol. Wang. Nov 1981. Chien. X. Bertotti. Z. Cammarata. Wilson e H. “The effect of temperature on strain rate sensitivity in a nanocrystalline Ni–Fe alloy. “Core loss measurements on FeBC amorphous alloys. M. [2] Y. “Magnetic core loss of ultrahigh strength FeCo alloys. “Loss measurements on amorphous alloys under sinusoidal and distorted induction waveform using a digital feedback technique. J. Duckham. pp. Xiao e C. 7121-7123 . G. [6] J. P. Mai 1993. vol. Niu e D. “High frequency magnetic properties of some amorphous alloys. Zhang. H. Muhlethaler. pp. Thottuvelil.” Journal of Applied Physics. T. pp. J. 16. Xing. A. 17.” IEEE Transactions on Power Electronics. E. Han. Pasquale.” IEEE Transactions on Magnetics. 10. S.” Journal of Applied Physics.2 . Owen. pp. L. 10. Período 2012. Fiorillo e M. W. Mar 2007. n. n. n. [5] G. Jul 1984. 101. G. Li.” em International Conference on Electrical and Control Engineering (ICECE).” Journal of Applied Physics. [8] B. 063536-7 . T. 5375-5377 . 27. “Core Losses Under the DC Bias Condition Based on Steinmetz Parameters. J. K. 93.