You are on page 1of 2

5 No que diz respeito à educação infantil [...] a lei se limita a indicar sua finalidade [...], a suaorganização [...

] e que a avaliação será feita pelo acompanhamento e registro do desenvolvimentoinfantil, sem objetivo de promoção [...]. (p. 211).Em se tratando do ensino fundamental [...]. Fica, pois, a critério dos sistemas de ensino a decisão dedividir ou não em ciclos e, no caso de optarem pela divisão, cabe-lhes também decidir quantos serãoos ciclos (p. 212).O ensino médio teve, no texto da lei, um tratamento que, fundamentalmente, não discrepa daqueleque recebera nas versões anteriores. [...] o texto da lei tem a vantagem de ser mais conciso mas tema desvantagem de ter diluído o pequeno avanço representado pelo esforço em explicitar a exigênciade uma maior articulação entre os estudos teóricos e os processos práticos. (p. 213). Educação Profissional [...] esse capítulo parece mais uma carta de intenções do que um documento legal, já que não defineinstâncias, competências e responsabilidades. (p. 216).[...] indefinição ter-se-ia dado em função de se deixar o espaço aberto para a lei relativa ao ensinoprofissional e técnico cujo projeto, de iniciativa do governo federal, se encontra tramitando noCongresso Nacional? (p. 216). 6 [...] esse projeto traz como conseqüência o descomprometimento do MEC em relação às escolastécnicas federais, [...]. (p. 216). Educação Superior [...], cabe destacar como ponto positivo a revogação da emenda [...] que inclui como uma dascaracterísticas das universidades a exigência de que pelo menos um terço do corpo docente sejaconstituído de mestres e doutores. (p. 216).[...] o artigo 57 determina que “nas instituições públicas de educação superior, o professor ficaráobrigado ao mínimo de oito horas semanais de aulas”. (p. 217)[...] esse caráter de obrigatoriedade resulta inconstitucional, já que fere o princípios da autonomiauniversitária. (p.217). Educação Especial [...] apresenta o entendimento dessa área como uma modalidade da educação escolar que devesituar-se preferencialmente na rede regular de ensino [...], determina a existência, quandonecessário, de serviços de apoio especializado [...], prevê o recurso a classes, escolas ou serviçosespecializados quando não for possível a integração nas classes comuns [...] e estabelece que suaoferta se dará a partir da educação infantil. (p. 218). h t t p : / / a m i g a d a p e d a g o g i a. b l o g s p o t. c o m

7 À parte o caráter circular, vago e genérico da definição que encabeça o art. 59 (entende-se poreducação especial educação destinada a educandos portadores de necessidades especiais) [...] aEducação Especial ganha, nesta lei, um lugar mais destacado [...]. (p. 218).

.218). especificamente. e mesmo com essas características não tão positivas. 219). mas não apresentam alternativas. sobretudo no que toca ao ensino fundamental e. 222). 219).223). o rumofundamental que a Educação Brasileira deve seguir apresentando implicitamente uma influência(concepção) neoliberal. Insiste que a universidadetem dado muito pouca contribuição ao desenvolvimento dos sistemas estaduais e municipais deensino.de aplicação geral. pois..] definir critérios que permitam evitar essa “proliferação de artifícios” está muito longe de seconfigurar como atentado à liberdade de ensino da iniciativa privada... considerando que.[.. foi composta sob divergências eapresentando muitas lacunas em vários segmentos da educação. nesse aspecto. (p. 8 Recursos Financeiros O primeiro aspecto a destacar diz respeito à fixação de prazos para o repasse dos valores do caixada União.].Entretanto. os professores na universidade ficam anosdiscutindo.. h t t p : / / a m i g a d a p e d a g o g i a..] diferentes tipos de instituições se apresentam como “entidades privadas sem fins lucrativos”habilitando-se. na questão da formaçãode professores.] teve o inegável mérito de chamar os municípios ao cumprimento de suasresponsabilidades constitucionais no tocante ao ensino fundamental. não encaminham a solução das questões práticas [.] a atual administração do MEC está desacreditada da universidade.Os Profissionais da Educação O texto da LDB estabelece como regra para a formação dos profissionais da educação o nívelsuperior admitindo. a respeito doSistema Nacional de Educação e do Conselho Nacional de Educação. considerar com cautela a alternativa da criação dos Institutos Superior de Educação. como formação mínima para o magistério no âmbito da educação infantile das quatro primeiras séries do ensino fundamental.(p.[. (p.[.. ao contrário. nos termos do artigo 213 da Constituição.. a beneficiar-se de recursos públicos. (p. .. dos Estados..possibilita mesmo que minimamente uma nova forma de conceber a educação brasileira frente ásnecessidades atuais. que normatiza e dá a direção. 222). dando margem até para visualizar de forma mais clara necessidades maisprofundas que ainda limitam nosso sistema e possibilitando perspectivas de maior direito aeducação àqueles que estavam (e estão ainda) à margem do processo. (p. (p. c o m 9 CONSIDERAÇÕES A LDB como forma reguladora da Educação Nacional..[. do Distrito Federal e dos Municípios ao órgão responsável pela educação[. configurou como umsalto importante rumo à regulação de estrutura e funcionamento mais efetivo da educação nacional. b l o g s p o t. abstrata e de caráter impositivo....](p. 223). como por exemplo. a de nível médio na modalidade Normal. éuma regra de caráter global.É preciso.] o “Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização doMagistério” [.Outro ponto positivo é a delimitação do que pode e do que não pode ser considerado como despesade manutenção e desenvolvimento do ensino [. Significa. porém.É um documento que mesmo originado sob influência de uma estrutura dominante..]. oempenho em zelar pela boa destinação e bom uso dos recursos públicos (p.indicando direções para sua execução. 222).