You are on page 1of 13

SIMULADÃO AVANÇADO – PM – MA

Seja Perseverante. Tenha Esforço, Dedicação, AVANÇOS e Vitória 1

01.: Observe a ilustração a seguir.

Ela foi publicada em uma revista sobre o uso obrigatório de
cintos de segurança, em 1994. Segundo essa ilustração:
(A) os vários tipos de cintos de segurança não apresentam
diferenças de resultados, pois o gráfico fala somente de
“chances” e não de fatos reais.
(B) 33% das pessoas que usam o cinto de segurança do tipo
subabdominal morrem em acidentes de trânsito.
(C) o cinto de segurança menos eficiente é o cinto de três
pontos, considerando-se a dificuldade de sair do carro em caso
de acidente grave.
(D) as chances de sobrevivência em acidentes de trânsito
aumentam progressivamente a partir do número de partes do
corpo presas pelos cintos.
(E) o cinto diagonal é menos eficiente que o cinto subabdominal
e mais eficiente que o cinto de três pontos

02.: Observe a imagem a seguir.


O Ministério da Saúde lançará, em breve, um plano de combate
adoenças crônicas: diabetes, hipertensão e doenças
cardiovasculares.
Uma pesquisa encomendada pelo governo revelou dados
alarmantes sobre a incidência cada vez maior de casos de
diabetes. Os dados apontam que 48% dos adultos estão acima
do peso e mais de 30% das crianças de 5 a 9 anos também.
Os casos devem aumentar nos próximos anos, começando cada
vez mais cedo, e as mulheres precisam ficar atentas. Hoje, o
número de mulheres com diabetes é 30% superior ao número de
homens...
A campanha acima utiliza uma foto. Assinale a afirmativa que
deixa de ser adequada em relação à utilização dessa foto na
campanha.
(A) A foto está desfocalizada para representar pessoas em geral
e não algumas específicas.
(B) Na foto as pessoas estão de costas para indicar que poucas
delas dão atenção ao mal que é a diabetes.
(C) O número de pessoas na foto é bastante grande porque
também é bastante grande o número de pessoas que sofrem de
algumas doenças crônicas.
(D) Na foto há homens e mulheres porque a campanha alude a
diferenças de doentes entre os sexos.
(E) Todas as pessoas da foto caminham na mesma direção para
indicar o interesse de todos na cura.

03.: Comparando-se imagem e texto da questão 2, verifica-se
que:
(A) a foto que serve de fundo ao anúncio apresenta um tom
depressivo por sua focalização defeituosa.
(B) a manchete do anúncio veicula uma informação diferente,
por ser incompleta, da que é veiculada no texto.
(C) o texto, sem o apoio gráfico da foto, perderia o sentido.
(D) o corpo do texto é, na verdade, menos informativo que a
imagem + manchete da parte superior.
(E) a imagem tem valor propagandístico sem o apoio do texto.

04.: O futebol é um tema popular. Assinale a frase em que a
linguagem do texto apresenta coloquialidade.
(A) “...o futebol incentiva o respeito à lei, às regras, à disciplina,
à hierarquia.
(B) “...era uma representação da vida de cada um, na qual a
sobrevivência é sempre decorrente daquela capacidade de dar
uma volta nas situações”.
(C) “Como na vida, no futebol luta-se pela vitória através do
trabalho, do esforço de cada um”.
(D) “A tensão do futebol é igual à tensão da vida, compostas,
ambas, pela insegurança de um resultado positivo, pelos riscos e
pela incerteza”.
(E) “Na vida, como no futebol, nada é definitivo: estamos
sempre transitando entre vitórias e derrotas”.

05.: Leia o texto a seguir, retirado do jornal O Globo de
27/07/2011.
Virgem (23/8 a 22/9)
Elemento: terra. Modalidade: mutável. Signo complementar:
Peixes. Regente: Mercúrio. Por vezes, as bases que sustentam
nossa capacidade criadora passam por grandes transformações.
É tempo de acolher as mudanças que estão ocorrendo,
encontrando uma nova forma de alimentar sua criatividade.
O reconhecimento dos diferentes gêneros textuais, seu
contexto de uso, sua função social específica, seu objetivo
comunicativo e seu formato mais comum relacionam-se aos
conhecimentos construídos socioculturalmente. A análise dos
elementos constitutivos desse texto demonstra
que sua função é:
(A) vender.
(B) aconselhar.
(C) ensinar.
(D) informar.
(E) discutir.

06.: Leia o texto a seguir, retirado do livro A origem curiosa das
palavras, de Márcio Bueno, José Olympio Editora, RJ, 2003.
Brevidade: qualidade do que é breve; o termo designa também
um bolinho doce feito de polvilho. A guloseima foi batizada com
esse nome porque pode ser feita com grande facilidade e por
desmanchar rapidamente na boca.
O assunto tratado no texto é relativo à Língua Portuguesa e foi
publicado em uma espécie de dicionário, destinado a curiosos.
SIMULADÃO AVANÇADO – PM – MA
Seja Perseverante. Tenha Esforço, Dedicação, AVANÇOS e Vitória 2

Entre as características próprias desse tipo de texto, identificam-
se as marcas próprias do uso:
(A) regional, pela presença de léxico de determinada região do
Brasil.
(B) literário, pela abundância de figuras de linguagem.
(C) técnico, por meio de estruturas da definição.
(D) coloquial, por meio de registro de informalidade.
(E) oral, por meio de expressões típicas da oralidade.

07.: “Ela já é uma realidade que ultrapassou as fronteiras da
Internet.
Agora, a preocupação é de como está sendo usada e até que
ponto pode influenciar no aprendizado e na comunicação
entreas pessoas. Trata-se da linguagem conhecida como
internetês,
que surgiu entre os usuários de chats de conversação, blogs
(diários virtuais) e ICQ (programa de comunicação).
‘Só o tempo irá dizer quais os riscos que o internetês pode
provocar na Língua Portuguesa padrão. Mas uma coisa é certa:
do ponto de vista linguístico, essa linguagem não oferece
nenhum perigo’, assegura a professora Sylvia Bittencourt, de
Língua Portuguesa e de Literatura.
Especialista na matéria, a professora questiona, na realidade, o
uso do internetês como única opção de linguagem. "Isso sim é
preocupante. O perigo está no seu uso limitado e no próprio
usuário - adolescente ou não - que só se dedique a escrever e se
comunicar desse modo, em tudo na sua vida".
(http://www.novomilenio.inf.br/idioma/20050530htm)
Segundo a especialista, o perigo do internetês está em
desrespeito a um princípio básico do uso adequado de
linguagem, que é:
(A) em qualquer situação comunicativa deve-se privilegiar a
norma culta.
(B) nos textos é indispensável a utilização de uma linguagem
mais moderna.
(C) as situações comunicativas determinam o tipo de linguagem
adequada.
(D) a necessidade de cuidado com o idioma deve ser respeitada.
(E) nos textos informais deve-se evitar vocábulos eruditos e
correção.

08.: Leia o texto a seguir:
Um parasita do afeto humano
Quando o meio ambiente se modifica, os seres vivos incapazes
de se adaptar a ele se extinguem. Por esse motivo, as
estratégias utilizadas pelos animais para sobreviver em nossos
ambientes são muito estudadas pelos biólogos. Meu exemplo
favorito é uma espécie que desenvolveu a capacidade de
explorar a aptidão humana para dar e receber afeto. Utilizando
sua capacidade de parasitar nossa mente, esse animal
conseguiu garantir a sobrevivência de sua espécie. Como todo
parasita, foi obrigado a abrir mão de sua liberdade, mas valeu a
pena: da maneira como o homem vem alterando o planeta, é
quase certo que essa espécie será a última do seu grupo a se
extinguir, pois associou definitivamente seu destino ao do
homem. Trata-se do cão.
(Fernando Reinach, A longa marcha dos grilos canibais, Cia das Letras, SP, 2010)
Considerando as ideias desenvolvidas pelo autor, conclui-se que
o texto tem a finalidade de:
(A) descrever e fornecer orientações sobre como tratar os cães.
(B) narrar a vida de quem possui animais de estimação.
(C) aconselhar os donos de cães a evitar proximidade exagerada
com os cães.
(D) expor de forma geral as estratégias de sobrevivência animal.
(E) destacar uma especificidade nas estratégias de sobrevivência
animal.

Preconceito linguístico
MITO 1 – “A língua portuguesa falada no Brasil apresenta uma
unidade surpreendente”
Esse é o maior e o mais sério dos mitos que compõem a
mitologia do preconceito linguístico no Brasil. Ele está tão
arraigado em nossa cultura que até mesmo intelectuais de
renome, pessoas de visão crítica e geralmente boas
observadoras dos fenômenos sociais brasileiros, se deixam
enganar por ele. É o caso, por exemplo, de Darcy Ribeiro, que
em seu último grande estudo sobre o povo brasileiro escreveu:
“É de assinalar que, apesar de feitos pela fusão de matrizes tão
diferenciadas, os brasileiros são, hoje, um dos povos mais
homogêneos linguística e culturalmente e também um dos mais
integrados socialmente da Terra. Falam uma mesma língua,
sem dialetos”
(grifo meu, Marcos Bagno, Folha de São Paulo, 5/2/95)
9.: No texto, menciona-se que a ideia de a língua portuguesa
falada no Brasil ter uma unidade é um mito. A argumentação
construída:
(A) apresenta fatos que estabelecem entre si relações de
causa/consequência.
(B) mostra dados que corroboram a ideia apresentada.
(C) fundamenta-se na opinião de autoridade do autor do texto.
(D) destaca, sublinhando, argumentos favoráveis à idéia
defendida.
(E) demonstra, ironicamente, a verdade da tese apresentada.

10.: Num pequeno estudo sobre a linguagem dos call centers,
Roberto Cohen nos relata o seguinte caso:
Uma usuária ligou-me com problemas de navegação, então fiz
ela configurar novamente sua máquina e tudo o mais. Para
verificar se estava tudo correto, perguntei a ela:
— O que a senhora está vendo na janela?
— Ah... está passando um ônibus e um senhor, por quê?
Deixei assim e depois de terminar de configurar todas as coisas,
eu disse:
— A senhora terá que fechar todas as janelas e reiniciar seu
equipamento.
— Puxa, mas não basta só fechar a janela do meu quarto?
Nesse caso, o que causa o problema de atendimento é:
(A) a falta de atenção do atendente.
(B) o pouco tempo de que dispõe o atendente para o
atendimento do cliente.
(C) o emprego do termo janela como linguagem figurada.
(D) a distância entre os interlocutores.
(E) a inexperiência da usuária no terreno da informática.

11.: Leia o seguinte texto, início do romance Olhai os lírios do
campo, de Érico Veríssimo:
O médico sai do quarto n. 122.(*) A enfermeira vem ao seu
encontro.
— Irmã Isolda – diz ele em voz baixa -, avise o Dr. Eugênio(*). É
um caso perdido. Questão de horas, talvez de minutos. E ela
sabe que vai morrer...
SIMULADÃO AVANÇADO – PM – MA
Seja Perseverante. Tenha Esforço, Dedicação, AVANÇOS e Vitória 3

Os conectores que poderiam ser empregados de forma
adequada ao sentido do texto no lugar dos asteriscos são:
(A) enquanto, e.
(B) quando, mas.
(C) visto que, logo.
(D) e, pois.
(E) assim que, porque.

12.: A BBC divulgou cinco medidas que você deve tomar para
que não tenha problemas com o uso do facebook: 1-não aceitar
amizade de pessoas desaconselháveis; 2-não reclamar de seus
superiores ou de pessoas de quem depende; 3-não colocar fotos
problemáticas na rede; 4-divulgar atividades em dias em que
deveria estar em casa; 5-não revelar segredos.
A notícia abaixo veicula um problema:
Em julho de 2011, autoridades da Alemanha começaram a
discutir a proibição de eventos marcados pelo site. A decisão
está baseada em diversos casos de superlotação ou recepção de
pessoas não convidadas a eventos particulares. No evento do
16º aniversário de uma garota em Hamburgo, que foi
acidentalmente configurado como público, 1500 "convidados"
compareceram à festa, e após relatos de distúrbios na
sobrelotação, mais de uma centena de policiais tiveram de ser
destacados para controlar a multidão. Um policial ficou ferido e
onze participantes foram detidos por agressão, danos materiais
e resistência às autoridades. Em outro evento com superlotação
inesperada, 41 jovens foram detidos e pelo menos 16 ficaram
feridos.
No caso citado o problema surgiu:
(A) de falha humana e não do site.
(B) da reação à repressão exagerada das autoridades.
(C) da comunicação ampla do facebook.
(D) do acesso do público em geral aos eventos do site.
(E) da falta de educação de grande parte da população.

13.: “O cartunista Bob Thaves resumiu, com a costumeira
síntese do ofício, uma questão essencial. Frank Ernest – seus
conhecidos personagens – travam o seguinte diálogo numa
farmácia: ‘É um remédio milagroso: os frascos são fáceis de
abrir’.
Ignoro se ele já fez alguma tira sobre as bulas, mas poderia ser
semelhante ao da embalagem o critério de escolha do
medicamento: o paciente pode entender o que diz a bula.”
(Deonísio da Silva, A língua nossa de cada dia, Novo Século Editora, 2007. p. 52)
O problema de linguagem aludido é que os textos das bulas:
(A) usam um tipo de linguagem que não atrai a leitura dos
compradores dos remédios.
(B) são de difícil compreensão por preferirem o vocabulário
erudito ao informal, aconselhável na situação comunicativa.
(C) utilizam o jargão da medicina, de difícil compreensão para os
leigos.
(D) são considerados inúteis pela maioria dos compradores de
remédios, já que as receitas médicas os substituem.
(E) informam o óbvio, daí que sejam desprezados.

14.: Uma receita de bolinhos de banana, retirada da Internet,
diz o seguinte: “Amasse a banana, misture a farinha, açúcar,
ovo e o fermento. Se a massa ficar dura, coloque um pouco de
leite.
Frite às colheradas em óleo quente e jogue açúcar com canela
por cima.”
Esse tipo de texto denomina-se instrucional ou procedural.
A esse respeito, analise as afirmativas a seguir.
I. Apresentação de uma série de ações em sequência de
realização.
II. Anumeração de ingredientes a serem acrescentados em
ordem cronológica.
III. Emprego de imperativos com sentido de ordem a ser
cumprida.
Assinale:
(A) se apenas a afirmativa I for adequada ao texto.
(B) se apenas as afirmativas I e II forem adequadas ao texto.
(C) se apenas as afirmativas I e III forem adequadas ao texto.
(D) se apenas as afirmativas II e III forem adequadas ao texto.
(E) se todas as afirmativas forem adequadas ao texto.

15.: Analise a charge publicada em julho de 2011 por Mariosan-
GO.

Para compreensão de seu amplo significado, analise as
informações a seguir.
I. A cantora inglesa Amy Winehouse, cuja morte foi atribuída ao
consumo de drogas, interpretava uma canção que possuía a
frase “no, no, no” como uma espécie de refrão.
II. A crise de corrupção no Ministério dos Transportes que levou
à demissão de um grande número de altos executivos do
Ministério.
III. O grande número de passeatas de protesto contra a
corrupção, comandada por donas de casa.
IV. A liberação de movimentos como a Passeata da Maconha
com a justificativa da liberdade de expressão.
Assinale:
(A) se apenas I e II são suficientes para a compreensão da
charge.
(B) se apenas I e III são suficientes para a compreensão da
charge.
(C) se apenas I e IV são suficientes para a compreensão da
charge.
(D) se apenas II e III são suficientes para a compreensão da
charge.
(E) se apenas II e IV são suficientes para a compreensão da
charge.

16.: Na mesma charge, a estrutura da fala da mulher mostra:
(A) uso da linguagem formal, adequada à situação.
(B) mudança da ordem de termos de uma expressão.
(C) ambiguidade de significados.
SIMULADÃO AVANÇADO – PM – MA
Seja Perseverante. Tenha Esforço, Dedicação, AVANÇOS e Vitória 4

(D) intertextualidade com a letra de uma música popular.
(E) emprego de um vocábulo polissêmico.

17.: Observe o texto a seguir, que serve de apresentação de
uma figura pública a ser entrevistada por Veja:
“Aos 51 anos, o médico paulista Geraldo Medeiros é um dos
endocrinologistas brasileiros de maior e mais duradouro
sucesso. Numa especialidade em que o prestígio dos
profissionais oscila conforme a moda, há três décadas ele
mantém sua fama em ascendência. Em seu consultório de
242m
2
, na elegante região dos Jardins, uma das mais exclusivas
de São Paulo, Medeiros guarda as fichas de 32.600 clientes que
já atendeu.”
Assinale a alternativa que indica a observação correta sobre o
gênero textual desse fragmento.
(A) Texto informativo de estrutura dissertativa, pois discute
valores sociais de determinado personagem.
(B) Texto publicitário de estrutura narrativa, pois apresenta
dados em sequência cronológica.
(C) Texto jornalístico de estrutura descritiva, pois informa uma
série de ações que montam a imagem do entrevistado.
(D) Texto informativo de estrutura descritiva, pois identifica,
localiza e qualifica a pessoa a ser entrevistada.
(E) Texto jornalístico de estrutura dissertativa, pois apresenta e
discute valores do entrevistado.

18.: “A feição deles é serem pardos, maneira de avermelhados,
de bons rostos e bons narizes, bem feitos. Andam nus, sem
cobertura alguma. Não fazem o menor caso de encobrir ou de
mostrar suas vergonhas; e nisso têm tanta inocência como em
mostrar o rosto.
Ambos traziam os beiços de baixo furados e metidos neles seus
ossos brancos e verdadeiros, de comprimento duma mão
travessa, da grossura dum fuso de algodão, agudos na ponta
como furador. Metem-nos pela parte de dentro do beiço; e a
parte que lhes fica entre o beiço e os dentes é feita como roque
de xadrez, ali encaixado de tal sorte que não os molesta, nem os
estorva no falar, no comer ou no beber”.
Esse é um fragmento da Carta de Pero Vaz Caminha, em que
dava notícia do descobrimento do Brasil ao rei de Portugal,
descrevendo os índios da nova terra. Para fazer a descrição de
coisas surpreendentemente novas, Pero Vaz Caminha apela
para:
(A) comparações com as realidades do mundo europeu.
(B) vocábulos inexistentes na língua portuguesa de então.
(C) hiperônimos, vocábulos de sentido muito amplo.
(D) sinônimos mais cultos, já que a carta era dirigida ao rei.
(E) vários eufemismos a fim de reduzir a rudeza da cena.

19.: “Fevereiro de 1876. O falido rei d. Luís I vasculha os cofres
portugueses à procura de joias e outras peças de valor que
possam ser vendidas para pagar dívidas. Na busca, ele encontra
uma pepita de ouro de pouco mais de 20 quilos, do tamanho de
um melão. Esquecida por décadas nos Tesouros Reais, a pedra
retirada de solo brasileiro é o último remanescente de uma
época de riqueza incalculável para o velho império lusitano.”
No fragmento acima, retirado do livro Boa ventura – a corrida
de ouro no Brasil (1697-1810), de Lucas Figueiredo, há uma
parte inicial do modo de organização narrativa. Sobre esse
segmento narrativo pode-se dizer que:
(A) há um erro na escolha dos tempos verbais, pois, após
localizar o fato narrado em 1876, o narrador emprega o
presente do indicativo em vasculha, encontra.
(B) o narrador adota o ponto de vista de um personagem
participante da ação a fim de dar mais dinamismo e interesse
aos fatos narrados.
(C) a indicação de localização espacial e temporal dos fatos
narrados procura dar mais verossimilhança ao que é relatado.
(D) a informação do tamanho imenso da pepita de ouro
encontrada tem a função de inserir a narrativa no terreno do
realismo fantástico.
(E) as ações praticadas pelo personagem d. Luís não têm sua
finalidade explicitada pelo narrador, mas ela pode ser inferida
pelo contexto.

20.: No caderno de O Globo dedicado à informação e venda de
veículos, há uma descrição de um automóvel UNO, em 13-07-
2011, que diz:
O UNO duas portas é indicado para pessoas solteiras ou casais
sem filhos: o acesso ao banco traseiro é limitado e exige
paciência. O acabamento é honesto, mas há poucos
equipamentos de série.
Considerando-se o contexto em que o texto foi produzido,
pode-se afirmar que o texto:
(A) apresenta uma descrição incentivadora da compra do
veículo comentado.
(B) realiza uma seleção exclusivamente negativa dos aspectos
do carro.
(C) ressalta os aspectos do veículo que são do interesse do seu
fabricante.
(D) mostra isenção ao indicar aspectos negativos e positivos do
UNO.
(E) indica o veículo como ideal para determinado tipo de público






















SIMULADÃO AVANÇADO – PM – MA
Seja Perseverante. Tenha Esforço, Dedicação, AVANÇOS e Vitória 5

RACIOCÍNIO LÓGICO – PROFESSOR: ARI
21.: (FGV) Um jogo é constituído por 8 peças iguais, quadradas e
numeradas de 1 a 8, que estão encaixadas em um quadrado
maior, como apresentado na figura 1.

Só se consegue mexer, na vertical ou na horizontal, uma peça
por vez. Cada peça só pode ser movimentada se estiver
adjacente ao espaço vazio.
A movimentação da peça é feita empurrando-a para o espaço
vazio. Seu deslocamento preenche o espaço existente e causa o
aparecimento de um novo espaço.

Considere que, em dado momento, a configuração do jogo é a
apresentada na figura 4.

Assinale a alternativa que indique o número mínimo de
movimentações para atingir a configuração apresentada na
figura 5.
(A) menor do que 6.
(B) 6.
(C) 7.
(D) 8.
(E) maior do que 8.
22.: (CESGRANRIO – 2012) Em um jogo para dois jogadores, um
deles escolhe uma senha secreta formada por cinco letras,
distintas ou não, selecionadas entre M, N, P, Q, R, S e T. Tal
senha deverá ser descoberta pelo outro jogador, chamado
oponente. O oponente dispõe suas tentativas (senhas formadas
por cinco letras) sobre o tabuleiro, e o jogador que criou a
senha secreta deve informar se as letras da tentativa fazem
parte da senha e se estão na posição certa através de pinos
brancos e pretos. Uma letra que consta na tentativa do
oponente recebe um pino branco quando ela pertence à senha
secreta, mas sua posição não está correta; recebe um pino
preto quando pertence à senha e sua posição
está correta. Letras que não pertencem à senha não são
qualificadas por pinos. Cada letra da senha secreta que constar
na tentativa do oponente deverá ser qualificada por apenas um
pino, branco ou preto. O exemplo da figura mostra uma
tentativa do oponente que obteve como informação 1 pino
preto (Letra S na posição correta) e 3 pinos brancos (Letras S, N
e M em posições erradas).

Se a senha secreta for MNMMP e o oponente tentar uma senha
usando essas mesmas 5 letras, mas não necessariamente na
mesma ordem, qual será o maior número de pinos brancos que
ele poderá receber na informação (resposta)?
(A) 5 (B) 4 (C) 3 (D) 2 (E) 1

23.: (FGV - 2011) O sistema linear nas incógnitas x, y e z :
¦
¹
¦
´
¦
+ = +
÷ = ÷
+ = ÷
y x z
x z y
z y x
7
5
10
pode ser escrito na forma matricial AX = B , em
que:

(
(
(
¸
(

¸

=
z
y
x
X
e
(
(
(
¸
(

¸

=
7
5
10
B
.
Nessas condições, o determinante
da matriz A é igual a:
(A) 5
(B) 4
(C) 3
(D) 2
(E) 1

24.: (ESAF - 2012) A afirmação “A menina tem olhos azuis ou o
menino é loiro” tem como sentença logicamente equivalente:
a) se o menino é loiro, então a menina tem olhos azuis.
b) se a menina tem olhos azuis, então o menino é loiro.
c) se a menina não tem olhos azuis, então o menino é loiro.
d) não é verdade que se a menina tem olhos azuis, então o
menino é loiro.
e) não é verdade que se o menino é loiro, então a menina tem
olhos azuis.
SIMULADÃO AVANÇADO – PM – MA
Seja Perseverante. Tenha Esforço, Dedicação, AVANÇOS e Vitória 6

25.: (FGV – 2010) Sobre uma mesa há três urnas colocadas lado
a lado e cada uma contém uma bola. As cores das três bolas são
azul, verde e marrom, não necessariamente nesta ordem.
Sabe-se que:
I. se a bola marrom está na urna do meio então a bola azul
está na urna da esquerda;
II. se a bola marrom está na urna da esquerda então a bola
azul não está na urna do meio;
III. se a bola marrom está na urna da direita então a bola
verde está na urna do meio;
IV. a bola azul não está na urna da esquerda.
Da esquerda para a direita, a ordem das bolas é:
(A) marrom, verde, azul.
(B) marrom, azul, verde.
(C) verde, marrom, azul.
(D) verde, azul, marrom.
(E) azul, verde, marrom.

26.: (CESGRANRIO – 2012) Considere um prédio que possui
forma cúbica, representado pelo cubo ABCDEFGH, mostrado na
figura.
Um “elevador”, especificamente construído para tal prédio, se
deslocará sobre as arestas, ao receber ordens dos seus
passageiros, como: “para cima” e “para baixo” (na orientação
indicada na figura), “para direita” e “para a esquerda” (na
orientação dos passageiros do elevador que estão voltados de
frente para o centro geométrico do cubo). Ao receber uma
ordem, o elevador se deslocará sobre a aresta que viabiliza o
sentido do movimento ordenado e parará ao alcançar um
vértice, aguardando uma nova ordem. Se o elevador estiver
inicialmente sobre o vértice D e receber as ordens “para a
direita”, “para cima”, “para a esquerda”, “para a esquerda”,
“para baixo”, “para direita”, “para direita” e “para a direita”,
ele não passará pelo vértice :
(A) A (B) B (C) C (D) F (E) G

27.: (FGV – 2010) Considere como verdadeiras as seguintes
afirmativas:
I. todo A também é B.
II. pelo menos um A também é C.
III. algum C não é B.
Pode-se deduzir que:
(A) todo A também é C.
(B) algum B também é C.
(C) todo C também é B.
(D) todo B também é C.
(E) nenhum C também é B.

28.: (CESGRANRIO – 2012) Uma moeda não tendenciosa é
lançada até que sejam obtidos dois resultados consecutivos
iguais. Qual a probabilidade de a moeda ser lançada
exatamente três vezes?
(A) 1/8 (B) ¼ (C) 1/3 (D) ½ (E) ¾

29.: (FGV – 2010) Daqui a 15 dias, Márcia fará aniversário. Paula
fez aniversário há 8 dias. Júlia fará aniversário 6 dias antes de
Márcia. Se Paula faz aniversário no dia 25 de abril, é correto
concluir que:
(A) hoje é dia 02 de maio.
(B) hoje é dia 05 de maio.
(C) Júlia fará aniversário no dia 09 de maio.
(D) Júlia fará aniversário no dia 12 de maio.
(E) Márcia fará aniversário no dia 15 de maio.

30.: (ESAF - 2012) Em uma cidade de colonização alemã, a
probabilidade de uma pessoa falar alemão é de 60%.
Selecionando-se ao acaso 4 pessoas desta cidade, a
probabilidade de 3 delas não falarem alemão é, em valores
percentuais, igual a:
a) 6,4. b) 12,26. c) 15,36. d) 3,84. e) 24,5.

31.: (FGV – 2010) Certo dia, três amigos fizeram, cada um deles,
uma afirmação:
Aluísio: – Hoje não é terça-feira.
Benedito: – Ontem foi domingo.
Camilo: – Amanhã será quarta-feira.
Sabe-se que um deles mentiu e que os outros dois falaram a
verdade.
Assinale a alternativa que indique corretamente o dia em que
eles fizeram essas afirmações.
(A) sábado. (B) domingo. (C) segunda-feira.
(D) terça-feira. (E) quarta-feira.

32.: (CESGRANRIO – 2012) Se hoje for uma segunda ou uma
quarta-feira, Pedro terá aula de futebol ou natação. Quando
Pedro tem aula de futebol ou natação, Jane o leva até a
escolinha esportiva. Ao levar Pedro até a escolinha, Jane deixa
de fazer o almoço e, se Jane não faz o almoço, Carlos não
almoça em casa. Considerando-se a sequência de implicações
lógicas acima apresentadas textualmente, se Carlos almoçou em
casa hoje, então hoje
(A) é terça, ou quinta ou sexta-feira, ou Jane não fez o almoço.
(B) Pedro não teve aula de natação e não é segunda-feira.
(C) Carlos levou Pedro até a escolinha para Jane fazer o almoço.
(D) não é segunda, nem quarta, mas Pedro teve aula de apenas
uma das modalidades esportivas.
(E) não é segunda, Pedro não teve aulas, e Jane não fez o
almoço.

33.: (FGV – 2012) Em uma reunião todas as pessoas se
cumprimentaram, havendo ao todo 120 apertos de mão. O
número de pessoas presentes nessa reunião foi:
(A) 14.
(B) 15.
(C) 16.
(D) 18.
(E) 20.
SIMULADÃO AVANÇADO – PM – MA
Seja Perseverante. Tenha Esforço, Dedicação, AVANÇOS e Vitória 7

34.: (FGV) A hipotenusa de um triângulo retângulo mede 13, e
um dos catetos mede 5. A tangente do menor ângulo desse
triângulo vale:
(A) 5/12.
(B) 5/13.
(C) 12/5.
(D) 12/13.
(E) 13/5.

35.: A negação da proposição “todas as pessoas boas gostam de
animais” é:
(A) todas as pessoas más gostam de animais.
(B) todas as pessoas boas não gostam de animais.
(C) todas as pessoas más não gostam de animais.
(D) existem pessoas boas que não gostam de animais.
(E) existem pessoas más que não gostam de animais.

37.: As diagonais de um losango medem 30cm e 40cm. O
perímetro do losango:
(A) não pode ser determinado somente com essas informações.
(B) vale 80cm.
(C) vale 100cm.
(D) vale 140cm.
(E) vale 160cm.

38.: Dois jogadores de igual habilidade disputam uma série de
partidas, nas quais não há empates. Para o jogador A, basta
ganhar uma partida para vencer a série, e, para o jogador B,
duas partidas. Qual é a probabilidade de o vencedor da série ser
A?
(A) 0,25
(B) 0,40
(C) 0,50
(D) 0,60
(E) 0,75

39.: (CEPERJ – 2012) Dois casais compraram 4 entradas para o
cinema em cadeiras consecutivas de uma fila. Antes de entrar,
os 4 ingressos caíram no chão. Cada uma das pessoas pegou um
deles ao acaso e sentou no lugar marcado no ingresso. A
probabilidade de que cada homem tenha se sentado ao lado de
sua esposa é:
a) ½
b) 1/3
c) 2/3
d) ¼
e) 3/4

40.: (CESPE – 2012) Considere que para o sorteio, os nomes das
21 pessoas foram colocados em uma urna e retirados os 7, um a
um. Se os 5 primeiros jurados foram do sexo masculino, então a
probabilidade de pelo menos uma mulher ser jurado naquela
sessão será igual a:
a) 1/11
b) ¼
c) ½
d) 5/8
e) 7/8


INFORMÁTICA – PROF.: HÉLIO
41.: Em relação aos recursos para inserção de cabeçalhos e
rodapés, no Microsoft Word 2000 em português, analise as
afirmativas a seguir:
I. Não é possível incluir uma tabela dentro do cabeçalho.
II. A numeração automática só pode ser inserida no rodapé.
III. Não é possível formatar o cabeçalho em múltiplas colunas.
Assinale:
(A) se somente a afirmativa I estiver correta.
(B) se somente a afirmativa II estiver correta.
(C) se somente a afirmativa III estiver correta.
(D) se somente as afirmativas I e II estiverem corretas.
(E) se somente as afirmativas II e III estiverem corretas.

42.: Em relação ao Microsoft Word 2000 em português, analise
os itens a seguir:
I. Um documento com várias seções pode possuir numeração de
página independente para cada seção.
II. Documentos produzidos pelo recurso Mala Direta combinam
um texto-padrão com informações obtidas em uma base de
dados.
III. Senhas de proteção podem ser atribuídas a um documento
para impedir que outro usuário possa visualizá-lo.
Assinale:
(A) se somente o item I estiver correto.
(B) se somente o item II estiver correto.
(C) se somente o item III estiver correto.
(D) se somente os itens I e III estiverem corretos.
(E) se todos os itens estiverem corretos.

Para resolver as questões 43 e 44, observe a figura a seguir,
que mostra uma tela do Excel 2000 em português.

A planilha mostra o consumo de um carro durante um intervalo
de 5 dias.

43.: Com relação a essa situação e ao Excel 2000, analise as
afirmativas a seguir:
I. O resultado da fórmula =C3+B5 é #VALOR!
II. O resultado da fórmula =SOMA(C3:C7) é 72
III. O resultado da fórmula =MÁXIMO(C3:C7) é 25
IV. O resultado da fórmula =DIAS360(B4;B7) é 3
V. O resultado da fórmula =B7-3 é 07/07/2006. Quantas
afirmativas estão corretas?
(A) 0 (B) 1 (C) 2 (D) 3 (E) 4

SIMULADÃO AVANÇADO – PM – MA
Seja Perseverante. Tenha Esforço, Dedicação, AVANÇOS e Vitória 8

44.: Após selecionar a região que compreende as células A2 até
C7, o usuário seleciona o menu Dados e a opção Classificar... .
O Excel apresentará a seguinte caixa de diálogo:

Se o usuário clicar no botão OK com as opções mostradas na
caixa acima, qual será o novo valor da célula C3?
(A) 9/7/2006
(B) 3
(C) 25
(D) 2
(E) 8/7/2006

45.: Observe a figura a seguir a respeito do Internet Explorer:

Correlacione as colunas:
1 ( ) barra de endereços
2 ( ) barra de status
3 ( ) barra de rolagem
4 ( ) barra de menus
5 ( ) barra de botões padrão
A seqüência correta dos números entre parênteses, de cima
para baixo, é:
(A) 1, 2, 3, 4, 5
(B) 5, 1, 3, 2, 4
(C) 1, 4, 5, 2, 3
(D) 2, 4, 5, 1, 3
(E) 5, 4, 3, 2, 1

HISTÓRIA DO BRASIL – PROFESSORA PAULA
46.: (FGV) A abdicação de D. Pedro I em 1831 deu início ao
chamado período regencial, sobre o qual se pode afirmar:
I. As elites nacionais reformaram o aparato institucional de
modo a estabelecer maior descentralização política.
II. Foi um período convulsionado por revoltas, entre elas, a
Farroupilha e a Sabinada.
III. D. Pedro II sucedeu ao pai e impôs, logo ao assumir o trono,
reformas no regime escravista.
IV. O exercício do Poder Moderador pelos regentes e pelo
Exército conferia estabilidade ao regime.
As afirmativas corretas são:
a) I e II
b) I, II e III
c) I e III
d) II, III e IV
e) II e lV

47.: (FGV) Documentos inéditos descobertos na Inglaterra
relatam que, apenas 13 anos depois de proclamada a
Independência, o governo brasileiro pediu auxílio militar às
grandes potências da época - Inglaterra e França - para reprimir
a Cabanagem (...) no Pará. (...) Em 1835, o regente Diogo
Antônio Feijó reuniu-se secretamente com os embaixadores da
França e da Grã-Bretanha. Durante a reunião, Feijó pediu ajuda
militar, de 300 a 400 homens para cada um dos países, no
intuito de ajudar o governo central brasileiro a acabar com a
rebelião.
(Luís Indriunas, "Folha de S. Paulo", 13.10.1999)
A partir das informações apresentadas pelos documentos
encontrados, é correto afirmar que o período regencial:
a) foi marcado pela disputa política entre regressistas e
progressistas, que defendiam, respectivamente, a escravidão e
a imediata abolição da escravatura.
b) pode ser considerado parte de um momento especial de
construção do Estado nacional no Brasil, durante o qual a
unidade territorial esteve em perigo.
c) não apresentou grande preocupação por parte das
autoridades regenciais e nem da aristocracia rural, apesar das
inúmeras rebeliões espalhadas pelo país.
d) teve como característica marcante a ampliação da
participação popular por meio do voto universal e da criação do
Conselho de Representantes das Províncias do Império.
e) teve como momento mais importante a aprovação do Ato
Adicional de 1834, que estabeleceu medidas político-
administrativas voltadas para a centralização política.


48.: (FGV) A longa administração pombalina (1750-1777) causou
controvérsias ao expulsar os jesuítas de Portugal e de todos
seus domínios, em 1759. Tal expulsão, que implicava o confisco
dos bens dos religiosos, pode ser atribuída:
a) ao enorme déficit do Tesouro português, provocado pelas
despesas feitas com construção de Lisboa, destruída pelo
terremoto de 1755.
b) à antipatia que o ministro, seguidor da filosofia iluminista,
nutria pelos jesuítas, responsáveis pelo atraso cultural do país.
c) à vontade de igualar-se à monarquia francesa que praticava o
despotismo esclarecido.
SIMULADÃO AVANÇADO – PM – MA
Seja Perseverante. Tenha Esforço, Dedicação, AVANÇOS e Vitória 9

d) ao processo de centralização administrativa que exigia a
eliminação da Companhia de Jesus, acusada de formar um
estado à parte.
e) à não aceitação de Pombal da política do despotismo
esclarecido, que era bastante defendida pelos inacianos.

49.: (FGV) Associe os fatos político-militares do Primeiro
Reinado e da Regência brasileira a seguir, com suas localizações:
Coluna A
1 - Balaiada
2 –Cabanagem
3 - Ato Adicional
4 - Sabinada
5 - Confederação do Equador

Coluna B
I - Pará
II - Bahia
III - Maranhão
IV - Pernambuco
V - Rio de Janeiro
Escolha a alternativa que tem a associação correta:
a) 1 - III; 2 - I; 3 - V; 4 - II; 5 - IV;
b) 1 - II; 2 - V; 3 - II; 4 - I; 5 - V;
c) 1 - III; 2 - II; 3 - V; 4 - IV; 5 - I;
d) 1 - IV; 2 - I; 3 - V; 4 - III; 5 - II;
e) 1 - V; 2 - III; 3 - IV; 4 - II; 5 - I;

50.: (FGV) A abertura dos portos, em 1808, que favoreceu os
proprietários rurais produtores de bens destinados à
exportação,
a) revogou os decretos que proibiam a instalação de
manufaturas na Colônia.
b) limitou o tráfico negreiro aos portos de Belém e São Luís,
favorecendo a cultura do algodão.
c) produziu como efeito imediato uma aceleração do processo
de industrialização, atendendo aos reclamos dos ingleses.
d) ampliou o controle econômico metropolitano sobre a Colônia
através da criação do "exclusivo comercial"
e) contrariou os interesses dos comerciantes e provocou
grandes protestos no Rio de Janeiro e em Lisboa.



HISTÓRIA DO MARANHÃO – PROFESSOR: ADONILSON
51.: (FGV) A Revolta de Beckman, ocorrida no Maranhão entre
1684 e 1685, a Guerra dos Mascates, ocorrida em Pernambuco
entre 1710 e 1711, e a Revolta de Vila Rica, ocorrida em Minas
Gerais em 1720, possuem em comum o fato de terem sido
movimentos que:
(A) tinham como objetivo a emancipação política da colônia.
(B) expressavam a reação dos colonizados em face da violência
física e cultural a que eram submetidos.
(C) punham em destaque a forte penetração do ideário liberal
entre diversos segmentos da sociedade colonial.
(D) evidenciavam conflitos de interesses entre colonos e
colonizadores.
(E) visavam a pôr fim ao exclusivo comercial, instituindo um
regime de livre comércio com a Inglaterra.

52.: (FGV) Entre as mudanças operadas no Brasil pela
intervenção do Marquês de Pombal estão a/o:
a) criação da Companhia Geral do Grão-Pará e Maranhão, a
exploração direta das minas de diamante e o incentivo à
ampliação dos colégios jesuíticos;
b) expulsão da Companhia de Jesus, a extinção das Capitanias
Hereditárias e a redução dos impostos coloniais;
c) exploração direta das minas de diamante, a extinção da
Companhia Geral do Grão-Pará e Maranhão e a criação do
Estado do Maranhão;
d) apoio e financiamento da Companhia de Jesus, a redução de
impostos coloniais e a extinção da Companhia Geral do Grão-
Pará e Maranhão;
e) incentivo às instalações manufatureiras na Colônia, a
expulsão da Companhia de Jesus e a criação da Companhia
Geral do Grão-Pará e Maranhão.

53.: (FAAP) Luís Alves de Lima e Silva inicia-se na tradição de "O
Pacificador" ao comandar as tropas que terminaram a:
a) revolta dos liberais paulistas e mineiros em 1842
b) Balaiada, no Maranhão, 1838 - 1840
c) Revolução Farroupilha, no Rio Grande do Sul, 1835 - 1842
d) Cabanada, no Pará
e) Sabinada, na Bahia, 1837

54.: (Udesc) Durante o processo de Independência do Brasil, na
segunda década do século XIX, houve resistência e luta armada
em diversas regiões.
Assinale a ÚNlCA alternativa que indica onde ocorreu
derramamento de sangue nesse período, pela conquista da
emancipação política:
a) São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro;
b) Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul;
c) Goiás, Mato Grosso e Tocantins;
d) Bahia, Maranhão e Pará;
e) Alagoas, Pernambuco e Ceará.

55.: (Ufpe) Durante o século XIX, a economia brasileira
continuou essencialmente agroexportadora.
O surgimento de uma nova cultura deslocou o centro
econômico do país de uma região para outra, porque:
a) A expansão do mercado internacional do algodão deslocou
para o Maranhão os capitais aplicados no tráfico negreiro,
tornando esta região um grande centro econômico.
b) O Nordeste perdia para a Região Norte grandes contingentes
populacionais, tendo em vista a importância da borracha para o
comércio de exportação.
c) O café, ao se tornar o produto de exportação mais rentável,
transformou a região Sudeste no centro econômico mais
importante do País, desequilibrando a relação de poder no
Império.
d) A cultura do cacau associada à da cana-de-açúcar do
Recôncavo Baiano deslocou para a região Nordeste capitais
empregados na exploração das minas.
e) O crescimento das exportações de açúcar tornaram a região
Nordeste o centro econômico mais produtivo durante todo esse
período.



SIMULADÃO AVANÇADO – PM – MA
Seja Perseverante. Tenha Esforço, Dedicação, AVANÇOS e Vitória 10

GEOGRAFIA – PROF.: ALESSANDRO
1. (FCC) A urbanização no Brasil vem sendo acompanhada por
alguns fenômenos, tais como, por exemplo, a especulação
imobiliária, déficit habitacional, elevada taxa de desemprego
urbano, grande número de empregos informais nas cidades
acompanhados de baixos salários. Nesse contexto, a conjunção
desses fenômenos tem sido responsável
A) pela equidade do atendimento médico-hospitalar.
B) pela mitigação da pobreza denominada intraurbana.
C) pelo crescimento das periferias nas grandes cidades.
D) pela transferência da população do campo para a cidade.

2. (CESPE) A atual estrutura do espaço urbano brasileiro
apresenta uma rede urbana diferenciada quanto à distribuição
no território nacional. São causas dessa diferenciação:
(A) a industrialização do Sudeste e a modernização da
agricultura na Região Centro-Oeste.
(B) a desmetropolização de São Paulo e a industrialização da
Região Centro-Oeste.
(C) a internacionalização da Amazônia e a criação de novas
unidades federativas.
(D) a guerra dos lugares pela disputa fiscal no Sul e o turismo na
Região Norte.
(E) o investimento estatal na rede viária da Região Centro-Oeste
e a migração para o Distrito Federal.

3. (FCC) Sobre a População Brasileira é correto afirmar.
a. Apresenta alto grau de movimentação interna, sendo o
Centro-Oeste a região de maior repulsão populacional.
b. A taxa de fecundidade da população brasileira vem
aumentando significativamente no país.
c. A maioria da população brasileira está concentrada na faixa
oeste do país, em que podem ser encontradas áreas com
densidades superiores a 100 hab./km2. Já a porção leste do país
é bem menos povoada, com predomínio de densidades
inferiores a 10 hab./km2.
d. A partir de meados da década de 1960, a população urbana
passa a ser mais numerosa que a população rural, em razão da
industrialização que se acentua desde o final da década de
1950, provocando migrações do campo para a cidade.
e. A população absoluta do Brasil e sua grande extensão
territorial permitem-nos classificar o país como muito povoado,
porém pouco populoso.

4. (FCC) A história das migrações internas no Brasil contribui
para a compreensão do modo como se formou a atual
sociedade brasileira. O que seria uma trajetória aparentemente
individual, torna-se parte de um processo muito mais amplo de
mobilidade de massa.
VALIM, Ana. Migrações: da perda
da terra à exclusão social. São
Paulo: Atual, 1996. p. 9.


Analise a figura acima e julgue as seguintes proposições:
I. Na passagem do século XIX para o século XX, ocorreu o
primeiro ciclo da borracha, atraindo, para a região da Amazônia,
milhares de nordestinos que fugiam da grande seca que assolou
o nordeste, embrenhando-se na mata, desde o Pará até o Acre.
II. Tanto no período de sua construção quanto nos dias atuais,
Brasília é considerada um centro de atração de migrantes,
principalmente de nordestinos.
III. A partir da intensificação do processo industrial brasileiro, na
década de 1930, as cidades de São Paulo e Rio de Janeiro foram
os principais centros de atração das correntes migratórias.
IV. Nas décadas de 1970-1980, os planos de integração nacional
promoveram migrações significativas para as regiões Norte e
Centro-Oeste. A construção da Transamazônica e os planos de
colonização agrícola funcionaram como válvula de escape para
as tensões sociais geradas em áreas agrícolas tradicionais.
Em relação às migrações no Brasil, pode-se AFIRMAR:
a) Apenas as proposições I, II e IV são verdadeiras.
b) Apenas as proposições II, III e IV são verdadeiras.
c) Apenas as proposições I, II e III são verdadeiras.
d) Apenas as proposições I, III e IV são verdadeiras.
e) Todas as proposições são verdadeiras.

5. (FCC) Assinale a alternativa que apresenta os dois Estados
que mais receberam migrantes alemães no século XIX.
a) Paraná e Rio Grande do Sul
b) Paraná e São Paulo
c) Rio Grande do Sul e Santa Catarina
d) Santa Catarina e Paraná
e) Espírito Santo e Rio Grande do Sul

6. (CESPE) No Brasil, a fronteira agrícola está localizada
(A) no Pontal do Paranapanema, gerando tensão social e a
presença do Movimento dos Trabalhadores Rurais sem Terra.
(B) na faixa litorânea, resultando na devastação dos mangues e
na ocupação de sua área pela população de baixa renda.
(C) na Amazônia, onde as áreas agrícolas surgiram por iniciativa
governamental, desde o último quartil do século passado.
(D) no extremo sul, devido à presença de população de origem
européia, que dividiu a terra em minifúndios produtivos.
(E) nas bordas fronteiriças, para evitar o ingresso e a ocupação
da população de países vizinhos no território do país.

SIMULADÃO AVANÇADO – PM – MA
Seja Perseverante. Tenha Esforço, Dedicação, AVANÇOS e Vitória 11

7. (FCC) Sobre o comércio de produtos agropecuários no mundo
é CORRETO afirmar que
A) os mercados dos países desenvolvidos defendem o fim das
barreiras alfandegárias como solução para os problemas de
abastecimento de alimentos.
B) o Brasil e os países emergentes são favorecidos pela reserva
de mercado praticada pelos países europeus.
C) os subsídios agrícolas na Europa têm dificultado a exportação
de produtos agropecuários do Brasil para esses países.
D) a globalização intensificou a independência comercial do
campo em relação às cidades.
8. (FCC) Sobre a agropecuária e o comércio mundial, julgue os
itens abaixo, marcando V (verdadeiro) ou F (falso):
( ) A política protecionista adotada por diversos países em
relação à sua produção interna, além de subsídios aos seus
produtores, também cria taxas elevadas para os produtos que
importam e diversas barreiras, entre as quais a sanitária, a
ambiental, a social e a de qualidade.
( ) A fome no Brasil não está associada à produção agropecuária
do país, mas sim às políticas descentralizadas, visto que alguns
problemas são comuns em todas as regiões brasileiras.
( ) As barreiras impostas pelos países centrais aos produtos dos
países periféricos estão associadas às práticas protecionistas,
embora estas sejam sempre negadas.
( ) Os principais produtos agrícolas brasileiros cujo volume de
exportação poderia aumentar com o fim das medidas
protecionistas adotadas pela União Européia, Estados Unidos,
Canadá e Japão são suco de laranja, carne e frutas tropicais.

Marque a alternativa com a seqüência CORRETA:
a) V – F – V – V
b) F – V – F – V
c) V – V – V – V
d) V – V – F – F
e) F – F – F – F

9. (FCC) O setor agropecuário brasileiro vem incorporando
importantes avanços no que se refere a mecanização,
produtividade e exportações agrícolas, resultantes do processo
de penetração do capital no campo.
Com relação a esse processo, marque a alternativa INCORRETA:
a) A modernização instalou-se especialmente na região Centro-
Sul, onde os índices de mecanização, uso de fertilizantes e
emprego de defensivos agrícolas cresceram aceleradamente.
b) A modernização agrícola atingiu de forma desigual as
diferentes áreas do país, além de determinar também a
diferenciação de produtos (cultura de rico e cultura de pobre).
c) A modernização do campo provocou uma redução
significativa da agricultura familiar e da pequena propriedade.
d) Os agentes dessa modernização são empresas capitalistas
que provocam um intenso êxodo rural e modificações nas
relações de trabalho, causando a proletarização do trabalhador
rural.
e) A modernização no meio rural acarretou graves problemas
ambientais, como destruição vegetal, erosões, envenenamento
das águas e dos solos, compactação dos solos pelo uso de
máquinas, entre outros.

10. (FUNRIO) Considere os cinco itens seguintes.
I. Crescente importância da produção voltada à exportação.
II. Diminuição do tempo necessário aos ciclos vegetais.
III. Alta dependência do ritmo pluviométrico da natureza.
IV. Intensificação de uso de sementes selecionadas e de
agrotóxicos.
V. Grande crescimento do trabalho familiar e do
cooperativismo.
Assinale a alternativa que contém as três características que
melhor representam a modernização agrícola no Brasil.
(A) I, II e III.
(B) I, II e IV.
(C) I, II e V.
(D) I, IV e V.
(E) II, IV e V.

11. (VUNESP) Ao lado da soja, principal produto da agricultura
brasileira, outro produto agrícola vem despontando desde 2002,
a ponto de ser chamado de “ouro branco”. Assinale a
alternativa que contém esse produto, os principais Estados
produtores e o importante país concorrente mundial.
(A) Algodão; Goiás, Bahia, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul;
Austrália.
(B) Trigo; Mato Grosso, Paraná, Minas Gerais, Santa Catarina;
México.
(C) Aveia; Bahia, Rio Grande do Sul, Paraná, Goiás; Egito.
(D) Cana-de-açúcar; São Paulo, Bahia, Santa Catarina, Pará;
Índia.
(E) Cevada; Mato Grosso do Sul, Rio Grande do Sul, Goiás, Mato
Grosso; Argentina.

12. (FCC) A modernização da agricultura no planalto Central se
dá por meio da relação entre mecanização e apropriação do
relevo em áreas de cerrado. É característica dessa relação
(A) a destruição das veredas destinadas às atividades de
policultura.
(B) o desenvolvimento da monocultura em vastas áreas de
topografia plana.
(C) a drenagem dos solos hidromorfizados para atividades de
pecuária.
(D) a compactação dos solos nas áreas de fundos de vale para
edificações de armazéns.
(E) o uso de solos em áreas de declividade acentuada para
rotação de culturas.

13. (FCC) Os municípios de Petrolina-PE e Juazeiro–BA têm-se
destacado no Nordeste como agropólos destinados à produção
comercial. Sobre a produção e a destinação dos produtos nesses
municípios do interior nordestino, assinale a alternativa correta.
A) Fumo e cacau para o mercado nacional e internacional.
B) Mamona, dendê e caju para a produção de biodiesel.
C) Cana-de-açúcar e beterraba para a produção de álcool.
D) Algodão arbóreo para a indústria têxtil regional.
E) Uva para produção de vinho tipo exportação.


]

SIMULADÃO AVANÇADO – PM – MA
Seja Perseverante. Tenha Esforço, Dedicação, AVANÇOS e Vitória 12

14. (FUNRIO) Sobre as atividades econômicas do campo
brasileiro, é correto afirmar que:
I. a bovinocultura (criação de bois e vacas) é a atividade de
maior importância na pecuária brasileira. A pecuária de bovinos
é realizada basicamente de forma extensiva;
II. em diversas regiões do Brasil ainda se desenvolve a
agricultura tradicional, ou seja, sem o emprego de máquinas e
com uso de técnicas rudimentares, como a colheita e a
semeadura feitas de maneira manual ou com a tração animal;
III. a atividade econômica que desenvolve o cultivo de plantas,
comestíveis ou não, denomina-se agricultura;
IV. a agricultura destina-se à comercialização das matérias
primas e dos alimentos produzidos (agricultura comercial); e
também ao sustento do produtor, ou seja, dos próprios
agricultores (agricultura de subsistência);
V. nas últimas décadas nota-se a expansão da agricultura
moderna no Brasil, com o aumento do número de propriedades
que utilizam máquinas e implementos agrícolas, adubos,
fertilizantes e sementes selecionadas, sobretudo as grandes
fazendas.

Assinale a alternativa correta.
a. Somente as afirmativas I, II, III e IV são verdadeiras.
b. Somente as afirmativas I e III são verdadeiras.
c. Somente as afirmativas II, IV e V são verdadeiras.
d. Somente as afirmativas IV e V são verdadeiras.
e. Todas as afirmativas são verdadeiras.

15. (FCC)
EUA proíbem a entrada de suco de laranja concentrado do
Brasil
O suco concentrado não mais entrará no mercado daquele país.
Doze navios brasileiros com o produto foram barrados, o que
causou um prejuízo estimado em 50 milhões de dólares. [...] Os
americanos fizeram testes no suco do Brasil e detectaram a
presença de um agrotóxico que não é mais usado nos EUA. [...]
No campo, as laranjas que serão colhidas em maio já foram
pulverizadas com o defensivo banido dos Estados Unidos. Já o
que acontecerá com a próxima safra brasileira, ainda é uma
incerteza.
(Tribuna Hoje, 20.02.2012. Adaptado.)
De acordo com o texto e com conhecimentos sobre produção
agrícola, é correto afirmar que a produção de laranja no Brasil
está
(A) voltada ao mercado interno e ao consumo in natura, pois as
exportações não ocupam lugar de destaque na economia
nacional.
(B) articulada a processos industriais para produção de suco
comercializado no mercado externo e, por isso, possui um rígido
controle de qualidade ambiental sem causar danos ao meio
ambiente rural.
(C) articulada a processos industriais e voltada ao mercado
externo, mas que, pelo uso excessivo de defensivos agrícolas,
apresenta problemas de contaminação do meio ambiente e dos
trabalhadores rurais.
(D) organizada em pequenas propriedades rurais, com emprego
de mão de obra familiar.
(E) organizada em grandes propriedades rurais, totalmente
mecanizadas e, por isso, apresenta um rígido controle no uso
dos defensivos agrícolas.

16. (FCC) A luta pela terra no Brasil existe há décadas e já fez
várias vítimas entre trabalhadores rurais, índios, pessoas ligadas
à Igreja e outros. Entre as principais razões dos conflitos de
terras no Brasil, é correto afirmar.
a. A utilização intensiva de mão de obra permanente onera o
grande produtor.
b. Há concentração da propriedade da terra nas mãos de
poucos e ausência de reforma agrária efetiva.
c. A divisão excessiva da terra em pequenas propriedades
dificulta o aumento da produção.
d. A disputa pelas poucas áreas férteis em nosso território é
típica de terras montanhosas.
e. A perda do valor da terra agrícola se dá pelo crescimento da
industrialização.

17. (FCC) Os movimentos de luta pela terra no Brasil, oriundos
da concentração da propriedade da terra, intensificaram-se na
década de 1980 na porção sul do país, por causa
(A) do grande número de minifúndios.
(B) do intenso processo de modernização da agricultura.
(C) da expansão da fronteira agrícola.
(D) da tradição camponesa dos imigrantes europeus.
(E) das ações organizadas pelas Ligas Camponesas.

18. (FCC) Observe o mapa a seguir.

O mapa identifica o grau de concentração da terra no Brasil, em
2003. Quanto mais escura a área do mapa, maior a
concentração da terra.
A leitura das informações do mapa permite concluir que
(A) alguns estados das regiões Centro-Oeste e Norte
apresentam grande concentração de terras.
(B) os estados da região Nordeste apresentam baixa
concentração de terras, principalmente no litoral.
(C) os estados da região Sudeste, em razão da modernização do
campo, apresentam baixíssima concentração de terras.
(D) a ação do MST nos estados da região Sul é responsável pelo
baixo grau de concentração das terras.
(E) as áreas de ocupação mais antigas apresentam maior
concentração de terras do que as áreas de ocupação mais
recentes.

19. (FCC) Sobre o setor industrial e mineral do Brasil, é incorreto
afirmar:
SIMULADÃO AVANÇADO – PM – MA
Seja Perseverante. Tenha Esforço, Dedicação, AVANÇOS e Vitória 13

A) As micros e as pequenas empresas representam juntas o
setor que mais tem gerado empregos, nos últimos anos, no
Brasil.
B) O Brasil está entre os países que têm o maior potencial
mineral do mundo, ao lado de Federação Russa, Estados Unidos,
Canadá, China e Austrália.
C) A localização da indústria automobilística não tem se alterado
nos últimos anos, permanecendo concentrada no Sudeste.
D) A indústria automobilística é um dos setores que mais se
transformaram tecnologicamente, o que vem influindo na
redução de empregos no setor.

20. (FCC) O processo de industrialização brasileiro se acelerou a
partir da segunda metade do século XX. Sobre esse processo, é
correto afirmar que
(A) foi mais intenso nas áreas onde a agricultura era menos
desenvolvida.
(B) é um elemento significativo em todo o espaço nacional.
(C) foi incapaz de eliminar as diferenças regionais no país.
(D) é, atualmente, monitorado pelo Estado, que incentiva a
concentração industrial.
(E) foi ineficaz para garantir os processos de urbanização e de
metropolização.