XXI Congresso da Associação Nacional de Pesquisa e Pós -Graduação em Música - Uberlândia - 2011

Traços Interpretativos de Helcio Milito
Lucas Baptista Casacio
Universidade Estadual de Campinas – lucascasacio@gmail.com Fernando Augusto de Almeida Hashimoto Universidade Estadual de Campinas – fernando@fernandohashimoto.com

Resumo: Este artigo tem como objetivo investigar a peculiar interpretação musical do baterista brasileiro Helcio Milito (n.1931), intencionando identificar traços característicos de interpretação que definam seu idiomatismo musical. Nes te trabalho, a partir da gravação da música Minha Saudade , de João Donato, realizada no ano de 1962 pelo Tamba Trio, serão analisadas sucintamente questões técnicas referente ao estilo interpretativo de Milito. Palavras-Chave: Helcio Milito, bateria, percussão, estudo interpretativo.

Interpretati ve Features of Helcio Milito Abstract: This article has as goal to investigate the peculiar musical interpretation of the Brazilian drummer Helcio Milito (b.1931) aiming to identify characteristic interpretative features which can define his musical idiom. In this paper, based on the analysis of the song Minha Saudade , by João Donato, recorded in 1962 by Tamba Trio, it will be analyzed sharply technical questions related to the Milito’s interpretative style. Keywords: Helcio Milito, drum-set, percussion, interpretative study.

Introdução Podemos dizer que existe uma questão recorrente com relação à possível continuação de uma linguagem característica iniciada com o baterista Luciano Perrone (19082001), e a considerada dispersão causada por Edison Machado (1934-1990), o qual é considerado por alguns críticos como um “americanizador” da maneira “genuína” de interpretação da bateria no Brasil. Mas onde estariam os outros bateristas contemporâneos à este atrito entre os paradigmas Perrone e Machado? Helcio Milito se encontra justamente nesse ponto crítico. Reconhecido por sua atuação na bossa nova e por sua originalidade artística, Milito demonstra em suas atuações traços destes dois conceitos interpretativos, os quais se fundem e podem ser detectados, num segundo momento, em sua maneira peculiar de interpretação na bateria. O paulistano Helcio Milito é muito celebrado por seu trabalho, principalmente com relação ao seu bom gosto ao usar vassourinhas ao invés de baquetas normais. Foi um dos primeiros músicos brasileiros a tocar em um grupo norte-americano de jazz ortodoxo, o Mitchell-Ruff Duo, com quem percorreu o Canadá e universidades norte-americanas, na década de 1960. Trabalhou com importantes nomes no cenário musical como Sammy Davis

A Tamba. ao lado dos músicos Luiz Eça e Bebeto Castilho (SOUZA. três tambores e dois bambus. durante as três décadas de sua atuação. Embora a instrumentação do Tamba Trio tenha uma formação característica dos trios formado por piano. exceto em alguns trechos dos arranjos”. Astrud Gilberto. bateria (ou tamba).Uberlândia . contrabaixo. que em tupi-guarani significa concha (TIBIRIÇA. Don Costa. o Tamba Trio leva o nome do instrumento de percussão – na verdade uma bateria alterada – criado por Milito. baixo e bateria. caixa-clara. tamba. raramente. violão e posteriormente na década de 1970 sintetizadores e até guitarras elétricas. bem como por várias fases de diferentes vertentes estéticas e culminando com o experimentalismo. devido às tecnologias de gravação. saxofone. 2009). João Gilberto. muitas vezes esta instrumentação era alterada. Na gravação de Minha Saudade. é um instrumento musical formado por quatro frigideiras. A composição é feita sobre uma estrutura bastante comum para a música popular. Porém o trabalho mais marcante de Milito foi sua atuação como membro fundador do Tamba Trio. e gravada em 1962 no álbum de estréia do Tamba Trio. 1997). Como aponta Signori (2009). executada pelo contrabaixista Bebeto Castilho. o Tamba Trio utiliza-se desta tecnologia e adiciona a flauta. AABA. incluindo a substituição. de João Donato. Stan Getz.XXI Congresso da Associação Nacional de Pesquisa e Pós -Graduação em Música . em dois por quatro. obtendo desta forma uma sonoridade de quarteto. Quincy Jones. O Tamba Trio foi marcado. do próprio Milito pelo baterista Rubens Ohana. por um período. Milton Nascimento. Antonio Carlos Jobim. Criado em 1962.2011 Jr. Minha Saudade Minha Saudade foi composta por João Donato. gravada no LP Tamba Trio (1962). Duke Ellington. o trio soe como um trio de piano. Tony Bennett. Gil Evans. por inúmeras mudanças em sua formação. “o fato do grupo utilizar com frequência o recurso de overdubbing e os vocais. adicionando-se flauta (mais frequentemente). Wes Montgomery entre outros. faz com que. . Luis Bonfá. onde cada parte tem o mesmo número de compassos (oito). Desta forma o presente trabalho tem como foco investigar a interpretação do músico Helcio Milito no contexto do Tamba Trio. Este estudo será realizado a partir de análises sobre a gravação da composição Minha Saudade. que consiste em uma composição de 32 compassos dividida em quatro partes.

2011 Traços Interpretativos na execução de Milito Podemos afirmar que a performance na bateria nesta gravação possui uma maneira bastante peculiar e característica da execução de Helcio Milito. Uma vez que o trabalho de Helcio é muito admirado por sua forma de utilizar as vassourinhas (brushes ou escovinhas). embora o fizesse quando necessário (MILITO. sendo que a terceira linha do pentagrama de cima é referente à mão direita enquanto a quarta linha é referente à mão esquerda. Figura 1: notação da bateria O uso de vassouras passou a ser muito popular no período da bossa nova. devido à sua pouca intensidade sonora. Outro fator que o motivou a usar estas baquetas foi a influência exercida por grupos de jazz norte-americanos oriundos do movimento West Coast da década de 1950 (HOBSBAWM. onde no pentagrama de baixo encontram-se escritas as notas que devem ser tocadas pelos pés (bumbo e chimbal) enquanto no pentagrama de cima as notas relacionadas com as mãos. Foram utilizadas também duas linhas do mesmo pentagrama para a escrita da caixa. utilizando sempre as vassouras. Alguns autores citam como um possível fator a influência do músico João Gilberto (GARCIA. Porém a forma como Milito executa suas vassouras difere dos músicos norteamericanos. A partir do modelo norte-americano. no qual ambas as mãos são tocadas na .XXI Congresso da Associação Nacional de Pesquisa e Pós -Graduação em Música . 2010). 1999). Neste ponto estudaremos algumas características estilísticas do idiomatismo de Milito enquanto baterista. Importante notar que até a década de 1970 o músico ainda não havia utilizado o instrumento Tamba em estúdios de gravações. Helcio relata em entrevista ao autor. conforme mostra a Figura 1. como o Modern Jazz Quartet e especialmente a influência do baterista Kenny Clarke. uma vez que não gostava de tocar com muito volume. deste modo nesta faixa ele utilizou apenas a bateria. que sua preferência pelas vassouras também partiu desta característica timbrística. a utilização deste tipo de baqueta será a primeira das características a ser apontada.Uberlândia . 1989). Para maior clareza e assim facilitar a visualização será utilizado um sistema com dois pentagramas.

1994) A condução característica de Milito consiste em dois padrões distintos de semicolcheias.XXI Congresso da Associação Nacional de Pesquisa e Pós -Graduação em Música . sendo que a mão direita executa células rítmicas da condução do jazz e acentos de comping. conforme demonstra a Figura 2 (RILEY. primordialmente o samba. 1994). Neste movimento. ambos executados basicamente na caixa. Ainda neste movimento da mão esquerda é feito um leve acento na terceira semicolcheia.2011 caixa. Helcio adapta o uso das vassouras às conduções de ritmos brasileiros. Os números 1. . 2003). influenciado pela estética da bossa nova. em que a vassoura “varre” a pele da caixa da direita para a esquerda em movimentos de ida e volta. Figura 2: condução de vassouras no jazz (extraído de RILEY. Esse movimento de varrer lateralmente a caixa com golpes rápidos é chamado por CAMERON (2007) de “staccato sweep”. Com a mão esquerda são realizados movimentos laterais.Uberlândia . 3 e 4 se referem às semicolcheias. Figura 3: movimento de mão esquerda. 2. e não circulares como no jazz. o que produz uma sonoridade contínua que emula o som produzido por instrumentos de percussão como. enquanto a esquerda “escova” a pele do instrumento em movimentos circulares . sendo um para cada uma das mãos. as primeiras e terceiras notas de cada grupo de quatro semicolcheias são executadas perto do aro do tambor enquanto as segundas e as quartas notas são executadas mais perto do centro do tambor (conforme as Figuras 3 e 4). o ganzá ou o reco-reco (BOLÂO. por exemplo.

2. e sim a percute com uma sequência de toques contínuos. tocando todas as oito semicolcheias do compasso (Figuras 5 e 6). Os números 1. condução contínua de semicolcheias (representada com “x”). Figura 7: mão direita com acentos (extraído dos compassos 9 e 10 de Minha Saudade ) Estes acentos podem ter basicamente dois níveis diferentes de volume: acento com volume menos elevado. em que as cerdas tocam junto com o cabo da vassoura (produzindo um som semelhante ao rimshot tradicional). Temos então basicamente três níveis de dinâmica para a execução da mão direita: 1. e um acento com grande volume. 3. rimshot (nota com >).Uberlândia . acento com auxilio do cabo da vassoura. 3 e 4 se referem às semicolcheias de cada tempo Figura 6: padrão de vassouras na mão direita sem acentos Os toques da mão direita são alternados em notas acentuadas e não acentuadas conforme a célula rítmica que o músico pretende executar (Figura 7).2011 Figura 4: padrão de vassouras da mão esquerda Quanto à execução da mão direita. bem como a responsável pela dinâmica do instrumento. Desta forma. 2. Quanto à mão esquerda há basicamente apenas o acento na terceira semicolcheia. que pode ser executado apenas com as cerdas da vassoura. acento executado apenas com as cerdas da vassoura (cabeça de nota simples). Milito faz também um padrão baseado em semicolcheias. a mão direita acaba sendo a responsável pela execução das células rítmicas feitas durante as conduções de Milito. Existe uma hierarquia . Figura 5: movimento da mão direita. como ocorre na mão esquerda. porém a vassoura não varre a pele.XXI Congresso da Associação Nacional de Pesquisa e Pós -Graduação em Música .

segundo Bolão (2003).2011 dinâmica entre as duas mãos. se assemelha a execução das notas graves de conduções de samba no pandeiro. o músico executa um padrão. como evidenciado em inúmeros momentos na gravação. uma vez que o som produzido pela mão direita tem maior potencial de volume que o da esquerda.Uberlândia . Outra característica interpretativa de Milito está relacionada com sua forma de execução com os pés (bumbo e chimbal). Os compassos abaixo são referentes à execução na primeira exposição da parte A de Minha Saudade. quase como um ostinato rítmico. Figura 9: “levada” completa de vassouras de Helcio Milito (compassos 9 ao 16) Ainda com relação à execução dos pés. Consiste em tocar no bumbo o ritmo de colcheia pontuada e semicolcheia. Trata-se dos ataques que faz. correspondente aos compassos de 9 a 16. . através do toque simultâneo de bumbo e chimbal. que se tornou bastante comum aos bateristas a partir da década de 1950. temos a célula que se tornou padrão na execução dos pés para o ritmo de samba. onde encontramos os elementos citados anteriormente que evidenciam o idiomatismo de Milito. A transcrição mostrada na Figura 10 exemplifica a utilização deste recurso. Milito apresenta uma peculiaridade que merece destaque. enquanto o chimbal toca a colcheia no contra tempo. Figura 8: padrão de samba para os pés executado na bateria Na Figura 9 vemos a transcrição de um trecho de Minha Saudade. Unindo os dois instrumentos na mesma figura rítmica (Figura 8). Durante a condução de seus padrões rítmicos de samba. O ritmo do bumbo nesta célula. em convenção com a banda.XXI Congresso da Associação Nacional de Pesquisa e Pós -Graduação em Música .

“o som produzido pelo bumbo e o chimbal tem maior projeção que o produzido por prato [percutido com a vassoura] e o bumbo”. Porém não há a execução contínua de todas as semicolcheias do compasso.XXI Congresso da Associação Nacional de Pesquisa e Pós -Graduação em Música . . como na caixa. Segundo Milito (2010). tanto pelo timbre do instrumento quanto pelas células rítmicas nele tocadas. Com este instrumento adicionado ao seu set. A técnica utilizada por Milito neste instrumento é semelhante à técnica de vassoura da mão direita descrita anteriormente. A primeira utilização deste recurso acontece durante a execução da primeira exposição da parte B (compasso 24 ao 30). Milito utiliza-se deste recurso por duas vezes no decorrer de Minha Saudade. e a segunda vez na última exposição da melodia da parte A. Há ainda um importante ponto a ser levantado sobre a interpretação de Milito que diz respeito à utilização do cowbell em suas execuções. as quais eram somente acentuadas na execução na caixa. sendo este ultimo um recurso mais recorrente dos bateristas neste tipo de situação. Figura 11: trecho de Minha Saudade com execução do cowbell (compassos 24 ao 30). sua intenção foi realçar as mudanças entre as seções da música.2011 Figura 10: ataques de bumbo e chimbal (compassos 65 ao 72) Esta característica foi apontada pelo próprio Milito como um recurso por ele utilizado para obter maior pressão sonora nestes ataques quando a bateria é tocada com vassouras. principalmente fazendo uso das vassouras. A forma como Milito utiliza este recurso na gravação remete à execução de um tamborim. Na Figura 11 o cowbell aparece indicado com a cabeça de nota grafada em triângulo. sendo que são executadas somente as notas que caracterizam as células rítmicas. o músico passa a ter um novo elemento timbrístico.Uberlândia . após os solos de piano e flauta (compassos 89 ao 96).

uma vez que tais recursos podem ser encontrados com bastante frequência ao longo de sua carreira como baterista. LP Tamba Trio – faixa “Minha Saudade”. foram identificados os seguintes recursos técnicos utilizados pelo músico: 1. Luiz Caldas. 1989. SOUZA. Ed Carl Fisher. Batuque é um Privilégio. SIGNORI. Luiz.XXI Congresso da Associação Nacional de Pesquisa e Pós -Graduação em Música . acentuações rítmicas de bumbo e o chimbal em convenção com a banda. São Paulo: Editora Paz e Terra. CAMERON. Walter. 2ª ed. Casacio: Rio de Janeiro.2011 Considerações Finais Na performance de Helcio Milito em Minha Saudade. Bebeto. Paulo Cesar. 2009. padrões de samba nos pés. principalmente dentro do contexto das gravações do Tamba Trio. HOBSBAWM. EÇA. The Art of Bop Drumming. Helcio. Junho de 2010. utilização do cowbell como um recurso timbristico que remete ao samba. NY. 3. Ed Warner. Desta forma. 1962. História Social do Jazz.. 4. TIBIRIÇA. podemos afirmar que tais recursos técnicos são alguns dos elementos constituintes dos traços característicos de interpretação musical de Milito. Rio de Janeiro. 2007. Campinas – SP. Entrevistado por Lucas B. Tamba Trio: A trajetória histórica do grupo e análise de obras gravadas entre 1962-1964. Instituto de Artes. Bim Bom: a contradição se conflito de João Gilberto. São Paulo: Editora Paz e Terra. In: CD Tamba trio classic. 1994. MILITO. Philips. Dissertação mestrado em música Universidade Estadual de Campinas. 1997. GARCIA. 2. Brushworks. Helcio. Clayton. Tárik. Referências BOLÃO. CASTILHO. Polygram. Rio de Janeiro: Editora Lumiar. Eric J. RILEY. padrões de conduções distintas de semicolcheia para a mão direita e para a mão esquerda. 2009. Oscar. MILITO.Uberlândia . 2003. São Paulo: Editora Traço. . 1999. John. Dicionário Guarani Português.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful