You are on page 1of 4

Observação de visitantes florais em inflorescência de Bromelia balansae Mez.

(Bromeliaceae), em uma área no Sítio Duas Irmãs, Córrego Padre Inácio, Cáceres-MT
Lauriane Tossué da Silva¹; Gilcivana Pereira de Souza²; Maria Antonia Carniello³

RESUMO: (Observação de visitantes florais em inflorescência de Bromelia balansae
Mez. (Bromeliaceae), em uma área no Sítio Duas Irmãs, Córrego Padre Inácio, CáceresMT). Foi observada a presença e freqüência dos visitantes florais em Bromelia balansae. A observação dos visitantes florais foram registrados por observações naturalísticas. A espécie foi visitada por abelhas, borboletas, formigas e beija-flores. Pode ser observado que, Bromelia balansae é uma espécie com características típicas de ornitofilia, sendo o beija-flor como um visitante mais efetivo, devido sua alta freqüência na inflorescência. Palavra-chave: visitantes florais, Bromelia balansae, beija-flores.

Introdução
A família Bromeliaceae Juss. possui 3010 espécies distribuídas em 56 gêneros,(Luther, 2004 apud Moreira et al. 2006). Na aula campo destinado para a observação de visitantes florais, fomos orientadas a observar a espécie Bromelia balansae. Segundo BARBOSA-FILHO e ARAÚJO (2007) Bromelia balansae é uma espécie que ocorre em todo o Pantanal e Cerrado. A ornitofilia é a síndrome de polinização em Bromeliaceae (Martinelli 1997, Machado & Semir 2006).
__________________________________ (¹) Acadêmicas do 6º semestre de Ciências Biológicas
da Universidade do Estado de Mato Grosso. (²) Acadêmicas do 6º semestre de Ciências Biológicas da Acadêmicas do 6º semestre de Ciências Biológicas Da Universidade do Estado de Mato Grosso. (³) Prof. Drª. e pesquisadora em Botânica da Universidade do Estado de Mato Grosso.

Sick (1984) sugere que a diversidade das famílias Bromeliaceae e Trochilidae- família dos beija-florestenha se processado paralelamente, pois esta última contém os agentes polinizadores mais importantes para as bromélias. O presente trabalho tem como objetivo a observação da presença e freqüência dos visitantes florais em Bromelia balansae.

Área de estudo

MATERIAL E MÉTODOS

O trabalho foi realizado em um pequeno fragmento de mata que faz contato com a pastagem (fig. 1), no Sítio Duas Irmãs, Córrego Padre Inácio, Cáceres – MT, à beira da BR 070 (Cáceres - Bolívia), e tem como ponto de

Para a análise do comportamento dos visitantes as observações tiveram registros fotográficos. pousavam em um galho de algumas tabocas que estavam bem próxima dali. permaneciam na flor por 26 segundos. abelhas de coloração marrom claro. recoberto por brácteas que são vistosa.referência 16º 03`47. seu corpo tocava grade parte das anteras da flor e logo em seguida ela se direcionava até a base da flor (fig. colocava a cabeça dentro e fora da flor . freqüência e o tempo de cada visita durante o período das 6h50 às 16h30.2). Das 11h23 às 13h07 foi observada a presença de uma abelha de cor preta. As borboletas pousavam nas flores com antese completa. exceto as formigas e os beija-flores que se manteve constante na flor. A abelha de cor preta pousava sobre a inflorescência.7” W. dos beija-flores e formigas. caminhando por entre as folhas e a inflorescência. As abelhas de coloração marrom sobrevoavam as flores basais e as próximas do ápice da inflorescência.6” S e 057º 49`29. com antese incompleta. e com as patas dianteiras e a cabeça fazia o movimento de vai-e-vem. borboletas de coloração amarelada e esverdeada e beijaflores. pairava na frente da flor e introduziam o bico por entre a abertura das pétalas. Figura 1 – Pequeno fragmento de mata que faz contato com a pastagem no Sítio Duas Irmãs. Durante o período das 7h50 as presenças dos visitantes relacionados acima foram estáveis até as 11h23. Os beija-flores antes de visitar a inflorescência. Depois de observar. parecia estar primeiro observando o local devido a nossa presença (fig.fazia este movimento aproximadamente seis vezes. Foi observada uma única inflorescência da espécie Bromelia balansae de acordo com a aula proposta. Visitantes florais – Por volta das 7h30 foram registrados os primeiros visitantes que incluíam: formigas. sustentada por um eixo caulinar. . As observações foram feitas no dia 06 de novembro de 2010. As folhas se dispõem espiraladamente. RESULTADOS A planta – A inflorescência de Bromelia balansae é terminal. 3). espinescentes e de forma imbricada formando uma roseta. brilhantes e coloridas. foram anotados todos os visitantes florais. As formigas estiveram presentes na bromélia durante todo o período observado.

imediatamente à abelha a espantou e nenhum outro visitante se aproximou durante o período em que ela estava na inflorescência. CONSIDERAÇÕES FINAIS Tratou-se de um trabalho que teve duração de aproximadamente 9h. A. M. Pode ser observado que. 2006. DISCUSSÃO Bromeliaceae está entre as poucas famílias de plantas em que a polinização por vertebrados predomina sobre a entomofilia. ausência de odor. . M.. L. formigas e beija-flores. BROMÉLIAS: IMPORTÂNCIA ECOLÓGICA E DIVERSIDADE. Pode ser observado que Bromelia balansae é uma espécie com características típicas de ornitofilia. Do período das 13h07 às 16h30 foi observado somente a presença das borboletas. TAXONOMIA E MORFOLOGIA.Curso de Capacitação de Monitores . V. G. devido sua alta freqüência na inflorescência do período a qual pudemos observar. o visitante possui vida diurna.Estágio de Docência. WANDERLEY. sendo que espécies desta família são importante fonte de néctar para beija-flores Barbosa-Filho & Araújo (2007). grande consumidor de néctar. bico forte. E os beija-flores foram considerados como os visitantes florais mais efetivos da espécie Bromelia balansae. Pós-graduação do Instituto de Botânica de São Paulo . Figura 2 – Beija-flor pousando em um galho antes de visitar a inflorescência de Bromélia balansae. & CRUZ-BARROS.À medida que o dia estava entardecendo as visitas começaram a diminuir. enquanto a abelha visitava a inflorescência aproximou-se uma borboleta. B. BIBLIOGRAFIA MOREIRA. Figura 3 – Abelha pousando sobre inflorescência e se direcionando até a base da flor.. A. Dentre essas características destacam-se: flores de cores vivas (vermelha).

W. 1984.. Fenologia da floração e biologia floral de bromeliáceas ornitófilas de uma área da Mata Atlântica do Sudeste brasileiro. Biologia reprodutiva de Bromeliaceae na Reserva Ecológica de Macaé de Cima. eds).G. 1997. MARTINELLI.2006.C. & SEMIR. Rio de Janeiro. Revista Brasileira de Botânica. MACHADO. J. SICK. EFICIÊNCIA DE POLINIZAÇÃO E BIOLOGIA REPRODUTIVA DE BROMELIA BALANSAE MEZ (BROMELIACEAE) EM UM FRAGMENTO DE CERRADO.. 2007..213-250. & ARAUJO.Braslia: Universidade de Braslia. H. 29:163-174.G. In Serra de Macaé de Cima: Diversidade florística e conservação em Mata Atlântica (H. SEB. .C. Coxambu – MG.R. Ornitologia brasileira: uma introdução. Guedes-Bruni.BARBOSA-FILHO. C. G. A. Lima & R. p. Jardim Botânico do Rio de Janeiro. MATO GROSSO DO SUL.