You are on page 1of 3

Sistema de Gestão da Qualidade Instrução de Trabalho: Traçagem de Chapas Cargo do Executor: Montador ou outro designado por ele Código

: IT-CA-01 Revisão: 00 Página 1 de 3
Elaborado por: Tiago Alexandre e Francisco Ricardo Analisado por: Jorge Júnior e Dimas Leal Aprovado por: Dimas Leal

Data: Setembro/ 2012

Data: Setembro/ 2012

Data: Setembro/ 2012

1 – OBJETIVO
Obter uma organização no processo de traçagem de chapas, para atender com qualidade os processos de montagem da caldeiraria.

2 – RECURSOS 2.1 – Recursos Operacionais
Trena

Paquimetro

Riscador

2.2 – Recursos de Segurança
Protetor Auricular Botina c/ Biqueira Óculos Incolor Luvas de Raspa

3 – DESCRIÇÃO / DETALHAMENTO DAS TAREFAS
1. Receber o material a ser traçado devidamente identificado pelo almoxarifado/ controle de qualidade. Para materiais da VEGAS, o material deverá estar identificado com o número da OS quando aplicável preencher também com o dimensional, código de rastreabilidade e norma do material. Para os materiais do cliente, os mesmos estarão identificados com o número da OS e a sigla “MDC” (material do cliente).

Traçar a chapa metálica de acordo com as especificações do desenho do produto a ser produzido. 3. 4. corte a máquina (tartaruga) e corte a plasma). Linhas referentes ao sobremetal de aproximadamente 02mm 5. Consultar o desenho (ou guia de trabalho) com as especificações do produto a ser elaborado. O material a ser traçado estará empilhado separado pelos seus respectivos dimensionais. A traçagem é feita com a utilização de trena (e/ ou paquímetro) e do riscador que demarca as medidas descritas no desenho do produto na chapa que irá receber as demarcações (foto). é impossível identificar todo o material durante o processo de recebimento). A primeira chapa. código de rastreabilidade e a norma do material. A traçagem pode ser feita tanto nos materiais de aço carbono quanto nos materiais de aço inoxidáveis. Esta identificação deverá ser repassada para as demais chapas. estará identificada com o número da OS. perfil ou barra de um determinado grupo. levando em consideração as medidas de corte que podem variar de 02 a 03mm (este é o sobremetal que será gasto nos processos de corte manual (oxicorte). cantoneira. Linhas de traçagem Exemplo de gabarito temporário . Gabaritos temporários (foto) com as medidas do produto podem ser utilizados na traçagem. A traçagem deve ser realizada de forma a obter o melhor aproveitamento da chapa. neste caso. utiliza-se o riscador para copiar as formas pré definidas do gabarito.Sistema de Gestão da Qualidade Instrução de Trabalho: Traçagem de Chapas Cargo do Executor: Montador ou outro designado por ele Código: IT-CA-01 Página 2 de 3 2. cantoneiras. perfis e barras do grupo (como as mesmas são empilhadas. dimensional.

CA. 9. Após a finalização da traçagem das dimensões do produto.002 controle de horas. 8. que pode ser realizado pelo processo de oxicorte (IT. Quando aplicável. com o número do desenho e o número da posição do mesmo.Controle de Horas 5 – DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Não aplicável. Após a identificação.Sistema de Gestão da Qualidade Instrução de Trabalho: Traçagem de Chapas Cargo do Executor: Montador ou outro designado por ele Código: IT-CA-01 Página 3 de 3 6. cada desenho traçado na chapa deverá ser identificado com o número da OS. preencher o RG.CA.002 .04). 4 – REGISTROS RG. a chapa traçada deverá ser encaminhada para o corte de chapas. .02).CA. As sobras deverão ser identificadas com o número do código de rastreabilidade e o nome do cliente (quando o material for de propriedade do cliente).03) ou pelo processo de corte a plasma (IT. Número da OS Código da Posição Código do Desenho 7. pelo equipamento conhecido como tartaruga (IT.