You are on page 1of 4

Auditoria Interna da Qualidade

As auditorias internas são usadas para determinar em que grau os requisitos do Sistema da Qualidade estão sendo atendidos. As constatações das auditorias internas são usadas para avaliar a eficácia do SQ implementado e para identificar oportunidades de melhoria. Quando se avalia o Sistema da Qualidade, é necessário que algumas questões básicas sejam verificadas em relação a cada um dos processos que está sendo avaliado: 1. O processo está identificado e adequadamente definido? 2. As responsabilidades estão atribuídas? 3. Os procedimentos estão implementados e mantidos? 4. O processo é eficaz para atender os resultados requeridos? Como preparar uma auditoria interna 1.1 – Planejamento e Programação das Auditorias Internas (AI) 1.1.1 – O planejamento das AI é realizado periodicamente pelo Representante da Administração (RA), considerando: • Que a AI deve ser executada a fim de garantir que os vários elementos dentro do sistema sejam adequados e efetivos para atingir os objetivos estabelecidos. • Que os recursos físicos, humanos e financeiros destinados à execução das AI estejam adequadamente dimensionados e efetivamente alocados para atingir o escopo pretendido. • Que a programação das AI deva propiciar a análise das várias áreas incluídas no sistema. 1.1.2 – Como forma e meio de consubstanciar o programa de auditorias, o RA emite o “Plano de Auditoria Interna da Qualidade” 1.1.3 – O Plano de Auditoria deve considerar as Auditorias de acompanhamento e as auditorias extraordinárias sempre que necessário. 1.2 – Qualificação da Equipe de Auditores (EQ) 1.2.1 – O RA providencia a qualificação das equipes de auditores considerando: • Avaliação dos candidatos e auditores internos. Os critérios de avaliação poderão ser definidos com base na ABNT ISO 10011. • Qualificação do Auditor Líder. 1.2.2 - Definição das Equipes de Auditores: • Com base no plano de auditoria interna, o RA deve determinar o escopo geral, a abrangência da auditoria interna e a equipe de auditores, emitindo e enviando a todos envolvidos com antecedência de pelo menos cinco dias a “Notificação de Auditoria Interna”.

5.5 – Conclusão da Auditoria Interna 1. • Solicitar ao responsável pela área a ser auditada. através da “Notificação de Auditoria Interna”. Essas alterações deverão ser em comum acordo com os representantes das áreas a serem auditadas. a equipe auditora realiza a “Reunião de Análise e Fechamento da Auditoria Interna”. por escrito. 1. 1. a disponibilização das documentações. de empresas contratadas para este fim. a equipe auditora promove a Reunião de Encerramento com a área auditada para a apresentação de Resultado da Auditoria e das eventuais Solicitações de Ações Corretivas/Preventivas. observações das atividades e condições da área de interesse. o auditor líder.3. porém o procedimento de esclarecimento para as equipes a serem auditadas deve permanecer o mesmo.1 – Na preparação para a execução da auditoria interna. exames documentais.4 – Execução da Auditoria Interna 1. o auditor líder poderá fazer alterações nas distribuições dos auditores e na sequência dos trabalhos. 1. o auditor poderá descrever uma lista de verificação das tarefas auditadas.1 – Reunião de abertura: Tendo por base na “Notificação de Auditoria Interna”. com base na “Notificação de Auditoria Interna” deve: • Notificar. 1.2 – As evidências objetivas devem ser coletadas através de entrevistas. com antecedência mínima de cinco dias.3 – Preparação para a Execução de Auditoria Interna 1. Quando a auditoria torna-se inexequível. • Incluir na notificação se há necessidade de providenciar equipamentos de segurança individual. para a otimização dos objetivos da auditoria interna.Nota: A Auditoria interna poderá ser realizada por Auditores Externos. para a elaboração do “Relatório de Auditoria Interna” a ser enviado ao responsável pela área auditada e ao Representante da Administração (RA). definições técnicas.5.1 – Sob a coordenação do Auditor Líder. o auditor líder deve informar as razões ao Representante da Administração (RA) e ao responsável da área auditada. listas de verificações ou das atividades que facilitem o percurso e esclarecimentos advindos da auditoria. para as providências cabíveis. o responsável pela área a ser auditada. Observações: Durante a execução da auditoria.4. . a reunião deve ser coordenada pelo Auditor Líder e ter a participação mínima dos membros da equipe de auditores e dos responsáveis pelas áreas a serem auditadas ou um substituto por ele resignado.2 – Sob a coordenação do Auditor Líder. 1.4. Para facilitar o desempenho da auditoria.

1 . Análise e Fechamento da Auditoria Interna e de Encerramento. consideradas as características especiais das NC registradas em Auditoria Interna. tolerante. 1. Competências • Compete aos Auditores da Qualidade avaliar se as atividades da área auditada estão de acordo com o planejamento do Sistema da Qualidade e participar das reuniões de Abertura. preenchido pelo responsável pelo acompanhamento da equipe de auditores na área.7 – Avaliação da Auditoria A avaliação da Auditoria Interna é feita pelo Representante da Administração. • Compete ao Auditor Líder planejar e coordenar a Auditoria Interna. Perfil do Auditor • Capacidade de análise • Flexível e hábil no trabalho em grupo • Habilidade para comunicação oral e escrita • Organizado e pontual • Humilde – posição de “assessor” • Discreto. produzir e disponibilizar o Relatório de Auditoria. polido. enquanto ação preventiva é tomada para prevenir a ocorrência 1. para o responsável da área auditada o Relatório de Auditoria. acompanhar a auditoria e participar das reuniões de abertura e encerramento da auditoria interna.3 – O Auditor Líder deve disponibilizar em no máximo dois dias úteis.5. comunicar ao responsável da área auditada a realização da Auditoria Interna. • Compete ao Representante da Administração o gerenciamento do “Programa de Auditorias Internas”.1. cuidadoso e com personalidade • Íntegro em seus princípios morais • Honestidade de propósitos Comando da Auditoria O Auditor deve adotar as seguintes posturas: . Os resultados desta avaliação são considerados na formação das Equipes Auditoras. disponibilizar os documentos necessários à auditoria interna. coordenar as Reuniões de Abertura. 1.6 – Implementação das Ações Corretivas/Preventivas Ação corretiva é tomada para prevenir repetição da não-conformidade. de Análise e Fechamento da Auditoria Interna e de Encerramento.Esta implementação segue o determinado no procedimento específico para o tratamento de não-conformidades. com as solicitações das ações a serem tomadas.6. com base no Relatório de Auditoria e no “Questionário de Avaliação de Satisfaçã o do Auditado”. • Compete ao responsável da área auditada ou pessoa resignada por ele.

permanecendo cortês e polido. Se a pessoa que está sendo auditada se alterar. • Não confie na sua memória. ela vai deixá-lo na mão. mantenha contato “olho no olho”. controle-se mude de assunto e mais tarde volte ao problema. até que sejam claramente entendidas • Saber agradecer Principais características de uma Auditoria: • Evitar surpresas • Buscar objetividade • Obter dados reais • Operar com bases éticas e de confiança • Atacar os problemas e não as pessoas • Motivar as pessoas das áreas auditadas para a melhoria • Vetar o uso do resultado das auditorias como base para ações punitivas • Avaliar a adequação global do programa da qualidade Benefícios das Auditorias Internas da Qualidade • Verificação do funcionamento do sistema da qualidade e da eficácia de seus elementos • Obtenção de dados reais para as decisões gerenciais • Identificação dos potenciais de melhoria • Avaliação do estado e capacidade dos equipamentos • Identificação de situações de risco em relação a contratos ou a legislações • Avaliação dos custos da qualidade em relação à efetividade do sistema Dicas para uma Boa Auditoria • Não faça perguntas que possam ser respondidas com um SIM ou NÃO. • Cuidado para não se envolver em discussões. estas são as melhores perguntas do auditor.POR QUE. • Somente escreva suas notas após a pessoa ter terminado de falar. • É importante manter a pessoa falando quando ela está passando as informações. movimente a cabeça mostrando interesse.• Insistir com os auditados que respondam por si próprios • Deixar os outros falarem. o auditado pode estar sendo obstrutivo ou tentando testá lo. Dê total atenção. você não vai se lembrar dos detalhes. fica mais difícil para as pessoas serem obstrutivas. Lembre-se. Use as palavras: COMO. QUEM. é o sistema da qualidade que está sendo avaliado e não as pessoas! . • Se você tiver recusa. ONDE. Persista. falando o mínimo possível • Não permitir que o auditado imponha o ritmo da auditoria • Reformular perguntas mal entendidas. QUANDO.