Presidente Wilford Woodruff, que foi o quarto Presidente da Igreja disse:“Falarei somente da

„Visão‟, como sendo a revelação que lança mais luz, que é mais reveladora da verdade e de mais princípios do que qualquer outra revelação que se encontre em qualquer outro livro que já tenhamos lido. Ela mostranos claramente a nossa situação atual, nossas origens, o motivo de estarmos aqui e o lugar para onde estamos indo. Por intermédio dessa revelação, qualquer um pode saber qual será o seu papel e a sua situação.”
[The Discourses of Wilford Woodruff, G. Homer Durham (org.), 1946, pp.47–48.)

http://escoladominicalsud.blogspot.com/

http://escoladominicalsud.blogspot.com/

Élder Bruce R. McConkie:
“O que é ser valente no testemunho de Jesus? É ser intrépido e corajoso; empregar toda a nossa força, energia e habilidade na guerra contra o mundo; combater o bom combate da fé. (…) A mais importante pedra de esquina da bravura na causa da retidão é a obediência ao conjunto das leis do evangelho como um todo. Ser valente no testemunho de Jesus é achegar-se a Cristo e ser aperfeiçoados Nele; é desviarmo-nos de toda iniqüidade e amar a Deus com todo o nosso poder, mente e força. (Ver Morôni 10:32.) Ser valente no testemunho de Jesus é acreditar em Cristo e em Seu evangelho com convicção inabalável. É saber que a obra do Senhor na Terra é verdadeira e divina. Isso, porém, não é tudo. [Ser valente no testemunho de Jesus] é mais do que acreditar e mais do que saber. Temos de agir em vez de apenas ouvir. É mais do que palavras; não é meramente confessar com os lábios a descendência divina do Salvador. É obediência, aceitação e retidão individual. (…) Ser valente no testemunho de Jesus é ‘prosseguir com firmeza em Cristo, tendo um perfeito esplendor de esperança e amor a Deus e a todos os homens’. É perseverar ‘até o fim’. (2 Néfi 31:20) É viver nossa religião, praticar o que pregamos, guardar os mandamentos. É a manifestação da ‘religião pura’ na vida dos homens; é ‘visitar os órfãos e as viúvas nas suas tribulações’ e ‘guardasse da corrupção do mundo’. (Tiago 1:27) Ser valente no testemunho de Jesus é refrear as paixões, controlar os apetites e elevar-se acima do que for carnal e mau. É vencer o mundo como o fez o nosso modelo, aquele que foi o mais valente dos filhos de nosso Pai. É ser moralmente limpo, pagar os dízimos e as ofertas, guardar o Dia do Sábado, orarde todo o coração, sacrificar tudo o que tivermos no altar, caso nos seja pedido que o façamos. Ser valente no testemunho de Jesus é estar do lado do Senhor em todas as questões. É votar como Ele o faria. É pensar o que Ele pensa, acreditar no que Ele acredita, dizer o que Ele diria e fazer o que Ele faria se estivesse na mesma situação. É pensar como Cristo e ser um com Ele, como Ele é um com o Pai.” [Conference Report (Relatório da Conferência Geral), outubro de 1974, pp.
45–46; ou Ensign novembro de 1974, p. 35.]

http://escoladominicalsud.blogspot.com/

O Presidente Joseph Fielding Smith, quando era do Quórum dos Doze, disse: “A seção 76 de Doutrina e Convênios (…) deveria ser vista como um tesouro por todos os membros da Igreja, como um legado de valor incalculável. Deveria fortalecer-lhes a fé e servir-lhes de incentivo para empenharem-se em alcançar a exaltação prometida a todos os que forem justos e fiéis”. (Church History and Modern Revelation, 1953, vol. 2, p. 1:279.) Como essa revelação pode fortalecer a nossa fé e nos inspirar a buscarmos a exaltação? Como podemos vencer o desânimo ao lutar pela glória celestial?

http://escoladominicalsud.blogspot.com/

O Élder Bruce R. McConkie, do Quórum dos Doze, explicou: “As pessoas destinadas a herdar o reino terrestre são: (1) as que morreram „sem lei‟, os gentios e pagãos que não ouviram o evangelho nesta vida e que não o aceitariam de todo o coração se o ouvissem; (2) quem ouviu e rejeitou o evangelho nesta vida e, depois, o tenha aceitado no mundo espiritual; (3) „os homens honrados da Terra, que foram cegados pela astúcia dos homens‟ e (4) os membros apáticos, desinteressados, da igreja verdadeira, que tenham testemunho, mas não sejam leais e fiéis em todas as coisas”. (A New Witness for the Articles of Faith, 1985, p. 146.)

http://escoladominicalsud.blogspot.com/

O Profeta Joseph Smith disse: “O que deve fazer o homem para cometer o pecado imperdoável? Tem que receber o Espírito Santo, ter os céus abertos a ele e conhecer Deus, e depois pecar contra ele. Depois de haver pecado contra o Espírito Santo, para ele não há mais arrependimento. Terá de dizer que o sol não brilha, enquanto o vê; terá de contestar Jesus Cristo, quando os céus lhe forem abertos, e negar o plano de salvação, com os olhos abertos para a realidade dele; e desse momento em diante, passa a ser um inimigo”. [Ensinamentos do Profeta Joseph Smith, Joseph Fielding Smith (org.), s/d, pp. 349–350.]

http://escoladominicalsud.blogspot.com/

D&C 76:25–49 (perdição) D&C 76:81–86, 88–90, 98–112 (glória telestial) D&C 76:71–80, 87, 91, 97 (glória terrestre) D&C 76:50–70, 92–96 (glória celestial)

http://escoladominicalsud.blogspot.com/

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful