You are on page 1of 2

d.

Ao analisar o caso em questão, podemos diagnosticar a empresa em seus aspectos econômicos e financeiros levando-se em consideração os dois sistemas da seguinte forma: Segundo Crepaldi em sua obra contabilidade gerencial, por meio de um sistema de custeio aperfeiçoado é melhor realizar a projeção de produtos que correspondam as expectativas dos clientes e possam ser produzidos e oferecidos com lucro. Dentro deste conceito e com base no sistema de custo variável e custo por absorção, podemos notar que na referida empresa o sistema de custos variáveis considerou como custo de produção do período apenas os custos variáveis incorridos, sendo que os custos fixos pelo fato de existirem mesmo que não haja produção, foram considerados como despesas e encerrados no resultado do período, porém levou a empresa a um custo menor do que no sistema do custeio por absorção, sendo que o lucro nesse período foi de R$ 1.500,00 enquanto o por absorção foi de R$ 2.800,00, mesmo tendo em vista que o sistema de custos por absorção apropria todos os custos tanto os fixos como os variáveis à produção e as despesas são excluídas, ou seja, as despesas são jogadas no resultado do período e todos os custos são alocados aos produtos fabricados e só podem serem considerados despesas ao ocorrer a venda. Entretanto, após analisar gerencialmente os dois meses, observou-se que o melhor sistema de custeio para a empresa em questão é o sistema de custeio variável, pois houve um aumento considerável de janeiro que era de R$ 1.500,00 para R$ 3.000,00 no mês seguinte, enquanto no sistema de custeio por absorção ocasionou uma redução no seu lucro, pois no mês de janeiro era de R$ 2.800,00 reduzindo para R$ 1.700,00 no mês seguinte. Observou-se ainda que esse aumento no lucro da empresa pelo sistema de custeio variável e redução no lucro pelo sistema de custeio por absorção, ocasionou-se devido a redução da produção de 35 para 20 umidades, ou seja, no sistema de custeio variável os lucros variaram no mesmo sentido das vendas, e como as vendas aumentaram de 25 para 30 unidades o lucro também aumentou, sendo assim se as vendas aumentarem o lucro também aumentará, já no sistema por absorção o lucro depende das vendas e do volume de produção, portanto, mesmo as vendas aumentando o seu lucro diminuiu ocasionado devido a redução da produção. Além disso tendo em vista que a margem de contribuição é um conceito de extrema importância para a tomada de decisões gerenciais e para o custeio variável,

No absorção se eu aplicar uma margem de contribuição do variável. observou-se também que a aumento de R$ 7.000 no seu estoque final. sendo assim podemos entender s margem de contribuição como a parcela do preço de venda que ultrapassa os custos e despesas variáveis que contribuirá para a absorção dos custos fixos e.00 para R$ 9. para formar o lucro. .500. o valor do por absorção vai ser mais elevados. ainda.sendo que a mesma se da pelo pela diferença entre o preço de venda e a soma dos custos e despesas variáveis.