You are on page 1of 2

D.

Fernando I

Nono rei de Portugal e último da primeira dinastia, cognominado como o Formoso ou o Inconstante. Era filho de D. Pedro I e da rainha D. Constança. Subiu ao trono com 22 anos, quando em Castela se disputava a coroa entre D. Pedro, filho legítimo de Afonso X e Henrique de Trastamara, um dos muitos bastardos do falecido rei com D. Leonor de Gusmão. Assassinado D. Pedro, D. Fernando abandonou a sua neutralidade e Portugal entrou puma sucessão de períodos de guerra a paz. D. Fernando alegando ser bisneto de Sancho IV, mas movido pela rivalidade comercial e marítima entre Lisboa e Sevilha, interveio nesse episódio peninsular. Foi reconhecido como rei em cidades do norte da Península, aliado ao rei mouro de Granada, atraiu a si D. Pedro IV de Aragão, propondo-lhe casamento com sua filha D. Leonor. Em 1369 invade a Galiza. Mas D. Henrique II atravessa o Minho, apodera-se de Braga a cerca Guimarães a sai por Trás-os-Montes para ir em auxílio de Algeciras cercado pelo rei de Granada.

D. Fernando I

Em 1371, com a intervenção do papa Gregório XI, os dois monarcas assinaram a paz de Alcoutim. D. Fernando comprometia-se a casar com D. Leonor, uma das filhas de Henrique II, porém ao casar com D. Leonor Teles não cumpria o tratado, o que se não teve consequências com Castela, pois Henrique II não se deu por ofendido, teve-as com a Nação a quem tal casamento não agradou. Surge então o duque de Lencastre que se apresentava como pertencente ao trono castelhano. A França apoiou o Trastamara, Portugal, o Duque de Lencastre. Nasceu aqui a expressão política da aliança luso-britânica, primeiro no tratado de Tagilde, depois o de Westminster, a 16 de Julho de 1373 assinado entre os reis de Portugal a de Inglaterra. Henrique II invade novamente Portugal a chega a Lisboa onde entra em Fevereiro de 1373. O Cardeal Guido de Bolonha intervém como medianeiro a em Santarém foram assinadas as condições humilhantes de um novo tratado. Em 1378, com o Grande Cisma do Ocidente que opõe ao papa de Roma o papa de Avinhão, D. Fernando envolve-se em nova guerra com Castela. A Inglaterra tomou partido por Roma, a França por Avinhão. D. Fernando que oscilou entre um a outro papa, solicitado pela aliança com a Inglaterra, quebrada a paz com Castela recomeçam as escaramuças de um a outro lado da fronteira do Alentejo, sem que de ambos os lados se faça qualquer esforço para uma batalha decisiva que ninguém desejava. Em Agosto estabelecem-se negociações sem conhecimento da Inglaterra. Estas três guerras custaram a Portugal o preço de três derrotas e de três tratados de paz com cláusulas de vencido. Contudo, durante os períodos de paz, D. Fernando mostrou-se hábil com a sua política interna. São de salientar as suas medidas de fomento, como reparações de muitos castelos, a construção da nova muralha de Lisboa a do Porto, a criação do cargo de condestável, renovações de armamento, a promulgação da lei das Sesmarias, para defesa da agricultura, defesa da marinha mercante, numa série de medidas de grande alcance, o grande impulso dado à Universidade que foi transferida para Lisboa, além de outras que o revelaram como um rei de excelente visão administrativa.

nasceu por 1370. tendo morrido em Tordesilhas a 27 de Abril de 1386. conde de Gigon e Noronha. 1976 Joaquim Veríssimo Serrão. morreu naquele reino depois de 1409. 2. senhor do morgado de Pombeiro. D. Foi esta bastarda a mãe de D.ª ed. Aldonça de Vasconcelos. João I. Afonso. D. Afonso. morreu em Portugal. Afonso. esposa de D. Beatriz. João Afonso Telo de Meneses. nasceu em Coimbra no ano de 1372. mais tarde primeiro duque de Bragança. Casou em Leça do Balio. História de Portugal. sendo o consórcio declarado nulo para poder efectivar o matrimónio real. voltou a casar com D. casou com D. com D. De mulher que se ignora teve D. Iniciativas Editoriais.) Pequeno Dicionário de História de Portugal. rei de Castela. morreu de tenra idade. conde de Barcelos. nasceu em 1364. nascida em Trás-os-Montes por volta de 1350. que veio a ser. filha de Martim Afonso Telo e de D. A nova rainha fora já casada com João Lourenço da Cunha. João Afonso Telo de Meneses. Pedro. Verbo. Leonor Teles.Ficha genealógica: D. Pátria e Nação (1080-1415). não se efectivando o projecto devido à pouca idade dos nubentes. D. filho ilegítimo de Henrique II. filho de D. Fernando: 4. 3. rei de Castela. Fontes: Joel Serrão (dir. Lisboa. João. Volume I: Estado. D. Lisboa.. morreu de tenra idade. onde se instalou depois de viúva. pelo casamento. Isabel. Tiveram a seguinte descendência: 1. portanto prima de D. conde de Barcelos. Constança de Noronha. Fernando I nasceu em Lisboa a 31 de Outubro de 1345 e morreu na mesma cidade a 22 de Outubro de 1383. em Janeiro de 1372. 2. 1978 . casou em 1383 com D. nasceu por 1371.

Related Interests