1 ÉTICA

De acordo com Brasil (2001) as palavras ética e moral têm a mesma origem etimológica, mas os conceitos da mesmas incorporaram, em seu percurso histórico, significações diferenciadas. No âmbito da filosofia, hoje, faz-se uma distinção entre elas, definindo a moral como o conjunto de princípios, crenças, regras que orientam o comportamento dos indivíduos nas diversas sociedades e a ética como a reflexão crítica sobre a moral. Mesmo com significados semelhantes, pode-se entender que a moral está inserida dentro dos costumes e regras do ser humano e a ética é o meio para se refletir e questionar estes costumes e regras da população. Na opinião de Brasil (2001, p.51)

A dimensão moral das ações implica em um posicionamento em relação aos valores, aos deveres. Por se caracterizarem como seres livres, com capacidade de superar, de alguma maneira, o determinismo da natureza, os seres humanos têm possibilidade de escolha. Escolher implica comparar e valorar. Assim, torna-se necessária a elaboração de critérios que classifiquem as ações como boas ou más, corretas ou inadequadas, e que orientem e justifiquem a escolha, que se configura como uma resposta diante das prescrições da sociedade.

As pessoas têm a capacidade de escolha, antes de praticar qualquer ação e após podem classificá-la dentro dos deveres dentro da sociedade, mas este poder de escolha poderia ser aproveitado para alguma ação que tenha sentido e não prejudique os demais. Para Brasil (2001, p.51) “Cada ser humano posiciona-se diante de um conjunto de valores que não foram criados por ele isoladamente, mas no contexto das relações com outros seres humanos.”. Toda a população se utiliza de leis e normas para o bom convívio em sociedade, mas cada membro tem a sua visão da mesma, e escolhe se vai cumpri-las ou violálas. Segundo Brasil (2001, p.52)

A ética é a reflexão crítica sobre a moralidade. Ela não tem um caráter normativo, pois, ao fazer uma reflexão ética, pergunta-se sobre a consistência e a coerência dos valores que norteiam as ações, busca-se esclarecer e questionar os princípios que orientam essas ações, para que elas tenham significado autêntico nas relações.

O caráter universal do ensino fundamental. que educa moralmente seus membros [.61) Todas as sociedades buscam desenvolver meios de preservar suas formas constituídas de viver coletivamente.54) “A cidadania é também uma condição construída historicamente. participando do processo de construção desses valores.. Entretanto. Isto significa ter direitos e deveres dentro da sociedade. p.].]”. em um momento de movimento de afirmação de autonomia. Na visão de Brasil (2001. Para Brasil (2001. Ao longo do tempo. na verdade. p. Compreensões diversas do conceito de cidadania são encontradas em contextos e situações diferentes.”. p.. Na visão de Brasil (2001. entre elas a cidadania. p. que é quem nos educa e depois adquirimos valores com a sociedade. Não se quer dizer com isso que não haja nada a aprender. para que haja um melhor relacionamento entre as pessoas.61) “As pessoas não nascem boas ou más: é a sociedade. Para Brasil (2001) O espaço escolar caracteriza-se como um espaço de diversidade. .1 A Ética Na Educação Escolar De acordo com Brasil (2001) é impossível ensinar a moralidade. A pergunta crítica que a ética procura fazer se faz extremamente importante para que a sociedade reflita a base de sua ética e de seus valores. Ela se dá. essa transmissão não se caracteriza pela mera reprodução de valores e conhecimentos. definido em lei.”. onde se podem comparar valores e costumes e escolher qual você quer para si. por parte do educando. Conforme Brasil (2001. o ser humano evoluiu como pessoa racional e conquistou varias coisas. pois os antigos estão sendo esquecidos. quer não.52) “A pergunta crítica colocada pela ética é de natureza diferente. quer queira.Como a ética é uma reflexão sobre os valores da sociedade hoje.. 1. as pessoas podem usar-se dela para refletir e possivelmente mudar o que se faz necessário devido aos novos valores criados que não acrescentam pouco conteúdo. O desafio de promover uma educação em valores consiste em desenvolver um trabalho pedagógico que auxilie o educando a tomar consciência da presença dos valores em seu comportamento e em sua relação com os outros. e traz os mais variados valores [. torna a escola um ponto de convergência de diversos meios sociais. pois sua intenção é problematizar exatamente os fundamentos. manutenção e inovação.. na articulação contraditória de permanência e mudança. se adquire valores e costumes através do convívio primeiramente com os familiares. De fato. criando mecanismos de transmissão de conhecimentos acumulados e de valores aos seus membros mais jovens.

Brasil (2001. das características psicológicas e sociais dessa fase e ampliam a capacidade de analisar situações complexas. considerar diferentes fatores envolvidos e construir critérios de justiça..”. de uma comunidade. criadas por seus sujeitos. entretanto.”. Conforme Brasil (2001. p. deve conhecer as normas de funcionamento para que seja mantida a ordem do grupo.77) “A função docente exige do professor uma série de condutas que o farão reconhecido como alguém que utiliza o seu saber e o seu poder como um recurso para o bem da coletividade com quem trabalha. p. Há uma interferência geralmente positiva pela ética... p79) afirma que “Viver em sociedade significa orientar seu comportamento por leis e regras. a escola pode desenvolver métodos e maneiras para que todos seguissem as normas da mesma. pois faz refletir as ações das pessoas envolvidas com a escola e com a execução de suas tarefas dentro da escola. mas sem perder seus valores para que o bom convívio entre os membros da escola seja tranquila e favoreça a aprendizagem. Conforme Brasil (2001.”. De acordo com Brasil (2001) A aprendizagem de atitudes pelos adolescentes e jovens requer o reconhecimento.83) “O tema Ética segue os critérios de eleição dos outros temas transversais. p. com o objetivo de tornar a convivência adequada a necessidades.”. p. Desta forma. fazendo bem o que lhe compete. De acordo com Brasil (2001.79) “Fazer parte de um grupo.75) afirma que “[. Já para Brasil (2001. Brasil (2001. exige do participante conhecer as normas que regem a conduta daqueles que a ele pertencem.. Para (2001.]”. Brasil (2001.] coloca-se para a escola a questão de como enfrentar o conflito entre suas normas e regras como instituição e aqueles valores que cada um de seus membros traz consigo. p.p. Toda pessoa que gostaria de pertencer a algum grupo social.83) “A ética atravessa a proposta educacional da escola e o planejamento e execução do trabalho de cada um dos professores e da relação de todos os que compõem a comunidade escolar. natural e inventada [. sua especificidade como um eixo norteador: as questões que se abordam nos demais temas reportam-se sempre às implicações de valor presentes nas situações sociais. p. guardando.87) quando afirma que “O trabalho com a Ética tem como objetivo o reconhecimento de que as atitudes das pessoas precisam ser pautadas por princípios de .”. por parte dos adultos.77) “O conhecimento crítico da realidade em que desenvolve seu trabalho e dos valores que aí se encontram e que o norteiam é ponto de partida para organização do trabalho do professor na escola.

solidariedade e diálogo.respeito.”. justiça. . que devem estar expressos na ação cotidiana da escola.