Cap.

4 - Potencial Elétrico

1

4.1. Diferença de Potencial Elétrico (VB-VA)

VB-VA é uma grandeza física escalar

B

q

Onde:

q0 = carga de prova WAB = trabalho realizado pelo agente externo (Fext) para levar a carga de prova de A até B em equilíbrio (MRU) (Fext –F = 0) VB-VA= diferença de potencial elétrico entre o ponto A e o ponto B q= carga localizada no ponto B geradora de campo elétrico E
2

Fext A q0 F=q0E

O campo de deslocamento da carga q0 é considerado conservativo

O Trabalho WAB pode ser:

a) Positivo: VB>VA b) Negativo: VB<VA c) Nulo: VB=VA
VA

q0 q

VB
3

Potencial Elétrico (V) Levando-se o ponto A para o infinito. podemos assim definir o Potencial Elétrico em um ponto: A ∞ ↔ VA = 0.2. VA = 0. V é uma grandeza física escalar 4 . então. Abandonando-se índices.4. por definição.

4. .3. 5 . Potencial Elétrico V em um Campo Elétrico Uniforme E MRU d B q0 A .

As superfícies Equipotenciais são ortogonais (perpendiculares) ao Campo elétrico.4.4. Superfícies Equipotenciais É o lugar Geométrico onde o Potencial elétrico é constante. E E E V V V 6 .

O trabalho realizado pela força externa para deslocar uma carga elétrica de um ponto A até um ponto B de uma superfície Equipotencial é igual a zero. pois: 7 .

Exemplo 1. Campo Elétrico entre duas placas submetidas a uma diferença de potencial 8 .

E e V são ortogonais E B .4. r dr V V+∆V V+2∆V dr = elemento infinitesimal que fornece a direção e o sentido do movimento 9 . V-2∆V V-∆V A .R.5. Expressão Geral Relacionando o Potencial Elétrico V e o Campo Elétrico E M.U.

A direção de movimento da carga. Gradiente de Potencial Da integral de linha anterior temos: Se θ=0. é sempre ortogonal (perpendicular) as Superfícies Equipotenciais. logo: = Gradiente de Potencial O valor máximo de dV/dr num dado ponto é chamado de Gradiente de potencial. 10 . nesta situação de valor máximo de dV/dr.1.5.4.

Exemplo 2.50 m 11 .0 X 104 V/m d = 0. Movimento de uma Carga em um Campo Elétrico Uniforme a) Calcule VB-VA b) Calcule o Trabalho no deslocamento de um próton do ponto A para o ponto B W E= 8.

Potencial Elétrico produzido por uma Carga Puntiforme q Obs: O Potencial Elétrico produzido por uma carga positiva +q é positivo (+V). A ∞ ↔ VA = 0 12 .6.4. O Potencial Elétrico produzido por uma carga negativa –q é negativo (-V).

Gráfico do Potencial Elétrico produzido por uma carga elétrica positiva 13 .

Gráfico do Potencial Elétrico produzido por uma carga elétrica positiva (vista superior) 14 .

...n Exemplo 3.O Potencial Elétrico para um conjunto de n cargas puntiformes é calculado da seguinte maneira: É uma soma escalar: i=1. Para a configuração abaixo. calcule o Potencial Elétrico no ponto P 15 ..

Potencial Elétrico Devido a uma Distribuição Contínua de Carga Elétricas 16 .4.7.

7. Potencial Elétrico Produzido por um Anel com Distribuição Uniforme de Cargas Elétricas a) Encontre a equação do Potencial Elétrico no Ponto P c) Calcule o Potencial V e o Campo Elétrico Ex no centro do anel b) Encontre a equação do Campo Elétrico no ponto P 17 .4.1.

2. Potencial Elétrico Produzido por um Disco com Distribuição Uniforme de Cargas Elétricas a) Encontre a equação do Potencial Elétrico no ponto P b) Encontre a equação do Campo Elétrico no ponto P 18 .7.4.

3. Potencial Elétrico Produzido por uma Linha Finita (bastão ou haste) de Cargas Elétricas Determine a Equação do Potencial Elétrico no ponto P 19 .7.4.

7.4. Distribuição de Carga Esfericamente Simétrica do Cap. 3. Lei de Gauss .2.2. Potencial Elétrico Produzido por uma Esfera com Distribuição Uniforme de Cargas Elétricas Ver item 3. para a dedução do Campo Elétrico a) Encontre a equação do Potencial Elétrico no ponto B ( ) b) Encontre a equação do Potencial Elétrico no ponto c 20 .4.

c) Encontre a equação do Potencial Elétrico no ponto D ( ) 21 .

d) Qual é o valor do Campo Elétrico e do Potencial Elétrico no centro da Esfera 22 .

Potencial Elétrico Produzido por um Condutor Carregado 1. 2. pois o potencial Elétrico é constante.4. O Campo elétrico dentro do condutor é igual a zero ( = 0 ).8. 23 . A superfície de qualquer condutor em equilíbrio eletrostático está no mesmo potencial (Superfície Equipotencial).

24 .

Duas Esferas Condutoras Carregadas Conectadas por um Fio Condutor 25 .4.9.

Potencial Elétrico Produzido por um Dipolo a) Calcule o Potencial Elétrico no ponto P b) Calcule V e Ex em um ponto distante do Dipolo c) Calcule V e Ex em um ponto localizado entre as cargas 26 .10.4.

Gráfico do Potencial Elétrico Produzido por um Dipolo elétrico 27 .

Gráfico do Potencial Elétrico Produzido por um Dipolo Elétrico (vista superior) 28 .

para trazê-la até uma q1 r q2 29 . temos: ∞ ).11.4. Energia Potencial Elétrica (U) É definida como a energia necessária para trazer cargas de uma separação com distância infinita até uma configuração qualquer a uma dada distância. Para duas cargas: Estando q2 no infinito (q2 distância r de q1.

30 .

para três cargas (n=3): 31 .A Energia Potencial Elétrica U de um conjunto de n cargas. é calculada pela soma de todas as Energias Potenciais Elétricas de todas as combinações possíveis das cargas. Exemplo 4.

Exemplo 5. Encontre a Energia Potencial Elétrica para o conjunto de cargas elétricas abaixo: 32 .

a qual ocorre quando o gradiente elétrico (diferença de potencial) excede um certo valor. mas as condições são insuficientes para causar um arco elétrico. Efeito ou Descarga Corona Uma descarga de corona é uma descarga elétrica produzida pela ionização de um fluído nas redondezas de um condutor.12. 33 .4.

4. Experimento de Milikan Determinação da carga elétrica fundamental e 34 .13.