You are on page 1of 89

Acidentes Caldeiras e Vasos de Pressão

• Explosão Caldeira 20 de Março de1905, Massachusetts. • 58 Mortos e 117 feridos. • Necessidade de normas legislativas e de regulamentação para a construção de caldeiras • O primeiro código sobre Caldeira e Vasos de Pressão foi publicado em 1915

Buffalo, New York 1983 Dois dias depois do Natal de 1983, a paz e a tranquilidade de Buffalo, Nova York foi abruptamente abalada por uma explosão de tal magnitude que sua enormidade era quase impossível de compreender. O rescaldo da explosão deixou a aparência de um grande campo de batalha, ao invés do que a de um quarteirão residencial médio. O que causou esta cena horrível?

Uma explosão de gás causada pela liberação de gás LP líquido no segundo andar de um armazém

.

.

Cilindro explodiu em 12:40. enquanto veículo de transporte estava estacionado na rodovia Veículo Trajetoria .

• Note-se que a mídia noticiou o evento como uma explosão de cilindro de butano. mas foi realmente um cilindro de O2 .

. A temperatura da água fez com que o metal para tornar-se frágil.Exemplo de fratura frágil causado pelo uso de água fria para um teste de pressão hidrostática e pressurização navio.

REPORTED ACCIDENTS AND INCIDENTS CILINDRO DE HIDROGENIO TRINCA INTERGRANULAR .2.

REPORTED ACCIDENTS AND INCIDENTS .2.

.Explosão de uma caldeira.

Quarto após explosão .

Explosions .

.

Cerca de 100 pessoas estão desaparecidas após o naufrágio de um navio no rio Kasai.Explosão em Caldeira deixa 100 pessoas desaparecidas após naufrágio. Uma sobrecarga na pressão da caldeira parece ter sido a causa da tragédia .Rio Kasai/Congo . no centro da Repúbluca Democrática do Congo (RDC). 03/05/2011 .

O alerta foi dado às 15h20. segundo adianta fonte dos Bombeiros Sapadores do Porto. para combater as chamas e prestar assistências às vítimas . numa caldeira do equipamento hospitalar. Oito viaturas e 24 bombeiros deslocaram-se ao local. altura em que ocorreu a explosão.Uma explosão numa caldeira na provocou dois feridos em estado grave.Explosão em Caldeira Hospitalar provoca dois feridos 07/10/2011 .

. De acordo com informações da Polícia Civil. 15/07/11 . em Taquaritinga. Foi instaurado um inquérito policial nesta quinta para apurar o crime. registrado como homicidio culposo provocado por acidente de trabalho. Carlos roberto dos Santos morreu na tarde de quinta-feira (14/07). na fabrica de alimentos KMZ. a vítima teria se queimado com o vapor. em Catanduva. no Distrito de Guariroba.Enterrado homem que teve 80% do corpo queimado quando fazia a manutenção em uma caldeira no Distrito de Guariroba. O acidente ocorreu no dia 8 de julho.O corpo de um homem de 52 anos que teve 80% do corpo queimado quando fazia a manutenção em uma caldeira foi enterrado na manhã de sexta feira (15/07/2011). no hospital Padre Albino.

ISO 9001 7. . deficiências tornam-se aparentes somente depois que o produto está em uso ou o serviço tenha sido entregue.5.2 Validação dos processos de produção e fornecimento de serviço A organização deve validar quaisquer processos de produção e fornecimento de serviço onde a saída resultante não possa ser verificada por monitoramento ou medição subseqüente e. A validação deve demonstrar a capacidade desses processos de alcançar os resultados planejados. como conseqüência.

com materiais altamente específicos e equipamentos. parte do trabalho do soldador pode ser selecionado para testes aleatórios. onde a junta soldada em si não pode ser verificada sem destruí-lo.Exemplo: Em operações de soldagem. o caminho para garantir que o trabalho tem sido bem conduzida é usar apenas soldadores devidamente treinado e qualificado. As soldas resultante não pode ser inspecionado internamente. então um certo número extra são sempre produzidas. por isso todas as condições correta deve ser assegurada. Neste caso. Estas são provavelmente destruído durante o processo de testes. para fins de teste . Além disso.

ele permite uniformizar e manter registro das condições especificadas de soldagem para controle do processo e eventual determinação de causas de falha. . soldas adequadas. de acordo com os requisitos colocados pela norma ou estabelecidos em contrato.As normas exigem que Antes da execução da soldagem de produção as especificações dos procedimentos que serão adotados para a sua execução sejam preparadas e qualificadas. possam ser obtidas. através do procedimento proposto. Este processo visa demonstrar que. Além disto.

•“Cada Fabricante ou Contratante é responsável pela soldagem efetuada pela sua organização e deve conduzir os testes requeridos nesta seção para qualificar os procedimentos de soldagem que utiliza assim como a performance dos soldadores aplicados à estes procedimentos”.É imprescindível a leitura e compreensão da norma antes de seu uso. .

operação e manutenção de caldeiras e vasos de pressão. ordinária e específica. que dá embasamento jurídico à existência desta NR.NR13 .Caldeiras e Vasos de Pressão: Estabelece todos os requisitos técnico-legais relativos à instalação. A fundamentação legal. de modo a se prevenir a ocorrência de acidentes do trabalho. são os artigos 187 e 188 da Consolidação das Leis Trabalhistas . .CLT.

DEFINIÇÕES - Peça de Teste Ver chapa ou tubo de teste. - Chapa ou tubo de teste Peça soldada para a qualificação de procedimento de soldagem da executante ou de soldadores ou operadores de soldagem. - Chapa de Teste de produção Chapa soldada nas mesmas condições de uma das juntas soldadas do equipamento, com a finalidade de executar ensaios mecânicos, químicos, metalográficos, ou nãodestrutivos. - Equipamento Produto da fabricação, construção e/ou montagem soldada, tais como: equipamentos de caldeiraria, tubulação, estruturas metálicas industriais, estruturas metálicas marítimas, oleodutos e gasodutos. – P Number (N° P) O código ASME agrupa os metais de base, baseado nas propriedades mecânicas, composição química e soldabilidade do material. – F Number (F N°) O código ASME agrupa os consumíveis de soldagem, baseado nas propriedades mecânicas, composição química e usabilidade.

PROCEDIMENTO DE SOLDAGEM Definição O procedimento de soldagem é um documento, que estabelece todos os itens importantes, que devem ser considerados na união de partes por soldagem.

O procedimento de soldagem contém Limites ou faixas de parâmetros tais como tipo de corrente, espessura do metal de base, tipo de metal de base, tipo de consumível etc.
Um procedimento de soldagem é válido somente dentro dos limites nele especificados.

• DNV. • AWS D1. etc. . Construction and Inspecion of Offshore Structures (estruturas marítimas de aço). Structural Welding Code (estruturas soldadas de aço carbono e de baixa liga). • (ABNT).1. • API STD 1104.Como exemplo de códigos e especificações importantes ligados à soldagem pode-se citar: • ASME Boiler and Pressure Vessel Code (vasos de pressão). Standard for Welding Pipelines and Related Facilities (tubulações e dutos na área de petróleo). Rules for Design.

.

ASME VIII Divisão 1 Estabelece requisitos para: • Projeto • • Fabricação Inspeção de vasos de pressão .

.

.

.

.

.

.

.

.

.

ASME IX ARTIGO II QPS Nº P para metais de base MATERIAL P-Nº Aços e aços liga Alumínio e suas ligas Cobre e suas ligas Níquel e suas ligas Titânio e suas ligas Zircônio e suas ligas 1 a 15F 21 a 26 31 a 35 41 a 49 51 a 53 61 e 62 40 .

.

.

.

.

qualificação de procedimento e de soldadores. .: controle da armazenagem e utilização de eletrodos básicos). credenciamento de fornecedores ou controle da recepção de material (metal de base e consumíveis). a análise do projeto. Controle durante a soldagem: Inclui o controle dos materiais usados (ex. da preparação. por exemplo. montagem e ponteamento das juntas e da execução da soldagem. calibração e manutenção de equipamentos de soldagem e auxiliares.Controle antes da soldagem: Abrange. Controle após soldagem: Pode ser realizado através de inspeções não destrutivas e de ensaios destrutivos de componentes selecionados por amostragem ou de corpos de prova soldados juntamente com a peça.

Técnica operatória.Especificação de Procedimento de Soldagem (EPS) Documento onde os valores permitidos de diversas variáveis do processo para serem adotados. Temperatura de pré-aquecimento e entre passes. classe e espessura do(s) metal(is) de base. Tipos de consumíveis e suas características. pelo soldador ou operador de soldagem. . Variáveis importantes de um procedimento de soldagem A composição. Projeto da junta. Aporte térmico. Posição de soldagem. Processo(s) de soldagem. Intensidade de corrente. durante a fabricação de uma dada junta soldada. tensão e velocidade de soldagem.

dependem da aplicação e da norma considerada. assim como o seu número. pode-se citar: • Ensaio de dobramento. . • Macrografia. Como testes. e • Testes de corrosão. • Ensaio de tração. • Ensaios não destrutivos (por exemplo. • Ensaio de impacto (ou outro ensaio para determinação de tenacidade). radiografia). dimensões e posição no corpo de prova.Os testes que serão realizados na qualificação de uma EPS. que podem ser requeridos. • Ensaio de dureza.

Inspeções periódicas são realizadas para verificar que o mesmo está ocorrendo . Durante a fabricação. Enquanto os originais da EPS e RQP devem permanecer guardados. servindo como um atestado de sua adequação aos critérios de aceitação estabelecidos. cópias da EPS já qualificada devem ser encaminhadas para o setor de produção e colocadas próximas das juntas que serão fabricadas de acordo com a EPS.Registro de Qualificação de Procedimento (RQP) O qual deve ser referido pela EPS. os valores indicados na EPS deverão ser seguidos.

O soldador (ou operador) Precisa demonstrar que possui a habilidade necessária para executar aquele serviço. o exame de qualificação geralmente engloba uma determinada condição de soldagem e não uma situação específica (tal como a qualificação para a soldagem em uma determinada posição com um dado processo). . ele deverá soldar corpos de prova específicos. Sob condições preestabelecidas e baseadas em uma EPS qualificada ou em dados de produção. Para isto. Como é impossível avaliar o soldador em todas as situações possíveis de serem encontradas na produção.

. as variáveis que determinam a qualificação de um soldador são: • Processo de soldagem. • Posição de soldagem. • Espessura da junta. • Tipo de eletrodo. • Tipo de junta. • Situação da raiz.Segundo o código ASME.

.

.

.

Macrografia. . Portanto. é um importante fator para manter a competitividade desta. Fratura. o desenvolvimento de programas para o treinamento e aperfeiçoamento constante da equipe de forma a atender as demandas dos diferentes códigos e clientes. Radiografia. Os resultados são colocados em um documento chamado Registro de Teste de Qualificação de Soldador A manutenção de uma equipe de soldadores devidamente qualificada para os tipos de serviços que a empresa realiza.Ensaios comumente usados na qualificação de soldador (ou operador) Inspeção visual da junta. Ensaio de dobramento.

comprovadas segundo procedimentos escritos e com resultados documentados. que permitem a um indivíduo exercer determinadas atribuições e responsabilidades. .Características e habilidades.

.

.

: AUTOM.ESPECIFICAÇÃO DE PROCEDIMENTO DE SOLDAGEM AS: AT: ER: TIG: MAG: X MIG: MANUAL: SEMI-AUT.: JUNTA: TOPO: ARESTA: ANGULO: SOBREPOSTA: X .: X MECANIZ.

LN E 38 Tipo ou Grau: I Espessura: 3.0 a 4.0mm .ESPECIFICAÇÃO DE PROCEDIMENTO DE SOLDAGEM METAL BASE Espec.

) : N/A ALÍVIO DE TENSÕES máx (oC) : N/A (oC) : SEM Método: Temperatura Ambiente Temp. Controle: N/A Tempo (min. oC/h: Resfr.ESPECIFICAÇÃO DE PROCEDIMENTO DE SOLDAGEM Pré aquecim.oC/”h: . min (oC) : 10 Interpasse Pós aquec.oC: Tempo (min) : Norma: Início oC: Fim oC: Observ.: Aquec.

e Class. Faixa de Espessura: Chanfro (mm) N/A Ângulo(mm): TODAS Metal de Adição Espec. FNr Bitola (mm) Fabricante Processo: GMAW AWS 5.2 GERDAU .ESPECIFICAÇÃO DE PROCEDIMENTO DE SOLDAGEM Metal de Solda Processo: GMAW depos.18 ER 70 S 6 6 1.

20 Stick-out (mm) : 8 . (mm) : N/A Diam.14 AT Transferência : ARCO PULSANTE . Do bocal (mm) : N/A MIG MAG Diam.14 l/min : - Tocha: 75%Ar + 25CO2 Purga: - Auxiliar: Eletrodo: N/A l/min : Diam.ESPECIFICAÇÃO DE PROCEDIMENTO DE SOLDAGEM Chanfro: Ângulo: HORIZONTAL (3F) Ascendente: Descendente: X l/min : 12 . Do bocal (mm) : 16.

ESPECIFICAÇÃO DE PROCEDIMENTO DE SOLDAGEM ÂNGULO DA TOCHA: - ÂNGULO DE TRABALHO: ~ 45º ÂNGULO DE DESLOCAMENTEO: ~ 45º .

ESPECIFICAÇÃO DE PROCEDIMENTO DE SOLDAGEM PREPARAÇÃO DA JUNTA: Mecânica PASSE (por lado): Simples LIMPEZA INICIAL: Sem CORDÃO: Retilíneo LIMPEZA ENTRE PASSES: N/A GOIVAGEM: Sem LARGURA MÁX. DO CORDÃO (mm): 8 .

100 - .2 CCEP 240 . Polar. DO ARAME ÚNICA GMAW ER 70 S 6 1. A VOLTAGEM V VELOCIDADE (travel speed) cm/min VEL.ESPECIFICAÇÃO DE PROCEDIMENTO DE SOLDAGEM Camada (passe) (layer.25 80 .pass) PROCESSO (process) METAL DE ADIÇÃO (filler metal) Classe (class) (diam) mm Diam.270 21 . CORRENTE (current) Amper.

0 AS: ( ) TIG: ( ) ER: ( ) AT: ( ) Autom.: ( ) Mecaniz.: (x) .REGISTRO DE QUALIFICAÇÃO DE SOLDADOR SOLDADOR: Adão José Nunes Chapa: 2001788 Sinete: 20 EPS utilizada : 02/97 Especificação: LN E 38 Grupo: I Esp.: ( ) MIG/MAG: (x) Manual: ( ) Semi-auto. (mm) : 3.

4G ASME/AWS .POSIÇÕES DE SOLDAGEM SOLDA DE TOPO PLANA EN .PG VERTICAL ASCENDENTE EN .PG ASME/AWS .3G .2G SOBRECABEÇA EN .1G HORIZONTAL EN .PE VERTICAL DESCENDENTE EN .PC ASME/AWS .3G ASME/AWS .PA ASME/AWS .

PG ASME/AWS .PD VERTICAL ASCENDENTE EN .1F HORIZONTAL EN .4F EN .3F .PB ASME/AWS .PA ASME/AWS .POSIÇÕES DE SOLDAGEM SOLDA EM ÂNGULO PLANA EN .2F SOBRECABEÇA VERTICAL DESCENDENTE EN .PG ASME/AWS .3F ASME/AWS .

POSIÇÕES DE SOLDAGEM SOLDA DE TOPO TUBO: ROTATIVO AXIAL: HORIZONTAL PIPE: FIXED AXIS: VERTICAL ASCENDENTE PIPE: FIXED AXIS: HORIZONTAL WELD: VERTICAL DESCENDENTE PIPE: FIXED AXIS: HORIZONTAL WELD: VERTICAL ASCENDENTE .

Posição de Soldagem .

.

.

.

.

.

.

) MATERIAL BASE ESPESSURA (CHAPA) (mm) SOLDA EM CHANFRO SOLDA EM ÂNGULO ESPESSURA (TUBO) (mm) Thickness (plate) (Groove weld) (Fillet weld) Thickness (tube . (F.VARIÁVEIS (Variables) PROCESSO .ESPEC.polarity) POSIÇÃO (Position) PROGRESSÃO DA SOLDA (Weld progression) COBRE .TIPO (Process .spec. (Specification) CLASSIFICAÇÃO (Classification) F Nº. (Material . nº) GÁS .FLUXO TIPO (Gás .28 AWS ER X0 S X F6 TODOS SOLDA EM CHANFRO (Groove weld) SOLDA EM ÂNGULO (Fillet weld) DIÂMETRO (TUBO) (mm) (Diameter (pipe) SOLDA EM CHANFRO SOLDA EM ÂNGULO METAL DE ADIÇÃO (Filler metal) ESPECIFICAÇÃO Nº.18 e A 5.pipe) VALORES USADOS NA QUALIFICAÇÃO (Actual Values used) FAIXA QUALIFICADA (Qualification Range) MAG ÚNICO CCEP 3F DESCENDENTE SIM LN E 38 com to LN E 38 MAG ÚNICO CCEP F.JUNTA (SIM OU NÃO) Backing (yes or no) MATERIAL . H e V DESCENDENTE SIM GRUPO I com I N/A 3.18 EREEEERRRREEE ER 70 S 6 F6 C 25 ARCO PULSADO N/A 3.Fluxe Type ) OUTROS (Other) : TIPO DE TRANSFERÊNCIA (Groove weld) (Fillet weld) ARCO PULSADO .0mm N/A TODOS A 5.type) ELETRODO (ÚNICO OU MÚLTIPLO) Electrodo (single or multiple) CORRENTE E POLARIDADE (current .0mm N/A 3.0mm N/A N/A A 5.

PENETRANTES RADIOGRAFIA METAL DE CONSUMÍVEIS BASE PROCEDIMENTOS SOLDADORES X X X X X X X X X X X X X X ULTRA-SOM ANÁLISE QÚÍMICA DUREZA TRAÇÃO DOBRAMENTO FRATURA IMPACTO MACROGRAFIA X X X X X X X X X X X X X X X .ENSAIOS UTILIZADOS NAS QUALIFICAÇÕES ENSAIOS VISUAL DIMENSIONAL LÍQ.

DESTRUCTIVE TESTING .

Root bend .

Ensaio de Dobramento Lateral .

.

.

Ensaio de Dobramento Lateral Resultado Solda Solda .

.

.

Gráfico do ensaio Charpy 140 ENERGIA ( J ) 120 100 80 Limite aceito por norma 60 40 20 0 -250 -200 -150 -100 -50 0 50 100 TEMPERATURA (°C) .