You are on page 1of 8

LOJAS AKI

Quinta da Verdelha E.N.10 Alverca Park Alverca do Ribatejo 2610-501 Alverca
tel. +351 219 936 700 fax. +351 219 936 706

Lugar da Barrosa Santa Marinha 4400 Vila Nova de Gaia
tel. +351 223 773 120 fax. +351 223 773 126

CityPark Pena el - Loja A Rua do Tapadinho - Guilhufe 4560-163 Pena el
tel. +351 255 729 150 fax. +351 255 729 156

AKI Aveiro

Retail Park Aveiro , Lj. A e A1 Zona Industrial da Taboeira 3800-055 Aveiro
tel. +351 234 305 380 fax. +351 234 305 386

AKI Guarda
Guarda Retail Park VICEG – Quinta da Várzea 6300-653 Guarda
tel. +351 271 210 810 fax. +351 271 210 816

AKI Portimão
Retail Park de Portimão - Loja B Vale de Arrancada, Chão das Donas 8500-473 Portimão
tel. +351 282 490 220 fax. +351 282 490 226

MADEIRAS

AKI Alverca

AKI Gaia

AKI Pena el

ISOLAR PAREDES E PAVIMENTOS
Saiba como isolar paredes e pavimentos.

AKI Braga

Vale de Lamaçães Lugar de Bretas 4700 Braga

AKI Guimarães
Rua Capitão Salgueiro Maia Silvares 4835-604 Guimarães
Tel. +351 253 439 020 Fax. +351 253 439 026

AKI Porto
Estrada da Circunvalação, 13941-75 4100 Porto
tel. +351 226 165 860 fax. +351 226 165 866

tel. +351 253 240 080 fax. +351 253 240 086

AKI Caldas da Rainha

City Park Caldas da Rainha Av. Infante Dom Henrique 2500-918 Caldas da Rainha
tel. +351 262 889 680 fax. +351 262 889 686

AKI Santarém
Santarém Retail Park Quinta das Cegonhas, Rua O - Parque CNEMA 2000-471 Santarém
tel. +351 243 303 150 fax. +351 243 303 156

AKI Leiria
Quinta do Pisão Parceiros 2400-473 Leiria
tel. +351 244 850 650 fax. +351 244 850 656

AKI Cascais

Estrada Nacional N9 2645-544 Alcabideche
tel. +351 214 608 620 fax. +351 214 608 626

Lisboa - AKI Colombo
CC. Colombo, Lj. A003 Av. Lusíada 1500-392 Lisboa
tel. +351 217 110 750 fax. +351 217 110 756

AKI Setúbal
Azeda de Baixo São Sebastião 2900-411 Setúbal
tel. +351 265 528 470 fax. +351 265 528 476

AKI Coimbra

CC. Dolce Vita - Euro Stadium Loja 10 Stº António dos Olivais 3030-397 Coimbra
tel. +351 239 793 050 fax. +351 239 793 056

Lisboa - AKI Expo
Av. de Berlim, 10 1800-038 Lisboa
tel. +351 218 540 880 fax. +351 218 540 886

AKI Torres Vedras
Bairro de Arenes S. Pedro 2560-628 Torres Vedras
tel. +351 261 339 140 fax. +351 261 339 146

AKI Évora

Quinta do Alcaide S. José da Ponte 7005-312 Évora

tel. +351 266 780 100 fax. +351 266 780 106

Lisboa - AKI Telheiras
CC. Continente, Lj. 41 Av. das Nações Unidas 1600-528 Lisboa
tel. +351 217 112 410 fax. +351 217 112 416

AKI Viana do Castelo
Estrada Nacional 203 Lugar da Estação 4935-238 Darque, Viana do Castelo
tel. +351 258 359 120 fax. +3351 258 359 126

AKI Faro

Faro Shopping Estrada Nacional 125, km 103 8005-145 Faro
tel. +351 289 870 530 fax. +351 289 870 536

AKI Loures
CC. Continente de Loures, Lj. MS.1 Estrada Nacional N250 Quinta Casal da Pipa 2670 Loures
tel. +351 219 898 920 fax. +351 219 898 926

AKI Funchal

AKI Viseu
Av. da Bélgica E.N. nº 2 - Km 170, 550 3510-159 Viseu
tel. +351 232 427 300 fax. +351 232 427 306

Caminho do Poço Barral, 57 Santo Amaro 9000-157 Funchal
tel. +351 291 724 160 fax. +351 291 724 166

www.aki.pt

Esta propriedade é exque tem por unidade o W/mK (watt por metro pelo grau Kelvin). É o inverso da resistência térmica. Ela não receia nem água nem humidade. A soma Um material isolador é sempre aplicado sobre um material de construção. Outros elementos entram em linha de con- Lã mineral Fabricada à base de areias silicosas. óculos e máscara 1 Isolamento em cálculos Alguns materiais conduzem melhor o calor que outros e os melhores isoladores são pouco condutores. a lã de vidro utiliza-se sobretudo para o isolamento de armações de telhados e paredes. 2 Abertura Estrutura granulada ou em pó A perlite expandida é um material composto por um granulado de células múltiplas. As espumas de poliuretano e de poliestireno. de origem vulcânica tal como a vermiculite contém silicato de alumínio e magnésio expandido. O conhecimento deste dois dados permitirá escolher o material que mais lhe convém. portanto. No entanto é errado pensar que uma dupla espessura de isolador retém uma quantidade dupla de calor. já aplicado sobre o isoMADEIRAS MADEIRAS parede. possível calcular a resistência térmica necessária. Resultante de rochas naturais. A resis tência térmica do conjunto não se limita por materiais utilizados. expandidas. Existem igualmente os painéis de poliestireno revestidos a gesso. Fita métrica Agrafador Fita adesiva Serrote Nível de bolha Régua de alumínio Tesouras Martelo de Carpinteiro Beberquim/ aparafusadora Luvas. Espessura A espessura do material isolador é um fator muito importante: quanto mais espesso for melhor isolará. . são as mais conhecidas. O pára-vapor O pára-vapor (feltro Kraft ou alumínio. Isoladores sintéticos Os isoladores sintéticos são os que mais se encontram disponíveis sob a forma de painéis rígidos. a lã de rocha é preferível para o isolamento de panos de chaminés e para o chão. é a diferença entre a sua espessura (em m) e a sua condutividade térmica. É.FERRAMENTAS Transmissão térmica me a perda súbita de calor deste num metro quadrado por uma diferença de um grau entre a face interna e a face externa. ( ?). A resistência térmica A resistência que um dado material oferece à passagem de calor (ou R: resistência térmica). A lã mineral não é combustível. Coloca -se sobre a face isoladora situada no interior da divisão aquecida.

A largura do espaço intermédio e a espessura do isolador nele colocado. absorvem pouca água. e pelas juntas ascendentes deixadas abertas com espaços regulares. no entanto. se possível ser completamente preenchido. 3 Isolamento das paredes duplas Construção Uma parede dupla compõe-se de duas paredes. mesmo já sendo equipado com isolador. (Além disso. dos “gota de água”: a sua parte curva mantém o painel contra a parede e favorece o escoamento da água. um isolador de 8 a 10 cm colocado num espaço de 10 a 12 cm. As águas das chuvas vés dos elementos e das juntas da parede exterior. o que deveria ser o caso para oferecer um isolamento térmico adequado. O espaço intermédio concentra a humidade proveniente tanto de casa como da rua. o espaço intermédio das paredes duplas só deve ser cheio parcialmente. ou seja as partes não isoladas pelas quais o calor se escapa do local. O ideal será por exemplo. Tal construção tem por objetivo conservar a parede interior completamente seca. É necessário evitar as pontes térmicas. 4 As paredes duplas O poliestireno Na altura da construção podem aplicar-se igualmente painéis de espuma de poliestireno. MADEIRAS Precauções Em princípio. É evidente que um espaço de 6 cm não pode comportar um isolador com espessura superior. MADEIRAS . mas sim da instalação. conservar a sua função principal: não deverá por isso. o poder isolador dos materiais húmidos diminui consideravelmente). Não é necessário duvidar da qualidade do isolador. Uma casa antiga Se por altura da construção. por meio de ganchos e ataduras especiais. ou injetar espuma de poliuretano. são evacuadas pelo avental de chumbo ligado às duas paredes. o espaço entre as duas paredes deve. Os painéis de poliestireno expandido. reno. A lã mineral Na altura da construção da casa é possível aplicar diretamente o material isolador contra a parede interior. Assim. interior e exterior. rosácea de plástico que assegura a sua posição contra a parede interior. compostos por células fechadas (portanto bons isoladores) e de superfície lisa. Espessura As paredes interiores e exteriores das paredes duplas têm geralmente uma espessura de 10 cm e são separadas por um espaço de 5 a 6 cm. São ligados entre eles por um sistema de ranhura e friso. protegendo assim o próprio isolador. necessário enchê-lo por completo na caso de uma habitação já existente. são bem mais importantes que a espessura das próprias paredes. a parede interior só raramente se molha.As pontes térmicas Por vezes os trabalhos de isolamento não oferecem os resultados pretendidos. separadas por um vazio. é.

É necessário igualmente que permita a evaporação da água. encostando-o longo dos painéis permite uma ligação bem estanque ao ar. Permite resolver a maioria dos problemas de isolamento do pavimento e tecto da sua habitação. as paredes duplas inteiramente equipadas com um isolador. A lã mineral Pode escolher aplicar lã mineral contra a parede. Existem 2 possibilidades: isolar as suas paredes quer pelo exterior como pelo interior. Isolamento pelo interior O isolamento utilizado mais frequentemente para paredes maciças é o isolamento pelo interior. são submetidas a carga pesada. O único inconveniente de um isolamento pelo interior é que este não permite isolar o espaço que separa dois andares. Este método oferece igualmente a 6 A dupla divisória O poliestireno rá sobre uma guarnição de madeira (a 10 cm da fachada). deve recorrer a uma técnica de isolamento apropriada. pode colocar uma camada espessa (8 cm) de lã de vidro. uma parede de tijolos. As juntas mite encostar bem os painéis contra o tecto. O isolamento Entre a parede atual e a guarnição de ripas.Propriedades destes materiais permitir a circulação da água por capilaridade e/ou deve ser hidrófugo. Este isolador é porém menos rígido. Precauções Em caso de choque térmico ou de gelo. lã de rocha ou espuma sintética. Coloque as ripas a uma distância constante (em função da largura do parafusos zincados. É a única solução possível para isolar uma construção. O facto do isolador se encontrar no exterior permite limitar ao mínimo os efeitos das pontes térmicas. A colocação Com uma régua plana. reservando um espaço intermédio de 10 cm. à volta da atual fachada. O isolamento exterior é a melhor solução. Renuncie por isso a este tipo de isolamento caso a impermeável (alvenaria não estucada). Aplique uma camada de fundo atrás da guarnição e e a antiga fachada. Distribua pontos de cola nas costas dos painéis antes de os pressionar fortemente contra a parede. sem grandes trabalhos de renovação de alvenaria. Coloque as ripas a uma distância constante (em função da largura do parafusos zincados. cole MADEIRAS . O material isolador da guarnição (parcial) é o mesmo que para a nova construção (lã mineral. por exemplo. MADEIRAS A ALVENARIA Pode também construir. mais baixo (terá de colocar duas alturas) e deve ser solado. colo que o painel no sítio. Adapte portas e janelas. 5 As paredes maciças Isolamento pelo exterior Se as paredes da sua habitação são maciças. A madeira rá sobre uma guarnição de madeira (a 10 cm da fachada). poliestireno). Se estiverem equipados com pára-vapor (no lado quente).

A linha de referência Coloque a régua no chão e desloque-a suavemente ao bater-lhe com o maço até que ela se coloque exactamente sobre a linha. Um método frequentemente utilizado. para não serem atingidos pela humidade. começando por um ângulo. é preferível não utilizar serra eléctrica. Coloque as placas com cuidado. Este recções depois da aplicação. nal. segundo as instruções do fabricante. ou em placas de gesso. Continue com uma colher de pedreiro ou com uma misturadora montada num berbequim eléctrico.5 cm para o gesso cola + largura do painel + largura da régua que utilizar. ou seja compondo-se ao mesmo tempo de painéis de gesso reforçados com um isolador. Deite primeiro a água no balde. 7 Os painéis de isolamento Os painéis compósitos Em vez de um isolamento por dupla divisória. As medidas deve basear-se numa linha de referência. Trace duas marcas à seguinte distância da parede: 1. Trace as linhas verticais com giz ou com um pedaço de gesso. Alinhamento Coloque o nível de bolhas contra a régua. O corte Recorte as placas se necessário (comprimento: altura sob o tecto MADEIRAS evitar lascar o gesso cartonado. Antes do acabamento (tinta ou papel de parede). Saberá assim precisamente onde aplicar o gesso cola para a colocação de cada placa. Espalhe-o em faixas contínuas. encostada verticalmente contra cada painel. Estas são ligadas por meio de uma cola especial. consiste em colar directamente na parede painéis revestidos de gesso (com gesso cola). Antes de colar os painéis. MADEIRAS . as juntas devem ser cheias. O gesso cola Misture o gesso com água na proporção de 3 Kg para um litro de água. trace. que as paredes sejam perfeitamente planas e em razoável bom estado. elimine restos de cimento . A colocação das placas Coloque no chão pequenas cunhas de gesso sobre as quais pochão. Ligue estas marcas entre si. os sítios destinados aos painéis. 8 Os painéis isoladores A aplicação do gesso Aplique o gesso com uma colher de pedreiro. depois o gesso. Para efetuar as correções. É necessário para tal. se necessário. bata ligeiramente na régua com um maço de borracha. pode recorrer aos painéis compósitos. na parede e nas placas. para obter uma primeira mistura. Faça rodar o balde sobre si mesmo. Uma pressão exercida por baixo das placas pode afectar o seu alinhamento: efectue por isso um novo controle. a 5 cm dos bordos e em pontos sob a superfície. Pela mesma razão. A marcação Com um pedaço de painel isolador. para permitir efectuar correcções.A montagem da divisória Uma divisória de duplicação deve agora ser montada sobre o isolador: por exemplo em betão celular (muito largo).

Outra vantagem: disfarça as canalizações 10 Um suporte de divisória o nível de bolhas. Corte primeiro as partes salientes. depois coberto com lambris ou placas de gesso. pode aparafusar directamente os painéis na parede ou sobre uma armação de madeira (descontínua para permitir a circulação do ar). nitivos.Aparafusamento Se a superfície da parede for plana e lisa. se o seu caso. preveja uma folga de alguns milímetros entre os vértices e o tecto. a aproximadamente 10 cm da parede. Deverá substituir um espaço autocolante para armação (isolamento acústico). O método O suporte da divisória será colocado sobre uma guarnição de ripas de madeira. A medida É muito fácil e rápido montar um suporte de divisória sobre per- Uma vez instalada a moldura do suporte de divisória. Fita autocolante de armação MADEIRAS furantes. Isto é desnecessário. ainda. este conduz ao desperdício de calor. introduza-o no lugar e aparafuse-o. e trace a linha assim obtida. uma tesoura de chapa. Este não deve. ticais. no interior desta linha. Pode assim determinar de seguida o local de um correcto alinhamento de todos eles. espa- MADEIRAS . estar em contacto com a parede exterior: se tal acontecer. Este último pode ser impermeabilizado por uma película. A distância entre duas ripas da guarnição será igual à largura de um painel isolador. 9 Um suporte de divisória As paredes húmidas Se as suas paredes são húmidas. não coloque o isolador directamente em contacto com a parede. Aparafusar Se pretender depois colocar azulejos nas placas de gesso. coloque os uma linha no chão. espere pela colocação dos painéis. ticais. Esta Os painéis serão pregados ou aparafusados por cima. Esta solução será ideal no caso da parede de origem ser muito irregular ou inclinada para que seja possível colar por cima painéis isoladores. serre-o com o tamanho correcto. se possível. mas construa um suporte de divisória: cria assim um espaço intermédio entre a parede e o painel isolador.

recorte-os se necessário. Coloque-os a cada 25 cm. Isto tem como vantagem permitir um isolamento regular do pavimento em toda a sua superfície. É certamente interessante isolar um pavimento ao mesmo nível.O acabamento das janelas em “U” devem distanciar 10 cm de cada lado. para que o ar húmido que se condensa não o atra- Sob as traves A melhor solução consiste em aplicar o material por toda a área tilada. . Pregue as placas de 20 em 20 cm. Utilize de preferência um isolador sem pára-vapor. 1 cm suplementar é admissível no comprimento. Esta solução é menos complicada e exige menos trabalho. Se construiu uma guarnição de madeira. lado quente. Se apesar disso for necessário fazê-lo (isolamento não acústico). Estes últimos largura. desde que exista uma caixa de ar. tem de proceder de forma idêntica ao do pavimento de sótãos praticáveis. com a ajuda de uma régua de alumínio. 11 Um suporte de divisória A lã de vidro A lã de vidro existe sob a forma de rolo ou painéis. Tal isolamento pode ser realizado pela parte debaixo (com uma construção já existente). MADEIRAS que colocar as placas de gesso. pode aparafusar ou mesmo pregar as placas. Não cubra por isso. Nas cos- As placas de gesso fusos auto-perfurantes. Os soalhos A espuma de poliestireno e a lã mineral são os melhores materiais para isolar soalhos. salvo se a caixa de ar for húmida: deixe então um espaço livre. pode assim cortar os seus lados salientes e dobrar as extremidades a 90°. sobretudo as grelhas de ventilação. Utilize neste caso um martelo de carpinteiro. As placas ou rolos serão aplicados directamente sobre a madeira. entre as traves ou entre as traves e o soalho. não se isola o pavimento entre os andares. Utilize os painéis correspondentes à espessura dos poder isolador. O corte Recorte-os com uma faca dentada. O pára-vapor Deve equipar o seu suporte de divisória. com um pára-vapor. A película plástica MADEIRAS - Sobre as traves A desmontagem dos soalhos dá a possibilidade de utilizar um outro método de isolamento: o material pode ser colocado por cima. 12 Os pavimentos Em regra geral Em regra geral. O feltro Kraft protegerá a lã mineral da sujidade.

Evite igualmente colocar. coloque uma película de polie- pavimento nem com a canalização. Se - A película protectora Sobre os painéis de isolamento. munidos com uma capa de plástico. igualpainéis. regular. é possível colar-lhe da. terá de escolher entre ladrilhos. É necessário neste caso encurtar as portas e elevar as entradas. O suporte da divisória No caso de um suporte de divisória. A cobertura Sobre esta película. depois revestir todo o soalho com painéis de aglomerado. deve manter o material isolador afastado do betão. a associação da lã mineral e do vazio intermédio assegura um bom isolamento acústico. ou de lã mineral (entre as traves que deverá colocar). CerMADEIRAS MADEIRAS endurecida.O revestimento Para não ter de desmontar o soalho. parquet ou alcatifa. duas caixas elétricas exatamente em simetria uma com a outra. Resulta daí que. cole uma cobertura. água da cobertura entre em contacto com os mesmos. pode também colocar painéis que suportam o peso. nem com outros elementos da construção (deixe um espaço ao longo da parede). 10 Isolamento acústico 14 Lã mineral e poliestireno Ambos são bons isoladores térmicos. Painéis mal ligados são a origem de pontes acústicas que deixam passar o barulho. O conjunto é reforçado com arame. dentro de duas divisões contíguas. por meio de ganchos. bastante duros. isolamentos térmicos e acústicos não obedecem aos mesmo critérios.Os ganchos simples. armada ou não. munidos de entalhes que permitem ligá-los correctamente. Sobre os painéis de poliestireno expandido. Isolar por cima Sobre um pavimento de betão certo. Tratam-se de painéis de poliestireno expandido. 13 O pavimento de betão O isolamento por debaixo Para isolar debaixo do pavimento de betão. contudo os painéis de poto acústico: são. . As juntas Na altura da colocação de um material isolador. Para revestir este pavimento. pode revesti-lo de poliestireno expandido resistente à pressão. nem sempre é necessário uma cobertura. dê grande atenção às juntas. com efeito.