NORMAS PARA RELATÓRIO DE AULA PRÁTICA – ÁREA DE CIÊNCIAS EXATAS E AMBIENTAIS

Aulas práticas realizadas em laboratório geralmente incluem a elaboração de um relatório descrevendo a observação ou o experimento realizado. O relatório, como o próprio nome diz, é o relato detalhado de um experimento científico, seja este realizado em laboratório ou através de simulação computacional. Uma atividade prática de uma disciplina experimental culmina com a elaboração do relatório, conferindo a este, portanto, o papel de ser parte do experimento. Elaboração de Relatório • • • • • • • Deve ser escrito de forma clara e numa sequência lógica; Precisão dos dados empíricos; Domínio teórico do assunto estudado; Usar voz passiva no tempo passado;

As massas dos reagentes sólidos foram determinadas usando-se uma balança. Nunca utilizar pronomes possessivos; Evitar termos redundantes; Legendas em figuras, tabelas, fórmulas e gráficos.

Tabelas: Tabela 01. Algumas características dos estados da matéria Equações: C H O (s) + 6 O (g) → 6 CO (g) + 6 H O(l) 6 12 6 2 2 2 (1) (2) 𝑃𝑉 = 𝑛𝑅𝑇 Figuras: Figura 1. Títulos das sessões: devem ser redigidos duas linhas após o último parágrafo da seção anterior ou na página seguinte. TABELAS. FIGURAS E EQUAÇÕES. Fonte: Arial ou Times New Roman. superior: 3 cm direita: 2 cm. Tamanho da Letra: 12. inferior: 2 cm.5 cm. Margens: esquerda de 3 cm. Balança Analítica . Espaçamento entre linhas: 1.FORMATAÇÃO: Papel: A4.

Variação da temperatura nos reatores. Não deve ultrapassar três páginas. As citações bibliográficas são feitas por números entre parênteses e listadas no final do relatório. ELABORAÇÃO . Neste item também deverá constar uma lista dos materiais e reagentes utilizados na realização do experimento. Sua elaboração depende da consulta a livros-texto. Obs.INTRODUÇÃO A Introdução de um relatório de aula prática deve conter os fundamentos teóricos ou princípios envolvidos FOCADOS no objetivo do experimento realizado. este item apresenta sucintamente o que se pretende observar ou verificar através da realização do experimento. . . assim como suas características físicas. que permite a compreensão e interpretação dos resultados.400 350 300 250 200 150 100 50 0 0 Reator 1 Reator 2 Reator 3 Temperatura [ºC] 5 10 15 20 Tempo [h] Figura 2. o qual deve estar FUNDAMENTADO na Introdução. químicas e toxicidades. bem como a reprodução do experimento por outros alunos. Os objetivos do experimento podem ser inclusos nessa seção.: Dados experimentais são apresentados em gráficos a partir de pontos. Lembrar que A INTRODUÇÃO NÃO É UMA CÓPIA DA LITERATURA. Subdivide-se em: MATERIAIS E MÉTODOS O item Materiais e Métodos é uma descrição completa da metodologia utilizada.PARTE EXPERIMENTAL Descrever a metodologia empregada na execução do experimento. Gráficos de linhas são elaborados somente a partir de dados teóricos.

vidrarias e equipamentos utilizados na realização do experimento. não devem constar quaisquer observações experimentais. Devem-se incluir também todos os cálculos efetuados.a. informando sua fórmula química. as mesmas fazem parte dos Resultados e Discussão. Exemplo: 1) Tubo de ensaio 2) Béquer de 200 mL 3) Béquer de 50 mL 4) Bomba de vácuo 5) Bico de Bunsen 6) Centrífuga Reagentes Utilizados: todos os reagentes utilizados na realização do experimento. (CuSO 4. Estas tabelas e gráficos devem . detalhadamente. pureza e a concentração.5H2O) 3) Água destilada (H2O) 4) Álcool etílico anidro (CH 3CH2OH). pois. Procedimento Experimental: consiste em descrever. Neste item são apresentados os resultados de forma objetiva e lógica. com base nos conceitos químicos envolvidos. acompanhados de uma análise crítica. o procedimento executado (INCLUINDO-SE MODIFICAÇÕES QUE TENHAM SIDO FEITAS NO DECORRER DO EXPERIMENTO EM RELAÇÃO AO PROCEDIMENTO ORIGINALMENTE PROPOSTO) para a realização do experimento. Sempre que possível seus dados devem ser organizados na forma de tabelas e gráficos (lembre-se: o gráfico sempre ilustra muito melhor o resultado do que as tabelas: dê preferência a eles). exceto reagentes. Exemplo: 1) Solução aquosa de hidróxido de sódio (NaOH) 0. na sequência em que o procedimento foi realizado. quando se tratar de soluções. Neste item. na forma de itens.Materiais Utilizados: apresentação de todos os materiais.1 mol/L 2) Sulfato de cobre pentahidratado p. RESULTADOS e DISCUSSÃO Esta é a parte mais importante do relatório e descreve os principais resultados obtidos em aula.

.. Artigo Científico (Revistas): Nome dos Autores.A : Porto Alegre. • Compare os resultados obtidos com o que era esperado com base na teoria (descrita na introdução) ou em resultados já publicados. turvação. Livros –texto: Nome dos Autores. • Discuta (explique) cada observação experimental (mudança de cor. Bookman Editora S. Exemplo: ATKINS. etc). Princípios de química: questionando a vida moderna e o meio ambiente. CONCLUSÃO Deverá ser feita uma avaliação geral do experimento realizado relacionando suas conclusões com os objetivos apresentados na introdução. Comentários sobre os pontos positivos e eficiência da prática devem ser inclusos neste item. NÃO É UMA SÍNTESE DO QUE FOI FEITO NEM UMA REPETIÇÃO DAS DISCUSSÕES! REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS Todas as obras utilizadas para a elaboração do trabalho devem ser citadas ao longo do texto. ponto de fusão. Em resumo: • Apresente os resultados e sua discussão (explicação) na sequência em que o procedimento foi executado. Edição. Cada tabela e gráfico deve ter um título que os descreva brevemente. Nome da Revista (em itálico e abreviado como definido no Chemical Abstracts Service Source Index). JONES. Ano.ser descritos e enumerados adequadamente no texto e não apenas lançados. 2001. no local ao qual fazem referência. L. Se os resultados diferem do que era esperado. na discussão deve-se procurar explicar porque. • Discuta cada etapa do procedimento realizado. P. rendimento. páginas. Título do Livro (em itálico). Título do Artigo (este item não é solicitado pela Química Nova. Exemplo: . volume. ano de publicação. Editora. refletindo sobre possíveis fontes de erro. 2a ed. • Indique com clareza as operações de cálculo. etc) e os resultados obtidos (massa final. sendo numeradas em ordem crescente e listadas no item Referências Bibliográficas. aquecimento. procurando justificar e explicar a sua realização. porém. em relatórios é importante). Cidade. Indique sempre as unidades usadas nas medidas.

Exemplo: http://www.SILVA. Páginas da Internet: endereço e data de acesso.sbq. após os apêndices. LACERDA.  Anexos são os documentos não elaborados pelo autor.. Apêndices e anexos (opcionais)  Apêndices e anexos são materiais complementares ao texto que só devem ser incluídos quando forem imprescindíveis à compreensão deste. . 28.S. JONES JÚNIOR.br/jbcs. mapas. acessada em Janeiro 2005.. comprovação ou ilustração. Quim.M. J.org. 103-106.  Os apêndices devem aparecer após as referências. que servem de fundamentação. e os anexos. P. Nova 2005.B. estatutos. como tabelas.  Apêndices são textos elaborados pelo autor a fim de complementar sua argumentação. F. leis. Desenvolvimento sustentável e química verde. etc.