You are on page 1of 32

Portfólios na disciplina de Planejamento Urbano I

Notas sobre uma experiência didática
Professores

Luiz Guilherme Rivera de Castro luizguilherme.castro@mackenzie.br Paulo Ricardo Giaquinto giaquinto@mackenzie.com.br
Faculdade de Arquitetura e Urbanismo Curso Arquitetura e Urbanismo UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE IV Semana de Preparação Pedagógica Comunicações de Experiências de Aprendizagem Mesa Temática
30 de julho de 2013

Sumário
• Introdução • Portfólio como instrumento pedagógico
• • • Significados de portfólio Usos do portfólio no ensino superior – breve referência à literatura Portfólio: para quê?

• A utilização do portfólio na disciplina de Planejamento Urbano I – um relato sobre dois semestres
• • • • Objetivos iniciais O primeiro semestre – a experiência e seus resultados; avaliações dos alunos Reformulações; resultados e avaliação dos alunos no segundo semestre de aplicação Discussão do processo - perspectivas

• Conclusões
2

• Introdução Objetivo desta apresentação: • Relatar experiência na utilização de portfólios individuais como instrumento de ensino-aprendizagem e de avaliação em uma disciplina ministrada a alunos ingressantes no 1° semestre do curso de Arquitetura e Urbanismo... • ...refletindo sobre o processo de aplicação desse instrumento, seus limites e suas potencialidades para a construção do conhecimento pelo estudante da graduação, colocando-o como o principal sujeito de seu próprio processo de aprendizagem

1

3

• Introdução Desenvolvimento em três partes: • Uma breve discussão do portfólio como instrumento pedagógico • Relato e avaliação da experiência com o portfólio por dois semestres na disciplina de Planejamento Urbano I. uma disciplina de introdução ao Urbanismo • Apresentação de algumas conclusões e perspectivas de constinuidade 2 4 .

• Portfólio como instrumento pedagógico • Significados de portfólio 3 Portfólio = porta-folhas – conjunto de folhas individuais. com um PROPÓSITO específico. investimentos. empresas. reunidas em pasta ou em outro tipo de agregação Diversos tipos de portfólio: de fotógrafos. o termo implica a ideia de COMBINAÇÃO de materiais diferentes. Em sentido geral. artistas. etc. Em geral trata-se de apresentação de um conjunto de obras ou TRABALHOS REALIZADOS que atestam uma produção significativa e relevante .

semelhante a um “diário de bordo” Mais recentemente o portfólio vem sendo empregado como recurso de aprendizagem e de avaliação em outras áreas de conhecimento. 2005) . é comum o “caderno de croquis” como recurso. nas artes plásticas. o portfólio é largamente empregado tanto no ambiente profissional quanto no acadêmico. inclusive nas ciências da saúde (DAVIS & PONNAMPERUMA. na fotografia e no design. na publicidade. Nas disciplinas de projeto arquitetônico. de pós-graduação e na educação continuada.• Portfólio como instrumento pedagógico • 4 Usos do portfólio no ensino superior – breve referência à literatura Em arquitetura. no ensino de graduação.

• Portfólio como instrumento pedagógico • Usos do portfólio no ensino superior – brevíssima referência à literatura 5 A literatura sobre o tema. Possibilidades e limites do uso do portfólio no trabalho pedagógico no ensino superior. embora relativamente recente (segunda metade dos anos 90). (essas e outras referências encontram-se ao final da apresentação) . e Vânia Maria de Oliveira Vieira e Clarilza Prado Sousa. tem crescido nos últimos anos. Tratam do tema. Contribuições do Portfólio para a avaliação do aluno universitário. por exemplo. Maria Lourdes Vieira e Mara Regina Lemes de Sordi. indicando uma tendência à disseminação da utilização de portfólios no ensino superior.

• Portfólio como instrumento pedagógico • Portfólio: o que é? para quê? 6 “Um portfólio é um conjunto de várias formas de evidência de resultados efetivos na aprendizagem. (DAVIS & PONNAMPERUMA. 2005. 279 – tradução livre. geralmente. juntamente com a reflexão do aluno sobre o seu aprendizado e sobre seus pontos fortes e fracos. documentos e outros materiais. ou está em formato digital. p. ênfases adicionadas) . de modo que possa ser facilmente entregue ao professor com o propósito específico de avaliação. um portfólio realizado pelo estudante para fins de avaliação é um compêndio de relatórios. O portfólio de avaliação é preparado pelo aluno sob a orientação do professor ou pode ser concebido exclusivamente pelo aluno. Pode conter também relatos de notas. agrupado de modo apropriado em pasta ou fichário. avaliações e exames e é. Em termos práticos.

Os alunos. 279 – tradução livre.” (DAVIS & PONNAMPERUMA. ênfases adicionadas) . A diferença crucial entre um diário de bordo e um portfólio é que as evidências no portfólio são anotadas com reflexões do aluno sobre a sua própria aprendizagem. p. podem refletir sobre as experiências de aprendizagem em três diferentes níveis cognitivos: descritivo. de acordo com a sua capacidade reflexiva. analítico e avaliativo...• Portfólio como instrumento pedagógico • Portfólio: o que é? para quê? 7 . 2005.Se o portfólio é composto por apenas uma coleção de evidências. não é mais do que um diário de bordo documentando as experiências de aprendizagem.

. Alguns significados de reflexão no Dicionário Aurélio: “Volta da consciência.como construção do conhecimento pelo estudante . mais dirigida ao desenvolvimento de competências. ou seja. menos voltada para o desempenho de tarefas. é predominantemente formativa. para examinar o seu próprio conteúdo por meio do entendimento. buscando a formação de um profissional reflexivo (SCHÖN. da razão. 2000) • permite analisar e identificar a adequação do ensino com o aprendizado efetivo dos alunos 1 . consideração atenta”. do espírito.• Portfólio como instrumento pedagógico • Portfólio: o que é? para quê? 8 Assim sendo.sobre um tema ou uma disciplina e também sua reflexão1 sobre esse processo. • o portfólio representa o registro do processo de aprendizagem . sobre si mesmo. • quanto à avaliação.

•Caracterização da urbanização contemporânea: atividades. conceitos e métodos do Urbanismo e do Planejamento Urbano. infraestruturas e equipamentos urbanos. •Estudo de um bairro central. •Compreensão das práticas de planejamento e projeto do espaço urbano em relação aos processos de produção. .• A utilização do portfólio na disciplina de 9 Planejamento Urbano I – um relato sobre dois semestres • Objetivos iniciais A disciplina – uma introdução ao Urbanismo (reformulação da disciplina a partir do segundo semestre de 2012) •Introdução às abordagens. reprodução e transformação do ambiente construído.

selecionar e organizar materiais sobre temas de introdução ao urbanismo como campo de conhecimentos e de práticas sobre a cidade e o urbano. • Refletir sobre o processo de aprendizagem Outras atividades em conjunto com o desenvolvimento individual do portfólio: .• A utilização do portfólio na disciplina de 10 Planejamento Urbano I – um relato sobre dois semestres • Objetivos iniciais Objetivos do portfólio: • Coletar. • Refletir sobre esses materiais.

• A utilização do portfólio na disciplina de 11 Planejamento Urbano I – um relato sobre dois semestres • Objetivos iniciais O portfólio incorpora outras atividades desenvolvidas na disciplina: • Notas sobre as aulas expositivas • Estudos dirigidos com base em resumos e comentários de textos selecionados • Atividades desenvolvidas no trabalho de equipe (estudo de um bairro central) Inclui também outras atividades desenvolvidas pelo estudante relacionadas à disciplina: • Notícias comentadas • Pesquisas próprias .

pedia-se que a estrutura fosse montada pelo estudante na forma de sumário • Pedia-se um texto descritivo e reflexivo sobre o processo de montagem do portfólio • Texto explicativo sobre o portfólio. mas com alguns conteúdos indicados. incluindo a avaliação final do estudante na disciplina (que representa 50% da média) • Sem estrutura pré-definida. avaliações dos alunos No primeiro semestre: • Portfólio eletrônico – uso do Moodle (ferramenta “tarefa” com envio de arquivos múltiplos – até 5 arquivos) • Representa 60% da avaliação.• A utilização do portfólio na disciplina de Planejamento Urbano I – um relato sobre dois semestres • 12 O primeiro semestre – a experiência e seus resultados. acompanhado de roteiro básico com o que o portfólio deveria conter .

ausência de referências anteriores) • Na ordenação/organização dos materiais (evidências) • Na produção de reflexões próprias sobre o processo . Power Point). avaliações dos alunos Resultados no primeiro semestre: Dificuldades encontradas por parte dos alunos: • Na utilização de recursos baseados em computador: pouca familiaridade com recursos e programas básicos (Word. dificuldades no envio da arquivos pelo Moodle.• A utilização do portfólio na disciplina de Planejamento Urbano I – um relato sobre dois semestres • 13 O primeiro semestre – a experiência e seus resultados. dificuldade de lidar com diferentes formatos de arquivo • Na compreensão da própria atividade de realizar o portfólio (estranhamento.

avaliações dos alunos Dificuldades encontradas por parte dos professores: • Pressupunha-se que os alunos dominassem ferramentas e programas básicos de produção de textos e de apresentações – o que não ocorreu Grande carência dos estudantes em relação a noções básicas de programação visual e diagramação combinando texto e imagens (apesar de supostamente. como ingressantes no curso. terem alguma familiaridade com a matéria) • • • O volume de trabalho implícito no acompanhamento dos portfólios foi muito maior do que o esperado A articulação da atividade do portfólio com as demais atividades da disciplina mostrou pontos fracos.• A utilização do portfólio na disciplina de Planejamento Urbano I – um relato sobre dois semestres • 14 O primeiro semestre – a experiência e seus resultados. tendendo a que o portfólio fosse compreendido pelos estudantes como mais uma “tarefa” .

• A utilização do portfólio na disciplina de Planejamento Urbano I – um relato sobre dois semestres • 15 O primeiro semestre – a experiência e seus resultados. na grande maioria dos casos (atestada pelos comentários na enquete de avaliação da disciplina e nos textos de apresentação dos portfólios) Avaliação dos professores • Apesar das dificuldades encontradas. possibilitou um acompanhamento mais próximo do aprendizado efetivo dos estudantes O portfólio revelou carências e insuficiências do processo de ensino-aprendizagem relacionadas principalmente às capacidades de apreensão de conteúdos e de formulação própria por parte dos estudantes • . avaliações dos alunos Avaliação dos alunos: • Positiva.

avaliações dos alunos Exemplos de comentários de alunos: “O trabalho mais produtivo no que diz respeito ao aprendizado da disciplina foi o portfólio.” .” “O portfólio individual foi trabalhoso.• A utilização do portfólio na disciplina de Planejamento Urbano I – um relato sobre dois semestres • 16 O primeiro semestre – a experiência e seus resultados. porém para realizá-lo fomos obrigados a pesquisar e refletir obre os assuntos discutidos em sala de aula e consequentemente tivemos que entender e relacionar os conteúdos. já que foram necessárias varias reflexões e releituras além de pesquisas de matérias já vistas e procura por novos conhecimentos.

• A utilização do portfólio na disciplina de Planejamento Urbano I – um relato sobre dois semestres • 17 REFORMULAÇÕES PARA O SEGUNDO SEMESTRE DE APLICAÇÃO • Definição de um formato básico para o portfólio • Envio pelo Moodle modalidade “tarefa” com envio de arquivo único modelo em Word e Power Point. contendo já as informações básicas de formatação . a ser modificado pelo estudante – folha formato A3.

incluindo: Notas de aula Resumos de textos e livros que constam da bibliografia da disciplina e de outros textos lidos Notícias de jornais. fotos. Sobre o processo de aprendizagem na disciplina .• A utilização do portfólio na disciplina de Planejamento Urbano I – um relato sobre dois semestres • Reformulações para o segundo semestre de aplicação 18 • Roteiro mais detalhado. tabelas. revistas e outras publicações. diagramas. comentadas.) Glossário com definições de termos e conceitos abordados na disciplina Textos com comentários próprios e análises Sobre cada um dos materiais coletados e incluídos no portfólio. mapas. quadros. Pesquisas individuais para o trabalho em equipe ou por interesse próprio Materiais produzidos individualmente para o trabalho em equipe (textos. etc. sobre o conjunto dos materiais e sua organização.

• A utilização do portfólio na disciplina de Planejamento Urbano I – um relato sobre dois semestres • Reformulações para o segundo semestre de aplicação 19 Pediu-se também: • Introdução: com a formulação dos objetivos do portfólio e sua descrição. • Conclusão: com a discussão e avaliação do processo de produção do portfólio e dos resultados alcançados .

• A utilização do portfólio na disciplina de Planejamento Urbano I – um relato sobre dois semestres • Reformulações para o segundo semestre de aplicação 20 Acompanhamento e avaliação • Duas entregas para avaliação. pelo Moodle: parcial. final. na 8ª semana de curso. na 17ª semana • Acompanhamento contínuo pelos professores • Retorno e comentários individuais pelo menos após cada data de entrega .

dificuldades no envio da arquivos pelo Moodle. Power Point). dificuldade de lidar com diferentes formatos de arquivo Na compreensão da própria atividade de realizar o portfólio (estranhamento. ausência de referências anteriores) Na ordenação/organização dos materiais (evidências) Na produção de reflexões próprias sobre o processo A diferença: os professores já contavam com o surgimento dessas dificuldades e providenciaram as orientações necessárias (em parte) .• A utilização do portfólio na disciplina de Planejamento Urbano I – um relato sobre dois semestres • Resultados e avaliação no segundo semestre de aplicação 21 Resultados no segundo semestre: Dificuldades encontradas por parte dos alunos: as mesmas já identificadas no primeiro semestre: • • • • Na utilização de recursos baseados em computador: pouca familiaridade com recursos e programas básicos (Word.

convergindo para sua incorporação no portfólio O portfólio como avaliação final.• A utilização do portfólio na disciplina de Planejamento Urbano I – um relato sobre dois semestres • Resultados e avaliação no segundo semestre de aplicação 22 Resultados no segundo semestre: Dificuldades encontradas por parte dos professores: • Basicamente as mesmas do semestre anterior Entretanto: O acompanhamento do processo foi mais efetivo a entrega intermediária e os comentários individuais sobre a produção dos alunos permitiu a reorientação de grande número de trabalhos e uma melhor compreensão dos objetivos do portfólio pelos estudantes A articulação com as demais atividades da disciplina foi mais efetiva. em lugar de “prova” ou “trabalho” revelou-se muito menos estressante e muito mais produtivo no sentido da efetiva aprendizagem .

gera muito mais conhecimento do que uma prova qualquer” “O aspecto mais positivo foi a aprendizagem que eu obtive. assimilarmos e relembrarmos o que foi aprendido ao longo de todo o Semestre” (na transcrição. fazendo eu rever o que não lembrava e não abrir mão do que não entendia. respeitou-se a redação original) . ele é a maneira que temos de apresentar o que aprendemos de forma segura para avaliação e principalmente de compreendermos. o portfólio onde eu precisei pesquisar sobre certos assuntos.” “Em minha opinião o portfólio é o aspecto mais importante e positivo da disciplina.• A utilização do portfólio na disciplina de Planejamento Urbano I – um relato sobre dois semestres • Resultados e avaliação no segundo semestre de aplicação 23 Exemplos de comentários de estudantes “A atividade mais positiva foi a produção do portfólio como modo de avaliação. Esse tipo de trabalho. ao meu ver.

• A utilização do portfólio na disciplina de Planejamento Urbano I – um relato sobre dois semestres • Resultados e avaliação no segundo semestre de aplicação 24 Exemplos de portfólios 1° Semestre de 2013 .

a reorientação e reformulação de seus procedimentos didático-pedagógicos.• A utilização do portfólio na disciplina de Planejamento Urbano I – um relato sobre dois semestres • Discussão do processo .perspectivas 25 Discussão dos resultados • O envolvimento dos estudantes com a produção do portfólio tem sido muito satisfatório. adaptando-os às necessidades dos alunos . quando necessário. tanto na avaliação dos alunos quanto na dos professores • O portfólio permite uma personalização do aprendizado e uma autoavaliação reflexiva do desempenho na disciplina • A avaliação pelo portfólio permite aos professores.

para cada estudante. como processo sistemático. • Aprofundamento teórico e metodológico da utilização do portfólio como instrumento de ensino/aprendizagem. sobre os temas da disciplina e sobre o processo de aprendizagem (hábitos arraigados de cumprir tarefas e de resposta a avaliações de desempenho) • Alimentação. com registro do processo pelos professores. de avaliação e de autoavaliação .• A utilização do portfólio na disciplina de Planejamento Urbano I – um relato sobre dois semestres • Discussão do processo .perspectivas 26 As dificuldades a serem superadas: • Aprofundar e estender o desenvolvimento de reflexão própria pelos estudantes. atualização e acompanhamento dos portfólios em bases semanais. individualmente.

perspectivas 27 As dificuldades a serem superadas (continuação): • Em consonância com o aprofundamento teórico e metodológico mencionado acima. o estabelecimento e a definição de critérios de avaliação qualitativa dos portfólios também necessita de maior aprofundamento .• A utilização do portfólio na disciplina de Planejamento Urbano I – um relato sobre dois semestres • Discussão do processo .

psicológico.) 29 A aplicação de um recurso de ensino/aprendizagem e de avaliação como o portfólio em nada se assemelha à aplicação de regras mecânicas de desempenho. social.. fazem-se necessários desenvolvimentos teóricos e metodológicos para a melhoria e o refinamento desse processo. O portfólio desempenha o papel de mediador na complexa relação professor-aluno. emocional. as perspectivas de utilização de portfólios como parte da educação de profissionais reflexivos é promissora . Com base na experiência descrita. Se por um lado os resultados obtidos tem sido animadores.. que envolve múltiplas variáveis de caráter educacional.• Conclusões (bastante preliminares.

279 . Rosângela de Oliveira. CIRINO. 11. In JVME 32(3). 50. 1992. Erik W. Portfólio: o que é e a que serve? In Olho Mágico . Disponível em http://www.doi. Est..ccs. n. SILVA.14. 335–340. Portfolio Assessment. p. Aval. 2010.. 2012. set. Aval. 35. Avaliar para aprender: a construção de uma realidade. p. Alis.Vol. Assessing students’ personal and professional development using portfolios and interviews. 2012.. 19. jan. 553-576. maio/ago. Ciênc. 787-796. Georfrávia Montoza. Daniel Abud Seabra. SPANDEL. 209-232. Educ. ALVARENGA.3.17. p. Gominda G. 20. SILVA.org/10. 49. 30 . Educ. v. 23. Porto Alegre: Artmed. 2011.cgi?fid=11496. 187-210.alps-cetl.1590/S1414-32832010005000018. v. 2008. Mara Regina Lemes. 39. São Paulo.unimaas. 201-213. A Virtude do Erro: uma visão construtiva da avaliação./abr. 18. Educando o profissional reflexivo. pp. maio/ago. Construção de portfólios coletivos em currículos tradicionais: uma proposta inovadora de ensino-aprendizagem. n. SORDI. set. Zilda Rossi. O Portfólio na Avaliação da Aprendizagem no Ensino Presencial e a Distância: a alternativa hipertextual. Educating the self-critical doctor.uel. ISSN 1414-3283. ROCHA. Avaliação e aprendizagem na educação superior./abr. vol. Maria Silvia Pinto de Moura Librandi.284. PUNHAGUI. Rosângela Minardi Mitre et al. 52. n. PINTO./dez. p. 2003. São Paulo. Using Portfolios of Student Work in Instruction and Assessment. Acesso em 28/10/2012. Um novo design para o ensino e a aprendizagem.35. NUNES. 32. maio/ago. saúde coletiva [online]. Donald A. In Est. Epub 06-Ago-2010. 204-231.. issue 1. In Estudos em Avaliação Educacional. Educ. Disponível em www. Margery H. v./dez. p. n. Margarida Montejano. GORDON. n. p. 91-114. p. n.2001. In Estudos em Avaliação Educacional. In Est. COTTA. In Medical Teacher. Jill. Eleonora Maria Diniz da. PONNAMPERUMA. P. Vicki. DAVIS./dez. Using a portfolio to stimulate and assess medical students’ reflection. Maastricht: Universiteit Maastricht. 36-44. n. 8 .. Interface (Botucatu) [online]. Concepções de avaliação de alunos universitários: uma revisão da literatura. 2010..br/olhomagico/v 8n1/portf ol. 22. n. Portfólio: uma alternativa para o gerenciamento das situações de ensino aprendizagem. 17. 2008. Gavin Thomas Lumsden.uk/documents/12tipsforeportfoliosMariaParks. Acesso em 28/10/2012.. v. 2009. 2007.ac. São Paulo. GARCIA. In Estudos em Avaliação Educacional.• Referências ALVARENGA. Georfrávia Montoza. In Est.pdf. 43. Aval. vol. n. http://dx. ARTER. p. DRIESSEN.htm. ARAÚJO. Educ. 2011. v. Nadia Aparecida de. São Paulo. Twelve tips for introducing E-Portfolios with undergraduate students.nl/show. v. n. v.Nº 1 jan. 22. Lina Cardoso. MATOS. 2000. O uso de portfólios na pedagogia universitária: uma experiência em cursos de enfermagem. A avaliação formativa: reflexões sobre o conceito no período de 1999 a 2009. Acesso em 27/10/12. pp. p. Maria. 46-49. 2006. Aval. Giovana Chimentão. Disponível em http://arno. 153-170. set.37. 2005 AAVMC. In Medical Education n. PARKS. In Educational Measurement: Issues and Practice. 943-953. Joe. v. Sérgio Dias. BROWN. Judith A. p. MOORES. (Tese de Doutorado). SOUZA. 38. SCHON.

2008. Educ. Vânia Maria de Oliveira.1 ABRIL 2012. Aval.theideacenter. Possibilidades e limites do uso do portfólio no trabalho pedagógico no ensino superior. Disponível em www. p.br/index. Acesso em 23/11/2012. Contribuição do porta-fólio para a organização do trabalho pedagógico. Benigna Maria de Freitas.. VILLAS BOAS. Disponível em net.educause. DE SORDI. Acesso em 15/11/2012. In Revista e-curriculum. São Paulo. 137-152. São Paulo. Mara Regina Lemes. n.8 n. p. s/d [2004]. Singapore: National university of Singapore. John. 2009. Dissertação de mestrado. Contribuições do Portfólio para a avaliação do aluno universitário. VIEIRA. SOUSA. 20. Educ. Benigna Maria de Freitas. Maria Lourdes. Clarilza Prado. n.edu/ir/library/pdf/EDU03140a. 43. In Est. VILLAS BOAS./jul 2001. ZUBIZARRETA. jan-jun/2003. In Estudos em Avaliação Educacional. TORRES. p.pucsp. Acesso em 15/11/2012. Sylvia Carolina Gonçalves. The Learning Portfolio: A Powerful Idea for Significant Learning. maio/ago. v. 2007.. n. Campinas: PUC-Campinas.php/curriculum. jan. Idea Paper #44. 115-132. 23. Center for instructional Technology. Aval. 235-255. Designing an electronic portfolio system for a large research university in Asia.org. In Est.pdf. 27. . VIEIRA. Disponível em http://revistas.• Referências 31 TAN. São Paulo. Portfólio como instrument de aprendizagem e suas implicações para a prática pedagógica reflexiva. Ivy. Repensando a avaliação no curso de pedagogia: o portfólio como uma prática possível. v.