You are on page 1of 4

Ediçac 03 º Anc 1 º 0utubrc de 2012

0 últimc dia 22 de agcstc acendeu uma luz de aler-
ta para c meic ambiente. Neste dia, chamadc pela
0lcbal Fcctprint Netwcrk (0FN) de 0vershcct Day, a
humanidade esgctcu cs recurscs naturais de tcdc c
anc. Desde entac, passamcs a cperar nc vermelhc na
ccntabilidade ambiental.
De accrdc ccm a secretária geral dc WWF-Brasil,
Maria 0ecília Wey de Britc, se ñzermcs uma ccmpa-
raçac ccm a eccncmia, é ccmc se vccê tivesse um
crçamentc para ccbrir tcdas as despesas da casa pcr
um anc. Mas cs gastcs vac aumentandc de maneira
desccntrclada e, em apenas citc meses, a ccnta ñca
zerada. E c que é picr, ainda tem quatrc meses pela
frente. "É mais cu mencs c que está accntecendc ccm
cs recurscs naturais dc planeta", adverte.
O Overshoot Day que em pcrtuguês pcderia ser
chamadc de c "Dia em que estcuramcs c crçamentc"
vem de um ccnceitc ccncebidc pela New Eccncmics
Fcundaticn, uma instituiçac britânica que atua ccmc
fábrica de ideias na área de eccncmia e bem-estar.
0 termc está sendc usadc pela 0FN ccm c cb|etivc
a|udar a ccnceituar a lacuna entre c que a natureza
ccnsegue regenerar e a quantidade de recurscs neces-
sária para suprir as atividades humanas.
0 cálculc da 0FN mcstra que, em apenas citc meses,
utilizamcs tcdcs cs recurscs e c sequestrc de carbcnc
que c planeta pcde cferecer de maneira sustentável
para 2012. íssc quer dizer que, ncs próximcs meses,
para ccbrir c rcmbc da ncssa ccnta bancária ecclógi-
ca, vamcs ter que entrar na "caderneta de pcupança",
ccnsumindc cs recurscs estccadcs e c carbcnc acu-
muladc na atmcsfera.
"Para manter ncssas scciedades estáveis e as vidas
prcdutivas, nac pcdemcs mais sustentar esse aumen-
tc crescente da lacuna entre c que a natureza tem
ccndiçces de prcver e c quantc ncssas infraestruturas,
eccncmias e ncsscs estilcs de vida demandam", alerta
c presidente da 0FN, Mathis Wackernagel.
Desde 1970, a demanda humana pcr recurscs naturais
vem crescendc a cada anc. De accrdc ccm cs cálculcs
da 0FN, a humanidade |á está usandc c equivalente
a 1,5 planeta em recurscs naturais e serviçcs. A esti-
mativa é de que, se ccntinuarmcs nesse caminhc, até
2050 pcderemcs chegar a dcis planetas terra.
0cm c cb|etivc de reverter esse quadrc, a 0N0 vem
trabalhandc em várics países, ccm cutras crganiza-
çces e gcverncs e instituiçces ñnanceiras. "A recupe-
raçac de lcngc prazc scmente será bem sucedia se
prcmcvermcs reduçces sistemáticas para as deman-
das de recurscs e serviçcs eccssistêmiccs", destaca
Wackernagel.
Pegada Ecológica 0 WWF é parceirc da 0FN na
disseminaçac da Pegada Ecclógica e na realizaçac dc
Relatóric Planeta vivc, estudc que analisa a saúde
ambiental dc planeta e é divulgadc a cada dcis ancs.
Em 2011, c WWF-Brasil realizcu em parceria ccm
a 0FN, Eccssistemas, c gcvernc municipal e parceircs
lccais da capital sul matcgrcssense, c estudc da Pegada
Ecclógica de 0ampc 0rande (MS), primeira cidade bra-
sileira a ter c cálculc. Em seguida, c estudc fci realizadc
também na cidade e nc Estadc de Sac Paulc.
0s resultadcs de Sac Paulc fcram apresentadcs duran-
te a Ric+20, em |unhc deste anc.
0 estudc revelcu que se tcdas as pesscas dc planeta
ccnsumissem de fcrma semelhante acs paulistas,
seriam necessárics quase dcis planetas para sustentar
esse estilc de vida. Se vivessem ccmc cs paulistancs,
seriam necessárics quase 2,5 planetas.
"Ncssc cb|etivc é usar c cálculc da Pegada Ecclógi-
ca ccmc uma ferramenta para a|udar a melhcrar a
gestac ambiental das cidades, prcmcver c ccnsumc
respcnsável e açces que a|udem a reduzir a pressac
Panda Brasil
Em 8 meses,
a humanidade
esgotou os
recursos naturais
suficientes para
um ano
scbre cs recurscs naturais", destaca Michael Becker,
superintendente de 0cnservaçac dc WWF-Brasil, e
um dcs cccrdenadcres desse trabalhc.
Para saber mais scbre a Pegada Ecclógica, ccnsulte c site
dc WWF-Brasil. www.wwf.org.br/pegadaecologica_sp
R
E
V
IS
T
A
B
R
A
2
0
1
2
P
a
n
d
a

B
r
a
s
i
l
© WWF-Brasil / Adrianc 0ambarini
E
d

a
c
0
3
º
A
n
c
1
º
0
u
tu
b
rc
d
e
2
0
1
2
Pcuca gente tem ideia de ccmc denunciar crimes ambientais. 0uem quer
a|udar tem de saber que.
íMP0RTANTE. Falsa denúncia é crime, ccnfcrme c Artigc 340 dc 0ódigc
Penal. Sempre se certiñque de que a denúncia é verdadeira.
Unidades de 0cnservaçac Federais
sac respcnsabilidade dc í0MBic
www.icmbio.gov.br
Para crimes ccntra animais silves-
tres, ccntate a Pclícia Federal, a
Pclícia Militar Flcrestal cu c íbama
www.ibama.gov.br
www.dpf.gov.br
Se as vítimas sac animais dcmés-
ticcs, chame a Pclícia Militar nc
seu Estadc (pcr exemplc www.
policiamilitar.sp.gov.br).
Pcluiçac, degradaçac ambiental
e incêndics crimincscs devem ser
tratadcs ccm a Pclícia Militar Flc-
restal nc seu Estadc (pcr exemplc,
http://bpfma-rj.blogspot.com.br)
cu c íbama.
Dica de Sustentabilidade
©
N
ig
e
l D
ic
k
in
s
c
n
/ W
W
F
-
0
a
n
c
n
Limite
planetário
Alvarc Antônic 0ardcsc de Scuza é presidente dc
0cnselhc dc WWF-Brasil e Diretcr da AdS 0es-
tac, 0cnsultcria e ínvestimentcs Ltda. 0 executivc
desenvclveu sua carreira na área de bancc de in-
vestimentcs em diferentes empresas dc 0itigrcup,
cnde trabalhcu pcr 32 ancs nc Brasil e nc exte-
ricr. Há dez ancs, decidiu enga|ar-se numa causa
que lhe permitisse retribuir, ccm sua experiência
e dedicaçac, um pcucc dc que a scciedade lhe
prcpcrcicncu. Escclheu c tema meic ambiente pcr
acreditar que é a base fundamental de tcda ativi-
dade humana.
Além dc WWF-Brasil, Alvarc de Scuza é ccnselheirc
das seguintes empresas e entidades. WWF ínter-
naticnal Bcard cf Trustees, Fundc Brasileirc para a
Bicdiversidade (Funbic), Duratex S/A, 00L-Linhas
Aéreas ínteligentes, 0SU-0ardSystem, AmBev e
Santcs Futebcl 0lube. Nascidc em Pcrtugal em 5 de
setembrc de 1948, fez graduaçac em Eccncmia e
Administraçac de Empresas pela Pcntifícia Universi-
dade 0atólica de Sac Paulc.
É casadc ccm Suely, tem uma ñlha, Adele, e um
ñlhc, Jcac Fernandc. Fci eleitc recentemente um dcs
dez ccnselheircs independentes mais inNuentes dc
país pelc ínstitutc de Finanças da Fundaçac 0etúlic
vargas, de accrdc ccm repcrtagem publicada nc
|crnal 0 Estadc de S.Paulc.
A añliada Margarida de Dcnatc ccntribui ccm c
WWF-Brasil há 15 ancs e é um exemplc de alguém
que faz a diferença. Após dez ancs residindc nc ex-
tericr, ac retcrnar ac Brasil curscu pós-graduaçac na
Faculdade de Direitc da Universidade de Sac Paulc,
cnde se interesscu pela temática ambiental.
Durante seu prc|etc para c cursc, aprcfundcu seus
ccnhecimentcs relacicnadcs às crganizaçces nac-
-gcvernamentais ligadas ac meic-ambiente, cnde,
segundc ela, c WWF-Brasil se destaccu. "A crga-
nizaçac fci a grande fcnte de infcrmaçac durante c
cursc para meu prc|etc de pesquisa, ligadc ac tráñcc
de animais", disse. Após sua fcrmatura, tcrncu-se
prcfesscra, lecicnandc em curscs de pós-graduaçac em
Direitc Ambiental. 0cm c ccnhecimentc adquiridc, fun-
dcu a 0N0 Amica (www.amica.crg.br), que se dedica a
prcmcver a inNuência pcsitiva dcs caes nas pesscas da
melhcr idade e à defesa dc meic ambiente.
"Reccmendc acs meus aluncs que se añliem ac
WWF-Brasil, referência ncs estudcs ambientais, dadc
que sua biblicteca é nctável e ccntribui scbremaneira
para a fcrmaçac de prcñssicnais da área. Fui muitc feliz
na escclha desta parceria que perdura até hc|e", explica.
0 apcic de Margarida é fundamental para ccntinuarmcs
a trabalhar pelc futurc de ncssas Ncrestas, rics, animais
e das próprias pesscas. Um planeta ccm qualidade de
vida. istc é c que queremcs deixar para ncsscs ñlhcs e
netcs. E ncssc sucessc depende de seu apcic.
Secretária Geral
Maria Cecília Wey de Brito
Superintendente de
Comunicação e Engajamento
Regina Cavini
Coordenadora de Comunicação
Andréa de Lima
6HUYLoRGHDWHQGLPHQWRDRDÀOLDGR
0300 789 5652
R$ 0,07 de fxo + inpostos º R$ 0,21 de celular + inpostos
www2.wwf.org.br
WWF-Brasil
ShlS E0 0L 6/8 º 71620-430
BR^SlLl^-0F
wwf.org.br
Conentários! Envie enail para
panda@wwf.org.br assunto REvlSJ^
EDITORIAL
Estamcs crgulhcscs em ccmpartilhar ccm vccês a ncva
ediçac de Panda Brasil, a revista dc WWF-Brasil. Em
suas macs está c terceirc númerc da ncva revista,
que fci inteiramente refcrmulada em linguagem,
diagramaçac e textcs.
Scb crientaçac da cccrdenadcra de 0cmunicaçac,
Andréa de Lima, ncssa equipe deñne cs melhcres
assuntcs e fctcs para que pcssamcs ccmpartilhar
infcrmaçces essenciais scbre c trabalhc dc WWF
nc Brasil e nc mundc, se|am prc|etcs próprics cu
realizadcs em parceria.
Mas se há tantc sendc feitc pelc meic ambiente,
pcr que a degradaçac dc planeta só aumenta!
0 fatc é que mcdelcs inadequadcs de desenvclvi-
mentc estac scbrecarregandc a Terra. ccrtamcs ár-
vcres mais rapidamente dc que elas pcdem crescer,
pescamcs a um ritmc maicr dc que a pcpulaçac de
peixes pcde se reprcduzir, lançamcs mais 002 na
atmcsfera dc que ela pcde supcrtar.
Para c WWF-Brasil, esse prcblema nac é apenas
uma "questac ambiental". 0cmc signatárics da
0arta da Terra, entendemcs que c prcblema reside
"ncs padrces de prcduçac e ccnsumc que causam
a devastaçac ambiental, c esgctamentc dcs recur-
scs naturais e a massiva extinçac de espécies".
Descubra c que é a 0arta da Terra acessandc
http://migre.me/aEJ8T
"0cmunidades estac sendc arruinadas. 0s benefí-
cics dc desenvclvimentc nac sac divididcs equita-
tivamente e a diferença entre riccs e pcbres está
aumentandc. A in|ustiça, a pcbreza, a igncrância e
cs ccnNitcs viclentcs têm aumentadc e sac causas
de grande scfrimentc. 0 crescimentc sem preceden-
tes da pcpulaçac humana tem scbrecarregadc cs
sistemas ecclógicc e sccial. As bases da segurança
glcbal estac ameaçadas. Essas tendências sac pe-
rigcsas, mas nac inevitáveis", diz a 0arta da Terra.
Para alterar essa situaçac, precisamcs de ncvcs va-
lcres e atitudes, baseadcs nc respeitc à natureza,
acs direitcs humancs universais, na |ustiça eccnô-
mica e na cultura da paz. Pcr tudc issc, a revista
Panda Brasil sempre estimulará uma reNexac scbre
essa necessária mudança de valcres e de atitudes.
vccê pcde ler as ediçces antericres em
www.wwf.org.br/revista
Bca leitura
Destaque Panda Eu faço a diferença
Presidente do nosso conselho:
engajado e conpronetido
lnspirada pelo trabalho do wwF-Brasil,
afliada cria 0hC en Sao Paulo
Contribuição
^ldenBourscheit, ^lexandre ^ugusto, ^na
Kátia Fernandes, 0aniela lsnidarci Salatini
Voretto, 0avi Carvalho de Vello, Érico
Jeixeira, Fernanda Velònio, Cabriela Cardoso
Catola, Ceralda Vagela, Iorge Eduardo
0antas, Lais vasconsellos, Vichael Becker,
Rodrigo Borges, Silvia Regina Pereira de
Souta, viviane Varques e warner Bento Filho
Editoração
Carlos Eduardo Peliceli
0utubro - 2012
volune 1, núnero 3
Clube Panda
©
M
ic
h
e
l T
e
rre
tta
z
/ W
W
F
-
0
a
n
c
n
©
A
rq
u
iv
c
p
e
s
s
c
a
l
©
A
rq
u
iv
c
p
e
s
s
c
a
l
Regina Cavini
Superintendente de Conunicaçao,
Varketing e Engajanento
Um mcnitcramentc recente ccm armadilhas fctcgráñcas nc Nepal identiñccu 37
espécimes de tigres - um aumentc signiñcativc em relaçac acs 18 tigres identiñca-
dcs e ccntadcs em 2009. 0s animais fcram mcnitcradcs ac lcngc de um perícdc
de três meses dentrc dc Parque Nacicnal Bardia e nc ccrredcr ecclógicc Khata, na
regiac dc Arcc Terai.
Esta ótima nctícia é resultadc dc ccmprcmissc dc gcvernc nepalês para dcbrar as
pcpulaçces de tigres até 2022, c próximc Anc dc Tigre nc calendáric chinês. 0
estudc ccntcu ccm apcic técnicc e ñnanceirc dc WWF e fci ccnduzidc em parceria
entre WWF, gcvernc dc Nepal e Naticnal Trust fcr Nature 0cnservaticn.
Mais tigres no Nepal
0 estudc também demcnstrcu que cs tigres usaram c ccrredcr ecclógicc - um tre-
chc de Ncresta que liga habitats prctegidcs - para se lcccmcverem entre c parque
nc Nepal e um santuáric de vida selvagem na Índia. A desccberta sublinha a im-
pcrtância de ccrredcres ecclógiccs para tigres e cutras espécies naquela paisagem
transfrcnteiriça.
Armadilhas fctcgráñcas sac usadas para capturar imagens de animais na natureza
ccm a mencr interferência humana pcssível. A técnica ccnsiste na utilizaçac de
uma câmera fctcgráñca equipada ccm um senscr de mcvimentc cu um senscr de
infravermelhc, que é acicnada na presença de animais selvagens que evitariam as
áreas ccm presença de seres humancs.
Nepal
Ache cs ncmes de 15 rics brasileircs
A0RE, A0URíA, AMAZ0NAS, 0ANUMA, SA0 FRAN0íS00, 0ARíNHANHA,
D00E, íTAPEMíRíM, AMANDAÚ, DAS ANTAS, BEL0, 0APívARA, 0A0AD0,
TíETÊ, ARA0UAíA Acesse wwf.crg.br/clubepanda e ve|a a scluçac dcs |cgcs.
Marque quatrc animais da fauna brasileira
©
E
d
w
a
rd
P
a
rk
e
r / W
W
F
0
a
n
c
n
©
W
W
F
-B
ra
s
il / E
d
u
a
rd
c
A
ig
n
e
r
Um futuro com rios e florestas
0 agricultcr Mcsar 0cnçalves Lima tem um scnhc. Ele gcstaria de vcltar a ver as
crianças de sua ccmunidade Araçá, em Januária, Minas 0erais brincandc nas
águas dc ric Peruaçu, ccmc ele mesmc fazia quandc era meninc. Desmatamen-
tcs, queimadas e ccupaçces ilegais nas cabeceiras e às margens dc manancial
diminuíram a quantidade e a qualidade de suas águas.
Agcra, c WWF-Brasil se une ac Bancc dc Brasil, Fundaçac Bancc dc Brasil e
Agência Nacicnal de Aguas para a|udar a transfcrmar este scnhc em realidade,
pcr meic dc prcgrama Agua Brasil. Dc cutrc ladc dc país, nc municípic de Xa-
puri, nc Acre, terra de 0hicc Mendes, c Agua Brasil enccntrcu situaçac parecida.
0 igarapé Santa Rcsa, que |á fci c principal pcntc de lazer da ccmunidade lccal,
em alguns pcntcs praticamente desapareceu.
0 Agua Brasil também está presente em Pedrc íí, nc Piauí, cnde as açces têm c
cb|etivc de harmcnizar a geraçac de trabalhc e renda para agricultcres familiares
ccm a recuperaçac e a ccnservaçac da natureza. Estes sac apenas três exemplcs
das açces dc prcgrama Agua Brasil, que atua em tcdc c país. Mais infcrmaçces
scbre este trabalhc em www.blogaguabrasil.com.br.
WWF-Brasil e Governo do
Acre lançam Plano Estadual de
Recursos Hídricos
Após três ancs de pesquisas, reunices e debates, 0cvernc dc Acre e
WWF-Brasil lançaram nc inícic dc segundc semestre c Planc Estadual de
Recurscs Hídriccs daquele Estadc. 0cm essa iniciativa, c Acre tcrna-se c
primeirc estadc amazônicc a ccntar ccm um dccumentc que estabelece as
bases para c usc ccnsciente e respcnsável das águas de seus rics, lagcs e
demais curscs d'água.
Entre cs cb|etivcs dc planc estac crganizar a gestac da água, prcmcver c
ccnsumc ccnsciente, integrar c mane|c sustentável da água e da Ncresta,
reduzir c impactc causadc pelas mudanças climáticas e garantir a scbre-
vivência das futuras geraçces. Algumas das açces previstas nc Planc |á
estac em execuçac, ccmc a implantaçac de uma rede de mcnitcramentc
da qualidade da água dcs principais rics e mananciais dc Estadc.
Também ccnstam nc dccumentc c mcnitcramentc de eventcs hidrclógi-
ccs críticcs, ccmc secas e cheias, e açces vcltadas à ccnservaçac das
nascentes e matas ciliares dc ric Acre, assim ccmc a prcmcçac de curscs
de gestac de recurscs hídriccs. 0 planc está dispcnível para dcwnlcad em
www.wwf.org.br/recursoshidricos_acre/
Pesquisa sobre desperdicio de água
0 brasileirc desperdiça água, añrma ccnhecer fcrmas de eccncmizar c
recursc, mas nac as cclcca em prática. A pesquisa que faz parte dc
"Prcgrama Agua para a vida", uma parceria entre c WWF-Brasil e c
0rupc HSB0 mcstra que 68% dcs entrevistadcs em 26 estadcs dc país
reccnhecem c desperdícic ccmc a principal causa para c prcblema de
abastecimentc de água nc futurc. A enquete revela ainda.
Mas, para 81% da pcpulaçac, resi-
dências e indústrias sac reccnhecidas
ccmc cs grandes usuárics de água nc
Brasil, apenas 16% avaliam ccrreta-
mente que a agricultura é a grande
ccnsumidcra de água nc país.
68% apcntam c desperdícic ccmc cau-
sa para c agravamentc dc prcblema da
água nc país.
75% da pcpulaçac está ciente de que
seu ccnsumc de água nac é baixc e que
pcderia ser mencr
É fatc que a prcduçac agríccla é res-
pcnsável pcr 70% dc usc dcs recurscs
hídriccs dc Brasil, e pelc seu maicr
gastc sem ccntrcle.
Sobre o pôster
Colhereiro (Ajaia ajaja)
0 cclhereirc é uma ave espetacular e inccnfundível. Tcdc rcsadc, tem um bicc lcngc e achatadc, em fcrma de cclher inclusive é dessa característica que vem c seu ncme. Ele ccstuma viver
em bre|cs e à beira d'água, sendc mais numercsc nc pantanal. 0uandc adultc pcde chegar a até 79 cm e vai ñcandc mais rósec ccm a idade, atingindc a cclcraçac adulta acs três ancs. 0
cclheirc é gregáric e vive em bandcs pequencs que se |untam a cutras aves para se alimentar em pcças, na vazante. 0aminha pela água rasa, mcvendc c bicc de ladc a ladc. 0uandc vca,
c cclcridc rcsa e vermelhc das asas é bem visível. E, ccmc se pcde ver nc pôster desta ediçac, vca ccm pesccçc e pernas estendidcs, alternandc vcc batidc e planadc.
0wynne, Jchn A., Ridgely, Rcbert S., Tudcr, 0uy & Argel, Martha (2010), Aves dc Brasil. vcl. 1. Pantanal & 0erradc. Editcra Hcrizcnte.
©
W
W
F
-B
ra
s
il / A
d
ria
n
c
0
a
m
b
a
rin
i
ínauguradc em 2003, c restaurante ViaSete está lccalizadc em uma das ruas mais
charmcsas de ípanema, a 0arcia D'Avila. Nc ñnal de 2010, c restaurante abriu
uma ñlial nc Leblcn, igualmente na zcna sul caricca.
0 ambiente ccnta ccm uma deccraçac arrc|ada e materiais de ccnstruçac basea-
dcs nc princípic da sustentabilidade, ccnceitc amplamente divulgadc, inclusive nc
cardápic. Tcdas as unidades buscam c ccnsumc respcnsável e a destinaçac ccrreta
de resíducs, ccmc ólec de cczinha, papel, garrafas PET e lixc.
A parceria dc viaSete ccm c WWF-Brasil ccmeçcu em 2007, quandc c restaurante
passcu a cferecer acs frequentadcres a cpçac de ccntribuir ccm R$ 1,00, acrescidc
ac valcr da ccnta, para ser repassadc à crganizaçac. A ccntribuiçac, nc entantc, é
vcluntária.
Em ccasices especiais, ccmc nc dia da Hcra dc Planeta, c restaurante funcicna a
luz de velas. Nac deixe de ccnhecer. www.viasete.com.br
ViaSete
Para baixar a pesquisa na íntegra, acesse. www.wwf.org.br/pesquisa_agua
©
0
a
rlc
s
H
a
u
c
k
©
D
iv
u
lg
a
ç
a
c
A Esfera Br Mídia, especializada em eventcs espcrtivcs ccmc ccrridas de rua e
passeics ciclísticcs, fechcu em 2009 uma parceria ccm c WWF-Brasil. Assim,
um Real de cada inscriçac realizada ncs mais de 90 eventcs prcmcvidcs pela
empresa em tcdc c Brasil anualmente é revertidc ac WWF-Brasil e apcia a missac
de ccnservaçac da natureza e usc sustentável dcs recurscs naturais.
Um de seus principais eventcs, c 0ircuitc Ecc Run, tem c intuitc de despertar
a ccnsciência ecclógica e a impcrtância da sustentabilidade entre seus atletas e
patrccinadcres. 0 circuitc utiliza material recicladc e reciclável em grande parte
da arena. Tcda emissac de carbcnc resultante da realizaçac dc circuitc é auditada
e mitigada pcr meic dc plantic de árvcres.
Nas ccrridas dc Ecc Run 2011, c WWF-Brasil expôs imagens e textcs scbre
campanhas e prc|etcs, incentivandc as pesscas a se enga|arem ccm açces am-
bientais. A Esfera Br também prcduz a Revista 02, uma das mais impcrtantes
publicaçces de running dc Brasil.Para mais infcrmaçces scbre c 0ircuitc EccRun
e a Esfera BR Mídia, acesse. www.circuitoecorun.com.br
Parcerias sustentáveis
Esfera Br Mídia
Sustentabilidade na Web
^ internet é una ótina fonte de referència sobre açoes sustentáveis. Para esta ediçao, coletanos alguns bons exenplos na rede.
Found in Nature (Achadc na Natureza) é um prc|etc
de Barry Rcsenthal, fctógrafc bctânicc residente em
Ncva ícrque (EUA). Suas fctcs sac baseadas na ccleta
de cb|etcs, lixc e detritcs em áreas pcluídas. Enñm,
reciclagem ccm um belc tcque de arte.
http://barryrosenthal.com/found-in-nature/
Bicicletas em 15 países esperandc pcr seus dcncs.
Esse é c prc|etc dc publicitáric Jcac Paulc Testa, que
|untcu mais de mil fctcs de bicicletas. 0 BE SEE é
um site que também vai virar livrc de fctcs e crônicas.
Bela hcmenagem a um veículc cada vez mais impcr-
tante ncs dias atuais. 0cnñra aqui.
http://ibesee.tumblr.com/
0 Caronetas pcssibilita a trcca de carcnas de fcrma
segura, prática e gratuita. Há cadastrcs para empresas
e funcicnárics, ccm infcrmaçces scbre tra|etcs, dis-
pcnibilidade, pericdicidade e divisac de custcs. Fci a
escclha dc públicc na ediçac 2012 dc Mcbiprize, da
Universidade de Michigan.
http://www.caronetas.com.br/
©
W
W
F
-B
ra
s
il / A
d
ria
n
c
0
a
m
b
a
rin
i