You are on page 1of 7

ENCARGOS SOCIAIS: REGIME PARA EMPRESAS NORMAIS Regime Fiscal Normal - Federal Alterações efetuadas pelo Decreto Nº 4.

965, de 29 de Janeiro de 2004 COFINS - Contribuição para Financiamento da Seguridade Social - Alíquota de 3% incidente sobre o faturamento bruto mensal; e Alíquota de 7,60% para empresas optantes do lucro real - pagamento até o último dia útil do 1ª quinzena do mês subseqüente ao de ocorrência do fato gerador; - DARF - código 2172 para empresas em geral, exceto; - DARF - código 7987 para entidades financeiras. - DARF - código 5856 Cofins Lucro Real. PIS -Programa de Integração Social - Alíquota de 1,65% incidente sobre a receita bruta Mensal, para as empresas que apuram pelo lucro real . Vide Lei 10.637/02, que especifica a não-cumulatividade na cobrança da contribuição para o PIS/Pasep. - Alíquota de 0,65% incidente sobre a receita bruta mensal para as empresas optantes pelo lucro presumido. - Para as cooperativas, condomínios, associações e outras entidades sem fins lucrativos, a alíquota é de 1,00% incidente sobre o valor bruto da folha de pagamento dos empregados. Pagamento até o último dia útil da 1ª quinzena do mês subseqüente ao de ocorrência do fato gerador (art. 10 da lei 10.637/02) - DARF - código 8109 para incidência sobre o faturamento; - DARF - código 8301 para incidência sobre a folha de pagamento; - DARF - código 4574 para incidência sobre o faturamento das Instituições Financeiras. - DARF - código 6912 PIS Lucro Real. IRPJ - Imposto de Renda Pessoa Jurídica - Para este imposto podemos ter 2 (duas) maneiras diferentes de pagamento, que são: 1. Lucro real As pessoas jurídicas obrigadas ou que optarem pela tributação com base no lucro real deverão recolher o Imposto de Renda por uma das formas a seguir: 1.1. Lucro Real Trimestral - IRPJ calculado sobre o lucro real, determinado a partir de balanço levantado a cada trimestre do ano-calendário, para recolhimento no trimestre seguinte na forma da legislação vigente; - Neste regime de lucro real trimestral, o recolhimento do IRPJ é considerado definitivo. 1.2. Regime de Estimativa

em cada mês.DARF .00. sobre a base de cálculo vista acima: . atividade rural. Alíquota do adicional: . hospitais. levantados a cada período em curso com observância das leis comerciais e fiscais.I . compensado ou restituído.15% . Neste caso. Vantagens do Regime de Estimativa Se a empresa puder levantar balanços periodicamente. serão considerados como antecipação dos correspondentes valores apurados no balanço anual. será pago.DARF . O IRPJ e a CSLL. A primeira parcela da base de cálculo do IMPOSTO ESTIMADO deve ser calculado aplicando-se sobre a receita bruta mensal da atividade o mesmo procedimento adotado para as empresas que optarem pelo sistema de LUCRO PRESUMIDO (informado abaixo).aplicável sobre a parcela da base de cálculo que ultrapassar.código 2362 para empresas que recolherem o imposto por estimativa. imobiliárias. O saldo. vai pagando ou suspendendo os recolhimentos à medida que os resultados positivos ou negativos dos balanços forem aparecendo. a empresa pagará somente os impostos efetivamente devidos. por ser apurado prejuízo fiscal ou lucro real igual ou inferior ao limite de R$ 20. multiplicado pelo número de meses do respectivo período de apuração.transporte de cargas. As empresas que optarem pelo regime de estimativa para recolhimento do IRPJ e da CSLL. 2.As seguintes alíquotas para achar a base de cálculo: .00. ela irá acompanhando os lucro e ou prejuízos que vai tendo.lucro real ou prejuízo fiscal apurado em balaços/balancetes de redução/suspensão: IRPJ calculado com base em balanços ou balancetes intermediários.código 0220 para empresas que fizerem apuração trimestral. e consequentemente. . se houver. deverão levantar balanço anual em 31 de dezembro a fim de determinar os valores efetivamente devidos no ano-calendário. II .10% . Ao passo que aquelas que optarem pelo regime de estimativa pode ocorrer que os balanços de suspensão/redução e/ou no balanço anual não haja incidência do adicional.000. As empresas que adotarem a apuração trimestral ficarão sujeitas ao adicional de 10% sobre a parcela do lucro real que ultrapassar o limite de R$ 60. E os valores recolhidos serão considerados definitivos. A empresa determinará o Imposto de Renda a pagar aplicando.00.000. Lucro presumido É encontrado aplicando-se sobre a receita bruta mensal: . . transportes de carga e outras atividades não caracterizadas como prestação de serviços = 8%. execução de obras de construção civil.Ind / Comércio.000.aplicável sobre o total da base de cálculo apurado em cada mês.lucro estimado: IRPJ calculado com base na receita bruta e acréscimos apurados a cada mês. representação comercial. nas formas previstas na legislação vigente. pagos mensalmente. . o limite de R$ 20.

DARF . factoring = 32% (*) . .000. construção por administração ou por empreitada unicamente de mão-de-obra. .Apuração trimestral. Apuração anual com pagamentos mensais.DARF . sobre a receita bruta calcular 32% = a base de cálculo da contribuição social.9% (nove por cento) sobre o lucro líquido. Cálculo da contribuição social sobre o lucro líquido * As empresas que pagam pelo Lucro Real . . .código 2484 para empresas que recolhem com base na Estimativa.código 2372 para empresas que recolhem com base no IRPJ Presumido. o percentual de determinação da base de cálculo do imposto mensal.código 6012 para empresas que recolhem com base no Lucro Líquido Ajustado (apuração trimestral).sobre os valores da base de cálculo aplica-se a alíquota de 15%.Prestação de serviços em geral. Sobre a base de cálculo. .000. . indústria e serviços em geral (quando houver atividade mista): Sobre a receita bruta calcular 12% = a base de cálculo da contribuição social. com pagamento em quota única até o último dia útil do mês subseqüente.88% da receita bruta. ou parcelado com vencimento no último dia útil dos três meses subseqüentes ao do Fato Gerador.00 por mês do trimestre incompleto.00. A alteração da CSLL afeta somente aquelas empresas que pagam o imposto de renda pelo sistema do lucro presumido. a ser aplicada sobre a receita bruta . calcule 9% = contribuição social a recolher ou calcule direto 2.08% da receita bruta.684/03.Adicional de 10% aplicável sobre a parcela do lucro presumido que exceder o limite de R$ 60. Continuarão com a mesma alíquota os empresários que optarem pela tributação com base no lucro real . administração. Prazo de recolhimento do IRPJ e da CSLL = O IRPJ e a CSLL das empresas enquadradas no regime de estimativa devem ser recolhidos até o último dia útil do mês subseqüente ao de ocorrência dos respectivos . poderão reduzir.00 (no trimestre completo)..000. exceto o de cargas 16 %. . de 32% para 16%. ou de R$ 20.Revenda para consumo de derivados de petróleo.DARF .6 %. Intermediação de negócios. Assim sendo. Empresas exclusivamente prestadoras de serviços em geral: a alíquota aumentou de 12% para 32 %.Serviços de profissão regulamentada e sociedades civis 32 %. * As empresas que pagam pelo lucro presumido .código 2089 para empresas que recolhem o IRPJ pelo sistema de lucro presumido. álcool e gás = 1. . calcule 9% = contribuição social a recolher ou calcule direto 1.Lei 10. Sobre a base de cálculo. (*) As pessoas jurídicas.DARF . cuja receita bruta anual das atividades assinaladas seja de até R$ 120.Comércio.Serviços de transporte. locação ou cessão de bens móveis ou imóveis. .

novos valores a partir de 1º de abril de 2006 A Portaria nº 119. até quatorze anos de idade. Imposto sobre importação e exportação . a partir de 1° de abril de 2006. deve ser pago até o último dia útil do mês subseqüente ao do encerramento do período de apuração.67.R$ 22.Atividades abrangidas: indústrias.67 independentemente da quantidade de contratos. divulga os índices de reajuste dos benefícios previdenciários. a partir de 1º de abril de 2006. Tabela de contribuição dos segurados empregado.As alíquotas são definidas na tabela TIPI e a apuração é decendial ou mensal. O auxílio-reclusão. de 18 de abril de 2006.801. Se a opção de recolhimento for em quotas parceladas os prazos de recolhimentos serão sempre os últimos dias úteis dos três meses subseqüentes ao do encerramento do período de apuração. II . Previdência .R$ 15. .74 para o segurado com remuneração mensal superior a R$ 435. cujas empresas optarem pelo pagamento em quota única. Os benefícios mantidos pela Previdência Social serão reajustados. do Ministério da Previdência Social.INSS Tabela de salário-de-contribuição e salário-família . empregado doméstico e .34 para o segurado com remuneração mensal não superior a R$ 435.Tem como base de cálculo o valor dos produtos. devido à variação de alíquotas.82 (dois mil oitocentos e um reais e oitenta e dois centavos). o salário-de-benefício e o salário-de-contribuição não poderão ser inferiores a R$ 350. em cinco inteiros por cento. A partir de 1º de abril de 2006.56 e igual ou inferior a R$ 654.56.fatos geradores. equiparadas a indústrias e comércio de produtos importados (primeira saída) . a partir de 1º de abril de 2006. ou inválido de qualquer idade.00 (trezentos e cinqüenta reais). a nova tabela de salário-de-contribuição. os valores de salário-família que vigoram a partir de 1º de Abril de 2006 e dá outras providências. = O IRPJ e a CSLL tributadas pelo lucro presumido.Verificar qual a alíquota que consta na NCM (Nomenclatura Comum do Mercosul ). Imposto sobre Produtos Industrializados . será devido aos dependentes do segurado cujo salário-de-contribuição seja igual ou inferior a R$ 654. nem superiores a R$ 2. publicado no DOU de hoje (19/04/2006). é de: I . O valor da cota do salário-família por filho ou equiparado de qualquer condição.

01..01 até R$ 1. +----------------------------------+---------------+------------------------+ |Faixa de enquadramento| Alíquota Parcela a deduzir | ........ de 24 de outubro de 1996...00 x 1..00/mês).65%(*) De R$ 840.56 até R$ 1.12....050.23 (quatrocentos e setenta e dois reais e vinte e três centavos)..R$ 188.01. em vigor desde 1º..em Fevereiro de 2006: R$ 471.205 com a que está em vigor desde 1º.00% De R$ 1.00.400.01......11..422.. Obrigações tributárias estaduais Microempresa e empresa de pequeno porte Abaixo a nova Tabela do SIMPLES/SC .Cálculo pela Tabela que vigorou até 31..9.55..8.. já com a parcela a deduzir.92 até R$ 2.12.20..91..... Para um faturamento anual de R$ 240.95% = R$ 390...00 x 1.400.00.2006.... Comparativo de faturamento: Comparando uma empresa com faturamento anual de R$ 240. Para um faturamento anual de R$ 240. 17 da Lei nº 9.311......00% (*) Alíquota reduzida para salários e remunerações até três salários mínimos.000.85 (imposto a recolher no mês).Cálculo pela Tabela em vigor desde 1º.00..000..85 (imposto a recolher no mês)..R$ 212.000... temos os seguintes resultados: ......00 .000..65%(*) De R$ 1... em razão do disposto no inciso II do art.... de 18 de abril de 2006.......95% = R$ 390..050..INSS foi: I ....000.Alíquota Até R$ 840.15 (redutor) = R$ 201.134. na tabela que vigorou até 31...7.... aprovada pela Lei nº 13618/2005.20..00 .. Valor médio da renda mensal dos benefícios pagos pelo INSS A Portaria nº 109...2005: R$ 20... do Ministério da Previdência Social. e II .. teria pago no ano R$ 2......82.000.....95 (quatrocentos e setenta e um reais e noventa e cinco centavos)... para pagamento de remuneração a partir de 1º de abril de 2006 Salário-de-contribuição..... que instituiu a Contribuição Provisória sobre Movimentação ou Transmissão de Valores e de Créditos e de Direitos de Natureza Financeira .2006: R$ 20..15 (redutor) = R$ 177. .2006.em Janeiro de 2006: R$ 472...trabalhador avulso.00 (R$ 20.CPMF... teria pago no ano R$ 2... publicada no DOU de hoje (19/04/2006) estabelece que o valor médio da renda mensal do total de benefícios pagos pelo Instituto Nacional do Seguro Social ...801.

95% | R$ 2.600.800.633.E.I.000.| +----------------------------------+---------------+------------------------+ |De R$ 5. . conforme alíquota ICMS.E.600. nordeste e centro-oeste do país.25% nas operações com energia elétrica e nas operações internas ou o consumidor final com produtos supérfluos.95 | +----------------------------------+---------------+------------------------+ |De R$ 106.15 | +----------------------------------+---------------+------------------------+ |De R$ 35.00 a R$ 5.17% nas operações e prestações internas e interestaduais.000.I.700. Obrigações tributárias municipais . -7% quando o destinatário for localizado nas regiões norte.00 a R$ 0. Pessoas Jurídicas Não optantes pelo Simples/SC ICMS .Não-microempresa .808.+----------------------------------+---------------+------------------------+ | De R$ 0.000.Declaração entregue mensalmente com o resumo das notas fiscais de compra e venda do mês.95% | R$ 212.5% | .00 | 4. LIVROS: Entrada (Mercadorias) Saída (Mercadorias) Inventário (Estoque) Apuração ICMS (Diferença entre débito e crédito)/Livro Razão e Diário D.| +----------------------------------+---------------+------------------------+ |De R$ 8. Sintegra .00 | +----------------------------------+---------------+------------------------+ |De R$ 17.75% | R$ 852.00 | R$ 25. inclusive de mercadoria importada e nos casos de serviços iniciados ou prestados no exterior.800.800.DECLARAÇÃO DE INFORMAÇÕES ECONÔMICAS FISCAIS Entregue mensalmente até o dia 10 do mês subseqüente ao fato gerador.700. .preencher do campo 78 a 80.01 a R$ 17.00 | 1.85% | R$ 1.M.00| 5.00 | 3. . Paraná. Para ME e EPP o prazo é dia 20.00 | .00 | 1% | R$ 44.01 a R$ 8.01 a R$ 71.-12% quando o destinatário for localizado nos estados de Minas Gerais.M.pagamento integral.01 a R$ 106.000. Rio Grande do sul e São Paulo.000. no Distrito Federal e no Espírito /santo.000.alíquotas aplicáveis : .75 | +----------------------------------+---------------+------------------------+ LIVROS: Entrada (mercadorias) Saídas(mercadorias) Inventário(estoque) Apuração de ICMS D.800.95 | +----------------------------------+---------------+------------------------+ |De R$ 71. .01 a R$ 2.01 a R$ 35. .99 | Dispensa | Dispensa | +----------------------------------+---------------+------------------------+ | De R$ 1.00 | 0.

Em se tratando de obras de construção civil é deduzido também o valor das subempreiadas já tributadas pelo ISS.ISS (Imposto sobre serviços): .Livro de apuração ISS .Pessoa Jurídica: entrega mensal .empresa prestadora de serviços . Ver tabela na Prefeitura Municipal.Alvará de funcionamento .base de cálculo: o preço do serviço. . .GIF ..alíquota variável conforme atividade.DES: entrega trimestral . Em se tratando da prestação de serviços que envolvam o fornecimento de mercadorias. do valor da operação é deduzido o preço das mercadorias que serviu de base de cálculo do imposto estadual. sujeito esse fornecimento ao ICMS.