You are on page 1of 12

FACEG - Faculdade Evangélica de Goianésia Engenharia Civil 1º Período Química experimental I

TESTE DE CHAMA

Goianésia Abril de 2013

FACEG .Faculdade Evangélica de Goianésia Engenharia Civil 1º Período Química experimental I TESTE DE CHAMA Acadêmicos: Gabriel Martins Batista Gláuber Felix Dias Henderson Alves Silva Ricardo Augusto da Silva Arruda Silas Domingos dos Santos Goianésia Abril de 2013 .

..........09 .....................................................................................................06 Anexos..........ÍNDICE: Introdução.............................................01 Metodologia.............................................................................................................................................07 Referências...........................05 Conclusão....................................................................03 Resultados e Discussões..........................................................................................

cujo comprimento de onda é característico do elemento e da mudança do nível eletrônico de energia. produzindo o que chamamos de estado excitado. A sua fórmula química é NaCl.165 g/cm 801 ºC 1465 ºC 3 1 . A temperatura da chama do bico de Bunsen é suficiente para excitar uma quantidade de elétrons de certos elementos que emitem luz ao retornar ao estado fundamental de cor e intensidade. igual àquela absorvida. a luz de um comprimento de onda particular ou cor. alguns elétrons da última camada de valência absorvem esta energia passando para um nível de energia mais elevado. é utilizada para identificar o referido elemento.44 g/mol branco ou incolor Sem odor 2. emite uma quantidade de energia radiante. Assim. Quando um desses elétrons excitados retorna ao estado fundamental. que podem ser detectados com considerável certeza e sensibilidade através da observação visual da chama. é uma substância largamente utilizada formada na proporção de um átomo de cloro para cada átomo de sódio. popularmente conhecido como sal ou sal de cozinha.INTRODUÇÃO TESTE DE CHAMA O teste de chama baseia-se no fato de que quando certa quantidade de energia é fornecida a um determinado elemento químico. O sal é essencial para a vida animal e é também um importante conservante de alimentos e um popular tempero. CLORETO DE SÓDIO O cloreto de sódio. Tal procedimento é denominado de teste da chama. Propriedades: Fórmula molecular Massa molar Aparência Odor Densidade Ponto de fusão Ponto de ebulição NaCl 58.

68 g/mol 2 . a forma no qual é mais encontrado. ele é azul brilhante. Na sua forma anidra ele se apresenta como um pó de coloração verde opaca ou cinzento. A forma anidra ocorre sob a forma de um mineral raro chamado de calcocianita. Este sal existe sob algumas formas. Arcaicamente era chamado de vitríolo azul e pedra-azul. que se diferem por seu grau de hidratação. enquanto na sua forma penta-hidratada (CuSO4. Propiedades: Fórmula molecular Massa molar CuSO4 249.SULFATO DE COBRE Sulfato de Cobre (II) ou Sulfato Cúprico é um composto químico cuja fórmula molecularCuSO4.5H2O). A forma hidratada ocorre na natureza como calcantita (penta-hidratado).

bastão de vidro e por último a pisseta com água destilada. Bastão de vidro. Agora com todos os materiais em mãos.46g.25mol/L 0. Proveta. Espátula. pesamos a massa do Cloreto de Sódio até atingir 1. para verificar sua cor para saber qual seria seu comprimento de onda.25 X X = 25/1000 X = 0. Balança. com o suporte com furo de platina imergimos a ponta dele na solução e colocamos no bico de bunsen. Depois o béquer. fomos para a balança.44. com a Pisseta colocamos 40ml de água no béquer e com o bastão de vidro misturamos até que se torna-se uma mistura homogênea. primeiro pegamos o Cloreto de Sódio de peso molar 58.METODOLOGIA MATERIAIS:           Balão volumétrico de 100ml. 3 . feito isso.025 mol Cálculo feito. Sulfato de Cobre (CuSO4) Cloreto de Sódio (NaCl) Bico de Bunsen e suporte com furo de platina.44 X X = 1. Pisseta. MÉTODO: SOLUÇÃO 1: Após a distribuição dos grupos o professor começou a passar os materiais que seriam utilizados. tiramas a Tara. depois colocamos a mistura no balão volumétrico e completamos com água destilada até 100ml.46 g 1 mol 0. fizemos o cálculo para descobrir a massa que será utilizada na fórmula: 100ml M = 0. colocamos o béquer sobre a balança.025 mol/L 1000ml 100ml 58.461 g X = 1. balão volumétrico de 100ml. Béquer. Com a solução já preparada fomos fazer o teste de chamas.

bastão de vidro e por ultimo a pisseta com água destilada.68. 4 . pegamos o Sulfato de Cobre de peso molar 249.24g. feito isso.SOLUÇÃO 2 Para a segunda solução. com o suporte com furo de platina imergimos a ponta dele na solução e colocamos no bico de bunsen.25mol/L 0. Agora com todos os materiais em mãos. depois colocamos a mistura na proveta e completamos com água destilada até 100ml. a proveta.242 g X = 6. com a Pisseta colocamos 40ml de água no béquer e com o bastão de vidro misturamos até que se torna-se uma mistura homogênea. colocamos o béquer sobre a balança.25 X X = 25/1000 X = 0. tiramas a Tara. fomos para a balança. pesamos a massa do Sulfato de Cobre até atingir 6. Com a solução já preparada fomos fazer o teste de chamas. Depois o béquer. fizemos o cálculo para descobrir a massa que será utilizada na fórmula: 100ml M = 0.68 X X = 6.025 mol Cálculo feito.24 g 1 mol 0. para verificar sua cor para saber qual seria seu comprimento de onda.025 mol/L 1000ml 100ml 249.

5x10-9 E = 3.09. para saber qual o comprimento de onda tendo em vista a cor da chama.5x10-9 E = 3.26x10-34 x 3x108 532.64.10-37 Cálculo da segunda solução: E = 6.c Cálculo da primeira solução: E = 6.RESULTADOS E DISCUSSÕES Pegamos a solução 1 e a solução 2 e fizemos o teste de chama com cada uma das soluções.26x10-34 x 3x108 607. Fórmula de Energia Radiada: E=h.10-37 5 .

Solução 2: A solução obteve a coloração azul clara.CONCLUSÃO Solução 1: Não houve nem uma reação aparente. No teste de chama observou-se que a cor da chama foi alaranjada. 6 . No teste de chama observou-se que a cor da chama foi verde.

3 – Transferindo a solução para o balão volumétrico.5 – Realizando o teste de chama.4 – Completando com água destilada a solução.ANEXOS: Figura 1. Figura 1. Figura 1. 7 . Figura 1.2 – Pesando o Cloreto de Sódio.1 – Materiais utilizados no preparo da primeira solução. Figura 1.

8 . a Figura 1.7 – Pesando o Sulfato de Cobre. Figura 1.Figura 1.8 – Transferindo solução para a proveta.0 – Realizando o teste de chama. Figura 1. – Solução já Figura 2.9 preparada.6 – Materiais utilizados no preparo da segunda solução.

com.br/content/ABAAABdBAAI/teste-chama http://www.org.com.blogspot.REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS http://www.ebah.infoescola.html http://www.wikipedia.com/quimica/teste-da-chama/ http://quimicaensinada.br http://www.infoescola.com/fisica/espectro-visivel/ 9 .br/2012/01/teste-da-chama.