You are on page 1of 2

 

A EVOLUÇÃO DA TRANSMISSÃO AUTOMÁTICA NO BRASIL Na década de 60, foram montados os primeiros automóveis equipados com transmissão automática no Brasil. Naquele tempo, o GALAXIE, o DODGE DART, o OPALA dentre outros, eram veículos top de linha no seu segmento e muito pouca informação tinham tanto os usuários quanto os reparadores sobre os “segredos” de uma transmissão automática. Como operar, quando realizar a manutenção, onde comprar peças, que oficinas utilizar, etc... eram as principais preocupações de todos, e tais problemas muito contribuíram para frear sua utilização no Brasil. Foram precisos 30 anos para vencer tais preconceitos, uma vez que nos últimos 5 anos o Brasil tem experimentado um crescimento explosivo dos veículos montados com transmissão automática. Notamos que no passado o usuário justificava a compra de um veículo com transmissão mecânica dizendo que os carros automáticos eram para pessoas portadoras de deficiências físicas ou idosas, da mesma maneira que ninguém queria carro de 4 portas, dizendo que só serviam para táxi e pessoas idosas. O por que de tais argumentos ridículos? Simplesmente porque temos a tendência de seguir a grande maioria, e ninguém que criticava havia de fato dirigido por algum tempo um veículo equipado com transmissão automática. Hoje, com o crescimento desordenado do trânsito, especialmente nas grandes capitais, vemos cada vez mais pessoas utilizando carros automáticos, sem cogitar sequer por um momento em voltar para os carros com câmbio mecânico, uma vez que o conforto e segurança proporcionados pelos primeiros excedem em muito os do segundo grupo. Aliado a isto deve-se somar o fato que mais e mais técnicos hoje estão se especializando neste segmento, tornando a reparação das caixas automáticas menos problemáticas, as peças são distribuídas em mais lojas de auto peças e informação especializada em forma de manuais técnicos estão cada vez mais presentes nas oficinas bem conceituadas dos grandes centros. Por tudo isto, podemos afirmar sem grandes chances de erro que dentro de mais alguns anos o Brasil será um dos expoentes no segmento de veículos automáticos. A APTTA

Sintam-se à vontade para formular perguntas e solicitar informações sobre o tema. tanto ao usuário que nos procura como ao técnico reparador. orientando e ajudando a todos neste promissor segmento da reparação automotiva. Redação APTTA Brasil Diretor Técnico: Carlos Napoletano Neto     . o país do futuro em termos de câmbio automático.  Brasil – Associação de Profissionais Técnicos em Transmissão Automática. colaborando com treinamentos e manuais técnicos elaborados de forma fácil e tecnicamente correta. sente-se orgulhosa em participar deste crescimento. pois nossos técnicos e consultores aí estão para ajudar a tornar este país. com a finalidade de elucidar de uma vez por todas os “segredos” da transmissão automática.