You are on page 1of 3

EPÔNIMOS

Sinal de MARTIN –Roturas e infiltrações sanguíneas do tecido muscula, nas constrições do pescoço – laço – enforcamento, estrangulamento

Sinal de THOINOT – zona violacia (roxa) nas bordas do sulcos - – laço – enforcamento, estrangulamento

Sinal de BONNET - marca da trama do sulco do laço.. zig zag Sinal de BONNET – cone que indica a direção do tiro.. entrada e saída.. Sinal de BONNET rotura das cordas vocais – estrangulamento. Etc.

Espectro equimotico de LEGRAND DE SAULLE – Cores – tempo da lesão equimotica -- vermelho/violáceo roxo – azul – verde – amarelo Sinal de KENEKEL - cores da tatuagem na região inguinal – cadáver tinha tatuagem, mas apela absorveu. E as cores aparecem nas regiões inguinais MANCHA DE TARDIEU - pontos ( punctorios) hemorrágicos disseminados pelos pulmões e coração – nos casos de asfixias Sinal de STRASMAN - lesão por martelo – afunda no crânio – formato de moeda MAPA MUNDI DE CARRARA - rachaduras dentro da moeda de strasman Sinal de SCHUSSKANOL - queimadura e pólvora no túnel do tiro – tiro em costado ou perto Sinal de BENASSI - fuligem no osso indicando a entrada do tiro.. tiro encostado LACASSAGNE - ferida /lesão por ACORDEÃO, profundidade da ferida perfurante maior que o instrumento. Devido pressão.

..contração do baço paradoxal – asfixias – emacias(globos brancos tentam capitar oxigênio MORESTIN – MASCARA EQUIMOTICA DE MORESTIN – pigmentação avermelhada-ciamotia / roxa na face nas asfixias. cano LEI DE LANGER E FILHOS – perfurante médio calibre – lesão casa de botão / paralelismo – na msm região paralelas entre si – poliformismo – região intercruzamento de linha de força no corpoSinal de AMUSSAT . as roturas de acordo com o relógio ETIENE MARTIN .... DOCIMASIA HIDROSTATICA DE GALENO – exame das partes do pulmão— intrapulmonar – infanticídio. no caso de lesões entrelaçadas.escoriação em forma de meia lua – ungueal – intima a carotica – rara em esganadura.impressão da arma.puerpural LECHTEMBERG – lesão por energia elétrica natural – fulguração – salpicos metálicos JELINEK – lesão por energia artificial – eletroplessão HOFFMAN – câmara de mina de Hoffman – tiro encostado. explosão de gases.LACASSAGNE – METODO CRONOLOGICO – para descrever a lesão himenial.. definir a ordem.sufusão hemorrágica da túnica externa da carótida comum Sinal de LESSER – rotura da intima da carótida interna e externa Sinal ZIENKE – lesão da túnica intima das jugulares interna e externa Sinal de FRANÇA . Sinal de BROUARDEL – EQUIMOSES RETROFARINGICA . Sinal CHAVNY-múltiplas lesos incisas.secção lesão transversal da túnica intima da carótida Sinal de FREEDBERG . entrada evertida WERKGAERTNER – tiro encostado.

mancha dos afogados Sindal de PARROT . fase gasosa da putrefação.indicando morte não recente. exercendo-se a pressão digital lateralmente no globo ocular.. Sinal de VALENTIM – aumento do volume e distensão acentuada dos pulmões – asfixias. se as msm houverem leucócitos(globos brancos. Sinal de RIPAULT – após 8 horas da morte. pode ocorrer a deformação da Íris e da pupila Sinal de JANEZIC JELACIC – diferencia as queimaduras pos morte e vidaa. .. a pessoa estava viva. pesoçom tórax e conjuntivas Sinal de PAUTALF – MANCHAS DE PAUTALF . através di exame das feridas. engasga com a agua...Sinal de SOMMER E LACHER – mancha no globo oculas acastanhada horizontal.bolhas ou flictemas na queimadura de 2º grau POSIÇÃO DE BOXER – braços flexionados na carbinização Sinal de PIACENTINO –pontilhado hemorrágico. Sinal de CHAMBERT .afogado branco... Sinal de BOERCHUT – enrugamento da córnea CIRCULAÇÃO POSTUMA DE BROUARDEL – desenhos vasculares.