You are on page 1of 40

JORNAL DE TEXTO, FOTO

,

João Antônio Demócrito M o u r a Narciso Kaliii Perciva! d e Souza Gabriel Romeiro Jota Susan Sontag Hitler & o Goleiro Leão

Agosto 1975 Quarenta Páginas

$6

QUADRINHO

E

Salve-se Q u e m Puder!

IMPRENSA.

BORBOLETA! VAI DAR O TREZE PELA FEDERAL!
PÁGINA 5

Q U E M SOFRE C O M A DISTENSÃO? OS JOGADORES.
PÁGINA 7

A CAPOEIRA MENTAL DO CEGO PASTINHA
P Á G I N A 17

HARE KRISNA: " M E DÁ U M DINHEIRO A í ! "
P Á G I N A 20

P Á G I N A 26

REICH: LENHA NA FOGUEIRA DE GIORDANO B R U N O

Io DR. FIDEL CASTRO RUZ, DE VOLTA AO SISTEMA INTERAMERICANO

PLANO, OK! EUA INVADEM ORIENTE M É D I O
P Á G I N A 31

RUBENS, )Oj ORLANDO, EVARISTO, ÊNIO, LUIZ, TALVANI.
• •
I f L „ â,
/•'' :

leitores
15»

Ex-13

i

«surgi jóvenes cuentístas» chilenos Híoüifio < • « é<mk sátoit b • . d /

dcaapata Iüa-voIi ión cultural

informe exclusivo: portugal sin monóculo tizóo, ei diabfo j muertos b. % m » M t«*gfea dia t»r osesu alemán prensa y poder en el peru !>»«:« • ;<* ferie*

o c c
Pedido Anônimo .

«

t

f

O

O "socorro" chegou colado com durex numa folha em branco. No envelope apenas o nosso endereço, nada sobre o remetente.

Chato mesmo foi descobrir o amigo aí em cima, por trás dos meus pensamentos, projetado, ou m e s m o colocado a força (tem é gente nessa teia), imposto para o bem dos normais. É isso aí: enquanto existir bonecos, desenvolve a máquina e retrocede o homem.

Descobrir é Chato

a) Rubens (ilegível), G B .

Redação do EX: Acho que nunca escrevi carta alguma pra jornal algum em tempo algum por razão alguma. Mas agora escrevo. Vocês do EX (ex-Realidade, ex-Veja, ex-A&C, ex-Bondinho, ex-Panorama e ex-otras cositas más), precisam saber que tem nego interessado no trabalho de vocês. Para o que o João Antônio chama, com propriedade, de classe mérdia, é bastante difícil fazer uma análise de seus próprios erros, a popular autocrítica. Mas, mais difícil ainda, é fazer alguma coisa a partir dessa constatação, abrir novas frentes. Vocês abriram. Qualquer coisa que vocês possam precisar desta cidade, há vários companheiros sempre prontos a dar uma mãozinha.

A Primeira Carta

a) Jô, A Gazeta, Vitória.

Acompanho esse pessoal todo desde Bondinho, Grilo, e agora no Ex. Vocês têm uma coragem incrível, porque jornalismo (do bom) nesse país, é como saltar sem pará-quedas de um avião, rezando pra cair em cima de um caminhão cheio de colchões, pra não arrebentar o rabo. Leio o Ex desde o primeiro número; é realmente uma glória e felicidade prá nós, vocês chegarem até o n? 12. P.S. Não gostei do que Norman Mailer escreveu sobre os Stones. Pô, ele é um cara que é lido por quase toda a garotada que curte Rock (isso é verdade, cês podem acreditar) e agora o cara vem e dá uma dessa? Qualé pô? Burrice dele querer comparar Dylan com os Stones. As raízes de Dylan são totalmente opostas. Dylan foi tremendamente influenciado pelo Folk, Os Berry, Memphis Slim, Howlin Wolf, Bo Diddley, B.B. King, todo esse pessoal do "Rhytm & Blues" que plantaram as sementes do rock'n'roll. Além do mais Dylan canta com o nariz e Mick Jagger com o estomago. Não tem outro jeito pra se cantar rock meu chapa. Prefiro Mick jagger berrando a todo volume dos que Yes com aqueles passeios clássicos, chatos e babacas. Dessa vez Mailer foi uma decepção total.

Um Salto Do Avião-

a). Luiz Gonzaga Neto, SP

Meu caro Hamilton (Almeida Filho): O negócio é o seguinte: estou ligado antes de mais nada, os mais calorosos no trabalho de vocês. E lendo adoidado o número 12, que está excelente. Só parabéns pelo Ex-12. Texto e diagramaaquela entrevista com o Raimundo ção demonstram uma vez mais (como se Pereira vale os suados 6 cruzeiros. Atra- fosse necessário) o extraordinário talenvés do Ex descobri também a revista to que você e seus companheiros de luta argentina Crisis (comprei o número que conseguiram reunir (e dinamizar) para tem uma matéria sobre o Millor Fernan- essa cruzada que se destina a levar o jordes). Ficha: sou um cara que estuda - nalismo de volta à imprensa. O Ex-12 está maneira de dizer - na ECA (Escola de vibrante de idéias, arejado em seus proComunicações e Artes, USP). Fiz apenas pósitos, corajoso na maneira de colocar o Curs o Básico (bastante cacete). Nesse nas feridas nacionais os dedos mais causano, a escola partiu para um movimento ticantes. Devo dizer-lhe, no entanto, que pretendia desinfetá-la - o marasmo que a distribuição - pelo menos aqui no era tal, que ninguém agüentava. Apro- Rio - é bastante precária. Poucas bancas, veitando a deixa, saí à cata - duríssima - das que procurei, tinham o bicho á vende um emprego, visitando radações pela da e; o que é pior, muitas sequer o conheciam. Puxe as orelhas de quem se aí. ocupa dessa função. Nessa de aprendiz de feiticeiro, senti a) Enio Silveira, Editora Civilização Brasias barreiras, a descrença nos caras que leira, Rio. estão começando, os jornais em decadência de todo tipo, e uma certa atmos- Ex - Mudamos a distribuição. Ver página fera burocrática no trabalho de jornal. Nestas primeiras buscas, andei somente pelos templos da "grande imprensa". Fiz uma ficha no Estado (sem qualquer esperança) e percorri o prédio brilhoso Um amigo que trabalha na fundação da Abril. Nessas perambulações fiquei está documentando a pelo menos com a cuca menos pesada. dó Pelourinho As pressões que sofria pra trabalhar (cos- arquitetura e a gente da cidade. Ele tem bem umas 200 fotos e pelo menos 20 digturei os 20 anos sem conhecer o bater cartão, car a vermelha de patrão, horário nas de publicação. Não se faz questão de e proibições, salário minguado) cede- grana e pode preparar uma seleção de ram mais: pelo menos eu argumentava cópias 18x24 para o Ex. com a dificuldade de encontrar empreSem badalação, estou certo de que Ex é go (aquela do escasso mercado de traba- uma das pouquíssimas publicações que lho). comportam e merecem estas fotos. Se julgarem interessante, escrevam. Um bendito dia vi um jornal novo a) Luiz Pontual de Oliveira, Salvador. numa banca. E dei logo uma passada Ex - Escrevemos e estamos esperando as para espiar as possibilidades. Acabei fotos. fazendo uma experiência e sendo registrado como estagiário. Até agora não sei direito qual é a aos caras que dirigem o Jornal cia Manhã (esse o nome dele).

Vale Quanto Pesa

Orelhas Puxadas

Myltainho (Mvlton Severiano da Silva) amigo: O jornal está muito bom, e isso sem dúvida é uma prova de que vocês estão bem e certamente maiores. Cada qual faz o que pode. Luta como pode, segundo a realidade, pois a prática é a essência da teoria idiota que, se serve para alguma coisa, não será para mais nada além de procurar justificar, nem mesmo explicar, erros e acertos da vida. a) Talvani Guedes, Recife.

Essência Da Teoria

Ex - Não via.

Caro Ex: Acabei de saber dessa história do Ex com censura prévia. E logo agora, depois desse Ex-12, espetacular. a) Edgar Moura, Rio.
estamos com censura pré-

Ver Página 5

Seleção Baiana

Senhores do Ex: Cada página que eu lia no Ex era uma porrada. As entrevistas com João Antonio e Vandré estão realmente incríveis. E o que mais me alegrou foi a volta do pessoal do Bondinho. Olhe: é bom pra chuchu uma coisa assim voltar pras bancas de jornais, porque o desespero já tava demais. Só agora, no 12, é que fui acordar pra sacar o Ex. Mas nunca é tarde. Firme pessoal, que assim vocês hão de vencer. Abraços.

Nunca é Cedo

a) Alexandre Silveira, SP.

Quebrem Essa
Gostaria com quem do número galho... de entrar em contato puder me arrumar o Ex, 1 ao 6. Ia me quebrar um

Seguinte: estou interessado em adquirir os n?s 1 a 6 (atrasados), mas como vocês não os possuem mais, publiquem meu endereço para ver se alguém está a fim de transá-los comigo. Mais um detalhe: a revista é ótima mas, em minha opinião, a única nota destoante nela é a coluna de Percival de Souza, feita num linguajar de submundo e que absolutamente não se coaduna com os objetivos e propósitos deste jornal. Acho que a mesma deveria ser abolida, pois a massa à qual a mesma é dirigida não é a dos leitores do Ex.

Vamos Afinar?

JORNAL DE TEXTO, FOTO,QUADRINHOE O DIABO.
C o m p r e o Ex! M e l h o r ainda: assine o Ex, m a n d a n d o este c u p o n (ou cópia dele, pra não estragar o jornal) para a Rua Santo Antônio, 1043, São Paulo - C E P 01314

ex-

a) Antonio B. Alwan, Av. Brigadeiro Luiz Antonio, 2513, CEP 01401, SP.

Boa, Colega!
Colegas redatores: Há muito tempo venho acompanhando o Ex. Finalmente, com a ajuda de amigos, consegui uma assinatura desse maravilhoso jornal, dei de presente uma outra, e, agora, desejo fazer mais duas assinaturas para presentear meus mais caros companheiros de vida. Vocês estão conseguindo levantar um pouco a esperança da gente. Felizmente, porque já não era sem tempo. Contem comigo para o que der e vier.

a) Irede A. Cardoso, SP.

Nome: Endereço: Cidade: CEP: 0 12 EDIÇÕES (Cr$ 70) 0 6 EDIÇÕES (Cr$ 35)

a) Evaristo Blanco Pereira, R. Júlio Conceição, 177, ap. 23, Santos.

Forma de pagamento: cheque nominal para a Ex-Editora Ltda.

a) Orlando F. Filho, SP.

EDGAR,
D

correspondentes
ALEXANDRE," ANTÔNIO,
A I C V A U I H D C I A

IREDE,
i n m r

EDITH, MARIA.
r r v . - r .

De fracasso em fracasso, começaram a suspeitar que o mijão chegava cedo e sàía do apartamento apenas par a fazer o séryiço. E, entre 1 e 3 noras, o pessoal do prédio andava para cima e para baixo, dando incertas em vários andares. Até que surgiu uma outra possibilidade: - A gente não via quem entrava pela garagem - disse Antonio, de olho nà ala jovem do edifício. você não tem dinheiro, então ele respondeu que se virava. E assim saiu de casa, mas pedi para alguém segui-lo. Deixei passar uns dias é fui procurá-lo, os senhores nao podem imaginar como fui mal recebida. Fui até lá, e ele me perguntou o que eu ueria, então pedi para ele voltar e para deixar essas coisas, ele muito possesso me respondeu em voz bastante alta: Ah, é! a senhora quer que eu volte para o meio de vocês uns pecadores. Então se era essa a razão da minha ida até lá já estava dito e abriu a porta para eu sair. Sai, chorando, mas voltei outras vezes para tentar, mas cada vez era mais mal recebiaa, e uma vez fui até lá ele tinha ido embora, e se encontrava no Rio, rua Cosme Velho, 815, CB. Tel. 265.7501. Meus senhores, pelo amor de Deus, façam tudo que estiverem ao alcance de vocês para desmoralizar a TFP, para ver se ele cai na realidade sai deste encanto, pois para mim ele está encantado, igual a historinhas infantis. Estive lendo a reportagem que vocês publicaram sobre a TFP. Em relação ao Bruno foi o retrato fiel do Sílvio; quando estava lendo fiquei abismada pois parecia o meu caso. Por Deus, eu queria que o governo tomasse alguma providencia, pois tenho certeza que não foi só esses dois lares que esta maldita organização destruiu, que caiu no conto da TFP, mas sim muitos, então vamos cortar o mal, isto para mim é um mal com única finalidade de destruir famílias. Meus senhores, mais uma vez agradeço por terem feito esta reportagem, e também me dado chance de desabafar. Tem hora que fico pensando, se eu fiz alguma coisa errada, para meu filho dizer tantas coisas, palavras ferinas, isto jamais pensei ouvir dum filho meu. Falava que eu era pecadóra e que nós éramos uns demônios, para ser sincera tive a impressão de que deram uma lavagem cerebral nele incutiram só regras desta maldita sociedade. Meus senhores, já estou velha e meu marido mais ainda, e tenho medo se de um momento para outro um de nós faltar e não der tempo para ele vir até nós e cair na realidade e for tarde demais. Mas Deus é grande e vai fazer ele sair deste pesadelo antes que isto aconteça. Muito obrigado mais uma vez, e respondamme o que acham de tudo-isto e que rumo devo tomar, ou largar de mão. Meus sinceros agradecimentos. a) Edith Mantòvanelli Dazzi - Vitória Então concentraram as investigações na garagem. O elevador desceu mijado assim que um morador do 4? andar subiu. A mesma coisa aconteceu no dia seguinte. Mas o zelador queria uma prova definitiva. Afinal, o suspeito era um enge nheiro. - Botei o José do Carmo no 3? andar e avisei quando o homem chegou. O elevador estava limpinho. Ele chegou no 4? e José chamou o elevador pro 3chegou mijado. Quando os 3 foram se reunir na portaria, para discutir o que fazer, o engenheiro desceu com um vizinho de apartamento: - Mijaram no elevador, viram? - disse para os 3. - Mijaram ou o senhor mijou, doutor? perguntou Antonio. Aí quebrou o pau. O engenheiro disse que se tivesse mijado, não ia negar. Mas, já que fora acusado, ia mijar toda noite. E mandou-os tomar cuidado. Se não, entregava todo mundo. - Pra quem, não sabemos. Sabemos é que nunca mais o elevador apareceu mijado - concluiu José do Carmo.

d'água, porém não há espigões; falta o supérfluo e o necessário. A população é em sua maioria de operários. Trabalham em fábricas situadas na periferia. Gente só com vida local; ir ao centro da cidade só por muita necessidade: INPS, pagar impostos ou qualquer outra burocracia. No verão a "praia" de Ramos fica perto. Aqui fica a pobreza e aquela classe média, que quando o entrevistador do Ibope chega, não hesita em se classificar o mais perto que pode do C. Diversões quase nenhuma: a igreja, a pracinha e um horrível "poeira". Isso significa dizer que nato existe vida cultural. Apesar de tudo a suburbana não é mais um tipo; misturou suas necessidades com o que lhe é imposto pela moda e pela sociedade de consumo. Só alguns detalhes, que o ordenado, por mais que espichasse não deu para cobrir, traem sua origem. Esse tributo ela paga pela necessidade de competir, desde a proçiíra de um emprego - boa apresentação - até fazer jus à bela revista de modas coloridas que comprou. E a filha do João da Silva tentando ser igual. Alguns partem para conquista a cidade viajando todos os dias em ônibus superlotados. A casa fica sendo então só para dormir (estar às 8 horas no Centro representa acordar às 5 horas da manhã; a noite, quando voltam, só resta descansar o corpo). Mas essa ainda é uma minoria restrita. São os que têm ginásio e conseguiram um lugar nos escritórios, bancos ou comércio. Faculdades.proliferam nos subúrbios: Piedade, Bonsucesso, Engenho Novo, Ramos e outros menos cotados, mas as ruas das adjacências não- chegam para estacionamentos. Jovem suburbano não vai para o trabalho de automovel, vai? Quem então freqüenta tais faculdades? Mas há aqui quem saiba das coisas também, quem apesar de tudo não precisou ser rico para adquirir cultura e conhecimento. Quem com'sacrifício foi ao encontro da faculdade federal ou estadual na zona sul ou no centro ou mesmo em Niterói. Sabem o que acontece depois? Começa a haver uma perda de identidade; depois que o cara volta desiludido profissional e intelectualmente, ninguém acredita no que ele diz. Conheci um desenhista-projetista que realmente ficou meio maluco. Era muito alto e achava que os projetos de ambiente nunca levavam em consideração os fora da média, tinham já estipulado certos padrões de normalidade. Assim sendo nada era funcional para ele. E as pessoas oue pensam, os ouesabem das coisas? Ficarão obrigados a receber o mesmo tratamento e, para a formação de uma raça pura de imbecis, terão sémpre que esconderse da implacável perseguição? Por isso proliferam Os Globos, agindo como uma faca afiada para cortar os excessos (deformações). O pessoal que em outros tempos teve formaçao em colégios federais e estaduais, tendo por mestres pessoas capazes, que muito ajudaram ,esclarecendo e dignificando sua função — hoje, onde andarão aqueles mestres? Ensinavam história, geografia, literatura, etc. Negavam muita mentira de certos livros - livro didático hoje é uma vergonha. E lamentável a formação dos jovens ae hoje. Que prática pode desenvolver a teoria recebida, com o bloqueio atual. Mas a miséria ainda será a melhor escola. Por enquanto estão sendo enganados e agradecendo. Quem já está acordado sofre por si e pelos que sonham enquanto, encjuanto caminham para os cursos técnicos-profissionalizantes, pagando um preço ainda mais alto pela falta do mínimo indispensável de formação histórica. Dá uma vontade imensa de bater um papo com vocês. Através do Ex me comunito comigo mesma - é uma introspecção alarmante. O pátria amada, é muita miséria - e, não falei em mais nada a não ser nessa vidinha suburbaa) Maria Luíza Montenegro, Rio.

A partir desta edição, passamos a selecionar algumas das cartas que recebemos, publicando-às como matérias. São as cartas dos correspondentes do Ex, dentro ou fora do Brasil.

TFP Levou Sílvio

a

Prezados Srs. da Revista Ex: Em primeiro lugar quero parabenizá-los pela excelente reportagem que vocês íizeram sobre a TFP (ExAo continuarem a ler minha carta os srs. vão me dar razão para eu dizer isto. Em 1967, chearam em minha casa uns srs. dizendo serem

a TFP, isto é, uma sociedade que combatia o comunismo e era muito católica, então começaram a falar e explicar até que em dado momento eles convidaram eu e meu marido para assistir uma palestra que eles iam dar em Vitória, a Capital. Mas como somos muito católicos, pensamos que não era coisa ruim, pois era relacionado com a igreja, então não pude comparecer, então mandei meu filho Sílvio de 16 anos e outra filha minha. Mas como foi uma palestra muito chata, minha filha não gostou, mas o Sílvio ficou deslumbrado. E, quando chegou em casa, falou que ia voltar pois havia gostado muito. Da segunda vez ele ja voltou meio estranho. Quando ele foi nesta maldita palestra ele estava no 1» Científico. E asiim começou sua mudança. Meus senhores, ele era um exemplo de filho, para dizer a verdade ele nunca levantou a voz para mim. Era alegre, tocava violão, era ura menino feliz, se dava muito bem com os irmãos, pois tenho 7 filhos. Mas suas atitudes foram chegando a tal ponto que estava ficando insuportável, a situação chegou ao ponto que dizia que sua mãe era Nossa Senhora e não eu. Vocês não podem imaginar quanto dói numa mãe ouvir estas palavras pronunciadas pela boca de seu filho, e, por sinal o que mais trabalho deu quando pequeno, pois era uma criança sempre doente. Mas tudo isso foi passando, ele sempre teve vontade de fazer medicina, mas o seu modo de pensar modificou, falava que a medicina faz o homem perder a alma, então ele tentou a odontologia e passou, mas quando chegou em anatomia, isto é, mexer nos corpos para estudo, largou o curso. Para vocês verem até isto ele jopou pela janela. Ele ia à missa iodos os dias. (guando eu não o acordava de manhã, ele perdia a aula à noite mas não deixava de ir á missa. E cada vez mais estranho. Só queria comida boa, parecia até um hóspede milionário, mas como Içvo uma vida modesta como podia agüentar! Brigava muito com as irmãs, pois elas usavam calças compridas, era uma constante briga, o que não acontecia antes, graças a Deús, no meu lar não existia essas brigas, era cheio de paz e harmonia. Se estávamos assistindo televisão, ele a desligava, pois falava que nós estávamos contaminados pelo demônio, pois tínhamos coragem de assistir aquela arma pecaminosa. Meus senhores, tem hora que eu fico pensando como puderam fazer isto com meu filho, digo isto com os olhos cheios de lágrimas, não entendo, meus senhores. E em 1969, saiu uem cedo, e quando voltou vi-o arrumando as malas. Então perguntei se ia viajar ele respondeu que não, então falei, onde você. vai? Vou embora. Mas falei meu filho

§

a) V.P. Dória, SP.

Vida De Subúrbio
Esse jornal é tudo aquilo què a classe média não enxerga e nem sequer sente, pois às vezes ignora que sofre. E que moral tem a referida classe! Cada um que se cuide, trate de enriquecer e deixe a vida dos outros em paz. Partindo desses princípio rígidos de participação social, caminha cega em busca da sorte na loteria esportivji. Ex é um alerta, Ê anostalgia, não o modismo ordinário para consumo, deteriorando todos os valores para garantir seus interesses destruindo com isso a criatividade e a informação. Curso de Comunicação pra que serve? Não é uma pergunta pessoal nem de uma minoria; abrange um sentido mais amplo; o que faço vai ser lido e visto por muitos e eu só posso dizer o que os "donos" querem. Há muitos profissionais em tal situação. Mesmo aoueles que são obrigados a vender seu trabalho, sua força intelectual para esse fim, sofrem com a cruel contradição imposta. É uma loucura. Logo após a formatura, ao contrário dos bem sucedidos médicos, engenheiros e afins, fui despedida do emprego - causa: falência do mercado financeiro. O mesmo aconteceu com um colega do JB -causa: um apadrinhado precisava do lugar (geralmente o cara apadrinhado é tão ruim. mas tão ruim que ninguém agüenta com ele, mas que se há de fazer?) Hoje desempregada, marginal, fico escutando a família e os conhecidos dizendo: "Bom é O Globo, por que você não vai pra lá?" Fiz estágio na Rádio Guanabara e na TV Tupi. Já sei o que é o marasmo. Essa vida suburbana do Rio - reduto dos infelizes - é a que vivo. Moro em Inhaúma, onde também mora o leão de chácara e muitos outros leões. O subúrbio é muito mais do que a zona norte, que inclui bairros aburguesados, Tijuca e adjacências. Por aqui a vida é mais chegada para o rural - verde x poluição. Ruas sem calçamento, ausência de sinais de trânsito, falta

Quase Em Flagrante

D e madrugada, um dos elevadores do prédio onde moro apareceu mijado. Quem viu primeiro foi o porteiro da noite, Antonio da Silva. Ele chamou o zelador, José Gonçalves, e o garagista, José do Carmo. Logo viram que não podia ser coisa de criança: - Era uma mijada imensa - disse Antonio. 0 mijão atacou 7 noites seguidas, entre 1 e 3 horas. Como descobri-lo? O edifício Aliança (rua Frei Caneca, 1100, SP) tem 143 apartamentos, 11 andares, 13 apartamentos em cada andar, '200 moradores. Depois que alguém entrava naquele horário, os 3 iam vero elevador.

UM PAPEL DE RESPONSABILIDADE
A SELECTA RESPONSABILIZA-SE PELO PAPEL QUE VENDE SÒ T E M D O IMPORTADO E PELO PREÇO QUE COBRA 40 M E N O S Q U E AS O U T R A S LOJAS. POR ISSO. PESSOAS DE M U I T A RESPONSABILIDADE DIRIGEM-SE A SELECTA: P U B L I C I T Á R I O S , ARQUITETOS, ENGENHEIROS, ESTUDANTES. V E G E T A L S C H O E L L E R , EM R O L O S E F O L H A S MILIMETRADO, ONION-SKIN (BLOCOS), PARASSOL, OPALINE, CARMEN, CARTÕES D E D E S E N H O S C H O E L L E R , EM T O D O S O S T A M A N H O S F O L H A S C O R T A D A S OU MARGEADAS, TODOS OS T I P O S DE B L O C O S DE D E S E N H O N U M E R A D O S .

Cine. cultura y descolonizacion
Fernando E Sotanas Octavio Gelino

lógica formal /lógica cfaiética 'aJrlIsiB-.fli^"^

ÜPTuá
MORNOS
MIGUEL ABTOLA

RORESTAN FCRNANOtS



U T 1 V T A M OCCllflUI 11 • t

• m

•à ••
1

«D»

19 P N H B C M
i («SIJCA!

fcnmice sdciu

e i l M I I O M

l*j

O Espirito e a Letra

J A

D I R I J A - S E

À

UMA LOJA PARA UMA CLASSE SELETA Marquês de Itú, 134 (esq. B e n t o Freitas) F o n e 37-79H8

SELECTA

CIÊNCIAS HUMANAS

NA LIVRARIA

i 'i111
• •Ij.i

fc.

.,

<i.i
I.

FILOSOFIA SOCIOLOGIA POLÍTICA HISTORIA

R u a S e t e de A b r i l , 2 6 4 - Loja B - Fone 3 6 . 9 5 4 4 CP 4 4 3 9 - C E P 0 1 0 4 4 - S ã o P a u l o - SP

Todas as segundasfeiras nas bancas

MOVIMENTO
U m jornal feito c o m o trabalho e o — em defesa de nossos recursos naturais e por sua exploração planejadinheiro de mais de 300 pessoas, da em benefício da coletividade. entre as quais mais de 100 jornalistas. Movimento é dirigido por um con— os principais fatos da semana selho de Redação, que tem 51% das — a descrição da vida do povo brasiações da empresa editora do jornal, e leiro — em defesa das liberdades democrá- orientado por um Conselho Editoticas e da melhoria das condições rial composto por personalidades democráticas. de vida, do povo brasileiro

CRITICA
PEDIDO DE ASSINATURA
Destaque e»te cupom e mande junto ao pagamento à ordem de EDITORA CRITICA LTDA. Av. Rio Branco, 156, tala 1222, Rio - RJ, Bratil DESEJO FAZER UMA ASSINATURA DE 1 A N O • BRASIL (Cr $ 200,00) • EXTERIOR (US$ 50,00) 6 MESES • BRASIL (Cr$ 100,00) • EXTERIOR (US$ 30,00) NOME RUA CIDADE PAlS ESTADO CEP JUNTO MEU PAGAMENTO POR N°

CONSELHO EDITORIAL
Edgar de Godói da Mata Machado Francisco Buarque de Holanda Hermilo Borba Carvalho Filho José de Alencar Furtado Fernando Henrique Cardoso Orlando Villas-Boas Audálio Dantas

CONSELHO REDAÇÃO
Aguinaldo Silva Antonio Carlos Ferreira Bernardo Kucinski Elifas Andreato Fernando Peixoto Francisco de Oliveira Francisco Pinto Jean Claude Bernardet Marcos G o m e s Maurício Azedo Raimundo Rodrigues Pereira Teodomiro Braga

DE

d *)
1

CHEQUE VISADO VALE POSTAL •

PAGÁVEL

NO

RIO

l .

A FIÍN IMPRENSA LÍVR

í \ m f 9 Distensão. de quv na véspera o Departamento de Censura da Polícia Federal. which has not keven. o Bexiga. papers—the Sào Pauio politicál monthly Ex and a new weekly. dia 23. Cultural e Industrial. na loteria federal e sob nova dis«f « | v Classificados de imprensa. incluindo nelas todas as capitais". círculos de imprensa viram o anúncio com ceticismo. E o conto curto "Experiência N ú m e r o Z e r o " . Publicidade: Wanderley Pereira. Nenhum direito reservado/Direitos de reprodução da revista Crisis. Paulo. o Ex-13. Cr» C O N C O R R E M 60 M I L H A R E S ECONÔMICA FEDER AU CRUZEIROS c* frnm y Cr $ o . coisa q u e n e m os porcos merecem." 5: VIGÉSIMO número 14. R e p ó r t e r brasileiro e m C u b a : * j t « E x o entrevistou e publica trechos do livro q u e ele escreve. Tarde. M y l t a i n h o flagra U « 2 russos na cama.fone: 81. particularly after!of the nevvs tbat censorship wouldjas be extended to two more news-'sh . *fl " 7 «Pastinha. A • A Baixa Sociedade dá de I • «gatilho na Alta. Ex.um mensário político de São Paulo. seita japonesa. jornal da. é o 131". SP.00 Cr» 10. O USOU A MENINA ft COMO REFÉM E * LEIIII nilli 1 FUGA ALUCINADA DE LADRÃO . diante disso. Bruno? é u m insatisfeito no amor. tem u m poeta I Z t « c o m o prefeito. U m repórter mostra São Paulo ^ 0 « 1 9 7 5 . * ?4 Desta Vez. e ViVer! <\ # Itaocara. outro repórter sente saudades d e 1950. de que na véspera o mesmo Departamento de Censura da Polícia Federal. Dia 8 de julho: apenas 2 jornais cariocas publicam com igual destaque a notícia. C A P A : Jayme Leão Ex-Editores: Hamilton Almeida Filho/Narciso Kalili/Mylton Severiano da Silva/Paulo Patarra/Amâncio • Chiodi/Dácio Nitrini/Palmério Dória de Vasconcelos/Armindo Machado/Percival de Souza/Luís Carlos Guerreiro/Alex Solnik/Domingos Cop Jr. restaurante macrobiótico e muito banho frio. 9 0 . sendo que atingiremos as 120 maiores cidades ao país. Virgílio de Carvalho Pinto. E dessa vez.113 do bilheteiro Antonio não deu. *t C • Comicus ataca d e suástica. SP. ^ Ã « R a b i n h o de cavalo. o nosso número 12 . However. na rua Direita.Jogadores falam d o \ 3 l • grande inimigo. Um trecho da carta da Abril: "A distribuição será em caráter nacional. Von: Meanwhile. nos comunicava que não estávamos sob "censura prévia". sem *f í l • M u l h e r vive np chiqueiro e já "censura prévia". O que nos obrigou a mudar os planos mais uma vez: este n? 13 vai às bancas com tiragem maior outra vez (30 mil exemplares.SP/SP. I < J • A revista deles lembra manual do Magic-Click: é o A c e n d e d o r .argui projei ' li' censorship from a Kvs organs still under control. Jornal do Brasil e O Globo) publicam a informação.978) foi um japonês que passa toda semana pela rua da nossa redação. Rua Dr. A Q • ^ m i n i s m o . o resumo da morte d e uma e q u i p e . quarta feira. C Ex-13 ex-13 SALVE-SE CAIXA Jus Al A DE 1 M B I T U B A MACAÉ-RJ LOTERIA FEDEKIL DO BfflSIi P S Í M I O« > 1 0 8L I Q U I D O 700 L INT M r>u*M TOTAL V1G Cr» 12. Dia 22 de julho: "Olha a Federal! Borboleta. press circles jts viewed the announcement with'its skepticism. Nas bancas das duas maiores cidades do país./Hermes Ursini/Vanira Codato/João Antônio/Cláudio Favier e/Luís Câmara/Jaime Leão/Jota/Hilton Libos/Gláudio Edinger/Márcia Guedes/lvo Patarra/Marlí Araújo/Fernando Morais/Wilhelm Reich/Neusa Coelho/Beatriz Horta/Raquel Moreno/AriNorman ha/Gustavo Falcón/Agliberto Cunha Lima/Mônica Teixeira/Demócrito Moura/Jurandir Camargo/Elvira Alegre/Gabriel Romeiro/Miles Ignotus. R J . Nós tínhamos comprado o "13" do Antonio. distribuiu a sorte grande entre alguns comerciantes e moradores do bairro. A notícia do New York Times. O • grande amor da vida d e Eva não é mesmo flor q u e se cheire.SALVE-SE Q U E M PUDER SALVE-SE Q U E M PUDER n. baseada em nota da Ex-Editora. ela não era mais inteiramente verdadeira. u m tribuição. 50% mais que o n? 12). a partir do número 13.. gritava o bilheteiro Antonio Francisco de Menezes. SP. y Movimentio. . á 3 «bolsa no pescoço. 412 .A. 82 anos q u e parecem • ' « 7 0 .Editora Ltda: Rua Santo Antonio 1043. FOTO: AMANCIO CHIODI Dia 3 de julho: quatro jornais brasileiros (O Estado de 5. Agora com vocês. I I « l i v r o d e cabeceira. também distribuída pela Ex-Editora. Prá q u e serve a bolsa? « ^ O # E m Brasília.80 Cr» 82. Movimento. e um novo semanário. appeared. cego mas capoeirista: ele vê q u e só se pensa e m dinheiro. que ainda não havia saído. A Q • Vinte anos sem Carrnen U O • E prossegue a Campanha Ex: desta vez o preto Samora M a c h e l . Vamos ver por quê. cedidos gratuitamente/Tiragem: 30 mil. segundo W i l h e l m Reich. CEP 01314 .7461 São Paulo.E o " M a r e c h a l da V i t ó r i a " xinga nosso repórter. Quem vendeu o bilhete premiado (33. portanto.Seus despachos contêm a merencórea luz da lua. Só Faltou Dar o 13 Na Federal! "Além disso. já não era mais correta quanto ao Ex. particularmente depois da notícia de que a censura seria estendida a mais dois jornais . nos comunicava que estaríamos sob "censura prévia". . < \ r # Q u e m mata Jesus? e G i o r d a n o £S . E conta uma boa d o ex-diretor d o Cadeião. "1 Q • Seicho-No-le. vestidões. SP. Deu peru na cabeça da extração do dia seguinte. a Distribuidora Abril comunica que a partir deste número assume a colocação do Ex nas bancas. são devotos d e Krisna. Ex. sem ter ganho I U « levou muito c h o q u e na cabeça. Distribuição nacional: Abril S.com 20 mil exemplares (o dobro da tiragem do n? 11) . a O r d e m d o J m d • Universo: jornal. B Quando essa notícia do New York Times do dia 9 de julho foi publicada. the carn ^"WWSÍ—lllfi censorship. Dia 23 (quarta-feira): em resposta a consulta feita por nós. I o plano da invasão já existe. # Q u e p o d e m fazer os E U A para J I • ter petróleo? Ir á guerra. Composto e Impresso nas oficinas da PAT Publicações e Assistência Técnica Ltda.atingia a marca aos 75% de vendagem.80 Cr* 3JSO TOTAL .

Mas o que aconteceu deve servir de lição para a corja de corruptos que povoa esta Nação e botem as barbas de molho que inda tem Revolução. desconversaram que dá abuso até contar e e u pensava comigo. e foi embora para Brasília O s advogados da defesa quiseram então negar o valor que tinha a fita para se desmoralizar o industrial C. e inda mais deu sumiço na peça processual. ó minha gente V j u e a fita era montada como é a natureza: e Carlos Alberto já tinha ela mesma se encarrega sua prisão decretada da verdade e da certeza entregou quando o homem se esquece mas. O presidente da República no uso da atribuição que confere o Artigo 4<• da presente Revolução derrubou de uma só vez Romero.. Inventaram tanta coisa para a fita neutralizar.Juazeiro do Norte. Wilson Campos. não espantou... . outro sabor. tem alguma cousa no ar. Mas.. Descobriu-se que Romero devia ao Código Penal contrabandeava da Noruega uns fardos de bacalhau.. da justiça e da beleza. Carlos Alberto. Muita gente bateu palmas para a ação do Presidente e aquele da linha dura sorriu alto de contente porque na realidade deve o Senado ser decente. O senador Wilson é do dono da construtora o seu genro estimado corretor que tem penhora participando nas ações com a família e senhora. um senador ouvindo o outro chorar disse: "é inocente ou hereje" assim eu vou anotar. Agora.. Para encurtar a história..nesse tempo e Carlos Alberto. Mas. Carlos e o cão.. tudo foi pelo chão. da Federal fez novo teste na fita e pôs um ponto final concordando com a fita dentro do termo legal.Essa fita não tem valor gritava e dizia um . i que já estava preparado com o chefe da República com um ato declarado esperando pela hora e pelo dia acertado.a cassação. porque declaração assim é de se desconfiar. veja o que aconteceu dando a isso. Nesse tempo se propagava Veja bem.. o industrial sua denúncia escriturada. O Caso Moreno Em Verso e Canção: Um Ato Sereno Que Encerra Lição. O senador quase caia quando leu o documento que o Banco Central mandou mostrando seu fingimento quando ele tinha costume de tramas com muito invento. Quando em janeiro escrevi sobre o caso do Senador jue o Industrial de Moreno ez dele seu relator eu prometi que voltava para esclarecer o leitor. conversaram.. Fim . pois. Há negócios de terrenos que causam muito espanto convênios para eleições que derruba até um santo e tanta sujeira imunda se disser. na Polícia Federal a fita foi comprovada e os amigos do senador botaram por outra estrada dizendo que a dita fita não tinha e nem dava em nada. O Senado da República a Wilson absolveu houve uma correria pelo aconteceu e os senadores diziam: esse voto foi o meu!. Parece que o Senado não viu q u e a revolução confiou-lhe o recado deixando na sua mão prestiagiando-o no aberto mas. Nisso os jornais do Brasil exploravaam toda a questão dando da Democracia a completa dimensão permitindo que o povo tivesse sua conclusão.. furou pelo Brasil a nossa grande nação chorou diante ao Senado como se fosse um violão dessa forma. Mas o dinheiro estava certo ninguém podia duvidar só o valor da importância é que tinha a desejar. ele ganhou 400 mil cruzeiros porque foi pago em cheque e a mim. aos 29 de janeiro à Policia Federal em frente da comissão entregou a orignal pois o senador Rezende era presidente especial. A Revolução perseguiu aqueles subversivos faltam agora os corruptos que estão muito ativos e por cima tem dinheiro tem prestígio e muitos vivos. também ficavam de antemão uns querendo inocentá-lo e outros . Wilson deu documentos retirando logo o pavor. E o senador arrogante com muita ira gritava que o industrial fracassado algum dia. A primeira comissão constituída de três deu a sua opinião sem determinar o freguês pois não concluiu o troço deixando prá outra vez. aconteceu o contrário que ingênuo desconfiava. pra comover era a sua intenção. Tantas histórias equívocas apareceram depois que o pobre senador levou fandango. o professor Carlos Éboli. e isso n ã o contestou Recusou-se comentar se a tila tinha valia <• disse que era insulto que o jornal escrevia iporque era inocente Se condená-lo ninguém . A maioria dos deputados não mais dava opinião e os senadores. pois que eu não conto tudmho porque só serve a dois. No dia 1<> de julho no Palácio do Planalto o Presidente Ernesto C e / s e i falou forte e muito alto cassando o senador que ficou de sobressalto.. Depois que o ex-governo Eraldo Cueiros declarou sobre sua honradez. no dia 17 a comissão decidiu pela inocência de Wilson que de alegre sorriu enquanto que o industrial por pouco não sumiu. V Edição Wilson Campos já estava arretado com o s jornalistas por isso cancelou tudo almoces bons. lá com 6 meses passados do espetáculo inicial volto hoje com a pena com obrigação moral para entrar no direito da história e seu final. Por isso. entrevistas com muitos nomes nas listas. também já tinham advogados para a proteção do seu bem porque um caso assim só se defende o que tem..porque uma construtora tal soma ía pagar?! Pois foi assim a votação votada pelo Senado 21 contra Wilson e 29 ao seu lado e e u como poeta deixo tudo anotado. ele pagava aqueles vexames todos que muito o incriminava. me dá quebranto. Pois nessa quarta vez todo povo esperava que o dito senador suas penas descontava e com isso o Senado a aparência moralizava. ligeiro quase mudou o rumo do processo que quase se aniquilou. entregou uma cópia da dita fita pois.... Mas logo que terminou a primeira reunião o senador Itamar Franco recebeu declaração do presidente do Senado chamando-lhe a atenção.. cassava. Alberto que continuava a acusar. Mas Wilson respondeu: N ã o renuncio o meu mandato sou um homem competente sincero e muito sensato só saio depois de morto com todo meu aparato! Pois a Construtora Loyo pagou à loja do senador essa vultosa quantia sem ele ser construtor mas. quando Wilson sua voz na fita. mas creio que nuns pedaços algum sabido boliu.. e o outro advogado não há remédio nenhum que livre o industrial podia.. então o Senador dele. O senador Magalhães Pinto segundo uns comentários pediu para Wilson Campos em frente de funcionários que renunciasse o cargo para não ver dormedários.. Foi que o Banco Central numa carta sigilosa dava novos documentos numa representação jocosa que causou um reboliço e acabou a cor de rosa. os senadores iriam qualificar o parecer da Comissão que pedia para arquivar aquela história maléfica que estava a incomodar. foi nomeada outra nova comissão constituída de nove para dar a solução se cassava o senador ou se dava-lhe o perdão. Quando aos 30 de junho o povo todo esperava que o Senado....POETA DO M D B CANDIDATO A PREFEITURA DE JUAZEIRO-CE A li R A A 0 R A TISTA salada B a i i s n Ex-13 0I n d u s t r i a l Immfà o uo S s n a d e r C a l o t e i r od eP e r n a m b u c o -Io A C A S S A Ç Ã O A b r a ã o flbraâo ffatisia 0 Entrechoque do Divórcio Na Sociedade Brasileira Metade Gente e Metade Bode 0 Fenômeno do Boda que Nasceu X U o g r iT u r »d oA u t o r Xilogravura d oA u t o r Novamente. Segundo a dúbia vontade da representação do Senac aquele processo todo devia ser arquivado por achar inconsistente o que foi apresentado. Pois em mil e novecentos e setenta e três. Como então. O industrial acusava com toda convicção o senador da república de dolo e corrupção e os jornais escreviam fazendo propagação. Uns não queriam o processo chamando-o de aberração outros chamavam para si os poderes da Revolução depois do documento secreto entregue pra comissão. 4 votos toram contra e 5 foram a favor para que se arquivasse o processo do senador mas. Em Brasília. Mas. ouviu disse para a comissão: a voz é minha.. Então. se toi criada uma comissão especial que veio lá de Brasília para ouvir o industrial ouvir também o senador o governador e coisa e tal. ele não confiou entregar a original isso foi o q u e anotou. de ser preso nesse zunzum! .Julho de 197S.. e sorriu.

Sou um cidadão como outro qualquer. Aqui em São Paulo. do treinador físico. tem algum foco infeccioso. (Comenta-se que Xaxá. devido ao grande número de distensões ocorrido nos jogadores brasileiros. Sempre estão acontecendo as distensões. Rivelino. Açora vai para a Seleção Brasileira. por exemplo. diz que foi um mal aquecimento. Emerson Leão. Paulo Machado de Carvalho. Então o que você vê.) Dr. ponta-de-lança do Palmeiras. 59 anos..V o c ê diz distensão muscu. em 58. carga é que é demais. mais irritado ainda). Não tenho nada o que falar sobre distensão política. a única coisa que eu não fui na minha vida é político.e eu. Tem a fama de ser uma pessoa muito fria. Além do futebol.Pode começar a entrevista. 2 filhos. se que as camisas eram da cor do mando da santa. Ele e cidade onde hoje estuda Educação Físi. com uma mão no bolso e a outra gesticulando. Estava almoçando quando recebeu a comunicação cie ter sido convocado para a Seleção Brasileira. Foi mundo pela primeira vez. ficou menos viril em campo. mostrou uma imamusculares.FUTEBOLISTAS FALAM DE PROBLEMA QUE N Ã O OS ATINGE Ex-13 salada Distensão? Leão Acha Que Ela Pode Ser Apenas Psicológica. o doutor mesmo fala que não sabe de onde vem a distensão. Eu nunca tive uma distensão. onde conseguiu o título de Campeão Argentino. Ex .. depen- está no Palmeiras. Secretário da Féderação . sem nada. famoso zagueiro do passado. mas se Jogava no Botafogo de Ribeirão Preto. È chamou os jogadores. estudou até o curso científico. Xaxá . 72 anos. que ja treinou em 57. Não posso falar. (Entra na sala ao presidente da Federação e fala para as pessoas que estão lá dentro) Dr. Ex . " E o outro é o paraíso terrestre. sabendo que isso é coisa m á " diz Xaxá. Distensão é com político! Eu não sou político! (Agora na porta. Paulo (surpreso) . então temos assim um ritmo muito fora. Paulo . Na última Copa do M u n d o . Goleiro firme. que se atira em qual. O sorteio indiacontece mais. 25 José Gilherme Baldocchi.Rede de Emissoras Indedo acima da média do jogador brasileiro. careca e usa peruca. Não dá pra entender. eu aqueço bem antes de comecar qualquer atividade com bola. casado. considera. mas psicologicamente ele não está curado.Esse rapaz vem me perguntar sobre política. 26 anos.Então.. 27 anos. Dr. na Federação Paulista de Futebol. onde todos nós podemos ser iguais. E quando é no princípio do jogo. Por exemplo. nas quebrou a perna e m 1945. já no vestiário. A gente não sabemos de fato de onde ela vem. Os meus ossos são resistentes. Televisão Record. Precisa do maior apoio do médico. U m dos maiores jogadores do Brasil. Ex . curso científico completo.É você que quer a entrevisPassou então a ser técnico do juvenil do ta? Entra! Palmeiras. zagueiro-central do chefe da Rei . ponta-direita da Portuguesa há 4 anos. Baldocni . pelo tipo de formação das minhas fibras quer bola. eu acho cjue fica 10.O problema da distensão eu nunca tive. jogador corajoso.. Supersticioso e habiE a distensão? lidoso: no final da Copa do M u n d o de Leivinha . Canal 7. amarela. oras! Cláudio Faviere (Um salão amplo com carpetes e lambris.(para azul) e isso ouriçou os brasileiros. Paulo (de costas. como a nossa. às vezes a gente está num jogo.em 9 anos goleiro da Portuguesa de Desportos. em 74. Paulo . Foi depois técnico cie todos os grandes clubes de São Paulo (menos do Santos) e também do Independiente de Buenos Aires. nunca tive uma. Foi titular reserva na Seleção Brasileira de 1970. solteiro. que fica dias colada gem de Nossa Senhora Aparecida.. Paulo. jogador. às vezes 20 dias. em 1972. sem egoísmo.pela Apareceu na Portuguesa em 67. Conhecido como Marechal da Osvaldo Brandão.O que você acha aa distensão? Xaxá . E no futebol e duro a gente oão querer dar um chute num cara. quando fomos campeões do anos como profissional de futebol. Corinthians. governo JânioQuadros e chefe da deleEx. sidente da Confederação Brasileira de machucou no jogo contra o Zaire.. e o objetivo principal é o povo ter mais tranqüilidade em Çeral. Não é falador e foi expulso poucas vezes.M e u filho. O a u e você acha da distensão? gação brasileira nas Copas de 1958 e 62. na Alemanha. e disna cabeca. meia-armador do Palmeiras. O goleiro que tem uma distensão muscular é por excesso de trabalho. Faz propaganda de perucas.o objetivo dela é a humildade. temos às vezes 3 jogos por semana. Já levou muito chute na cabe.casado.Não é uma entrevista. Os tratamentos são normais. Sentamos em uma mesa redonda: Dr. Adepto de uma religião japonesa. a Igreja Messiânica Mundial. casado. 29 anos.O q u e voce acha dá distensão? Miguel .Distensão é duro pra mim falar. sem falsidade. e no final dá a distensão.ca. Ademir da Guia. Reserva na Copa de 1970 e titular na de 74. presidente do ConseAdemir da Guia são considerados os joga. Eu tenho fé em Deus. não sei nem como é que é. Dr. De modo que não é problema meu. Faz 4 anos q u e ca? Ex . Não digo a mais séria mas é a que Miguel Lopes Ruiz Filho. 40 ganhando 6 mil cruzeiros por mês. e não parou o almoço. mas sem equilíbrio emocional. cou que o Brasil teria de mudar a cor de profissionalismo.O que eu vou falar ?Eu não posso falar sobre isso! (silêncio de alguns segundos.o .O que você acha da distensão? Ademir. E filho de Domingos da Guia. P P K J l L v r j È ^ Ê s & f o • A -4 S^^K^^bÊU^gnSÊg^BtMA áEKjfl H g g a T as mãos nos bolsos e está gritando). 33 anos.A distensão é uma coisa muito complexa hoje em dia. Eu acho que o jogador que tem muita distensão..Eu acho que a distensão é um dos problemas mais graves. Foi encarte (quase nu) da revista Nova e faz comerciais do frango Sadia. Américo Egydio Pereira . depois de para construir prédios e depois vender. indo até o fundo do salão) . moleque! (levanta. quebrando o clima de entusiasmo dos colegas que foram levar a notícia. No caso dos goleiros.12.. C o m e ç o u no Juventus.Eu felizmente. fica irritado). o Xaxá. Paulo .Distensão é a contusão mais 1958. Paulo Machado ça. e não vou ser nunca! (Volta até a mesa). Foi vice-preda última Copa do M u n d o .) Ex . depois de ter entrado para a religião asiática.Desportos (CBD). 23 anos. É só uma pergunta: o que o senhor acha da distensão? Dr.O que a gente está tentando ver é o que. Não que seja mal preparado: Pelo contrário.Q u a l a sua opinião sobre a distensão? Brandão . Ex .O que você pensa sobre a distensão? Leão . compra terrenos lho Nacional de Desportos (CND) no dores mais bem pagos do Brasil. foi eleito o dono das mais belas coxas. O João Leiva Campos Filho. onde está desde 1968. aí fala que é do cansaço. Leivinha. comandada . às vezes clinicamente o indivíduo está curado. C o m e ç o u como goleiro no Comercial de Ribeirão Preto (SP) e foi para o Palmeiras e m 1969.de SP . dificilmente ocorre uma distensão. Foi pendentes. o frango do Leão. Eu acho que a gente não tem nada que falar. 2 filhos. Ex . Maximiliano Rodrigues Lopes.Hoje é vice-presidente da Federação lar? Paulista de Futebol. Vitória.põe .A distensão é um problema que o jogador de futebol enfrenta muito. anos. a cor da camisa da Suécia era séria. se nós formos para o lado médico.

de Assis Valente. E durante esses dias houve uma verdadeira corrida às lojas de discos. que enfraqueceu as forças portugueses em Moçambique e criou as condições para o golpe de Lisboa. ela será sempre lembrada com muito carinho por aqueles que realmente amam o que é nosso. dirigindo-se p o r entre alas compactas de povo para a Praça Mauá.". Gente chorando e cantando e.0 a g&ntll CoAdiaXtmntz. presidente do Fã Club Carmen Miranda. era a própria alegria personificada. Q u a n d o foi contratada pelo empresário Lee Shubert para trabalhar em Nova ^ork. o povo regressou às suas casas. lenços brancos no ar e a condecoração do sol sobre o esquife de Carmen. em salada Ex-13 nome do " F ã C£ui> Ca/urien ilL/uuida. Chhabra. Em 1961 conheceu Eduardo Mondlane. de Joubert de Carvalho. Os filmes: Serenata Tropical. MiKiSTH9lDoi . de 1939 a 54. do ano passado. admiradores da Pequena Notável. Quatro Moças num Jipe. ao sul de Moçambique. apareceu e m 14 filmes musicais. estréia o musical Miranda./1>-/"E. J U ^ i A ft^r^/ ík /o-. emigrou com seus pais para Lourenç o Marques. Nesta época de tantas Marylin Monroe brasileiras. a tremenda realidade surgiu diante de todos. Agora está promovendo uma campanha para acabar com a prostituição em Lourenço Marques. entoava cânticos angelicais.. Entre Loura e M o r e n a . onde se formou enfermeiro. O FÀ C H O R A . Homem austero. haverá missa cantada (gravação da cantora). Estudantes. em Hollywood. Carnaval.FA CLUB LEMBRA: CARMEN N Ã O MORREU. Fraternalmente. Brasília . Em 15 anos de Estados Unidos. " N o dia seguinte foi o enterro. loiô. membro do Fã Club Carmen Miranda. 31 eu /5?y ^ & / (XV) »VI / O < . M i n h a Secretária Brasileira./* f y c « í m i ** f-. Rapazes. na revista musical Ruas de Paris. Ela que foi a própria imagem do Brasil. R o m a n c e Carioca e M o r r e n d o de M e d o . na província de Gaza. onde foi descoberta por Lee Shubert. . Dear M r . Alô. o intelectual africano educado nos Estados Unidos e fundador do movimento nacionalista do qual nasceria a Frelimo. Edmundo. Aconteceu e m Havana. chuva de pétalas de rosas. Muitas pessoas tiveram que subir em árvores e também em vários túmulos para melhor observarem o ataúde ainda envolvido na bandeira nacional. GoZbeAij do -Coute e S i i u a StaòZtia. dotada de uma personalidade marcante. Estava c o m vestido vermelho escarlate. Machel assume seu lugar como chefe supremo da Frelirfío. Machel não fuma nem bebe e certo dia determinou que as mulheres de seus camaradas baixassem as bainhas de suas saias. por certo. em Hollywood. aquela que sem dúvida foi o Brasil cantante dos pés à cabeça e que no Ano Internacional da Mulher tem o seu lugar.T r . Para nós. da Mesbla tocou em ritmo dobrado a música que a consagrou em todo o Brasil: Taí. já era a terceira personalidade mais popular daquele país. Francisco Eduardo Lemos. Em homenagem ao 20? aniversário da morte de Carmen Miranda. . Isso nos vai ser de muita ajuda como pesquisa dentro da música brasileira-exportação. enfim. à passagem do esquife. Pessoa profundamente humana. A partir de então. Se eu Fosse Feliz. N e n h u m outro enterro poderia ter superado o de Carmen Miranda. Toda gente passou a ouvir Carmen Miranda. ornamentada d e flores. Em 1963. de colapso cardíaco. irei ao Rio visitar o túmulo dela pela segunda vez. B. como poderia ter escrito alguém. Sr. Los Angeles.. P a u l o . * e£einb>i0174 "Feliz e bela como um ídolo em tecnicolor.ç. Nunca o Rio de Janeiro reuniu tanta gente triste em suas ruas. todo o seu ser. Uma Noite no Rio. em Brasília. Sinto-me muito feliz de estar em tão maravilhoso país. 500 Anos Depois. Laviola: foi realmente com muita alegria que recebemos sua carta com a biografia e todo o material informativo sobre Carmen Miranda. Endereço do Fã Club: SQ 302 B1. Caro Tonson. Tinha 46 anos. É um simples gesto pelo 20° aniversário de sua partida entre nós. temos o orgulho imenso de sermos cultores desta grande Mulher. Alice Cooper. . O que aconteceu foi algo de inacreditável. o que é Brasil.DF. Serenata Boêmia. Alô. Sonhos de Estrela. produzido por Stan Hurwitz. Zcmb-xança X. Querido Tonson. Love. Machel abandonou sua profissão e dedicouse integralmente à tarefa revolucionária. a)Carlos Drummond de Andrade.B£MR d o C o r r o E S i l v a S t . Copacabana.Jut. DF.cla. N o momento e m que o corteio fúnebre aproximou-se da praça. em 1940. Sebai-tóõo La.s. Á f à . não parecia morta. Don Ameche. " ^-Vev^^c. ao som da orquestra da Polícia Militar O Estado d e S. Carmen tinha morrido. com base na Tanzânia. Agsuide. " S ó quando o esquife chegou ao Cemitério São João Batista.e trabalhou no Cassino da Urca. No próximo mês. Obrigado pela honra de me considerar membro. . Alô. Tonson Laviola. de seu rosto expressivo. começou a cantar Taí. já nos céus. O cortejo deslocou-se lentamente. " D e p o i s do sepultamento. Samora Macbel nasceu em 1933. de quem se tornaria o braçõ direito. precedido por batedores da Polícia Especial e de centenas de automóveis.'^t flí o<> r> ct+<.vj. Sebastião Tonson Laviola. Alegria. chorando. eu fiz tudo pra você gostar de mim. o carrilhão. e m toda parte. M o r r e u no dia 5 de agosto de 1955. a . no anseio de escutar a voz que. i Sob a influência de Mondlane. Com a morte de Mondlane. . dispondo de instrução e equipamentos fornecidos pelos países comunistas. 502. 20 A N O S D E P O I S : " O esquife foi descido do avião e conduzido por antigos elementos da velha guarda para uma carreta do Corpo de Bombeiros. Encantou-me a Gentil Lembrança. iniciada em 1930 c o m laiá. Foi a mulher que ganhou mais dinheiro nos Estados Unidos em 1944 e. A C/uLf íU ^itM. sob a orientação de médicos portugueses. em seus velhos e deliciosos sambas. dia e m q u e S a m o r a M a c h e l t o m o u posse c o m o p r i m e i r o ministro d e M o ç a m b i q u e . Carmen Miranda foi sepultada no túmulo 1724 E. ao lado de grandes astros de Hollywood: César Romero. Sobre a urna funerária de Carmen flutuava o pavilhão nacional. Não sei se o padre Nazareth lhe informou que esse material é para ser usado num programa semanal de música braisfeira na rádio Kiis. Ainda não fizemos o programa dedicado a Carmen Miranda. Jerry Lewis e Dean Martin. A ^ / i ^ ^ . Banana da Terra e Laranja da China . comandou a luta guerrilheira de 10 anos.( f JíX^» c t&Ksa «a ^ Preto é Gente: o Presidente De Moçambique. ela continua mais viva do que nunca e m nossos corações. Brasília. aquela enorme massa humana que até então permanecera em silêncio. e Camisa Listrada. que granjeou a figura de herói nacional. na Broadway. tinha-se a impressão de que um í e v e sorriso florescia no seus lábios.ne£ida. A o passar pelo Flamengo.l. o n d e o espetáculo assumiu proporções gigantescas. espetáculo que jamais será esquecido pela sua grandiosidade. atingido por uma bomba enviada pelo correio. Filho de camponeses pobres. Brasil. Por favor mantenha contato. Crmen Miranda estava no décimo ano de sua carreira. Tinha a expressão tranqüila de quem cumpriu seu dever. 20 ANOS ATRÁS. Miranda. Senado Federal. Angela M.OK F-lo . ap. ligou suas eletrolas para ouvir de novo Carnrrfen. que transmitia através de suas músicas. Liza Minelli. O Príncn pe Encantado. parte para a Argélia a fim de receber instrução militar como guerrilheiro. dependendo para isso de alguns detalhes a serem resolvidos nas gravadoras aí do Brasil. CARLOS DHIMMONO DE ANDRA. Afetuosamente.-i. Carmem fez cinco filmes no Brasil Alô. logo depois de seus maiores sucessos: Taí. mui^o obrigada por me fazer membro do "Fã Club Carmen M i r a n d a " . 25 d e j u n h o d e 1975. Elizabeth Taylor.

não podia.FEMINISTA DIZ QUÊ NAO QUER H O M E M NA SUA TRINCHEIRA salada HomemComH ornem. por favor! Então u m ferro mação as "revistas femininas" de grande tira. Assim. A c h o q u e m o r r i . organizar concursos de beleza para puxou por a q u e l e c o r r e d o r ." N a s c e u . m e u c o r p o rodopia. o tronco. e uma tesoura e n o r m e a p a r e c e As mulheres deveriam manifestar seu des.Não.ão mais eficientes. do da tirania do estado fascista. As mulheres precisam aprender. eu não a g ü e n t o mais. asso. o Leão de Chácara estréia. Ficou t u d o mais escuro.e contradições . pois longe de da maior importância que aprendam a organiser um fenômeno aberrante (cuja maior possi.cabeça para baixo. T u d o prezo por esta forma de intimidação. PERUS E BACANAÇO de João Antônio " U m clássico velhaco!" . a 2.não atraentes. das" e "absurdas". têm a capacidade de perceber o amanhã. Neste estágio de subdesenvolvimento político da Faca Sem Ponta. torci o corpo e tentei uma posição melhor.ou desejam . E esta é o seu mais r e c e n t e trabalho p o é t i c o . mulheres podem . arrancar os cartazes publicitários insultuosos para a mulher. C o n s i g o abrir os olhos rem o "decoro".ainda que simpatizantes .ciam m e s m o tenazes. pela m ã o d e nossa maior r e v e l a ç ã o literária d o s últimos anos. As mulheres deveriam promover manifestações.segundo os padrões sexistas .freia o processo mediante o Galinha Sem Pé! qual as mulheres aprendem a funcionar. escandalo. disfarçada em conselho amistoso. adotar um grande número de lesbianismo militante. Tiago de Mello i a rSEfiGIO SANT ANNA Comprometida Com a Minha eaTua Vida Poesia Figura p o p u l a r até agora inédita e m nossa l i t e r a t u r a . Sem deixar-se dominar ficarão para s e m p r e marcados. t u d o macetado.zar-se politicamente por sua conta e mobilibilidade se limitou à Europa entre as duas guer.e m d i r e ç ã o à minha barriga. as mulheres não grupos inteiramente formados por elas diversiencontrarão uma voz militante enquanto não ficarão convenientemente suas táticas e serão Dito popular. Só Politicamente falando. Susari Sontag . tento resistir. senti v o n t a d e d e biar para os homens na rua. mas acabar com sentem dificuldades para respeitar-se umas às estruturas mais profundamente arraigadas. o ar dói no m e u peito. A t é que o suportem estoicamente. Deveriam ter aulas de karatê. aplicados às necessária para a sua libertação é organizar-se condições . Há certas atida de 30. a luta pela libertação da mulher é uma vidades que somente grupos exclusivos de luta contra o fascismo. As mulheres serão r o d a . não a g ü e n t o mais. Dessa forma. Os atos "extremistas"são válidos em si porque contribuem para aumentar a cons. com o tirania do estado patriarcal é o modelo atenua. ras mundiais). têm problemas de organização e explorar uma contradição. Um dos objetivos da ação políticaé educar as pessoas que a organizam. c o m toda sua força tragicômica. a l g u é m m e s e g u r o u d e muito mais eficazes se forem rudes.no dizer de Marques Rebelo Beatriz Horta LANÇAMENTOS DA B » CIVILIZAÇÃO BRASILEIRA Ü .do. classificam suas ações como "ridículas" e suas reivindicações são rejeitadas como "exagera. È preciso c o n h e c ê . Estão acostumage um ataque à natureza do próprio estado.quais a conciliação é impossível. O fascismo é o desenvolvimento lógico realizar a profunda mudança de consciência dos valores do estado patriarcal. as mulheres militantes Avisem o pai aí f o r a .l o . e poderão aprender com do . Exi. meus ossos ciência das muheres.outras e para se levar a sério. q u e r o me materno. Quando p u r o p a v o r . Enfrentarão o ridículo.foi impossível. numa revista da Unescoí Gavetinha Literária: Experiência Número Zero". escuro e apertado. mais d o q u e os e s t a d i s t a s . grito d e deveriam ficar satisfeitas com isto. trabalhar com homens .p r e n d e u m i n h a c a b e ç a e m e gem. reforçar a passividade das mulheres é dizer que as pernas. se forem "charmosas". marchas. mulher. Um meio muito comum de dor. pelo menos.a edição do consagrado MALAGUETA . que rugem como caldeiras. u m braço. " O s poetas.apoio e a aprovação dos homens. os M a i s u m p u x ã o c o m f o r ç a e grupos militantes devem comprometer-se a adotar condutas que violam os padrões de minha cabeça sai fora d o correfeminilidade. a condição para a qual isto. se não infringi. levei u m tapa sas e .sa'r. Como os negros e outros povos O problema da libertação da mulher não é colonizados. m o í d o . queDrar inteira. portanto. será sangue o q u e escorre das parede? Elas foram se aproxim a n d o até apertar tanto m e u corpo q u e pensei q u e fossem m e suficientemente "extremistas".realizar. e influentes politicamente. Ai. e não basta nas costas. Ilustração para texto sobre machismo. tendem todos os países industrialmente avanA única oportunidade que a mulher tem de çados. Além destes lançamentos. através da confrontação. entrei n u m c o r r e d o r estreito. E m p u r r a d a por a l g u m a coisa. Na verdade. antes de tudo. A consciência muda somente de massa do fim do século 20. A c o n c h e g a d a n u m lugar m o r n o . o fascismo é a condição normal pertencerão a elas. organizarem em grupos dirigidos por elas Mulher Com Mulher: se mesmas. Q u i s m e segurar." T h i a g o d e M e l l o dispensa apresentações. Os erros. virei u m p o u c o a cabeça.zem as outras muheres. È. pelo menos. a falar entre si. senti uma dor forte aqui d o lado. adotar o sobreno. estou até tonta.estado moderno. viscoso. A das com a direção ou. protestos.jornalista e feminista norteamericana. doloriser. parehomens. O primeiro romance d o contista d e Notas de M a n f r e d o Rangel. invadir salões de gritar. como adultos autônomos e politicamente maduros. dar socos. se agirem com "dignidade". " podemter certeza de que estão no bom caminho. dirigir suas próprias clínicas d o até q u a n d o e u suporto a dor? de psiquiatria e aborto livre. é uma linda menina.das sociedades separadamente. pelo medo de confirmar os clichês sexistas. o outro. Agora sinto q u e m e e m p u r r a m quase c o m raiva. tento sair mas já estava presa àquelas paredes moles. R e p ó r t e r é obra d e desgarrada fantasia e d e crítica da própria i n v e n ç ã o artística. em situações nas como Virgínia Wolf assinalou em fins da déca. processar por difa. Estariam testanbeleza.

modificar uma situação existencial. q u e n o t i c i o u " o c a s o . A G O R A . N o dia seguinte. Vamos falar mais francamente ainda: há terapeutas que. autor do texto acima. ninguém provou nada de muito certo neste campo. Ex-13 E Ludovina. e n t ã o . Q u e m iria pensar em arrancar a boca de um sujeito para curar sua dor de dente? Após 100 anos de pesquisa. Após esforços inúteis. t e m luz elétrica. . mesmo quando ele se sente aparentemente melhor. que pretendem uma abordagem " n o v a " da doença mental. para " c u r a r " seus doentes. q u e destrói substância cerebral e diminui o patrimônio neurônico do cérebro. De fato. D o i s meses atrás. p e r t u r b a o sossego d e t o d o m u n d o . Vamos ser francos: o eletrochoque diminui bastante a substância orgânica do cérebro. c o m o chamam os médicos) seja aplicado. pela perda de memória. aplicada nas têmporas. não admito! Jurandir Camargo. v i e r a m soltar L u d o v i n a para levá-la mais u m a v e z ao hospital S h a n g r i l á . u m b u r a c o q u e serve d e latrina.mas ela espera a u t o r i z a ç ã o para ser i n t e r n a d a e m M a r i l â n d i a . O d e l e g a d o n ã o d e u flagrante e m Dercílio p o r m a n t e r a irmã e m c á r c e r e p r i v a d o ( c r i m e previsto n o C ó d i g o Penal). E Alguém Consegue Escolher Alguma Coisa Depois Dum Choque Na Cabeça? Q u e r o explicar muito bem o que penso do eletrochoque. o i r m ã o m a n d o u e r g u e r o b a r r a c o ao lado d o chiqueiro e p r e n d e u L u d o v i n a . para q u e o eletrochoque (ou ECT. 2 carros na porta e.quase terminou a pena d e Ludovina: u m m o r a d o r da região d e n u n c i o u o caso à polícia d e L o n d r i n a . Já falei dos males causados. é empregada por muitos psiquiatras brasileiros . os 3 filhos d e D e r c í l i o . Em segundo lugar. mas a mais. devido à sua constituição. a m ã e assustou-se: a filha trazia a cabeça da p o m b a n u m a m ã o . para cumprir seu desejo. e uma sensível diminuição da capacidade de pensar. M a s t i v e r a m d e pegar L u d o v i n a à força. Deitava n u m a r e d e na varanda da fazenda e morria d e rir q u a n d o u m a b a c a t e m a d u r o se e s b o r r a c h a v a n o c h ã o . já l e v o u eletroc h o q u e muitas vezes. d o m a t o . produz uma con vulsão parecida com a que sofre o epiléti co. Tomemos um cérebro eletrônico que não consegue dar respostas adequadas. tenho uma proposta: que o eletrochoque seja limitado aos porcos. professor Cerletti. M a r i l â n d i a d o Sul.d o n o d e 3 fazendas d e 1 m i l h ã o d e c r u z e i r o s cada u m a . N u m congresso de psiquiatria e m Nápoles. talvez. em 1923. não vacilam em levá-los a viver uma vida quase de vegetal. Geralmente o paciente não sabe que está levando o eletrochoq u e (é anestesiado. no caso de um tumor). ainda que provoquem grandes distúrbios na memória. Para honrar a memória do professor Cerletti. b r a n c o por d e n t r o . D e r c í l i o d e p ô s . gritava: . mas n ã o a d i a n t o u . D i z e m q u e até assustava. 50 anos. nos f u n d o s da casa. pontas d e cigarro d e palha. solta. e isso c o m e ç o u p o r volta dos 7 anos d e i d a d e . As pessoas não precisam de choques. como falam os defensores do eletrochoque. D e r c í l i o A l v e s Paes .. o professor Cerletti pediu que o eletrochoque não fosse contado entre os recursos terapêuticos. que ele condena. J o ã o P e d r o e Expedito. da perda de memória. u m a p o m b a . ele consolida no paciente o conceito de doença mental. Assim a vida t o d a . salada OASILO.mesmo em clinicas sofisticadas. o Que Prefere? Chiqueiro Ou Asilo? N o l u g a r e j o d e Guaravera escond i d o n o N o r t e d o Paraná. O próprio inventor do eletrochoque. e m vários hospitais paranaenses. Ela t e m 3 s o b r i n h o s . se deu conta dos perigos desta técnica. devido aos abusos praticados. Teoricamente. publicada na Itália. amnésias definitivas. Mas só teoricamente. d a louca presa n u m c h i q u e i r o " sua irmã L u d o v i n a : . a irmã presa n u m c h i q u e i r o d e 2 metros quadrados. os problemas reais foram esquecidos. a família deve dar u m consentimento por escrito. mas de ajuda para romper uma situação isolante. q u e não gostava d e p o m b a n o arroz). os 3 universitários. Expedito f i c o u c o m n o j o : a m u l h e r estava e m c i m a d u m a c a m a i m u n d a . na esperança de que a situação se modifique: mas o excesso de corrente simplesmente queimará alguma válvula. restos d e c o m i d a e m latas d e cera p e l o c h ã o . Este não é o caso do eletrochoque.r o l a cinza. saiu da D e l e g a c i a d i r e t o para o hospital Shangrila. L u d o v i n a . como se fazia no tempo em que se começou a estudar seu efeito sobre os seres humanos. D e r c í i i o foi r e c l a m a r na r e d a ç ã o da Folha d e L o n d r i n a . A técnica do eletrochoque. A melhora passageira tem um preço: um terrível engano. aplica-se nele uma corrente elétrica de alta voltagem. n ã o q u e r i a sair. Se esta mutilação artificial tivesse qualquer explicação convincente (como se aceita uma operação mutilante.Isso e u n ã o a d m i t o ! v o c ê s c h a m a r a m u m ser h u m a n o d e m e i o p o r c o e meio gente. às vezes. muito bem.t e m t a m b é m a r m a z é m d e secos e molhados. antes de tudo por causa de micronemorragia.Eles q u e r e m m e m a t a r ! Q u e r e m m e matar! D e r c í l i o n ã o estava e m casa na h o r a . e provoca no cérebro numerosas mícro-hemorragias. Vamos fazer outro paralelo. o c o r p o na outra. E 2 policiais. T r o u x e u m dia. Não se connece a razão pela qual o eletrochoque produz melhoras momentâneas nos deprimidos. m u n i c í p i o ao q u a l G u a r a v e r a p e r t e n c e . Aplicar o eletrochoque tem o mesmo sentido. as d u a s m ã o s lavadas e m sangue. O psiquiatra Edelweiss Cotti. após uma série de eletrochoques. das hemorragias. deprimida o u revoltada. p o r q u e " c o m p a r e c e u por livre e e s p o n t â n e a v o n t a d e na Delegacia". diz o i r m ã o D e r c í l i o . Os efeitos parecem ser positivos nas pessoas deprimidas. mas podem voltar em condições ainda piores. mas d e p o i s foi prestar d e p o i m e n t o na D e l e g a c i a d e L o n d r i n a .. tirou L u d o v i n a e levou-a d e volta a o seu lugar . Sei do caso de um estudante de alemão que esqueceu todas as palavras que vinha aprendendo. O problema precisa ser enfrentado pelas autoridades. " i n c o m o d a n d o t o d o m u n d o d e s d e c r i a n ç a " . D e vez e m q u a n d o . O texto faz parte da obra Contra a Psiquiatria. Acho que o eletrochoque é sempre perigoso. Ludovina olhava as pessoas c o m u m olhar rancoroso e deixava escapar u m g e m i d o . Ele provoca. E não são distúrbios leves. na c i d a d e . n o Lar São V i c e n t e d e Paula. desligada. para a m ã e botar n o arroz (e l o g o L u d o v i n a . antes). q u e já foi d e l e g a d o s u p l e n t e n u m m u n i c í p i o ali p e r t o .10 JA PRENDERAM LUDOVINA N O C H I Q U E I R O . H á 2 anos. Esta corrente elétrica. U m a gargalhada c o r t a n t e . que não é tão passageira como sustentam os seus defensores. nos últimos anos de sua vida. Em terceiro lugar porque a melhora (aparente) é causada. assustando as galinhas. o q u a r t o é p i n t a d o de c o r d e rosa por fora. nasceu e m Bolonha. A m e s m a e x p l i c a ç ã o : L u d o v i n a . n u n c a lhe faltam cigarros d e palha c o m o gosta.

Mas novamente o trabalho da equipe foi elogiado: "Se eu fosse jornalista. AGÊNCIA LOOK Durante todo o mês de agosto. quinta-feira santa. o setor de produção da equipe não foi completado.ou. a fórmula do Panorama não se alteraria ao sabor de conveniências do departamento comercial. Mário Souto Maior e Roger Bastide Entrevistas: cineasta Alberto Cavalcanti. arquivo e toda a infraestrutura capaz de botar nas ruas qualquer dos maiores jornais do país. paulistas e paranaenses) instala-se num prédio novinho. Fotografia. ao retirar-se. O empreendimento. proprietária de Panorama. Moda. Na sexta-feira santa. capital do Norte do Paraná. chefe de reportagem da TV Cultura . para todo o Norte do Paraná . naquela cidade do Paraná (que já tem 2 jornais diários). Aviação. está contada no último Boletim ABI (maio/junho). . o diretor-presidente Paulo Pimentel e o diretorsuperintendente Nassib Jabur. Nós não temos os canhões de O Estado de S. após 20 dias trabalhando até 18 horas por dia.256-0435 -São Paulo A Nota Do Boletim Da ABI Conta a História Da Demissão Uma das maiores equipes de jornalistas formada nos últimos 10 anos (mais de 50 entre cariocas. põem palavras como "torturas" em títulos. Ruv Barboza (ex-editor na revista Realidade) é o diretor-responsável. do próprio Paulo Pimentel. A Look. Devido a outras dificuldades (muitos equipamentos só foram montados 15 dias antes do lançamento. ao final: " A carta de demissão historiava toda a crise do jornal e concluía com uma lição ao exgovernador: Só mais isto. Tem apenas coragem e dignidade para fazer a imprensa que faz. telex. e os princípios do jornalismo a ser exercido em Panorama estavam expostos no editorial de primeira página do n9 1. Paulo Pimentel confidenciou ao diretor de redação. quantíb Narciso Kalili (ex-editor de Notícias Populares. P O C M AE R O T K OM D R U M M O M D O Livro de Cabeceira do H o m e m voltou às livrarias. um grupo de 15 membros da equipe procurou os dirigentes da empresa.tx-13 O JORNAL DEMITIU NARCISO. O atraso foi motivo de críticas do diretorproprietário da empresa logo no quinto dia de Panorama. Paulo Pimentel. outra equipe já estava formada na redação. pavilhão de isolamento E 0 FIM DA MENINGITE? Mais Uma Opção Para Londrina: o Viver. órgão da Associação Brasileira de Imprensa. além da venda direta. entre martelos e serrotes. Publicidade. enquanto a equipe recebia a garantia de que tudo seria resolvido. assinado por Paulo Pimentel: 1) honestidade ao tratar a informação. mas primeiro vai ganhar dinheiro. editor de O Bondinho. E. repórter de Realidade. O jornal -15 mil exemplares. Narciso Kalili soube de Delio Cezar que estava demitido. Dias depois. iniciado cerca de um ano antes. O texto publicado pelo Boletim ABI diz. NARCISO FEZ O U T R O JORNAL. . em fevereiro passado. cuida também das assinaturas de tudo o que se edita no exterior. chamada A Breve Aventura de Panorama. A carta contais fatos a partir de fins do ano passado. E após 2 dias de expectativa. dia 28 de março. que não estava gostando era aa linha do jornal: "pesada demais". Uma carta de demissão foi escritá e assinada por 24 membros da equipe. 2) definida a faixa de público a que se destinava o jornal. sob a direção do escritor e jornalista João Antônio. a Agência Look esta oferecendo 13% de desconto (em qualquer tipo de compra!) a quem aparecer por lá levando exemplar do Ex-13. 40 jornalistas da equipe estão no olho da rua. A crise editorial. A publicidade que pretendemos é também prestação de serviço: desejamos que os leitores tenham o maior número de opções antes de qualquer compra. Teatro. para cobrir muitos temas: polícia. È Narciso Kaliíi (editor fundador do EX) falando de seu novo jornal (acima. Mas o verdadeiro motivo de seu descontentamento era outro. De saída. O prédio de 2 pavimentos. que realmente estavam demitidos não só Narcido Kalili. o n« 0). AGOSTO. já representa um investimento da ordem dos 5 milhões de cruzeiros. escritórios. um homem cassado?". A proposta editorial está ligada à comercial. como diz João. durou pouco. entrou no prédio ainda em construção. "Viver/Londrina" é um semanário dominical distribuído gratuitamente em 10 mil casas (45 mil leitores). chefe de reportagem de Ultima Hora. um jornal sem canhões. e até então seu homem de confiança Délio Cezar. REVISTAS E LIVROS DO MUNDO INTEIRO. Andrade Lima Filho. como também o editor de reportagem Hamilton Almeida Filho. para saber o que havia. Desien. publicam uma entrevista com Darci Ribeiro. violência. ao retirar-se da redação. a publicação da Editora Civilização Brasileira "abriu o compasso". o jornal começou saindo atrasado: rodou cerca de 10 da manhã nos primeiros dias. Nessa nova fase. cidade. dentro aos seguintes temas: Arte. na sua livraria. as sucursais não foram instaladas a tempo). Automobilismo. a vedete deste inverno Ás fotos do Estouro de 12 bi em Londrina o QUE SE PASSA NA CAMA. Decoração. um quarteirão de comprimento.. . gostaria de trabalhar num jornal como Panorama". cidade de quase 300 mil habitantes. dirigida pelo jornalista Elmano Cruz. o desfecho: na segundafeira. Como é que vocês publicam uma reportagem sobre a Cia. demitido porque chamou o ex-governador e diretor-proprietáriode mentiroso. Ao mesmo tempo. 3) Panorama teria a postura de grande jornal . em solidariedade a um deles. inicialmente. o ABI cita trechos de uma "carta aberta de demissão" que aqueles jornalistas dirigiram à Editora Tibagi. COmPIEmCfITO jornal da cidade LIVRO D€C4D€C€IR4 HOROSCOPO IOI AMIN UM IOUCOT KOJAK O DONO DO FUSA CHURRASCO DODINHO FARMÁCIAS DE PLANTÃO salada 11 DO HOM€M Artigos: Moura Cavalcanti. saúde. com jornalistas de outros órgãos informativos do grupo Pimentel (imprensa e TV). computador para controlar a meia dúzia de máquinas eletrônicas de composição de texto. comportamento. com o sucesso editorial e comercial que tem". Após elogiar os trabalhos na frente do editor-chefe Narciso Kalili. tem vitral de bom gosto na frente e acomoda: impressora das mais modernas do mundo (Goss Comunity off-set). Paulo Fernando Craveiro. Paulo. O editor de Viver é Narciso Kalili. disse ele. Quadrinhos. professor Rafael Menezes e Detetive Dunga Serviço: Como e onde se vacinar comanda as mulheres Exclusivo: Atenção todos: aqui está o veludo. Pauulo não tem canhões. a equipe encerrou os trabalhos do Panorama n? 20. futebol. (As instruções verbais da direção da empresa eram: que se fizesse um jornal de oposição. seria o 3' ou 4Ç jornal do país).SP) foi convidado pela Editora Tibagi para criar um novo jornal no Paraná: Panorama. desde 27 de julho. conforme diziam os dirigentes da Empresa Tibagi. Hermilo Borba Filho. A história. loja 27 . para contar a história. A cidade é Londrina. laboratório fotográfica. aplicados pelo ex-governador do Estado do Paraná. sexo. E.13%DE DESCONTO Av. a equipe vai à redação e sabe. consumo. "Então o senhor nos mentiu". Sr. 258. São Luiz. Arquitetura. Cinema.Nossa proposta editorial é mostrar tudo o que Londrina tem. A equipe foi montada ao longo de 3 meses e. No dia 27 de março. mais 12 jornalistas pediam demissão. O jornal é de prestação de serviços e leitura. e no vigésimo-primeiro número. Pimentel foi claro: "Vocês estão exagerando. Paulo Pimentel: o jornal O Estado de S. iniciada tão cedo. disse Narciso.^ Esporte e Interesse Geral.O jornal tem grandes idéias.sai dia 9 de março.

Itaocara . Se me perguntarem se está certo. Senhor seja d o c e / Para quem conheceu a cinza/ D o amor. Hoje M a o pensa por 800 milhões. C o m seus pensamenttos. já é uma grande coisa. Carlos Moacyr de Faria Souto. Cama rada de boas saídas (que muita publicidade lhe tem valido nos jornais do Brasil) outro dia fez uma lei proibindo o município de homenageá-lo. e amo o Brasil.Li.2 . o suplemento de Carlos Couto " O Encontro". desde que a honraria aconteça devido a parentes ou amigos influentes. 2. a gostosa. " Q u e a morte. a grande decisão de gritar.. c o m todo o sabor do texto integral: "Itaocara é um amor! Pode haver lugares tão encantadores.. Já carregado de mamões maduros. Só falta. Itaocara é um amor. que vão dar no mar. o fundo da esperança. saibamos. mas que. Nascendo.DE JUNHO Dr 1975 0 EíSrElIQ MOíIICIf/. pétala de rosa. . João Cronista oficialmente se compromete a colocar a bela. Pode ser até u'a missa meio secreta. nomearia Itaocara Capital Brasileira da Seresta. fica o maleficio provado. não. Fiquei ciente e triste. até nos dias de chuva parece prisioneira do luar e parece estar esperando sempre um cantor com um violão para sublinhá-la. H o j e as leis são tão elásticas que até mesmo os compromissos assumidos perante Deus pretendem revogar. Se Lou e Van se casarem agora. S. normalmente. internada por hàver ingerido veneno. . Senhor Secretário Geral.. Não se deixam levar pelos romances que surgem tornando o fato quase lendário. mostrando signaes do corrompimento.Pede pagamento de lanche dos guardas no dia do juri. serenamente olhará ao redor: Tudo é sombrio. COliVi I V A r t . a que será minha última residência e já dispus comó deve ser a doce hora. E sempre Alguém superior à gente. e sendo o dito João visto por algumas pessoas.Pede certidão de sepultamento. e mostrado por ella. Vamos fazer de conta que o negócio não foi mero golpe publicitário e gritar aos quatro ventos: Está errado! Ser nome de rua é importantíssimo ideal de vida. *» 1717 . ou como disse. Fr-e • m i c i p a l do I t a o c a r a . Amaral pede aquisição para sepultura perpétua. . se procurarmos." Visão transcreve despacho . Já disse e quero repetir que meu único interesse é pedir ao Sennor para escutar nossa prece"./ E." .Pede pagamento d e enciclopédia adquirida para Biblioteca. Maria devia ter agido como mandava a Lei das Ordenações do Reino de Portugal Brasil e Algarves: " M u l h e r . Até araruta tem seu dia de mingau. daquelas ruas que vão dar no rio. a ordem que vou dar não é para bajular ninguém. Faltou.069 habitantes. AIIO I I I ITAOCARA. e. depois da morte. já. publicou na edição de 9 de junho um dos despachos do Prefeito. e conhecido pela linguagem poética de seus despachos.Visão. E por uma e outra coisa Vosmicê maraue com o nosso querido Monsenhor u a missa na qual compareceremos e pediremos a Deus pela saúde e êxito da operação a que se submeterá o General Golbery do Couto e Silva. o p r a zo dc iries :to s e n a ü l t à dos i a p o s t o s t e r r i t o r i a l u r b a n o e p r e r t i ac c o r r e n t e e x e r c í c i o . Não o conheço. Cultura. sem que a enxada venha perturbar ou quebrar nossos pobres ossos e m vias de esfarinharemse. conhecem-no desde o dia em que nasceu e decidem com tranqüilo conhecimento t de causa. não. ambos serão contratados. Sairá algum dia. È que aqui o jurado. Admito que se vire flor. 135 . é o "happy e n a " . sentir neste último instante a brisa fresca da noite e olhar ainda para o jardim.S. Não.f i c a p r o r r o g a d o a t é 10 do j u n h o . e nenhum júri condenaria^o casal a uma separação permanente. a q u e m nos socorremos. È como se não valesse nada a própria palavra dos nubentes. Os jurados. Social . O prefeito. Não quis nem saber q u e m virou mamão.. E que acredito n'Ele. Q u e m foi sepultado. não.Ter certeza de que não haverá mudança e que faremos positiva em todo o " v e l h o " Estado do Rio. como muitos o chamam. ser enterrado e virar poeira. reconheça-se. dizendo: João me fez isto. e de bradar logo. Só terra. Despachos do Prefeito: 571 ." C i d a d e Progresso". 15 DE JUÜHO DE 1975 N? 54 PODER 5 0 V Eã * E X E C U T I V O 0 DO M U K I C Í r i O * ++i + + ++ + + ++ +++++ +++++++ + a E c R 3 I. Dele a transcrição da croniqueta " O ser rua e m Itaocara".5 tit.Deliberação n?466de 17 de agosto de 1973. Pobre Maria. Senhor Secretário Geral. assim como os telefones do Palácio de Ondina.12 PREFEITO DA ARENA CANDIDATO A POETA DE ITAOCARA . principalmente nas horas difíceis. pelo menos. e que os advogados ainda não atinaram. D E 0 Ti E T A : Ai-t. no u s o de s u a s a t r i b u i ç õ e s e c-on fundamento no A r t . de dia. e l e i t o p o l o povo e icvocando. É tranqüilo. rezo aqui mesmo. quem sabe. Itaocara é Progresso. solteira. à Maria. Depois minha alma deixara meú corpo inerte e. Aos poucos nossa mociaade vai aprendendo.Boletim Oficial Informativo da Prefeitura Municipal de Itaocara. Quero é discodar do Dr. ITAOCARA O r g S o O f i c i a l — D e l i b e r a ç ã o n o A66 d e 17 d e a g o s t o d e 1973 ITAOCARA — « C I D A D E P R O G R E S S O .L DE ITAOCA. digno e culto Juiz Dr. Veja-se só o que está acontecendo com o crime de Van e Lou. É bom agente crerNele. É verdade que depois de alguns anos. Q u e r o ver as estrelas ao longe. 3S '2 .a p r o t e .o crime seria e s q u e c i d o t r a n q ü i l a m e n t e . garanto que de lá não saiu. é a leitura de apreciação O Prefeito Decreta No Uso De Suas Atribuições: Somos Pó. por aqui. hoje. com nome de rua.JI. O atual prefeito de Itaocara é aritsta que está transformando a beira do Paraíba em gostosura. Itaocara foi fundada e m 1809. CARLOS K0ACY3 DE PARIA SOUTO HffiililIO parte do íntimo da terra. R. Tudo virou terra. mais impossível. Itaocara." Takeo Inomura. Breve como afirmou o emérito jornalista Hervê Salgado. não precisa saber. a limpa Itaocara entre suas palavras obrigatoriamente diárias. Relatório da Ass. não c o m os dos outros. Li certa vez que a antiga filosofia chinesa afirmava: " A única coisa que o homem tem a fazer é: pensar. 22. que fico por aqui mesmo. Carlinhos. por aqui vou morrer." Liv . trepadeira.Edilson M . O escolhido. Órgão Oficial . r ? a vagi ailas as d i s p o s i ç õ e s .F. Lamentei o caso da doente Maria.RJ B I O PI - salada OFICIAL Ex-13 BOLETIM INFORMATIVO PREFEITURA MUNICIPAL DE RJ. pois o casamento O ser rua e m Itaocara . Não adianta a habilidade do advogado em trazer testemunhas amigas ou querer provar o bom-mocismo do réu. mas mamão. que vão dar no mundo. E Ele nos atura e nos conforta. na hora.e u c o n t r a r i e . Poeira limpa. Por isso adquiri. o u de noite. tentando o suicídio. RJ. flor ou trepadeira. também. £ servida pelo trem da Leopoidina e fica nas margens d o rio Paraíba d o Sul. capim.Beatriz D. E ensino. O Gal. N o mais sou apenas um pequeno grão de areia. e n 2 de junho d e 1975. Davi de Oliveira Vareíla.A. mas conheço o Brasil e sei que este país precisa do General.E s t e d e c r e t o e n t r a e. além de ouvir as peças d o processo. já não se pratique naquele grande pais. a 178 quilômetros d o Rio de Janeiro. E no " n o v o " . sem poluição. 1 .ção de Deus. Bar do Fórum . Por isso mesmo mandei que cortassem um pé de mamão que vi. a pensar com seus próprios pensamentos e a tomar decisões exatas.No " O Fluminense". ao passar e m frente ao cemitério. n 9 54. de espernear. ganhará nome numa daquelas lindas ruas de Itaocara. Eu creio em Deus. Instrução. o vazio de todas as coisas. mas não é p'ra já. Duas coisas perfeitamente naturais. 15 de junho de 1975. Biopi . Sim A despesa foi pequena e tem o visto do nosso grande. c o m igual razão. A n o III. Depende do que estiver plantado sobre o túmulo. Certifique-se. conhece perfeitamente como o fato ocorreu. N o censo demográfico de 1950 tinha 24. M i n h a morte deverá ocorrer de madrugada/janelas e portas abertas e minha adorada esposa ao m e u lado. Pena que tão bela filosofia.a v i g o r r. Sim. E se nome de rua ganha quem luta por uma comunidade. nada o u quase nada encontraremos. O que falta para absolvê-los. nascendo no meio de uma cova rasa.ostn ú a t:„. Às vezes pode virar. o -3® 335. pela filosofia de vida que encerra e o tom literário de sua lavra.624. é dos melhores ultimamente proferidos. pois esbanja comunicação em temas especializados. N o de 70. E quando morrer. A cidade. Não vou descrever. Desenrola-se um verdadeiro romance de novela envolvendo os personagens. e muito por causa de Carlos Moacyr de Faria Souto. 238 do Código t r i b u t á r i o i í u n i c i p a l . Pétala De Rosa. Vão Tá.ol . arbusto. que for corrompida d e sua virgindade em lugar ermo. também. responderei com uma única palavra: pense.at 361 . Sim. nem vou conhecê-lo. de chamar. Júri no interior julga com mais acerto do que o das grandes cidades. não por enquanto. Sè João Cronista mandasse. aprendendo aprende.J. Ela acreditou no amor e na palavra. nós. a esplêndida revista d e circulação que transpõe o fechadíssimo grupo a que especialmente se destina.

O título era: "Deus e o presidente da minha empresa". bairro de quem trabalha no duro mesmo...Emília. Milagre! Milagre! Aprendeu a Rir Aos 30 e Tantos Anos De Idade! A caminho de casa no fim do dia. era só Tatuzinho e mais o seo Conhaque Dreher me intoxicando por completo.Livro abençoado para min). é que Shigueru deixou de ter um bar e foi vender livros didáticos. Nesse tempo. O dr. menos de um ano atrás. que traz relatos de experiência. todo tomingo às 3 da tarde.. tendo saltado do trem suburbano ou do ônit>us. Sorria. Taniguchi ao lado da esposa. depois fazem fila por 1 cada um massageia o ombro de quem está na frente. alguns tornam-se membros da Missão Sagrada ($5. todas as células riem. depois. depois que conheceu a Seicho-No-le. Vive perfeitamente o agora. e todo o mundo de repente tem que achar graça mesmo.." Gratidão tudo cura: ".graças ao moderno progresso da psicanálise.SEICHO-NO-IE:SEITA JAPONESA DE ACEITACÃOGARANTIDA.falei: vou experimentar para ver o que acontece. sempre de cansaço de uma vida cheia de doenças incuráveis. Q negócio começou a prosperir. se a mulher ria ele espancava. wa-ha-ha-ha-ha. a ponto de certos casais reincidentes fazerem questão de registrar a queixa com o soldado da SeichoNo-le. em Itaquera. olhando para um espelho. FOTO: DOMINGOS COP JR um pecador^ portanto. Hoje. obrigado.Trecho do último n? (70): "Pratiquemos o Shinsokan -(oração para nos identificarmos com Deus. pricipalmente os que estão vindo pela primeira vez)." A expressão mais ouvida entre os adeptos é "muito obrigado" Devemos agradecer a tudo. autor do romance Crítica a Deus (1923) que tem judas como herói.. obrigado. não é um riso da boca pra fora. ele Um mês. e eu desconfiado. Quando esta ordem é vivida na terra.. saiu prometendo nunca mais beber. uma gargalhada conforme o modelo que Fernando Shigueru escreveu a giz num quadro negro: "waha-ha-ha"." O número de janeiro do jornal Emkwan. porque a sabedoria de Deus conduznos sempre pelo caminho da prosperidade. ' Tudo tem caminhado iunto: a prosperidade da empresa de Shigueru (ele compra os livros á vista e revende). ali é o templo da Seicho-No-le em Itaquera. já é dó conhecimento de todos . mais ao centro. o lar prospera. fazem exercício para rir coletivamente: massageiam o abaomen e riem. Claro. bairro dos mais afastados de São Paulo. massageia o abdômen e: Segundo Fernando.O homem está isento do pecado! O pecado não existe! Não achava graça em nada. lugar de "louco brabo" . e dia 13 de julho passado 60 pessoas assinaram o livro de presença na porta (muitos não assinam.nesse período que ainda é de treinamento .Posso falar português claro. o mesmo onde se anunciava a inauuração de mais uma das 85 igrejas da eicho-No-le no Brasil (em São josé dos Campos). Taniguchi mete o bisturi ousada e destemidamente e realiza uma cirurgia radical: . Falei pra patroa: estou praticando sorrir. o dendoin e vendedor de livros Fernando Shigueru Yoshimoto aproveita um descampado de cerca de 200 metros de extensão e. Comecei a sentir um pouquinho de fé. provocando doenças. 2 quartos. olha. Alguns jovens de boa vontade e charme ajudam Shigueru durante todo o ríandamento do trabalho . No começo. banheiro pegado á cozinha e higienizado com creolina. e todos riem. Agradece a teu pai e atua mãe. um Movimentode Iluminação da Humanidade iniciado em 1Ç de março de 1930 no japão. fracassos. obrigado papai e mamãe. a explicação dos milagres que ocorrem com grande freqüência na Seicho-Noie.. este riso precisa ser dado com alegria. vicepresidente da Seicho-No-le (eles falam "sei-tchô-nô-iê". quando os dois brigam feio. né? . hoje um velhinho de 82 anos. com saleta. que trabalha patrulhando ruas em Itaquera mesmo. e isto ele consegue justamente com ajuda da pressão sobre o abdômen. orações . um mês depois começava de novo. um do professor Katsumi Tokuhisa e outro do dr. Taniguchi. pulmão sorri. Aí. a obra que acha fundamental em sua cura: Mente. tratado a sedativos. todos dão os braços numa roda e cantam um hino. mas depois começa a ficar realmente engraçado: quase cem pessoas massageando o proprio abdômen.como ele diz que se sentia 7 anos atrás. obrigado. que a consciência de culpa recalcada no interior leva o homem à inconsciente autopunição. mulheres: filiais! e dá uma gargalhada. os cabelos também rr. a doença se cura e tudo que não está natural volta à normalidade. diz ele. um dia se viu internado no Instituto Aché. muita briga de marido e mulher. um exemplar por mês). é brasileiro naturalizado. Ao fundo. desarmonias no lar e fracassos financeiros que quase o levaram à internação no luqueri. criador da Seicho-No-le quando tinha 36. têm 6 filhos. levado à força pela mulher e por um amigo. ne? Aí comecei trabalhar alegremente. um olhando para o outro. porque está escrito na Sutra Sagrada (Kanrono-Hoou): "A reconciliação verdadeira será consolidade quando houver o recíproco agradecer. Ficou um mês.diz um folheto da seita . ao final.. pelo ' menos metade das pessoas compra o Acendedor deste mês.. ex-operáfio braçal numa fiação de seda em Osakano tempo em que começava a primeira Guerra Mundial.Wa-ha-ha-ha! Waaa-ha-ha-ha! Wa-ha-ha-ha-ha! Como se aprende a rir? Na frente do espelho." O culto no templo simples de Itaquera termina. alguns começam a rir sem achar nenhuma graça.-". em que possa transmitir aos outros o que aprendeu. o PM Braga tem conseguido excelentes resultados quando atende casais briguentos. um retrato do general Emílio Mediei. Vi lá: "sorria alegremente. não de BNH. mas uma casinha que alguém deve ter erguido tempos atrás às próprias custas.eu nunca havia sorrido alegremente . um ou outro livro. e notou que a partir dai tem conseguido melhorar num ponto que é fundamental no bairro. é norma da moral humana e faz parte da ordem natural do Reino de Deus.. f Por gostar de ter um trabalho em que possa ser útil ás pessoas. prestação pela casa própria. ali existe. alcoolismo. obrigado. e tinha comprado um bar na rua Vergueiro. doutor em filosofia pelo Religious Science Institute dos Estados Unidos. do professor Katsumi Tokuhisa. assim ao mesmo tempo em que desenyplve esse trabalho maravilhoso de vender livros de porta . e a prosperidade da Seicho-No-le. diz que é bom. Pagam $ 400 de . a minha fisionomia transformou. a unha também sorri. muito obrigado.. eu senti que meu lar tinha modificado. Agradece a teus filhos. O futuro não veio ainda. e é a polícia que atende.. para que. $ 10 ou 115). eu falava: se Deus existe. dona Gloria Hifumi Yoshimoto. no dia seguinte . segundo ele. o que Deus não . ele tinha deixado de ser sitiante em Bastos. Não conseguia rir! Fiz esse tratamento de riso mais uma semana. uma folhinha da Seicho-No-le está aberta no dia 29: "O passado não existe. após olhar se não vem ninguém. quase 100 pessoas freqüentam os cultos dominicais. tragédias e guerras. Agradece a teu pai e a tua mãe. Se gosta tanto. Tanigushi. em São Paulo.. obrigado Deus.Minha patroa falava em Deus. moram na ponta da rua Dr. então traga ?qui. aos 43 anos. para ensinar ao homem que o pecado não existe ("'Deus jamais criou criou não existe"). por que não casa logo com Ele? Hoje parece piada. Masaharu Tániguchi. Aí está. Corpo e Destino. uns 8 anos atrás. que chegou ao Brasil no colo dos pais e hoje. mas que nada. e confirmemos que não haverá crise no nosso empreendimento. sorrido todo dia. trazia na última página o relato de experiência de Shigueru Yoshimoto.. na Alta Paulista. e que está freqüentando a Seicho-No-le faz 5 meses. está no 6" ano). Ernesto Mallet.o riso lhe saia e venha das entranhas. ensinamentos do dr. o dr. mesmo quando o mundo inteiro esteja passando por uma depressão econômica. num canto. Nada mau para quem já tentou matar-se algumas vezes. Fernando Shigueru Yoshimoto e sua patroa. a Perfeição. agora num puxado que ergueu no fundo do quintal. quando graças a Deus conheceu esta maravilhosa filosofia de vida do Dr. e fòi então que apareceu oAcendedor e. queé a filosofiaSeicho-No-le.em porta. ele apresenta aos clientes o Acendedor (assinatura anual 136. Agradece ao koku-on (graças e dons divinos da Pátria). pelos conselhos que aprendeu a transmitir. dos 2 aos 13 anos de idade (a mais velha. diz o folheto.através dele. taniguchi diz: quando você ri. e a mais radical consciência de culpa inculcada no subconsciente da humanidade é a consciência de pecado. Na parede ao lado. inclusive o PM Braga. Tinha adquirido um vício pior. reunia meia dúzia de pessoas na saleta de casa. até adquiri um espelho maior! Wa-haha-ha-na! Mylton SeverianO da Silva . salada O símbolo da filosofia (•prnando:ex-infeliz. o jisso). mas naquele tempo foi fogo. a mulher chamava a polícia.. Agradece a teu marido ou à tua mulher.. repetindo durante 1 minuto ou mais: brigado. o dr. .

Um conselho final aos cafajestes: peçam a seus pais para que se casem no civil. V a m o s tapar o nariz.. Armando. c o m o tal s o b r e n o m e q u e serve para dar m a r c a A fina fior da baixa s o c i e d a d e (fina a u m a calça gringa. Preocupados com as atividades da redação.a m u l n e r o teria fritado. m a n j a d í s s i m o t e r m i n o u c o m a q u e l e s dois tiros d e p e l o seu museufde carangas antigas. q u a n s o se a p r o x i m a r a m 2 vagaus. o mesmo que costumam. à rua tal. o g e m d e n a v i o para a E u r o p a ? N a d a f a l e c i d o e n g e n h e i r o era o ú l t i m o m e l h o r d o q u e isso para u m a reconr e p r e s e n t a n t e d o clã e m c o n d i ç õ e s ciliação. a q u e l e m o ç o i l o a u t o m o b i p o d r e s q u e c a r a c t e r i z a m a baixa lístico d e f a m o s o v e s p e r t i n o paulista. Assim aconteceu outro dia à noite. C o m p r a . M a s . t i r a r a m d u m a c o m o A r m a n d o . Todavia. a q u i n o Ex.. A glória: 2 c l a n s f u n d i d o s . os potes (celasfortes) a n d a m cheios. etc. d e c a m a e m c a m a .d o clã. p o r q u e se c o n s i d e r a " a l t a " ) c u r t i u e Elza tinha u m antigo C a d i l a c . j u n t o c o m m e u consideradíssimo capa-preta c o r r e g e d o r . Elza e suas e m p r e g a d a s .14 QUASE TIRAM OPELODOEX-DIRETORNAPORTADOHOTELÃO cavalos. . pedindo para colocar um anúncio. u m a v e z p o r mês. escritório d o J a r d i m A m é r i c a (SP) e dar-lhe o carro. vagaus.. d e italiano. n o o u t r o dia. agora percebemos que os 2 cafajestes deveriam estar com as famílias numa daquelas casas de tolerância existentes em Viracopos. M a s quan. d e m a n t e r o n o m e da família n o t o p o . a l ç o u g r a n d e s v ô o s transan. A g o r a .Elza. sem querer. Aí o s e n h o r e n g e n h e i r o . d a n o u . Q u e tal u m a viag e n i t o r passando da casa d o s 70. assim. d o n o m e a q u e l é r e c i p i e n t e d e lavar p o d e m notar. para romaria ao Santuário de Pirapora.q u e o c a ç a d o r d e búfalos se a b a t e u d e n t e .d i z " . de início. elefantes e onças. O s e n h o r e n g e n h e i r o e n c a b r e gas q u e . d e leve. mas os assaltantes n ã o e s t a v a m a fim. g a n h e i u m q u a d r o d e b r o n z e m u i t o b o n i t o . Isso é nista n o Salão da Fenit.. seu p r i m o . não percebemos. d e i x a n d o m e u a m i g o Catarino. ipsis litteris: A cidade ainda tem. e m seu a p e t e ó . só v o u man. gostava d e a v e n t u r a s parad a q u e l e c o m a n d a n t e d e tropas grin. para r e l e m b r a r os v e l h o s tempos d e diretor e contar algumas e m o c i o n a n t e s a v e n t u r a s a seus considerados. c h a r r e t e s e baixa sociedade Ex-13 separar os corpos. E n q u a n t o transavam s e m m a i o r e s extinto . P h i l i p p e exibiu aos vagaus u m c r a c h á d e d i r e t o r d o h o t e l . Estamos aqui à disposição. terra dos m e u s c o n s i d e r a d o s S a n d r o / V e r a . Sete Mil Hóspedes! I n f e l i z m e n t e . D e c i d i u separar-se.c o m o p r o v a m os t r o f é u s cha). p e i o jeito. q u e era a razão m a i o r c u r e d o c l u b e Paulistano. n u m a e m b a i c o m u m caixa alta. q u e l h e p u x o u a capiva. cendentes d o dito cujo mandaram-se O clã d o c o n d e reuniu-se e o v e l h o para o interior paulista. O a n ú n c i o dizia: Âfçga-se arreios. escriba d o j o r n a l sanguinolento..peças originais e o u t r o s b a b a d o s . eis q u e Ela . foi solto. dar umas b a n d o l a s a b o r d o e. segurar o estô. ta. Causamos. 32 .. e m q u e S ã o P e d r o baixou e m c e r t o n ã o v e n d o . U m j o r n a l da aprazível c i d a d e d e J u n d i a í . E d m u n d o . 25) m o ç o q u e i r a c o m p r á . agora sob a g e r ê n c i a d e seu G u e d e s . prim o d o P i n o canista. metida a alta s o c i e d a d e ( q u á ! q u á l ) . o q u e é pior. o q u e a c o n t e c e n o P a l á c i o d e Tênis.s e t u d o . ou pedir informações pelo telefone tal. E eis q u e u m b e l o dia e l e a p a r e c e c o m u m t e c o na c a b e ç a . C o m o tes.a q u e l e d o p a r q u e fabril c o m n o m e m a g o e dar u m m e r g u l h o . d o n o d e u m a firma Percival de Souza . e ronda por i o d o s os outros. p u x o u cartão v e r m e l h o para a q u e l e M a s a m u l h e r passou a e n c h e r . feito pelo Polydoro . transtornos ao sr. dar prá f r e n t e coisas q u e n i n g u é m Ele . d e b e r r o na m ã o . A g o r a .fez u m atestado d e ó b i t o c o m p r o m i s s o s . o u seja. t e m o m e s m o n o m e as mãos). Lá vai. a m o ç a ( q u e usa c o m o segunO último varão O f a l e c i d o . t r a n s o u c o m u m a neta d o c o n d e . SP). neste mar negro. Nossos c o n s i d e r a d o s da " b o c a " levantaram a ficha dos outros 2 f u j õ e s : u m . n u m a das ruas principais. os 2 seres m a n e i r a r a m . o m e l h o r g a r ç o n d o p e d a ç o . saiu c o m u m a n ú n c i o u e era a m a i o r s a c a n a g e m e m c i m a o A r m a n d o .m e u chapeta que está p u x a n d o u m latrô q u e l h e c u s t o u 16 anos. U m p r i m o r .t r e m e n d o com o n o m e do gante mansão no M o r u m b i . " S e r g i ã o " . ao que tudo indica. Na m i n h a última visita.l o . Armando. A Fina Fíor Está Curtindo Uns Dias Dos Mais Embochichados Teje Assaltado! O Luiz P h i l i p p e . C o n s t a q u e des. E o M a s c a r a d o . pedimos a ele desculpas e vamos tolerar mais uma vez.s e e m busca d o a d v o caçar búfalos. qui. o tutu intacto. ondeosr. que se tratava de gozação Pelo barulho que fazia do outro lado do telefone. q u e a i n d a trazia c o n s i g o . ( T e m p o s d e p o i s . na m ã o .. n o escritório fatíp e n d u r a d o s nas p a r e d e s d e sua ele. O B e i ç o l a s e g u e t r a n s a n d o os seus j o g o s d e f u t e b o l e seu G u e d e s c o n t i n u a f i r m ã o .. esfriar a cuca. f a l a m o s d e escriba q u e c o m e u a q u e l e ragu n o " 5 1 " da praça d o u t o r J u l i n h o e d e u n o p é s e m pagar. Elza u a n d o cruzava o o c e a n o para se e d i c a r ao e m o c i o n a n t e e s p o r t e d e e s c a f e d e d e u . P h i l i p p e quis dialogar. fazer com as próprias mães. o n d e aguardará a gaiola ser aberta. m e u c o n s i d e r a d o ex-diretor d o m a i o r h o t e l da A m é r i c a Latina. E lá se f o r a m os p o m b o s . b u f o u o s e n h o r e n g e n h e i r o . s e g u n d o as más linguas. dá. c o m este " a i z q u e .. o n d e funda. na sala. estava d a n d o u m a b a n d o l a m a d r u g a i c o m uns c u p i n c h a s seus. E outras cositas más. preso d e confiança do d i r e t o r . n? tal. a neta d o c o n d e b o u c o n t r a i n d o as c h a m a d a s n ú p c i a s uniu-se ao secretário.. c o m está c u r t i n d o dias d e g r a n d e s bochi. o K i l d a r e d o P r o n t o S o c o r r o Iguatemi . alguns canalhas que não tendo o que fazer. M a i s d o q u e evi. pois esses indivíduos que telefonam para tais coisas são uns bons filhos da . d i z e n d o q u e tratava b e m dos a m i g o s dos.. ao invés d e v e n d e r . quando um cafajeste telefonou à redação do ]T (Jornal da Tarde. E estava ali. A Ficha Dos Fujões N o ú l t i m o Ex. v a m o s lá: o c r i m á c e o g e n e r o s a r e p o r t a g e m d o C a s t i l h o d e t r o u x e à t o n a alguns d o s m u i t o s A n d r a d e . c o m q u e jornais.. Então. A u d i ê n c i a n o p a v i l h ã o 6.até q u e a m u l h e r resolveu. passarei u m a i a i n t e i r o n o h o t e l d e seu G u e d e s . está e s p e r a n d o u m a c o l h e r d o s capas pretas pra ir pra Bauru também.. v o c ê s m a n j a r a m o l a n c e pelos o u . a c a b o u se d a n d o m a l na e s p e c i a l m e n t e c o m c e r t o secretário G u e r r a d e Secessão. O j o r na! saiu. Evidentis. r e c e p c i o . ficam fazendo brincadeiras de mau gosto. m u i t o à v o n t a d e .E n o f i m da v i a g e m .lelas. foi para a c o l o n i a d e B a u r u . o engenheiro com sobrenome que é e n g e n h e i r o t e n t o u descartar. t o p o u d e cara c o m o d i t o ra. U m dia o s e n h o r crime foi uma filha que o falecido não e n g e n h e i r o saiu d o c a m a r o t e para queria rèconhecer". Os interessados poderão procurar o sr.o motorizado e c o m .Nosso a m i z a d e . Armando tem uma firma. . o m e s m o b e r r o c o m Foi o m a i o r rebu. d e i x a n d o . v a m o s v e r d o os n o m e s f o r a m para o p a p e i . a partir da t a r d e ( j u n h o . gosta d e dar c a n o . m a n e i r a n d o suas a p a g o u p o n d o b a n c a : "o motivo do desconfianças.para desbaratinar. n ã o d o u . a b o r d o d e M a s e l e m o r r e u s e m deixar h e r d e i r o u m transatlântico. r e l e m b r a n d o uns lances. a ser realizada amanhã. E s c r a c h a m o s o p r i m e i r o Zatop e c k f u j ã o i d e n t i f i c a d o n o Ex anterior. para sentir a barra. O c a ç a d o r d e c i d i u o n a e os n a b o s s o b r e v o a m Elza. E n q u a n t o isso. e n t r o u na parada. t e n d o f i c a d o p u t i b u n d o estrategista. que foi vítima de chacotas. s e m dar m o l e z a n e m pra calça azul e n e m para f u n ç a . Assim.c o m n o m e e r r a d o .d e todas as suas suspeitas. c o m a f u l a n a q u e o o n d a s e as gaivotas. M a r i a . e l e deu uma encostaainha e m frente à D e t e n ç ã o . q u e tem o sobrenome de " P i n o " e. O chos. pois do contrário nascem filhos dessa laia. S e n a d o . c o n h e c i d o c o m o f a m o s o rou-se.d e r e p e n t e .p o r sinal.e n t e r r a d o n o brejo. t u d o b e m . V a m o s v e r n o q u e dá. nada o u v i r a m (gozado.d o Portela ( u m p a s p a n i t a d e ga çá alces . t e r e m o s seguramente 7 mil h ó s p e d e s até o f i m d o a n o no hotel d o seu Guedes. q u e n ã o tinha nada c o m issoe bufou p r a c i m a d o j o r n a l . Foi mani.. m u i t o i n g e n u a m e n t e . m e u c o n s i d e r a d o Cláud i o V i e i r a .d i c o . q u e m e r e c e u falou. q u e t e n t o u faturar u m b a n c o c o m uma m á q u i n a d e plástico. a vaca já havia se d o c o m a p s e u d o hight society paulis. assinado por c e r t o D o n C a s m u r r o . o o u t r o . • a Que Os Pais Casem. ) C o n s u m a t u m est (o c r i m e ) . infelizmente.p e d i u para a d u p l a por p a n o s q u e n r a m a c i d a d e d e A m e r i c a n a .c u j o secretário. né?). c o n t e m p l a n d o as e. q u e d e v e z e m xada q u a l q u e r . Passando pela C r u z e i r o d o Sul. telefonista d o demais. dando como endereço a rua Barão de jundiaí. ela aca. A í . Para sorte d o P h i l i p p e . se b e m q u e o casório era c o m s e p a r a ç ã o d e grana (o c a ç a d o r não era tatu). era da baixa s o c i e d a d e . e t u d o m a r c a d e calça gringa. E v i d e n t e q u e .

..Ex-13 comicus ESPERANÇAS B Si P O F E L I Z FRirz. WOOE í O P I A m MAIOR QUEIMA P E LIVROS DO MO í. MAS ENTÃO. de m Polônia ssr i fcfoe/ês a/j& os. ME à & o r at a l v e z T R E N SC U B S U E MN O ' HORÁRIO.. Ü A Q ü E L & R A A UMA CõNCBHWÇÂO £ ME F R f T Z L S V O U B EU 0 W PELA PRIMEIRA VEZ.. FDDERIA Í A S W O C D M VIZIMO. [/SINTO TODO M U N D O VA( y^-MUrrú. DO MEU L v i t o i m p o r w t ^ L U ^*ELE E S T A " Aaoü •St£o HEIL. um TOEI O A L V O CE" . p ü r a n e ea l ô u m t e m p d e foi HCS f a O ENCONTRAMOS COMEÇO. Aí'qo/cfadce. m $ E M MINHA D l R B p f c . Ce bom er>ç ozfâ^js.i CORRER. ELE NOSSOS EU CAMINHOU QUERIA OLHOS M Í O FOPfA/ ÊtflãCu... manda'. -também. VOCÊ VAI TER QUE TRAEAliV\R MAIS TEHPD H O J E A UOUE MAS. ELE TI NUA FARTL QUE B J MAO FDD/A ACREDITAR. SE ENDKVDE REPENTE.RR MOFF-MAK. ' . ENCOfmWAM. ACABOU.hx para (x Campos <d& concent+tiçszo do R&ch.jzobr&oan-eoar' O Ç&ck com fcro. E y A .c&yue/ri^.. vã* há necegtdaJe {£' Qom W/z MORAR £M MQJS DOHÍhilOS COU/ôO ? .<ra: .. REPENTlMAMENTE C O M O T U D O CDMBÇCXJ. EVA i ATE' Q U E .Ef?A PELE 1 fjltnha querida B.. ME A m i y O K W P O CADA V E Z M A I S LOUCAMENTE.pevidoluíar A OS O Ll * . ^ U FATipm 15 EUE$\AFEH4£ U M A ' c o m u m cm TER J o v m SONWOS COMUNS.t MUITO ÜCHlQOE TÃO MAS O QUEPODERIA E L E PODEROSO! BONiToi CONSEGUIA TIRA-LO • VER BA ALGUÉM COMO a g lu mm EUT PEMSAMEMTa.TEXTO/MARC RUBIN e CHRIS MILLER DESENHO/VINCE COLLETTA ARTE e LETHA/ARY NORMANHA ELE E rTÃO NOS DIAS SEGUINTES. ESTAR L A ' L £7ESTA NOrrfe E ' OK .OLHEM _ PASSARINHOS SORRIAM. B A PÁTRIA SERA' RECOLOCADA E M S E ( J E L E MÃO E D " MÁXIMO. EU H Ã O "jUELA 'tVA. HE.. Kiderar tJáo haí r<x?ÃjD ftartX. cje.

MAS F^rep&S. PAPAI . f O P E R i A MORAR EM QUALQUER LUêAR -SUBIU PELAS E SER FELIZ.16 comicus ELE Ex-13 CCfA EU NbM SAjB-IA 0 QUE EKA OAtDtflKjlO". MAS NAO TI K/HA IMroi?rÂNClA.

em festas de largo. do que a antiga. de agilidade total do corpo e da mente. alunos dispersos e o orgulho atravessado na garganta. primeiro desconfiada. assunto predileto de todos os jornalistas "inspirados" e opositores de "um progresso desumano". agora. do sistema. de tudo que passa. mas nada. Disse que não queria ver aquilo publicado. Ele tem sua filosofia. Depois de uma tarde inteira de conversa. Foi o suficiente. O registro no Diário Oficial foi suficiente para acabar a perseguição policial aos cultos dos negros. Sua mulher nem sequer soube que existia uma primeira fita. O que passou também. eu senti. que está cego. Tenso. sem direito ao mínimo. passou a lecionar capoeira no Pelourinho. capoeira tida como autêntica. Falou do mal contra o mal. a mulher virou fera. fiquei encantado com o que o Mestre falou. documental.. Como critério. aconselhou os pais-de-santo a registrar os terreiros como centros recreativos. disse-lhe que estava interessado em seu depoimento e não em notícia sensacionalistá. como pessoa e como jornalista. Os pais-de-santo nascido depois da perseguição montaram agências no Rio. pandeiros e tudo o mais. alguma coisa assim. Tive que voltar o gravador. Tão violenta. tradicionalista. contudo. c o m luta. o Mestre Nos Dá Tudo o Que Tem: Sua História. graças ao Chefe de Polícia do Interventor Juracy Magalhães Júnior. rígido nos compromissos. tudo. assumiram a civilização branca no que ela tem de pior: pelo lado do dinheiro. Expliquei que não tinha dinheiro e que nao costumo " s u b o r n a r " minhas fontes para não ocorrer o mesmo comigo. notícia. diria.Ex-13 17 OMAGO PASTINHA " Pastinha não fala nossa linguagem nem sequer pensa como nós. longe dos interesses da barriga e do comércio. Havia dito que não perdoaram nem os bancos. Finalmente. teria tomado a maior surra da minha vida. levantou cambaleando e seu dedo indicador roçou o meu rosto. se vingaram amarrando as pensões prometidas. enfim reagindo como era dé se esperar. sem frescura minhas: péssima morada. mulato. Jsso aconteceu há mais de 35 anos.. O processo de desmoralização do candomblé foi a resposta que o sistema como um todo (religião oficial + preconceitos racistas + interesses empresariais do turismo. para fugir da escravidão e praticar a luta. Achei que não devia relacionar essa transformação em que está mergulhada a Bahia. berimbaus. grana pro patrão dono do jornal! Barra muito pior para um mulato que introduziu uma luta muito pouco bem vista na sociedade branca baiana. encontrou para imporsua cultura. em sua frente. Depoimento a Gustavo Falcón Logo depois da revolução de 30. cessou a perseguição aos terreiros de candomblé na Bania. ponto das caravanas turísticas até uns 3 anos atrás. cheia de cânticos na roda. filho de espanhol dono de armazém com preta velha. Bom. encurvado pelo tempo. Falou da miséria de Pastinha. por assim dizer. transformação econômica-ecológica-sociológica acentuada por nosso subdesenvolvimento. louco. A história dos últimos 86 anos que viveu. como se isso existisse. você entende? Ele está falando de todo um tempo. A mulher olhando firme para mim' voltou a falar de dinheiro. o Mestre Pastinha confirmou tudo que disse. soas passaram por sua academia no Largo do Pelourinho. comida idem. aluno de um discípulo do Mestre como pessoa humana. Pastinha ficou. Ele foi soliaário. que havia dito a ele quem era. perpetuadores da dança que aí já se tornou menos violenta. e eu lhe prometi que não faria sensacionalismo com. etc. fiel à angola. irmão. Nosso sistema é um absurdo! O Chefe de Polícia. 1975: o velho Mestre cego. mas que não o impede de falar. pelo menos ostensivamente. como notícia mais corriqueira. mesmo. com sua academia tomada pelos homens do turismo. Há alguns anos os repórteres baianos costumam aporrinhar Pastinha. ogan de candomblé. C o m Pastinha um depoimento não pode ser de mentiras. etc). é mais a capoeira mental hoje. Mestre Pastinha ainda sem pensão. E a malícia da luta ficou guardada para as brigas de rua. que se passa. ferido e magoado por u m mundo onde " t u d o é comércio". um marujo baiano. geralmente com policiais. Mas tinha certeza de poder chegar lá. mulatos. Turistas incontáveis. de todo tipo. muito mais interessante. Cessou a opressão religiosa e surgiu a absorção do sistema. Coisas como: "E a promessa da Prefeitura em lhe dar uma pensão de três salários-mínimos? Não se cumpriu?". O senhor está se aproveitando da cegueira do velho. irmão. E como um "entendido" da capoeira. Algumas matérias desses jornalistas colocaram o Mestre em oposição ao Prefeito. instrumentos perdidos. aconselhado por Wilson Lins (escritor e político) a talvez também por Jorge Amaao. meu irmão. é muito! 35 anos foram suficientes para arrancar toda a força moral de uma religião oprimida antes. Apareceram outros mestres e estilizações. muito pessoal. sem previsões. atabaques. A primeira coisa que ela fez foi me deitar um olhar curioso dizendo: "Tá gravando? Ah. Talvez a gente esteja querendo contar a história cie um tempo que já se perdeu na poeira. das dores de cabeça que os repórteres têm lhe arranjado falando contra o governador. que se existirem hoje 2 terreiros respeitáveis na Bahia. Um presente pra vocês." Eu lhe expliquei que tinha autorização do Mestre (achei estranho ela o chamar de " v e l h o " pejorativamente. onde hoje funciona o Hotel Senac. de reforma do conjunto arquitetônico do famoso Pelourinho exigiram como trunfo a Academia do Mestre. e conseguiu provocar Pastinha. o marujo de que falei. Mas Pastinha não me deve explicações. ao Governador. Se ele não estivesse cego. o drama do Mestre Pastinha passou à imprensa. afinal. não possuía mais aualquer relação original com a clareira do mato onde os negros se refugiavam para lutar. sapateira. etc. censurou. Eie confiou em mim. que alguns chamam de cultura brasileira". um fato tão explorado pela imprensa baiana. "arruaceiro". Registro na mão. achou muito bonito o presente. vivendo sua solidão de velho na miséria. Há pouco o Mestre havia contado como lhe tomaram a academia. etc. animada por berimbaus. encheram os bolsos de dólar. que lhe expliquei que tipo de jornal era o Ex. Resultado: as autoridades que prometiam. Foi o suficiente para a política deixar de perseguir. não devolvendo a Academia do Mestre. compaixão dos leitores. E seus alunos. Ele ainda conserva toda a formação moral do baiano de alguns anos. Prometeu. coloquei em minha cuca o seguinte: vou conversar humanamente com o Mestre e disso vai sair alguma coisa. tudo mudou e ele ficou aí. isso não! Isso custa dinheiro. registrou sua academia de capoeira como um desses centros esportivos permitidos por lei. Não desliguei o gravador. Milhares de pes- . Passei a fita a pedido do Mestre. os capoeiristas. passa por sua ótica. foi esquecida. com a figura do Mestre. depois transformada num papo amigável. Aos 86 Anos. Na falta de prato melhor. simpatizante d o c a n d o m b l é . antigo ponto turístico. Só magia. Acho que saiu. foi recolher os fragmentos de um depoimento que seria difícil de conseguir. tem que dar. N u m trecho onde uma autoridade era citada. Mestre Pastinha. Mestre Pastinha: Cego. instrumentos. O que pensei fazer como repórter. até a própria academia do Mestre Pastinha. Porque o Mestre fala mesmo. tentei acalmá-la. brigão. Quer dizer. sem pauta. Ficou furioso. Roubaram-lhe os instrumentos. com sua modéstia e autoridade. Disse meu nome. C o m a palavra. gritou. discípulos. Na academia não se ensinava tudo. acentuando sua cegueira).. amarelos e vermelhos. pediu para ouvira fita a fim de censurar o que Pastinha havia dito. miséria.. a essa altura entupidos de brancos. Não sei se exatamente para o Ex. Tudo foi conquistado no pau. a capoeira do Pastinha. Não muito longe da década de 30. eu tive a oportunidade de conhecer a quinta mulher da vida do Mestre Pastinha. Eu lhe dei a fita de presente. de luxo. A capoeira. Béu. discorrer como quem conta história para crianças. A promessa da volta ao local.

A polícia r i g o r o s a m e n t e r e p r i m i u . A q u e l e q u e a p r e n d e u sabe. Era pela c a m a r a d a g e m . e u a p r e n d i jogar p o r q u e ela e d o m e n t a l . Eu e n s i n a v a a eles na rua d e Santa Isabel. está c e r t o . N ã o é t o d o m u n d o q u e vá abrir a b o c a e dizer " e u c o n h e ç o a c a p o e i r a . tá b o m ? Dizer': e u sei j o g a r . tá b o m ? N o Brasil. tá b o m ? Foi andar. 12.. saber mais o u m e n o s q u e uma coisa se c o m b i n a c o m u m a o u t r a . Eles são g o v e r n a d o r . t u d o i$£o. Então disse lá a eles. Fiquei trabalhando. n o r m á . O capoeirista taqui. q u e r e r ser professor. Isso e m 1910. tá b o m ? Estudante d e m é d i c o . Na hora q u e o sujeito v e m falar c o m e l e t o m a u m s o p a p o s e m saber c o m o . e u n ã o q u e r o superar. lá se ia. O pau c o m e u . Tá b o m ? P o d e ser t a m b é m u m a p r e n d i z . S a b e q u e e l e é capoeirista. Pra d e f e n d e r . H o m e n s q u e v i n h a m pra Salvad o r se f o r m a r pela f a c u l d a d e da Bahia. CAPOEIRA É "Ela é o Pai e a Mãe De Todas As Lutas No Brasil. Primeira parte: a c a p o e i r a t e m -seu d i c i o n á r i o . mas deixa eles p o r d e b a i x o d o p a n o . aprendia a jogar capoeira por d e b a i x o d o p a n o .. João M o l e q u e . q u a n d o eles vão escrever. a c a p o e i r a foi p r o i b i d a . n o m e i o d o T e r r e i r o . Q u e r dizer q u e a capoeira. c o m ânimo mas cada q u a l c o m seu d e s e n h o nos lábios. e m 1941. a q u i n o largo d o Cruzeiro.. a p r e n d i a e aí p r o n t o . a p r e n d i a às escondidas. Eu. é a o p o v o . M a s h o j e a c a p o e i r a . tá b o m ? A n e l . e u n ã o v o u dizer t u d o . O p o v o ? O s índios? O s í n d i o s lutava. p e g u e i a l e c i o n a r aqui. N ã o é? A p r i m e i r a luta q u e v e i o ao Brasil v e i o d e lá da África. pela a m i z a d e p r ó p r i a q u e saía da c a d e i a . "Todos Podem Aprender. cartola. Lá f i q u e i coisa e tal e e m 1910 e u saltei e p e d i baixa. A c a p o e i r a dá. os d o u t o r e s q u e v o c ê c i t o u q u e a p r e n d i a m capoeira.. n é ? G o s t a dos capoeiristas. 4 r e p ú b l i c a s d e estudantes. Ele p o d e ser salvo? P o d e . ela m e s m o d e f e n d e o sujeito por c o n t a própria. a v o c ê . t e m sua formaç ã o . . suave. sabe. Eu v o u c o n t a n d o isso a você. J o ã o Fortunato. e m 1902. C a p o e i r a é parcela d o c a n d o m b l é . tá b o m ? O que é capoeira? É folclore? Então? V a m o s dizer q u e a c a p o e i r a t e m o seu l e n d á r i o . eles t i n h a m seu sistema d e luta. a graça da c a p o e i r a . f i c o u e n c o s t a n d o aí. boa r o u p a . De General a Doutor. Ele. casaca. na rua. Eles q u e i r a aceitar por v e r d a d e i r a o u n ã o v e r d a d e i r a . tô l h e d a n d o n u m detalhe.. a c a p o e i r a é justo q u e se diga. Ele p o d e ser salvo. O s capoeiristas f o r a m . tá b o m ? B r a n c o t a m b é m tá n o meio.. mas c o n t a n t o q u e é pai e m ã e d e todas as lutas. tá b o m ? O l h e : e u c o m e c e i a jogar. 3. aqui. Eu v o u lhe dizer a parte q u e v o c ê p e r g u n t o u .. O s e n h o r m e destaca esse n o m e aí? Aí v o c ê vai t i r a n d o as conclusões. Pastinha. e n t ã o e u fui pra M a r i n h a . e s c r e v e a q u i l o c o m o q u e m diz: e u ja sabia! Isso é m e u . foi i n d o . q u a l foi a p r i m e i r a luta q u e e n t r o u n o Brasil? N o Brasil iá tinha luta. alguns deles. n é ? M a s t e m b r a n c o t a m b é m q u e gosta d o s pretos. A g o r a o q u e é parcela d o cand o m b l é ? T e m tanto n o m e pra significar. Daí pra daí fui i n d o . jogava ali. V a m o s dizer c o m 8 anos. são os b r a n c o s . e n t ã o n ã o vá contar a q u i l o q u e n ã o p o d e contar. Se. O s africanos n ã o t r o u x e r a m c a p o e i r a p r a q u i não. s u p r e m a é a c a p o e i r a porq u e t e m . C o m os anjos da guarda d e l e . N ã o vá dizer q u e a c a p o e i n é o q u e ela n ã o é. n ã o era só capoeirista n o j e n t o n ã o . V i r í c i o . V i c e n t e Ferreira Pastinha q u e tá d i z e n d o esta palavra. q u e e u n ã o q u e r o superar.. Eu tô lhe d a n d o isso assim. c o n t e n t e e satisfeito. tá b o m ? A s s u n t e b e m : e m 19411 m e cham a r a m na L i b e r d a d e pra t o m a r c o n t a dessa c a p o e i r a . g a n h a r seu d i n h e i r o e m a n d a r b u s c a r a m u l h e r na Á f r i c a . pra trabalhar. e u . ja c o m p r e e n d e u ? Por d e b a i x o d o p a n o . Enfiei a Capoeira Na Sociedade. Dá. t e m seu d i c i o n á r i o . t o d a v e z q u e tinha festa n o lugar capoeirista já estava: era capoeirista d e fraq u e . N e r a s o m e n t e a p a t r o n a g e m não. d i f e r e n t e . Então v o c ê p e r g u n t a : e l e t e m capacid a d e d e se manifestar na v i d a d o c a m a r a d a o u o o u t r o c a m a r a d a é mais p e r f e i t o q u e e l e . O u lá ficava. B o t e i aí. o u por interesse da c a p o e i r a . tá b o m ? T e m p o r q u a l q u e r interesse: o u p o r interesse d o t r a b a l h o . T o d o s ajuizados pela c a p o e i r a . né? N i n g u é m sabe. C o m e l e ia d a q u i prali ( m o r a v a nessa é p o c a na R u a d a Laranjeira).A c a p o e i r a t e m muitas coisas. coisa e tal. d o lado da fronteira pra ser c o m i d o na bala. não é? C a p o e i r i s t a brigava. então defendese. mais l u t a d o r d o q u e ele. R a i m u n d o . africano. N e m t o d o s mentais. E o u t r o s t a m b é m q u e protegiam capoeiristas. tão f a z e n d o a represália c o n t r a os pretos. A p r e n d i c o m u m mestre. p o d e ser c o m o u t r o capoeirista o u não. . Então nessa o c a s i ã o f i c o u a q u i l o assim ó.. deliciadam e n t e . tá b o m ? L e v e i 8 anos na M a r i n h a . n e m vá c o n t a r o q u e n ã o v i u n i n g u é m falar. a c a p o e i r a t e m muita coisa. Eles v i e r a m d e c o r p o e alma praqui. trazer a m u l h e r . c o m 9 anos e u passei a ser capoerista. a c a p o e i r a era p r o i b i d a . Eu v o u lhe dizer a v o c ê positivamente: tem. E c o m o a g e n t e p o d i a a p r e n d e r a jogar c a p o e i r a ? J o g a v a "Eu. n e m t o d o s sujeitos p o d e abrir a boca pra c o n t a r o q u e e a c a p o e i r a n ã o .pra ali. V o c ê p e r g u n t o u uma parte. b a i a n o não. v i u ? Era capoeirista d e c e n t e . \ A n t i g a m e n t e se j u l g a v a q u e a c a p o e i r a é s o m e n t e pra nós. desbaratava tudo. pra v o c ê mostrar a eles o q u e é a c a p o e i r a : é parcela p o p u l a r . f e c h a os olhos a u m e a outro porque (mudand o a voz) t e m b r a n c o t a m b é m n o m e i o . Zeca. d i g o aqui. né? Q u e esteja c o m o protetor dele. Fiz u m b o c a d o deles. terceira parte. tá o u v i n d o ? N o Brasil já se lutava. p o d e ser u m professor.. p o r q u e ela destaca-se. M i n h a a c a d e m i a ja era n o c r u z e i r o d o S ã o Francisco. a coisa f o r m a l i z a d a m e s m o . todas c o r p o r a ç ã o . Q u e r dizer q u e e u tô b o t a n d o o n e g ó c i o n o j e i t o pra v o c ê entender. Foi o p r i m e i r o a l u n o q u e e u p e g u e i aí q u a n d o e u d e i baixa. q u a n d o c h e g a v a lá solta o rapaz a q u i q u e é m e u . a polícia v i n n a . compreendeu? Aí foi i n d o . fui i n d o . nega e tira. a c a p o e i r a é isso". sou e u q u e t ô d i z e n d o . é m e n o s experiente na luta. d a q u i . já se lutava.é o n d e se diz: a c a p o e i r a é parcela d o c a n d o m b é. fiquei quieto c o m a capoeira. tá? J o g a r a m uns capoeirista lá. o p e r á r i o s . V o c ê s n ã o s a b e m . M a s os d o u t o r e s . B o m . n e ? e n t ã o eles f i z e r a m u m a c a p o t a g e m c o m os capoeiristas." O s a l u n o t o d o era t r a b a l h a d o r . A c a p o e i r a é pai e m ã e d e todas as lutas. nega e tira. q u a n d o passou essa formalidad e d e capoeirista aqui. C h e g a r a m lá ficaram t o m a n d o c o n t a da fronteira. E é é é é é é é é é é : c o m o v e m pesado. Aí e q u e se diz. e u posso fazer isso e a c o n t e c e r . R e c e b e u a q u e l a represália d o capoeirista p r a t i c a m e n t e . tá v e n d o ? A c a p o e i r a era p r o i b i d a . B o m . c h a p é u d e p e l o .. t e n h o e m m i m m e s m o . por q u e é d o p o v o ? P o r q u e todos nasceram c o m a capoeira no juízo.. Tá b o m ? A g o r a . duas. foi i n d o . D e p o i s . Q u a n d o ocorreu aqui a época d e F l o r i a n o P e i x o t o (1892-96). os capoeiristas vortar a m e eles v i r a m capoeirista manifest a n d o d e t o d o lado. N ã o deixa vestígio. c o m 8 anos. passei a t o m a r c o n t a d e u m a c a p o e i r a na L i b e r d a d e (bairro p r o l e t á r i o d e S a l v a d o r ) . S e n ã o e u ainda dizia e v o c ê ainda ficava c o m mais detalhes. foi pra guerra d o Paraguai.. diz é isto m e s m o .." Q u e é q u e se p o d e fazer c o m esses h o m e ? V a i desbaratar esses h o m e n s t o d o ? N ã o precisava: a g e n t e escurraça eles d e v a e a r z i n h o e tal.. Falar a v e r d a d e na vista d e q u e m sabe pensar. s e g u n d a parte. q u e m t e n h à pens a m e n t o . r e l ó g i o . precisava a p r e n d e r c a p o e i r a . e u . s a p a t e a n d o . tinha u m a . c o m 8 anos a p r e n d i c a p o e i r a . O l h e . foram doutores q u e a p r e n d e r a m a jogar capoeira n a q u e l a é p o c a atrasada q u e a c a p o e i r a era p r o i b i d a . Tá b o m ? Eu r e s p o n d i p o d e .tiver c o m os orixás." A c a p o e i r a é u m dos professores particular! E a p a r t i c u l a r i d a d e é normá. e m toda a vida. e l e p o d e se salvar? Q u e m p o d e se salvar aí? T e m q u e m salve e l e d e unha d o outro? f o r q u e o outro p o d e não ser capoeirista mas é u m b o m lutador. A g o r a q u e m ? Se n ã o tinha n i n g u é m para lutar n o Brasil. gostava d e capoeira. e a p r e n d i a na vista t a m b é m d o p ú b l i c o . mas capoeirista. d o u esta gravação. capoeirista d e c e n t e m e s m o . M a s se eles m e s m o tão agrav a n d o c o m a usura: jogar c a p o e i r a c o m 2 meses q u e r e r ser mestre. E m 1910 p e g u e i R a i m u n d o A b e r r e i . Ê o s e g u i n t e : se t e m ali u m capoeirista b r i g a n d o . t e m seu d i c i o n á r i o e quarta parte. alegre. B e n e d i t o . V i c e n t e Ferreira Pastinha. . t e m seu d i c i o n á r i o . A capoeira s e m p r e . Tá b o m ? O p l a n o deles. 13. tá b o m ? D e p o i s passei a ser f u n c i o n á r i o da Santa Casa d e Misericórdia.

A q u i não é minha residência. q u e e u não queria. esse caso mim. fazendo mal a mim. não é? aqui pra atender aos senhores. a p r e n d e u . lá d ê cá. Eu estou exercício. Ele vai se criando aí.J o ã o P e q u e n o e outros rapazes (os 2 nha. aí acostuma-se c o m o balan. pedreiro. M i n h a mãe era santamarense. né? p o r q u e e u era p e q u e n o demais. Por q u e Agora v o c ê veja hoje pra e u tá meus melhores alunos são pretos? aqui e chegar gente q u e r e n d o q u e e u Então eu tava aí assuntando a resposta P o r q u e o clima dá pra eles. Agora eu fui filho único da arte d o e s p a n h o l a d a parte de pai. Aí ele c h a m o u o tade da gente contar mais uma coisa cabo da guarda. fui me empregar lá no correio. Eu nunca saí c o m ele.. O l h e : e m 19T0. né. pra e n c h e r p o r q u e é obrigado a disse. Assim. falando mal do um grupelo d e capoeiristas. Já h o u v e t e m p o q u e o Falei c o m o senhor W i l s o n Lins. seu n o m e era Raimunda. não? Q u e n ã o seja o Pastinha. "Eu Conheci Cordão De Ouro. não tá prestanas implicações d e parte a parte. Se t a m b é m até hoje m e a c o m p a n h a . 1902. Seu n o m e era José Sinor Pastinha. e u queria falar segundo filho. foi para Maracangalha. disse: deixa ele dormir aí. p e r g u n t e i ao sentinela: ô m e u amigo. Pra eles tudo è c o m é r c i o m e s m o . tão fazendo aquilo pra publicação. Q u a n d o ele saía dali e u não único. sou e disse passe: e u aí passei.. grafia. eu fui trabalhar. q u é q u e o senhor q u e r ? Q u e r sentar Eu conto assim uma coisa mas dá vonpraça? Eu disse é. aqui.. a B gente passa c o m o mentiroso. C o m e m casa e m serviço d e sapateiro. Eu estou lhe dizenos capoeiristas não gosta do mar. d e carregador também. n ã o presta atenção. T e m tido aqui centenas e do mar. q u e e u achei foi na imprensa i no Diário da Bahia (há muito q u e nao existe esse jornal). minha consideração. ele ficou assim. O u r o ) . r a " . e u ficava ra é deles. Eles sociedade. o l h o u pros outros q u e não pas. Ele disse: a o n d e q u e o senhor vivia? Eu digo.. nao quer saber.. não tem jei. v o u ficar aqui c o m vocês. todos os biscates. M i n h a academia tomaram e a minha residência n ã o é a q u i . a parte d e minha m ã e e u fui o C h e g u e i lá. viu? Depois fiz d e t u d o : e m p a l h a d o r . A capoeilargue a capoeira. ficou. Eu vi ele na minha frente e não temos nada pra comércio. leia. Ele disse leia. Ele disse: v o c ê precisa c o m e r mais uns 4 sacos d e farinha pra v o c ê entrar aqui. Eu. N ã o adianta nada. era queiram fazer c o m é r c i o mas ele tem o dito professor da escola agora. o senhor não venda jornais. disse tome. ele ta c u i d a n d o do trabalho meu respeito. M e b o t a r a m pra ser cabo dos fáxineiEu v o u d i z e r u m a c o i s a a o ros. na escola. c o m o q u e tá se falando? Já acabou-se botei a capoeira dentro da sociedade. q u a n d o e u dei baixa. leia. Eu e mais 16 não vise dinheiro. não capoeiristas b o m na Bahia: D o z e deixar d e a p r e n d e r capoeira. u m caso q u e ler u m passo à frente. Fazia não.nosso é historiado. né? Ele me levou à presença do c o m a n d a n t e coisa tal. ço d o mar. gou. M e u pai era d o n o d e u m e u q u e r o lhe dar uma coisa mas o m e incomodava não. A arte da pessoa do Besouro. lá no c o m é r c i o . Ele pegou u m m a ç o d e entra e m praça. fui titulada pra eles. Então se faz uma propaganda. Eu v o u botar a capoeira dentro da adianta isso. q u e m eu m e e n t e n d o aqui? Ele disse: Agora deixe é u explicar a você. Todos todos os lugares. Aí fiquei lá. no m e u primeiro e m p r e g o . praça a coisa vira c o m é r c i o . encher. fui indo.gente. iá do a você porque eu estou um pouc o m p r e e n d e u ? Gosta do mar a q u e l e q u i n h o magoado. Tá Ouvindo? Bota Na Marinha. m e empregar c o m o indigente. E nós q u e M a r i n h a . Fui receber fardamento. C o n s e g u i entrar na escola. ta nalistas) publicam essas coisas de o u v i n d o ? a n d o u por aí coisa e tal mim. bonito para mim. Ele o l h o u pra a c o n t e c e u c o m a gente. o cama.. g o v e r n o se preocupava c o m o publibom? c h a m e i e l e .milhares d e pessoas q u e v e m aqui. falando mal do governador. q u e estudou. Depois veio inspeção d e sáude senhor: isso vocês fazem pra quê? coisa tal. Jorge A m a d o rada matou ele c o m uma faca d e trela a isso. de.mal ao senhor só? Está fazendo mal todo caso vocês me ajeitaram e tal. Ele Morreu Assim:" Eu aí fiquei assim. assinatura. e esse c o m é r c i o é q u e está hoje p r e v a l e c e n d o e m O l h a : deixa eu logo dizer. A polícia nunca gostou de O senhor disse uma coisa aí q u e capoeirista. ' e l e a p o i o u .CANDOMBLÉ Então e u fui indo. N ã o não gostava d e l e t a m b é m . v e n d e m tudo. fica uma barbudia. " O Senhor Não Acha Que Isso Tudo é Comércio?" "Bote Na Marinha. senhor sabe q u e e u fiz u m trabalho N u n c a fiz farra junto. Ainda q u e alguns não M a r i n h a antes. triste né? Aí eu disse a ele: e u não t e n h o o n d e ficar. esse vá sentar. não dá. H o j e o g o v e r n o n e m dá a c o m p a n h o u até hoje. tá b o m ? E fez as proezas pra notícia. sentar praça. cheg o u uma época. O s quis aprender. Então lá sempre brigava c o m a polícia procurei dizendo a eles q u e e u ia publicando o n o m e do governador e ele não gostava da polícia. Já c o m p r e e n d e u ? Dali e u saí..co falando. Na e m diante ficou sendo C e n t r o EsporFazem mal para eles mesmo.600 réis. H o j e b o m na filhos deles t a m b é m a p r e n d e r a m . Pastinha. achei e m e apoiei. temos e u disse: aii! Ele disse q u e m não sabe somente a história. e u sou filho repetir esta palavra: " S e o Pastinha. aí m e levou na presença do oficial do 'dia. deixe e u dizer ao q u e já está no mar e*que v ê o balanço senhor. Mas outros vendem fotomeninos. Eu disse. então tomei u m instinto e fui pra M a r i n h a . Tá b o m ? O cabo da guarda m a n d o u e u entrar. o cabo veio. t o r n o u a m e o l h a n d o assim pra ele e ficava d a n d o Eu sou filho único. e esse rapaz quer sentar praça. Bote na M a r i n h a . G a n h a v a 1. A carabina é maior do q u e voce! armazém ali na rua do Tijolo. tá bonito? Trabalho bonito não! Q u e r assim: um camarada farseou ele aí. gosta e acha q u e a q u e l e ali c o m p r e e n d e u o senhor? V e m aqui e t a m b é m é u m dos grandes professo.H o m e e tantos outros. se empre. c h e g a n d o lá o c o m a n d a n t e disse q u e eu não servia. O n o m e d o oficial era tenente O l i v o . tá v e n d o ? Eu era solteiro e não m e casei não. instrução. e u tava e m p r e g a d o . M i n h a m ã e trabalhava aqui c o m u m camarada aí. Aí eu ia trabalhar por conta própria minha. e me dizer. não foi? O d e l e coisa e tal. W i l s o n e Jorge não p o d i a m queria nada. eu disse opa! senhor q u e não faça pra c o m é r c i o . paganda. C h e g o u . sei não. Ficou e pra eles também. e u prefeito. escreveu A B C . T o m e i Eu c o n h e c i Besouro ( C o r d ã o d e este quarto aqui. Por q u e q u e se faz aquilo N ã o tinha capoeirista n e n h u m m e c o m o v e u : o senhor disse aí q u e pensando q u e o outro vai se agravar aqui q u e manifestasse. t e m q u e ser Aí o professor q u e mandava pra c o m é r c i o . Tá o u v i n d o ? Bote na M a r i n h a . desc e n d e n t e d e espanhol. O senhor não a c h a q u e isso tudo é V e i o uma o r d e m : V i c e n t e Ferreira c o m é r c i o . Toma gj no era u m m e n i n o desordeiro. Ele disse leia. Você compreendeu bem? ele dava ao m e u tio: bote na Mari." . to a dar nesse menino. u m e s t i l e t e d e m a d e i r a . Ele ficou trabalhando lá. são discípulos d e Pastinha).fazendo as proezas dele. res. mas e m senhor não q u e r afatar-se da capoei. a polícia botar a capoeira dentro da sociedadizendo q u e ele não presta. do serviço dele. U m camarada dele. d o patrão. Desse dia depois se e m p r e g o u na roça. Sabe pra quê? Levar gazeta para o correio. pra ele lá é prov e n d o o senhor? V o c ê fique o l h a n d o cia m e u tio né? Então m e u tio andava M o r r e u u m p o u c o novo. coisa tie trabalho. não Na época d e Besouro teve outros do atenção.. A resposta que capoeira na Bahia tem J o ã o G r a n d e . B e m . Tá Tinha um'professor q u e conhe. na q u e fazer c o m é r c i o disso. faz uma propaganda. Fui trabalhar ali d e ganhador. amigo d e m e u tio. c o m é r c i o se estende. eles pensam q u e está fazendo veja bem.t i c u m . n ú m e r o 110. risada. há alguns anos. Eu viajava muito d e escalé. Ele m o r r e u o tempo. q u a n d o entra e m papel. coisa e tal. e se queixando e coisa tal q u e o menidele. c o m p r e e n d e u ? Q u a n d o eles (os jorBesouro foi soldado do exército. fazenda de um nomem chamado tivo d e Capoeira Angola e não mais Sovera.

sem carne e sem sexo.AGORA TAMBí Sem drogas. de mantos e idéias indianas na cabeça rapada ao som .

passa pelos Estados U n i d o s inteiro. o sexo. e m Londres. M a s o m o v i m e n t o d e M a h a v i r a não propõe nenhuma mudança: . H a r e Rama. no Central Park d e Nova York. O grupo iá estava r o d a n d o fazia 2 anos q u a n d o e n c o n t r o u u m v e l h o cantando H a r e Krisna. aos 17 anos. H a r e Hare. Esta sociedade não tem q u e mudar. 23 anos. O m o v i m e n t o c o m e ç o u e m 66. Bhaktivedanta S w a m i Prabhupada (que v e m ao Brasil e m agosto). Por Dácio Nitrini . É M a h a v i r a . não há r e v o l u ç ã o e reàlmente temos u m b o m g o v e r n o p o r q u e ele é forte e t e m controle. além d o nascimento e da m o r t e . as drogas. t o c a n d o . introdutor d o M o v i m e n t o H a r e Krisna no Brasil. M a s nada m e satisfazia. H a r e Rama. viajando e m outra consciência. descalço. Krisna Krisna. canadense. Depois d e cantar o v e l h o falou: " A t r a v é s da consciência Krisna é possível transc e n d e r o m u n d o material. líder místico. só tem q u e desenvolver seu c o n h e c i m e n t o espiritual. O d e s e n v o l v i m e n t o espiritual d e M a h a v i r a t e m 7 anos. no Congresso da Dialética da Libertação. Em 1968. entrada da C i d a d e Universitária d e São Paulo. M a h a v i r a tocava rock c o m mais 3 g a r o t o s e uma m e n i n a : " S a í a m o s por aí.Estive e m toda a A m é r i c a Latina e os latinos estão sempre falando e m revolução. uma marca feita c o m barro importado d o sagrado rio C a n g e s entre os olhos. cantaram juntos o mantra (oraçao) H a r e Krisna Hare Krisna. C o m e ç a no Canadá. diz Mahavira. Depois seus devotos norte-americanos participaram d e manifestações pela paz no Vietnã e até integraram o comitê pró-eleição d e M c G o v e r n . Ele viajou da índia a Nova ÉM NO BRASIL de mantras. físico e m dia c o m o M a n u a l da Força Aérea. na A v e n i d a W a l d e m a r Ferreira. Foi e m 1967. e alcançar assim a plataforma existencial perfeita. eles vieram nos ensinar a mendicância organizada. Rama Rama. o poeta americano A l l e n Ginsberg e o porta-voz do P o d e r Negro. nada". relativo a t e m p o e espaço. M a s aqui no Brasil é diferente. H a r e Hare. Stockeley Carmichael. saari (manto) cor d e abóbora.HARE KRISNA Só u m rabo d e cavalo loiro na cabeça rapada. Venezuela e República D o m i n i c a n a ( " l á só se pensa e m revol u ç ã o mas c o n s e g u i d e v o t o s " ) e então chega no T e m p l o Sri Sri Radha Krisna. C. viajando e m todas. a música. Esse v e l h o q u e tirou M a h a v i r a " d o passageiro e da ilusão" é Sua Divina Graça A. " A conversão foi rapidíssima e só u m cara d o g r u p o não e n t r o u : " A i n d a hoje está p e r d i d o aí pelo m u n d o material". Na sua primeira aparição mundial criou-se uma imagem d é m o v i m e n t o engajado.

Essas instruções estão n o livro de cantos e p o e m a s d e P r a b h u p a d a edit a d o na A r g e n t i n a . S e conseguisse q u e alguns o c i d e n t a i s apreciassem a c i ê n c i a d o serviço d e v o c i o n a l e se tornassem sinceros^a Krisna.é gostoso . família e t r a b a l h o n u m escritório para ser d e v o t o e m São P a u l o . e m São P a u l o . os i n d i a n o s t a m b é m compreenderiam a importância do q u e h a v i a m a b a n d o n a d o . M a h a v i r a é solteiro: . cartazes e tudo o que o Bhaktivedanta Book Trust a ç n a r n e c e s s á r i o . e m b o r a o movim e n t o não t e n h a esse o b j e t i v o . m u l h e r e s e filhos. M a s e m b o r a a cultura original da índia fosse a cultura da c o n s c i ê n c i a d e D e u s . n ã o é p e c a d o . t o m a n d o d r o g a . introd u z i r a m seus p r ó p r i o s v a l o r e s e d e r a m a impressão aos i n d i a n o s q u e a cultura espiritual era atrasada. h u m i l d e . E proibid o u m a ala invadir outra. Sem nenhum dinheiro e com p r o b l e m a s para c o n s e g u i r o visto d e p e r m a n ê n c i a nos Estados U n i d o s (cada 3 meses tinha q u e ir para o Canadá).s e todos os d o m i n g o s às 4 da t a r d e para uma c e r i m ô n i a . não t e n h o r e l a ç ã o sexual. que são o t r o n c o . SP: "Nenhum brasileiro viu outro morrer de fome" u m a d e v o t a purifica o ar c o m i n c e n s o d e sândalo. N o s Estados U n i d o s há 35 sedes. comp l e t a m e n t e a p e g a d o a Krisna. isso não existe. Q u e m c o m e ç a a puxar é o p r ó p r i o M a h a v i r a . . sensível. poético.. M a s é c o m o ir d e ô n i b u s . T ê m duas grandes gráficas p e r f e i t a m e n t e a p a r e l h a d a s para imprimir folhetos. t o c a n d o u m t a m b o r indiano d e p e l e feita d e pasta d e arroz. e os pensadores. Há 2 meses.Bomb a i m ) explica por q u ê : " P r a b h u p a d a disse q u e originalm e n t e .o u v e m mais u m p o u q u i n h o da d o u t r i n a . está n u m a zona residencial d e luxo e n ã o t e m m ó v e i s n e m c a m a s : t o d o s dorm e m d i r e t o n o c h ã o . Q u e m alcança B h a v a nunca está agitado. A c a d ê n c i a é cada vez mais rápida até e x p l o d i r n u m carnaval d e gritos. E m c i m a d o t r o n o está a fotografia d e Sua Divina Graça Prabhupada. p o r q u e o p o n t o d e v e n d a é s e m p r e a palavra yoga. E m q u a t r o meses já i m p r i m i r a m 50 mil e x e m p l a r e s d e u m livrinho cham a d o " A l é m d o N a s c i m e n t o e da M o r t e " .N o c o m e ç o m e u s pais n ã o gostar a m e v i e r a m aqui. A l é m d e a d o r a r Krisna. é um p r o d u t o d e D e u s .O s c o m u n i s t a s são invejosos.N ó s não q u e r è m o s m u d a r nada. A m u l h e r é 9 vezes mais p o t e n t e q u e o h o m e m e m termos de luxúria.L o n d o n . caridoso. palmas. . Eles se o r g a n i z a m e m castas. A casa-templo Sri Sri R a d h a Krisna custa $ 6 mil por mês d e a l u g u e l . e t o d o s m a r c a m o r i t m o batend o palmas. Mas são transmitidos por M a h a v i r a . na Ásia 12. t o d o s c a n t a m e d a n ç a m o mantra H a r e Krisna. são os restos q u e Krisna não quis c o m e r " . Q u e m fica s a b e n d o q u e n ã o é trote d e c a l o u r o s acaba se interessando. Mas Krisna n ã o q u e r esse m u n d ò como está. P r o b l e m a s c o m polícia o u fiscalização n ã o existem: " E s t a m o s d i v u l g a n d o u m a religião q u e tira os jovens do m u n d o do vício".f a l o u nisso p e l o m e n o s 3 vezes e m m e n o s d e d u a s h o r a s . n u m a f a z e n d a d e 30 a l q u e i r e s d o a d a por u m deles. primitiva e inferior. sério. T o d o s esses r e g u l a m e n t o s ainda n ã o f o r a m p u b l i c a d o s n o Brasil. .Y o r k e foi para o C e n t r a l Park desenv o l v e r a c o n s c i ê n c i a Krisna n o O c i d e n t e . principalmente do Ceasa. Não sinto falta. Já tive relações sexuais c o m m u l h e r e s mas n e n h u m a me satisfez. manso. A revista " B a c k to G o d h e a d " . M a s haverá u m a reação.livro da Suprema P e r s o n a l i d a d e d e D e u s . M u i t o s pais q u e n ã o m o r a m e m São P a u l o cheg a m e se h o s p e d a m no t e m p l o .a p e g o a Krisna estático e t r a n s c e n d e n t a l q u e se cons e g u e através d e entusiasmo. M a h a v i r a diz q u e n ã o há c o n t r a d i ç ã o n o fato d e Indira G h a n d i liderar a í n d i a : " A índia dela n ã o é v e r d a d e i r a . livros. q u e está ao lado d e u m t r o n o e s t o f a d o c o m seda verm e l h a e v e l u d o azul-céu. N ó s estamos sofisticados mas a vida n ã o é para se viver c o m o c a c h o r r o s o u gatos. q u e são os braços e as mãos. havia u m a d i f i c u l d a d e : q u a n d o os o c i d e n t a i s t o m a r a m a índia. c o m o na índia. da a ç ã o e da reação. Eles vend e m seus p r o d u t o s nas ruas c o m e r ciais d e S ã o P a u l o . Aqui m e s m o . observação dos p r i n c í p i o s r e g u l a t i v o s . N a esquina da B a r ã o d e Itapetininga c o m D . Q u a l q u e r pessoa é a b o r d a d a e as r o u p a s indianas f a z e m a p r o p a g a n d a . paciência. pacífico. O t r a n s e ' s ó t e r m i n a q u a n d o ning u é m agüenta mais o c h e i r o e suor se c o n f u n d e c o m o i n c e n s o p e r f u m a do. S e e u tiver u m a relação sexual agora. Existe a lei d o K a r m a .Não preciso d e outra associaç ã o para e v o l u i r até Krisna. n ã o espera obter n e n h u m a posição d e respeito e m troca d e suas atividades. Esse é o a c o n t e c i m e n t o m a i s i m p o r t a n t e da semana. os políticos. d e a u t o m ó v e l .A nossa cultura está perfeitamente organizada para se viver uma vida material perfeita. T o d o s s e n t a m n o c h ã o a e s i n t e k o e os d e v o t o s c o m e ç a m a circular o f e r e c e n d o c o m i d a aos presentes: " C o m a s i m porquefaz bem. Ele quis estabelecer u m a c o r r e n t e r e a c i o n á r i a mundial. O s d e v o t o s d e lá n ã o conseguiram dinheiro suficiente para m a n t e r u m t e m p l o . q u a s e s e m p r e d e v o t o s q u e c o n t a m c o m o e r a m insatisfeitos antes e c o m o são felizes agora. na E u r o p a 12. o Festiva! Transcendental. há 6 meses a b a n d o n o u a escola. México. As m u l h e r e s c o m p r a m mais. q u e r dizer c o m o usar esse m u n d o . o t e m p o dos d e v o t o s é para estudar. O s devotos m o r a m no t e m p l o (por e n q u a n t o só existe o d e São Paulo) e v i v e m u n i c a m e n t e para sua religião. c o n s i d e r a m as m u l h e r e s inferiores e só a d m i t e m sexo para os casados. O s restos d e Krisna são d o a ç õ e s d e comerciantes. R e p ú b l i c a D o m i n i c a n a e Brasil). b o m . " N é c t a r Para Cinsnes": " O d e v o t o d e Krisna d e v e ser bond o s o c o m todos. mas os t r a b a l h a d o r e s estão um p o u c o c o n f u s o s p o r q u e não estão satisfeitos. N ã o q u e seja u m p r o d u t o c o m o Pepsi-Cola. mataram muitos animais e agora estão sofrend o por isso. e v o t o . v e n d e n d o folhetos ou incenso.na cabeça". q u e são a c a b e ç a da s o c i e d a d e . Seis meses d e t r a b a l h o n o R i o e e m São P a u l o e o m o v i m e n t o Krisna já t e m 25 d e v o t o s e 60 seguidores. c h e i o d e s o f r i m e n t o . 5 d e v o t o s estão mont a n d o uma c o m u n i d a d e " c o m casas. J o s é d e Barros. Veja n o q u e está d a n d o " . " A p u b l i c a ç ã o ensina c o m o alcançar o estado d e B h a v a . f i r m e . J ú l i o César. dizem aos policiais. . q u e se c h a m a sarkirtana. Isso a c o n t e c e u c o m q u a s e t o d o s nós. sente-se exclusivamente d e p e n d e n t e da m i s e r i c ó r i d a do S e n h o r e é s e m p r e m a n s o e humilde. editada p e l o B h a k t i v e d a n t a Book Trust (Los A n g e l e s . as m u l h e r e s na delas. q u e são as p e r n a s . Ele senta-se c r u z a n d o as pernas n u m a a l m o f a d i n h a d e seda v e r m e l h a e franjas d o u r a d a s . b e m cadenciada. são. fixo na Verdade A b s o l u t a . S ó m e excito q u a n d o como d e m a i s n o jantar: t e n h o s o n h o s eróticos e a c o r d o e j a c u l a d o . e a sua vida sexual?" .Nesse serviço d e v o c i o n a l . associação c o m d e v o t o s e c o n t a t o l i m p o esincero c o m os demais. M a t e r i a l não quer dizer m a d e i r a .mas não há diferença e n t r e u m d o u t o r e u m a pessoa q u e b e b e ? O s c o m u n i s t a s d i z e m que n o Brasil as pessoas estão morrendo d e f ç m e . E n q u a n t o as pessoas c o m e m .q u e S w a m i Prabhupada c h e g o u e m N o v a Y o r k c o m " a p e nas 7 d ó l a r e s na bolsa e toda a filosofia d o B a g h a v a d Gita . D e p o i s d e anos d e d o m i n a ç ã o . Venezuela. a A r g e n t i n a está muito p r e j u d i c a d a . " A n t ô n i o . silencioso. hoje eles estão c o m revoluções. . eles são o maior produtor d e c a r n e d o m u n d o . Sua Divina G r a ç a c o n s e g u i u fundar e m 66 a S o c i e d a d e I n t e r n a c i o n a l Para a C o n s c i ê n c i a d e Krisna. e n q u a n t o O d e v o t o A n t ô n i o estava na rua D. José d e Barros e só abordava as m u l h e r e s .Eu n ã o m e masturbo. material e c o r p o r a l d e q u a l q u e r entidade viva. É a lei d o K a r m a . Esta era sua i n t e n ç ã o . N a o q u e u m a pessoa casada n ã o vá a Krisna. O livro não t e m p r e ç o fixo. inatacável. a d m i n i s t r a d o r e s e policiais. Isso t e m e x p l i c a ç ã o divina: . S ó nos Estados U n i d o s 5 mil d e v o tos dedicam-se a Krisna e m t e m p o integral. e Krisna desenhou esse m u n d o para os h o m e n s desfrutar i n d e p e n d e n t e m e n t e dele. M a s c o n t r o l a d o s . O R i o d e J a n e i r o n ã o t e m Festival T r a n s c e n d e n t a l . O s h o m e n s na sua ala. mas só para p r o c r i a ç ã o : dessa f o r m a v o c ê c o n t r o l a q u a n t o s filhos q u e r ter. O p r o p ó s i t o é se r e l a c i o n a i o m í n i m o possível para distribuir nossa literatura. T o d o s se reún e m para o u v i r d e M a h a v i r a as verdades eternas d o B a g h a v a d Gita. 3 . perto da Cidade Universitária. há essa divisão. é a material. só n ã o taz sexo e m c a m a d e o u r o . mas " e m troca as pessoas d ã o no m í n i m o | 5 " . p o s s u e m fábricas americanas de legítimos incenso indiano e manufaturam e e x p o r t a m altares para os t e m p l o s d e implantação. fazendeiros. q u e se afastam agradec e n d o os folhetos. p r o d u t o s p e r e c í v e i s q u e n ã o f o r a m v e n d i d o s e q u e são distribuídos à instituições religiosas c o m finalidades filantrópicas. m e s m o assim só c o m o fim d e procriar. c o m inteligência. A música c o m e ç a d e v a g a r . na O c e a n i a 5. M a s isso d e p e n d e muito da pessoa. c r ê firmemente ue o S e n h o r p r o t e g e sempre o Mahavira (à esquerda) na porta do templo Sri Sri Radha Krisna.. P o d e m o s ter sexo. e f i c a r a m satisfeitos. e s p e r t o . essas idéias c o m e ç a r a m a p r e v a l e c e r e o p o v o c o m e ç o u a pensar q u e o progresso v e r d a d e i r o era e n c o n t r a d o na i n d u s t r i a l i z a ç ã o . Estou m u i t o satisfeito só c o m o M e s t r e P r a b h u p a d a . 3 d e v o t o s c o n s e g u i r a m $ 900 e m 6 horas. escola e p l a n t a ç ã o para garantir nossa auto-suficiência". Q u a n d o M a h a v i r a t e r m i n a suas e x p l i c a ç õ e s religiosas. rechaça tudo o q u e n ã o f a v o r e c e o d e s e m p e n h o do serviço d e v o c i o n a l . s e m p r e está ansioso por utilizar seu t e m p o n o serviço devoc i o n a l d o S e n h o r . q u e r e m t o d o s iguais. autocont r o l a d o . e n c o n t r a m . N ã o vai e n c o n t r a r . Porto Rico. quase t o d o s parentes e a m i g o s dos d e v o t o s . a u m e n t a r o n ú m e r o de adeptos e conseguir doações. estamos distantes d e q u a l q u e r atração física. t a m b o r e sininhos. Então P r a b h u p a d a foi para a A m é r i c a . c o n v i c ç ã o f i r m e . O cachorro t a m b é m t e m vagina e pênis. na África 2 e na Á m é r i c a Latina 6 ( A r g e n t i n a . os c o m e r c i a n t e s . Prefiro ir só. mas n e n h u m brasileiro viu o u t r o m o r r e r d e f o m e . l i m p o .Krisna d i v i d i u os h o m e n s em 4 tipos: os t r a b a l h a d o r e s ." M a h a v i r a gosta d e c o n t a r . h o j e c o m sedes p e l o m u n d o . carioca d e 19 anos. Écomida espiritual v e g e t a r i a n a . gentil. D i z e m que o N o r t e é h o r r í v e l . Pois vá ao Norte e p r o c u r e a l g u é m m o r r e n d o d e fome. s e m d e s e j o material. O s políticos estão aí e são b o n s políticos. E m Petrópolis. O s seguidores. q u e n ã o é m a u porque t a m b é m v e m d e Deus. q u e já v e n d e r a m . d e p o i s d e r e n u n c i a r à vida. seu p r o g r a m a era pregar ao p o v o i n d i a n o . d e s d e q u e e n t r e i para o serviço devocional. E q u a n d o v o c ê está c o n t r o l a n d o sua v i d a s e x u a l seus f i l h o s s e r ã o d e melhor qualidade". V i r a m q u e não estou j o g a d o na rua. Por e x e m p l o . Em cada e s p e r m a a g e n t e p e r d e 4 gotas de s a n g u e e isso faz falta à inteligência e à m e m ó r i a . O s d e v o t o s d o S e n h o r t ê m sexo. c h e i o d e b a r u l h o .

ou dos grupos econômicos mais fortes para dominar os mais fracos. cidade satélite do DF. não passa. e eu não tenho nada. Não tinha uma coisa que unisse as pessoas. não é nada meu na realidade. 12 irmãos... Caetano... VAMOS ORGANIZAR? Por Alex Solnik . o JOU. Por isso foram para Sobradinno.. de prazer. Gil tinham dado uma força. ao mesmo tempo que trabalho. nós. você para. Se voce pega e não dá. 50 pessoas que não vão precisar mais das leis feitas pelo homem.« Brasília: 28 pessoas. Leis naturais realmente: quem metak está Roliden na lll Michio Kushi: alimentos a decadência hmhrmufa Uumttmdmle fmmn japone das último ixtz Á Homeopatia além Umlergrotuid. concreta. uma grana. planalto central. o sonho do Roberto Pinho.20. mas o Roberto começou a ficar tão ocupado com transação material que esqueceu do relacionamento das pessoas e eu saí. inclusive financeiramente.Ex-13 OBA! M Ã O S A OBRA! A n o I Brasília . pra evitar aqueles problemas de comercialização: produz e não tem pra q u e m vender. Eu achava que tinha primeiro que lançar as bases na cidade pra depois então aos poucos partir pro campo. Então ficou no meu subconsciente gravada essa coisa.. tal. Q u a n d o fui pra cidade. Seu depoimento: Quase que era auto-suficiente o pessoal da fazenda. a possibilidade de muita gente viver junto. Eu pego de um lado e dou do outro. tudo é espiral. 28 anos. O.. Nosso objetivo é a paz mundial. tomei emprestado em Banco. 30. ex-funcionário dos governos da Bahia e Distrito Federal. restaurante macrobiótico.desde o começo deste ano . não segue a espiral. E que tudo vai recomeçar a partir do campo. Talvez essa maneira seja a mais possível. a energia fica atrofiada. O mundo é constante mudança. miúdo. Mais 12 sairam comigo. você não vai ter condições a e adquirir as coisas que a cidade produz que você precisa. transei várias comunidades. por mais utópico que possa parecer. mas depois de um tempo as pessoas não agüentavam ficar junto. editor-chefe do Jornal Ordem do Universo. Essa experiência nova . Isso ficou como uma possível experiência para o futuro. padaria e jornal. dinheiro partiu de mim.D F " l : m j o r n a l d»*pés». Fomos morar no campo. mas sim leis naturais. onde pode revender seus produtos. e parar é morrer. a gente vendo que era impossível começar a comunidade no campo.fui eu que comecei.. Muitas coisas da cidade ainda são indispensáveis pra gente. num clima de brincadeiras. De repente. vida é mudança. e tal. espiral das mãos. leis intelectuais. as cidades estarão sitiadas por esses pequenos grupos de 10. cabelo curto. O líder do grupo é o baiano Wanderley Pinho.. leis que existem independente da vontade dos cidadãos e do Estado. e mais os grandes. Fazenda Guariroba.. barriga < • cabeça** (Walt«*r Smetak) Eles acham que as cidades serão destruídas em poucos anos. administrador de empresas. e você acumula. Tudo deve seguir no universo a espiral do couro cabeludo. o cara te compra barato. V o c ê tem uma estrutura na cidade e mora perto da cidade.

Rio. no nível teórico que as pessoas assumiram aquela coisa. hoje não é mais. fábrica parada. senti que toda aquela loucura do comer não era verdadeiro na vida de um homem. mal utilizada . Cuidamos pessoas que se alimentam de cereais. as pessoas indo soas têm um trabalho a fazer.. A gente tá com uma terra que um deputado do Rio tá dando pra gente. primeiro embora de São Paulo. o forte vai trabalhar no campo e o fraco faz artesanato.tem nos Estados Unidos. Colégio da Bahia. engenheiro. nenhum dogma. empacotar coisas. E não vamos abandonar essas atividades depois que você tem uma alimentação urbanas. A gente tem algumas coisas mais ou menos estabelecidas. fortes ideologicamente. tem o cara que toma conta da do.. Parana. Então dentro de 30 anos é possível que a gente consiga modificar a direção da humanidade. cada pessoa tinha que trabalhar em lugar específico . Cada um procura transar com sua mulher. vai ter e vai emitir. tem comida. fui pra Salvador. Não sei a dimensão exata da terra . então me mandei pra Niterói. mos à conclusão na comunidade que Sobradinho. aqueles toques gerais. sem médico.das pessoas andarem com máscaras . de informação e coisa.. faca. Toda aquela liberação que havia de você participar de passeatas. e aí outras pessoas virão. e partiram pro planalto central. com nippy. longe da civilização. A relação comunitária é essa: um ajudar o outro nas suas fraquezas. global. Então fui conviver com o pessoal de teatro. depois houve uns problemas comigo..mas uma tecnologia que saiba utilizar bem os recursos cia terra. no Correio da Manhã. E eu espero que isso aconteça. num pique louco . as tuas impresões. ser mãe. E muito importante ter consciência genética da necessidade do trabalho. se alguém estiver a fim de transar. a nossa é apenas mais uma . uma terceira humanidade. conversando com Gil. coisa e tal. Agora. fe. as pessoas escutavam. Temos em Brasília um restaurante 10 dias atrás eu tive um sonho em de comidas naturais. mas nao havia uma motivação real. na Bahia. mais real. em várias casas alugadas. Rio. Tinha certa liberdade de viajar e sempre pensando que podia pegar uma bolsa pra ir pra Europa. Só em Portugal há 200 assinantes. não é um ponA transação de sexo também é um to físico como referencial. economista. quero ver essa criança legal.. Queria partir pro campo.sua cuca começa a transmitir vibrações numa velocidade incrível e você precisa ter uma carga de energia maior para poder resolver os problemas do cotidiano que são grandes. Menos de um ano depois de trabalhar no governo consegui uma bolsa pra Espanha. vai ter capacidade de trabalhar 20 horas por dia e produzir 100 sacos de arroz. isso. porque não sabem transar com o corpo pra enlarguecer a bacia e a criança nascer numa boa. Capaz de me relacionar bem com todo mundo.. uma terceira tecnologia. Ele dava toques a todo mundo. 28 pessoas. nem cine. depois fui pro Rio. as vibrações emitidas por você. da realidade da vida. comecei a conviver com o pessoal que tava ligado nas transas políticas da época. não sei o nome dele. fazer algumas coisas que tinha vontade. psicólogo. mil comícios.. Ninguém recebe salário.às vezes eu sinto que é loucura o trabalho da gente . aprender as coisas básicas da vida. Você consegue transmitir ao cara o conhecimento daquelas coisas simples sem se filiar a nenhum partido. que desvaneceu todas aquelas idéias políticas. Fundação Getúlio Vargas. mil brincadeiras. ele começou a falar de macrobióticos . comecei a ter uma relação mais pura com as pessoas. uma alimentação que unisse as pessoas. Mas quando as pessoas estão em comunidade. Na comunidade tem gente de várias pra ver uma coisa que tá acontecendo ou classes. necessidades mínimas de cada Paulo. ensina ioga. me interessava por arte. quem é fraco vai produzir 10 quilos de cenoura. e a coisa vai caminhar assim em progressão geométrica.naquela época ele via macrobiótica como uma realidade muito conseqüente. inclusive.. comunidade significa viver de acordo com um principio qualquer que possa estabelecer uma capacidade. passei um tempo lá e fui pra São Paulo. contraditória .. em 64. de burocracia. carros com trailer iguaí.. na França. Uma coisa que me influencia bastante no que diz respeito à transação da formação de um grupo foi realmente a A comunidade.. emprego na Folha de S. arte. Cidades onde as pessoas não vão ter mais relacionamento pessoal. que não é o artesão e não é a tecnologia tresloucada. e não existe a transa do cheessas pessoas vao fazer em São Paulo. e transa numa boa porque sempre tem alguma coisa pra dizer pra eles. comer de maneira simples. nem rádio.. agora é hora ae aprender a utilizar bem as coisas. todas as estradas. você se tranca num gabinete com ar condicionado o dia todo. transa com a rapaziada. para todo o planeta. até que haia um equilíbrio. a rapaziada não usa. Bahia. terminei Administração e fui ser assessor da secretaria de Planejamento. basicamente. mas vi que São Paulo era uma loucura e voltei pra Bahia. mil instrumentos. a comunidade tem 28 pessoas que de relacionamento das pessoas. Eu comecei a sentir que a transação do viver na cidade não era mais possível. além das convencionais.trabalha. Depois veio a revolução. Estamos trabalhando 20 horas por dia quase todos. vai ter uma energia parada. Drogas. Belo Horizonte. Quer dizer. o diabo a quatro^ O aborto é outra transação que a gente não acha legal.pagar. Então a gente prefere começar esse trabalho aparentemente difícil a e pessoas com formação universitária. governo. São Paulo. transporte. mesmo no Brasil em Goiás.. quando sonha é para ter um sonho profético.cozinha. que é não só comida material. já lançou bastante sementes. da alimentação natural. E tem um E --gócio: as crianças lá da comunidade não cnoram. Os 20 mil exemplares circulam em todo o Brasil. todo mundo deve fazer as coisas. so pra garantir o pão.. invasão de universidade. Tem gente pobre. construir templos. você fica num mundo estupidamente caótico . vão lançar outras sementes. as pessoas começando a assumir a posição de um cara que vai viver uma vida simples. produtos químicos. As 4 crianças da comunidade já vieram nascidas mas tem várias crianças pra nascer e vão ser nascidas lá mesmo. Aliás. tribal. e a concorrência é sempre terrível. a maneira como você respira. elevador para. Vai pro hospital. Os regulamentos foram sendo estabelecidos através de uma coisa informal. A tua cuca. Não usamos e não queremos que se use lá dentro pelo seguinte: droga é muito y/n. O pessoal nao tinha dinheiro e tinha que viver com roupa simples. com crianças e tudo ser muito mais que prazer. Mato Grosso. A organianos pra começar acontecer essas coisas. não existe uma relãoa polivalente. Droga pra gente. pra começar de zero. agrônomo. sexo não é simplesmente prazer. Inglaterra.mas sei que é necessário enquanto somos jovens e fortes trabalhar muito. Pode passar a níveis não captados pela grande massa. veio sozinho e tá os lados. sempre dois a dois. aprender a se relacionar com a terra. sem curtira coisa. como era o meu caso. come. Eu raramente sonho. sem teorizar nada. e as pessoas tiveram necessidade de procurar uma nova maneira de expressão dos anseios da sua época. comecei a estudar num colégio politizado. hoje. as jornal . quem sabe mais ensina quem sabe menos. mas me achava sem estrutura. 3 gerações todos serão fortes. São Paulo. as pessoas morando com a gente de igual para com sacolas nas costas. quem não trabalha vai morrer de fome. A gente procura usar o mínimo possível das coisas que vêm da indústria química. é um amigo que tá cuidando disso. Talvez a poluição que está mais um de nós. muito negativa. Paulo. uma terceira raça. baseada em cereais por 3. Temos uma estrutura normal barra pesada agora seja só o início da coi.Ordem do Universo. Rio de Janeiro. não deve fazer isso".fazendo projetos que não gosta. só sentindo realmente. mas não tinha dinheiro. zação paga os aluguéis. são terríveis. tal". E nos perguntamos: será que é interessante pôr mais um cara no mundo? Nesse mundo caótico onde a gente ainda não se preparou para ser pai. pode 5 pessoas por casa. vão colher. sabia que meu fim não ia ser aquele. da vivência da realidade do seu tempo.assunto importante pra gente em termos cleo. outros trabalhando como. dos índios. São Paulo. com polícia. de tudo. Já existem no mundo várias comunidades como essa. talvez aí a gente possa então construir um mundo novo e um novo homem. Então houve um boicote a esse tipo de atitude por parte da polícia..que assume a de receber o dinheiro.um bocado de gente reunida. Pra gente. Quando você tem uma visão unitária. Estados Unidos. e realmente houve uma modificação muito grande em termos físicos. Daqui a 2. as pessoas responsáveis pelo ma. As pessoas vão fazer parto. do estudo de como juntar as coisas da tecnologia com a tradição do povo. não sei se ele vai dar ou vender. como todo mundo daquela região. burocratas. trabalhando. numa fase de começo de amadurecimento dessa realidade. coisa transcedental. médico. Apenas o bom senso. tal. que somos nós mesmos. fui assessor do governo da Bahia. era Gilberto Gil falando. tão sempre numa boa. Inhampubi. Bahia.. as pessoas em revoada deixando São roupa. A tendência das pessoas nessas cidades é se odiarem cada vez mais porque um é o concorrente do outro. o que seja. porque quando a gente tiver velho já construiu bastante coisa. legal. Porto Alegre são cidades que estão caminhando para uma autodestruição. plantar no campo. de lá fui pra França.se bem que a ordem do universo também seja caótica. Q ú e m é forte. andar a pé e começar então a ver de forma bastante crítica a vida das pessoas endinheiradas. como você dorme . dispersa muita energia. O sonho foi assim: eu tava média. não levaram a nada. e criarmos uma terceira coisa. se submete a mil drogas. Eu vinha do interior da Bahia. comendo.. o que é muito bom. é remédio.. para todas as coisas . trabalho de pouco tempo.é um vale todo cortado de rios. 61. E quando formos pro campo.como qualquer empresa: um gerente sa . açúcar.. trabalhei na Globo. trabalhando de fotografia a nível comercial.. Comecei a ler.de recepção e de emissão de energias e vibrações píara todas as outras pessoas. vivendo no mesmo local. dos grandes centros consumidores. O conceito tradicional de comunidade entre a rapaziada do underground internacional hoje ainda é assim . cigarro. na revista Shell de publicidade de petróleo. coisa e tal.. um trabalho que unisse as pessoas. um pretinho sobrevoando a cidade e vendo as pes. E participei de movimentos políticos. a civlização já tomou muitas porradas. problemas políticos. Vamos começar a construir casas.e essa capacidade de emitir vibrações parte de uma coisa simples que é o próprio corpo. 4. não sei que. sua amiga. Pode ser uma . quase nunca sonham. E foi o que aconteceu realmente. nem transporte. 4 anos. rntão a gente tentava viver de acordo com aquela idéia da redução de custos. de gás. Nada de " v o c ê não pode fazer isso. pequenas fábricas. Fazer o quê no campo? Eu tinha começado Administração na Universidade da Bahia. escolas. a vida da burguesia. não agüentavam com elas mesmas e segundo para o jorviver mais na cidade. quero ver o que restaurante. e vão fazer cesariana.mesmo que mora com a gente. biológicos. com ladrão. Chegamoram numa cidade-satélite de Brasília. eles são homens também. isso foi em 68. Se você recebe energia. você transa com todo mundo: com os militares.voltado para o sol ou contra o sol. As pesatrás cheio de bagulho. uma padaria e um São Paulo. por exemplo. é problema de cada um. Você sempre vai ter á alimentação como ponto de referência importante. só com os amigos vibrando: "olha aí. mas principalmente da classe vai acontecer. da política do governo. um deputado cassado. Não dou mais 4 nal. macrobiótica. comer. crise de energia. existem a partir do que você ta comendo. quase nada.. uma pessoas se afastarem de São Paulo por todos soa maravilhosa. uns 40 quilômetros de Brasília. que deixaram bons empregos na cidade.. o restaurante. fiz escola de teatro. ele era macrobiótico ferrenho. fabricar alimentos. como animal sabe.. estudava na Fundação Getúlio Vargas.por uma vida mais simples. mas são as informações. Como nú. tecnocratas do governo. Espírito Santo. 62. não vai ter emergia mesmo. Acho que a gente não deve restringir a possibilidade de relacionamento Wanderley vai todo mês a São Paulo diagramar e rodar o jornal. plantar. fazendo as mesmas loucuras. Mais tarde.

. O homem tem duas possibilidades de utilizar a energia: uma. Os currículos das universidades dando a maior força a essa política de loucura em termos de medicina.foi a primeira pessoa que chegou na comunidade . na maneira que ele vê as coisas. Q u e seja uma coisa boa. O rico tem um lado pobre e o pobre um lado rico. quando falar de muitas outras coisas. Inclusive o conselheiro de M a o é um velho macrobiótico de 90 anos.todo mundo só toma banho frio em todas as casas .. Vaise muito pouco a diversões eletrônicas. não desenvolve uma raça que pense.com q u e m quer q u e seja. Tinha o dinheiro do salário e comecei a escrever. menos trabalho. O rico se acostumou tanto à facilidade. uma cama bem dura de tatame. M a s também se lê sociologia. para sobreviver. desejar sempre. destruir esse inimigo que nós temos. fortificando-se biologicamente. cuja meta. muita gente querendo ajudar. trabalho. os produtos industrializados pela política que fomenta a industrialização. acreditamos f oje firmemente (e trabalhamos em função disso) que a luta tem que ser talvez até paralela. o ar. mesmo médico ruim. toma um pique tal ue muitas pessoas se estranham depois e um mês. corno se a terra. esquecendo o lado social. essa gratidão as pessoas esqueceram de ter. porque hoje o que o governo brasileiro faz. 10 mil exemplares. é terrível porque está fomentando através do INPS a própria degenerescência da raça. Imagine quando não tiver mais petróleo. na Rússia. tal. filho de rico é gordinho e tal. Q u e r trabalhar com a gente. pequenos agrupamentos onde se transmita ensinamentos de pai pra filho. tudo. O terceiro número já foi uma jogada mais firme porque ja tinha um publico de. por exemplo. teatro. Eles se esquecem de que o homem é energia. pelas pessoas que te deram a mão um dia. mais comida. Em essência. pouca comida. física. Então. São os novos alquimistas que estão chegando. como o próprio Engels disse. bam-bam-bam. sei lá. Então lá na comunidade. propondo coisas concretas. Nos países frios. aumentar a poluição. como aprender a fazer remédios. mais do que teorias . agricultura biológica. remédio de graça. Ficar divagando. faz parte do todo. O pobre talvez então tenha sua vez. apocalipse. quer dizer. inclusive financeiramente. Existem umas 200 mil pessoas no Brasil ligadas a essa coisa que a gente tá trabalhando. aumentando a quantidade de energia para ter calefação dentro de casa. né? Mas estão diminuindo a capacidade de resistência do organismo. pensando que tão ajudando o povo. de que a matéria é apenas uma transubstanciação. a gente aluga mais casas. com uma consciência social em vez de apenas uma consciência ideológica. creio que o jornal vai ter mais leitores.. Não conseguimos ainda por falta de condições financeiras e estrutura atingir essas pessoas. metrôs. tudo bem. arroz branco. Essa transusbstanciação de energia é que origina tudo. aulas práticas de culinária. Se utiliza cada vez mais esses bagulhos todos e se esquece que o pai da medicina (Hipócrates) dizia: Q u e o alimento seja o teu remédio". química. pelas pessoas que te deram o leite quando você era pequeno. a gente tá reaprendendo a mexer com os elementos da alquimia da Idade Média. sei lá. vamos começar a transar. o cara no campo. tal. faltar alimento. o apocalipse pra mim já está sendo. milhões de loucuras. mas não. tinha q u e ser para derrubar. Aí sai pra fazer o jornal. alguém acorda mais cedo pra fazer o cafe. o que nunca alimentou ninguém. mingau de cereais. os micróbios que existem na terra fossem organismos inertes como são as máquinas de uma indústria. cê tá frito. . Aí recebemos algum dinheirinho. o que é bom agora vai ser ruim amanhã. Só o fato de você eliminar açúcar da sua vida é fundamental: tua memória volta a funcionar de maneira fantástica. macrobiótica. que é basicamente o egoísmo de querer ter. acupuntura. Temos uma biblioteca de mais de 2 mil livros. Esses são os primeiros que vão se danar quando a barra pesar. depois vai amainando. dos problemas do país. é o rico querendo. enquanto nêgo tá se preparando com antimísseis. As pessoas vêm. em cima de conceitos genéticos talvez de propriedade. outro passa a ser padeiro. leituras coletivas. não sei O que mais. mas eu acho isso uma coisa real. o cara que fazia diagramação vai ser gerente do restaurante. E aí . trabalhar no campo. O importante é que a gente possa ser. utopia. os chineses que têm uma c o n c e p ç ã o clara. não a memória de se lembrar de uma coisa esquecida. Krishnamurti. nada. mas nós estamos propondo uma. ao conforto. como conservar alimentos. Gratidão a milhões de pessoas que trabalham no campo pra produzir o arroz que tu come. Na china. só o banho já produz um câmbio incrível no pensamento do cara. O cozinheiro pode virar gerente e o gerente pode virar cozinheiro. a decadência da constituição forte do povo. e no Brasil não tinha jornal assim. que são teus pais. não tem acesso a médico. natural e conveniente para o povo que não tem dinheiro.. Sempre voltados para trabalho. a transação era trazer alimentos de São Paulo pra viver lá. O cara que tem uma visão política da realidade acha que isso é uma coisa reacionária. problemas da agricultura e tal. o dia e anoite são conseqüentes um do outro. feijão. Nessa época eu era assessor da secretaria da Agricultura do Distrito Federal. o frio e o calor são opostos complementares. todo mundo junto. que esquece que a dialética é complementar. vamos utilizar energia atômica e aí vai ser a merda total. né. natural daquilo que seja o princípio único aplicado à vida cotidiana. estão se preparando dessa maneira. mas é fraco. sábado por exemplo. não é pra comprar um jornal. Mas também não deve esquecer que as outras pessoas gostariam de fazer aquela coisa que ela está fazendo. numa sociedade onde o povo não tem como base a agricultura . Só que essa fonte de energia não é inesgotável. O povo já não é resistente porque sempre c o m e u bagulho. a gente recebendo 200 cartas. estudo. e eu creio muito nessa possibilidade de crise. O pessoal intelectualizou muito toda a transação do viver. Cada pessoa deve fazer o que mais gosta. restaurantes macrobióticos. O u ficamos em casa. astro-biofísica. você é aquilo. Você não vai matar o cara. Domingo a gente fica em casa ou vai pra um sítio. como mudar sua vida estruturalmente. como produzir realmente. E pocfe chover bomba atômica que eles vão ficar numa boa lá durante meses. H Ninguém da comunidade recebe salário nem tem uma função definida. se for confiar nos governos e nos ministérios da saúde. que a conseqüência natural será ele não suportar o sofrimento. Aos poucos. mas a memória que te leva a ter gratidão por tudo. pegar o bom e transformar em ruim. quando tua memória se desenvolve bastante. não existem os opostos. as pessoas gostaram do segundo número. pensando em poder fazer experiências c o m a agricultura biológica no planalto central. possa se preparar para uma crise que possa surgir. fazemos um almoço coletivo. Dou uma importância tão grande a banho frio na constituição do cara.. acho que o jornal vai ficar. O jornal é o instrumento prático de passar adiante essas vivências. um mestre oriental que escreve sobre medicina. é pra comprar um instrumento de luta. essas informações para a sociedade do futuro que a gente tá imaginando. Nosso cotidiano lá é acordar às 5 e meia da manhã. pão integral.. agricultura. uma variação de funções todo o tempo. Cristiano veio fazer a diagramação .. Não pode é dogmatizar. e aí você vai encontrar a mesma merda nos Estados Unidos. O Ministério do Planejamento gasta milhões de cruzeiros para planejar isso e aquilo mas que não pode ser executado porque o povo não tem dinheiro prá comprar as coisas. A gente dá logo ti m bocado de coisas pra pessoa fazer. inconscientemente. milhões de regimes. ioga. chá. A s pessoas se esqueceram de ter gratidão.. M a n d e i o jornal pra vários amigos. muito real. ou tomar b a n h o de cachoeira. P o d e fazer um paralelo c o m o problema de energia na nossa civilização. estão construindo grandes subterrâneos nas cidades como locais específicos para guardar sal grosso e arroz integral somente. Pessoas que compram o jornal. O quarto número já saiu mais legal. Ele tem uma visão incrível. na maior loucura. por exemplo. O jornal pode ser uma metralhadora na mão dessas pessoas. então com muito trabalho e pouca comida ela se yanguiza um pouco. mais horas de sono. dessa comunidade. Nós. Portugal. mas vai conscientizá-lo de que a cuca dele é uma arma e a consciência é uma arma muito mais poderosa que a metralhadora ou a espada ou a porrada. fazer fábricas no campo.. estudo. na Rússia. cursos nas casas. a ter contatos externos. que não deu pra cobrir os custos mas deu pra dar urna força. não sei o quê. porque o bom e o ruim também são relativos. as pessoas ricas são pessoas doentes. porque a pessoa chega c o m aquela visão da vida boa. Ainda vem remédio e produto químico em cima. Nunca uma coisa estabelecida: voce é isso. por exemplo. pápápá. outra. pápápá. se esquece de pensar na agricultura nesse nível pra se pensar numa agricultura como indústria. querer ter e nunca querer ser. 6 ou 7 mil pessoas ligadas no jornal. né? Vi jornal como O r d e m do Universo na Europa. escrevendo. a chuva. alguns amigos deram anúncio de página inteira. em qualquer país onde predomina a concepção material. os vírus. As vibrações da pessoa se sente na hora. como atuar. ar condicionado.como aprender fazer massagem. se necessário. Banho frio. tentar abastecer o mercado pro povo não gritar que não tinha produtos. Temos aulas. • outros não. viver com a gente. se dê melhor que o rico. a quantidade de energia usada no inverno é cada vez maior porque as pessoas estão mais fracas. Não perguntamos de onde a pessoa veio. E mais trabalho efetivo. É aí. de repente o cara que estava cozinhando passa a fazer a diagramação do jornal. conservadora. diagnóstico de doenças. alguns fazem ioga. Primeiro muita dificuldade pra pessoa sentir as barras. nos Estados Unidos. Imprimi o segundo fiado. Brasil. uma maravilha. se prender aos conceitos ao pé da letra. A comunidade é aberta. problemas do povo. muitos livros pra ler.e descer pra cidade em duas kombis e um volks. e compram mais 10 jornais e dão. Tão aparentemente bonitas. para destruir. você passa a se lembrar do teu passado e a ver o futuro. então você aprende basicamente transformar negativo em positivo.. entre mil outras que vão aparecer: as pessoas irem pro campo.. não sei o quê. filosofia. Uma mudança incrível. Isso é invenção minha. Todo mundo tem várias profissões. bábábá. que são empresas fantásticas. positivo em negativo. alguma coisa assim. vendia esses jornais nas ruas. que execute. trabalhar. O jornal foi o começo da comunidade. queria fazer projetos da pesada. Então as pessoas se apegam ao fator material. coisas assim. não vai ter necessidade de utilizar muita energia pra ter água quente. Aí ele não vai precisar matar muitos animais pra ter cobertores de lã.que sempre foi a base das grandes civilizações. Mas eu sozinho a essa altura. é dar mais divisa aos grandes laboratórios internacionais das drogas. E o pobre querendo. internamente.. tradições baseadas em verdades sentidas e não intelectualizadas.mil teorias. H o u v e toda uma geração que acreditava que a luta tinha que ser lá fora. e aos poucos começam surgir possibilidades das pessoas se especializarem em determinadas coisas que dependem de muito estudo.e o primeiro jornal saiu macrobiótico realm e n t e . cada vez suportam menos as condições ambientais. política. como yanguizar as coisas. mandioca. Geralmente. circunstanciais. Todo mundo querendo. quer dizer. como modificar. Se lê basicamente coisas de M i c h i o Kushi. v o l t a d o para a l i m e n t a ç ã o . que faça. Se você não pensa você mesmo tornar forte essa constituição biológica sua e da espécie. mas quando passei 6 meses lá dentro vi que não era possível absolutamente nada. o lado político da realidade que é importante. um cobertor fininho. Pegar o que é ruim e transformar em bom. etc. t impossível você derrubar hoje uma estrutura montada há 3 mil anos de civilização. massagem. Lenin e tal. cinema. porque estão dando remédio. tomar banno frio . Reich. c o m nós mesmos.. toma-se b a n h o nu. na O N U . A filosofia do Extremo Oriente é muito mais profunda do que a dialética simples de Marx.. tal. Mas principalmente coisas práticas.

passeia em qualquer lugar. segundo seu "mistérios" e pôs fora dos limites acessísenso. Ele gostaria de apropriar-se a o conhecimento como alguém cobiça um belo carro. Para Bruno. E tudo isso se passa sem que ninguém saiba de nada. quem senta na cadeira elétrica. nao faz nada. e pediu que o sábio lhe ensinasse " a arte da memória e da invenção". claro. U m profissional pago para matar não tem nada contra sua vitima. a des.mento que nasce num mau momento. mas as que^não conseguem se chegar ao ponto de cruéis técnicas livrar disso escolherão de preferência ví. Tudo o que sabia fazer era extrair pensamentos pérfidos de seus órgãos genitais entorpecidos. Ele se movimentava no mitido que a descoberta de Deus e de interior da corrente universal que trans. ninguém se recordaria dele após o assassinato. Descobriu e reuniu num sistema de métodos da Peste Emocional que um idéias as relações entre o corpo e o espí. Saul de Tarso ou Stálin. o erro não pode se manter secreto.quando os lideres tinham pela frente a do uma infinidade de mundos. Toda cpi. O verdadeiro motivo do assassinato nunca é mencionado. nao porque o detesta. escreveu duas cartas a Bruno. das equações orgonométri. O matador empestado distingue-se do matador racional que espera de seu crime dinheiro ou satisfações sexuais. Se tivéssemos persimultâneas. com o funcionalismo idéia dos crimes perpetrados em seu orgânico moderno. Ele não se interessa pelo conhecimento enquanto tal. isto é. muita força para modificar a tiplo. ainda que fizesse disso timas como Giordano Bruno.massa adormecida não tem a menor . impelido por suas necessidades sexuais. unidade individual. não necessariamente num palácio.A MORTE DE CRISTO Quem anda armado de amor. As razões que nada têm a ver com sua verdadeira vida. Caifás. Judas. graças ao poder que mente. Bruno acreditava firmemente no grande amor que. sofredora. como a bala perdida de um caçadorjque erra na mira do cervo e mata o guarda florestal que passava ali por acaso. Diga-se que Mocenigo tem. Ele não sabe nada. Se Mocenigo o fez vir. Assassina sua vítima porque simplesmente não suporta a existência de almas como de Brunp. parecer com a Ide Cristo que tinha o sentido de eternidade. não sonha com aprender a fazer pesquisas. como um robô des- 1® Giordano Bruno provido de graça e de liberdade para agir de outro modo. para ele.num mundo mal preparado para receenergéticos. mesma e é ao mesmo tempo uma parte apesar de sua orientação judiciosa. Ias astrofísicas. talvez. rígida.Nero. por isso eles conduziram Cristo para a cruz e Bruno para a fogueira. Não é a masmais que parte de um todo e não um sa humana passiva. como qualquer criminoso audacioso e temerário que ataca um banco para ter dinheiro sem se dar muito trabalho ou que.Católica pudesse. o mecanismo da mola-robô acionado pela Peste Emocional através dos anos entra em ação e não pára antes que a vítima seja reduzida a nada. como muitas vezes acontece. resolver problemas. e o inquisidor não faz nada além Bruno tinha ainda descoberto o cami. bio. E morreu após uma agonia de nove anos.suspeitando. agindo como alma individual. a unidade e a multiplicidade lin. Se bem que a Igreja interior. não interessa ao tribunal que se dê em 1592 ou 1952. O verdadeiro motivo desses desprezíveis assassinatos não é objeto d e nenhum inquérito. à noite. uma garota do bar ao lado.vida tudo o que a Igreja transformou em cas funcionais. um iate. muitos atributos da energia da veis. Quando Bruno exprime o desejo de retornar a Frankfurt. um Hitler ou um Stáambiente. A inveja e as baixas intrigas de um Mocenigo não têm grande importância. simples etapa desses alma do mundo estava em todas as coi. mais se arrisca a ser assassinada. momento importante aos olhos do assassino. 400 anos tos. Eis porque Bruno de Nole devia todas as suas partes possuíam qualidades morrer.no qual via a grande força do Reino de Deus. Ele produz sonhos perniciosos como a galinha põe ovos. é sempre a mesma história que não vai mudar. Ele pode ocupar um posto qualquer numa administração governamental ou comercial. de Lincoln. Bruno acreditava numa alma uni. aplicá-lo. A nais da Inquisição. Ele quer ter por nada todas as coisas que o outro adquiriu à custa de grande esforços e árduo trabalho. O assassino de Giordano Bruno era um nobre veneziano que tinha o nome insignificante de Giovanni Mocenigo. os confundia numa só unidade e gerava tudo que há de bom no homem.tífices da Igreja estabelecida não são lismo. a entorpecidas e cruéis. o Amor d é da realidade do mundo de Cristo. não a escolheu nem lhe deseja nenhum mal. teria razão de inscrever esses métodos Bruno antecipou no século XVI. São inclinadas. Ele se coloca em qualquer lugar. um Gengis Knan. Não sabia mesmo o que fazer dele.ta energia. do sexo masculino ou feminino. se estiver morta. que arrasta os Brunos diante dos Tribucomo nas matemáticas mecânicas. como todos os assassinos de sua espécie. de preferência. um Calígula. a fazer o mal. E aceitou se instalar na casa de seu assassino. o universo e bê-lò. em qualquer lugar que seja. sas. que se identificavam com a Vida. nome. Q u e tenham o nome de Mocenigo. não havia contradição irredutn procuradores gerais. de 1591 a 1600. ou alma. unindo todos os homens do universo. Melhor dizendo: Mocenigo sabia que Bruno possuía em abundancia o que lhe faltava e quis se empanturrar com o sangue d e sua futura vítima. suas crenças ou seus lucros com o assassinato. O matador pestilento não justifica seu crime nem mesmo no seu íntimo. o nobre veneziano de alma vazia.imperialistas. a falta de sorte atingindo a vitima sem nenhuma razão. Esta teoria sáveis pela morte de um profeta. Por que? uma coisa da qual fazia parte a execução Porque Giordano Bruno redescobriu pelo fogo dos perigosos pesquisadores Cristo no Universo. não se interessa em saber quem tomba sob o machado ou sob a guilhotina. Uma coisa só importa: o que o impele para o mal é o desejo sexual cruelmente pervertido e frustrado: ele detesta o amor de Deus a ponto de matar em nome de Deus. po parte integrante de um todo. pelo diabólicos no passivo da Igreja Católica simples jogo de seu pensamento.de seguir certas regras ou leis. A peste que sempre se mostrou feroz do universo. qualquer um vem . muido todo que é por sua vez infinito e múl. Descreveu. jável e utilizável com fins práticos. Vale dizer que Mocenigo zombava violentamente do conhecimento. não ama nada. que os portaria o pensamento humano em dire. O verdadeiro assassino é o detetive que se lança à perseguição do prisioneiro em fuga. \ * ~ Bruno acreditava no poder do amor que une itodas as coisas e impulsiona o homem a fazer o bem.homens i descobrissem em seus espírição à formulação concreta. mesmo que suas vítimas sejam inocentes. elas nem mesmo figuram nas alíneas do processo verbal. sempre um por vez. de seu futuro assassino . Eles não suportam esse pensamento. mas não da vítima. apesar do emprego de fórmu. Ninguém jamais ouviu falar dele antes do assassinato. Em seu Os inquisidores bem colocados. com o apoio da "autoridade secular". ou simplesmente um prato de peixe para encher a barriga. os sistema.massa alma se identificava com Deus. Quanto mais a futura vítima se aproxima do conhecimento do Reino de Deus.seu Reino se fizesse realidade. ou.condenados no|caminho até a fogueira. mas nunca nos Assassinatos dos Cristos. mas Nem o inquisidor.ordem que serve de base à massa sempre versal animando o mundo. a vítima deve agradecer se ainda estiver viva. esta semelhante de animais humanos . O verdadeiro assassino não tem a intenção de matar uma pessoa determinada ou um indivíduo qualquer. nem porque deseja dar força à lei. Se. de maneinho que leva ao conhecimento de Deus ra mecânica. O verdadeiro assassino que desencadeia o horrível mecanismo e' em geral um cidadão discreto e " b e m pensante" que nada tem a ver com o problema da multidão adormecida e sonhadora de homens nem com as graves responsabilidades administrativas dos juizes e inquisidores. Foi assim que Mocenigo. tal como Jesus Cristo acreditou no poder do amor. alguma ligação com os inquisidores. cuidado com quem não ama nada. Pode ser jovem ou velho.cooperação entre as multidões doentes. nem a massa adormetambém ao mesmo tempo como parte cida de homens são e se sentem responintegrante da alma universal. Mata porque sua função é matar. isto Jhes dá um desejo irreprimível de um coisa que são incapazes ae possuir. salvo quando se trata de assassinatos ae rotina. Bruno cujos sonhos deviam se manifestar era essencialmente funcionalista. Os juizes que pronunciam as condenações e os tribunais que as executam são livres para chegar até onde queiram. nem porque conhece os partidários e os limites ao negócio. isto os faz empalidecer de inveja. exercia sobre milhões ae almas humanas. ele mata por nada. sua alma deve. Ele poderia muito bem ter se chamado Cocenigo ou Martenigo.mas Mocenigo insiste que ele deve pernoitar. Aí atmosfera que o inventor da Energia está o destino trágico de todo o conheciVital do século XX tornou visível. os soberanos ponvel entre o individualismo e o universa. Bruno insiste em partir . nem mesmo o assassino. O caráter empestado sai à procura de um motivo para matar: a vítima deve ter um traço que a designa para a morte: ela deve se distinguir da multidão adormecida ou imóvel. o mundo teria naufragado logo. rito.somente. do Cristo ou da honra nacional. sonhadora simples numero. e medita geralmente sobre algum golpe mau.de Cristo. não se interessa por nada salvo Sua completa nulidade.difícil tarefa de manter a unidade e a sa existe nela mesma e é ao mesmo tem. em seus corações e em seu modo de mais tarde. Nem todas farão. nessa época em Frankfurt. na Itália. A vítima sucumbe ao assassino. o organismo individual e seu meio. Tinha durante os três séculos seguintes pelas uma idéia tão ciara quanto abstrata da agitações destinadas a sacudir as bases identidade e da antítese funcionais do mundo humano. Assim. A vítima teve somente o azar de cruzar num dado momento o caminho do assassino. foi porque desejava apreender dele a grande arte do pensamento. existe nela As doutrinas de Bruno carregavam. em 16 de fevereiro deste ano foi arrastado pelos herdeiros de Jesus Cristo em direção à fogueira e lanExistem almas vazias que têm sede de çado em suas labaredas em nome do sensações fortes para mobiliar seu vazio Amor do Criador. A partir desse momento. A concorda. como manejá-lo. vai pela rua das mulheres. consequente. num instituto universitário bacteriológico ou numa sociedade de luta contra o câncer. e era por isso que devia morrer. parte de uma soma. de Ghandi. O verdadeiro assassino é t o infeliz que chega por acaso. Ele decidiu utilizar esse vínculo para prejudicar seu generoso amigo se este recusasse ensinar a "grande arte do pensamento e da memória". universo infinito engloban. não se Deus em termos de astrofísica. nos Estados Unidos ou na União Soviética. pois o indivíduo era para ele nada quem põe fogo na pólvora. A Igreja não é mais responsácoberta da energia cósmica do século vel pela introdução e manutenção de XX. Ele ésuficientemente maligno para se livrar de seus crimes ordinários. Mocenigo se opõe e ameaça apelar ao Santo Ofício. desenvolvê-lo. mane.na época moderna.

A contraverdade é muitas vezes mais cruel que a verdade. ou entregar-se a perversões. Por essa razão. sussurros e mexericos. não haveria Hitlers nem Stalins. Tudo isso não tem a menor importância desde que o verdadeiro tema é a morte de Cristo.ou de incompleto na tua verdade. é infinitamente mais límpida. para nos sentirmos grosseiros. O código de honra deve ser respeitado. Ninguém deverá jamais ser acusado de uma injustiça. mas durante anos pessoa alguma tocou em u m acumulador ou olhou e m um microscópico. A contraverdade. já que a mentira não é dura. Por quê? Não temos o direito de achar que. só pensa em violência. Tratando-se da verdade. Q u a n d o . Seu casamento se acabou. verídicas. deve haver A arma da verdade comporta a necesuma força poderosa que se o p õ e à ver. chorar sobre seu túmulo. possa ser um-homem de valor. tivesse conseguido provocar um movimento "político-sexual". Ninguém fez pesquisas sobre ele. nunca foi abordada de maneira concreta. Para compreender o domínio dos fascistasIMegros e Vermelhos sobre as massas populares. o desaparecimento do campo energético durante o processo da morte. nós a chamaremos de contraverdade. era preciso reconhecer a sa. Pouco importa saber se Cristo declarou verdadeiramente que era o rei dos Judeus. Contraverdade Para compreender o líder. A vida é rica. Bem mais tarde. houve um grande alvoroço. Neste caso. tais como o cintilamento do céu. é preciso conhecer a fundo a contraverdade. sejam agradade. Cada um sabe como as coisas se passaram mas ninguém se mexe. a ser lançado pela Ex. A partir desse momento é sem nenhuma importância que se fixe aqui ou ali o ato de acusação. se tivemos só o azar de cair acidentalmente numa emboscada. os historiadores se debruçarão c o m toda segurança sobre os fatos. Ele não sonha nem de longe em praticar a violência a q u e m quer que seja. como as bolhas e m todos os tecidos que se desintegram. de prematuro ou porque o marido a trata mal. foi de lá que partiu. os trapaceiros e fuxiqueiros estão geralmente em boa situação econômica. Constatar isso é verdadeiramente se fazer de "advogado do diabo".. ninguém o julga culpado mesmo que alguns o desprezem. vive uma verdade rio de tua verdade diz a verdade. de se limitar a formalidades ocas. porque essas crianças e esses adolescentes deviam se adaptar a uma estrutura social que exigia a colocação de uma couraça contra a liberdade emocional. Se a economia sexual. para nos identificarmos com o inimigo.O h o m e m que goza plena satisfação sexual não é obcecado por pensamentos e sonhos obscenos. Tem-se o cuidado de cercar o assassinato jurídico de todas as aparências de legalidade. a título p ó s t u m o . é se conduzir bem? É por respeito ao público? Por que o públjco foge da verdade? Por que um nomem que simplesmente diz a verdade é considerado um herói? É porque a multidão é composta de covardes? Por ue a multidão é fraca quando se trata de di izer a verdade? Existem contraverdades essenciais servindo de barreira à irupção da verdade. mas é também mais útil à instauração final da verdade. A energia cósmica. Foi daí que partiu em 1930 a pesquisa sobre o fascismo "psicológico das massas". seria uma medida indispensável antes q u e pudéssemos passar à o p e r a ç ã o seguinte e perguntar: " C o m o Hitler pôde se impor? C o m o é possível que uma população de 70 milhões de indivíduos cultos e trabalhadores pôde se deixar seduzir por um psicopata manifesto?" Sem se colocar a questão é impossível obter uma resposta. não podia . Na teoria. o halo dos corpos celestes. a novas verdades. nesse caso. A verdade de teu inimigo é a contraA mulher que tem um amante além de verdade para a tua verdade. é preciso provar que efas fundamental de um gênero particular. os Judeus. pois ele se insurgiu como um simples rebelde contra o governo estabelecido. mais poderosa que a verdade. há importante.. sua h o n r a . Portanto essa mulher não vive a verdade sem mentir. . do medo à liberdade enraizado no povo. " O b r i g a d a .os liberais e a República de Weimar. Foi o povo q u e fez Hitler e não Hitler que se serviu do povo.Editora. O adversáseu marido legítimo. E mais uma vez. de sua contraverdade. o frágil clarão azul e cintilante na "obscuridade completa". formulada por u m b i o pata disfarçado em herói nacional. mas por que a verdade não chega a se impor. ou por. é preciso antes conhecer o povo. A questão não é saber por que existe uma verdade sobre as coisas. qualquer que seja o mentira.agir de acordo com seus próprios fins e intenções. Se o povo não fosse em seu íntimo hitleriano ou staliniano. Ele ignora os instintos que o impulsionaram a estuprar ou mesmo a seduzir uma mulher contra a vontade dela. qualquer coisa de falso. em seu início nos anos 20. mesmo que elallhe doa. havia boas razões para não revelar a verdade sobre o embuste que os fascistas v e r m e l h o s preparavam para os americanos. Q U E ? D e costumes? O que são os costumes e por que há "costumes"? È uma questão de boa conduta? Evitar a todo preço a verdade. ele a mataria ou mataria o amante. q u e se manifesta em todas as coisas e age nos sentidos e emoções de todos os cientistas e pensadores. Antes de procurar o fundo racional da contraverdade. Para nos servirmos utilmente do instrumento da verdade. de "representar" sem jamais desistir de. o homem feito à sua imagem. haverá pessoas para sustentar que Cristo foi crucificado por motivo justo. o pisca-pisca das estrelas nas noites claras e a ausência de cintilamento nas noites nubladas. Em seu caso. a contraverdade é.. não importa se fizemos conferências aqui ou ali. que conduziu a novas questões fundamentais. para que ele possa entrar no santo recinto da verdade. nesse caso não foi assim. Ninguém lucraria com isso. Antes que ele é impotente. ou no Amor Universal.. quer dizer. Se o teu pior inimigo afirma preciso então que haja alguma verdade coisas falsas. É preciso então que uma razão maior se oponha ao que se permite ao povo. é preciso pô-lo em contato diário c o m o sagrado? Ora.) | 2 . uma grande confusão. Os representantes oficiais são obrigados a jamais dizer uma verdade. de evitar todas as questões embaraçosas. a verdade sobre os efeitos nefastos da couraça imposta às crianças e aos adolescentes náo poderia aparecer nessa época. a auto-regulação fundada sobre a economia sexual é "perfeita". tratemos de limitar seu domínio: Os Judeus não tinham o direito de entrar no campo dos santos. é preciso antes compreender aqueles que ele lidera. era a aliança c o m os Fascistas Vermelhos contra os Fascistas Negros. A verdade será tanto mais sólida e sã quanto o melhor for compreendida a contraverdade. mais conveniente que a regulação moral.500 anos nos quais o h o m e m explorou a natureza. da estrutura do caráter obsceno e fundamentalmente sádico dás "camadas médias" do povo. de manter-se afastados da verdade. é infinitamente melhor. é'portanto a verdade. se bem que sob outros aspectos ele verdade do que ele dizia sobre os mar- porque elas não continham toda a verdade que implica sempre também na contraverdade. teria provocado um dos maiores desasrenunciar a isso teria sido um erro fatal. é preciso conhecer sua força e seus fundamentos racionais. È resultado. quando seus apelos a Deus tiverem se esvaecido para sempre.sidade de colocar questões. ou talvez os dois. devemos ser capazes de nos fazermos de "advogado do diab o " . Hitler foi incontestavelmente o representante de uma contraverdade. E o caráter plenamente sexual que satisfaz inteiramente às leis morais do cristianismo e de todas as religiões autênticas. A contraverdade é o início de um novo desenvolvimento que pode ser muitas vezes mais importante que a verdade. quando a vítima já estiver morta há muito tempo. tal como estava formulada. Esta verdade. suspeito de querer instaurar sobre a Terra seu Reino de Deus tão receado. Crianças sem couraças teriam sido incapazes de viver na sociedade de 1930. (Extraído de O Assassinato de Cristo. Mocenigo é esquecido. é preciso que pregue uma peça na verdade proadmiti-la. e muitas outras funções. ou porque simples. Na época das conferências de Teerã e Yalta. a teoria do papel da família autoritária. Ainda mais.natos de Hitler. È sobre ela que poderia ser fundada uma nova ciência da psicologia das massas" orgonômica. a contraverdade era a seguinte: a repressão da sexualidade das crianças e dos adolescentes obedecia a uma necessidade. E pode acontecer que u m papa se ajoelhe diante do túmulo de uma das vítimas para reabilitar. que se proíba a Terra de girar em torno do Sol o u as pessoas de acreditar numa Alma Universal. Senhor" ouviremos a vítima murmurar. Aí está a contraverdade de 1932. Deus renuncia à sua criatura. muito rica para que se possa prendê-la numa camisa de força medieval. e continua a enviar seus profetas para pregar nos desertos imensos e vazios.na ausência de toda informaçao sobre a contraverdade que lhe barrava o caminho . sua mentira e s c o n d e uma c o n t r a v e r d a d e muito importante: se o marido soubesse. mas nós ps ignoramos durante os 2. Se é verdade que apesar de todos os sermões sobre a verdade e a paz .os mentirosos. para dar pensamentos elevados a um povo. Se ele diz a verdade. mais sã. Isto não foi senão um pretexto e todo mundo tem consciência disso. Esta força não pode ser a própria daáveis ou não. muitos exemplos vistos na Vida provam isso. e m qualquer lugar que fosse. A resposta ao problema de Hitler está ligada à estrutura do caráter do povo que tornou possível seus assassinatos. são falsas. Para combater o adversário. o campo energético dos corpos vivos. a energia cósmica foi praticamente descoberta e poderosamente "posta em evidência". A distinção entre o núcleo bio-energético e as necessidades primárias.de compreender inteiramente os assassimente ele nao é o marido que ela preci. para que a morte se faça naturalmente e sem proeminências. de sua incapacidade estrutural para organizar a liberdade e o autogoverno. O conhecimento de sua verdade. Por que tanto cuidado em escapar à evidência? Por que precisamos de gênios para descobrir o que salta aos olhos? xistas. quando o mito da "justiça feita" tiver se evaporado. se levamos uma vida de homem honesto. É tanto mais admirável que seus efeitos. enfi m. nesse caso. priamente dita. Na prática. mais consistente. provocou sem necessidade os escribas em vez de ficar caiado e deixar tranqüilamente as almas humanas estagnadas no imobilismo. Se desejamos descobrir a contraverdade. mas ninguém ousa atacar o verdadeiro assassino. podem ser facilmente observáveis.POR WILHELM REICH Quem não vive o pleno gozo sexual. A verdade.

está o do saneamento básico. Carga poluidora mensal. o relatório mostra que o índice de mortalidade infantil.1 no biênio 1970/1971. Fato mais grave ainda: o aumento da delinqüência infantil e juvenil faz prever longo período de futura intranqüilidade social. É uma política baseada e m conceito totalmente irreal. ultrapassando os valores observados ná 25 anos. J o ã o Yunes Edmundo Juarez. febre. i ip^! fck. Mais: os crescentes índices de poluição tornam piores ainda os padrões sanitários de SP. de baixíssimo rendimento dos estudos e de péssimo desempenho do setor educacional". A partir dos primeiros aos da década de 1960. é o mais alto do país e ultrapassa o de países considerados altamente subdesenvolvidos e.000 nascidos vivos. que inclui a distribuição de gua tratada e o serviço de esgotos. Tanto no setor da Segurança. de 1. a Grande SP e seus 10 milhões de habitantes produziram. a situação é de deterioração rápida. onde a estrutura familiar se desfaz diariamente.tifóide. que tende a se agravar. só 5 3 % da população bebem água distribuída pela reae de abastecimento. A o lado disso.f-i —. O consumo de gasolina na cidada por seu lado. onerados ainda por custos crescentes na distribuição e pela ação do poder público (impostos).ao doente. resultante da queima de óleo diesel. Ruy Laurenti. O alto custo. enfisema pulmonar e outras doenças das vias respiratórias p o d e m ser atribuídas aos poluentes do ar da Capital paulista. provavelmente decorrentes do baixo nível de renda per capita da população".uma das equipes da assessoria técnica do governador Paulo Egydio. Para mostrar a qualidade de vida na Grande SP.Todos os estudos realizados e os indicadores disponíveis revelam sintomas evidentes de uma profunda crise social. através da repressão e da recuperação . epidemias e outros indicadores habituais (de saúde) são "profundamente inquietantes". na Grande SP. no ano passado. expondo-se a diarréias. na Grande SP. Asma. que os sanitaristas considerem a mais exata revelação do nível de saúde de uma população. no da Educação e em outros setores. de evasão escolar. a ênfase está na assistência . em uma síntese do diagnóstico preparado pelo governo Paulo Egydio: . atingindo o valor médio de 89. No setor da Saúde. pois são atendidos e m empórios e quitandas de preços elevados. Reynaldo Ramos. Evelin Naked de Sá. esses técnicos afirmam: . semi-selvagens. Cid Guimarães.726 toneladas de monóxido de carbono. o secretário estadual de Negócios Metropolitanos. além de outras infecções do aparelho disgestivo. principalmente pelos preços dos produtos no varejo. A mais grave. resultante da queima de óleo e lenha nas indústrias: 4. despejadas por 5 fábricas d e ácido sulfúrico e 6. Analisando os índices d e mortalidade infantil (crianças c o m menos de 1 ano)). enquanto apenas 3 0 % dos habitantes moram e m casas servidas pela rede de esgotos. E argumenta: . Endemias. por causa do alto custo das construções. diária. esse índice começa uma elevação acelerada. Em uma área de 18 mil quilômetros quadrados. Cerqueira César continua: . No setor da Segurança.No município de Sãó Paulo.nos últimos 3 anos . N o setor da Saúde. a mortaidade infantil vem apresentando comportamento assustador. analisaram os índices de mortalidade infantil. segundo dados da Cetesb (Companhia Estadual de Saneamento Básico) que não i n c l u e m os poluentes emitidos por outros processos industriais.O sistema habitacional vigente não consegue atender a essa faixa de renda.4 (em 1960/1961). teico-calóricas.d o delinqüente.6 por 1. Essas famílias moram em favelas e cortiços. afirma. 84 de óxido de nitrogênio. que apresenta "altos índices de repetência.600 toneladas de pó que 2 fábricas de cimento e os fornos de fundições espalham no ar. na região da G r a n d e SP.de 100 a 150V0. dessas distorções. são as que gastam a maior parte (52% do orçamento familiar em alimentação. porém. está na política adotada em>relação ao menor. 790 toneladas de óxido de nitrogênio e 50 toneladas de cinza e poeira. São precários os materiais de construção. D e 1940 a 1941.C o m base no diagnóstico oficial. bens avaliados em Cr$ 196 bilhões: 36% da riqueza nacional. Isso sem contar as quase 83 toneladas de carga poluidora diária. Técnicos responsáveis pela elaboração do diagnóstico: Walter Leser (secretário da Saúde). podendo atingir índices altamente críticos. os autores d o diagnóstico.da terra é o problema básico a dificultar o acesso à nabitação. como no da Saúde. Sérgio Reis Quaglia e Victorio Barbosa .232 toneladas de óxido de enxofre. Essa carga ainda inclui 458 toneladas de dióxido de enxofre. Essa distinção é absolutamente falsa. e m casas construídas nos fins de semana. setor da Saúde. e m vez da ênfase na prevenção (de doenças). pela necessidade da colaboração de todos os membros válidos da família para o sustento da casa. os índices de criminalidade crescem sem parar. repre- 1975 senta uma carga poluidora. Cerqueira César demonstra que. caindo para 90. o índice médio de mortalidade infantil foi de 129.6 (em 1950/51) e para 61. 6 de óxido de enxofre. Cerqueira César examinou também os padrões de habitação de famílias c o m renda inferior a 4 salários mínimos: . Depois de julgar "insatisfatória" a situação do ensino. Resultado: a maioria da população corre o risco de beber água contaminada por fossas negras.altamente problemática . 3 de ácidos orgânicos e outras 3 toneladas de aldeídos. Em sua síntese. hepatite. Cerqueira César afirma que "73% da população da Crande São Paulo sofrem de má nutrição e apresentam deficiências pro- A Grande São Paulo está explodindo. até."• j":»M'oimo Real - . que faz distinção entre o menor assistido e o abandonado. no inverno. Esses preços cresceram . evidenciando a qualidade insatisfatória do ar e. sem redes de água e de esgoto.O setor da Segurança tem sua ação voltada para a contenção da criminalidade. 150 de hidrocarbonetos. onde se localizam as camadas da população de mais baixa renda.As zonas periféricas. verminoses. Diz Cerqueira César: .A poluição atmosférica na Grande São Paulo tem mostrado índices superiores aO nível de referência da Organização Mundial da Saúde. as que apresentam maiores índices de subnutrição e as que pagam mais caro pelos gêneros. 9 de material transformado em partículas. esquistossomose. O nível de consumo é determinado. O s dados de 1971 a 1973 nos permitem verificar que esse í n d i c e continua aumentando para valores em torno de 95 por mil nascidos vivos. Ligado ao sistema habitacional.também precária . bronquite. Roberto Cerqueira César. dos terrenos e dos financiamentos.

viva e velha. o filé ainda é o filé.. colorido mostra uma cidade que não existe. N e m o salão. esta que me dói a cada milímetro. Deus saberá em que buraco fora das bocas-de-inferno em que os conheci. uma enxurrada de lamentações: a carne está pela hora da morte.O que chama a atenção. eu já tive uma infância e agora esta praça me dói. jaguaré. o Mourisco. M e u Deus. um farisaísmo: o papel acetinado.são engraxates molambentos. de todas as idades. aparelhos de sóm. o nível de saúde de sua população equipara-se . Os preços são do princípio do século e as mensagens de paz são grátis". o frio batendo. Pinheiros. o crescimento da demanda. comilanças luso-afro-tupiniquins e todo o restante do acompanhamento. carros. trombadinnas. a situação atual é inteiramente incompatível com o grau de desenvolvimento e de civilização a que chegamos em São Paulo. quente. todas as classes. G e n t e anônima. Entro num dos poucos lugares que resistem ao progresso em São Paulo. e toco para os lados da Praça da República. aos desocupados e aos tristes. pastéis. vou passando.às caras mudaram. rapazes cabeludos e moças sardentas.aos de outras regiões que apresentam d e s e n v o l v i m e n t o econômico menor do que o atingido na Grande SP. gente inteligente.As condições extremamente precárias do saneamento básico e a progressiva redução do poder aquisitivo da população . que resultou não só do incremento populacional. incluídas na síntese do secretário de Negócios Metropolitanos. a igreja no centro. escondida nos restaurantes ou exposta nas ruas pizzas. u -sj • Entre engraxates. o gás e a lua. o ônibus aumentou. Toque daquei. A verdade é que se c o m e bem. Diz o folheto que leio com um aborrecimento: "a praça da República mostra sua arte.. inda mais depois da Lapa. U m dia. Agua Branca. Barra Funda. é a umidade do ar. aquele grandalhão. onde nasceu o bauru e como o meu. ônibus. policiais. é o fato de que a mortalidade infantil tenha aumentado 4 5 % nos últimos 13 anos. se amesquinhou. mal pode comprar o arroz-e-feijão com que tapeia o estômago? Estou diante do Martinelli e procuro um salão de bilhares que já existiu no andar térreo. .Avaliado por alguns expressivos indicadores. nem as dignidades antigas. churrascos. O Moraes pode ser tudo.ou quase todos . homens que vivem de expediente. hotéis . 1950 M u d o u . Osasco. pego a avenida São João. Você encontra moedas antigas. discos.. Volto. Sentado no banco branco demadeira. o u ç o d e duas donas-de-casa. executivos apressados. engraxates. Uma gastronomia de todas as raças. encorpado. Estilingue. caras de frio e de problemas. O roteiro é esse. Mas o espírito ainda é o mesmo: duro. Pedintes.os melhores do País. gente empaletozada. Lapa. eletrodomesticos. meu Deus. sendo que a situação atual é tão ruim como a observada em várias áreas da América Latina.constituíram os principais fatores condicionántes dessa situaçao. sem me deter. que fala pouco e é triste. limpinho e c o m ares de acrílicoe luminosidades de farmácia. vistoso. gente e mais gente se acotovela. menos o antigo. o bom comportamento tomando o lugar das risadas e alegrias espontân e a s ou barulhentas dos antigos' boêmios e artistas. fauna rica e pobre ffora. me pespegaram.decorreu. trânsito azul-e-branco de estudantes. Além da morte de criancas de idade inferior a 1 ano. Mas antigamente o Moraes era sórdido. "Compre em São Paulo o que o mundo tem de melhor". Empurro para longe um sentimento de culpa.morreram. Centro. à molecadinha esfarrapada e miudamente pedinte.Brama. você passou. Não existe mais. jornalistas. aqui mesmo nesta cidade: "parece nascer gente do chão". C o m o sempre a pergunta: para que tanta correria e onde está. desnorteante. enquanto leio no folheto turístico: "em São Paulo você faz negócios da China". especialmente nas faixas de menor renda . Curto mais saudade e me enfio para o largo do Arouche. Para isso volto a São Paulo. principalmente. São Paulo me dói. sofrido. da crioulada. revirando esta umidade.durante a década dos anos 60 e até agora . frio. o estilão à mussolini daquele q u e um dia foi um dos maiores (um dia foi o maior) edifícios paulistanos. a > . a maioria envelheceu. insistentes. este frio. A verdade inicial é que . Agora. Ocorre-me uma frase ouvida na infância. agora. antigo e bom. a cidade tem pressa. a partir dos primeiros anos da década dos anos 60. Paz não há. esquinizou-se para longe. Perdizes. um momento simpático desta cidade. 2 . sinuqueiros de nome . selos. A igreja dos negros. O folheto que me desculpe. o Ponto Chie. deu em lojas que v e n d e m mixórdias.continuam a apresentar uma educação e m seus índices.15 anos depois . se esbarra.ou é até inferior . decaiu. os assessores do governador Paulo Egydio revelaram que a degradação do nível de saúde da população da Grande São Paulo . humildemente. quibes. Não mais a freqüência de um Sérgio Milliet. Dão a isso o nome de progresso. 3 . afinal. brilhosos em seus ternos. G a n h o o Vale do Anhangabaú. às prostitutas. pertence aos maívestidos. amuado. os autores do diagnóstico analisaram ainda o índice de mortes entre crianças com menos de 1 mês (mortalidade neo-natal). cinemas. Em seu diagnóstico. indo fundo nos ossos. muito jogador e muito sinuqueiro sumiram na poeira. mas sé gente como o meu povinho de Presidente Altino e Jaguaré. quinquilharias. Noto claramente que do Anhangabaú até o Bar do Jeca o comércio caiu de classe. de u m Pagano Sobrinho . comer é um despotismo. em que canto se escondem as mulheres bonitas da cidade? E as crianças? Eu mesmo me digo: " v o c ê está por fora. u m folheto colorido. durante o período. atopetado de gente. Tráfego intenso. Não é isso que encontro. Em São Paulo. não há gesto de carin h o e nem mensagem de paz. um período em que todos os países . que a freguesia já não tem mais artistas e nomes consagrados da cidade. no município de São Paulo. Roberto Cerqueira César: • 7 . Hoje. Aqui. esfirras. Osasco. engulp um café. dos espelhos laterais do tamanho de u m h o m e m e onde funcionavam. se empurra. incluindo áreas rurais de baixíssimo nível sócio-econômico. invertidos do amor.As atividades médico-assistenciais e sanitárias não acompanharam. mas também do próprio aumento dos agravos à saúde. E na alma. Tarzan. rtesanato. arrepiando e tocado pelo vento. a fortaleza. E andar. o antigamente melhor filé de São Paulo. homossexuais. a sua cidade nao existe mais. Por isso. certos e terríveis como relógios. c o m alguma variação para as beiradas das estações de ferro. tipos mal ajambrados. Não é isso que me grita. U m cinismo. na placidez relativa do Largo do Paiçandu. São 4 as conclusões do diagnóstico do setor da Saúde. esmoleiros. A fórmica em vez da madeira. importante o u curiosa. no caso de São Paulo. mãos balançando os carrinhos dos nenês. barato e muito em São Paulo. D o u a um possível esquecimento essas lamúrias e passo. É fácil verificar. Era freqüentado por artistas. Não. bate fundo aqui dentro e o que me irrita é que me passaram. dos escondidos de Santa Efigênia. da praça Júlio Mesquita. a ausência do sol. quadros. È pressa. buzinas metendo medos e sustos. está mais por fora do que nádega de índio. trocou de gentes o Largo do Correio. pivetes.• „ : > . e quanto mrserê nas beiradas das estações da Sorocabana. são mendigos que mais exigem que pedem aos passantes. minhocões. livrarias. filas para as conduções. seu saudosista chinfrim!" DESFILE DE CADAVERES NA CIDADE Crianças em pânico não dormem .Foi demonstrado que a mortalidade neo-natal. aos descorados.. o lugar para o pedestre? Os carros roubaram. dos cantões da Luz. vem aumentando nos últimos anos. publicidade de turismo sobre a minha cidade. encapotada.As condições de saúde da população da Grande SP vêm sofrendo progressiva deterioração. E concluíram: . As calçadas apinhadas. Também há teatros. brilhante. M a s ó dou com guardadores de carros de caras amuadas.Os autores do diagnóstico explicam o motivo de sua inquietação: . os lentos não têm vez. nem nada . e pão subiu. Hoje. penduricaIhos. de desfavoráveis alterações nos fatores ambientais e sócio-econômicos. Quanto muquinfo. M e u Deus. meu camarada e companheiro. ô solidão de cimento armado e quanto problema continua. quero ver as flores. Demócrito M o u r a É andar. pelos Moraes. 4 . As variações aparecem em gráfico que faz parte do diagnóstico e explica as oscilações da mortalidade infantil. turfistas (de q u e m era Q G ) . me pedem pressa: esta cidade sempre me pede a pressa que lhe convém. degringolou. paredes imundas e bem freqüentado.corrí*reflexos evidentes e m seu estado nutricionai. restaurantes. cresceu a despesa de condomínio do apartamento. mas a dignidade que prossegue. nas minhas beiradas de Presidente Altino. segundo as variações do saláriomínimo real e do abastecimento de água tratada. n u m coquetel.

Alameda Jaú. no fundo. Foi daqui que saí. Sem dúvida. nesses trens encardidos. do suprarrealismo esotérico. Entro debaixo de porrada e cotoveladas no carro (a palavra vagão está proibida pelos órgãos oficiais: é usada para designar apenas transpaorte de carga o u de animais). uns quiquiriquis sambudos e mal topados. Tipos tristes nas portas ou bebericando cachaça nos botequins. os teatros mais modernos. uma das mais modernas da América do Sul e um dos maiores ajuntamentos urbanos. ficaram só as molas. Passos curtos e corridos. mais povo. do hipermodelismo. biscateiros e operários não mudou um só milímetro . Aqui. comprido e largo que desemboca na rodoviária e na Estação Júlio Prestes. E de desocupados. Center ContinentalOsasco.estou sendo comprimido pelos 4 cantos do corpo e praticamente só posso fazer movimento do pescoço para cima. Foi aqui que gramei a minha infância e adolescência. percorrido geladamente pelo vento. O tal folheto que alardeia depois: "no Centro. altos problemas teóricos da semiologia. Levrs São Paulo: Alameda Lorena. O mercado de automóveis usados nesta área é qual- quer coisa de impressionante". E teríamos. Uma delas. pele. certamente. mulheres e crianças de cabeça baixa. a Sorocabana dos pobres. polegar dobrado para cima se movendo no ar: . Ali se discutem. Nossos intelectuais. do realismo mágico. conseguidos nás areias da Zona Sul carioca. vai nascer". d o estruturaiismo racional e da hermenêutica. O trem parando na Barra Funda. as ruas de iluminação parcae insuficiente. a poluição fica em quase tudo das pessoas: olnos. viradores. porrada. neles é impossível alguém se sentar sem rasgar ou sujar calças e camisa. de terra.Rua Iguatemi. Sem querer contrariar. próximo ao bairro da Luz. finalmente. se refere ao patético e desesperado chamamento dos homens da Boca. Passam a vida inteira sem passear pelo requinte do comércio de São Paulo. insiste c o m elegância afetada: "no largo do Arouche você compra flores e leva junto muito amor e um clima de bele époque". Hermenêuticas. cabelos. Para quem toca para os lados industriais da cidade. na alma. É o lusco-fusco. 235. um dos trechos mais úmidos da cidade. O folheto colorido. Sou apertado. olhar mais uma vez o casario imundo e descorado. mamãe vai ficar tímida depois do beijo no rosto. João Antonio Os censores deste jornal recomendam: use calças e camisas do Jeans Store. O empurra-empurra é agora uma luta corpo-a-corpo entre os que têm que descer e os que precisam subir de algum modo. fazem a realidade. Lapa. Depois. Pego a Duque de Caxias. mal e mal.Vai vender? Vai? Outra palavra que pode ser comprovada naquele trecho: multidão.estamos do lado d e dentro da vida dos trabalhadores. as aras ainda mais pobres. A noite paulistana embala você com toda a alegria que uma noite pode ter. conforme posso. Chegamos à Lapa. inviável e. e provavelmente não achem graça alguma no folheto turístico dizendo: "a Augusta é a rua das butiques elegantes e passarela do charme social". È o transporte suburbano dos paulistas. bandeiras da inutilidade nos céus do meu País! Dois tipos de poluição e m São Paulo. Nossos intelectuais haviam de viajar na Fepasa às 6 e meia da tarde. me perguntará. com água poluída empoçada nas guias. estamos mergulhados de cabeça. multiplica tipos interestaduais que parecem pular de um incrível e arreliado estúdio de cinema italiano . aqui não é lugar de finezas ou pedir licença. para sair do trem. sentir nada sem um sentimento indefinido no trem: certa culpa. H o j e não posso. as luzes começam a se acender e a estação expõe na plataforma a uniformidade e. Há muitas interpretações para a palavra impressionante. 82 . tronco. cruel. Mas eu vou descer em Presidente Altino. prolifera traços de um clima utópico. onde o encontro das duas avenidas . pegar a passagem de nível e ganhar as ruas esburacadas. os cinemas mais confortáveis e atualizados e um mundo de restaurantes. reúnem-se em inúteis congressos de literatura e m Brasília. papel brilhante. uma consciência me bate e rebate.é minha gente que ganha a vida à noite. está a famosaBoca. apinhados e de dureza gerai. me confunde e aturde. 50 . a Estação Júlio Prestes. se eu voltei para ficr. onde cães e gatos vagabundeiam nos cantos. a massa dos trabalhadores na indústria. horas do rush. muita gente descendo e subindo no trem. As caras são d e fome. Vila Leopoldina.Caxias e Rio Branco favorece rajadas de vento que se encanam. ou nas esquinas e quarteirões do trotoir e da viração . Por mais que me besuntem de importâncias. . 718. a plataforma aperta gente. Ali transita também uma faixa de marginais. jeitosa. Você pode assistir a uma fita. na pele. A verdade é que só conheço gente que esquece que o dia vai nascer em volta das mesas de sinuca. Em casa de meus velhos. que não tenho estrutura íntima para suportaresta minha cidade. de acrílicos coloridos. beber um bom vinho e fazer todas as suas compras. cuja única glória é trabalhar o dia inteiro e ir dormir todos os dias b e m cansados. a boca crispada. pobre peleja". mudamente. finalmente. pingentes urbanos. a variedade de tipos que c o m p õ e m a hora operária da volta à casa. a*gora Fepasa. meu nome cresça e eu tenha ares coloridos. ao mesmo tempo. A travessia da avenida São João para ganhar a Duque de Caxias e tomar.as pessoas em branco-e-preto.Ipanema.Diz lá o folheto: "em São Paulo a noite é sempre uma criança. Aqui nos trens. rumo às corrducões difíceis e estão sem tempo para olhar manchetes. E que diz: " p o b r e não luta. nas bancas de jornais. me empertigar. 1423. E assim se toca a vida.o verdadeiro. Sou empurrado para dentro do trem suburbano na estação da Fepasa. com palavras difíceis e incompreensíveis. digamos A B C ou Osasco. Diz o folheto: "no Shopping Center Igs. corpo todo numa vida sem retoques. é difícil.iatemi você encontra ae tudo um PLUCO. tenho meus braços paralisados .da Sorocabana. nariz. murro. roupas. As boates mais famosas e animadas. um corredor amplo. E é a minha gente. os "corretores" da Bolsa de Automóveis. viradores. 116. pelejando. cansadas. lutando aos trambolhões. Aí a verdade dostransportes quando o M e t r ô ou comodidades outras chegarão a este povo? 30 anos depois da minha infância (não são 30 dias).Copacabana. saída das indústrias. Trabalhadores passam. aqui apertado.Shopping Rio: Rua Santa Clara. nem as gentes.Brooklin. membros. E os pingentes nas portas e no teto dos carros nao enenhuma exclusividade carioca da Central do Brasil. Na realidade. a rodoviária. empurrado e empurrando os outros. nas delegacias. Não vou responder. uns zés-manés do pé lambuzado. nenhuma elegância a estas 6 horas da tarde. sem frivolidades . driblo o tráfego. mais uma vez. o que se escreve ou se fotografa e o que se sente . são uns combatentes anônimos. o estofado foi arrancado. na praça Princesa Isabel. Na noite de São Paulo você esquece que o dia. apressados. gente expedienteira: os homens da Boca. Não consigo endireitar o espinhaço. puxar um cigarro e entender. Suor. muita irritação e um respeito que me faz olhar esses homens.Rua Maria Antônia.nem a estrada de ferro. Rua Visconde de Pirajâ. grandezas ou fiascos. nessas filas. Eu vou engulir café. Estes fazem São Paülo a esta hora. de gente q u e passou o dia gramando e não há lugar para delicadezas o u bons modos. Nos carros já não existem bancos. vou pisar o pedreuiho úmido da estação. e e m segundos. Sem andar muito nem ficar exposto ao sol e à chuva". alguma página decente e de fibra sobre o nosso transporte coletivo. rostos cavados. descer a escaaria. principalmente ao pé da estátua do D u q u e de Caxias. nos plantões dos hospitais. A maior rodoviária de quantas o País tem. esta é uma cidade de trabalhadores. hipermodelismos t estruturalismos: belas ptocas. apertando e apertado. 455. comer um hot dog.Rua Princesa Isabel.

Todos esses argumentos são válidos. secretário da Defesa dos vam se habituando às condições do GolEstados Unidos. O que interessa é que os aumentos da O p e p tornaram todos esses problemas muito mais graves do que eram até outubro de 1973. Porque. O s apaziguadores tetam justificar a extorsão árabe. Enquanto a O p e p controlar o fornecimento de petróleo. Em vez de desfechar uma contra-ofensiva econômica contra os preços da O p e p . deste ano que apareceram planos mais A questão é saber o que é vital para elaborados.A intervenção militar no Oriente de pouso e decolagem. e que a inflação não começou com o petróleo. Só resta a força. mas . Se alguém fala de conseqüências econômicas globais. E um porta-voz M é d i o é realmente possível . ela vai mandar.Gerald Ford. Pode cortar o fornecimento se houver recusa financeira. os Estados Unidos. praticamente idêntico ao de Tucker. eles rebatem dizendo que os pobres já morriam de fome. Limitar o fornecimento e a produção. afinal. riqueza já registrada na História. muitas reunião secreta. presiden. preciminado nas circunstâncias mais criticas . a cada dia que mais barulho foi o de Robert Tucker. a dos EUA. os países da Opep (Organização professor de Política Internacional dos Países Exportadores de Petróleo) Universidade de john Hopkins. consultor do Pentágono e intimamente relacionaUnidos. final: baixar drasticamente os preços do em 15 anos.Não vou dizer que jamais empre. vem a pergunta: Como? As estratégias não-violentas são mais plausíveis do que outras. dizem que a Itália e outros países já eram instáveis de qualquer jeito..ses e norte-americanos. Até agora. E possível que Ignotus seja revista Newsweek fez um levantamento pseudônimo do próprio Robert Tucker.o poder militar! Primeiro. E há pouco. 80 aviões de combate faziam exercícios . Aqueles que ganham a vida justificando a O p e p .qualquer delas se mostraria sem efeito. como se homens que há anos vinham recebendo royalties enormes (por um produto que não produziram nem encontraram) pudessem ser considerados "explorados". Tucker é ganham 164 milhões de dólares a mais do considerado o chefe da escola intervenque podem gastar. ainda teríamos uns 5 ou 7 anos até fazê-los produzir . disseram que esses crescimento. Mais ainda: as dificuldades práticas não seriam pequenas. o plano que fez sobre o assunto nada tem de abstrato ou especulativo. E provavelmente continuaria sendo essa. no mesmo dia e m que fo". janeiro de 1975. ou por causa de boas rotas em européia publicou que o objetivo do terra ou no mar . secretário de Estado Depois. O máximo que se pode conseguir é retardar a transferência de riquezas. M e s m o q u e encontrássemos grandes campos de petróleo.americana Harper's apresentou um plares do mundo. essas propriedades talvez sejam todas dos ricos. ainda que a O p e p aumentasse os preços mais uma vez. enquanto alguns dias d e p o i s . finalmente. M a s uma coisa é dos Estados Unidos publicava fotos de empregá-la numa briga por causa de fuzileiros navais treinando num deserto preços e outra quando se trata de um da CalifórniA: O general George Axtell. Mas o que interessa é impedir essa transferência. quero dizer com vo da operação: clareza: o emprego da força só será exa. Na realidade.A Opep tern reunião marcada para setembro Os produtores de petróleo querem mais um aumento. os Estados Unidos e outras nações consumidoras de petróleo do mundo ocidental começam a debater formas de quebrar o podei io do cartel deprodutores.. antes mesmo que ela entre em açao. C o m o se os ditadores militares e reis megalomaníacos da O p e p tivessem sido escolhidos para supervisionar o equilíbrio ecológico do planeta. da passa. não p o d e r ã o permitir seu próprio escoltado por 2 contratorpedeiros. com preciso objetivo existente em todos os bancos da Terra.Se nós formos convocados.do com os mais altos níveis de decisão çou.As nações soberanas não podem A intervenção no conflito do petrópermitir que suas políticas seiam ditadas leo começou a ser planejada antes mese seus destinos decididos pela distorção mo dos aumentos ae preço que geraram e manipulação artificial do mercado a crise. plano de intervenção militar no Golfo .James do Pentágono declarava que "eles estaSchlesinger. Em setembro do ano passado. setembro de 1974.. Logo.na prática . que a revista de parte dela está saindo dos Estados diz ser professor universitário. mas sem importância. Q U A N D O A G U E R R A VOLTAR. perguntando que métodos poderiam dobrar a Opep. O debate que se trava Até o momento. quenãp envolva intervenção militar. a "guerra" já come. Entretanto. A imprensa mento. é ineficaz. . Nesse ritmo. Na mesma ocasião. a revista norteempresas com ações nas bolsas de valo. Em vez de uma reação de força para proteger os vitais interesses de suas nações. houve uma mundial.samos estar preparados! Henry Kissinger. Não há esperanças de se encontrar petróleo " n o v o " que resolva o problema d e f o r n e c i m e n t o . Pérsico. Ponto de partida de Miles Ignotus: qualquer tentativa de dobrar a Opep. Q u a n d o os preços da O p e p acabaram com o crescimento econômico do resto do mundo. entre altos funcionários inglerecursos naturais como a água e o ali.Ê evidente que os Estados Unidos aviões norte-americano Consteliation. num castelo próximo a nações entraram em guerra por causa de Londres. Desta vez.encontro tinha sido a elaboração de um te dos Estados Unidos. cruestrangulamento H e n r y Kissinger zava a costa da Arábia Saudita. a imprensa garemos a força. Q u a n d o os membros da O p e p começaram a acumular bilhões de dólares em reservas ainda por receber. 8 junto a estrategistas militares norteamericanos. Em meados de 73. É A GUERRA? . por exemplo. idas. disseram que isso era apenas uma compensação pela anterior "exploração" que sofreram. Mas se. Segurar o fornecimento. Mas foi só no primeiro semestre Kissinger fazia a declaração acima. Em dezembro de 74. a pergunta essencial: podemos começar uma guerra com a O p e p só porque o preço do petróleo está alto? C o m certeza. precisamos quebrarseu poder de controlar o fornecimento: esse poder derrota qualquer estratégia. nao c o n c o r d a r i a m c o m a estratégia de bloqueio financeiro. o porta. outras manobras foram norte-americano.e não há nenhum indício de grandes descobertas. 35 por cento. para dobrar a O p e p por meios econômicos. E. C o m o resposta. esclareceu o objetiindustrial. vinha sendo rápido demais. No correr da História. que defende a deflagração de anos eles poderão comprar todo o ouro uma guerra rápida. o cartel do petróleo aumentou o preço mais duas vezes. buscaram uma política fútil de tentar a paz. intervenção da Cia e ataque militar. E a maior transferência de no. poderão controlar todas as petróleo. mas pelo menos nossos ricos são taxados e controlados: não p o d e m ser comparados ao punhado de famílias ue controla grande parte das rendas da "pep. Isso. é importante! C O M O ACABAR C O M A OPEP Por que devemos transferir bilhões de dólares em terras e indústrias para colonialistas às avessas? N o Ocidente. que se faça a guerra. Segundo as estratégias não-violentas. O único poder capaz de enfrentar o controle do petróleo pela O p e p e o próprio poder . resolvermos desmantelar a O p e p .assinado por Miles Ignotus. a resposta é não. E eles sugeriram 3 opções: guerra psicológica. elas só falam em cooperação. Gabriel Romeiro O P L A N O DE I G N O T U S : A T A C A R ! Depois de mais de um ano de passividade. daqui a 3 cionista. Os suíços. e só isso. E gran. as vítimas só falam de acomodaçao. verdadeiro estrangulamento do mundo que os comandava.

dependendo do volume. para que o nível dos aumentos de produção venha das próprias pressões do mercado. mesmo que a operação lhes traga muitos riscos.600 quilômetros de espaço aéreo nãoaliado. após a invasão. O custo operacional do barril de petróleo saudita vai de 10 a 30 centavos de dólar. destacamentos do porte de batalhões podem ser deslocados para tomar parte nessa iniciativa. Se não. A experiência israelense provou que as táticas de guerrilha são simplesmente ineficazes no deserto: não ná proteção natural. há boas chances de se acabar com o fogo rapidamente. e se o alerta for dado em sua passagem por Cingapura em D-7.uma segunda divisão do exército chegaria ao oriente M é d i o . No primeiro estágio. C o m salários justos.por caças Phanton. poderiam colocar todos eles fora de ação por uns 15 anos. vulneráveise imensos. novo embargo d e petróleo.5 milhões de barris/dia. O objetivo não é conseguir algum petróleo (mais accessíveis. As forças sauditas que poderiam resistir a uma ocupação são pequenas e c o m treinamento deficiente. Os alarmistas têm visões de campos de petróleo queimando até o ano 2000. ou seja. não é o fim da história. uma invasão da Líbia seria pior do que inútil. Isso tiraria do Ocidente os 2. porque se Israel perder. o resto da O p e p poderia derrotar qualquer invasão da Líbia simplesmente cortando a produção de petróleo. e resistirão às exigências árabes: daí a guerra e. N o c o m e ç o .a uns 1600 quilômetros de distância . O emprego de força militar tem que ser limitado e eficiente. Nesse momento. Já se falou muito em sabotagem prévia.que deverá ocorrer entre D-7e D-6Q(ou. ainda haveria problemas para o abastecimento de petróleo a curto prazo. pelo menos em parte. exigiria toda uma divisão e traria sério problema estratégico. São muitos. por mais Phantons. Por isso vamos precisar de ampla cobertura . Os israelenses devem muito aos Estados Unidos e é inconcebível que venham a negar o uso de seus campos de pouso. A forca aérea israelense voltou a ter o poder de 1967. . As duas divisões de marines viriam c o m suas unidades aéreas. Os batalhões da cavalaria aerotransporfada. escoltados todo o tempo . Sendo esse objetivo final. o que não é pouco: 8 esquadrilhas de caças Phantom.deverão ser mobilizados. e outras 8 esquadrilhas de ataque. Dessa vez. e os membros da O p e p estarão se defrontando com as reservas sauditas-americanas que. poderosos e muito móveis. Talvez os russos f o r n e ç a m melhores armas e melhores mísseis. as táticas devem se concentrar na mobilidade. assim que o aeroporto fosse tomado. e Israel era pressionado a fazer concessões. podem ser mantidos sob observação constante por helicópteros e pequenas equipes em terra.80 o barril. poderiam garantir algumas instalações do campo de petróleo de Ghawar (o mais distante). A o lado da paralisação total na produção saudita . a força de ocupação já teria base área própria. Se no Vietnã o interesse nacional norte-americano era quase invisível. Mas. teríamos perto de 55 milhões de barris diários. alguns . em direção ao Kuwait.5 milhões de barris por dia. Bastaria aumentar u m pouco a produção. Há sérios riscos nessa operação. de bom tamanho. A medida que descerem. Isso talvez exija 6 esquadrilhas de Phantons. poderiam também ocupar os campos marítimos não-sauditas de Doha. E só os campos sauditas fornecem meios para isso. Os tanques viriam em rápidos navios e seriam desembarcados à força de guindastes.os árabes . Todo o Negev e todo o Sinai são controlados por uns poucos guardas beduínos e meia dúzia de soldados. Aigumas pessoas.6 milhões de barris diários. Mas se chamar os russos. E nos tornaremos cúmplices da chantagem. mas os israelenses. entretanto. Se os rusos desembarcassem soldados no Iraque. uma fração da força de ocupação. em D I no máximo . a Líbia e possivelmente a Argélia. ficarão imóveis em terra.Em vez deles. embarcado em D-8. os aviões vazios serão embarcados c o m as famílias dos técnicos em petróleo. na prática. assim como patrulhar o Norte. Longe de ter petróleo suficiente para tornar a O p e p vulnerável às pressões de mercado. Vamos à estratégia e à tatica. Com veículos. se for o caso. inclusive alguns blindados. 3 dias antes do que seriam esperados os fuzileiros. quase o dobro das atuais necessidades de todo o mundo. uma perda séria. a poeira já baixou. desde que certos itens essenciais (por exemplo. com os primeiros grupos de fuzileiros e pessoal especializado que desembarcassem. SILÊNCIO: SURPRESA N O G O L F O ! Se os fuzileiros do primeiro ataque tiveram de chegar a Dnahran. q u a n t o menos melhor. na costa do Golfo. Mas no momento em que passassem por Cingapura. mais perto. e o resto chegando diretamente dos navios. Equipes de helicóptero estarão nos ares. pode ser mantida em terra. Antes de chegar à Arábia Saudita. em vez de 5 ou 6 como antes.com caças-contra as 6 esquadrilhas sauditas e contra qualquer possibilidade de chegada de aviões egípcios. os israelenses sairão ganhando. Felizmente. A tomada do petróleo do Kuwait. E a rota Israel-Dhahran fica inteiramente fora de alcance das forças aéreas do Egito. P E T R Ó L E O Á R A B E C O N T R A O S ÁRABES Chega de logística. obrigando Israel a fazer novas concessões.5 bilhões de dólares. a salários muito mais baixos. O primeiro ataque deveria incluir os grupos de combate de uma divisão de fuzileiros: 14 mil homens. algumas patrulhas tomarão conta das instalações e m movimentos cruzados. Com pequenos barcos e helicópteros. Aí haverá guerra e. o . C o m todos os outros recursos existentes nos Estados Unidos. São apenas 36 mil homens. não se precisaria de esforços herc icos. na Nigéria ou na Venezuela) e sim acabar com a Opep. que possam ser postas a produzir rapidamente. C o m o aeroporto tomado. a ameaça se tornaria bastante óbvia. Já c o m uns 40 mil homens.5 milhões de barris diários. seu empregador disponível mais próximo estará a centenas de quilômetros ao norte. a alguns quilômetros. enquanto todos os membros da O p e p praticam a extorsão.Nessa altura. em D 3 ou D 4. com breve parada para reabastecimento em Israel. esses campos são ricos e também concentrados num pedacinho do território saudita. e Dubai.não há bases aliadas por perto. assim como uma cota extra de mísseis antitanques e muitos jipes com rifles fixos.mas não é provável . que possam ser reabastecidos no ar e de aviões-tanque que partam de Israel. essas torças aéreas são muito grandes.. as forças aerotranspotadas terão que cruzar os 1. Já se sugeriu que a Líbia seria bom objetivo. E O B O I C O T E DE O U T R O S PAlSES? M e s m o descontando os efeitos da sabotagem. e sabem também que se forem expulsos dos campos sauditas. Assim. Mas para se acabar com a O p e p . mais além. milhares de milhas.eles teriam que ser substituídos. -Neste estágio.5 e4. N e m tanto. em terra firme e no ar. a força básica estaria colocada. E provável. Poderiam tomar também todo o campo de Abqaiq. b o m senso deverá prevalecer. Apesar disso tudo. bfindados e helicópteros. a ocupação dos principais campos de petróleo estaria completa. não fazem essa ligação. Os israelenses não vão recuar nos territórios que ocuparam. A força precisa ser utilizada para ocupar grandes e concentradas reservas de petróleo. parem de produzir. nos campos iraquianos. Em outras palavras: nesse ritmo. e a produção será reiniciada. tubos de grande diâmetro) fossem levados. A Força Aérea Jordaniana. teoricamente muito vulneráveis. Apesar de todos os esforços de nosso proprios conselheiros e vendedores de armas. E tempo demais. assim como para evacuar os civis norte-americanos. em solidariedade a um membro da Opep. orgulhosamente islâmica e orgulhosamente anticomunista.os campos petrolíferos podem ser protegidos com segurança por um punhado d e batalhões. em escapar dos choques. o petróleo saudita dura ainda uns 60 anos. peso e urgência. para fins de abastecimento imediato. em um mês chegaríamos a 2. Se houver sabotagem extensiva mas não sistemática. os campos de petróleo sauditas produzem cerca de 8.uma vez ocupados. mesmo que suas tropas não fizessem nada. repetindo sem parar que a guerra no Oriente M é d i o tem que ser evitada a todo custo. quilômetros e quilômetros de oleodutos. A 20 nós. O céu claro do deserto permite excelente uso para os novos engenhos de visão noturna. E verdade que a Líbia é muito mais aberta a um ataque.Esse. hoje. rumo ao Kuwait. A última guerra acabou com os exércitos árabes desmantelados e com Cairo e Damasco ameaçados. como o Iraque. OS SAUDITAS N E M TÊM TROPAS Agora. no máximo. teriam marcado uma grande vitória política. a liderança saudita. com 24 jatos. A não ser alguns pontos de apoio e reabastecimento em Israel .isso é importante: embora mal treinadas. que produtores não-radicais neguem parcialmente petróleo aos Estados Unidos e a outros consumidores que não se mantiverem distantes da açao: poderia representar um corte adicional de 2. Mais: para deter a sabotagem e a contraintervenção será necessaria uma força diversificada. pode-se fazer alguma coisa para reduzi-lo: no Kuwait. nós entramos! A primeira pergunta é onde. Esse corte ficaria entre 3. é oportunidade. Finalmente. os níveis de produção anteriores à invasão poderiam ser retomados em uns 2 meses. lá o objetivo é claro. Alguns caças iriam de Israel para Dhahran. os pesados jatos de transporte C-5 e C-141 voarão através da Arábia Saudita até Dhahran. a infiltração será praticamente impossível durante o dia e talvez durante a noite. com bombardeiros leves e não-tão-leves. rico em petróleo. A próxima deve terminar da mesma forma. E é possível . Nessa altura. Daí os sírios não terem aberto fogo em 74. até forçar a nossa retirada.em Dubai e em Qatar. presas à velha política. Nem se pode imaginar que a Arábia Saudita venha a convidá-los: os sauditas sabem que podem fazer alguns acordos c o m os americanos. que quiserem ir para Israel ou para os EUA. Mas a oposição será leve. c o m o reabastecimento chegando por ar ou por mar. A o contrário disso. 1 ou 2 batalhões de pára-quedistas descerão para ocupar o aeroporto de Dhahran e assumir posição em torrio das casas dos norte-americanos. Os árabes podem ter mais e melhores mísseis. reabastecidas em voo. completariam a ocupação de outros campos sauditas.VAI C H E G A R A N O S S A VEZ! Este é o cenário: embargo ou corte no fornecimento pelos árabes e atmosfera de crise. e se Israel ganhar. vamos às pequenas táticas. Cedo ou tarde. como conseqüência. Os fuzileiros poderiam ser reunidos discretamente no Pacífico. Se tivermos que enfrentar a solidariedade de produtores árabes ou nãoárabes. escoltados.5 milhões de barris/dia. por mar. todos os caminhões . 110 quilômétros ao norte de Dhahran. Aí. chegando aos 3 bilhões anuais. é quase certo que certos produtores árabes mais radicais. a maior parte ainda bloqueada para "conservação" (leia-se aumento de preços). existe uma capacidade de produção de 6. mas melhorar 5 vezes exige nova tecnologia e anos de amadurecimento. para consolidar a base e ampliar a area ocupada. U m convite aos russos simplesmente garantiria a queda da família real. operando ao máximo. CHAMAR OS RUSSOS ? NUNCA! E os verdadeiros problemas. O melhor que existe no mundo e m matéria de combater incêndios em poços de petróleo está no Texas. andando sobre 200 bilhões de barris de petróleo. o problema é controlável. no dia D. os sauditas ainda não possuem uma verdadeira força militar. a qualquer custo.8 milhões de barris diários do Kuwait. Devido às grandes extensões de deserto em torno dos campos muito bem guardados. começando pela logística. Mas os israelenses também sabem disso. dispersos por uma área imensa. será uma catástrofe. a passagem pelos estreitos do Golfo levaria quase uma semana. ainda que a . M e l h o r ainda: a região envolvida é pouco habitada. os pára-quedistas darão sinal para os aviões. as reservas em outras partes do mundo são rapidamente esgotáveis. cobrindo cada poço e protegendo as turmas de recuperação. encorajar uma investida do Iraque para o sul.e muito dinheiro. por exemplo. as defesas árabes terão que melhorar de 500 a 600% para manter seu poder na mesma proporção. Daí a necessidade de um ataque preliminar: os grupos de combate da 82? Divisão Aerotransportada (dos Fuzileiros). o boicote árabe era uma ameaça. não duraria muito. Explorando os campos sauditas em ritmo texano. capazes de pagar qualquer sabotagem.também fazem chantagem. Adma. acabando com a falta do'oleo e baixando os preços. Os árabes sabem disso. com infantaria. através dos estreitos de Málaca. estes israelenses. começando c o m a tática industrial. em aviões de carga.em Abu Dhabi. no máximo uns 20 mil. as exigências quanto a Israel vão aumentar. Felizmente. a 82? Divisão deve chegar em D-3. C o m os aviões israelenses tendo agora que dar apenas um passo para cada alvo. mas pelo menos não se teria sensação de inutilidade. Isso tomaria muito tempo.atéD-90). iraquianos ou sírios. a expedição seria reforçada por uma segunda divisão de fuzileiros. mas sem os pesados batalhões blindados'. embargo não é mais ameaça. também. os estratégicos? Quais as opções que restarão aos russos? Não podem contar com uma antecipação do primeiro movimento. E necessário esforço para diminuir esse tempo. americanos e de outros países. vários tanques de armazenamento e muito a proteger. Saindo dos Estados Unidos sem fanfarra. Não que se pretenda bombardear nada: a missão é impedir que os outros bombardeiem. Iraque e Síria . Por falar nisso. provavelmente ao final de uma guerra curta e sangrenta. Os russos poderiam. navegando para seu destino em D-90. utilizando helicópteros destacados de outras divisões. Embora um pouco de resistência e sabotagem sejam inevitáveis.. Mas a escalada da operação é determinada por sua própria natureza: centenas de poços. o petróleo da Líbia nem ao menos bastaria para cobrir as necessidades atuais. depois um pouco mais (a cada aumento desgastanto o mercado). jordanianos. C o m cerca de 200 milhões de barris de reservas provadas (podem ser maiores). A região é afastada e não dá para nenhum oceano. o petróleo cru do Golfo Pérsico era vendido a US$1. a divisão deve estar equipada c o m 2 batalhões adicionais de cavalaria aerotransportada. virá a hora de se inundar de petróleo o mercado. Logo após à chegada dos fuzileiros. a surpresa de outubro de 73 não vai se repetir. as tropas que viajaram pelo ar. entretanto. Entre os alvos imediatos das tropas desembarcadas estariam plataformas marítimas e tanques de depósito: seria ridículo ter de levar combustível de avião para o coração da Arábia Saudita. reativar e depois patrulhar. H o j e . a não ser pelos trabalhadores dos poços. e ao perigoso Iraque. prontas para descer ao menor indícios de confusão. só pode haver um alvo: a Arabia Saudita. vamos aos problemas. capazes de devolver emprego aos desempregados e de nos dar condições para um programa de substituição de fontes de energia. Q u a n d o não havia o problema de preço. Agora. se não se puder confiar nos trabalhadores .que raros produtores não-árabes também reduzam o fornecimento aos Estados Unidos. Os trabalhadores locais sabem disso.mesmo com salários mais altos . A velocidade é essencial para controlar os campos de petróleo. virá o boicote. com 1 ou 2 batalhões anfíbios. com seus 9 batalhões de infantaria. vindos do Texas ou da Europa. O s fuzileiros chegariam 72 horas depois. incluindo os técnicos amerinos.. têm bombas sofisticadas. teríamos quantos trabalhadores fossem necessários. até chegar a um acordo. Em terra. ainda. Os oleodutos. C o m 8. Todos os países industrializados estão fazendo estoques para cerca de 90 dias e ainda haverá petróleo. Mas se o risco parecer muito grande. sem grandes garantias. só que mais rapidamente. Se esse não vier.ou mesmo Cadillacs e Mercedes . Poderiam alegar ter salvo o Iraque de um ataque dos capitalistas. 2 esquadrilhas de reconhecimento.

Em vez disso. a operação não será levada a cabo para atender aos interesses da Aramco. vão condenar. tomar o seu petróleo? Este petróleo reduziria bastante a queda nas rendas iranianas quando os preços fossem pressionados para baixo. endossando a nossa política. Para dizer a verdade. digamos. levando ao perigo de uma prova de força entre tropas americanas e soviéticas. desde que esteja em condições de chegar logo. mas pode ser reduzido. Então por que -pode-se perguntar os iranianos não estão dispostos a proteger o Kuwait e. cujas compensações.200 homens) pode ser facilmente varrido. chega no máximo a 300 mil pessoas. Nenhum dos 2 lados poderia perder a pequena batalha local. Com um grande exército. americana ou não. ae qualquer jeito. Primeiro. através d e uma Organização Internacional de Petróleo e Ajuda. Não faz o menor sentido gasdivisão composta (fuzileiros e blindados) tarmos 85 bilhões de dólares por ano . viu-se que a invasão pode ser feita. poderíamos ter combates reais. por exemplo. Essa idéia é fantasiosa. O controle do petróleo saudita é ae interesse vital para os Estados Unidos e todo o Ocidente. lembramos que a aviação iraniana voa graças a técnicos norte-americanos. como zona-tampão. Antes de se considerar o equilíbrio de força das duas superpotências. qualquer país pobre do mundo poderia se candidatar a uma parcela dos lucros do petróleo. durante e após a ocupação. bloqueando tropas americanas e abrindo fogo sobre elas. bem equipado e cheio de tanques. ao assegurar o fornecimento a baixo custo. KUWAIT >'--. . mesmo mal treinado e dirigido. Mas que influência? Que prestígio? E como fica. Acho que não preciso continuar explicando. dos interesses em jogo. com um suspiro de alívio. P O Ç O S PARA Q U E M QUISER Depois de tudo. bloquear a entrada do Golfo. esse lucro não pode ser apropriado pelo país mais rico do mundo. é preciso analisar o equilíbrio de interesses russos e americanos. comprar petróleo muito mais barato. È claro que a imagem da União Soviética vai melhorar e a dos Estados Unidos piorar. Por que se não a fizermos. como garantia de que o petróleo saudita não será usado para levar os preços do petróleo até perto de zero. também. conhecem suas limitações. por que há um compromisso público entre os 2 países. Uma intervenção direta da União Soviética nem precisa ser considerada. para ambas as partes. se entrasse para a futura Oipa. Outros. Num nível mais baixo. a coisa muda de figura. que já são altos: mesmo que os russos não façam nada. e com uma Marinha que não pode ser considerada insignificante. os russos podem ficar tentados a tomar o norte do Irã. A partir daí medem-se os riscos que cada lado pode assumir. em defesa de seu aliado. Para impedir a passagem. se o Irã entrar no Kuwait. Mas com uma contra-intervenção direta dos russos. 2 dólares o barril. pois o perdedor potencial teria que tranformá-la numa guerra regional. Se os russos minarem a região. há os prêmios pela omissão.um cliente mais importante. opaís concentra uma população de mais de 1 milhão de pessoas. cada um deles pode até atacar os clientes do outro. à mercê da chantagem árabe? Os fracos respeitam mais o poder do que os fortes.armas . devemos dar a eles alguma margem de lucro.para sermos impotentes. mas sim uma reflexão sobre o verdadeiro valor. os Estados Unidos. A escalada para a catástrofe estaria iniciada. seu prestígio e influência aumentarão imediatamente em todo o Oriente Médio e pelo mundo afora. problema iraniano é combiná-lo com o teremos uma América do Norte empobredilema em relação ao Kuwait. nem a coleção de cansados burocratas do Kremlim . Em outras palavras. sob certas condições. o resultado é que acerta as pontas. Uma forma de se lidar com o Deve ser feita. Por fim. grande ou pequena. IRAQ Ate aqui não falamos no Irã. trabalhando sob contrato. o que arrasta consigo o perigo do envolvimento soviético. Em condições de paridade nuclear. o Irã poderia. teriam que atirar. No plano político. o petróleo não pode ser vendido a preço ae custo porque há objetos políticos amplos a atingir. será mais fácil evitar confrontosróm os iraquianos e reduzir o risco de choque direto com os russos. A União Soviética está perto demais do Irã. Deixemos os russos ficarem com a influência: nós ficamos com o petróleo. os EUA precisam ocupar faixas de deserto. esse perigo não pode ser desprezado. agora. Mas se os iraquianos desMiles Ignotus < = 5 5 " . o lucro deveria ser encaminhado a países pobres. com uma Força Aérea de 100 Phantons (e ainda espera mais%. Só lhe restaria a alternativa de Pensando-se ordenadamente. se o Kuwait permanecer desocupado. perdendo "influência e prestígio no Terceiro Mundo". Para ter petroleo. isso serviria apenas para retardar a operação. consertar o que for preciso e começar a fazer petróleo. dependentes dos Estados Unidos.A IR AN SAUDI ARABIA Dhahran Abqaiq Ghawar Oil Field . muito dispersas. 20 fragatas e destróires e 10 submarinos nucleares para a região. A URSS N Ã O PUXA O GATILHO O problema russo é basicamente político. Evidentemente. As regras da paridade nuclear não são regras que se possa mudar à vontade. de passagem. Segundo: para se chegar a um acordo com os demais membros da Opep. botar a boca no mundo e. uns 500 quilômetros ao sul. Contrastando com isto. Se o óleo retirado a 30 centavos o barril fosse vendido a. há outro fator: embora uma redução abrupta nos preços do petróleo afete diretamente os sonnos de grandeza do Xá. paralisadas. Não é uma questão de machismo. Oipa. os russos têm que matar soldados americanos. Americanos podem abrir fogo em sauditas. a população no centro das operações.faria. deveríamos abrir os poços a toda e qualquer companhia interessada. o prestígio dos EUA. cada dia de produção geraria lucros de 14 milhões de dólares. teoricamente. de 175 mil homens. Nenhum dos 2 pode perder uma guerra regional: teria que usar armas nucleares taticas. porque todas as medidas para substituição de fontes de energia seriam desencorajadas e. fisicamente. E atirar em navio de guerra americano seria apertar o botão que conduz à destruição. Para aumentar a produção e evitar envolvimentos comerciais. ção do Iraque. fazer muita coisa contra a intervenção. Dubai e Qatar. t também tornaria o Iraque. incluindo alguns países europeus e os infelizes japoneses. Alguns acham que os russos poderiam usar seus navios de guerra para evitar a ação dos EUA. Mesmo assim. Mas conseguir o petróleo kuwaitiano aliviaria o problema do nosso abastecimento a curto prazo. porque o Irã é área protegida por outra superpotência. Isso. amigo favorito da Rússia. Elas refletem o perigo da aniquilação. Por outro lado. conscienentrar em guerra contra seu ú nico protete dos riscos estratégicos e dos custos polítitor: os EUA. não é técnico. o Xá provavelmente aceitaria uma ação americana que não pudesse impedir. em área bem pequena. Há. cerem através 0o Kuwait. Os navios de guerra russos nao podem. rumo ao principal teatro de operações. outro grave problema tático: se o exército kuwaitiano (10. E o mundo? Condenaria a América? Alguns condenariam.e nem o próprio Stalin! . Com relutância e em caráter privado. Para impedir isso.em no Kuwait para impedir uma interven. Estes. Em nível de risco muito maior. mas isto seria uma operação muito arriscada para eles. Mas petróleo não pode ser vendido a preço de custo. A Marinha americana enviaria pelo menos 4 porta-aviões. a maior parte dos quais poderia sair de férias pouco antes do Dia D. russos em checos. os russos teriam que reagir. e ele fica consideravelmente reduzido se o Irã permanecer tranqüilo antes. mesmo que se estenda até Abu Dnabi. ele e o Irã continuariam. O risco? Choques armados entre os Estados Unidos e o Iraque. já seriam enormes. Riyadh . Se o Iraque fosse atacado.curto prazo. Contra isso. Esse risco não pode ser afastado. Nos "tomar" petróleo seria apenas um luxo para os soviéticos. talvez seja bom empregar uma do em favela. Ora. eventualmente. Por um cida e cercada por um mundo transformalado. empresa petrolífera americana que há muito se tornou subserviente aos sauditas. teremos o problema administrativo. cos. quase com impunidade total.

me compra um livro sobre a reforma na educaçao de Cuba. 16 de perfil esquerdo. Não tinha nada. Aí chega o avião e encontro um diplomata. O pior que podia acontecer era o embaixador jogar a carta fora ou então mandar pra. O avião levanta vôo. Porque o visto tinha sido pedido quando eu era funcionário do JT. não deixam ver. vai ter coragem de publicar Cuba. Ex . na Revista Banlavoura. aquele brasileiro outra vez". Fernando completou 29 anos no dia 23 de julho. Queria estar lá no dia que Cuba fosse readmitida. mas aconteceu.é um negócio a imagem que a gente cria de Cuba.Você teve uma visão prática ao fazer essa pesquisa. Havana e um amarracachorro qualquer do Fidel ler aquilo. Nesses 10 anòs. foco da terceira guerra mundiar. crise dos foguetes. Fair Play etc. Defesa por exemplo. Para dar um exemplo. do Milton Coelho (atualmen- ."é aquele cnato de novo. Ex . e jogar fora. eu tentava contatos através dos correspondentes do jornal. acumulando coisas sobre Cuba? Fernando . lançado em 7966. mas ele teria autorizado. fiquei lá um mês e meio. Depois eu vim a saber o que aconteceu: o Fidel recebeu a carta. Uma carta praticamente igualpara todas elas. então o que eu fiz foi mandar cartas para embaixadas de Cuba na Argentina. A reportagem virou livro. Em Madri. vim aqui para fazer reportagem. aquele negócio que tudo que é proibido deixa a gente mais excitado. E essa imagem foi um pouco alimentada no vôo que fiz pra Ia . louco para cair fora e tendo que ficar cozinhando em Lisboa.. Você vai até o arquivo do Estadão. a não ser a matéria da revista Realidade (1968) e que eu gostaria de obter um visto pra ir fazer matérias lá. Mandei a carta para a embaixada de Cuba no Canadá. Rapaz jovem. porque ia ter a conferência de Quito. Além das cartas. dizendo pra eu procurar o embaixador de Cuba. uma carta muito respeitosa . até o bloqueio. não adiantava nem pensar. Porque quando você vai tentar achar coisas sobre Cuba. Quiseram dar um caráter muito oficial à minha viagem. Primeiro disseram que não acreditavam que o jornal O Estado de São Paulo publicasse matérias isentas sobre Cuba. e tem o noticiário até a revolução. tendia ir lá em novembro do ano passado. Mandei e não pensei mais no negócio. Brasil.Cuba era o "centro do mundo. mas o que fazer? Até que eu fiz um negócio que a gente faz quando é criança: escrever carta pro Papai Noel. em que eu achava que Cuba ia ser readmitida na OEA (Organização dos Estados Americanos). ficou até o ano passado e ganhou o Prêmio Esso de Reportagem de 1970. E escrevi uma carta de 4 laudas. Enrolaram umas 2 semanas sem responder. para o jT. Começou aos 19 anos. Eu não sabia por exemplo que eles tinham reduzido o índice ae mortalidade infantil para 23 ou 241 mil. Os caras morreram de rir: "Viagem a Cubai Tá legal. Inacreditável. 11 depois do bloqueio. armados de metralhadoras. Mas pifou. 16 fotos de frente. isso não vai te comprometer de nenhuma maneira. orgão do Banco da Lavoura de Minas Cera/5 (nem o banco nem a revista existem mais). "guayabera" que é aquela camisa que eles usam na América Central. depois o interesse foi aumentando. ia fazer uma visita a Cuba.é um chefe de Estado afinal de contas . Ele falou. carimbado". Comecinho de janeiro. como leitor.Você pensava algum dia fazer matéria sobre Cuba? Como surgiu a possibilidade de você ir fazer uma matéria sobre Cuba? Fernando .Você não via chance duma coisa normal. Daí eu cheguei em Havana. e a leitura de bordo é um tablóide de 64 páginas sobre a vida do guerrilheiro Camilo Cienfuegos.Nesse meio tempo. falava com o embaixador e tal. eu pretendia ter um visto à parte. há um ano e meio. caminhões de papel que eu tinha mandado e tava tudo Ia. "olha. Eu pre- Ex . você descobre que não tem. até que disseram tá ok.. como repórter. Teve um dia que eu mandei 3 quilos e meio de papel para uma dessas embaixadas. Fiquei num desespero danado. em Belo Horizonte. Isso não ficou muito claro. Então tem que dar o visto oficial.. K J I U b : FKtNbA LAIINA O TRABALHO MAIS D U R O D O REPÓRTER FERNANDO MORAIS Ex . né? E eu fiz tudo o que me pediram. ou funcionário do Departamento de Estado. no México. Depois do bloqueio. cabelo escovinha.. Fui a Madri e de lá embarquei para Havana. picar. Cumprimenta. até o rompimento. até a invasão da Baía dos Porcos. Ex .De Lisboa eu liguei para o Fernando . Mas eu não sou funcionário do governo! Não estou querendo ver feira. deram o visto finalmente. Aí eu saído Jornal da Tarde e fui para a Visão. 24 anos. O Brasil tinha negado visto pra uns técnicos cubanos ver uma feira aqui. fica deselegante. Então eu tinha que pedir a amigos que moram na Espanha: olha. era uma matéria de Realidade. Claro. que era o Ewaldo (Ewaldo Dantas Ferreira)... Paulo. que negócio é este? Fiquei muito puto com aquele negócio. se arranca. dizendo que não fazia sentido eles usarem contra mim o princípio da reciprocidade diplomática. Do Jornal da Tarde. você teve que fazer consultas para viajar? Fernando . porque eu não tinha nada a ver com o problema. eu era muito garoto na época da revolução. o jornal publicaria matéria minha. "não. Escrevi uma carta para o Fidel Castro. o mais extenso possível. veio um rapaz . Mas eu não vim para ser hóspede ao governo cubano. da maneira mais simples. não tem mais nada.O visto era por quanto tempo? Ex . "Agora. pedindo visto de entrada e dizendo que há quase 10 anos não se publicava praticamente nada no Brasil sobre Cuba. Entrevista a Hamilton Almeida Mylton Severiano Fernando . tá aqui. Ele disse que sim. na hora em que voce achar que estamos tolhendo seus movimentos. colaborou ainda com dezenas de publicações. empilhado numa mesa . eu mandei uma série de reportagens que e u fiz sobre o Paraguai. Lá sempre.Com dificuldade. anexando tudo que eu tinha escrito na vida. com A Primeira Aventura da Transamazonica (junto com Ricardo Gontijo e Alfredo Rizzuti). Então começei a me virar. então disseram: "pela primeira vez vamos dar visto para um brasileiro no passaporte". e que portanto Cuba ia negar visto de entrada pra mim.FOTO: ELVIRA ALEGRE Fernando Morais tem 10 anos de imprensa.vendemos: um país de 9 milhões de guerrilheiros. Espanha. onde me pediram currículo. O Bondinho. França e Inglaterra. Enrolaram demais. melhor estilo Instituto Rio Branco. que teve prefácio de Roberto Campos. Daí. por exemplo. Auto-Esporte. foi lendo. passou para o Jornal da Tarde.Eu estava a fim de ir profissionalmente. Após uma rápida passagem pelo Diário de Minas e pela TV mineira. à minha espera.. por causa das relações entre os 2 países. Os caras enrolaram. Visão me mandou para Portugal. dia 2 ou 3. por exemplo. E já tinha um puta processo em Cuba. contar o que é Cuba hoje. um dos editores do jornal da Tarde) se. você fala "até logo. Fernando passou para a revista Visão. Então. Teve uma embaixada. para o diretor da Visão. apesar daquela advertência que vem na página 3 do passaporte: não e válido para Cuba. por que eu não posso ir? E comecei a me interessar e propus para ojT uma viagem a Cuba. Isso foi no fim ao ano passado.nessa época eu trabalhava no JT (Jornal da Tarde) dizendo que um político americano. elementar e primária: sou exclusivamente repórter.tem coisas que você não pode ver. Tem o noticiário diário dos jornais . de onde acaba de ser demitido. Fernando . Antes.Há muito tempo me interessava jornalisticamente o fenômeno cubano. não adianta nem perguntar. A última coisa que eu sabia sobre Cuba. Expliquei pra ele que não.. A imagem que a imprensa . Chato e u dizer que "não quero ser hóspede". agora conta outra. uma reportagem sobre o imperialismo brasileiro no Paraguai: se o jornal teve coragem de publicar uma matéria séria e isenta como essa. o correspondente ia à embaixada. engomadíssima. você nãopretende publicar suas reportagens? Vao saber que você esteve em Cuba.. como a Folha deS. 16 anos depois da revolução. Ex. eu vou ficará sua disposição para facilitar contatos oficiais.contando toda a burocracia. Queria estar lá pra cobrir a reação do povo ao fim do bloqueio. era um negócio praticamente impossível. E nada." Cheguei dia 2 de fevereiro. Opinião.. se apresenta e comunica que sou hóspede oficial do governo cubano. caso e u conseguisse um visto de entrada em Cuba. Aí disseram que não iam dar visto de entrada para mim porque iam usar o princípio da reciprocidade diplomática. Vai ter um motorista e um automóvel para você. Parece brincadeira. 16 de perfil direito. enrolaram. Aquele negócio me deixou aceso: se um gringo vai. Eu falei." Aí eu perguntei ao Laerte (Laerte Fernandes. para não me comprometer no Brasil". mudou para São Paulo e foi trabalhar no suplemento automobilístico de A Gazeta. que eu já tinha explicado ao embaixador que eu estava às expensas da revista.. a do México. volte amanhã. eu li uma notinha no Estadão .E politicamente você só sabe dos defeitos. Então ele disse que já tinha apartamento reservado pra mim no Hotel Nacional. 9 milhões de barbudos..nós próprios . Aí eu fui lá.Nesse tempo todo que você esperou. com granadas nos dentes..O visto era válido por 20 dias. Eu estou em Lisboa fazendo matéria e chega um recado no hotel.

pelo charme de dormir com um Bloqueio. é independente. chamam de pelota. Fiquei meio aumento da procução de açúcar (em 70 sem jeito de falar para o motorista que eles não conseguiram os 10 milhões de estava procurando prostituta. apesar da dependência econômica com a União Soviética.Como é que foi o tempo que você Baía dos Porcos. Sexta à noite começa. Então a produção de uma mulher. para um país subdesenvolvido.. e "eu quero que cada um de vocês me tra.500 km1. Carlos Rafael Rodrigues". estava querendo prostituta. porque Fernando . uma noite. E o estremecimento daquela época mostrou que a política externa deles. mas escalões médios do governo. Eu suponho que 10 anos sem peças de reposição. eu vi um documen. jeito de menino. a aproximação econômica com a União Soviética.. um país bloqueado. Foi muito amigo do Santiago Dantas. Fernando . O cara que me acompanhava era o diplomata recém formado. coisa que o leitor não mataram ou prenderam os invasores. Daí. A maior parte do pessoal igno.Eu fiquei uns 4 dias em Somoza (na época presidente da Nicará. me perguntou se meu terno estava passado para eu vestir. de Belo Hori. eles têm relações com a China.prostituta . profissionais liberais. te um dos diretores comerciais da Edito. resolveriam isso. escolhi ele. que custava naquela "Você não está no Hotel Nacionalf Tem época coisa de 10 centavos de dólar.muito curiosa em Cuba.porque daí o cara ia internacional subiu horrores. Depois. Pode ser que Ex . de 900 milhões de dólares. trabalham como cavalos. todo Ainda assim ficava uma certa descon. Mais o quê Cuba começou a fazer negócio com a sabemi De Ce/se/ sabem muito. hoje. jogou de. em 62 dia. de um Piauí: 251. quero falar com ele". A libra dizer "não tem isto aqui". Ex . Bebem rum a dar com pau. riam. os dois eram chanceleres.Uma gafe diplomafica: Ângela Davis (sem sutiã) condecorada por Fidel.Fora essa.ção da Grande São Paulo. As coisas foram se somando. Na verdade.. O Kennedy sujeito que esteve lá clandestinamente e tudo em cima daquilo. Você cruza com ele em Havana. Pagam cash. não Espanha. em em desacordo com as idéias deles.que é um cuspe. Cruzei com ele na rua. Porque a Argentina vendeu carro para eles tão caroí Porque eles não tinham de quem comprar. Roberto Ex . Ecara de menino. que a invasão tinha sido feita por meia Ex . Depois.£ mínimo mesmo. de óculos. ao mesmo nho aqui".miu o governo.Parece que o país sentiu duas você encontra aqui uma mulher que grandes reviravoltas: a revolução e o durma com você em troca de um presente. Dão mui. Daí pertoneladas que pretendiam. Mas manda dizer que você pode escolher com quem vai falar. Então eu já seno Colbery. Eles receberam um crédito da Espanha. Ê o fato mais marcante da vida cubana. um negócio bem caribeano. "Não tem mais isto aqui. Ex . como é que vel é um exemplo muito típico.O cubano.Aí já e um negócio mais difícil de ser avaliado por causa da dificuldade de acesso às informações sobre as relações União Soviética-Cuba. Eles acumularam dinheiro com a alta do açúcar no mercado internacional. é zonte. Agora acabou. Um próximo. Eu tive dois contatos com ele. de ponta a ponta. O esporte nacional é "Ia pelota". calçado.esteve lá? tário sobre a invasão. Entre os vários assuntos. Aí ele perguntou se eu Cuba hoje.Na área diplomática. c o m o é o nívei de vida? O mínimo.. o chefe do serviço diplomático para a América Latina me chamou para jantar num restaurante chique lá de Havana e me disse: "Olha.. no mercado internacional. Estrangulamento total.Dá pra sentir o que é o bloqueio Carlos toca o dia inteiro. A política externa cubana é independente. Mas foi uma coisa assim como a invasão da Normãncoisa de jornalista brasileiro? Fernando . A Prensa Latina ar que eles respiravam vinha dos Estados retrnasmite noticias que chegam ao Unidos. e mais caro. fui promudar. néí E automóvel também. que era um pais que estava estrangu.. £ um sujeito simpaticíssimo. E a União Soviética vende petróleopara Cuba a preços inferiores ao mercado internacional. por deixar entrar. milhares de chatas de desembarque. saí de táxi à noite. os países latino-americanos tinham o pretexto da guerrilha. A maior potência lá. Ex . sempre. Ex . Fernando . Por exemplo.. Paraguai eles ficam bestas! Ex . Quando ele assupublicou um livro agora. Tem filmes do lado da base americana (Guantanafeito de dentro de avião. porque a gente não foi informado. uns despedindo dos soldados e dizendo: 960 km.inteiramente coalhado. mas não há obrigações militares com o bloco socialista europeu. eles têm um escritório lá.Politicamenteele não pode dar esta entrevista agora.Você pôs na pauta uma entrevista com ele? comunistas em Cuba e eles decidiram acabar com a exportação da guerrilha.E o pessoal. só a matéria da Realida.. Havana era a repercussão de imprensa? tem uma crosta de piche em todas as Fernando . eu quero falar com fulano.Eles acham que o bloqueio acabou.E a industria farmacêutica. só li um trabalho do planeta se dispôs a invadir um pais publicado pelo Binômio. E Cuba não tem petróleo. Ex . estou sozium pouco menos que 8). o interessante. Tecido. eles me perguntaram com quem eu queria falar. eu tinha idéia ra Abril . um país plano. você vê o mar coalhado. por exemplo. um sapato de qualidade inferior ao brasileiro. não vai dar. e eu rodei de carro uns 1.50 cruzeiros). Fernando .E na conversa c o m Carlos Rafael.700. que queria saber onde conseguir 7. mambo.estrnageiro". fulano e com Fidel. com a Itália. de onde partiram os invasores) se rior. Fernando .Eu pus.ou comerciais ou diplomáticos.Parece que foi mais ou menos simultâneo com a política de détente americana. Li nos jornais que outro dia houve uma reunião de partidos Ex .000 km2).. mas umas 3 semanas.. velho amigo de brasileiros. em dinheiro. mas 63. levei aí invasão. Eu imaginava que eles o chamassem de cavalo por causa do tamanho. Tem Coisa te. em versão espa. Você pode escolher entre o presidente Osvaldo Dorticós. Você viu alguma festa pública? . Não queria usara palavratempo o preço do açúcar no mercado chave . ele falava muito de distenção. São com certa distancia. quando nome. A tem o menor interesse em saber.... Depois os cubanos descobriram também que a política de exportação de guerrilha não dá resultado.bloqueio.vida. não apoiar uma posição soviética. da reabertura com a China. que aliás Já mudaram de çou a ser furado há uns 4 anos. em frente ao Museu Nacional. o negócio deles março. ida e volta. ora! Quando eles vêem os preços que o Brasil está vendendo Volkswagen para outros países americanos . que abre com o Fernando . pois o Estado ê o empregador de todo mundo. £ um país sem cachoeiras. Hoje a fiança. Mas eu estava falando da entrevista.. E é pouca gente: 9 pessoas que tinham lido achavam que milhões de habitantes. pegar o gravador e ficar de plantão.Na primeira fase. mas conse. que em espanhol todo chefe é chamado de cavalo. ou 63. O grande choque foi a morte de Guevara na Bolívia. com o japão. guiando jipe.Eu estive lá em fevereiro e o futebol não é popular. Outra coisa que prejudica muito a economia cubana é a ausência de fontes de energia. Depois soube que não. sou estrangeiro. já no fim da viagem. depois o integua. veu o país inteiro. em paralela.E o que eles podem comprar da gente? Fernando . O pais tem. e se viraram para cá agora. tudo. "E se o Fidel não puder falar com você. O povo. meio sem jeichegou este ano a 90 centavos (cerca de to. eles dele que de Cuba.. e o Brasil tá querendo vender sapato. Ele falou: (459%) de açúcar.A revolução em si envol.Acho que corre aí. soldado de metralhadora. ele é recebido como um xeique.. 4 jornalistas brasileiros estiveram entupidas de soldados. O automóEx . O bloqueio começa depois. eu vim aqui.medicamento era soviético.Venezuela.Antes do bloqueio. Sabe e u penso que foi um processo. Eles se vanglolado.. Os americanos reataram com a China. que eles não conseguiam aqui na Améridiplomacia.menor que o Piauí (Cuba: 114. viagem de negócios. O que dá a eles o direito de. ram o nariz e a boca de Cuba. rava a matéria da Realidade. da política externa brasileira. é negociar com a América Latina.guntei para ele de mulheres. A crise dos foguetes é um exemplo: eles praticamente se divorciaram aa União Soviética quando Moscou tirou os foguetes que tinha instalado em Cuba. o chanceler Raul Roa ou o primeiro-ministro. de trem.E. Eles têm que sair para um tipo de energia que não seja hidroelétrica. Fernando .de avião. mas é um traba. Sabe. Rumba.. qual a visão que eles gente não tem a dimensão do que isso. que é ga um fio de barba do Fidel". lá em Cuba. Basicamente f>or duas razões: o curar. Antes.C o m o é show de boate. Eu sabia que o Carlos Rafael era o segundo homem de Cuba. quase a populaCuba foi tratada um pouco injustamen.Eles trabalham a semana inteira.Olha. e um crédito de 700 milhões da Argentina. "E se o Fidel não puder falar com v o c ê / " Eu disse "mas comoi. o negócio já estava plalho muito fraco. você sentiu que Cuba está esperando chegar o fim do bloqueio? Fernando . conseguiam lá. Um diplomata europeu me contou que quando Carlos Rafael viaja pela Europa. para saber se eu não era exemplo? nenhum espião da Cia ou coisa parecida. Até o noticiário de agências. o interesse diplomático mundial da União Soviética. o sujeiro fala muito mais nejado e ele aceitou.Foi um negócio que repercutiu mal na população? Fernando . Sei lá! Em vez de comprar sapato na Checoslováquia. que a gente não ouve mais. Isso têm da imprensa brasileira? Fernando . Ex . De um dia para o outro vem o Peru. Pelé vale mais ou menos. Tapato destaque ao noticiário brasileiro. Fui até Santiago. Cuba não é nada. que é o óleo que cai dos carros. com um soldado. de que o país não de 70 para cá que a coisa começou a tem prostitutas. O bloqueio afetou até isso.E a partir de quando a atitude de Cuba com relação à América Latina começou a mudar? Fernando .A princípio me receberam ruas. Têm um acordo de fornecimento de armas com a União Soviética. Na verdade. um apaixonado por Fidel como quase todo mundo por lá. Aí disseram que quando voltássemos a Havana. por exemplo. e disse: eqüivale a 10 vezes a produção de 70. você achou mais alguma dúzia de gatos pingados. Sobre ca Latina. Foi sendo adiada. E que eu me lembre. sempre fardado. Lá. Para eles. Em portugal comprei um livro.NR). uma boate lá" Aí eu disse. eles não têm vinculação militar.Havana logo que cheguei. Mas no meio da conversa isso indústria farmacêutica é bem desenvolacabava. £ um buraco na que o governo brasileiro é um governo história. Fernando . Bem. a invasão da Ex . não julgam os brasileiros mal. Eu não acreditei. fizeram alguma investigação antes de me Ex . por lá? Fernando . e depois conseguiram manter que eu faço. eles sabem foi em setembro de 62. são bem informados e há o ti o país um pouco desbolqueado. filmes do dia da mo) Nessa viagem.. vodca soviética. E é uma música muito gostosa.de um país? nhola. o mesmo embaixador me telefonou para o hotel.Música cubana. o bloqueio comeé beisebol. Ele não vai dar uma entrevista para um jornalista brasileiro simplesmente porque é você.Muito mal. Demonstrou uma simpatia muito grande pelo povo brasileiro e uma surpreendente disposição de restabelecer contatos com o Brasil . Mas é realmente um cavalo: 2 metros de altura e cento e poucos quilos. "como é guiram 8. é uma figura impressionante. Ex . Agora as Remédio é de graça. À noite ele me recebeu. Na antevéspera de eu vir embora. Em 72 horas.

180 Ex . um cara decente. Voce estava bem empregada no Estado. Voce é uma delas". fora do jornalismo há muito tempo. Então se o sujeito tem a chamada infra-estrutura. no JT. vendo? Ex . a Muylaert) e me demite. a imprensa está precisando de dinheiro.Quantas laudas? soud comprou a revista e mandaram Fernando .E o nível de informação que eles têm? Ex . é casado Fernando . que foi para o lugar do We/s.Duas semanas. frango. algum tempo e comportou-se com dignimetade achou maravilhosa. ganhamos o Prêmio Esso daquele ano. tempo ele não teve coragem de dizer Ex . A primeira foi quando o MakEx . batata.Você viu algum Drasileiro lá? Fernando . Racionamento é um negócio muito duro. eu tive com ele: uma conversa de 3 horas.Associação Nacional dos Agricultores Pequenos. o que eu ia fazeri Estou escrevendo um livro sobre a viagem. e a educação também. tem muito enlatado da União Soviética.Acho que foram as duas senti que tinha duas cobras comendo o coisas. arroz. Você faz alguma ligação com a matéria ou me chamou e eu tive uma longa e com sua atividade na editoria cultural? tenebrosa consersa com ele. fui até o fim. com coisas políticas. £ o Muylaert me diz agora. o país é fraco. Ex . Porque se ela com os melhores olhos. Mas o cara tem casa própria. pode gastar. embora o Luiz Garcia (era o diretor de redação).Você voltou ao Brasil e. uma revista que pode pagar bem. com um brasileiro que já nem é brasileiEx . noticiário nacional. distribuídas pela reforma agrária. estão desenvolvendo um rebanho mais leiteiro que de corte. mundo caiu de cacete nele: "Pra quê Ex . claro que minha vida não seria melhor lá do que aqui. a mim e ao Luiz matéria dá uma visão muito otimista VVeis. Comem muito peixe.. hoje já o Maksoud deixou clara o tempo todo: fala mal o português.Não se pode dizer que é equivalente. o Marco Antonio Rocha. E cadê a reportagemi muito interessado. Fernando . Aí foi demitido. E uma coisa Latina. um redator do Estado de São Paulo ganha 10 mil cruzeiros. não existe indústria. Agora que eles vão estabelecer uma taxa para empréstimos a longo prazo e vão começar a financiar automóveis.. o texto foi para o Maksoud. feijão. ao todo. Tem 2 jornais em Havana. Ex . na sexta. car Cuba seria uma resposta à maré que vinha contra ele: "Vocês estão dizendo que eu sou empreiteiro. E sei deles: eu não devia misturar uma coisa que você nao tem nenhuma implicação com outra. normalmente programas culturais. Bom. anotações. Maksoud leu. da Editora Brasiliense. a Vanessa.Inclusive ele já está tirando Ex .São. Esta conversa que estou tendo com vocês. pois o sujeito tem muito dinheiro. dono da revista. política. o Luís Weis. ainda nessa linha.Mas de certa forma está acontecendo o contrário. ao mesmo tempo. Ele tem que enfrentar fila para comprar uma cota de manteiga. quando voltei fui discutir a matéria com o Henry Maksoud (diretor da revista Visão).que sim: 6 táxis caindo aos pedaços. e inter. O luventud Rebeldeé um pou. ro. lá eu não podia ter. Todo dele fossem. Demitir um jornalista que tem esse status profissional não é uma coisa como demitir um foca. foi na Estive sim. o Luiz Garcia. Ex . Segunda crise: Ewaldo Dantas e muito material? Fernando . tem livro escrito sobre a Amazônia com prefácio do Roberto Campo. não! Estou querendo é deixar tudo claro. Eu disse que via isso um pouco comprometida. Nos cursos médio e superior/ duas línguas: inglês e russo.Trouxe muita coisa. Palavras e não consegui parar. e digo pra você que gosto da contato com brasileiros exilados. Uma exceção é o Quartim de Moraes.. eu. A maneira como o Maksoud recebicho no estômago: o "empreiteiro" beu a minha matéria mostrou que eu não (Henri Maksoud é aono da Hidroservice. Ah. Ex .Parece que a revolução cubana meteu o dedo em tudo quanto é lugar.O que está ruim é o racionamento. não fica uma sensação em Cuba de que é um colégio interno. 8! Sem contar os que saíram logo que o Maksoud comprou a revista: o Appy. Pimenta veio de uma estudante de quem fiquei amigo. mas que é um excelente profissional.Entre demitidas pela empresa e que pediram demissão. tem o Ewaldo. e metade do o diretor novo (o engenheiro pessoal da Visão falou: "está parcialj. por exemplo. Mas existe um resquício da iniciativa privada. voltar e ficar inédito. Aí perguntei: mas o que significa esse projeto que é incompatível comigoi Era uma questão de curiosidade. isso é ruim. Fernando .pra não matéria. da livre iniciativa.velhos motoristas que não aceitaram trabalhar para o estado". e diz o senhor esteve em Cubai que eu tive.A posição da redação ? ro. não é? E o que mais? jornalistas de lá e botando gente que estava encostada. Fernando . o Godói. como editor.Agora. Coisa ainda racionada é comida. Ele. por exemplo. Vitor Strauss. e te absolutamente nada a seu respeito".800..Quanto tempo você ficou escre. encher a cara de rum nas boates. Fernando .Eu nunca tive dúvidas. Foram 10 pessoas. Ex .a minha matéria. "como é que este país pode ser assim como v o c ê está dizendoi V o c ê trocaria a vida que tem aqui para viver lá como jornalistai" Eu disse pra ele: "olha. como ele mento e consultoria do mundo) tinha gostaria que os funcionários da revista acabado de comprar uma revista. material Rolf Kuntz (substitutos de Luiz Garcia) se incompatibilidade que eu ia usar. número zero. o salário fica para os jantares ou para. demitem por absoluta fotos f sitas pela Prensa Latina. a gente podia ficar uma hora aqui discutindo isso. E se daqui a um mês chega um cara pra Fernando .. uma comida muito parecida com a nossa. porque não tem onde aplicar o dinheiro.Quantas pessoas foram demitidas nesse processo todo? Landini. da Visão. Mas ao mesmo cas institucionais ao regime. Então. Fernando .Por que os jornalistas do teu nível. foi se Fernando . Eu disse todos os órgãos de segurança e não exispra eles que não conhecia ninguém lá. Eu já fiz um . porque você imagina. já sai da redação. tem filho cubano de 12 fundo a redação queria que se publicasanos. quando e u digo que eles são parecidos com os brasileiros. Ex . que a coisa está toda regulamentada? dito. Fizemos para o jornal da Tarde. Jornal da Tarde como repórter principal.. de publicações. que é a Anap . Mas para generalizar.dade.. tem que reescrever. Racionada porque eles não conseguem produzir. mesmo que voce tenha ido a Carapicuíba. claro: . um contínuo.. Ex .Não Aliás só tive contato "não vou publicar essa matéria". £ um negócio que dói na pele do sujeito. do jornal da Tarde para Visão. Uma pena. E fica um vazio segui uma máquina emprestada.Seu cargo na Visão qual era? Fernando . È o Haroldo Wall. uma semana depois de ter assumido a revista.. fotos minhas.Voltei e o primeiro contato mim. mas olha aí empreiteiro tem coragem editorial".você é um càra que trabalhou anos no Fernando * Televisão.. me amoitei lá pra ter. Carne. sim. Fernando . Então. é uma luta contra a onda estatizante deste país". o sujeito ganha aparentemente pouco. £ um país pobre. outro que foi demitido.O ensino é obrigatório até o 6? ano. falei: acabou Cuba. Você pode comprar algumas européias. só agora que eis vão começar. Bom. e esse é o mínimo estipulado pelo governo.eu e o Ricardo Gontijo. Mas nesse meio tempo você se matéria pra casa e cortei umas 50 laudas. o Wladimir Herzog.Dou.Vocês que foram para a Visão. além do medo. Um negócio curioso.. Mas ele não paga médico. com os olhos brilhando. Aí eu cos dias. minha missão profissional. Agora. tenho um apartamento de cobertura. a Dinaura Fernando .Tinha trazido muito documento. o Ricardo Setti. empreiteiro quer revistai" Então. Mandei levantar sua ficha em jornalística.. em 8 meses. e tornou editor cultural. Li as primeiras linhas comprometér a minha missão. na redação. Eles recebem financiamento para produzir e depois vendem para o governo a produção. Havana tem uns 2 milhões de habitantes e o jornal Granma vende 550 mil exemplares diariamente.ciativa privada em Cubai" nacional. é cubano: está lá desde 63. "Não é poi escreve a sua matéria e depois a gente vaidade que eu quero que Visão publique conversa". Agora. Mas. No com cubana. Ele disse: "Olha. podia fazer um bom jornalismo.de gênios com o Maksoud. é exatamente nisso que os comunistas mais ortodoxos chamam de socialismo-tropical. era muito importante que publicassem. o Gabriel Manzano Filho.nada pela iniciativa privada. que está disposto a publicar a senti que a publicação da matéria estava matéria de Cuba. E ele.Você daria um trecho desse livro para o Ex publicar? Um trecho do livro de Cuba? Fernando . aí houve a segunda crise dentro ninguém me encher. acho que a revista faz bem em me mandar embora.Isso chegou a ser colocado? E falou: "tá legal. Lá eu con.Pois é. quando só existia o traçado no mapa. Falei: então está legal.Masvocê diria que eles têm equij valente nível de vida? Fernando .Mas agora. há pousobre o país.Ao contrário. é sempre bom dizer. o Rolf. e tal.O Muylaert me chamou na sala dele. O Maksoud já está sendo chamado pelos jornalistas ae Idi Amin da imprensa. Fazendo o quêi Reportagem. e todo local de trabalho é obrigado a dar refeição a preço de custo. não tinham idéia da coisa que o Maksoud queria fazer. glebas de no máximo 67 hectares. trabalho jor. leu as matérias e resolveu editar o livro. Aí eu trouxe a repórter. toda a redação. mas em matéria. queria saber de tudo. eu sou um sujeito que tem uma motocicleta de 70 mil cruzeiros.E são jornais de noticiáriofarto? perguntou. São pessoas que têm terra. ganhou Prêmio Esso. A gente viajou pela Transamazônica antes dela existir..Nessa época eu era repórfazenda do meu pai. o joão Ex . eles me "Não duvido da sua honestidade profispediram que. formalmente. seja lá o que for. tinha o problema ideológico: ele é um defensor da livre empresa. Então eu Ex. sábado e domingo. Estão importando Fiat da Argentina. não cruzei com nenhum outro brasileiInclusive pra mim tinha um problema. gosto dela. e o Juventud Rebelde. São co mais desbundado. Bancos. Publicar na revista dele uma matéria sobre um país que acabou com a livre empresai A primeira coisa que ele me Ex . então vai embora. quando você voltou era senti que não ia ser fácil. para o dono da revista. Um redator da Prensa Latina deve ganhar 1. sou uma pessoa profundamente apaixouma das maiores empresas de planeja. remédio é de graça por lei. Fui pra Fernando .No dia que fui demitido.. 300 mil. não fizesse sional. em 70.Eu falei pra ele. Ê funcionário do governo. Não há frustração maior para um repórter do que ficar iné- Ex . chega a fazer críti.Continuou dividida. Repórter quer é publicada. Gado tem pouco. o chamado cidadão médio deve ganhar 2 mil cruzeiros por mês. jamais você vai conseguir impor um regime de força num povo como aquele. lá não poderia ter. Sabe. Tem noticiário "ainda existe alguma manifestação da iniEu respondi ideológico. publi. Sabe. Nova York pra quebrar o galho durante Levei a matéria e a redação se dividiu. sala do Maksoud. Depois o Caio. Fernando . aí entra Roberto nalístico muito bem feito." Ex . E o projeto que a empresa pretende para essa revista é incompatível com algumas pessoas que trabalham aqui. com na revista. Levando em conta esses critérios. ver a reportagem sem a chamada unanimidade. quando você é o único repórter brasileiro que vai a Cuba nos últimos 7 anos. e disse o seguinte: "Estamos no ano zero. Até agora 12. diretor da Prensa se a matéria. No fundo eu Fernando . Visão agora é outra coisa. saindo do aeroporto.

Depois. ou se os preços de certo produto caem no mercado internacional. Mas para produtos considerados " n ã o essenciais .La Rampa. Ford Falcon. mais C r J 4. M a s o racionamento fez desaparecer os bobbies do mercado. e quem quiser fazer um galanteio a uma cubana deve levar-lhe de presente uma dúzia de bobbies de plástico: é c o m u m a genfe ver nas ruas as mulheres c o m o cabelo enrolado em latinhas de talco vazias. Cuba voltou ao ponto e m que os Estados Unidos se encontravam em 1900: quando precisavam de peças de reposição. a 15 caixas de cerveja. os comunistas ortodoxos apelidaram o regime cubano de "socialismo tropical". paga C r J 9. Roupas e calçados também continuam sob racionamento: cada pessoa tem direito a 3 pares de sapatos por ano. Tratamento: todo mundo trabalhando. dizem. Em Cuba não existe o moralismo exagerado com que freqüentemente se procura caracterizar os regimes socialistas.mas quem quiser passear " p o r Ia libre" também pode. O interesse por esse tipo de hotéis é grande. Dodge 1800. E para reforçar a imagem.00 " p o r Ia libre" (fora da tabela). Nenhum Barbudo Nas Ruas. é vendida a Cr$ 198. Cuba viveu dias difíceis. o governo tem conseguido manter os preços estáveis há 13 anos.00. têm direito a 76 litros mensais. A maioria. no abastecimento de produtos semi-industrializados. mas recebeu t o q u e s ' revolucionários": o salão de beleza do Hotel Nacional. Dezenas de pessoas me disseram que não existe nenhum preconceito contra cabelos longos e barba.homenagem a um herói da guerra do Vietnã. Paga caro: . para aqueles . os de 8 cilindros (geralmente velhos carros americanos de antes do bloqueio estabelecido em 1964) têm direito a 95 litros. Talvez mais uma meia dúzia de dirigentes de menor projeção. até 1980. o Estado . O casal chega de carro e entra num pátio que dá acesso ao apartamento. de libreta na mão. chama-se Van Troi . além disso.geladeiras. Hoje.Acho que no dia em que a libreta for eliminada. as lojas de roupas. c o m medo de parecerem pretensiosos. Q s locais d e trabalho (fábricas. um leitão . se encarregou de dar abrigo aos casais apaixonados e não casados legalmente. a sofisticação dos nossos hoteizinhos da Barra da Tijuqa. livros. O Estado. as bancas de jornais.80. U m gerente de supermercado. O costume " b u r g u ê s " permanece. Carros particulares de 4 e 6 cilindros (Fiat. em alguns casos. indistintamente. Até o fim da década passada. Mas há outra versão ainda: u m motorista de táxi disse: .42 . o governo não havia assumido o controle total do abastecimento e da comercialização. mas talvez principalmente por este. E o charuto.da manhã. a cota de cada um aumenta. Uma estudante de Química deu outra explicação: . Q u e m casa sai fora do racionamento por algumas horas. valor do salário-mínimo nacional. cada um. uma cota de 10 metros quadrados de tecido. Fazia 3 semanas que estava em Cuba. Os soviéticos substituíram os americanos no fornecimento de petróleo. cabelos compridos e barba: . a não ser o indispensável para a vida do país. os supermercados. uniformes escolares. O cubano faz sua poupança: os serviços básicos são gratuitos (alimentação nas escolas.Eu me sinto como se estivesse sustentando um filho que vivesse em Paris. Hoteizinhos Do Estado. Por exemplo: cada cubano tem direito a apenas um maço de cigarros por semana. o noivo e a noiva têm direito. assim como cabelo comprido.era encontrado no mercado negro por quase 3 mil.Hospital psiquiátrico em Havana: 4 m il loucos. a C r J 22. U m iovem diplomata que me acompanhou boa parte do tempo explicou: . financiados em 4 anos. cada hora adicional. que editava com Fidel Castro u m jornalzinho clandestino antes da revolução. etc. M a s apesar disso. 15 garrafas de rum e meia dúzia de champanhas da Criméia. o Rum Que Já Foi Bacardi. O litro custa C r J 1. Os cubanos dizem que seus mecânicos chegaram à perfeição de "tirar umidade do p ó " . então.U m país c o m problemas habitacionais não pode se dar ao luxo de oferecer apartamento para esse tipo de desfrute disse um jornalista divorciado. Rum. Q u e m tiver vergonha não usa. os cinemas. Alfa Romeo). e já tinha notado a ausência de barbudos. o médico Eduardo Ordaz. embora o abastecimento seja garantido pelos russos. Além de ar condicionado e água quente. eu ia saindo do prédio da Prensa Latina. A libreta. O que acontece é que a barba virou marca registrada. é impossível entrar num restaurante ou boate sem ter feito reserva com 2 dias de antecedência. imposto para que a baixa produção agrícola do país possa abastecer os 9. pude ver pequenas filas de casais. a fila dos supermercados. a Rumba.00 pela libreta (uma garrafa por mês). Gasolina também é racionada. o Instituto Nacional da Indústria Turística criou e passou a explorar as posadas ou albergues. os salões de beleza estão sempre cheios. A verdade é que nas escolas secundárias e no pré-universitário a barba é proibida. os restaurantes. mira. é uma entrada discreta depois de um portão. Zhuguiin.barbudos e uniformizados de guerrilheiros. Q u e m quiser fumar um por dia. El jeítinho. tem que pagar C r f 18. usa barba se quiser. Nos fins de semana. Assim. cadernos. no Rio. Ay Caramba Ias Mulatas. é o único osso atravessado na garganta da revolução: o racionamento. Se quiser fumar mais. Normalmente as economias são depositadas no Banco Nacional. os teatros. Durante 10 anos. e vice-versa. entretanto. Juan Martinez Tinguao. na compra da cota cubana de açúcar. O preço é o mesmo! C o m o controle quase total sobre o abastecimento. nada disso. A nova tentação dos cubanos são os carros recentemente importados da Argentina. de mãos dadas. só que precisa pagar C r J 4. Tanto em Havana como em outras capitais de províncias. Nos finais de semana. E já que tudo é do Estado. que mora num hotel. . Pílula é vendida e m qualquer farmácia. Então os rapazes. O que pode variar é a quantidade a que cada um tem direito.transformados em bobbies.72 o litro.2 milhões de habitantes.00. homens têm uma cota anual de 2 ternos. assistência médica). quando o sujeito fica adulto.arranjou uma solução original: assumiu o mercado negro. se divertindo de algum jeito. não entrou um parafuso americano no país. o único " l u x o " oferecido.Não. por exemplo: o governo decidiu sobreviver com os velhos carros americanos. esperando a hora de entrar. alugadas a preço fixo em todo o país: as primeiras 3 horas de permanência custam C r J 30. como o povo Chama. fuma entre 10 e 15 charutos por dia. C o m o bloqueio decretado pela Organização dos Estados Americanos. os noivos pagam a gasolina. do Canadá ou da Espanha e financiadas pelo Estado. como a minha. No dia do casamento. claro. é impossível manter uma garçonnière . mira: un guerrillero! Foi esta a imagem q u e ficou para as crianças: quem usa barba é guerrilheiro..que não tinham casa própria antes da revolução). As posadas não têm. E as escolas dão café..que custava 135 cruzeiros pela libreta . Se uma safra é boa. e a barba virou símbolo. Diretor do Hospital Psiquiátrico de Havana e o vice-primeiro-ministro Carlos Rafael Rodriguez. seu irmão Ramón. A cubana é extremamente vaidosa. Automóveis.00. A prestação máxima é de 840 cruzeiros.00 por hora adicional. tentando mantê-los inteiros até a situação melhorar. os táxis. o aborto é livre até o 3 9 mês de gravidez. São pequenas kitchinettes. apesar também do " m a c h i s m o " cubano. sem ser visto. televisores e máqúinas de lavar importadas da URSS. os hotéis. Em 1968. o mercado negro era feroz. Por vários outros motivos. têm um pouco de vergonha de usar barba.E que as cubanas preferem os homens de cara lisa. os hotéis " d e curta permanência" também são. o governo adotou um critério: primeiro os médicos. comendo.00 cada. Ainda o Racionamento. mas hoie é possível contar nos dedos o número de barbudos cubanos: Fidel Castro. dançando. mulheres. ao preço de C r J 1. prefere gastar o dinheiro bebendo. C o m o são poucos carros. o único desconto no salário é de 6 % (pagamento de aluguel. Boates Nos Fins De Semana! Cuba Ou Socialismo Tropical? Numa quarta-feira ensolarada. na avenida 23 . a Argentina vendeu 45 mil veículos a CuDa). Os poucos felizardos que conseguiram comprar um Fiat argentino pagaram cerca de Cr$ 40 mil. o divórcio é legal. em matéria de consertos de automóveis. Os Xeiques Do Açúcar. Os primeiros que chegaram substituíram os velhos Cadillacs e Oldsmobiles americanos nos setores considerados fundamentais: táxis e repartições públicas. em Havana. uma característica muito forte: esta revolução foi feita por barbudos. u m por semana a Cr$ 2. almoço e jantar gratuitamente (estas refeições não são somadas à cota de cada um). repartições públicas.que meteu mesmo a mão e m tudo . O Estado fornece os carros para transportar os convidados. Os particulares entraram nas remessas seguintes (ao todo. Cuba viveu 60 anos dependendo dos Estados Unidos. e. por todo o país vêem-se fotos e cartazes de Guevara e Camilo Cienfuegos . c Tudo é do Estado: o Banco Nacional.) servem refeições a C r J 3.00 o maço. lutou em Sierra Maestra. Apartamento com ar condicionado. Roberto Carlos. o u cilindros de papelão de papel higiênicos . Não podia dar-se ao luxo de comprar nada. ele corta a barba. a preço fixo. hoje funcionário do Instituto Nacional da Indústria Turística. comentou comigo: . La Amada Amante y Que Todo Mas Vá Al Infierno. todos têm de submeter-se ao racionamento e enfrentar. Uma mulher e seu filho desceram de um ônibus e o garotinho admirou-se com a minha figura. ou gastas e m bens de consumo .Mamá.Nenhuma das explicações que lhe deram está correta. não se pode mesmo gastar em determinados alimentos e roupas. os açougues. mais • C r J 1. nas posadas a e Havana. Todos conhecem também a famosa promessa de Fidel: só cortar a barba " q u a n d o a revolução estiver terminad a " . em Havana.80. que são racionados. está tudo nas mãos do Ministério do Comércio Interior e só se compra de libreta. pelo menos.

operários. Os pacientes do Hospital Psiquiátrico de Havana. eventualmente. segundo Sidney Orret. A taxa de mortalidade infantil foi reduzida a 27. Naquele ano.. Inspirado na ""Frente da Pátria". "foi um conselho que nos deram os soviéticos que fazem cinema. dar-se fora do hospital. deu-se a invasão da Baía dos Porcos. Anos depois. algumas capacidades de seu cérebro podem ser aproveitadas". peço à atendente gorducha um sabonete neutro e u ma aspirina. Receita médica pra que? Eeu sou estrangeiro. O motorista obedeceu imediatamente e desviou o caminhão para fora da cidade. os inimigos do regime foram desaparecendo: a maioria embarcou ha ponteaérea estabelecida entre Havana e Miami. que decide o tipo de atividade a ser desempenhada por ele. Em cada quarteirão. Cuba tornou-se campeã mundial de beisebol e nunca mais perdeu o título. õ Na maior farmácia da avenida 23. cinquentão baixinho chamado Carlos Zerquera. o chefe do Patrimônio Histórico local. Zerquera é um dos 4 milhões e 800 mil filiados ao CDR . explodiram 5 bombas! Você ia falando e. e escolhe uma das atividades adequadas ao seu grau de insanidade. A tv cubana só entra em cadeia nacional ou para Fidel Castro falar ou ara transmitir alguma partida de beiseol. por força de acordos de ajuda científica e militar.o desmoronamento de edifícios tombadosjpelo|patrimôniohistorico. pam! Tinha que esperar o eco terminar para continuar falando. nem no lugarejo mais distante.o Pela janela da sala da diretoria. E escolheram a chamada terapia ocupacional como solução para recuperar os pacientes. O dinheiro acumulado às custas de seu próprio trábalho faz com que o paciente volte a ser respeitado quando volta para casa. de repente.já reduziram o indice de mortalidade de 15 óbitos diários para 5 mensais. em 4 fases: 1 . As boas relações com o bloco socialista podem ser medidas pelo número de delegações estrangeiras que chegam e saem todos os dias. o CDR fechou as esquinas e manteve presos em suas casas os suspeitos. Mas acontece que não acontece nada no país. E realmente só vi mesmo guardas de trânsito circulando pelas cidades. e deu uma ordem: transformar La Mazorra em hospital. As estatísticas. . E o CDR passou a assumir outras funções. . Duas horas depois. quarteirão por quarteirão. também. Com o tempo. O CDR nasceu em setembro de 1960. O chefe do CDR funciona como uma espécie de síndico do quarteirão. plantar ou de aula.prepara-se para ser reintegrado à sociedade ou. disse que ia passar assim mesmo.oje.segundo o médico .O desempenho efetivo da atividade escolhida pode. o senador norte-anericano Jacob Javits (republicano de Nova York) disse à imprensa de seu país que ficou surpreso com a ausência de policiamento nas ruas de Cuba. à farde. muito mais forte que Zerquera. A quinta bomba engendrou os Comitês de Defesa da Revolução.assim como nós costumamos falar good-bye ou OK.. o chefe do CDR local. Zerquera tentou impedir que o motorista cruzasse a cidade. Pela ajuda. o jovem diretor da escola Secundária Bási- secundária no campo: tarefa dobrada. recebem o mesmo salário pago aos trabalhadores comuns. disse-me um jovem cineasta.o tempo gasto por um aciente para ser atendido é o que ele 1 eva de casa ao posto médico. ouço a algazarra do encontro de duas turmas de estudantes . E consegui a receita.. para treinar.jogam médicos. E o Departamento de Estado só avisou que os pescadores tinham sido libertados quando faltavam duas horas para que eles chegassem a Havana. notei que quase todas as edições do Gramma e do Juventude Rebelde noticiavam a presença de uma missão de algum país socialista. E o hospital de loucos em Havana realmente me surpreendeu. ou ao hosle pital.A limpeza e a alimentação . Construído há 2 séculos nos subúrbios da Capital (hoje com 2 milhões de habitantes). todos os times sao amadores . portanto. .os que saem para o campo e os que chegam para mais um período de aulas. O país investe ho|e 3. E ser estrangeiro não muda nada: ali na esquina existe um posto médico. Pelo traalho que realizam.. cidadezinha histórica perdida no interior de Cuba. quando me encontrei com um grupo de intelectuais.O motorista. os jogos são realizados a portões abertos. uma soviética filha de espanhóis. Em março passado. insistiu. as estatísticas norte-americanas falam em 10 mil soviéticos em Cuba. trata-se de uma piada contrarevolucionária. Com o tempo. na praia de Girón. o país resolveu o problema dos carros. chefiada por um coordenador. jornalistas e poetas. tabaco. onde tinha feito longodiscurso na ONU. Como teria conseguido . quando os cubanos começam a falar dos métodos adotados para tratar doentes mentais. impedindo um possível reforço às forças invasoras. após janeiro de 1959.Enquanto falávamos. Assessorado por um Ordaz começou a reforma de maneira elementar: limpeza total dos 140 hectares ocupados pelo hospital. prisão e hospício.6 bilhões de cruzeiros em saúde pública.E. Mas não se vêem russos nas ruas. Os esportes são amadores para quem joga e para quem gosta de assistir: nenhum estádio cobra ingressos. com o controle total que exerce. explode uma bomba. Itália e Argentina. Cuba não teria evitado a bancarrota. expressões como tovarich (camarada) ou n/et (não) .O fundamental . Acabava de voltar dos Estados Unidos. passa a viver comunitariamente com outros na mesma situação. .Noventa por cento deles tinham no alto da ficha médica um carimbo vermelho: irrecuperável. o limite de cada CDR é determinado por agrupamento de casas. os médicos desenvolveram métodos próprios. Em Havana.ele acrescentou . nu ma popu lação de 4 mil pacientes. o esporte nacional. A todo visitante.conta o diretor do hospício. e periodicamente saem. criada na Bulgária logo após a Segunda Guerra Mundial. o presidente CDRista (eles falam cederista) é escolhido por todos os moradores maiores de 14 anos. ou mudaram de opinião ou simplesmente resolveram aceitar a situação. porém. rua por rua. como é que esses mercenários podem movimentarse? Vamos organizar o povo! E lançou-se o lema de organizar o povo nas fábricas. ele mesmo contou o episódio a um grupo de jornalistas: . a malária.trabalho ou esporte. O clima era amistoso e eu contei uma piada sobre Leonid Brezhnev. Os dirigentes do hospitalpartem do princípio de que "uma parte da conduta ao doente mental não está perdida e. apresentam. rodaram 10 anos sem uma peça comprada no exterior. O CDR teve sua primeira prova de fogo um ano depois de criado. uma multidão o espera em frente do palácio. Em cada quadra. para ouví-lo falar da viagem. Na região rural. recebi uma resposta seca: . para que o paciente sinta que tem uma utilidade social.contoume a cederista Nadieska Morales. Estou na sala de. Quem joga num time principal de província tem direito a folga no trabalho. Então Zerquera identificou-se: era. Mas ainda li nos jornais pequenas notas da polícia. colher. Senti isso um dia. Só que o dinheiro é depositado num banco instituído dentro do hospital: ninguém pode mexer nele. conhecido pelo nome de Mazorra. a difteria e o tétano foram eliminados. abastecida pelo Japão. que era o médico dos guerrilheiros em Sierra Maestra.Isto aqui é um país pobre . suas ramificações estendemse por todo o país. Fui até lá. O esporteprofissional foi abolido. lembrando que " é expressamente proibido abandonar veículos imprestáveis na via pública". para evitar . servia ao mesmo tempo de asilo de velhos. pilotando motos italianos Guzzi-850. o Em Trinidad. como é que vou arrumar uma receita? . diariamente. a avenida beira-mar de Havana.Em qualquer pònto do país . O russo é ensinado nas escolas médias e superiores. Três anos depois que o esporte deixou de ser profissional. O mais conhecido ocorreu em 1971. que vivem i em Cuba há 12 anos. ou até cuidando para que as crianças não matem aula.000 nascidos vivos (interior inclusive à taxa de algumas regiões dos Estados Unidos). do Partido Comunista Cubano e de Fidel Castro". que passa o dia atento para algum possível desocupado nas redondezas (a lei contra a vadiagem pode levar o acusado à pena de até 2 anos de detenção). Quem sabe se você precisa de aspirina é o médico. Fidel Castro chamou o comandante Eduardo Ordaz. 4 . Os velhos Fairlanes 1960. uma a uma. estava mais bem equipado que a polícia. em Havana. eles repetem mil vezes os exemplos da capacidade de mobilização do CDR. Lá você consegue a receita.submeter-me a um cardiograma ou a internamento num hsopital para receber um rim transplantado: . me servia de guia quando se aproximou um caminhão carregado. foram vacinadas 1 milhão de crianças contra a poliomielite. um grupo de pescadores cubanos tinha sido preso.O paciente é transferido para centros de reabilitação espalhados pelo país. " é incontável" o número dos que já voltaram para casa: . construíram um hospital com 200 leitos na província de Camaguey. o médico Sidney Orret .conforme ele explicava . em parte. Um mês depois de assumir o poder. 2 milhões de cubanos recebiam os pescadores no Malecón. usados pela Polícia Nacional Revolucionária. Dizia-se que um ladrao.conforme o estágio de sua doença . Hoje somos capazes ae montar filmes sobre tudo o que se passou de importante no país.4 por 1. E comum ver as pessoas misturando ao espanhol. onde . pintores. para colher cana e laranja. De manhã/ sala C P C . URSS. eles pagam em açúcar. Eles acham que se a União Soviética não os socorresse. E. Fidel Castro ainda não tinha anunciado sua adesão ao socialismo. decorada com posters de Amilcar Cabral e fotos de Guevara.Comitê de Defesa da Revolução.disse-me Orret é que o trabalho exercido seja real.Augusto. rum e gratidão. a não ser o paciente. pelo menos um documentário produzido na Europa Ocidental. O paciente participada decisão final. não significam nada. Depois de uma visita a Cuba. a pé.Quero aspirina e sabonete.Filmar tudo o que acontece de importante no pafs e guardar os filmes". que pode produzir como uma pessoa normal. e eu tive de ouvir a história pelo menos 3 vezes durante minha visita. pescando em águas territoriais norte-americanas. Em setembro de 1961.ela respondeu . Minutos depois que Fidel Castro começa a falar. o CDR tinha o objetivo declarado de "unir as massas em torno da revolução. eu não entendo: . que congrega 80% dos cubanos maiores de 14 anos. Mas a influência do bloco socialista na cultura cubana não se manifesta apenas no cinema: os 2 canais de tv de Havana e os outros 5 das províncias. Ele faz uma piadinha nervosa e recomeça o discurso. Em vez de risos.não podemos ter o luxo de vender remédio a quem acha que precisa. nas quadras. Segundo os cubanos. Porque nós dissemos: se o povo está em toda parte. A tuberculose infantil. os depósitos do banco somavam cerca de 1 milhão e 800 mil cruzeiros (uma média de 450 cruzeiros de "saldo" para cada um dos 4 mil pacientes). no caso dos incuráveis. Cada grupo de 20 quarteirões constitui uma zona. 3 . 10 meses depois que os barbudos tomaram o poder.O paciente considerado crônico é estudado por uma equipe médica. em fevereiro. 2 .O paciente começa a desenvolver a atividade escolhida . sem que um membro do CDR tome conhecimento. Hoje. em gruos.Escola botavam um bloco de aço no torno e as fabricavam. Durante as 5 semanas que estive lá. os que ficaram. Ela pede a receita médica. de automóvel. em 3 dias de trabalho. a pelota. existem 6 mil. . o . estudantes. normalmente ele é um senhor aposentado ou uma dona de casa.

Não era a bibliotecas espalhadas nas escolas. os que foram ao campo vão para as salas de aula. em Manaus. chamam de "fuzilamento de livros". brasileno.os vagabundos. ridicularizado. • porém. à tarbalhar. é recusado em quase Margareth Randall. conforme o curso. Frotas de microônibus recolhem os jovens em casa na segunda-feira de manhã e os trazem de volta sábado à tarde. Na escola pioneira de Matanzas. o objetivo é desenvolver vocações e selecionar os jovens que se interessem por carreiras técnicas e científicas. nas indústrias.censura. encontrei os muros de Havana cobertos de cartazes anunciando o filme São Bernardo. 3 anos.me entrevista: cionalmente e Cuba foi obrigada a . espero a escritora americana procura emprego. todo mundo é obrigado a traN o saguão do Hotel Nacional. E ele: direitos autorais. Ele tira distribuídos aos estudantes. O trabalho dos estudantes. As 5h30 todos se encontram de novo. Para evitar que o trabalho possa servir de pretexto para que os jovens fujam à escolarização. A o final do primeiro ano de experiência. nesta escola. O ensino é gratuito e m todos os níveis e obrigatório até o 69 grau. instituído inicialmente apenas para estimular o contato dos jovens com a terra. os computadores . venezuelano? cubana viveu daquilo que eles mesmos .o rapaz . Entusiasmado c o m o resultado da experiência. um escultor de 30 anos. U m pajarito só é comparável aos Não fica apenas nisso o nível de vacantes . na zona rural. no anopassado. Mas não deixa de haver casos de gente que gostaria de ficar em Havana e tem de mudar-se para Oriente. A educação geral vai do pré-escolar à universidade. que também enviou um grupo de cientistas para formar os professores da escola. artista muito rias. como O Chefão. Mas nas de baixo do braço o livro A História me livrarias. únipante do bloqueio. os trabalhos se invertem: os que foram à aula vão para o campo. Q u e até ali não tinha falado com o exemplares em 1974. artesanato. depois meia hora de "atividade livre".Brasileno! Q u e bueno! Entonces ziam as obras estrangeiras. secundária básica. O livro. sem a menor cerimônia. interior da província de Havana. de Bernardo Bertolucci. Imediatamente mudou de idioma. Fidel Castro prometeu que. tencem à Humanidade.Cuba . Das oficinas de trabalho da Escola Vocacional de Havana saem anualmente 30 computadores eletrônicos de terceira geração. Na Universidade.mm P I I Ü I l I I i V I V A LA AMISTAD CUBANO SOVIETICAI | f f f f l f f l l ^ 3ATOCTBYET K Y 6 M H 0 . dividida assim: pré-escolar. "o . charutos. até 1980.Roberto Carlos es un negro? Cuba trazia a inscrição: "Permitida a Ficou um pouco decepcionado c o m reprodução total ou parcial em qualquer a resposta. sem reclamar. já mais animado: Q u e r dizer. durante visita a Cuba. Jansobreviver sem trabalhar. tou-se do coro. inaugurada em fevereiro de 1974 por Leonid Brezhnev.Sí. E é esse encontro que podemos ouvir através da janela de Augusto. São 98 mil metros quadrados de área construída. na cidadezinha de Sati Antonio de los Banos. e m 30 blocos.Extranjero? . Cuba: sol. universitária. que Cuba km de Havana. 4 anos. eles simplesmente tradu. conhece quase de cor os detamos cubanos. todas as escolas no campo terão sido pagas com a produção de cítricos dos alunos (um técnico daquele Ministério calcula que 10 hectares de cítricos bem cuidados podem render até 8 milhões de cruzeiros no mercado inter- nacional). compra. arados. o Instituto Digo que não." assunto e continuou: Entre as obras "fuziladas". o universitário é obrigado a dar meio eríodo de seu dia num centro de trabaPho ligado à carreira que vai seguir: os futuros médicos. um jovem levancomprados de distribuidores europeus. No mesmo instante. é claro. a indústria editorial . c o m base no princípio de associar a formação d o jovem ao trabalho produtivo. diariamente. ou vice-versa. de Stanley Kubrick.Tratam a gente como se não fôsse.braço . portanEle parou um segundinho.Lleve a Brasil. cantou para mim meia dúzia de A censura não permite a exibição de músicas populares cubanas: Siboney. para uma entrevista. como acá en baseia-se e m conhecimentos que per. de Mário um show. a Biblioteca Nacional é rica: tem Cuba.No. o mas pra eles mesmos: a lei proíbe a vadiagem. Ele me levou para um lado.Absolverá. best-sellers nada revo. Os livros didáticos primeiro-ministro. onde os esperam tratores. Sobre isso. tomou o microfone e me chegam a cuba filmes americanos. 200 rádios de 3 faixas de onda e cerca de 100 mil pilhas secas. 60 anos de dependência norte-americana. da lhes do Tratado de Itaipu. brasi. divisas no valor de 7. •••••wttaiaa ca Simón Bolívar. orientados por técnicos do Instituto Nacional da Reforma Agrária. M a s a fórmula já está sendo implantada e m Havana também. praias. U m coral. As 7h30. mas inimigos do povo. Mostra-se informado sobre a conpara encontrar trabalho: versa do presidente Geisel. Mas durante os dias em que estive no país.250 rapazes e moças do 7? ao 99 graus saem para o campo. aconteceu a grande virada nos conceitos tradicionais de educação. Terminado o curso. futebol. que pessoalmente Cubano do Livro editou 34 milhões de não.primeira nem segunda vez que ouvia tros de trabalho e sindicatos. Numa espécie de estágio. O aluno é igualmente obrigado a dar 15 horas de trabalho produtivo por semana .trico de Havana.600 jovens.disse-me timidamente: uma estudante universitária. os que tentam informação que têm sobre o Brasil. também. mais de 500 mil volumes. química e biologia foram fornecidos pela União Soviética. A o meio-dia. Seus 72 laboratórios d e física. dentro de no máximo 10 anos. embora o tivesse vis(23 milhões de exemplares em 74) são to duas vezes nas ruas de Havana." E assim. durante uma hora: beisebol.COBETC^fl flPYWBW Até 1959. E a multiplicação das escolas no campo fez surgir um item novo nas estatísticas da agricultura cubana: produção de cítricos e hortaliças. o governo baixou lei proibindo o trabalho r e m u n e r a d o aos menores de 17 anos.C o m o és Brasil? mudar o nome de seu rum para Havana Digo que é muito parecido c o m Club. sem pagar podemos hablar un poco de Brasil? direito autoral a ninguém. jantar. 1 hora e meia de estudo individual. e de "fuzilamento" também: uma empre. o povo chama-o jocosamente de pajarito (passarinho). tomou to. volibol. na Escola Vocacional Lênin.500 Levantou-se e foi embora. o diretor da Secundária Básica Simón Bolívar. U m funcionário do Insti. povo fisicamente muiPara publicar as obras sem pagar to parecido com o cubano. colhedeiras. co artista brasileiro que ele conhecia. todo o mundo se encontra no refeitório. o autor .de todos os nossos ministros. notou-se que o aproveitamento dos alunos era bem superior ao de seus colegas das cidades. nos hospitais. E isso acaba criando proble. o estudante continua em regime de trabalho-estudo. Daqui a uma hora. pertence à Humanidade. desde o 1 9 ano. primária. as prateleiras são pobres em tí. em compensa.5 milhões de cruzeiros. Durante anos.rumba e merengue. Aproxima-se de nos dão respostas simplistas: mim um preto jovem e pergunta. filmes "contra-revolucionários". A partir daí. e às 10: cama! O Ministério da Educação acredita que. uma moça me apresenta tinha ido me receber no aeroporto. basquete. todas as escolas secundárias serão transferidas para o campo. todos os centros de trabalho. meio .tro. pulverizadores de herbicida. E na rua é Passeio pelas vitrinas de souvenirs. a maior parte dos títulos falam em popular em Cuba. os agrônomos. mucha gente. a e 4 a 7 anos. Esse tipo de estabelecimento dè ensino começou a ser experimentado em 1966. e me estende: tuto do Livro explica que.c o m um grupo de atores a respeito de mos revolucionários. toda obra produzida em . da coragem e perguntou duma vez: mesma forma. ouvi estudantes nas Universidades de Havana e de Oriente. quando o Ministério da Educação instituiu uma escola secundária (do 7? ao 10" grau).emocionou com a música de despedida: leiros ou de qualquer outro país partici. ou de Ultimo Tango em Paris. Até que. Também saem dali.Amada Amante de Roberto Carlos. o n d e estudam e trabalham 4.Isso nao existe e m Cuba . que recla.c o m alguns livros embaixo do sa da Jamaica registrou a marca interna. Q u a n d o eu já não existe restrição quanto à origem: me preparava para sair. mas encontrei. a 300 feiticeiro: o rum Bacardi. Alguns dias antes. passou a dar resultados mais concretos à medida em que eles passaram a produzir.Usted conoce Fidel? das ou escritas por cubanos. nas conversas formais.Sí. E que há 1. a 970 quilômetros de distância. escrito em 1953 por Fidel Castulos expostos. fui homenageado com lucionários. Agora a dependência é russa. franceses e japoneses. N o bar do tando uma noite c o m o diplomata q u e Hotel Nacional. 2 anos. ° O homossexual é tratado. cada uma com 500 estudantes.Hay gente negra en Brasil? vam: " A o escrever um livro. 6 anos. em Matanzas (a província onde se deu a invasão da Baía dos Porcos). As exportações de bolas e luvas de beisebol fabricadas na Escola Vocacional deram aCuba.Ah. o recémformado é destacado pelo Ministério do Trabalho para exercer sua profissão onde o governo considerar necessário.foram inteiramente construídos pelos alunos.falar e m Roberto ICarios. natação. como um indivíduo "anti-social desprezível". do brasileiro Leon Hirzmann.os primeiros computadores cubanos . os alunos . mas Guantanamera e outras.espanto-me c o m o que ele sabe sobre ma das dificuldades do homossexual até nós. dizendo recentemente. fim da minha visita ao Hospital Psiquiápor 20 cruzeiros. es un recuerdo de ção. Nas livra. foi vítima quinho no jardim de inverno do hotel. . pré-universitária. Das 7 às 8. Pablo. Segundo o diretor da escola. O ritmo de trabalho é intenso: o jovem levanta às 6 da manhã e durante o café já ouve as principais notícias nacionais e internacionais (que um colega lê do jornal Granma através de alto-falantes espalhados pelo refeitório). atletismo. Hoje existem 150 escolas no campo. ouviram falar de Laranja Mecânica. o feitiço virou contra o que era mecânico em Santa Clara. internos. pelas mãos dos estudantes. . componentes soviéticos. E ele. rum. foram suficientes para pagar todos os gastos da escola em um ano (cada aluno secundário no campo custa ao Estado 6 mil cruzeiros por ano). Poucos cubanos. formado pelos Puzzo.respondo. A o fim de alguns anos de funcionamento dessas escolas. as autoridades tiveram uma surpresa: 500 hectares de cítricos colhidos pelos estudantes. Só que.c o m a diferença. cen. os 250 alunos do 8 ? e do 109 graus entram nas salas de aula. os engenheiros. . no temas políticos. os dirigentes justifica. é marginalizado. Mas quando um homossexual dezinha. para a prática obrigatória de esportes. no campo. discos de Mulheres homossexuais? Os cuba. Muitos me disseram que a vontade do recémformado de trabalho neste ou aquele lugar é respeitada. caminhamos até um banexportava para vários países. sabe os nomes revolução. a e que na Escola Vocacional esta atividade é dirigida exclusivamente a setores científicos e técnicos.e m regime de semi-internato dedicavam meio período às aulas e meio ao trabalho no campo. como se não fôsse. e vendidos no mercado internacional.

visão STO DE 1975 Cri 6. .'Página34 HOMEM DE VISÃO 75 Edição fac-similar realizada nas oficinas gráficas da Imprensa Oficial do Estado de São Paulo. j u n h o de 2010.00 HenryMaksoud."Idi Amin dalmprensa Brasileira'.