Abaixo os triglicéridos

Consulte a lista de alimentos a evitar, se tiver triglicéridos elevados. EVITAR (ou consumir apenas esporadicamente)  Produtos açucarados (gelados, bolos, bolachas, pastelaria, compotas, chocolates, mel e fruta em calda).  Refrigerantes e sumos concentrados de fruta, sumos naturais, frutos cristalizados e secos (uvas, figos e ameixas).  Bebidas alcoólicas.  Alimentos com índice glicémico (IG) elevado, especialmente se ingeridos fora de uma refeição rica em fibras ou isoladamente (corn flakes, pão de forma industrial, mel, puré de batata, tostas, pão comum, bolachas de água e sal, torrada ou Maria, batata cozida ou assada, pão de leite, entre outros).  Alimentos ricos em gordura saturada (leite gordo, natas, manteiga, queijos gordos e gordura da carne, sobretudo da vermelha, charcutaria, salgados e fast food frito).

Combater os triglicéridos
Tenho 39 anos e sou bastante activo, vou ao ginásio três vezes por semana, não fumo e não bebo. Como tenho os triglicéridos elevados (a 350) receitaram-me um medicamento (sinvastatina). A minha alimentação inclui muito muesli, fruta e atum em lata. Como sopa, costumava comer muita massa, arroz e pão integral mas agora faço-o menos e já não como carne vermelha. Que alimentos me aconselha para uma dieta adequada? Meço 1,73 m e peso 69 quilos. O seu IMC (índice de massa corporal) é 23kg/m² e, como diz ser activo, assumo que a sua gordura corporal está dentro dos valores recomendados, mas existe uma forma fácil de confirmar: medir o perímetro da cintura, que tal como o IMC permite avaliar a gravidade do excesso de gordura corporal (mesmo com pesos normais). Se a sua cintura, ao nível do umbigo, medir mais do que 94 centímetros (mais do que 80 centímetros na mulher) tem excesso de gordura visceral ou obesidade do tipo andróide, um factor de risco importante para o desenvolvimento de diabetes, hipertensão e doençascardiovasculares. A grande maioria das hipertrigliceridemias resulta da ingestão de bebidas alcoólicas, da diabetes e da obesidade (resistência à insulina). No seu caso, o álcool parece não ser a causa, sobre o nívelde açúcar do sangue em jejum nada diz (se a glicemia em jejum for inferior a 100 mg/dl é recomendada uma prova de tolerância à glicose oral). Contudo, parece existir, ou já existiu, um consumo excessivo de produtos ricos em açúcares, incluindo a frutose (existe na fruta,mas também em refrigerantes e produtos que dizem ser «sem açúcar»), e de farináceos à base de farinhas muito refinadas como é o caso da carcaça ou massa. Faça o seu muesli em casa, misturando aveia integral ou outros cereais com pequenas porções de frutos gordos, como as amêndoas e sementes (linhaça, abóbora). Os produtos comerciais contêm passas de uva e frutos secos desidratados e açucarados em demasia. As sinvastatinas são mais usadas para baixar o colesterol do que os triglicéridos – confirme com o seu médico se existem outros factores de risco cardiovascular, nomeadamente valores baixos do bom colesterol (HDL). Os ácidos gordos polinsaturados ómega (derivados dos peixes de águas frias que se alimentam do fitoplâncton) promovem a redução em 20 a 40 por cento dos triglicéridos, sem alterarem significativamente o LDL-C e o HDL-C, pelo que podem ser uma alternativa no tratamento das hipertrigliceridemias. Além de baixarem os triglicéridos, os óleos de peixe têm outras propriedadescardiovasculares benéficas como a prevenção das arritmias ventriculares e da morte súbita.

Triglicéridos - o que eles fazem?
Triglicéridos, como componentes principais de lipoproteína de densidade muito baixa (VLDL) e quilomícrons, desempenham um papel importante no metabolismo como fontes de energia e os transportadores de gordura dietética. Eles contêm mais de duas vezes mais energia (9 kcal/g ou 38 kJ/g) como carboidratos e proteínas. No intestino, triglicéridos são divididos em monoacylglycerol e os ácidos graxos livres em um processo chamado lipólise, com a secreção de lipases e biliares, que posteriormente se mudou para absorção enterócitos, células de revestimento dos intestinos. Os triglicéridos são reconstruídos em enterócitos de seus fragmentos e embalados juntamente com colesterol e proteínas para quilomícrons formulário. Estas são excretadas das células e coletadas pelo sistema linfático e transportadas para as grandes embarcações perto do coração antes de ser misturado no sangue. Vários tecidos podem capturar os quilomícrons, liberando os triglicéridos para ser usado como uma fonte de energia. Células de gorduras e fígadas podem sintetizar e armazenar triglicéridos. Quando o corpo requer ácidos graxos como fonte de energia, o hormônio glucagon sinaliza a repartição dos triglicéridos, sensíveis ao hormônio lipase para liberar os ácidos graxos livres. Como o cérebro não pode utilizar os ácidos gordos como fonte de energia (a não ser convertido em uma cetona), o componente de glicerol de triglicerídeos pode ser convertido em glicose, através da gluconeogénese, para combustível cérebro quando ele é discriminado. Células de gordura também pode ser discriminadas por essa razão, se o cérebro precisa já superam o corpo. Triglicéridos não podem passar livremente através das membranas celulares. Enzimas especiais nas paredes dos vasos sanguíneos chamados lipases lipoproteína devem quebrar triglicerídeos em ácidos graxos livres e glicerol. Ácidos gordos, em seguida, pode ser absorvidos pelas células através do transportador de ácidos gordos (gordura).

Triglicérides - Quais são Triglicerídeos?
Triglicérides (triacilglicerol, TAG ou triacilglicerídeos) é um éster composto por um glicerol ligada a três ácidos graxos. É o principal constituinte dos óleos vegetais e gorduras animais.

e.colesterol nível. por ordem de concentração.70-2. elas derretem sobre uma ampla gama de temperaturas. como 15. Os ácidos gordos. O risco pode ser parcialmente explicada por uma forte relação inversa entre triglicéridose níveis de HDL.25 2. Na forma de triglicéridos. de baixo risco Borderline alta Alto .65 Faixa normal. devido à ação de bactérias no rúmen. o risco de doença cardíaca e acidente vascular cerebral. os grupos hidroxilo do glicerol juntar aos grupos carboxilo do ácido gordo para formar ligações éster. Ácidos graxos naturais encontrados em plantas e animais são normalmente composta apenas por números pares de átomos de carbono. por extensão. hidrólise da ligação e "liberar" o ácido graxo. monoglicéridos (um glicerol. a gordura animal ruminante contém ácidos graxos ímpares. devido à forma como eles são bio-sintetizados a partir de acetil-CoA. Cada ácido gordo tem um grupo carboxilo (-COOH). Bactérias. os lípidos não podem ser absorvidos pelo duodeno. o impacto negativo de níveis relativamente elevados de triglicéridos em comparação com o de LDL: HDL rácios é ainda desconhecido. combinado com três moléculas de ácido gordo. Em triglicéridos. Os triglicéridos são formados a partir de uma única molécula de glicerol. Mais gorduras naturais contêm uma mistura complexa de triglicéridos indivíduo.Consequentemente. oleico e esteárico. mas 16. altos níveis de triglicérides no sangue têm sido associados aaterosclerose . No entanto. Comprimentos de cadeia dos ácidos gordos de ocorrência natural de triglicéridos podem ser de comprimentos variáveis. possuem a capacidade de sintetizar os ácidos gordos ímpares e de cadeia ramificada. um ácido gordo) e alguns diglicéridos são absorvidos pelo duodeno. As enzimas pancreáticas lipase age na ligação éster. A molécula de glicerol tem três grupos (OH)hidroxilo.26-5. no entanto. Por causa disto.A maioria das gorduras digeridos pelos seres humanos são os triglicéridos. uma vez que os triglicéridos foram discriminadas.69 1. A manteiga de cacau é invulgar na medida em que é composta de apenas alguns triglicéridos. uma das quais contém os ácidos palmítico. Triglicérides e Doença No corpo humano. 18 e 20 átomos de carbono são os mais comuns. Orientações A American Heart Association estabeleceu as diretrizes para os níveis de triglicerídeos: Nível mg / dL Nível mmol / L Interpretação <150 150-199 200-499 <1.

tenho o colesterol total alto (239 mg/dl) e os triglicéridos altíssimos (299 mg/dl).como carne (frango. Tenho uma questão que gostaria de ver consigo. os fibratos têm sido usados para reduzir substancialmente os triglicéridos. . peru e raramente porco.não gosto de fast food.bebo leite magro e como iogurtes naturais todos os dias. nem refogado. A redução dos níveis de triglicerídeos As dietas ricas em carboidratos . . . . Em alguns casos.como sopa todos os dias.como 3 peças de fruta por dia. .como salada (sem temperos nem molhos) todos os dias. após consulta com a médica de família cortei totalmente com gorduras e doces e os . . que mal me permitia andar). felicito-a pelo excelente trabalho em prol de uma sociedade mais saudável. . . Acompanho os seus blogs há algum tempo. com carboidratos que representam mais de 60% da ingestão calórica total. Os níveis de triglicerídeos permanecem temporariamente mais elevada por um período de tempo após a ingestão. com fiambre de peru ou queijo ligth (A Vaca que Ri – 1 triangulo dá-me para 2 vezes). preferencialmente escuro. . Triglicéridos e Colesterol elevados Boa tarde Drª Madalena.doces só esporadicamente. nunca frito. vaca não como) ou peixe estufado ou cozido. . O uso pesado de álcool pode elevar os níveis de triglicérides. natas. nas sopas.como pão. deixei de fazer exercício físico e estava medicada. note que esta informação é relevante para os níveis de triglicérides como testados após jejum de 8 a 12 horas.não uso molhos. pode aumentar os níveis de triglicérides. altura em que estive gravemente doente (sacro-íleite direita.65 Muito alto: alto risco Por favor. A carnitina tem a capacidade para diminuir no sangue de triglicéridos níveis. etc.gorduras só azeite e pouco. .não como fritos. considero que tenho uma alimentação saudável: . Verificou-se que os residentes nos países Ocidentais não ingerem quantidade suficiente de alimento com ómega-3.como leguminosas. Esta situação já se tinha verificado há cerca de 1 ano atrás. Além dos cuidados com a alimentação pratico exercício físico regularmente (2/3 vezes por semana) Ainda assim.> 500 > 5.

têm de recorrer à medicação.meia caneca diária Centeio Arroz integral Massa Integral Pão Integral Batata assada com casca Leguminosas .) Comer mais alimentos de origem vegetal que animal FIBRAS: *Aveia . Não aumentei de peso (meço 1. comendo saudável. (ler todos os rótulos. Cumprimentos. Nem sempre as pessoas conseguem responder à dieta. e varie: Citrinos Pêra e maçã com casca Pêssego . etc. voltei a fazer análises na semana passada e parece que voltou tudo à situação de partida. por causa da questão da sacro-íleite. fazendo exercício. Tomo também anticoncepcionais para controlo hormonal (tomava Diane 35..1 x por dia: Feijões grão Soja Ervilhas Lentilhas. Carlota RESPOSTA: Cara Carlota Obrigada pelo seu contacto. O peso genético pode ter bastante influência em algumas condições. no entanto.6m e peso entre 53 e 54 quilos)..níveis de colesterol e de triglicéridos baixaram substancialmente. Desde finais do ano passado que tomo diariamente Apton 20 e Indocid Retard. nem alterei hábitos alimentares. Os seus pais que valores têm de colesterol e tg? (não é para me responder..3x dia como já faz mas escolhas estas preferencialmente.) Pode no entando experimentar doses diárias de flocos/papas de aveia* e ainda estas outras indicações: ELIMINAR TODAS AS GORDURAS TRANS: gordura vegetal hidrogenada ou parcialmente hidrog. passei a tomar Valette). e é por isso que muitas pessoas. Há alguma razão para apresentar estes valores? Muito obrigada. seguindo ordens da ginecologista. Hortaliças frescas (todas) . mesmo magras.2x ao dia no prato (só sopa não chega): Alho abóbora aipo batata doce brócolos beterraba beringela cenoura cebolas couves espargos ervilhas espinafres salsa pimentos Fruta fresca (toda) .. mas em Junho. e a do perfil lipídico é uma delas.

Neste artigo. Como reduzir os triglicéridos. Madalena Nutricionista . ganho de peso. Você também pode querer ficar longe de cereais. que é deduzida a partir de três ácidos gordos e glicerol. licor. se os níveis de triglicéridos são elevados. Junto com o álcool de açúcar. . você terá que manter um guia sobre tudo o que entra em sua boca. doença cardíaca acidente vascular cerebral. Portanto. A dieta para baixar o triglicérides é baixa em hidratos de carbono.2colheres de sopa por dia no mínimo Óleos de soja e girassol Leite e Lacticínios magros / meio gordos Peixes gordos . etc além de fazer mudanças no estilo de vida. Eles têm mais do que duas vezes a energia presente nos hidratos de carbono e proteínas. vinho. vamos aprender sobre como reduzir os triglicéridos naturalmente. de certos alimentos.são todos e com detalhes alterados para não ser fácil identificar :) felicidades.máximo 1 x por semana Partes magras do porco e vaca . como cerveja. Faz para um dos principais componentes de gordura animal e óleo vegetal. etc também devem ser evitados. Os triglicéridos demasiado elevada pode dar origem a um número de problemas de saúde como aterosclerose. Assim. Se pusesse o seu email no blog seria sempre anonimamente .www. A dieta para triglicérides também é baixa em açúcar. que é depois convertida em triglicéridos. redução dos triglicéridos rápido é importante.com Muñoz Como reduzir os triglicéridos Naturalmente Triglicérido é também conhecido como triacilglicerol ou triacylglyceride. como é o caso com hidratos de carbono. você terá que tomar outras medidas para reduzir os triglicéridos naturalmente.madalenamunoz. O excesso de açúcar é convertido em glicose. você vai ver um monte de pessoas são recomendadas dietas baixas em hidratos de carbono. É um composto orgânico..4 vezes por semana: salmão sardinhas atum arenque cavala Aves sem pele .Banana Ananás Azeite . sem medicação As causas do nível elevado de triglicérides é o tipo de estilo de vida se segue. Vamos agora aprender a baixar os níveis de triglicérides. Para manter os triglicéridos faixa normal. rígido. aumentar o triglicérides no corpo também. Os itens alimentares que aumentam os níveis de glicose no sangue.máximo 3 x por mês Se puder fazer exercício 5 x por semana seria muito melhor.

o que fará com que você consumir alimentos frescos e saudáveis. Se você está querendo saber como reduzir os triglicéridos naturalmente. etc. Houve uma pesquisa realizada para descobrir. feijão. então a primeira medida é para começar a exercer. Se nós temos que dar uma resposta curta e nítida de como reduzir os triglicéridos. Óleo de peixe que consome regularmente ajuda na redução dos níveis de triglicérides e reduzir o risco de acidente vascular cerebral e parada cardíaca. A vitamina B3. em vez fazer suas próprias refeições. também pode ser utilizado com êxito para níveis mais baixos de triglicéridos. Você vai ter que optar pelos substitutos saudáveis para o arroz branco. os níveis de triglicérides estão no lado errado e você também é excesso de peso. vieiras. brócolis. Certifique-se de ficar longe de carne vermelha. vulgarmente conhecido como niacina. etc também têm ácidos gordos ómega neles. antes de iniciar o consumo de niacina você pode querer conversar com seu médico sobre o mesmo. então é através de uma dieta saudável.iogurtes adoçados com sabor e barras energéticas diferentes disponíveis no mercado. aumentar o consumo de alimentos ricos em fibras como aveia. Agora que você sabe como reduzir os triglicéridos. Você pode consumir em vez de carne branca e peixe. Portanto. etc. mas também regular os níveis de triglicéridos no corpo. Estudos têm demonstrado o fato de que o consumo de ácidos graxos ômega 3 ajuda a diminuir o nível de triglicérides em 29%. que é o melhor momento para exercer a regular os níveis de triglicérides. A pesquisa provou que o exercício da manhã é mais benéfica. Exercícios contribuir não só para reduzir o peso. que está presente na corrente sanguínea. Existe uma relação estreita entre o óleo de peixe e triglicérides. é constituída por uma molécula de glicerol com três ácidos gordos ligados a ele. Se. você terá de tomar as medidas adequadas e manter os níveis de triglicérides em cheque. triglicerídeos são cruciais para o bom funcionamento dos processos metabólicos do corpo e mais . batatas. Você gostaria de. halibut. como a sardinha. Além de hortaliças. caranguejo de rei. damascos. que não são o que você gostaria de comer quando seus níveis de triglicerídeos não são no limite. naturalmente. salmão. que ajudam a se livrar das toxinas do corpo. camarão. Estas refeições vêm com adicionados de óleos. conservantes. são conhecidos por reduzir os níveis de triglicérides. cereais integrais. peixe. mas em quantidades menores. em outras palavras carboidratos refinados. etc como a cavala. então aqui está a resposta. existem algumas pessoas que são alérgicas a niacina. A dieta deve ser rica em proteínas e fibras. etc. etc Você também pode optar por suplementos de psyllium. Os sintomas de triglicerídeos altos Triglicérido é a forma mais comum de gorduras. Vegetais como a couve-flor. de acordo com a tabela níveis de triglicérides. No entanto. atum. Você também pode querer ficar longe de takeouts e / ou pronto-a-comer refeições. Como outras macromoléculas. Quimicamente. truta. frutas como maçãs. arenque. Pode-se também consumir peixes ricos em ômega-3 os ácidos gordos essenciais.

O facto mais preocupante é que um nível de triglicéridos elevada durante um período mais longo apresenta um risco de doença cardíaca. enquanto que um nível de triglicéridos acima de 200 é alta. Embora existam vários tipos de medicação terapêutica para o tratamento de triglicérides elevados. resultando em dor abdominal aguda. pois aumenta o risco de acúmulo de triglicérides em excesso. Em vez disso. a presença de triglicéridos mais do que o intervalo recomendado pode resultar em vários sintomas. outras causas de níveis altos de triglicérides são doenças renais. uma condição denominada xantomas. dando tempo para o corpo de utilizar a energia gerada. enquanto abstendo-se dos fatores de risco.importante. naturalmente. Calorias não utilizadas são imediatamente convertido em triglicérides. você pode consumir pequenas refeições várias vezes ao dia. Algumas das dicas eficazes para reduzir os triglicéridos. Assim. para fornecimento de energia.Pessoas que estão com sobrepeso ou obesas têm maior risco de sintomas de triglicérides elevados e riscos. a maioria dos médicos recomendam mudanças no estilo de optar para ser a abordagem de tratamento primeiro. problemas de tiróide. resulta de triglicérides elevados condição de inflamação do pâncreas. diabetes não tratado. No entanto. Uma leitura de triglicéridos que cai abaixo de 150 é considerado normal. aumentando assim o risco de níveis elevados de triglicérides. os níveis elevados de triglicérides no sangue na verdade. Então. é a melhor maneira de fazer modificações de estilo de vida saudáveis. o paciente pode desenvolver depósitos de gordura abaixo da pele. é importante para manter o peso sob a faixa saudável. . Causas e sintomas de triglicerídeo alta Em termos médicos. são: * Weight Control . os sintomas de níveis altos de triglicérides estão sobretudo relacionadas com a doença cardíaca e complicações cardiovasculares. Tratar os sintomas de triglicerídeos altos Ao falar sobre o tratamento dos sintomas de triglicérides elevados. Em vez disso. a causa primária de uma hipertrigliceridemia é a obesidade e / ou consumir mais calorias do que a exigência corpo. Além de ser obesas. Por isso. não é invulgar que um paciente com uma condição hipertrigliceridemia permanece sem diagnóstico. perda de apetite e problemas digestivos. para ser no lado mais seguro. não causar sinais perceptíveis. No caso de uma hipertrigliceridemia hereditária relacionada. Vamos dar um olhar mais os sintomas elevados de triglicérides e métodos de tratamento. * Comer Hábito . o que faz com que níveis altos de triglicérides? De acordo com especialistas em saúde. podemos dizer que os sintomas de altos níveis de triglicérides não são específicos. Para muito poucos pacientes.Não entrar em consumir grandes porções de cada vez. um nível de triglicéridos de alta é referido como hipertrigliceridemia. até que a manifestação de algumas complicações de saúde grave. abuso de álcool e os efeitos colaterais de medicamentos. Ao falar sobre os sintomas. Similar às complicações de saúde de níveis elevados de colesterol.

* Álcool e Não Fumar .Realizar atividades físicas é uma solução prática para os níveis mais baixos de triglicerídeos. * Exercício . Além disso. aumentando simultaneamente os níveis de colesterol bom no organismo.Abster-se de bebidas alcoólicas e tabagismo são uma obrigação de seguir passo para combater os sintomas de triglicérides elevados. quando dizemos dieta para redução de triglicérides. Ficar longe de tais hábitos ajudará a manter o corpo em forma e livre de doenças. a fim de identificar se as formas acima mencionadas naturais estão mostrando resultados efetivos ou não. Sem dúvida. monitorização apertada dos níveis de triglicérides é recomendado. a questão é decidir. não se esqueça de manter um controlo sobre o nível de glicose no sangue e pressão arterial. limitar a ingestão de tais alimentos gordurosos e açúcar refinado. . O exercício também promove redução do colesterol ruim. Por isso. Mas.o principais fontes de triglicérides são os óleos vegetais e gorduras animais. principalmente. minimizando assim o risco de doença cardíaca. Se não. se hábitos de vida são suficientes para manter os níveis de triglicérides normais. No geral. que envolve. os sintomas elevados de triglicerídeos pode ser combatido de alguma forma com remédios naturais. o médico pode prescrever medicamentos para o tratamento de colesterol de triglicéridos elevada.* Gorduras limite .

Colesterol e Triglicérides O que é colesterol? Colesterol é um tipo de gordura que é produzido exclusivamente por animais. se ocorrer no cérebro. composto por uma molécula de glicerol e três moléculas de ácidos graxos. A obstrução das artérias pela deposição de gordura (colesterol) nas suas paredes é conhecida como aterosclerose. que os acumulam no tecido adiposo na forma de gordura. o paciente tem angina ou um infarto. e assim por diante. compostas por algumas proteínas na superfície e contendo lipídios (gorduras) no seu interior. Existem vários tipos de lipoproteínas. O colesterol ligado às partículas de HDL pode ser dosado em laboratório. O colesterol circula normalmente no sangue. c) VLDL (very-low-density lipoprotein. Se isso ocorrer no coração. tais como: a angina pectoris (uma dor no peito de origem cardíaca). pois a redução dos níveis de colesterol pode protegê-las de doenças cardíacas e derrame cerebral. Transportam o colesterol do fígado e do intestino para os tecidos periféricos. Essas partículas são chamadaslipoproteínas. Os triglicérides são a principal forma de estocagem de energia dos animais. ouhipercolesterolemia. . os médicos prescrevem tratamento para pessoas com colesterol alto. Também transportam colesterol. quanto maiores os níveis de HDL no sangue de uma pessoa. Qual a importância dos níveis de colesterol no sangue? O aumento dos níveis de colesterol acima de limites desejáveis é conhecido como hiperlipidemia. O colesterol ligado às partículas de HDL pode ser medido por exames de laboratório. ou simplesmente dislipidemia. exercício e medicações adequadas. O órgão ou tecido afetado sofre danos graves pela falta de circulação. Assim. perda de peso. onde vai ser metabolizada. na forma de gordura. pois vários estudos grandes mostraram que os níveis aumentados de LDL estão fortemente associados com o risco de doença cardiovascular. Como as gorduras circulam no sangue? As gorduras circulam no sangue na forma de partículas esféricas. são um tipo de gordura. inclusive os humanos. o derrame (acidente vascular cerebral) e problemas de circulação em outros locais do corpo.transportam basicamente triglicérides. ou lipoproteína de alta densidade) . A maioria das pessoas com colesterol alto não tem qualquer sintoma. o sangue não consegue mais circular pelo vaso atingido. As mais importantes são: a) LDL (low-density lipoprotein. no entanto. ou lipoproteína de baixa densidade) . b) HDL (high-density lipoprotein. O aumento das VLDL (que pode ser constatado pelo aumento dos triglicérides no sangue) também aumenta o risco de problemas cardíacos. Felizmente. o infarto do miocárdio. ou lipoproteína de muito baixa densidade) transporta colesterol e triglicérides. Por esse motivo. a pessoa tem um derrame. ao contrário da LDL. e é chamado HDLcolesterol. d) Quilomícrons . na grande maioria dos casos os níveis de gordura no sangue podem ser controlados com uma combinação de dieta.É conhecida como “bom colesterol”. os níveis altos de colesterol sangüíneo aumentam muito o risco do indivíduo apresentar doenças graves. menores são suas chances de desenvolver doenças cardiovasculares. e é chamado de LDLcolesterol. O que são os triglicérides? Triglicérides. sendo usado pelas células do corpo para construir as membranas celulares. ou triglicerídeos. pois.Também é chamada de “mau colesterol”. mas no sentido inverso do LDL: retiram a gordura dos tecidos periféricos e dos vasos e a transportam para o fígado. para fabricação de alguns hormônios e vitaminas e também como uma fonte de energia. e isso leva finalmente ao entupimento da artéria. Todas essas doenças ocorrem porque o colesterol aumentado no sangue acaba se depositando nos vasos sangüíneos (artérias) com o passar do tempo.

O método mais utilizado é o chamado score de Framingham. para a população geral.Que tipos de gordura podem ser dosados no sangue? A maioria dos laboratórios consegue dosar os seguintes tipos de gordura: . que está fortemente associado com o risco de doença cardiovascular. estão na tabela abaixo: Valores de Referência dos Lípides Sangüíneos para a População Geral Esses valores de colesterol são válidos para todos os indivíduos? Não. ou “lipidograma”. Um cuidado importante quando se vai colher uma amostra de sangue para dosagem do perfil lipídico é que o paciente deve fazer pelo menos 12 horas de jejum antes da coleta. para não haver interferência nos resultados do exame.LDL-colesterol. Isso é especialmente válido para o LDL-colesterol. HDL-colesterol. . onde há um valor de corte nítido entre o normal e o anormal. é prudente atribuir valores “normais” de colesterol cada vez mais baixos quanto maior é o risco de doença cardíaca de um paciente ou grupo de pacientes. . Quais são os valores normais de colesterol e triglicérides? Os valores de referência usados pela maioria dos laboratórios clínicos. Diferente de outros exames. Visto que quanto maiores os níveis de colesterol. Ou seja: pessoas de alto risco de doença cardiovascular precisam ter um nível de colesterol mais baixo do que pessoas de baixo risco.Triglicerídeos. Existem várias formas de definir quais são os valores desejáveis de colesterol de um determinado paciente. os níveis de colesterol considerados adequados para determinada pessoa vão depender das características desse indivíduo. maiores são as chances de doença cardíaca.HDL-colesterol. LDLcolesterol e triglicerídeos . que avalia o risco de doença cardiovascular de acordo com a presença ou não de certos fatores de risco. que é a dosagem dos 4 tipos principais de gorduras: colesterol total.Colesterol total. . . Geralmente os médicos solicitam um exame chamado “perfil lipídico”.

então o objetivo do tratamento é impedir que ele apresente um novo episódio. derrame ou doença arterial periférica. Nesse caso. angina.Moderado: entre 10 e 20%. . Trata-se de um paciente em prevenção primária. ou através de programas especialmente desenhados para esse fim. onde você entra com suas informações (nível de pressão.História familiar de doença cardiovascular prematura (ou seja. e que são levados em conta no cálculo do score de Framingham. o manejo dos níveis de colesterol deve ser mais rigoroso. Os mais importantes.) e o próprio programa calcula o seu risco. Considera-se esse risco: . Se o paciente nunca teve infarto do miocárdio. Agora.Idade: maior que 45 anos em homens e maior que 55 anos em mulheres. dependendo das características do paciente: Valores Desejáveis de LDL-Colesterol de Acordo com o Risco Cardiovascular . Você pode calcular seu score de Framingham de 2 maneiras: ou usando tabelas prontas. . em parentes de primeiro grau: homens abaixo dos 55 anos e mulheres abaixo dos 65 anos). que vão pontuar a presença ou não de cada um dos fatores de risco mais importantes. Como calcular o score de Framingham? O score de Framingham estima o risco de uma pessoa apresentar doença cardiovascular nos próximos 10 anos. .Tabagismo. . são os seguintes: . há vários outros fatores que podem aumentar o risco de uma pessoa desenvolver doença cardiovascular. idade.Hipertensão arterial. de acordo com o score de Framingham? Os valores desejáveis de colesterol e triglicérides também vão depender de outro dado importante: se o paciente já apresentou ou não algum tipo de doença cardiovascular. Experimente calcular seu score de Framingham: Calculadora online Tabelas Então. .Quais são os outros fatores de risco para doença cardiovascular? Além dos níveis de colesterol.Diabetes mellitus.Presença de outras doenças relacionadas à aterosclerose: acidente vascular cerebral ou doença arterial periférica (má circulação nos membros inferiores). . pois trata-se de um paciente em prevenção secundária. então o objetivo do tratamento é impedir que ele venha a apresentar algum desses distúrbios. níveis de colesterol etc.Baixo: quando menor que 10%. . se o paciente já apresentou alguma dessas doenças.Alto: maior que 20%. A tabela abaixo apresenta as principais recomendações para os níveis desejáveis de LDLcolesterol. quais são os valores desejáveis de colesterol e triglicérides.

Finalmente. Outras causas de aumento dos triglicérides. Portanto. ou aneurisma de aorta abdominal. Além disso. leite integral. se os triglicérides estiverem muito aumentados nessa situação. seja como pílulas anticoncepcionais ou como tratamento da menopausa (reposição hormonal). Freqüentemente. HDL-colesterol baixo. banha) pode fazer os níveis de colesterol aumentarem. quanto mais acima do peso um indivíduo. ou doença sintomática das artérias carótidas. algumas doenças do rim (síndrome nefrótica) e alguns distúrbios genéticos (hipertrigliceridemia familiar). Quais são as causas do aumento do colesterol? O consumo exagerado de alimentos ricos em colesterol (carnes gordas. A gordura do corpo é composta na sua grande maioria por triglicérides. Além disso. pode ser necessário o uso de estrógenos por outra via que não a oral (injetável. adesivos.* Doença cardiovascular é definida como a presença (ou história prévia) de: infarto do miocárdio ou angina. maiores seus níveis de triglicérides. uma causa comum do aumento de triglicérides é o uso de estrógenos por via oral. principalmente se houverem várias pessoas na mesma família com esse problema. o excesso de peso pode fazer os níveis de colesterol e triglicérides subirem. bacon. Em mulheres. Quais são as causas do aumento dos triglicérides? A causa mais comum do aumento de triglicérides é a obesidade. que devem ser pesquisadas em todos os pacientes. são: ohipotireoidismo. glicemias alteradas (ou diabetes) e/ou pressão alta. manteiga. ou doença arterial periférica. é a chamada síndrome metabólica. fatores genéticos podem ser responsáveis pelo aumento do colesterol em algumas pessoas. O consumo exagerado de carboidratos ou açúcar pode aumentar os triglicérides também. cremes ou . Lembre que os triglicérides são a forma na qual a energia em excesso é armazenada no corpo humano. o diabetes mellitus descontrolado. pessoas obesas apresentam triglicérides elevados. Mulheres tendem a ter um aumento do colesterol após a menopausa. (Leia mais sobre síndrome metabólica clicando aqui). o consumo de grandes quantidades de álcool também pode elevar os triglicérides. queijos amarelos.

neste caso. corticóides. a maioria dos médicos hoje recomenda manter um nível de LDL-colesterol mais baixo ainda: menor que 70 mg/dL. o LDL-colesterol ainda estiver acima de 190 mg/dL em qualquer paciente ou acima de 160 mg/dL em pacientes com 2 ou mais fatores de risco adicionais. Medicações são geralmente utilizadas quando o LDL-colesterol está acima de 100 ou 130 mg/dL. b) Prevenção primária (pessoas sem doença cardiovascular conhecida) . exercícios físicos. angina. Pessoas com níveis de colesterol dentro da faixa desejável podem colher um novo exame em apenas 5 anos. é necessário repetir o exame com mais freqüência e/ou buscar avaliação médica para iniciar o tratamento mais adequado. Quais são as mudanças de estilo de vida que ajudam a controlar o colesterol? Todos os pacientes com níveis altos de colesterol total ou LDL-colesterol devem efetuar mudanças dos seus hábitos alimentares. medicações e combinações dos dois. LDLcolesterol e triglicérides). Várias medicações também podem aumentar os triglicérides. mas medicações podem ser necessárias. Em diabéticos com doença cardiovascular. Uma exceção são os diabéticos. o médico pode recomendar uma tentativa com mudanças dos hábitos de vida (cuidados com a alimentação. Quem deve receber tratamento para os níveis de triglicérides? Triglicérides aumentados também podem aumentar o risco de doença cardiovascular. Medicações podem ser necessárias se. queijo).Forte história familiar de doença cardiovascular. principalmente diminuindo o consumo de gordura total e gorduras saturadas. . um tratamento mais agressivo. após algumas semanas de dieta. Para isso.000 mg/dL). façam uma dosagem de colesterol e triglicérides pelo menos uma vez a cada 5 anos.infarto. Como é feito o tratamento? Os níveis de lipídios (colesterol e triglicérides) no sangue podem ser reduzidos com o uso de modificações de estilo de vida. HDL-colesterol. portanto pode ser necessário tratamento específico para sua redução nas seguintes situações: . leite. e são encontradas principalmente em alimentos de origem animal (exemplo: carne. beta-bloqueadores. avaliando caso a caso. derrame. perda de peso) antes de resolver prescrever alguma medicação. .Presença de outros fatores de risco cardiovascular. É preferível a coleta do perfil lipídico completo (colesterol total. Quem deve fazer exames para avaliar seus níveis de colesterol e triglicérides? As recomendações atuais são de que todos os adultos.Presença de doença cardiovascular (prevenção secundária). Quem deve receber tratamento para os níveis de colesterol? A decisão de iniciar tratamento para redução dos níveis de colesterol (ou triglicérides) é feita pelo médico. Geralmente é desejável um nível de LDL-colesterol menor que 100 mg/dL. mas também podem ser encontradas em .Aumento combinado de LDL-colesterol e triglicérides. dentre elas: diuréticos.Níveis extremamente altos de triglicérides (maior que 1. se houver qualquer alteração. Entre 100 e 130 mg/dL. manteiga.vaginal). se presente: prevenção secundária). a partir dos 20 anos de idade. objetivando uma redução importante dos níveis de colesterol. é recomendável. pode-se tentar apenas a modificação dietética. perda de peso e prática de exercício. má circulação em membros inferiores) . Gorduras saturadas são aquelas que se tornam endurecidas à temperatura ambiente. que devem ter um LDL-colesterol menor que 100 mg/dL. é necessário considerar todas as outras características do paciente. Em certos casos. anti-psicóticos e medicações contra o vírus HIV. . . tais como a presença de outros fatores de risco cardiovascular e a presença ou não de doença cardiovascular instalada (se ausente: prevenção primária. uma dieta específica é recomendada se houver LDL-colesterol muito aumentado ou um aumento de LDL-colesterol moderado na presença de dois ou mais fatores de risco cardiovascular.Neste grupo de indivíduos. a) Prevenção secundária (pessoas com doença cardiovascular prévia .

alimentos de origem vegetal (óleos vegetais.Opte por queijos brancos. óleo de oliva). . Parar de fumar também é muito importante. isso significa que o produto tem pouca gordura e seguro para consumo? Nem sempre. .Evite fritar os alimentos. bacon. Alguns produtos.Prefira leite e laticínios desnatados. .produtos vegetais como: óleo de coco. Quanto à alimentação. prefira grelhar. manteiga de cacau e margarina. apesar de não possuírem colesterol. Se o rótulo de um produto traz a informação de que o mesmo é “sem colesterol”. Uma opção também é o uso de alguns produtos comerciais contendo um tipo de gorduras vegetais conhecido como fitostanóis.Dê preferência a carnes magras (frango. temperos de salada cremosos ou oleosos etc. podem ser fabricados com grandes quantidades de gordura saturada. peixe ou carne bovina magra). retire também a pele do frango e do peixe antes de consumi-los. manteiga. monoinsaturada e poli-insaturada. . frango e peixe antes de prepará-los. O paciente deve dar preferência ao consumo de gorduras poli-insaturadas (óleos vegetias. .Use a menor quantidade possível de gordura para preparar os alimentos. o rótulo do produto traz informações sobre a sua quantidade de gordura saturada. gorduras saturadas e insaturadas. óleo de soja) ou mono-insaturadas (nozes. . A maneira mais segura de saber se um determinado produto é seguro ou não é lendo as informações nutricionais no rótulo. margarina etc.Reduza alimentos ricos em gordura: maionese. abacate. Mesmo assim. que estão presentes em margarinas e óleos vegetais especiais criados para atender às pessoas que precisam controlar seus níveis de lipídios no sangue. alguns vegetais são ricos em outros tipos de gordura que podem ser perigosas se consumidas em excesso. Em alimentos industrializados. gordura saturada e colesterol. Exercícios aeróbicos muitas vezes são auxiliares importantes do tratamento. açúcar).) não têm colesterol porque os vegetais não possuem colesterol. massas. pois a pele é rica em gordura. com menor teor de gordura. . Para entender isso. .Prefira alimentos com menos gordura total. gorduras totais.Limite a ingesta de gemas de ovos: no máximo 2 por semana. lembre-se que o colesterol é uma gordura produzida apenas por animais. Ali devem estar discriminadas as quantidades de calorias. molhos cremosos (preparados com creme de leite). Portanto. .Prefira alimentos preparados com grãos integrais: pão. óleo de milho. arroz. assar. em pacientes que estão com sobrepeso ou obesidade. Vários alimentos vêm com a inscrição “sem colesterol” no rótulo e mesmo assim são ricos em gorduras saturadas. pois os mesmos são ricos em fibras alimentares que ajudam a controlar os lipídios sangüíneos. através da restrição de gorduras e carboidratos (pães. Tais produtos podem ser identificados na prateleira do supermercado pelas informações nos rótulos. Portanto. também ser útil. perder peso (em pessoas com obesidade ou sobrepeso). massas integrais. . ou com “baixo teor de colesterol”.Evite embutidos. e portanto devem ser evitados. Quando usar medicações para controlar o colesterol? As medicações estão indicadas quando o paciente tiver níveis muito elevados de colesterol . A perda de peso. . é recomendável reduzir o consumo de calorias totais. cozinhar ou refogar.Retire a gordura visível da carne. O consumo de gorduras saturadas deve ser reduzido ao mínimo. acostume-se a ler os rótulos! Algumas dicas para reduzir o consumo de gordura saturada estão na tabela abaixo: . Que mudanças de estilo de vida podem ajudar a controlar os triglicérides? Os passos mais importantes são: melhorar a alimentação. arroz. aumentar o nível de atividade física e diminuir ou interromper o consumo de álcool. biscoitos.Coma vegetais frescos e frutas todos os dias. principalmente na redução dos triglicérides.

Entretanto. ciprofibrato. São as drogas mais eficazes pararedução do colesterol total e LDL-colesterol. Costumam ter menos efeitos colaterais que outros tipos de medicação. náusea. principalmente quando usados em doses altas: sensação de calor na parte superior do corpo. ou com aspirina (tomada 30 minutos antes). eficácia e efeitos colaterais. b) Fibratos . Quando a pessoa costuma ingerir quantidades grandes de gordura total ou saturada. É uma droga fraca quando utilizada isoladamente. etofibrato. Devem ser usados com cautela em pacientes com doenças renais. para ajudar a reduzir os níveis de colesterol e triglicérides. Podem ser usados algumas vezes junto com alguma estatina (em pacientes com aumento tanto do LDL-colesterol quanto dos triglicérides). flatulência e problemas do fígado. O médico geralmente vai recomendar o uso de medicações para controle do colesterol se.Incluem o bezafibrato. na maioria dos casos a redução de LDL-colesterol obtida com a dieta isolada é da ordem de 5 a 8%. em pessoas com níveis muito altos de colesterol e LDL-colesterol. pode ser necessário o uso de mais de uma medicação. atorvastatina.é uma vitamina que reduz o nível de LDL-colesterol e VLDLcolesterol. e geralmente seus efeitos são muito pequenos em comparação com as medicações disponíveis. avaliado pelo score de Framingham).ou LDL-colesterol. d) Ácido nicotínico (niacina) . hoje em dia. apenas a modificação da dieta não é capaz de controlar os níveis de colesterol na maioria dos pacientes. pravastatina. coceira. perda de peso e exercícios. Podem ser usados em casos de aumento leve a moderado do colesterol. São mais eficazes na redução de triglicérides e aumento do HDL-colesterol. No entanto. 6 ou 12 meses. também têm efeitos adversos incômodos e freqüentes. Infelizmente. preços. além de ter diferentes mecanismos de ação. Que medicações podem ser utilizadas para controle do colesterol? Vários tipos de medicações estão disponíveis. ou quando tiver um aumento moderado mas os níveis não atingirem a meta desejada depois de algum tempo de cuidados com a dieta e exercícios físicos. Um resumo dos outros tratamentos está abaixo: . Qual a utilidade do óleo de peixe? E da soja? E do alho? Várias outras formas de tratamento têm sido propostas para controle do colesterol. Pode ser usado para alguns casos de LDL-colesterol alto com HDL-colesterol muito baixo. os níveis de colesterol do paciente não chegarem no recomendado para esse paciente (de acordo com seu grau de risco cardiovascular. portanto são mais utilizados para tratamento de triglicérides elevados. Um dos efeitos adversos mais comuns são os problemas musculares: dores musculares (nas coxas. c) Resinas seqüestrantes de ácidos biliares .Incluem a sinvastatina. ou com o uso de formulações de niacina de liberação prolongada. mas nesse caso aumentam o risco de lesão muscular pela estatina. náuseas.é uma medicação nova que ajuda a reduzir o LDL-colesterol e o colesterol total. pernas. além de aumentar o HDL-colesterol (“bom” colesterol) de uma forma mais importante que outras medicações. e) Ezetimibe .Incluem a colestiramina e o colestipol. braços) devem ser relatadas imediatamente ao médico se surgirem após o início da medicação. rosuvastatina. que podem ser reduzidos em 20 a 60% (dependendo da medicação e da dose). Diminuem a absorção de gordura pelo intestino. Algumas vezes. mas produzem vários efeitos colaterais como: diarréia. Diminuem a produção de colesterol pelo fígado. lovastatina e fluvastatina. cólicas. Cada classe de medicações tem uma ação maior sobre um ou outro tipo de gordura sangüínea. depois de um certo tempo (3. mas produz uma boa redução do colesterol quando utilizada juntamente com as estatinas. Os efeitos colaterais podem ser reduzidos se a medicação for tomada com comida. a modificação da dieta consegue reduzir os níveis de LDL-colesterol em até 10 ou 20%. problemas do fígado. que possuem menos efeitos colaterais que as formulações de ação rápida. formigamento e adormecimento das extremidades. Converse com seu médico antes de iniciar o uso de qualquer desses suplementos. fenofibrato e gemfibrozil. Por isso. São as medicações mais utilizadas para controle do colesterol. As principais classes de medicamentos são as seguintes: a) Estatinas . O médico é quem vai definir qual o tipo de medicação mais adequada para cada caso. mas poucas delas realmente funcionam. é usada quase sempre em associação com a sinvastatina ou atorvastatina. além de reduzirem modestamente os triglicérides. dependendo do caso) com modificação dietética.

um significativo aumento no risco de doenças como o diabetes. Quando essas mudanças de comportamento não são suficientes.hormone. o colesterol (ou os triglicérides) voltam a subir e o paciente volta a ter um risco aumentado de problemas cardiovasculares. podem ser necessárias outras medidas. no Brasil. tais como o uso de medicamentos ou mesmo a cirurgia de redução de estomago (gastroplastia). o infarto do miocárdio e a osteoartrose. a hipertensão. O aumento no numero de pessoas com excesso de peso.org III Painel sobre Tratamento de Adultos http://www. c) Alho . no ímpeto de perder muitos quilos de forma rápida e sem muito esforço. o médico deve avaliar bem os riscos e os benefícios do uso de medicações em cada caso. De fato. o tratamento da obesidade sempre deve começar com orientações especificas sobre a alimentação e aconselhamento sobre exercícios físicos regulares. recorre ao uso de medicamentos que não seriam os mais indicados ao seu tratamento. além dos problemas estéticos.O consumo regular de alho pode ajudar a reduzir discretamente o colesterol total e o LDL. diabetes etc. na maioria dos casos. Texto adaptado de: The Hormone Foundation . o aumento de colesterol não tem cura.). muitas vezes.Há alguns estudos mostrando que o consumo regular de berinjela pode ajudar a reduzir um pouco o nível de colesterol. diarréia).alguns suplementos à base de óleo de peixe são ricos em ácidos graxos ômega-3 e ômega-6. Entretanto. Assim como outros problemas de saúde (pressão alta. Por isso. Por quanto tempo usar a medicação? Uma vez iniciada a medicação para controle dos níveis de colesterol ou triglicérides. o paciente obeso. cheiro de peixe ou gosto de peixe na boca.As isoflavonas são substâncias presentes na soja que têm um efeito semelhante ao hormônio natural feminino (estrógeno). Uma vez que se interrompa o uso dos medicamentos.nhlbi. se deve a mudanças nos hábitos alimentares e no nível de atividade física da população.gov/guidelines/cholesterol/index.a) Óleo de peixe . mas seu efeito costuma ser fraco. seu uso deve ser mantido por toda a vida. LDL e triglicérides.www. que afeta cerca de 40% dos adultos brasileiros. a venda dos medicamentos "moderadores de apetite" . observado nas ultimas décadas. e as medicações controlam as gorduras do sangue apenas enquanto estão sendo tomadas. gases. O individuo com alguns quilos a mais apresenta. Por essa razão. de acordo com o ultimo levantamento do IBGE. Podem ajudar a reduzir um pouco o colesterol total. Precisam ser usados em altas doses e produzem alguns efeitos colaterais incômodos (náusea. e por isso têm sido usadas para aliviar sintomas da menopausa em algumas mulheres. d) Berinjela .nih. b) Proteína de soja .htm "Fórmulas" Para Emagrecer O excesso de peso é um importante problema de saúde pública. que ajudam a reduzir os triglicérides mas podem aumentar um pouco o LDL-colesterol.

Um grande perigo para os pacientes obesos é o uso das chamadas "fórmulas" mágicas. eles continuam sendo utilizados com muita freqüência por médicos inescrupulosos e por pacientes pouco motivados a mudarem seus hábitos de vida. bem como várias outras substâncias de efeitos diversos. a anfepramona ou o mazindol). São compostos que associam. Além disso.Podem aumentar a pressão arterial. numa mesma cápsula. dependendo da dosagem e da forma que são utilizados. como a vigilância sanitária não consegue fiscalizar adequadamente a prescrição e uso desses coquetéis. anfepramona. varias substâncias diferentes. os efeitos podem ser imprevisíveis e até mesmo fatais. podendo em algumas situações levar a risco de morte. numa só cápsula. podem provocar dependência física e psicológica.tiratricol ou Triac) e calmantes (diazepam). causar insônia. De que são feitas as "fórmulas" para emagrecer? As "fórmulas" geralmente associam. conforme normas emitidas pelo Conselho Federal de Medicina e pelo Ministério da Saúde.T3. ou "coquetéis". boca seca. Veja abaixo os principais efeitos colaterais de cada tipo de substância usada nas "fórmulas": 1) Moderadores de apetite (femproporex.ou até mais. maior a chance de efeitos colaterais sérios. Esses compostos possuem vários efeitos colaterais graves.aumentou em cerca de 500% nos últimos cinco anos. agitação. O preocupante é que muitas vezes essas medicações são prescritas sem um programa concomitante de dieta e exercício. de acordo com um relatório da Junta Internacional de Fiscalização de Entorpecentes (JIFE). ele vai ganhar novamente todo o peso perdido . mazindol) . se não tiver melhorado seus hábitos de alimentação e atividade física. e nessa situação os medicamentos. com o objetivo de aumentar a perda de peso ou diminuir os efeitos colaterais das outras substâncias. produzir arritmias cardíacas. um medicamento inibidor do apetite (em geral. geralmente manipuladas em farmácias. dietilpropiona. dificilmente são eficazes. ansiedade e até mesmo delírios e alucinações . mas assim que interromper seu uso. Quer dizer: o paciente pode perder vários quilos durante o uso da medicação. tais como: o femproporex. cáscara sagrada) ou química (fenolftaleína). Algumas vezes podem conter também hormônios tireoidianos (como a tiroxina . a liotironina . suor excessivo. um anorexígeno derivado das anfetaminas.T4. ou o acido triiodotiroacético . Quando se associam vários compostos com ações diversas numa mesma cápsula. mas infelizmente. sozinhos. acelerar os batimentos cardíacos (taquicardia). Quais os efeitos colaterais das "fórmulas"? Quanto mais substâncias químicas uma pessoa ingere. juntamente com um diurético(furosemida) e um ou mais laxantes de origem vegetal (fucus. um órgão ligado à Organização das Nações Unidas (ONU). É o chamado "efeito sanfona". com o objetivo de acelerar a perda de peso. para emagrecer. O uso dessas "fórmulas" éPROIBIDO no Brasil.

sene. fucus. mania de perseguição. fobias. com receita medica. Os efeitos são mais graves quanto maior a dose e maior o tempo de utilização. paranóia.) . 4) Laxantes (fenolftaleína. bem como à perda de sais minerais importantes (potássio. agitação. irritabilidade) produzidos pelos moderadores de apetite e hormônios tireoidianos. Quando usados isoladamente. podem levar a problemas renais graves (insuficiência renal e pedras nos rins).). sódio. infarto. 2) Hormônios tireoidianos (liotironina ou T3. Assim como os hormônios tireoidianos. existem varias regulamentações para o seu uso (vide abaixo). Como seus efeitos colaterais são geralmente bem maiores que seus benefícios nessa situação. mas logo foram abandonados porque podem provocar taquicardia. irritabilidade e problemas menstruais quando utilizados em doses altas ou em pessoas que não tenham determinadas doenças da tireóide (Leia mais sobre isso na seção de Hipotireoidismo). Seus efeitos colaterais podem ser potencializados pelo uso concomitante de moderadores de apetite (como acontece nas "fórmulas"). Além disso.Foram os primeiros medicamentos utilizados para o tratamento da obesidade.) . depressão. Quando usados em conjunto com essas outras substâncias. arritmias cardíacas. angina. No entanto. nem os diuréticos nem os laxantes são recomendados para emagrecimento. bromazepam. aumento da pressão arterial. e tem a vantagem do custo acessível. insônia. no final do século XIX. tiroxina ou T4. hidroclorotiazida etc. Podem levar a problemas renais e intestinais diversos. o uso de laxantes por tempo prolongado pode fazer com que o intestino fique "dependente" desses medicamentos. podem provocar angina. 4) Calmantes e ansiolíticos (diazepam. não há nenhuma justificativa para o seu uso no tratamento da obesidade na ausência de algumas doenças da tireóide. surtos .em algumas pessoas. Além disso. clonazepam. o uso de hormônios tireoidianos promove perda não só da gordura corporal. Além disso. mas no Brasil ainda podem ser usados. agitação. podem causar dependência se usados por mais de alguns meses. podem levar a ganho de peso. lorazepam. 3) Diuréticos (furosemida. acido triiodotiroacético ou Triac ou tiratricol) . mas também do tecido muscular e ósseo. infarto e morte por parada cardíaca. cálcio etc. levando a osteoporose (com aumento do risco de fraturas ósseas) e a fraqueza muscular importante e redução da tolerância aos exercícios e da capacidade de trabalho. Em indivíduos que já tenham pressão alta ou problemas cardíacos. podem levar a interações medicamentosas diversas e efeitos imprevisíveis sobre o sistema nervoso central (delírios. Esses medicamentos são proibidos na maioria dos paises desenvolvidos. Por alterarem o conteúdo de água do organismo.Reduzem o peso apenas através da perda de água corporal. sem interferir na quantidade de gordura do corpo.Agem da mesma forma que os diuréticos: diminuem o peso aumentando a perda de água nas evacuações. e o paciente vai ter muita dificuldade em evacuar sem o uso dos mesmos.São colocados nas "fórmulas" apenas para tentar diminuir os efeitos colaterais (insônia. cáscara sagrada etc. alucinações. fluoxetina) .

sonolência excessiva. um ganho de 4 quilos. ele fatalmente recuperara todo o peso perdido (ou mais) dentro de poucos meses. as "fórmulas" não funcionam em longo prazo.Não há estudos sobre o uso dessas substâncias no tratamento da obesidade. hormônios da tireóide. Além disso. ansiedade. a maioria dos pacientes não suporta os efeitos adversos potencialmente graves desses compostos e acaba utilizando-os por poucas semanas. com um ou mais dos seguintes fármacos: benzodiazepínicos (calmantes). Alguns tipos de "fórmulas" podem levar a perdas de mais de 10 quilos por mês no inicio do uso. Para algumas pessoas. aloína. Assim como os moderadores de apetite. não é isso o que acontece. uma vez que pode haver efeitos colaterais ainda ignorados. portanto não se sabe se são úteis ou não. quitosana. cansaço. No caso das "fórmulas". a interrupção da "fórmula" vai causar perturbações serias. como depressão.no final das contas. como não há estudos sérios sobre seu uso. Nesse caso. As "fórmulas" para emagrecer funcionam? Em curto prazo. Além disso. que proibiu aos médicos a prescrição simultânea de drogas moderadoras de apetite (tipo anfetaminas). . Quais são as leis que regulamentam o uso de remédios para emagrecer e "fórmulas"? O Conselho Federal de Medicina (CFM) publicou em 1997 a Resolução CFM numero 1477/97.). Vale ressaltar que uma perda de peso saudável e aquela que reduz a quantidade de gordura corporal e melhora a saúde geral do individuo. pois um indivíduo pode perder 8 quilos durante o uso das drogas e ganhar 12 quilos depois que parar seu uso . as "fórmulas" acabam sendo "remédios que engordam". não podem ser recomendados para o tratamento da obesidade. além de poder apresentar varias complicações de ordem mental e física e correr um enorme risco de ganhar peso novamente após interrupção do seu uso. desanimo. inchaço. O mito de que remédios "naturais" não possuem efeitos adversos e totalmente falso. pois a pessoa perde não só gordura como também músculos. e deve-se ter muita cautela com seu uso. Se o paciente não tiver mudado seus hábitos nesse intervalo. massa óssea e água corporal. gelatina. No entanto. diuréticos. guaraná. hipotireoidismo e até mesmo tentativas de suicídio. glucomannan) . também não há conhecimento sobre seus possíveis efeitos colaterais.psicóticos etc. Como seus efeitos são desconhecidos. extratos hormonais e laxantes. De fato. Portanto. as pessoas que conseguem fazer uso desses "coquetéis" por mais tempo correm um risco alto de desenvolver dependência física e psicológica (provocada pelos moderadores de apetite e calmantes). mal-estar. o uso de "fórmulas" produz perda de peso. muitos dos medicamentos e venenos mais potentes conhecidos na atualidade são derivados de substâncias "naturais". 5) Compostos "naturais" e ervas diversas (erva-de-são-joão. passiflora. com finalidade de tratamento da obesidade ou emagrecimento. obstinação intestinal. kava-kava. também podem provocar dependência se usados por tempo prolongado.

elaborado em 1998 pelas maiores autoridades medicas latino-americanas envolvidas com esse assunto. Essa determinação consta da Resolução MERCOSUL/GMC número 39/99. diuréticos. o Grupo Mercado Comum (GMC) resolveu proibir a fabricação. fentermina. O Consenso também restringe o uso de "fórmulas magistrais" (manipuladas) aos paises onde não se encontra o principio ativo industrializado ou quando se pretendem utilizar doses diferentes das medicações. com relação ao uso de medicações no tratamento da obesidade: a) a medicação não deve ser a única forma de tratamento. A própria Agencia Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) constituiu em 2000 o Grupo Assessor de Estudos sobre Medicamentos Anorexígenos. hormônios. que aplica ao território de todos os paises membros do Mercado Comum do Sul. que regulamentou a prescrição e venda de substâncias e medicamentos sujeitos a controle especial em território nacional. Outro importante documento a regulamentar o uso de moderadores de apetite pela classe medica é o Consenso Latino-Americano de Obesidade.Leia a Resolução CFM 1477/97 na íntegra clicando aqui. O Consenso estabelece as seguintes diretrizes. e não exclusivamente à redução de peso. Em 1999. Em 1998. femproporex. extratos hormonais e laxantes. Clique aqui para acessar o Consenso Latino-Americano de Obesidade. especifica que é proibida a prescrição e aviamento de fórmulas contendo a associação de um moderador de apetite com calmantes. que publicou seu Parecer Técnico-Científico no Diário Oficial de 21 de julho de . A Portaria também determinou que a embalagem desses medicamentos contivesse uma tarja preta contendo as frases: "Venda sob prescrição medica" e "O abuso deste medicamento pode causar dependência". a saber: aminorex. o Ministério da Saúde confirmou essa orientação do CFM através da aprovação da Portaria numero 344/98. Leia a Portaria MS 344/98 na íntegra clicando aqui. b) a medicação deve ser dirigida ao tratamento integral do paciente obeso. incluindo os moderadores de apetite. As orientações acima foram adotadas também pelos paises membros do MERCOSUL. mazindol e mefenorex. hormônios. fendimetrazina. diuréticos. Essas substâncias só podem ser compradas com receita medica especifica (azul) e sua venda é fiscalizada pela Vigilância Sanitária. Essa Portaria. laxantes ou qualquer outra substância medicamentosa. c) sempre deve ser prescrita e observada por um medico. sendo que o seu uso deve respeitar as regulamentações e normas éticas de cada pais. A Portaria ainda lista os compostos que são considerados moderadores de apetite. distribuição e comercialização de medicamentos industrializados ou preparações magistrais contendo moderadores de apetite (anorexígenos) associados entre si ou com calmantes. no seu Artigo 47. anfepramona (ou dietilpropiona). manipulação. Leia a Resolução Mercosul/GMC numero 39/99 na íntegra clicando aqui.

formaram o Grupo de Especialidades para o Tratamento da Obesidade. . Leia sobre o Relatório da JIFE clicando aqui. Leia a Posição Oficial da SBEM sobre Formulação de Medicamentos. Uma das primeiras realizações do Grupo foi o lançamento. O relatório apontou novamente o Brasil como maior consumidor mundial de drogas estimulantes utilizadas para emagrecer. percebendo a importância do problema da manipulação excessiva e descontrolada de medicamentos para emagrecer. a atenção da mídia e dos profissionais de saúde foi despertada com relação ao problema do uso excessivo de anorexígenos no país pela divulgação de um relatório da JIFE (Junta Internacional de Fiscalização de Entorpecentes). A Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM) também entrou na luta pela redução do uso dos famigerados coquetéis para emagrecer. Essa lei embasou muitas novas ações penais contra médicos que prescrevessem anorexígenos em doses maiores que as recomendadas e em associações proibidas. Em 2006. Em 2006. juntamente com profissionais da Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e Síndrome Metabólica (ABESO) e da Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD). Um importante passo no sentido de coibir e punir o uso indiscriminado e antiético de anorexígenos foi dado quando o Congresso Nacional aprovou uma nova Lei Antidrogas (Lei número 11. Ou. A própria Associação Nacional de Farmacêuticos Magistrais (ANFARMAG).343/2006. especialistas da SBEM. de 23 de agosto de 2006). Este documento recomendou que fossem intensificadas as medidas de controle para evitar o uso indevido e indiscriminado desses medicamentos no Brasil. junto aos órgãos oficiais. que atua para o Escritório Contra as Drogas e o Crime da ONU. medidas para inibir o uso de "fórmulas" emagrecedoras. Clique aqui para acessar o texto integral da Lei 11. se preferir.343.2000. através do estabelecimento de punições aos médicos e farmacêuticos envolvidos com as más-práticas em relação ao uso de anorexígenos e fiscalização intensiva dos estabelecimentos que trabalham com essas medicações. Esse grupo de especialistas começou a apresentar e defender. Leia o Parecer Técnico-Científico na íntegra clicando aqui. leia o Relatório na íntegra aqui (em inglês). de uma Posição Oficial sobre a Formulação de Medicamentos. lançou em 2006 um Guia para a Farmacoterapia da Obesidade. ainda em 2006. onde propõe parâmetros éticos e seguros para o uso desses medicamentos. que condena a manipulação de anorexígenos juntamente com outras substâncias com finalidade de emagrecimento.

Além disso. de 5 de setembro de 2007). internet etc. acabam recorrendo a algum tipo de solução "mágica" para o seu problema. circunstâncias diversas. com o intuito de limitar e punir o uso irresponsável desses medicamentos. vivemos num mundo que é uma verdadeira fábrica de obesos. parece interessante à primeira vista para pessoas que querem perder peso "rápido e sem sacrifício". em setembro de 2007. seja pelas características próprias do seu trabalho (mais e mais sedentário) e pela existência de varias outras formas de lazer que não exigem esforço físico (TV. cinema. Dessa forma.Clique aqui para ler a posição da ANFARMAG sobre remédios para emagrecer. Essa procura por uma solução fácil acaba gerando uma grande procura por médicos que dêem a receita desses compostos. seja por desinformação ou por mera comodidade. onde estabelece doses máximas para cada anorexígeno e define normas mais rígidas para sua prescrição. sem um bom programa de reeducação alimentar e exercícios regulares. A falta de uma fiscalização adequada e eficiente por parte da Vigilância Sanitária também facilita a ação desses profissionais inescrupulosos e malintencionados. raramente resulta em beneficio real para o paciente. acaba produzindo mais resultados prejudiciais que benefícios. Veja aqui a posição da SBEM com relação à RDC 58/2007. nesse contexto. como anunciam os usuários desse tipo de tratamento. Mesmo na internet podem ser encontrados vários sites que prometem vender a "solução definitiva para o seu problema de peso" na forma de cápsulas ditas milagrosas. na imensa maioria das vezes. É preciso muito cuidado com essas . aprovou a vinda da nova regulamentação da ANVISA e inclusive sugeriu aos seus associados meios de denunciar profissionais que ainda insistissem em prescrever anorexígenos de forma ilegal e antiética. sem qualquer tipo de receita medica. se são proibidas e perigosas? Infelizmente. Entretanto. Porque as "fórmulas" continuam sendo utilizadas. Mas o uso desses coquetéis. A SBEM. Clique aqui para acessar a RDC 58/2007 da ANVISA. Há até mesmo farmácias que vendem livremente frascos e mais frascos das famigeradas "fórmulas". tais como a falta de tempo livre. baratos e altamente calóricos. a ANVISA lançou a Recomendação da Diretoria Colegiada número 58 (RDC 58. O uso de "fórmulas". a ANVISA e o Ministério da Saúde finalmente reviram suas normas e regulamentos para o uso de anorexígenos. a violência urbana e a ausência de espaço físico adequado acabam inibindo a pratica de atividades físicas regulares pela população. Assim. Com base na posição dessas importantes sociedades profissionais. como já vimos. Há muita disponibilidade de alimentos saborosos. aviamento e utilização. muitos indivíduos com excesso de peso.). o uso de medicações de forma isolada. jogos eletrônicos. e as pessoas praticam cada vez menos atividades físicas. em seguida.

ou "fat burner". etc. pois é proibida a manipulação de moderadores de apetite com qualquer outra substância das citadas acima numa mesma receita. Esse é um grande problema. indo de laxantes. Evite seu uso. pois o tratamento da obesidade deve obrigatoriamente passar por uma mudança de hábitos visando à promoção da saúde . Registre uma denuncia contra o medico que prescreveu a "fórmula". As "fórmulas" sempre trazem escrita sua composição química? Não. você pode estar diante de uma "fórmula". ou o frasco do composto. . além de perigosa e ineficaz. apesar de produzir perda de peso nas primeiras semanas (uma perda que não é saudável). ou que contenha varias substâncias diferentes numa mesma cápsula. O medico vai sofrer uma sindicância no CRM e. . O medico que prescreve e a farmácia que manipula as "fórmulas" sabem que essa pratica é ilegal e antiética. O que fazer se um médico me prescrever uma "fórmula"? Não use a "fórmula" prescrita."acelerador do metabolismo". hormônios até calmantes e vegetais diversos) em outra cápsula em separado. mas continua tendo os mesmos efeitos adversos graves e continua sendo imoral e antiética. que dão a impressão. mas as duas cápsulas serão usadas simultaneamente. Pegue a receita do medico. mas não em receitas separadas. Dessa forma eles conseguem escapar à fiscalização. e. Muitas vezes as "fórmulas" para emagrecer são vendidas com outros nomes fantasiosos. se forem comprovadas as irregularidades. principalmente se esses remédios "milagrosos" prometerem uma perda de peso muito grande ou não trouxerem informações detalhadas sobre a sua composição química. que se trata de um medicamento seguro e eficaz."remédio natural para emagrecer". Se o medico também não da nenhuma orientação sobre alimentação e/ou exercício físico e simplesmente da uma receita de um composto com algum nome como os acima. Assim sua prescrição passa a ser "legal". Alguns nomes que são dados às "fórmulas" são os seguintes: . Fique atento também em farmácias de manipulação que vendem livremente "compostos para emagrecer" ou "queimadores de gordura" sem receita medica. De forma geral."composto emagrecedor". fique desconfiado se a receita do medico ou o frasco da medicação não contiver a exata composição química do produto. Ela não vai resultar em nenhum beneficio palpável em longo prazo.um objetivo que jamais vai ser alcançado com o uso de "fórmulas". Isso é ilegal. . Um recurso que alguns médicos acabam utilizando é colocar o moderador de apetite em uma cápsula e todos os outros compostos (3 a 15 substâncias diferentes. portanto fazem de tudo para ocultar a verdade. ao paciente desinformado. pode receber vários tipos de punição. diuréticos. . e procure a delegacia do Conselho Regional de Medicina mais próximo à sua casa. desde uma advertência até a cassação do seu registro profissional. que dificulta muito a fiscalização da prescrição e venda desses produtos.pílulas "maravilhosas"."facilitador da queima de gorduras".

e qualquer remédio para emagrecer só pode ser vendido mediante a apresentação de receita medica. sem receita. ou um "composto emagrecedor". o estabelecimento pode ser multado ou mesmo interditado. Uma relação desses profissionais pode ser encontrada no seguinte endereço: http://www. mas apenas um médico experiente e sério pode avaliar se há necessidade de medicação e qual é a mais indicada para cada caso. Caso uma farmácia tente vender qualquer produto para emagrecer. O que fazer se uma farmácia tentar me vender uma "fórmula" ou um remédio para emagrecer sem receita medica? O uso de "fórmulas" é ilegal.br/busca_medicos. . laxantes e diuréticos) são uma coisa. denuncie-a ao Conselho Regional de Farmácia da sua cidade ou à Vigilância Sanitária. Não brinque com a sua saúde.Outra possibilidade é levar a receita (ou uma cópia) até um médico endocrinologista.endocrino. Outra coisa totalmente diferente é usar um medicamento específico para perda de peso (ou seja. inclusive compostos que não são recomendados para perda de peso (como o hormônio tireoidiano. seja uma "fórmula". em conjunto com um programa completo de reeducação alimentar. que deve encaminhar a denúncia para a delegacia regional da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM) do seu Estado. e que podem ser usados de forma segura e tranqüila. Quer dizer que não devem ser usados medicamentos para emagrecer? Tome cuidado para não confundir as coisas! “Fórmulas” para emagrecer. ou um "remedinho natural". atividade física e mudança de hábitos. contendo vários tipos de substâncias diversas. Uma boa dica é fugir dos “médicos da moda”. Existem vários medicamentos que podem ser úteis para ajudar a perder peso. Procure um médico endocrinologista que seja afiliado à Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia. Você merece um tratamento sério. Se a irregularidade for confirmada. ou dos médicos que anunciam ser especializados no tratamento de obesidade mas não apresentam nenhuma qualificação. uma substância apenas).php Leia mais sobre medicamentos para emagrecer clicando aqui.org. ou mesmo daqueles que sabidamente apenas prescrevem “fórmulas” sem nenhuma orientação sobre dieta ou exercício.