Boletim nº 299

Jogo Rápido
28 de junho de 2012 www.assibge.org

Veja o informe da reunião de negociação de 27/6 com o MPOG e a Direção do IBGE. Página 2

AGORA É GREVE POR TEMPO INDETERMINADO!
Para quem ainda tinha dúvida agora não existe outra saída: É GREVE! Estamos negociando com o Governo faz três anos, basicamente as mesmas reivindicações. Só este ano fomos enrolados desde março. Isso para conseguir melhorias para 2013! E agora voltam a dizer que estão estudando!? Enquanto isso, nossos salários estão congelados desde 2009, a Carreira funcional imposta pelo IBGE tem graves distorções, temos mais de duas mil vagas abertas para Nível Técnico e 4 mil servidores temporários recebendo pouco mais que salário mínimo. Sequer as questões mais básicas, como a regulamentação da GQ ou o pagamento de indenizações de campo, o Governo oferece. O próprio Secretário do Ministério do Planejamento, Sérgio Mendonça, admitiu que o Governo vai ceder ao pessoal das Forças Armadas e aos professores das Universidades por pressão (Leia o informe da reunião com o Governo e o IBGE na página 2). Está na cara que a saída é a PRESSÃO! Por isso, a ordem do dia é PARAR TODO O IBGE, inclusive os temporários. A Greve no IBGE cresce a cada dia. Vamos engrossar o movimento em todo o país!

É na pressão

Quadro da Mobilização no IBGE
GREVE POR TEMPO INDETERMINADO: Rio Grande do Sul Bahia (UE) Amapá Minas Gerais Espírito Santo Tocantins Paraíba Piauí Paraná Santa Catarina General Canabarro/RJ São Paulo ESTADO DE GREVE: Av. Chile/RJ PARALISARAM EM 2 7/6 : Alagoas Dipeq/RJ P. Lucas Pará (Estado de Greve com Assembléia em 3/7) Amazonas (4h pela manhã) Distrito Federal Maranhão Pernambuco

Quadro da Greve dos servidores em todo o País
1- Professores parados em 56 das 59 Universidades e em outras 36 Instituições federais de ensino; 2- Paralisações progressivas na Fundação Oswaldo Cruz até 12 de julho, com vistas à greve; 3- Servidores das Universidades parados em 56 das 59 instituições; 4- Saúde e Previdência com greve crescente em diversos estados, inclusive na Anvisa; 5- Servidores das Agências em mobilização crescente; 6- 31 Escolas Técnicas Federais e 183 campi em greve, com paralisações também nas Escolas Militares; 7- Greve em diversas representações diplomáticas do Brasil (pessoal do Itamaraty); 8- Paralisações na CGU e no Tesouro Nacional; 9- Na base da Condsef há diversos setores em greve em 18 estados, entre eles os servidores da Funasa, Agricultura, Incra, Area Ambiental, Justiça, Arquivo Nacional, PRF, Cnem, Trabalho e Emprego. 10- Operação padrão da Receita Federal em portos, aeroportos e fronteiras.

CALENDÁRIO DE MOBILIZAÇÃO DO CONJUNTO DO

FUNCIONALISMO:

s s; Coor dena ções esta duai grev e naci onai s das • 2 a 6/7 – Forta lecim ento dos com ando s de unta s em Bras ília; conj s dade ativi de o cate goria s, para reali zaçã e Naci onal dos Serv idore s • 9 a 13/ 7 – Acam pam ento Unifi cado da Grev Fede rais, em Bras ília; rais, em Bras ília; • 18/ 7 – Gran de Marc ha dos serv idore s fede das Entid ades do • 20/ 7 – Plen ária Naci onal Unitá ria do Fóru m func iona lism o fede ral. defin idas pela • 2 a 6/7 – Ativi dade s conj unta s nos esta dos,

Fernando Abrantes. em caso de empate de uma decisão do Comitê.com. e Marcela (assessora).. Informalmente já se fala em postergar qualquer reajuste para 2014. portanto. Presidente Wilson. Seus membros devem ser eleitos nas assembléias da categoria. O mesmo Governo que diz não ter recursos para reajustar salários e oferecer melhores condições de trabalho aos servidores públicos. GOVERNO EMPURROU COM A BARRIGA Planejamento admite que pressão é a chave Ao final. Disse também que sua política é de diminuição do valor da gratificação em relação ao vencimento básico.Nuno afirmou que desconhece essa reivindicação e. Valores das gratificações .. externadas pelo Secretário do Ministério do Planejamento: Sobre questões financeiras (salários): O Planejamento alega que o quadro da crise internacional se agravou e que não tem como dar qualquer posição a este respeito no momento. O secretário foi claro ao afirmar que o Governo está cedendo a algumas categorias por pressões internas (Forças Armadas) e externas (greve dos professores universitários). Indenização de Campo . IBGE: SEM NOVIDADES Posições da Direção do IBGE.O Governo concorda em desatrelar a GDIBGE da Gratificação de Qualificação. CORTOU R$ 55 BILHÕES DO ORÇAMENTO DA UNIÃO para fazer superávit primário em 2012 Este mesmo Governo DOOU R$ 10 BILHÕES AO FUNDO DO FMI PARA SALVAR OS BANCOS e EDITOU 7 PLANOS COM ISENÇÕES DE IMPOSTOS E OUTROS BENEFÍCIOS AOS EMPRESÁRIOS. 210 .Informe da reunião de negociação de 27/6 com o MPOG e a Direção do IBGE Participaram da Reunião o secretário do Ministério do Planejamento.RJ . além do Diretor-Executivo do IBGE. não há solicitação a este respeito ao Governo. deixou em aberto a possibilidade de novas reuniões de negociação. Comando de Greve no Rio Como fazemos em todo movimento grevista. 250h e 360h (mais mestrado e doutorado) para servidores de Nível Intermediário.635) • Programação visual: Juarez Quirino . visto que a greve não impede a tentativa de diálogo.assibge. no Rio. Nuno Bittencourt. o representante do Governo não quis deixar nova reunião agendada. Posições do Governo. Este Comando.CEP 20030-021 www. Gratificação de Qualificação . Comitê Gestor da Carreira . mas que é preciso que os recursos necessários entrem no Orçamento da União. Ao mesmo tempo.O Governo se mostrou favorável à criação de gratificações (GQs) diferenciadas de 180h. será instalado formalmente o Comando Nacional de Greve do IBGE.Não apresentaram respostas acerca das demandas dos servidores que ingressaram pelos concursos de 2001 a 2003 e 2006 (Itens 9. Franklin e Antonio Fernando.org • assibge-sn@uol. mas que isso será feito lentamente. Concursos Públicos . Jogo Rápido • Boletim Informativo da ASSIBGE-SN • Sede: Av.br • Jornalista responsável: Henrique Acker (MTb 17. E ainda quer falar de crise para justificar sua política de arrocho salarial para o funcionalismo. visto que se trata de um ponto subordinado a condições externas e a uma política de Governo para todo o funcionalismo. Sérgio Mendonça.O Governo não deu qualquer resposta sobre os valores da GQ e das RTs. que isso é parte de uma política da Direção e que todos os direitos e benefícios previstos em Lei estão sendo assegurados aos temporários.O Governo deixou claro que o chamado Voto de Minerva da Direção do IBGE.O Governo se mostrou favorável a unificar cargos de Nível Intermediário e Nível Superior. Cargos .8º andar .Castelo .Rio de Janeiro . tem papel fundamental de ligação direta entre o que se passa nos estados com a Executiva Nacional e também na coordenação do movimento em nível nacional. externadas pelo Diretor-Executivo: Servidores Temporários . que funcionará na Sede nacional da ASSIBGE-SN. 10 e 11 da nossa Pauta).O Governo não aceita uma única carreira no IBGE. formado por um representante de cada Núcleo em greve.O IBGE entende que a suspensão do pagamento seria arbitrária e informou que estão discutindo este assunto com o Governo. Carreira funcional . o que faz parte do jogo democrático. é uma questão que dis respeito ao próprio IBGE.O IBGE entende que a mão-de-obra temporária para pesquisas domiciliares e econômicas veio para ficar. Novos concursados . Só pra registrar. Gratificação para a PNAD . Em seu entendimento chegou-se a um limite nas negociações e não valeria a pena o desgaste de uma nova reunião sem resposta em relação às questões econômicas.Estão discutindo este tema com o Planejamento. GDIBGE .