You are on page 1of 4

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO DEPARTAMENTO DE TEOLOGIA SEMINÁRIO ESPECIAL DE DOUTORADO – TEO 2511 -2012.1 PROF. Dr.

Joel Portella Amado ALUNA: Ana Márcia Santana de Oliveira

AVALIAÇÃO DO PROJETO DE PESQUISA EM 03.05.2012

1. TÍTULO: A Ética da Compassividade como Intelecção da Misericórdia de Deus 2. SUBTÍTULO: Uma Incidência Social da Fé na Teologia de Jon Sobrino 3. OBJETO MATERIAL: A Misericórdia de Deus no método teológico latino-americano (TdL). 4. OBJETO FORMAL: na perspectiva de Jon Sobrino 5. HIPÓTESE: Pelas lentes teológicas de Jon Sobrino, é possível propor uma ‘reconfiguração e ressignificação’ da expressão da Fé Cristã á luz do Princípio de Compaixão? 6. ÁREA DE CONCENTRAÇÃO E DISCIPLINA DE REFERÊNCIA: Teologia Sistemático-Pastoral. Trindade, Método Teológico 7. LINHA DE PESQUISA: Religião e Modernidade 8. ORIENTADOR: Paulo Fernando Carneiro de Andrade 9. RELEVÂNCIA: A cultura secular contemporânea, multifacetada e complexa, desafia-nos à ‘reconfiguração e ressignificação’ do Cristianismo, bem como, à reafirmação da Fé Cristã no discernimento cotidiano e na fidelidade ao Deus Criador-Salvador que age salvífico-misericordiosamente. Aqui, consideramos a irrupção dos clamores das vítimas da história e o sentido e significado da compaixão-opção por esta humanidade ferida. Daí a importância em refletir pelas lentes da Teologia da Libertação (Teologia da memória do sofrimento do outro), a Intelecção da Misericórdia de Deus (Intellectus amoris e mais particularmente, Intellectus misericordae) configurada pelo Teólogo Jon Sobrino. 10. PERTINÊNCIA: A Ética da Compassividade compreende o conceito da Misericórdia como propriedade de Deus e, como tal, se reflete na teologia da memória, cujo grito compassivo por justiça, é o outro que sofre. O método teológico latino-americano da TdL como Intellectus amoris, permite-nos afirmar que volver o rosto para o outro é a única face da compaixão como resposta ao desespero dos sofredores, das vítimas da história de todos os tempos. E no Mundo da Globalização e da Humanidade Ferida atual, urge reafirmar que a postura ética do co-sentir fortalece o ser humano na experiência da ação salvífica de Deus, mediada historicamente pela experiência de justiça e misericórdia divinas e pela experiência de empatia pelo próximo, especialmente, pelo próximo que sofre; e capacita-o a uma Fé autêntica no CrucificadoRessuscitado e a dialogar na alteridade.

1

Mysterium Liberationis: Conceptos fundamentales de la teologia de la liberación I . Recordar. De Medellín a Aparecida.J.2. A compaixão solidária de Deus na esperança de mulheres e homens novos 3.2. DOCUMENTOS CONCÍLIO VATICANO II (Gaudium et Spes e Dignitatis Humanae) ENCÍCLICAS (Doutrina Social da Igreja) DOCUMENTOS DO CELAM (Medellín a Aparecida) DOCUMENTOS SOCIAIS DA CNBB 12. San Salvador. 2004. (orgs. 2 .1. Paulus. Jon. mística e profética 2.11.1.1. Refletir e Revivificar a Compaixão-Opção pelas Vítimas da história. hoje e sempre III. Ignacio – SOBRINO. CONCLUSÃO 12. O DEUS DA COMPAIXÃO QUE SE INCLINA SOBRE AS VÍTIMAS: A RELEVÂNCIA DA OBRA TEOLÓGICA DE JON SOBRINO PARA A MISSÃO DA IGREJA HOJE 2. São Paulo.3. Dicionário de conceitos fundamentais do cristianismo . DICIONÁRIOS ELLACURÍA. uma postura ética.2. Dicionário crítico de teologia. Paulinas-Edições Loyola. Universalidade do Martírio e da Compaixão 3. 173-182. UTOPIA E PROFETISMO DESDE A AMÉRICA LATINA AO MUNDO DA GLOBALIZAÇÃO: COMPAIXÃO-OPÇÃO PELAS VÍTIMAS DA HISTÓRIA 3. A REALIDADE IMPREGNADA DO MISTÉRIO DE DEUS: O CENÁRIO ATUAL DA TEOLOGIA DA LIBERTAÇÃO LATINO-AMERICANA E SUAS INTERPELAÇÕES 1. A ação quenótica (kénosis) do Mártir Jesus de Nazaré e dos Mártires Jesuânicos de ontem. LACOSTE. A Teologia como Intellectus amoris.1: A Teologia da Libertação Latino-Americana e seus desafios 1. J. & TAMAYO-ACOSTA.2. Potencialidades e limites na Obra Teológica de Jon Sobrino II. BIBLIOGRAFIA PRINCIPAL: 12.). 1993. FLORISTÁN SAMANES. Jean Yves. C. SUMÁRIO: A ÉTICA DA COMPASSIVIDADE COMO INTELECÇÃO DA MISERICÓRDIA DE DEUS: Uma Incidência Social da Fé na Teologia de Jon Sobrino INTRODUÇÃO I.3. O Método da Teologia da Libertação Latino-Americana 1.3. São Paulo. Intellectus misericordae 2. UCA. 1999.

Teología Latinoamericana. Oscar Romero.). In: SUSIN.3. 349 p. Petrópolis. La Fe en Jesucristo. 392p. In: Concilium/329 – Febrero. C.) ______. La Meridiana. San Salvador. última edição. La teologia scomoda. Vozes. 2009. (Col. 17) ______. 67. 2002. Loyola. Jesus na América Latina: Seu significado para a fé e a cristologia. Terremoto. 1990. 2008. Trotta. Teologia e Realidade. Vozes. VIGIL. ESCRITOS DE JON SOBRINO SOBRINO. 1994. 2009. São Paulo. São Leopoldo. UCA (Universidad Centroamericana). A Cruz de Jesus e o sofrimento no mundo: A contribuição da Teologia da Libertação latino-americana. Los pobres. Sobrino. Petrópolis. Fora dos pobres não há salvação: pequenos ensaios utópicos. Filii in Filio. Sal Terrae. 1992. (org. Estructuras y Procesos). 1981. ______. 2009. L. Cristologia desde América Latina (Esbozo a partir del seguimiento del Jesús histórico). Loyola. ______. Roma. OLIVEIRA. São Paulo. Abril de 2011. El Salvador. o Libertador. (Col. São Paulo. Comissão Teológica Internacional da ASETT (Associacão Ecumênica de Teólogos do Terceiro Mundo). Vozes. Cristologia a partir da América Latina: esboço a partir do seguimento do Jesus histórico. HAMMES. Presencia Teológica. 512p. ______. 1983. Jon. Ana Márcia Santana de. Trotta/UCA. Loyola Vozes. mesa compartilhada. Trotta. Espiritualidade da libertação: estrutura e conteúdos. 431p. Mística e Profecia na Teologia de Jon Sobrino. ______. LIVROS . Paulinas. ______. Liberación con espíritu. A Divindade de Jesus como evangelho da filiação no seguimento. ______. São Paulo. Petrópolis. Santander. Vozes. Depoimento de Jon Sobrino. Vozes. São Paulo. PUC-RJ.3. _______. 2000. 2007. lugar teológico de la eclesiología. SCAGLIA. barbárie e utopia . Trinta anos de Teologia na América Latina . Sal Terrae. Luis Carlos (org. 1976. Dialogando com Jon Sobrino. 67-78 [378-390]. Afonso Maria Ligório (org). Humanizar uma civilizacion enferma. (Col. Os seis jesuítas mártires de El Salvador. 3 . 125p. São Paulo Petrópolis. San Salvador. Madrid/San Salvador.). Dissertação de Mestrado. Onde está Deus? Terremoto. Paulinas. Sinodal. Bajar de La cruz a los pueblos crucificados. ______. TESES E DISSERTAÇÕES SOBRE A OBRA DE JON SOBRINO BOMBONATTO. ______. São Paulo. Petrópolis. Afganistán. 2008. 214p. Il caso Sobrino. Baixar da Cruz os pobres: Cristologia da Libertacão. ______. (Particularmente 146-216). 379p. São Paulo. LOPES GONCALVES. ______. 1992. Teología desde La realidad. Madrid. Ensaio a partir das vítimas. Presencia Teológica. 92p. ______. 1985. Loyola. O Projeto sistemático da teologia da libertação. 1991. 2003. 270p. Loyola. 189p. Profeta e mártir da libertação. Apuntes para una nueva espiritualidad. Ensayo desde las víctimas. barbárie y utopia. ______. Érico João. Vera Ivanise. Ressurreição da verdadeira Igreja: os pobres. O Rosto Humano de Deus nas Vítimas. In: SUSIN. Roma. El principio-misericordia. 2007. PUG. Paulinas. terrorismo. terrorismo. lugar teológico da eclesiologia. São Paulo. O principio misericórdia: descer da cruz os povos crucificados. Paulinas. O Reino de Deus e Jesus: compaixão. Lectura histórico-teológica de Jesús de Nazaret. Felice. Sal Terrae. 2001. A fé em Jesus Cristo. 326 – 2008/3. ______. São Paulo. Fuera de los pobres no hay salvación: pequenos ensayos utópico-proféticos. Loyola. Sinivaldo S. Madrid. ______. Um estudo teológico na perspectiva da regula fidei. 12. 1999. Resurrección de la verdadera Iglesia. José María (org. Petrópolis. Jesucristo liberador. 8) ______. 1985. 1997. Jesus. Pontifícia Università Gregoriana. Mofetta. In: Concilium. 1982. 336p. El Salvador. ______. UCA Editores. 1988. (Col.) Terra Prometida: movimento social. Petrópolis. Seguimento de Jesus: Uma abordagem segundo a cristologia de Jon Sobrino . Liberationis Mysterium. Um estudo em J. “Presencia Teológica”. (Col. Vozes. 1994. engajamento cristão e teologia. 2002.12. Ética. TAVARES. SOARES. 1995. ______. ______. Santander. Paulo Sérgio. Nueva York . O mar se abriu. 23). 240p. 2000. ______. Dissertatio ad doctoratum in Facultate Theologiae Pontificiae Universitatis Gregorianae. 153-170. Santander. I – A História de Jesus de Nazaré.

Crise e Sociedade. Casiano e TAMAYO-ACOSTA. Força Ética e espiritual da Teologia da Libertação no contexto atual da globalização. São Paulo.Temática abordada na Dissertação: “O Rosto Humano de Deus nas Vítimas.1-2011. 2006. Año XXVII. 2011. Welt des Christentus. 13.2 e 2012. AQUINO JUNIOR. AUTORES DIVERSOS: ANDRADE. pp. Mística e Profecia na Teologia de Jon Sobrino” Doutorado/2011. 157-179. In: METZ. A opção pelos pobres no século XXI. Mayo/Agosto. Teoria do Método Teológico.1 . _________. 2010. Hille. 83-101. “La opción por los pobres hoy”. 2000. Um rosto para Deus? São Paulo. A opção pelos pobres e a misericórdia de Deus. Pedro A. O método da teologia da libertação segundo Ignacio Ellacuría. BINGEMER. Adolf. 1999. Ed. pp. Joham Baptist. São Paulo. (Org. Estado em que se encontra? Mestrado/2009. Ribeiro de. Ribeiro de. de Autores que reconhecem e/ou criticam. Pedro A. Pedro A. 60-78. À medida que vamos lendo. V. Ética. de livros e periódicos que trazem artigos de nosso Autor e de outros Autores que refletem a mesma temática.181-201. 2000. Justiça. In: Concilium/292/4. ______. selecionamos o que compete ao tema e persistimos no trabalho com sínteses e elaboração de textos afins (Ex: Trabalhos nas Disciplinas cursadas em 2011. HAKER. O uso da sociologia na Teologia da Libertação. 2005. de teses e estudos sobre sua obra (contribuição. 2010. São Paulo. J. O pobre: critério para a profecia. São Paulo. In: Ateismo contemporâneo. Francisco. São Paulo. 1998. RENAUD. COMBLIN.2 Leitura e análise das obras de Jon Sobrino. Compassion. ELLACURÍA. JOHNSON. 9-20. Loyola. IV. Humus. A Teologia do Século XX. ______. GIBELINI. Aquela que é: o mistério de Deus no tratado teológico feminista. 2010. bem como. Paulinas. Clodovis. Juan José. Paulus. Paulinas. 1991. Loyola. São Paulo. In: SUSIN. José Ignácio. Como vejo a teologia latino-americana trinta anos depois. A opção pelos pobres no século XXI. Vozes. OLIVEIRA. Pablo. 2011.12. Michel. Compassion. 1978. In: OLIVEIRA. Paulus.). KULD. O mar se abriu. Ignacio. Petrópolis. Casiano – TAMAYO-ACOSTA. Premissas para um dialogo com el ateísmo .) A opção pelos pobres no Século XXI. Juan-José (ed. GUTIÉRREZ. 2011. _________. Paulinas. El problema teológico de la incredulidad. crítica. Paulinas. Maria Clara L.). Fé e Eficácia. São Paulo. 1998. CARDENAL. São Paulo. pp. SP. 1998. Elisabeth A. 389-394. 2011. nº 80. In: Revista Latinoamericana de Teología. Jurandir Freire. Disponível em http://servicioskoinonia. A teologia como intelecção do Reinado de Deus. BOFF.B. Diálogo inter-religioso a partir dos pobres. pp. Ética.org/relat/311. “Uma espiritualidade para luchar por la justicia desde la perspectiva de Ignacio de Loyola”. In: FLORISTÁN SAMANES. Trinta anos de teologia na América Latina. Paulus. Teologia e prática. 4 . Lisboa-Portugal. Paulinas.htm#b9. In: FLORISTÁN SAMANES. Rosino. Freiburg. pp. COSTA. Luiz Carlos (Org. José. Mayo/Agosto.1). Pobres. GONZÁLEZ FAUS. 2010. Em busca dos Valores Universais. das Escolas Filosófico-Teológicas do século XX que norteiam seu pensamento. MARCELO. Rodolfo. In: OLIVEIRA. etc). São Paulo: Loyola/Soter. In: Revista Latinoamericana de Teología. 1980. _________. São Paulo. Zu einem Weltprogram des Christentus im Zeitalter des Pluralismus der Religionen und Kulturen . ______. São Paulo. Garamond. Gustavo. Dicionário de conceitos fundamentais do cristianismo. Paulus. Paulo Fernando Carneiro de. A dimensão socioestrutural do reinado de Deus: Escritos de teologia social. Rio de Janeiro. O ponto de vista do outro. nº 80. Soziale Verantwortung lernen. Gonçalo (Coords). Petrópolis: Vozes.4. 2011. 1999.2-2014. Ribeiro de. Ediciones Cristandad. Año XXVII. pp. Uma Igreja para o próximo milênio. METZ. “Compaixão” como um programa universal da Cristandade . Teologia do político e suas mediações. RICHARD. Loyola. 1995. Petrópolis. Dicionário de conceitos fundamentais do cristianismo. _________. Lothar und WEISSBROD. Vozes.