You are on page 1of 2

1) A globalização é um dos processos de aprofundamento da integração econômica, social, cultural, política, que teria sido impulsionado pelo barateamento

dos meios de transporte e comunicação dos países do mundo no final do século XX e início do século XXI. É um fenômeno gerado pela necessidade da dinâmica do capitalismo de formar uma aldeia global que permita maiores mercados para os países centrais (ditos desenvolvidos) cujos mercados internos já estão saturados. O processo de Globalização diz respeito à forma como os países interagem e aproximam pessoas, ou seja, interliga o mundo, levando em consideração aspectos econômicos, sociais, culturais e políticos. Com isso, gerando a fase da expansão capitalista, onde é possível realizar transações financeiras, expandir seu negócio até então restrito ao seu mercado de atuação para mercados distantes e emergentes, sem necessariamente um investimento alto de capital financeiro, pois a comunicação no mundo globalizado permite tal expansão, porém, obtêm-se como consequência o aumento acirrado da concorrência. No geral a globalização é vista por alguns cientistas políticos como o movimento sob o qual se constrói o processo de ampliação da hegemonia econômica, política e cultural ocidental sobre as demais nações. Ou ainda que a globalização é a reinvenção do processo expansionista americano no período pós guerra-fria (esta reinvenção tardaria quase 10 anos para ganhar forma) com a imposição (forçosa ou não) dos modelos políticos (democracia), ideológico (liberalismo, hedonismo e individualismo) e econômico (abertura de mercados e livre competição). A pobreza pode ser entendida em vários sentidos, principalmente:
 

 

Carência material; tipicamente envolvendo as necessidades da vida cotidiana como alimentação, vestuário, alojamento e cuidados de saúde. Falta de recursos económicos; nomeadamente a carência de rendimento ou riqueza (não necessariamente apenas em termos monetários). As medições do nível económico são baseadas em níveis de suficiência de recursos ou em "rendimento relativo". Carência Social; como a exclusão social, a dependência e a incapacidade de participar na sociedade. Isto inclui a educação e a informação. Carência energética para mudar o que não pode ser mudado, o impossível esta dentro de vossa mente, a superação dos paradigmas faz a ponte de um estado-baixo em estado-alto. Falta de auto-estima, baixa espiritualidade.

2) Para explicar como acontece a globalização, daremos um exemplo. O produtor efetua a compra da materia-prima de qualquer lugar do mundo, onde ela seja barata e de boa qualidade. Depois instala sua fábrica em países onde a mão-de-obra é abundande e principalmente, de baixo custo, não importando se o mercado consumidor desta naçao é grande. Por ultimo, o produtor distribui seus produtos para qualquer lugar do mundo. Em suma, na globalização voce pode comprar um produto no EUA que foi fabricado na China, do qual suas matérias-primas vieram do Brasil. O que acontece na globalização é a invasão de mercadorias, serviços, tecnologias, pessoas, etc., de várias partes do mundo em diversos lugares e vise e versa.

com/articles/38717/1/Globalizacao-ePobreza/pagina1. a pobreza ganhou uma relevância imprevisível.3) As principais conseqüências da globalização são a integração e a interdependência econômica cada vez maiores entre países. que eram considerados pobres por não terem acesso à comida e a bens de primeira necessidade. que envolveu de formas diferentes e desiguais. estabelecer ligações e conexões entre pessoas e povos. diferente dos de antigamente. particulares e específicas o mundo e suas cidades. Fonte: http://www. Mais fácil e comum é fazer uma análise dos aspectos desse "polvo de mil tentáculos" e as novas realidades sociais que foram sendo criadas em relação inevitável com esse processo. traz a tona um novo tipo de pobre. A era da globalização. Entre os aspectos mais tematizados nos tempos da globalização. Os novos pobres estão condenados a viver em guetos. Outro efeito da globalização é o aumento da concorrência entre empresas em nível nacional e internacional. O fato de a pobreza existir em todas as partes do mundo representa uma profunda advertência de que. ruas às margens de meros assistencialismos e atos “humanitários”.html#ixzz13VgMHh4f www.webartigos.org . novas relações. Apesar de a globalização criar novas possibilidades. Hoje a economia mundial está nas mãos das grandes corporações de empresas transnacionais. regiões e continentes. a globalização juntamente com todos os seus benefícios e oportunidades não se deu de maneira homogênea. pois isso não era um sonho tão distante.wikipedia. não se pode dizer que as desigualdades sociais acabaram. na sua forma atual. favelas. e que esperavam que seus filhos descem um “salto social”.