You are on page 1of 4

Dramaturgia na Cena Contemporânea Brasileira

Coimbra, 23 a 26 de Outubro de 2013

OFICINA

Descrição:
A pretexto da exploração que vem fazendo da dramaturgia brasileira contemporânea, A Escola da Noite convidou a Professora Silvana Garcia para regressar a Coimbra e orientar uma oficina de divulgação e discussão do teatro que actualmente se escreve e representa no Brasil. Pretende-se oferecer uma visão panorâmica da produção dramatúrgica da cena brasileira contemporânea, tomando como período de referência as três últimas décadas. Os trabalhos assentarão na leitura dirigida e na análise crítica da obra de alguns dos autores deste período, bem como no estudo das diferentes abordagens do texto na cena, considerando os processos colaborativos entre colectivos e escritores. Entre os autores a serem abordados estarão: Bosco Brasil, Aimar Labaki, Mário Bortolotto, Fernando Bonassi, Sérgio Roveri, Newton Moreno, Daniela Pereira de Carvalho, Rodrigo de Roure, Cláudia Barral, Elísio Lopes, Luis Felipe Botelho, Jô Bilac. Entre os grupos (e as suas produções) serão destacados: Teatro da Vertigem (BR-3 e Bom Retiro 958 metros), Cia. Vértice (Julia), Oi nois aqui traveiz (Kassandra e Viúvas), Grupo XIX de Teatro (Hysteria e Hygiene), Satyros (Hipótese para o amor e a verdade), Oficina (Os Sertões).

Formadora:
Prof.ª Silvana Garcia

Destinatários:
actores/actrizes; encenadores/as; dramaturgos/as; professores/as; alunos/as do ensino artístico; público em geral

Calendário:
23 a 26 de Outubro de 2013; quarta a sábado, 10h00 – 13h00 / 17h00 – 19h30 (22 horas)

Preço:
75,00 Euros; estudantes e profissionais e amadores de teatro: 50,00 Euros (IVA incluído)

Local:
Teatro da Cerca de São Bernardo, Coimbra

Estadia:
A Escola da Noite garante condições especiais de alojamento e alimentação em Coimbra durante os dias da oficina. Contacte-nos para obter mais informações.

Inscrições:
Envie a Ficha de Inscrição, devidamente preenchida, ATÉ 05/10/2013, para mariajoaorobalo@aescoladanoite.pt. Máx: 30 participantes. A lista com os/as candidatos/as seleccionados/as será comunicada a todos/as os/as inscritos/as até 9 de Outubro.

Silvana Garcia

Realizou estudos de graduação e pós-graduação em Artes Cénicas (Mestrado e Doutoramento) na Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo; formada como bacharel em Artes Cénicas, com especialização em Encenação. Professora da Escola de Arte Dramática (EAD/Escola de Comunicações e Artes/Universidade de São Paulo) desde 1987, tendo sido Directora da EAD de 1994 a 1997; foi professora e orientadora no programa de PósGraduação do Departamento de Artes Cénicas ECA/USP (1996-2005); foi professora convidada em cursos de especialização e pós-graduação em Universidades de outros estados brasileiros (Bahia, Pará, Santa Catarina e Paraíba). Actualmente é professora orientadora convidada do programa de pós-graduação em Teoria e História do Teatro da Facultad de Humanidades y Ciencias de la Educación da Universidad de la Republica, em Montevideu, Uruguai; é também consultora no processo de avaliação do Concurso Anual de Proyectos, a convite do Vicerrectorado de Investigación, da Pontificia Universidad Católica del Perú. Autora de diversos trabalhos publicados, entre os quais se destacam “Teatro da Militância” (Perspectiva/Editora da Universidade de São Paulo, 1990) e “As Trombetas de Jericó. Teatro das Vanguardas Históricas” (Hucitec/Fapesp, 1997), além de outras edições, como colaboradora ou organizadora, no Brasil e no Exterior; tem artigos publicados no Brasil (“O Estado de São Paulo” e “Jornal da Tarde”, revistas “Bravo”, “Urdimento”, “Revista Ar’te”, “Revista da USP”, “Camarim”, “Folhetim”, “Semear”, entre outras), nos Estados Unidos (revista “Gestus” e “Latin American Theatre Review”), na Argentina (revista “Teatro al Sur” e “Revista Teatro Celcit”) e em Cuba (revista “Conjunto”), entre outros. Coordenou a colecção “Os Grandes Dramaturgos”, da Editora Peixoto Neto (2004-2007). Actualmente é coordenadora editorial da Revista “A[L]BERTO”, da SP Escola de Teatro. O seu último trabalho publicado foi a Introdução ao livro de Jean-Pierre Sarrazac “Sobre a fábula e o desvio” (org. e trad. Fátima Saadi. Rio de Janeiro: 7 Letras: Teatro do Pequeno Gesto, 2013, pp. 9-14). Foi dramaturgista nos espectáculos “Luzes da Boemia” e “A Casa de Bernarda Alba” (adaptação), ambas sob direção de William Pereira, em 1998; “Farsas e Improviso”, de Molière (criação/adaptação, 1997) e “Em Lugar Algum” (criação/adaptação, 1998) sob direção de Beth Lopes, pelo qual recebeu os prêmios “7ème Festival International de Théatre Etudiant – Prêmio de Público” (Nanterre, 1999) e “Teatro da Cultura Inglesa” (São Paulo, 2001). Fez a adaptação do livro “Viva o Povo Brasileiro”, de João Ubaldo Ribeiro, cuja primeira formulação foi lida publicamente no Teatro Vila Velha, em Salvador, em co-produção com a Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia, em Janeiro de 2000, e de “Casa Tomada”, de Júlio Cortázar, para o encenador André Carreira, em Florianópolis. Desde 2005 dirige o grupo “Lasnoias & Cia.”, para o qual fez a dramaturgia e encenou os espectáculos “Lesão Cerebral” (2007) e “Há um crocodilo dentro de mim” (2009). Actualmente

prepara o espetáculo “Não vejo Moscou da janela do meu quarto”, com estreia prevista para Novembro de 2013. Como encenadora e dramaturgista, o seu espectáculo mais recente foi o exercício cénico “Vorazcidade”, em parceria com Mônica Montenegro (Escola de Artes Dramática, TUSP, Casa das Rosas, 2012-1013). Também é responsável pela tradução do texto “El Examen” (A Prova), do uruguaio Carlos Rehermann, que esteve em cartaz em Agosto de 2013, sob a direção de Vera Lamy. Foi jurada do Prêmio Shell de Teatro (1997-2007), assessora para assuntos de Teatro do Centro de Cultura Judaica (2007-2008), jurada do “Cultura Inglesa Festival” (2003-2008), coordenadora em São Paulo do “Projeto Royal Court de Dramaturgia” (2002-2004) e assessora do projecto “Próximo Ato Encontro Internacional de Teatro Contemporâneo do Itaú Cultural” (2004-2005) – para cuja instituição editou (em conjunto com Fátima Saadi) o volume “Próximo Ato: Questões de Teatralidade Contemporânea” (São Paulo: Itaú Cultural, 2008) Integrante da CIELA - Cátedra Itinerante de la Escena Latino-Americano (criada em 2007 durante o Festival Internacional de Teatro de Manizales, Colômbia). Tem participado como oradora convidada em colóquios e eventos em países como: Estados Unidos, Rússia, França, Portugal, Espanha, Argentina, Uruguai, Chile, Colômbia, Peru e Bolívia. Em 2000, esteve no Porto (Teatro Nacional São João) e em Coimbra (A Escola da Noite/Cena Lusófona), ministrando cursos sobre dramaturgia brasileira.

Contactos:
A Escola da Noite – Grupo de Teatro de Coimbra Teatro da Cerca de São Bernardo 3000-097 COIMBRA t. 239 718 238 f. 239 703 761 telem 966 302 488 geral@aescoladanoite.pt / mariajoaorobalo@aescoladanoite.pt www.aescoladanoite.pt

Dramaturgia na Cena Contemporânea Brasileira
Coimbra, 23 a 26 de Outubro de 2013

OFICINA

FICHA DE INSCRIÇÃO

Nome: Morada:

Idade: ___ ___

Telefone: Profissão: Formação escolar: Experiência artística:

e-mail:

Quero realizar esta oficina porque:

Contactos:
A Escola da Noite – Grupo de Teatro de Coimbra Teatro da Cerca de São Bernardo 3000-097 COIMBRA t. 239 718 238 f. 239 703 761 telem 966 302 488 geral@aescoladanoite.pt / mariajoaorobalo@aescoladanoite.pt www.aescoladanoite.pt