You are on page 1of 5

ESCOLA TÉCNICA DE BRASÍLIA – ETB LABORATÓRIO 1

RELATÓRIO DA AULA PRÁTICA N° 08 TÍTULO: Lei de Ohm

COMPONENTE(S) DO GRUPO: Ives Hernani Barreto de Lima

i . contudo. ela não se aplica a todos os resistores.33 W  1 multímetro analógico  Pedaços de cabos telefônicos  1 protoboard . percebeu que nos metais. FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA George Simon Ohm foi um físico alemão que viveu entre os anos de 1789 e 1854 e verificou experimentalmente que existem resistores nos quais a variação da corrente elétrica é proporcional à variação da diferença de potencial (ddp). elaborou uma relação matemática que diz que a voltagem aplicada nos terminais de um condutor é proporcional à corrente elétrica que o percorre. A expressão matemática descrita por Simon vale para todos os tipos de condutores. Dessa forma. Quando ela é obedecida. que um material (que constitui os dispositivos condutores) obedece à Lei de Ohm quando sua resistividade é independente do campo elétrico aplicado ou da densidade de corrente escolhida. tanto para aqueles que obedecem quanto para os que não obedecem a lei de Ohm.2 KΩ ± 10% . OBJETIVO Comprovar a lei de Ohm e calcular resistências com base na lei de Ohm. É importante destacar que essa lei nem sempre é válida. Diz-se. a relação entre a corrente elétrica e a diferença de potencial se mantinha sempre constante.33 W  1 resistor de 2. Resistor sendo percorrido por uma corrente 2. cuja unidade é o Ampère (A). cuja unidade é o Volt (V).0. em nível atômico. terá valores de resistência diferentes para cada valor de voltagem aplicada sobre ele. o diodo.Onde:    V é a diferença de potencial.1. Simon realizou inúmeras experiências com diversos tipos de condutores. matematicamente fica escrita do seguinte modo: V = R.0. Fica claro que o condutor que se submete a esta lei terá sempre o mesmo valor de resistência.0. R é a resistência elétrica. MATERIAL  1 Fonte de CC e tensão variável  1 resistor de 470 Ω ± 10% .2 KΩ ± 10 % . principalmente. ou seja. cuja unidade é o Ohm (Ω). E o condutor que não obedece. pois depende do material que constitui o resistor. o resistor é dito resistor ôhmico ou linear.33 W  1 resistor de 1. como por exemplo. não importando o valor da voltagem. 3. i é a corrente elétrica. aplicando sobre eles várias intensidades de voltagens.

Daí.7 ~17 ~21.5 24. METODOLOGIA Visto que V = R ∙ I. V(V) 0 2 4 6 8 10 12 470 Ω I (mA) 0 ~ 4. teóricos baseados na fórmula mencionada acima.2 KΩ I (mA) 0 0. 5. O valor da corrente corresponde ao eixo y e o valor da tensão ao eixo x.8 ~2. podemos calcular o valor da corrente que atravessa o resistor através da relação I = V/R.5 O gráfico com os valores medidos encontra-se abaixo.5 20.43 3.5 5. conforme mostra a figura.2 KΩ I (mA) 0 ~0.3 5 6.3 9.7 1. e temos os valores de cada faixa de tensão e da resistência nominal.6 ~4.3 12. Tais valores medidos são apresentados na tabela abaixo: 470 Ω V(V) 0 2 4 6 8 10 12 I (mA) 0 4.27 ~25.63 2.2 KΩ I (mA) 0 ~1.72 ~3. .9 ~1.6 8.4. conforme mostra a tabela ao lado: Vale lembrar que tais valores da corrente são apenas os valores calculados.2 8.38 3.3 10 2. METODOLOGIA Dois pedaços de fio de cores diferentes foram desencapados e a cada um dos bornes (componente que serve para conectar fios e mesmo plugues de pontas de prova) – positivo e negativo − conectou-se um dos fios.6 ~3.53 1.6 ~8.45 A isto chamamos de desvio percentual ∆R%.83 1. para cada resistor ajustou-se os valores da tensão aplicada sobre o mesmo.9 2.2 16. que será calculado adiante.5 ~12.2 KΩ I (mA) 0 1.25 ~8.3 5 ~6.6 4. Em seguida. Os valores medidos diferiram ligeiramente.5 ~5. abriu-se o circuito na protoboard e inseriu-se o multímetro funcionando como amperímetro: cada ponta de prova voltada para o lado de mesmo sinal.

2 KΩ 2.htm> Acesso em 9-11-12 Lei de Ohm. NEWTON. Disponível: <http://www.27 20.2 KΩ 2. Laboratório 1. Além disso. JOSÉ. Instituto Newton C. SITES DA SILVA.brasilescola. 93p.30 25 20 15 10 5 0 2V 4V 6V 8 V 10 V 12 V 470 Ω 1. podemos obter o valor de qualquer uma dessas três grandezas isolando a que se deseja saber o valor: V = R ∙ I _ I = V/R _ R = V/I. o desvio percentual ∆R% pode ser calculado pela seguinte fórmula: ∆R% = ( |RNOMINAL – RGRÁFICO| / RNOMINAL ) ∙ 100 A tabela abaixo mostra os desvios percentuais em cada resistor: VN 470 Ω 1. CONCLUSÃO A primeira lei de Ohm relaciona a resistência.5 6.75 9. Brasil Escola.wikipedia. Disponível: <http://pt. a enciclopédia livre. Brasília. Braga. .2 KΩ VM ~ 476 ~ 1449 ~ 2409 ∆R% ~ 1.com/fisica/a-lei-ohm. MARCO AURÉLIO. Wikipédia.org/wiki/Lei_de_Ohm> Acesso em 10-11-12 C. Bornes. Por meio desta lei.2 KΩ Podemos ver no gráfico como a relação entre tensão / corrente (valor medido) varia linearmente em cada resistor. a corrente e a tensão. 7. A lei de Ohm. BRAGA. REFERÊNCIAS LIVROS ANTÔNIO.

br/index.php/almanaque/1704-bornes.html> 10-11-12 .Disponível: <http://www.newtoncbraga.com.