You are on page 1of 5

ESCOLA SECUNDÁRIA DA SERTÃ ANO LECTIVO 2012/2013

FICHA

DE TRABALHO

BIOLOGIA I 12º
Turma: ____

ANO
Nº: ____ Data: 2013 / /

Nome: ________________________________________________

A medula óssea é o tecido encontrado no interior dos ossos, também conhecido popularmente por "tutano", que tem a função de produzir as células sanguíneas: glóbulos brancos, glóbulos vermelhos e plaquetas. Fig 1.A medula óssea localiz-sea na parte esponjosa dos ossos chatos (por exemplo, a bacia), onde acontece o desenvolvimento das células sanguíneas. O processo de formação das células sanguíneas é chamado de hematopoeise.

Hematopoiese

Fig 2 .A célula progenitora mielóide dá origem aos eritrócitos, plaquetas, glóbulos brancos granulócitos (neutrófilos, eosinófilos, basófilos), mastócitos e aos monócitos. O progenitor linfóide dá origem a linfócitos T e B e células NK (natural killer).

O sangue é composto por plasma e células. O plasma é predominantemente constituído por água, proteínas (como factores de coagulação, hormonas e anticorpos) e por vitaminas e minerais . As células do sangue são: os glóbulos vermelhos (ou eritrócitos ou hemácias), os glóbulos brancos (ou leucócitos) e as plaquetas. -Leucócitos (glóbulos brancos) : são responsáveis pela defesa do nosso organismo contra agentes infecciosos (vírus, bactérias) e substâncias estranhas. Para defender o corpo adequadamente, uma quantidade suficiente de leucócitos deve estimular as respostas apropriadas, ir aonde são necessários e, em seguida, matar e digerir os organismos e as substâncias prejudiciais. Como todas as células sanguíneas, os leucócitos são produzidos na medula óssea. Eles formam-se a partir de células precursoras (células-tronco) que se diferenciam e amadurecem num dos cinco tipos principais de leucócitos: neutrófilos, eosinófilos, basófilos, monócitos e linfócitos. A contagem de leucócitos total, normalmente varia de 4.000 a 10.000 células por microlitro. A leucopenia, diminuição da quantidade de leucócitos ou glóbulos brancos pode ocorrer devido a determinados medicamentos, administração de quimioterapias, ou em resultado de infecções, deficiência de produção ou destruição por anticorpos. Em algumas situações a pessoa fica mais susceptível à infecções. A leucocitose, um aumento da quantidade de leucócitos, pode ser uma resposta a infecções, proveniente do uso de factores de crescimento, ser resultante de um cancro, de um traumatismo, do stress ou do uso determinados medicamentos. Os 5 tipos de leucócitos ou glóbulos brancos são:

sugira por que razão estes linfócitos são designados células de memória. indique duas diferenças entre as respostas primária e secundária.  Os linfócitos ou agranulócitos constituem 30% a 40% de todos os leucócitos. As imunoglobulinas IgG são produzidas pela actividade dos linfócitos de longa duração. 1. evidenciadas no gráfico. Fig.Os leucócitos dividem-se em três classes:  Os granulócitos constituem 50% a 60% de todos os leucócitos. 1. Os monócitos transformam-se em macrófagos. podemos afirmar que traduzem uma resposta imunitária: . 1. Refira uma característica evidenciada no gráfico que seja comum às respostas primária e secundária. Tendo em atenção o gráfico. Têm esse nome porque contêm grânulos com diferentes substâncias químicas. eosinófilos (2 a 4%) e basófilos (<1%).2.1 1.  Os monócitos constituem até 7% de todos os leucócitos.1.4. dependendo do tipo da célula. Relativamente à imunoglobulina IgG. Dividem-se em três classes: neutrófilos (60%). Relativamente aos dados fornecidos pelo gráfico da figura 1. relativamente às imunoglobulinas IgM e IgG. Os linfócitos dividem-se em dois subtipos principais: células B (as que amadurecem dentro da medula óssea) e as células T (aquelas que amadurecem no timo).3.

Grandes células dos monócitos que fagocitam corpos estranhos. A irradiação tem o efeito de matar células em multiplicação rápida. 6.por mediação celular.Sofrem maturação no timo e actuam na imunidade por mediação celular. actuam na imunidade por mediação celular. 2. 2. (selecciona a letra da opção correcta) 2.A . um dos números das características a seguir indicadas Características Intervenientes na resposta imunitária 1. Em cada um dos lotes. Como justifica o aumento imediato da concentração de anticorpos registada no gráfico. Faça corresponder. originam células produtoras de anticorpos. esquematicamente. ratos jovens correspondentes a quatro lotes (a. não sofrem maturação e produzem anticorpos. . b. E .Proteínas que se ligam aos antigénios. ajudando a eliminá-los.por barreiras anatómicas.por barreiras químicas D .Produzidos no timo. com o intervalo de algumas semanas. a dois contactos com o mesmo antigénio. d). nomeadamente.não específica B .Depois de estimulados pelos antigénios. 2.1.3. No gráfico da figura 2. c.Linfócitos B ____ B . após o segundo contacto com o antigénio? 2. A . 5. células da medula óssea.Pequenas células que fagocitam determinados antigénios.2. 7.Produzidos na medula óssea. os números indicam a sequência das fases de um tratamento a que estes animais foram submetidos. Na figura 3. Refira quais as células que foram activadas após o primeiro contacto com o antigénio e que deram origem à resposta assinalada no gráfico. a cada uma das letras relativas a alguns dos intervenientes na resposta imunitária. 4. estão representados.Linfócitos T ____ C – Macrófagos ____ D – Anticorpos ____ 3.humoraI C . 3. está representada a resposta imunitária de um organismo sujeito.

(Selecciona a letra da opção correcta. C. Refira. pela primeira vez. somente produção de linfócitos B. Indique em qual ou quais dos lotes de ratos (a.Fig. espera-se que ele: A. mas apresentam imunidade humoral e imunidade por mediação celular. E. Não resista a esta segunda dose. c.1. após o tratamento: 3. a medula óssea e o timo. em caso de infecção. Não produza anticorpos. uma injecção de uma toxina bacteriana. Quando ocorre um ferimento na pele. Produza anticorpos mais rapidamente. 5. 4. Produza menor quantidade de anticorpos.2. ausência de produção de linfócitos B e T. Um coelho recebeu. b.3 3. 4. 4.2. após a entrada de bactérias no local do ferimento. 4. tendo produzido anticorpos. D. Indica o nome das células que se irão dirigir para o local do ferimento para combater as bactérias invasoras.1. não têm especificidade imunológica. 3. D. em relação ao sistema imunitário.3. não têm especificidade imunológica. e não apresentam imunidade humoral. E. B.3. Se após um certo tempo for aplicada uma segunda injecção da toxina no animal.2. Demore mais a produzir anticorpos. Explica a formação do pus. têm especificidade imunológica. que funções desempenham. mas não apresentam imunidade humoral. Se os ratos que ficaram a produzir somente linfócitos B forem atacados por bactérias.2. 3.2. d) se pode observar. produção de linfócitos B e T.1. pois já está imunizado. 3. mas não apresentam imunidade por mediação celular. respectivamente. C. e apresentam imunidade por mediação celular. não têm especificidade imunológica.) . pode surgir uma infecção. 3. Explica o processo de eliminação dessas bactérias.3.2. A. B. pode afirmar-se que esses ratos: (Selecciona a letra da opção correcta). têm especificidade imunológica.

B . As células sanguíneas com capacidade fagocitária são: A . são chamados: A . D . D .produz interferão.suco pancreático no estômago. C .células T supressoras. 6. Os mensageiros químicos libertados por células infectadas por vírus e que se ligam à superfície de células saudáveis. B . B . B . Os anticorpos são sintetizados por: A .linfócitos T auxiliares. 6.5.9. D . D .3. A vacinação consiste em injectar no organismo: A . C .histamina.baço e gânglios linfáticos. C . E . D .6.2.interferão.8.cílios e muco do revestimento do tubo digestivo. B .linfócitos T supressores.linfócitos B. 6. C .plasmócitos.neutrófilos. B . 6.proteínas complemento. seleccione a opção correcta. 6. Muitas bactérias ingeri das com os alimentos são mortas por acção de: A . C . B . 6. 6. C .gânglios linfáticos e amígdalas. B .liberta anticorpos. B .vírus ou bactérias vivas em pequenas quantidades.ácido clorídrico e enzimas do suco estomacal.soro de animais criados em laboratórios que recebem grande quantidade de antigénios.4.10.substâncias químicas que combatem a doença já instalada. Quando um linfócito T reconhece um antigénio ele: A . Os linfócitos que provocam a destruição de células cancerosas ou de células infectadas por vírus são: A .vírus ou bactérias mortas ou atenuadas que induzem a produção de anticorpos. estimulando-as a produzir proteínas que impedem a reprodução do vírus.movimenta-se do timo para o baço.sangue e linfa. D . C . Os linfócitos que inibem o desenvolvimento e a proliferação de célu-las B e de células T são: A .multiplica-se. C.linfócitos B. Ficha de trabalho de Biologia 12º B Página 5 de 5 . 6. O termo humores refere-se a: A .linfócitos T auxiliares.6. D .7. 6. C .macrófagos.fagócitos.anticorpos. Os órgãos linfóides primários são: A .timo e gânglios linfáticos.granulócitos e monócitos.tecidos subcutâneos.tecidos internos.medula óssea e timo.bílis no intestino grosso. c . D .células B supressoras.plasma de pessoas que já tiveram a doença.linfócitos T citolíticos D .linfócitos T citotóxicos.linfócitos T citolíticos 6.linfócitos T auxiliares. D .medula vermelha dos ossos. B . Para cada uma das questões que se seguem.1.