You are on page 1of 3

1 Filmes e vídeos sob um olhar crítico.

Técnicos-pedagógicos do Departamento de Educação Básica da SEED:
− −

Sugestões de filmes de ficção para uso em aulas de Sociologia. Possibilidades de recortes teórico/temáticos.

1) Filme: Daens – um grito de justiça Especificações Técnicas: Mídia: DVD, Ano de produção: 1992, Duração: 138 min. Possibilidades de trabalho: O filme DAENS, que se passa no final do Século XIX, em Aalst – Bélgica, permite trabalhar muitos aspectos da teoria Marxista, prevista nos conteúdos estruturantes “ O Surgimento da Sociologia e as Teorias Sociológicas” e “Trabalho, produção e classes sociais”. Por retratar as primeiras rebeliões dos trabalhadores das indústrias no século XIX, possibilita discussões sobre: desigualdades da sociedade capitalista; exploração do proletariado pela burguesia; exploração das mulheres e crianças nas fábricas; a insalubridade das condições de trabalho do proletariado no século XIX; as extensas jornadas de trabalho; a extração da mais-valia; Socialismo e Movimento Socialista; Movimento Operário; o papel da Igreja frente a “ameaça” do Socialismo e partidos políticos de orientação socialista. 2) Filme: O sorriso de Monalisa Especificações Técnicas: Mídia: DVD, Ano de produção: 2003, Duração: 117 min., Estúdio: Columbia Pictures Possibilidades de trabalho: Ambientado nos anos 50, O Sorriso de Monalisa suscita um leque de possibilidades, dentre os quais se destaca o trabalho com os temas ligados às questões de gênero, e às questões educacionais. Nesse sentido, pode ser articulado, de maneira mais íntima, aos conteúdos estruturantes “ O processo de socialização e as instituições sociais” (visando a possibilidade de ser trabalhado na instituição escolar) e “Cultura e Indústria Cultural” (analisando a formação cultural dos papéis masculino e feminino na sociedade capitalista moderna). Permite trabalhar: os aspectos culturais do gênero; cultura patriarcal; escola como instituição patriarcal; desigualdade de gênero; movimento social feminista; escola como reprodutora das desigualdades sociais e de gênero; teorias sociológicas sobre a educação escolar tradicionalista; a escola como instituição de socialização. 3) Filme: Edukators Especificações Técnicas: Mídia: DVD, Ano de produção: 2004, Duração: 126 min., Estúdio: Y3 Films/arte/Coop 99/Sudwestdeutscher Rundfunk. Possibilidades de trabalho: Filme alemão que se situa na contemporaneidade, possibilita discussões atreladas principalmente aos conteúdos estruturantes “Poder, Política e Ideologia” e “Direitos, Cidadania e Movimentos Sociais”, dentre as quais: protagonismo juvenil; a juventude

Possibilidades de trabalho: Elefante retrata o massacre ocorrido em uma escola americana em 1999 (conhecido como “Massacre de Columbine”). políticas e familiares). Imagens e Fábrica de Cinema. idealismo político. o conceito de “Anomia” para Émile Durkheim e o suicídio como fato social (sucídios egoísta. esse longa brasileiro permite discutir: possibilidades e limites das instituições de socialização (religiosas. altruísta e anômico). violação dos direitos humanos e construção da cidadania. desigualdades sociais. Dezenove Som.. a juventude e o crime. Permite discutir: as possibilidades e limites das instituições de socialização (religiosas. educação alternativa. Possibilidades de trabalho: Dialogando com os conteúdos estruturantes “O processo de socialização e as instituições sociais ” e “Direitos. teorias sociológicas sobre crime e desvio. . cidadania e movimentos sociais”. juventude como categoria sociológica de análise. política e ideologia”. Duração: 81 min. ideologia capitalista e ideologias contrárias ao capitalismo. Estúdio: Buriti Filmes. o conceito de “Anomia” de Émile Durkheim. Ano de produção: 2000. escolares e familiares). exclusão social e violência. instituições totais. Ano de produção: 2003. movimentos sociais reformistas. instituições totais (manicômios. Obra de ficção. 4) Filme: Bicho de 7 cabeças Especificações Técnicas: Mídia: DVD. escolares. violência. 5) Filme: Elefante Especificações Técnicas: Mídia: DVD.2 como categoria sociológica de análise. diferentes perspectivas sociológicas e antropológicas sobre a família na sociedade contemporânea. movimentos sociais revolucionários. crítica à sociedade de consumo. Estúdio: HBO Films / Blue Relief Productions / Meno Films / Pie Films / Fearmakers Studios.. desemprego e suas conseqüências. teorias sociológicas sobre crime e desvio. Gullane Filmes. Duração: 80 min. influência dos meios de comunicação de massa na formação cultural dos jovens. instituições carcerárias e hospitais). práticas sociais da juventude. violência urbana. espírito do capitalismo. bebe de uma trágica realidade e alimenta discussões que giram em torno dos conteúdos estruturantes “ O processo de socialização e as instituições sociais” e “Poder.

− Sugestões de filmes de ficção para uso em aulas de Sociologia. Possibilidades de trabalho: Articulado aos conteúdos estruturantes “Trabalho. ano de produção: 1936.3 20) Filme: Tempos Modernos Especificações Técnicas: DVD.A corrente do bem (2000). . Estúdio: United Artists / Charles Chaplin Productions. extração da mais-valia. . coisificação. (Weber). .Lutero (2003).Happy Feet: O Pingüim (2006) (Durkheim). . por conteúdos básicos: 1) O surgimento da Sociologia e as Teorias Sociológicas: a) Formação e consolidação da sociedade capitalista e o desenvolvimento do pensamento social: . lucro. comunismo X capitalismo.Revolução dos Bichos (1999) (Engels e Marx). b) Teorias Sociológicas Clássicas: Comte. sociedade orgânica X sociedade mecânica. mais-valia relativa. Duração: 87 minutos. .Perfume – a história de um assassino (2006) (cenas iniciais).Eles não usam black tie (1981) (Engles e Marx). Weber: . força de trabalho.A classe operária vai ao paraíso (1971) (Engels e Marx). Marx e Weber). meios de produção. política e ideologia” permite discutir: alienação. .O Espanta Tubarões (2004)(Durkheim). modo de produção capitalista. . Engels e Marx. . Durkheim. produção e classes sociais” e “Poder. . divisão social do trabalho.Daens: um grito de justiça (1992).Vida de Inseto (1998) (Durkheim.O Nome da Rosa (1986). análise de Karl Marx. mais-valia absoluta.Fuga da Galinhas (2000) (Engels e Marx). . .