LIVRO LIVRE É FUNÇÃO SOCIAL DA ´PROPRIEDADE INTELECTUAL

Por Serrano Neves Revisado em maio de 2013

NÃO BOAS BOAS CERTAS JUSTAS NÃO CERTAS NÃO JUSTAS

Quando fazem o bom, o certo e o justo merecem APROVAÇÃO e até elogios e “prêmios”.

Quando fazem não bom, o não certo ou o não justo merecem REPROVAÇÃO e até “pena”.

O A S N D E S M O MU PA L O U C C

O técnico da seleção brasileira de futebol é o CULPADO pelo mau desempenho, ou RESPONSÁVEL PELO FRACASSO.

O A S N D E S UM A O M P L O U C C

Caso o desempenho da seleção tivesse sido bom ninguém diria que o técnico é culpado, mas poderia dizer que é RESPONSÁVEL PELO SUCESSO

A palavra

CULPADO
é reservada para quem fez alguma coisa não-certa, nãoboa, não-justa.

DIVIDINDO A CULPA
Nem sempre o técnico é o único culpado. O médico, o preparador físico ou o cartola podem ter contribuído para o fracasso liberando jogador contundido, preparando mal os jogadores ou fazendo pressão.

DIVIDINDO A CULPA
É possível que os torcedores cheguem à conclusão de quem deverá ser demitido, quem deverá ser suspenso, ou simplesmente pagar multa.

DIVIDINDO A CULPA
OS TORCEDORES TEM NOÇÃO DA PROPORCIONALIDADE ENTRE A CULPA E A PENA E SÃO RAZOÁVEIS NA APLICAÇÃO

SENSO COMUM é a capacidade que as pessoas possuem para perceber que alguém fez alguma coisa malfeita, avaliar porque fez o malfeito e até sugerir uma pena para o malfeitor.

Os torcedores não tem regras fixas para analisar a culpa de cada um, mas são capazes de analisar o quanto o culpado estava preparado para fazer, o quanto tinha noção do certo e do errado, e se tinha condições pessoais para fazer de outro modo mais certo.

O cartola fez pressão sobre o médico por ter recebido pressão do patrocinador para colocar o jogador em campo.

O preparador físico vacilou e não preparou os jogadores para aguentarem o tempo de prorrogação após o empate.

O médico aceitou a pressão do cartola para liberar o jogador contundido porque não queria perder o prestígio junto à diretoria.

O técnico aceitou tudo isto para não perder o emprego.

?

Será que o técnico realmente entendeu as consequências do que iria fazer ?

CULPABILIDADE
é a medida da culpa da pessoa que faz o NÃO BOM o NÃO CERTO o NÃO JUSTO

MEDIDA é a quantidade de alguma coisa, por exemplo:

“centímetro” refere-se à unidade da ESCALA MÉTRICA de medida da grandeza denominada COMPRIMENTO. A “régua” utilizada para medir está dividida em centímetros. “3” é a quantidade de unidades.

MEDIDA = QUANTIDADE + UNIDADE + OBJETO

3 centímetros de tecido.

GRANDEZA é tudo aquilo que pode ser medido: comprimento,
peso, massa, volume etc.

UNIDADE é a escala utlizada para referir-se à menor porção da
grandeza

Medindo TEMPERATURA do ar, por exemplo, temos uma melhor noção do que é a unidade e o que é escala. Assistindo um filme americano vemos um termômetro marcando 100 graus e ficamos espantados porque o que conhecemos como 100 graus é a “água

Não está errado!
É que a “escala” utilizada lá é a Farenheit e 100 graus Farenheit equivalem a 37,7 graus na escala Centesimal, ou seja, está apenas um “calor danado”.

Farenheit

=

Centesimal

Quando as pessoas sabem a grandeza, a unidade e a escala fica fácil de entender e até de fazer a conversão para outra unidade e escala conhecidas. Por exemplo: a medida de aferição de uma prova escolar é feita em pontos e cada ponto corresponde a um acerto (definição da unidade), mas de nada adianta saber que um aluno tirou nota 10 porque não sabemos qual escala foi adotada: se de 0 a 10, se de 0 a 100 ou se de 0 a 50. Se de 0 a 10 o aluno acertou 100% das respostas. Se de 0 a 100 o aluno acertou 10% das respostas. Se de 0 a 50 o aluno acertou 20% das respostas. Nos exemplos todas as escalas foram convertidas para percentual.

A ÚNICA GARANTIA DE QUE A “MEDIDA” SERÁ ENTENDIDA É O “NÚMERO” ESTAR ACOMPANHADO DA “UNIDADE” E DA “ESCALA”

“Dois dedos de pinga” não é uma medida inteligível, pois a quantidade irá variar conforme o formato do copo e a altura dos dedos, então foi padronizado que a DOSE deve ter 50 mililitros (0,050 do litro) que é usada para bebidas destiladas de teor alcoólico semelhante (14 mililitros de álcool) , o que faz com que uma dose de pinga seja equivalente a um copo de vinho ou dois copos de cerveja, mais ou menos.

CULPABILIDADE é a medida, mas qual será a grandeza, a unidade e a escala a serem adotadas?

A “grandeza”, ou coisa a ser medida, e que resultará na MEDIDA DA CULPABILIDADE, é a capacidade da pessoa para lidar com a situação em relação à qual está sendo considerada culpada.

Antônio foi ligar a televisão e ela queimou.

Ele é culpado?

ATENÇÃO: estamos lidando com o “senso comum” das pessoas, tanto o senso comum de Antônio como o senso comum de nós que estamos respondendo se ele é culpado e quanto é culpado.

Supondo que a avaliação de Antônio resultou em “pouco culpado” é possível que alguém pergunte o “quanto” pouco culpado é: muito pouco, pouquíssimo, beirando o médio?

Numa escala de 0 a 100 Antônio é pouco culpado: é um 20.
Ficou mais fácil de entender o “grau” ou “medida” da sua culpa, ou seja:

0

20

100

O senso comum também mostrará que o “castigo” a ser aplicado a Antônio, cujo grau ou medida da culpabilidade é 20 numa escala de 0 a 100 deverá ser proporcional , ou seja: numa mesma escala de 0 a 100 de “castigo” será aplicado 20, ou um pouquinho mais ou um pouquinho menos, conforme Antônio seja um “bom sujeito” ou um “não tão bom sujeito”.

Numa escala de 0 a 100 Antônio é pouco culpado: é um 20.
0 20 100

Numa mesma escala de 0 a 100 de “castigo” será aplicado 20

Uma escala “judicial” poderá ter “unidades” diferentes dado o costume de referir-se às penas mínima e máxima do tipo, mas é só estabelecer a equivalência
0 20 100

MÍNIMA

MÉDIA ENTRE A MÍNIMA E A MÉDIA

MÁXIMA

Seja uma pena de 1 ano a 10 anos para o “crime”. 10 anos

1 ano

2 anos

0

20

100

MÍNIMA

MÉDIA

MÁXIMA

ENTRE A MÍNIMA E A MÉDIA

Assim, está concluída a parte que demonstra a

MEDIDA DA CULPABILIDADE
ea

PROPORCIONALIDADE DA PENA
de forma simplificada. Em outra apresentação será visto como “calibrar” a medida da culpabilidade pelos elementos que a compõe.

editoraliberliber.net
CONTATO COM O EDITOR

pmsneves@gmail.com

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful